Lançamento de livros. Dia 11 setembro, 19 horas, Anfiteatro A1 (Complexo 1)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Lançamento de livros. Dia 11 setembro, 19 horas, Anfiteatro A1 (Complexo 1)"

Transcrição

1 Lançamento de livros Dia 11 setembro, 19 horas, Anfiteatro A1 (Complexo 1)

2 Título: Políticas e Práticas de Formação em Grandes Empresas Autora: Alda Bernardes Editora: Porto Editora Ano de Edição: 2013 Prémio SPCE 2012 SINOPSE Políticas e Práticas de Formação em Grandes Empresas A dimensão educativa do trabalho A partir de um estudo sobre a situação da formação nas grandes empresas, esta obra visa dar um contributo para o conhecimento das políticas e práticas de formação dos trabalhadores nas organizações empresariais. Para além das ações que ocorrem em contexto formal de sala, podem observar-se situações de formação em outros contextos, e um conjunto de práticas cujo carácter educativo e formativo nem sempre é considerado. Propondo um novo olhar sobre a formação, dirige-se, essencialmente, a profissionais de recursos humanos, investigadores, professores, educadores e outros profissionais ligados à educação e formação de adultos. Esta é a obra vencedora do Prémio Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação/Porto Editora AUTORA Alda Bernardes é doutora em Educação pela Universidade de Lisboa, na área de Formação de Adultos. É mestre em Ciências do Trabalho pelo ISCTE e licenciada em Ciências da Educação pela Universidade de Lisboa. É colaboradora do Grupo de Investigação Formação de Adultos do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, onde foi também Professora Auxiliar convidada. Tem exercido a sua atividade profissional em grandes empresas, como gestora de formação e formadora.

3 Título: Cenários Educativos de Inovação na Sociedade Digital Orgs: Elizabeth Almeida; Paulo Dias, Bento Silva Editora: Loyola - São Paulo Ano de edição: 2013 Sinopse Os organizadores desta obra trazem diversos autores convidados do Brasil e de Portugal, que trabalham intensamente com o tema ao longo dos últimos 25 anos envolvendo-se com a investigação, com ações efetivas de intervenção em projetos de formação de professores e de outros educadores dos sistemas de ensino, bem como com a gestão e avaliação de projetos e de políticas públicas de integração e dinamização da utilização educacional das tecnologias de informação e comunicação nos cenários de aprendizagem. O livro tem como eixo articulador as abordagens e as perspetivas de inovação em Educação com o uso das TIC. Está organizado em dez capítulos, sendo seis de autores do Brasil e quatro de Portugal, ao longo dos quais é desenvolvida a temática da inovação em educação a partir da reflexão sobre os conceitos, os modelos e as práticas de mudança e inovação nos cenários emergentes da educação na Sociedade Digital. Organizadores Maria Elizabeth Bianconcini de Almeida - Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação: Currículo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC-SP, doutorado em Educação: Currículo por essa universidade e pós-doutorado pela Universidade do Minho, na especialidade de Tecnologia Educativa, exerceu a função de coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação: Currículo da PUC-SP, no período de 2009 a 2013, onde desenvolve atividade docente e de investigação, tendo como principais temas de interesse currículo e tecnologias, em especial as tecnologias móveis com conexão sem fio à internet, educação a distância e e-learning, inovação educativa com o uso das TIC, gestão escolar e tecnologias, políticas públicas de tecnologias na educação. Em torno desses temas coordena e participa de projetos nacionais e internacionais e faz assessorias às redes públicas de ensino do Brasil e ao Ministério da Educação. Paulo Maria Bastos da Silva Dias - Reitor da Universidade Aberta de Portugal, desde dezembro de Doutorado em Educação pela Universidade do Minho, exerceu as funções de Presidente do Instituto de Educação e Psicologia da Universidade do Minho de 2006 a Desenvolve a atividade científica no Laboratório de Educação a Distância da UAb e no Centro de Investigação em Educação da UM, tendo como principais áreas de interesse educação a distância e e-learning, inovação educativa com as tecnologias de informação e comunicação, educação e formação em rede, comunidades de aprendizagem colaborativa, no âmbito das quais coordena e participa em projetos nacionais e europeus. Bento Duarte da Silva Diretor do Departamento de Estudos Curriculares e Tecnologia Educativa do Instituto de Educação da Universidade do Minho, é doutorado em Educação, na especialidade de Tecnologia Educativa, e Professor Catedrático atuando na graduação e pós-graduação nos Cursos de Educação e de Ensino. Os seus interesses de investigação recaem na conceção, desenvolvimento e avaliação de estratégias para a integração das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na Educação, no âmbito dos quais participa em projetos nacionais e internacionais.

4 Título: Educação Infantil e PNE questões e tensões para o século XXI Orgs: Ana Lúcia Goulart de Faria; Ligia Maria Leão de Aquino Editora: Autores Associados - São Paulo/Campinas Coleção: Formação de Professores Ano de edição: 2012 Sinopse O livro Educação Infantil e PNE: questões e tensões para o século XXI apresenta uma coletânea de estudos e reflexões que explicitam desafios e tensões subjacentes ao contexto politico-educacional do novo PNE (Plano Nacional de Educação) para o decênio em tramitação no Congresso Nacional Brasileiro. Organizadoras Ana Lúcia Goulart de Faria, professora da FE- Unicamp/Brasil, tem publicações, pesquisas, orientações na área de Educação, atuando principalmente em educação infantil, sociologia da infância, infância e relações de gênero, formação docente, parque infantil, crianças pequenas e culturas infantis. Membro do Colégio Docente de Doutorado da Università degli Studi di Milano-Bicocca. Ligia Maria Leão de Aquino, professora da FE- UERJ/Brasil, tem publicações, pesquisas, orientações na área de Educação, atuando principalmente em educação infantil e formação docente. Coordenadora do Núcleo de Estudos da Infância: Pesquisa e Extensão/UERJ. Pesquisadora da FAPERJ no programa Jovem Cientista de Nosso Estado e do PROCIÊNCIA UERJ/FAPERJ.

5 Título: PREVENIR OU REMEDIAR? Contextos para a Intervenção em Psicologia Autoras: Isabel Estrela Rego; Suzana Nunes Caldeira Editora: Psiquilibrios Ano de edição: 2013 Sinopse Este livro pretende ser um contributo para intervenções no campo da educação e psicologia. Apresenta investigação realizada em dois contextos de vida que se interligam, na perspetiva da experiência humana, mas nem sempre aparecem reunidos na literatura científica contextos educativos e contextos comunitários. Autoras Isabel Estrela Rego - Professora Auxiliar na Universidade dos Açores, onde se doutorou em Psicologia da Educação. É membro integrado do CIBIO, Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, InBio Laboratório Associado, Pólo dos Açores e tem desenvolvido investigação em cognição e comportamentos ambientais, sentimento de comunidade e perceção e comunicação de risco. Suzana Nunes Caldeira - Psicóloga, doutorada em Psicologia da Educação, Professora Auxiliar da Universidade dos Açores, diretora do 1.o Ciclo de Estudos em Psicologia e investigadora no Centro de Estudos Sociais desta universidade. Está envolvida na formação inicial e pós-graduada em Psicologia e Educação, investiga na área da prevenção de comportamentos disruptivos, conflitivos e violentos, com incidência para os ambientes educativos.

6

Cenários de inovação para a educação na sociedade digital

Cenários de inovação para a educação na sociedade digital Cenários de inovação para a educação na sociedade digital Maria Elizabeth Bianconcini de Almeida Paulo Dias Bento Duarte da Silva Organizadores Cenários de inovação para a educação na sociedade digital

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação e Formação Especialização: E-learning e Formação a Distância (Regime a Distância) 14 15 Edição Instituto

Leia mais

Breve Historial do Portal CienciaPT

Breve Historial do Portal CienciaPT Breve Historial do Portal CienciaPT O Portal CienciaPT, lançado oficialmente em Novembro de 2003, durante a semana da Ciência & Tecnologia da U. de Aveiro, está presente em mais de 50 Universidades e Institutos

Leia mais

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Título do artigo: O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Área: Gestão Coordenador Pedagógico Selecionadora: Maria Paula Zurawski 16ª Edição do Prêmio Victor Civita Educador

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Doutoramento em Educação Especialização: Formação de Professores Tema: Educação Especial 16 17 Edição Instituto de Educação da

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação Especialização: Educação e Tecnologias Digitais (Regime a Distância) Edição Instituto de Educação da Universidade

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO INTRODUÇÃO REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO INTRODUÇÃO Considerando o objetivo de formação de docentes em que a atividade prática de prestação de serviços especializados é relevante à sociedade, torna-se necessário

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS OFERECIDAS NO CURSO DE PEDAGOGIA Catálogo 2012

EMENTAS DAS DISCIPLINAS OFERECIDAS NO CURSO DE PEDAGOGIA Catálogo 2012 EP107 Introdução à Pedagogia Organização do Trabalho Pedagógico Ementa: O objetivo das ciências da educação. O problema da unidade, especificidade e autonomia das ciências da educação. A educação como

Leia mais

UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA

UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA Critérios para a Avaliação Docente referente à Promoção para as categorias de PROFESSOR TITULAR, ASSOCIADO, ADJUNTO, ASSITENTE E AUXILIAR do Departamento de FISIOTERAPIA

Leia mais

CENTRO DE INVESTIGAÇÃO DE SEGURANÇA E DEFESA

CENTRO DE INVESTIGAÇÃO DE SEGURANÇA E DEFESA MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL ESTADO-MAIOR GENERAL DAS FORÇAS ARMADAS INSTITUTO DE ESTUDOS SUPERIORES MILITARES CENTRO DE INVESTIGAÇÃO DE SEGURANÇA E DEFESA FICHA DE PRODUÇÃO CIENTÍFICA INVESTIGADOR DO

Leia mais

CURSO DE PROFISSIONALIZAÇÃO EM SERVIÇO

CURSO DE PROFISSIONALIZAÇÃO EM SERVIÇO Universidade Aberta Departamento de Educação e Ensino a Distância Informações e Secretariado do Curso Dra. Nira Nunes E-mail: cps@uab.pt Os contactos e informações sobre este Curso são apenas efetuados

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Manuel Joaquim Flores Fernandes NOME

CURRICULUM VITAE. Manuel Joaquim Flores Fernandes NOME CURRICULUM VITAE NOME Manuel Joaquim Flores Fernandes Naturalidade: Rossas - Vieira do Minho Data de Nascimento: 31 de Outubro de 1969 Bilhete de Identidade Nº 8423421 - emitido em 04/07/2007 pelo Arquivo

Leia mais

Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO Formação Continuada em Ferramentas e-learning

Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO Formação Continuada em Ferramentas e-learning MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta PROJETO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 044/2015, DE 01 DE SETEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 044/2015, DE 01 DE SETEMBRO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS Conselho Superior Avenida Vicente Simões, 1111 Bairro Nova Pouso Alegre 37550-000 - Pouso Alegre/MG Fone:

Leia mais

FACULDADES DA FUNDAÇÃO DE ENSINO DE MOCOCA - FaFEM

FACULDADES DA FUNDAÇÃO DE ENSINO DE MOCOCA - FaFEM Portaria n. 017/2010. Estabelece o Regulamento do Instituto Superior de Educação - ISE. A Diretora das Faculdades da Fundação de Ensino de Mococa, no uso de suas atribuições regimentais, RESOLVE: regulamentar

Leia mais

Web curriculo e UCA: onde se cruzam as perspetivas de investigadores e formadores

Web curriculo e UCA: onde se cruzam as perspetivas de investigadores e formadores REVISTA DE ESTUDIOS E INVESTIGACIÓN EN PSICOLOGÍA Y EDUCACIÓN eissn: 2386-7418, 2015, Vol. Extr., No. 13. DOI: 10.17979/reipe.2015.0.13.576 Web curriculo e UCA: onde se cruzam as perspetivas de investigadores

Leia mais

Educação Formação Avançada

Educação Formação Avançada ISEC Instituto Superior de Educação e Ciências Educação Formação Avançada ISEC Instituto Superior de Educação e Ciências Educação Formação Avançada Unidade Científico- Pedagógica de Ciências da Educação

Leia mais

Notas Biobibliográficas

Notas Biobibliográficas Guião de educação. Género e cidadania. Notas Biobibliográficas 333 Guião de Educação. Género e Cidadania 3 ciclo 334 Lisboa, CIG, 2009 NOTAS BIOBIBLIOGRÁFICAS Ângela Rodrigues é doutorada em Ciências da

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 24/2007 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Pedagogia, na

Leia mais

Revista Projeção e Docência v. 2 n. 2 p. 04-10 set. 2011 NOTÍCIAS CAEI BRASIL 2012

Revista Projeção e Docência v. 2 n. 2 p. 04-10 set. 2011 NOTÍCIAS CAEI BRASIL 2012 v. 2 n. 2 p. 04-10 set. 2011 4 CAEI BRASIL 2012 A segunda edição do CAEI será realizada de 25 a 28 de abril de 2012, no Rio de Janeiro, Brasil. São organizadores: Organização Universitária Interamericana

Leia mais

Opções estratégicas e Programa de Ação para o Instituto de Educação (2014-2017)

Opções estratégicas e Programa de Ação para o Instituto de Educação (2014-2017) Opções estratégicas e Programa de Ação para o Instituto de Educação (2014-2017) Candidatura a Diretor de João Pedro Mendes da Ponte Lisboa Fevereiro de 2014 Índice 1. Enquadramento 2 2. Prioridades estratégicas

Leia mais

FORMAÇÃO E ASSIMILAÇÃO DE CONCEITOS CIENTÍFICOS COM ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL

FORMAÇÃO E ASSIMILAÇÃO DE CONCEITOS CIENTÍFICOS COM ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FORMAÇÃO CIENTÍFICA, EDUCACIONAL E TECNOLÓGICA LIGIANE MARCELINO WEIRICH FORMAÇÃO E ASSIMILAÇÃO

Leia mais

Tema: Capacitación profesional. 7.- El acceso y la reinserción al mercado laboral mediante el e-learning. SCHLÜNZEN, Elisa Tomoe Moriya 1

Tema: Capacitación profesional. 7.- El acceso y la reinserción al mercado laboral mediante el e-learning. SCHLÜNZEN, Elisa Tomoe Moriya 1 TelEduc: Um Ambiente Virtual na Formação de Educadores à Distância para a Potencializar a Inclusão Social, Digital e Escolar de Pessoas com Necessidades Especiais PNE s. Tema: Capacitación profesional

Leia mais

GEPAM - GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISA NA ÁREA DE MATEMÁTICA uma articulação de ensino e iniciação à pesquisa

GEPAM - GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISA NA ÁREA DE MATEMÁTICA uma articulação de ensino e iniciação à pesquisa ISSN 2177-9139 GEPAM - GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISA NA ÁREA DE MATEMÁTICA uma articulação de ensino e iniciação à pesquisa Amalia Gislaine Prates Heberle gislaine.heberle380@gmail.com Universidade Federal

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.375, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2013

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.375, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.375, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2013 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura

Leia mais

COMUNICAÇÃO. Relações Públicas: teoria, contexto e relacionamentos

COMUNICAÇÃO. Relações Públicas: teoria, contexto e relacionamentos Catálogo 2010 2011 COMUNICAÇÃO Relações Públicas: teoria, contexto e relacionamentos Destinado a profissionais, estudantes e professores das áreas de comunicação e relações públicas, o livro traz um compilado

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.102, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.102, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.102, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura

Leia mais

Títulos de Palestras, Oficinas ou Projetos Pedagógicos. Títulos de palestras para a formação continuada de professores:

Títulos de Palestras, Oficinas ou Projetos Pedagógicos. Títulos de palestras para a formação continuada de professores: Títulos de Palestras, Oficinas ou Projetos Pedagógicos Títulos de palestras para a formação continuada de professores: - O professor e a filosofia A valorização do papel do professor está intimamente ligada

Leia mais

NOTA INTRODUTÓRIA 2 1. ENQUADRAMENTO LEGAL 3

NOTA INTRODUTÓRIA 2 1. ENQUADRAMENTO LEGAL 3 ÍNDICE NOTA INTRODUTÓRIA 2 1. ENQUADRAMENTO LEGAL 3 1.1 Formação do Pessoal Docente 3 1.2 Formação do Pessoal Não Docente 4 1.3 Formação orientada para os alunos 4 1.4 Formação orientada para os pais e

Leia mais

Educação para o Trânsito - como fonte de esperança e transformação. Laís Silveira Divisão de Educação

Educação para o Trânsito - como fonte de esperança e transformação. Laís Silveira Divisão de Educação Educação para o Trânsito - como fonte de esperança e transformação Laís Silveira Divisão de Educação Educar exige a convicção de que a mudança é possível. Paulo Freire CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO EDUCAÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAIS CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 03, de

Leia mais

Licenciatura em Línguas Aplicadas

Licenciatura em Línguas Aplicadas Guia de Curso 1º Ciclo 2014-2015 Departamento de Humanidades 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Organização do curso... 3 3. Destinatários... 3 4. Condições de acesso e pré-requisitos... 3 5. Candidaturas...

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores O CURSO DE EXTENSÃO DA UNIRIO EDUCAÇÃO INFANTIL: ARTE, CORPO E NATUREZA : RELATO DE EXPERIÊNCIA.

Leia mais

TOR/SECAD/FNDE/MEC Nº 02 /2010

TOR/SECAD/FNDE/MEC Nº 02 /2010 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO - TOR/SECAD/FNDE/MEC Nº 02 /2010 1. Número e Título do

Leia mais

O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar

O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar Na classe, o trabalho dos pequenos, Jean Geoffroy, 1881. Fonte: http://www.wikigallery.org/ Coordenador ontem Até 1961 não existe a figura

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

NCE/13/00276 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/13/00276 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/13/00276 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de Ensino Superior / Entidade Instituidora: Universidade Do Minho A.1.a.

Leia mais

FACE. Formação Avançada em Ciências da Educação CATÁLOGO DE FORMAÇÃO 2015

FACE. Formação Avançada em Ciências da Educação CATÁLOGO DE FORMAÇÃO 2015 FACE Modalidades de formação: A Cursos/Oficinas acreditadas pelo Conselho Científicopedagógico da Formação Contínua (CCPFC) B Módulos de Formação A Cursos/Oficinas acreditadas pelo CCPFC Desenvolvimento

Leia mais

Apresentação da FAMA

Apresentação da FAMA Pós-Graduação Lato Sensu CURSO DE ESPECIIALIIZAÇÃO 432 horras/aulla 1 Apresentação da FAMA A FAMA nasceu como conseqüência do espírito inovador e criador que há mais de 5 anos aflorou numa família de empreendedores

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM PERIÓDICOS DA EDUCAÇÃO NA PRIMEIRA DÉCADA DESTE SÉCULO

FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM PERIÓDICOS DA EDUCAÇÃO NA PRIMEIRA DÉCADA DESTE SÉCULO Anais do XVI Encontro de Iniciação Científica e I Encontro de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação da Puc-Campinas 27 e 28 de setembro de 2011 ISSN 1982 0178 FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM PERIÓDICOS

Leia mais

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL Nome PEREIRA, LUCÍLIA DOS SANTOS NUNES Morada 301, ORTIGOSA, EDIFÍCIO OÁSIS, 5100-076, LAMEGO, PORTUGAL Telefone 254 688 476 Telemóvel 963 481 872

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE CAMPINAS OESTE Rua Candido Mota, 186 Fundação Casa Popular Campinas-SP

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE CAMPINAS OESTE Rua Candido Mota, 186 Fundação Casa Popular Campinas-SP SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE CAMPINAS OESTE Rua Candido Mota, 186 Fundação Casa Popular Campinas-SP 1. Identificação da Unidade Escolar PLANO DE GESTÃO (QUADRIÊNIO 2015-2018)

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação Especialização: História da Educação (Regime a Distância) Edição Instituto de Educação da Universidade de

Leia mais

NCE/15/00099 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/15/00099 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/15/00099 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de Ensino Superior / Entidade Instituidora: Instituto Politécnico De Setúbal

Leia mais

I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015

I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015 I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015 A GESTÃO ESCOLAR E O POTENCIAL DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO

Leia mais

Plano de Atividades. Ano letivo 2011 / 2012

Plano de Atividades. Ano letivo 2011 / 2012 Plano de Atividades Ano letivo 2011 / 2012 Plano de Atividades de Informática @ 2011-2012 Plano de Atividades Pretende-se com este plano promover o uso efetivo das tecnologias de informação e comunicação

Leia mais

RESOLUÇÃO CEPE/CA N 0245/2009

RESOLUÇÃO CEPE/CA N 0245/2009 RESOLUÇÃO CEPE/CA N 0245/2009 Estabelece o Projeto Pedagógico do curso de Primeira Licenciatura em Pedagogia integrante do Programa Emergencial de Formação de Professores em exercício na Educação Básica

Leia mais

A PRÁTICA INVESTIGATIVA NO CURSO DE PEDAGOGIA: AVANÇOS E DESAFIOS A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO NO CONTEXTO ATUAL

A PRÁTICA INVESTIGATIVA NO CURSO DE PEDAGOGIA: AVANÇOS E DESAFIOS A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO NO CONTEXTO ATUAL A PRÁTICA INVESTIGATIVA NO CURSO DE PEDAGOGIA: AVANÇOS E DESAFIOS Ana Lúcia Cunha Duarte UCB duart_ana@hotmail.com Resumo: A prática investigativa desenvolvida no curso de Pedagogia do Centro de Educação,

Leia mais

AIMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO CONTINUADA COLABORATIVA ENTRE PROFESSORES QUE ATUAM COM PESSOAS COM AUTISMO.

AIMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO CONTINUADA COLABORATIVA ENTRE PROFESSORES QUE ATUAM COM PESSOAS COM AUTISMO. AIMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO CONTINUADA COLABORATIVA ENTRE PROFESSORES QUE ATUAM COM PESSOAS COM AUTISMO. CARVALHO, Tereza Cristina de Secretaria Municipal de Educação Município de Araçatuba/SP. Resumo:Partindo

Leia mais

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO.

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO. INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO. Grupo PET Administração Universidade Federal de Lavras UFLA Resumo Os jovens formam o conjunto

Leia mais

Painel de Avaliação Concurso Partilha e Divulgação de Experiências de Inovação Didática no Ensino Superior Português

Painel de Avaliação Concurso Partilha e Divulgação de Experiências de Inovação Didática no Ensino Superior Português Painel de Avaliação de Inovação Didática no Ensino Superior Português António Manuel de Brito Ferrari Almeida é Professor Catedrático do Departamento de Electrónica, Telecomunicações e Informática desde

Leia mais

A INCLUSÃO DE ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NUMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA: DA TEORIA À PRÁTICA

A INCLUSÃO DE ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NUMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA: DA TEORIA À PRÁTICA A INCLUSÃO DE ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NUMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA: DA TEORIA À PRÁTICA Paloma Cristina Gadens de Almeida UNICENTRO, CAPES palomagadens@gmail.com

Leia mais

PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO. Prof. Msc Milene Silva

PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO. Prof. Msc Milene Silva PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO Prof. Msc Milene Silva Conteúdo: Concepções Pedagógicas Conceitos de Educação; Pedagogia; Abordagens Pedagógicas: psicomotora, construtivista, desenvolvimentista e críticas. Função

Leia mais

Lisboa Porto. Planeamento e Gestão da Formação. Pós Graduação EDIÇÕES 2013

Lisboa Porto. Planeamento e Gestão da Formação. Pós Graduação EDIÇÕES 2013 Pós Graduação Planeamento e Gestão da Formação EDIÇÕES 2013 Lisboa Porto Rua Manuel Pacheco Miranda, 29 D 4200 804 Porto Telefone: 225 091 225 email: info@e comenius.com Planeamento e Gestão da Formação

Leia mais

Sinopse do Seminário Desporto Escolar na Europa

Sinopse do Seminário Desporto Escolar na Europa Sinopse do Seminário Desporto Escolar na Europa Descrição do evento Por ocasião da reunião da Direção da Associação Europeia de Educação Física (EUPEA) organizada pela Sociedade Portuguesa de Educação

Leia mais

Com o apoio de. Programação e Gestão Cultural Formação Avançada

Com o apoio de. Programação e Gestão Cultural Formação Avançada Com o apoio de Programação e Gestão Cultural EAB Escola de Estudos Avançados das Beiras Programação Instalações da EAB, Edifício Expobeiras, Parque Industrial de Coimbrões, Viseu Contacto Ana Henriques

Leia mais

CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA: A IMPLANTAÇÃO E A GESTÃO NA MODALIDADE A DISTÃNCIA. Araras, maio de 2011.

CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA: A IMPLANTAÇÃO E A GESTÃO NA MODALIDADE A DISTÃNCIA. Araras, maio de 2011. 1 CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA: A IMPLANTAÇÃO E A GESTÃO NA MODALIDADE A DISTÃNCIA Araras, maio de 2011. Fernando da Silva Pereira Centro Universitário Hermínio Ometto UNIARARAS SP fernandosilper@uniararas.br

Leia mais

REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DE MINISTROS DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR DA COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA (CPLP)

REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DE MINISTROS DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR DA COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA (CPLP) REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DE MINISTROS DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR DA COMUNIDADE DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA (CPLP) Lisboa, 29 de Agosto de 2009 DECLARAÇÃO FINAL Os Ministros responsáveis

Leia mais

JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL

JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL CURRICULUM VITAE JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL ÍNDICE Identificação... 3 Habilitações literárias... 4 Experiência profissional... 5 Experiência académica..... 7 Outras actividades... 13 Diversos... 15 2

Leia mais

(Des)Enlace entre cidadãos e sistemas sociais: em torno dos laços sociais na intervenção dos assistentes sociais.

(Des)Enlace entre cidadãos e sistemas sociais: em torno dos laços sociais na intervenção dos assistentes sociais. 2013 1ª Conferência 20 de Março, das 14:30 às 17:00 h Cidadania em tempos de crise: Implicações para a intervenção educativa, social e comunitária Isabel Menezes. Professora Associada com Agregação da

Leia mais

Educação Física e Desporto Escolar ÍNDICE 1. OBJECTIVOS...2 2. PROGRAMA...3 3. PARTICIPANTES...7 4. ORÇAMENTO...9 5. CONCLUSÕES...

Educação Física e Desporto Escolar ÍNDICE 1. OBJECTIVOS...2 2. PROGRAMA...3 3. PARTICIPANTES...7 4. ORÇAMENTO...9 5. CONCLUSÕES... DIRECÇÃO REGIONAL DA EDUCAÇÃO FÍSICA E DESPORTO RELATÓRIO Região Autónoma dos Açores Secretaria Regional da Educação e Cultura Direcção Regional da Educação Física e Desporto SEMINÁRIO Educação Física

Leia mais

REGULAMENTO DE PESQUISA

REGULAMENTO DE PESQUISA 1 REGULAMENTO DE PESQUISA Embu das Artes - SP 2015 2 SUMÁRIO DAS CONSIDERAÇÕES GERAIS 2 DA CARACTERIZAÇÃO DA PESQUISA UNIVERSITÁRIA 2 DA ORGANIZAÇÃO 3 DAS ATRIBUIÇÕES 3 DA AVALIAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DAS

Leia mais

Plano de Ação da Orientação Educacional. 01- Introdução

Plano de Ação da Orientação Educacional. 01- Introdução Plano de Ação da Orientação Educacional 01- Introdução O contexto desafiante da atual sociedade brasileira, demanda progressivamente uma educação de qualidade. Tarefa de tal magnitude, exige uma concentrada

Leia mais

Estação RORHES Escola de Saúde Pública RS 2011-2014

Estação RORHES Escola de Saúde Pública RS 2011-2014 Estação RORHES Escola de Saúde Pública RS 2011-2014 Coordenadora Marta Conte Psicanalista, Pos Doutora pela FIOCRUZ Coordenadora do Eixo da Pesquisa e Membro do Comitê de Ética da Escola de Saúde Pública

Leia mais

A formação profissional em Ciência da Informação em Portugal: desafios e perspectivas

A formação profissional em Ciência da Informação em Portugal: desafios e perspectivas A formação profissional em Ciência da Informação em Portugal: desafios e perspectivas Fernanda Ribeiro Doutora em Ciências Documentais pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Diretora da Faculdade

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL)

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) TÍTULO 1 Da Instituição e seus Fins Art. 1 0 O Centro de Estudos em Educação e Linguagem (CEEL), criado em 2004, para integrar uma

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica. Gestão democrática. Maria Madselva Ferreira Feiges Consultora Técnica do MEC

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica. Gestão democrática. Maria Madselva Ferreira Feiges Consultora Técnica do MEC Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Gestão democrática Maria Madselva Ferreira Feiges Consultora Técnica do MEC Só a participação cidadã é capaz de mudar o país (Betinho) A educação é

Leia mais

WONCA IBEROAMERICANA CIMF

WONCA IBEROAMERICANA CIMF WONCA IBEROAMERICANA CIMF III CÚPULA IBERO AMERICANA DE MEDICINA FAMILIAR FORTALEZA, BRASIL 29 e 30 de abril de 2008 CARTA DE FORTALEZA No ano em que se comemora o 30º Aniversário da Declaração de Alma

Leia mais

Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto

Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto Pós- Graduação em Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto Inteligência Competitiva I Prof. Luís Madureira Pretende- se nesta Unidade Curricular esclarecer o que é a inteligência competitiva,

Leia mais

Curriculum vitae (resumido)

Curriculum vitae (resumido) Curriculum vitae (resumido) 1. Dados pessoais Maria da Encarnação dos Mártires da Silva Morada institucional: Escola Superior de Educação de Lisboa Campus de Benfica do IPL 1549-003 Lisboa Portugal Tel:

Leia mais

Mestrado em Gerontologia Social

Mestrado em Gerontologia Social Mestrado em Gerontologia Social Apresentação O Programa de Mestrado em Gerontologia Social do Instituto Superior Bissaya Barreto (ISBB), com estrutura curricular e plano de estudos constantes do Despacho

Leia mais

1ª Oficina - 2013 Curso 4

1ª Oficina - 2013 Curso 4 1ª Oficina - 2013 Curso 4 1ª Oficina - 2013 Curso 4 Bem-vindo ao curso de formação de Professores do Programa Um Computador por Aluno PROUCA Iniciamos o nosso curso de formação desenvolvendo a 1ª Oficina

Leia mais

GESTÃO EDUCACIONAL E TECNOLOGIA

GESTÃO EDUCACIONAL E TECNOLOGIA www.uniube.brpropepmestradorevista GESTÃO EDUCACIONAL E TECNOLOGIA SILVA, Eduardo Alex Carvalho Ribeiroi Lívia Rodrigues Acadêmico do Curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas do Centro Federal

Leia mais

Lisboa Coimbra Porto. Planeamento e Gestão da Formação. Pós Graduação EDIÇÕES 2014

Lisboa Coimbra Porto. Planeamento e Gestão da Formação. Pós Graduação EDIÇÕES 2014 Pós Graduação Planeamento e Gestão da Formação EDIÇÕES 2014 Lisboa Coimbra Porto Rua Manuel Pacheco Miranda, 29 D 4200 804 Porto Telefone: 225 091 225 927 602 198 email: info@e comenius.com Planeamento

Leia mais

Juventude e música: a produção nos cursos de pós-graduação brasileiros 1

Juventude e música: a produção nos cursos de pós-graduação brasileiros 1 Juventude e música: a produção nos cursos de pós-graduação brasileiros 1 Thenille Braun Janzen Universidade Federal de Uberlândia Resumo: O presente relato de experiência pretende destacar os resultados

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 6 semestres. Prof. Tiago Bahia Losso 37219508

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 6 semestres. Prof. Tiago Bahia Losso 37219508 Habilitação: Bacharelado e Licenciatura em Ciências Sociais Documentação: Objetivo: Titulação: Diplomado em: Curso reconhecido pelo Decreto Federal 811, de 02/01/1978, publicado no Diário Oficial da União

Leia mais

OS SABERES NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE MATEMÁTICA. Cleber Luiz da Cunha 1, Tereza de Jesus Ferreira Scheide 2

OS SABERES NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE MATEMÁTICA. Cleber Luiz da Cunha 1, Tereza de Jesus Ferreira Scheide 2 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 1029 OS SABERES NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE MATEMÁTICA Cleber Luiz da Cunha 1, Tereza de Jesus Ferreira Scheide 2

Leia mais

MUNICÍPIO DE BOM PRINCÍPIO Estado do Rio Grande do Sul

MUNICÍPIO DE BOM PRINCÍPIO Estado do Rio Grande do Sul ANEXO III DESCRIÇÃO DAS FUNÇÕES GRATIFICADAS DO MAGISTÉRIO CARGO: COORDENADOR DO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO DA EDUCAÇÃO INFANTIL Coordenar as atividades específicas da área, participando do planejamento e

Leia mais

PALESTRANTES. Conferência de abertura: O Plano Nacional de Educação, regime de colaboração e os desafios para a gestão educacional.

PALESTRANTES. Conferência de abertura: O Plano Nacional de Educação, regime de colaboração e os desafios para a gestão educacional. PALESTRANTES Conferência de abertura: O Plano Nacional de Educação, regime de colaboração e os desafios para a gestão educacional Conferencista:Raimundo Luís Araújo UNB/USP/Assessor Parlamentar Possui

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae Europass-Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido (s) / Nome (s) próprio (s) Pronto, Joana Morada (s) Nº 2 R/C D T O, Praceta S. Lazaro, 227-2000 Santarém Nº 5 1º D T O, Rua Actor Epifânio, 1750 -Lisboa

Leia mais

REGULAMENTO OPERACIONAL DA DIRETORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO

REGULAMENTO OPERACIONAL DA DIRETORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO 1 REGULAMENTO OPERACIONAL DA DIRETORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO Art.1º A Diretoria de Ensino de Graduação (DEG) é órgão da Pró-Reitoria Acadêmica, do Centro Universitário de Maringá.

Leia mais

ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO. RSC I RSC II RSC III Data de ingresso no Ifes: Nº de documentos de comprovação:

ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO. RSC I RSC II RSC III Data de ingresso no Ifes: Nº de documentos de comprovação: ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO Nome do Servidor: SIAPE: Lotação: Email: Telefone: Graduação: Titulação: Nível de RSC pretendido (marque com x o perfil pretendido) RSC I RSC

Leia mais

O CONHECIMENTO HISTÓRICO EDUCATIVO NA FORMAÇÃO DO PEDAGOGO. A disciplina História da Educação: lugar do conhecimento histórico educativo

O CONHECIMENTO HISTÓRICO EDUCATIVO NA FORMAÇÃO DO PEDAGOGO. A disciplina História da Educação: lugar do conhecimento histórico educativo O CONHECIMENTO HISTÓRICO EDUCATIVO NA FORMAÇÃO DO PEDAGOGO Bruno Gonçalves Borges Décio Gatti Júnior Mestrando em Educação UFU Docente Faculdade de Educação UFU brunogoncalvesborges@hotmail.com degatti@ufu.br

Leia mais

Externato Marista de Lisboa Gabinete de Psicologia 2014/2015

Externato Marista de Lisboa Gabinete de Psicologia 2014/2015 1 PLANO DE INTERVENÇÃO DO GABINETE DE PSICOLOGIA ANO LETIVO Psicólogas do Externato Pré-Escolar Dra. Irene Lopes Cardoso 1º Ciclo - (1º e 2º anos) Dra. Irene Lopes Cardoso (3º e 4º anos) Dra. Manuela Pires

Leia mais

Denise Fernandes CARETTA Prefeitura Municipal de Taubaté Denise RAMOS Colégio COTET

Denise Fernandes CARETTA Prefeitura Municipal de Taubaté Denise RAMOS Colégio COTET O DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM INFANTIL NAS PERSPECTIVAS SÓCIO-HISTÓRICA, ANTROPOLÓGICA E PEDAGÓGICA: UM ESTUDO DO REFERENCIAL CURRICULAR NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL Denise Fernandes CARETTA Prefeitura

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO ENSINO A DISTÂNCIA (EAD) DE PEDAGOGIA (LICENCIATURA) 1. COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO A leitura como vínculo leitor/texto, através da subjetividade contextual, de atividades de

Leia mais

PPC. Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC METODOLOGIA PARA O ENSINO DE LINGUA PORTUGUESA. Parte 1 (solicitante)

PPC. Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC METODOLOGIA PARA O ENSINO DE LINGUA PORTUGUESA. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE ENSINO CENTRO DE REFENCIA EM FORMAÇÃO E APOIO

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL. Campus Regional de Ivaiporã. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

SERVIÇO SOCIAL. Campus Regional de Ivaiporã. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos SERVIÇO SOCIAL Campus Regional de Ivaiporã 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Serviço Social PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 7 anos 2. HISTÓRICO DO CURSO

Leia mais

Formação de Professores de uma Rede Municipal de Educação para o uso de TIC

Formação de Professores de uma Rede Municipal de Educação para o uso de TIC 1 Formação de Professores de uma Rede Municipal de Educação para o uso de TIC Criciúma/SC Maio/2014 Evânio Ramos Nicoleit - Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC) ern@unesc,net Leila Laís Gonçalves

Leia mais

Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário

Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário Letras Licenciatura Português-Inglês Ementário Componentes Curriculares CH Ementa Avaliação do Processo de Ensino- Aprendizagem Cultura Clássica Didática (40 horas de estágio supervisionado) Educação de

Leia mais

NCE/10/01836 Relatório final da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/10/01836 Relatório final da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/10/01836 Relatório final da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Fedrave - Fundação Para O Estudo E

Leia mais

Ciência na Educação Básica

Ciência na Educação Básica Ciência na Educação Básica Maria Beatriz Ramos de Vasconcellos Coelho Coordenadora Geral de Tecnologias da Educação Secretaria de Educação Básica O que está na Constituição O Brasil é uma República Federativa

Leia mais

PPC. Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC METODOLOGIA PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA. Parte 1 (solicitante)

PPC. Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC METODOLOGIA PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE ENSINO CENTRO DE REFENCIA EM FORMAÇÃO E APOIO

Leia mais

A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA

A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA Maria Cleonice Soares (Aluna da Graduação UERN) 1 Kátia Dayana de Avelino Azevedo (Aluna da Graduação UERN) 2 Silvia

Leia mais

fórum internacional de educação

fórum internacional de educação º fórum internacional de educação região metropolitana de campinas Neuci Lobo Costa da Silva e Eliete Rodrigues 02 e 03 de setembro de 2010 UNICAMP, Campinas SP - Brasil promoção CÂMARA TEMÁTICA DE EDUCAÇÃO

Leia mais

Iniciando nossa conversa

Iniciando nossa conversa MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL Garantindo acesso e permanência de todos os alunos na escola Necessidades educacionais especiais dos alunos Iniciando nossa conversa Brasília 2005

Leia mais

ZILENE MACEDO DOS SANTOS A RELAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGOGICO ENTRE O PROFESSOR NO ENSINO APRENDIZAGEM

ZILENE MACEDO DOS SANTOS A RELAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGOGICO ENTRE O PROFESSOR NO ENSINO APRENDIZAGEM UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA NACIONAL ESCOLA DE GESTORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA CECOP 2 ZILENE MACEDO DOS SANTOS A

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Psicologia 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular PSICOLOGIA

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Doutoramento em Educação Especialização: Administração e Política Educacional Edição Instituto de Educação da Universidade de

Leia mais

O Curso de Graduação em Ciências da Religião nas Faculdades Integradas Claretianas em São Paulo

O Curso de Graduação em Ciências da Religião nas Faculdades Integradas Claretianas em São Paulo O Curso de Graduação em Ciências da Religião nas Faculdades Integradas Claretianas em São Paulo Entrevista a Moacir Nunes de Oliveira * [mnoliveira pucsp.br] Em 1999, as Faculdades Integradas Claretianas

Leia mais