PLANO DE ENSINO EMENTA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE ENSINO EMENTA"

Transcrição

1 Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Medicina Legal Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO EMENTA Aumento da cultura médico-legal. A medicina legal. A perícia médico-legal. A documentação médico-legal. O auto de corpo de delito. Deontologia médica. Indentidade e Identificação. O sangue em medicina legal. Aplicações forenses do estudo do sangue. Acidentes de trabalho. Traumatologia geral. Tanatologia geral. Casamento. Sexologia forense Conjunção carnal e atos libidinosos. Obstetrícia forense. Toxicologia forense. Psicopatologia forense. Patologia mental. Energias de ordem física química, bioquímica, biodinâmica e mista. Alcoolismo e embriaguez. Dterminação pericial da idade, exame de verificação da idade, importância médica e jurídica. Criminologia. Criminalística. Acidentes de trânsito. Lesões mortais. Lei 6.368/76 sobre entorpecentes. Temas médico-legais. Bioética. Biodireito. Balística Forense. Legislação sobre Perícias médicas. Nova Lei Anti-Drogas. Exame complementar. Temas livres de medicina forense. OBJETIVOS DA DISCIPLINA NO CURSO - Fiscalização de perícias(vivo e morto) e exames complementares; - Preenchimento correto do atestado de óbito; - Familiarização com equipamentos e técnicas modernas de laboratório; - Noções de Legislação do Código de Ética Médica; - Noções de Legislação Médica Brasileira; - Uso do CID; - Formulação de Quesitos Oficiais, complementares e suas respectivas aplicações na prática forense. - Desenvolvimento do raciocínio médico-legal para estudo, solução e ou encaminhamento correto à solução de diversos problemas da área médico-forense. UNIDADES DIDÁTICAS TEÓRICO-PRÁTICO: Projeção de Slides coloridos e preto e branco sobre todos os capítulos. Filmes (coloridos) sobre necrópsias e exumações de interesse judiciário. PRÁTICA: 1 - Exercícios e discussões sobre casos concretos (relacionados com a teoria); 2 - Necroscópias ( anátomo-patológicas e médico-legais); necroscópias após exumações; 3 - O laboratório em Medicina Legal (Técnica de Laboratório Médico-Legal);

2 4 - Exames complementares (Laboratório e clínica); 5 - Conservação de cadáveres (Embalsamamento e congelamento ); 6 - Visita ao moderno Instituto Médico-Legal (Museu de Peças Anatômicas - Morte Violenta - Necrotério e Laboratório de Toxicologia e Química - Legal e Patologia). 7 - Visita aos Museus de Anatomia Patológica da Faculdade de Medicina da UFMG (Peças Anatômicas - Mortes naturais) e Medicina Legal (Peças anatômicas - Mortes violentas). 8 - Visita a Delegacia Especializada de Crimes contra a Mulher (Sexologia Forense). 9 - Visita ao moderno Instituto de criminalística (familiarização com sofisticados equipamentos de laboratório na investigação criminal). METODOLOGIA A disciplina é apresentada primordialmente através de aulas expositivas, nas quais se incentiva a participação do corpo discente, sempre estimulando o debate de posicionamentos doutrinários e jurisprudenciais. Existe a possibilidade de apresentação de temas pelos alunos, assim como a uso de outras formas de mídia, como apresentação de vídeos, para melhor apreensão da realidade atualmente vivenciada pelas crianças e adolescentes desse país. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A avaliação de aprendizagem é efetuada por meio de exames dissertativos e objetivos, bem como pela participação do aluno em sala de aula no enriquecimento dos debates. Poderá haver a apresentação de trabalhos realizados pelos alunos, de forma escrita ou oral, sobre temas que envolvem direitos e deveres das crianças e dos adolescentes. AULAS Nº 01/02 03/04 05/06 07/08 09/10 CONTEÚDO Unidade I - A MEDICINA LEGAL: Generalidades - Situação - Conceito - Denominações - Definições - Fins - Divisão - Importância - Métodos - Relações - Revisão histórica - Evolução da Medicina Legal no Brasil - Posição atual da disciplina no país - Mestres de ontem e de hoje - Literatura Médico-Legal. Unidade II- A PERÍCIA MÉDICO-LEGAL: Generalidades - Conceito - Importância e necessidade - Conhecimentos necessários ao Juiz, ao Ministério Público, ao Advogado - Peritos - Proposição de quesitos - Quesitos oficiais. Unidade III- A DOCUMENTAÇÃO MÉDICO-LEGAL: Documentos médicos-legais - Atestados Consultas - Pareceres - Relatórios em Geral - Laudos Periciais - Perícia contraditória - Fiscalização da Perícia -Laudos irregulares - Credibilidade da Perícia. Unidade IV- O AUTO DE CORPO DE DELITO: Considerações gerais - As provas. Eventualidades mais rotineiras para a realização do auto de corpo de delito - Aspectos médicos e aspectos jurídicos - Partes de que se compõe - Sua realização - Autoridades que o podem determinar Nomeação e notificação dos peritos. Unidade V- DEONTOLOGIA MÉDICA: Considerações preliminares - Deontologia

3 11/12 13/14 15/16 17/18 19/20 21/22 23/24 25/26 27/28 29/30 médica propriamente dita - Diceologia - Jurisprudência Médica - A responsabilidade do médico - O segredo profissional médico-honorários médicos - curandeirismo e charlatanismo - O Código de Ética Médica. Unidade VI- IDENTIDADE E IDENTIFICAÇÃO: Conceitos - Breve História - Identificação médico-legal - Identificação judiciária - Identificação de pessoas vivas - Identificação de cadáveres - Identificação de esqueletos - Identificação de restos - Organização de serviços de Identificação. Unidade VII - O SANGUE EM MEDICINA LEGAL: Estudo do sangue - Composição do sangue - Manchas de sangue - Diagnóstico genérico do sangue - Diagnóstico específico - Diagnóstico regional - Diagnóstico individual - Os grupos sanguíneos. Unidade VIII - APLICAÇÕES FORENSES DO ESTUDO DO SANGUE: Aplicações no crime - Aplicações no Cível - Investigação de paternidade - Tipos sanguíneos M, N e MN - Fatores Rh - Outros fatores - Diagnóstico do sexo dúbio - Outras aplicações. Unidade IX - ACIDENTES DE TRABALHO: A importância do Estudo - Conceitos gerais - Origem da Legislação Moderna - Lesões corporais acidentais - Os elementos do acidente do trabalho - A lesão corporal, perturbação funcional, doença profissional ou do trabalho - O nexo etiológico entre a lesão e o trabalho - O risco - A prova do nexo etiológico - Suspensão ou limitação da capacidade para o trabalho - As prestações ou benefícios da Lei de Seguro de Acidentes do Trabalho - A simulação e os acidentes do trabalho - Prevenção dos Acidentes do Trabalho - Reabilitação profissional. Unidade X- TRAUMATOLOGIA GERAL: Ferimentos - Conceito - Definição - Classificação - Descrição - Problemas médicos-legais dos ferimentos - Vias de fato - Lesões corporais - Avaliação da gravidade das lesões corporais pelo critério do Código Penal Brasileiro - A perícia das Lesões Corporais. Unidade XI- TANATOLOGIA FORENSE: Generalidades - Legislação sobre a morte e destino dos cadáveres - Doutrina - Perícia - Morte Aparente - Morte Real - Diagnóstico da realidade da morte - Determinação da data da morte (cronotanatognose) Morte natural (com e sem assistência médica) - Morte súbita - Morte agônica - Sobrevivência - Comoriência - Necrópsia e exame cadavérico - Diagnose diferencial entre as lesões produzidas em vida e depois da morte - Exumação e Necrópsia. Unidade XII- a) CASAMENTO: Preliminares - Casamento - Exame pré-nupcial - Impedimentos matrimoniais - Dissolução do vínculo - Separação judicial - Divórcio. b) SEXOLOGIA FORENSE - CONJUNÇÃO CARNAL E ATOS LIBIDINOSOS: Os crimes contra os costumes - Conceitos - Elementos dos crimes - A Perícia - Conclusões e Quesitos. Unidade XIII - OBSTETRÍCIA FORENSE: Gravidez - Parto - Puerpério - Aborto - Infanticídio - Reações biológicas - Docimásias. 1ª Avaliação

4 31/32 33/34 35/36 37/38 39/40 41/42 43/44 45/46 Unidade XIV - TOXICOLOGIA FORENSE: Estudo dos venenos e dos cáusticos - Perícia - Alcoolismo agudo e crônico - Toxicomanias - Diagnóstico pericial. Unidade XV - PSICOPATOLOGIA FORENSE: 1. Generalidades - Divisão e definição Conceitos - Capacidade civil - Responsabilidade penal - Legislação - Limites e modificadores da capacidade civil e da responsabilidade penal. 2. Emoções e paixões - Confissão -Testamentos -Testemunho - Perícia e provas periciais retrospectivas. Unidade XVI - PATOLOGIA MENTAL: a) As doenças mentais: Conceito - Etiologia - Classificação - Diagnóstico- Aplicações Forenses. b) As oligofrenias: Conceito - Etiologia - Classificação - Diagnóstico - Psicometria - Testes verbais e de execução - A observação da conduta - Idade mental e quociente de inteligência - Avaliação jurídica - Inteligência e crime. c) As doenças mentais em espécie: As psicoses - As neuroses - As personalidades Psicopáticas Simulação - Simulação e Dissimulação de loucura - Perícia psiquiátrica. Unidade XVII- ENERGIAS DE ORDEM FÍSICA - QUÍMICA BIODINÂMICA E MISTA. Unidade XVIII-ALCOOLISMO E EMBRIAGUEZ: Intoxicação alcóolica - Importância criminógena do alcoolismo - Formas judiciárias e médicos-legais - Prejuízos econômicos - Causas do alcoolismo As bebidas alcóolicas - Toxicologia - Fisiopatologia -Diagnóstico médico-legal do alcoolismo- Pesquisas Toxicológicas - O Diagnóstico bioquímico da embriaguez - Dosagem do álcool no sangue - Profilaxia e luta contra o alcoolismo Problemas -médico-legais do alcoolismo e substituição de efeitos análogos. Unidade XIX - DETERMINAÇÃO PERICIAL DA IDADE. EXAME DE VERIFICAÇÃO DA IDADE, IMPORTÂNCIA MÉDICA E JURÍDICA: 1. Fundamentos da determinação pericial da idade: a) variação individual. b) valor estatístico. c) evolução e involução. 2. Dados objetivos: a) estatura e peso. b) pele. c) dentes. d) ossificação. e) fenômenos pubertários. f) arco senil. 3. Dados usuais da perícia. a). Idade de interesse jurídico. b). Interesse médico-legal. c). Sugestões para leituras. Unidade XX- CRIMINOLOGIA: A ciência criminológica - A base biológica da criminalidade - A base sociológica da criminalidade - Discussão e orientação atual - Classificação de criminosos - Delinquência juvenil - Prognóstico - Profilaxia e tratamento. Unidade XXI - CRIMINALÍSTICA: Locais - Indícios - Definições - Investigação de delitos - Métodos gerais - Generalidades sobre locais - Preservação e Estudo dos indícios O registro do local - Reconstituição do fato - Colheita de material para exame - Exames vários - Exames no laboratório - Exames por especialistas. Unidade XXII- ACIDENTES DE TRÂNSITO: Aspectos médico-jurídico e criminológico. Unidade XXIII-LESÕES MORTAIS: Conceito - Homicídio (os métodos empregados e problemas médico-legais) - Suicídio (os métodos empregados e problemas médicolegais) Eutanásia(doutrina, legislação e direito comparado). Unidade XXIV-LEI 6368/76 SOBRE ENTORPECENTES: Roteiro do processo - Definições - Generalidades - Capítulo I (da prevenção) - Capítulo II (tratamento e

5 47/48 49/50 51/52 53/54 55/56 57/58 59/60 61/ / /80 recuperação) - Capítulo III (dos crimes e das penas) - Capítulo IV (do procedimento criminal) - Capítulo V (disposições gerais) - Comentário crítico sobre a lei. Unidade XXV - TEMAS MÉDICO-LEGAIS: 1.Epilepsia (aspectos médico-legais) 2.Greve de fome (aspectos médico-legais). 3.Transplantes e doações de órgãos (aspectos médico-legais). 4.Equipamentos eletrônicos em Medicina Legal Unidade XXVI Bioética Unidade XXVII Biodireito Unidade XXVIII Balística Forense Unidade XXIX Legislação Sobre Perícias Médicas Unidade XXX Nova Lei anti-drogas Unidade XXXI Exame complementar e Temas livres de medicina forense. Exame final Entrega e correção do exame final Exame especial Atividades extracurriculares BIBLIOGRAFIA BÁSICA ALMEIDA JR., A. F. de & COSTA JÚNIOR, J. B. e. Lições de Medicina Legal, 14ª Ed., Cia Ed. Nacional 1977 ARBENS, G.O. Compêndio de Medicina Legal, Ed. Atheneu, R.J CAMPOS, Roberto Pereira. Sinopse de Medicina Legal. Ed. Faculdade de Direito da UFMG Belo Horizonte 1988 CARVALHO, H.V. Compêndio de Medicina Legal, Saraiva, SP 1978 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA, Código de Ética Médica. DI MAIO, D & DI MAIO, V.J.M. Forensic Pathology, Ann Arbor, CRC Press 1993 CROCE, D & CROCE JR., D. Manual de Medicina Legal, Saraiva, São Paulo, 2004 FAVERO, F. Medicina Legal, 11 ed. Belo Horizonte, Itatiaia 1975 FAVERO, F. Medicina Legal, Ed. Belo Horizonte Villa Rica 1991 FRANÇA, Genival Veloso de. Comentários ao Código de Ética Médica, 4ª Ed. Guanabara Koogan S.A. RJ 2005 FRANÇA, G.V. Medicina Legal, 7ª Ed. Ed. Guanabara Koogan S.A. RJ 2004 GOMES, H. Medicina Legal. 24ª Ed., Freitas Bastos RJ 1985 LÁZARO, da Silva Alcino. Temas de Ética Médica.Cooperativa editora de Cultura Médica Ltda. Belo Horizonte LAURENTI, R. e MELLO JORGE, MHP. O Atestado Óbito. Centro da OMS para classificação de Doenças, em Português. São Paulo, 1998 (série divulgação nº 1) MARANHÃO, O. R. Curso Básico de Medicina Legal. Malheiros, São Paulo 1996 PATARO, o. Medicina Legal e Prática Forense, Ed. Saraiva 1976 RENÉ MENDES Patologia do Trabalho, 2ª Ed. Atual e ampl. Ed. Atheneu SP 2005

6 BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR ALCÂNTARA, HR. Deontologia e Diceologia, Ed. Andrei, SP 1979 BONNET, E.F.P. Medicina Legal, 2ª Ed. Buenos Aires Ed. Lopes 1980 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA. Legislação dos Conselhos de Medicina. CREMEMG 1995 DÉROBERT, L., et al. Medicine Légale. Paris, Ed. Flammarion DELMANTO, Celso. Código Penal Comentado. Renovar. RJ 2000 FERREIRA, Arnaldo Amado. Da Técnica Médico Legal na Investigação Forense. Revista dos Tribunais SP 1962 GISBERT CALABUIG, J.A. Medicina Legal y Toxicologia, 2ª ed., Valencia. Ed. Fund. García Muñoz 1983 MARANHÃO, Odon Ramos. Psicologia do Crime (ed. Modificada). Revista dos Tribunais SP 1993 MAYER-GROSS, SLATER & ROTH Clinical Psychiatry. 3ª Ed., Londres, Ed. B. Tindall & Cassel, 1969 MORAES, JM. Manual de Medicina Legal. Ed. Health, Bhte MG 1998 CROCE, Delton & CROCE JÚNIOR, Delton. Medicina Legal para Provas e Concursos. Saraiva SP 1998 FRANÇA, Genival Veloso de. Comentários do Código de Ética Médica Guanabara Koogan RJ 2000 FREITAS, João de. Bioética!. Fundação Mariana Resende Costa Belo Horizonte GARCIA, J. A. Psicopatologia Forense. Forense RJ 1979 SILVA, Alcino Lázaro da. Ética Médica. Coop. Edit. Cult. Médica. Belo Horizonte 1982 SIMONIN, C. Medicina Legal Judicial, 2ª Ed. Trd. Esp., Barcelona, Ed. JIMS 1962 SIMPSON, K. Forensic Medicine, 6ª Ed. Edward Arnold 1969 VEIGA DE CARVALHO, H. & SEGRE, M. Medicina Social e do Trabalho. Ed. McGraw-Hill do Brasil 1984 ZACHARIAS, Manif. Dicionária de Medicina Legal. Ibrasa SP 1991 BIBLIOGRAFIA DE REFERÊNCIA

IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃ O DIR7501 MEDICINA LEGAL 5 ANO OBRIG/OP/EST. PRÉ E CO-REQUISITOS AN./SEM

IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃ O DIR7501 MEDICINA LEGAL 5 ANO OBRIG/OP/EST. PRÉ E CO-REQUISITOS AN./SEM P R O G R A M A D E E N S I N O CURSO ANO DIREITO HABILITAÇÃO BACHARELADO DEPARTAMENTO RESPONSÁVEL DEPARTAMENTO DE DIREITO PÚBLICO DOCENTE IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃ O DIR7501 MEDICINA

Leia mais

PLANO DE ENSINO - Curso Semestral - 2015

PLANO DE ENSINO - Curso Semestral - 2015 21/02/2011 Página 1 de 5 PLANO DE ENSINO - Curso Semestral - 2015 Disciplina MEDICINA LEGAL Curso Graduação Período 7 º Período Eixo de Formação Eixo de Formação Complementar Turmas A,B e D Código 26 Carga

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO 2015

FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO 2015 FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO 2015 2-INFORMAÇÕES GERAIS CURSO DE DIREITO 2.1-DISCIPLINA : MEDICINA LEGAL.FUNDAMENTOS MÉDICO- PSICOLÓGICOS DO DIREITO. 2.2-DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS COMPLEMENTARES

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 ( )Fundamental I ( )Médio Profissionalizante ( X )Graduação ( )Fundamental II ( )Profissionalizante ( )Pós-graduação ( )Médio I. Dados Identificadores Curso DIREITO Disciplina MEDICINA

Leia mais

FACULDADE DE IMPERATRIZ FACIMP

FACULDADE DE IMPERATRIZ FACIMP PROGRAMA DE DISCIPLINA Curso DIREITO Disciplina MEDICINA LEGAL Área: Ciências Sociais Ano: 2013.1 Período: 7º Sétimo Carga horaria: 36 horas créditos 02 Pré-Requisito Turno: MATUTINO/NOTURNO Ementa DIREITO

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Curso DIREITO. Disciplina MEDICINA LEGAL. Área: Ciências Sociais Período: 7º PERÍODO Turno: MATUTINO/NOTURNO.

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Curso DIREITO. Disciplina MEDICINA LEGAL. Área: Ciências Sociais Período: 7º PERÍODO Turno: MATUTINO/NOTURNO. PROGRAMA DE DISCIPLINA Curso DIREITO Disciplina MEDICINA LEGAL Área: Ciências Sociais Período: 7º PERÍODO Turno: MATUTINO/NOTURNO Pré-Requisito DIREITO PENAL III D- 26 Ementa Medicina Legal. Estudo dos

Leia mais

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS Í N D I C E Código Disciplina Página DIR 05-00188 Direito Penal I 2 DIR 05-00361 Direito Penal II 3 DIR 05-00528 Direito Penal III 4 DIR 0-00684 Direito Penal IV 5 DIR 05-07407

Leia mais

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Programa de Residência Médica em Medicina Legal

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Programa de Residência Médica em Medicina Legal Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Programa de Residência Médica em Medicina Legal 1) Objetivos do programa O principal objetivo da Residência em Medicina Legal é a formação de especialistas

Leia mais

ASPECTOS ÉTICOS E LEGAIS DAS PERÍCAS ODONTOLÓGICAS

ASPECTOS ÉTICOS E LEGAIS DAS PERÍCAS ODONTOLÓGICAS ASPECTOS ÉTICOS E LEGAIS DAS PERÍCAS ODONTOLÓGICAS Prof. Dr. Eduardo Daruge Titular de Odontologia Legal e Deontologia da FOP-UNICAMP Prof. Medicina Legal da Faculdade de Direito da UNIMEP DEFINIÇÃO: PERÍCIAS

Leia mais

PARECER CREMEC N.º 19/2014 24/11/2014

PARECER CREMEC N.º 19/2014 24/11/2014 PARECER CREMEC N.º 19/2014 24/11/2014 PROCESSO-CONSULTA PROTOCOLO CREMEC nº 7331/2014 ASSUNTO: ATRIBUIÇÕES DO MÉDICO PERITO E DO AUXILIAR DE NECROPSIA. PARECERISTA: CONSELHEIRO JOSÉ AJAX NOGUEIRA QUEIROZ

Leia mais

NEUSA MARIA ESTEVES BITTAR

NEUSA MARIA ESTEVES BITTAR Sobre a autora Sobre a autora NEUSA MARIA ESTEVES BITTAR Médica, formada em 1973 pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos UNILUS CRM 20291. Advogada, formada em 2001 pela Faculdade de Direito da Universidade

Leia mais

Agente Comunitário em Saúde

Agente Comunitário em Saúde Agente Comunitário em Saúde Introdução a Informática Ações de Promoção do ambiente saudável A sociedade em que vivemos Construção de Redes Comunitárias e Promoção à Saúde Introdução à Profissão de Agente

Leia mais

Traumatologia: lesões por arma de fogo

Traumatologia: lesões por arma de fogo MED 1430- Medicina legal Atuação do médico sob condições legais vigentes envolvendo o exercício profissional e os exames periciais. Conteúdo -Identidade -Identificação -Antropologia Forense - Traumatologia

Leia mais

Sobre a autora SUMÁRIO PREFÁCIO... 15

Sobre a autora SUMÁRIO PREFÁCIO... 15 SUMÁRIO PREFÁCIO... 15 APRESENTAÇÃO... 19 CAPÍTULO 1 O ESTUDO DA MEDICINA LEGAL... 21 1. Histórico... 21 2. Medicina Legal no Brasil... 22 3. Áreas de atuação... 23 CAPÍTULO 2 PERÍCIA MÉDICO-LEGAL E SEUS

Leia mais

PARECER CREMEC nº 19/2013 20/09/2013

PARECER CREMEC nº 19/2013 20/09/2013 PARECER CREMEC nº 19/2013 20/09/2013 PROCESSO-CONSULTA Protocolo CREMEC nº 6924/2013 INTERESSADO: Médico Perito Legista ASSUNTO: CAUSA MORTIS INDETERMINADA PARECERISTA: DR. HELVÉCIO NEVES FEITOSA DA CONSULTA

Leia mais

SELEÇÃO INTERNA DE PROFESSORES. Curso de Medicina EDITAL DE SELEÇÃO

SELEÇÃO INTERNA DE PROFESSORES. Curso de Medicina EDITAL DE SELEÇÃO SELEÇÃO INTERNA DE PROFESSORES Curso de Medicina EDITAL DE SELEÇÃO A coordenadora do curso de Medicina, Profa. Alessandra Duarte Clarizia, nos termos das regras fixadas pela Pró-Reitoria de Graduação do

Leia mais

LEI Nº 14.055, de 07 de janeiro de 2008. DOE de 31/01/2008

LEI Nº 14.055, de 07 de janeiro de 2008. DOE de 31/01/2008 LEI Nº 14.055, de 07 de janeiro de 2008. DOE de 31/01/2008 Cria, no sistema de segurança pública estadual, a Forense do Estado do Ceará - PEFOCE, e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO CEARÁ.

Leia mais

2 Relatório Médico-legal

2 Relatório Médico-legal 2 Relatório Médico-legal Carlos Ehlke Braga Filho-médico legista O relatório médico-legal é a narração escrita e minuciosa de todas as operações de uma perícia médica, determinada por autoridade policial

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para 2015.2

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para 2015.2 CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC Atualizado para 2015.2 1ª Fase I: MED 7001 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA MEDICINA I Anatomia 48 (+12 Integr.) Fisiologia 68 (+12 Integr.) Bioquímica 62 Histologia

Leia mais

C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito

C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito Código: DIR - 212 Pré-requisito: ----- Período Letivo:

Leia mais

Wanderley Sena Nuvem

Wanderley Sena Nuvem Wanderley Sena Nuvem Fone: (31) 34362208/ 99557253 Bhte MG wsn.analiseprocessual@yahoo.com.br contato@wsnpericia.com.br www.wsnpericia.com.br Formação Acadêmica Bacharel em Direito Pós Graduado em trânsito

Leia mais

Aspectos Éticos da Perícia do Erro Médico

Aspectos Éticos da Perícia do Erro Médico Aspectos Éticos da Perícia do Erro Médico Prof. Dr. Hermes de Freitas Barbosa Centro de Medicina Legal Departamento de Patologia e Medicina Legal Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Universidade de

Leia mais

ADRIANA PONCE COELHO CERÂNTOLA

ADRIANA PONCE COELHO CERÂNTOLA CURSO DE PERÍCIA JUDICIAL AMBIENTAL Curso Perito Judicial Ambiental PALESTRANTE ADRIANA PONCE COELHO CERÂNTOLA Advogada Especialista em Biossegurança pela UFSC-SC Mestre em Tecnologia Ambiental pelo IPT-SP

Leia mais

Os objetivos do Programa de Mestrado e Doutorado em Ciências Forenses são:

Os objetivos do Programa de Mestrado e Doutorado em Ciências Forenses são: CURSO MESTRADO E DOUTORADO EM CIÊNCIAS FORENSES A Universidad Autónoma Del Sur - UNASUR em parceria com a MASTER Assessoria Educacional e Valor Educacional - Assessoria Educacional lança o CURSO de Mestrado

Leia mais

Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO

Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Direito Penal II Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO EMENTA A prática do crime

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO 1) Identificação Disciplina Direito Penal III - DIURNO Carga horária

Leia mais

INTRODUÇÃO OBJETIVOS

INTRODUÇÃO OBJETIVOS INTRODUÇÃO Com a constante e crescente evolução do sistema brasileiro de saúde, tem-se percebido um grande aumento da demanda por profissionais médicos mais qualificados, principalmente no que diz respeito

Leia mais

Perícia Criminal CONVERSÃO DO CURSO REGULAR PARA PÓS-GRADUAÇÃO

Perícia Criminal CONVERSÃO DO CURSO REGULAR PARA PÓS-GRADUAÇÃO O Grupo Verbo Jurídico figura hoje como uma das instituições mais completas quando se trata de preparação para Concursos Públicos, também atuando no segmento editorial e de ensino. No ramo de ensino, destaca-se

Leia mais

Curso de Perícia Médica

Curso de Perícia Médica Apresentação Este curso tem a finalidade de trazer aos profissionais de medicina os aspectos teóricos e práticos que envolvem a Perícia Médica Judicial e o Direito Médico, fornecendo aos participantes

Leia mais

II - PÓS-GRADUAÇÃO E FORMAÇÃO CONTÍNUA

II - PÓS-GRADUAÇÃO E FORMAÇÃO CONTÍNUA Faculdade de Medicina da Universidade do Porto MEDICINA LEGAL - 2003/2004 II - PÓS-GRADUAÇÃO E FORMAÇÃO CONTÍNUA 1. MESTRADO EM CIÊNCIAS FORENSES 2. CURSO SUPERIOR DE MEDICINA LEGAL 3. CURSO DE AVALIAÇÃO

Leia mais

Autor: André Gomes Rabeschini

Autor: André Gomes Rabeschini Artigos Jurídicos Autor: André Gomes Rabeschini Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha programática e ideológica da Editora Letras Jurídicas. 2 Criminalística Forense

Leia mais

ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA. Edição 2013. Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS. 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS

ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA. Edição 2013. Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS. 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS Edição 2013 ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Direito Constitucional 13 1. PODER CONSTITUINTE... 13 2. TEORIA

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE SELEÇÃO PÚBLICA S/C LTDA

SERVIÇO NACIONAL DE SELEÇÃO PÚBLICA S/C LTDA CURSO DIREITO PRIMEIRO SEMESTRE HISTÓRIA DO DIREITO B E A C E B A D C C LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO A E D E C A D D A B PSICOLOGIA GERAL B E D C C C A E D B PORTUGUÊS JURÍDICO A D A C B B C C D B SOCIOLOGIA

Leia mais

Aprovado no CONGRAD: 14.02.06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 1548 CURSO DE MEDICINA

Aprovado no CONGRAD: 14.02.06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 1548 CURSO DE MEDICINA Aprovado no CONGRAD: 14..06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 48 CURSO DE MEDICINA EIXOS TRANSVERSAIS E ÁREAS DO CONHECIMENTO DO CURRÍCULO PLENO ACADÊMI COS I FUNDAMENTOS CONCEITUAIS DO CURSO

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 11.770, DE 5 DE ABRIL DE 2002. (publicada no DOE nº 065, de 8 de abril de 2002) (vide abaixo partes vetadas

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2015

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2015 FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2015 Disciplina: Direito Penal III Departamento III Direito Penal e Direito Processo Penal Carga Horária Anual: 100 h/a Tipo: Anual 4º ano Docente Responsável: Gustavo

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 11.770, DE 5 DE ABRIL DE 2002. (atualizada até a Lei n.º 14.519, de 8 de abril de 2014) Estabelece o Plano de Classificação de Cargos e Vencimentos do Instituto-Geral de Perícias e reorganiza o

Leia mais

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA ATRIBUIÇÕES DO MÉDICO I- Realizar consultas clínicas aos usuários de sua área adstrita; II- Participar das atividades de grupos de controle

Leia mais

A INDISPENSABILIDADE DO ESTUDO DA CRIMINALÍSTICA E DA MEDICINA LEGAL NO CURSO DE DIREITO

A INDISPENSABILIDADE DO ESTUDO DA CRIMINALÍSTICA E DA MEDICINA LEGAL NO CURSO DE DIREITO 1 A INDISPENSABILIDADE DO ESTUDO DA CRIMINALÍSTICA E DA MEDICINA LEGAL NO CURSO DE DIREITO Valquíria Belomo 1 RESUMO Com o fito do esclarecimento dos fatos e a demonstração da verdade, as provas periciais

Leia mais

C U R S O D E D I R E I T O Autorizado pela Portaria nº 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: DIREITO PENAL IV

C U R S O D E D I R E I T O Autorizado pela Portaria nº 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: DIREITO PENAL IV C U R S O D E D I R E I T O Autorizado pela Portaria nº 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: DIREITO PENAL IV Código: DIR 367 CH Total: 60h Pré-Requisito: Direito Penal III Período

Leia mais

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 PLANO DE CURSO

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 PLANO DE CURSO C U R S O O D O N T O L O G I A Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 Componente Curricular: ODONTOLOGIA SOCIAL Código: ODO-044 Pré-requisito:

Leia mais

Curso: Direito Carga Horária: 32 PLANO DE ENSINO

Curso: Direito Carga Horária: 32 PLANO DE ENSINO Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Direito da Criança e do Adolescente Curso: Direito Carga Horária: 32 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO EMENTA

Leia mais

PARECERES JURÍDICOS. Para ilustrar algumas questões já analisadas, citamos abaixo apenas as ementas de Pareceres encomendados:

PARECERES JURÍDICOS. Para ilustrar algumas questões já analisadas, citamos abaixo apenas as ementas de Pareceres encomendados: PARECERES JURÍDICOS Partindo das diversas obras escritas pelo Prof.Dr. AURY LOPES JR., passamos a oferecer um produto diferenciado para os colegas Advogados de todo o Brasil: a elaboração de Pareceres

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Parágrafo único. O novo currículo é o 0003-LS, cujas ementas e objetivos das disciplinas também constam do anexo.

R E S O L U Ç Ã O. Parágrafo único. O novo currículo é o 0003-LS, cujas ementas e objetivos das disciplinas também constam do anexo. RESOLUÇÃO CONSEPE 11/2015 ALTERA MATRIZ CURRICULAR E APROVA O PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOLOGIA DO TRÂNSITO DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF. O Presidente do Conselho

Leia mais

A SIMULAÇÃO EM PERÍCIA MÉDICA

A SIMULAÇÃO EM PERÍCIA MÉDICA A SIMULAÇÃO EM PERÍCIA MÉDICA Naray Paulino* "Perícia" é uma palavra que não foge ao cotidiano e ao senso comum mas o seu conceito técnico não é divulgado na mesma extensão (BRASIL, 1993). A palavra é

Leia mais

Pós-graduação em Direito Médico

Pós-graduação em Direito Médico Apresentação O Grupo Verbo Jurídico figura hoje como uma das instituições mais completas quando se trata de preparação para Concursos Públicos, também atuando no segmento editorial e de ensino. No campo

Leia mais

2ª feira 02/Dez/2013 - Edição nº 9097. de Umuarama.

2ª feira 02/Dez/2013 - Edição nº 9097. de Umuarama. 24 2ª feira 02/Dez/2013 - Edição nº 9097 de Umuarama. 2ª feira 02/Dez/2013 - Edição nº 9097 25 ANEXO I DO REGULAMENTO A QUE SE REFERE O DECRETO Nº 9510/2013 26 2ª feira 02/Dez/2013 - Edição nº 9097 ANEXO

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista

Faculdade de Direito da Alta Paulista PLANO DE ENSINO DISCIPLINA SÉRIE PERÍODO LETIVO CARGA HORÁRIA DIREITO CIVIL V (Direitos de família e das sucessões) QUINTA 2015 136 I EMENTA Direito de Família. Casamento. Efeitos jurídicos do casamento.

Leia mais

DECLARAÇÃO DE ÓBITO Código de Ética Médica (CEM sendo o seu fornecimento direito inquestionável do paciente A Declaração de óbito (DO),

DECLARAÇÃO DE ÓBITO  Código de Ética Médica (CEM sendo o seu fornecimento direito inquestionável do paciente A Declaração de óbito (DO), 1 DECLARAÇÃO DE ÓBITO Atestado é qualquer declaração efetuada por alguém capacitado por lei, podendo ser documento público ou particular, oficial (requisitado por autoridade judicial) ou oficioso (solicitado

Leia mais

EDITAL N. 03/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSIQUIATRIA FORENSE

EDITAL N. 03/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSIQUIATRIA FORENSE EDITAL N. 03/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSIQUIATRIA FORENSE A Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, filiada à Associação Médica Brasileira - AMB, de acordo

Leia mais

Ementário do curso de

Ementário do curso de Introdução ao Estudo de I Fase: I Carga Horária: 60 h/a Créditos: 04 A sociedade. e ordem jurídica. Conceito de justiça. e moral. Fontes do. Positivo. objetivo e subjetivo. Público e Privado. Capacidade

Leia mais

A Odontologia Legal e a ciência do Direito

A Odontologia Legal e a ciência do Direito A Odontologia Legal e a ciência do direito Revista Brasileira de Odontologia Legal RBOL Odontologia Legal A Odontologia Legal e a ciência do Direito Moacyr da Silva* Thiago Leite Beaini ** * Professor

Leia mais

Processos Patológicos Gerais 3º ano/2012 Carga horária 144 horas

Processos Patológicos Gerais 3º ano/2012 Carga horária 144 horas Processos Patológicos Gerais 3º ano/2012 Carga horária 144 horas Diretor do Depto de Ciências Patológicas Prof.Dr. Dino Martini Filho Coordenadora do Curso: Profa. Dra. Geanete Pozzan OJETIVOS GERAIS:

Leia mais

EDITAL DE CONCURSO PARA OBTENÇÃO DE TÍTULO DE ESPECIALISTA EM MEDICINA LEGAL E PERÍCIA MÉDICA

EDITAL DE CONCURSO PARA OBTENÇÃO DE TÍTULO DE ESPECIALISTA EM MEDICINA LEGAL E PERÍCIA MÉDICA 1 EDITAL DE CONCURSO PARA OBTENÇÃO DE TÍTULO DE ESPECIALISTA EM MEDICINA LEGAL E PERÍCIA MÉDICA NORMAS PARA REALIZAÇÃO DE CONCURSO PARA TÍTULO DE ESPECIALISTA EM MEDICINA LEGAL E PERÍCIAS MÉDICAS A Medicina

Leia mais

LUIZ FERNANDO JOBIM LUÍS RENATO DA SILVEIRA COSTA MOACYR DA SILVA

LUIZ FERNANDO JOBIM LUÍS RENATO DA SILVEIRA COSTA MOACYR DA SILVA LUIZ FERNANDO JOBIM LUÍS RENATO DA SILVEIRA COSTA MOACYR DA SILVA IDENTIFICAÇÃO HUMANA Identificação pelo DNA - Identificação Médico-Legal - Perícias Odontológicas VOLUME II Editora Millennium CAMPINAS/SP

Leia mais

Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948

Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948 PARTE A Módulo I Acordos/Convenções Internacionais 1. Declaração Universal dos Direitos Humanos Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de

Leia mais

DESPACHO SEJUR N.º 513/2015

DESPACHO SEJUR N.º 513/2015 DESPACHO SEJUR N.º 513/2015 (Aprovado em Reunião de Diretoria em 14/10/2015) Interessado: Dr. M. F. C. N Expedientes n.º 8771/2015 Assunto: Análise jurídica. Perícia médico-legal em vítimas de violência

Leia mais

Manual do Aluno. Escola de Engenharia Kennedy. Faculdade Kennedy. Faculdade de Ciências jurídicas Prof. Alberto Deodato

Manual do Aluno. Escola de Engenharia Kennedy. Faculdade Kennedy. Faculdade de Ciências jurídicas Prof. Alberto Deodato Manual do Aluno Escola de Engenharia Kennedy Faculdade Kennedy Faculdade de Ciências jurídicas Prof. Alberto Deodato Apresentação 01 Missão Escola de Engenharia e Faculdade Kennedy Missão Faculdade de

Leia mais

Lição 6. Relação da Criminologia com outras Ciências

Lição 6. Relação da Criminologia com outras Ciências Lição 6. Relação da Criminologia com outras Ciências RELAÇÃO DA CRIMINOLOGIA COM OUTRAS CIÊNCIAS Não haverá qualquer exagero em afirmar que a Criminologia praticamente se relaciona com todas as ciências

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Dos Srs. Paulo Teixeira, Fábio Trad, Delegado Protógenes e Miro Teixeira)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Dos Srs. Paulo Teixeira, Fábio Trad, Delegado Protógenes e Miro Teixeira) PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Dos Srs. Paulo Teixeira, Fábio Trad, Delegado Protógenes e Miro Teixeira) Altera os arts. 161, 162, 164, 165, 169 e 292 do Decreto-Lei n o 3.689, de 3 de outubro de 1941- Código

Leia mais

MANUAL DE ASSISTÊNCIA MÉDICA AUTOGESTÃO PERDIGÃO

MANUAL DE ASSISTÊNCIA MÉDICA AUTOGESTÃO PERDIGÃO MANUAL DE ASSISTÊNCIA MÉDICA AUTOGESTÃO PERDIGÃO SUMÁRIO APRESENTAÇÃO...4 OBJETIVOS DO PLANO DE SAÚDE...4 ABRANGÊNCIA DO PLANO DE SAÚDE...5 QUEM PODE UTILIZAR O PLANO DE SAÚDE...5 FORMA DE INCLUSÃO E IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

POLÍCIA CIVIL ACADEMIA DE POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS CURSO: FORMAÇÃO POLICIAL

POLÍCIA CIVIL ACADEMIA DE POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS CURSO: FORMAÇÃO POLICIAL POLÍCIA CIVIL ACADEMIA DE POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS CURSO: FORMAÇÃO POLICIAL CARREIRA MÉDICO LEGISTA PROVA FINAL ESPECÍFICA 17/ 03/ 2014 De 08h às 12h ORIENTAÇÃO 1. CONFIRA O SEU CADERNO DE PROVAS.

Leia mais

Tomo I OFÍCIOS DE JUSTIÇA... 13 Tomo II CARTÓRIOS EXTRAJUDICIAIS... 165 Normas do Pessoal dos Serviços Extrajudiciais... 282

Tomo I OFÍCIOS DE JUSTIÇA... 13 Tomo II CARTÓRIOS EXTRAJUDICIAIS... 165 Normas do Pessoal dos Serviços Extrajudiciais... 282 SUMÁRIO NORMAS DE SERVIÇO Tomo I OFÍCIOS DE JUSTIÇA................................................. 13 Tomo II CARTÓRIOS EXTRAJUDICIAIS.......................................... 165 Normas do Pessoal

Leia mais

Índice. 5. A escola moderna alemã 64 6. Outras escolas penais 65

Índice. 5. A escola moderna alemã 64 6. Outras escolas penais 65 Índice Prefácio à 2ª edição Marco Aurélio Costa de Oliveira 7 Apresentação à 2ª edição Marco Antonio Marques da Silva 9 Prefácio à 1ª edição Nelson Jobim 11 Apresentação à 1ª edição Oswaldo Lia Pires 13

Leia mais

Radiologia Forense: Aplicação das Radiações Ionizantes na ingestão de entorpecentes. TR. Dhiego Gumieri. http: www.tecnorad.kit.

Radiologia Forense: Aplicação das Radiações Ionizantes na ingestão de entorpecentes. TR. Dhiego Gumieri. http: www.tecnorad.kit. Radiologia Forense: Aplicação das Radiações Ionizantes na ingestão de entorpecentes TR. Dhiego Gumieri http: www.tecnorad.kit.net Medicina Legal Tanatologia Forense Radiologia Forense Drogas Ilícitas Virtópsia

Leia mais

Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO

Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Tópicos Especiais de Direito Penal Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Público Área: Direito Penal e Processo Penal PLANO DE ENSINO EMENTA

Leia mais

Plano de Ensino de Disciplina

Plano de Ensino de Disciplina UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS Faculdade de Direito Departamento de Direito e Processo Penal Plano de Ensino de Disciplina DISCIPLINA: DIREITO PE AL I CÓDIGO: DIN101 PRÉ-REQUISITO: DIT027 DEPARTAMENTO:

Leia mais

Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1

Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1 Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1 MED-100 - Unidades de Ensino da área de conhecimento das bases moleculares e celulares dos processos normais e alterados, da estrutura e função

Leia mais

LEGISLAÇÃO PERTINENTE

LEGISLAÇÃO PERTINENTE PERÍCIAS E PERITOS O processo penal regula a intervenção do Estado e garante a execução da justiça por meios eficientes para isso. No processo se reúnem os meios para verificar e sanar uma lesão do direito.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOLOGIA-SEÇÃO CEARÁ ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ODONTOLOGIA LEGAL EDITAL 003/2009

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOLOGIA-SEÇÃO CEARÁ ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ODONTOLOGIA LEGAL EDITAL 003/2009 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOLOGIA-SEÇÃO CEARÁ ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ODONTOLOGIA LEGAL EDITAL 003/2009 O Presidente da Associação Brasileira de Odontologia

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica Psicologia Jurídica. Psicologia Jurídica, Forense, Judiciária e Criminal

Pontifícia Universidade Católica Psicologia Jurídica. Psicologia Jurídica, Forense, Judiciária e Criminal Pontifícia Universidade Católica Psicologia Jurídica Psicologia Jurídica, Forense, Judiciária e Criminal A Psicologia Jurídica corresponde a toda aplicação do saber psicológico às questões relacionadas

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR TURNO DIURNO 1º SEMESTRE

ESTRUTURA CURRICULAR TURNO DIURNO 1º SEMESTRE ESTRUTURA CURRICULAR TURNO DIURNO 1º SEMESTRE Antropologia Social e Jurídica 30 02 Filosofia Geral e Jurídica 60 04 História do Direito 30 02 Introdução ao Estudo do Direito I 30 02 Linguagem e Argumentação

Leia mais

LATROCÍNIO COM PLURALIDADE DE VÍTIMAS

LATROCÍNIO COM PLURALIDADE DE VÍTIMAS LATROCÍNIO COM PLURALIDADE DE VÍTIMAS ALESSANDRO CABRAL E SILVA COELHO - alessandrocoelho@jcbranco.adv.br JOSÉ CARLOS BRANCO JUNIOR - jcbrancoj@jcbranco.adv.br Palavras-chave: crime único Resumo O presente

Leia mais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS Prof. José Reinaldo do Amaral Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Psicologia PSICOPATOLOGIA GERAL 2013 / 2 HISTÓRIA Paradigma da

Leia mais

Direito Administrativo I

Direito Administrativo I Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Público Direito Administrativo I Carga Horária: 60 h/a 1- Ementa 1 Estado. 2 Poderes

Leia mais

PLANO DE ENSINO EMENTA

PLANO DE ENSINO EMENTA Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Direito Processual Civil IV Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Privado Área: Direito Processual Civil PLANO DE ENSINO EMENTA Estudo relativo

Leia mais

A A IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA PRESERVAÇÃO DE EVIDÊNCIAS MÉDICOM DICO-LEGAIS. Isabel Lourenço o / Professora Adjunta

A A IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA PRESERVAÇÃO DE EVIDÊNCIAS MÉDICOM DICO-LEGAIS. Isabel Lourenço o / Professora Adjunta A A IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA PRESERVAÇÃO DE EVIDÊNCIAS MÉDICOM Isabel Lourenço o / Professora Adjunta Instituto Superior Politécnico de Castelo Branco Escola Superior de

Leia mais

ODONTOLOGIA BIOSSEGURANÇA E ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL ODONTOLOGICA 3º Período / Carga Horária: 72 Horas

ODONTOLOGIA BIOSSEGURANÇA E ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL ODONTOLOGICA 3º Período / Carga Horária: 72 Horas ODONTOLOGIA BIOSSEGURANÇA E ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL ODONTOLOGICA 3º Período / Carga Horária: 72 Horas 1. PRÉ-REQUISITO: Não há pré-requisito 2. EMENTA: Estudar a definição, histórico, aplicações, simbologia

Leia mais

IESUS. Anexo 1. Novas Metodologias para Vigilância Epidemiológica: Uso do SIH/SUS. Informe Epidemiológico do SUS 22

IESUS. Anexo 1. Novas Metodologias para Vigilância Epidemiológica: Uso do SIH/SUS. Informe Epidemiológico do SUS 22 IESUS Novas Metodologias para Vigilância Epidemiológica: Uso do SIH/SUS Anexo 1 Instrumentos do Sistema de Informação Hospitalar Laudo Médico para Emissão de AIH O Laudo Médico é o instrumento para solicitação

Leia mais

Roteiro para Análise de Projetos de Pesquisas Científicas Quantitativas

Roteiro para Análise de Projetos de Pesquisas Científicas Quantitativas Roteiro para Análise de Projetos de Pesquisas Científicas Quantitativas Comitê de Ética em Pesquisa Universidade de Caxias do Sul Sumário da Reunião de Educação Continuada sobre Ética em Pesquisa realizada

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSIQUIATRIA FORENSE E SAÚDE MENTAL E LEI

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSIQUIATRIA FORENSE E SAÚDE MENTAL E LEI PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSIQUIATRIA FORENSE E SAÚDE MENTAL E LEI Ato de Oficialização: RESOLUÇÃO nº 53/2004-Conselho Departamental 1. Nome do Curso e Área de Conhecimento:

Leia mais

Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira Grade Curricular. Faculdade de Ciências Humanas de Itabira

Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira Grade Curricular. Faculdade de Ciências Humanas de Itabira Renovação de Reconhecimento - Portaria Nº 46 de 14/02/13 - DOU - Nº 31 de 15/02/13 - Seção 1, p.17. Emissão: 06/01/15 11:12 Página: 1/5 0 GDIR083 s Humanos () 0 GDIR084 da Criança e do Adolescente () 0

Leia mais

Ministério Público do Estado de Mato Grosso Promotoria de Justiça de Água Boa

Ministério Público do Estado de Mato Grosso Promotoria de Justiça de Água Boa Ministério Público do Estado de Mato Grosso Promotoria de Justiça de Água Boa EXCELENTÍSSIMO (A) SENHOR (A) DOUTOR (A) JUIZ (A) DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE ÁGUA BOA - MT O MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

2. OBJETIVO GERAL Possibilitar ao aluno contato com toda a teoria do delito, com todos os elementos que integram o crime.

2. OBJETIVO GERAL Possibilitar ao aluno contato com toda a teoria do delito, com todos os elementos que integram o crime. DISCIPLINA: Direito Penal II SEMESTRE DE ESTUDO: 3º Semestre TURNO: Matutino / Noturno CH total: 72h CÓDIGO: DIR118 1. EMENTA: Teoria Geral do Crime. Sujeitos da ação típica. Da Tipicidade. Elementos.

Leia mais

VERSÃO CURRICULAR: 2008/1. EME TA Teoria da Pena. Sistema penal sancionatório e valores constitucionais. Extinção da punibilidade.

VERSÃO CURRICULAR: 2008/1. EME TA Teoria da Pena. Sistema penal sancionatório e valores constitucionais. Extinção da punibilidade. 1 U IVERSIDADE FEDERAL DE MI AS GERAIS Faculdade de Direito Departamento de Direito e Processo Penal Plano de Ensino de Disciplina VERSÃO CURRICULAR: 2008/1 DISCIPLINA: DIREITO PE AL II CÓDIGO: DIN102

Leia mais

DISCIPLINA: Direito e Bioética SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva. CH total: 36h

DISCIPLINA: Direito e Bioética SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva. CH total: 36h DISCIPLINA: Direito e Bioética SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CH total: 36h CÓDIGO: DIR161 1. EMENTA: O Biodireito e a bioética. Fundamentos gerais. Perspectivas de organização metodológica.

Leia mais

2. OBJETIVO GERAL Possibilitar que o aluno tome conhecimento do conceito, das finalidades e da importância do Direito Penal.

2. OBJETIVO GERAL Possibilitar que o aluno tome conhecimento do conceito, das finalidades e da importância do Direito Penal. DISCIPLINA: Direito Penal I SEMESTRE DE ESTUDO: 2º Semestre TURNO: Matutino / Noturno CH total: 72h CÓDIGO: DIR112 1. EMENTA: Propedêutica Penal. Relação do Direito Penal com outras ciências: a criminologia

Leia mais

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. 1 Conteúdos e Práticas do Programa de Residência Médica em Patologia 1) Objetivos gerais do programa: Como médico, o patologista deverá exercer suas atividades segundo os preceitos éticos, com humanismo,

Leia mais

São Paulo, 8 de setembro de 1999. BOLETIM GERAL PM 171 1 - DIRETRIZES A SEREM SEGUIDAS NO ATENDIMENTO DE LOCAIS DE CRIME

São Paulo, 8 de setembro de 1999. BOLETIM GERAL PM 171 1 - DIRETRIZES A SEREM SEGUIDAS NO ATENDIMENTO DE LOCAIS DE CRIME São Paulo, 8 de setembro de 1999. BOLETIM GERAL PM 171 1 - DIRETRIZES A SEREM SEGUIDAS NO ATENDIMENTO DE LOCAIS DE CRIME Resolução SSP- 382, de 1/9/99 O Secretario da Segurança Pública Considerando que

Leia mais

Momento ético Prontuário Médico

Momento ético Prontuário Médico Momento ético Prontuário Médico Luiz Antonio da Costa Sardinha Conselheiro Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo PRONTUÁRIO MÉDICO Tem um morto no plantão. Por onde iniciar História Tudo

Leia mais

Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL

Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL 0 Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL Alta Floresta-MT 2011 1 Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO

Leia mais

Sala 14 Ciências Humanas e da Natureza EM Integral. Escola Estadual Alexandre Von Humboldt

Sala 14 Ciências Humanas e da Natureza EM Integral. Escola Estadual Alexandre Von Humboldt O USO DAS CIÊNCIAS FORENSES COMO FERRAMENTA NA CONTEXTUALIZAÇÃO DOS CONTEÚDOS DE QUÍMICA E MATEMÁTICA Sala 14 Ciências Humanas e da Natureza EM Integral Escola Estadual Alexandre Von Humboldt Professoras

Leia mais

Faculdade da Alta Paulista

Faculdade da Alta Paulista CURSO DE ENFERMAGEM PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO Área: Estágio de Enfermagem em Saúde do Adulto I e II Campo de Atuação: Santa Casa de Tupã; Instituto de Psiquiatria de Tupã e Hospital São

Leia mais

CONCURSO DE PESSOAS NO INFANTICÍDIO

CONCURSO DE PESSOAS NO INFANTICÍDIO CONCURSO DE PESSOAS NO INFANTICÍDIO Thyara Galante Alvim SOARES 1 Antenor Ferreira PAVARINA 2 RESUMO: O presente trabalho teve por objetivo analisar a punibilidade dos agentes que, em concurso, praticam

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Imputabilidade José Luiz Junior ANÁLISE JURÍDICA O termo imputar significa atribuir culpa ou delito a outro, portanto, imputar é o mesmo que atribuir à outro, diferentemente do simples

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DO CURSO DE DIREITO. Ementário de Disciplinas Matriz curricular 154

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DO CURSO DE DIREITO. Ementário de Disciplinas Matriz curricular 154 UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DO CURSO DE DIREITO Ementário de Disciplinas Matriz curricular 154 Língua Portuguesa e Comunicação Leitura, análise, interpretação

Leia mais

DO ESTADO CORPORATIVO E SUA ORGANIZAÇÃO

DO ESTADO CORPORATIVO E SUA ORGANIZAÇÃO CARTA DEL LAVORO (Aprovada no Grande Conselho Fascista, de 21 de abril de 1927) DO ESTADO CORPORATIVO E SUA ORGANIZAÇÃO I - A Nação italiana é um organismo com finalidades, vida, meios, de ação superior,

Leia mais

Faculdade do Noroeste de Minas FINOM Núcleo de Prática Jurídica PROJETO DA ESTRUTURA DE ESTÁGIO NO NPJ FINOM

Faculdade do Noroeste de Minas FINOM Núcleo de Prática Jurídica PROJETO DA ESTRUTURA DE ESTÁGIO NO NPJ FINOM Faculdade do Noroeste de Minas FINOM Núcleo de Prática Jurídica PROJETO DA ESTRUTURA DE ESTÁGIO NO NPJ FINOM Paracatu, Minas Gerais 2009 I - Objeto: Este projeto tem como objeto a definição da estrutura

Leia mais

PARTE EXPOSITIVA. SGAS 915 Lote 72 CEP: 70390-150 Brasília-DF FONE: (61) 3445 5900 FAX: (61) 3346 0231 http://www.portalmedico.org.

PARTE EXPOSITIVA. SGAS 915 Lote 72 CEP: 70390-150 Brasília-DF FONE: (61) 3445 5900 FAX: (61) 3346 0231 http://www.portalmedico.org. PROCESSO-CONSULTA CFM nº 9.936/10 PARECER CFM nº 15/12 INTERESSADO: INSS Instituto Nacional do Seguro Social ASSUNTO: Registro e comunicação de afastamento e/ou substituição de diretor técnico e clínico

Leia mais