PARÓQUIA SÃO JOSÉ OPERÁRIO - Ano 4 - Nº 34 - Setembro/ anos. Bíblia Sagrada

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARÓQUIA SÃO JOSÉ OPERÁRIO - Ano 4 - Nº 34 - Setembro/2013. www.igrejasaojoseoperario.com.br. anos. Bíblia Sagrada"

Transcrição

1 ÓQU Ã JÉ Á - no 4 - º 34 - etembro/2013 alavra de Deus é viva e eficaz ág. 02 or que rezar o erço issionário? ág. 03 cultura de orte ág. 05 dr a anos êisode r á nivers oeiro Bíblia agrada Jesus alavra em nosso meio

2 02 D adre arcos ntonio alavra de Deus é viva e eficaz (b 4,12) ua alavra é lâmpada para meus pés, luz para os meus caminhos lá caríssimos paroquianos, estamos iniciando o mês da Bíblia, a alavra de Deus. alavra de Deus, nos convoca, interpela, provoca. uvir a alavra é deixar-se desafiar e perceber que esta é alavra para ser anunciada, porque é a alavra da ida e para a ida. or isso, quem acolhe, ouve e medita a alavra, naturalmente se transforma em anunciador, em testemunha do vangelho, em operário do vangelho da alvação. ste anúncio é então feito com a vida, com gestos, decisões, com o coração, olhares e atitudes, tudo é iluminado pela alavra, tudo é desafiado por la, tudo se pode tornar instrumento para o seu anúncio, somos os peregrinos da alavra, os viajantes que por onde quer que passem, dizem no tempo e com gestos concretos o mistério amoroso de Deus, que é para nós, alavra de ida terna. fé cristã desafia-nos sempre para o compromisso. Diante da alavra escutada, lida, torna-se clara e urgente, para permanecermos em Jesus Cristo, pois assim permaneceremos também com o ai e com o spírito anto. este permanecer somos desafiados por Deus a produzir o fruto, não um fruto qualquer, mas sim o fruto que Deus abundantemente plantou em nós:, CCÇÃ, CUÃ. odo aquele que crê que Jesus é o Cristo foi gerado de Deus, e quem ama aquele que gerou amará também aquele que dele foi gerado. este é nosso critério para sabermos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e pomos em prática os seus mandamentos. ois amar a Deus consiste nisso: que observemos os seus mandamentos. os seus mandamentos não são pesados, pois todo o que foi gerado de Deus vence o mundo. esta é a vitória que venceu o mundo: a nossa Fé (1 Jo 5,1-4). Convido você caro leitor, a buscar intimidade com a Bíblia agrada, lendo, meditando, tendo ela sempre ao alcance das mãos e do coração, para que seja para nós uma bússola que mostra o caminho a seguir, vivendo-a, aprendemos a conhecer Cristo. Desconhecer a alavra é desconhecer a Cristo, uma forma simples de aprendermos e familiarizar-nos com a alavra, é pelo exercício da ectio Divina, que constitui um verdadeiro e apropriado tinerário spiritual, esta prática consiste em ler um trecho da alavra de Deus, tomando os elementos principais, meditando, seguindo após a oração que nos faz conversar com Deus, chegando a contemplação que nos ajuda a manter o coração aberto e atento a presença de Cristo, cuja alavra como sempre canto e repito, é lâmpada que brilha em lugar escuro, até que desponte o dia e a estrela da manhã se levante em nossos corações. leitura, o estudo e a meditação da alavra, devem depois desembocar em uma vida de coerente adesão a Cristo e aos seus ensinamentos. Deus abençoe você amigo leitor e caminhe na proteção de ão José perário! Graça e az. Á D D D C QU egunda-feira: erça-feira: Quarta-feira: Quinta-feira: exta-feira: ábado: XD D F Direção: e. arcos ntonio de liveira Coordenação: oberto Catarin quipe: - Diácono driano opes - lessandro antos - lvino Jacomini - manda ôssa adroeiro F 09h00 às 18h00 08h00 às 18h00 08h00 às 18h00 08h00 às 22h00 08h00 às 18h00 08h00 às 12h00 gradecemos os funcionários paroquiais e agentes de pastorais que colaboram com este nformativo. ábado: Domingo: Domingo: Domingo: e. arcos ntonio de liveira CBÇÃ D 19h30 atriz (exceto 4º sábado - CBs) 08h00 atriz 09h30 Capela CB ão Francisco 19h00 atriz DÇÃ Í C rimeira terça-feira do mês: 15h00 às 23h00 iragem: mpressão: Gráfica araná Distribuição: ecretaria, CBs, issas, Clínicas, Consultórios e Comércio em Geral. ndereço: v. mapá, Caixa ostal C: elefone: (44) Umuarama - -mail:

3 lvino Jacomini 03 utubro, mês missionário. Uma reflexão! stamos vivendo o mês da bíblia, o livro dos livros onde nele encontramos respostas para todos os nossos problemas, nossas dúvidas etc. Gostaria de partilhar um texto para nossa reflexão sobre o que estamos fazendo com o nosso tempo. udo tem seu tempo. á um momento oportuno para cada coisa debaixo do céu: tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou; tempo de matar e tempo de curar; tempo de destruir e tempo de construir; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de lamentar e tempo de dançar; tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las; tempo de abraçar e tempo de se afastar dos braços; tempo de procurar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de jogar fora; tempo de rasgar e tempo de costurar; tempo de calar e tempo de falar; tempo do amor e tempo do ódio; tempo de guerra e tempo de paz (clesiastes 3,1-8) or que rezar o erço missionário? orque no erço issionário podemos nos encontrar com todos os povos, raças e culturas da terra, e podemos rezar pelas necessidades de todos esses povos. 1º mistério: eza-se pela África - cor verde, recordando suas imensas florestas verdes, seus conflitos, violências e toda sorte de sofrimentos e também a esperança do crescimento da fé. greja africana é jovem, dinâmica, cheia de vitalidade e de grandes esperanças para o futuro. 2º mistério: eza-se pelas méricas - cor vermelha, por causa da cor da pele dos primeiros habitantes, os índios, os "pele vermelhas" também a terra vermelha por causa do sangue derramado por estes povos na época das conquistas e pelos mártires de ontem e de hoje. continente americano conta com o maior número de católicos de todo o mundo. 3º mistério: eza-se pela uropa - cor branca, raças brancas e por causa da presença do apa, ensageiro da az, o grande missionário do mundo. Foi da uropa que partiram boa parte dos missionários (as) para todos os continentes. 4º mistério: eza-se pela ceania - cor azul que lembra sua formação pelas inúmeras ilhas cercadas pelas águas azuis de seus mares. ste Continente necessita de missionários(as). 5º mistério: eza-se pela Ásia - cor amarela, das raças amarelas, berço das antigas civilizações, culturas e religiões. a Ásia encontra-se mais da metade da população do planeta e a menor porcentagem de cristãos. ua população vive os extremos da riqueza e da pobreza. tenção noivos! astoral Familiar realiza catequese pastoral familiar realizará no mês de outubro mais uma catequese de noivos. s interessados devem fazer suas inscrições na secretaria paroquial. pastoral também faz um pedido a você leitor do nformativo que conhece algum casal de noivos que pretende fazer a catequese, que encaminhe à secretaria para fazerem sua inscrição. jude-nos na divulgação, desde já a pastoral familiar agradece a todos. oivos, não deixem para última hora, venha fazer sua catequese com antecedência, quem faz com calma faz melhor, noivos um lembrete quanto melhor for a preparação no presente, melhor será a vida em família no futuro. De 01 a 07 de utubro celebramos a emana da ida sta iniciativa vem na sequência do apelo lançado em 1991 pelo apa João aulo, na ncíclica vangelho da ida sobre o valor e a inviolabilidade da vida humana, ao propor uma celebração que tenha por objetivo, suscitar nas famílias, na greja e na sociedade, o reconhecimento do sentido e valor da vida humana em todos os seus momentos e condições, concentrando a atenção de modo especial na gravidade do aborto e da eutanásia, sem menosprezar os outros momentos e aspectos da vida. amos juntos rezar pela vida, a minha, a sua, a nossa oração tem muita força. u acredito e você? adroeiro F

4 04 lessandro antos CBs CB ão Francisco de ssis alavra da Coordenadora CB ão Francisco de ssis era conhecida como a CB da zona rural, pois todos os integrantes eram moradores da strada Dias. Com o passar do tempo, as chácaras foram sendo loteadas e alguns grupos da zona urbana foram agregados à CB. pesar das mudanças, as raízes permaneceram como também o padroeiro da CB (ão Francisco de ssis), nossa CB chama os participantes, assim como era ão Francisco de ssis a serem simples e humildes, sempre prontos ao serviço, caminhando em direção ao Cristo essuscitado. ônia ignoto - Coordenadora Durante uma dinâmica desenvolvida em uma reunião da CB ão Francisco de ssis, alguns integrantes relataram o que sentem em participar das reuniões de grupo. egue abaixo um desses relatos: É um momento de dividirmos um pouco do que aprendemos, assim como os textos apresentados pelo informativo diocesano, é muito bom para refletir junto aos participantes do grupo. ambém é uma oportunidade de fortalecermos a nossa fé, através da oração, encontrando amigos e famílias amigas. ara mim é muito importante, pois temos a graça de ter nossa mãezinha do céu presente em nossos lares. ntegrante da CB ão Francisco de ssis ncontro das CBs ão arcos e ão José Como proposta da coordenação paroquial das CBs, foi realizado no quarto sábado do mês de agosto (24/08), um encontro entre as CBs ão arcos e ão José. esta oportunidade as duas CBs tiveram a felicidade de trocar experiências e partilhar a alavra de Deus, refletindo sobre a unidade, partilha e o mor de Deus. pós a reunião aconteceu uma confraternização. coordenação aroquial, motiva todas as nossas comunidades a se reunirem, além de agradável, esse momento nos leva a unidade e afinidade entre os integrantes das CBs. adre arcos visita CB anto gostinho o mês de agosto, comemorou-se no dia 28 o dia de anto gostinho, padroeiro da CB que leva o mesmo nome. ambém neste mês, no dia 25, aconteceu a visita pastoral do adre arcos às famílias participantes desta CB. Foi um momento de grande graça, diversas famílias foram visitadas e também os enfermos da comunidade, a visita foi acompanhada pelos membros do conselho, após a visita, aconteceu uma confraternização no salão paroquial da atriz ão José perário. s próximas CBs a serem visitadas são: em setembro a CB agrada Família, em outubro a CB ão José e em novembro a CB maculado Coração de aria. adroeiro F

5 adroeiro F Diácono driano opes Z D GJ 05 CUU D lá, caros paroquianos. ecebam um abraço afetuoso deste servo de Deus. este mês vos escrevo sobre um tema que muito me preocupa. Certa vez já escrevi sobre isso, mas é um assunto que deve ser sempre retomado para não esmorecermos e sermos engolimos pela mídia e suas meiasverdades. stamos vivendo uma época difícil, de muitos contra valores sendo sistematicamente jogados sobre nós, como se fossem verdades a serem aceitas sem questionamentos. quando alguém se levanta para debater, é taxado de retrógrado e preconceituoso. aborto é colocado a toda hora em nossas casas, agora com uma roupagem nova. Chamam agora de profilaxia da gravidez ou de redução terapêutica do embrião. s termos são até pomposos, mas somente disfarçam a ação criminosa do aborto, que é a morte do embrião, do ser humano que já vive no seio de sua mãe, e como vemos em Jeremias 1,5 (ntes de te formares no ventre materno, eu te conheci, eu te consagrei e te fiz profeta das nações) Deus nos ama desde sempre e é dever de todos a luta pela vida, desde a concepção materna. s termos profilaxia e terapêutica que agora usam, na verdade trazem uma grande mentira, pois são termos que nos induzem a pensar em cura, tratamento. as cura de quem? Da mãe? Que doença ela tem? o bebê? le é a doença? stamos entrando numa cultura da morte sem percebermos. Como diz o médico francês J. ejeune, se a saúde da mãe está ameaçada, se mata a criança; se a saúde da criança está ameaçada, se mata a criança; se a saúde pública está ameaçada, se mata a criança. aborto não é terapêutico, não cura a criança e nem resolve o problema da mãe, ele elimina a criança que não tem nenhuma culpa pelo que está acontecendo. la é a vítima inocente, que está pagando pelo que não fez, sendo sacrificada, sendo morta para se tentar reparar um mal. gora nos tornamos juízes da vida e decidimos quem deve viver e quem deve morrer. stamos tomando o lugar de Deus! isso não só na questão do aborto, mas também em outras coisas. Quantas vezes torcemos pela morte das pessoas em noticiários, filmes e novelas? arece que a solução de todos os problemas brasileiros passa pela morte de alguns, sejam políticos, ladrões, assassinos, estupradores e outros vilões que elegemos e que muitas vezes somos manipulados pela grande imprensa a elegermos como vilões da história. ão foi isso que Jesus pregou! que Jesus pregou foi uma cultura de vida, de amor, e principalmente de perdão e misericórdia para com todos, inclusive para com esses vilões. Jesus nunca desiste de nós, ele sempre espera pela nossa volta, pelo nosso arrependimento, não importa quanto pecamos. h se le usasse conosco a mesma medida que usamos com os outros! staríamos todos condenados ao fogo do inferno! as ainda bem que não! vida é o bem mais sagrado que temos em nossas mãos. e queremos ser discípulos missionários de Jesus Cristo, devemos defendêla desde a concepção até o seu fim natural. Um grande abraço a todos. Diácono driano

6 06 Coordenação do nformativo DQU osso casamento na ão José perário 1982 Walter Dutra de ouza aria do Carmo Jacomini de ouza 2013 Data do acramento do atrimônio: 04/09/1982 ssistiu ao atrimônio: e. Filberto énisson eu Batismo na ão José perário 2013 ndressa de Freitas Dionizio 1995 Data do acramento do Batismo: 18/06/1995 ome dos ais: dmilson parecido Dionizio driane parecida F. Dionizio Celebrante: e. rlando anoel Barbosa Quer participar deste espaço no nformativo " adroeiro"? e você teve seu acramento realizado na aróquia ão José perário, envie sua foto para o com os dados acima ou entregue na ecretaria aroquial que iremos digitalizá-la. que é o Batismo? Batismo é o sacramento comum a todos os cristãos. greja administra-o segundo a missão que o enhor lhe confiou: "de... fazei discípulos entre todas as nações, e batizai-os em nome do ai, do Filho e do spírito anto." (t 28,19). s ministros ordinários do Batismo são o bispo, o sacerdote ou o diácono. m caso de necessidade grave, qualquer pessoa - mesmo não estando batizada - pode administrá-lo, desde que queira fazer o que faz a greja (cf. CC 1256). "Batizar" vem de uma palavra grega que significa "mergulhar". ergulhado (batizado) na morte para a salvação do mundo (cf. CC 1225). Quando uma pessoa não batizada dá a sua vida por Jesus Cristo (martírio), recebe o Batismo de sangue. Fala-se também de Batismo de desejo entre os não batizados que praticam o bem, se comprometem pelo próximo e deste modo - às vezes sem o saberem - seguem a Cristo. Quanto às crianças que morrem sem Batismo, acreditamos que, na sua misericórdia, Deus não as abandona. adroeiro F

7 Coordenação do nformativo DQU 07 FÃ a exemplo de ão José rofissão: nfermeira lisabeth Furlan Bellini ou lisabeth Furlan Bellini e como uma verdadeira fleumática sempre sonhei ser enfermeira, mas este sonho só se realizou em 2001, quando me graduei na primeira turma do curso de nfermagem da Universidade aranaense de Umuarama. enfermagem em si é a ciência que se dedica a manter, restabelecer e promover a saúde das pessoas, atuando na recuperação de doentes. mbora a maioria trabalhe em clínicas e hospitais, o enfermeiro não se limita somente aos hospitais, pois este profissional além de atuar na promoção da saúde e prevenção de doenças, pode ainda, realizar trabalhos educativos na comunidade como também, dedicar-se aos estudos acadêmicos e desenvolver atividades docentes. Desde 2005 eu faço parte do quadro próprio do magistério (Q) no Curso écnico em nfermagem do Colégio ilda Kamal e atuo também na Unidade de uporte vançado de ida (U). ste serviço realiza o transporte inter-hospitalar e intermunicipal de pacientes graves que precisam de atendimento de alta complexidade, em uma ambulância equipada com aparelhos de U móvel que atende desde recém-nascidos prematuros até aos idosos. unidade, ou base, é mantida pelo Governo stadual do araná e está localizada ao lado do emonúcleo. ela ficam disponíveis equipes em regime de plantão 24 horas e cada uma das equipes é composta por um médico, um enfermeiro e um motorista. atendimento é oferecido exclusivamente a pacientes do U. aróquia ão José perário tem sido minha aróquia há mais de quatro anos, nela tenho encontrado incentivo e apoio para crescer espiritualmente. articipo regularmente das atividades oferecidas por ela como o acampamento ú és uz, que foi realizado na cidade de Douradina. Fui peregrina na Jornada undial de Juventude 2013, juntamente com os jovens e o Diácono desta comunidade. Faço parte das equipes de trabalho do acampamento de Umuarama e também das quipes de ossa enhora (), um movimento voltado para a santificação do casal. gradeço à Jesus pela vocação de enfermeira, pois através desse trabalho tenho a oportunidade de ajudar a todos aqueles que necessitam de meus cuidados, exercendo assim a minha profissão com ética, dedicação e amor. Deseja participar deste espaço? Compartilhe os detalhes da sua profissão e como vive a experiência de fé no trabalho. nvie seu texto e uma foto, de preferência no trabalho para o ou entregue na ecretaria aroquial. articipe do nformativo adroeiro. Dúvidas, críticas ou sugestões, envie para o ou procure a secretaria paroquial. ua pinião Gera volução e Conversão. adroeiro F

8 08 quipe do nformativo JUUD istória dos Grupos de Jovens etor Juventude de nossa paróquia está a todo vapor, hoje, a nossa paróquia conta com quatro grupos de jovens (ngelus, UF, Jovens no spírito Consagrados a aria e esgate, que se reúnem em diferentes dias da semana, reunindo centenas de jovens). partir da edição deste mês, na página do etor Juventude iremos contar a história dos grupos de jovens existentes em nossa paróquia. amos descrever as experiências que esses grupos vivem em suas missões. amos começar, relatando a história do Grupo de Jovens ngelus, que é o mais antigo entre os quatro. história do Grupo de Jovens ngelus começa no ano de 1998, quando jovens participantes do Grupo de ração anta eresinha do enino Jesus (CC), (Fabrício ota, ablo Crivelaro, lex ascimento, na aula Belfiori, ndréia, etícia Crivelaro) movidos por um grande desejo de proclamar o vangelho de uma forma diferente, decidiram se reunir semanalmente na paróquia ão José perário. esta época a nossa paróquia não contava com nenhum grupo de jovens, e animados esses jovens se reuniam todos os sábados no salão paroquial. Grupo de Jovens ngelus trouxe uma cara jovem para a paróquia ão José perário, que foi além das reuniões semanais. o ano de 2008, sobre a coordenação de oberto Catarin, o grupo se inseriu na CB ão arcos, realizando um trabalho conjunto com essa CB, na liturgia e encontros de CB. Com ardor missionário, começaram a pregar retiros de jovens por toda a Diocese, inspirando o etiro Jovens arados, que neste ano de 2013 chegou a sua quinta edição. ambém o Grupo de Jovens ngelus realizou em nossa paróquia a primeira vigília de noite inteira que se denominava Umuarama Clamando por ilagres. Durante esse tempo, jovens do grupo tem se encontrado profundamente com o chamado que Deus os reservou, deixando o medo de lado e encarando a aventura de ser odo de Jesus, alguns atenderam a esse chamado fora da cidade. m 2012, dois jovens iniciaram um caminho vocacional na comunidade Fraternidade Caminho em Foz do guaçu-, e em março deste ano um jovem iniciou caminho vocacional na comunidade ilagre ucarístico em onta Grossa-. Green Day, a Festa do Grupo de Jovens UF a noite da quarta-feira (14/08), o Grupo de Jovens UF (Unidos pela Fé), realizou a Green Day, a Festa. sta festa teve como objetivo trazer de volta os jovens que já passaram pelo grupo e se afastaram. Durante a festa foi apresentado vídeos do grupo, que já tem onze anos de história e uma homenagem à aqueles que foram os fundadores do mesmo. Belíssima a iniciativa, é importante reviver a história dos grupos e mais importante ainda, trazer todos aqueles que fizeram parte desta história. arabéns ao UF. Grupo de Jovens esgate realiza Flash ob na venida aringá Grupo de Jovens esgate vem inovando em sua forma de evangelizar, além das reuniões de oração, toda quarta-feira, vem desenvolvendo várias ações para levar o evangelho para aqueles que ainda não participam da greja. Uma dessas ações foi o Flash ob (aglomerações instantâneas de pessoas em certo lugar para realizar determinada ação inusitada previamente combinada, estas se dispersando tão rapidamente quanto se reuniram), que aconteceu na noite do dia 14 de agosto na venida aringá, chamando a atenção das pessoas que ali transitavam. arabéns ao Grupo de Jovens esgate pela iniciativa. adroeiro F

9 quipe do nformativo C 09 Curiosidades sobre a Bíblia palavra vem do grego e significa livros. verdadeiro autor da Bíblia é o próprio Deus, que inspira os homens através dos tempos, com o spírito anto que transcreve suas palavras e seus pensamentos. Bíblia inteira foi escrita num período que abrange mais de 1600 anos, sendo obra de cerca de 40 autores, das mais variadas profissões: de humildes agricultores e pescadores até renomados reis. ntigo estamento é composto por 46 livros e o ovo estamento por 27 livros. Deixemo-nos inundar pela sabedoria que sai da boca de Deus, acolhamos com entusiasmo a boa notícia de Deus anunciada por Jesus, e vamos gritar ao mundo, sem medo, que nas palavras inspiradas de Bento 16, vale a pena abrir as portas para Jesus, para quem deixa Cristo entrar não se perde nada, absolutamente nada do que faz a vida livre, bela e grande. nriqueçamo-nos mais e mais com o acolhimento da alavra de Deus, semente que produz frutos na vida dos cristãos, discípulos de Jesus Cristo. 1º campamento de Casais foi realizado na aróquia ão José perário Um projeto grandioso e iluminado pela força do spírito anto em nossa paróquia são os acampamentos, que desde o ano de 2011 é organizado pela paróquia ão José perário. ilhares de pessoas já participaram, relatando a grande experiência vivida. campamento tem o grande objetivo de trazer as pessoas que ainda não participam da greja, como também ser uma grande fonte de abastecimento para aqueles que já estão inseridos. este mês de agosto, no final de semana (15, 16, 17 e 18), foi realizado o 1º campamento de Casais, reunindo 63 casais, que durante quatro dias viveram experiências únicas e transformadoras. sse acampamento teve a coordenação geral do casal João Decimo ôssa e liana de Carvalho ôssa e contou com uma equipe de trabalho de aproximadamente 130 pessoas. campamento de casais, educou os meus olhos a enxergar os que estão a minha volta com mais amor, reavivando meu matrimônio, priorizando meus filhos e toda a minha família, através da Unção do spírito anto, tivemos uma experiência viva de muita sintonia com Deus, que nos concebeu graças abundantes aria nuto e aldir nuto (participantes do 1º campamento de Casais). arabéns para a coordenação, equipe de trabalho e casais participantes deste 1º campamento de casais, que possam eles levar por toda a vida essa grande experiência. Fiquem atentos para as datas dos próximos campamentos s datas dos próximos acampamentos da aróquia ão José perário já estão marcadas, fiquem atentos ao período de pré-inscrição, em outubro teremos o acampamento Juvenil, com as inscrições já encerradas, e em novembro o acampamento sênior. campamento ênior De 13 a 17 de novembro de 2013 ré-nscrições do dia 14 a 19 de outubro; ré-requisitos: pessoas com idade superior a 26 anos. adroeiro F

10 adroeiro F 10 BC manda ôssa / esouraria CB GD FÍ $ 9.721,20 CB Ã C $ 3.498,60 CB G $ 4.596,00 CB D FÁ $ 4.545,00 CB Ã FCC D $ 1.462,00 CB Í C $ 2.595,00 CB C. CÇÃ D $ ,30 CB Ã JÉ $ 9.644,00 DZ CU $ ,00 DZ CQU $ 213,20 eceitas e despesas do mês de G de 2013 C $ ,22 Dízimo $ ,30 Doações $ 920,92 luguéis $ 1.250,00 Coletas $ 7.078,00 utras eceitas $ 5.595,00 D $ ,13 Dimensão issionária - Dimensão eligiosa $ ,43 Dimensão ocial $ 7.398,00 Construção/ anutenção¹ $ 1.697,70 ¹ ÁQU, QU, Ó UÍ ara informações detalhadas, procure a secretaria paroquial. DÍZ - Ê D G D 2013 omos filhos de Deus F D Ã: U QU C CÉU C, JÁ Ã U DG D CD U F. que importa meus irmãos é renunciarmos ao pecado hoje, agora, como o filho pródigo fez. filho pródigo estava cuidando e comendo com os porcos se arrependeu: - ai, pequei contra o céu e contra ti, não pense no amanhã; ao renunciarmos agora, nós estamos abrindo as portas do céu para nós e ao pedirmos o perdão, iremos ao encontro de Deus ai que nos espera, iremos através de Jesus Cristo osso enhor e Deus ai, que nos vê através de Jesus, através do angue edentor de Jesus, movido de compaixão, corre ao nosso encontro, se lança ao nosso pescoço e nos beija: eu ai, pequei contra o céu e contra i. Já não sou digno de ser chamado eu Filho. sso significa que nós nos arrependemos de nossos pecados. mor do ai é tão grande, ele é muito maior do que o nosso pecado, e ao ver-nos arrependidos, o ai fala aos servos: razei-me depressa a melhor veste e vesti-la, e coloque o anel no dedo e calçado nos pés. eus irmãos, o importante é isto, se experimentarmos o perdão, a doçura do mor de Deus, se vestirmos a melhor veste, o anel no dedo e participarmos da festa, com novilho gordo e tudo. sto significa paz, alegria, paciência, bondade, caridade, enfim a vida. e experimentarmos meus irmãos, a ida ova, pelo perdão de Deus, pelo sangue de Jesus, toda esta alegria, toda esta vida, ah! eus irmãos, nós não vamos mais querer voltar a cuidar de porcos, voltar a comer a comida dos porcos. alavra de Deus nos deixa isto bem claro: ou nós escolhemos viver com os porcos, viver na morte espiritual e isto é fruto dos nossos pecados, ou nós escolhemos viver na abundância do Filho de Deus, um filho que tem a bondade de Deus, um filho que tem a paz, que tem a alegria da ressurreição, e tudo isto nos vem através do angue edentor de Jesus, apagando nossos pecados. se nós experimentarmos esse amor, hoje, amanhã e no outro dia, ao sermos tentados a pecar novamente, iremos optar pela ida, pela ida de Jesus em nós, pela paz, alegria, perdão, pelo mor de Deus. enunciaremos finalmente ao pecado que leva à morte, renunciaremos ao pecado que leva à vida com os porcos e escolheremos a ida em plenitude, a ida de filhos amados de Deus ai. ntonio Franson eto Coordenador C

11 astoral da Comunicação DD 11 DD D ÓQU (nfância e dolescência issionária), realizou no dia 17 de agosto o Bate ata issionário com as crianças da catequese. Bate ate teve como objetivo, chamar a atenção das pessoas que passavam próximo da paróquia e evangelizá-las. Foi realizado na noite do dia 24 de agosto o uau Focados em Cristo, noite organizada pelo grupo de adolescentes Focco. articiparam cerca de oitenta adolescentes, em uma noite de fé, louvor, pregação e adoração. a celebração ucarística do dia 25 de agosto, os catequistas de nossa paróquia foram homenageados pela passagem do seu dia, a coordenação da astoral Catequética, juntamente com a paróquia presenteou todos os catequistas com o Catecismo da greja Católica. arabéns a todos os Catequistas! astoral dos Coroinhas participou no dia 25 de agosto do nter-coroinhas, um dia cheio de atividades para todos os coroinhas de nossa Diocese. m uma iniciativa do C (Conselho aroquial da ção vangelizadora) da paróquia ão José perário, que tem como coordenador o r. ntonio Franson eto e as antas issões opulares, foi realizado nos dias 26 de agosto e 02 de setembro, um estudo bíblico do vangelho de ão arcos com o e. árcio riori, aberto a toda comunidade. ara marcar o encerramento da emana acional de essoas com Deficiência ntelectual e últiplas, os alunos da pae Umuarama participaram da anta issa no dia 31 de agosto. o final da celebração os alunos apresentaram uma canção para toda a assembleia, emocionando todos os presentes. nosso pároco e. arcos ntonio, recebeu no dia 31 de agosto a visita do e. aio da ilva da Guiné-Bissau, o e. aio está em nossa Diocese, apresentando seu país à comunidade. eja mais fotos e acompanhe todas as edições do nformativo adroeiro no site: adroeiro F

12 12 quipe da astoral CQU Conhece a Bíblia? livros em grego) Católica é uma coleção de livros inspirados por Deus e escritos em aramaico, hebraico e grego que contam histórias e passam ensinamentos no período de 2000 ac a 70 dc. la está dividida em grupos chamados velho testamento Bíblia (significa e novo testamento e estes também se sub-dividem. G G F Â Â C B Ò J Ú J Õ Z C U C U Ó U Q D J Q B Ê Ç F K Ú Ô Í B Í B À Q Í J J D D U À Q C X K G G C Ç C X U história antes de Jesus e apresenta os profetas que anunciaram a vinda do essias, Jesus Cristo. ovo testamento é a apresentação da nova e eterna aliança entre Deus e toda a humanidade que nos salvou enviando eu Filho para se sacrificar por nós e sobre os milagres que nos mostrou. ncontre as palavras em destaque do texto no quadro acima elho testamento conta a egra de uro - BÍB! D Bíblia nos fala, porque é a palavra de Deus! amos descobrir o nosso caminho com ela? Coloque nos quadros as letras correspondentes a cada imagem e leia. ela Bíblia Deus nos Fala e e Faz resente "Quando oramos falamos a Deus. Quando lemos as agradas scrituras é Deus que nos fala!" les estão escutando a alavra de Deus, e ocê? ncontre 7 erros na imagem da direita para consertar tudo. adroeiro F

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL 1 Ivocação ao Espirito Santo (oração ou canto) 2- Súplica inicial. (Em 2 coros: H- homens; M- mulheres) H - Procuramos para a Igreja/ cristãos

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015]

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] 1 Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] Página 9 Na ilustração, Jesus está sob a árvore. Página 10 Rezar/orar. Página 11 Amizade, humildade, fé, solidariedade,

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Músicos, Ministros de Cura e Libertação

Músicos, Ministros de Cura e Libertação Músicos, Ministros de Cura e Libertação João Paulo Rodrigues Ferreira Introdução Caros irmãos e irmãs; escrevo para vocês não somente para passar instruções, mas também partilhar um pouco da minha experiência

Leia mais

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013 ROTEIRO PARA O DIA DE ORAÇÃO PELA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO2013 Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude - CNBB CANTO DE ENTRADA (Canto a escolha) (Este momento de oração pode ser associado

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Introdução: Educar na fé, para a paz, a justiça e a caridade Este ano a Igreja no Brasil está envolvida em dois projetos interligados: a lembrança

Leia mais

Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética

Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética Plano Diocesano da Animação Bíblico-Catequética 2 0 1 2-2 0 1 5 DIOCESE DE FREDERICO WESTPHALEN - RS Queridos irmãos e irmãs, Com imensa alegria, apresento-lhes o PLANO DIOCESANO DE ANIMAÇÃO BÍBLICO -

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

Missa da Vigília NATAL DO SENHOR

Missa da Vigília NATAL DO SENHOR 172 ANO C NATAL DO ENHOR Missa da Vigília rmãos e irmãs em Cristo: O Evangelho da genealogia de Jesus lembrou-nos as gerações que esperaram o alvador. Como elas, também nós oramos a Deus, dizendo (ou:

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária Caro jovem,, Que alegria saber que como você muitos jovens estão encontrando um caminho para a oração pessoal e diária. Continue animado com a busca de um relacionamento mais pessoal

Leia mais

Plano Pedagógico do Catecismo 6

Plano Pedagógico do Catecismo 6 Plano Pedagógico do Catecismo 6 Cat Objetivos Experiência Humana Palavra Expressão de Fé Compromisso PLANIFICAÇÃO de ATIVIDADES BLOCO I JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO 1 Ligar a temática

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

MÍSTICA E CONSTRUÇÃO Por que pensar em Mística e Construção?

MÍSTICA E CONSTRUÇÃO Por que pensar em Mística e Construção? MÍSTICA E CONSTRUÇÃO Espiritualidade e profecia são duas palavras inseparáveis. Só os que se deixam possuir pelo espírito de Deus são capazes de plantar sementes do amanhã e renovar a face da terra. Todo

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol)

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol) CD EU QUERO DEUS 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) EU QUERO DEUS \ EU QUERO DEUS SEM DEUS EU NÃO SOU NADA EU QUERO DEUS Deus sem mim é Deus \ Sem Deus eu nada sou Eu não posso viver sem Deus \ Viver longe

Leia mais

Permanecei em mim e eu permanecerei em vós!

Permanecei em mim e eu permanecerei em vós! CELEBRAÇÃO DO 5º DOMINGO DA PÁSCOA 03 de maio de 2015 Permanecei em mim e eu permanecerei em vós! Leituras: Atos 9, 26-31; Salmo 22; Primeira Carta de João 3, 18-24; João 15, 1-8. COR LITÚRGICA: BRANCA

Leia mais

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO?

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO? INTRODUÇÃO Como continuidade ao Projeto das Semanas Missionárias, Deus suscitou este novo projeto que envolverá não apenas ao movimento da Renovação Carismática Católica, mas a toda a Igreja Católica Apostólica

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS Infância/Adolescencia MISSÃO MISSÃO. Palavra muito usada entre nós É encargo, incumbência Missão é todo apostolado da Igreja. Tudo o que a Igreja faz e qualquer campo.

Leia mais

LECTIO DIVINA Domingo V da Páscoa Ano B

LECTIO DIVINA Domingo V da Páscoa Ano B LECTIO DIVINA Domingo V da Páscoa Ano B Autor: Ricardo Grzona e Cristian Buiani, frpo Tradução: Adriano Israel (PASCOM) PRIMEIR LEITURA: Atos dos Apóstolos 9, 26-31 SALMO RESPONSORIAL: Salmo 21 SEGUNDA

Leia mais

DISCÍPULOS E SERVIDORES DA PALAVRA DE DEUS NA MISSÃO DA IGREJA

DISCÍPULOS E SERVIDORES DA PALAVRA DE DEUS NA MISSÃO DA IGREJA DISCÍPULOS E SERVIDORES DA PALAVRA DE DEUS NA MISSÃO DA IGREJA DEUS SE REVELA Revelação é o diálogo entre Deus e seus filhos, cuja iniciativa vem de Deus (8). A Palavra de Deus não se revela somente para

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 Objetivo A partir das Diretrizes da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil e do 7º Plano Diocesano de Pastoral (2013-20150,

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

20ª Hora Santa Missionária

20ª Hora Santa Missionária 20ª Hora Santa Missionária Tema: Missão é Servir Lema: Quem quiser ser o primeiro seja servo de todos Preparação do ambiente: cartaz do Mês missionário, Bíblia e fitas nas cores dos continentes, cruz e

Leia mais

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015 1 2 COM MARIA, EM JESUS, CHEGAMOS À GLÓRIA! 5º Dia (Dia 07/10 Quarta-feira) CRIANÇA: BELEZA DA TERNURA DIVINA! Na festa de Maria, unidos neste Santuário, damos graças a Deus, por meio de Maria, pela vida

Leia mais

INFORMATIVO DA PARÓQUIA IMACULADA CONCEIÇÃO DE GETÚLIO VARGAS. 10 de julho de 2015 MENSAGEM PARA A LITURGIA DO 14º DOMINGO DO TEMPO COMUM:

INFORMATIVO DA PARÓQUIA IMACULADA CONCEIÇÃO DE GETÚLIO VARGAS. 10 de julho de 2015 MENSAGEM PARA A LITURGIA DO 14º DOMINGO DO TEMPO COMUM: INFORMATIVO DA PARÓQUIA IMACULADA CONCEIÇÃO DE GETÚLIO VARGAS 10 de julho de 2015 MENSAGEM PARA A LITURGIA DO 14º DOMINGO DO TEMPO COMUM: A liturgia do 15º Domingo do Tempo Comum recorda-nos que Deus atua

Leia mais

pensamentos para o seu dia a dia

pensamentos para o seu dia a dia pensamentos para o seu dia a dia Israel Belo de Azevedo 1Vida e espiritualidade 1 Adrenalina no tédio O interesse por filmes sobre o fim do mundo pode ser uma forma de dar conteúdo ao tédio. Se a vida

Leia mais

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Paróquia de Calheiros, 1 e 2 de Março de 2008 Orientadas por: Luís Baeta CÂNTICOS E ORAÇÕES CÂNTICOS CRISTO VIVE EM MIM Cristo vive em mim, que

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE XXV domingo do tempo comum 23/09/2012 Igreja de Cedofeita ENTRADA Eu vi meu Deus e Senhor, aleluia, aleluia. Cantai ao amor, cantai, aleluia, aleluia. ADMONIÇÃO DE ENTRADA

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Bem - Aventuranças Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Eu estou à tua porta a bater, Eu estou à tua porta a bater, Se me abrires a porta entrarei para enviar. Eu preciso

Leia mais

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...).

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...). 122 ANO B DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia (Se estiverem presentes adultos que tenham sido baptizados na última Páscoa, as intenções da oração dos fiéis poderão hoje ser propostas por eles).

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA PARÓQUIA DE SANTA MARIA DE BORBA CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA Feliz o homem que ama a Palavra do Senhor e Nela medita dia e noite (Sl 1, 1-2) 4º ANO da CATEQUESE 17 de Janeiro de 09 ENTRADA PROCESSIONAL

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS Pe. Nilton César Boni, cmf NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS EDITORA AVE-MARIA Apresentação Aos membros da família cristã podem aplicar-se de modo particular as palavras com que Cristo promete a sua

Leia mais

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 INTRODUÇÃO O Evangelho de João registra 7 afirmações notáveis de Jesus Cristo. Todas começam com Eu sou. Jesus disse: Eu sou o pão vivo

Leia mais

Orações. Primeira Parte

Orações. Primeira Parte EDITORA AVE-MARIA Primeira Parte Orações Não vos inquieteis com nada! Em todas as circunstâncias apresentai a Deus as vossas preocupações, mediante a oração, as súplicas e a ação de graças. (Filipenses

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA

CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA PE. GREGÓRIO LUTZ Certamente o título deste artigo não causa estranheza à grande maioria dos leitores da Revista de Liturgia. Mas mesmo assim me parece conveniente

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo 10.14 O batismo do Espírito Santo #61 Estudamos o novo nascimento e vimos como o Espírito Santo realiza essa obra juntamente com a Palavra de Deus. Tínhamos que entender o novo nascimento e como alguém

Leia mais

Batismo do Senhor. Homilia comentada para a Família Salesiana. Mc 1,7-11

Batismo do Senhor. Homilia comentada para a Família Salesiana. Mc 1,7-11 Batismo do Senhor Homilia comentada para a Família Salesiana P. J. Rocha Monteiro, sdb Mc 1,7-11 1. Introdução. Cenário. O tema do Batismo do Senhor poderia ser definido como construir uma igreja para

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária ocê é convidado a iniciar uma experiência de oração. Às vezes pensamos que o dia-a-dia com seus ruídos, suas preocupações e sua correria não é lugar apropriado para levantar nosso

Leia mais

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre Caridade e partilha Vivemos em nossa arquidiocese o Ano da Caridade. Neste tempo, dentro daquilo que programou o Plano de Pastoral, somos chamados a nos organizar melhor em nossos trabalhos de caridade

Leia mais

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Antes da Solene celebração, entregar a lembrança do centenário No Final terá um momento de envio onde cada pessoa reassumirá a missão. O sinal deste momento será a colocação

Leia mais

Solenidade da Ascenção do Senhor

Solenidade da Ascenção do Senhor Solenidade da Ascenção do Senhor Homilias Meditadas Lectio Divina para a Família Salesiana P. J. Rocha Monteiro, sdb Solenidade da Ascensão do Senhor Mc 16,15-20 1. Breve síntese A Solenidade da Ascensão

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

+ Orani João Tempesta, O. Cist. Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ

+ Orani João Tempesta, O. Cist. Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ AMAI-VOS Domingo passado, ao celebrar o tema da misericórdia, tive a oportunidade de estar com milhares de pessoas tanto na Catedral Metropolitana como no anúncio e instalação do Santuário da Misericórdia,

Leia mais

Eis aqui uma escola única!

Eis aqui uma escola única! Informativo1 Novembro 2015 Eis aqui uma escola única! Entrevista p.2 Formação p.2 Convivência p.3 Missões p.4 Vida espiritual p.5 Caros leitores, É um prazer poder escrever o primeiro Informativo da Escola

Leia mais

Catequese da Adolescência 7º Catecismo Documentos de Apoio CATEQUESE 1 - SOMOS UM GRUPO COM JESUS. Documento I

Catequese da Adolescência 7º Catecismo Documentos de Apoio CATEQUESE 1 - SOMOS UM GRUPO COM JESUS. Documento I CATEQUESE 1 - SOMOS UM GRUPO COM JESUS Documento I CATEQUESE 1 - SOMOS UM GRUPO COM JESUS Documento 2 CATEQUESE 1 - SOMOS UM GRUPO COM JESUS Documento 3 CATEQUESE 2 - QUEM SOU EU? Documento 1 CATEQUESE

Leia mais

CÃNTICOS MISSIONÁRIOS SANTAS MISSÕES POPULARES

CÃNTICOS MISSIONÁRIOS SANTAS MISSÕES POPULARES 1 CÃNTICOS MISSIONÁRIOS SANTAS MISSÕES POPULARES DIOCESE DE GUAXUPÉ SEJA BEM VINDO G D C G Você que está chegando, bem-vindo seja bem-vindo! G D C G Você que está chegando bem-vinda seja bem-vinda! C D

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

Leitor 2 Este é o dia que o Senhor fez para nós! SL 118

Leitor 2 Este é o dia que o Senhor fez para nós! SL 118 Acolhida Jubilar Recepção de todas as famílias. Acolher com cantos de boas-vindas. Abertura Jubilar Material a ser usado: Coreografia com as cores do Centenário: vermelho, laranja e verde estas cores simbolizam

Leia mais

LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS

LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS 1 TEXTO BÍBLICO - Lucas 6,12-19 (Fazer uma Oração ao Espírito Santo, ler o texto bíblico, fazer um momento de meditação, refletindo sobre os três verbos do texto

Leia mais

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL SUGESTÃO DE CELEBRAÇÃO DE NATAL 2013 ADORAÇÃO Prelúdio HE 21 Dirigente: Naqueles dias, dispondo-se Maria, foi apressadamente à região montanhosa, a uma cidade de Judá, entrou na casa de Zacarias e saudou

Leia mais

ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO

ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO O Grupo de Oração é aberto para todos virem beber da água viva de Jesus, sendo inundados pelo Espírito Santo, onde louvam, cantam, e são alimentados

Leia mais

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A evangelização nos dá a alegria do encontro com a Boa Nova da Ressurreição de Cristo. A maioria das pessoas procura angustiada a razão de sua vida

Leia mais

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Como o Pai me enviou, também Eu vos envio (Jo 20,21) Outubro de 2011 / Ano MMXI 1 EDITORIAL Queridos Amigos, Com grande alegria que terminamos mais um mês

Leia mais

Comissão Diocesana da Pastoral da Educação ***************************************************************************

Comissão Diocesana da Pastoral da Educação *************************************************************************** DIOCESE DE AMPARO - PASTORAL DA EDUCAÇÃO- MARÇO / 2015 Todo cristão batizado deve ser missionário Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos e fazei-me conhecer a vossa estrada! Salmo 24 (25) Amados Educadores

Leia mais

APOSTOLADO DA ORAÇÃO

APOSTOLADO DA ORAÇÃO APOSTOLADO DA ORAÇÃO INFORMATIVO APOSTOLADO DA ORAÇÃO ARQUIDIOCESE DE FLORIANÓPOLIS - SC Outubro: Mês Missionário A missão é feita: com os pés dos que partem... com os joelhos dos que rezam... e as mãos

Leia mais

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM XV DOMINGO DO TEMPO COMUM Jesus chamou os doze Apóstolos e começou a enviá-los dois a dois 1. Admonição de entrada 2. Entrada: Em nome do Pai Refrão: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito

Leia mais

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Copyright 2009 por Marcos Paulo Ferreira Eliézer dos Santos Magalhães Aridna Bahr Todos os direitos em língua portuguesa reservados por: A. D. Santos Editora Al. Júlia da Costa, 215 80410-070 - Curitiba

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

PSICOLOGIA DAS IDADES

PSICOLOGIA DAS IDADES PSICOLOGIA DAS IDADES Pe. Fausto dos Santos Oliveira Mestre, em obediência à vossa Palavra, lançarei as redes Oração Vocacional Senhor da Messe e Pastor do rebanho, faze ressoar em nossos ouvidos teu forte

Leia mais

Explicação da Missa MISSA

Explicação da Missa MISSA Explicação da Missa Reunidos todos os catequizandos na Igreja, num primeiro momento mostram-se os objetos da missa, ensinam-se os gestos e explicam-se os ritos. Em seguida celebra-se a missa sem interrupção.

Leia mais

MISSÃO PAÍS. Manual da Missão País

MISSÃO PAÍS. Manual da Missão País MISSÃO PAÍS Manual da Missão País Introdução Nos dias de hoje, quando ouvimos falar de missão, pensamos logo em acções de voluntariado em países subdesenvolvidos onde é preciso todo o tipo de ajuda para

Leia mais

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA Assim nós invocamos a presença de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém. Hino: HPD II 330 Abraço de

Leia mais

Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA

Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA Animador(a): Neste ano, em preparação para as comemorações de seu Centenário, a Diocese de Guaxupé iniciou, na quinta-feira

Leia mais

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo.

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. 1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. Ao contribuir com o dízimo, saímos de nós mesmos e reconhecemos que pertencemos tanto à comunidade divina quanto à humana. Um deles, vendo-se

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus.

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3 LEMBRETE IMPORTANTE: As palavras da bíblia, são somente as frases em preto Alguns comentários explicativos são colocados entre os versículos, em vermelho. Mas é apenas com o intuito

Leia mais

CRIANÇAS E ADOLESCENTES MISSIONÁRIOS NA CARIDADE

CRIANÇAS E ADOLESCENTES MISSIONÁRIOS NA CARIDADE Vicente de Paulo dizia: "Que coisa boa, sem igual, praticar a Caridade. Praticá-la é o mesmo que praticar todas as virtudes juntas. É como trabalhar junto com Jesus e cooperar com ele na salvação e no

Leia mais

Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11)

Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11) Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11) Mensagem 1 A metáfora do Caminho Introdução: A impressão que tenho é que Jesus escreveu isto para os nossos dias. Embora

Leia mais

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais)

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Tempo para tudo (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da

Leia mais

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO 1 ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO LIÇÃO Nº 01 DIA 16/06/2014 INTRODUÇÃO: Vamos começar uma nova série de estudos em nossas células. Esta será uma série muito interessante

Leia mais

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote ARQUIDIOCESE DE FLORIANÓPOLIS ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009 Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote 1 - MOTIVAÇÃO INICIAL: Dir.: Em comunhão

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO

BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO BASES DA CONVERSÃO CRISTÃ E DO DISCIPULADO O que é uma pessoa cristã? É a pessoa que acredita que o Deus vivo é revelado em e por meio de Jesus Cristo, que aceita Jesus Cristo como Senhor e Salvador, que

Leia mais

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B Tema: Ficai atentos, pois não sabeis quando chegará o momento. Acolhida: Sejam todos bem-vindos. Vamos refletir e rezar em comunidade, acolhendo a

Leia mais

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE A Novena de Natal deste ano está unida à Campanha da Fraternidade de 2013. O tema Fraternidade e Juventude e o lema Eis-me aqui, envia-me, nos leva para o caminho da JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE Faça a

Leia mais

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE 1. "O amor supera todos os obstáculos, todos os sacrifícios. Por mais que fizermos tudo é pouco diante do que Deus faz por nós." 2. "Sempre que puder, fale de amor e com amor

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 ORAÇÃO DE ABERTURA CANTO (REPOUSAR EM TI) Música de Tânia Pelegrino baseada na obra Confissões, de

Leia mais

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Ano Novo 2013 Carta Pastoral do Bispo D. Paulo Otsuka Yoshinao Diocese de Kyoto A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Fiquem sempre alegres no Senhor! Fl.4,4. O maior presente do cristianismo é

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

GEDCC 89 ANOS NOSSA ESPIRITUALIDADE JORNADA DAS ESCOLHAS E DECISÕES SEXTA-FEIRA 04/04/2014

GEDCC 89 ANOS NOSSA ESPIRITUALIDADE JORNADA DAS ESCOLHAS E DECISÕES SEXTA-FEIRA 04/04/2014 SEXTA-FEIRA 04/04/2014 Que haja Paz em vossos corações. As opções que fazemos, no decorrer de nossas vidas, determinam os caminhos para que possamos chegar juntos ao Pai. E a opção do Amor ao próximo,

Leia mais

SOLENIDADE DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS PADROEIRO DA DIOCESE DE UNIÃO DA VITÓRIA (01/07/11)

SOLENIDADE DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS PADROEIRO DA DIOCESE DE UNIÃO DA VITÓRIA (01/07/11) Vivendo a Liturgia Julho/2011 SOLENIDADE DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS PADROEIRO DA DIOCESE DE UNIÃO DA VITÓRIA (01/07/11) É Importante lembrar que o Sagrado Coração de Jesus é o Padroeiro de nossa Diocese,

Leia mais

Orientações sobre Grupo de oração Jovem

Orientações sobre Grupo de oração Jovem Orientações sobre Grupo de oração Jovem A paz de Jesus queridos irmãos sentinelas de todo Brasil. Em virtude que no ENF surgirem muitas dúvidas sobre o Grupo de Oração jovem, rezei e discernir que é importante

Leia mais