Gabarito de respostas para o Estudo de O Evangelho Segundo o Espiritismo FLS 1 de 11

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Gabarito de respostas para o Estudo de O Evangelho Segundo o Espiritismo FLS 1 de 11"

Transcrição

1 FLS 1 de 11 Estudo 1: Questão: 1 a) o ensino moral b) c) d) São as vozes do Céu que vem Esclarecer os Homens e convidá-los À prática do Evangelho. Estudo 2: Questão: 1 a) (errado) b) (certo) c) (certo) d) (certo) Está na concordância das relações feitas espontaneamente, através de um grande número de médiuns estranhos uns aos outros, e em diversos lugares. ( X ) Questão: 5 Sim Não Estudo 3: Questão: única ( 5 ) ( 6 ) ( 7 ) ( 1 ) ( 3 ) ( 4 ) (10) ( 9 ) ( 8 ) ( 2 )

2 FLS 2 de 11 Estudo 4: Questão: 1 a) Sim Não b) Sim Não c) Sim Não d) Sim Não Estudo 5: Questão: 1 a) (certo) Ciência Religião b) (errado) Questão: 5 a) Fénelon b) Erasto Estudo 6: Questão: 1 Abnegação humildade caridade - benevolência ( C ) Livre ( C ) ( C ) ( E ) ( E )

3 FLS 3 de 11 Estudo 7: Questão: 1 a) Sim Não (errado) b) Sim Não (certo) (errado) (certo) ( 1 ) ( 2 ) ( 1 ) ( 2 ) Estudo 8: Questão: 1 a) (errado) b) (certo) c) (certo) Questão: 5 a) (Não) 1ª. 2ª. 3ª. 4ª. b) (Sim) c) (Sim) Questão: 6 Sim Não Estudo 9: Questão: 1 A calma, a resignação adquirida na maneira de encarar a vida, e a fé no futuro. a) (Não) b) (Sim) c) (Sim) d) (Sim) Questão: 5 a) Sansão b) Delphine de Girardin c) S. Agostinho d) S. Luís e) François de Genève f) Fénelon

4 FLS 4 de 11 Estudo 10: Questão: 1 Com fé no futuro e confiança na justiça de Deus. É a observação da lei que impõem como dever o amor e a caridade. Conhecimento das coisas, que faz o homem saber de onde vem, para onde vai e porque está na Terra, lembrança dos verdadeiros princípios da lei de Deus, e a consolação pela fé e pela esperança. Questão: 5 - Livre Estudo 11: Questão: 1 a) humildade orgulho b) simplicidade humildade "Aquele que quiser ser o maior, seja o servidor de todos". "Todo aquele que se fizer pequeno como este menino será o maior no Reino dos Céus". Questão: 5 - É o orgulho

5 FLS 5 de 11 Estudo 12: Questão: 1 a) A finalidade da religião é conduzir o Ho- Pureza de coração egoísmo - orgulho mem a Deus e ela a atinge, melhorandoos. b) A necessidade de destruir em nós as Questão:3 causas do mal. c) É o resultado efetivo do mal moral. Estudo 13: Questão: 1 a) violência - cólera - expressão descortês a) (correto) b) amor caridade b) (correto) c) egoísmo c) (incorreto) d) (correto O de que ela é contrária à caridade e humildade cristã. Estudo 14: Questão: 1 Ela consiste no esquecimento e no perdão das ofensas. a) (Sim) b) (Não) c) (Sim) a) ódio - animosidade pensamento b) bom exemplo "Aquele que estiver sem pecado atire a primeira pedra". Questão: 5 a) pedir perdão para si mesmo b) amizade c) melhora Questão: 6 Sim, desde que não prejudiquemos o próximo, sem sentimento de malevolência e de satisfação por encontrar os outros em falta.

6 FLS 6 de 11 Estudo 15: Questão: 1 Porque ela resume todos os deveres para com o próximo. Sim Não a) Pascal b) Lázaro c) Emmanuel d) Elizabeth de França Estudo 16: Questão: 1 Questão: 5 Livre a) (errado) a d b) (certo) b e c f Estudo: 17 Questão: 1 a) São Vicente de Paulo b) Cáritas c) Michel d) Irmã Rosália Questão:4 ( C ) Livre ( C ) ( C ) ( E ) Estudo: 18 Questão: 1 Livre

7 FLS 7 de 11 Estudo: 19 Questão: 1 Bom Samaritano Questão: 5 Humildade - caridade - Orgulho egoísmo ( C ) ( C ) ( E ) ( C ) ( X ) ( X ) Questão: 6 Porque todos os que praticam a caridade são discíp de Jesus, qualquer que seja o culto a que pertençam. Estudo: 20 Questão: 1 Paciência - resignação Livre Caridade - abnegação Estudo: 21 Questão: 1 a) sim não b) sim não c ) sim não Pela sua transformação moral e pelos esforços que faz dominar suas más inclinações. Questão: 5 Livre Ser bom, caridoso, trabalhador, sóbrio e modesto.

8 FLS 8 de 11 Estudo: 22- Questão: 1 1) Porque numa festa de núpcias tudo é felicidade e alegria. Porque o homem que deseja transpô-la deve fazer grandes esforços para vencer as suas más tendências e poucos se resignam a isso. - livre Estudo 23: Questão: 1 Questão: 5 a) ( sim ) b) ( não ) c) ( sim ) Só é inabalável a fé que pode enfrentar a razão face a face, em todas as épocas da Humanidade. As pessoas que apenas aparentam o bem, mas na realidade nada produzem de bom. Estudo 24: Questão: 1 - Livre a) sim não b) sim ( x) não c) ( x) sim não Estudo 25: Questão: 1 É todo enviado de Deus, com a emissão de instruir os homens e de revelar as coisas ocultas os mistérios da vida espiritual. ( X ) a) não b) sim ( X ) ( X ) Questão: 5 ( X ) ( X ) ( X ) ( X ) ( X )

9 FLS 9 de 11 Estudo 26: Questão: 1 a) certo b) errado a) ( X ) correto incorreto Resposta Livre b) correto incorreto c) ( X ) correto incorreto Estudo 27: Questão: 1 a) ( sim ) O Espiritismo ainda se defronta com o b) ( sim ) Orgulho, o egoísmo, a ambição e o c) ( não ) Fanatismo cego. Estudo 28: Questão: 1 a) (Sim) b) (Não) c) (Não) d) (Sim) (V ) Estudo 29: Questão: 1 Trabalho - Livre

10 FLS 10 de 11 Estudo 30: Questão: 1 Não se deve cobrar aquilo por que nada se pagou. Benção perdão Reino dos céus Humildade devotamento abnegação moral - material Questão: 5 Questão: 6 Estudo 31: Questão: 1 a) ( certo ) b) ( certo ) c) (errado) d) ( certo ) Questão:3 a) (não) b) (sim) c) (sim) livre

11 FLS 11 de 11 Estudo 32: Questão: 1...Seja feita a vossa vontade, assim na Terra como no Céu! ( N ) ( S ) ( S ) ( N ) Questão: 5 Livre

Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral

Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral Caracteres do homem de bem Questão: 918 O homem de bem tira boas coisas do bom tesouro do seu coração e o mau tira as más do mau tesouro do seu coração; porquanto,

Leia mais

C RS R O S NO N ÇÕ Ç ES

C RS R O S NO N ÇÕ Ç ES CURSO NOÇÕES BÁSICAS DOUTRINA ESPÍRITA de Si Mesmo EDITORA 1 / 9 Iluminação Interior Como iniciar o trabalho de iluminação de nossa própria alma? Deve-se começar com o autodomínio. Disciplina de sentimentos

Leia mais

O GRANDE COMPROMISSO. www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011

O GRANDE COMPROMISSO. www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011 O GRANDE COMPROMISSO www.searadomestre.com.br Grupo Espírita Seara do Mestre 25 de abril de 2011 O grande compromisso Nesse desequilíbrio do sentimento e da razão é que repousa atualmente a dolorosa realidade

Leia mais

Gabarito de respostas para o Estudo de O Livro dos Espíritos FLS 1 de 12

Gabarito de respostas para o Estudo de O Livro dos Espíritos FLS 1 de 12 FLS 1 de 12 Estudo 1: Questão: 1 ( 1 ) ( 2 ) ( 2 ) ( 1 ) a) princípio da vida material e orgânica - a todos os seres vivos b) fluído magnético - fluído nervoso - Resposta livre. Estudo 2: Questão: 1 Os

Leia mais

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas Aprendendo com Jesus Apresentação É com a maior confiança na compreensão e aceitação dos nossos queridos catequistas que levo a público

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37)

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Recados do Espírito Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Que a vossa fé e a vossa esperança estejam postas em Deus (1 Pe 1,21) Descarrega sobre o Senhor os teus

Leia mais

Explicar o significado de bem e de mal, segundo as orientações espíritas.

Explicar o significado de bem e de mal, segundo as orientações espíritas. Roteiro 1 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo III Os vícios e as virtudes Conceituar bem e mal Explicar o

Leia mais

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo!

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! A vida e o ministério do padre é um serviço. Configurado a Jesus, que

Leia mais

TÓPICOS. 9. Evangelho no Lar Exceções 10. Mensagem de André Luiz

TÓPICOS. 9. Evangelho no Lar Exceções 10. Mensagem de André Luiz REUNIÕES MEDIÚNICAS TÓPICOS 1.Conceito de Reunião Mediúnica 2.Características 3.Responsabilidade do Médium 4.Condições para a realização de uma reunião mediúnica 5.Objetivo e natureza das reuniões 6.Necessidades

Leia mais

O Espiritismo é a Luz do Cristo Jesus.

O Espiritismo é a Luz do Cristo Jesus. 2 1 O Espiritismo é a Luz do Cristo Jesus. Ele era manso como os cordeiros e a sua palavra tinha a doçura de uma brisa num dia quente. Nada queria dos humanos, tudo prometia e dava a humanidade. Sua palavra

Leia mais

AUTA DE SOUZA CURSO O N OÇ O ÕE Õ S BÁSIC I AS D E DOU O TR T IN I A E SPÍR Í IT I A

AUTA DE SOUZA CURSO O N OÇ O ÕE Õ S BÁSIC I AS D E DOU O TR T IN I A E SPÍR Í IT I A CURSO NOÇÕES BÁSICAS DOUTRINA ESPÍRITA EDITORA 1 / 9 O Bom Samaritano Qual desses três vos parece ter sido o próximo daquele que caiu nas mãos dos ladrões? O doutor lhe respondeu: Aquele que exerceu a

Leia mais

AGOSTINHO DE HIPONA E TOMÁS DE AQUINO (3ª SÉRIE, REVISÃO TESTÃO)

AGOSTINHO DE HIPONA E TOMÁS DE AQUINO (3ª SÉRIE, REVISÃO TESTÃO) AGOSTINHO DE HIPONA E TOMÁS DE AQUINO (3ª SÉRIE, REVISÃO TESTÃO) PERÍODOS DA FILOSOFIA MEDIEVAL 1º Patrística: século II (ou do V) ao VIII (Agostinho de Hipona). 2º Escolástica: século IX ao XV (Tomás

Leia mais

BAPAK FALA AOS CANDIDATOS

BAPAK FALA AOS CANDIDATOS BAPAK FALA AOS CANDIDATOS PRÓLOGO Subud é um contacto com o poder de Deus Todo Poderoso. Para as pessoas que consideram difícil aceitar tal afirmação, Subud pode ser descrito como a realidade mais além

Leia mais

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego.

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego. Mensagem: O HOMEM QUE ABRIU OS OLHOS PARA DEUS Pastor: José Júnior Dia: 22/09/2012 sábado AMAZON JOVENS Texto-base: Lucas 18:35-43 A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser

Leia mais

Apostila 2 - Carismas

Apostila 2 - Carismas Apostila 2 - Carismas Esses milagres acompanharão os que crerem: expulsarão demônios em meu nome, falarão novas línguas, manusearão serpentes e se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal; imporão

Leia mais

Vimos rápidamente!!!

Vimos rápidamente!!! , O DEGRÁU PARA ADOTARMOS A CULTURA DA FELICIDADE Alkíndar de Oliveira Em nosso atual estágio evolutivo é mais fácil adotarmos a CULTURA DO SOFRIMENTO TENHAMOS COMO PRINCÍPIO DE VIDA NÃO FAZERMOS PARTE

Leia mais

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 16 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 16 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 16 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) II CICLO B IDADES: 09/10 1. TEMA: João Batista, precursor de Jesus. PLANO DE AULA 2. OBJETIVO:

Leia mais

Parentes de hoje: amigos ou inimigos do passado?

Parentes de hoje: amigos ou inimigos do passado? Parentes de hoje: amigos ou inimigos do passado? Apresentação disponível em www.searadomestre.com.br Adriana Pizzutti dos Santos Vamos considerar parentes: Família de orientação Família de procriação Colaterais

Leia mais

Natal do Senhor de 2015. Missa Solene da Noite

Natal do Senhor de 2015. Missa Solene da Noite Natal do Senhor de 2015 Missa Solene da Noite Caríssimos Irmãos e Irmãs: Acabamos de ouvir no Evangelho a palavra que os Anjos, na Noite Santa, disseram aos pastores e que agora a Igreja grita para nós:

Leia mais

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015 1. Fluido Cósmico Universal 2. Fluido Vital 3. Perispírito 4. Centro de Força 5. Passes 6. Mediunidade Curadora 7. Mediunidade Gratuita (Parte Moral) 1. Fluído Cósmico: a. Se constitui da matéria elementar

Leia mais

01/ 08. Lar. Escola de Evangelização de Família Conduta no. Pacientes. Aula 02

01/ 08. Lar. Escola de Evangelização de Família Conduta no. Pacientes. Aula 02 PERDÃO EM FAMÍLIA A MISERICÓRDIA A misericórdia é o complemento da brandura, porquanto aquele que não for misericordioso não poderá ser brando e pacífico. Ela consiste no esquecimento e no perdão das ofensas.

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: O Egoísmo. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Tema: O Egoísmo. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Egoísmo Palestrante: Amália Silveira Rio de Janeiro 22/01/1999 Organizadores da palestra: Moderador: Luno (nick: )

Leia mais

Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo. 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam

Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo. 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam Lição 1 Leis no tempo de Cristo Assunto: Estudo das várias leis que estavam em operação no tempo de Cristo 1) Lei Romana = Lei que os cidadãos obedeciam 2) Lei Civil do A.T. = Tinha a ver com os costumes

Leia mais

LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1. O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade.

LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1. O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade. LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1 O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade. DIREITOS NATURAIS 2 Direitos Naturais: São os mesmos para todos os indivíduos,

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: O Difícil Momento Político que estamos vivendo

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: O Difícil Momento Político que estamos vivendo Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Difícil Momento Político que estamos vivendo Palestrante: Nara Coelho Juiz de Fora - MG 12/08/2005 Organizadores

Leia mais

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 07 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 07 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 07 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) II CICLO B IDADES: 09/10 1. TEMA: Pai Nosso - A Oração Dominical. PLANO DE AULA 2. OBJETIVO:

Leia mais

PROGRAMA PARA ESTUDO DO EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO Organizado por André Bozzetti

PROGRAMA PARA ESTUDO DO EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO Organizado por André Bozzetti PROGRAMA PARA ESTUDO DO EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO Organizado por André Bozzetti A explicação das máximas morais do Cristo em concordância com o espiritismo e suas aplicações às diversas circunstâncias

Leia mais

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Informações sobre o curso Início: Neste dia Duração: Algumas Reencarnações Objetivo: Melhoria pessoal ( ajuda na reforma

Leia mais

A Transição Planetária e você. Mudando junto com o planeta

A Transição Planetária e você. Mudando junto com o planeta A Transição Planetária e você Mudando junto com o planeta Agenda Fundamentos coisas para não se esquecer Progressão dos espíritos X Progressão dos mundos O momento atual da Terra O que esperar e o que

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Comportamento Agressivo na Infância Palestrante: Sandra Salles Rio de Janeiro 04/08/2000 Organizadores da palestra: Moderador: "Brab"

Leia mais

LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE

LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE CAPÍTULO 11 LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE Justiça e direitos naturais Direito de propriedade. Roubo Caridade e amor ao próximo Amor maternal e filial JUSTIÇA E DIREITOS NATURAIS 873 O sentimento de justiça

Leia mais

Façamos o bem, sempre!

Façamos o bem, sempre! Façamos o bem, sempre! Gl 6:9,10 "E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. Então, enquanto temos tempo, façamos o bem a todos, mas principalmente

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI Texto: Sal. 126:6 Durante o ano de 2014 falamos sobre a importância de semear, preparando para a colheita que viria neste novo ano de 2015. Muitos criaram grandes expectativas,

Leia mais

Caminho da regeneração

Caminho da regeneração CONCAFRAS - 2014 Caminho da regeneração Ao Espiritismo cabe essa gigantesca tarefa: reconduzir o homem moderno a Deus, insculpir-lhe a fé superior e racional, mediante a utilização dos recursos de que

Leia mais

Programação reencarnatória

Programação reencarnatória Programação reencarnatória UM ENFOQUE EM PACIENTE DIABÉTICO TIPO I Elaboração: www.searadomestre.com.br O LIVRO DOS ESPÍRITOS 258. No estado errante, e antes de começar nova existência corporal, o Espírito

Leia mais

ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL. Roteiro 3

ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL. Roteiro 3 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo I Esperanças e Consolações ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL Roteiro 3 OBJETIVOS

Leia mais

27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA

27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA 27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA [Este subsídio destina-se a ser usado por uma família durante o curto percurso de entrada para a Porta Santa. Dependendo

Leia mais

OCUPAÇÕES E MISSÕES DOS ESPÍRITOS

OCUPAÇÕES E MISSÕES DOS ESPÍRITOS O LIVRO DOS ESPÍRITOS CAPÍTULO 10 OCUPAÇÕES E MISSÕES DOS ESPÍRITOS 558 Os Espíritos fazem outra coisa além de se aperfeiçoar individualmente? Eles concorrem para a harmonia do universo ao executar os

Leia mais

Renovação Carismática Católica do Brasil Ministério Universidades Renovadas

Renovação Carismática Católica do Brasil Ministério Universidades Renovadas Seta => Abraçar a Cruz I - Um novo estilo de realização - A Cruz Leandro Rua Médico UFES Conselheiro do MUR Desde a nossa infância somos estimulados a construir um caminho de realização pessoal que tem

Leia mais

DOMÍNIO DAS DOMÍNIO DAS

DOMÍNIO DAS DOMÍNIO DAS 1 Néfi 3:7 Eu irei e cumprirei. O Senhor ordenou a Néfi e a seus irmãos que retornassem a Jerusalém para buscar as placas de latão. O Senhor prepara um caminho para cumprirmos Seus mandamentos. O que o

Leia mais

Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015

Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015 1 Por que nos reunirmos? Reunião do Conselho Deliberativo da Concafras Mundial 18 a 20 de Julho de 2015 14/10/2015 2 2 Até o presente, embora muito numerosos, os espíritas se têm disseminado por todos

Leia mais

Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia.

Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia. Jesus e sua vida Segundo os Evangelhos, Jesus teria vivido toda sua infância, adolescência e juventude em Nazaré com sua família e com o povo dessa pequena aldeia. Seu nascimento foi no meio de muitas

Leia mais

A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO

A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO CURSO A PRÁTICA DA FRATERNIDADE NOS CENTROS ESPÍRITAS A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO Vimos na videoaula anterior que nas diversas

Leia mais

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 A SALVAÇÃO É A PRÓPRIA PESSOA DE JESUS CRISTO! VOCÊ SABE QUAL É O ENDEREÇO DE JESUS! MAS ISSO É SUFICIENTE? Conhecer o endereço de Jesus, não lhe garantirá

Leia mais

RCC BELÉM-PA Formador: Waldiney Oliveira

RCC BELÉM-PA Formador: Waldiney Oliveira RCC BELÉM-PA Formador: Waldiney Oliveira TEMA: O QUERIGMA HOJE PARTE I 1. INTRODUÇÃO Lembranças do momento em que fomos evangelizado? O anúncio da Boa Nova hoje, deve condensar tanto o querigma de Jesus

Leia mais

Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos

Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos Ouvimos hoje, no Evangelho, Jesus dizer É mais fácil passar um camelo por um buraco de uma agulha, que um rico entrar no Reino dos Céus.

Leia mais

COMO E ONDE OS DONS DE PODER SE MANIFESTAM

COMO E ONDE OS DONS DE PODER SE MANIFESTAM DONS DE PODER Lição 4-27 de Abril de 2014 Texto Áureo: I Coríntios 2.4 A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: A Vida em Família. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: A Vida em Família. Palestrante: Amália Silveira. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: A Vida em Família Palestrante: Amália Silveira Rio de Janeiro 10/03/2000 Organizadores da palestra: Moderador: Brab (nick: < Moderador

Leia mais

Esperança e Consolação

Esperança e Consolação Esperança e Consolação MARCELO ANDRÉ CLETO 29.04.2015 Esperança Definições (dicionário Aurélio) 1 Disposição do espírito que induz a esperar que uma coisa se há de realizar ou suceder. 2 Expectativa. 3

Leia mais

A IGREJA E O ESPIRITISMO DIANTE DA FÉ E DA RAZÃO

A IGREJA E O ESPIRITISMO DIANTE DA FÉ E DA RAZÃO A IGREJA E O ESPIRITISMO DIANTE DA FÉ E DA RAZÃO Eliseu Mota Júnior motajunior@uol.com.br A origem da palavra encíclica, etimologicamente falando, remonta às cartas circulares enviadas pelos bispos a colegas

Leia mais

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você!

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você! MANUAL Esperança Casa de I G R E J A Esperança Uma benção pra você! I G R E J A Esperança Uma benção pra você! 1O que é pecado Sem entender o que é pecado, será impossível compreender a salvação através

Leia mais

o evangelho, não porém com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo não seja esvaziada. rejeitarei a inteligência dos inteligentes.

o evangelho, não porém com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo não seja esvaziada. rejeitarei a inteligência dos inteligentes. 1 Coríntios 1:17-31 17 Pois Cristo não me enviou para batizar, mas para pregar o evangelho, não porém com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo não seja esvaziada. 18 Pois a mensagem

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

Pluralidade dos Mundos Habitados. Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF

Pluralidade dos Mundos Habitados. Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF Habitados Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho - DF Jesus referiu-se em algum momento de suas pregações à existência de outros mundos habitados? Qualquer pessoa que pensa, ao

Leia mais

EVANGELHO Lc 19,1-10

EVANGELHO Lc 19,1-10 1 Ambiente: O episódio de hoje coloca-nos em Jericó, o oásis situado nas margens do mar Morto, a cerca de 34 Km de Jerusalém. Era a última etapa dos peregrinos que, da Pereia e da Galileia, se dirigiam

Leia mais

Sagrada Família de Jesus, Maria e José Natal

Sagrada Família de Jesus, Maria e José Natal Sagrada Família de Jesus, Maria e José Natal 1ª Leitura Eclo 3,3-7.14-17a (gr.2-6.12-14) Leitura do Livro do Eclesiástico 3,3-7.14-17a (gr.2-6.12-14) 3Deus honra o pai nos filhos e confirma, sobre eles,

Leia mais

A Indulgência Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho

A Indulgência Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho A Indulgência Paulo Roberto de Mattos Pereira Centro Espírita Casa do Caminho 1 Significado histórico. Indulgência, palavra que significa tolerância, benevolência, é o meio através do qual a igreja concede

Leia mais

www.petit.com.br petit@petit.com.br

www.petit.com.br petit@petit.com.br A L L A N K A R D E C Rua Atuaí, 383/389 Vila Esperança/Penha CEP 03646-000 São Paulo SP Fone: (0xx11) 2684-6000 Endereço para correspondência: Caixa Postal 67545 Ag. Almeida Lima 03102-970 São Paulo SP

Leia mais

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva Biografia Jessé de Souza Nascimento, nascido em 11/04/1986 em um lar evangélico. Filho de Adão Joaquim Nascimento e Maria de Souza Nascimento. Cresceu sendo ensinado dentro da palavra de Deus e desde muito

Leia mais

"Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho"

Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho "Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho" Celebramos hoje a festa da Ascensão do Senhor... Os últimos momentos de Jesus junto aos apóstolos e a volta de Cristo ao Pai... As leituras bíblicas descrevem

Leia mais

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil Documento do MEJ Internacional Para que a minha alegria esteja em vós Por ocasião dos 100 anos do MEJ O coração do Movimento Eucarístico Juvenil A O coração do MEJ é a amizade com Jesus (Evangelho) B O

Leia mais

Doutrina Espírita ESDE

Doutrina Espírita ESDE Federação Espírita Brasileira Orientação ao Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita ESDE Organização e Coordenação: Carlos Campetti Colaboradores: Iracema Fernandes, Maria do Socorro Sousa Rodrigues,

Leia mais

Salvador Dali - Geopoliticus Child Watching the Birth Of A New Man - 1940

Salvador Dali - Geopoliticus Child Watching the Birth Of A New Man - 1940 Autor: André Martinez REFLEXÕES ESPÍRITAS: O Homem no Mundo. Salvador Dali - Geopoliticus Child Watching the Birth Of A New Man - 1940 Capítulo 17 de "O Evangelho Segundo o Espiritismo" de Allan Kardec

Leia mais

Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS?

Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? A grande maioria das pessoas só recorrem à oração quando estão com problemas de ordem material ou por motivo de doença. E sempre aguardando passivamente

Leia mais

QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel

QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel 1. Pe. Caffarel afirma que carisma fundador é muito mais do que uma simples boa idéia. Então, o que ele

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO LOJA ROSACRUZ ÁGUA VERDE

BOLETIM INFORMATIVO LOJA ROSACRUZ ÁGUA VERDE BOLETIM INFORMATIVO LOJA ROSACRUZ ÁGUA VERDE AGOSTO E SETEMBRO DE 2010 ANO ROSACRUZ 3363 MENSAGEM DO MESTRE Fratres e Sorores, Salutem Punctis Trianguli! Mais ou menos nos dois últimos meses, houve uma

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

Seminário: Consciência e Mediunidade

Seminário: Consciência e Mediunidade 1 Atividade Integrativa ATITUDES SOMBRA (1) Desejar gratidão Desejar elogios Desejar ser amado Medo do futuro Não aceitar o sofrimento Reação perante ofensas Reagir à incompreensão Sentir-se superior/inferior

Leia mais

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro?

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro? ...as religiões? Sim, eu creio que sim, pois não importa a qual religião pertença. O importante é apoiar a que tem e saber levá-la. Todas conduzem a Deus. Eu tenho minha religião e você tem a sua, e assim

Leia mais

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 #93r Há uma grande semelhança entre a sequência dos acontecimentos do período da Tribulação, descritos no livro do Apocalipse, com relação a Mateus 24. Vamos hoje, analisar

Leia mais

Tens Palavras de Vida Eterna

Tens Palavras de Vida Eterna Catequese 40ano Tens Palavras de Vida Eterna Agenda da Palavra de Deus pela minha vida fora ANO A Durante as férias, mantenho-me em contato! CONTATOS DA PARÓQUIA Morada: Telefone: Correio eletrónico: Sítio:

Leia mais

O AMOR ATIVO. Grupo Espírita Seara do Mestre 30 de Março de 2011. Adriana Pizzuti Apresentação disponível em www.searadomestre.com.

O AMOR ATIVO. Grupo Espírita Seara do Mestre 30 de Março de 2011. Adriana Pizzuti Apresentação disponível em www.searadomestre.com. O AMOR ATIVO Grupo Espírita Seara do Mestre 30 de Março de 2011 Adriana Pizzuti Apresentação disponível em www.searadomestre.com.br A viagem fora longa para aquele casal... Texto: Boa Nova- Humberto de

Leia mais

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA LUZ E AMOR

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA LUZ E AMOR PSICÓGRAFA A Sessão de 25-01-07 Em nome de Jesus, aqui vim. Em todos nós há algo que nos modifica interiormente, qual seja a convicção da verdade! Mas nem sempre conseguimos pôr para fora nossa verdade

Leia mais

Embora o perdão e o amor de Deus sejam ilimitados, há algo que pode nos impedir de receber esse perdão.

Embora o perdão e o amor de Deus sejam ilimitados, há algo que pode nos impedir de receber esse perdão. Embora o perdão e o amor de Deus sejam ilimitados, há algo que pode nos impedir de receber esse perdão. 1 - A falta de perdão de nossa parte para com alguém. Se não perdoamos nosso irmão, Deus também não

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João

Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João 1:1-4 1:5-7 1:8-10 Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João P1 vs 1-3: O que eles ouviram, viram e tocaram? R: Jesus. P2 vs 3-4: Por que a carta foi escrita? R: Para que os leitores se juntassem ao

Leia mais

Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano

Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano 1 Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano Rua Paraúna n.º 350 Conjunto Celso Machado Bairro Serrano Belo Horizonte Minas Gerais GRUPOS DE ESTUDOS DA MEDIUNIDADE ------------------ 14º MÓDULO -------------------

Leia mais

Humildade. Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro

Humildade. Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro Humildade O S P R A ZE R E S D A A L MA Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro Por que precisamos ser humildes? O orgulho vos induz a julgar-vos mais do que sois; a não suportardes

Leia mais

Estamos começando um novo ano. É bom refletir sobre a natureza do nosso ministério.

Estamos começando um novo ano. É bom refletir sobre a natureza do nosso ministério. Por Bispo Paulo Lockmann. Bispo da Primeira Região Eclesiástica. 1) Pastor-Pastora Um Serviço Distinto Estamos começando um novo ano. É bom refletir sobre a natureza do nosso ministério. Tenho dito aos/às

Leia mais

CELD - 8 o EEJA. Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis. O cérebro triúno. A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade

CELD - 8 o EEJA. Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis. O cérebro triúno. A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade CELD - 8 o EEJA A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis O cérebro triúno O conceito do cérebro triúno foi proposto pelo médico e cientista Paul MacLean.

Leia mais

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos.

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos. Músicas para Páscoa AO PARTIRMOS O PÃO E C#m #m B7 E7 A C#M Refr.: Ao partirmos o pão reconhecemos/ Jesus Cristo por nós ressuscitado./ Sua paz B7 E A B7 E recebemos e levamos,/ Ao nosso irmão que está

Leia mais

OFICINA VIVENCIANDO O ESDE

OFICINA VIVENCIANDO O ESDE OFICINA VIVENCIANDO O ESDE Programa Fundamental I Módulo I Introdução ao Estudo do Espiritismo Roteiro 3 Tríplice Aspecto da Doutrina Espírita CIÊNCIA FILOSOFIA RELIGIÃO CIÊNCIA O QUE É E COMO É FEITO?

Leia mais

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo IV A humanidade

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo IV A humanidade FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo IV A humanidade regenerada OBJETIVOS Esclarecer o significado da expressão

Leia mais

Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus

Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus Romanos 8:13 Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito fizerem morrer os atos do corpo, viverão, Introdução: Cremos

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 1

Ajuntai tesouros no céu - 1 "Ajuntai tesouros no céu" - 1 Mt 6:19-21 "Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a

Leia mais

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE Oo Índice Prefácio, por Gabriel Chalita...11 Introdução...19 1 O Verbo divino...27 2 As bodas de Caná...35 3 A samaritana...41 4 Multiplicação dos pães...49 5 A mulher adúltera...55

Leia mais

Estas palavras ainda tocam profundamente almas sensíveis, especialmente aquelas que vivenciam momentos de aflição ou cansaço emocional.

Estas palavras ainda tocam profundamente almas sensíveis, especialmente aquelas que vivenciam momentos de aflição ou cansaço emocional. Vinde a mim, todos vós que estais aflitos e sobrecarregados, que eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei comigo que sou brando e humilde de coração e achareis repouso para vossas almas,

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação

A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação 1 LIÇÃO 1 A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação que Deus tem Se revelado ao homem. Deus revela-se também através da Palavra Escrita, a Bíblia

Leia mais

O SENHOR JESUS CRISTO

O SENHOR JESUS CRISTO O SENHOR JESUS CRISTO I. SUA EXISTÊNCIA A) Provada pelo Antigo Testamento: (Mq 5.2; Is 9:6 Pai da Eternidade ) B) Provada pelo Novo Testamento: 1) João 1.1, em comparação com o versículo 14. 2) Jo 8.58

Leia mais

Fraternidade Espírita Lar de Luz - FELLUZ

Fraternidade Espírita Lar de Luz - FELLUZ PROGRAMAÇÃO JANEIRO 2013 () 07 Jan 20:15 21:15 O CULTO CRISTÃO DO EVANGELHO NO LAR 14 Jan 21 Jan 28 Jan 20:15 21:15 FÉ CEGA X FÉ RACIOCINADA 20:15 21:15 O ESPIRITISMO EM NOSSAS VIDAS 20:15 21:15 BEM-AVENTURADOS

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca MO DE JANEIRO, 7 DE ABRIL DE 1958.

Leia mais

CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA

CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA INTRODUÇÃO Irmãos! A bíblia nos ensina que Deus nos chama a realizar, a ser, a conhecer e a alcançar muitas coisas, tais como, realizar a obra de Deus, a ser santos,

Leia mais

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida?

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida? Agora você vai conhecer dicas indispensáveis para o ministério de música no serviço à liturgia. Mas as orientações aqui apresentadas não dispensam as observações do celebrante. É ele quem preside e, por

Leia mais

POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS?

POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? 01/12/2003 POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? 2 Índice Geral I POR QUE NÃO ORAMOS COM FREQUÊNCIA?... 4 II QUANDO NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS... 5 III

Leia mais