2.3. PHP Tipos de dados e operadores

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2.3. PHP Tipos de dados e operadores"

Transcrição

1 Programação para Internet II 2.3. PHP Tipos de dados e operadores Nuno Miguel Gil Fonseca

2 Tipos de dados Embora não seja necessário declarar os tipos de dados das variáveis, estas estão associadas a um determinado tipo. Existem em PHP os seguintes tipos: Strings ola, o, bom dia como estás Integers Números inteiros de a Floats Números que possuam parte decimal: 2.58, Booleans true ou false Arrays Objects Resources - Imagens, resultado de uma query de SQL, etc. (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 2

3 Tipos de dados (cont.) Uma mesma variável pode assumir diferentes tipos, consoante o tipo dos dados que lhe estão associados $var = "teste"; print $var; $var = 2; print ($var+2); (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 3

4 Tipos de dados (cont.) As Strings em PHP têm a característica especial de se poder aceder directamente a um determinado caracter da String. (a posição inicial é 0.) $mystr = "ola?"; $mystr{0} = "O"; // ou $mystr[0] = "O"; print $mystr; (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 4

5 Tipos de dados (cont.) Conversão automática de tipo Como já foi referido, as variáveis em PHP não estão sempre associadas a um tipo de dados único. Deste modo, o PHP tentará converter o tipo das variáveis sempre que necessário e possível... Por vezes ocorrem erros, como por exemplo, converter de Array para String dentro de um print... Embora o PHP trate de fazer as devidas conversões de tipos, é possível fazer conversões explicitas de tipo de dados $str = "bomdia"; $int = (integer) $str; Outras opções de conversão: (bool), (string), (float) (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 5

6 Tipos de dados (cont.) Scope das variáveis Cada variável em PHP é valida numa determinada área. É possível ter variáveis diferentes com o mesmo nome, desde que em áreas disjuntas Todas as variáveis que não são colocadas dentro de uma função ou objecto, são consideradas globais Superglobals Existem determinadas variáveis que estão disponíveis em qualquer ponto dos nosso scripts Estas variáveis são Arrays que contêm determinados conjuntos especiais de informação (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 6

7 Tipos de dados (cont.) Superglobals (cont.) $GLOBALS Contém informação sobre todas as variáveis globais em uso no nosso script $_GET Contém informação sobre todas as variáveis enviadas por GET $_POST Contém informação sobre todas as variáveis enviadas por POST $_FILES Contém informação sobre todas as variáveis enviadas por POST relacionadas com upload de ficheiros $_COOKIE Contém informação sobre todas as variáveis com o comportamento de Cookies (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 7

8 Tipos de dados (cont.) Superglobals (cont.) $_REQUEST Contém a mesma informação que $_GET, $_POST e $_COOKIES todas juntas $_SESSION Contém informação sobre todas as variáveis armazenadas na sessão do utilizador $_SERVER Contém informação sobre algumas variáveis do servidor $_ENV Contém informação sobre as variáveis de ambiente (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 8

9 Tipos de dados (cont.) Superglobals (cont.) Alguns exemplos das variáveis de servidor HTTP_REFERER HTTP_USER_AGENT REQUEST_METHOD QUERY_STRING Estas variáveis podem ser acedidas da seguinte forma: print($_server["http_referer"]); Importa referir que as variáveis disponíveis variam em função do browser usado pelo utilizador e do software de servidor em que o PHP está a correr (Apache!= IIS) Em pode consultar a lista completa de variáveis. (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 9

10 Referências Quando se usa o operador = em PHP é criada uma cópia do valor a ser atribuído à variável... $a = 1; $b = $a; Caso queiramos copiar a referência para o valor em vez do valor em si, deve ser usado o operador =& $a = 1; $b = &$a; (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 10

11 Em determinadas situações, podemos ter a necessidade de verificar se determinada variável tem algum valor atribuído, para tal, recorre-se à função isset() $var; if (!isset($var)) { echo "Var não tem valor\n"; } (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 11

12 Por vezes é necessário verificar se determinada variável possui algum valor atribuído, para além de alguns valores por defeito (,0, 0,NULL,FALSE, arrays vazios, variáveis criadas mas sem valor atribuído). Nestas situações pode recorrer-se à função empty(). $var=""; if (empty($var)) { echo "Var não tem valor\n"; } (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 12

13 A função empty poderá ser muito útil, por exemplo para verificar se foi ou não escrito algo num campo de formulário, por exemplo. Tenha atenção que apesar da semelhança, a função isset não permite fazer o mesmo que a função empty e vice-versa. (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 13

14 Constantes Para definir uma constante recorre-se à função define() Para aceder ao valor de uma constante, basta referenciar o nome da constante Contrariamente do que acontece com as variáveis, o nome das constantes não começam por $ define("current_time", time()); print CURRENT_TIME; (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 14

15 Constantes (cont.) Para saber se já foi atribuído um valor a uma constante, recorre-se ao método defined() if (defined("current_time")) { /// código a ser executado } (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 15

16 Operadores Os operadores permitem alterar o valor de um determinado input + soma - subtracção / divisão * multiplicação. concatenação de Strings! negação ++,-- incremento, decremento = atribuição && E lógico OU lógico (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 16

17 Operadores (cont.) Por vezes queremos que uma variável fique com o valor da aplicação de um operador sobre essa variável += o mesmo que : $var = $var + x; $var += x; -= o mesmo que : $var = $var x; $var -= x; *= o mesmo que : $var = $var * x; $var *= x; /= o mesmo que : $var = $var / x; $var /= x;.= o mesmo que : $var = $var. "uma string"; $var.= " "; (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 17

18 Operadores (cont.) Para fazer comparações, podemos recorrer aos operadores: == igual > maior >= maior ou igual < menor <= menor ou igual!= diferente === idêntico (para além de ser igual, tem que ser do mesmo tipo)!== não idêntico (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 18

19 Operadores (cont.) O operador ternário $fase = ($idade < 16)? "criança" : "adulto";...é o mesmo que: if ($idade < 16) { $fase = "criança"; } else { $fase = "adulto"; } (c) Nuno Miguel Gil Fonseca - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital - Programação para a Internet II 19

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo:

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo: Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA COMBA DÃO CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS 2012-2015 PROGRAMAÇÃO E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MÓDULO 2 Mecanismos de Controlo de

Leia mais

APOSTILA PHP PARTE 1

APOSTILA PHP PARTE 1 APOSTILA PHP PARTE 1 1. Introdução O que é PHP? PHP significa: PHP Hypertext Preprocessor. Realmente, o produto foi originalmente chamado de Personal Home Page Tools ; mas como se expandiu em escopo, um

Leia mais

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi Introdução ao PHP Prof. Késsia Marchi PHP Originalmente PHP era um assíncrono para Personal Home Page. De acordo com convenções para atribuições de nomes recursivas do GNU foi alterado para PHP Hypertext

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1 SUMÁRIO Criar sites dinâmicos em PHP --------------------------------------------------------

Leia mais

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Programação para a Internet II 2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Cookies Uma cookie mais não é do que um ficheiro que é criado por determinado site

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE INFORMÁTICA GRUPO PET - COMPUTAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE INFORMÁTICA GRUPO PET - COMPUTAÇÃO PHP UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE INFORMÁTICA GRUPO PET - COMPUTAÇÃO PHP UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE INFORMÁTICA GRUPO PET - COMPUTAÇÃO Autores: André

Leia mais

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1 Linguagem de Programação Introdução ao PHP 1 O que é PHP? - significa: Hypertext Preprocessor - uma das linguagens mais utilizadas para web - transforma sites estáticos em dinâmicos - atualização de páginas

Leia mais

Faculdade União. Professor Luciano Roberto Rocha

Faculdade União. Professor Luciano Roberto Rocha Faculdade União PHPPRÁTICO Professor Luciano Roberto Rocha Arquitetura de Softwares Principais modelos de aplicações: Standalone Cliente-servidor Arquitetura baseada na Web Modelo standalone Todos os recursos

Leia mais

Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II

Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II Prof. Moser Fagundes Curso Técnico em Informática (Modalidade Integrada) Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) Campus Charqueadas Revisão de PHP

Leia mais

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia Instituto Federal do Sertão-PE Curso de PHP Professor: Felipe Correia Conteúdo Parte I Parte II Introdução Funções de strings Instalação Constantes Sintaxe Operadores Variáveis if else elseif Echo/Print

Leia mais

PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1. estrutura do curso e conceitos fundamentais. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com

PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1. estrutura do curso e conceitos fundamentais. professor Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com PROGRAMAÇÃO WEB AULA 1 estrutura do curso e conceitos fundamentais professor Luciano Roberto Rocha www.lrocha.com 1 Conteúdo programático Conceitos; Ambientes de Programação em Script; Tópicos na Linguagem

Leia mais

PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor.

PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor. PHP 101 O que é o PHP? PHP é um acrónimo para Hypertext Preprocessor. É uma linguagem de scripting open-source que funciona do lado do servidor e é usada para gerar páginas web dinâmicas. Os scripts de

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí Curso de PHP FATEC - Jundiaí Cookies Cookies são arquivos texto que podem ser armazenados no computador or do usuário, para serem recuperados posteriormente pelo servidor no qual seu site está hospedado.

Leia mais

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas O que é PHP? Acrônimo de PHP: Hipertext Language PostProcessor Inicialmente escrita para o desenvolvimento de aplicações Web Facilidade para iniciantes e recursos poderosos para programadores profissionais

Leia mais

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC INTRODUÇÃO À LINGUAGEM PHP CESAR BEZERRA TEIXEIRA,MSC O presente texto não tem a pretensão de ser uma referência na linguagem PHP, a intenção é apresentar uma breve introdução a esta tecnologia e despertar

Leia mais

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I 1 O PHP e a World Wide Web... XXXIII 1.1 Introdução... XXXIII 1.2 Breve apresentação do PHP... 1 1.3 Acesso a documentos na web... 1 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 2 1.5 PHP, o que é?... 4 1.6

Leia mais

2 echo "PHP e outros.";

2 echo PHP e outros.; PHP (Hypertext Preprocessor) Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que é o PHP: O PHP(Hypertext Preprocessor) é uma linguagem interpretada gratuita, usada originalmente apenas para o desenvolvimento

Leia mais

1 O PHP E A WORLD WIDE WEB

1 O PHP E A WORLD WIDE WEB 1 O PHP E A WORLD WIDE WEB... 1 1.1 Introdução... 1 1.2 Breve apresentação do PHP... 2 1.3 Acesso a documentos na Web... 2 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 3 1.5 PHP o que é?... 5 1.6 O PHP e

Leia mais

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos MÓDULO VII Acesso a Bases de Dados via Web Duração: 50 tempos Conteúdos (1) Conceitos

Leia mais

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I 1 O PHP e a World Wide Web... 1 1.1 Introdução... 1 1.2 Breve apresentação do PHP... 2 1.3 Acesso a documentos na web... 3 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 4 1.5 PHP, o que é?... 6 1.6 O PHP e

Leia mais

QUESTÕES DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PHP. 1) Assinale a alternativa que representa tipos de variáveis escalares em PHP:

QUESTÕES DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PHP. 1) Assinale a alternativa que representa tipos de variáveis escalares em PHP: QUESTÕES DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PHP 1) Assinale a alternativa que representa tipos de variáveis escalares em PHP: a) Boolean, NULL e Array b) Integer, Float e String c) Float, String e Object d) String,

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS 1 de 6 PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS BURITREINAMENTOS MANAUS-AM NOVEMBRO / 2014 2 de 6 PACOTES DE TREINAMENTOS BURITECH A Buritech desenvolveu um grupo de pacotes de treinamentos, aqui chamados de BuriPacks,

Leia mais

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática Folha 1-1 Introdução à Linguagem de Programação JAVA 1 Usando o editor do ambiente de desenvolvimento JBUILDER pretende-se construir e executar o programa abaixo. class Primeiro { public static void main(string[]

Leia mais

Programação para Internet I

Programação para Internet I Programação para Internet I Aula 6 PHP: Include, Require, Variáveis de ambiente Prof. Teresinha Letícia da Silva leticiasfw@yahoo.com.br Inclusão de arquivos com Include e Require no PHP Uma técnica muito

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP

Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP Desenvolvimento de Aplicativos Web em PHP Todos os direitos reservados para Alfamídia Prow. AVISO DE RESPONSABILIDADE As informações contidas neste material de treinamento são distribuídas NO ESTADO EM

Leia mais

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Programação Web com PHP Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Agenda O que é PHP? O que da pra fazer com PHP? Como a web funciona? Onde, quando e por que

Leia mais

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] )

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] ) Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa Segurança em Sistemas Web Addson A. Costa Spoofing de formulários Spoofing consiste em falsificação, por exemplo, na área de redes um computador pode roubar o IP de outro e assim fazer-se passar por ele.

Leia mais

Programação WEB II. Introdução. Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Introdução. Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores. Thiago Miranda dos Santos Souza Introdução Variáveis, Constantes, Operadores, Estruturas de Seleção e Repetição Arrays e Vetores Apresentação Thiago Miranda Email: mirandathiago@gmail.com Site: www.thiagomiranda.net Ementa da Disciplina

Leia mais

Capítulo 1 Introdução... 15. A quem se destina... 17. Convenções utilizadas... 18. Evolução do PHP... 19. Capítulo 2 Sintaxe do PHP...

Capítulo 1 Introdução... 15. A quem se destina... 17. Convenções utilizadas... 18. Evolução do PHP... 19. Capítulo 2 Sintaxe do PHP... Conteúdo do Manual Capítulo 1 Introdução... 15 Objectivos do manual...17 A quem se destina... 17 Versão do PHP utilizada... 18 Convenções utilizadas... 18 Evolução do PHP... 19 PHP/FI... 19 PHP/FI 2.0...

Leia mais

Bruno Jurkovski Lucas Fialho Zawacki. Site do curso: www.inf.ufrgs.br/pet/cursos/ruby

Bruno Jurkovski Lucas Fialho Zawacki. Site do curso: www.inf.ufrgs.br/pet/cursos/ruby Bruno Jurkovski Lucas Fialho Zawacki Site do curso: www.inf.ufrgs.br/pet/cursos/ruby Por que Ruby? Sintaxe limpa e intuitiva: Por que Ruby? Fortemente orientada à objetos Note que não temos os tipos primitivos,

Leia mais

e à Linguagem de Programação Python

e à Linguagem de Programação Python Introdução a Algoritmos, Computação Algébrica e à Linguagem de Programação Python Curso de Números Inteiros e Criptografia Prof. Luis Menasché Schechter Departamento de Ciência da Computação UFRJ Agosto

Leia mais

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I 1 O PHP e a World Wide Web... 1 1.1 Introdução... 1 1.2 Breve apresentação do PHP... 1 1.3 Acesso a documentos na web... 2 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 3 1.5 PHP, o que é?... 6 1.6 O PHP e

Leia mais

Algoritmos em Javascript

Algoritmos em Javascript Algoritmos em Javascript Sumário Algoritmos 1 O que é um programa? 1 Entrada e Saída de Dados 3 Programando 4 O que é necessário para programar 4 em JavaScript? Variáveis 5 Tipos de Variáveis 6 Arrays

Leia mais

APOSTILA PHP. Parte 2

APOSTILA PHP. Parte 2 APOSTILA PHP Parte 2 7. Funções Definindo funções A sintaxe básica para definir uma função é: function nome_da_função([arg1, arg2, arg3]) { Comandos;... ; [return ]; Qualquer código PHP

Leia mais

3 Classes e instanciação de objectos (em Java)

3 Classes e instanciação de objectos (em Java) 3 Classes e instanciação de objectos (em Java) Suponhamos que queremos criar uma classe que especifique a estrutura e o comportamento de objectos do tipo Contador. As instâncias da classe Contador devem

Leia mais

JSP - ORIENTADO A OBJETOS

JSP - ORIENTADO A OBJETOS JSP Orientação a Objetos... 2 CLASSE:... 2 MÉTODOS:... 2 Método de Retorno... 2 Método de Execução... 2 Tipos de Dados... 3 Boolean... 3 Float... 3 Integer... 4 String... 4 Array... 4 Primeira:... 4 Segunda:...

Leia mais

Ficha prática nº 7. SGBD Microsoft Access e SQL Server

Ficha prática nº 7. SGBD Microsoft Access e SQL Server Instituto Superior Politécnico de Viseu Escola Superior de Tecnologia Departamento de Informática Ficha prática nº 7 SGBD Microsoft Access e SQL Server Objectivo: Criação de uma aplicação em arquitectura

Leia mais

Panorâmica geral sobre PHP. PHP é uma linguagem que permite fazer. um ficheiro em PHP contem código PHP misturado com HTML.

Panorâmica geral sobre PHP. PHP é uma linguagem que permite fazer. um ficheiro em PHP contem código PHP misturado com HTML. Panorâmica geral sobre PHP PHP é uma linguagem que permite fazer páginas dinâmicas. um ficheiro em PHP contem código PHP misturado com HTML. em vez de PHP podíamos utilizar outra linguagem qualquer desde

Leia mais

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe Unidade IV Introdução à Linguagem PHP Parte 1 Professor Fabiano de Paula Soldati fpsoldati@yahoo.com.br http://br.groups.yahoo.com/group/professorsoldati/ Conteúdo Linguagem Estática x Dinâmica O que é

Leia mais

Segurança da Informação:

Segurança da Informação: Segurança da Informação: Tratando dados em PHP Objetivo: O objetivo desta palestra é demonstrar os riscos inerentes de se trabalhar com informações externas à aplicações desenvolvidas em PHP, como o descuido

Leia mais

APOSTILA DE PHP. Assuntos a serem abordados:

APOSTILA DE PHP. Assuntos a serem abordados: APOSTILA DE PHP 1ª AULA Assuntos a serem abordados: Conceito de PHP Conceito de Server Side Conceitos de Client Side Conceitos Servidor Web Conceito básico de Banco de Dados Funcionamento Ferramentas Utilizadas

Leia mais

Conteúdo Programático de PHP

Conteúdo Programático de PHP Conteúdo Programático de PHP 1 Por que PHP? No mercado atual existem diversas tecnologias especializadas na integração de banco de dados com a WEB, sendo o PHP a linguagem que mais se desenvolve, tendo

Leia mais

Criando e consumindo Web service REST com PHP e JSON. Palestrante: Weiberlan Garcia

Criando e consumindo Web service REST com PHP e JSON. Palestrante: Weiberlan Garcia Criando e consumindo Web service REST com PHP e JSON Palestrante: Weiberlan Garcia Weiberlan Garcia Consultor de Software Livre, trabalha na empresa Ambiente Livre Tecnologia. Desempenha funções de análise,

Leia mais

Estruturas de Controlo... 25. While... 26. For... 26. Include... 26. Array... 27. Listas... 27. Popularização das Bases de Dados...

Estruturas de Controlo... 25. While... 26. For... 26. Include... 26. Array... 27. Listas... 27. Popularização das Bases de Dados... Manual de PHP Índice O que é PHP?... 4 Objectivo... 6 Justificativa... 7 Lógica de Programação... 8 Sequência Lógica... 9 PHP História... 10 PHP & MySql... 11 Comunicação Cliente x Servidor... 12 Delimitando

Leia mais

Introdução à linguagem

Introdução à linguagem A Tecnologia Java 1 Introdução à linguagem Origens do JAVA Projecto Green, programação para a electrónica de Consumo (Dezembro 1990): Pouca memória disponível Processadores fracos Arquitecturas muito diferentes

Leia mais

Introdução à Linguagem

Introdução à Linguagem Introdução à Linguagem Curso de Nivelamento do PPGMNE Janeiro / 2011 Juliano J. Scremin jjscremin@jjscremin.t5.com.br Um pouco de história Um pouco de história: Nascimento do Python Um pouco de história:

Leia mais

Faculdade de Ciências Universidade Agostinho Neto Departamento de Matemática e Engenharia Geográfica Ciências da Computação

Faculdade de Ciências Universidade Agostinho Neto Departamento de Matemática e Engenharia Geográfica Ciências da Computação FaculdadedeCiências UniversidadeAgostinhoNeto DepartamentodeMatemáticaeEngenhariaGeográfica CiênciasdaComputação ProgramaçãoII SegundaParte Adaptado de um original dos docentes de ISCTE Objectivos Os alunos

Leia mais

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec Guia de Consulta Rápida PHP com XML Juliano Niederauer Terceira Edição Novatec Copyright 2002 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida

Leia mais

Heitor Costa Oliveira Gabriel Brozinga Zandonadi Vivian dos Reis Moreira

Heitor Costa Oliveira Gabriel Brozinga Zandonadi Vivian dos Reis Moreira Universidade Federal do Espírito Santo Departamento de Informática Linguagens de Programação Heitor Costa Oliveira Gabriel Brozinga Zandonadi Vivian dos Reis Moreira Histórico Criada em 1995 por Rasmus

Leia mais

PHP com MySQL Enviada por: José Henrique Monteiro De Almeida

PHP com MySQL Enviada por: José Henrique Monteiro De Almeida PHP com MySQL Enviada por: José Henrique Monteiro De Almeida 1 Sumário 1. INTRODUÇÃO AO PHP... 4 1.1. O QUE É PHP?... 4 1.2. COMO SURGIU A LINGUAGEM PHP?... 4 1.3. CARACTERÍSTICAS DA LINGUAGEM PHP... 5

Leia mais

Algoritmia e Programação APROG. Linguagem JAVA. Básico. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31

Algoritmia e Programação APROG. Linguagem JAVA. Básico. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31 APROG Algoritmia e Programação Linguagem JAVA Básico Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31 Linguagem Java Estrutura de um Programa Geral Básica Estruturas de Dados Variáveis Constantes Tipos de Dados

Leia mais

Conceitos de Linguagens de Programação

Conceitos de Linguagens de Programação Conceitos de Linguagens de Programação Aula 07 Nomes, Vinculações, Escopos e Tipos de Dados Edirlei Soares de Lima Introdução Linguagens de programação imperativas são abstrações

Leia mais

TEORIA BÁSICA SOBRE LINGUAGEM PHP

TEORIA BÁSICA SOBRE LINGUAGEM PHP PHP - Introdução Vantagens do Uso do PHP O php é uma linguagem de programação para ambiente web ou seja com ela, você pode desenvolver aplicações que possam ser acessadas via browser (netscape,internet

Leia mais

Linguagens de programação

Linguagens de programação Prof. André Backes Linguagens de programação Linguagem de Máquina Computador entende apenas pulsos elétricos Presença ou não de pulso 1 ou 0 Tudo no computador deve ser descrito em termos de 1 s ou 0 s

Leia mais

PEDRO REMOALDO O GUIA PRÁTICO DO DREAMWEAVER 8 COM PHP, MYSQL E APACHE

PEDRO REMOALDO O GUIA PRÁTICO DO DREAMWEAVER 8 COM PHP, MYSQL E APACHE PEDRO REMOALDO O GUIA PRÁTICO DO DREAMWEAVER 8 COM PHP, MYSQL E APACHE Portugal/2006 Reservados todos os direitos por Centro Atlântico, Lda. Qualquer reprodução, incluindo fotocópia, só pode ser feita

Leia mais

Programação para a Internet II 2.13. PHP AJAX. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt

Programação para a Internet II 2.13. PHP AJAX. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Programação para a Internet II 2.13. PHP AJAX Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Ajax não é uma tecnologia! É um conceito! Consiste no uso do objecto XMLHttpRequest que se encontra implementado

Leia mais

OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE

OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE OPERADORES E ESTRUTURAS DE CONTROLE 3.1 Operadores Os operadores indicam o tipo de operação matemática que será executada gerando novos valores a partir de um ou mais operadores. São muito utilizados em

Leia mais

O que é o Javascript?

O que é o Javascript? O que é o Javascript? JavaScript é uma linguagem para criação de Home-Pages. Funções escritas em JavaScript podem ser embutidas dentro de seu documento HTML. Com JavaScript você tem muitas possibilidades

Leia mais

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP Programação WEB Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida Aula III Introdução PHP Introdução PHP PHP=Hypertext Pre-Processor Linguagem de script open

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir Linguagem PHP Cookie e Sessão @wre2008 1 Sumário Header; Cookie; Sessão; Exemplos. @wre2008 2 Header Esta função permite que um script php redirecione para outra página.

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem PHP @wre2008 1 Sumário PHP: Tipos de dados; Manipulação de dados; Utilizando formulário. @wre2008 2 Tipos de dados As variáveis são declaradas no momento de sua

Leia mais

Procalc v1.0. Versão Programador

Procalc v1.0. Versão Programador Procalc v1.0 Versão Programador Conteúdo Procalc... 4 Primeiros botões... 5 Funções Básicas... 6 Como funciona... 7 Funções avançadas... 8 Logaritmo... 8 Logaritmo Natural... 9 Expoente... 10 Factorial...

Leia mais

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Treinamento em PHP Aula 1 Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Introdução PHP Hypertext Preprocessor Nome original era Personal Home Page Tools Criada por Rasmus Lerdorf e atualmente mantida

Leia mais

O que é o JavaScript?

O que é o JavaScript? JavaScript Introdução O JavaScript é utilizado por milhões de páginas na web para melhorar o design, validar forms, e muito mais O JavaScript foi inicialmente desenvolvido pela Netscape e é a linguagem

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 O que é o PHP?... 19. Capítulo 2 Instalação do PHP... 23. Capítulo 3 Noções básicas de programação... 25

Sumário. Capítulo 1 O que é o PHP?... 19. Capítulo 2 Instalação do PHP... 23. Capítulo 3 Noções básicas de programação... 25 9 Sobre o autor... 8 Introdução... 15 Capítulo 1 O que é o PHP?... 19 Características do PHP...20 Gratuito e com código aberto...20 Embutido no HTML...20 Baseado no servidor...21 Bancos de dados...22 Portabilidade...22

Leia mais

7. Recursos PHP para a Internet

7. Recursos PHP para a Internet 7. Recursos PHP para a Internet Protocolo HTTP. Na aula passada vimos um script simples de autenticação de usuários. Neste script foi usado o tag META para passar uma URL ao servidor web. A linguagem PHP

Leia mais

Curso de Programação Web com PHP Aula 01

Curso de Programação Web com PHP Aula 01 Curso de Programação Web com PHP Aula 01 Igor Rafael igor at dcc.ufmg.br 4 de fevereiro de 2013 Pré-requisitos Ambiente PHP Apache+PHP+MySQL - XAMPP Versões: Linux, OS X, Windows Instruções de instalação

Leia mais

PHP para quem conhece PHP Recursos avançados para a criação de Websites dinâmicos. Juliano Niederauer

PHP para quem conhece PHP Recursos avançados para a criação de Websites dinâmicos. Juliano Niederauer PHP para quem conhece PHP Recursos avançados para a criação de Websites dinâmicos Juliano Niederauer 19 Capítulo 1 Revisão de PHP Este é um livro que aborda tópicos avançados da linguagem PHP (www.php.net).

Leia mais

Módulo 06 Desenho de Classes

Módulo 06 Desenho de Classes Módulo 06 Desenho de Classes Última Atualização: 13/06/2010 1 Objetivos Definir os conceitos de herança, polimorfismo, sobrecarga (overloading), sobreescrita(overriding) e invocação virtual de métodos.

Leia mais

Visão geral. Para Programadores. ( Componentes) V 1. 0

Visão geral. Para Programadores. ( Componentes) V 1. 0 Visão geral Para Programadores ( Componentes) V 1. 0 Índice Índice...iii Índice de Figuras... v Índice de Tabelas... vii 1 O Joomla para programadores... 9 1.1 Desenvolvendo componentes para o Joomla...

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

Orientação a Objetos. Conceitos Iniciais Introdução a Linguagem Java. Gil Eduardo de Andrade

Orientação a Objetos. Conceitos Iniciais Introdução a Linguagem Java. Gil Eduardo de Andrade Orientação a Objetos Conceitos Iniciais Introdução a Linguagem Java Gil Eduardo de Andrade Conceitos: Orientação a Objeto Introdução Abordagem típica no desenvolvimento de sistemas complexos; Consiste

Leia mais

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10 1. TIPOS DE DADOS... 3 1.1 DEFINIÇÃO DE DADOS... 3 1.2 - DEFINIÇÃO DE VARIÁVEIS... 3 1.3 - VARIÁVEIS EM C... 3 1.3.1. NOME DAS VARIÁVEIS... 3 1.3.2 - TIPOS BÁSICOS... 3 1.3.3 DECLARAÇÃO DE VARIÁVEIS...

Leia mais

Linguagem C Tipos de Dados. void; escalares; sizeof Vectores; strings em C Estruturas Introdução ao pré-processador

Linguagem C Tipos de Dados. void; escalares; sizeof Vectores; strings em C Estruturas Introdução ao pré-processador Linguagem C Tipos de Dados void; escalares; sizeof Vectores; strings em C Estruturas Introdução ao pré-processador Funções void void pode ser usado em lugar de um tipo, para indicar a ausência de valor

Leia mais

Algoritmos e Programação Conceitos e Estruturas básicas (Variáveis, constantes, tipos de dados)

Algoritmos e Programação Conceitos e Estruturas básicas (Variáveis, constantes, tipos de dados) Algoritmos e Programação Conceitos e Estruturas básicas (Variáveis, constantes, tipos de dados) Os algoritmos são descritos em uma linguagem chamada pseudocódigo. Este nome é uma alusão à posterior implementação

Leia mais

Keeper of Knowledge. Capítulo 1 Conceitos Básicos do Java

Keeper of Knowledge. Capítulo 1 Conceitos Básicos do Java Capítulo 1 Conceitos Básicos do Java INTRODUÇÃO O objectivo deste tutorial é ensinar as regras básicas de programação em Java e facilitar a aprendizagem dos capítulos que se seguem. Qualquer dúvida sobre

Leia mais

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax permite construir aplicações Web mais interativas, responsivas, e fáceis de usar que aplicações Web tradicionais. Numa aplicação Web tradicional quando se prime

Leia mais

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Objectivos: Criar as tabelas da base de dados Editora Criar o diagrama da base de dados Editora Inserir registos com os dados de teste Criar as tabelas da base

Leia mais

UNIVERSO. Curso: Análise de Sistemas DISCIPLINA: Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486. Versão 4.0. 6º período

UNIVERSO. Curso: Análise de Sistemas DISCIPLINA: Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486. Versão 4.0. 6º período UNIVERSO UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA Curso: Análise de Sistemas DISCIPLINA: Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 Versão 4.0 6º período Prof. Marcos Vinícius Celeste Dalamura dalamura@gmail.com

Leia mais

O que é uma sessão. maneira de preservar dados através de acessos subsequentes.

O que é uma sessão. maneira de preservar dados através de acessos subsequentes. Sessões em PHP O que é uma sessão Suporte a sessões no PHP: maneira de preservar dados através de acessos subsequentes. Características: permite a criação de aplicações mais personalizadas; permite que

Leia mais

Tutorial da linguagem PHP

Tutorial da linguagem PHP Tutorial da linguagem PHP Índice ÍNDICE...1 1. INTRODUÇÃO...4 O QUE É PHP?...4 O QUE PODE SER FEITO COM PHP?...4 COMO SURGIU A LINGUAGEM PHP?...4 2. SINTAXE BÁSICA...6 DELIMITANDO O CÓDIGO PHP...6 SEPARADOR

Leia mais

Programação WEB II. Formulários Em PHP. Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Formulários Em PHP. Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza Formulários Em PHP Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Objetivos Entender o funcionamento

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br Desenvolvimento de Aplicações Web Programação Contextualização de aplicações Web: navegadores e servidores como interpretadores, tecnologias do lado do cliente (XHTML, CSS, Javascript) e do lado do servidor

Leia mais

Fundamentos de Programação II. Introdução à linguagem de programação C++

Fundamentos de Programação II. Introdução à linguagem de programação C++ Fundamentos de Programação II Introdução à linguagem de programação C++ Prof. Rafael Henrique D. Zottesso Material cedido por Prof. Msc. Everton Fernando Baro Agenda IDE HelloWorld Variáveis Operadores

Leia mais

PHP: CONCEITOS ESSENCIAIS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE APLICAÇÕES WEB

PHP: CONCEITOS ESSENCIAIS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE APLICAÇÕES WEB PHP: CONCEITOS ESSENCIAIS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE APLICAÇÕES WEB Leonardo L. Alves A, Fabricio R. Bittencout B FUNCESI Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira FATEC Faculdade Itabirana de Desenvolvimento

Leia mais

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados)

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) André Tavares da Silva andre.silva@udesc.br Seções Basicamente, as seções são métodos que preservam determinados dados ativos enquanto o navegador do cliente estiver

Leia mais

Programação para Internet I. 1. Servidores web. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt

Programação para Internet I. 1. Servidores web. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Programação para Internet I 1. Servidores web Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Quando pretendemos aceder a uma página web, utilizamos um browser, independentemente da plataforma de hardware/software,

Leia mais

Programação para a Internet II. 2.11. PHP i18n. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt

Programação para a Internet II. 2.11. PHP i18n. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Programação para a Internet II 2.11. PHP i18n Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Internacionalização Hoje em dia é cada vez mais usual desenvolver aplicações que suportem várias línguas

Leia mais

ASP Active Server Pages

ASP Active Server Pages ASP Active Server Pages Curso básico CURSO MASTER Pagina 1 INTRODUÇÃO A Internet é um conjunto de redes de computadores interligados pelo mundo inteiro, onde um misto de protocolos e serviços permitem

Leia mais

Oficina de Programação em Python direcionada para o desenvolvimento de jogos

Oficina de Programação em Python direcionada para o desenvolvimento de jogos Oficina de Programação em Python direcionada para o desenvolvimento de jogos Adriano Alvez da Cruz adriano.cruz1101@gmail.com Diego de Faria do Nascimento df.nascimento93@gmail.com Programa de Educação

Leia mais

2 Orientação a objetos na prática

2 Orientação a objetos na prática 2 Orientação a objetos na prática Aula 04 Sumário Capítulo 1 Introdução e conceitos básicos 1.4 Orientação a Objetos 1.4.1 Classe 1.4.2 Objetos 1.4.3 Métodos e atributos 1.4.4 Encapsulamento 1.4.5 Métodos

Leia mais

CAPITULO 3 VARIÁVEIS DO TIPO ARRAY

CAPITULO 3 VARIÁVEIS DO TIPO ARRAY CAPITULO 3 VARIÁVEIS DO TIPO ARRAY Um array é um tipo de variável que armazena vários valores de uma só vez, mudando apenas o seu índice (ou chave associativa). É através deste índice que identificamos

Leia mais

ASP. Autor: Nicleverson Silva

ASP. Autor: Nicleverson Silva ASP Autor: Nicleverson Silva ASP Active Server Pages Curso básico CURSO MASTER Pagina 1 INTRODUÇÃO A Internet é um conjunto de redes de computadores interligados pelo mundo inteiro, onde um misto de protocolos

Leia mais

Aplicações de Escritório Electrónico

Aplicações de Escritório Electrónico Universidade de Aveiro Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda Curso de Especialização Tecnológica em Práticas Administrativas e Tradução Aplicações de Escritório Electrónico Folha de trabalho

Leia mais