COMÉRCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) Disciplina: DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO Prof. Afonso Celso M. Madeira 8º semestre

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMÉRCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) Disciplina: DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO Prof. Afonso Celso M. Madeira 8º semestre"

Transcrição

1 COMÉRCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) Disciplina: DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO Prof. Afonso Celso M. Madeira 8º semestre

2 E-COMMERCE x E-BUSINESS E-COMMERCE processos pelos quais consumidores, fornecedores e parceiros de negócios são atingidos, incluindo vendas, marketing, recepção de pedidos, entregas, serviços ao consumidor e administração de programas de fidelidade. E-BUSINESS abrange e-commerce e processos internos (produção, administração de estoques, desenvolvimento de produtos e estratégias, finanças, recursos humanos etc.)

3 E-COMMERCE ou COMÉRCIO ELETRÔNICO Consiste em negócios por meio da Internet, nos segmentos de mercado consumidor, empresarial e governamental. Venda de produtos e serviços físicos, entregues off-line; Venda de produtos que podem ser digitalizados e entregues on-line.

4 E-COMMERCE ou COMÉRCIO ELETRÔNICO Modalidade de comércio que realiza suas transações financeiras por meio de dispositivos e plataformas eletrônicas, como celulares e computadores. Ex.: comprar ou vender produtos em lojas virtuais.

5 E-COMMERCE ou COMÉRCIO ELETRÔNICO No início Basicamente venda de bens tangíveis com valores modestos, como livros e CDs. Hoje Desde produtos que custam milhões (iates, carros de luxo e mansões) até produtos há pouco tempo inimagináveis pela incompatibilidade com este tipo de comércio (roupas, perfumes e alimentos).

6 ATIVIDADE FIM x FIGURA x MODELO DE NEGÓCIO O que caracteriza o tipo de comércio que uma empresa pratica não é o produto, mas a atividade fim, ou seja, a que fim se destina a mercadoria. Isso define o modelo de negócio e as figuras atuantes nele.

7 ATIVIDADE FIM x FIGURA x MODELO DE NEGÓCIO ATIVIDADE FIM Transformação FIGURA E MODELO DE NEGÓCIO indústria vende produtos p/ outras (B2B). indústria vende p/ distribuidor ou revenda (B2B). Revenda Consumo distribuidor vende p/ revenda (B2B). indústria, distribuidor ou atacado vende p/ profissional liberal (B2C). distribuidor ou atacado vende p/ consumidor final (B2C). indústria vende p/ consumidor final (B2C). indústria vende p/ consumidor final através de distribuidor ou atacado (B2B2C).

8 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Business to Business (B2B) Electronic Data Interchange (EDI). Comércio entre duas empresas. Ambiente (plataforma de e-commerce) onde uma empresa (indústria, distribuidor, importador ou revenda) comercializa produtos para outras. Natureza da operação: revenda, transformação ou consumo.

9 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Business to Consumer (B2C) Venda direta ao consumidor. Transação comercial entre empresa (indústria, distribuidor ou revenda) e consumidor final através de plataforma de e- commerce. Natureza da operação: tende a ser apenas de consumo.

10 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Consumer to Business (C2B) Consumidores ofertam bens a empresas. Ex.: serviços de freelancers. Consumer to Consumer (C2C) Um intermediário permite a troca comercial entre dois ou mais consumidores.

11 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Business to Employee (B2E) Empresas oferecem bens ou serviços aos empregados em ambiente de intranet. Normalmente usado para automatizar processos de trabalho relativos aos trabalhadores. Ex. 1: gestão online de apólices de seguros para trabalhadores; Ex. 2: programas de ofertas e recompensas para funcionários.

12 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS O ambiente de compra e de auto atendimento na loja virtual permanece o mesmo. O que muda: políticas comerciais de preço, quantidade, forma e condição de pagamento que são configuradas para cada público. Essas configurações são determinadas pela criação de perfis e tipo de usuário.

13 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Grande diferença entre B2B e B2C: em um e-commerce B2B, a plataforma deve calcular automaticamente impostos de vendas na realização do pedido, devido a origem e destino das mercadorias e a substituição tributária entre Estados. Representantes comerciais e televendas podem interagir em qualquer parte desse fluxo como usuários e intermediadores entre as figuras, cada um com sua política e catálogo de produtos determinado

14 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS

15 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS GOVERNO EMPRESA CONSUMIDOR GOVERNO G2G COORDENAÇÃO G2B INFORMAÇÃO G2C INFORMAÇÃO EMPRESA B2G AQUISIÇÃO B2B E COMMERCE B2C E COMMERCE CONSMIDOR C2G IMPOSTO C2B COMPARAÇÃO DE PREÇOS C2C LEILÃO

16 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Conjunto de serviços e acesso a informações que o governo oferece aos diferentes atores da sociedade civil por meio eletrônico. MODELO G2G EXEMPLOS COORDENAÇÃO: pagamentos realizados pelos usuários são comunicados automaticamente a todos os outros órgãos de governo que devem tomar conhecimento da transação. G2B INFORMAÇÃO: site da Receita Federal que oferece consulta sobre a situação cadastral (CNPJ) da empresa. G2C INFORMAÇÃO: sites que oferecem o saldo do FGTS.

17 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Conjunto de serviços e acesso a informações realizadas por meio eletrônico entre a empresa e seus fornecedores e clientes. MODELO B2G B2B B2C EXEMPLOS AQUISIÇÃO: a empresa pode obter pela Internet a Certidão Conjunta Negativa de Débitos relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União. E COMMERCE: fornecedores recebem as posições de suas faturas por meio de extratos publicados na Internet. Também por meio eletrônico, o comprador pode firmar uma tratativa comercial ou autorizar o fornecimento de determinado item com seus fornecedores parceiros (E Collaboration). E COMMERCE: oferta de produtos através do site da empresa.

18 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Transações e acesso a informações realizadas por meio eletrônico entre consumidores. MODELO EXEMPLOS C2G TRANSAÇÕES: declaração do Imposto de Renda. C2B E COMMERCE: comparação de preços e realização de compra on line. C2C E COMMERCE: sites de leilão on line, como o ebay.

19 E-COMMERCE: VANTAGENS Maior comodidade para o cliente; Mais segurança; Maior rapidez no pagamento; Diminuição de impostos; Aumento do lucro da empresa; Pesquisa de preço do produto; Redução de mão-de-obra; Loja 24x7 em âmbito global; Eliminação de intermediários; Principal vantagem: expansão dos negócios.

20 E-COMMERCE: DESVANTAGENS Para empresas, clientes e sociedade Aumento do número de desemprego; Diminuição da qualidade dos produtos entregues; Contato físico inexistente, cliente não toca na mercadoria. Isso atinge o controle da qualidade. Principal desvantagem: segurança, sendo resolvido e minimizado.

21 E-COMMERCE: 10 MOTIVOS PARA INVESTIR 1. Baixo investimento; 2. Alcance mundial; 3. Comodidade: loja 24x7; 4. Das principais fontes de dinheiro da Web; 5. Chances mínimas de calote; 6. Fidelização: se bem atendido, o cliente volta; 7. Segurança: escolher, comprar e receber em casa; 8. Facilidades: encontra rápida e intuitivamente; 9. Pagamento e financiamento integrados entre lojas e ambiente bancário; 10. Baixo custo de manutenção.

22 E-COMMERCE: MODELOS DE NEGÓCIOS Os slides apresentados em aula trazem ainda os vídeos referenciados abaixo: O que é comércio eletrônico (e-commerce)? https://www.youtube.com/watch?v=ordcvj1htgc Amazon Prime Air

23 REFERÊNCIAS Site E-Commerce News. O que é E-Commerce? Disponível em <http://ecommercenews.com.br/o-que-e-e-commerce>. Acesso em 10 mar Site da Revista Exame. Comercial apresenta novo drone da Amazon para entregas. Ed. Abril. Disponível em <http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/comercial-apresentanovo-drone-da-amazon-para-entregas/>. Acesso em 10 mar ALMEIDA JR., Edson. Comércio Eletrônico (e-commerce). Disponível em <http://www.consulting.com.br/edsonalmeidajunior/admin/downloads/comercioeletronico. pdf>. Acesso em 10 mar Site B2W Companhia Digital. Disponível em <http://www.b2wdigital.com/>. Acesso em 10 mar Administração Eletrônica de Negócios. E-marketing e e-commerce. Disponível em <http://slideplayer.com.br/slide/ />. Acesso em 10 mar Visa. O que é comércio eletrônico (e-commerce)? Vídeo. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=ordcvj1htgc>. Acesso em 02 mar Amazon Prime Air.mp4. Vídeo. Disponível em <http://www.amazon.com/b?node= >. Acesso em 10 mar

24 111

NEGÓCIOS NA ERA DIGITAL. Prof. Msc. Adolfo Colares adolfo@ceap.br twitter: @adolfocolares facebook: Adolfo Colares

NEGÓCIOS NA ERA DIGITAL. Prof. Msc. Adolfo Colares adolfo@ceap.br twitter: @adolfocolares facebook: Adolfo Colares NEGÓCIOS NA ERA DIGITAL Prof. Msc. Adolfo Colares adolfo@ceap.br twitter: @adolfocolares facebook: Adolfo Colares MODELOS DE NEGÓCIOS DIGITAIS Tópicos: ü e- business ü e- commerce ü e- procurement ü e-

Leia mais

NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda

NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda The global language of business O que é ecommerce? Da perspectiva de processo de negócio,

Leia mais

Introdução. 1. O que é e-commerce?

Introdução. 1. O que é e-commerce? Introdução As vendas na internet crescem a cada dia mais no Brasil e no mundo, isto é fato. Entretanto, dominar esta ferramenta ainda pode ser um mistério tanto para micro quanto para pequenos e médios

Leia mais

Gestão de Projetos e. Gestão de Projetos e. Sistemas de Informação. Aula 5. E-Business. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini

Gestão de Projetos e. Gestão de Projetos e. Sistemas de Informação. Aula 5. E-Business. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini Gestão de Projetos e Sistemas de Informação Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br Gestão de Projetos e Sistemas de Informação E-Business Electronic Business 2 1 Transformação

Leia mais

FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO.

FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO. FMU - FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING E MARKETING DE PERMISSÃO. São Paulo - SP 2016 RENAN ROCHA ALVES - RA: 6448758 E-COMMERCE, SOCIAL COMMERCE, MOBILE MARKETING

Leia mais

Comércio Eletrônico. Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital. Ricardo Moreira

Comércio Eletrônico. Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital. Ricardo Moreira Comércio Eletrônico Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital Ricardo Moreira Pode Confiar! Introdução Todo mês centenas de novas lojas virtuais entram no ar! Todo mês outras

Leia mais

BB Crediário Internet. Solução em Financiamento para sua Loja Virtual

BB Crediário Internet. Solução em Financiamento para sua Loja Virtual BB Crediário Internet Solução em Financiamento para sua Loja Virtual Agosto 2009 Índice 1. Para sua Loja Virtual 1.1 O que é o BB Crediário Internet? 02 1.2 Qual a vantagem de ser conveniado ao BB? 02

Leia mais

Daciane de Oliveira Silva www.daciane.wordpress.com

Daciane de Oliveira Silva www.daciane.wordpress.com Daciane de Oliveira Silva www.daciane.wordpress.com Marketing direto e mediação eletrônica Como a internet criou novos meios de intermediação entre as pessoas e as organizações? O que é marketing direto?

Leia mais

Comércio Eletrônico. Comércio Eletrônico. Grau de digitalização. Caracteriza-se Comércio eletrônico pelo grau de digitalização:

Comércio Eletrônico. Comércio Eletrônico. Grau de digitalização. Caracteriza-se Comércio eletrônico pelo grau de digitalização: Comércio Eletrônico FTS Faculdade Taboão da Serra Curso de Administração de Sistemas de Informações Disciplina: Comércio Eletrônico Comércio Eletrônico Caracteriza-se Comércio eletrônico pelo grau de digitalização:

Leia mais

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico Apostila Comércio Eletrônico e-commerce Professor: Edson Almeida Junior Material compilado por Edson Almeida Junior Disponível em http://www.edsonalmeidajunior.com.br MSN: eajr@hotmail.com E-Mail: eajr@hotmail.com

Leia mais

Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com

Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5 Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Introdução Mudança no ambiente empresarial; Ligação com o desenvolvimento de tecnologia da informação. Características

Leia mais

Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Definição Toda atividade de compra e venda realizada com recursos eletrônicos; Uso de mecanismos eletrônicos para a

Leia mais

Guia de Vendas Online para Iniciantes

Guia de Vendas Online para Iniciantes Guia de Vendas Online para Iniciantes ebook SUMÁRIO Introdução: Dúvidas comuns para quem deseja começar a vender pela internet... 2 Capítulo 1: O é e-commerce?... 3 Capítulo 3: Como funcionam os principais

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof. Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof. Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof. Odilon Zappe Jr Vantagens e Desvantagens do Comércio Eletrônico Vantagens Aumento do número de contatos da empresa com fornecedores e com outras empresas do mesmo ramo, e

Leia mais

AULA 1 SOLUÇÕES EM NEGÓCIO ELETRÔNICOS. Prof. Adm. Paulo Adriano da Silva Carvalho

AULA 1 SOLUÇÕES EM NEGÓCIO ELETRÔNICOS. Prof. Adm. Paulo Adriano da Silva Carvalho AULA 1 SOLUÇÕES EM NEGÓCIO ELETRÔNICOS Prof. Adm. Paulo Adriano da Silva Carvalho Adm. Paulo Adriano da S. Carvalho Formado em Administração; MBA em Gestão Empresarial; Formado em Ciências da Computação;

Leia mais

Comércio Eletrônico. Aula 01. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho

Comércio Eletrônico. Aula 01. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Comércio Eletrônico Aula 01 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos multimídia

Leia mais

Sistemas. ções Gerenciais

Sistemas. ções Gerenciais Sistemas Como elaborar seu currículo? de Informaçõ 04/2006 ções Gerenciais Um currículo bem feito não garante sua contratação mas um currículo mal elaborado elimina-o do processo seletivo. Novas Tecnologias...

Leia mais

Este capítulo tem por objetivo apresentar os principais modelos de aplicações de comércio eletrônico e exemplos de aplicação dos mesmos.

Este capítulo tem por objetivo apresentar os principais modelos de aplicações de comércio eletrônico e exemplos de aplicação dos mesmos. 1 2 Este capítulo tem por objetivo apresentar os principais modelos de aplicações de comércio eletrônico e exemplos de aplicação dos mesmos. O comércio eletrônico é um gigante que movimentou no comércio

Leia mais

E-COMMERCE: EVOLUÇÃO, PROCESSO DE COMPRA

E-COMMERCE: EVOLUÇÃO, PROCESSO DE COMPRA E-COMMERCE: EVOLUÇÃO, PROCESSO DE COMPRA E O DESAFIO DA ENTREGA RAIMUNDA EUNICE DA SILVA ALMEIDA 1 VIVIAN BRENDLE 2 NOELIO DANTASLÉ SPÍNOLA 3 Resumo lativo ao E-commerce e e-commerce dada a importância

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Comércio Eletrônico Um breve histórico Comércio compra, venda, troca de produtos e serviços; Incrementado pelos Fenícios, Árabes, Assírios e Babilônios uso

Leia mais

O que é comércio eletrônico?

O que é comércio eletrônico? COMÉRCIO ELETRÔNICO O que é comércio eletrônico? O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos

Leia mais

E-commerce Fundamentos

E-commerce Fundamentos E-commerce Fundamentos Flávio Augusto Martins Wanderley Professor flavio@mwan.com.br 1 / 65 Conteúdo desta aula Conceitos. Evolução do comércio eletrônico. Modalidades. O que vem no futuro. 2 / 65 Conceito

Leia mais

Visão: A evolução e o fortalecimento de nossos clientes, através de sua presença no ambiente virtual.

Visão: A evolução e o fortalecimento de nossos clientes, através de sua presença no ambiente virtual. princípios Missão: Fornecer soluções digitais de baixo investimento à todos que buscam seu lugar no universo digital, cumprindo com a excelência de nossos serviços antes, durante e depois da execução do

Leia mais

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO UM BREVE HISTÓRICO COMÉRCIO ELETRÔNICO O comércio sempre existiu desde que surgiram as sociedades. Ele é dito como o processo de comprar, vender e trocar produtos e serviços. Inicialmente praticado pelos

Leia mais

Sistemas web e comércio eletrônico. Aula 02 Arquiteturas de comércio eletrônico

Sistemas web e comércio eletrônico. Aula 02 Arquiteturas de comércio eletrônico Sistemas web e comércio eletrônico Aula 02 Arquiteturas de comércio eletrônico Tópicos abordados Arquitetura do e-commerce Aspectos importantes do e-commerce Modelos de negócios Identificação do modelo

Leia mais

Objetivos. Qantas Airways Uma nova maneira de competir

Objetivos. Qantas Airways Uma nova maneira de competir MINISTÉRIO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS - UFAL FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE FEAC CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CONCEITOS COMÉRCIO ELETRÔNICO Prof. Dr. Nelsio Abreu nelsio@gmail.com

Leia mais

Comércio Eletrônico: Mercados Digitais, Mercadorias Digitais

Comércio Eletrônico: Mercados Digitais, Mercadorias Digitais Comércio Eletrônico: Mercados Digitais, Mercadorias Digitais 9.1 2007 by Prentice Hall OBJETIVOS DE ESTUDO Descrever as características distintivas do comércio eletrônico, dos mercados digitais e das mercadorias

Leia mais

II. Visão Geral do e-business

II. Visão Geral do e-business II. Visão Geral do e-business 1. e-commerce X e-business 2. Vantagens do e-business 3.Problemas na Internet 4. Tipos de e-business 5. Categorias de e-business 6. Ferramentas de Comércio Eletrônico 7. Dimensões

Leia mais

E-commerce: a transformação do internauta em consumidor

E-commerce: a transformação do internauta em consumidor E-commerce: a transformação do internauta em consumidor Keyti Tamyris Simões Leite (FATEB) keyti.tamyris@gmail.com Camila Lopes Ferreira (FATEB/UTFPR) cmilalf@bol.com.br Resumo: Muitas empresas estão optando

Leia mais

Comércio Eletrônico AULA 06. Sistemas para Internet. Professora Ms Karen Reis

Comércio Eletrônico AULA 06. Sistemas para Internet. Professora Ms Karen Reis Comércio Eletrônico AULA 06 Professora Ms Karen Reis 2011 Sistemas para Internet 1 APRESENTAÇÃO ESTUDOS DE ESTUDOS DE CASOS B2B B2C B2G G2C G2G C2C 2 Os emarketplaces podem ser classificados em verticais

Leia mais

Varejo virtual ERA DIGITAL. por Tânia M. Vidigal Limeira FGV-EAESP

Varejo virtual ERA DIGITAL. por Tânia M. Vidigal Limeira FGV-EAESP ERA DIGITAL Varejo virtual Ovolume de operações registrado recentemente no âmbito do comércio eletrônico atesta que a Internet ainda não chegou às suas últimas fronteiras. Vencidas as barreiras tecnológicas

Leia mais

Fonte: O Brien e Eduardo L. Pareto

Fonte: O Brien e Eduardo L. Pareto E-business NEGÓCIOS ELETRÔNICOS Fonte: O Brien e Eduardo L. Pareto Transformação Internet promoveu: Novos padrões de funcionamento Novas formas de comercialização. O maior exemplo desta transformação é

Leia mais

Objetivos. Universo. Transformação. Administração 10/10/2012. Entender as definições de e-business e e- commerce;

Objetivos. Universo. Transformação. Administração 10/10/2012. Entender as definições de e-business e e- commerce; Objetivos Administração Profª Natacha Pouget Módulo: Gestão de Inovação e Ativos Intangíveis Tema da Aula: E-Business e Tecnologia da Informação I Entender as definições de e-business e e- commerce; Conhecer

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO

CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO Classificação dos Tipos de CE Consumidor Empresa Governo Consumidor Empresa Governo CLASSIFICAÇÃO DO CE Business-to-business (empresa-empresa - B2B): Modelo de CE

Leia mais

Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como:

Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como: TENDÊNCIAS 1. Globalização Empresas que atuavam fora do Brasil, começam a olhar para o nosso mercado e investem na busca de crescer a sua base de clientes, tais como: Grupo Casino Carrefour Wal-Mart C&A

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO

CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO CLASSIFICAÇÃO DE UM COMÉRCIO ELETRÔNICO Classificação dos Tipos de CE Consumidor Empresa Governo Consumidor Empresa Governo CLASSIFICAÇÃO DO CE Business-to-business (empresa-empresa - B2B): Modelo de CE

Leia mais

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida Unidade IV MERCADOLOGIA Profº. Roberto Almeida Conteúdo Aula 4: Marketing de Relacionamento A Evolução do Marketing E-marketing A Internet como ferramenta As novas regras de Mercado A Nova Era da Economia

Leia mais

Prof. Cláudio Conceitos e-commerce PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Prof. Cláudio Conceitos e-commerce PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Cláudio Conceitos e-commerce PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Intranet e Extranet Rede privada baseada na mesma tecnologia utilizada na internet, sendo sua única diferença o objetivo por trás

Leia mais

TÍTULO: UMA ANÁLISE SOBRE O C2C NO MODELO CONVENCIONAL E ELETRÔNICO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO

TÍTULO: UMA ANÁLISE SOBRE O C2C NO MODELO CONVENCIONAL E ELETRÔNICO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO TÍTULO: UMA ANÁLISE SOBRE O C2C NO MODELO CONVENCIONAL E ELETRÔNICO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES): ISABELI BONFIM,

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br @ribeirord Pesquisa e Propagação do conhecimento: Através da Web, é possível

Leia mais

e-business Os tipos básicos de ebusiness são (PEDREIRA, 2007):

e-business Os tipos básicos de ebusiness são (PEDREIRA, 2007): e-business (Extraído do Artigo ebusiness: A Atual Maneira de Efetuar Transações Ana Cristina Matos, Gabriela Villanova, Gianluca Nese, Juan Pablo, Maraiana Orrico e Antônio Cardoso) 1. Definição ebusiness,

Leia mais

Webinar Planejando seu negócio no e- Commerce

Webinar Planejando seu negócio no e- Commerce Webinar Planejando seu negócio no e- Commerce AUTOR André Lucena E- Mail alucena@tray.net.br SITE www.tray.com.br FONE (14) 3311.8700 Por que investir no e-commerce E-COMMERCE BRASILEIRO RESULTADOS 2014

Leia mais

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Internet promoveu: Transformação Novos padrões de funcionamento Novas formas de comercialização. O maior exemplo desta transformação é o E- Business

Leia mais

Fundamentos do Comércio Eletrônico

Fundamentos do Comércio Eletrônico Administração e Finanças Uniban Notas de Aula Comércio (e-commerce) Prof. Amorim Fundamentos do Comércio Comércio Mais do que a mera compra e venda de produtos on-line. Engloba o processo on-line inteiro:

Leia mais

BB Crediário. Solução em Financiamento para sua Empresa

BB Crediário. Solução em Financiamento para sua Empresa BB Crediário Solução em Financiamento para sua Empresa Agosto 2009 Índice 1. Para sua Empresa 1.1 O que é? 02 1.2 Qual a vantagem de ser conveniado ao BB? 02 1.3 Quais os procedimentos para se conveniar

Leia mais

Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico.

Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico. Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico. TENDÊNCIAS NO COMÉRCIO ELETRÔNICO Atualmente, muitos negócios são realizados de forma eletrônica não sendo necessário sair de casa para fazer compras

Leia mais

Anderson L. S. Moreira

Anderson L. S. Moreira Tecnologia da Informação Aula 13 E-commerce Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife PE Esta apresentação está sob licença Creative Commons 15 de Outubro

Leia mais

ORGANIZAÇÕES VIRTUAIS

ORGANIZAÇÕES VIRTUAIS Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Tecnológicas CCT Engenharia de Produção e Sistemas Sistemas de Informação (SIN) ORGANIZAÇÕES VIRTUAIS Profº Adalberto J. Tavares Vieira

Leia mais

Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik

Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik Mestre em Design (UFPR). MBA e pós-graduação em Marketing (UFPR). Pós-graduada em Web Design (PUCPR). Graduação em Desenho Industrial (UFPR). Técnico

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões Bloco Comercial Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre os Módulos Vendas, Loja Virtual e Gestão de Comissões, que se encontram no Bloco

Leia mais

E-BUSINESS AGENDA. Profª. Kelly Hannel

E-BUSINESS AGENDA. Profª. Kelly Hannel E-BUSINESS Profª. Kelly Hannel AGENDA Evolução da internet nos negócios Conceitos de E-BUSINESS e COMÉRCIO ELETRÔNICO Identificando tendências do E-BUSINESS Quadro das interações possíveis no meio eletrônico

Leia mais

Solução Completa Para Seu E-commerce

Solução Completa Para Seu E-commerce Solução Completa Para Seu E-commerce Comerci/FALOMI apresenta ao mercado sua solução Full Commerce, atendendo toda a cadeia de serviços em projetos de e-commerce, colocando-se como referência na região

Leia mais

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes?

Comércio eletrônico 05/05/15. Objetivos de estudo. Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as aplicações mais importantes? Escola Superior de Gestão e Tecnologia Comércio eletrônico Mercados digitais, mercadorias digitais Prof. Marcelo Mar3ns da Silva Objetivos de estudo Qual o papel do e- commerce nos negócios e quais as

Leia mais

Sistemas para internet e software livre

Sistemas para internet e software livre Sistemas para internet e software livre Aula 3 - Modelos de Negócios na Web Image: FreeDigitalPhotos.net Modelo de negócios Definição clássica "É um método de fazer negócios por meio do qual uma empresa

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Professora: Sheila Cáceres Uma mensagem enviada em internet é dividida em pacotes de tamanho uniforme. Cada pacote

Leia mais

Capítulo 3 Sistemas de E-Commerce

Capítulo 3 Sistemas de E-Commerce Capítulo 3 Sistemas de E-Commerce 3.1 Fundamentos do Comércio Eletrônico Introdução O comércio eletrônico é mais do que a mera compra e venda de produtos online. Em lugar disso, ele engloba o processo

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 09 Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina

Leia mais

MARKETING DIGITAL. E-marketing estratégico e indicadores de desempenho

MARKETING DIGITAL. E-marketing estratégico e indicadores de desempenho MARKETING DIGITAL E-marketing estratégico e indicadores de desempenho O ESSENCIAL Explicar a importância do planejamento estratégico e a estratégia do e- business no marketing; Identificar os principais

Leia mais

MARKETING NA INTERNET

MARKETING NA INTERNET MARKETING NA INTERNET HUGO HOCH CONSULTOR DE MARKETING ER. BAURU SEBRAE-SP hugoh@sebraesp.com.br Marketing na Internet O que é? o Marketing na Internet, também referido como: i-marketing, web marketing,

Leia mais

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce).

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). A natureza global da tecnologia, a oportunidade de atingir

Leia mais

E-Business. Parte 2. Prof. Marcílio Oliveira marcilio.oliveira@gmail.com

E-Business. Parte 2. Prof. Marcílio Oliveira marcilio.oliveira@gmail.com Parte 2 Prof. Marcílio Oliveira marcilio.oliveira@gmail.com As dimensões do E-Commerce (Comércio Eletrônico). SCM - Supply Chain Management (Gerenciamento de Cadeia de Fornecimento) ERP - Enterprise Resourse

Leia mais

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS www.espm.br/centraldecases Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Preparado pelo Prof. Vicente Martin Mastrocola, da ESPM SP. Disciplinas

Leia mais

Trabalho Final. Apresentação do site de Comércio Eletrônico (.ppt) : Elaborar o Site de Comércio Eletrônico proposto:

Trabalho Final. Apresentação do site de Comércio Eletrônico (.ppt) : Elaborar o Site de Comércio Eletrônico proposto: Comércio Eletrônico Faculdade de Tecnologia SENAC Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistemas Unidade Curricular: Comércio Eletrônico Edécio Fernando Iepsen (edecio@terra.com.br) Apresentação

Leia mais

Unidade III MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino

Unidade III MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino Unidade III MARKETING DE VAREJO E NEGOCIAÇÃO Profa. Cláudia Palladino Compras, abastecimento e distribuição de mercadorias Os varejistas: Precisam garantir o abastecimento de acordo com as decisões relacionadas

Leia mais

:: Webinar. Como o E-Commerce B2B ajuda Indústrias, Distribuidores e Importadores a vender. Eduardo Santos é Gestor de Negócios da Vertis E-Commerce.

:: Webinar. Como o E-Commerce B2B ajuda Indústrias, Distribuidores e Importadores a vender. Eduardo Santos é Gestor de Negócios da Vertis E-Commerce. :: Webinar Como o E-Commerce B2B ajuda Indústrias, Distribuidores e Importadores a vender Eduardo Santos é Gestor de Negócios da Vertis E-Commerce. E-mail: eduardo@vertisnet.com.br Linkedin: br.linkedin.com/pub/eduardo-santos/21/a03/796/

Leia mais

Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários

Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários Fonte: TAKAHASHI, 2000; VEJA ONLINE, 2006 Definições de comércio eletrônico/e-business E - BUSINESS, acrônimo do termo em

Leia mais

1 o. Fórum MOBILE + M-COMMERCE. Soluções B2C e B2B. Mauro Faccioni Filho. Fazion Sistemas. www.fazion.com.br

1 o. Fórum MOBILE + M-COMMERCE. Soluções B2C e B2B. Mauro Faccioni Filho. Fazion Sistemas. www.fazion.com.br M-COMMERCE Soluções B2C e B2B Mauro Faccioni Filho Fazion Sistemas www.fazion.com.br Sobre a Fazion A FAZION foi fundada em 2006, com foco no ambiente corporativo. Desenvolve inteligência em mobilidade,

Leia mais

apresentação de negócios - versão 1.04

apresentação de negócios - versão 1.04 apresentação de negócios - versão 1.04 A Empresa Criamos uma plataforma inovadora e inteligente, que lhe permite ter uma forma de renda a partir da sua casa, gerando a liberdade financeira que você merece.

Leia mais

VISÃO GERAL DO CAPÍTULO

VISÃO GERAL DO CAPÍTULO CAPÍTULO 8.I Sistemas de e-commerce VISÃO GERAL DO CAPÍTULO O propósito deste capítulo é descrever e apresentar os componentes básicos do processo de sistemas de e-commerce, e explicar importantes tendências,

Leia mais

Boas-vindas ao Comércio Eletrônico. André Lucena Diretor de Negócios e Operaçoes Jan.2014

Boas-vindas ao Comércio Eletrônico. André Lucena Diretor de Negócios e Operaçoes Jan.2014 Boas-vindas ao Comércio Eletrônico André Lucena Diretor de Negócios e Operaçoes Jan.2014 SOBRE A TRAY Sobre a Tray + 10 anos de atuação em e-commerce + 4.500 lojas virtuais + 3MM pedidos processados em

Leia mais

A empresa digital: comércio e negócios eletrônicos

A empresa digital: comércio e negócios eletrônicos Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 06 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

CRM Customer Relationship Management

CRM Customer Relationship Management CRM Customer Relationship Management C R M : DEFINIÇÃO TEÓRICA NO PASSADO CONHECÍAMOS NOSSOS CLIENTES PELO NOME, ONDE VIVIAM, QUE TIPO DE PRODUTOS NECESSITAVAM, COMO SERIAM ENTREGUES, COMO QUERIAM PAGAR

Leia mais

Comércio eletrônico: mercados digitais, mercadorias digitais. slide 1

Comércio eletrônico: mercados digitais, mercadorias digitais. slide 1 Comércio eletrônico: mercados digitais, mercadorias digitais slide 1 Nexon Games: o comércio eletrônico torna-se social Problema: concorrência com outras empresas de jogos on-line e off-line; aumentar

Leia mais

Administração. Profa. Patricia Brecht. Compras. Compras. Armazenamento, Movimentação e Administração de Compras

Administração. Profa. Patricia Brecht. Compras. Compras. Armazenamento, Movimentação e Administração de Compras Administração Profa. Patricia Brecht Armazenamento, Movimentação e Administração de Compras Compras Envolve todo o processo de localização de fornecedores e fonte de suprimento, aquisição de materiais

Leia mais

E-commerce, um mercado Bilionário.

E-commerce, um mercado Bilionário. E-commerce, um mercado Bilionário. 2014 PREVISÕES O comércio eletrônico expandiu-se rapidamente nos últimos anos e prevê-se que continue expandir-se com a mesma taxa de crescimento. Lojas virtuais vendem

Leia mais

Seminário GS1 Portugal FIPA

Seminário GS1 Portugal FIPA GS1 - The Global Language of Business Seminário GS1 Portugal FIPA Nuno Miranda 14.06.2012 2 EDI = Electronic Data Interchange - Transferência Electrónica de Documentos EDI é a transferência de MENSAGENS

Leia mais

Anderson L. S. Moreira

Anderson L. S. Moreira Tecnologia da Informação Aula 11 Sistemas de E-business Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife PE Esta apresentação está sob licença Creative Commons

Leia mais

Quem somos. Nosso objetivo. Fidelizar clientes aos nossos Parceiros Gerando Renda

Quem somos. Nosso objetivo. Fidelizar clientes aos nossos Parceiros Gerando Renda Fidelidade On Line Quem somos Um grupo de Empresas de tecnologia que atua a mais de 10 anos no mercado de Publicidade e Marketing Digital Nosso objetivo Fidelizar clientes aos nossos Parceiros Gerando

Leia mais

Desembaraço. Informações da indústria como você nunca viu

Desembaraço. Informações da indústria como você nunca viu Desembaraço Informações da indústria como você nunca viu Introdução É uma ferramenta dominada pela geração Y, mas que foi criada pela geração X. Ela aproxima quem está longe e tem distanciado quem está

Leia mais

Você pode usar o e-book como quiser

Você pode usar o e-book como quiser Direito autorais Você pode usar o e-book como quiser Sem mudar o conteúdo do mesmo. INDICE Apresentação O que fazer para ganhar dinheiro na internet A minha lista sobre o que fazer para ganhar dinheiro

Leia mais

Fundos de Investimento - RSA. Característica RSA

Fundos de Investimento - RSA. Característica RSA Fundos de Investimento - RSA Nome BB Referenciado DI Social 200 BB Multimercado Balanceado LP Jovem BB Ações ISE 50% da taxa de administração é repassado à Fundação Banco do Brasil 20% da taxa de administração

Leia mais

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1 Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 4.1 4 OBJETIVOS OBJETIVOS A EMPRESA DIGITAL: COMÉRCIO E NEGÓCIOS ELETRÔNICOS Como a tecnologia de Internet mudou propostas de valor e modelos de negócios

Leia mais

Sistemas Integrados de Gestão I

Sistemas Integrados de Gestão I Sistema Binário Faculdades Integradas Campos Salles Sistemas Integrados de Gestão I Aula - 9 Comércio Eletrônico (E-commerce) Carlos Antonio José Oliviero São Paulo - 2012 O que a Web mudou na vida das

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Comércio Eletrônico: Mercados Digitais, Mercadorias Digitais Capítulo

Leia mais

REGIMES CONTÁBEIS RECEITAS E DESPESAS

REGIMES CONTÁBEIS RECEITAS E DESPESAS CONTABILIDADE INTERMEDIÁRIA I ELEMENTOS DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS REGIMES CONTÁBEIS RECEITAS E DESPESAS Prof. Emanoel Truta ELEMENTOS DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Os Elementos das Demonstrações Contábeis

Leia mais

IV. Intercâmbio Eletrônico de Dados (EDI)

IV. Intercâmbio Eletrônico de Dados (EDI) IV. Intercâmbio Eletrônico de Dados (EDI) 1. Funcionamento do EDI 2. EDI tradicional X WEB EDI 3. EDI Tradicional 4. WEB EDI Intercâmbio Eletrônico de Dados (EDI) EDI: Electronic Data Interchange Troca

Leia mais

AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA

AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA AULA 5 O E-BUSINESS E OS SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES E DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA APOIO ÀS DECISÕES DE E-BUSINESS E SISTEMAS DE APOIO ÀS DECISÕES Conceito O conceito básico de e-business é simples: negócios

Leia mais

Logistica e Distribuição. Responsabilidades. O Fluxo do Processamento do Pedido. Mas quais são as atividades da Logística?

Logistica e Distribuição. Responsabilidades. O Fluxo do Processamento do Pedido. Mas quais são as atividades da Logística? Mas quais são as atividades da Logística? Ballou, 1993 Logística e Distribuição A Atividade de Processamento de Pedidos e Aquisição/Programação de Produtos Primárias Apoio 1 2 Responsabilidades O Fluxo

Leia mais

COMÉRCIO ELETRÔNICO. Prof. Flávio Dias

COMÉRCIO ELETRÔNICO. Prof. Flávio Dias COMÉRCIO ELETRÔNICO Prof. Flávio Dias - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

Proposta. Solutions. Franquia de produtos e serviços de tecnologia. Plano Exclusividade. www.franquiaagenciasolutions.com.br

Proposta. Solutions. Franquia de produtos e serviços de tecnologia. Plano Exclusividade. www.franquiaagenciasolutions.com.br Proposta Solutions Franquia de produtos e serviços de tecnologia. Plano Exclusividade. www.franquiaagenciasolutions.com.br Proposta Agência Solutions Nossa proposta consiste em que você empreendedor constitua

Leia mais

Palavras-chave: Loja virtual. Comércio eletrônico. Internet.

Palavras-chave: Loja virtual. Comércio eletrônico. Internet. Migração de Lojas Físicas para Virtuais: breve histórico e contextualização Gabriel Dallo gabriel_dalo@hotmail.com Lucas Gabriel Rodrigues Simões lucasgabriel_simoes@hotmail.com Pedro Gustavo Duarte pedro_g_duarte@hotmail.com

Leia mais

Comércio Eletrônico. Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com. Comércio Eletrônico 1

Comércio Eletrônico. Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com. Comércio Eletrônico 1 Comércio Eletrônico Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com Comércio Eletrônico 1 31/03/2014 Introdução Por proporcionar uma série de vantagens,

Leia mais

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015 POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15 17 de agosto de 2015 Seção I Destaques & Conjuntura Positivo Informática registra crescimento de 3,1% na receita líquida no varejo no 2T15 Mesmo em um trimestre de

Leia mais

10. Defina Sistemas Distribuídos: Um conjunto de computadores independentes que se apresenta a seus usuários como um sistema único e coerente

10. Defina Sistemas Distribuídos: Um conjunto de computadores independentes que se apresenta a seus usuários como um sistema único e coerente 1. Quais os componentes de um sistema cliente-servidor? Clientes e servidores 2. Na visão do hardware, defina o que é cliente e o que é servidor: Clientes. Qualquer computador conectado ao sistema via

Leia mais

PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO E MARKETING DIGITAL. Manual do Curso

PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO E MARKETING DIGITAL. Manual do Curso PÓS GRADUAÇÃO EMPRESARIAL EM GESTÃO E MARKETING DIGITAL Manual do Curso São Paulo Educação Executiva 2014 Apresentação Pós-Graduação Empresarial em Gestão e Marketing Digital é um curso destinado às empresas

Leia mais

ESTAMOS PREPARADOS PARA LIDAR COM O NOVO CONSUMIDOR DO E- COMMERCE E O MUNDO DIGITAL?

ESTAMOS PREPARADOS PARA LIDAR COM O NOVO CONSUMIDOR DO E- COMMERCE E O MUNDO DIGITAL? ESTAMOS PREPARADOS PARA LIDAR COM O NOVO CONSUMIDOR DO E- COMMERCE E O MUNDO DIGITAL? SANTOS, J. G. O. GRADUANDO EM ADMINISTRAÇÃO PELA FACULDADE AGES Lattes: http://lattes.cnpq.br/2990422158230715 O padrão

Leia mais

A EMPRESA DIGITAL: COMÉRCIO E NEGÓCIOS ELETRÔNICOS

A EMPRESA DIGITAL: COMÉRCIO E NEGÓCIOS ELETRÔNICOS A EMPRESA DIGITAL: COMÉRCIO E NEGÓCIOS ELETRÔNICOS 1 OBJETIVOS 1. Como a tecnologia de Internet mudou propostas de valor e modelos de negócios? 2. O que é comércio eletrônico?? Como esse tipo de comércio

Leia mais

VAREJO. Os principais setores varejistas brasileiros são:

VAREJO. Os principais setores varejistas brasileiros são: O que é? São todas as atividades envolvidas na venda de bens ou serviços diretamente a consumidores finais para seu uso pessoal, e não empresarial. (Philip Kotler) Não importa como os produtos são vendidos

Leia mais

Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma

Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma 1 Identificar cada um dos sistemas de e-business interfuncionais abaixo e dar exemplos de como eles podem fornecer significativo valor para uma empresa, seus clientes e parceiros de negócios: de recursos

Leia mais

ASPECTOS JURÍDICOS ESSENCIAIS PARA LOJAS VIRTUAIS

ASPECTOS JURÍDICOS ESSENCIAIS PARA LOJAS VIRTUAIS ASPECTOS JURÍDICOS ESSENCIAIS PARA LOJAS VIRTUAIS Introdução Defina o tipo de empresa Capítulo 1 Registre a sua marca e o seu domínio Capítulo 2 Prepare-se para os impostos Capítulo 3 O direito do e-consumidor

Leia mais