Lista 2º ano/1ºtrim Biologia/prof. Karina CFNP

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Lista 2º ano/1ºtrim Biologia/prof. Karina CFNP"

Transcrição

1 1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. 02) Animais em que o blastóporo dá origem a boca e posteriormente surge o ânus são denominados deuterostômios. 04) O celoma é uma cavidade corporal totalmente revestida por mesoderma. 08) As esponjas possuem cavidade digestiva completa, com boca, cavidade e ânus. 16) O arquêntero, dependendo do grupo de animais, dá origem à boca ou ao ânus. 5. (Ufal 2010) Ao longo do desenvolvimento embrionário de organismos multicelulares, ocorrem sucessivas divisões mitóticas, e grupos de células se especializam para o desempenho das diferentes funções que o corpo deverá realizar. Sobre esse assunto, analise as proposições abaixo. Considerando a figura: a) denomine os folhetos embrionários primordiais X, Y e Z, respectivamente, e identifique o folheto que irá originar a notocorda; b) nomeie a estrutura W. Com base no desenvolvimento embrionário dessa estrutura, explique a classificação dos moluscos e dos equinodermos. 2. (Pucrj 2013) O desenvolvimento embrionário pode ser usado para organizar os filos animais de acordo com as diferentes sequências de estágios e graus de complexidade corporal gerados. Descreva as fases iniciais do desenvolvimento embrionário dos animais e diferencie animais diploblásticos de triploblásticos, protostômios de deuterostômios e celomados de acelomados e pseudocelomados. 3. (Uftm 2012) Um casal decidiu gerar um filho submetendo-se à fertilização in vitro. A mulher, após tratamento hormonal, conseguiu engravidar e teve uma criança saudável. Após o parto, ela desejou montar um álbum com todas as fases de vida de seu filho e quis iniciá-lo com algumas fases embrionárias pelas quais ele teria passado. Como não tinha essas imagens, reuniu algumas que fazem parte do desenvolvimento embrionário de um animal, que é considerado evolutivamente próximo dos seres humanos, e formou uma sequência, porém incorreta. 1) As mitoses nos blastômeros se sucedem com rapidez até que o embrião assuma a aparência de uma bola de células, a mórula. 2) Quando o embrião já se constitui de algumas centenas de células, começa a surgir em seu interior uma cavidade cheia de líquido; o embrião é, então, chamado de blástula. 3) No estágio de gástrula o embrião já apresenta um esboço de seu futuro tubo digestivo, o arquêntero. 4) No estágio de gástrula, as células embrionárias começam a se diferenciar, formando os primeiros tecidos, conhecidos por folhetos germinativos ou embrionários. Está(ão) correta(s): a) 1, 2, 3 e 4. b) 1 e 4 apenas. c) 2 e 3 apenas. d) 1, 2 e 4 apenas. e) 1 apenas. 6. (Unicamp 2009) Recentemente pesquisadores brasileiros conseguiram produzir a primeira linhagem de células-tronco a partir de embrião humano. As células-tronco foram obtidas de um embrião em fase de blástula, de onde foram obtidas as células que posteriormente foram colocadas em meio de cultura para se multiplicarem. a) As células-tronco embrionárias podem solucionar problemas de saúde atualmente incuráveis. Quais características dessas células-tronco permitem que os pesquisadores possam utilizá-las no futuro para este fim? b) Blástula é uma etapa do desenvolvimento embrionário de todos os animais. Identifique entre as figuras a seguir qual delas corresponde à fase de blástula e indique uma característica que a diferencia da fase anterior e da posterior do desenvolvimento embrionário. a) Sabendo que a estrutura I representa um maciço celular e a estrutura IV possui uma cavidade interna, indique, baseando-se nos quatro desenhos, a sequência correta do desenvolvimento embrionário. Em qual órgão da mulher um embrião normalmente deve se implantar? b) Explique o que se entende por fertilização in vitro. Que hormônio essa mulher teve que receber para estimular a liberação do gameta para que a fertilização fosse bem sucedida? 4. (Uepg 2012) A aquisição de uma cavidade digestiva e a diversificação dos tecidos são adaptações que surgiram no início das linhagens evolutivas dos animais. Sobre o assunto, assinale o que for correto. 01) Os cnidários são diblásticos e possuem apenas dois folhetos germinativos: ectoderma e endoderma. 7. (Ufpr 2007) No desenvolvimento humano, após a fertilização, o zigoto entra em um processo de sucessivas clivagens, produzindo um embrião multicelular. Cerca de uma semana após a fertilização, o embrião consiste em uma esfera oca, denominada de blastocisto, que irá se implantar na parede uterina e prosseguir no desenvolvimento embrionário, passando pelos processos de Página 1 de 5

2 gastrulação, neurulação e organogênese. As células-tronco embrionárias são obtidas de embriões humanos no estágio de blastocisto. Essas células têm sido alvo de crescentes e polêmicas investigações científicas, devido à sua potencialidade de diferenciarem-se em qualquer um dos mais de 200 tipos celulares humanos, havendo interesse na sua utilização para fins terapêuticos. Devido à sua totipotência, possivelmente as célulastronco embrionárias possam funcionar como células substitutas em diversos tecidos lesionados ou doentes. 10. (Unicamp 1994) Animais triploblásticos podem ser acelomados, pseudocelomados ou celomados. Considere o esquema a seguir do corte transversal de um embrião, e responda: a) Qual dos três níveis de organização está representado? Justifique. b) O que está indicado por I, II, III e IV? a) Cite uma alteração importante que ocorre no embrião durante: a.1) clivagem: a.2) gastrulação: a.3) neurulação: b) O que é totipotência? c) Por que geralmente são utilizadas células provenientes do blastocisto, e não de uma gástrula ou nêurula, para produzir novas células com fins terapêuticos? 8. (Unicamp 2005) O uso das células tronco embrionárias tem levantado muitas discussões. As células embrionárias, geradas nos primeiros dias após a fecundação do oócito pelo espermatozoide, não estão diferenciadas e podem se transformar em qualquer célula do organismo. A célula-tronco prototípica é o zigoto. (Adaptado de "Isto é", 20 de outubro de 2004). a) Após a formação do zigoto, quais são as etapas do desenvolvimento até a formação da notocorda e tubo nervoso nos embriões? b) Em que fase do desenvolvimento embrionário as células iniciam o processo de diferenciação? c) O desenvolvimento embrionário é uma das formas de dividir os filos em dois grandes grupos. Dê duas diferenças no desenvolvimento dos protostomados e deuterostomados, e indique em qual desses grupos os humanos estão incluídos. 11. (Unicamp 2015) O filo Mollusca é o segundo maior do reino animal em número de espécies. É correto afirmar que os moluscos da classe Gastropoda a) são exclusivamente marinhos. b) possuem conchas, mas não rádula. c) são exclusivamente terrestres. d) possuem pé desenvolvido e rádula. 12. (Enem 2014) Parte do gás carbônico da atmosfera é absorvida pela água do mar. O esquema representa reações que ocorrem naturalmente, em equilíbrio, no sistema ambiental marinho. O excesso de dióxido de carbono na atmosfera pode afetar os recifes de corais. 9. (Pucpr 2001) Associe a segunda coluna de acordo com a primeira: Fases de desenvolvimento: 1) Fertilização 2) Gástrula 3) Blástula 4) Segmentação 5) Nêurula Características: ( ) Fase caracterizada pela formação do tubo neural. ( ) Fase em que o ovo se divide, sucessivamente, até as células atingirem as dimensões normais da espécie. ( ) Fase durante a qual os gametas se unem. ( ) Fase durante a qual um grupo de células envolve uma pequena cavidade central. ( ) Fase na qual se origina o intestino primitivo. Assinale a sequência correta: a) b) c) d) e) O resultado desse processo nos corais é o(a) a) seu branqueamento, levando à sua morte e extinção. b) excesso de fixação de cálcio, provocando calcificação indesejável. c) menor incorporação de carbono, afetando seu metabolismo energético. d) estímulo da atividade enzimática, evitando a descalcificação dos esqueletos. e) dano à estrutura dos esqueletos calcários, diminuindo o tamanho das populações. 13. (Ufsc 2014) A difusão de substâncias é um mecanismo de transporte muito lento para distâncias superiores a poucos milímetros. Existem duas diferentes estratégias adaptativas para resolver este problema em animais: (1) apresentar um tamanho e formato de corpo capaz de fazer com que um grande número de células realize trocas com o ambiente e (2) apresentar um sistema Página 2 de 5

3 circulatório que transporte um líquido e que este passe próximo das células. Observe as figuras abaixo e indique a soma da(s) proposição(ões) CORRETA(S). 01) O animal representado em A não apresenta sistema circulatório distinto; neste grupo, a cavidade gastrointestinal apresenta duas funções: a digestão e a distribuição de substâncias em todo o corpo. 02) O animal representado em B apresenta sistema circulatório fechado e sua hemolinfa circula inteiramente dentro de vasos. 04) O animal representado em C apresenta sistema circulatório aberto, assim o sangue se mistura com o líquido intersticial. 08) Os animais representados em B e C apresentam coração e sistema circulatório fechado. Além disso, a difusão de gases se dá através de um sistema respiratório traqueal. 16) Os animais mostrados em A, B e C possuem como pigmento respiratório a hemoglobina. 32) O sistema circulatório fechado proporciona maior pressão, permitindo oxigenação e nutrição mais eficientes para as células de animais maiores e mais ativos. 14. (G1 - ifsp 2014) A charge a seguir menciona uma característica presente nos insetos. A característica mencionada pela borboleta está relacionada com o sucesso dos insetos na ocupação dos diferentes ambientes do planeta. Isso ocorre porque, devido a essa característica, os insetos apresentam a) um corpo mole e flexível, melhor adaptado à ocupação de pequenos espaços. b) uma sustentação mais eficiente do corpo, baseada em um esqueleto interno. c) um crescimento contínuo, sem a necessidade de mudas. d) uma maior proteção contra a perda excessiva de água. e) uma respiração cutânea mais eficiente. 15. (G1 - col.naval 2014) Assinale a opção em que todas as características descritas pertencem aos Cnidários. a) São animais que não possuem tecidos definidos, nem órgãos e sistemas. Apresentam orifícios em todo o corpo, pelos quais a água penetra. O interior do corpo forma uma cavidade chamada de átrio, que é revestida por células denominadas coanócitos. São exclusivamente aquáticos. b) Apresentam o corpo achatado dorsoventralmente. Possuem um tubo digestório incompleto, com apenas uma abertura: a boca, por onde ingerem os alimentos e eliminam as fezes. Alguns vivem adaptados à vida parasitária e não apresentam o tubo digestório. c) Corpo com uma abertura única: a boca, que fica em contato com uma cavidade gastrovascular. Apresenta, dentre as células epidérmicas, células especializadas com uma cápsula, o nematocisto, que contém liquido urticante e auxilia na obtenção de alimentos. d) São animais de corpo mole; dividido em cabeça, massa visceral e pé; geralmente protegido por uma concha calcária. A massa visceral é recoberta pelo manto, onde existem glândulas que fabricam a concha calcária. e) São animais de corpo longo e cilíndrico, afilado nas extremidades. Possuem tubo digestório completo, com boca e ânus. Muitas espécies são de vida livre, vivendo em ambientes aquáticos ou terrestres, e muitas são de vida parasitária. 16. (Fatec 2013) No reino Animalia, o filo dos artrópodes é o mais diversificado do planeta, apresentando mais de 1 milhão de espécies catalogadas, das quais cerca de 900 mil são só de insetos. Entre as características estruturais que garantiram a conquista e a adaptação dos insetos ao meio ambiente terrestre, destaca-se a presença de a) endoesqueleto, que favorece a sustentação do corpo e a locomoção. b) pulmões, que favorecem as trocas gasosas no meio ambiente aéreo. c) exoesqueleto quitinoso e impermeabilizante, que favorece a economia de água. d) ovos com cascas permeáveis, que favorecem a transpiração e impedem a desidratação. e) corpo dividido em cefatórax e abdome, que favorece a locomoção e a obtenção de alimentos. 17. (Mackenzie 2013) No filo artrópoda, destacam-se três principais grupos: os crustáceos, os aracnídeos e os insetos. As principais características consideradas para essa divisão são: a organização corporal; o número de apêndices locomotores; a presença e o número de antenas, mostradas no quadro abaixo. Grupos Crustáceos Aracnídeos Insetos Cabeça, Organização Cefalotórax e I tórax e corporal abdome abdome Nº de Apêndices Geralmente II 3 pares locomotores 5 pares Número de 2 pares Ausentes III antenas Os espaços I, II e III devem ser preenchidos, correta e respectivamente, por a) cabeça, tórax e abdome; 4 pares; 1 par. b) cabeça, tórax e abdome; 4 pares; 2 pares. c) cefalotórax e abdome; 3 pares; ausentes. d) cefalotórax e abdome; 4 pares; 1 par. e) cefalotórax e abdome; 4 pares; 2 pares. 18. (Ufrgs 2013) A coluna da esquerda, abaixo, apresenta características de diferentes grupos de invertebrados; a da direita, três grupos de invertebrados. Associe adequadamente a coluna da direita à da esquerda. Página 3 de 5

4 1. Rádula como estrutura para ( ) Crustáceos alimentação 2. Locomoção realizada pelo sistema ( ) Moluscos ambulacrário 3. Corpo composto de exoesqueleto ( ) Equinodermas 4. Presença de respiração por espiráculos A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é a) b) c) d) e) (Unicamp 2013) Um zoólogo recebeu um animal marinho encontrado em uma praia. Ao tentar identificá-lo com o auxílio de uma lupa, o pesquisador notou, na superfície corporal do animal, a presença de espinhos e de estruturas tubulares, identificadas como pés ambulacrais. a) Com base nesses elementos da anatomia externa, determine o filo a que pertence o animal em análise. Nomeie uma classe desse filo e dê um exemplo de um animal que a represente. b) Explique como ocorre a reprodução dos animais pertencentes a esse filo. 20. (Udesc 2012) Assinale a alternativa correta, quanto aos poríferos, cnidários, platelmintos e nematelmintos. a) As esponjas pertencem ao filo dos poríferos. Possuem constante movimentação através de cílios e apresentam digestão exclusivamente extracelular. b) As águas vivas e as anêmonas pertencem ao filo dos cnidários. Apresentam digestão intracelular (células digestivas) da gastroderme e extracelular no tubo digestório incompleto, pois não têm ânus. c) Os Ascaris lumbricoides são vermes que pertencem ao filo dos platelmintos. Possuem corpos achatados com simetria bilateral e sua digestão é incompleta, pois não têm ânus. d) A Taenia saginata é um verme pertencente ao filo dos nematelmintos, pois seu corpo é achatado com simetria bilateral. Sua digestão é completa, pois tem ânus. e) Os corais pertencem ao filo dos poríferos. Possuem corpos com esqueleto calcário e sua digestão é completa, pois têm ânus. 21. (Uem 2012) Notícias sobre ataques a banhistas por águas-vivas no litoral paranaense têm se tornado frequentes. A esse respeito, e considerando o conhecimento sobre os cnidários, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 01) A estrobilação é um tipo de reprodução assexuada por brotamento transversal dos sifozoários. 02) A estrutura do corpo dos cnidários é formada pela epiderme, mesogleia e gastroderme, sendo os cnidários portanto triblásticos. 04) As queimaduras nos banhistas são causadas pelos coanócitos, células com um filamento central embebido em substância urticante. 08) A metagênese ou alternância de gerações ocorre na maioria dos cnidários hidrozoários e sifozoários. Nestes dois grupos de cnidários a fase sexuada é a polipoide e a assexuada é a medusoide. 16) Depois de descarregadas, as células urticantes não se recompõem; degeneram. Novas células urticantes são produzidas a partir da diferenciação das células intersticiais. 22. (G1 - ifsp 2011) Em uma aula prática de Biologia, foram analisados três diferentes animais, e os resultados observados foram utilizados para construir a seguinte tabela. Animal I Animal II Animal III Corpo subdividido em cabeça, tórax Corpo segmentado em anéis Superfície externa do corpo recoberta por e abdome poros e grande cavidade central Três pares de Locomoção por Fixos ao substrato patas articuladas arrastamento marinho Um par de asas Ausência de asas Não apresentam órgãos especializados Respiração traqueal Respiração cutânea Filtradores Esqueleto externo de quitina Presença antenas de Presença de cerdas de quitina Esqueleto de fibras e espículas de calcário ou sílica Presença de clitelo Presença de coanócitos Os animais representados por I, II e III podem ser, respectivamente, a) abelha, formiga e coral. b) mosca, minhoca e esponja. c) abelha, sanguessuga e esponja. d) mosca, piolho de cobra e anêmona. e) formiga, minhoca e água-viva. 23. (Ufu 2011) Considere as afirmativas abaixo. I - Animal que excreta por células-flama II - Animal com corpo metamerizado e com simetria bilateral III - Animal de corpo mole com concha interna É correto afirmar que os animais acima são, respectivamente: a) planária, lula e minhoca b) minhoca, planária e polvo c) planária, minhoca e lula d) polvo, minhoca e planária 24. (Uel 2011) É comum, quando pessoas entram em lagoas do Pantanal, anelídeos sanguessugas se fixarem na pele para se alimentarem. Para isso, utilizam uma ventosa oral que possui pequenos dentes afiados que raspam a pele, provocando hemorragia. Com relação às sanguessugas, considere as afirmativas a seguir. I. Contêm um par de nefrídio individualizado para cada segmento corporal. II. São celomados com inúmeros segmentos iguais separados internamente por septos transversais membranosos. III. Da mesma forma que as minhocas, as sanguessugas apresentam cerdas para a locomoção. IV. Assim como nas minhocas, os órgãos são irrigados por uma rede contínua de capilares que se estende sob a epiderme. Assinale a alternativa correta. a) Somente as afirmativas I e II são corretas. b) Somente as afirmativas I e III são corretas. c) Somente as afirmativas III e IV são corretas. d) Somente as afirmativas I, II e IV são corretas. e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas. 25. (Uel 2011) Uma das medidas mais eficientes de combate à dengue é a eliminação de águas paradas, onde podem proliferar as larvas dos mosquitos Aedes aegypti. Página 4 de 5

5 Com base no enunciado, pode-se concluir que o Aedes agypti é uma espécie de inseto que tem seu desenvolvimento biológico do tipo: a) holometábolo, com um estágio intermediário denominado de pupa. b) hemimetábolo, com um estágio intermediário denominado de ninfa. c) ametábolo, com um estágio intermediário denominado de lagarta. d) holometábolo, com um estágio intermediário assexuado que se desenvolve no organismo humano. e) hemimetábolo, com um estágio intermediário sexuado que se desenvolve no organismo humano. 26. (Fuvest 2011) Os acidentes em que as pessoas são queimadas por cnidários ocorrem com frequência no litoral brasileiro. Esses animais possuem cnidoblastos ou cnidócitos, células que produzem uma substância tóxica, que é composta por várias enzimas e fica armazenada em organelas chamadas nematocistos. Os cnidários utilizam essa substância tóxica para sua defesa e a captura de presas. a) Em que organela(s) do cnidoblasto ocorre a síntese das enzimas componentes da substância tóxica? b) Após a captura da presa pelo cnidário, como ocorrem sua digestão e a distribuição de nutrientes para as células do corpo do animal? 27. (Uel 2011) O grupo dos platelmintos é caracterizado pelo aparecimento, pela primeira vez na escala zoológica, da simetria bilateral. Com base nesse fato, assinale a alternativa que apresenta as características que, durante a evolução destes animais, surgiram associadas ao aparecimento da simetria bilateral. a) Aparecimento do ânus e de células-flama. b) Aparecimento da boca e maior dimensão do corpo. c) Aparecimento da cefalização e movimentação direcional do corpo. d) Aparecimento da mesoderme e da cavidade gastrovascular. e) Aparecimento de digestão intracelular e melhor captura de presas. animais multicelulares: anelídeos, platelmintos e nematelmintos (não necessariamente nessa ordem). Elas representam o processo evolutivo que levou ao surgimento de cavidades no corpo dos animais. a) Correlacione cada figura com os grupos animais apresentados no enunciado. Figura 1: Figura 2: Figura 3: b) Discorra sobre duas vantagens trazidas pelo surgimento de cavidades corpóreas. Vantagem 1: Vantagem 2: 30. (Ufop 2010) A aranha e a libélula são animais invertebrados que pertencem ao mesmo filo, mas a classes distintas. a) Cite duas características compartilhadas por ambos, que permitem agrupá-los no mesmo filo. b) Cite duas características exclusivas de cada um, que os separam em classes distintas. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: O vazamento de petróleo no Golfo do México, em abril de 2010, foi considerado o pior da história dos EUA. O vazamento causou o aparecimento de uma extensa mancha de óleo na superfície do oceano, ameaçando a fauna e a flora da região. Estima-se que o vazamento foi da ordem de 800 milhões de litros de petróleo em cerca de 100 dias. 28. (Unicamp 2011) Os corais, espalhados por grande extensão de regiões tropicais dos oceanos e mares do globo terrestre, formam os recifes ou bancos de corais e vivem em simbiose com alguns tipos de algas. No caso do acidente no Golfo do México, o risco para os corais se deve a) às substâncias presentes nesse vazamento, que matariam vários peixes que serviriam de alimento para os corais. b) ao branqueamento dos corais, causado pela quantidade de ácido clorídrico liberado juntamente com o óleo. c) à redução na entrada de luz no oceano, que diminuiria a taxa de fotossíntese de algas, reduzindo a liberação de oxigênio e nutrientes que seriam usados pelos pólipos de corais. d) à absorção de substância tóxica pelos pólipos dos cnidários, formados por colônias de protozoários que se alimentam de matéria orgânica proveniente das algas. 29. (Ufpr 2010) A figura abaixo representa esquematicamente cortes do corpo de três diferentes grupos de Página 5 de 5

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS ANIMAIS. Reino Animalia

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS ANIMAIS. Reino Animalia CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS ANIMAIS Reino Animalia Organização do corpo e principais filos São pluricelulares, eucariontes e heterótrofos Apresentam grande diversidade (1 milhão de espécies distribuídas

Leia mais

Aula 4 Os animais. Os seres vivos são classificados nos Reinos:

Aula 4 Os animais. Os seres vivos são classificados nos Reinos: Aula 4 Os animais Os seres vivos apresentam uma diversidade muito grande; a cada ano, novas espécies vêm sendo descritas. Fica compreensível a necessidade de um sistema de classificação para a organização

Leia mais

25/03/2013. Características gerais dos animais REINO ANIMALIA. Principais filos. Desenvolvimento embrionário

25/03/2013. Características gerais dos animais REINO ANIMALIA. Principais filos. Desenvolvimento embrionário Características gerais dos animais Eucariontes; Pluricelulares; Heterótrofos; Simetria bilateral, radial ou assimétricos; REINO ANIMALIA CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS ANIMAIS Principais filos Porífera: esponjas;

Leia mais

BA B.. 0 6 0 6 Inv n e v rt r e t bra r dos o s m ais s si s m i ple l s s ( p ( la l t a e t lm l in i t n o t s o ) s Apostila 1 Pág.

BA B.. 0 6 0 6 Inv n e v rt r e t bra r dos o s m ais s si s m i ple l s s ( p ( la l t a e t lm l in i t n o t s o ) s Apostila 1 Pág. BA. 06 Invertebrados mais simples (platelmintos) Apostila 1 Pág. 34 REINO ANIMAL OU METAZOA -Pluricelular Eucarionte Heterótrofo - sem parede celular - PORÍFEROS Esponjas - CNIDÁRIOS Águas vivas, corais,

Leia mais

Biologia. AIDS, dengue e gripe

Biologia. AIDS, dengue e gripe 01 - (PUC SP) Os recifes de corais são formados por colônias de animais providos de um esqueleto que protege um grande número de pólipos. Os animais presentes nos corais pertencem ao mesmo filo que a)

Leia mais

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre MÓDULO 2 PORIFERA E CNIDARIA 1 - Em relação ao plano corporal dos animais, observamos que algumas espécies são assimétricas, enquanto outras apresentam

Leia mais

Zoologia. Escala zoológica. Celenterados

Zoologia. Escala zoológica. Celenterados Zoologia Escala zoológica Cnidários Habitat modo de vida Todos de vida livre, fixos ou moveis Podem ser individuais ou coloniais Embriologia Tipos morfológicos Pólipo boca cavidade gástrica cavidade gástrica

Leia mais

REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS

REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS NÃO POSSUI TECIDOS VERDADEIROS (ESPECIALIZADOS). DIGESTÃO É INTRACELULAR. PORÍFEROS

Leia mais

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS 1. (Ufrgs 2015) Com base nas características dos moluscos, assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmações abaixo. ( ) Os moluscos apresentam simetria radial.

Leia mais

Biologia. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor:

Biologia. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Biologia Questão 1 (Fuvest 2010) Um determinado animal adulto é desprovido de crânio e apêndices articulares. Apresenta corpo alongado e cilíndrico. Esse

Leia mais

1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se:

1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se: 1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se: a) oligolécitos b) heterolécitos c) mediolécitos d) telolécitos e) centrolécitos 2. O esquema abaixo

Leia mais

Colégio São Paulo. Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano

Colégio São Paulo. Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano Colégio São Paulo Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano Características principais do Reino Animalia Reúne organismos eucariotos, pluricelulares e com nutrição heterotrófica. O reino apresenta

Leia mais

Lista de exercícios 3º ano poríferos

Lista de exercícios 3º ano poríferos 1. (Pucmg) Possuem sistema nervoso, EXCETO: a) Agnatos. b) Cnidários. c) Anelídeos. d) Poríferos. e) Moluscos. 2. (Pucmg) Uma esponja-viva é um animal multicelular com pequena diferenciação celular. Suas

Leia mais

Gabarito: GABARITO- 2ª CHAMADA- 1º ANO QUIMICA- EDUARDO. Resposta da questão 1: [B] Resposta da questão 2: [D] Resposta da questão 3: [D]

Gabarito: GABARITO- 2ª CHAMADA- 1º ANO QUIMICA- EDUARDO. Resposta da questão 1: [B] Resposta da questão 2: [D] Resposta da questão 3: [D] GABARITO- 2ª CHAMADA- 1º ANO QUIMICA- EDUARDO Gabarito: Resposta da questão 1: [B] Resposta da questão 2: [D] Resposta da questão 3: [D] Resposta da questão 4: [A] Resposta da questão 5: [B] Resposta da

Leia mais

O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o.

O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o. BIOLOGIA - SEMI/NOITE PROF. SÓSTENEZ 10/05/2016 Questão 01 - (UNIMONTES MG) O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o. Assinale a alternativa que apresenta a sequência

Leia mais

2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS A B C CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN

2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS A B C CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN 2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS 1. Um tipo de característica que pode ser levada em conta quando vamos trabalhar com Biologia Comparada são as características observadas

Leia mais

Resoluções de Exercícios

Resoluções de Exercícios Resoluções de Exercícios BIOLOGIA IV 01 Embriologia Humana A espermatogônia é uma célula diploide (2n) e o espermatócito II é uma célula haploide (n), portanto, a espermatogônia terá o dobro do número

Leia mais

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO PROFESSOR DEBORA SOUZA DISCIPLINA CIÊNCIAS SIMULADO: P3 Estrada da Água Branca, 2551 Realengo RJ Tel: (21) 3462-7520 www.colegiomr.com.br ALUNO TURMA 701 Questão 1

Leia mais

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução 1. No nosso organismo existem dois tipos de enzimas do tipo amilase, a amilase pancreática e a amilase salivar, com velocidades

Leia mais

Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - PORÍFEROS E CNIDÁRIOS Prof. Enrico Blota

Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - PORÍFEROS E CNIDÁRIOS Prof. Enrico Blota Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - PORÍFEROS E CNIDÁRIOS Prof. Enrico Blota Biologia Reino animal Poríferos e cnidários Poríferos A linhagem que originou as esponjas atuais se separou da linhagem

Leia mais

Qual (is ) das imagens abaixo também representa/m uma esponja?

Qual (is ) das imagens abaixo também representa/m uma esponja? INVERTEBRADOS: Poríferos Qual (is ) das imagens abaixo também representa/m uma esponja? Os poríferos constituem o filo composto pelos animais de estrutura corporal mais simples. São conhecidos como esponjas.

Leia mais

1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária.

1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. 1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. Considerando a figura: a) denomine os folhetos embrionários primordiais X, Y e Z, respectivamente, e identifique

Leia mais

01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que:

01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que: Aula n ọ 02 01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que: a) utilizam-se do ar atmosférico para respirar através de pulmão. b) o caramujo

Leia mais

Data: /08/14 Bimestr e:

Data: /08/14 Bimestr e: Data: /08/14 Bimestr e: 2 Nome : Disciplina Ciências : Valor da Prova / Atividade: Professo r: 7 ANO N º Ângela Nota: Objetivo / Instruções: Lista de Recuperação 1.Como é a reprodução dos fungos? Assinale

Leia mais

Exercícios com Gabarito de Biologia I 2º ano Professor Leandro

Exercícios com Gabarito de Biologia I 2º ano Professor Leandro 1. O 'Ancylostoma' é um parasita intestinal que provoca o "amarelão", doença que se pode adquirir: a) por picada de um hemíptero (barbeiro). b) comendo carne de porco mal cozida. c) comendo carne bovina

Leia mais

2ªsérie B I O L O G I A QUESTÃO 1 QUESTÃO 2 QUESTÃO 4 QUESTÃO 3. 4º período

2ªsérie B I O L O G I A QUESTÃO 1 QUESTÃO 2 QUESTÃO 4 QUESTÃO 3. 4º período ªsérie B I O L O G I A 4º período QUESTÃO A ilustração a seguir mostra vários personagens do popular desenho "Bob Esponja", muitos pertencentes ao reino Animal. Com o auxílio da ilustração, responda aos

Leia mais

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats.

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats. Artrópodes - O filo Arthropoda (Artrópodes) possui um número muito grande de animais, o maior grupo com espécies diferentes; - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em

Leia mais

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida 2º EM Biologia Frente B Prof. Jairo José Matozinho Cubas Lista de exercícios referentes ao primeiro trimestre: CONTEÚDO: Cordados 1. (Uel 2014) Nos últimos 10.000

Leia mais

Características Gerais dos Animais

Características Gerais dos Animais Características Gerais dos Animais 0 Reino Animalia ou Metazoa é formado por organismos pluricelulares; heterótrofos e eucariontes. No entanto, entre eles alguns não formam órgãos e portanto não apresentam

Leia mais

2ªsérie 2º período B I O L O G I A

2ªsérie 2º período B I O L O G I A 2.2 B I O L O G I A 2ªsérie 2º período QUESTÃO 1 O filo Platyhelminthes inclui tanto formas de vida livre como organismos endo e ectoparasitas. Considerando a biologia destes animais, marque a opção que

Leia mais

Aula 13.2 Conteúdo. O reino dos animais Poríferos e Cnidários CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO

Aula 13.2 Conteúdo. O reino dos animais Poríferos e Cnidários CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO A A Aula 13.2 Conteúdo O reino dos animais Poríferos e Cnidários 2 A A Habilidades Conhecer a diversidade de animais Compreender algumas características utilizadas para identificar animais vertebrados

Leia mais

ATIVIDADES. BA.10: Moluscos e Equinodermos BIOLOGIA

ATIVIDADES. BA.10: Moluscos e Equinodermos BIOLOGIA ATIVIDADES 1. (UERJ 2006) Um ecossistema pode ser drasticamente alterado pelo surgimento ou pelo desaparecimento de espécies de seres vivos. a) Um ambiente em equilíbrio é habitado por indivíduos pertencentes

Leia mais

BIOLOGIA MÓDULO II do PISM (triênio 2004-2006)

BIOLOGIA MÓDULO II do PISM (triênio 2004-2006) BIOLOGIA MÓDULO II do PISM (triênio 2004-2006) QUESTÕES OBJETIVAS 01. A evolução das fases esporofítica (E) e gametofítica (G) em diferentes grupos de plantas está representada na figura ao lado. Assinale

Leia mais

Curso Wellington Biologia Reino Animal - Equinodermos Prof Hilton Franco

Curso Wellington Biologia Reino Animal - Equinodermos Prof Hilton Franco 1. Esta é a turma do Bob Esponja: Lula Molusco é supostamente uma lula; Patric, uma estrela-do-mar; o Sr. Siriguejo, um caranguejo; e Bob é supostamente uma esponja-do-mar. Cada um, portanto, pertence

Leia mais

Respiração Comparada. Biologia Monitores: Bruna Maria e Thamirys Moraes 08, 09 e 10/07/2015. Material de Apoio para Monitoria

Respiração Comparada. Biologia Monitores: Bruna Maria e Thamirys Moraes 08, 09 e 10/07/2015. Material de Apoio para Monitoria Respiração Comparada 1. Observe os esquemas referentes a sistemas respiratórios animais. Com base nesses esquemas e em conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar-se que: a) 1 e 2 são comuns a vertebrados

Leia mais

Entende-se que a diversidade de seres vivos é resultante de processos evolutivos e que esses processos ocorrem por anagênese e por cladogênese.

Entende-se que a diversidade de seres vivos é resultante de processos evolutivos e que esses processos ocorrem por anagênese e por cladogênese. Sistemática Filogenética ou Cladística Entende-se que a diversidade de seres vivos é resultante de processos evolutivos e que esses processos ocorrem por anagênese e por cladogênese. As relações evolutivas

Leia mais

Solução Comentada Prova de Biologia

Solução Comentada Prova de Biologia 11. Em relação à importância dos organismos autotróficos na modificação da atmosfera na Terra primitiva, analise as proposições abaixo e marque com V as verdadeiras e com F as falsas. 1 ( ) Com a liberação

Leia mais

Bimestr e: Data: Nome : Disciplina Ciências Valor da Prova / Atividade: 7 ANO Nº Ângela. Professo r:

Bimestr e: Data: Nome : Disciplina Ciências Valor da Prova / Atividade: 7 ANO Nº Ângela. Professo r: Data: Bimestr e: 4 Nome : Disciplina Ciências : Valor da Prova / Atividade: Professo r: 7 ANO Nº Ângela Nota: Objetivo/ Instruções: Lista de Recuperação 1.Assinale a alternativa CORRETA: É encontrada apenas

Leia mais

muito gás carbônico, gás de enxofre e monóxido de carbono. extremamente perigoso, pois ocupa o lugar do oxigênio no corpo. Conforme a concentração

muito gás carbônico, gás de enxofre e monóxido de carbono. extremamente perigoso, pois ocupa o lugar do oxigênio no corpo. Conforme a concentração A UU L AL A Respiração A poluição do ar é um dos problemas ambientais que mais preocupam os governos de vários países e a população em geral. A queima intensiva de combustíveis gasolina, óleo e carvão,

Leia mais

D) Presença de tubo digestivo completo em anelídeos, e incompleto em cnidários.

D) Presença de tubo digestivo completo em anelídeos, e incompleto em cnidários. QUESTÓES DE ESPECÍFICA BIOLOGIA PROFª: THAÍS ALVES/ DATA: 15/07/14 01. Critérios anatômicos, fisiológicos e embrionários servem também de base para estabelecer o grau de parentesco entre os seres e, consequentemente,

Leia mais

Filo Porifera - Poríferos ou espongiários. - Corpo coberto por poros. - Não possuem organização tissular. - Diblásticos. - Aquáticos, sésseis e

Filo Porifera - Poríferos ou espongiários. - Corpo coberto por poros. - Não possuem organização tissular. - Diblásticos. - Aquáticos, sésseis e Filo Porifera - Poríferos ou espongiários. - Corpo coberto por poros. - Não possuem organização tissular. - Diblásticos. - Aquáticos, sésseis e filtradores. - Digestão intracelular. - Sustentação: Espículas

Leia mais

ARTRÓPODES PROF. MARCELO MIRANDA

ARTRÓPODES PROF. MARCELO MIRANDA ARTRÓPODES Filo Arthropoda (Artrópodes) Do grego, arthros = articulado e podos = pés; É o filo mais abundante em quantidade de espécies descritas (~1 milhão); Vivem em praticamente todos os tipos de ambientes;

Leia mais

Questão 01 Gabarito: 27 Comentário

Questão 01 Gabarito: 27 Comentário Questão 01 Gabarito: 27 Biologia 01. Correta, pois essa é a definição de metabolismo basal, que consiste nas reações que garantem a sobrevivência do indivíduo e dos seus tecidos. 02. Correta, uma vez que

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS Nome: Nº 7º Ano Data: / / 2015 Professor(a): Nota: (Valor 1,0) 3º Bimestre A - Introdução Neste bimestre começamos a estudar o reino animal com toda sua fantástica diversidade.

Leia mais

Vestibulando Web Page www.vestibulandoweb.com.br - SIMULADO X -

Vestibulando Web Page www.vestibulandoweb.com.br - SIMULADO X - - SIMULADO X - 01) (UFES/2008) (BIRNER, E. UZUNIAN, E. Biologia 2. 3. ed. São Paulo: Harbra, 2005, p. 297.) As figuras acima apresentam um inseto, um crustáceo e um anelídeo, respectivamente, que, apesar

Leia mais

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Existem espécies de sexos separados e espécies hermafroditas. Neste último caso, os óvulos e espermatozoides de um mesmo indivíduo amadurecem em épocas diferentes, o que evita a

Leia mais

ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL. Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências 17A,17B, 17C, 17D e E.

ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL. Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências 17A,17B, 17C, 17D e E. ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências Turma: 17A,17B, 17C, 17D e E. Lista dos conteúdos Características dos Seres Vivos

Leia mais

Cara-a-cara com o Reino Animal

Cara-a-cara com o Reino Animal Cara-a-cara com o Reino Animal Vivian Lavander Mendonça, Renata Moretti e Sônia Lopes Departamento de Zoologia Instituto de Biociências Universidade de São Paulo Resumo O jogo é constituído por conjuntos

Leia mais

REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS

REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS REINO PROTOCTISTA Reino Protoctista - Protozoários Eucariontes, unicelulares (alguns coloniais) Vida livre e parasitária Relações Ecológicas: mutualismo

Leia mais

CRIPTÓGAMAS FANERÓGAMAS TRAQUEÓFITAS NÃO TRAQUEÓFITAS VII ESPERMATÓFITAS III VIII NÃO ESPERMATÓFITAS

CRIPTÓGAMAS FANERÓGAMAS TRAQUEÓFITAS NÃO TRAQUEÓFITAS VII ESPERMATÓFITAS III VIII NÃO ESPERMATÓFITAS 21 c BIOLOGIA TRAQUEÓFITAS NÃO TRAQUEÓFITAS ESPERMATÓFITAS NÃO ESPERMATÓFITAS CRIPTÓGAMAS I II III IV FANERÓGAMAS V VI VII VIII Musgo, samambaia, pinheiro e mandioca podem ser colocados, respectivamente,

Leia mais

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ==============================================================================================

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== PROFESSOR: Leonardo Mariscal BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== Assunto: Organelas citoplasmáticas

Leia mais

DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho

DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho E assim, começa uma nova vida... Os tipos de desenvolvimento embrionário Vivíparos Ovovivíparos Ovíparos Ovulíparos

Leia mais

6) Assinale a alternativa que mostra o filo, cujos representantes são os animais menos complexos.

6) Assinale a alternativa que mostra o filo, cujos representantes são os animais menos complexos. ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES DE RECUPERAÇÃO RESOLUÇÃO SEE Nº 2.197, DE 26 DE OUTUBRO DE 2012 Aluno: Ano Atual Data : Matéria: Turno: Valor :70pontos Nota:

Leia mais

Utilize-se das informações acima e de seus conhecimentos sobre esse assunto e assinale a melhor resposta a ser fornecida pelo ginecologista:

Utilize-se das informações acima e de seus conhecimentos sobre esse assunto e assinale a melhor resposta a ser fornecida pelo ginecologista: Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Biologia Questão 1 A questão da fertilização é muito discutida hoje na mídia, principalmente em programas que visam a informação para leigos interessados

Leia mais

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor 1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor Biodiversidade é o conjunto de diferentes formas de vida no planeta. De todos os seres vivos que constituem atualmente a biosfera, já foram identificadas cerca

Leia mais

Questão 1. Questão 3. Questão 2 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS. alternativa E. alternativa B. A, B e C pertenceriam, respectivamente, a organismos

Questão 1. Questão 3. Questão 2 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS. alternativa E. alternativa B. A, B e C pertenceriam, respectivamente, a organismos 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS Questão 1 O exame de um epitélio e do tecido nervoso de um mesmo animal revelou que suas células apresentam diferentes características. Isso ocorre porque a) as moléculas de

Leia mais

Os Invertebrados. Prof. Luis Bruno

Os Invertebrados. Prof. Luis Bruno Os Invertebrados Prof. Luis Bruno Os Poríferos Animais simples que habitam o planeta; Não apresentam órgãos; Sésseis; Maioria de ambiente marinho, mas existem poucas espécies de água doce; São animais

Leia mais

BIOLOGIA ANATOMIA E FISIOLOGIA ANIMAL PROF ESTEVAM DIGESTÃO

BIOLOGIA ANATOMIA E FISIOLOGIA ANIMAL PROF ESTEVAM DIGESTÃO BIOLOGIA ANATOMIA E FISIOLOGIA ANIMAL PROF ESTEVAM CONTEÚDO: Digestão e Circulação DIGESTÃO O processo de digestão é um dos primordiais dos seres vivos por ser por meio dele que se adquire a matéria necessária

Leia mais

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL ocelos (olhos) superfície dorsal faringe boca superfície ventral cabeça ou escólex colo no homem tronco ou estróbilo autofecundação tênia adulta cisticerco no

Leia mais

Exercícios de Reprodução Comparada

Exercícios de Reprodução Comparada Exercícios de Reprodução Comparada Material de apoio do Extensivo 1. (PUC) Os seres vivos podem reproduzir-se sexuada ou assexuadamente. Sobre este assunto, destaque a afirmativa correta: a) A reprodução

Leia mais

Sistema Circulatório Comparado

Sistema Circulatório Comparado Anatomia e Fisiologia Comparadas Sistema Circulatório Comparado Ana Luisa Miranda Vilela Cleonice Miguez Dias da Silva Braga DEMONSTRAÇÃO (PÁGINAS INICIAIS) Para aquisição somente na Bioloja. Direitos

Leia mais

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO Fixação 1) (UFRJ) Os peixes apresentam grande variedade de adaptações a modos de vida diferentes no ambiente marinho. Entre os peixes carnívoros existem aqueles

Leia mais

Protocolo experimental

Protocolo experimental Protocolo experimental Sherlock-Holmes: na pista de invertebrados marinhos Enquadramento Teórico Do esforço de discernir ordem na incrível diversidade da vida, nasceu a sistemática. A sistemática pode

Leia mais

O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV.

O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV. 1 PROVA DE BIOLOGIA I QUESTÃO 31 O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV. I II III IV a) Coluna vertebral

Leia mais

a) Classifique os animais listados na 2ª coluna de acordo com os grupos zoológicos numerados de 1 a 7, na 1ª coluna.

a) Classifique os animais listados na 2ª coluna de acordo com os grupos zoológicos numerados de 1 a 7, na 1ª coluna. Questão 1: O estado de conservação das espécies de invertebrados terrestres brasileiros foi recentemente publicado pelo Ministério do Meio Ambiente. Na lista oficial da fauna brasileira ameaçada de extinção,

Leia mais

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA COMENTÁRIO DA PROVA A prova de Biologia da segunda fase do processo seletivo da UFPR/2014 foi elaborada com o claro objetivo de avaliar o candidato num cenário composto por diferentes graus de exigência

Leia mais

PORÍFEROS CNIDÁRIOS. Profº Júlio César Arrué

PORÍFEROS CNIDÁRIOS. Profº Júlio César Arrué PORÍFEROS E CNIDÁRIOS Profº Júlio César Arrué PORIFERA Porócito: Célula que apresenta um poro que atravessa http://entendendoumpoucodeciencias.blogspot.com Espículas: São células que dão estrutura para

Leia mais

3ª Série / Vestibular

3ª Série / Vestibular 3ª Série / Vestibular 01. Uma característica típica de todo o tecido conjuntivo é: (A) apresentar células em camadas unidas; (B) apresentar poucas camadas de células; (C) apresentar muito material intersticial;

Leia mais

Exercícios de Aprofundamento Biologia - Embriologia

Exercícios de Aprofundamento Biologia - Embriologia 1. (Fgv 2015) A figura ilustra os vasos sanguíneos maternos e fetais na região da placenta, responsável pela troca dos gases respiratórios oxigênio e dióxido de carbono. Como a circulação e a ventilação

Leia mais

Questão 1. Questão 3. Questão 2. Resposta. Resposta

Questão 1. Questão 3. Questão 2. Resposta. Resposta Questão 1 Uma enzima, extraída da secreção de um órgão abdominal de um cão, foi purificada, dissolvida em uma solução fisiológica com ph 8 e distribuída em seis tubos de ensaio. Nos tubos 2, 4 e 6, foi

Leia mais

Filo MOLLUSCA. Prof(a) Karla Mirella

Filo MOLLUSCA. Prof(a) Karla Mirella Filo MOLLUSCA Prof(a) Karla Mirella MOLUSCOS Representantes: Lulas, Polvos, lesmas, caracóis, mariscos, ostras, mexilhões, sépias, náutilos, quíton... Depois de artrópodes, é o segundo maior filo do Reino

Leia mais

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. Fonte: O Estado de S.Paulo, 10/12/ 97.

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. Fonte: O Estado de S.Paulo, 10/12/ 97. CIÊNCIAS BIOLÓGICAS 13. Ao chegar ao Pará (Belém), encontrei a cidade, antes alegre e saudável, desolada por duas epidemias: a febre amarela e a varíola. O governo tomou todas as precauções sanitárias

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNESP 2010 1ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNESP 2010 1ª fase www.planetabio.com 1- Leia a notícia. Dengue tipo 4 reaparece após 25 anos A dengue é causada por quatro tipos de vírus: DENV-1, DENV-2, DENV-3 e DENV-4. O tipo DENV-4 não era encontrado no país desde 1982, mas exames de

Leia mais

3ºano-lista de exercícios-introdução à fisiologia animal

3ºano-lista de exercícios-introdução à fisiologia animal 1. (Udesc) Os hormônios são substâncias químicas produzidas pelas glândulas endócrinas que atuam sobre órgãos-alvo à distância. A ação hormonal pode provocar o estímulo ou a inibição das funções orgânicas.

Leia mais

TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres. INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade

TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres. INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade Todas as pessoas são diferentes, cada um é único, apresentam características que são próprias

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE CIÊNCIAS

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE CIÊNCIAS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 2ª PROVA PARCIAL DE CIÊNCIAS Aluno(a): Nº Ano: 7º Turma: Data: 11/08/2012 Nota: Professor(a): Karina Valor da Prova: 40 pontos Orientações gerais: 1) Número

Leia mais

11. Protozoários e invertebrados

11. Protozoários e invertebrados 11. Protozoários e invertebrados 1. (U. Amazonas-AM) De acordo com o sistema atual de classificação dos seres vivos, os que aparecem abaixo pertencem ao reino: Trypanosoma Euglena Ameba a) Monera. d) Plantae.

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA Nome: Nº Série: 2ª Data: / 10 / 2015 Professores: Gisele / Marcelo / Thierry (valor: 1,0 ponto) 3º Bimestre A. Apresentação: Caro aluno, A estrutura da recuperação bimestral

Leia mais

Transporte nos animais

Transporte nos animais Transporte nos animais Tal como nas plantas, nem todos os animais possuem sistema de transporte, apesar de todos necessitarem de estabelecer trocas com o meio externo. As hidras têm somente duas camadas

Leia mais

Qual é o objeto de estudo da Fisiologia Humana? Por que a Fisiologia Humana é ensinada em um curso de licenciatura em Educação Física?

Qual é o objeto de estudo da Fisiologia Humana? Por que a Fisiologia Humana é ensinada em um curso de licenciatura em Educação Física? Fisiologia Humana QUESTÕES INICIAIS 1 2 3 Qual é o objeto de estudo da Fisiologia Humana? Por que a Fisiologia Humana é ensinada em um curso de licenciatura em Educação Física? Qual a importância dos conhecimentos

Leia mais

Filo Porífera. Esponjas

Filo Porífera. Esponjas Filo Porífera Esponjas Filo Porifera Osculo Átrio Pinacócitos Amebócito poros Porocito Espícula Flagelo Esponja Mesogléia Coanócito Gonócito Pinacócito Espícula Átrio Póro Porócito Arqueócito Meio Externo

Leia mais

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Filo Arthropoda exoesqueleto e patas articuladas. simetria bilateral triblásticos protostômios celomados metamerizados;

Leia mais

RESPIRAÇÃO. Respiração é o mecanismo que permite aos seres vivos extrair a energia química nos alimentos.

RESPIRAÇÃO. Respiração é o mecanismo que permite aos seres vivos extrair a energia química nos alimentos. RESPIRAÇÃO Respiração é o mecanismo que permite aos seres vivos extrair a energia química nos alimentos. A respiração intracelular pode ser: Aeróbica: Ser vivo que depende do gás carbônico para obter energia

Leia mais

Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com

Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com O filo é dividido em três classes: Turbelários: Planária (VIDA LIVRE) Trematódeos: Schistosoma sp (PARASITAS) Cestódeos: Taenia sp (PARASITAS) Corpo achatado

Leia mais

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA 1) O diagrama abaixo representa uma das hipóteses sobre a evolução dos animais metazoários. Nele, os retângulos com os números

Leia mais

CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia

CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia PROCESSO SELETIVO 2004/1 BIOLOGIA CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia Só abra este caderno quando o fiscal autorizar. Leia atentamente

Leia mais

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a):

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a): GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 2º ano ALUNO(a): Lista de Exercícios NOTA: No Anhanguera você é + Enem Questão 01) São divididos em áscon, sícon e lêucon: a) Cnidários. b) Platelmintos.

Leia mais

Texto Base: Aula 17 Linhagens de Organismos Metazoários 1

Texto Base: Aula 17 Linhagens de Organismos Metazoários 1 Texto Base: Aula 17 Linhagens de Organismos Metazoários 1 João Miguel de Matos Nogueira 1. Introdução, metazoários basais e Lophotrochozoa Iniciamos nosso estudo recordando a representação esquemática

Leia mais

Pág. 1 COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD REFERÊNCIAS PARA CORREÇÃO PROVA DE BIOLOGIA

Pág. 1 COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD REFERÊNCIAS PARA CORREÇÃO PROVA DE BIOLOGIA 1) O processo fotossintético é fundamental para a vida das plantas. a) Explique por que uma planta mantida em uma intensidade de radiação abaixo do seu ponto de compensação luminoso não cresce. Por que

Leia mais

Está(ao) correta(s): a) a afirmação III. b) a afirmação II. c) as afirmações I e III. d) as afirmações II e III.

Está(ao) correta(s): a) a afirmação III. b) a afirmação II. c) as afirmações I e III. d) as afirmações II e III. 1. (Udesc 2014) O desenvolvimento embrionário é diversificado entre os diferentes grupos animais, e ocorre, de maneira geral, em três fases consecutivas. Assinale a alternativa correta quanto ao desenvolvimento

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO

EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO EXERCÍCIOS ON LINE DE CIÊNCIAS - 9 ANO 1- Com a finalidade de diminuir a dependência de energia elétrica fornecida pelas usinas hidroelétricas no Brasil, têm surgido experiências bem sucedidas no uso de

Leia mais

2º Ensino Médio. Professor(a):Carlinho Matéria:História Valor: 8,0 Data: 18/08/2015 Prova: P-23 Bimestre: 3

2º Ensino Médio. Professor(a):Carlinho Matéria:História Valor: 8,0 Data: 18/08/2015 Prova: P-23 Bimestre: 3 Professor(a):Carlinho Matéria:História Valor: 8,0 (1)-(Valor 2,0) Observe a gravura. A imagem simboliza o fim da Primeira Guerra Mundial. Ao associar a imagem aos acontecimentos daquele momento histórico,

Leia mais

BIOLOGIA Prof.: Doo Lista: 06 Aluno(a): Turma: Data: 23/02/2015

BIOLOGIA Prof.: Doo Lista: 06 Aluno(a): Turma: Data: 23/02/2015 BIOLOGIA Prof.: Doo Lista: 06 Aluno(a): Turma: Data: 23/02/2015 PORÍFEROS Características gerais Exclusivamente aquáticos Maioria assimétrica Aneuromiários Filtradores Fixos quando adultos Classes Calcária:

Leia mais

FUVEST Resolvida 12/Janeiro/2016

FUVEST Resolvida 12/Janeiro/2016 pra quem faz questão das melhores faculdades Resolvida 12/Janeiro/2016 2 a Fase 3 o Dia Biologia CPV 2F2016 a) A associação entre as duas populações de insetos (formigas e cigarrinhas) se mostra favorável

Leia mais

Biologia. Sistema circulatório

Biologia. Sistema circulatório Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 10R Ensino Médio Equipe de Biologia Data: Biologia Sistema circulatório O coração e os vasos sanguíneos e o sangue formam o sistema cardiovascular ou circulatório.

Leia mais

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria Zoologia e Botânica 1. A doença de Chagas atinge milhões de brasileiros, que podem apresentar, como sintoma, problemas no miocárdio, que levam à insuficiência cardíaca. Por que, na doença de Chagas, ocorre

Leia mais

Lista de Exercícios. Aluno(a): Nº. Pré Universitário Uni-Anhanguera. Disciplina: Biologia

Lista de Exercícios. Aluno(a): Nº. Pré Universitário Uni-Anhanguera. Disciplina: Biologia Lista de Exercícios Pré Universitário Uni-Anhanguera Aluno(a): Nº. Professor: Mário Neto Série: 3 Ano Disciplina: Biologia 1) (UFMG) Estes animais costumam estar presentes no dia-a-dia dos seres humanos:

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ 2010 01. Cavalos,

Leia mais

41 Por que não bebemos água do mar?

41 Por que não bebemos água do mar? A U A UL LA Por que não bebemos água do mar? Férias no verão! Que maravilha! Ir à praia, tomar um solzinho, nadar e descansar um pouco do trabalho. Enquanto estamos na praia nos divertindo, não devemos

Leia mais