EDITAL Nº 03/2014 PRONATEC/IFPI/COORDENAÇÃO GERAL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL Nº 03/2014 PRONATEC/IFPI/COORDENAÇÃO GERAL"

Transcrição

1 EDITAL Nº 03/2014 PRONATEC/IFPI/COORDENAÇÃO GERAL O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, através da Coordenação Geral do Pronatec, e no uso de suas atribuições legais, torna público, por meio deste Edital, que no período de 18/02/2014 a 20/02/2014, estarão abertas as inscrições para cadastro de reserva e posterior contratação de profissionais servidores públicos e não servidores públicos aptos a desenvolver as atribuições de PROFESSOR CONTEUDISTA, conforme oferta de cursos no âmbito do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico (PRONATEC) considerando a Lei nº /2011 e o Guia de Cursos de Formação Inicial e Continuada - FIC, o inciso IV da Resolução CD/FNDE nº 4 de 16 de março de 2012 e a Resolução/CD/FNDE nº 18, de 16 de junho de 2010, subsidiariamente. 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O presente instrumento tem como objetivo selecionar cadastro de reserva para posterior contratação de profissionais interessados em desempenhar as atribuições de PROFESSOR CONTEUDISTA, para os cursos vinculados ao PRONATEC de acordo com as vagas dispostas no Anexo I. 1.2 O processo de contratação realizar-se-á por meio de avaliação curricular. 1.3 A atuação do profissional não gerará quaisquer vínculos empregatícios com o IFPI, sendo sua atribuição e remuneração definida de acordo com o estabelecido no presente edital. 1.4 O candidato que, por qualquer motivo, deixar de atender às normas e às recomendações estabelecidas neste edital será automaticamente eliminado do processo de seleção. 2. DAS ATRIBUIÇÕES

2 2.1. O PROFESSOR CONTEUDISTA possui as seguintes atribuições: Conhecer o Plano do Curso da disciplina, sua organização, estrutura e funcionamento; Elaborar e entregar os conteúdos contratados no prazo determinado; Produzir material didático com linguagem adequada ao público jovem e adulto; Realizar as adequações solicitadas pelos revisores técnico-pedagógico e linguístico; Disponibilizar, para o Coordenador do programa, o material didático impresso e em mídia eletrônica (DVD ou CD) Realizar a revisão de linguagem do material didático. 3. DOS REQUISITOS PARA A CONTRATAÇÃO 3.1 São requisitos para a contratação: Ser brasileiro nato ou naturalizado, na conformidade com o art.12 da Constituição Federal, ou estrangeiro com situação regular no país; Estar quite com as obrigações eleitorais; Estar quite com as obrigações militares (para os candidatos do sexo masculino); Ter disponibilidade para desenvolver as atividades propostas Comprovar escolaridade e/ou experiência exigida nesse edital Apresentar certidão negativa quanto à Dívida Ativa da União e Certidão de Quitação de Tributos e Contribuições Federais (Exceto para Servidores das Redes Públicas de Educação Profissional, Científica e Tecnológica) No caso de o candidato não apresentara certidão negativa citada no subitem 3.1.6, a Coordenação Geral do Pronatec/IFPI se reserva do direito de consultar a situação do candidato no sítio da Receita Federal. Obs.: O candidato que não atenda aos requisitos exigidos neste Edital será desclassificado.

3 4. DA ELABORAÇÃO DO MATERIAL DIDÁTICO 4.1 O material deve ser elaborado mediante uma sequência didática de conteúdos programáticos adequados a modalidade e a carga horária a ser ofertada, considerando o contido no Guia Pronatec de Cursos de Formação Inicial e Continuada e o projeto pedagógico de cada curso. 4.2 Serão priorizadas as metodologias consagradas e inovadoras, assegurando os requisitos de acessibilidade física e de comunicação, possibilitando a plena participação de pessoas com deficiência e pessoas com vulnerabilidade social visando o emprego. 4.3 Para direcionar a elaboração dos conteúdos a Coordenação Geral do PRONATEC/IFPI organizará uma oficina para definir todas as orientações referentes à produção dos mesmos O não comparecimento do candidato selecionado na Oficina de Capacitação implicará sua não contratação e na convocação do próximo classificado. 4.4 O conteúdo destinado a cada professor Conteudista será por curso, de acordo com o anexo I. 4.5 A referida produção deve ser dinâmica, proporcionando ambientes de aprendizagem adequados e mecanismos que assegurem o cumprimento e objetivos de cada curso, em formato que possibilite o desempenho do professor nas suas atividades didáticas ao ministrá-las. Levando em consideração as possibilidades de atuação e as infraestruturas recomendadas no Guia Pronatec de Cursos de Formação Inicial e Continuada, escolaridade requerida e carga horária do curso. 4.6 O MATERIAL DIDÁTICO produzido ser digitado em folha A4 com margens de três cm (margens esquerda e superior) e dois cm (margens direitas e inferiores). A fonte utilizada deverá ser Arial, tamanho 12 para o corpo do texto e tamanho 10 para citações longas (notas de rodapé, paginação, legendas das instruções e das tabelas). Quanto ao espaçamento entre linhas será de 1,5 para todo o texto.

4 4.7 O material didático deve respeitar o número de páginas conforme quadro abaixo, não incluso o sumário e as referências bibliográficas de cada disciplina. DO CURSO NÚMERO DE DE CADA APOSTILA A data para a entrega do material didático definitivo será 26/03/2014, na Coordenação Geral do PRONATEC/IFPI-Sala nº121-bloco A. 5. DA CESSÃO DOS DIREITOS AUTORAIS 5.1 Os direitos autorais do MATERIAL DIDÁTICO produzido pelo PROFESSOR CONTEUDISTA serão cedidos, mediante assinatura de Termo de Cessão de Direitos Autorais, ao Instituto Federal do Piauí. 6. DO PROCESSO SELETIVO 6.1 Será contratado para a atribuição de PROFESSOR CONTEUDISTA, referente aos cursos/eixos específicos, segundo dados apresentados nos Anexos I e II. 7. DAS INSCRIÇÕES 7.1 Serão aceitas somente inscrições desde que comprovem a exigência mínima

5 7.2 A inscrição do candidato será gratuita e será realizada no período de 18/02/2014 a 20/02/2014, por meio eletrônico através do envio dos documentos listados no item 7.3 para o não sendo aceita a entrega de documentos ou formulários impressos. 7.3 No ato da inscrição o candidato deverá enviar em 01(um) único arquivo pdf, na ordem solicitada abaixo, para o listado no item 7.2 deste edital. O envio da documentação fora da ordem abaixo, acarretará no indeferimento da inscrição. Não será aceita inscrição, na qual a documentação não for enviada em único arquivo pdf. a) Ficha de Inscrição, devidamente preenchida conforme Anexos I,e II; b) Curriculum Vitae, conforme modelo Anexo III, acompanhado dos comprovantes de atividades seguindo a planilha para efeitos de pontuação dos critérios elencados no item 9.3. c) Cópia de diploma que atenda aos requisitos mínimos constantes no quadro disposto nos Anexo I; d) Comprovante da formação mínima em nível superior; e) Cópia dos seguintes documentos: RG, CPF; PIS/PASEP, devidamente autenticados em cartório ou por servidor público (baseado no Decreto Presidencial nº /79); f) Cópia do comprovante de cumprimento das obrigações eleitorais, que pode ser obtido no site do Tribunal Superior Eleitoral, endereço eletrônico g) Cópia do comprovante de cumprimento das obrigações militares (sexo masculino); h) Comprovante de endereço com 90 (noventa) dias de validade; i) Certidão negativa quanto à Dívida Ativa da União e Certidão de Quitação de Tributos e Contribuições Federais (Exceto para Servidores das Redes Públicas de Educação Profissional, Científica e Tecnológica observar o subitem ); j) Cópia de Comprovante de Dados Bancários, (Banco/Agência/Conta

6 Corrente), não podendo ser conta poupança; k) Comprovante de tempo de serviço na área em que concorre; l) No caso de Profissional que já atuou ou atua no Pronatec, apresentar carta de aceite do Coordenador Adjunto do Programa ou cargo correspondente; m) Para servidores públicos de carreira apresentar Termo de Nomeação e Posse. 7.4 Será eliminado do processo seletivo, sem prejuízo das sanções penais cabíveis, o candidato que, em qualquer tempo: Cometer falsidade ideológica com prova documental; Utilizar-se de procedimentos ilícitos, devidamente comprovados por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico; Burlar ou tentar burlar quaisquer das normas definidas neste Edital. NOTA: O candidato servidor do IFPI que possui função gratificada ou Cargo de Direção CD não poderá concorrer a este processo seletivo, segundo a Resolução nº 032/2013-CONSUP de 13/08/ DA SELEÇÃO 8.1 O Processo Seletivo será realizado em apenas uma etapa: Análise de Currículo (Eliminatória e Classificatória). 8.2 A análise dos Currículos será realizada por uma Comissão de Seleção designada pelo Reitor do Instituto Federal do Piauí composta por, no mínimo, 03 (três) servidores do IFPI. 8.3 A análise de currículo terá como referência a pontuação indicada na tabela do item 9.3.

7 8.4 Para efeito de homologação da inscrição serão considerados válidos, apenas os candidatos que atendam os requisitos mínimos constantes no Anexo I deste Edital; 8.5 Para efeito de cálculo, não serão analisadas informações sem comprovação. O candidato se responsabiliza civil e criminalmente pelas informações enviadas por . 9 DA CLASSIFICAÇÃO 9.1 A classificação do processo seletivo obedecerá à ordem decrescente do total de pontos obtidos. 9.2 Serão contratados para desenvolver a atribuição de PROFESSOR CONTEUDISTA a quantidade de candidatos, por ordem decrescente de classificação, equivalente ao número de vagas e cadastro reserva. 9.3 Para efeitos de classificação serão utilizados os critérios dispostos abaixo: Item Descrição Tempo de serviço como servidor 1 público Tempo de atuação no Bolsa-formação Pronatec e/ou EAD 2 Tempo de serviço na área em que 3 está concorrendo Participação em comissões 4 relacionadas a atividades de ensino, extensão e pesquisa. Pontuação 01 (um) ponto para cada semestre de serviço (máximo 10 semestres) 01 (um) ponto para cada semestre de atuação no Pronatec (máximo 05 semestres) 01 (um) ponto para cada semestre de serviço (máximo 10 semestres) 0,5 (meio ponto) por participação (máximo de 5 pontos)

8 5 6 Experiência comprovada na elaboração de materiais didáticos e/ou na revisão de produções acadêmicas ou materiais didáticos. Titulação (Especialista, Mestre ou Doutor). 01 (um) ponto para cada experiência comprovada (máximo 05 pontos) 01, 02 ou 03 pontos, respectivamente, não acumuláveis 9.4 Em caso de empate serão considerados os critérios abaixo, na seguinte ordem: a) For idoso, conforme Artigo 27, parágrafo único, da Lei nº , de 1 de outubro de 2003; b) Maior tempo de serviço como servidor público; c) Maior tempo de atuação no Pronatec; d) Maior tempo de atividade profissional na área; e) Maior Titulação. 9.5 A pontuação máxima, com base nos indicadores constantes no item 9.3, a ser atingida pelo candidato é de 38 (trinta e oito) pontos. 10. DAS VAGAS 10.1 Para a atribuição de PROFESSOR CONTEUDISTA os candidatos serão selecionados por curso e na quantidade de vagas indicadas no Anexo I. 11 DOS RESULTADOS 11.1 A divulgação do resultado da Análise dos Currículos, no endereço eletrônico será realizada no dia 06/03/ DO PAGAMENTO

9 12.1 O PROFESSOR CONTEUDISTA será pago na modalidade prestação de serviços de pessoas física" que prevê o pagamento de tributos de ISS, INSS e IRPF quando ocorrer a tributação conforme amparo legal. Para tal provimento estabeleceu-se os valores abaixo. CARGO VALOR OBSERVAÇÃO R$ 1.100,00 (por Máximo de 2 cursos, por PROFESSOR CONTEUDISTA conteúdo candidato selecionado, elaborado) para elaborar O pagamento será efetuado após a finalização de todas as etapas (elaboração e revisão) dos projetos e atesto favorável da Coordenação-Geral do PRONATEC/IFPI. Caso haja necessidade, o PROFESSOR CONTEUDISTA providenciará a revisão final do material. 13 DOS RECURSOS 13.1 O Candidato que desejar interpor recurso contra o resultado da etapa única (análise de currículo) poderá fazê-lo até 24 (vinte e quatro horas) contadas a partir da divulgação do resultado, dando entrada na sua solicitação através do preenchendo integralmente de um Requerimento (Anexo IV) próprio e de acordo com as instruções nele constantes A Comissão de Seleção terá até 24 (vinte e quatro horas) contadas a partir do término do prazo de recurso para emitir parecer sobre os recursos impetrados. O resultado final, após recursos, estará disponível no sítio eletrônico do IFPI dia 10/03/ Em hipótese alguma será aceita revisão de recurso ou recurso de recurso. 14 DO GERENCIAMENTO DO CADASTRO DE RESERVA

10 14.1 A classificação para o cadastro reserva não caracteriza obrigatoriedade na contratação imediata do mesmo para a realização das atribuições pelo profissional, no PRONATEC, pois esta última dependerá da demanda O Colaborador que se recusar a desempenhar as atribuições e atividades de PROFESSOR CONTEUDISTA no âmbito da bolsa-formação será eliminado do cadastro pela Coordenação-Geral e não poderá ser reintegrado durante a vigência dos cursos do Programa PRONATEC, objeto deste Edital A qualquer tempo o profissional selecionado poderá solicitar à Coordenação-Geral a exclusão do seu nome do cadastro, mediante termo por escrito. 15 DOS IMPEDIMENTOS 15.1 Conforme 1º, do Art. 9º, da Lei n /2011, as atividades dos servidores ativos no âmbito do PRONATEC não poderão prejudicar a carga horária regular de atuação e o atendimento do plano de metas da Instituição/Campus, não comprometendo a qualidade e o bom andamento das atividades regulares da instituição O candidato afastado para qualificação profissional (especialização, mestrado, doutorado e ou Pós-doutorado) ou em licença (médica, maternidade, prêmio ou previstas em Lei) poderá inscrever-se neste Edital, no entanto, é vedado, caso classificado, exercer a atribuição de PROFESSOR CONTEUDISTA, no PRONATEC durante seu afastamento ou em licença. 16 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 16.1 O presente Edital de Seleção Interna Simplificada será publicado no sítio eletrônico do IFPI:

11 16.2 É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar os resultados e demais publicações referentes a este Edital Os candidatos selecionados serão regidos pela Resolução CD/FNDE nº 04, de 16 de março de A inserção do PROFESSOR CONTEUDISTA selecionado ocorrerá conforme a necessidade de execução do PRONATEC O prazo de vigência do Edital é de 3 (três) meses, podendo ser prorrogável por igual período Dúvidas decorrentes deste Edital de Seleção Interna Simplificada poderão ser direcionadas para a Coordenação Geral do PRONATEC/IFPI, Sala 121-Bloco A, com o título Dúvidas especificando o número do edital A Comissão de Seleção é soberana quanto aos méritos das decisões Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão de Seleção Os documentos apresentados pelos candidatos não homologados, enviados no ato da inscrição no na Coordenação Geral do PRONATEC/IFPI, Sala 121-Bloco A, até 20 (vinte) dias contados a partir do término do período de recurso. Decorrido o prazo, os documentos serão descartados (deletados) Inexatidão das declarações, irregularidades na documentação ou no decorrer do processo, ou posteriormente, eliminarão o candidato, anulando-se todos os atos decorrentes da sua inscrição e contratação (futura).

12 16.11 São de inteira responsabilidade do candidato o fornecimento de informações e a atualização de seu e do endereço residencial durante o processo de seleção, não se responsabilizando o IFPI por eventuais prejuízos que possa sofrer o candidato em decorrência de informações incorretas ou insuficientes O IFPI reserva-se o direito de cancelar, anular ou adiar a seleção por motivo de força maior ou por baixo número de candidatos inscritos, dando ampla divulgação de seus atos e de eventuais providências a serem tomadas pelos candidatos que já tenham efetivado sua inscrição. Teresina (PI), 17 de fevereiro de Prof. MSc. Renato Sérgio Soares Costa Coordenador Geral do Pronatec Prof. Dr. Paulo Henrique Gomes de Lima Reitor

13 ANEXO I - QUADRO DE VAGAS PARA PROFESSOR CONTEUDISTA EDITAL Nº 03/2014/PRONATEC/IFPI CURSO:PADEIRO VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:AUXILIAR DE CONFEITARIA VALOR HORÁRI A DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:CONFEITEIRO VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica.

14 CURSO:PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:OPERADOR NO PROCESSAMENTO DE FRUTAS E HORTALIÇAS VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:AÇOUGUEIRO VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:OPERADOR DE AUDIO VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Graduação em Música ou Graduação em Educação Artística com habilitação em Música.

15 CURSO:SONOPLASTA VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Graduação em Música ou Graduação em Educação Artística com habilitação em Música. CURSO:ASSISTENTE DE PRODUÇÃO CULTURAL VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Graduação em Educação Artística. CURSO:ELETRICISTA DE AUDIO VISUAL VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Tecnólogo em Produção Cênica Tecnólogo em Produção Audiovisual. Graduação em Música. Engenharia Elétrica. Graduação em Educação Artística CURSO:AUXILIAR DE COSTURA VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Bacharelado em Moda e Tecnólogo em Desing de Modas, Graduação em Artes ou em Artes Visuais, Graduação ou Licenciatura em Desenho

16 CURSO: ARTESÃO DE PINTURA EM TECIDO VALOR DA BOLSA (R$) ,00 CR Graduação em Artes ou em Artes Visuais, Graduação ou Licenciatura em Desenho CURSO: ARTESÃO EM BORDADO A MÃO HORÁRI A PÁGINA S VALOR DA BOLSA (R$) PROF ,0 0 CR Graduação em Artes ou em Artes Visuais, Graduação ou Licenciatura em Desenho CURSO:MANICURE E PEDICURE CR Bacharelado em Estética; Bacharelado em Cosmética; Tecnologia em Estética e Cosméticos; Formação Técnica na área em que concorre, com no mínimo 02 (dois) anos de experiência. CURSO: MAQUIADOR CR Bacharelado em Estética; Bacharelado em Cosmética; Tecnologia em Estética e Cosméticos; Formação Técnica na área em que concorre, com no mínimo 02(dois)anos de experiência

17 CURSO:CABELEIREIRO CR Bacharelado em Estética; Bacharelado em Cosmética; Tecnologia em Estética e Cosméticos; Formação Técnica na área em que concorre, com no mínimo 02(dois )anos de experiência CURSO:AGENTE DE GESTÃO EM RESÍDUOS SÓLIDOS CR Graduados em Engenharia Florestal; Engenharia Ambiental, Tecnólogo em Gestão Ambiental; Licenciado em Geografia com especialização em Gestão Ambiental ou Recursos Naturais; Bacharelado em Geografia CURSO:AGENTE DE LIMPEZA URBANA CR Graduados em Engenharia Florestal; Engenharia Ambiental,Tecnólogo em Gestão Ambiental; Licenciado em Geografia com especialização em Gestão Ambiental ou Recursos Naturais; Bacharelado em Geografia CURSO:ESPANHOL APLICADO A SERVIÇOS TURÍSTICOS CR Licenciatura em Letras /Espanhol

18 CURSO:ESPANHOL BÁSICO CR Licenciatura em Letras /Espanhol CURSO:INSPETOR ESCOLAR CR Licenciatura Plena em Pedagogia. CURSO:INGLÊS BÁSICO CR Licenciatura em Letras/ Inglês. CURSO:INGLÊS INTERMEDIÁRIO CR Licenciatura em Letras/ Inglês. CURSO:LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS BÁSICO CR Licenciatura em Libras, Licenciatura em Letras Português com Especialização em Libras, Qualquer graduação com especialização em Libras. CURSO:AUXILIAR DE SECRETARIA ESCOLAR CR Graduado em Administração; Graduado em Pedagogia.

19 CURSO:AUXILIAR DE CRÉDITO E COBRANÇA CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:AUXILIAR ADMINISTRATIVO CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:AUXILIAR DE ARQUIVO CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:ASSISTENTE DE VENDAS CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração ou Contabilidade. CURSO:ATENDENTE JUDICIÁRIO CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração ou Direito.

20 CURSO: OPERADOR DE TELEMARKETING CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:AUXILIAR DE RECURSOS HUMANOS CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:OPERADOR DE CAIXA CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração ou Contabilidade. CURSO:RECEPCIONISTA CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração CURSO:VENDEDOR CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração ou Contabilidade

21 CURSO:AGENTE DE DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA CR Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Gestão Empresarial Graduado em Administração. CURSO:AUXILIAR DE GARÇOM (CUMIM) CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO: GARÇOM CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:SALGADEIRO CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica..

22 CURSO:COZINHEIRO CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:AUXILIAR DE COZINHA CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:PIZZAIOLO CR Bacharel em Nutrição com especialização na área de Alimentos e Bebidas; Gastronomia, Tecnologia em Alimentos, Bacharel em Alimentos, Graduação em Gastronomia ou Nutrição, Engenheiro de Alimentos, Tecnólogo em Economia Doméstica. CURSO:AGENTE DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS CR Bacharel em Turismo, Gestão de Turismo.

23 CURSO:CONDUTOR AMBIENTAL LOCAL CR Bacharel em Turismo, Gestão de Turismo. CURSO:COPEIRO CR Graduação em Hotelaria ou Turismo; Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria CURSO:CAMAREIRA EM MEIOS DE HOSPEDAGEM CR Graduação em Hotelaria ou Turismo; Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria CURSO:RECEPCIONISTA EM MEIOS DE HOSPEDAGEM CR Graduação em Hotelaria ou Turismo;Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria CURSO:CERIMONIALISTA E MESTRE DE CERIMÔNIAS CR Graduação em Hotelaria ou Turismo; Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria

24 CURSO:ORGANIZADOR DE EVENTOS CR Graduação em Hotelaria ou Turismo; Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria CURSO:RECEPCIONISTA DE EVENTOS CR Graduação em Hotelaria ou Turismo; Secretariado Executivo, Tecnólogo em Secretariado, Gestão de Turismo, Bacharel em Turismo e Tecnologia em Hotelaria. CURSO:CAPRINOCULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação, ou Zootecnia ou Veterinária. CURSO:CRIADOR DE PEIXES EM VIVEIROS ESCAVADOS CR Graduação em Biologia; Graduação em Engenharia de Pesca. CURSO:CRIADOR DE PEIXES EM TANQUE REDE CR Graduação em Biologia; Graduação em Engenharia de Pesca

25 CURSO:OVINOCULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação, ou Zootecnia ou Veterinária. CURSO: SUINOCULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação, ou Zootecnia ou Veterinária. CURSO:APICULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação, ou Zootecnia ou Veterinária. CURSO:AVICULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação, ou Zootecnia ou Veterinária. CURSO:PISCICULTOR CR Graduação em Biologia; Graduação em Engenharia de Pesca. CURSO:FRUTICULTOR CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia

26 CURSO:HORTICULTOR ORGÂNICO CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia CURSO:PRODUTOR DE OLÉRICOLAS CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia CURSO:PRODUTOR DE PLANTAS AROMÁTICAS E MEDICINAIS CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia CURSO:AUXILIAR TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia CURSO:AGRICULTOR ORGÂNICO CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia

27 CURSO:AGRICULTOR FAMILIAR CR Engenheiro Agrônomo; Graduação em Agronomia. CURSO:TRATORISTA AGRÍCOLA CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica Engenharia de Mina. CURSO:OPERADOR DE SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica.Engenharia de Mina CURSO:OPERADOR DE MINA CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica. Engenharia de Mina CURSO:OPERADOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica. Engenharia de Mina

28 CURSO:FORRAGICULTOR CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica. Engenharia de Mina CURSO:ALMOXARIFE DE OBRAS CR Graduados em Engenharia Civil; Tecnólogo em Construção de Edifícios CURSO:ENCANADOR INSTALADOR PREDIAL Graduados em Engenharia Civil; Tecnólogo em Construção de Edifícios CURSO:INSTALADOR HIDRÁULICO RESIDENCIAL CR Graduados em Engenharia Civil; Tecnólogo em Construção de Edifícios CURSO:APLICADOR DE REVESTIMENTO CERÂMICO CR Graduados em Engenharia Civil; Tecnólogo em Construção de Edifícios

29 CURSO:FRENTISTA CR Engenheiro de Segurança no Trabalho CURSO:PROGRAMADOR WEB CR Graduado em computação ou ciência da computação ou Engenharia de computação ou Tecnólogo em Processamento de Dados ou Informática ou Sistemas de Informação ou Análise e Desenvolvimento de Sistemas CURSO: CONFECCIONADOR DE BOLSAS EM TECIDO CR Graduação em Engenharia Têxtil ou Graduação emtecnologia em Moda CURSO:COSTUREIRO INDUSTRIAL DE VESTUÁRIO CR Graduação em Engenharia Têxtil ou Graduação em Tecnologia em Moda CURSO:ELETROMECÂNICO DE AUTOMÓVEIS Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica Graduação em Engenharia Elétrica ou Esquema II com habilitação em Eletricidade ou Eletrônica, Tecnólogo em Eletrônica Industrial, Tecnólogo em Sistemas Elétricos

30 CURSO:MECÂNICO DE AUTOMÓVEIS LEVES CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica; Graduação em Engenharia Elétrica ou Esquema II com habilitação em Eletricidade ou Eletrônica, Tecnólogo em Eletrônica Industrial, Tecnólogo em Sistemas Elétricos CURSO:MECÂNICO DE BOMBAS HIDRÁULICAS CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica Graduação em Engenharia Elétrica ou Esquema II com habilitação em Eletricidade ou Eletrônica, Tecnólogo em Eletrônica Industrial, Tecnólogo em Sistemas Elétricos CURSO:MECÂNICO DE MOTOCICLETA CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica Graduação em Engenharia Elétrica ou Esquema II com habilitação em Eletricidade ou Eletrônica, Tecnólogo em Eletrônica Industrial, Tecnólogo em Sistemas Elétricos

31 CURSO:REPARADOR DE ELETRODOMÉSTICO CR Graduação em Engenharia Mecânica ou Esquema I ou II com habilitação em Mecânica Graduação em Engenharia Elétrica ou Esquema II com habilitação em Eletricidade ou Eletrônica, Tecnólogo em Eletrônica Industrial, Tecnólogo em Sistemas Elétricos

32 ANEXO II FICHA DE INSCRIÇÃO EDITAL Nº 03/2014/PRONATEC/IFPI DADOS PESSOAIS (preenchimento obrigatório) Nome: CPF: RG:Data de Emissão: Data Nascimento: Endereço Município: UF: CEP: Telefone Fixo: Celular: DADOS PROFISSIONAIS Instituição: Unidade Lotação:Cidade: Cargo:Função: Nº Matrícula ou Carteira de Trabalho (SIAPE / Matrícula Institucional): Telefone Institucional: pessoal e/ou Institucional: FORMAÇÃO ACADÊMICA (preenchimento obrigatório) Escolaridade Nome do Curso Sigla Instituição Graduação Especialização Mestrado Doutorado

33 CURSO QUE DESEJA CONCORRER (No ato da inscrição, o candidato a PROFESSOR CONTEUDISTA deverá Marcar com um X o curso que deseja concorrer (até duas opções conforme o requisito mínimo). CURSO 01 PADEIRO 02 CONFEITEIRO 03 AUXILIAR DE CONFEITARIA MARCAÇÃO COM UM X 04 PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS 05 OPERADOR DE PROCESSAMENTO DE FRUTAS E HORTALIÇAS 06 AÇOUGUEIRO 07 OPERADOR DE ÁUDIO 08 SONOPLASTA 09 ASSISTENTE DE PRODUÇÃO CULTURAL 10 ELETRICISTA DE AUDIOVISUAL 11 AUXILIAR DE COSTURA 12 ARTESÃO DE PINTURA EM TECIDO 13 ARTESÃO DE BORDADO À MÃO 14 MANICURE E PEDICURE 15 MAQUIADOR 16 CABELEIREIRO 17 AGENTE DE GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS 18 AGENTE DE LIMPEZA URBANA 19 ESPANHOL APLICADO A SERVIÇOS TURÍSTICOS 20 ESPANHOL BÁSICO 21 INSPETOR ESCOLAR 22 INGLÊS BÁSICO 23 INGLÊS INTERMEDIÁRIO 24 LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS-BÁSICO 25 AUXILIAR DE SECRETARIA ESCOLAR 26 AUXILIAR DE ARQUIVO 27 ASSISTENTE DE VENDAS 28 ATENDENTE JUDICIÁRIO 29 OPERADOR DE TELEMARKETING 30 AUXILIAR DE RECURSOS HUMANOS 31 OPERADOR DE CAIXA 32 RECEPCIONISTA 33 VENDEDOR 34 AGENTE DE DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA 35 AUXILIAR DE GARÇOM(CUMIM)

34 36 GARÇOM 37 SALGADEIRO 38 COZINHEIRO 39 PIZZAIOLO 40 AGENTE DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS 41 CONDUTOR AMBIENTAL LOCAL 42 COPEIRO 43 CAMAREIRA EM MEIOS DE HOSPEDAGEM 44 RECEPCIONISTA EM MEIOS DE HOSPEDAGEM 45 CERIMONIALISTA E MESTRE DE CERIMÔNIA 46 ORGANIZADOR DE EVENTOS 47 RECEPCIONISTA DE EVENTOS 48 CAPRINOCULTOR 49 CRIADOR DE PEIXES EM VIVEIROS ESCAVADOS 50 CRIADOR DE PEIXES EM TANQUE REDE 51 OVINOCULTOR 52 SUINOCULTOR 53 APICULTOR 54 AVICULTOR 55 PSICULTOR 56 FRUTICULTOR 57 HORTICULTOR ORGÂNICO 58 PRODUTOR DE OLERÍCOLAS 59 PRODUTOR DE PLANTAS AROMÁTICAS E MEDICINAIS 60 AUXILIAR TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA 61 AGRICULTOR ORGÂNICO 62 AGRICULTOR FAMILIAR 63 TRATORISTA AGRÍCOLA 64 OPERADOR DE SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO 65 OPERADOR DE MINA 66 OPERADOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS 67 FORRAGICULTOR 68 ENCANADOR INSTALADOR PREDIAL 69 INSTALADOR HIDRÁULICO RESIDENCIAL 70 APLICADOR DE REVESTIMENTO CERÂMICO 71 FRENTISTA 72 PROGRAMADOR WEB 73 CONFECIONADOR DE BOLSA EM TECIDO 74 COSTUREIRO INSDUSTRIAL DE VESTUÁRIO 75 ELETROMECÂNICO DE AUTOMÓVEIS

35 76 MECÂNICO DE BOMBAS HIDRÁULICAS 77 MECÂNICO DE MOTOCICLETA 78 MECÂNICO DE AUTOMÓVEIS LEVES 79 REPARADOR DE ELETRODOMÉSTICOS 80 ALMOXARIFE DE OBRAS 81 AUXILIAR ADMINISTRATIVO 82 AUXILIAR DE COZINHA 83 AUXILIAR DE CRÉDITO E COBANÇA

36 ANEXO III CURRICULUM VITAE EDITAL Nº 03/2014/PRONATEC/ IFPI Curriculum Vitae (Preenchimento Obrigatório nesse Modelo) 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1.1 Nome 1.2 Filiação Nome do Pai Nome da Mãe 1.3 Data de Nascimento 1.4 Estado Civil 1.5 Endereço 1.6 Endereço para Correspondência Telefone para contato (DDD) 1.9 Telefone celular para contato (DDD) 1.10 Nº CPF 1.11 Nº RG 1.12 Nº PIS ou PASEP 1.13 Nº Carteira Profissional e Série 1.14 Nº Título Eleitor 1.15 Banco 1.16 Emprego atual (local, endereço) 1.17 Termo de Nomeação e Posse 2 TITULAÇÃO E FORMAÇÃO ACADÊMICA 2.1 Curso(s) de Graduação Instituição 2.2 Curso(s) de Pós-Graduação Instituição

37 2.3 Curso(s) de Aperfeiçoamento/Formação na área de Educação (últimos dois anos) 3 EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 3.1 Tempo de Serviço como servidor público: 3.2 Tempo de Atuação no Bolsa-formação Pronatec e/ou EAD: 3.3 Tempo de serviço na área em que está concorrendo: 3.4 Participação em comissões relacionadas a atividades de ensino, extensão e pesquisa. 3.5 Experiência na elaboração e/ou revisão de materiais didáticos ou trabalhos acadêmicos. 3.6 Titulação (Especialista, Mestre ou Doutor). Teresina, / / Assinatura do Candidato

38 ANEXO IV RECURSO ADMINISTRATIVO EDITAL Nº 03/2014/PRONATEC/ IFPI À Coordenação Geral do PRONATEC Através deste instrumento interponho recurso administrativo contra: ( ) Pontuação de Classificação ( ) Outro Nomedo Candidato: Telefone: ( )., de de Assinatura do Candidato Fundamentação:

39 ANEXO V CRONOGRAMA EDITAL Nº 03/2014/PRONATEC/ IFPI ETAPAS/ATIVIDADES DATA DE REALIZAÇÃO Publicação de Edital 17/02/2014 Período de Inscrições 18/02/2014 a 20/02/2014 Homologação das Inscrições 25/02/2014 Resultado da Análise dos Currículos 06/03/2014 Recurso 07/03/2014 Resultado Final 10/03/2014

EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA Nº 06/2013 CTT/UFPI (REABERTURA)

EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA Nº 06/2013 CTT/UFPI (REABERTURA) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ COLÉGIO TÉCNICO DE TERESINA EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA Nº 06/203 CTT/UFPI (REABERTURA) Teresina (PI), 0 de junho de 203.

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 19, DE 16 DE JULHO DE 2012

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 19, DE 16 DE JULHO DE 2012 1 EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 19, DE 16 DE JULHO DE 22 22/FNDE, A SER REALIZADO NO MUNICÍPIO DE SANTA INÊS. A Direção-Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO MINISTÉRIO EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO RETIFICAÇÃO No Edital Nº03/2014/PRONATEC/IFPI, que torna pública

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 21, DE 08 DE OUTUBRO DE 2012

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 21, DE 08 DE OUTUBRO DE 2012 ATUAÇÃO COMO PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE O Diretor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Buriticupu, no uso de suas atribuições, torna público que

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 17, DE 01 DE OUTUBRO DE 2012

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 17, DE 01 DE OUTUBRO DE 2012 ATUAÇÃO NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E O Diretor Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Buriticupu, no uso de suas atribuições, torna público

Leia mais

Edital n.º 085/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas

Edital n.º 085/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas Edital n.º 085/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas A SECTEC, por meio do Gabinete de Gestão de Capacitação e Formação Tecnológica GGCFT e da Coordenação Geral do Programa

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ Rua Raimundo Firmino de Oliveira, 400 - Ulrich Graff - Mossoró/RN - CEP: 59628-330 Fone:

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA-PRONATEC/BOLSA FORMAÇÃO SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFAL.

PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA-PRONATEC/BOLSA FORMAÇÃO SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFAL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALAGOAS IFAL EDITAL Nº 41/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA-PRONATEC/BOLSA

Leia mais

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Edital n 04/2011 DEAD / IFMA Seleção Simplificada de

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 16, DE 07 DE MAIO DE 2013

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 16, DE 07 DE MAIO DE 2013 O Diretor Pró-Tempore do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Açailândia, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas no período de 07 a 20 de maio de

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014 1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

EDITAL Nº 02/2014 1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SEETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL Nº 02/2014

Leia mais

CHAMADA INTERNA DE EXTENSÃO 004/2013 SELEÇÃO DE SERVIDORES BOLSISTAS PARA O PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO PRONATEC

CHAMADA INTERNA DE EXTENSÃO 004/2013 SELEÇÃO DE SERVIDORES BOLSISTAS PARA O PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO PRONATEC CHAMADA INTERNA DE EXTENSÃO 004/2013 SELEÇÃO DE SERVIDORES BOLSISTAS PARA O PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO PRONATEC O Pró-Reitor de Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

EDITAL Nº 001, 10 de abril de 2013.

EDITAL Nº 001, 10 de abril de 2013. EDITAL Nº 001, 10 de abril de 2013. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES DOCENTES I E PROFESSORES DOCENTES II QUE IRÃO DESENVOLVER ATIVIDADES JUNTO A REDE DE ENSINO DESTA DO MUNICÍPIO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA. EDITAL Nº 08 de 15 DE Dezembro DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS EDITAL DE SELEÇÃO INTERNA CODAI/UFRPE/PRONATEC Nº 002/2016 SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS

Leia mais

EDITAL PROEXT 005/2014 DE 07 DE MARÇO DE 2014

EDITAL PROEXT 005/2014 DE 07 DE MARÇO DE 2014 EDITAL PROEXT 005/2014 DE 07 DE MARÇO DE 2014 SELEÇÃO DE PROFESSORES DE ENSINO SUPERIOR PARA PARTICIPAÇÃO NA FORMAÇÃO CONTINUADA OFERECIDA NO ÂMBITO DO PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO.

Leia mais

EDITAL Nº 17, DE 15 DE OUTUBRO DE 2014

EDITAL Nº 17, DE 15 DE OUTUBRO DE 2014 EDITAL Nº 17, DE 15 DE OUTUBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS QUE ATUARÃO NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC/MEC DA ESCOLA AGRÍCOLA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ EDITAL 07/2014 DG/MO/IFRN

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ EDITAL 07/2014 DG/MO/IFRN MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ Rua Raimundo Firmino de Oliveira, 400 - Ulrich Graff - Mossoró/RN - CEP: 59628-330 Fone:

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CENTRO FORMADOR DE RECURSOS HUMANOS CEFOR/SES-PB. CURSO TÉCNICO SAÚDE BUCAL

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CENTRO FORMADOR DE RECURSOS HUMANOS CEFOR/SES-PB. CURSO TÉCNICO SAÚDE BUCAL ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE EDITAL Nº. 06/2012/SES/CEFOR-PB A Secretaria do Estado da Saúde, através do CEFOR-PB, torna público para conhecimento dos interessados a realização de PROCESSO

Leia mais

EDITAL Nº 018 DE 10 DE AGOSTO DE 2012

EDITAL Nº 018 DE 10 DE AGOSTO DE 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA, TECNICA E TECNOLÓGICA COLÉGIO TÉCNICO INDUSTRIAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 018 DE 10 DE AGOSTO DE 2012 SELEÇÃO

Leia mais

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação Coordenação geral do PRONATEC Programa de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego PRONATEC/IFPR Processo Seletivo Simplificado n.º 12/2015 A Coordenação Geral do

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - REITORIA

EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - REITORIA EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - Dispõe sobre a Chamada Externa Simplificada de Seleção para os encargos de Apoio às Atividades Acadêmicas e Administrativas, Professor/Instrutor de Curso, Supervisor

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PESSOAL Nº 001/2014

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PESSOAL Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE BOA SAÚDE SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO CNPJ: 08.142.655/0001-06 Fone/Fax: 3256-2226 www.boasaude.rn.gov.br End. Rua Manoel Joaquim de

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 - TELESSAÚDE-ES/Ifes PROCESSO SELETIVO EQUIPE MULTIDISCIPLINAR

EDITAL Nº 01/2015 - TELESSAÚDE-ES/Ifes PROCESSO SELETIVO EQUIPE MULTIDISCIPLINAR EDITAL Nº 01/2015 - TELESSAÚDE-ES/Ifes PROCESSO SELETIVO EQUIPE MULTIDISCIPLINAR O Diretor Geral do Campus Vitória do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes), no uso

Leia mais

3. REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO PROCESSO SELETIVO

3. REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 042/2012 - PROEX/IFMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO INTERNO PARA TRADUTOR E INTÉRPRETE DA LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS) PARA ATUAR NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CÂMPUS SÃO GONÇALO DO AMARANTE EDITAL Nº 04/2013 SELEÇÃO

Leia mais

Ter experiência mínima de 1 (um) ano no magistério (exercer ou ter exercido a profissão no Ensino Fundamental, Ensino Médio ou Superior)*.

Ter experiência mínima de 1 (um) ano no magistério (exercer ou ter exercido a profissão no Ensino Fundamental, Ensino Médio ou Superior)*. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL Campus Rio Grande REDE ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL (e-tec BRASIL) EDITAL Nº 01, DE 13 DE AGOSTO DE 2014

Leia mais

EDITAL Nº003/2014 DIRETORIA DE EXTENSÃO IF SUDESTE MG CÂMPUS RIO POMBA

EDITAL Nº003/2014 DIRETORIA DE EXTENSÃO IF SUDESTE MG CÂMPUS RIO POMBA EDITAL Nº003/204 DIRETORIA DE EXTENSÃO IF SUDESTE MG CÂMPUS RIO POMBA Dispõe sobre o Processo de Seleção Simplificada com vistas à seleção de bolsistas para atuarem na ação do Programa Bolsa-formação do

Leia mais

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES EDITAL Nº 008/2016 - DEAD/IFRR, DE 15 DE ABRIL DE 2016. ESTABELECE NORMAS DO PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES PARA O CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS ESPANHOL E LITERATURA HISPANICA- EAD DO PROGRAMA UNIVERSIDADE

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROGRAMA DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL Nº 018/2012 CAMPUS JIPARANÁ

Leia mais

SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE PROFISSIONAIS PARA ATUAREM COMO PROFESSORES DOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC

SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE PROFISSIONAIS PARA ATUAREM COMO PROFESSORES DOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE PROFISSIONAIS PARA ATUAREM COMO PROFESSORES DOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA

Leia mais

a) Ser professor e/ou técnico administrativo ativo ou inativo do IFAL, para os cursos FIC.

a) Ser professor e/ou técnico administrativo ativo ou inativo do IFAL, para os cursos FIC. EDITAL Nº 02 /22 DE 10 DE ABRIL DE 22 PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA /INTERNO BOLSISTA PRONATEC CURSOS FIC FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA O Reitor do IFAL, no uso de suas atribuições, e considerando

Leia mais

Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013

Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013 Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO PRONATEC O Diretor Geral do (IFPE) -

Leia mais

Formação de nível médio ou superior. Experiência mínima de 1 (um) ano no magistério básico, técnico ou superior.

Formação de nível médio ou superior. Experiência mínima de 1 (um) ano no magistério básico, técnico ou superior. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL Campus Rio Grande REDE ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL (e-tec BRASIL) EDITAL Nº 01, DE 29 DE JANEIRO DE 2014

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 67, DE 10 DE JULHO DE 2013

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 67, DE 10 DE JULHO DE 2013 O Diretor Pró-Tempore do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Caxias, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas no período de 10/07/2013 a 25/07/2013

Leia mais

EDITAL Nº 002/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG

EDITAL Nº 002/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL Nº 002/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG PROCESSO

Leia mais

EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013

EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013 EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO O Diretor Geral do Instituto Federal

Leia mais

EDITAL Nº 004/2013. 1.4- As funções públicas deverão ser tão somente as vinculadas ao impedimento de titular.

EDITAL Nº 004/2013. 1.4- As funções públicas deverão ser tão somente as vinculadas ao impedimento de titular. EDITAL Nº 004/2013 O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS PÚBLICOS E O SECRETARIO MUNICIPAL DE SÁUDE, no uso de suas atribuições legais e com base nos dispositivos de leis municipais vigentes,

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ

PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ O Diretor Geral do Campus JI-PARANÁ, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia IFRO, no uso de

Leia mais

O perfil do tutor deverá estar de acordo com os seguintes quadros de distribuição de vagas.

O perfil do tutor deverá estar de acordo com os seguintes quadros de distribuição de vagas. EDITAL DE PROCESSO SELETIVO - CEAD Nº01/2014 Seleção Simplificada de Tutores Presenciais modalidade Educação a Distância Programa Universidade Aberta do Brasil UAB 2014 Seleção Simplificada de Tutores

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 016/2015 UNEMAT

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 016/2015 UNEMAT PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 016/2015 UNEMAT A, no uso de suas atribuições legais e em cumprimento das normas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE GOIÁS REITORIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE GOIÁS REITORIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE GOIÁS REITORIA EDITAL PARA A SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS PARA OS CURSOS TÉCNICOS DO PROGRAMA E-TEC BRASIL

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Centro de Educação Superior a Distância. E D I T A L Nº 24/2014, de 04 de outubro de 2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Centro de Educação Superior a Distância. E D I T A L Nº 24/2014, de 04 de outubro de 2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Centro de Educação Superior a Distância E D I T A L Nº 24/2014, de 04 de outubro de 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA SELEÇÃO DE TUTORES A DISTÂNCIA O CENTRO DE EDUCAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 016/2013 DG/IF SUDESTE MG

EDITAL Nº 016/2013 DG/IF SUDESTE MG EDITAL Nº 016/2013 DG/IF SUDESTE MG Dispõe sobre o Processo de Seleção para os encargos de Apoio Acadêmico e Administrativo e para formação de cadastro reserva para atuarem no Programa Bolsa-formação do

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÓGICA DO PIAUÍ DIRETORIA DO CENTRO DE REFERÊNCIA EM FORMAÇÃO E EaD

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÓGICA DO PIAUÍ DIRETORIA DO CENTRO DE REFERÊNCIA EM FORMAÇÃO E EaD MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÓGICA DO PIAUÍ DIRETORIA DO CENTRO DE REFERÊNCIA EM FORMAÇÃO E EaD EDITAL Nº 110/2014, de 24 de novembro de 2014. SELEÇÃO DE PROFESSORES-PESQUISADORES

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 057/2014 UNEMAT

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 057/2014 UNEMAT PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 057/2014 UNEMAT A, no uso de suas atribuições legais e em cumprimento das normas

Leia mais

EDITAL SELEÇÃO PARA TUTORES A DISTÂNCIA PARA OS CURSOS DE NÍVEL MÉDIO, SUBSEQUENTE, NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD DO PROFUNCIONÁRIO

EDITAL SELEÇÃO PARA TUTORES A DISTÂNCIA PARA OS CURSOS DE NÍVEL MÉDIO, SUBSEQUENTE, NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD DO PROFUNCIONÁRIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA - SETEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DIRETORIA DE ENSINO A DISTÂNCIA EDITAL

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE APARECIDA Estância Turístico Religiosa

PREFEITURA MUNICIPAL DE APARECIDA Estância Turístico Religiosa PREFEITURA MUNICIPAL DE APARECIDA Estância Turístico Religiosa Rua Prof. José Borges Ribeiro, 167 Aparecida/SP CEP: 12.570-000 Tel.: (12) 3104.4000 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2012 Processo

Leia mais

EDUCAÇÃO POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL

EDUCAÇÃO POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS CÂMPUS DE MIRACEMA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL Av. Lourdes Solino s/nº Setor Universitário 77650-000 Miracema do Tocantins/TO

Leia mais

EDITAL Nº 2 de 15 de dezembro de 2015

EDITAL Nº 2 de 15 de dezembro de 2015 EDITAL Nº 2 de 15 de dezembro de 2015 O SUPERINTENDENTE da Fundação Pró-IFF, no uso de suas atribuições legais, faz saber que estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado, por tempo

Leia mais

EDITAL Nº 006/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG

EDITAL Nº 006/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL Nº 006/2013 PROEX/BF/PRONATEC/IFG PROCESSO

Leia mais

EDITAL nº 04/2016 - CEAD/UFPI

EDITAL nº 04/2016 - CEAD/UFPI 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA CEAD Universidade Aberta do Brasil UAB/UFPI Rua Olavo Bilac, 1148 Centro Sul CEP 64001-280 Teresina PI Site:

Leia mais

EDITAL Nº 01/2010 - etec TORNA PÚBLICO

EDITAL Nº 01/2010 - etec TORNA PÚBLICO EDITAL Nº 01/2010 - etec A Diretoria de Graduação e Educação Profissional, através do Departamento de Ensino de Tecnologia e da Coordenação de Tecnologias na Educação do da, no uso das suas atribuições,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA DIREÇÃO GERAL - CAMPUS BOA VISTA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA-NEAD

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA DIREÇÃO GERAL - CAMPUS BOA VISTA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA-NEAD EDITAL Nº 008/2015 - NEAD/IFRR, DE 20 DE ABRIL DE 2015. ESTABELECE NORMAS DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROFESSORES PARA OS CURSOS TÉCNICOS EM ALIMENTAÇÃO ESCOLAR, INFRAESTRUTURA ESCOLAR, SECRETARIA ESCOLAR

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP Comissão do Processo Seleção Simplificado

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP Comissão do Processo Seleção Simplificado EDITAL Nº 0001/2015 CPSS/IFAP PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO DE TUTORES PRESENCIAIS E TUTORES A DISTÂNCIA / PROGRAMA PROFUNCIONÁRIO E CURSOS TÉCNICOS NA FORMA SUBSEQUENTE / REDE E-TEC BRASIL CÂMPUS/POLOS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ - REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ - REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL EDITAL Nº 003/2013 DEaD/UNIFAP PROCESSO SELETIVO PARA TUTOR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO EM SAÚDE A Pró-Reitoria de Ensino e Graduação PROGRAD, através do Departamento de Educação à Distância,

Leia mais

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES SERVIÇO PÚBLICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA GERAL DO CAMPUS MANAUS CENTRO COORDENAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD. Edital nº 02/2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD. Edital nº 02/2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD Edital nº 02/2016 EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PROVIMENTO DAS VAGAS EXISTENTES E PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA

Leia mais

O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA

O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA EDITAL nº. 014/2015 Estabelece as normas do Processo Seletivo ao provimento de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Planejamento e Gestão de Empreendimentos e Destinos Turísticos Sustentáveis,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DO IFPR CAMPUS PITANGA

EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DO IFPR CAMPUS PITANGA EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DO IFPR CAMPUS PITANGA O INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ IFPR, no uso de suas atribuições, torna público o presente Edital com normas que regem o Processo simplificado

Leia mais

EDITAL NEAD/UESPI/UAB Nº 001/2011

EDITAL NEAD/UESPI/UAB Nº 001/2011 GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ - UESPI NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - NEAD EDITAL NEAD/UESPI/UAB Nº 001/2011 A Diretora Geral do Núcleo

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROGRAMA DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL Nº 008/2013 - IFRO EDITAL

Leia mais

EDITAL Nº 07/2014 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

EDITAL Nº 07/2014 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL EDITAL Nº 07/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

Leia mais

EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014

EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014 EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014 EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS DE APOIO ÀS ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS QUE SEJAM SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DA REDE FEDERAL QUE

Leia mais

Processo de Seleção de Tutores para o Curso de Especialização em Mídia na Educação, na modalidade a Distância

Processo de Seleção de Tutores para o Curso de Especialização em Mídia na Educação, na modalidade a Distância MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL- REI SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DECRETO 5.800/2006 Res. 012/2008 CONSU, modificado pela Res. 022/11

Leia mais

Proposta de demanda 2013/2014 - PRONATEC/BSM

Proposta de demanda 2013/2014 - PRONATEC/BSM ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DO GUAMARÉ SECRETARIA MUNICIPAL ASSISTÊNCIA SOCIAL. Rua Nicolau Vieira de Melo, nº, Bairro: Centro CEP: 9.9-000. CNPJ: 0../000- Proposta de demanda 0/0

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORIA A DISTÂNCIA EM GEOGRAFIA O CENTRO DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VINHEDO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDITAL SEDUC Nº 06/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE VINHEDO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDITAL SEDUC Nº 06/2015 EDITAL SEDUC Nº 06/2015 Dispõe sobre as regras do Processo Público Seletivo Simplificado para a contratação, por prazo determinado, de Professores Substitutos, de Básica I e II; e Especial A PREFEITURA

Leia mais

Edital Externo nº 002/2014 SELEÇÃO SIMPLIFICADA INTERNA DE PROFESSORES DO PRONATEC

Edital Externo nº 002/2014 SELEÇÃO SIMPLIFICADA INTERNA DE PROFESSORES DO PRONATEC Edital Externo nº 002/2014 SELEÇÃO SIMPLIFICADA INTERNA DE PROFESSORES DO PRONATEC PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS, NA MODALIDADE DOCENTE PARA ATUAREM NO PROGRAMA NACIONAL DE

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COLÉGIO AGRÍCOLA DOM AGOSTINHO IKAS EDITAL DE SELEÇÃO INTERNA CODAI/UFRPE/PRONATEC Nº 003/2015 SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO CODAI/UFRPE PARA FORMAÇÃO DE

Leia mais

EDITAL Nº 48/2015 EAD/IFRO PROGRAMA REDE E-TEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CAMPUS

EDITAL Nº 48/2015 EAD/IFRO PROGRAMA REDE E-TEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CAMPUS 1 EDITAL Nº 48/2015 EAD/IFRO PROGRAMA REDE E-TEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CAMPUS PORTO VELHO ZONA NORTE PROCESSO SELETIVO DE TUTOR A PRESENCIAL O Diretor-Geral do

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 25, DE 29 DE AGOSTO DE 2013

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 25, DE 29 DE AGOSTO DE 2013 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO IFMA EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 25, DE 29 DE AGOSTO DE 13 SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFMA PARA ATUAREM

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EDITAL 006/2016 CHAMADA PÚBLICA PARA INGRESSO DE VAGAS DESTINADAS

Leia mais

Edital n.º 100/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas

Edital n.º 100/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas Edital n.º 100/2013 PRONATEC Bolsa Formação Processo Seletivo Simplificado de Bolsistas A Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia SECTEC, por meio do Gabinete de Gestão de Capacitação e Formação Tecnológica

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 42/2014 PROFESSORES ACT

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 42/2014 PROFESSORES ACT EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 42/2014 PROFESSORES ACT Terezinha Fávaro da Silveira, Secretária Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais e considerando o artigo 36 da Lei Municipal N. º

Leia mais

EDITAL Nº 28/2013 CÂMPUS ARIQUEMES EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA BOLSA-FORMAÇÃO ESTUDANTE/PRONATEC TRADUTOR E INTÉRPRETE DE LIBRAS

EDITAL Nº 28/2013 CÂMPUS ARIQUEMES EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA BOLSA-FORMAÇÃO ESTUDANTE/PRONATEC TRADUTOR E INTÉRPRETE DE LIBRAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO- PRONATEC

Leia mais

EDITAL Nº 16/2012 PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGA DE PROFESSOR SUBSTITUTO POR PRAZO DETERMINADO

EDITAL Nº 16/2012 PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGA DE PROFESSOR SUBSTITUTO POR PRAZO DETERMINADO Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha Campus Santo Augusto EDITAL Nº 16/2012 PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO

Leia mais

SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA TUTOR A DISTÂNCIA NOS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQÜENTES NA MODALIDADE A DISTÂNCIA

SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA TUTOR A DISTÂNCIA NOS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQÜENTES NA MODALIDADE A DISTÂNCIA EDITAL Nº. 025/20-PROEN/IFRN SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA TUTOR A DISTÂNCIA NOS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQÜENTES NA MODALIDADE A DISTÂNCIA A Pró-Reitora de Ensino do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

EDITAL Nº 95, DE 09 DE NOVEMBRO DE 2012

EDITAL Nº 95, DE 09 DE NOVEMBRO DE 2012 MINISÉRIO DA EDUCAÇÃO SECREARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E ECNOLÓGICA INSIUO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E ECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REIORIA DE EXENSÃO EDIAL Nº 95, DE 09 DE NOVEMBRO DE 22 PROCESSO

Leia mais

COLÉGIO PEDRO II DIREÇÃO GERAL DIRETORIA DE EXTENSÃO E CULTURA PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO

COLÉGIO PEDRO II DIREÇÃO GERAL DIRETORIA DE EXTENSÃO E CULTURA PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO COLÉGIO PEDRO II DIREÇÃO GERAL DIRETORIA DE EXTENSÃO E CULTURA PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO EDITAL Nº 01 DE 23 DE JULHO DE 2012 DEC (Errata e Complemento) EDITAL INSTITUCIONAL

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE URAÍ

PREFEITURA MUNICIPAL DE URAÍ EDITAL 001/2015 O Prefeito do Município de Uraí-Pr, Sérgio Henrique Pitão, no uso de suas atribuições legais, e a Comissão Examinadora nomeada pela Portaria Municipal n.º 053/2015, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO DE SELEÇÃO

EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO DE SELEÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO (LATO SENSU) MBA EM AGRONEGÓCIO EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO DE SELEÇÃO A Fundação Universidade

Leia mais

Manual do Candidato. Curso de Especialização Técnica em Gestão de Pessoas. IFES - Guarapari. Processo Seletivo 40 2012

Manual do Candidato. Curso de Especialização Técnica em Gestão de Pessoas. IFES - Guarapari. Processo Seletivo 40 2012 Manual do Candidato Processo Seletivo 40 2012 Curso de Especialização Técnica em Gestão de Pessoas IFES - Guarapari O CRONOGRAMA DO PROCESSO SELETIVO ATIVIDADE DATA HORÁRIO LOCAL Publicação do Edital 25/07/2012

Leia mais

EDITAL Nº 06/2015-PROEN/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA 1º SEMESTRE DE 2015

EDITAL Nº 06/2015-PROEN/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA 1º SEMESTRE DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ENSINO COORDENAÇÃO DE ACESSO DISCENTE

Leia mais

EDITAL UFPB/CI/CLCD 005 / 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTOR PRESENCIAL DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO A DISTÂNCIA

EDITAL UFPB/CI/CLCD 005 / 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTOR PRESENCIAL DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO A DISTÂNCIA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA UNIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA UFPBVIRTUAL CENTRO DE INFORMÁTICA COORDENAÇÃO DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO A DISTÂNCIA EDITAL UFPB/CI/CLCD 005 / 2013 PROCESSO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARANGUAPE SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTES POR TEMPO DETERMINADO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARANGUAPE SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTES POR TEMPO DETERMINADO PREFEITURA MUNICIPAL DE MARANGUAPE SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTES POR TEMPO DETERMINADO O Secretário da Educação do Município de Maranguape, JOSÉ

Leia mais

EDITAL Nº 086/2015 Referente ao Aviso Nº 048/2015, publicado no D.O.E. de 10.07.2015.

EDITAL Nº 086/2015 Referente ao Aviso Nº 048/2015, publicado no D.O.E. de 10.07.2015. EDITAL Nº 086/2015 Referente ao Aviso Nº 048/2015, publicado no D.O.E. de 10.07.2015. O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, na forma do disposto

Leia mais

A DIRETORIA, no uso de suas atribuições legais e estatutárias e por deliberação de seus membros,

A DIRETORIA, no uso de suas atribuições legais e estatutárias e por deliberação de seus membros, NORMAS PARA SELEÇÃO SIMPLIFICADA DOS OBJETIVANDO À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA E CONSTITUIÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR, MÉDIO E FUNDAMENTAL PARA O INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

1.2 O Processo Seletivo será realizado pelo Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, conforme as normas deste edital.

1.2 O Processo Seletivo será realizado pelo Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, conforme as normas deste edital. EDITAL Nº. 15/2010 PROCESSO SELETIVO DE TUTOR A DISTÂNCIA PARA OS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQUENTES NA MODALIDADE A DISTÂNCIA e-tec- ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009

EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009 EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas, em parceria com os municípios participantes do Programa Escola Técnica Aberta do Brasil

Leia mais

EDITAL Nº 32/2015 CEAD/UFPI

EDITAL Nº 32/2015 CEAD/UFPI MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA CEAD UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB/UFPI Rua Olavo Bilac, 1148 Centro Sul CEP 64001-280 Teresina PI Fone:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 26/2014, de 06 de novembro de 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 26/2014, de 06 de novembro de 2014. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA E D I T A L Nº 26/2014, de 06 de novembro de 2014. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORIA A DISTÂNCIA O CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PEDAGOGIA EDITAL 10/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTOR PRESENCIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PEDAGOGIA EDITAL 10/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTOR PRESENCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PEDAGOGIA EDITAL 10/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTOR PRESENCIAL O Centro de Apoio à Educação a Distância da Universidade Federal

Leia mais

EDITAL SELEÇÃO PARA TUTORES PRESENCIAIS PARA OS CURSOS DE NÍVEL MÉDIO, SUBSEQUENTE, NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTANCIA EAD DA REDE E-TEC BRASIL

EDITAL SELEÇÃO PARA TUTORES PRESENCIAIS PARA OS CURSOS DE NÍVEL MÉDIO, SUBSEQUENTE, NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTANCIA EAD DA REDE E-TEC BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA - SETEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DIRETORIA DE ENSINO A DISTÂNCIA EDITAL

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014

CHAMADA PÚBLICA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014 CHAMADA PÚBLICA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014 O PREFEITO DE ANÁPOLIS, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas as inscrições para o Processo Seletivo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÚJOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÚJOS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006 / 2015 ASSISTENTE EDUCACIONAL Processo Seletivo Simplificado de Provas Objetivas para provimento de vagas remanescentes em cargos não preenchidos pelo Concurso

Leia mais

Prefeitura Municipal de Palmas Secretaria Municipal da Educação Diretoria do Ensino Fundamental

Prefeitura Municipal de Palmas Secretaria Municipal da Educação Diretoria do Ensino Fundamental ABERTURA Prefeitura Municipal de Palmas Secretaria Municipal da Educação Diretoria do Ensino Fundamental EDITAL N. 003/2013 do Processo de seleção para Alfabetizadores do Programa Brasil Alfabetizado/Palmas

Leia mais

Escola Técnica Municipal de Sete Lagoas

Escola Técnica Municipal de Sete Lagoas Escola Técnica Municipal de Sete Lagoas Autorização de Funcionamento: Portaria nº 287/80-MG - 04/07/1980 CNPJ: 20.491.718/0002-16 Inscrição Estadual: Isenta EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015

PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015 Abre as inscrições para PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Centro de Educação Superior a Distância. E D I T A L Nº010/2014, de 18 Fevereiro de 2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Centro de Educação Superior a Distância. E D I T A L Nº010/2014, de 18 Fevereiro de 2014 E D I T A L Nº010/2014, de 18 Fevereiro de 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA SELEÇÃO DE TUTORES A DISTÂNCIA O CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE no uso de

Leia mais