ORDEM DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS CURSOS DE ENGENHARIA REGISTADOS - Bacharelatos e Licenciaturas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ORDEM DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS CURSOS DE ENGENHARIA REGISTADOS - Bacharelatos e Licenciaturas"

Transcrição

1 ESCOLA CURSO GRAU ESPECIALIDADE NORMAS REGISTO OBS. ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G ÁGUEDA Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Universidade de Aveiro Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Geográfica B Geográf/Topográfica a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 UNIVERSIDADE DE AVEIRO Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia dos Materiais L Mecânica b) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Geológica L Geotécnica a) do n.º 2 UA - ANGRA DO HEROISMO Engenharia e Gestão do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Universidade dos Açores ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE BEJA Engenharia Sistemas Agrícolas e Ambientais B Agrária a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Beja Engenharia Agro-Florestal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Agro-Pecuária B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Alimentar B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Ambiente B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Técnica Agro-Industrial B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Técnica Produção B Agrária a) do n.º 2 Produção Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Produção Animal B Agrária a) do n.º 2 Tecnologia Ind Agro-Alimentares B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Agronómica L Agrária a) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G BEJA Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Beja Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Topográfica B Geográf/Topográfica a) do n.º 2 Engenharia Informática L Informatica a) do n.º 2

2 UNIVERSIDADE DO MINHO Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA BRAGANÇA Engenharia Agronómica B Agrária a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Bragança Engenharia Ambiente e do Território B Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Biotecnológica B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Florestal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Rural B Agrária a) do n.º 2 Gestão Empresa Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Gestão Recursos Florestais B Agrária a) do n.º 2 Melhoramentos Rurais B Agrária a) do n.º 2 Produção Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Produção Animal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Agronómica L Agrária a) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Biotecnológica L Agrária a) do n.º 2 Engenharia Florestal L Agrária a) do n.º 2 Engenharia Zootécnica L Agrária a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G BRAGANÇA Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Bragança Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Química B Química a) do n.º 2 Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia de Energias Renováveis L ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 Engenharia Química e Biológica L Química a) do n.º 2

3 ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA CASTELO BRANCO Engenharia Produção Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Castelo Branco Maquinaria Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Produção Agrícola B Agrária a) do n.º 2 Produção Animal B Agrária a) do n.º 2 Produção Florestal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Biológica e Alimentar B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Ciências Agrárias e Ambiente B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Florestal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Ordenamento Recursos Naturais B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Produção Animal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Produção Florestal B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Recursos Naturais e Ambiente B Agrária a) do n.º 2 Engenharia Agronómica L Agrária a) do n.º 2 Engenharia Biológica e Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia de Protecção Civil L Protecção Civil a) do n.º 2 Engenharia Recursos Naturais e Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR TECNOLOGIA DE CASTELO BRANCO Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Castelo Branco Engenharia Electrotécnica e Telecomunicações B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Industrial B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Informática e das Tecnol Informação B Informática a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e Telecomunicações L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Industrial L Mecânica a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE COIMBRA Engenharia Agro-Pecuária B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico de Coimbra Engenharia Alimentar B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia do Ambiente B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia dos Recursos Florestais B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Indústrias Agro-Alimentares B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Operações Florestais B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004

4 Produção Agrícola B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Produção Animal B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Tecnologia Indústrias Agro-Alimentares B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Agro-Pecuária L Agrária b) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar b) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2 Engenharia Recursos Florestais L Agrária b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Coimbra Engenharia Civil e Minas B Civil a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Electrotecnia B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotecnia e Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática e de Sistemas B Informática a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Química B Quimica a) do n.º 2 Engenharia Química Industrial e Laboratorial B Quimica a) do n.º 2 Engenharia Biológica L Quimica a) do n.º 2 Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Eléctrica e Electrónica L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica L Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 Engenharia Química L Quimica a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G OLIVEIRA HOSPITAL Engenharia Civil e do Ambiente B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Coimbra Engenharia de Computadores e Sistemas Informáticos B Informática a) do n.º 2

5 UNIVERSIDADE DE COIMBRA Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Física L Mecânica b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Bioengenharia L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Aeronáutica L Aeronáutica b) do n.º 2 Engenharia Civil L Civil b) do n.º 2 Engenharia Electromecânica L Mecânica b) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e Computadores L ESP b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 Engenharia Textil L Ind e Qual b) do n.º 2 UNIVERSIDADE DE ÉVORA Engenharia Civil L Civil b) do n.º 2 Engenharia Geológica L Geotécnica b) do n.º 2 Engenharia Energias Renováveis L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informatica b) do n.º 2 Engenharia Mecatrónica L Mecânica b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA Engenharia Alimentar B Alimentar a) do n.º 2 Universidade do Algarve Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia Eléctrica e Electrónica-Sistemas Energia B ESP a) do n.º 2 Engenharia Eléctrica e Electrónica-Tec Inform e Telec B Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Topográfica B Geográf/Topográfica a) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia Eléctrica e Electrónica-Sistemas Energia L ESP a) do n.º 2 Engenharia Eléctrica e Electrónica-Tec Inform e Telec L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Topográfica L Geográf/Topográfica a) do n.º 2 UNIVERSIDADE DO ALGARVE Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2

6 UNIVERSIDADE DA MADEIRA Engenharia Civil L Civil b) do n.º 2 Engenharia Electrónica e Telecomunicações L Electronica Telec. b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR TECNOLOGIA E G DA GUARDA Ciências da Computação B Informática a) do n.º 2 Instituto Politécnico da Guarda Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia da Construção Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia de Energia e Ambiente B ESP a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente B Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Gestão Industrial e da Produção B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Manutenção Industrial B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Mecânica-Electromecânica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Topográfica B Geográf/Topográfica a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Topográfica L Geográf/Topográfica a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR TECNOLOGIA E G DE LEIRIA Engenharia Automóvel B Mecânica a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Leiria Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente B Ambiente a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica - Electrónica B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica - Telecomunicações B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Informática e Comunicações B Informática a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2

7 Engenharia Automóvel L Mecânica a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 Engenharia Redes e Serviços Comunicações L Informática a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR TURISMO E TECNOLOGIA MAR PENICHE Engenharia Alimentar L Alimentar b) do n.º 2 Instituto Politécnico de Leiria ISDOM- INSTITUTO SUPERIOR DOM DINIS Engenharia de Produção e Moldes B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia e Produção Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 ISLA DE LEIRIA Engenharia de Segurança no Trabalho L Segurança a) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA Civil e Minas B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Lisboa Electrotecnia e Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia Electrónica e Telecomunicações B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Energia e Sistemas de Potência B ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática e de Computadores B Informatica a) do n.º 2 Engenharia Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Química B Quimica a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Sistemas Telecomunicações e Electrónica B El. Telec. a) do n.º 2 Química Industrial e Laboratorial B Quimica a) do n.º 2 Engenharia Electrónica Telecomunicações e Computadores L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática e Computadores L Informática a) do n.º 2

8 Engenharia Química e Biológica L Quimica b) do n.º 2 Engenharia Redes Comunicação e Multimédia L Informática b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR NAUTICA INFANTE D. HENRIQUE Máquinas Marítimas B Mecânica a) do n.º 2 Radiotecnia B Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia de Sistemas Marítimos de Electrónica e B Telecomunicações B Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Máquinas Marítimas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Sistemas Electrónicos Marítimos B Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Sistemas Electrónicos Marítimos L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Máquinas Marítimas L Mecânica a) do n.º 2 INSTITUTO MILITAR PUPILOS DO EXERCITO Civil e Minas B Civil a) do n.º 2 Electrotecnia e Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia de Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Electrónica e Telecomunicações B Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Energia e Sistemas de Potência B ESP a) do n.º 2 ISCTE-INSTITUTO UNIVERSITÁRIO DE LISBOA Engenharia Telecomunicações e Informática L Electronica Telec. b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 FACULDADE DE CIÊNCIAS Engenharia Geográfica L Geográf/Topográfica b) do n.º 2 Universidade de Lisboa Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA Engenharia Geológica L Geotécnica b) do n.º 2 Universidade Nova de Lisboa Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 Engenharia de Materiais L Mecânica b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE AGRONOMIA Engenharia Agronómica L Agrária b) do n.º 2 Universidade Técnica de Lisboa Engenharia Florestal e dos Recursos Naturais L Agrária b) do n.º 2 Engenharia Zootécnica L Agrária b) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar b) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO Engenharia Electrónica - Taguspark L Electronica Telec. b) do n.º 2 Universidade Técnica de Lisboa Engenharia Geológica e de Minas L Geotecnica b) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial - Taguspark L Ind e Qual b) do n.º 2

9 Engenharia de Redes de Comunicações - Taguspark L Informatica b) do n.º 2 Engenharia Informática e Computadores - Taguspark L Informática b) do n.º 2 Engenharia Informática e Computadores L Informatica b) do n.º 2 Engenharia de Materiais L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia e Arquitectura Naval L Ind e Qual b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR AUTÓNOMO DE ESTUDOS Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 POLITÉCNICOS Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Engenharia Segurança e Higiene no Trabalho B Segurança a) do n.º 2 Engenharia Protecção Civil L Protecção Civil a) do n.º 2 Engenharia da Segurança no Trabalho L Segurança a) do n.º 2 Ciências Aeronáuticas - Engenharia de Manutenção L Aeronáutica b) do n.º 2 ISTEC-INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Multimédia B Informática a) do n.º 2 Engenharia Multimédia L Informática a) do n.º 2 INSTITUTO ELECTROMECÂNICO E ENERGIA Engenharia de Produção Industrial B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia de Recursos informáticos B Informática a) do n.º 2 INSTITUTO PORTUGUÊS DE ESTUDOS SUPERIORES Engenharia Electrónica e Telecomunicações B Electronica Telec. a) do n.º 2 UNIVERSIDADE AUTÓNOMA DE LISBOA LUIS DE CAMÕES Engenharia informática L Informática a) do n.º 2 UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Bioengenharia L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Civil L Civil b) do n.º 2 Engenharia Industrial L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 Engenharia Mecânica L Mecânica b) do n.º 2 UNIVERSIDADE INDEPENDENTE UNIVERSIDADE LUSÍADA Engenharia Electrotécnica e Computadores L ESP b) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2

10 UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIA Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Biotecnológica L Quimica a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE ELVAS Engenharia Agrária e Desenvolvimento Rural B Agrária a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico de Portalegre Engenharia Agronómica L Agraria b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G PORTALEGRE Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Portalegre Engenharia Comunicação e Técnicas Gráficas B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Industrial e da Qualidade B Ind e Qual a) do n.º 2 Bioengenharia L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia das Energias Renováveis e Ambiente L Mecânica a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica L Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática b) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DO PORTO Civil e Minas B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico do Porto Electrotecnia e Máquinas B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica - Electrónica Computadores B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica - Electrónica Industrial B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica - Sistemas Eléctricos Energia B ESP a) do n.º 2 Engenharia Geotécnica B Geotécnica a) do n.º 2 Engenharia Geotécnica e Geoambiente B Geotécnica a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Instrumentação e Qualidade Industrial B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Manutenção Industrial B ESP a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Mecânica Transportes B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Química B Quimica a) do n.º 2

11 Informática B Informática a) do n.º 2 Química Industrial e Laboratorial B Quimica a) do n.º 2 Engenharia Computação e Instrumentação Médica L Informática b) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e de Computadores L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica-sistemas Eléctricos Energia L ESP a) do n.º 2 Engenharia Geotécnica e Geoambiente L Geotécnica a) do n.º 2 Engenharia Instrumentação e Metrologia L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Mecânica Automóvel L Mecânica b) do n.º 2 Engenharia Qualidade Industrias Química e Biológica L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Química L Quimica a) do n.º 2 Engenharia Sistemas Telecomunicações e Electrónica L Ind e Qual b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR ESTUDOS INDUSTRIAIS E DE GESTÃO Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico do Porto Engenharia de Produção B Mecânica a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Mecânica L Mecânica b) do n.º 2 Engenharia Electromecânica L Mecânica b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR G E TECNOLOGIA DE FELGUEIRAS Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico do Porto Engenharia de Segurança do Trabalho L Segurança a) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE ENTRE DOURO E VOUGA Engenharia da Produção e Manutenção B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia de Produção Industrial L Mecânica a) do n.º 2 INSTITUTO SUPERIOR DE PAÇOS DE BRANDÃO Engenharia Química L Quimica a) do n.º 2 ISLA DE VILA NOVA DE GAIA Engenharia de Segurança no Trabalho L Segurança a) do n.º 2 ISMAI - INSTITUTO SUPERIOR DA MAIA Engenharia de Segurança no Trabalho L Segurança a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA Engenharia Electrónica e de Automação B Electronica Telec. a) do n.º 2 Instituto Politécnico Gaya Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Telecomunicações e Computadores B Electronica Telec. a) do n.º 2

12 Engenharia Electrónica e de Automação L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia Telecomunicações e Computadores L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA Engenharia das Construções Civis B Civil a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia e Gestão da Qualidade L Segurança a) do n.º 2 UNIVERSIDADE LUSÍADA DE VILA NOVA DE FAMALICÃO Engenharia Electrónica e Informática L Electronica Telec. a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Mecãnica L Mecânica a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA Engenharia Eléctrica L ESP b) do n.º 2 Instituto Politécnico do Cávado e do Ave Engenharia em Desenvolvimento de Jogos Digitais L Informática b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR SAÚDE DO VALE DE SOUSA Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Instituto Politécnico Saúde do Norte ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE SANTARÉM Engenharia Agrária B Agraria a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Santarém Engenharia Agro-Alimentar B Agraria a) do n.º 2 Engenharia Alimentar B Agraria a) do n.º 2 Engenharia da Gestão e Ordenamento Rural B Agraria a) do n.º 2 Engenharia da Produção B Agraria a) do n.º 2 Engenharia da Produção Animal B Agraria a) do n.º 2 Produção Agrícola B Agraria a) do n.º 2 Produção Animal B Agraia a) do n.º 2 Tecnologia Indústrias Agro-Alimentares B Agraria a) do n.º 2 Engenharia Agronómica L Agraria a) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2

13 Engenharia Ordenamento e Desenvolvimento Rural L Agraria a) do n.º 2 Engenharia Produção Animal L Agraria a) do n.º 2 ISLA DE SANTARÉM Engenharia de Segurança no Trabalho L Segurança a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DE SETÚBAL Electricidade Industrial B ESP a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Setúbal Engenharia Automação, Controlo e Instrumentação B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente B Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Electromecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Electrónica e de Computadores B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Instrumentação e Controlo B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Produção Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Térmica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Automação, Controlo e Instrumentação L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Electrotecnica e de Computadores * Electrónica e Telecomunicações L El. Telec. a) do n.º 2 * Electrónica e Computadores L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Biomédica L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electrotecnica e de Computadores * Electromecânica L ESP a) do n.º 2 * Energias Renováveis e Sistemas de Potência L ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática L Informática a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DO BARREIRO Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Setúbal Engenharia Química L Química b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOCLOGIA DE TOMAR Engenharia Civil B Civil a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Tomar Engenharia de Construção civil B Civil a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente B Ambiente a) do n.º 2

14 Engenharia Eléctrica Industrial B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e Computadores B ESP a) do n.º 2 Engenharia Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia Química B Química a) do n.º 2 Engenharia Química Industrial B Química a) do n.º 2 Tecnologia de Celulose e Papel B Química a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente e Biológica L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e Computadores L ESP a) do n.º 2 Engenharia Química e Bioquímica L Química a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR TECNOLOGIA DE ABRANTES Engenharia e Gestão Industrial B Mecânica a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico de Tomar Engenharia Mecânica B Mecânica a) do n.º 2 até Dez 2004 ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE PONTE DE LIMA Agricultura B Agraria a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Viana do Castelo Horticultura B Agraria a) do n.º 2 Engenharia Agrária B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Agro-Pecuária B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia do Ambiente e Recursos Rurais B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Horticula e Paisagista B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Técnica Agrária B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Agronómica L Agraria b) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G VIANA DO CASTELO Engenharia Alimentar B Alimentar a) do n.º 2 Instituto Politécnico de Viana do Castelo Engenharia Cerâmica B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Civil e do Ambiente B Civil a) do n.º 2 Engenharia Computação Gráfica e Multimédia B Informática a) do n.º 2 Engenharia de Sistemas de Informação B Informática a) do n.º 2 Engenharia Electronica e Redes de Computadores B El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Química B Química a) do n.º 2

15 Engenharia Alimentar L Alimentar a) do n.º 2 Engenharia Civil e do Ambiente L Civil a) do n.º 2 Engenharia Computação Gráfica e Multimédia L Informática a) do n.º 2 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis L ESP a) do n.º 2 Engenharia Electronica e Redes de Computadores L El. Telec. a) do n.º 2 Engenharia Informática L Informatica a) do n.º 2 Engenharia Química L Química a) do n.º 2 Engenharia Tecnologia Materiais L Mecânica b) do n.º 2 ESCOLA DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E VETERINÁRIAS Engenharia Agronómica L Agrária b) do n.º 2 Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Engenharia Florestal L Agrária b) do n.º 2 Engenharia Zootécnica L Agrária b) do n.º 2 ESCOLA DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA Engenharia Biomédica L Ind e Qual b) do n.º 2 Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Engenharia Civil L Civil b) do n.º 2 Engenharia de Energias L ESP b) do n.º 2 Engenharia de Reabilitação e Acessibilidade L b) do n.º 2 Humanas L Ind e Qual b) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica e de Computadores L ESP b) do n.º 2 Engenharia Mecânica L Mecânica b) do n.º 2 ESCOLA DE CIÊNCIAS DA VIDA E DO AMBIENTE Engenharia do Ambiente L Ambiente b) do n.º 2 Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Bioengenharia L Ind e Qual b) do n.º 2 INSTITUTO PIAGET - Mirandela ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE VISEU Engenharia Agrária B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Instituto Politécnico de Viseu Engenharia Agrícola B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Zootécnica B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia das Ciências Vitivinicolas B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia das Industrias Agro-Alimentares B Agraria a) do n.º 2 até Dez 2004 Engenharia Agronómica L Agraria b) do n.º 2 Engenharia Florestal L Agraria b) do n.º 2 Engenharia Zootécnica L Agraria b) do n.º 2 Engenharia Alimentar L Alimentar b) do n.º 2

16 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DE VISEU Engenharia Civil B Civil Instituto Politécnico de Viseu Engenharia das Madeiras B Mecânica Engenharia do Ambiente B Ambiente Engenharia Electrotécnica B ESP a) do n.º 2 Engenharia Mecânica e Gestão Industrial B Mecânica a) do n.º 2 Engenharia Produção e Manutenção Industrial B Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia de Sistemas e Informática B Informática a) do n.º 2 Engenharia de Madeiras L Mecânica a) do n.º 2 Engenharia do Ambiente L Ambiente a) do n.º 2 Engenharia e Gestão Industrial L Ind e Qual a) do n.º 2 Engenharia Electrotécnica L ESP a) do n.º 2 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E G DE LAMEGO Engenharia informática e Telecomunicações B Electronica Telec. a) do n.º 2 INSTITUTO PIAGET - Viseu

ANET - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS

ANET - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS ANET - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS GRUPO 2 CURSOS DE LICENCIATURA EM ENGENHARIA REGISTADOS MAS AINDA NÃO ANALISADOS PELA ANET COLÉGIO DE ENGENHARIA CIVIL. Universidade Católica Portuguesa

Leia mais

ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS

ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS ANET-ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS GRUPO 1 CURSOS REGISTADOS E ANALISADOS PELA ANET, CONSIDERADOS HABILITANTES PARA A REALIZAÇÃO DE TODOS OS ACTOS DA ESPECIALIDADE CURSOS REGISTADOS -GRUPO

Leia mais

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA 04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA Curso / Habilitação Grau Condições especiais Engenharia Agronómica ramo: Hortofruticultura Da Universidade do Algarve Engenharia Civil Da Universidade Fernando Pessoa

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014: 1.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014: 1.ª FASE da Nome da Nome Grau 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 10 134,0 5 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição

Leia mais

AVEIRO. vagas colocados Engenharia Geográfica L1 30 7 ALGARVE. Engenharia Geológica L1 20 8 Física L1 22 8 Finanças (regime pós-laboral) L1 20 6 UBI

AVEIRO. vagas colocados Engenharia Geográfica L1 30 7 ALGARVE. Engenharia Geológica L1 20 8 Física L1 22 8 Finanças (regime pós-laboral) L1 20 6 UBI AÇORES Ciências da Engenharia Civil L1 20 1 Património Cultural L1 20 6 Ciências Agrárias L1 10 10 Informática - Redes e Multimédia L1 25 8 Engenharia e Gestão do Ambiente L1 20 0 ALGARVE Engenharia Civil

Leia mais

Anexo C. Estabelecimentos de Ensino Superior. Índice

Anexo C. Estabelecimentos de Ensino Superior. Índice Anexo C Estabelecimentos de Ensino Superior Índice Anexo C1 - Estabelecimentos de Ensino Superior: Situação em 1980...c.2 Anexo C2 - Estabelecimentos de Ensino Superior: Situação em 1990...c.4 Anexo C3

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados Instituição Grau (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (8) (9) 3122 9670 Instituto Politécnico de Portalegre - Escola Superior de Tecnologia e GestãoAdministração de Publicidade e Marketing L1 27 18 111,3 9 3102

Leia mais

8031 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 8086 Medicina Veterinária (Preparatórios)

8031 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 8086 Medicina Veterinária (Preparatórios) 0110 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 8031 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 158,8 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 130,0 8086 Medicina Veterinária (Preparatórios) 158,8 9022 Ciências

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR. 2011, 2012, 2013 _ Alterações aos Guias n. os 77 e 78 PÚBLICO PRIVADO GUIAS DO ENSINO SUPERIOR

PROVAS DE INGRESSO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR. 2011, 2012, 2013 _ Alterações aos Guias n. os 77 e 78 PÚBLICO PRIVADO GUIAS DO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR PROVAS DE INGRESSO 2011, 2012, 2013 _ Alterações aos Guias n. os 77 e 78 PÚBLICO PRIVADO Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior DIRECÇÃO-GERAL

Leia mais

Código Instit. Código Curso Vagas 2015 Vagas 2014

Código Instit. Código Curso Vagas 2015 Vagas 2014 Código Instit. Código Curso Vagas 2015 Vagas 2014 Nota último colocado 1ª Fase 2014 (cont. geral) Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 8031 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 15 15 134,0 8086

Leia mais

9718 Comunicação Social e Cultura 9720 Comunicação, Cultura e Organizações

9718 Comunicação Social e Cultura 9720 Comunicação, Cultura e Organizações 0130 0130 0130 0130 0130 0130 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 8083 Ciclo Básico de Medicina 8083 Ciclo Básico de Medicina Universidade dos Açores - Ponta Delgada Universidade dos Açores -

Leia mais

Instituição da R.A. dos Açores Curso Superior. Instituição de Ensino Superior Curso Superior Congénere. 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada

Instituição da R.A. dos Açores Curso Superior. Instituição de Ensino Superior Curso Superior Congénere. 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 0201 Universidade do Algarve - Faculdade de Ciências Humanas e Sociais 9219 Psicologia 9219 Psicologia 0203 0203 0203 0204 0204 0204 0300 0300 0300 0300 0300 0300 0300 0300 Universidade do Algarve - Faculdade

Leia mais

9196 Línguas e Relações Empresariais 9196 Línguas e Relações Empresariais

9196 Línguas e Relações Empresariais 9196 Línguas e Relações Empresariais 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 8083 Ciclo Básico de Medicina 8083 Ciclo Básico de Medicina 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 0130 Universidade

Leia mais

Todas as vagas das universidades e politécnicos

Todas as vagas das universidades e politécnicos 28 ENSINO SUPERIOR Todas as vagas das universidades e politécnicos Listas. Este ano há lugar para 53 410 novos alunos, através do concurso nacional. Veja a lista com todas as vagas por estabelecimento

Leia mais

9718 Comunicação Social e Cultura 9720 Comunicação, Cultura e Organizações

9718 Comunicação Social e Cultura 9720 Comunicação, Cultura e Organizações Congénere 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 8083 Ciclo Básico de Medicina 8083 Ciclo Básico de Medicina 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada 0130 Universidade dos Açores - Ponta Delgada

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE Nome da Nome do Grau Coloca 0110 8031 Universidade dos Açor - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 11 130,8 4 0110 8085 Universidade dos Açor - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO DE 2013 RESULTADOS DA 2.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO DE 2013 RESULTADOS DA 2.ª FASE 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 10 1 1 10 127,3 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição (Preparatórios)

Leia mais

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Ciência e Tecnologia dos Alimentos

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Ciência e Tecnologia dos Alimentos Universitário R.A.Açores Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 7264 - Corte e Tecnologia de Carnes 541 - Indústrias es Universitário R.A.Açores Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 7109 -

Leia mais

Direção-Geral do Ensino Superior Página 1 de 21

Direção-Geral do Ensino Superior Página 1 de 21 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 8 1 0 9 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição (Preparatórios) PL 14

Leia mais

9020 Ciência Política e Relações Internacionais

9020 Ciência Política e Relações Internacionais 0201 Universidade do Algarve - Faculdade de Ciências Humanas e Sociais 9219 Psicologia 9219 Psicologia 0203 Universidade do Algarve - Faculdade de Ciências e Tecnologia 0110 Universidade dos Açores - Angra

Leia mais

Acesso ao Ensino Superior 2013/2014

Acesso ao Ensino Superior 2013/2014 Page 1 of 15 CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE - CONTINGENTE GERAL Código da Código do Vagas Nota de candidatura Vagas instituição curso Nome do curso Grau iniciais

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE Nome da Nome do Grau 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 11 130,8 4 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição

Leia mais

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES CURSOS CONGÉNERES DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR JULHO DE 2012

Leia mais

1. PARES ESCOLA/CURSO REGISTADOS INST. POLITÉC./ UNIVERSIDADE ESTABELECIMENTO DE ENSINO

1. PARES ESCOLA/CURSO REGISTADOS INST. POLITÉC./ UNIVERSIDADE ESTABELECIMENTO DE ENSINO 1. PARES ESCOLA/CURSO REGISTADOS INST. POLITÉC./ UNIVERSIDADE ESTABELECIMENTO DE ENSINO CURSO PRÉ-BOLONHA ESPECIALIDADE LICENCIATURA PÓS-BOLONHA ESPECIALIDADE INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA Eng.ª Alimentar

Leia mais

Reconhecimento de graus académicos - pares instituições PT/BR - Universidade dos Açores

Reconhecimento de graus académicos - pares instituições PT/BR - Universidade dos Açores Reconhecimento de graus académicos - pares instituições PT/BR - Universidade dos Açores posterior à implementação do Universidade dos Açores Engenharia Agronómica UFMT Engenharia agrícola e ambiental Universidade

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2013: 1.ª FASE Nome da Nome do Grau 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 11 130,8 4 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição

Leia mais

Nome da instituição Nome do curso Grau Vagas iniciais de 2013

Nome da instituição Nome do curso Grau Vagas iniciais de 2013 Nome da instituição Nome do Grau na 1.ª fase de pelo 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) Prep. Mestrado Integrado 15 15 155,8 0110 8085 Universidade

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 215-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados Instit. Curso Instituição Curso Grau Vagas Iniciais Ministério da Educação e Ciência - Direcção Geral do Ensino Superior

Leia mais

EDITAL CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2015 3.ª FASE

EDITAL CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2015 3.ª FASE EDITAL CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO.ª FASE. Nos termos do n.º do artigo.º do regulamento do concurso nacional de acesso e ingresso no ensino superior público para a matrícula

Leia mais

WWW.WEB-EMPREGO.COM. 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO: 2010 Código Código Iniciais. (vagas adicionais)

WWW.WEB-EMPREGO.COM. 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO: 2010 Código Código Iniciais. (vagas adicionais) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (8) (9) (10) 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 15 0 155,8 0 0110 8085 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo

Leia mais

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2011 SUPLEMENTO N.º 1 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES CURSOS CONGÉNERES DIRECÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR JULHO DE 2011

Leia mais

Universidade dos Açores Engenharia Zootécnica Engenharia Zootécnica Agronómica. Engenharia do Ambiente Engenharia Biotecnológica

Universidade dos Açores Engenharia Zootécnica Engenharia Zootécnica Agronómica. Engenharia do Ambiente Engenharia Biotecnológica LISTA DOS CURSOS QUE CONFEREM DISPENSA DE PRESTAÇÃO DE PROVAS DE ADMISSÃO À OE* Até 31 de Julho de 2011 A presente lista identifica os cursos de Licenciatura pré-bolonha e de Mestrado pós-bolonha cujos

Leia mais

Nome do Estabelecimento Nome do Curso Grau Vagas Iniciais

Nome do Estabelecimento Nome do Curso Grau Vagas Iniciais Nome do Estabelecimento Nome do Grau 0110 1131 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências da Nutrição (Preparatórios) P 12 0 6 0 126,5 6 0110 1603 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo

Leia mais

EDITAL VAGAS PARA A 2.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO 2015

EDITAL VAGAS PARA A 2.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO 2015 EDITAL VAGAS PARA A.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO 0. Nos termos do artigo.º do Regulamento do Concurso Nacional de Acesso e Ingresso no Ensino Superior Público para a Matrícula e Inscrição no Ano

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Resultados Código Instit. Código Curso Instituição Curso Grau Vagas Iniciais Colocados Nota do últ. colocado (cont. geral) (1) (2)

Leia mais

CONTINGENTE ESPECIAL PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA FÍSICA OU SENSORIAL: 2007-2011

CONTINGENTE ESPECIAL PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA FÍSICA OU SENSORIAL: 2007-2011 Colocados CONCURSO NACIONAL DE ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO CONTINGENTE ESPECIAL PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA FÍSICA OU SENSORIAL: 2007-2011 Etapa 1: colocação dos candidatos às vagas

Leia mais

Estabelecimento Sobras da 1.ª Fase

Estabelecimento Sobras da 1.ª Fase Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 00 90 Ciências Agrárias 00 0 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 00 994 Energias Renováveis 00 9 Engenharia e Gestão do Ambiente 00 9 Guias da Natureza Universidade

Leia mais

Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA*

Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA* Acesso ao curso de Licenciatura em ENGENHARIA DO AMBIENTE (ESTGV/IPV) para titulares de CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA* * CETs referenciados pelo Conselho Técnico-Científico da ESTGV para acesso

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2013, 2014, 2015 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2013, 2014, 2015 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2013, 2014, 2015 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2010-1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2010-1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Código Código Nome do Estabelecimento Nome do Curso Grau Localidade 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas

Leia mais

Estabelecimento Sobras da 3.ª Fase. Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 0110 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 16 3 10 9

Estabelecimento Sobras da 3.ª Fase. Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 0110 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 16 3 10 9 Sobras da.ª Fase Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 00 0 Ciências Agrárias 00 0 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 00 Energias Renováveis 00 0 Engenharia e Gestão do Ambiente 0 00 Guias da Natureza

Leia mais

0202 Universidade do Algarve - Faculdade de Ciências do Mar e do Ambiente

0202 Universidade do Algarve - Faculdade de Ciências do Mar e do Ambiente 0110 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 8031 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 155,5 8085 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 128,8 8086 Medicina Veterinária (Preparatórios) 154,8 9022 Ciências

Leia mais

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 (Atualizado a 17.04.2013) Universidade dos Açores Universidade do Algarve Ciências Biológicas e da Saúde

Leia mais

Universitário 7500 Academia da Força Aérea História Militar. Universitário 7510 Academia Militar Guerra de Informação

Universitário 7500 Academia da Força Aérea História Militar. Universitário 7510 Academia Militar Guerra de Informação Distrito Subsistema Tipo de ensino Cód. Estab. Nome do Estabelecimento Nome do Curso Grau Lisboa Público Militar e Policial Universitário 7500 Academia da Força Aérea História Militar Lisboa Público Militar

Leia mais

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 (Atualizado a 11.01.2013) Universidade dos Açores Universidade do Algarve Ciências Agrárias Ciências

Leia mais

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14

Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 Programa Ciência sem Fronteiras (Portugal) Ofertas formativas de Graduação para o ano letivo 2013/14 (Atualizado a 1.03.2013) Universidade dos Açores Universidade do Algarve Ciências Biológicas e da Saúde

Leia mais

Instituição. Número de Conselheiros Nacionais a eleger por Secção Sindical - 1

Instituição. Número de Conselheiros Nacionais a eleger por Secção Sindical - 1 Instituição Lugares no CN Academia Militar Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto Centro de Investigação Marinha e Ambiental, Laboratório Associado da Universidade

Leia mais

Ensino Superior Universitário e Politécnico (Público; Privado; Militar e Policial; Católica)

Ensino Superior Universitário e Politécnico (Público; Privado; Militar e Policial; Católica) Ensino Superior Universitário e Politécnico (Público; Privado; Militar e Policial; Católica) Ano letivo 2012/2013 Nota informativa: esta listagem está ordenada por nome do curso da outra Intituição de

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DADOS ESTATÍSTICOS EMPREGABILIDADE NOS CICLOS DE ESTUDOS DE ARQUITETURA E DESIGN EM PORTUGAL 2010

ANÁLISE COMPARATIVA DADOS ESTATÍSTICOS EMPREGABILIDADE NOS CICLOS DE ESTUDOS DE ARQUITETURA E DESIGN EM PORTUGAL 2010 ANÁLISE COMPARATIVA DADOS ESTATÍSTICOS EMPREGABILIDADE NOS CICLOS DE ESTUDOS DE ARQUITETURA E DESIGN EM PORTUGAL 2010 EMPREGABILIDADE A informação estatística recolhida neste documento é baseada no relatório

Leia mais

A Rede de Ensino Superior em Portugal e a sua cobertura geográfica com critérios de distância e temporais

A Rede de Ensino Superior em Portugal e a sua cobertura geográfica com critérios de distância e temporais A Rede de Ensino Superior em Portugal e a sua cobertura geográfica com critérios de distância e temporais Maria Cristina Canavarro Teixeira Instituto Politécnico de Castelo Branco Escola Superior Agrária,

Leia mais

Estabelecimento/Curso Grau Vagas iniciais

Estabelecimento/Curso Grau Vagas iniciais Estabelecimento/Curso Grau ENSINO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE DOS AÇORES - ANGRA DO HEROÍSMO Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 16 155,8 0 Ciências da Nutrição (Preparatórios) PL 15 14 115,0 1

Leia mais

RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO

RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015 RESULTADOS DA 1.ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO NOTA 1. Encontra se concluída a colocação na primeira fase do 39.º concurso nacional de acesso, tendo sido admitidos,

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2016, 2017, 2018 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços de

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares instituição/curso objeto de concurso nacional Código Instit.

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares instituição/curso objeto de concurso nacional Código Instit. ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Nome da Instituição Nome do Grau Direção-Geral do Ensino Superior Página 1 de 25 Fase (cont. geral) 0110 8031 Universidade dos Açores

Leia mais

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Engenharia Informática

IPBeja - Cursos de Especialização Tecnológica que dão acesso ao curso de Engenharia Informática IPBeja - s de Especialização Tecnológica que dão acesso ao de Engenharia Informática Área Barcelos ACIB - Associação Comercial e Industrial de Barcelos Aplicações Informáticas de Gestão AFTEBI - Associação

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Direcção-Geral do Ensino Superior. Estabelecimento Vagas 3.ª Fase

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Direcção-Geral do Ensino Superior. Estabelecimento Vagas 3.ª Fase Vagas.ª Fase Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 00 0 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 00 0 Medicina Veterinária (Preparatórios) 00 0 Ciências Agrárias 00 0 Engenharia e Gestão do Ambiente

Leia mais

ENSINO SUPERIOR PARTICULAR

ENSINO SUPERIOR PARTICULAR ENSINO SUPERIOR PARTICULAR 210 4010 8136 Escola Superior Artística do Porto L - 1º ciclo Animação e Produção Cultural 1.º 6 Sem 180 20 210 4010 9257 Escola Superior Artística do Porto MI Arquitectura 1.º

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2009-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares estabelecimento/curso objecto de concurso nacional Código Estab.

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2009-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares estabelecimento/curso objecto de concurso nacional Código Estab. ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2009-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares estabelecimento/curso objecto de concurso nacional Estab. Curso Nome do Estabelecimento Nome do Curso Grau Localidade Vagas 2009

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Direcção-Geral do Ensino Superior. Estabelecimento Vagas 2.ª Fase

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Direcção-Geral do Ensino Superior. Estabelecimento Vagas 2.ª Fase Vagas.ª Fase Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo 00 0 Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) 00 0 Ciências da Nutrição (Preparatórios) 00 0 Medicina Veterinária (Preparatórios) 00 0 Ciências Agrárias

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO ALTERAÇÕES PARA 2015, 2016, 2017 PÚBLICO PRIVADO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

Número de. Gabinete de Planeamento e Políticas. Inspecção-Geral da Agricultura e Pescas. 11 851 Tecnologia de protecção do ambiente

Número de. Gabinete de Planeamento e Políticas. Inspecção-Geral da Agricultura e Pescas. 11 851 Tecnologia de protecção do ambiente MADRP Entida Promotora Autorida Gestão do Programa Desenvolvimento Rural do Continente Autorida Gestão do PROMAR Autorida Florestal Nacional Direcção-Geral Veterinária Direcção Regional das Florestas Lisboa

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA DO CONSUMIDOR OBSERVATÓRIO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Estabelecimento/Curso Estabelecimento/Curso Estabelecimento/Curso

Estabelecimento/Curso Estabelecimento/Curso Estabelecimento/Curso ENSINO UNIVERSITÁRIO Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 15 11 130,8 4 Ciências da Nutrição (Preparatórios) PL 15 5 122,5 10 Medicina Veterinária (Preparatórios)

Leia mais

Estabelecimento de ensino diplom a 1 2 3

Estabelecimento de ensino diplom a 1 2 3 Cursos previstos no art. 55.º do Estatuto da Carreira Docente que relevam para a aplicação da alínea c) do n.º 1 do art. 14.º do Decreto-ei n.º20/2006, de 31 de Janeiro 1 Cursos de licenciatura, diplomas

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 906-() Diário da República,.ª série N.º 56 de Março de 00 MINISTÉRIO DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Portaria n.º 7-A/00 de de Março O Decreto -Lei n.º 8/00, de 9 de Março, prevê, no seu artigo

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2015

PROVAS DE INGRESSO 2015 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2015 PÚBLICO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços de Acesso ao Ensino Superior Av. Duque

Leia mais

SAÍDAS PROFISSIONAIS

SAÍDAS PROFISSIONAIS SAÍDAS PROFISSIONAIS Telf: 234 340 220 * Fax: 234 343 272 * info@aesbernardo.pt * www.aesbernardo.pt Página 1 de 6 CURSO CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS ÁREA DAS CIÊNCIAS ÁREA DA ANIMAÇÃO ÁREA DA SAÚDE AREA DO

Leia mais

QUADRO I CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014 RESULTADOS POR SUBSISTEMA APÓS A COLOCAÇÃO NA 3.ª FASE

QUADRO I CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DE 2014 RESULTADOS POR SUBSISTEMA APÓS A COLOCAÇÃO NA 3.ª FASE NOTA 1. No ano letivo de 2014-2015 foram admitidos no ensino superior público 41 464 estudantes através do concurso nacional de acesso 1. 2. Esses estudantes distribuíram-se da seguinte forma: QUADRO I

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2013

PROVAS DE INGRESSO 2013 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2013 PÚBLICO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO- GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços de Acesso ao Ensino Superior Av. Duque

Leia mais

Ensino Superior Público Universitário

Ensino Superior Público Universitário Ensino Superior Público Universitário Universidade da Beira Interior Universidade da Madeira Universidade de Aveiro Universidade de Coimbra Universidade de Évora Universidade de Lisboa Universidade de

Leia mais

CURSOS QUE CONFEREM HABILITAÇÃO PRÓPRIA PARA A DOCÊNCIA. Grupo de Recrutamento 530 - Educação Tecnológica

CURSOS QUE CONFEREM HABILITAÇÃO PRÓPRIA PARA A DOCÊNCIA. Grupo de Recrutamento 530 - Educação Tecnológica Arquitectura Arquitectura (Curso superior) 1º Arquitectura e Urbanismo Universidade Fernando Pessoa Arte e Comunicação ramo de Audiovisual; ramo Fotográfico; ramo de Multimédia Escola Superior Artística

Leia mais

Cursos de Aprendizagem Oferta de Formação do IEFP, IP 2013 (atualizada em 2013-03-15)

Cursos de Aprendizagem Oferta de Formação do IEFP, IP 2013 (atualizada em 2013-03-15) Cursos de Aprendizagem Oferta de Formação do IEFP, IP 201 (atualizada em 201-0-15) Guarda 0 21 - Audiovisuais e Produção dos Media Técnico/a de Desenho Gráfico Guarda 2-Set-1 Médio Tejo 2 21 - Audiovisuais

Leia mais

Portuguese Higher Education Institutions Source: http://www.dges.mctes.pt

Portuguese Higher Education Institutions Source: http://www.dges.mctes.pt Portuguese Higher Education Institutions Source: http://www.dges.mctes.pt October 2011 PUBLIC UNIVERSITIES REGION OF THE NORTH Porto University - Universidade do Porto URL: www.up.pt Trás-os-Montes and

Leia mais

3 Cursos de licenciaturas e diplomas de estudos superiores especializados constantes do Despacho n.º 25 156/2002, de 26 de Novembro, a considerar:

3 Cursos de licenciaturas e diplomas de estudos superiores especializados constantes do Despacho n.º 25 156/2002, de 26 de Novembro, a considerar: s previstos no art. 56.º do Estatuto da Carreira Docente que relevam para a aplicação da alínea c) do n.º 1 do art. 14.º do Decreto-Lei n.º35/2003, de 27 de Fevereiro, na redacção dada pelo Decreto-Lei

Leia mais

Acesso ao Ensino Superior

Acesso ao Ensino Superior Acesso ao Ensino Superior 2011 Condições de Candidatura Ter aprovação num curso do Ensino Secundário Ter realizado, em 2009 e/ou 2010 e/ou 2011, as Provas de Ingresso Satisfazer os Pré-Requisitos, se pedidos

Leia mais

MAPA VII DESPESAS DOS SERVIÇOS E FUNDOS AUTÓNOMOS, POR CLASSIFICAÇÃO ORGANICA, COM ESPECIFICAÇÃO DAS DESPESAS GLOBAIS DE CADA SERVIÇO E FUNDO

MAPA VII DESPESAS DOS SERVIÇOS E FUNDOS AUTÓNOMOS, POR CLASSIFICAÇÃO ORGANICA, COM ESPECIFICAÇÃO DAS DESPESAS GLOBAIS DE CADA SERVIÇO E FUNDO ANO ECONÓMICO DE 2010 Página 1 01 - ENCARGOS GERAIS DO ESTADO ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA COFRE PRIVATIVO DO TRIBUNAL DE CONTAS - SECÇÃO REGIONAL DA MADEIRA COFRE PRIVATIVO DO TRIBUNAL DE CONTAS - SECÇÃO REGIONAL

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO 11 1.ª FASE DEZEMBRO DE 2011 ÍNDICE Nota Introdutória... 3 Conceitos... 4 Grandes Números... 5 Candidatos, Vagas, Colocados e Matriculados... 6 OFERTA FORMATIVA... 7 Vagas por

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2013

PROVAS DE INGRESSO 2013 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2013 PÚBLICO COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços de Acesso ao Ensino Superior Av. Duque

Leia mais

Ensino Superior 2007 MANUEL ROBERTO

Ensino Superior 2007 MANUEL ROBERTO Colocações Ensino Superior 2007 MANUEL ROBERTO 2 Público Domingo 16 Setembro 2007 Ensino Superior Resultados da 1.ª fase do concurso nacional de acesso PAULO RICCA Alguns dados Notas de entrada mais altas

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 2010. Provas de Ingresso - 2010. Ensino Superior Público

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 2010. Provas de Ingresso - 2010. Ensino Superior Público ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 2010 Provas de Ingresso - 2010 Ensino Superior Público Direcção-Geral do Ensino Superior Fevereiro de 2010 Ficha técnica Título: Acesso ao Ensino Superior 2010 - Provas de Ingresso

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2013

PROVAS DE INGRESSO 2013 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2013 PRIVADO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA E COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO- GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

552 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-B N. o 17 24 de Janeiro de 2006 MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

552 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-B N. o 17 24 de Janeiro de 2006 MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO 552 DIÁRIO DA REPÚBICA I SÉRIE-B N. o 17 24 de Janeiro de 2006 MINISTÉRIO DO TRABAHO E DA SOIDARIEDADE SOCIA ANEXO I Modelo do cartão Frente Portaria n. o 87/2006 de 24 de Janeiro A ei n. o 71/98, de 3

Leia mais

PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS MINISTÉRIO DAS FINANÇAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA

PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS MINISTÉRIO DAS FINANÇAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA 1992-(4) Diário da República, 2.ª série N.º 14 24 de julho de 2015 PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Gabinete do Secretário de Estado da Administração Local Despacho n.º 8126-B/2015 Considerando

Leia mais

A Formação de Engenheiros em Portugal

A Formação de Engenheiros em Portugal A Formação de Engenheiros em Portugal Engenharia Electrotécnica e de Computadores 1MIEEC05_03 Eduardo Grifo Gonçalo Silva Joana Lopes Rafael Quintão Agradecimentos Gostaríamos de fazer um agradecimento

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013 356 Diário da República, 1.ª série N.º 13 18 de janeiro de 2013 Declaração de Retificação n.º 4/2013 Nos termos das disposições conjugadas da alínea r) do n.º 2 do artigo 2.º e do artigo 11.º do Decreto

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2015

PROVAS DE INGRESSO 2015 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2015 PRIVADO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA E COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012

CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR CANDIDATURA AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2012 SUPLEMENTO N.º 2 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA CURSOS CONGÉNERES DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR JULHO DE 2012

Leia mais

ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Círculo eleitoral dos Açores Aliança Açores Partido Social Democrata Partido Democrático do Atlântico CDS-PP. PPD/D PDA Círculo eleitoral de Aveiro Partido Cidadania e Democracia Cristã PPV/CDC PPD/D.

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2014

PROVAS DE INGRESSO 2014 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - GUIAS PROVAS DE INGRESSO 2014 PRIVADO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA E COMISSÃO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direção de Serviços

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2011

PROVAS DE INGRESSO 2011 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR PROVAS DE INGRESSO 2011 PÚBLICO Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior DIRECÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direcção de Serviços de Acesso ao Ensino

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS 4696 Diário da República, 1.ª série N.º 151 7 de agosto de 2013 MINISTÉRIO DAS FINANÇAS Portaria n.º 252/2013 de 7 de agosto A 2.ª edição do Programa de Estágios Profissionais na Administração Pública

Leia mais

Proposta de Oferta Formativa Ensino Profissional - Ciclo de Formação 2009-2012 Escolas Profissionais Privadas - Intenções

Proposta de Oferta Formativa Ensino Profissional - Ciclo de Formação 2009-2012 Escolas Profissionais Privadas - Intenções Proposta de Oferta Formativa Ensino Profissional - Ciclo de Formação 009-01 Escolas Profissionais Privadas - Intenções Família Curso Portaria Escola Profissional Localidade Turmas Actividades Agrícolas

Leia mais

PROVAS DE INGRESSO 2011

PROVAS DE INGRESSO 2011 ACESSO AO ENSINO SUPERIOR GUIAS DO ENSINO SUPERIOR PROVAS DE INGRESSO 2011 PRIVADO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior DIRECÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Direcção

Leia mais

Área de Ciências Biologia. Biologia e Geologia. Bioquímica. Ciência Alimentar Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9693

Área de Ciências Biologia. Biologia e Geologia. Bioquímica. Ciência Alimentar Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9693 Área de Ciências Biologia Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9011 Nota do último colocado: 2012: 139,9 2013: 134,0 Biologia e Geologia Código Par Instituição / Curso: 1204 / 9012 Nota do último colocado:

Leia mais

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para)

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) DE (Engenharia Agronômica) (Visão Sistêmica em Agronegócios)

Leia mais

MAPA V RECEITAS DOS SERVIÇOS E FUNDOS AUTÓNOMOS, POR CLASSIFICAÇÃO ORGANICA, COM ESPECIFICAÇÃO DAS RECEITAS GLOBAIS DE CADA SERVIÇO E FUNDO

MAPA V RECEITAS DOS SERVIÇOS E FUNDOS AUTÓNOMOS, POR CLASSIFICAÇÃO ORGANICA, COM ESPECIFICAÇÃO DAS RECEITAS GLOBAIS DE CADA SERVIÇO E FUNDO ANO ECONÓMICO DE 2013 Página 1 01 ENCARGOS GERAIS DO ESTADO ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA - ORÇAMENTO PRIVATIVO COFRE PRIVATIVO DO TRIBUNAL DE CONTAS - AÇORES-ORÇAMENTO PRIVATIVO COFRE PRIVATIVO DO TRIBUNAL

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-2ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Classificações dos últimos colocados Código Instit.

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015-2ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Classificações dos últimos colocados Código Instit. Classificações dos últimos s Nome da Instituição Nome do Grau de 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo Ciências Farmacêuticas (Preparatórios) PM 6 0 1 143,5 5 0110 8086 Universidade dos

Leia mais

ANEXO LISTA DOS CURSOS DE GRADUAÇÂO ELEGIVEIS PELO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

ANEXO LISTA DOS CURSOS DE GRADUAÇÂO ELEGIVEIS PELO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS ANEXO LISTA DOS CURSOS DE GRADUAÇÂO ELEGIVEIS PELO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Agricultura Sustentável Agrimensura Agroecologia Agroindústria Agroindústria - Alimentos Agroindústria - Madeira Agronegócio

Leia mais

Ensino Superior Público Politécnico

Ensino Superior Público Politécnico Ensino Superior Público Politécnico Escola Náutica Infante D. Henrique Escola Superior de Enfermagem Artur Ravara (Lisboa) Escola Superior de Enfermagem da Madeira Escola Superior de Enfermagem de Angra

Leia mais

ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO

ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO CONFEA, ANEXA À Engenheiro Construtor Engenheiro Civil 111-02-00 Engenheiro Civil Opção Estradas e Edificações

Leia mais