Informática. Prof. Macêdo Firmino. Redes de Computadores. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Informática. Prof. Macêdo Firmino. Redes de Computadores. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de 2011 1 / 41"

Transcrição

1 Informática Prof. Macêdo Firmino Redes de Computadores Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

2 Sistema Computacional Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

3 O que é Redes de Computadores? É a infra-estrutura de hardware e software usada para transferir informação entre dois ou mais computadores e seus recursos. Estas entidades podem ser: computadores, impressoras, câmeras, telefones celulares, televisões ou qualquer dispositivo que tenha a capacidade de processamento de dados; Esta infra-estrutura proporciona a transmissão de dados, voz, imagem e vídeo. A interconexão pode ser feita através de qualquer meio físico que possa transmitir informação: Cabeamento de cobre; Fibras ótica; Microondas; Links de satélite, etc. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

4 Comunicação de Dados é a troca de informações entre dois ou mais dispositivos através de algum meio de comunicação, por exemplo, um par de fios. Um sistema de comunicação é composto de cinco elementos: Mensagem: é a informação a ser transmitida; Transmissor: é o dispositivo que envia a mensagem; Receptor: é o dispositivo que recebe a mensagem; Meio: é o caminho físico por onde viaja a mensagem; Protocolo: é um conjunto de regras que governa a comunicação de dados. Protocolo Passo 1: Passo 2: Passo 3... Protocolo Passo 1: Passo 2: Passo 3... Mensagem Meio Transmissor Receptor Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

5 Mensagem Introdução a Rede de Computadores Um computador produz sinais digitais, que são simplesmente a presença ou ausência de um pulso eleétrico. Alguns meios de transmissão aceitam transmissão digital. Entretanto, a maioria das linhas telefônicas foi originalmente construídas para transmitir voz (analógico). Desta forma, temos dois tipos de transmissão: Analógico: possuem um número infinito de valores distribuídos numa faixa (contínuos), por exemplo os números inteiros. Digital: possuem apenas um número limitado de valores (discretos), por exemplo 1 e 0; Valor Valor Tempo Tempo Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

6 Modens O sinal digital do computador deve ser convertido para a forma analógica para ser transmitido por meio de linhas analógicas. Os modens: abreviação de modulador/demodulador, converte sinal digital em analógico (modulação) e vice-versa (demodulação). A localização dos modens pode ser: Externo: separado do computador. Interno: inserido no computador: Os tipos de modem: DSL: usa circuitos eletrônicos avançados para enviar dados por meio da linha telefônica convencional. Celulares: transmitem dados por meio do sistema de telefonia celular. a Cabo: usa a rede de TV a cabo coaxial para enviar. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

7 Modulação de Sinais Digitais (Portadora) Em uma transmissão analógica, o dispositivo transmissor produz um sinal de alta freqüência (chamado de portadora) que funciona como suporte para o sinal de informação; A informação digital modulada modifica uma ou mais características (amplitude, freqüência ou fase) da freqüência portadora; O dispositivo receptor é sintonizado na freqüência da portadora que ele espera receber a transmissão. Rede Analógica Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

8 Modos de Transmissão A transmissão entre o transmissor e o receptor poderá ocorrer: Serial; Paralela; Assíncrona; Sincrona; Simplex; Half-duplex; Full-duplex; Ponto a Ponto; Multiponto. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

9 Modos de Transmissão A transmissão dos dados pode ser: Paralela: Os dados são agrupados em um conjunto de n bits. Este conjunto de bits são enviados e recebido a cada instante de tempo. Para isso é utilizado n meios físicos. Serial: somente 1 bit é enviado a cada instante de tempo. Sendo necessário apenas 1 canal de comunicação para transportá-lo. 1 Transmissor Receptor Transmissor Receptor Transmissão Paralela Transmissão Serial Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

10 Modos de Transmissão A transmissão serial ocorre de dois modos: Assíncrona: o processo inicia-se com 1 start bit. Em seguida, vem um conjunto de bits, e finaliza com um 1 ou mais stop bits. Pode ocorrer um período de repouso entre a transmissão dos bits; Síncrona: enviamos bits um após o outro sem start/stop bits ou intervalo de repouso. O receptor é responsável pelo agrupamento e pela interpretação dos bits recebidos. Stop bit Start bit Transmissor Receptor Transmissor Receptor Transmissão Assíncrona Transmissão Síncrona Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

11 Modos de Transmissão Direção dos dados Simplex: a comunicação é unidirecional. Somente um dos dispositivos é capaz de transmitir. Half-Duplex: cada estação pode transmitir e receber, mas nunca ao mesmo tempo. Full- Duplex: ambas estações podem transmitir e receber dados simultaneamente. Simplex Transmissor Receptor Direção dos dados em T1 Direção dos dados em T2 Half-Duplex Transmissor/Receptor Transmissor/Receptor Direção dos dados num tempo qualquer Full-Duplex Transmissor/Receptor Transmissor/Receptor Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

12 Modos de Transmissão Ponto a Ponto: é uma enlace dedicado entre dois dispositivos. Toda a capacidade do canal é reservada para a transmissão entre os dois; Multiponto: é aquela na qual mais de dois dispositivos compartilham o mesmo enlace. A capacidade do canal é compartilhada. Ponto a Ponto Multiponto Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

13 Topologias Físicas Introdução a Rede de Computadores É a maneira pela qual uma rede é organizada fisicamente. Dois ou mais dispositivos se conectam a um canal, formando uma topologia. A topologia é uma representação geométrica da relação de todos os enlaces (canais) e dos dispositivos; Existem quatro topologias básicas: Barramento; Estrela; Anel; Malha. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

14 Topologia - Barramento É uma topologia multiponto onde todos os componentes da rede são conectados a um único cabo, chamado de backbone; Esta topologia foi uma das primeiras topologias adotadas no projeto das primeiras redes locais; Vantanges: Fácil de instalar; Utiliza uma quantidade menor de cabos quando comparada a outras topologias. Desvantagens: Limitada pela distância e pelo número de equipamentos; Se o cabo for danificado todos os clientes perdem a conexão; Terminador Transceptores Transceptores Terminador Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

15 Topologia - Estrela Todos os componentes são conectados dedicadamente (exclusivo, ponto a ponto) a um dispositivo controlador no centro da estrutura. Este concentrador é geralmente um switch ou hub; Os dispositivos não são ligados diretamente entre si. Se um dispositivo desejar enviar dados a outro, primeiramente envia os dados para o concentrador que, por sua vez, replica os dados para o dispositivo de destino; Esta topologia é usada em redes locais (LANs). Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

16 Topologia - Estrela Vantanges: Fácil de instalar e reconfigurar; Robustez da topologia: se um enlace falhar apenas ele é afetado, todos os demais permanecerão ativos. Desta forma, facilita a identificação das falhas; Desvantanges: Dependência de toda a topologia em um único ponto. Se ele sair de operação toda a rede pára. Necessita de uma quantidade maior de cabos quando comparado as topologias barramento e anel. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

17 Topologia - Anel Cada dispositivo possui uma conexão ponto a ponto (dedicada) somente com os dois dispositivos mais próximos dele (conectados de cada lado); Um sinal é transmitido ao longo do anel numa única direção, de um dispositivo a outro, até alcançar o destino. Quando um dispositivo do anel recebe um sinal endereçado a outro dispositivo, ele regenera o sinal de dados e o transmite adiante de forma unidirecional; Utilizado em fibras ópticas e cabo coaxial; Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

18 Topologia - Anel Introdução a Rede de Computadores Vantanges: Fácil de instalar e reconfigurar. Pois, cada dispositivo é ligado apenas aos seus vizinhos imediatos; Desvantanges: Com um anel simples, uma queda do enlace pode desabilitar toda a rede. Essa fragilidade pode ser resolvida utilizando um anel duplo. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

19 Topologia - Malha Introdução a Rede de Computadores Nesta topologia cada dispositivos possui um enlace dedicado com cada um dos demais dispositivos da rede; Vantanges: É a topologia mais robustas com relação a falhas, se um enlace se torna inutilizável, ele não afeta o sistema como um todo; Facilitam na identificação de falhas; O tráfego pode ser direcionado de forma a evitar links com problemas; Segurança da informação: a informação passa do transmissor direto para o receptor; Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

20 Topologia - Malha Introdução a Rede de Computadores Desvantanges: Custo elevado de instalação devido a grande quantidade de cabeameto e portas de comunicação: cada dispositivo precisa ter (n 1) portas de comunicação a serem conectadas às demais (n 1) estações. Além disso, para ligar todos os dispositivos precisamos de n(n 1) 2 enlaces; Complexidade da instalação e configuração. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

21 Classificação das redes Rede Local (LAN): é administrada privativamente e os enlaces entre dispositivos estão localizados dentro de uma sala, escritório, edifício ou campus. Redes Metropolitanas (MAN): normalmente ela é projetada para abrangir uma cidade. Pode ser constituída de uma única rede ou pode conectar várias LANs. Um exemplo são redes de provedores de Internet em uma cidade; Redes Geograficamente Distribuídas (WAN): abrange grandes distâncias geográficas podendo compreender um país, um continente ou até mesmo todo o mundo. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

22 Componentes de uma LAN Os principais componentes de uma LAN são: Interfaces de rede (placa de rede): conecta cada computador à rede, manipula o envio, o recebimento e a verificação de erros dos dados transmitidos. Cabos de rede: constitui uma maneira de conectar a placa de rede à rede, propriamente dita, cabeado. Podem ser fios de par trançado, cabos coaxiais ou cabos de fibra óptica. Em redes Wireless (sem fio) o cabo não se faz necessário. Roteador: possibilita a conexão de redes. Ele dirige o tráfego das comunicações, se o tráfego da rede ficar congestionado, o roteador pode redirecionar o tráfego para outra rota, por exemplo. Gateway: permite a um computador comunicar-se com um computador em outra redes, repassando a informação. O gateway pode ser o próprio roteador da rede. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

23 Cabo Par Trançado Cabo Par Trançado Um par trançado consiste de um par de fios de cobre encapados. Os fios são enrolados de forma helicoidal. Um dos fios do par funciona como suporte de transporte dos sinais entre o transmissor e receptor, enquanto que o outro funciona como referência. O receptor baseia-se na diferença de potencial entre os dois níveis de tensão nos fios para interpretar a informação recebida. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

24 Cabo Par Trançado Cabo Par Trançado Os sinais enviados do transmissor ao receptor podem estar sujeitos a interferências eletromagnéticas, criando um sinal indesejável. O receptor opera somente olhando a diferença entre os sinais recebidos do par. Como o par de fios é afetado igualmente, o receptor ficará imune a interferência, porque a diferença no par de fios produzirá o cancelamento dos sinais indesejados. O efeito trançado aumenta a probabilidade de ambos os fios sejam igualmente afetados pela interferência externa. Deste modo, quanto mais tranças tiver um cabo, maior é a qualidade deste cabo. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

25 Cabo Par Trançado Cabo Par Trançado Os tipos de cabo par trançado são: Par trançado sem blindagem (UTP - Unshielded Twistead-Pair): é o cabo mais popular no uso das redes de computadores. Par trançado blindado (STP - Shielded Twistead-Pair): este cabo tem uma blindagem eletromagnética metálica ou revestimento em malha de cobre em cada par de fios isolados do cabo. Embora a blindagem melhore a qualidade do cabo, o cabo se torna mais caro e mais volumoso. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

26 Cabo Par Trançado Cabo Par Trançado Os cabos UTP são classificados em sete categorias: Categoria Largura de Banda Taxa de Transmissão Tipo de Sinal Aplicação 1 muito baixa < 100Kbps A Telefone 2 < 2MHz 2Mbps A/D Telefone/Dados 3 16MHz 10Mbps D LANs 4 20MHz 20Mbps D LANs 5 100MHz 100Mbps D LANs 6 200MHz 200Mbps D LANs 7 600MHz 600Mbps D LANs onde; A = Analógico e D = Digital. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

27 Cabo Par Trançado Introdução a Rede de Computadores Cabo Par Trançado O conector UTP mais comum é o RJ-45. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

28 Cabo Coaxial Cabo Coaxial O cabo coaxial consiste: Um núcleo com um fio de cobre:responsável por carregar o sinal; Um material isolante entre o núcleo e condutor externo; Um condutor externo ciĺındrico: geralmente uma malha sólida entrelaçada, que serve de blindagem (proteção contra ruídos) para o condutor interno. Um cobertura plástica externa. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

29 Cabo Coaxial Cabo Coaxial O cabo coaxial oferece uma melhor imunidade ao ruído, que os par trançado, devido a sua blindagem. Desta forma, o cabo coaxial podem transmitir altas taxas de dados por distâncias relativamente longas sem a necessidade de regeneração do sinal; Por outro lado, o seu custo é maior e sua instalação não é tão simples; Os cabos coaxiais são utilizados nas redes telefônicas, TV a cabo e em redes de computadores. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

30 Cabo Coaxial Cabo Coaxial Em redes de computadores é utilizado dois tipos de cabo coaxial: Cabo coaxial grosso (especificação RG-213): transmitindo dados numa velocidade de até 150 Mbps a uma distância de até 500 m. A interface 10Base5 utiliza este tipo de cabeamento. O cabo coaxial grosso também são muito utilizados em circuitos internos de TV. Cabo coaxial fino (especificação RG-58): permite a transmissão de dados à velocidade de 50 Mbps a uma distância máxima de 185 m. Este tipo de cabo obedece ao padrão 10Base2, sendo utilizado em redes padrão Ethernet. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

31 Cabo Coaxial Introdução a Rede de Computadores Cabo Coaxial O tipo mais comum de conector utilizado atualmente é o BNC. A família BNC é composta pelos elementos seguintes: Conector de cabo BNC : é colocado (geralmente soldado) na extremidade do cabo; Conector BNC em T: liga a placa rede dos computadores ao cabo da rede; Terminação BNC : está colocado em cada extremidade do cabo de uma rede em barramento para absorver os sinais eletroestáticos. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

32 Fibra Óptica Fibra Óptica Um fibra óptica é feita de vidro ou plástico e utiliza luz para a transmissão de dados, ao contrário de par trançado e do cabo coaxial, que transmitem sinais elétricos; Um sistema de transmissão óptica tem três componentes: a fonte de luz, meio de transmissão e o detector. O transmissor recebe um sinal elétrico, converte o sinal e o transmite por pulsos de luz. O detector gera um sinal elétrico quando entra em contato com a luz, recuperando a informação. Normalmente, a presença de luz indica o bit 1 e a ausência de luz representa o bit 0. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

33 Fibra Óptica Fibra Óptica A fibra óptica oferece uma enorme capacidade de transmissão. Além disso, a fibra é imune a ruídos eletromagnéticos. O problema da atenuação tem um efeito bem menor que em outros meios, permitindo maiores distâncias; Porém, a seus componentes e instalação ainda é cara. É mais difícil de de reparar caso haja rompimento no cabo. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

34 Fibra Óptica Fibra Óptica Para que a luz possa ser enviada pela fibra sem que haja dispersão, utiliza-se um princípio da óptica chamado de refração. A refração é a passagem da luz por meios com diferentes índices de refração. A refração modifica a velocidade da luz e normalemente a sua direção (dependendo do ângulo de incidência). Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

35 Fibra Óptica Introdução a Rede de Computadores Fibra Óptica A intensidade da refração depende das propriedade dos dois meios físicos (índices de refração). Para ângulos de incidência que ultrapassam um certo valor crítico, a luz é refletida. Desta forma, um raio de luz incidente no ângulo crítico ou acima dele é interceptado no interior da fibra e pode se propagar por muitos quilômetros. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

36 Fibra Óptica Fibra Óptica A fibra óptica é formada por: Um núcleo de vidro (ou plástico): onde a luz é guiada, aplicando a angulação correta; O núcleo e envolvido por um revestimento (por exemplo, plástico) com índice de refração menor que o núcleo. A diferença de densidade deve ser tal que um feixe de luz movendo-se através do núcleo seja refletido de volta pela casca em vez de sofrer refração. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

37 Fibra Óptica Fibra Óptica Jaqueta:cobertura externa de plástico; Fios de Kevlar: para dar resistência ao cabo; Cobertura plástica externa: serve para proteção. Obs.: O Kevlar é o material utilizado na fabricação de roupas à prova de balas. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

38 Fibra Óptica Introdução a Rede de Computadores Fibra Óptica Tipos de fibra óptica: Multimodo: são fibras que possuem vários modos de propagação, o que faz com que os raios de luz percorram por diversos caminhos o interior da fibra; Monomodo: as fibras monomodo possuem um único modo de propagação. Estas fibras possuem um diâmetro e densidade menor do que as multimodo. Por possuírem suas dimensões mais reduzidas, as fibras monomodais têm a fabricação mais complexa e consequentimente são mais caras. Contudo, estas fibras apresentam atenuação mais baixa, permitindo transmissão de longas distâncias e uma maior capacidade de transmissão. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

39 Fibra Óptica Fibra Óptica As fibras ópticas são definidas pela razão entre o diâmetro do núcleo e o diâmetro da casca. As dimensões são expressas em micrômetros. Tipo Núcleo (µm) Casca Modo 50/ multimodo 62,5/125 65,5 125 multimodo 100/ multimodo 7/ monomodo Obs.: O diâmetro de um fio de cabelo é aproximadamente 60µm. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

40 Fibra Introdução a Rede de Computadores Óptica - Conectores Fibra Óptica Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

41 Fibra Óptica Questões 1. Para que serve os meios de transmissão? Dê exemplos de meios e transmissão com fio. 2. Compare o par trançado, fibra óptica e cabo coaxial, apresentando as vantagens e desvantagens. 3. Quais são os principais conectores do par trançado, cabo coaxial e fibra óptica. Macêdo Firmino (IFRN) Informática Novembro de / 41

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Meios de Transmissão Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Abril de 2012 1 / 34 Pilha TCP/IP A B M 1 Aplicação Aplicação M 1 Cab M T 1 Transporte Transporte

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Introdução a Redes de Computadores Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Novembro de 2012 1 / 25 O que é Redes de Computadores? É a infra-estrutura de hardware

Leia mais

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br TI Aplicada Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br Conceitos Básicos Equipamentos, Modelos OSI e TCP/IP O que são redes? Conjunto de

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Introdução Redes de Computadores Marco Antonio Montebello Júnior marco.antonio@aes.edu.br Rede É um conjunto de computadores chamados de estações de trabalho que compartilham recursos de hardware (HD,

Leia mais

MÓDULO 4 Meios físicos de transmissão

MÓDULO 4 Meios físicos de transmissão MÓDULO 4 Meios físicos de transmissão Os meios físicos de transmissão são compostos pelos cabos coaxiais, par trançado, fibra óptica, transmissão a rádio, transmissão via satélite e são divididos em duas

Leia mais

Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática

Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática Disciplina: Infraestrutura de Redes de Computadores 04. Meios Físicos de Transmissão Prof. Ronaldo Introdução n

Leia mais

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes Noções de Redes: Estrutura básica; Tipos de transmissão; Meios de transmissão; Topologia de redes;

Leia mais

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO:

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: CABEAMENTO DE REDE QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: MEIO FÍSICO: CABOS COAXIAIS, FIBRA ÓPTICA, PAR TRANÇADO MEIO NÃO-FÍSICO:

Leia mais

Prática em Redes de Computadores. Meios de Transmissão. Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br

Prática em Redes de Computadores. Meios de Transmissão. Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br Prática em Redes de Computadores Meios de Transmissão Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br Sumário Introdução Meios de Transmissão Cabo coaxial Cabo Par Trançado Fibra Óptica Interferências

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com COMUTAÇÃO CIRCUITOS PACOTES É necessário estabelecer um caminho dedicado entre a origem e o

Leia mais

Segunda Lista de Exercícios

Segunda Lista de Exercícios INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA Segunda Lista de Exercícios 1. Qual é a posição dos meios de transmissão no modelo OSI ou Internet? Os meios de transmissão estão localizados abaixo

Leia mais

A escolha desses itens é importante pois interfere no custo das interfaces de rede. Cabo coaxial Par trançado Fibra ótica

A escolha desses itens é importante pois interfere no custo das interfaces de rede. Cabo coaxial Par trançado Fibra ótica Meios físicos de transmissão Objetivos: 1 - Definir os termos referentes a cabeamento. 2 - Identificar os principais tipos de cabos de rede. 3 - Determinar o tipo de cabeamento apropriado para cada tipo

Leia mais

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede.

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Conceito Importância É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Qualquer meio físico capaz de transportar

Leia mais

Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado. Prof. Alexandre Beletti Ferreira

Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado. Prof. Alexandre Beletti Ferreira Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado Prof. Alexandre Beletti Ferreira Cabo Coaxial COMPOSTO POR: Fio de cobre rígido que forma o núcleo Envolto por um material isolante, O isolante, por

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Redes de Computadores Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com 2/16 Nível Físico Tem a função de transmitir uma seqüência de bits através de um canal e comunicação. Este nível trabalha basicamente

Leia mais

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1.

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. (CODATA 2013) Em relação à classificação da forma de utilização

Leia mais

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão Comunicação de Dados Aula 9 Meios de Transmissão Sumário Meios de Transmissão Transmissão guiada Cabo par trançado Coaxial Fibra ótica Transmissão sem fio Ondas de rádio Micro ondas Infravermelho Exercícios

Leia mais

CAROLINE XAVIER FERNANDES RELATÓRIO TÉCNICO DE MEIOS DE TRANSMISSÃO. MEIOS DE TRANSMISSÃO Cabo Coaxial

CAROLINE XAVIER FERNANDES RELATÓRIO TÉCNICO DE MEIOS DE TRANSMISSÃO. MEIOS DE TRANSMISSÃO Cabo Coaxial Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática CAROLINE XAVIER FERNANDES RELATÓRIO

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA FUNDAMENTOS DE REDES REDES DE COMPUTADORES Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Material elaborado com base nas apresentações

Leia mais

Processamento de Dados

Processamento de Dados Processamento de Dados Redes de Computadores Uma rede de computadores consiste de 2 ou mais computadores e outros dispositivos conectados entre si de modo a poderem compartilhar seus serviços, que podem

Leia mais

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Na comunicação de dados são usados muitos tipos diferentes de meios de transmissão. A escolha correta dos meios de transmissão no projeto

Leia mais

Meios Físicos de Transmissão

Meios Físicos de Transmissão Meios Físicos de Transmissão O meios de transmissão diferem com relação à banda passante, potencial para conexão ponto a ponto ou multiponto, limitação geográfica devido à atenuação característica do meio,

Leia mais

Conhecer meios de transmissão que utilizam cabos e fios. Componentes do processo de comunicação.

Conhecer meios de transmissão que utilizam cabos e fios. Componentes do processo de comunicação. Meios de transmissão Conhecer meios de transmissão que utilizam cabos e fios. Quando enviamos uma informação para um destino, ela vai por um canal de comunicação. Esse canal de comunicação tem um limite

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Profº Alexsandro M. Carneiro alexsandro@ucdb.br Bacharelado em Sistemas de Informação AULA 06 Bacharelado em Sistemas de Informação UCBD SG - 2005 Tópicos Abordados Camada Física:

Leia mais

Tecnologia da Informação Apostila 02

Tecnologia da Informação Apostila 02 Parte 6 - Telecomunicações e Redes 1. Visão Geral dos Sistemas de Comunicações Comunicação => é a transmissão de um sinal, por um caminho, de um remetente para um destinatário. A mensagem (dados e informação)

Leia mais

Estrutura de um Rede de Comunicações. Redes e Sistemas Distribuídos. Tarefas realizadas pelo sistema de comunicação. Redes de comunicação de dados

Estrutura de um Rede de Comunicações. Redes e Sistemas Distribuídos. Tarefas realizadas pelo sistema de comunicação. Redes de comunicação de dados Estrutura de um Rede de Comunicações Profa.. Cristina Moreira Nunes Tarefas realizadas pelo sistema de comunicação Utilização do sistema de transmissão Geração de sinal Sincronização Formatação das mensagens

Leia mais

Infra-Estrutura de Redes

Infra-Estrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul Infra-Estrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Objetivos: Camada física

Leia mais

Fundamentos em Informática

Fundamentos em Informática Fundamentos em Informática Aula 06 Redes de Computadores francielsamorim@yahoo.com.br 1- Introdução As redes de computadores atualmente constituem uma infraestrutura de comunicação indispensável. Estão

Leia mais

Gestão de Redes e Sistemas Distribuídos

Gestão de Redes e Sistemas Distribuídos Gestão de Redes e Sistemas Distribuídos Setembro 2006 Conceitos fundamentais Evolução das Redes (parte I) Sumário???? Módulo I: Conceitos fundamentais Evolução das redes Tipos de Redes Sistemas de Cablagem

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE V: Telecomunicações, Internet e Tecnologia Sem Fio. Tendências em Redes e Comunicações No passado, haviam dois tipos de redes: telefônicas e redes

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com

Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com Fundamentos em Sistemas de Computação Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com Camada Física Primeira cada do modelo OSI (Camada 1) Função? Processar fluxo de dados da camada 2 (frames) em sinais

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Rafael Freitas Reale Aluno: Data / / Prova Final de Redes Teoria Base 1) Qual o tipo de ligação e a topologia respectivamente

Leia mais

Introdução. Arquitetura de Rede de Computadores. Prof. Pedro Neto

Introdução. Arquitetura de Rede de Computadores. Prof. Pedro Neto Introdução Arquitetura de Rede de Prof. Pedro Neto Aracaju Sergipe - 2011 Ementa da Disciplina 1. Introdução i. Conceitos e Definições ii. Tipos de Rede a. Peer To Peer b. Client/Server iii. Topologias

Leia mais

Fundamentos da Informática e Comunicação de Dados

Fundamentos da Informática e Comunicação de Dados Fundamentos da Informática e Comunicação de Dados Aula 07 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina, oferecida pela UNINOVE. O acesso

Leia mais

Linhas de transmissão

Linhas de transmissão Linhas de transmissão 1 - Introdução Linha de transmissão é um termo genérico utilizado para referenciar qualquer tipo de meio físico construído para transmissões de sinais elétricos ou óticos. No setor

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Cabeamento Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br Os cabos são usados como meio de comunicação há mais de 150 anos. A primeira implantação em larga escala de comunicações via

Leia mais

INSTITUTO LABORO ESCOLA TECNICA

INSTITUTO LABORO ESCOLA TECNICA INSTITUTO LABORO ESCOLA TECNICA PESQUISA CABO COAXIAIS ASPECTOS TECNICOS FIBRA OPTICA SISTEMA TIPICO DE COMUNICAÇÃO PTICA ESTRUTURA DE UMA FIBRA OPTICA TIPOS DE FIBRA OPTICA Por Ítalo da Silva Rodrigues

Leia mais

Módulo 2 Comunicação de Dados

Módulo 2 Comunicação de Dados URCAMP - CCEI - Curso de Informática Transmissão de Dados Módulo 2 Comunicação de Dados cristiano@urcamp.tche.br http://www.urcamp.tche.br/~ccl/redes/ Para SOARES (995), a transmissão de informações através

Leia mais

09/08/2015 DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES. Tecnologia em Jogos Digitais. Mídias (meios) de transmissão

09/08/2015 DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES. Tecnologia em Jogos Digitais. Mídias (meios) de transmissão Tecnologia em Jogos Digitais Mídias (meios) de transmissão DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES Mídias físicas: composta pelo cabeamento e outros elementos componentes utilizados na montagem

Leia mais

Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2)

Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2) Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2) A largura de banda,, em termos gerais, indica a quantidade máxima de dados que podem trafegar no meio em um determinado momento. É medida em bps (bits

Leia mais

Vejamos, então, os vários tipos de cabos utilizados em redes de computadores:

Vejamos, então, os vários tipos de cabos utilizados em redes de computadores: Classificação quanto ao meio de transmissão Os meios físicos de transmissão são os cabos e as ondas (luz, infravermelhos, microondas) que transportam os sinais que, por sua vez, transportam a informação

Leia mais

Modelo OSI - A Camada Física

Modelo OSI - A Camada Física Modelo OSI - A Camada Física Prof. Gil Pinheiro 1 Detalhes da Camada Física Meio físico Sinalização Analógica x Digital Comunicação Paralela x Serial Modos de Transmissão (Simplex, Half- Duplex, Full Duplex)

Leia mais

OLIVEIRA BRUNO RELATÓRIO TÉCNICO

OLIVEIRA BRUNO RELATÓRIO TÉCNICO Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática PAOLA OLIVEIRA BRUNO RELATÓRIO TÉCNICO

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas

CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas

Leia mais

Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts

Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts Multicast: Ex; Precisamos enviar mensagem para grupo de computadores. Atualizar antivirus Para 70 maquinas, criamos um grupo multicast

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

Placa de Rede. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. MAN (Metropolitan Area Network) Rede Metropolitana

Placa de Rede. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. MAN (Metropolitan Area Network) Rede Metropolitana Rede de Computadores Parte 01 Prof. André Cardia Email: andre@andrecardia.pro.br MSN: andre.cardia@gmail.com Placa de Rede Uma placa de rede (NIC), ou adaptador de rede, oferece capacidades de comunicações

Leia mais

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO)

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) Par Trançado UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) O cabo UTP é composto por pares de fios, sendo que cada par é isolado um do outro e todos são trançados juntos dentro de uma cobertura externa, que não possui

Leia mais

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede Rede de Computadores Prof. André Cardia Email: andre@andrecardia.pro.br MSN: andre.cardia@gmail.com Placa de Rede Uma placa de rede (NIC), ou adaptador de rede, oferece capacidades de comunicações nos

Leia mais

O QUE É REDES DE COMPUTADORES?

O QUE É REDES DE COMPUTADORES? REDES DE COMPUTADORES Wagner de Oliveira O QUE É REDES DE COMPUTADORES? É a conexão de dois ou mais computadores através de um meio de comunicação (cabos, linhas telefônicas, etc.) Possibilita o compartilhamento

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Fundamentos de Redes de Computadores, Transmissão de Dados e Cabeamento

REDES DE COMPUTADORES Fundamentos de Redes de Computadores, Transmissão de Dados e Cabeamento PVH 15-08-05 Administração de Empresas 2º Período Informática Aplicada REDES DE COMPUTADORES Fundamentos de Redes de Computadores, Transmissão de Dados e Cabeamento Prof. Sérgio Rodrigues 1 Redes de Computadores

Leia mais

Computação Aplicada. Redes de Computadores. Professor Emanuel Ferreira Coutinho Aula 9

Computação Aplicada. Redes de Computadores. Professor Emanuel Ferreira Coutinho Aula 9 Computação Aplicada Redes de Computadores Professor Emanuel Ferreira Coutinho Aula 9 Sumário Definição Estrutura Categorias 2 Definição Conjunto de computadores (estações de trabalho), que compartilham

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Parte II: Camada Física Dezembro, 2012 Professor: Reinaldo Gomes reinaldo@computacao.ufcg.edu.br Meios de Transmissão 1 Meios de Transmissão Terminologia A transmissão de dados d

Leia mais

Fundamentos de Rede e Cabeamento Estruturado. A camada Física

Fundamentos de Rede e Cabeamento Estruturado. A camada Física Fundamentos de Rede e Cabeamento Estruturado A camada Física Largura de banda Compartilhada ou shared bandwidth Comutada ou switched bandwidth Banda base e banda larga Banda base existe a possibilidade

Leia mais

Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins

Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a leitura

Leia mais

Fundamentos de Redes de Dados e Comunicação

Fundamentos de Redes de Dados e Comunicação Fundamentos de Redes de Dados e Comunicação 191 FUNDAMENTOS DE REDE DE DADOS E COMUNICAÇÃO Redes de Computadores 1 REDES DE COMPUTADORES 1.1 Introdução A indústria da informática teve um progresso espetacular

Leia mais

Elementos ativos de rede e meios de transmissão. Eduardo Max A. Amaral Aula 5

Elementos ativos de rede e meios de transmissão. Eduardo Max A. Amaral Aula 5 Elementos ativos de rede e meios de transmissão Eduardo Max A. Amaral Aula 5 Hub Os hubs são dispositivos concentradores, responsáveis por centralizar a distribuição dos quadros de dados em redes fisicamente

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. Dr. Rogério Galante Negri

Redes de Computadores. Prof. Dr. Rogério Galante Negri Redes de Computadores Prof. Dr. Rogério Galante Negri Rede É uma combinação de hardware e software Envia dados de um local para outro Hardware: transporta sinais Software: instruções que regem os serviços

Leia mais

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA PCS 2476 Introdução - 1 Meios Físicos e Suas Características PCS 2476 Introdução - 2 Linhas Físicas Linhas Bifilares Par de fios Cabo de Pares Linha Aberta Linha de Alta Tensão

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com RESUMO 1 COMUTAÇÃO DE CIRCUITOS Reservados fim-a-fim; Recursos são dedicados; Estabelecimento

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Introdução a Redes de Computadores Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Março de 2012 1 / 36 O que é Redes de Computadores? É a infra-estrutura de hardware

Leia mais

REDE DE COMPUTADORES

REDE DE COMPUTADORES SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL REDE DE COMPUTADORES Tecnologias de Rede Topologias Tipos de Arquitetura Prof. Airton Ribeiro de Sousa E-mail: airton.ribeiros@gmail.com 1 REDES LOCAIS LAN -

Leia mais

Meios físicos Os meios físicos

Meios físicos Os meios físicos Meios físicos Os meios físicos são considerados componentes da camada 1. Se encarregam daquilo que diz respeito à representação física são bits (por exemplo, voltagem ou pulsos de luz). 1 Representação

Leia mais

Redes de Computadores UNIDADE 2:Conhecendo os equipamentos, dispositivos e serviços de TI.

Redes de Computadores UNIDADE 2:Conhecendo os equipamentos, dispositivos e serviços de TI. UNIDADE 2:Conhecendo os equipamentos, dispositivos e serviços de TI. *Definição *Contexto Atual *Meios de Transmissão *Equipamentos de Comunicação *Arquiteturas de Redes *Tecnologias de LAN s *Protocolos

Leia mais

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal:

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal: Redes - Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Comunicação sempre foi, desde o início dos tempos, uma necessidade humana buscando aproximar comunidades distantes.

Leia mais

UNINGÁ UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO TOPOLOGIAS. Profº Erinaldo Sanches Nascimento

UNINGÁ UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO TOPOLOGIAS. Profº Erinaldo Sanches Nascimento UNINGÁ UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO TOPOLOGIAS Profº Erinaldo Sanches Nascimento Objetivos Examinar as várias maneiras para projetar a infraestrutura de cabo para

Leia mais

26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente?

26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente? CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓDIGO 05 UCs de Eletrônica e/ou de Telecomunicações 26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente?

Leia mais

09/06/2011. Profª: Luciana Balieiro Cosme

09/06/2011. Profª: Luciana Balieiro Cosme Profª: Luciana Balieiro Cosme Revisão dos conceitos gerais Classificação de redes de computadores Visão geral sobre topologias Topologias Barramento Anel Estrela Hibridas Árvore Introdução aos protocolos

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Conceito de Redes Redes de computadores são estruturas físicas (equipamentos) e lógicas (programas, protocolos) que permitem que dois ou mais computadores

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Introdução Fabricio Breve Onde estão as redes? Caixa Eletrônico Terminais conectados a um computador central Supermercados, farmácias, etc... Vendas Caixa Estoque Etc... Por que Redes?

Leia mais

Redes, topologia e meios físicos de transmissão Prof. Ricardo J. Pinheiro

Redes, topologia e meios físicos de transmissão Prof. Ricardo J. Pinheiro Fundamentos de Redes de Computadores Redes, topologia e meios físicos de transmissão Prof. Ricardo J. Pinheiro Resumo Livro-texto: Redes de Computadores: Das LANs,MANs e WANs às redes ATM - Soares, Lemos

Leia mais

Meios de transmissão. Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Março de 2006

Meios de transmissão. Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Março de 2006 Redes de Computadores Meios de transmissão Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Março de 2006 Meios de transmissão Redes de Computadores 1 Meios de transmissão Asseguram

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. Késsia Marchi

Redes de Computadores. Prof. Késsia Marchi Redes de Computadores Prof. Késsia Marchi Redes de Computadores Redes de Computadores Possibilita a conexão entre vários computadores Troca de informação Acesso de múltiplos usuários Comunicação de dados

Leia mais

Prof. Wilton O. Ferreira Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE 1º Semestre / 2012

Prof. Wilton O. Ferreira Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE 1º Semestre / 2012 Prof. Wilton O. Ferreira Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE 1º Semestre / 2012 As redes de computadores possibilitam que indivíduos possam trabalhar em equipes, compartilhando informações,

Leia mais

TOPOLOGIAS. Em redes de computadores modernos a transmissão de dados não ocorre através de bits contínuos.

TOPOLOGIAS. Em redes de computadores modernos a transmissão de dados não ocorre através de bits contínuos. TOPOLOGIAS Fundamentos de Redes Prof. Marcel Santos Silva Pacotes Em redes de computadores modernos a transmissão de dados não ocorre através de bits contínuos. Os dados são divididos em pequenos blocos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA. CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF. MARCIO BALIAN

REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA. CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF. MARCIO BALIAN 1 REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA. CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF. MARCIO BALIAN 2 INTERFACE E CABEAMENTO DE REDES - Parte física da rede - Cabeamento - Placas de rede (interfaces)

Leia mais

CABE DE REDE. Abaixo segue uma descrição de todas as categorias de cabos de par trançado existentes:

CABE DE REDE. Abaixo segue uma descrição de todas as categorias de cabos de par trançado existentes: CABE DE REDE Existem basicamente 3 tipos diferentes de cabos de rede: os cabos de par trançado (que são, de longe, os mais comuns), os cabos de fibra óptica (usados principalmente em links de longa distância)

Leia mais

Dispositivos de rede. roteador bridge. switch. switch ATM. transceiver repetidor

Dispositivos de rede. roteador bridge. switch. switch ATM. transceiver repetidor Dispositivos de rede roteador bridge switch switch ATM transceiver repetidor hub 1 Meios físicos Os meios físicos são considerados componentes da camada 1. Tudo de que se encarregam são bits (por exemplo,

Leia mais

IFRS Campus POA. Elétrica Aplicada Turma Redes II Noite. Prof. Sergio Mittmann. Grupo : Nilo Cesar Ferreira Alvira. Caroline Silva Tolfo

IFRS Campus POA. Elétrica Aplicada Turma Redes II Noite. Prof. Sergio Mittmann. Grupo : Nilo Cesar Ferreira Alvira. Caroline Silva Tolfo IFRS Campus POA Elétrica Aplicada Turma Redes II Noite Prof. Sergio Mittmann Grupo : Nilo Cesar Ferreira Alvira Caroline Silva Tolfo Claudia Silva Machado Marcelo Lucas A Fibra Óptica é um filamento extremamente

Leia mais

Camada Física. Bruno Silvério Costa

Camada Física. Bruno Silvério Costa Camada Física Bruno Silvério Costa Sinais Limitados por Largura de Banda (a) Um sinal digital e suas principais frequências de harmônicas. (b) (c) Sucessivas aproximações do sinal original. Sinais Limitados

Leia mais

Top-Down Network Design

Top-Down Network Design Top-Down Network Design Chapter Ten Selecting Technologies and Devices for Campus Networks Copyright 2010 Cisco Press & Priscilla Oppenheimer Selecionando Tecnologias e Dispositivos Neste ponto do projeto

Leia mais

Evolução na Comunicação de

Evolução na Comunicação de Evolução na Comunicação de Dados Invenção do telégrafo em 1838 Código Morse. 1º Telégrafo Código Morse Evolução na Comunicação de Dados A evolução da comunicação através de sinais elétricos deu origem

Leia mais

Camada Física Camada Física Camada Física Função: A camada Física OSI fornece os requisitos para transportar pelo meio físico de rede os bits que formam o quadro da camada de Enlace de Dados. O objetivo

Leia mais

Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora

Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora 1. Em que consiste uma rede de computadores? Refira se à vantagem da sua implementação. Uma rede de computadores é constituída por dois ou mais

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Uma rede de computadores é um sistema de comunicação de dados constituído através da interligação de computadores e outros dispositivos, com a finalidade de trocar informação e partilhar

Leia mais

Unidade 4 Meios de Transmissão

Unidade 4 Meios de Transmissão Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Redes de Computadores Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 4 Meios de Transmissão 2 Bibliografia da disciplina

Leia mais

Comunicação Dados: Conceitos e Evolução Prof. Valderi Leithardt www.inf.ufrgs.br/~vrqleithardt. Ulbra Canoas - 2012-2

Comunicação Dados: Conceitos e Evolução Prof. Valderi Leithardt www.inf.ufrgs.br/~vrqleithardt. Ulbra Canoas - 2012-2 Comunicação Dados: Conceitos e Evolução Prof. Valderi Leithardt www.inf.ufrgs.br/~vrqleithardt Ulbra Canoas - 2012-2 Apresentação Professor: Dissertação de Mestrado: Uma Plataforma para Integrar Dispositivos

Leia mais

Introdução às Redes de Computadores

Introdução às Redes de Computadores Volnys B. Bernal (c) 1 Introdução às Redes de Computadores Volnys Borges Bernal volnys@lsi.usp.br http://www.lsi.usp.br/~volnys Volnys B. Bernal (c) 2 Agenda Rede de Computadores Classificação quanto à

Leia mais

Informática Aplicada à Química. Redes de Computadores (Networking): Conexões por Computador

Informática Aplicada à Química. Redes de Computadores (Networking): Conexões por Computador Informática Aplicada à Química Redes de Computadores (Networking): Conexões por Computador Sistemas de Comunicação de Dados Sistemas computadorizados que transmitem dados por meio de linhas de comunicação,

Leia mais

Infra-Estrutura de Redes

Infra-Estrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul Infra-Estrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Ementa 1 Apresentação

Leia mais

1. Meios de Transmissão

1. Meios de Transmissão 1. Meios de Transmissão Para transmitir um fluxo bruto de bits de uma máquina para outra vários meios físicos podem ser usados, cada um com suas características em termos de largura de banda, retardo,

Leia mais

Figura 1 Taxas de transmissão entre as redes

Figura 1 Taxas de transmissão entre as redes Conceitos de Redes Locais A função básica de uma rede local (LAN) é permitir a distribuição da informação e a automatização das funções de negócio de uma organização. As principais aplicações que requerem

Leia mais

Tecnologia e Infraestrutura. Conceitos de Redes

Tecnologia e Infraestrutura. Conceitos de Redes Tecnologia e Infraestrutura Conceitos de Redes Agenda Introdução às Tecnologias de Redes: a) Conceitos de redes (LAN, MAN e WAN); b) Dispositivos (Hub, Switch e Roteador). Conceitos e tipos de Mídias de

Leia mais

Tipos de Cabeamento de Rede. Prof. Rafael Gross rafael.gross@fatec.sp.gov.br

Tipos de Cabeamento de Rede. Prof. Rafael Gross rafael.gross@fatec.sp.gov.br Tipos de Cabeamento de Rede Prof. Rafael Gross rafael.gross@fatec.sp.gov.br Tipos de Cabeamento Cabo Coaxial; Cabo Par Trançado; Cabo de Fibra Óptica. Cabo Coaxial Um dos primeiros cabos utilizados em

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Cabeamento Fabricio Breve Um dos primeiros tipos de cabos utilizados em rede Possui dois fios, sendo um uma malha que envolve o cabo em toda a sua extensão Essa malha funciona como

Leia mais

Introdução a Ciência da Computação REDES DE COMPUTADORES

Introdução a Ciência da Computação REDES DE COMPUTADORES Introdução a Ciência da Computação REDES DE COMPUTADORES Professor: Carlos Henrique E-mail: carlos_hvr@yahoo.com.br Definição Inicial Tipos de Redes Servidores Arquitetura de Protocolos Topologia de Redes

Leia mais

Introdução Redes de Computadores. Filipe Raulino

Introdução Redes de Computadores. Filipe Raulino <filipe.raulino@ifrn.edu.br> Introdução Redes de Computadores Filipe Raulino Introducão A comunicação sempre foi uma necessidade básica da humanidade. Como se comunicar a distância? 2 Evolução da Comunicação

Leia mais

RCO2. LANs, MANs e WANs Visão geral

RCO2. LANs, MANs e WANs Visão geral RCO2 LANs, MANs e WANs Visão geral 1 LAN, MAN e WAN Classificação quanto a alcance, aplicação e tecnologias Distâncias: WAN: : distâncias arbitrariamente longas MAN: : distâncias médias (urbanas) LAN:

Leia mais