Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva"

Transcrição

1 I - Estudos Psicofônicos sobre a Doutrina dos Espíritos - Introdução e Desconstrução da Matriz Fundante Católica Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva Resumo: Neste primeiro estudo, o espírito João, orientador do NEPE, explica sobre objetivos e metodologia das reuniões de pesquisa e estudo. Responde algumas questões sobre o tema. O espírito Pedro inicia seus estudos por meio da desconstrução de alguns paradigmas da matriz fundante católica ou do cristianismo tradicional. Estuda, especificamente, as questões da salvação e da justificação pela fé, substituídos pelos paradigmas da evolução e da justificação pelas obras. Palavras chaves: matriz fundante católica, cristianismo tradicional, salvação, Soterologia, justificação pela fé, evolução, justificação pelas obras, fora da igreja não há salvação. Introdução: João (Mentor do Grupo) Que a paz do Mestre Jesus possa neste momento repousar em vossos corações suavizando vossos sentimentos e inspirando-vos para receber a luz do mais alto. Como sempre, é uma alegria imensa estar com vocês hoje, no começo de uma nova oportunidade de crescimento. Peço desculpas porque tão grande é vossa expectativa que me sinto pequeno na capacidade de poder satisfazê-los. Mesmo assim, estamos aqui toda uma equipe espiritual para oferecer os nossos conhecimentos e os nossos sentimentos benfazejos para cada um de vocês. Como coordenador deste grupo, tenho algumas considerações para fazer. Eu, João, continuarei a coordenar esta nova atividade. O médium vagarosamente poderá se habituar com esta forma de comunicação, psicofonia intuitiva, já conhecida de vocês. Marlon apresentará um estudo específico e técnico sobre a mediunidade, para não somente esclarecer vossas dúvidas como também para orientar vosso desenvolvimento mediúnico, por meio de exercícios, como também o do próprio médium. Pedro, que trabalhará especificamente a Doutrina Espírita e seus princípios. Continuarei por minha vez, sempre elucidando e enfatizando mais o Evangelho, os sentimentos e suas consequentes ações. Quanto à metodologia, o Grupo deve decidir qual a melhor. O que sugerimos é que deve haver realmente um preparo diário, no mínimo no dia da reunião, para que todos possam manter-se na melhor vibração possível se ligando a bons sentimentos e pensamentos; evitando sofrer raiva, estresse, brigar, guardar ressentimentos, para que o clima da reunião possa ser o mais harmonioso possível. É importante também um pequeno preparo que antecede a reunião. Evitar chegar na hora exata, buscando chegar, no mínimo, cinco minutos antes para fazer uma prece e sintonizar ao mais alto. Na reunião devemos iniciar com uma pequena preparação, seja prece ou uma pequena leitura de uma página evangélica, trazida por alguns dos membros, uma leitura salutar que algum participante tenha feito durante a semana. 1

2 Não é bom deixar todas as questões para o momento do estudo. Elas podem ser elaboradas em casa e trazerem por escrito, pois assim poderemos preparar melhor as questões e trazê-las com uma abordagem mais profunda. Como os estudos serão gravados poderão revê-los e questionarem sobre eles. É importante que não fiquem dúvidas. Outro detalhe importante: estes são os espíritos que o médium tem mais afinidade. Existem outros espíritos que estão aguardando médiuns que tenham mais afinidade. P1- Gostaríamos que nos esclarecesse melhor a questão da metodologia a ser adotada para estes estudos. R1 - As perguntas podem ser feitas no mesmo dia do estudo. O que sugerimos é que os temas devem ser estudados em casa, com mais profundidade, porque podem surgir outras dúvidas, porém o diálogo, para nós, é muito importante. Outra questão é sobre a metodologia de comunicação, sobre a reprodução dos estudos. Realmente é muito cedo para se pensar nisso, estes estudos serão bons para vocês, para este grupo, para o crescimento de cada um. Se, posteriormente, verificarem que estes conhecimentos foram úteis e bons para cada um de vocês, poderemos pensar em reproduzi-los e divulgá-los para outras pessoas. Mas façamos de cada um de nós um laboratório onde estes conhecimentos serão experimentados, e se os resultados forem positivos, então pensaremos em divulgá-los; não antes. P2- Qual a sua opinião a respeito de convidar outros indivíduos espíritas para participar dos estudos? R2 - Devemos ser muito criteriosos quanto a estes convites, para que estes indivíduos não quebrem o clima harmônico da reunião. Não devemos convidar, por exemplo, irmãos que não conhecem a Doutrina Espírita, que não saibam fazer uso da palavra, tomando demasiadamente o tempo, não permitindo que as outras pessoas perguntem ou irmãos cujo ego e a vaidade própria, sejam tão grandes que denigram todo trabalho que não seja deles próprios, porque poderão trazer discórdia. Devemos buscar principalmente a sinceridade daquele que quer participar, se ele é sincero no sentido de querer crescer, aprender e progredir, se está aberto a novas experiências, a novos conhecimentos. Este sim pode ser convidado sem nenhum problema. Quanto a isso deixo a cargo de vocês. P5- O espírito Pedro que estará trabalhando conosco nestes estudos tem alguma ligação com alguma instituição espírita específica? R5 - Kardec deixou tão claro na escala espírita, que cada espírito é uma individualidade e encontra-se em patamar de evolução próprio, ou seja, existem espíritos muitos evoluídos, como Mestre Jesus, mas existem também aqueles menos evoluídos, abaixo de vocês. Marlon, Pedro e eu somos espíritos em certos graus de desenvolvimento diferenciado. Eu passei por certo desenvolvimento intelectual e hoje me esforço em trabalhar os sentimentos. Marlon é um espírito que estuda e conhece mais os temas relativos a mediunidade e Pedro é um conhecedor da Doutrina dos Espíritos e tem o objetivo de contextualizá-la no mundo físico, como tal, tem conhecimento dos escritos de várias instituições, porque esta renovação ou contextualização é feita em vários pontos do planeta, por vários médiuns. Nós não nos restringiremos a apenas um ponto de vista, mas a vários, buscando uma visão mais ampla, uma visão pluridimensional em relação aos estudos. 2

3 Estudo: (Espírito Pedro) NEPE Núcleo Estudos e Pesquisa de Espiritismo Iniciando os nossos estudos, gostaria de trabalhar um conceito importante, que vocês devem pesquisar e debater: a matriz fundante católica ou do cristianismo tradicional. Este ainda é o paradigma moral desta época. Quero propor para as suas análises, o novo paradigma proposto pela Doutrina Espírita. A palavra matriz é muito significante, ela vem do latim mater = mãe, significa a origem dos nossos conhecimentos; fundante vem de fundação, de base, muito ligada então a matriz, e católica foi a forma que se institucionalizou o cristianismo primitivo no ocidente, a partir do ano 300 d.c., quando foram acrescentando-se conceitos que durariam mais de dois mil anos. Importante observar o seguinte: fomos católicos durante várias reencarnações. Os espíritos que codificaram a Doutrina Espírita foram católicos quando encarnados, os iniciadores do Espiritismo no Brasil encarnados também eram, antes de se tornarem espíritas. Os mentores Emmanuel, de Francisco Xavier e Joana d Ángelis de Divaldo Franco, eram católicos em suas últimas reencarnações. Matriz também significa, em matemática, uma grandeza de várias dimensões. Têm-se matrizes bidimensional, tridimensional, de várias dimensões que representam. Em nossa analogia, cada dimensão representa um conceito, que influencia o pensamento e o comportamento, seja no movimento espírita ou na sociedade. A primeira grandeza dessa matriz que gostaria de analisar é a questão soterológica. Esta dimensão da matriz é relevante para o entendimento da vida e do seu sentido. A igreja católica e depois as doutrinas protestantes são soterológicas. A palavra Soterologia σωτήριος [Soterios], que significa "salvação". Doutrinas soterológicas são doutrinas salvacionistas e estas vêm de uma proposição mais antiga que o cristianismo, vem do judaísmo, da doutrina do pecado original, que é aquela doutrina que afirma que todos somos pecadores, ou seja, não importa o que você é, o que faz, se é homem ou mulher, bom ou ruim, é um pecador originalmente. Segundo esta doutrina todos somos pecadores, por culpa de alguém que pecou lá atrás, no início da Criação. Essa doutrina está enraizada no cristianismo tradicional. Para seus adeptos, Cristo veio para salvá-los. A função de Jesus é salvá-los do pecado original, isto é, ele é o Salvador. Esta crença muito influencia na vida deles, e está tão arraigado em nossa cultura, que existe mesmo dentro daqueles que participam do movimento espírita. Dentro daqueles que não entenderam a essência renovadora do conhecimento espírita, mas apenas a letra. Qual é o paradigma da doutrina espírita? Será que acreditamos que temos o pecado original? O paradigma novo da doutrina espírita chama-se de lei Evolução. Não é mais uma doutrina soterológica, não afirma que temos o pecado original, apenas éramos ignorantes e simples no início de nossa caminhada evolutiva. Quando pensamos em termos do paradigma da evolução, não há mais a necessidade de ser salvo, de salvação. Meditem e tragam para mim na próxima reunião o quão é importante superar essa ideia de pecado original, de necessidade de salvação e como é importante a ideia de evolução, o que isso muda em nossa vida. A segunda grandeza da matriz fundante católica que permanece ainda no movimento espírita, porque os espíritas egressos do catolicismo e de outras religiões do cristianismo tradicional não conseguiram compreender, ainda, a Doutrina Espírita, 3

4 como deveria ser, é o que chamamos justificação pela fé. Os irmãos protestantes, aliás, se aprofundaram muito mais nisso que os irmãos católicos. Eles pensam que apenas a fé é suficiente. Mas a fé compreendida como apenas crença não justifica nada. A fé é o primeiro passo para a justificação. Para o Espiritismo a justificação é pelas obras. Justifica-se pelas obras porque nas obras é manifestada a fé, o pensamento, vontade, razão e sentimento, tudo se consolida no ato. Estude no Evangelho Segundo Espiritismo, o capitulo da fé remove montanhas e o da Fora da caridade não há salvação. Caridade é a prática do amor. Por isso a justificação do espírita não é ter fé no Espiritismo, mas a justificação espírita é pelas obras, pela caridade e pelo amor que ele consegue espargir. Vejam o problema da linguagem e ranço da matriz fundante católica, no texto da codificação espírita. Vejam o título do capítulo Fora da caridade não há salvação. Afirmei anteriormente que a Doutrina Espírita não é salvacionista, mas é evolutiva, ou seja, seria segundo o novo paradigma do Espiritismo afirmar: sem caridade não há evolução. Temos que entender o horizonte cultural da época para entendermos porque Kardec intitulou assim o capítulo do Evangelho. Na época era muito forte o ditado da igreja, como até hoje ainda é: fora da Igreja não há salvação. Então Kardec quis enfatizar que não era na Igreja que estava a salvação, mas na caridade. Temos que entender para quem Kardec escrevia, seu público. Ele escrevia para as pessoas de sua época, todos inseridos no paradigma do cristianismo tradicional, pois o novo paradigma espírita estava sendo construído. Hoje podemos entender claramente que fora da caridade, ou seja, amor sem ação, não há evolução. P1 (G.A.B): Esta colocação Fora da caridade não há salvação é de Jesus ou de Kardec? R1 - De Kardec. Ele cunhou a expressão porque na época havia o forte entendimento de todos que: fora da Igreja não havia salvação, então Kardec usa o método discursivo, que é chamado método da refutação, para explicar que a salvação não estaria na Igreja, mas sim na caridade e ele mesmo explica. Hoje, estou dizendo a necessidade de irmos além das palavras e buscar o espírito delas, porque as palavras passam, mas seu espírito permanece. P2 - Para contextualizar a Doutrina não temos que contextualizar a linguagem, as palavras? R2 - Sim, mas não adulterando Kardec, porque alterar as obras dele seria adulteração e sua teoria está correta. O que devemos é elucidar sua obra, mostrando-as de uma forma que hoje seja compreendida. Então devemos reler a Doutrina Espírita e adequá-la de forma que os indivíduos reencarnados hoje possam entendê-las melhor. P3 - Como se relaciona a fé racional com os sentimentos? R3. Há uma dificuldade da relação da fé com razão, exatamente neste sentido, porque enquanto a fé é sentimento, a razão não o é. Enquanto a razão tem que saber as causas, as consequências, fazer análises, sínteses, discorrer, a fé não necessita nada disso. É por isso que na história da humanidade a fé se desvinculou da razão e a fé sem razão se tornou fanática e cega, a razão sem fé se tornou fria e insensível. O que Kardec propõe é a fé raciocinada, é fé e todo o seu sentimento. A fé é esperança, é amor, é otimismo, consolo e um tanto de outros sentimentos nobres, mas tudo isso precisa estar ligada à razão, porque senão corremos o risco de matarmos a fé. É preciso 4

5 então que a orientação da fé venha pela razão. Este é o casamento mais difícil de fazer, porém necessário, o casamento da razão com os sentimentos. 5

13-03-2011 - A DOUTRINA ESPÍRITA - IV PARTE

13-03-2011 - A DOUTRINA ESPÍRITA - IV PARTE 13-03-2011 - A DOUTRINA ESPÍRITA - IV PARTE - Filosofia e Ética. Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão: Filipe Alex da Silva Resumo: Trata-se do quarto estudo de uma série

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Vida em Sociedade Palestrante: Regina de Agostini Rio de Janeiro 05/02/1999 Organizadores da palestra: Moderador: "Brab" (nick: [Moderador])

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia.

11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia. 11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia. Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva Resumo: Trata-se de uma contextualização sobre os médiuns curadores.

Leia mais

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 A SALVAÇÃO É A PRÓPRIA PESSOA DE JESUS CRISTO! VOCÊ SABE QUAL É O ENDEREÇO DE JESUS! MAS ISSO É SUFICIENTE? Conhecer o endereço de Jesus, não lhe garantirá

Leia mais

Vimos rápidamente!!!

Vimos rápidamente!!! , O DEGRÁU PARA ADOTARMOS A CULTURA DA FELICIDADE Alkíndar de Oliveira Em nosso atual estágio evolutivo é mais fácil adotarmos a CULTURA DO SOFRIMENTO TENHAMOS COMO PRINCÍPIO DE VIDA NÃO FAZERMOS PARTE

Leia mais

ESTUDO 1 - ESTE É JESUS

ESTUDO 1 - ESTE É JESUS 11. Já vimos que Jesus Cristo desceu do céu, habitou entre nós, sofreu, morreu, ressuscitou e foi para a presença de Deus. Leia João 17:13 e responda: Onde está Jesus Cristo agora? Lembremo-nos que: Jesus

Leia mais

1. Fatos Espíritas através dos Tempos... 11 2. Kardec e a Codifi cação... 21 3. O Que o Espiritismo Prega... 29 4. Diferenças Fundamentais...

1. Fatos Espíritas através dos Tempos... 11 2. Kardec e a Codifi cação... 21 3. O Que o Espiritismo Prega... 29 4. Diferenças Fundamentais... CAMPINAS-SP 2003 Sumário A Doutrina 1. Fatos Espíritas através dos Tempos...11 O anúncio de uma nova era...12 Em Hydesville, o primórdio...13 O neo-espiritualismo...17 2. Kardec e a Codificação...21 Primeiras

Leia mais

Compartilhando a Sua Fé

Compartilhando a Sua Fé Livrinho 2 Pàgina 4 Lição Um Compartilhando a Sua Fé O Propósito desta Lição Agora que você descobriu a alegria de pecados perdoados e de uma nova vida em Cristo, sem dúvida quer que os seus familiares

Leia mais

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. PRIMEIRA LEI ESPIRITUAL: O AMOR DE DEUS TEXTO: João 3:16 Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. Jo 3:16 1 Qual

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: O Centro Espírita. Palestrante: Carlos Alberto. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: O Centro Espírita. Palestrante: Carlos Alberto. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Centro Espírita Palestrante: Carlos Alberto Rio de Janeiro 04/04/2003 Organizadores da Palestra: Moderador: "_Alves_"

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo 4ª Semana Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo I- CONECTAR: Inicie o encontro com dinâmicas que possam ajudar as pessoas a se conhecer e se descontrair para o tempo que terão juntas. Quando

Leia mais

UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO)

UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO) Frutos-3 Impact0 LIÇÃO 1 VIVENDO A VIDA COM DEUS UNIDADE 1: A ARMADURA DE DEUS O CAPACETE DA SALVAÇÃO (MENSAGEM DA SALVAÇÃO) 9-11 Anos CONCEITO CHAVE O primeiro passo para se ganhar a batalha é escolher

Leia mais

O Perdão. Cristiane Bicca

O Perdão. Cristiane Bicca O Perdão Cristiane Bicca Todos nós buscamos a felicidade. Mas que felicidade é essa que quanto mais se procura mais distante fica? Para que realmente a encontremos é necessário conhecermos a nós mesmos

Leia mais

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento Lição 11 Batismo nas águas Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e

Leia mais

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA CONVIVER COM OS HUMANOS APRIMORADOS? http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=voce-esta-preparado-conviver-humanosaprimorados&id=010850090828 Redação do

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO Texto: Apocalipse 22:1-2 Então o anjo me mostrou o rio da água da vida que, claro como cristal, fluía do trono de Deus e do Cordeiro, no meio da RUA principal da cidade. De

Leia mais

PREFÁCIO DA SÉRIE. estar centrado na Bíblia; glorificar a Cristo; ter aplicação relevante; ser lido com facilidade.

PREFÁCIO DA SÉRIE. estar centrado na Bíblia; glorificar a Cristo; ter aplicação relevante; ser lido com facilidade. PREFÁCIO DA SÉRIE Cada volume da série A Palavra de Deus para Você o transporta ao âmago de um livro da Bíblia e aplica as verdades nele contidas ao seu coração. Os objetivos principais de cada título

Leia mais

Doutrina Espírita ESDE

Doutrina Espírita ESDE Federação Espírita Brasileira Orientação ao Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita ESDE Organização e Coordenação: Carlos Campetti Colaboradores: Iracema Fernandes, Maria do Socorro Sousa Rodrigues,

Leia mais

ESTUDO INTERPRETATIVO DO EVANGELHO

ESTUDO INTERPRETATIVO DO EVANGELHO ESTUDO INTERPRETATIVO DO EVANGELHO E vi na destra do que estava assentado sobre o trono um livro escrito por dentro e por fora, selado com sete selos. (Apoc. 05:01) E disse o Espírito a Filipe: Chega-te,

Leia mais

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha.

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha. O Plano da Salvação Contribuição de Pr. Oswaldo F Gomes 11 de outubro de 2009 Como o pecado entrou no mundo e atingiu toda a raça humana? [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo

Leia mais

Impositivo da Renovação

Impositivo da Renovação FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo II Ensinos Diretos de Jesus Impositivo da Renovação Roteiro 5 Objetivo Explicar,

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: A Vida em Família. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: A Vida em Família. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: A Vida em Família Palestrante: Amália Silveira Rio de Janeiro 10/03/2000 Organizadores da palestra: Moderador: Brab (nick: < Moderador

Leia mais

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus Ensino - Ensino 11 - Anos 11 Anos Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus História Bíblica: Mateus 3:13 a 17; Marcos 1:9 a 11; Lucas 3:21 a 22 João Batista estava no rio Jordão batizando as pessoas que queriam

Leia mais

Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015

Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015 1 Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015 14/10/2015 2 2 Até o presente, embora muito numerosos, os espíritas se têm disseminado por todos

Leia mais

Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria Regina Neves Campos Revisão: Filipe Alex da Silva

Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria Regina Neves Campos Revisão: Filipe Alex da Silva O Poder no Mundo Espiritual 05/10/2014 Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria Regina Neves Campos Revisão: Filipe Alex da Silva Resumo: Neste estudo são relembrados os conceitos das realidades

Leia mais

ESCOLA DA FÉ Paróquia Santo Antonio do Pari Aula 15 Creio em Deus Pai - 2.

ESCOLA DA FÉ Paróquia Santo Antonio do Pari Aula 15 Creio em Deus Pai - 2. ESCOLA DA FÉ Paróquia Santo Antonio do Pari Aula 15 Creio em Deus Pai - 2. Frei Hipólito Martendal, OFM. São Paulo-SP, 20 de setembro de 2012. revisão da aula anterior. 2.1- Deus Todo Poderoso. Dei uma

Leia mais

Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA. Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI)

Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA. Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) 1 - Sei que sou pecador desde que nasci, sim, desde

Leia mais

Desafio para a família

Desafio para a família Desafio para a família Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da espiritualidade. O sonho de Deus para a família é que seja um

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI Texto: Sal. 126:6 Durante o ano de 2014 falamos sobre a importância de semear, preparando para a colheita que viria neste novo ano de 2015. Muitos criaram grandes expectativas,

Leia mais

Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9. I A primeira ideia do texto é o apelo à firmeza da fé.

Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9. I A primeira ideia do texto é o apelo à firmeza da fé. 1 Mosaicos #7 Escolhendo o caminho a seguir Hb 13:8-9 Introdução: Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre. Não se deixem levar pelos diversos ensinos estranhos. É bom que o nosso coração seja

Leia mais

O Sofrimento humano.

O Sofrimento humano. Clamo a Deus por socorro; clamo a Deus que me escute... O meu coração medita, e o meu espírito pergunta: Irá o Senhor rejeitar-nos para sempre? Jamais tornará a mostrar-nos o seu favor? Desapareceu para

Leia mais

O GRANDE COMPROMISSO. www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011

O GRANDE COMPROMISSO. www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011 O GRANDE COMPROMISSO www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011 O grande compromisso Nesse desequilíbrio do sentimento e da razão é que repousa atualmente a dolorosa realidade

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13 A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO Romanos 15:13 - Ora o Deus de esperança vos encha de toda a alegria e paz em crença, para que abundeis em esperança pela virtude do Espírito Santo. Só Deus pode nos dar uma

Leia mais

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco!

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco! Paixão do Povo de Cristo x Paixão de Cristo Texto Base: provérbios 24.10 na Linguagem de Hoje: Quem é fraco numa crise, é realmente fraco. Na Bíblia A Mensagem : Quem Desiste num momento de crise é porque

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Reuniões Mediúnicas. Palestrante: Carlos Feitosa. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Reuniões Mediúnicas. Palestrante: Carlos Feitosa. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Reuniões Mediúnicas Palestrante: Carlos Feitosa Rio de Janeiro 04/10/2002 Organizadores da Palestra: Moderador: "_Alves_"

Leia mais

Meu nome é José Guilherme Monteiro Paixão. Nasci em Campos dos Goytacazes, Norte Fluminense, Estado do Rio de Janeiro, em 24 de agosto de 1957.

Meu nome é José Guilherme Monteiro Paixão. Nasci em Campos dos Goytacazes, Norte Fluminense, Estado do Rio de Janeiro, em 24 de agosto de 1957. Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é José Guilherme Monteiro Paixão. Nasci em Campos dos Goytacazes, Norte Fluminense, Estado do Rio de Janeiro, em 24 de agosto de 1957. FORMAÇÃO

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

Nesta feira, este ano, percebe-se que há novas editoras, novas propostas. Qual a influência disso tudo para o movimento espírita?

Nesta feira, este ano, percebe-se que há novas editoras, novas propostas. Qual a influência disso tudo para o movimento espírita? Reconhecido por sua extensa dedicação no trabalho da difusão do espiritismo, inclusive fora do país, Miguel de Jesus Sardano é também conhecido por ter iniciado o que hoje é a maior feira do livro espírita

Leia mais

ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL

ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL Nosso convidado deste mês é exímio conhecedor da Umbanda no Brasil e aceitou debater questões polêmicas que envolvem as relações entre ela e a doutrina espírita,

Leia mais

I Tessalonicensses 4:13~18; a descrição do encontro

I Tessalonicensses 4:13~18; a descrição do encontro Arrebatamento (continuação) #70 Vamos agora, ver em detalhes a descrição do encontro de Jesus com a Igreja e a transformação dos nossos corpos para corpos gloriosos, iguais ao de Jesus. I Tessalonicensses

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Os Anjos da Guarda. Palestrante: Miguel Labolida. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Os Anjos da Guarda. Palestrante: Miguel Labolida. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Os Anjos da Guarda Palestrante: Miguel Labolida Rio de Janeiro 15/10/1999 Organizadores da palestra: Moderador: "jaja" (nick: Moderador

Leia mais

Lição 07 A COMUNIDADE DO REI

Lição 07 A COMUNIDADE DO REI Lição 07 A COMUNIDADE DO REI OBJETIVO: Apresentar ao estudante, o ensino bíblico sobre a relação entre a Igreja e o Reino de Deus, para que, como súdito desse reino testemunhe com ousadia e sirva em amor.

Leia mais

Marlon (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva

Marlon (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva Comunicação Espiritual J. C. P. Novembro de 2009 Marlon (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva Resumo: Trata-se de uma comunicação pessoal de um amigo do grupo

Leia mais

VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR

VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR 1 VOCÊ É MOTIVO DE LOUVOR? MARCAS DE LOUVOR Fp 1 3 Agradeço a meu Deus toda vez que me lembro de vocês. 4 Em todas as minhas orações em favor de vocês, sempre oro com alegria 5 por causa da cooperação

Leia mais

Pluralidade dos Mundos Habitados. Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF

Pluralidade dos Mundos Habitados. Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF Habitados Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF Jesus referiu-se em algum momento de suas pregações à existência de outros mundos habitados? Qualquer pessoa que pensa, ao

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: O Espiritismo e a Arte. Palestrante: Oneida Terra. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: O Espiritismo e a Arte. Palestrante: Oneida Terra. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Espiritismo e a Arte Palestrante: Oneida Terra Rio de Janeiro 09/10/1998 Organizadores da Palestra: Moderador: "Caminheiro" (nick:

Leia mais

Nem o Catecismo da Igreja Católica responde tal questão, pois não dá para definir o Absoluto em palavras.

Nem o Catecismo da Igreja Católica responde tal questão, pois não dá para definir o Absoluto em palavras. A pregação do Amor de Deus, por ser a primeira em um encontro querigmático, tem a finalidade de levar o participante ao conhecimento do Deus Trino, que por amor cria o mundo e os homens. Ao mesmo tempo,

Leia mais

Lição 01 O propósito eterno de Deus

Lição 01 O propósito eterno de Deus Lição 01 O propósito eterno de Deus LEITURA BÍBLICA Romanos 8:28,29 Gênesis 1:27,28 Efésios 1:4,5 e 11 VERDADE CENTRAL Deus tem um propósito original e eterno para minha vida! OBJETIVO DA LIÇÃO Que eu

Leia mais

Os Quatro Tipos de Solos - Coração

Os Quatro Tipos de Solos - Coração Os Quatro Tipos de Solos - Coração Craig Hill Marcos 4:2-8 Jesus usava parábolas para ensinar muitas coisas. Ele dizia: 3 Escutem! Certo homem saiu para semear. 4 E, quando estava espalhando as sementes,

Leia mais

Centro de Cura Espiritual e Cromoterapia

Centro de Cura Espiritual e Cromoterapia A CARIDADE FACIL Inicio esta nossa pequena reflexão na difícil intenção de buscar compreender o significado, ou melhor, os significados maiores que por certo a vida deve ter, isto espiritualmente falando.

Leia mais

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil Documento do MEJ Internacional Para que a minha alegria esteja em vós Por ocasião dos 100 anos do MEJ O coração do Movimento Eucarístico Juvenil A O coração do MEJ é a amizade com Jesus (Evangelho) B O

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Fascinação e Subjugação. Palestrante: Mauro Operti. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Fascinação e Subjugação. Palestrante: Mauro Operti. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Fascinação e Subjugação Palestrante: Mauro Operti Rio de Janeiro 03/09/1999 Organizadores da palestra: Moderador: jaja (nick: Moderador

Leia mais

Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo. 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam

Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo. 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam Lição 1 Leis no tempo de Cristo Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam 2) Lei Civil do A.T. = Tinha a ver com os costumes

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato Palestra Virtual Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br Tema: Passes e Curas Espirituais Palestrante: Alexandre Lobato Rio de Janeiro 09/01/2004 Organizadores da palestra: Moderador:

Leia mais

Semeadores de Esperança

Semeadores de Esperança Yvonne T Semeadores de Esperança Crônicas de um Convite à Vida Volume 11 Crônicas de um Convite à Vida Livre d IVI Convidados a Viver PREFÁCIO Estou comovida por escrever este prefácio : tudo o que se

Leia mais

CONVERSA COM PAULO FREIRE: Linguagem e Poder

CONVERSA COM PAULO FREIRE: Linguagem e Poder CONVERSA COM PAULO FREIRE: Linguagem e Poder Entrevista concedida a Virginia Maria de Figueiredo e Silva e Tânia Maria Piacentini * Paulo Freire esteve em Florianópolis, no dia 8 de junho, a convite da

Leia mais

O Espírito de Religiosidade

O Espírito de Religiosidade O Espírito de Religiosidade Pr. Alcione Emerich Como vive um Cristão Salvo contaminado ou infectado pelo Espírito de Religiosidade Hoje será um Culto de Libertação, vamos quebrar esta maldição em nossas

Leia mais

3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS

3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS 0 3ª LIÇÃO - AS 4 LEIS ESPIRITUAIS Este material tem sido usado em quase todo mundo e traduzido em diversas línguas por ter sido comprovado por sua eficácia por todos que o usam. Muitos são os seus benefícios,

Leia mais

JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO

JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO ORIENTAÇÕES BÁSICAS JPEG JOVENS EM PEQUENO GRUPO JPEG é Jovens em Pequenos Grupos. A nova identidade dos pequenos grupos para jovens. NECESSIDADE DE ORGANIZAÇÃO DA IGREJA PEQUENOS GRUPOS Pequenos grupos

Leia mais

13-04-14 Aprimoramento vibracional e o conhecimento de nós mesmos.

13-04-14 Aprimoramento vibracional e o conhecimento de nós mesmos. 13-04-14 Aprimoramento vibracional e o conhecimento de nós mesmos. Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva É uma alegria, novamente, poder participar desta

Leia mais

OBJETIVO VISÃO GERAL SUAS ANOTAÇÕES

OBJETIVO VISÃO GERAL SUAS ANOTAÇÕES OBJETIVO Assegurar a satisfação do cliente no pós-venda, desenvolvendo um relacionamento duradouro entre o vendedor e o cliente, além de conseguir indicações através de um sistema de follow-up (acompanhamento).

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: A Vida no Além Túmulo Palestrante: Guilherme Kremer Rio de Janeiro 07/07/2000 Organizadores da palestra: Moderador: "Luno" (nick:

Leia mais

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva Biografia Jessé de Souza Nascimento, nascido em 11/04/1986 em um lar evangélico. Filho de Adão Joaquim Nascimento e Maria de Souza Nascimento. Cresceu sendo ensinado dentro da palavra de Deus e desde muito

Leia mais

00.035.096/0001-23 242 - - - SP

00.035.096/0001-23 242 - - - SP PAGINA 1 O CARÁTER CRISTÃO 7. O CRISTÃO DEVE TER UMA FÉ OPERANTE (Hebreus 11.1-3) Um leitor menos avisado, ao ler o texto pode chegar à conclusão de que a fé cria coisas pelas quais esperamos. A fé não

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA 1 Lição 0 Já nasceu de novo? (volte para a página 5) Perguntaram a John Wesley porque razão ele pregava várias vezes, acerca de devem nascer de novo. Ele respondeu, porque vocês devem nascer de novo! Já

Leia mais

Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25

Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25 1 Deus: Origem e Destino Atos 17:19-25 Domingo, 7 de setembro de 2014 19 Então o levaram a uma reunião do Areópago, onde lhe perguntaram: "Podemos saber que novo ensino é esse que você está anunciando?

Leia mais

A Pedagogia do cuidado

A Pedagogia do cuidado Roteiro de Oração na Vida Diária nº 23 A Pedagogia do cuidado Tempo forte na Igreja, inicia-se hoje nossa caminhada de preparação para a Páscoa, no rico tempo da quaresma. Como nos ciclos da natureza,

Leia mais

ZAQUEU LIMA COMO SE TORNAR UM PASTOR E GARANTIR O FUTURO. 2ªed.

ZAQUEU LIMA COMO SE TORNAR UM PASTOR E GARANTIR O FUTURO. 2ªed. 2012 ZAQUEU LIMA COMO SE TORNAR UM PASTOR E GARANTIR O FUTURO 2ªed. 1 2 E s t ã o t o d o s c e r t o s? O que se faz agora com as crianças é o que elas farão depois com a sociedade. (Karl Mannheim) Educar

Leia mais

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer.

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. CAPITULO 3 Ele não é o Homem que eu pensei que era. Ele é como é. Não se julga um Homem pela sua aparência.. Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. Eu costumava saber como encontrar

Leia mais

Manifeste Seus Sonhos

Manifeste Seus Sonhos Manifeste Seus Sonhos Índice Introdução... 2 Isso Funciona?... 3 A Força do Pensamento Positivo... 4 A Lei da Atração... 7 Elimine a Negatividade... 11 Afirmações... 13 Manifeste Seus Sonhos Pág. 1 Introdução

Leia mais

Hebe Laghi de Souza. DARWIN e KARDEC

Hebe Laghi de Souza. DARWIN e KARDEC Hebe Laghi de Souza DARWIN e KARDEC U M D I Á L O G O P O S S Í V E L CAMPINAS SP 2007 Sumário prefácio...xvii Capítulo 1 novos conhecimentos... 1 Dois livros, duas teorias um novo rumo...1 Detonando o

Leia mais

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling.

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renunciese a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Porque aquele que quiser salvar

Leia mais

O objetivo da existência é o desabrochar dos germens divinos da alma;

O objetivo da existência é o desabrochar dos germens divinos da alma; PEDAGOGIA ESPÍRITA Trabalho formulado pelos facilitadores Edmar Jr. Ed e Juliana Machado da FEB Capacitação de Evangelizadores - Irmão Estevão, setembro de 2015 A Pedagogia Espírita Fundamentos Somos seres

Leia mais

14a edição CAMPINAS SP 2012

14a edição CAMPINAS SP 2012 14 a edição CAMPINAS SP 2012 SUMÁRIO Esclarecimentos preliminares... IX PRIMEIRA UNIDADE 1. Radiações ou vibrações...15 2. Deus...21 3. A criação...27 4. Os Espíritos...35 5. Classificação dos Espíritos

Leia mais

Parábolas curtas de Jesus: 3 - Vinho novo em odres velhos Lc 5,37-39

Parábolas curtas de Jesus: 3 - Vinho novo em odres velhos Lc 5,37-39 Pequenas de Jesus Parábolas curtas de Jesus: 1 - Os primeiros lugares Lc. 14,7-11 2 - Lâmpada para iluminar Lc 8,16-17; 11,33 3 - Vinho novo em odres velhos Lc 5,37-39 Parábola: Os primeiros lugares Lc.14,7-11

Leia mais

MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA

MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA MISSÕES - A ESTRATÉGIA DE CRISTO PARA A SUA IGREJA 1 40 dias vivendo para Jesus 12/05/2013 At 1 4 Um dia, quando estava com os apóstolos, Jesus deu esta ordem: Fiquem em Jerusalém e esperem até que o Pai

Leia mais

O NASCIMENTO DO SALVADOR

O NASCIMENTO DO SALVADOR Mensagem pregada pelo Pr Luciano R. Peterlevitz no culto de natal na Igreja Batista Novo Coração, em 20 de dezembro de 2015. Evangelho de Lucas 2.8-20: 8 Havia pastores que estavam nos campos próximos

Leia mais

Introdução. 1 P ágina

Introdução. 1 P ágina Introdução O estudo do batimento de cabeça é fonte de revelação espiritual profunda, duradoura, de transformação. Todas as coisas que estão sob a terra possuem maior profundidade do que aparentam. Basta

Leia mais

SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR JOSÉ ROBERTO RUS PEREZ

SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR JOSÉ ROBERTO RUS PEREZ Revista Eventos Pedagógicos v.5, n.4 (13. ed.), número regular, p. 115-121, nov./dez. 2014 SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO

Leia mais

COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL

COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL COMO PREPARAR E COMUNICAR SEU TESTEMUNHO PESSOAL O objetivo desta mensagem é motivar e equipar você a preparar e usar seu testemunho ao compartilhar sua fé com outros. Esta lição ajudará você a: 1. Conhecer

Leia mais

A Família: um encontro Espiritual

A Família: um encontro Espiritual Instituição Beneficente A Luz Divina 55 Anos 1956-2011 A Família: um encontro Espiritual Boa Tarde a todos Que Jesus, o Mestre Amantíssimo, ampare a todos nós e nos dê a sua Paz. Que os eflúvios consoladores

Leia mais

Divaldo Franco fala sobre a enxurrada de livros "espíritas" no mercado

Divaldo Franco fala sobre a enxurrada de livros espíritas no mercado Divaldo Franco fala sobre a enxurrada de livros "espíritas" no mercado Reencarnação no plano espiritual Abaixo, trechos da entrevista de Divaldo Franco extraída do livro Conversando com Divaldo Pereira

Leia mais

Para ser santo é preciso amar. Como progredir na caridade?

Para ser santo é preciso amar. Como progredir na caridade? Para ser santo é preciso amar. Como progredir na caridade? Extraído de https://padrepauloricardo.org/blog/direcao-espiritual-como-pro gredir-na-caridade com acréscimos das palavras extraída do vídeo, disponível

Leia mais

5 Passos para vender mais com o Instagram

5 Passos para vender mais com o Instagram 5 Passos para vender mais com o Instagram Guia para iniciantes melhorarem suas estratégias ÍNDICE 1. Introdução 2. O Comportamento das pessoas na internet 3. Passo 1: Tenha um objetivo 4. Passo 2: Defina

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

Planeta Terra: A nova civilização já está chegando!

Planeta Terra: A nova civilização já está chegando! Planeta Terra: A nova civilização já está chegando! Rubens Santini abril/2012. 2 Índice Geral I Esta é a nossa reencarnação mais importante...4 II Diferenças entre Mundo Expiação/Provas e Regeneração...5

Leia mais

CONHECENDO-SE MELHOR DESCOBRINDO-SE QUEM VOCÊ É? 13 PASSOS QUE VÃO AJUDÁ-LO PARA SE CONHECER MELHOR E DESCOBRIR QUE VOCÊ REALMENTE É

CONHECENDO-SE MELHOR DESCOBRINDO-SE QUEM VOCÊ É? 13 PASSOS QUE VÃO AJUDÁ-LO PARA SE CONHECER MELHOR E DESCOBRIR QUE VOCÊ REALMENTE É CONHECENDO-SE MELHOR DESCOBRINDO-SE QUEM VOCÊ É? 13 PASSOS QUE VÃO AJUDÁ-LO PARA SE CONHECER MELHOR E DESCOBRIR QUE VOCÊ REALMENTE É Descobrindo-se... Fácil é olhar à sua volta e descobrir o que há de

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Comportamento Agressivo na Infância Palestrante: Sandra Salles Rio de Janeiro 04/08/2000 Organizadores da palestra: Moderador: "Brab"

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: O Egoísmo. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Tema: O Egoísmo. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Egoísmo Palestrante: Amália Silveira Rio de Janeiro 22/01/1999 Organizadores da palestra: Moderador: Luno (nick: )

Leia mais

*Analisar a ressurreição de Lázaro, à luz do entendimento espírita. * Enfatizar as lições de natureza espiritual de que o episódio se reveste.

*Analisar a ressurreição de Lázaro, à luz do entendimento espírita. * Enfatizar as lições de natureza espiritual de que o episódio se reveste. FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III - Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo VI Aprendendo com fatos extraordinários Roteiro 1 Analisar a ressurreição de

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 E, virando- se o Senhor, olhou para Pedro, e Pedro lembrou- se da palavra do Senhor, como lhe havia

Leia mais