C o m m u n i t y. IIBA.org I I B A. o r g i n f I IBA.or g. Selma Carvalho. . Analistas. sistemas x Analistas de Negócios (perfis complementares)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "C o m m u n i t y. IIBA.org I I B A. o r g i n f o @ I IBA.or g. Selma Carvalho. . Analistas. sistemas x Analistas de Negócios (perfis complementares)"

Transcrição

1 C o m m u n i t y. IIBA.org I I B A. o r g i n f I IBA.or g. Analistas de sistemas x Analistas de Negócios (perfis complementares) Selma Carvalho 20/03/2014

2 Moderador Os webinars em português são uma iniciativa do IIBA e do IIBA Brasília Chapter. Contam com a colaboração voluntária de profissionais de AN de todo o país. Gedeon C. de Faria Júnior É líder de projetos, analista de negócios e requisitos, atuando em engenharia de software desde Gerencia equipes de elicitação de negócios e desenvolvimento de aplicações. Realiza levantamento de requisitos de negócios; mapeamento e melhoria de processos; e gerenciamento de requisitos. Atualmente, dedica-se à análise de negócios e processos, utilizando o BABOK e BPM. Participou de projetos na administração pública e privada, como: TRF, STF, CNJ, CNI, ANAC, ANVISA, FNDE, Banco do Brasil e MS; dentre outros. 2 International Institute of Business Analysis

3 Palestrantes Palestrante: Selma Carvalho (Gigante Consultoria) Mini curriculum - Selma Carvalho: Formada em Análise de Sistemas pela FATEC - Unesp SP, MBA em Telecomunicações pela FGV-RJ, Mestrado em Administração de Empresas pela PUC, Certificada em gerenciamento de Projetos PMP pelo PMI, e profissional de Tecnologia da Informação com 26 anos de experiência, atuando em grandes empresas, Rhodia S/A, Price Waterhouse Coopers, Oi e EBX. Atualmente Consultora da Gigante Consultoria em Analise de Negócios Atualmente Instrutora na FIAP - SP, em cursos de Pós graduação Engenharia de Software Módulo de Análise de Negócios Instrutora dos cursos de Capacitação (Comunicação e Recursos Humanos) e Preparação para Certificação PMP (Project Management Professional) pela Dinsmore Associates 2003 a 2012 Instrutora de cursos de Gerenciamento de Projetos Ibmec, em cursos de Pós graduação e turmas fechadas 2011 e 2012 Instrutora de Teatro Business Turmas abertas (Out Company) e fechadas (In Company) em parceria com a empresa TEM SOLUÇÕES. 3

4 Agenda Perfil do Analista de Negócios Perfil do Analista de Sistemas Sugestão de um método de capacitação Desafios e Oportunidades 4

5 Competências Esperadas do Analista de Negócios

6 Competências esperadas 6

7 7 Competências esperadas CONHECIMENTO O saber adquirido É o processo de instrução e envolve formação, escolaridade, autodidatismo, leituras, cursos e treinamentos realizados. Conhece os processos de TI Conhece os processos da área de negócio que atende

8 8 Competências esperadas ATUALIZAÇÃO Saber aprender Ampliar o conhecimento de forma contínua, além da capacidade de discernir sobre o que deve ou não ser aprendido dentre tantas possibilidades. Identificar oportunidades de melhorias Tem visão do todo

9 9 Competências esperadas HABILIDADE Saber fazer Capacidade de produzir a partir do conhecimento adquirido Ações práticas como analisar, interpretar, compreender, julgar, planejar, administrar, comunicar, entre tantas outras. Mediante treino, repetição e prática constante, as habilidades podem ser desenvolvidas e lapidadas. Conhecimento técnico das soluções e ferramentas Capacidade de buscar alternativas / soluções factíveis Soluções deti que agreguem valor ao seu negócio Utilização das técnicas de análise Habilidade na comunicação, procurando ser flexível

10 10 Competências esperadas ATITUDE Querer fazer Decisão consciente e emocional de agir diante dos fatos, com proatividade e assertividade. Uma atitude é formada por três componentes: cognição, afeto e comportamento. Questiona para aprofundar-se no entendimento Prioriza a satisfação do cliente Verifica se o problema de negócio foi resolvido Age proativamente, evitando a acomodação

11 11 Competências esperadas REALIZAÇÃO Fazer Fazer efetivamente, pois muitos que desejam não levam a termo suas ações, capitulando e desistindo no decorrer do caminho. Entende o problema do cliente Registra a solução que foi combinada Valida presencialmente as entregas combinadas Encaminha adequadamente para a construção.

12 12 Competências esperadas EDUCAÇÃO Fazer saber O profissional competente compreende que conhecimento bom é conhecimento compartilhado Evoluir não apenas na hierarquia, mas nos processos de reconhecimento e de auto realização. Ensinar aos que estão ao seu redor por meio da educação, disseminando experiências, comportamentos e melhores práticas. É objetivo em sua comunicação oral e escrita (poder de síntese) Apresenta com clareza os processos de TI Comunica-se com linguagem de negócio, não de tecnologia

13 13 Competências esperadas MOTIVAÇÃO Fazer fazer Intensidade, direção e persistência dos esforços para atingir uma determinada meta. A intensidade está relacionada à quantidade de esforço empregado muito ou pouco. A direção refere-se a uma escolha em face de alternativas diversas. A persistência reflete se a pessoa desiste ou insiste no cumprimento da tarefa Atende com presteza o cliente Assume a responsabilidade por resolver os problemas Sem passá-los adiante

14 14 Competências esperadas HUMILDADE Saber saber Percepção clara e inequívoca de nossas próprias limitações e que nos faz simultaneamente educadores e educandos, combatendo a prepotência e a arrogância. Há que aprender, porém há também que ensinar. Valida suas hipóteses, não pressupondo que já conhece tudo Reconhece na área cliente a principal responsável por: definição de processos, regras e conhecimento do negócio

15 15 Competências esperadas AUTENTICIDADE Saber ser A autenticidade, o saber ser, onde importa não o que você tem, mas quem você é. Uma característica singular num mundo tão superficial em determinados aspectos como o que vivenciamos atualmente. Cumpre os compromissos combinados Conquista a confiança do cliente como representante da TI É reconhecido dentro da TI como representante do cliente

16 16 Competências esperadas SOCIABILIDADE Saber conviver O homem é um ser social por natureza, de modo que deve aprender não apenas a viver, mas também saber conviver, ou seja, viver com seus pares. A isso chamamos sociabilidade. Possui empatia e facilidade de relacionamento com os clientes Gentil, firme e assertivo Possui empatia e facilidade de relacionamento com TI

17 17 Competências esperadas SOLIDARIEDADE Saber devolver A solidariedade, que remete não à solidão, mas à cooperação, à responsabilidade e à interdependência. É a consciência plena de saber devolver à mesma sociedade em que convivemos um pouco do que aprendemos e somos a fim de mitigar as desigualdades. Promove uma relação de colaboração Desenhando a solução com o cliente, e não por ele Negocia com todos envolvidos para resolver problemas cliente

18 18 Papel dos analistas de negócios Entender de negócio / TI e buscar soluções para os problemas ou para as oportunidades de melhoria, que não sejam muito demoradas ou caras, ou difíceis de utilizar Que tragam beneficios reais para o negócio.

19 19 Conhecimentos necessários Negócios Negócios Negócios Tecnologia Tecnologia Tecnologia Cliente Analista negócios Analista de Sistemas Desenvolvedor

20 Resultados Esperados Melhorar o desempenho dos profissionais orientados na entrega de valor às áreas de negócios Trabalhar as competências (postura, atitude, comportamento e técnicas de análise de negócios) Diagnóstico dos Gaps Corporativos Melhorias nos processos e templates 20

21 Processo de Coaching Forma de atuação SETUP COMPROMISSOS DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL ENCERRAMENTO 21

22 Processo de Coaching 1. Identificar Demandas Prioritárias nas gerencias selecionadas 2. Selecionar analistas de negócios para orientação 3. Entrevistar Clientes e TI para percepção inicial sobre desempenho dos analistas de negócio no papel esperado. 22

23 Processo de Coaching 1. Avaliar Entrevistas iniciais dos Gestores e Auto Avaliação 2. Estabelecer compromisso de melhoria de desempenho 3. Acordo sobre o processo de Coaching 23

24 Processo de Coaching 1. Acompanhamento diário das atividades (3 horas/semana) 2. Reuniões semanais com todos os analistas de negócios (1 hora) 3. Reuniões quinzenais com os gestores dos analistas de negócios 4. Reuniões com outros envolvidos (exs.governança, Arquitetura, CDS) Abrangência 4 ciclos com 7 a 8 analistas de negócios por ciclo Cada ciclo com duração de 3 meses 24

25 Processo de Coaching 1. Entrevistas finais com Clientes e TI sobre o desempenho dos analistas de negócios 2. Avaliar alcance do combinado no compromisso 3. Avaliar gaps atuais e estabelecer novos compromissos 4. Criar planos de melhorias 25

26 Dados e Fatos Clareza de entendimento do seu papel Workshops 26

27 Dados e Fatos Foco em atividades de analista de negócios Testes Codificação Projetos muito técnicos Atendimento a chamados

28 Dados e Fatos Proximidade do Negócio / Cliente Leituras Fisicamente próximo ao cliente

29 Dados e Fatos Desenhos Cenários de Homologação / Aceite J K L D Situação da homologação No Prazo Em alerta Em Atraso Cancelado Leituras Cross Melhoria na Qualidade da especificação de negócio (DVs)

30 Dados e Fatos Aumentar a colaboração entre as equipes Leituras em conjunto Cliente e CDS Validar solução com o cliente

31 Dados e Fatos Clareza Matriz Raci Workshop Melhorar a Comunicação para dentro e fora da TI Recurso do Núcleo Para Comunicação Folders e Cartilhas

32 Oportunidades Pilotos Check-list Revisão dos processos e templates

33 Principais Desafios Necessidade do AN desempenhar vários papéis Diferentes negócios e Sistemas Falta de documentação Departamentalização Multiplicação do Conhecimento Continuidade do desenvolvimento após término da consultoria 33

34 International Institute of Business Analysis 34 Perguntas e Respostas

OBJETIVO DO PROGRAMA ORGANIZAÇÃO DO PROGRAMA E CARGA HORÁRIA PREMISSAS DOS PROGRAMA INVESTIMENTO E PRÓXIMA TURMA I NSTRUTORES

OBJETIVO DO PROGRAMA ORGANIZAÇÃO DO PROGRAMA E CARGA HORÁRIA PREMISSAS DOS PROGRAMA INVESTIMENTO E PRÓXIMA TURMA I NSTRUTORES PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM GESTÃO DE PROCESSOS DE OBJETIVO DO PROGRAMA O programa visa capacitar seus participantes em técnicas práticas e conceitos necessários para trabalhar em iniciativas de modelagem,

Leia mais

As 12 boas práticas da Gestão de Dados Moderna

As 12 boas práticas da Gestão de Dados Moderna As 12 boas práticas da Gestão de Dados Moderna Bergson Lopes contato@bergsonlopes.com.br www.bergsonlopes.com.br Dados do Palestrante Bergson Lopes Rego, PMP é especialista em Gestão de Dados, Gerenciamento

Leia mais

Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores

Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores 01 A Inside foi fundada com o objetivo de levar fundamentos de estratégia e gestão às empresas que buscam crescer

Leia mais

OBJETIVO PÚBLICO ALVO

OBJETIVO PÚBLICO ALVO PMO Implantação e Operação do Escritório de Projetos. n Instrutor Luis Claudio, M.Sc. PMP, ITIL, COBIT DIFERENCIAIS Avaliação prévia das necessidades de cada participante para customização do conteúdo;

Leia mais

WORKSHOP MELHORIA DE PROCESSOS

WORKSHOP MELHORIA DE PROCESSOS WORKSHOP MELHORIA DE PROCESSOS Superintendência de Planejamento e Gestão Escritório de Processos Organizacionais Goiânia, 27 de maio de 2009 Objetivos: WORKSHOPS DE MELHORIA DE PROCESSOS Promover o mapeamento,

Leia mais

Ficha ttécnica do curso

Ficha ttécnica do curso Fundamentos de Análise de Negócios Defina escopos com mais eficiência e encontre as melhores soluções! O conjunto de atividades e técnicas utilizadas pelo Analista de Negócios preenche um gap entre as

Leia mais

Gerenciamento da Qualidade

Gerenciamento da Qualidade Gerenciamento da Qualidade Técnicas e Ferramentas de Mercado Objetivo Este curso tem como objetivo consolidar conhecimentos sobre as principais técnicas e ferramentas de Gerenciamento da Qualidade utilizadas

Leia mais

COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP

COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP Programa 2013 OBJETIVOS: A atividade de gerenciamento de projetos tem assumido um papel de destaque cada vez maior dentro das organizações em decorrência do aumento

Leia mais

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO.

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO. INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE X ENSINO MÉDIO: INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM ADMINITRAÇÃO, INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO. Grupo PET Administração Universidade Federal de Lavras UFLA Resumo Os jovens formam o conjunto

Leia mais

Modelagem de Processos de Negócio

Modelagem de Processos de Negócio Treinamentos em Gestão por Processos Modelagem de Processos de Negócio Documentando o conhecimento sobre processos de negócio de forma clara e completa Conhecida como a base para iniciativas de processos,

Leia mais

POLÍTICA DE GESTÃO DE PESSOAS DA SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PREVIC

POLÍTICA DE GESTÃO DE PESSOAS DA SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PREVIC POLÍTICA DE GESTÃO DE PESSOAS DA SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PREVIC 1. CONCEITOS E DEFINIÇÕES 1.1 Políticas de Gestão de Pessoas são o conjunto de estratégias ou políticas específicas

Leia mais

MBA Excelência em Gestão de Projetos e Processos Organizacionais

MBA Excelência em Gestão de Projetos e Processos Organizacionais Pós-graduação lato sensu MBA Excelência em Gestão de Projetos e Processos Organizacionais 8ª turma Organização Contexto atual, Competências e Mercado As organizações atuando em um mercado globalizado,

Leia mais

Analista de Negócio 3.0

Analista de Negócio 3.0 Conteúdo do Quarto Módulo: Práticas e Técnicas de Análise de Negócio Neste módulo apresentaremos como aplicar as práticas e principais técnicas de Análise de Negócio para elaborar Business Case. Será demonstrado

Leia mais

O desenvolvimento do gestor em oito papéis fundamentais na gestão educacional. Prof. Renato Casagrande

O desenvolvimento do gestor em oito papéis fundamentais na gestão educacional. Prof. Renato Casagrande O desenvolvimento do gestor em oito papéis fundamentais na gestão educacional Prof. Renato Casagrande Competências necessárias ao Gestor Educacional da atualidade 2 COMPETÊNCIAS DO GESTOR EDUCACIONAL Competências

Leia mais

Habilidades Técnicas Gerenciais

Habilidades Técnicas Gerenciais Habilidades Técnicas Gerenciais Objetivos Discutir e desenvolver a habilidade de liderança de pessoas, a partir do contexto gerencial, com ênfase na motivação e comprometimento das equipes, refletindo

Leia mais

Gestão por Competências

Gestão por Competências Gestão por Competências Projeto de Implantação da Gestão por Competências no TRT 23ª Região Baseado na Metodologia do Inventário Comportamental Legislação Decreto n. 5.707/2006: institui a Política e as

Leia mais

Tendências da Análise de Negócios e do IIBA

Tendências da Análise de Negócios e do IIBA Tendências da Análise de Negócios e do IIBA Moderador Os webinars em português são uma iniciativa do IIBA e do IIBA Brasília Chapter. Contam com a colaboração voluntária de profissionais de AN de todo

Leia mais

www.gartcapote.com www.abpmp br.org Livros Guia para Formação de Analistas de Processos Contribuições Modelagem de Processos com BPMN

www.gartcapote.com www.abpmp br.org Livros Guia para Formação de Analistas de Processos Contribuições Modelagem de Processos com BPMN Gart Capote International Certified Business Process Professional (CBPP ) Presidente da ABPMP no Brasil - Association of Business Process Management Professionals (Chicago-EUA) Autor, Instrutor e Consultor

Leia mais

Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas. 14.1. Treinamento é investimento

Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas. 14.1. Treinamento é investimento Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas 14.1. Treinamento é investimento O subsistema de desenvolver pessoas é uma das áreas estratégicas do Gerenciamento de Pessoas, entretanto em algumas organizações

Leia mais

UNESP FACULDADE DE MEDICINA

UNESP FACULDADE DE MEDICINA Estabelecimento de competências essenciais e avaliação de perfil e potencial dos servidores da Diretoria Administrativa da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) - UNESP Sandra Aparecida Andrades Silva

Leia mais

Apresentação do Treinamento

Apresentação do Treinamento Apresentação do Treinamento PRINCE2 Foundation The Swirl logo is a trade mark of Axelos Limited. 1 O curso PRINCE2 Foundation tem, como objetivo, capacitar os participantes a aplicarem a Metodologia Britânica

Leia mais

A importância do Desenvolvimento de Competências técnica e comportamental na Educação Continuada. Professor Iran Siqueira Lima

A importância do Desenvolvimento de Competências técnica e comportamental na Educação Continuada. Professor Iran Siqueira Lima A importância do Desenvolvimento de Competências técnica e comportamental na Educação Continuada Professor Iran Siqueira Lima Cenário Atualmente o sucesso profissional e pessoal podem fazer grande diferença

Leia mais

Modelagem de Processos de Negócio Aula 10 Aplicações. Andréa Magalhães Magdaleno andrea@ic.uff.br

Modelagem de Processos de Negócio Aula 10 Aplicações. Andréa Magalhães Magdaleno andrea@ic.uff.br Modelagem de Processos de Negócio Aula 10 Aplicações Andréa Magalhães Magdaleno andrea@ic.uff.br Agenda Escritório de Processos BPM Ágil Automatização através de BPMS Social BPM Process Thinking Green

Leia mais

Preparatório Certificação PMP

Preparatório Certificação PMP Preparatório Certificação PMP Apresentação Executiva 1 O curso Preparatório para Certificação PMP tem como premissa preparar o participante para o Exame PMP do Project Management Institute (PMI ) e oferecer

Leia mais

Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO)

Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO) MBA em Gestão de Projetos Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO) Flávio Feitosa Costa, MSc. PMP (flaviopmp@gmail.com) MBA em Gerência de Projetos Escritório de Gerenciamento

Leia mais

Métodos Ágeis e Gestão de Dados Moderna

Métodos Ágeis e Gestão de Dados Moderna Métodos Ágeis e Gestão de Dados Moderna Bergson Lopes contato@bergsonlopes.com.br www.bergsonlopes.com.br Dados do Palestrante Bergson Lopes Rego, PMP é especialista em Gestão de Dados, Gerenciamento de

Leia mais

Institucional. CS Treina www.cstreina.com.br

Institucional. CS Treina www.cstreina.com.br Institucional Agenda Por que a CS Treina? Como nós atuamos? O que nós entregamos? A CS Treina Oferecemos serviços de Treinamentos para equipes de TI. Criamos e adaptamos treinamentos especiais para atender

Leia mais

APRESENTAÇÃO PROFISSIONAL GABRIELA ALMEIDA. Consultora Independente de RH Novembro/2014

APRESENTAÇÃO PROFISSIONAL GABRIELA ALMEIDA. Consultora Independente de RH Novembro/2014 APRESENTAÇÃO PROFISSIONAL GABRIELA ALMEIDA Consultora Independente de RH Novembro/2014 Quem sou eu Psicóloga, Consultora de RH, Instrutora de treinamentos e Professora 8 anos de experiência em RH Pós-graduada

Leia mais

COOPERAÇÃO TÉCNICA NÃO REEMBOLSÁVEL ATN/OC 9736-BR PROGRAMA DE ESTRATÉGIA E PLANO DE AÇÃO PARA A EFETIVIDADE DO DESENVOLVIMENTO NO BRASIL PRODEV

COOPERAÇÃO TÉCNICA NÃO REEMBOLSÁVEL ATN/OC 9736-BR PROGRAMA DE ESTRATÉGIA E PLANO DE AÇÃO PARA A EFETIVIDADE DO DESENVOLVIMENTO NO BRASIL PRODEV COOPERAÇÃO TÉCNICA NÃO REEMBOLSÁVEL ATN/OC 9736-BR PROGRAMA DE ESTRATÉGIA E PLANO DE AÇÃO PARA A EFETIVIDADE DO DESENVOLVIMENTO NO BRASIL PRODEV ACORDO FIRMADO COM O BANCO INTERAMERICANO DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK

Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can be humorous. Make sure you look at the Notes Pages for more information about how to use the template.

Leia mais

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ LAIS SILVA Profissional coach &Leader Coach Analista comportamental & 360 graus Coach, Consultora, Palestrante. Especialista em Recursos Humanos e Gestão Auditoria em Serviços de Saúde. Atua há mais de

Leia mais

ESTUDO ORGANIZACIONAL REORGANIZAÇÃO FASES DA REORGANIZAÇÃO

ESTUDO ORGANIZACIONAL REORGANIZAÇÃO FASES DA REORGANIZAÇÃO ESTUDO ORGANIZACIONAL 1 REORGANIZAÇÃO Meta: sinergia Momento certo: Elevados custos Problemas com pessoal Baixo nível de qualidade dos produtos Baixa competitividade do mercado Dificuldade de crescimento

Leia mais

Orientações iniciais

Orientações iniciais 1 Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior O evento terá

Leia mais

Consulta Pública nº 01/2016

Consulta Pública nº 01/2016 MAPA CONCEITUAL MATRIZ POR COMPETÊNCIAS Figura 1. Mapa conceitual da estrutura de matriz por competências As ações-chave podem ser desdobradas ainda (de acordo com o nível de especificidade de uma matriz

Leia mais

10 maneiras de conduzir a Gestão de Dados ao fracasso

10 maneiras de conduzir a Gestão de Dados ao fracasso 10 maneiras de conduzir a Gestão de Dados ao fracasso Bergson Lopes contato@bergsonlopes.com.br www.bergsonlopes.com.br Dados do Palestrante Bergson Lopes Rego, PMP é especialista em Gestão de Dados, Gerenciamento

Leia mais

BPM Congress 27 e 28-11-2012. Palestrante: Ranussy Gonçalves

BPM Congress 27 e 28-11-2012. Palestrante: Ranussy Gonçalves BPM Congress 27 e 28-11-2012 Palestrante: Ranussy Gonçalves O SEBRAE-MG Mais de 700 funcionários Orçamento para 2012 de mais de R$ 185 milhões 130 mil empresas atendidas em 2011 e 150 mil para 2012 O início

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 Semana de Tecnologia Gerenciamento de Projetos Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 ferreiradasilva.celio@gmail.com O que é um Projeto? Projeto é um "esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço

Leia mais

Modelagem de Processos para Automação

Modelagem de Processos para Automação Treinamentos em Gestão por Processos Modelagem de Processos para Automação [ipe03] Implementando a Visão Futura: um curso prático para vencer a barreira existente entre negócio e TI. Implantar processos

Leia mais

Introdução. Gerência de Projetos de Software. Sumário. Sistemas de Informação para Processos Produtivos

Introdução. Gerência de Projetos de Software. Sumário. Sistemas de Informação para Processos Produtivos Sumário Sistemas de Informação para Processos Produtivos 1. Gerência de 2. Agentes principais e seus papéis 3. Ciclo de vida do gerenciamento de projetos M. Sc. Luiz Alberto lasf.bel@gmail.com Módulo 6

Leia mais

Palestra 03. O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do

Palestra 03. O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do Palestra 03 O ICBv3 da IPMA como Instrumento para a Auto Avaliação Avaliação de Competências do Gerente de Projetos O ICBV3 DA IPMA COMO INSTRUMENTO PARA A AUTO AVALIAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DO GERENTE DE

Leia mais

MERCER 360 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS

MERCER 360 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS MERCER 360 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS Ponto de Vista da Mercer A avaliação 360 é um elemento vital para o desenvolvimento da liderança e planejamento de talentos Identifica pontos fortes e áreas de desenvolvimento

Leia mais

www.etecnologia.com.br Treinamento e Consultoria Portfólio de Treinamento

www.etecnologia.com.br Treinamento e Consultoria Portfólio de Treinamento Portfólio de Treinamento Portfólio de Treinamento Resumo Executivo: etecnologia é uma empresa de treinamento e consultoria. Somos especialistas em treinamentos e em desenvolvimento de habilidades e competências.

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES. Inatel Competence Center. Business School. Gestão de Projetos

INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES. Inatel Competence Center. Business School. Gestão de Projetos INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Inatel Competence Center Business School Gestão de Projetos Projeto Pedagógico de Curso de Extensão Curricular Aprovado no dia 15/05/2013 Pró diretoria de Desenvolvimento

Leia mais

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico Pós-Graduação em Gestão de Negócios com Ênfase em Mercado Farmacêutico Manual do Curso São Paulo Educação Executiva 2016 Apresentação O Sindusfarma deseja oferecer aos seus associados à possibilidade de

Leia mais

O PMI e o Gerenciamento de Projetos

O PMI e o Gerenciamento de Projetos O PMI e o Gerenciamento de Projetos André Voltolini Ex presidente PMI-RS VP de Relações Institucionais e Marketing - PMI-RS 09/2015 1 Sobre o que falaremos hoje PMI e o PMI-RS Guia PMBOK e Outras Referências

Leia mais

Escritório de Projetos

Escritório de Projetos Escritório de Projetos Agenda Conceito de Escritório de Projetos Por que implementar um Escritório de Projetos? Implementando um Escritório de Projetos Funções do Escritório de Projetos Modelo de Maturizade

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2783 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2783 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº Impresso por: ANGELO LUIS MEDEIROS MORAIS Data da impressão: 21/11/2013-18:05:16 SIGOEI - Sistema de Informações Gerenciais da OEI TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2783 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO

Leia mais

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br PREZADO (A) SENHOR (A) Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso

Leia mais

O Círculo de Kaizen para a sustentação do Lean. I. Círculo de Kaizen: objetivos, estrutura, vínculos com os negócios e benefícios

O Círculo de Kaizen para a sustentação do Lean. I. Círculo de Kaizen: objetivos, estrutura, vínculos com os negócios e benefícios O Círculo de Kaizen para a sustentação do Lean Marino Kishida* As empresas que iniciaram a jornada lean frequentemente empolgam-se com os ganhos iniciais de produtividade, produção, qualidade, redução

Leia mais

Transformação e Otimização de Processos

Transformação e Otimização de Processos Treinamentos em Gestão por Processos Transformação e Otimização de Processos Inovando processos através das melhores práticas em análise e melhoria, simulação e avaliação do retorno do investimento na

Leia mais

PRACTITIONER EM PNL. Solução da Academia Instituto de Thalentos INSTITUTO DE THALENTOS. Você tem o objetivo. Nós temos o caminho

PRACTITIONER EM PNL. Solução da Academia Instituto de Thalentos INSTITUTO DE THALENTOS. Você tem o objetivo. Nós temos o caminho PRACTITIONER EM PNL Solução da Academia Instituto de Thalentos INSTITUTO DE THALENTOS Você tem o objetivo. Nós temos o caminho Quem somos O Instituto de Thalentos foi criado em 2010 por uma transformação

Leia mais

Apresentação do Treinamento

Apresentação do Treinamento Apresentação do Treinamento PRINCE2 Practitioner The Swirl logo is a trade mark of Axelos Limited. 1 O curso PRINCE2 Practitioner tem, como objetivo, capacitar os participantes a aplicarem a Metodologias

Leia mais

Gustavo Malavota Administrador Vendedor Palestrante Professor de Marketing

Gustavo Malavota Administrador Vendedor Palestrante Professor de Marketing Gustavo Malavota Administrador Vendedor Palestrante Professor de Marketing Gustavo Malavota Módulo Consultoria Diretor de Planejamento Experiência Profissional: SENAC-Rio em 2007 como especialista e coordenador

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: GESTÃO DE PROJETOS Prof. Msc. Carlos José Giudice dos Santos IMPORTÂNCIA DO GUIA PMBOK [01] Grandes organizações, notadamente aquelas que chamamos de multinacionais, trabalham

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI na Administração Pública Federal - Ciclo 2016 (322491)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI na Administração Pública Federal - Ciclo 2016 (322491) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI na Administração Pública Federal - Ciclo 2016 (322491) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 18/05/2016 16:38:00 Endereço IP: 200.198.193.162

Leia mais

Patrícia Salazar, PMP, MBA, ITIL, COBIT, CTFL, GREEN IT Gestora do PMO na Benner Sistemas patricia.miranda@benner.com.br

Patrícia Salazar, PMP, MBA, ITIL, COBIT, CTFL, GREEN IT Gestora do PMO na Benner Sistemas patricia.miranda@benner.com.br Patrícia Salazar, PMP, MBA, ITIL, COBIT, CTFL, GREEN IT Gestora do PMO na Benner Sistemas patricia.miranda@benner.com.br Resumo Possuo 14 anos de forte experiência na área de TI liderando diversas áreas

Leia mais

PROCESSOS DE CERTIFICAÇÕES OFICIAIS

PROCESSOS DE CERTIFICAÇÕES OFICIAIS PROCESSOS DE CERTIFICAÇÕES OFICIAIS A Argotechno traz ao mercado brasileiro o melhor da educação profissional para o conhecimento e aplicação da norma EMV. São cursos e workshops sobre as abordagens mais

Leia mais

Gerenciamento de Projetos de Construção

Gerenciamento de Projetos de Construção Gerenciamento de Projetos de Construção Rosalina e os 1001 Erros e Problemas de Planejamento e Controle Alonso Soler amsol@j2da.com.br J2DA Consulting - Sócio Alonso Mazini Soler é sócio da J2DA Consulting,

Leia mais

PUPA O MARKETING PARA O PÚBLICO INFANTIL

PUPA O MARKETING PARA O PÚBLICO INFANTIL PUPA O MARKETING PARA O PÚBLICO INFANTIL CONEXÕES CEREBRAIS Ninguém precisa ensinar um bebê a respirar, manter a temperatura do corpo ou abrir e fechar os olhos. Mas o que permite que um bebê reconheça

Leia mais

Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva?

Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva? Portfólio 2015 IP Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva? Como fazer com que as pessoas trabalhem mais e felizes? Como implantar um modelo de gestão de vanguarda?

Leia mais

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO CURSO DE TÉCNICAS DE ENSINO SIGLA: CTE

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO CURSO DE TÉCNICAS DE ENSINO SIGLA: CTE MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO CURSO DE TÉCNICAS DE ENSINO SIGLA: CTE 2010 MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS CURSO DE TÉCNICAS DE ENSINO SIGLA:

Leia mais

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br POR QUE ESCREVEMOS ESTE E-BOOK? Nosso objetivo com este e-book é mostrar como a Gestão de Processos

Leia mais

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos Orientações para o Projeto, Implantação, Gerenciamento e Avaliação de Maturidade do Escritório de Projetos Objetivo O que leva as

Leia mais

Sobre o Instituto Desenvolve T.I

Sobre o Instituto Desenvolve T.I Sobre o Instituto Desenvolve T.I A empresa Desenvolve T.I foi fundada em 2008, em Maringá, inicialmente focando a sua atuação em prestação de serviços relacionados à Tecnologia da Informação e atendendo

Leia mais

Características. Carga horária 24 horas presenciais.

Características. Carga horária 24 horas presenciais. 1 Características Sobre o curso As organizações que apresentam melhores resultados financeiros, são nitidamente as que aprendem a lidar com as incertezas de forma proativa. Em mercados em constante mudança

Leia mais

Sessão 4: Avaliação na perspectiva de diferentes tipos de organizações do setor sem fins lucrativos

Sessão 4: Avaliação na perspectiva de diferentes tipos de organizações do setor sem fins lucrativos Sessão 4: Avaliação na perspectiva de diferentes tipos de organizações do setor sem fins lucrativos Avaliação Econômica como instrumento para o aprimoramento da gestão das ações sociais 26/09/2013 Fundação

Leia mais

Levantamento, Análise e Gestão Requisitos. Aula 06

Levantamento, Análise e Gestão Requisitos. Aula 06 Levantamento, Análise e Gestão Requisitos Aula 06 Agenda Técnicas de Levantamento de Requisitos: Entrevista Workshop, Brainstorming, Storyboarding e Roleplaying Prototipação JAD Joint Application Design

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO OEI/TOR/FNDE/CGINF Nº 41/2012 1.

Leia mais

PROGRAMA DE EXTENSÃO PROEX

PROGRAMA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE EXTENSÃO PROEX INTRODUÇÃO A extensão universitária é, na realidade, uma forma de interação que deve existir permanentemente entre a universidade e os diversos setores da sociedade. Assim, a

Leia mais

Introdução ao Modelo de Referência para melhoria do processo de software (MR mps) Projeto: mps Br melhoria de processo do software Brasileiro

Introdução ao Modelo de Referência para melhoria do processo de software (MR mps) Projeto: mps Br melhoria de processo do software Brasileiro Introdução ao Modelo de Referência para melhoria do processo de software (MR mps) Realidade das Empresas Brasileiras ISO/IEC 12207 ISO/IEC 15504 CMMI Softex Governo Universidades Modelo de Referência para

Leia mais

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS COORDENAÇÃO DE SISTEMAS (CODES) JUNHO/2011 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email: codes@ifbaiano.edu.br Site:

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA PROGRAMA DE MODERNIZAÇÃO INTEGRADA DO MINISTÉRIO DA FAZENDA - PMIMF MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA ATORES DA REDE DE INOVAÇÃO 2 O MODELO CONTEMPLA: Premissas e diretrizes de implementação Modelo

Leia mais

Ministério Público do Estado de Goiás

Ministério Público do Estado de Goiás Ministério Público do Estado de Goiás Apresentação Inicial PMO Institucional MP-GO 1 Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. Em muitos casos

Leia mais

Programa de Qualidade em Projetos e Obras de Engenharia Palestrante: Paulo Yazigi Sabbag, Dr., PMP. Curitiba, Maio 2011

Programa de Qualidade em Projetos e Obras de Engenharia Palestrante: Paulo Yazigi Sabbag, Dr., PMP. Curitiba, Maio 2011 Programa de Qualidade em Projetos e Obras de Engenharia Palestrante: Paulo Yazigi Sabbag, Dr., PMP Curitiba, Maio 2011 Palestrante: Paulo Yazigi Sabbag Doutor em Administração pela Fundação Getulio Vargas

Leia mais

Perfil Caliper Gerencial e Vendas The Inner Leader and Seller Report

Perfil Caliper Gerencial e Vendas The Inner Leader and Seller Report Perfil Caliper Gerencial e Vendas The Inner Leader and Seller Report Avaliação de: Sr. José Exemplo Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: 11/06/2014 Perfil Caliper Gerencial e Vendas

Leia mais

Questionário de Governança de TI 2016

Questionário de Governança de TI 2016 Questionário de Governança de TI 2016 De acordo com o Referencial Básico de Governança do Tribunal de Contas da União, a governança no setor público compreende essencialmente os mecanismos de liderança,

Leia mais

NEGOCIANDO MELHOR & VENDENDO MAIS

NEGOCIANDO MELHOR & VENDENDO MAIS O mundo NEGOCIANDO MELHOR & VENDENDO MAIS 1 O - TREINAMENTO INTERATIVO DO BRASIL corporativo vem se transformando de uma forma acelerada e contínua, fazendo com que executivos, gestores e empresários se

Leia mais

Carta de Apresentação

Carta de Apresentação Bauru, 07 de maio de 2014. Carta de Apresentação Assunto: Apresentação do Student Transition and Elevation Partnership (STEP) da Unesp de Bauru. O STEP é um programa do Instituto dos Engenheiros Eletricistas

Leia mais

Potencial PSI. Educação. www.potencialpsi.com.br

Potencial PSI. Educação. www.potencialpsi.com.br Educação O povo feliz é o povo que mais se preocupa com a educação de seus filhos, seja na educação intelectual seja na educação dos sentimentos. Umpovoinstruídoamaotrabalhoesabecomocrescercomele. Ao nascer,

Leia mais

Curso Liderança na Gestão de Pessoas em Empresas de Segurança Privada

Curso Liderança na Gestão de Pessoas em Empresas de Segurança Privada Curso Liderança na Gestão de Pessoas em Empresas de Segurança Privada EMENTA: O Curso apresenta saberes voltados para o aperfeiçoamento em liderança na gestão de pessoas na área da segurança privada e

Leia mais

TURMAS ABERTAS BELO HORIZONTE

TURMAS ABERTAS BELO HORIZONTE TURMAS ABERTAS BELO HORIZONTE Apresentação A Academia de Lideranças tem foco prático no desenvolvimento das competências essenciais dos líderes de pessoas, processos e metas. As competências técnicas e

Leia mais

Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública

Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública Assembléia Legislativa do Estado de Säo Paulo 14 de outubro de 2008 1. Contexto Roteiro 2. Por que é preciso desenvolvimento de capacidades no setor

Leia mais

Erros no Gerenciamento de Projetos em Inteligência Competitiva

Erros no Gerenciamento de Projetos em Inteligência Competitiva Erros no Gerenciamento de Projetos em Inteligência Competitiva Daniela Ramos Teixeira Muito já se escreveu sobre gerenciamento de projetos. Mas será que gerenciar projetos de inteligência competitiva (IC)

Leia mais

Competências organizacionais

Competências organizacionais GESTÃO DO PROCESSO JUDICIAL Capacidade de coordenar e controlar as atividades processuais, entregando com eficiência e presteza a tutela jurisdicional. EXCELÊNCIA NA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Capacidade para

Leia mais

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA Líderes eficazes devem encontrar maneiras de melhorar o nível de engajamento, compromisso e apoio das pessoas, especialmente durante os períodos

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO

RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO Documento 7.1 RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICIPIOS DO ESTADO DA BAHIA TCM-BA SALVADOR BAHIA MARÇO / 2010 1/10 1. Introdução Este documento faz parte do escopo do

Leia mais

GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS

GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS GESTÃO GESTRATÉGICA DE SUPRIMENTOS INTRODUÇÃO O setor de suprimentos é, dentre os diversos outros setores da empresa, um dos que tem maior potencial de impacto nos resultados financeiros de uma organização,

Leia mais

Análise Preditiva de Vantagem Comercial

Análise Preditiva de Vantagem Comercial PESQUISA TDWI PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2014 RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO DE MELHORES PRÁTICAS TDWI Análise Preditiva de Vantagem Comercial Por Fern Halper tdwi.org RESUMO EXECUTIVO Análise Preditiva de Vantagem

Leia mais

Capacitação e Desenvolvimento de Pessoas FGV

Capacitação e Desenvolvimento de Pessoas FGV Capacitação e Desenvolvimento de Pessoas FGV Apresentação Novos desafios para empresas Planejar Competências a desenvolver Desenvolver Competências Coletivamente Desenvolver Competências Individualmente

Leia mais

Pós Graduação - Gestão Empresarial e Marketing (Noite).

Pós Graduação - Gestão Empresarial e Marketing (Noite). Pós Graduação - Gestão Empresarial e Marketing (Noite). Público - alvo Indicado para recém-formados e jovens profissionais. Objetivo do Curso Capacitação gerencial em geral, com ênfase na área de Marketing,

Leia mais

3 Gerenciamento de Projetos

3 Gerenciamento de Projetos 34 3 Gerenciamento de Projetos Neste capítulo, será abordado o tema de gerenciamento de projetos, iniciando na seção 3.1 um estudo de bibliografia sobre a definição do tema e a origem deste estudo. Na

Leia mais

esags.edu.br Santo André > Av. Industrial, 1455 - Bairro Jardim (11) 4433-6161 Santos > Av. Conselheiro Nébias, 159 (13) 2127-0003

esags.edu.br Santo André > Av. Industrial, 1455 - Bairro Jardim (11) 4433-6161 Santos > Av. Conselheiro Nébias, 159 (13) 2127-0003 ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS APRESENTAÇÃO: A maior parte das micro e pequenas empresas surge da iniciativa de empreendedores que não têm experiência com controles financeiros.

Leia mais

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br PREZADO (A) SENHOR (A) Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso

Leia mais

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS PMO PROJETOS PROCESSOS MELHORIA CONTÍNUA PMI SCRUM COBIT ITIL LEAN SIX SIGMA BSC ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS DESAFIOS CULTURAIS PARA IMPLANTAÇÃO DANIEL AQUERE DE OLIVEIRA, PMP, MBA daniel.aquere@pmpartner.com.br

Leia mais

Termo de Referência - Edital 004/2016

Termo de Referência - Edital 004/2016 PROJETO BRA/10/007 BOAS PRÁTICAS EM REDES NA IMPLANTAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PARA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA: SIPIA CONSELHO TUTELAR E SIPIA SINASE WEB Termo de Referência - Edital

Leia mais

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO.

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. Crescer, Desenvolver, Multiplicar-se. Nossos melhores sonhos começam assim.

Leia mais

Tutorial de Gerenciamento de Projetos. Erika Yamagishi Semana de Qualidade e Gestão Unicamp/FT 13 de maio de 2011

Tutorial de Gerenciamento de Projetos. Erika Yamagishi Semana de Qualidade e Gestão Unicamp/FT 13 de maio de 2011 Tutorial de Gerenciamento de Projetos Erika Yamagishi Semana de Qualidade e Gestão Unicamp/FT 13 de maio de 2011 Apresentação Erika Yamagishi Engenheira de Computação pela UNICAMP Consultora associada

Leia mais

Saiba mais sobre o histórico do Projeto Gestão por Competências no Ministério da Saúde.

Saiba mais sobre o histórico do Projeto Gestão por Competências no Ministério da Saúde. GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NO MINISTÉRIO DA SAÚDE O projeto Gestão por Competências teve início no Ministério da Saúde (MS) em setembro de 2009. Esse modelo de Gestão de Pessoas foi implantado

Leia mais

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva Apresentação Executiva 1 O treinamento de BPM e BPMN tem como premissa capacitar o aluno a captar as atividades relativas a determinado processo da empresa, organizá-las, gerando um fluxograma de atividades/processos,

Leia mais

AUXÍLIO TRANSPORTE TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA MOSTRAR O SEU TALENTO.

AUXÍLIO TRANSPORTE TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA MOSTRAR O SEU TALENTO. AUXÍLIO TRANSPORTE TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA MOSTRAR O SEU TALENTO. ÍNDICE APRESENTAÇÃO...04 MISSÃO E VISÃO DO SISTEMA FIEB... 06 VALORES... 08 OBJETIVOS DO PROGRAMA... 12 APROVEITAMENTO INTERNO... 14

Leia mais