1T08. PRINCIPAIS INDICADORES CONSOLIDADOS R$ mil. Dados em 29/04/2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1T08. PRINCIPAIS INDICADORES CONSOLIDADOS R$ mil. Dados em 29/04/2008"

Transcrição

1 1T08 Dados em 29/04/2008 Sadia ON (SDIA3)= R$10,30/ação Sadia PN (SDIA4)= R$11,58/ação Sadia ADR (SDA) = US$ 20,63 (1 ADR = 3 ações) Sadia Latibex (XSDI) = 4,58 Valor de Mercado - Bovespa R$ 7,9 bilhões US$ 4,6 bilhões Relações com Investidores Welson Teixeira Junior Diretor de Relações com Investidores Tel: Christiane Assis Fone: Silvia Helena Madi Pinheiro Fone: Melissa Schleich Fone: Sonia Biajoli Fone: Ligia Montagnani Consultora de RI Fone: São Paulo, 30 de abril de A SADIA S.A. (BOVESPA: SDIA3 e SDIA4; NYSE: SDA; LATIBEX: XSDI), líder nacional no segmento de alimentos industrializados, divulga hoje os resultados do primeiro trimestre de 2008 (1T08). As informações operacionais e financeiras da Companhia estão apresentadas em milhares de reais exceto quando indicado de outra forma com base em números consolidados, conforme a legislação societária. Todas as comparações realizadas neste comunicado levam em consideração o mesmo período de 2007 (), exceto quando especificado em contrário. O primeiro trimestre de 2008 apresentou resultados dentro das expectativas. A receita bruta registrou um crescimento de 20,3%, alcançando R$ 2,6 bilhões, e as exportações foram responsáveis por 46,7% da receita gerada pela Companhia. A Sadia segue com seu processo de internacionalização, ciente do potencial de crescimento das vendas no mercado internacional, inaugurando a sua primeira fábrica no exterior, na Rússia, e investindo na construção de sua segunda unidade fora do país, nos Emirados Árabes. O segmento de industrializados mostrou um aumento de 15,8% no volume e de 21,2% na receita em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. O crescimento desse segmento está de acordo com os objetivos da Empresa, de aprimorar este mix de produtos, assim minimizando riscos sanitários e obtendo uma rentabilidade melhor. No caso do mercado interno, a intenção é obter penetração em todas as classes de renda da população brasileira. Realizamos investimentos de R$ 427,1 milhões no trimestre, de um total previsto de R$ 1,6 bilhão no ano, maior montante da história da Sadia. No trimestre, a Empresa registrou crescimento de 3,9% no lucro operacional e de 123,4% no lucro líquido, em comparação ao. O foco na melhoria da geração operacional de caixa (EBITDA) resultou em R$ 276,9 milhões e proporcionou uma margem de 12,1%, próxima da obtida em igual período do ano passado, apesar da pressão de aumento de custos de grãos. A expectativa de aumento nos custos de grãos é crescente em 2008 e a Companhia tem concentrado esforços em repassar esse acréscimo para os preços dos produtos comercializados tanto no mercado interno quanto no mercado externo. Continuamos confiantes em nossa meta de dobrar o faturamento em cinco anos, construída à base da internacionalização das operações e do crescimento no mercado interno, tendo em vista as condições competitivas do Brasil como produtor de proteína animal. Certos de que a Sadia dará continuidade à sua trajetória de sucesso no ano que se inicia, zelando pela qualidade de seus produtos, sustentabilidade de suas iniciativas e manutenção da credibilidade com os investidores, agradecemos aos nossos colaboradores, pela dedicação e talento, que ajudaram a construir mais um trimestre importante na história da Companhia. Gilberto Tomazoni Diretor Presidente. PRINCIPAIS INDICADORES CONSOLIDADOS R$ mil 1T08 1T08/ Receita Operacional Bruta ,3% Mercado Interno ,3% Mercado Externo ,6% Receita Operacional Líquida ,9% Lucro Bruto ,4% Margem Bruta 25,8% 24,2% EBIT ,9% Margem EBIT 7,9% 6,8% LUCRO LÍQUIDO ,4% Margem Líquida 5,1% 9,4% EBITDA ,7% Margem EBITDA 12,2% 12,1% Exportação / ROB 46,2% 46,7%

2 RECEITA OPERACIONAL BRUTA R$ milhões % % % % 54% 20,3% TOTAL MERCADO INTERNO 58% 42% 45% 49% 49% 44% 46% % 46% % 47% MERCADO EXTERNO T08 Os resultados no 1T08 foram positivamente impactados pelo aumento do poder aquisitivo da população brasileira, pelo crescimento do mercado global pelo consumo de carnes, aliados ao aumento de preços. A receita operacional bruta do 1T08 alcançou R$ 2,6 bilhões, 20,3% superior à do. Esse desempenho decorre tanto do mercado interno quanto do mercado externo, que obtiveram evolução de, respectivamente, 19,3% e 21,6%. Os destaques foram a comercialização de industrializados em ambos mercados e aves no mercado externo. O volume de vendas apresentou evolução de 8,6% sobre o, atingindo 533,2 mil toneladas no 1T08, decorrente, principalmente, do maior volume realizado no mercado interno, de 13,5%. VENDAS 1T08 1T08/ Toneladas ,6% Industrializados ,8% Aves ,9% Suínos ,0% Bovinos ,2% R$ mil ,3% Industrializados ,2% Aves ,3% Suínos ,5% Bovinos ,7% Outros ,6% O segmento de industrializados foi responsável por 45,6% do volume total de vendas e 48,2% da geração de receita consolidada, com aumento de 15,8% e 21,2% em relação ao. Esse desempenho reflete a estratégia de focar os negócios em produtos de maior valor agregado e o aquecimento da demanda. A receita total deste segmento foi R$ 1,3 bilhão e quase 90% foram obtidos no mercado doméstico. O volume comercializado de aves aumentou 3,9% e a receita cresceu 22,3% em relação ao. Esse segmento respondeu por 45,6% do volume total comercializado pela Sadia e 38,4% da receita no 1T08. Esse tipo de proteína obteve receita de R$ 1,0 bilhão, tendo 89% originários das exportações. O segmento de carne suína apresentou crescimento de 3,0% no volume comercializado e 17,5% na receita no 1T08, respondendo por 6,2% tanto do volume como da receita consolidada. A receita no trimestre alcançou R$ 161,3 milhões, tendo 70% obtidos no mercado externo. SADIA Release 1T08 2

3 O segmento de bovinos mostrou queda de 7,2% em vendas físicas e 5,7% em receita bruta, principalmente em razão da menor disponibilidade do gado no mercado brasileiro, e respondeu por 3,0% da receita da Empresa. No trimestre, a receita foi de R$ 79,1 milhões, 79% decorrentes das exportações. COMPOSIÇÃO DA RECEITA OPERACIONAL BRUTA R$ 2,2 bilhões 1T08 R$ 2,6 bilhões Outros Bovinos Suínos 4% 4% 6% Industrializados Outros Bovinos Suínos 3% 4% 6% Industrializados Aves Inteiras 19% 48% Aves Inteiras 16% 48% Aves Partes 19% Aves Partes 23% Vendas Toneladas 1T08 1T08/ Mercado Interno ,5% Industrializados ,0% Aves ,8% Suínos ,7% Bovinos ,7% Mercado Externo ,4% Industrializados ,0% Aves ,9% Suínos ,2% Bovinos ,1% Total ,6% R$ mil 1T08 1T08/ Mercado Interno ,3% Industrializados ,1% Aves ,7% Suínos ,9% Bovinos ,3% Outros ,8% Mercado Externo ,6% Industrializados ,8% Aves ,5% Suínos ,1% Bovinos ,1% Outros ,2% Total ,3% SADIA Release 1T08 3

4 Mercado Interno As vendas físicas ao mercado doméstico aumentaram 13,5% em relação ao, em linha com o guidance de 12% a 14% de aumento para o ano. O preço médio praticado, assim como a receita, também evoluiu, 5,4% e 19,3%, respectivamente. O maior preço médio reflete o repasse de parte dos aumentos dos custos dos grãos. A evolução no segmento de produtos industrializados reflete a força da marca e a estratégia da Sadia de atender à demanda de todas as classes sociais, aliada ao aumento da renda da população. O segmento representou 83,9% do volume de vendas da Empresa no mercado doméstico e 80,6% da receita, 15,0% e 20,1% superiores ao. O segmento de aves registrou aumento de 3,8% no volume comercializado, com aumento de preços de 2,8%, o que resultou em uma geração de receita 6,7% superior à do. O volume de vendas físicas de suínos caiu 10,7% em relação ao, principalmente em razão do redirecionamento desta matéria-prima para produção de industrializados no mercado interno. O aumento do preço médio no 1T08 foi de 35,6%. O segmento de bovinos apresentou aumento de 188,7% no volume comercializado e 119,3% na receita, devido ao redirecionamento das exportações para este mercado em razão do embargo europeu. O preço médio praticado nas vendas de carne bovina foi reduzido em 24,1%, comparado ao. A receita corresponde a 1,2% da receita total do mercado doméstico. COMPOSIÇÃO DA RECEITA OPERACIONAL BRUTA MERCADO INTERNO R$ 1,2 bilhão Bovinos 1% Outros Suínos Aves Inteiras 3% 7% 3% Aves Partes 6% 1T08 R$ 1,4 bilhão Outros Bovinos 1% Suínos Aves Inteiras 4% 7% Aves Partes 2% 5% 80% 81% Industrializados Industrializados PREÇOS MÉDIOS R$/KG MERCADO INTERNO Industrializados Aves Suínos Bovinos 5,36 4,4% 2,8% 4,98 35,6% 5,19 4,91 24,1% 6,92 5,22 5,09 4,32 5,23 5,25 5,36 5,00 4,92 3,87 3,82 3,71 3,98 3,62 4,12 3,97 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 SADIA Release 1T08 4

5 Mercado Externo As vendas físicas e o preço médio em reais praticado pela Companhia no mercado externo foram, respectivamente, 4,4% e 16,0% superiores aos do. Em dólar, o preço médio foi 36,3% maior no mesmo período. Conseqüentemente, a receita evoluiu 21,6% no 1T08. O volume de vendas do segmento de aves manteve sua tendência de crescimento em janeiro e fevereiro, porém obteve uma queda em março devido, principalmente, à greve dos fiscais portuários e à quebra de um navio em março. Também no trimestre, em relação ao ano anterior, houve uma mudança de mix com favorecimento à exportação de partes de aves ao invés de aves inteiras. Esta se deu privilegiando rentabilidade e preço, mas com o prejuízo nos volumes. Portanto, considerando os fatos do trimestre, houve um aumento de 3,9% nas vendas físicas em relação ao. A demanda mundial impulsionou uma elevação de 19,7% no preço médio em reais o que corresponde a um aumento de 40,6% em dólar. Este fato resultou em uma receita 24,5% maior do que a gerada no mesmo trimestre do ano anterior. A receita desse segmento correspondeu a 73,5% do total das exportações da Sadia. As vendas físicas do segmento de industrializados cresceram 22,0% em linha com a estratégia da Empresa de impulsionar este segmento e o preço médio superou 7,2% o praticado no em reais e 26,0% em dólar, em razão da comercialização de um melhor mix de produtos e aumento das vendas de processados de aves. Com isso, a receita gerada pelas vendas foi 30,8% maior do que a arrecadada no. O segmento de suínos apresentou aumento de 10,2% em volumes e o preço médio praticado no período subiu 5,4% e reais e 23,8% em dólar, portanto, a receita gerada foi superior em 16,1%. As vendas físicas de carne bovina caíram 28,1% ao longo do 1T08, com a continuação do embargo europeu à carne brasileira, e o preço médio aumentou 14,1% em reais e 34,0% em dólar, o que gerou uma receita 18,1% inferior à do. COMPOSIÇÃO DA RECEITA OPERACIONAL BRUTA - MERCADO EXTERNO R$ 999,6 milhões 1T08 R$ 1,2 bilhão Bovinos Suínos 8% 10% 10% Industrializados Suínos Outros 1% Bovinos 5% 9% 11% Industrializados Aves Inteiras 38% 34% Aves Partes Aves Inteiras 32% 42% Aves Partes SADIA Release 1T08 5

6 PREÇOS MÉDIOS R$/KG MERCADO EXTERNO Industrializados Aves Suínos Bovinos 4,75 4,13 7,2% 19,7% 5,4% 4,87 14,1% 6,46 4,51 3,91 4,43 4,62 3,66 4,34 4,44 5,66 5,76 4,02 3,88 3,45 3,48 Dólar Médio 1T08/ -17,5% 1T08/4T07-2,0% 4,02 5,48 5,50 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 2T07 3T07 4T07 1T08 EXPORTAÇÃO POR REGIÃO R$ 999,6 milhões 1T08 R$ 1,2 bilhão Américas 14% 26% Oriente Médio Américas 17% 26% Oriente Médio Eurásia 21% Eurásia 15% Ásia 15% 24% Europa Ásia 18% 24% Europa As vendas continuam balanceadas sem apresentar concentração em mercados específicos. RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA A receita líquida alcançou R$ 2,3 bilhões no 1T08, 20,9% superior à do. Esse desempenho é explicado pelos maiores volumes de vendas e preços médios, com destaque para a comercialização de industrializados no mercado interno e externo e aves no mercado externo. A desvalorização média do dólar no comparativo trimestral foi de 17,5%. SADIA Release 1T08 6

7 Margem Bruta O lucro bruto no 1T08 atingiu a marca de R$ 554,1 milhões, 13,4% acima do. A margem bruta, de 24,2%, 1,6 ponto percentual menor do que a obtida no mesmo período de 2007, decorrente principalmente do aumento dos preços dos grãos (milho e soja). 25,2% 28,8% 25,8% 25,7% 27,7% 27,6% 24,2% 22,2% 20,6% 1T06 2T06 3T06 4T06 2T07 3T07 4T07 1T08 Os preços de mercado (ESALQ Norte Paraná) para o milho e a soja no 1T08 foram, respectivamente, 29,8% e 46,1% superiores aos do. RESULTADO OPERACIONAL A relação entre despesas operacionais despesas com vendas, gerais, administrativas e outras e receita líquida mostrou ganho operacional, ao cair de 17,8% () para 17,4%, no 1T08, mesmo com o aumento do volume comercializado de 8,6% no comparativo anual. Ainda assim, a Empresa continua buscando novas oportunidades para aprimorar a eficiência operacional. A relação despesas com vendas sobre a receita líquida apresentou significativa redução: cedeu para 15,5% no 1T08, frente aos 16,8% do. Essa performance reflete o plano de racionalização de gastos e maior eficiência operacional. As despesas gerais e administrativas totalizaram equivalentes a 1,4% da receita líquida (R$ 31,4 milhões), enquanto no foi de 1,0%. O aumento está, principalmente, relacionado à contratação de consultorias e estrutura para dar suporte ao crescimento nos próximos anos. A provisão para participação nos resultados (PPR) atingiu R$ 23,1 milhões no 1T08, contra R$ 6,0 milhões no dado uma melhor distribuição no critério de provisionamento de PPR. No 1T08 foi contabilizada na conta de outros resultados operacionais o crédito no valor de R$ 13,8 milhões correspondente a um ganho de causa sobre a base de calculo do PIS. O lucro operacional antes das despesas financeiras e equivalência patrimonial (LAJIR ou EBIT), de R$ 156,4 milhões, superou em 3,9% o. O EBITDA (lucro antes de impostos, juros, depreciações e amortizações) atingiu R$ 276,9 milhões, montante 19,7% superior ao registrado no. A margem EBITDA foi de 12,1%. Porém, se descontado o item não-recorrente de credito de PIS de R$ 13,8 milhões que foi contabilizado na conta de outros resultados operacionais, a margem EBITDA no trimestre ajustada seria de 11,5%. EBITDA - R$ milhões Margem EBITDA ,4% 13,4% 10,9% ,2% 658 9,6% ,7% ,2% 12,1% T08 SADIA Release 1T08 7

8 DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DO EBITDA = EBIT + DEPRECIAÇÃO/AMORTIZAÇÃO/SUBVENÇÃO + PPR 1T08 EBIT (+)DEPRECIAÇÃO/AMORTIZAÇÃO/SUBVENÇÃO (+)PPR EBITDA MARGEM EBITDA 12,2% 12,1% A Companhia possui subvenções para investimentos, programadas para expirar entre 2014 e 2020, concedidas pelos governos estaduais de Minas Gerais e Mato Grosso onde estão localizadas algumas das plantas industriais. Estas subvenções durante o exercício de 2007 foram contabilizadas na conta Reserva de Capital no patrimônio líquido. A Lei /07, dentre outras mudanças, revogou o item d) no parágrafo 1º do art. 182 da Lei 6.404/76, o que implica que os valores recebidos a título de subvenção para investimento passam a ser registrados em conta de resultado e não mais como Reserva de Capital. RESULTADO FINANCEIRO No trimestre, o resultado financeiro foi de R$ 36,8 milhões positivos, enquanto em 2007 foi de R$ 6,4 milhões negativos. O resultado financeiro da Sadia é resultante da gestão financeira dos seus ativos e passivos financeiros, além do registro das variações cambiais dos investimentos no exterior, que visa proteger os ativos e passivos de forma consolidada. ENDIVIDAMENTO FINANCEIRO R$ MILHÕES Mar 07 Part. Mar 08 Part. Var. Curto Prazo 1.110,0 29% 1.135,0 28% 2,3% Moeda Local 356,3 9% 474,4 12% 33,1% Moeda Estrangeira 753,7 19% 660,6 16% -12,4% Longo Prazo 2.759,8 71% 2.952,0 72% 7,0% Moeda Local 835,9 22% 1.159,8 28% 38,7% Moeda Estrangeira 1.923,9 50% 1.792,2 44% -6,8% Total da Dívida 3.869,8 100% 4.087,0 100% 5,6% (-) Aplicações Financeiras 2.683,0 100% 2.373,3 100% -11,5% Moeda Local 469,1 17% 730,7 31% 55,8% Moeda Estrangeira 2.213,9 83% 1.642,6 69% -25,8% (=)Endivid. Financeiro Líquido 1.186,8 100% 1.713,7 100% 44,4% Moeda Local 723,1 61% 903,5 53% 24,9% Moeda Estrangeira 463,7 39% 810,2 47% 74,7% % sobre Patrimônio Líquido 46,9% 55,2% Dívida Líquida / EBITDA* 1,4 1,5 *Últimos 12 meses No dia 31/03/08, a dívida financeira líquida da Sadia totalizava R$ 1,7 bilhão, valor 44,4% superior ao do final do. A relação dívida líquida sobre EBITDA se manteve no final do trimestre na marca de 1,5. SADIA Release 1T08 8

9 DÍVIDA LÍQUIDA / EBITDA* LIMITE SUPERIOR 2x EBITDA R$ ,5 1,3 1,8 1,4 1,4 1,1 1,5 1,0 1,2 R$ ,9 0,7 0,7 0,4 0,8 LIMITE INFERIOR 1x EBITDA J05 M05 M05 J05 S05 N05 J06 M06 M06 J06 S06 N06 J07 M07 M07 J07 S07 N07 J08 M08 *Últimos 12 meses LUCRO LÍQUIDO LUCRO LÍQUIDO - R$ milhões O lucro líquido do 1T08 foi de R$ 214,9 milhões, 123,4% superior ao resultado alcançado no. Com isso, a Companhia registrou um retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) de 7,0%, contra 3,8% no mesmo período de Margem Líquida ,5% 8,4% 7,0% 9,0% 5,5% 8,0% 96 5,1% 9,4% T08 SADIA Release 1T08 9

10 INVESTIMENTOS R$ MILHÕES INDUSTRIALIZADOS AVES SUÍNOS BOVINOS OUTROS T08 A Sadia realizou investimentos de R$ 427,1 milhões no 1T08, superior em R$ 250,0 milhões ao montante realizado no, de R$ 177 milhões. Do total investido no trimestre, R$ 167,5 milhões (39,2%) foram destinados ao segmento de industrializados, R$ 151,3 milhões (35,4%) ao segmento de aves, R$ 40,1 milhões (9,4%) ao de suínos, R$ 4,6 milhões (1,1%) ao de bovinos e R$ 63,6 milhões em outras áreas, principalmente em projetos de tecnologia da informação e logística. Em janeiro de 2008, a Sadia comprou a Goiaves (Buriti Alegre, GO), que tem capacidade de produção de 100 mil cabeças de frango por dia e deverá faturar cerca de R$ 100 milhões até o final de A Companhia firmou ainda promessa de compra de 73,93% do capital da Baumhardt, controladora da Excelsior (Santa Cruz do Sul, RS), empresa produtora de embutidos de suínos. Em 28 e abril a Sadia celebrou com Kraft Foods Brasil S.A., um Contrato de Associação que estabelece os termos e condições para a constituição de uma joint venture, cujo objeto será o de realizar, no Brasil, atividades de fabricação, comercialização e distribuição de queijos, incluindo os produtos atualmente comercializados pela Kraft com a marca Philadelphia, assim como os queijos e patês de queijo hoje comercializados com a marca Sadia. Kraft será titular de 51% e Sadia de 49% das ações votantes da joint venture, sendo que a Sociedade contará com estrutura profissional e de governança corporativa próprias. O valor do investimento inicial estimado para a implantação do negócio é de R$ 30 milhões e o faturamento da Sociedade deverá atingir cerca de R$ 40 milhões no primeiro ano de suas atividades. PERSPECTIVAS Para 2008, a Sadia estima evolução entre 12% a 14% nas vendas físicas totais em relação a 2007 e margem EBITDA entre 12% e 13%. A Sadia reforça seu compromisso com o crescimento e mantém as expectativas de dobrar seu faturamento nos próximos cinco anos e pretende continuar investindo firmemente em projetos inovadores e que alavanquem a força da marca com foco no seu core business, que é a produção de produtos industrializados tanto para o mercado interno como para o mercado externo. O plano de investimentos para o ano de 2008, contempla o montante de R$ 1,6 bilhão, que será distribuído da seguinte forma: R$ 556 milhões em industrializados, R$ 558 milhões em Lucas do Rio Verde (será inaugurado o abate de aves no final do primeiro semestre e o abate de suínos no final de 2008), R$ 70 milhões em bovinos R$ 150 milhões em matrizes R$ 60 milhões no centro de distribuição de Pernambuco e outros R$ 206 milhões em diversos projetos de expansão e ampliação, TI, e infra-estrutura. SADIA Release 1T08 10

11 Dentro do investimento de R$ 556 milhões em industrializados esta um dos novos empreendimentos da Companhia, a fábrica de produtos industrializados em Vitória de Santo Antão (Pernambuco), que será a primeira do setor de carnes a neutralizar 100% de suas emissões de carbono e que contará com investimentos de R$ 190 milhões. Em 2008, a Sadia dará continuidade aos investimentos no mercado externo. Uma das medidas será a implantação de mais uma fábrica no exterior. A unidade, que será implantada nos Emirados Árabes e produzirá industrializados de aves e bovinos, receberá investimentos de R$ 100 milhões. MERCADO DE CAPITAIS Bolsa de Valores de São Paulo As ações preferenciais da Companhia fazem parte da carteira teórica da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa). Essa carteira lista 64 papéis e, para o quadrimestre de janeiro-abril/08, o peso relativo da Sadia no índice aumentou de 0,93% no quadrimestre anterior para 0,97%. As ações preferenciais da Sadia [Sdia4] acumularam valorização de 32,5% nos últimos 12 meses (até 31/03/08), próxima da variação do Ibovespa no período 33,1%. A média diária de volume financeiro cresceu 65,2% no 1T08, atingindo a marca de R$ 24,4 milhões, ante os R$ 14,7 milhões do. Sadia PN vs. Ibovespa Base 100 = 31/03/ ,1 132,5 31/3/07 30/6/07 30/9/07 31/12/07 31/3/08 Sadia PN IBOVESPA As ações preferenciais da Sadia mantiveram-se distribuídas entre as diversas categorias de investidores presentes na Bovespa, com destaque para a contínua participação dos investidores estrangeiros. SADIA Release 1T08 11

12 BREAKDOWN POR TIPO DE INVESTIDOR BOVESPA (MARÇO DE 2008) Pessoa Física e Clubes de Investimento 20,0% Pessoa Jurídica e S.Anônimas, Civis e por Cotas 2,0% Bancos, Fundos Mútuos, CTVM, DTVM 4,9% Estrangeiros 54,2% Fundos de Previdência e Sociedades Beneficentes 18,9% Bolsa de Valores de Nova York Nos últimos 12 meses (31/03/07 a 31/mar/08) os ADRs nível II da Sadia [SDA] apresentaram valorização, em dólar, de 57,5%, enquanto Índice Dow Jones desvalorizou 0,7% no período. O volume médio diário cresceu 180,8%, passando para US$ 8,3 milhões, o que corresponde a 60,3% do total de títulos negociados com Sadia PN no 1T08. Sadia ADR vs. Dow Jones Base 100 = 31/03/ ,5 99,3 31/3/07 30/6/07 30/9/07 31/12/07 31/3/08 Sadia ADR Dow Jones Latibex O volume médio diário no 1T08 foi de 170 mil, 30,6% inferior ao volume médio registrado no e as ações tiveram uma valorização de 29,0%. SADIA Release 1T08 12

13 DADOS DE MERCADO - BOVESPA 1T08 1T08/ Sadia ON / SDIA3 - mil (Free Float = 33,4%) Sadia PN / SDIA4 - mil (Free Float = 90,4%) Total em Circulação - mil* (Float = 69,0%)(¹) Cotação de Fechamento - R$/ação SDIA3 (¹) 7,99 10,00 25,2% Cotação de Fechamento - R$/ação SDIA4 (¹) 7,85 10,40 32,5% Valor de Mercado - R$ milhões (¹) 5.361, ,2 32,5% Quantidade Negociada - mil ,4% Quantidade Média Diária Negociada - mil Volume Negociado - R$ milhões 899, ,0 62,5% Volume Médio Diário Negociado - R$ milhões 14,7 24,4 DADOS DE MERCADO - NYSE 1T08 1T08/ Total de ADR s em Circulação (¹) , ,0 53,2% Participação nos Pregões 100% 100% Cotação de Fechamento - US$/ADR (¹) 11,30 17,79 57,5% Valor de Mercado - US$ milhões(¹) , ,5 141,3% Quantidade Negociada ,5% Quantidade Média Diária Negociada Volume Negociado - US$ mil ,8% Volume Médio Diário Negociado - US$ mil 2.971, ,5 (¹) No final do período Fonte: Sadia, Bovespa e NYSE O Relatório 20-F foi arquivado e está disponível no seguinte endereço: e pode ser solicitado sem custo. EVENTOS DO DIA 5 DE MAIO (SEGUNDA-FEIRA) Internacional: Teleconferência Horário: 10h30 (Brasília). Telefones para conexão: Brasil: (11) EUA: (1 800) Demais países: (1 412) Nacional: Reunião com Analistas e Profissionais de Investimentos Horário: 17h00 (Brasília). Local: Hotel Sol Meliá, Rua João Cachoeira, 107 Itaim São Paulo O áudio da reunião e da teleconferência será transmitido ao vivo pela internet, acompanhado por uma apresentação de slides no website As declarações relativas às perspectivas dos negócios, a projeções de resultados operacionais e financeiros e do potencial de crescimento da Companhia contidas neste comunicado, constituem-se em meras previsões e foram baseadas nas expectativas da Administração em relação ao futuro da Empresa. Essas expectativas são altamente dependentes de mudanças no mercado, do desempenho econômico geral do Brasil, da indústria e dos mercados internacionais, estando, portanto, sujeitas a mudanças. SADIA Release 1T08 13

14 ANEXO I DEMONSTRATIVO DO RESULTADO CONSOLIDADO 1T08 1T08/ R$ mil % R$ mil % % Receita Operacional Bruta ,2% ,7% 20,3% Mercado Interno ,4% ,6% 19,3% Mercado Externo ,8% ,1% 21,6% (-) Tributos, Devoluções e Abatimentos ( ) -14,2% ( ) -13,7% 16,3% Receita Operacional Líquida ,0% ,0% 20,9% Custos dos Produtos e Serviços Vendidos ( ) -74,2% ( ) -75,8% 23,5% Lucro Bruto ,8% ,2% 13,4% Despesas com Vendas ( ) -16,8% ( ) -15,5% 11,8% Honorários de Administração (3.825) -0,2% (4.531) -0,2% 18,5% Despesas Administrativas (15.059) -0,8% (26.858) -1,2% 78,4% Participação no Resultado (6.022) -0,3% (23.113) -1,0% 283,8% Outros Resultados Operacionais ,3% ,5% 151,3% Lucro Antes dos Juros e Impostos ,9% ,8% 3,9% Resultado Financeiro Líquido (6.444) -0,3% ,6% -670,4% Resultado Operacional ,6% ,4% 34,1% Resultado não Operacional (1.511) -0,1% (2.657) -0,1% -75,8% Resultado Antes dos Impost. e Partics ,5% ,3% 33,6% Provisão IR/Contr. Social (46.429) -2,5% ,1% 155,2% Resultado Líquido ,1% ,4% 124,8% Participação dos Acionistas Minoritários (24) 0,0% ,1% 5.462,5% Participação do Acionista Controlador ,1% ,4% 123,4% EBITDA ,2% ,1% 19,7% SADIA Release 1T08 14

15 ANEXO II BALANÇO PATRIMONIAL CONSOLIDADO R$ mil mar/07 mar/08 ATIVO Circulante Caixa e Bancos Clientes Impostos e Contribuições a Recuperar Estoques Aplicações Financeiras Créditos Não Circulante Realizável a Longo Prazo Aplicações Financeiras Créditos Permanente Investimentos Imobilizado Diferido Total PASSIVO Circulante Instituições Financeiras Fornecedores Salários, Prov. Férias, 13º Sal. e Encargos Impostos e Contribuições a Recolher Dividendos a Distribuir Outras Obrigações Não Circulante - Exigível a Longo Prazo Instituições Financeiras Outras Obrigações Resultado de Exercícios Futuros 0 0 Particip. Minoritária em Soc. Controladas Patrimônio Líquido Capital Social Reservas de Lucros Total SADIA Release 1T08 15

16 ANEXO III DEMONSTRATIVO DO FLUXO DE CAIXA CONSOLIDADO R$ mil Março 2007 Março 2008 Resultado líquido do exercício Ajustes para reconciliar o lucro líquido ao caixa gerado pelas atividades operacionais: Variação na participação minoritária (101) (6.823) Juros provisionados, líquido dos pagos (50.146) Depreciação, amortização e exaustão Amortização de ágio na aquisição de investimento Resultado de participação societária (332) 0 Variação cambial sobre investimentos no exterior (91.502) Impostos diferidos (30.322) Contingências (2.480) (4.042) Resultado na venda ou baixa do Imobilizado Variações nos ativos e passivos operacionais: Contas a receber de clientes Estoques (36.798) ( ) Impostos a recuperar e outros (58.762) (63.690) Depósitos judiciais (8.366) (12.951) Fornecedores Impostos e contribuições a recolher, salários a pagar e outros (94.263) Caixa líquido gerado nas atividades operacionais Atividades de investimentos: Recursos obtidos na venda de ativo imobilizado Aquisição de imobilizado e diferido ( ) ( ) Parcela paga na aquisição de controlada, líquida do caixa - (33.800) Aplicações financeiras ( ) ( ) Resgates de aplicações financeiras Caixa líquido gerado nas atividades de Investimentos ( ) ( ) Atividades de financiamentos: Captações de financiamentos Pagamentos de financiamentos ( ) ( ) Dividendos pagos (58.454) ( ) Caixa líquido gerado nas atividades de financiamentos Caixa no início do exercício Caixa no final do exercício Acréscimo líquido no caixa (74.724) ( ) SADIA Release 1T08 16

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09 Visão Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. Missão A Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os

Leia mais

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas Blumenau, 07 de maio de 2008 Cia. Hering (Bovespa: HGTX3), uma das maiores empresas de varejo e design de vestuário do Brasil, divulga os resultados do 1º trimestre de 2008 (1T08). As informações operacionais

Leia mais

1T05. Celesc apresenta lucro líquido de R$ 23 milhões no 1 o trimestre de 2005. Resultado do 1 o trimestre de 2005. Principais Destaques

1T05. Celesc apresenta lucro líquido de R$ 23 milhões no 1 o trimestre de 2005. Resultado do 1 o trimestre de 2005. Principais Destaques Celesc apresenta lucro líquido de R$ 23 milhões no 1 o trimestre de 2005 Divulgação Imediata Cot. da Ação PNB CLSC6) em 31/03/05: R$ 0,90/ação Valoriz. No 1T05: -16% Valor de Mercado R$ : 694 milhões US$

Leia mais

Evolução do PIB Brasileiro x PIB da Construção Civil (%)

Evolução do PIB Brasileiro x PIB da Construção Civil (%) o Margem Bruta atinge 42% no 3T07 e distribuição de proventos chega a R$ 40 milhões nos 9M07. 3T07 Cotação (31/10/07) ETER3 R$/ação 8,46 US$/ação 4,83 Base Acionária (31/10/07) Total 72.555.934 Free Float

Leia mais

INFORME AOS INVESTIDORES 2T14

INFORME AOS INVESTIDORES 2T14 INFORME AOS INVESTIDORES 2T14 São Paulo, 14 de agosto de 2014 A BRADESPAR [BM&FBOVESPA: BRAP3 (ON), BRAP4 (PN); LATIBEX: XBRPO (ON), XBRPP (PN)] anuncia os resultados referentes ao 2T14. Estrutura dos

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 Americana SP, 23 de março de 2005 A VIVAX S.A. (Bovespa: VVAX11), ou Companhia, segunda maior operadora de TV a Cabo do Brasil, em número de assinantes, e uma das principais

Leia mais

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000)

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000) Blumenau SC, 27 de julho de 2007 A Cremer S.A. (Bovespa: CREM3), distribuidora de produtos para a saúde e também líder na fabricação de produtos têxteis e adesivos cirúrgicos, anuncia hoje seus resultados

Leia mais

BR INSURANCE CORRETORA DE SEGUROS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1 TRIMESTRE DE 2016.

BR INSURANCE CORRETORA DE SEGUROS S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1 TRIMESTRE DE 2016. RELEASE DE RESULTADOS Relações com Investidores Marcelo Moojen Epperlein Diretor-Presidente e de Relações com Investidores (55 11) 3175-2900 ri@brinsurance.com.br Ana Carolina Pires Bastos Relações com

Leia mais

INFORME AOS INVESTIDORES 2T15

INFORME AOS INVESTIDORES 2T15 INFORME AOS INVESTIDORES 2T15 São Paulo, 12 de agosto de 2015 A BRADESPAR [BM&FBOVESPA: BRAP3 (ON), BRAP4 (PN); LATIBEX: XBRPO (ON), XBRPP (PN)] anuncia os resultados referentes ao segundo trimestre de

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2010

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2010 DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2010 1. Mercado de Capitais Cotações: (14/05/2010) ALPA3 R$ 6,10 ALPA4 R$ 5,95 Valore de Mercado: R$ 2,1 bilhões 2. Teleconferência Data: 18/05/2010 às 16h00

Leia mais

Receita Operacional Líquida alcança R$ 20,9 milhões, aumento de 9,7% ante o trimestre anterior

Receita Operacional Líquida alcança R$ 20,9 milhões, aumento de 9,7% ante o trimestre anterior Última Cotação em 30/09/2014 FBMC4 - R$ 20,60 por ação Total de Ações: 726.514 FBMC3: 265.160 FBMC4: 461.354 Valor de Mercado (30/09/2014): R$ 20.269,7 mil US$ 9.234,5 mil São Bernardo do Campo, 12 de

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T15

Divulgação de Resultados 3T15 São Paulo - SP, 4 de Novembro de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

4 T 10 RESULTADOS DO 4T10. Dados em 31/12/2010. Grazziotin PN (CGRA4) R$ 16,00. Valor de Mercado R$ 338,0 milhões

4 T 10 RESULTADOS DO 4T10. Dados em 31/12/2010. Grazziotin PN (CGRA4) R$ 16,00. Valor de Mercado R$ 338,0 milhões 4 T 10 Passo Fundo, 14 de março de 2011 A Grazziotin (BM&FBOVESPA: CGRA3 e CGRA4), empresa de comércio varejista do segmento de vestuário e utilidades domésticas, localizada na região sul do país, divulga

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 São Paulo, 22 de março de 2012 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis

Leia mais

Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004

Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004 Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004 São Paulo, 25 de fevereiro de 2005 - A Porto Seguro S.A. (Bovespa: PSSA3) anuncia hoje seus

Leia mais

LOJAS RENNER S.A. RESULTADOS DO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2015 (2T15 ) LOJAS RENNER S.A.

LOJAS RENNER S.A. RESULTADOS DO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2015 (2T15 ) LOJAS RENNER S.A. Resultados 2T15 LOJAS RENNER S.A. Companhia constituída em 1965 e de capital aberto desde 1967. Capital totalmente pulverizado desde 2005, com 100% de free float, sendo considerada a primeira corporação

Leia mais

LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08

LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08 LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08 Porto Alegre, 30 de outubro de 2008 LOJAS RENNER S.A. (Bovespa: LREN3), segunda maior rede de lojas de departamentos de vestuário

Leia mais

MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13

MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13 Resultados Janeiro Março / 2011 ÍNDICE MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13 DIVIDENDOS E

Leia mais

O Lucro Líquido do 1T12 foi de R$2,5 MM, superior em R$10,7 MM ao prejuízo do 1T11, de R$8,2 MM negativos.

O Lucro Líquido do 1T12 foi de R$2,5 MM, superior em R$10,7 MM ao prejuízo do 1T11, de R$8,2 MM negativos. São Paulo, 13 de maio de 2013 - A Unidas S.A. ( Companhia ou Unidas ) anuncia os seus resultados do primeiro trimestre de 2012 (). As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto

Leia mais

TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 3T14

TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 3T14 TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 3T14 RESULTADOS FINANCEIROS CONSOLIDADOS (R$ MILHÕES) 3T13 3T14 Var.% 9M13 9M14 Var.% RECEITA LÍQUIDA 315,8 342,8 8,5% 858,4 937,5 9,2% EBITDA AJUSTADO¹ 67,1 78,3 16,7% 157,5

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 1º Trimestre de 2013

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 1º Trimestre de 2013 . São Paulo, 13 de maio de 2013 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis e com grande presença nas classes populares do Brasil, divulga seus

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Release de Resultados 3T15

Release de Resultados 3T15 Release de Resultados 3T15 Barueri, 4 de novembro de 2015 A Smiles S.A. (BM&FBOVESPA: SMLE3), um dos maiores programas de coalizão do Brasil com mais de 11 milhões de participantes inscritos, anuncia seus

Leia mais

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) EBITDA 464,6 354,2 527,7 13,6% 49,0%

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) EBITDA 464,6 354,2 527,7 13,6% 49,0% Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 26 de abril de 2006 Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (NYSE:EMT;BOVESPA:EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

A BM&FBOVESPA S.A. anuncia os resultados do primeiro trimestre de 2009. O lucro líquido atingiu R$ 227 milhões com lucro por ação de R$ 0,11.

A BM&FBOVESPA S.A. anuncia os resultados do primeiro trimestre de 2009. O lucro líquido atingiu R$ 227 milhões com lucro por ação de R$ 0,11. A BM&FBOVESPA S.A. anuncia os resultados do primeiro trimestre de 2009. O lucro líquido atingiu R$ 227 milhões com lucro por ação de R$ 0,11. O Lucro Líquido do 1T09 (sem ajustes) apresentou queda de 1,4%

Leia mais

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO Uberlândia MG, Maio de 2013 A Algar Telecom, Companhia completa e integrada de telecomunicações e TI, detentora da marca CTBC, divulga seus resultados do 1º Trimestre

Leia mais

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 Desempenho Em ambiente de queda da atividade na indústria automobilística, a Iochpe-Maxion apresentou um crescimento de 8,4% nas vendas no terceiro

Leia mais

Estácio Registra Crescimento de 166% no Lucro Líquido Ajustado EBITDA ajustado aos impostos cresceu R$ 17,2 milhões

Estácio Registra Crescimento de 166% no Lucro Líquido Ajustado EBITDA ajustado aos impostos cresceu R$ 17,2 milhões 2T07 Estácio Registra Crescimento de 166% no Lucro Líquido Ajustado EBITDA ajustado aos impostos cresceu R$ 17,2 milhões Rio de Janeiro, de 2007 A Estácio Participações (BOVESPA: ESTC11), maior organização

Leia mais

Relatório da Administração 3º trimestre de 2009 Senhores Acionistas,

Relatório da Administração 3º trimestre de 2009 Senhores Acionistas, Relatório da Administração 3º trimestre de 2009 Senhores Acionistas, A BRF Brasil Foods S.A., resultado do Acordo de Associação realizado em 19 de maio de 2009, entre a Perdigão e a Sadia, concluiu no

Leia mais

Bovespa: BBDC3, BBDC4 Latibex: XBBDC NYSE: BBD

Bovespa: BBDC3, BBDC4 Latibex: XBBDC NYSE: BBD PRESS RELEASE Bovespa: BBDC3, BBDC4 Latibex: XBBDC NYSE: BBD Segunda-feira, 3/5/2004 Divulgação dos Resultados do 1 º trimestre 2004 O Banco Bradesco apresentou Lucro Líquido de R$ 608,7 milhões no 1 º

Leia mais

Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A.

Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A. BRF RESULTADOS 2T14 Os resultados do segundo trimestre e primeiro semestre de 2014 consolidam as Empresas BRF S.A. As declarações contidas neste relatório relativas à perspectiva dos negócios da Empresa,

Leia mais

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO 1. DESTAQUES O ano de 2016 começou com o cenário macroeconômico muito parecido de 2015, uma vez que o mercado continua com tendências negativas em relação a PIB, inflação e taxa de juros. Novamente a Ouro

Leia mais

Obrigado. Octavio Pereira Lopes

Obrigado. Octavio Pereira Lopes Mensagem do CEO Apesar de um contexto macroeconômico longe do ideal, continuamos avançando na execução do nosso plano estratégico de longo prazo. Novamente, nossa performance foi acima do crescimento de

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2015 - SUL AMERICA S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2015 - SUL AMERICA S/A Versão : 2. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2. Balanço Patrimonial Ativo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

BRASIL INSURANCE ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4 TRIMESTRE E ANO DE 2015.

BRASIL INSURANCE ANUNCIA OS RESULTADOS DO 4 TRIMESTRE E ANO DE 2015. RELEASE DE RESULTADOS Relações com Investidores Bruno Carobrez Diretor de Relações com Investidores (55 11) 3175-2900 ri@brinsurance.com.br Ana Carolina Pires Bastos Relações com Investidores (55 11) 3175-2920

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14

AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14 AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14 Barueri, 29 de Julho de 2014 A Cielo S.A. (BM&FBOVESPA: CIEL3 / OTCQX: CIOXY) anuncia hoje seus resultados do segundo trimestre

Leia mais

IFRS em R$ 1T15 DESEMPENHO DA VALE NO 1T15

IFRS em R$ 1T15 DESEMPENHO DA VALE NO 1T15 DESEMPENHO DA VALE NO ENDIVIDAMENTO ESTÁVEL BASEADO EM MENORES CUSTOS E DISCIPLINA NA GESTÃO DO CAPITAL E PORTFÓLIO BM&F BOVESPA: VALE3, VALE5 NYSE: VALE, VALE.P HKEx: 6210, 6230 EURONEXT PARIS: VALE3,

Leia mais

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 49% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 35% MARGEM DE EBITDA ATINGIU 29% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 3T06. As demonstrações financeiras

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T06

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T06 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T06 Eusébio CE, 09 de novembro de 2006 A M. Dias Branco S.A. (Bovespa: MDIA3), empresa líder nos mercados de biscoitos e de massas no Brasil, anuncia hoje seus resultados do terceiro

Leia mais

BRASIL FOODS - BRF MAIO 2012

BRASIL FOODS - BRF MAIO 2012 BRASIL FOODS - BRF MAIO 2012 Os resultados do primeiro trimestre de 2012 consolidam as Empresas BRF - Brasil Foods S.A. e Sadia S.A. (subsidiária integral). Os resultados da Sadia passaram a ser consolidados

Leia mais

Resultados 2005 Resultados 2005

Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 1T06 Bovespa: RSID3 NYSE (ADR): RSR2Y Receita Líquida alcança R$ 85,2 milhões VGV totaliza R$ 94,3 milhões Vendas contratadas crescem 63% São Paulo, 11 de maio

Leia mais

Release de Resultados do 1T14

Release de Resultados do 1T14 São Paulo, 07 de maio de 2014 A Eucatex (BM&FBovespa: EUCA3 e EUCA4), uma das maiores produtoras de painéis de madeira do Brasil, que atua também nos segmentos de tintas e vernizes, pisos laminados, divisórias

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2011 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2011 - CYRELA BRAZIL REALTY SA EMPRS E PARTS Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

Divulgação de de Resultados

Divulgação de de Resultados Divulgação de de Resultados 4T06 4T05 e e Ano OHL BRASIL ANUNCIA LUCRO LÍQUIDO DE R$99,4 MILHÕES. EBITDA AJUSTADO DE R$277,5 MILHÕES, MARGEM DE 64,5% Francisco Leonardo Moura da Costa Diretor Adm. Financeiro

Leia mais

DESTAQUES. TCP R$ milhões 3T03 TCO. 3T02 próforma

DESTAQUES. TCP R$ milhões 3T03 TCO. 3T02 próforma VIVO, O MAIOR GRUPO EMPRESARIAL DE TELEFONIA MÓVEL DA AMÉRICA DO SUL DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2003 DA TELESP CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIRETOR DE RELAÇÕES COM INVESTIDORES:

Leia mais

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Prezados acionistas A administração da WLM Indústria e Comércio S.A. (WLM), em conformidade com as disposições

Leia mais

Expansão de receita da marca Hering atinge 43,5% EBITDA cresce 82,6% e margem EBITDA alcança 21,9% R$ mil 3T09 3T08 Var. 9M09 9M08 Var.

Expansão de receita da marca Hering atinge 43,5% EBITDA cresce 82,6% e margem EBITDA alcança 21,9% R$ mil 3T09 3T08 Var. 9M09 9M08 Var. 3T09 Dados 30/09/2009 HGTX3 R$ 20,45 por ação Valor de Mercado R$ 1,1 bilhão US$ 620,2 milhões Blumenau, 03 de novembro de 2009 Cia. Hering (BM&FBOVESPA: HGTX3), uma das maiores empresas de varejo e design

Leia mais

Empresa de Distribuição de Energia Vale Paranapanema S/A Resultados do 3º trimestre de 2015

Empresa de Distribuição de Energia Vale Paranapanema S/A Resultados do 3º trimestre de 2015 Resultados do 3º trimestre de 2015 São Paulo, 13 de novembro de 2015 A Administração da Empresa de Distribuição de Energia do Vale Paranapanema ( EDEVP ou Companhia ) apresenta os resultados do terceiro

Leia mais

A TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA O RESULTADO DO QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E DO ANO DE 2000

A TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA O RESULTADO DO QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E DO ANO DE 2000 TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. João Cox Vice Presidente de Finanças e Diretor de Relações com Investidores jcox@telepart.com.br 0XX61-429-5600 Leonardo Dias Gerente de Relações com Investidores

Leia mais

Resultados do 1T06 Teleconferência

Resultados do 1T06 Teleconferência Resultados do 1T06 Teleconferência 0 Considerações Iniciais AVISO - INFORMAÇÕES E PROJEÇÕES O material exibido é uma apresentação de informações gerais de antecedentes da Rossi Residencial S.A. na data

Leia mais

Prolagos S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 02.382.073/0001-10 NIRE: 33.300.167.285 Código CVM 2346-9. Destaques

Prolagos S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 02.382.073/0001-10 NIRE: 33.300.167.285 Código CVM 2346-9. Destaques Prolagos S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 02.382.073/0001-10 NIRE: 33.300.167.285 Código CVM 2346-9 Receita Líquida¹ no 1T16 atinge R$69,6 milhões, alta de 24,8% em comparação ao mesmo período do ano anterior

Leia mais

DELIBERAÇÃO CVM Nº 547, DE 13 DE AGOSTO DE 2008

DELIBERAÇÃO CVM Nº 547, DE 13 DE AGOSTO DE 2008 TEXTO INTEGRAL DA, COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELA DELIBERAÇÃO CVM Nº 624, DE 28 DE JANEIRO DE 2010 (DOCUMENTO DE REVISÃO CPC Nº 01) Aprova o Pronunciamento Técnico CPC 03 do Comitê de Pronunciamentos

Leia mais

Lucro líquido atinge R$7,0 milhões, crescimento de 41,7% versus o 1T14, com consistente e importante melhora nas margens operacionais

Lucro líquido atinge R$7,0 milhões, crescimento de 41,7% versus o 1T14, com consistente e importante melhora nas margens operacionais Resultados 2T14 e 1S14 Lucro líquido atinge R$7,0 milhões, crescimento de 41,7% versus o 1T14, com consistente e importante melhora nas margens operacionais Belo Horizonte, 5 de agosto de 2014 - A Companhia

Leia mais

DESEMPENHO DA VALE NO 3T15

DESEMPENHO DA VALE NO 3T15 DESEMPENHO DA VALE NO 3T15 1 www.vale.com rio@vale.com Tel.: (55 21) 3814-4540 Departamento de Relações com Investidores Rogério T. Nogueira André Figueiredo Carla Albano Miller Fernando Mascarenhas Andrea

Leia mais

Valid apresenta EBITDA recorde de R$ 78,3 milhões no 3T14

Valid apresenta EBITDA recorde de R$ 78,3 milhões no 3T14 Valid apresenta EBITDA recorde de R$ 78,3 milhões no 3T14 Cotação de Fechamento VLID3 R$ 38,80 Valor de Mercado R$ 2,16 bilhões Rio de Janeiro, 10 de novembro de 2014 A Valid (BM&FBovespa: VLID3 - ON)

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T14

Divulgação de Resultados 1T14 Divulgação de Resultados 1T14 A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private-equity ( Fundos

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados 2T14 em português TOTVS (TOTS3 BZ) 31 de julho de 2014

Transcrição da Teleconferência Resultados 2T14 em português TOTVS (TOTS3 BZ) 31 de julho de 2014 Operadora: Bom dia. Sejam bem-vindos à teleconferência da TOTVS referente aos resultados do 2T14. Estão presentes os senhores Alexandre Mafra, Vice-Presidente Executivo e Financeiro e Vice-Presidente de

Leia mais

GERDAU S.A. Informações consolidadas

GERDAU S.A. Informações consolidadas Visão Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. Missão A Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os

Leia mais

Release de Resultados do 4T13

Release de Resultados do 4T13 São Paulo, 19 de fevereiro de 2014 A Eucatex (BM&FBovespa: EUCA3 e EUCA4), uma das maiores produtoras de painéis de madeira do Brasil, que atua também nos segmentos de tintas e vernizes, pisos laminados,

Leia mais

Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005

Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005 Suzano Petroquímica Divulga Resultado do 1º Semestre de 2005 Receita líquida atinge R$ 820 milhões no semestre São Paulo, 10 de agosto de 2005 A Suzano Petroquímica S.A. (a Companhia ) (BOVESPA: SZPQ4;

Leia mais

Resumo da Demonstração de Resultados (em R$ milhões) Variação

Resumo da Demonstração de Resultados (em R$ milhões) Variação BM&FBOVESPA ANUNCIA OS RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2015 Derivativos e outras receitas não ligadas a volumes direcionaram o crescimento na receita total Crescimento do lucro líquido ajustado 1 resultou,

Leia mais

INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO

INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO Aos Srs. Acionistas Investco S.A. Anexo I - Comentários dos Diretores da Companhia Contas dos Administradores referentes ao exercício social encerrado em 31.12.2012.

Leia mais

10 Anos de Transmissão das Reuniões APIMEC pela Internet

10 Anos de Transmissão das Reuniões APIMEC pela Internet Esta apresentação pode conter informações sobre eventos futuros. Tais informações não seriam apenas fatos históricos, mas refletiriam os desejos e as expectativas da direção da companhia. As palavras "antecipa",

Leia mais

Destaques do 3º trimestre de 2015

Destaques do 3º trimestre de 2015 Destaques do 3º trimestre Principais Destaques Manutenção dos níveis de EBITDA consolidado e de margem EBITDA, apesar da sobreoferta de aço mundial e das adversidades econômicas no Brasil. Redução de 5,9%

Leia mais

Ações Itaú em foco. Informativo para acionistas Ano 12 3º trimestre de 2015

Ações Itaú em foco. Informativo para acionistas Ano 12 3º trimestre de 2015 Ações Itaú em foco Informativo para acionistas Ano 12 3º trimestre de 2015 nº 48 www.itau.com.br/relacoes-com-investidores facebook.com/itauunibancori @itauunibanco_ri Recompra de Ações No período de janeiro

Leia mais

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015

POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15. 17 de agosto de 2015 POSITIVO INFORMÁTICA RESULTADOS 2T15 17 de agosto de 2015 Seção I Destaques & Conjuntura Positivo Informática registra crescimento de 3,1% na receita líquida no varejo no 2T15 Mesmo em um trimestre de

Leia mais

Dados da Empresa / Composição do Capital

Dados da Empresa / Composição do Capital Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

RELATÓRIO DE RELAÇÕES COM INVESTIDORES RESULTADOS 1T10 156.512.000,00

RELATÓRIO DE RELAÇÕES COM INVESTIDORES RESULTADOS 1T10 156.512.000,00 RELATÓRIO DE RELAÇÕES COM INVESTIDORES RESULTADOS 156.512.000,00 Resultados do RESULTADOS São Paulo, 14 de maio de 2010 A BRADESPAR [BM&FBOVESPA: BRAP3 (ON), BRAP4 (PN); LATIBEX: XBRPO (ON), XBRPP (PN)]

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO

DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO Olá, pessoal! Hoje trago uma aula sobre a Demonstração do Valor Adicionado DVA, que foi recentemente tornada obrigatória para as companhias abertas pela Lei 11.638/07, que incluiu o inciso V ao art. 176

Leia mais

Contato RI. Teleconferência de Resultados do 2T06

Contato RI. Teleconferência de Resultados do 2T06 29 de Agosto de 2006 - GP Investments, Ltd ( GP Investments ou Companhia ) [BOVESPA: GPIV11], um dos líderes no mercado de private equity no Brasil anuncia um lucro líquido de US$4,9 milhões e receitas

Leia mais

AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14

AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14 AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14 Barueri, 28 de Outubro de 2014 A Cielo S.A. (BM&FBOVESPA: CIEL3 / OTCQX: CIOXY) anuncia hoje seus resultados do terceiro trimestre

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Setembro 2011 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Proposta de Administração

Proposta de Administração Proposta de Administração São Paulo, 19 de março de 2010. A BM&FBOVESPA S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros vem, por meio deste, submeter às Assembleias Gerais Ordinária e Extraordinária, a serem

Leia mais

RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015

RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015 RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015 Aviso Nesta apresentação nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais

Resultados 1T07 10 de maio de 2007

Resultados 1T07 10 de maio de 2007 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 102% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 32% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 1T07. As demonstrações financeiras da Companhia são elaboradas

Leia mais

ANÁLISE FUNDAMENTALISTA COM FOCO PARA A RECOMENDAÇÃO DE COMPRA / VENDA DE AÇÕES

ANÁLISE FUNDAMENTALISTA COM FOCO PARA A RECOMENDAÇÃO DE COMPRA / VENDA DE AÇÕES ANÁLISE FUNDAMENTALISTA COM FOCO PARA A RECOMENDAÇÃO DE COMPRA / VENDA DE AÇÕES! A análise do desempenho histórico! Análise setorial! Análise de múltiplos! Elaboração de projeções de resultados! Determinação

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados do 2T08 Trisul (TRIS3 BZ) 15 de agosto de 2008

Transcrição da Teleconferência Resultados do 2T08 Trisul (TRIS3 BZ) 15 de agosto de 2008 Operadora: Bom dia, senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à teleconferência de resultados do 2T08 da Trisul. Hoje nós temos a presença do Sr. Jorge Cury Neto, Diretor-Presidente, Sr. Marco Antônio Mattar,

Leia mais

MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7%

MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7% MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7% Mogi Guaçu (SP), 11 de agosto de 2014 - A MAHLE Metal Leve S.A. (BM&FBOVESPA: LEVE3), Companhia líder na fabricação e comercialização de

Leia mais

Abril Educação S.A. Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011

Abril Educação S.A. Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011 Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011 RESULTADOS PRO FORMA NÃO AUDITADOS CONSOLIDADOS DA ABRIL EDUCAÇÃO As informações financeiras consolidadas pro forma não auditadas para 31 de dezembro de

Leia mais

CRESCIMENTO DAS MARGENS E RESULTADOS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2015 Em relação ao primeiro semestre de 2014:

CRESCIMENTO DAS MARGENS E RESULTADOS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2015 Em relação ao primeiro semestre de 2014: PARIS, 28 de julho de 2015 O Conselho de Administração da Teleperformance, líder mundial em multichannel customer experience, examinou recentemente os relatórios financeiros consolidados para o semestre

Leia mais

Destaques do Resultado

Destaques do Resultado RESULTADOS DO 4T09 E 2009 RECEITA LÍQUIDA de R$1 bilhão; EBITDA de R$119 milhões; MARGEM EBITDA de 12%, aumento de 2 p.p.; LUCRO LÍQUIDO ajustado de R$78 milhões em 2009 Rio de Janeiro, 17 de Março de

Leia mais

Kepler Weber apresenta lucro líquido de R$ 8,2 milhões no terceiro trimestre

Kepler Weber apresenta lucro líquido de R$ 8,2 milhões no terceiro trimestre Resultados 3T11 KEPL3: R$ 25,00 / 100 ações Market Cap: R$ 327,3 MM Última Cotação: 30/09/2011 Kepler Weber apresenta lucro líquido de R$ 8,2 milhões no terceiro trimestre Porto Alegre, 10 de novembro

Leia mais

Análise Setorial. Sabesp // Minerva // Suzano //CPFL // CESP SABESP (SBSP3)

Análise Setorial. Sabesp // Minerva // Suzano //CPFL // CESP SABESP (SBSP3) Análise Setorial Sabesp // Minerva // Suzano //CPFL // CESP SABESP (SBSP3) A Sabesp divulgou ontem (09/05/2013, após o encerramento do mercado, seus números referentes ao primeiro trimestre de 2013. O

Leia mais

DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09

DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09 Divulgação de Resultados 3T09 DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09 - VENDAS CONTRATADAS DE R$242,7 MILHÕES NO 3T09, COM VSO 45% - - EBITDA DE R$35,0 MILHÕES, COM 31,1% DE MARGEM EBITDA

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15 No 3T15, lançamentos consolidados atingem R$606,8 milhões, com vendas brutas de R$682,0 milhões. As vendas líquidas encerraram o 3T15 em R$492,8 milhões, alcançando

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2012 - ESTACIO PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2012 - ESTACIO PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p.

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. No 1T15, a receita líquida totalizou R$ 5,388 bilhões, estável em relação ao 1T14 excluindo-se

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - VIX LOGÍSTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - VIX LOGÍSTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009

Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009 Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009 Bom dia, e obrigada por aguardarem. Sejam bem-vindos à teleconferência da Inpar para discussão dos resultados referentes

Leia mais

Data-Base - 31/03/1999 01763-9 TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. 02.558.115/0001-21

Data-Base - 31/03/1999 01763-9 TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. 02.558.115/0001-21 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS EMPRESA COMERCIAL, INDUSTRIAL E OUTRAS Data-Base - 31/3/1999 Divulgação Externa O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA,

Leia mais

Press Release Novembro/07

Press Release Novembro/07 Press Release Novembro/07 Lucro Líquido de R$395,4 milhões ou R$ 5,14 por ação, de Janeiro a Novembro de 2007. São Paulo, 02 de janeiro de 2008 - A Porto Seguro S.A. (Bovespa: PSSA3) anuncia seu resultado

Leia mais

GTD PARTICIPAÇÕES S.A.

GTD PARTICIPAÇÕES S.A. GTD PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS REFERENTES AOS EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009 E 2008 E PARECER DOS AUDITORES INDEPENDENTES GTD PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Leia mais

RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15

RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15 RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15 São Paulo, 11 de maio de 2015 - A Abril Educação S.A. (BM&FBOVESPA: ABRE3) divulga seus resultados do 1º trimestre de 2015 (1T15). Os comentários aqui incluídos

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T15. 29 de outubro de 2015

Teleconferência de Resultados 3T15. 29 de outubro de 2015 Teleconferência de Resultados 3T15 Exoneração de Responsabilidade As eventuais declarações que possam ser feitas durante essa teleconferência relativas à perspectiva dos negócios, às projeções e metas

Leia mais

7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa. 21 e 22 de agosto de 2006

7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa. 21 e 22 de agosto de 2006 7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa 21 e 22 de agosto de 2006 1 Considerações Futuras Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 00617-3 FORJAS TAURUS S.A. 92.781.335/0001-02 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 00617-3 FORJAS TAURUS S.A. 92.781.335/0001-02 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF DFP - DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS PADRONIZADAS EMPRESA COMERCIAL, INDUSTRIAL E OUTRAS Data-Base - 31/12/29 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES

Leia mais

Relatório da Administração - IFRS

Relatório da Administração - IFRS Relatório da Administração - IFRS 1 - Conjuntura O desempenho geral da economia brasileira, no primeiro trimestre de 2008, como vem acontecendo desde 2007, mostrou-se favorável, com crescimento real nos

Leia mais

RESULTADOS 3T11. Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades. 4 de novembro de 2011

RESULTADOS 3T11. Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades. 4 de novembro de 2011 RESULTADOS 3T11 Grupo Pão de Açúcar e Globex Utilidades 4 de novembro de 2011 ELETRO GPA ALIMENTAR AGENDA RESULTADOS Supermercados Proximidade Atacarejo Postos e Drogarias Hipermercado Lojas Especializadas

Leia mais