PERCEPÇÃO E REALIDADE Um estudo sobre obesidade nas Américas OUTUBRO 2014

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PERCEPÇÃO E REALIDADE Um estudo sobre obesidade nas Américas OUTUBRO 2014"

Transcrição

1

2 PERCEPÇÃO E REALIDADE Um estudo sobre obesidade nas Américas OUTUBRO 2014

3 O PROBLEMA

4 O sobrepeso é um GRANDE PROBLEMA que não para de crescer Desde 1980, a obesidade mais do que dobrou no mundo todo

5 65% da população mundial vive em países onde o sobrepeso e a obesidade causam mais vítimas do que a desnutrição Fonte: OMS Obesidade e Sobrepeso - Nota descritiva N 311 Maio

6 Na América Latina +50% já na América do Norte alcança 70% Na América o problema é potencialmente maior. No mundo inteiro, 35% das pessoas adultas têm sobrepeso. 6

7 O ESTUDO

8 Diante desta problemática, a WiN Américas e sua rede de empresas de pesquisa de mercado decidiram realizar um estudo regional sobre a obesidade, tendo como base pesquisas feitas junto à população adulta de 9 países. PAÍSES ESTUDADOS Argentina/ Brasil/ Canadá Colômbia/ Equador/ Estados Unidos México/ Panamá/ Peru Os países abrangidos no estudo representam quase 90% da população de toda região. WiN é uma associação internacional líder de pesquisa de mercado. Os 75 sócios da WiN são as maiores empresas de pesquisa de mercado em cada um dos países pesquisados. 8

9 10 APRENDIZADOS DO ESTUDO WIN SOBRE OBESIDADE

10 A autoavaliação sobre a saúde é mais desenvolvida na América do Norte do que na América Latina

11 AUTOAVALIAÇÃO DA SAÚDE % do total da população adulta Não Saudável Saudável 31% 38% 26% 28% 33% 27% 27% 39% 69% 62% 74% 72% 67% 73% 73% 61% Total Américas América do Norte América Latina Homens Mulheres anos 7 de cada 10 americanos avaliam a sua saúde de maneira positiva (muito saudável ou saudável), enquanto que 3 em cada 10 dizem que sua saúde é pouco ou nada saudável. As mulheres têm uma percepção mais crítica de sua saúde do que os homens. Quando avaliado por faixa etária, a percepção mais crítica da saúde aumenta conforme sobe a faixa etária. Quando analisado por região, a população da América do Norte tem uma autoavaliação mais crítica do que a população latinoamericana (38% vs 26% das avaliações críticas). A autoavaliação da saúde é um indicador aceito nas pesquisas sobre saúde. Apesar de ser uma medida de caráter subjetivo, se aceita que há uma estreita correlação entre a saúde e suas consequências. Fonte: WIN Base: Total América. População adulta 11

12 Embora a maioria dos cidadãos das Américas desejem realizar mudanças na sua alimentação, apenas alguns poucos conseguem fazer alterações com sucesso

13 PREDISPOSIÇÃO PARA MUDANÇAS NOS HÁBITOS ALIMENTARES % da população total adulta ATUALMENTE SEGUEM ALGUMA DIETA % da população total adulta 75% 19% 81% 25% Mudariam Não mudariam Seguem Não seguem Nota: querem mudar seus hábitos alimentares = % que pensa que é necessário mudar radicalmente seus hábitos alimentares + % que pensa que é necessário mudar alguns dos seus hábitos alimentares Fonte: WIN Base: Total América. População adulta 13

14 Os brasileiros são mais predispostos, enquanto os mexicanos são mais resistentes a mudanças na sua alimentação

15 QUEREM MUDAR SEUS HÁBITOS ALIMENTARES % entre população total adulta Não sabem Não Mudariam Mudariam 11% 23% 24% 25% 24% 27% 30% 32% 50% 89% 77% 76% 75% 73% 73% 69% 69% 50% Brasil Estados Unidos Canadá Equador Argentina Perú Panamá Colômbia México Nota: querem mudar seus hábitos alimentares = % que pensa que é necessário mudar radicalmente seus hábitos alimentares + % que pensa que é necessário mudar alguns dos seus hábitos alimentares Fonte: WIN Base: População adulta de cada país 15

16 A atividade física não tem forte presença na América Latina

17 FREQUÊNCIA COM QUE PRATICAM EXERCÍCIOS % entre população total adulta AMÉRICA do NORTE 68% AMÉRICA LATINA 41% 28% 14% 18% 31% Regularmente Frequência baixa Não fazem Nota: Regularmente = 2 ou mais vezes por semana Fonte: WIN Base: População adulta de cada região 17

18 A questão do sobrepeso é subestimada em toda região

19 44% DOS PESQUISADOS PELA WIN 2014 DECLARARAM ESTAR COM SOBREPESO Base: Total América. População adulta Cerca de 44% dos pesquisados nas Américas afirmam estar com sobrepeso. Existe uma diferença entre a autoavaliação do peso e as estimativas da Organização Mundial da Saúde. Essa tendência se confirma em todos os países. 62% DA POPULAÇÃO AVALIADA PELA ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE 2008 ESTAVA COM SOBREPESO Base de dados de MC da OMS 19

20 Um quarto das pessoas com sobrepeso não tem consciência do seu problema

21 DECLARAÇÃO DE SOBREPESO % entre aqueles que têm sobrepeso de acordo com o seu IMC DECLARARAM TER SOBREPESO NÃO DECLARARAM TER SOBREPESO 74% 26% Fonte: WIN Base: Total América Aqueles que têm sobrepeso de acordo com o seu IMC Nota: A pesquisa da WIN incluiu perguntas sobre peso e altura que permitiram estimar o IMC IMC calculado com base na altura e peso declarados IMC: O Índice de Massa Corporal se calcula dividindo o peso em Kg, sobre a altura em metros, elevada ao quadrado e seu resultado se expressa en Kg/m2. Normal: , Sobrepeso: 25+. IMC calculado com base em peso e altura declarada 21

22 Os homens têm mais dificuldades para enfrentar os problemas relacionados ao sobrepeso

23 DECLARAÇÃO DE SOBREPESO VS SOBREPESO COM BASE NO ÍNDICE DE MASSA CORPORAL DECLARADO % entre população adulta de homens e mulheres HOMENS MULHERES 40% 52% 46% 43% Declararam ter sobrepeso Tem sobrepeso de acordo com o seu IMC Fonte: WIN Base: Total América. População adulta por sexo. IMC calculado com base em peso e altura declarados 23

24 Os latino-americanos da América Central e dos países andinos são os que menos reconhecem o seu sobrepeso

25 PESSOAS COM SOBREPESO QUE DECLARARAM NÃO TER SOBREPESO % de pessoas com sobrepeso segundo o IMC e que NÃO se declararam com sobrepeso 52% 46% 46% 38% 30% 27% 25% 22% 16% PANAMÁ EQUADOR PERU MÉXICO ARGENTINA CANADÁ COLÔMBIA ESTADOS UNIDOS BRASIL Fonte: WIN Base: pessoas com sobrepeso de acordo com o IMC por país IMC: O Índice de Massa Corporal se calcula dividindo o peso em kg sobre a altura em metros, elevada ao quadrado e seu resultado se expressa em Kg/m2. Normal: , Sobrepeso: 25+. IMC calculado com base em peso e altura declarada 25

26 Metade das pessoas com sobrepeso não fez consulta a médicos sobre o assunto e a ampla maioria não segue nenhum tipo de dieta

27 CONSULTA MÉDICA NO ÚLTIMO ANO POR RAZÕES LIGADAS À SAÚDE ALIMENTAR % entre respondentes que se declararam com sobrepeso SEGUEM ALGUMA DIETA % entre respondentes que se declararam com sobrepeso 42% 27% 73% 58% Consultaram Não Consultaram Seguem dieta Não seguem dieta Fonte: WIN Base: Total América - Pessoas que declararam ter sobrepeso 27

28 Respondentes com sobrepeso declararam ter saúde pior do que os que não têm problemas de sobrepeso

29 AUTOAVALIAÇÃO DA SAÚDE % entre população total adulta 18% POUCO + NADA SAUDÁVEL Respondentes que declararam estar em seu peso ideal Respondentes que declararam ter sobrepeso 45% POUCO + NADA SAUDÁVEL 82% MUITO SAUDÁVEL + SAUDÁVEL 55% MUITO SAUDÁVEL + SAUDÁVEL 45% dos americanos que declararam estar com o peso acima do ideal não se consideram saudáveis, enquanto que essa proporção cai para 18% entre os que creem estar no peso certo. 29

30 QUAIS SÃO AS RECOMENDAÇÕES DA OMS PARA A REDUÇÃO DO SOBREPESO?

31 Manter atividade física periódica; Limitar a ingestão energética proveniente do consumo total de gordura; Aumentar o consumo de frutas e verduras, assim como o de legumes, cereais integrais e frutas secas; Limitar a ingestão de açúcares. Fonte OMS Obesidade e sobrepeso - Nota descritiva N Maio de

32 O QUE MOSTRA O ESTUDO DA WIN Existem percepções errôneas e subestimação do problema Se observam diferenças regionais importantes com relação a atividades físicas, indicativo da necessidade de se promover mais o esporte Há uma dissociação entre os que manifestam mudar os seus hábitos alimentares e aqueles que realmente o fazem 32

33 RECONHECIMENTO (WIN) GRANDES AÇÕES DE MARKETING SOCIAL Reconhecimento do problema vs Magnitude do problema (sobrepeso) Sobrepeso promedio MAIOR CONHECIMENTO MENOR PREDOMÍNIO Brasil PROMOVER MUDANÇAS DE HÁBITOS Canadá Argentina MAIOR CONHECIMENTO MAIOR PREDOMÍNIO Estados Unidos Colombia Panamá PRIORIDADE México Porcentagem média daqueles que declararam ter sobrepeso MENOR CONHECIMENTO MENOR PREDOMÍNIO Equador CONSCIENTIZAR SOBRE PROBLEMA Perú MENOR CONHECIMENTO MAIOR PREDOMÍNIO SOBREPESO (OMS) RECONHECIMENTO= Porcentagem do total da população adulta que declarou ter sobrepeso por país. Pesquisa WIN SOBREPESO = Predomínio de peso por país OMS

34 OS RESULTADOS DO ESTUDO WIN POR TOTAL, REGIÃO E PAÍS

35 Cerca de 44% dos entrevistados das Américas afirmam que têm sobrepeso, 49% informam que estão no peso ideal e apenas 8% que estão abaixo do peso. Aqueles que afirmam, em maior proporção, ter sobrepeso são os argentinos, norte-americanos e canadenses. Os que menos informam sobrepeso são peruanos e equatorianos. A ampla maioria dos norte e latino-americanos (75%) manifesta que deveria mudar seus hábitos alimentares: cerca de 12% mudariam radicalmente e 63% mudariam apenas alguns dos seus hábitos. Finalmente, cerca de 25% dos entrevistados manifestam que não veem necessidade de mudanças na sua dieta alimentar. Os brasileiros são os que manifestam maior interesse em mudanças e os panamenhos são os que mostram maior abertura para mudanças radicais. Em contrapartida, os mexicanos indicam a menor predisposição para mudanças nos seus hábitos alimentares. Interessante observar que em todos os países pesquisados houve manifestação pró-mudança nos hábitos alimentares da maioria dos entrevistados.

36 35% dos entrevistados afirmam que haviam consultado médico no último ano sobre o tema ligado ao sobrepeso. 19% afirmam que estão realizando algum tipo de dieta. 52% dos pesquisados afirmam que realizam exercício físico regularmente ou ao menos 2 vezes por semana. 24% declaram fazer exercícios com frequência menor e outros 24% não fazem exercícios. Os países com maior índice de declarações afirmativas de exercícios regulares são os Estados Unidos e o Canadá, enquanto que no Peru e Panamá encontram-se os índices mais baixos. Quase 7 de cada 10 cidadãos das Américas avaliam de maneira positiva sua saúde: 12% afirmam ser muito saudável e 57%, saudável. Em sentido contrário, 3 de cada 10 a qualificam negativamente (28% afirmam ser pouco saudável e 3%, nada saudável). Proporcionalmente, os entrevistados da América do Norte avaliam sua saúde de forma mais negativa quando os resultados são comparados com os dos latino-americanos.

37 Ao estudar as refeições diárias dos cidadãos das Américas, observa-se que é no Equador e no Peru onde mais se toma café da manhã, enquanto que a refeição rápida (sanduíche/fast food) é mais consumida na Colômbia e Argentina. Ao se considerar o hábito do almoço, os países que mais se destacam são Equador, Colômbia, Peru e Brasil, enquanto que o lanche da tarde ou chá é mais consumido na Argentina e no Brasil. Quanto ao jantar, os países que se sobressaem nesse hábito são Canadá, Equador, Estados Unidos e Panamá. Já o consumo noturno de refeições rápidas após o jantar é frequente nas populações do Canadá e Estados Unidos. O Canadá também é o país com a maior média de refeições diárias

38 Autoavaliação da saúde Como avalia o seu estado de saúde? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Muito Saudável + Saudável 12% 3% 57% Argentina Colômbia Panamá Brasil México Equador 19% 15% 15% 10% 6% 8% 60% 63% 62% 63% 68% 63% 18% 3% 79% 20% 2% 78% 22% 1% 77% 25% 2% 73% 25% 1% 74% 28% 1% 71% 28% Perú Canadá 9% 14% 62% 49% 26% 31% 2% 71% 6% 63% MuIto Saudável Saudável Pouco Saudável Nada Saudável NS/NR Estados Unidos 15% 47% 33% 5% 62% TOTAL Muito Saudável + Saudável 69% Pouco Saudável + Nada Saudável 31% Fonte: WIN Base: Total América América Latina América do 10% 14% Muito Saudável Pouco Saudável 64% 47% Saudável Nada Saudável 24% 2% 74% 33% 5% 61% 38

39 Autoavaliação do peso Como definiria o seu peso atual? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO 44% Argentina Estados Unidos 51% 47% 43% 48% 7% 5% Canadá 46% 50% 4% Brasil 45% 45% 10% Colômbia 42% 49% 9% 8% 49% Panamá México Equador 37% 36% 35% 54% 54% 56% 7% 10% 8% Perú 33% 52% 9% Está acima do seu peso ideal Está no peso ideal Está abaixo do seu peso ideal NS/NR América Latina América do Norte 42% 46% 49% 49% 9% 5% Fonte: WIN Base: Total América 39

40 Frequência com que realiza exercício físico Com que frequência realiza exercícios? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO 52% 24% 24% Estados Unidos Canadá Equador Colômbia Argentina México Panamá Brasil Perú 68% 66% 49% 46% 46% 43% 43% 37% 33% Regularmente Menos de uma vez por semana Não faz Américo Latina 41% NS/NR América do Norte 68% 18% 14% 23% 11% 23% 28% 21% 33% 29% 25% 31% 25% 16% 40% 29% 33% 28% 39% 28% 31% 19% 14% Fonte: WIN Base: Total América Regularmente = 2 ou mais vezes por semana 40

41 Predisposição para mudança nos hábitos alimentares Você acredita que é necessário mudar os seus hábitos alimentares? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Total Mudariam 63% América do Norte América Latina 12% 11% 64% 63% 23% 26% 69% 73% 77% 12% Colômbia Canadá México 7% 8% 9% 62% 68% 41% 32% 24% 50% 89% 73% 75% 25% Equador Perú Brasil 11% 12% 12% 64% 61% 77% 25% 25% 11% 50% 76% 69% Tenho que mudar radicalmente meus hábitos alimentares É necessário mudar alguns dos meus hábitos alimentares Não é necessário mudar nada Não sabe/não respondeu Estados Unidos Argentina Panamá 13% 14% 16% 64% 60% 53% 23% 24% 30% 74% 76% Fuente: WIN Base: Total América 41

42 Consulta médica por problemas de excesso de peso Fez consulta a um médico sobre problemas de peso no último ano? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO 35% México Argentina 74% 54% 26% 46% Equador 49% 51% Colombia 45% 55% Perú 30% 70% Panamá 28% 72% 65% Brasil Estados Unidos 25% 25% 75% 75% Canadá 17% 83% Consultaram médico no último ano América Latina Não consultaram médico no último ano América do Norte 24% 43% 76% 57% Fonte: WIN Base: Total América 42

43 Seguem dieta alimentar Segue alguma dieta alimentar? % DE PESSOAS RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO México 24% 76% Colômbia 21% 80% 19% Estados Unidos Equador 20% 20% 80% 80% 81% Panamá Argentina 18% 18% 82% 82% Brasil 16% 84% Canadá 15% 85% Perú 11% 89% Sim Não América Latina 19% 81% América do Norte 20% 80% Fonte: WIN Base: Total América 43

44 Tomam Café da Manhã Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? CAFÉ DA MANHÃ TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO 79% Equador Perú 98% 98% 2% 2% Colômbia 93% 7% Panamá 92% 8% Brasil 86% 15% México 82% 18% 21% Canadá Argentina 80% 77% 20% 23% Estados Unidos 70% 30% Sim Não América 86% 14% América do Norte 71% 29% Fonte: WIN Base: Total América 44

45 Refeição rápida (sanduíche/fast food) no meio do dia Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? Sanduíche / fast food no meio do dia TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Colômbia 44% 56% 29% Argentina Canadá 42% 38% 58% 62% Brasil 31% 69% Estados Unidos 28% 72% 71% Equador México 20% 17% 80% 83% Perú 16% 84% Panamá 10% 90% Sim Não América Latina América do Norte 28% 29% 72% 71% Fonte: WIN Base: Total América 45

46 Almoço Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? ALMOÇO TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Equador 99% 1% 89% Colômbia Perú 99% 98% 1% 2% Brasil 96% 4% México 92% 8% Canadá 90% 10% 11% Panamá 89% 11% Argentina 83% 18% Estados Unidos 82% 18% Sim Não América latina América do Norte 83% 94% 17% 6% Fonte: WIN Base: Total América 46

47 Lanche da tarde, Chá Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? Lanche da tarde, chá TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO 47% Argentina Brasil 71% 65% 29% 35% Colômbia 50% 50% Canadá 50% 50% Estados Unidos 42% 58% México 28% 72% Equador 28% 72% 53% Perú Panamá 21% 13% 79% 88% Sim Não América Latina América do Norte 50% 43% 50% 57% Fonte: WIN Base: Total América 47

48 Jantar Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? Jantar TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Canadá 99% 2% 86% Equador Estados Unidos 93% 92% 7% 8% Panamá 90% 10% Argentina 88% 12% Colômbia 86% 14% 14% Perú México 83% 81% 17% 19% Brasil 78% 22% Sim Não América Latina América do Norte 81% 93% 19% 7% Fonte: WIN Base: Total América 48

49 Refeição rápida de noite Geralmente quais são as refeições consumidas durante o dia? Sanduíche / Fast Food à noite TOTAL RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Canadá 56% 45% 33% Estados Unidos Brasil 41% 39% 59% 61% Argentina 23% 77% Colômbia 22% 78% Perú 13% 87% 67% Equador Panamá 12% 11% 88% 89% México 10% 90% Sim Não América Latina América do Norte 25% 42% 75% 58% Fonte: WIN Base: Total América 49

50 Quantidade média de refeições/ dia por país RESULTADOS POR PAÍS/ REGIÃO Canadá Colômbia Brasil Argentina Estados Unidos Equador Perú México Panamá América Latina América do Norte Total América 4,1 3,9 3,9 3,8 3,6 3,5 3,3 3,1 3,0 3,6 3,6 3,6 Fonte: WIN Base: Total América 50

51 METODOLOGIA PAÍS EMPRESA MÉTODO DE COLETA ABRANGÊNCIA AMOSTRA Argentina VOICES CATI PRINCIPAIS CIDADES (15+) 1001 Brasil IBOPE CONECTA CAWI NACIONAL (15+) 1100 Canadá LEGER CAWI NACIONAL (18+) 1009 Colômbia CENTRO NACIONAL DE CONSULTORIA CATI NACIONAL (18+) 1502 Equador CEDATOS PAPI NACIONAL (16+) 1768 Estados Unidos LEGER CAWI NACIONAL (18+) 1056 México BBRAIN CAPI NACIONAL (15+) 946 Panamá DICHTER & NEIRA CAPI NACIONAL (18+) 1200 Peru DATUM PAPI NACIONAL (18+) 1204 Total entrevistas em todo o continente Fechamento de campo: Agosto e Setembro

52 PERCEPÇÃO E REALIDADE Um estudo sobre Obesidade nas Américas OUTUBRO

Os Números da Obesidade no Brasil: VIGITEL 2009 e POF 2008-2009

Os Números da Obesidade no Brasil: VIGITEL 2009 e POF 2008-2009 Os Números da Obesidade no Brasil: VIGITEL 2009 e POF 2008-2009 Maria Edna de Melo A Organização Mundial da Saúde (OMS) projetou que em 2005 o mundo teria 1,6 bilhões de pessoas acima de 15 anos de idade

Leia mais

SUMÁRIO OBESIDADE...4 OBESIDADE EM ADULTOS...5 PREVENÇÃO...6 EM BUSCA DO PESO SAUDÁVEL...7 TRATAMENTO...9 CUIDADOS DIÁRIOS COM A ALIMENTAÇÃO...

SUMÁRIO OBESIDADE...4 OBESIDADE EM ADULTOS...5 PREVENÇÃO...6 EM BUSCA DO PESO SAUDÁVEL...7 TRATAMENTO...9 CUIDADOS DIÁRIOS COM A ALIMENTAÇÃO... 2 SUMÁRIO OBESIDADE...4 OBESIDADE EM ADULTOS...5 PREVENÇÃO...6 EM BUSCA DO PESO SAUDÁVEL...7 TRATAMENTO...9 CUIDADOS DIÁRIOS COM A ALIMENTAÇÃO...12 OUTROS HÁBITOS SAUDÁVEIS...14 ATIVIDADE FÍSICA...14 CUIDADOS

Leia mais

VIGITEL 2014 Periodicidade Parceria: População monitorada 40.853 entrevistas

VIGITEL 2014 Periodicidade Parceria: População monitorada 40.853 entrevistas Ministério da Saúde Abril de 2014 VIGITEL 2014 Medir a prevalência de fatores de risco e proteção para doenças não transmissíveis na população brasileira Subsidiar ações de promoção da saúde e prevenção

Leia mais

ESTUDO SOBRE LIVRE CIRCULAÇÃO DE PESSOAS NA AMÉRICA LATINA

ESTUDO SOBRE LIVRE CIRCULAÇÃO DE PESSOAS NA AMÉRICA LATINA ESTUDO SOBRE LIVRE CIRCULAÇÃO DE PESSOAS NA AMÉRICA LATINA WiN Américas e sua rede de agências decidiu empreender um estudo regional sobre a livre circulação de pessoas na América Latina, com base em entrevistas

Leia mais

Projeto Ação Social. Relatório equipe de Nutrição Responsável pelos resultados: Vanessa de Almeida Pereira, Graduanda em Nutrição.

Projeto Ação Social. Relatório equipe de Nutrição Responsável pelos resultados: Vanessa de Almeida Pereira, Graduanda em Nutrição. Projeto Ação Social Relatório equipe de Nutrição Responsável pelos resultados: Vanessa de Almeida Pereira, Graduanda em Nutrição. Objetivo Geral: A equipe de Nutrição teve por objetivo atender aos pacientes

Leia mais

MAIS DA METADE DOS CAPIXABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE

MAIS DA METADE DOS CAPIXABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE MAIS DA METADE DOS CAPIABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE Emmanuelle Serrano Queiroz Em alguns países, as despesas com saúde já correspondem a mais de 10% do PIB. E, um fator que será determinante para o aumento

Leia mais

PROMOVENDO A REEDUCAÇÃO ALIMENTAR EM ESCOLAS NOS MUNICÍPIOS DE UBÁ E TOCANTINS-MG RESUMO

PROMOVENDO A REEDUCAÇÃO ALIMENTAR EM ESCOLAS NOS MUNICÍPIOS DE UBÁ E TOCANTINS-MG RESUMO 1 PROMOVENDO A REEDUCAÇÃO ALIMENTAR EM ESCOLAS NOS MUNICÍPIOS DE UBÁ E TOCANTINS-MG RESUMO Iara de Souza Assunção 1 Josiane Kênia de Freitas 2 Viviane Modesto Arruda 3 Silvana Rodrigues Pires Moreira 4

Leia mais

Os erros que te impedem de emagrecer!

Os erros que te impedem de emagrecer! Os erros que te impedem de emagrecer! Os 20 erros que comprometem o seu emagrecimento Este artigo é de total responsabilidade e criação de GWBrasil. Acesse e saiba mais: http://goworkoutbrasil.com 1. Não

Leia mais

Médico Pediatra Cursos de Pós-Graduação: Nutrologia / Homeopatia / Saúde Pública Presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Santa

Médico Pediatra Cursos de Pós-Graduação: Nutrologia / Homeopatia / Saúde Pública Presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Santa Médico Pediatra Cursos de Pós-Graduação: Nutrologia / Homeopatia / Saúde Pública Presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Santa Catarina Hipócrates (pai da Medicina, 460 a.c.) 1-

Leia mais

Sumário Executivo. Pesquisa Quantitativa de Avaliação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil PETI

Sumário Executivo. Pesquisa Quantitativa de Avaliação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil PETI Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa de Avaliação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil PETI Fundação Euclides da Cunha FEC/Data UFF Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação Ministério

Leia mais

ISSN 1519-9568. INFORMATIVO MENSAL Ano 1 Número 20 Março de 2002 APRESENTAÇÃO

ISSN 1519-9568. INFORMATIVO MENSAL Ano 1 Número 20 Março de 2002 APRESENTAÇÃO ISSN 119-968 INFORMATIVO MENSAL Ano 1 Número Março de APRESENTAÇÃO O Boletim apresenta uma síntese do documento Panorama Social de América Latina -1, uma publicação da Comissão Especial para a América

Leia mais

INGESTÃO DIETÉTICA E COMPOSIÇÃO CORPORAL DE DANÇARINAS DA UFPA (BELÉM PA).

INGESTÃO DIETÉTICA E COMPOSIÇÃO CORPORAL DE DANÇARINAS DA UFPA (BELÉM PA). INGESTÃO DIETÉTICA E COMPOSIÇÃO CORPORAL DE DANÇARINAS DA UFPA (BELÉM PA). GLEICIANE MARTINS GOMES ADRIANA MOURA DOS SANTOS JOSEANA MOREIRA ASSIS RIBEIRO FERNANDO VINÍCIUS FARO REIS JÚLIO ALVES PIRES FILHO

Leia mais

IV Jornada de Alimentação Escolar 21/10/2010 Ana Carolina Feldenheimer

IV Jornada de Alimentação Escolar 21/10/2010 Ana Carolina Feldenheimer Perfil nutricional da população brasileira segundo inquéritos populacionais (POF, PNDS e outros) e o SISVAN (Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional) quanto a transição nutricional e excesso de peso

Leia mais

Modos de vida no município de Paraty - Ponta Negra

Modos de vida no município de Paraty - Ponta Negra Modos de vida no município de Paraty - Ponta Negra Resultados gerais Dezembro 2010 Projeto Community-based resource management and food security in coastal Brazil (Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP)

Leia mais

DataSenado. Secretaria de Transparência DataSenado. Março de 2013

DataSenado. Secretaria de Transparência DataSenado. Março de 2013 Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher DataSenado Março de 2013 Mulheres conhecem a Lei Maria da Penha, mas 700 mil ainda sofrem agressões no Brasil Passados quase 7 desde sua sanção, a Lei 11.340

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Abril / 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DA OBESIDADE

CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DA OBESIDADE 01 CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DA OBESIDADE A obesidade é uma doença crónica que se caracteriza pelo excesso de gordura corporal e que atinge homens, mulheres e crianças de todas as etnias e idades. A sua prevalência

Leia mais

Efeitos das ações educativas do Curso de Qualificação Profissional Formação de Jardineiros na vida dos participantes.

Efeitos das ações educativas do Curso de Qualificação Profissional Formação de Jardineiros na vida dos participantes. Efeitos das ações educativas do Curso de Qualificação Profissional Formação de Jardineiros na vida dos participantes. Katiúcia Dias Fernandes 1 Silvério José Coelho 2 Introdução Entre os grandes temas

Leia mais

POLÍTICA FISCAL E DÍVIDA PÚBLICA O difícil caminho até o Grau de Investimento Jedson César de Oliveira * Guilherme R. S.

POLÍTICA FISCAL E DÍVIDA PÚBLICA O difícil caminho até o Grau de Investimento Jedson César de Oliveira * Guilherme R. S. POLÍTICA FISCAL E DÍVIDA PÚBLICA O difícil caminho até o Grau de Investimento Jedson César de Oliveira * Guilherme R. S. Souza e Silva ** Nos últimos anos, tem crescido a expectativa em torno de uma possível

Leia mais

UNIVERSITÁRIO, QUAL É A SUA CLASSE? É A C.

UNIVERSITÁRIO, QUAL É A SUA CLASSE? É A C. 6 www.talent.com.br Coleção talent trends, UnIVersItÁrIo, QUal É a sua Classe? É a C. UNIVERSITÁRIO, QUAL É A SUA CLASSE? É A C. UnivErsiTário, qual é a sua classe? é a c. Elaborado pela Equipe de Mídia

Leia mais

Realização: Parceiros: Centro de Conhecimento em Agronegócios. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto

Realização: Parceiros: Centro de Conhecimento em Agronegócios. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto CÂMARA SETORIAL DE LEITE E DERIVADOS SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO Realização: Centro de Conhecimento em Agronegócios Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA Indicadores CNI ISSN 27-702 Ano 5 Número 24 Agosto de 205 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA Crise econômica I - Mercado de trabalho 24 Crise econômica muda relação de brasileiros com o mercado de trabalho

Leia mais

Avaliação antropométrica de idosas participantes de grupos de atividades físicas para a terceira idade.

Avaliação antropométrica de idosas participantes de grupos de atividades físicas para a terceira idade. 10mo Congreso Argentino de Educación Física y Ciencias. Universidad Nacional de La Plata. Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación. Departamento de Educación Física, La Plata, 2013. Avaliação

Leia mais

4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE NUTRIÇÃO 4.05.00.00-4

4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE NUTRIÇÃO 4.05.00.00-4 4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE NUTRIÇÃO 4.05.00.00-4 AVALIAÇÃO DO PERFIL NUTRICIONAL E ANTROPOMÉTRICO DE PROFESSORES E FUNCIONÁRIOS DE UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE MARINGÁ Pr. Débora Janaina Aymoré;

Leia mais

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável

Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Os brasileiros diante da microgeração de energia renovável Contexto Em abril de 2012, o governo através da diretoria da agência reguladora de energia elétrica (ANEEL) aprovou regras destinadas a reduzir

Leia mais

INTERNET E POLÍTICA: ATIVISMO NAS REDES SOCIAIS JANEIRO 2016

INTERNET E POLÍTICA: ATIVISMO NAS REDES SOCIAIS JANEIRO 2016 INTERNET E POLÍTICA: ATIVISMO NAS REDES SOCIAIS JANEIRO 2016 WiN Américas e sua rede de agências decidiu empreender um estudo regional sobre internet e ativismo nas redes sociais, com base em entrevistas

Leia mais

Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008

Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008 Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008 José Cechin Superintendente Executivo Carina Martins Francine Leite Nos últimos meses, vários relatórios publicados por diferentes instituições

Leia mais

Novas curvas de avaliação de crescimento infantil adotadas pelo MS

Novas curvas de avaliação de crescimento infantil adotadas pelo MS Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Novas curvas de avaliação de crescimento infantil adotadas pelo MS Em 2006 foi lançada pela Organização

Leia mais

9 Como o aluno (pré)adolescente vê o livro didático de inglês

9 Como o aluno (pré)adolescente vê o livro didático de inglês Cap. 9 Como o aluno (pré)adolescente vê o livro didático de inglês 92 9 Como o aluno (pré)adolescente vê o livro didático de inglês Nesta parte do trabalho, analisarei alguns resultados da análise dos

Leia mais

Perfil nutricional de crianças de 6 a 10 anos de idade das escolas municipais na cidade de Picos/PI.

Perfil nutricional de crianças de 6 a 10 anos de idade das escolas municipais na cidade de Picos/PI. Perfil nutricional de crianças de 6 a 10 anos de idade das escolas municipais na cidade de Picos/PI. Professor Assistente da Universidade Federal do Piauí Gilvo de Farias Júnior Nutricionistas: Francilany

Leia mais

Pesquisa. A participação dos pais na Educação de seus filhos

Pesquisa. A participação dos pais na Educação de seus filhos Pesquisa A participação dos pais na Educação de seus filhos 1 Objetivos do movimento Todos Pela Educação Ampliar os conhecimentos do Todos Pela Educação, da Fundação SM, de nossos parceiros e da sociedade

Leia mais

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011

Pesquisa IBOPE Ambiental. Setembro de 2011 Pesquisa IBOPE Ambiental Setembro de 2011 Com quem falamos? Metodologia & Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas telefônicas. Objetivo geral Identificar

Leia mais

Atividades de Fixação. Nutrição Infantil Fabiana Borrego

Atividades de Fixação. Nutrição Infantil Fabiana Borrego Atividades de Fixação Nutrição Infantil Fabiana Borrego Gestante Gestante de 18 anos com 22 semanas gestacionais, acompanhada no centro de saúde, foi encaminhada a nutrição por apresentar baixo peso. Fumante:

Leia mais

Panorama Nutricional da População da América Latina, Europa e Brasil. Maria Rita Marques de Oliveira

Panorama Nutricional da População da América Latina, Europa e Brasil. Maria Rita Marques de Oliveira Panorama Nutricional da População da América Latina, Europa e Brasil Maria Rita Marques de Oliveira 1- MEIO AMBIENTE E PRODUÇÃO DE ALIMENTOS 2- ACESSO AOS ALIMENTOS 3- ALIMENTO SEGURO 4- PREVENÇÃO E CONTROLE

Leia mais

Hábitos de Leitura. Tâmara Freitas Barros

Hábitos de Leitura. Tâmara Freitas Barros Hábitos de Leitura Tâmara Freitas Barros Um contingente de 671 mil moradores da Grande Vitória, o que corresponde a 60% da população acima de 16, não tem o costume de ler. Essa é apenas uma das constatações

Leia mais

Análise Nutricional do Contador de Pontos (Carinhas)

Análise Nutricional do Contador de Pontos (Carinhas) Análise Nutricional do Contador de Pontos (Carinhas) Finalidade da ferramenta Verificar se a alimentação do dia está adequada, contendo alimentos de boa qualidade, ou seja, com baixa quantidade de gorduras,

Leia mais

ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS

ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS MAPA DE PERSPECTIVAS ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS 2016 Worldwide leaders in specialist recruitment ÍNDICE EDITORIAL METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO PERFIL DOS ENTREVISTADOS O CENÁRIO MACROECONÔMICO INVESTIMENTO

Leia mais

RESUMOS SIMPLES...156

RESUMOS SIMPLES...156 155 RESUMOS SIMPLES...156 156 RESUMOS SIMPLES CARNEIRO, NELSON HILÁRIO... 159 CARNEIRO, NELSON HILÁRIO... 157 CORTE, MARIANA ZANGIROLAME... 159 CORTE, MARIANA ZANGIROLAME... 157 GARCIA JUNIOR, JAIR RODRIGUES...

Leia mais

Vitimização e Armas de fogo no Brasil. Claudio Beato CRISP Centro de Estudos em Criminalidade e Segurança Pública

Vitimização e Armas de fogo no Brasil. Claudio Beato CRISP Centro de Estudos em Criminalidade e Segurança Pública Vitimização e Armas de fogo no Brasil Claudio Beato CRISP Centro de Estudos em Criminalidade e Segurança Pública Questões relacionadas ao controle de armas As armas protegem as pessoas? A sociedade está

Leia mais

SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015

SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015 SONDAGEM INDUSTRIAL Dezembro de 2015 Indústria espera que as exportações cresçam no primeiro semestre de 2016 A Sondagem industrial, realizada junto a 154 indústrias catarinenses no mês de dezembro, mostrou

Leia mais

Pesquisa. Consumo de Frutas e Hortaliças

Pesquisa. Consumo de Frutas e Hortaliças Pesquisa Consumo de Frutas e Hortaliças Pesquisa Quantitativa Consumo de Frutas e Hortaliças Elaborado por CONNECTION RESEARCH Maio 2011 2 Objetivos da pesquisa. Estudar os hábitos alimentares da população

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL: fim de um ciclo expansionista? Eloísa Vidal (UECE) Leandro Costa (IPECE) Sofia Lerche Vieira (UECE, coord.)

ENSINO FUNDAMENTAL: fim de um ciclo expansionista? Eloísa Vidal (UECE) Leandro Costa (IPECE) Sofia Lerche Vieira (UECE, coord.) ENSINO FUNDAMENTAL: fim de um ciclo expansionista? Eloísa Vidal (UECE) Leandro Costa (IPECE) Sofia Lerche Vieira (UECE, coord.) Artigo sumário Introdução: recorte metodológico (Ensino Fundamental) e bases

Leia mais

Introdução redes sociais mulheres Digg

Introdução redes sociais mulheres Digg O século XIX ficou conhecido como o século europeu; o XX, como o americano. O século XXI será lembrado como o Século das Mulheres. (Tsvi Bisk, Center for Strategic Futurist Thinking, 2008) A Sophia Mind,

Leia mais

Sumário. 1 A pirâmide social brasileira: 3 As aspirações e os desejos. 4 Um povo cada vez mais otimista...26. 5 As diferenças regionais:

Sumário. 1 A pirâmide social brasileira: 3 As aspirações e os desejos. 4 Um povo cada vez mais otimista...26. 5 As diferenças regionais: Sumário 1 A pirâmide social brasileira: uma mudança à vista?...4 Renda familiar e renda disponível: as classes DE chegam ao ponto de equilíbrio...10 3 As aspirações e os desejos de consumo do brasileiro...18

Leia mais

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina Secretaria da Saúde do Estado de Santa Catarina Diretoria de Planejamento e Coordenação Gerência de Estatística e Informática Setor de Mortalidadade Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Leia mais

Metodologia e Amostra

Metodologia e Amostra Metodologia e Amostra 1. Estimativa de Investidores Pessoas Físicas 1.000 entrevistas telefônicas com população brasileira de 18 anos ou mais das classes ABC Margem de erro amostral máxima estimada para

Leia mais

6º Censo da Reciclagem de PET no Brasil 2009/2010

6º Censo da Reciclagem de PET no Brasil 2009/2010 6º Censo da Reciclagem de PET no Brasil 2009/2010 Reciclagem de PET no Brasil 2009 Censo Por quê? O Censo é a metodologia mais indicada quando a população é pequena e a variabilidade dentro da população

Leia mais

4.6 Análise estatística

4.6 Análise estatística 36 4.6 Análise estatística Na análise dos dados, foi utilizado o programa estatístico SPSS, versão 11.5 (Windows). Inicialmente, apresentou-se o resultado geral do grupo dos adolescentes obesos e de eutróficos,

Leia mais

Estrutura de Gerenciamento de Risco De Crédito

Estrutura de Gerenciamento de Risco De Crédito Estrutura de Gerenciamento de Risco De Crédito 1. DEFINIÇÃO E TIPOS DE RISCO DE CRÉDITO A Resolução nº 3.721/09, do Conselho Monetário Nacional, definiu Risco de Crédito como a possibilidade de ocorrência

Leia mais

5 Considerações finais

5 Considerações finais 5 Considerações finais 5.1. Conclusões A presente dissertação teve o objetivo principal de investigar a visão dos alunos que se formam em Administração sobre RSC e o seu ensino. Para alcançar esse objetivo,

Leia mais

PREVENÇÃO DAS DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS PREVENIR É PRECISO MANUAL DE ORIENTAÇÕES AOS SERVIDORES VIGIAS DA PREFEITURA DE MONTES CLAROS

PREVENÇÃO DAS DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS PREVENIR É PRECISO MANUAL DE ORIENTAÇÕES AOS SERVIDORES VIGIAS DA PREFEITURA DE MONTES CLAROS PREVENÇÃO DAS DOENÇAS MANUAL DE ORIENTAÇÕES AOS SERVIDORES CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS VIGIAS DA PREFEITURA DE MONTES CLAROS design ASCOM-PMMC PREVENIR É PRECISO DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS No

Leia mais

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ Mossoró, setembro de 2015 1 Sumário 1. Aspectos Metodológicos... 3 2. Descrição dos Resultados... 4 Itens de comemoração... 4 Gastos com presente... 4 Local e quando

Leia mais

SINCOR-SP 2015 NOVEMBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 NOVEMBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS NOVEMBRO 20 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

CUIDADOS COM A BELEZA

CUIDADOS COM A BELEZA CUIDADOS COM A BELEZA Dihego Pansini Getúlio Cantão Quando observamos os padrões de beleza determinados pela sociedade no decorrer dos, podemos perceber que a mesma possui uma característica de transitoriedade,

Leia mais

A necessidade de elevar a incidência da contribuição para o PIS/PASEP e da COFINS sobre cigarros

A necessidade de elevar a incidência da contribuição para o PIS/PASEP e da COFINS sobre cigarros A necessidade de elevar a incidência da contribuição para o PIS/PASEP e da COFINS sobre cigarros Estudo de Roberto Iglesias, economista, consultor da ACT Maio de 2009 O Poder Executivo, através da Medida

Leia mais

Pesquisa inédita avalia conhecimento da população sobre a tuberculose

Pesquisa inédita avalia conhecimento da população sobre a tuberculose Pesquisa inédita avalia conhecimento da população sobre a tuberculose Uma pesquisa quantitativa de opinião pública realizada pelo Núcleo de Pesquisas da Universidade Federal Fluminense (DataUFF) demonstra

Leia mais

Principais causas de estresse

Principais causas de estresse Principais causas de estresse Pesquisa global GfK Novembro 2015 1 Pesquisa global GfK: Principais causas de estresse 1 Metodologia 2 Resultado Global 3 Resultado Brasil 2 Metodologia 3 Abrangência, metodologia

Leia mais

RESTRIÇÃO À UTILIZAÇÃO DAS SACOLAS PLÁSTICAS É CONTROVERSA

RESTRIÇÃO À UTILIZAÇÃO DAS SACOLAS PLÁSTICAS É CONTROVERSA RESTRIÇÃO À UTILIZAÇÃO DAS SACOLAS PLÁSTICAS É CONTROVERSA Roberta Atherton Diversas capitais brasileiras já aprovaram leis que limitam ou proíbem a utilização de sacolas plásticas em estabelecimentos

Leia mais

PESQUISADORES. Pesquisadores

PESQUISADORES. Pesquisadores Pesquisadores Objetivos 2 Conhecer a opinião dos pesquisadores apoiados pela FAPESP sobre o tema Ciência e Tecnologia. 3 Principais resultados Principais resultados 4 Melhores recursos financeiros e credibilidade

Leia mais

Indicadores CNI ISSN 2317-7012 Ano 5 Número 1 Março de 2015. Pesquisa CNI-Ibope AVALIAÇÃO DO GOVERNO. Março / 2015

Indicadores CNI ISSN 2317-7012 Ano 5 Número 1 Março de 2015. Pesquisa CNI-Ibope AVALIAÇÃO DO GOVERNO. Março / 2015 Indicadores CNI ISSN 217-7012 Ano 5 Número 1 Março de 2015 Pesquisa CNI-Ibope AVALIAÇÃO DO GOVERNO Março / 2015 CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Presidente: Robson Braga de Andrade DIRETORIA DE

Leia mais

Autores: Cristina Somariva Leandro Jacson Schacht. SESI Serviço Social da Indústria Cidade: Concórdia Estado: Santa Catarina 27/10/2015

Autores: Cristina Somariva Leandro Jacson Schacht. SESI Serviço Social da Indústria Cidade: Concórdia Estado: Santa Catarina 27/10/2015 Autores: Cristina Somariva Leandro Jacson Schacht SESI Serviço Social da Indústria Cidade: Concórdia Estado: Santa Catarina 27/10/2015 REDUÇÃO DE PESO E CIRCUNFERÊNCIA ABDOMINAL EM TRABALHADORES DA INDÚSTRIA

Leia mais

Legalização da maconha

Legalização da maconha Legalização da maconha Secretaria de Transparência Coordenação de Controle Social Serviço de Pesquisa DataSenado Julho de 2014 www.senado.leg.br/datasenado 1 57% dos brasileiros apoiam a legalização da

Leia mais

SONDAGEM ESPECIAL PRODUTIVIDADE RIO GRANDE DO SUL. Sondagem Especial Produtividade Unidade de Estudos Econômicos Sistema FIERGS

SONDAGEM ESPECIAL PRODUTIVIDADE RIO GRANDE DO SUL. Sondagem Especial Produtividade Unidade de Estudos Econômicos Sistema FIERGS SONDAGEM ESPECIAL PRODUTIVIDADE 32,1% das empresas da indústria de transformação não aumentaram sua produtividade nos últimos 5 anos. Na indústria da construção este percentual sobe para 46,9%. 25% das

Leia mais

AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE MENINOS DA CIDADE DE AMPARO - SÃO PAULO

AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE MENINOS DA CIDADE DE AMPARO - SÃO PAULO AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE MENINOS DA CIDADE DE AMPARO - SÃO PAULO Mari Uyeda* Pedro Henrique Martins de Lima** RESUMO: As mudanças nas práticas alimentares e no padrão de atividades físicas culminaram em

Leia mais

Desenvolvimento. Unidade 6: América: contrastes no desenvolvimento

Desenvolvimento. Unidade 6: América: contrastes no desenvolvimento Unidade 6: América: contrastes no desenvolvimento Capítulo 1: América: Um continente de Contrastes Capítulo 2: Estados Unidos e Canadá Apresentação elaborada pelos alunos do 8º Ano A Desenvolvimento Processo

Leia mais

São Paulo, 14 de julho de 2004. COMÉRCIO VAREJISTA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

São Paulo, 14 de julho de 2004. COMÉRCIO VAREJISTA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO São Paulo, 14 de julho de 2004. COMÉRCIO VAREJISTA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO E OS TRABALHADORES Pulverizado, com uma grande concentração de empresas de pequeno porte - mais de 60% dos trabalhadores estão

Leia mais

CÁLCULO DO IMC E A VERDADEIRA DIETA DA LUA

CÁLCULO DO IMC E A VERDADEIRA DIETA DA LUA CÁLCULO DO IMC E A VERDADEIRA DIETA DA LUA Na semana passada falei sobre as diferenças entre massa (m) e peso (P). Para reforçá-las, repito acima a tabela que resume bem a comparação entre estas duas grandezas

Leia mais

CENÁRIO BRASILEIRO DO MARKETING RELACIONADO A CAUSAS Atitudes e comportamento do consumidor

CENÁRIO BRASILEIRO DO MARKETING RELACIONADO A CAUSAS Atitudes e comportamento do consumidor CENÁRIO BRASILEIRO DO MARKETING RELACIONADO A CAUSAS Atitudes e comportamento do consumidor 2º Seminário Internacional de Marketing Relacionado a Causas 27 de setembro de 2005 1 O que pensa consumidor

Leia mais

Resultados da Pesquisa IDIS de Investimento Social na Comunidade 2004

Resultados da Pesquisa IDIS de Investimento Social na Comunidade 2004 Resultados da Pesquisa IDIS de Investimento Social na Comunidade 2004 Por Zilda Knoploch, presidente da Enfoque Pesquisa de Marketing Este material foi elaborado pela Enfoque Pesquisa de Marketing, empresa

Leia mais

Suinocultura - Análise da Conjuntura Agropecuária

Suinocultura - Análise da Conjuntura Agropecuária Suinocultura - Análise da Conjuntura Agropecuária fevereiro de 2013. 1 - Considerações Iniciais A Suinocultura é uma das atividades da agropecuária mais difundida e produzida no mundo. O porco, espécie

Leia mais

CONCURSO DE BOLSAS MATEMÁTICA 6 º ANO DO FUNDAMENTAL

CONCURSO DE BOLSAS MATEMÁTICA 6 º ANO DO FUNDAMENTAL CONCURSO DE BOLSAS MATEMÁTICA 6 º ANO DO FUNDAMENTAL NOME: GABARITO TEMA: Fome e obesidade, uma contradição e um desafio social. Os números a seguir revelam dois Brasis distintos. Enquanto cerca de 17

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

PREVALÊNCIA DE SOBREPESO E DE OBESIDADE EM ESCOLARES DO ENSINO FUNDAMENTAL I DA ESCOLA ESTADUAL ANTONIA DE FARIAS RANGEL

PREVALÊNCIA DE SOBREPESO E DE OBESIDADE EM ESCOLARES DO ENSINO FUNDAMENTAL I DA ESCOLA ESTADUAL ANTONIA DE FARIAS RANGEL ARTIGO PREVALÊNCIA DE SOBREPESO E DE OBESIDADE EM ESCOLARES DO ENSINO FUNDAMENTAL I DA ESCOLA ESTADUAL ANTONIA DE FARIAS RANGEL Flávio Petrônio Cabral de Castro Docente da Escola Estadual Antonia Rangel

Leia mais

SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS JOVENS SOBRE A DÉCADA DA EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 1

SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS JOVENS SOBRE A DÉCADA DA EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 1 SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS JOVENS SOBRE A DÉCADA DA EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 1 Philippe Pomier Layrargues Educador ambiental, técnico da Diretoria de Educação Ambiental

Leia mais

Dificuldades na busca por oportunidades: o que pensam os executivos?

Dificuldades na busca por oportunidades: o que pensam os executivos? Dificuldades na busca por oportunidades: o que pensam os executivos? O PageGroup, conglomerado britânico de empresas especializadas em recrutamento e seleção de executivos de diversas áreas, presente em

Leia mais

PROJETO DE PESQUISA ACESSIBILIDADE NA ESCOLA ESPECIAL HELEN KELLER CAXIAS DO SUL

PROJETO DE PESQUISA ACESSIBILIDADE NA ESCOLA ESPECIAL HELEN KELLER CAXIAS DO SUL UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL CENTRO DE FILOSOFIA E EDUCAÇÃO PROJETO NOSSA ESCOLA PESQUISA SUA OPINIÃO - PÓLO RS CURSO ESCOLA E PESQUISA: UM ENCONTRO POSSÍVEL ELENISE PEREIRA PROJETO DE PESQUISA ACESSIBILIDADE

Leia mais

Realizador. Ficha Técnica. Equipe. Parceiro. Confederação Nacional de Jovens Empresários (Conaje) Fernando Fagundes Milagre Presidente

Realizador. Ficha Técnica. Equipe. Parceiro. Confederação Nacional de Jovens Empresários (Conaje) Fernando Fagundes Milagre Presidente 1 Realizador Confederação Nacional de Jovens Empresários (Conaje) Ficha Técnica Fernando Fagundes Milagre Presidente Julio César Vasconcelos Vice Presidente Érik Capodeferro Diretor Executivo Equipe Ananda

Leia mais

SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS

SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS SOBRE HERANÇAS E PRESENTES: O QUE PENSAM OS JOVENS SOBRE A DÉCADA DA EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 1 Philippe Pomier Layrargues Educador ambiental, técnico da Diretoria de Educação Ambiental

Leia mais

CONFIDENCIAL SONNE. Fidelidade a marcas. Setembro 2015 MAKING YOUR BUSINESS WALK THE BRAND YOU TALK

CONFIDENCIAL SONNE. Fidelidade a marcas. Setembro 2015 MAKING YOUR BUSINESS WALK THE BRAND YOU TALK SONNE Fidelidade a marcas Setembro 2015 MAKING YOUR BUSINESS WALK THE BRAND YOU TALK SONNE Supermercado SET 2015 1 Resultado da pesquisa quan7ta7va SONNE Supermercado SET 2015 2 Obje

Leia mais

Expectativas para 2015

Expectativas para 2015 Crise Economia Pessimismo Política Otimismo Segurança Saúde Prosperidade Expectativas para 2015 OBJETIVO Medir a expectativa da população mundial para o ano seguinte, por meio de índices de esperança e

Leia mais

Proposta de questionário

Proposta de questionário Proposta de questionário Estudo de opinião Telefónico Concelho de Mangualde Cod. 0452009 Janeiro 2009 Capital Social 55.000 Euros P.C. 502 175 907 1 Questionário Índice Questões introdutórias... 3 Dados

Leia mais

Retratos da Sociedade Brasileira. Qualidade dos serviços públicos e tributação

Retratos da Sociedade Brasileira. Qualidade dos serviços públicos e tributação Retratos da Sociedade Brasileira Educação Meio ambiente Qualidade dos serviços públicos e tributação Locomoção urbana Segurança pública Saúde Pública agosto/2010 dezembro/2010 março/2011 agosto/2011 outubro/2011

Leia mais

DECISÕES E COMPORTAMENTO

DECISÕES E COMPORTAMENTO DECISÕES E COMPORTAMENTO Aluno: Michel Dummar Azulai Orientador: Juliano Assunção Introdução A tomada de decisões é um assunto de extrema importância para o estudo da economia. O entendimento dos efeitos

Leia mais

Barómetro Regional da Qualidade Avaliação da Satisfação dos Residentes com o Meio Envolvente

Barómetro Regional da Qualidade Avaliação da Satisfação dos Residentes com o Meio Envolvente Avaliação da Satisfação dos Residentes com o Meio Envolvente 2011 Entidade Promotora Concepção e Realização Enquadramento Vice-Presidência Avaliação da Satisfação dos Residentes com o Meio Envolvente

Leia mais

MULHER NO MERCADO DE TRABALHO

MULHER NO MERCADO DE TRABALHO MULHER NO MERCADO DE TRABALHO Tâmara Freitas Barros A mulher continua a ser discriminada no mercado de trabalho. Foi o que 53,2% dos moradores da Grande Vitória afirmaram em recente pesquisa da Futura,

Leia mais

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL?

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? O Ministério da Saúde está lançando a versão de bolso do Guia Alimentar para a População Brasileira, em formato de Dez Passos para uma Alimentação Saudável, com o objetivo

Leia mais

ATENÇÃO: O RELATÓRIO ESTÁ SOB EMBARGO INTERNACIONAL. QUALQUER DADO SÓ PODERÁ SER PUBLICADO DIA 26/6 A PARTIR DE 10H30 HORA BRASÍLIA

ATENÇÃO: O RELATÓRIO ESTÁ SOB EMBARGO INTERNACIONAL. QUALQUER DADO SÓ PODERÁ SER PUBLICADO DIA 26/6 A PARTIR DE 10H30 HORA BRASÍLIA 1 ATENÇÃO: O RELATÓRIO ESTÁ SOB EMBARGO INTERNACIONAL. QUALQUER DADO SÓ PODERÁ SER PUBLICADO DIA 26/6 A PARTIR DE 10H30 HORA BRASÍLIA O Brasil no Relatório Mundial de Drogas 2007 TENDÊNCIAS DO MERCADO

Leia mais

AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE ESCOLARES E A INFLUÊNCIA DA MÍDIA NO CONSUMO DE ALIMENTOS

AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE ESCOLARES E A INFLUÊNCIA DA MÍDIA NO CONSUMO DE ALIMENTOS AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE ESCOLARES E A INFLUÊNCIA DA MÍDIA NO CONSUMO DE ALIMENTOS CARNEIRO, Alessandra Rosa de Araújo ARAÚJO, Ana Cristina Tomaz (UNITRI) anacrisnutricao@yahoo.com.br RESUMO: Introdução:

Leia mais

ENFRENTAMENTO DA OBESIDADE ABORDAGEM TERAPÊUTICA

ENFRENTAMENTO DA OBESIDADE ABORDAGEM TERAPÊUTICA ENFRENTAMENTO DA OBESIDADE ABORDAGEM TERAPÊUTICA Obesidade 300 mil mortes / ano; 100 bi dólares / ano; O excesso de peso (IMC >25) acomete de 15% a 60% da população de todos os países civilizados. EUA...

Leia mais

Apresentação. Introdução. Francine Leite. Luiz Augusto Carneiro Superintendente Executivo

Apresentação. Introdução. Francine Leite. Luiz Augusto Carneiro Superintendente Executivo Evolução dos Fatores de Risco para Doenças Crônicas e da prevalência do Diabete Melito e Hipertensão Arterial na população brasileira: Resultados do VIGITEL 2006-2009 Luiz Augusto Carneiro Superintendente

Leia mais

ANÁLISE DO EMPREGO E DESEMPREGO A PARTIR DO CADASTRO DA CAT Andréia Arpon* Adriana Fontes *

ANÁLISE DO EMPREGO E DESEMPREGO A PARTIR DO CADASTRO DA CAT Andréia Arpon* Adriana Fontes * ANÁLISE DO EMPREGO E DESEMPREGO A PARTIR DO CADASTRO DA CAT Andréia Arpon* Adriana Fontes * Pesquisas indicam que o desemprego é um dos maiores problemas, senão o maior, enfrentados pela população brasileira

Leia mais

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Professor: Josiane Vill Disciplina: Geografia Série: 3ª Ano Tema da aula: Crescimento populacional: tendências e dilemas Objetivo da aula: contextualizar

Leia mais

CONSUMO NA MATURIDADE: Indicadores, Roupas e Corpos. JAQUELINE FERREIRA HOLANDA DE MELO, MARIA ALICE VASCONCELOS ROCHA

CONSUMO NA MATURIDADE: Indicadores, Roupas e Corpos. JAQUELINE FERREIRA HOLANDA DE MELO, MARIA ALICE VASCONCELOS ROCHA 1 CONSUMO NA MATURIDADE: Indicadores, Roupas e Corpos. JAQUELINE FERREIRA HOLANDA DE MELO, MARIA ALICE VASCONCELOS ROCHA Introdução Considerando, as variações do corpo humano e tendo, ainda, como variáveis-chaves

Leia mais

As tendências sociais na América Latina e sua importância para o Desenvolvimento de Produtos Marcus Daniel Diretor de Vendas CDMA NOKIA Brasil

As tendências sociais na América Latina e sua importância para o Desenvolvimento de Produtos Marcus Daniel Diretor de Vendas CDMA NOKIA Brasil As tendências sociais na América Latina e sua importância para o Desenvolvimento de Produtos Marcus Daniel Diretor de Vendas CDMA NOKIA Brasil 1 2006 Nokia Tendências Sociais na América Latina O quê está

Leia mais

Resultados Inventário GEE 2010

Resultados Inventário GEE 2010 Resultados Inventário GEE 2010 Emissões GEE Natura 2010 Resultados 2010 carbono META* Redução 2010 Variação % 2009-2010 Variação acumulada % 2006-2010 Variação emissões relativas (kg de CO 2 e / kg de

Leia mais