ÁGUAS LINDAS DE GOIÁS (GO) Nome do projeto. Transversalidades Cidadania Digital ,5. Expressão Arte e Cinema Popular ,5

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÁGUAS LINDAS DE GOIÁS (GO) Nome do projeto. Transversalidades 020 4 28. Cidadania Digital 002 4 25,5. Expressão Arte e Cinema Popular 010 4 25,5"

Transcrição

1 ÁGUAS LINDAS DE GOIÁS (GO) Nome do Número do Duração Nota final Transversalidades Cidadania Digital ,5 Expressão Arte e Cinema Popular ,5 Docência e Cidadania Planetária ,5 Vídeo de Cordel MoverMents - Preenchendo Vazios Movimentando Mentes ,5 Recicle Reuse Cinelab Cinema Livre ,5 Projeto Contato Direto Cultura em Série Inclusão Digital: Formando Articuladores na Comunidade Lugar Afetivo Programação de Microcontrolador da Família 8051 Informática Básica, Internet e Criação de um Blog , ,5 Analise de Sistemas Noção de Eletrônica Básica para Aplicação em Programação de Microcontrolador Família Eletrônica Básica ,5 Desenvolvimento de Sites Ensinando Tecnologia JAVA ,5 Educação de Jovem e Adulto (eja) Faça parte do movimento maker

2 CAMPO LARGO (PR) Número Nome do do Duração Nota final Jardinagem Territorialidade: CEU Campo Largo Jardinagem Territorialidade: CEU Campo Largo Comunica CEU ,5 Hipertextos: reflexão e criação OCA- Ocupação Criatividade e Aproveitamento Guardiões da Sabedoria Ancestral e os Alquimistas Simbolos e Mitoss Criacidade- Ocupação Cartográfica ,5 Sinfonia Comum ,5 Idéias na Rua-Ocupação de Realização Reportagem Cinematográfica ,5 Fotografia Experimental Comunidade-INTEGRA ,5 Informática na Comunidade INTERAGE ,5 Karatê Social

3 COLATINA (ES) Nome do Número do Duração Nota final OCUPAÇÃO DO LABCEUS COMO FERRAMENTA NA REVITALIZAÇÃO DO BAIRRO COLUMBIA ,5 SubMidia, Radio e Territorio MONTAGEM E MANUTENÇÃO DE HORTA ORGÂNICA PARA PEQUENOS ESPAÇOS E COM UTILIZAÇÃO DE MATERIAIS REAPROVEITADOS Decodificando a Cidade - mapear, narrar e compartilhar a rua ,5 Nosso Cartão Postal RCC - REDAÇÃO COLABORATIVA COLUMBUS ,5 Robótica : Ciência, Conhecimento & Tecnologia à serviço da humanidade Tecnologia e Saúde Psicossomática ,5 LAZER NO CEU Letras de Rap - A Nova Literatura da Periferia Oficina de Criação Poética e Sarau "Quebrando o Silêncio" Comunicação e Evolução ,5 In loco História em vídeo:resgate, Memória e Identidade Brincando de Animação ,5 Sentidos Revelados

4 COLATINA (ES) Número Nome do Duração Nota final do Casa Limpa Vida Saudável ,5 Casa Limpa Vida Saudável ,5 Reportagem Cinematografica ,5 Projeto de Reciclagem Informática Descomplicada ,5

5 ERECHIM (RS) Nome do Duração Nota final Horta Comunitária Semeando Idéias, Cultivando Futuro ,5 Tramas a Ultramar - web expandida Ecosófica de arte social integrada ,5 Se essa rua fosse minha ,5 Remixando Áudio e Tecnologia em Erechim ,5 Sinfonia na Cidade: espaços, sons e memória no bairro progresso ,5 LAB Criativo de Apropriação Tecnológica ,5 Este corpo em negativo/ Este olhar em positivo ,5 Projeto Diversidade Coletiva Ordem e Progresso: Consciência da cultura - Cultura da ciência ,5 Jovens multiplicadores ,5 CEU da palavra Curadoria Participativa: um desafio para representar a memória coletiva (Re)pensando ações educativas a partir de materiais potencializadores ,5

6 HORIZONTE (CE) Nome do Número do Duração Nota final Corpos Conectores ,5 IntegrArte: ativismo pela água com arte ,5 Minimídias Labnômade ,5 Transborda ,5 As vozes e o Horizonte ,5 Os Olhares do Horizonte ,5 Projeto Conexão Web TV Conexão Paisagem subjetiva As manifestações da Gente ,5 Informática pra transformar ,5 Curso de Ensino e Pintura Digital Desenvolvimento e programação Web Curso de Edição de imagens e fotografia ,5

7 LUÍS EDUARDO MAGALHÃES (BA) Nome do Duração Nota final O mundo da Cidadania Maker e Open Source Expedições a pé - Outras narrativas ,5 Direito à comunicação: jornalismo cidadão em comunidades populares periféricas ,5 Som da Lata ,5 Curto e compartilho: música sacra negra ,5 Oficina de Acervos Digitais e Sustentabilidade Cultural ,5

8 PETROLINA (PE) Avaliação da segunda chamada pública Número Nome do Duração Nota final do #Interligados Narrativa, memória e mídia locativa: uma proposta gamificada Mulheres de Terreiros conta suas histórias: Encontro e desencontros das Mulheres de Terreiro no município de Petrolina. Labinventário: LAB de processos em patrimônio cultural Biodecompositor Amigo do Projeto- Escola: Implementação de recursos sustentáveis em Petrolina/PE , , ,5 Expo Petrolina Plant.MAP - Game para mapeamento de ecossistema floristico urbano de Petrolina Transborda - Paisagens Cotidianas Invisíveis Imaginautas Labinventario: II LAB de processos em patrimonio cultural Herança de um Povo - a " pedagogia" da Capoeira Angola no Sertão Pernambucano. Como pensar o espaço através da Arte Educação Ambiental ,5 Celeiro de pesquisa e formação "EuArtista" ,5 Realidade ampliada pela cidade ,5 Empreendedorismo e renda com o artesanato local ,5 MIX TAP-DANCE "SAPATOS QUE FALAM" Vivência Criativa ,5 Iniciação ao Ballet para crianças e adolescentes da comunidade

9 PETROLINA (PE) Número Nome do Duração Nota final do Arborização Urbana ,5 Elaboração De Projetos Culturais Toy Art em tecidos: Uma manifestação que se apropria do brinquedo ,5

10 SÃO FÉLIX DO XINGU (PA) Nome do Duração Nota final Do acervo Clement ao Memorial Xingu Rádio Poste Kayapó LED - Laboratório de Empreendedorismo Digital ,5 Vozes pela Inclusão Baobá Xingu - uma imersão nas tecnologias do possível ,5 Olhar devagar o Xingu Intervenções Territoriais, Mobilização Cultural e Mapeamento Mapeamento Afetivo, Saberes Tradicionais e Audiovisual SFX Cartografias do caminho ,5 Projeto Link Direto - Descobrindo o audiovisual ,5 Infografia sensitiva ,5 Reflexcidade Cenas Amazônicas ,5

11 SERTÃOZINHO (SP) Nome do Duração Nota final Criando Jogos Livres em (com) Comunidade(s) ,5 Tambores e ethans africanos ,5 Software Livre + Educomunicação = Agência Popular de Comunicação Livre Web Radio CDN ,5 IntenCidade Olhares: a cidade que dança - diversidade e movimento ,5 CDN - LIVRE RADIO E TV WEB ,5 Agência livre -Edição "Newsgames" CONHECER PARA ENRAIZAR: trajetórias urbanas, território e identidade no CEU Sertãozinho Aprenda a fazer seu game, dando um rolê na cidade Afreaka: comunicação alternativa e África contemporânea , , ,5 Palavra Livre ,5 Lab Livre - 1ª Feira Ecocultural Reciclarte ,5 Aprenda a fazer seu game sobre meio ambiente CEU nas RUAS Circulação ArtExpeCicla Cultura e Design: Criando uma Agenda Cultural com Softwares Livres

12 SERTÃOZINHO (SP) Nome do Duração Nota final Hip-Hop/Pesquisa ,5 Filmando Sertãozinho - histórias e estórias contadas pelo audiovisual Difundindo a Cultura: Agenda Cultural online com Softwares Gratuitos , Arquivos online ,5 Arte Sonora_Da paisagem ao objeto ,5 Intervenção Urbana ,5 Alfabetização visual ,5 Ciranda Eu e a Cidade - Vou contar Xadrez em Cena ,5 LABirinto- AV: Espaço Temporário de Criação e ativação se dinâmicas sensoriais BPM Produções de Audio Musical CANTANDO HISTÓRIA SOBRE CULTURAS ETNICAS Design de Jogos RPG, Aprenda a Fazer seu Game ,5 Imersão Cultural ,5 Convergência das Mídias ,5 Paulestinos Estudando a Musica Caipira Tai Chi Chuan - Praticando Saúde Ateliê de áudio: criação e experimentação de som ,5 Jornal Escolar: a mídia como uma proposta interdisciplinar no contexto de educação para todos ,5

13 SERTÃOZINHO (SP) Nome do Duração Nota final T.I.A- Teatro Integrando às Artes PROJETO MUNDO A FORA ,5 Empreende Escola Workshop de Game Design ,5 PROJETO MAGNUS MUNDO-Oficina de interpretação para cinema e vídeo ,5 Xadrez para todos ,5 Inclusão Digital ,5

14 SETE LAGOAS (MG) Nome do Duração Nota final Canteiro dos Pequis ,25 Mutirão Agroecológico Mutirão Jardim dos Pequis , Interações sensíveis para diálogos estéticos ,5 Dançando pela Vida ,5 No palco da vida ,5 O teatro-circo sem lona Do lugar onde estou já fui embora ,5 Laboratorio de Mobilização Social Digital Lab Livre - 1ª Feira Ecocultural Reciclarte Glossário das Emoções com as crianças de Sete Lagoas , ,5 CLICK SUSTENTÁVEL: CRIANDO POSSIBILIDADES Laboratório Cocriativo de Processos Audiovisuais Oficina Colorismo, Grafismo e Música Black Sow , ,2 Museu Vivo ,75

15 SETE LAGOAS (MG) Nome do Duração Nota final Projeto Tecnologia Social ,6 Escritores da minha Terra ,25 Oficina de estamparia urbana ,25 Reportagem Cinematográfica e Fotográfica Cartografia Sonora em Construção Coletiva , ,75 Mobilizarte ,5 oficina de estamparia ,3 Ecoarte Tai Chi Chuan - Praticando Saúde ,8 Eu e a Cidade - Vou contar ,75 Tendas das Histórias Território Cultural ,6 Registrando Nossa Comunidade ,5 Cartão Postal Não Convencional ,5 Repórteres e Jornalistas Mirins ,25

Missão. Objetivo Geral

Missão. Objetivo Geral SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO Curso: CINEMA E AUDIOVISUAL Missão O Curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estácio de Sá tem como missão formar um profissional humanista, com perfil técnico e artístico

Leia mais

OFICINA DE FOTOGRAFIA E VÍDEO COM CELULARES

OFICINA DE FOTOGRAFIA E VÍDEO COM CELULARES OFICINA DE FOTOGRAFIA E VÍDEO COM CELULARES RELATÓRIO Oficina de fotografia e vídeo com celulares como ferramenta de inclusão visual através de tecnologias acessíveis, percepção do território, construção

Leia mais

PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1

PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1 PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1 MENDONÇA, Marcelo Rodrigues OLIVEIRA, João Manoel Borges RESUMO: O Ponto de Cultura Fazendo Arte é uma ação da Associação dos Moradores do Bairro Santa Terezinha

Leia mais

Universidade Federal Fluminense IACS - Instituto de Arte e Comunicação Social Departamento de Comunicação Social Curso de Publicidade e Propaganda

Universidade Federal Fluminense IACS - Instituto de Arte e Comunicação Social Departamento de Comunicação Social Curso de Publicidade e Propaganda Universidade Federal Fluminense IACS - Instituto de Arte e Comunicação Social Departamento de Comunicação Social Curso de Publicidade e Propaganda Disciplinas Optativas Publicidade Carga horária total

Leia mais

Portal de conteúdos Linha Direta

Portal de conteúdos Linha Direta Portal de conteúdos Linha Direta Tecnologias Educacionais PROMOVEM SÃO Ferramentas Recursos USADAS EM SALA DE AULA PARA APRENDIZADO SÃO: Facilitadoras Incentivadoras SERVEM Necessárias Pesquisa Facilitar

Leia mais

PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet. Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS

PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet. Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS SÍNTESE O projeto tem por objeto a realização de diversas atividades gratuitas nas

Leia mais

PROJETOS ÁREA COMUNICAÇÃO

PROJETOS ÁREA COMUNICAÇÃO Comunicação Christina Ferraz Musse estratégica Comunicação Social para grupos de economia popular solidária de Juiz de Fora e região (Núcleo de Comunicação Social da INTECOOP/ UFJF) Website da Liga Acadêmica

Leia mais

Palavras-chave: 1. Artes; 2. Audiovisual 3. Educação; 4. Rádio; 5. Vídeo

Palavras-chave: 1. Artes; 2. Audiovisual 3. Educação; 4. Rádio; 5. Vídeo Artes Audiovisuais: Estratégia cooperativa na modalidade Educação Jovem e Adulta - EJA STEFANELLI, Ricardo 1 Instituto Federal de Educação Tecnológica de São Paulo RESUMO O presente trabalho na disciplina

Leia mais

Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados

Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados CURTA-SE VIII Festival Ibero-Americano de Curtas-Metragens de Sergipe Protocolo: 4 Proponente: Centro de Estudos Casa Curta-SE Estado do Proponente:

Leia mais

Disciplinas Optativas Jornalismo

Disciplinas Optativas Jornalismo Universidade Federal Fluminense IACS - Instituto de Arte e Comunicação Social Departamento de Comunicação Social Curso de Jornalismo Disciplinas Optativas Jornalismo Carga horária total de optativas: 930

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido.

Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido. Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido. Criar novos mecanismos de intercâmbio e fortalecer os programas de intercâmbio já existentes,

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

ATIVIDADE. Educação Patrimonial 100 4.000,00 2.381,00

ATIVIDADE. Educação Patrimonial 100 4.000,00 2.381,00 REGISTRO #39 COD. INEP 28009894 NOME DA ESCOLA ESCOLA ESTADUAL JOAO DE MATTOS CARVALHO 2012 ALUNADO PARTICIPANTE 1 2 0 0 0 0 40 20 20 20 0 100 MACROCAMPO ATIVIDADE QUANTIDADE DE ALUNOS POR ATIVIDADE VALOR

Leia mais

Professores, mídias e educação Desconstruindo mitos e estereótipos

Professores, mídias e educação Desconstruindo mitos e estereótipos Professores, mídias e educação Desconstruindo mitos e estereótipos Michelle Prazeres michelleprazeres@usp.br Bom dia! Um convite a uma sensibilidade... Minha trajetória lugar de fala (posição) Tese: Moderna

Leia mais

Programa Educativo 2014 2015 Público Escolar Museu das Comunicações

Programa Educativo 2014 2015 Público Escolar Museu das Comunicações Programa Educativo 2014 2015 Público Escolar Museu das Comunicações Visitas guiadas às exposições Exposições Permanentes Vencer a Distância - Cinco Séculos de Comunicações em Portugal Horários: 3ª a 6ª

Leia mais

Mais Cultura nas Escolas

Mais Cultura nas Escolas Mais Cultura nas Escolas O que é o Programa Mais Cultura nas Escolas? Projeto Andarilha das Letras, Circulação Literária/ FUNARTE É o encontro de projetos pedagógicos de escolas da rede pública com experiências

Leia mais

EMEI PROTÁSIO ALVES Linguagem - Tecnologias e Mídias na Educação. Porto Alegre 2012

EMEI PROTÁSIO ALVES Linguagem - Tecnologias e Mídias na Educação. Porto Alegre 2012 EMEI PROTÁSIO ALVES Linguagem - Tecnologias e Mídias na Educação Porto Alegre 2012 Jacqueline Gomes de Aguiar jacqueaguiar@smed.prefpoa.com.br Profª de Educação Infantil, alfabetizadora, de Língua e Literatura,

Leia mais

cerca de 200 crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social do Centro Histórico e da periferia de Salvador.

cerca de 200 crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social do Centro Histórico e da periferia de Salvador. I ENCONTRO, CAPOEIRA e PATRIMÔNIO IMATERIAL no BRASIL: perspectivas para a implementação de políticas públicas de salvaguarda da Capoeira. Local: UFF Niterói RJ Data: 3 de setembro de 2006 às 16:00 h Tema:

Leia mais

Lista de Projetos Contemplados no Programa Integração Petrobras Comunidade

Lista de Projetos Contemplados no Programa Integração Petrobras Comunidade Lista de Projetos Contemplados no Programa Integração Petrobras Comunidade ITABORAÍ Projeto: Fábrica de Sonhos Nome da instituição: Liga Independente das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Itaboraí

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA DE CULTURA DIGITAL

MANUAL DO PROGRAMA DE CULTURA DIGITAL MANUAL DO PROGRAMA DE CULTURA DIGITAL Av. D. Pedro II, 1892- Sala 07 N. Srª. das Graças CEP: 76.804-116 - Porto Velho- Rondônia - Brasil Fone/Fax: 69-3229-2826 kaninde@kaninde.org.br / www.kaninde.org.br

Leia mais

Sheet1. Criação de uma rede formada por tvs e rádios comunitárias, para acesso aos conteúdos

Sheet1. Criação de uma rede formada por tvs e rádios comunitárias, para acesso aos conteúdos Criação de um canal de atendimento específico ao público dedicado ao suporte de tecnologias livres. Formação de comitês indicados por representantes da sociedade civil para fomentar para a ocupação dos

Leia mais

P r o j e t os Selecionados

P r o j e t os Selecionados P r o j e t os Selecionados Proponente Projeto Categoria UF Universidade Estadual de Santa Cruz Vozes dos Ilhéus BA Rádio Senado * O povo cigano no Brasil DF Fundação Rádio e Televisão Educativa e Cultural

Leia mais

O Jornal Escolar no Programa Mais Educação: adesão das escolas em 2013 1 Daniéli Hartmann ANTONELLO 2 Universidade Federal de Santa Maria, RS

O Jornal Escolar no Programa Mais Educação: adesão das escolas em 2013 1 Daniéli Hartmann ANTONELLO 2 Universidade Federal de Santa Maria, RS O Jornal Escolar no Programa Mais Educação: adesão das escolas em 2013 1 Daniéli Hartmann ANTONELLO 2 Universidade Federal de Santa Maria, RS Resumo Este artigo aborda o Macrocampo Comunicação e Uso de

Leia mais

PROGRAMA TRILHA SETRE NA TRILHA DAS ARTES CURSOS DE 400 HORAS. 1. Qualificação Social 100 horas

PROGRAMA TRILHA SETRE NA TRILHA DAS ARTES CURSOS DE 400 HORAS. 1. Qualificação Social 100 horas PROGRAMA TRILHA SETRE NA TRILHA DAS ARTES CURSOS DE 400 HORAS 1. Qualificação Social 100 horas INCLUSÃO DIGITAL - 30 horas (15 h de prática) Ementa: Introdução à informática, hardware e software. Descrição

Leia mais

Tecnologia em. Design Gráfico

Tecnologia em. Design Gráfico Tecnologia em Design Gráfico Tecnologia em Design Gráfico CARREIRA O Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico oferece oportunidade para o trabalho profissional em diversas profissões relacionadas

Leia mais

SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES ARTÍSTICAS, CIENTÍFICAS E CULTURAIS NO PROCESSO DA 3ª CONFERÊNCIA NACIONAL DE JUVENTUDE

SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES ARTÍSTICAS, CIENTÍFICAS E CULTURAIS NO PROCESSO DA 3ª CONFERÊNCIA NACIONAL DE JUVENTUDE RESOLUÇÃO 08/2015, DA COMISSÃO ORGANIZADORA NACIONAL A Comissão Organizadora da 3ª Conferência Nacional de Juventude, no uso de suas atribuições regimentais, em conformidade com o artigo 6º, objetivo específico

Leia mais

A essa altura, você deve estar se perguntando qual é a diferença entre cinema e vídeo, audiovisual e multimídia, não é mesmo?

A essa altura, você deve estar se perguntando qual é a diferença entre cinema e vídeo, audiovisual e multimídia, não é mesmo? Pré-Vestibular Social Grupo SOA Suporte à Orientação Acadêmica Ela faz cinema Ela faz cinema Ela é demais (Chico Buarque) CINEMA Chegou o momento de escolher um curso. Diante de tantas carreiras e faculdades

Leia mais

Mulheres Periféricas

Mulheres Periféricas PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, fevereiro de 2011 Mulheres Periféricas Proponente RG: CPF: Rua Fone: E-mail: 1 Índice Dados do Projeto

Leia mais

GENTE EDUCADA, CIDADE BONITA. Modelo de Projeto para Leopoldina Minas Gerais. Projeto de Atividades. 1º Edição

GENTE EDUCADA, CIDADE BONITA. Modelo de Projeto para Leopoldina Minas Gerais. Projeto de Atividades. 1º Edição GENTE EDUCADA, CIDADE BONITA Projeto de Atividades 1º Edição Modelo de Projeto para Leopoldina Minas Gerais 1. INTRODUÇÃO A educação atualmente não pode se restringir apenas ao ambiente escolar, o estudante

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA PROGRAMA Nº- 042 PALCO SOBRE RODAS Projeto inspirado no clássico modelo de teatro itinerante, através da montagem de um palco móvel que percorre os bairros da cidade, levando cultura. Levar o Palco sobre

Leia mais

MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DA CIDADANIA E DA DIVERSIDADE CULTURAL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO ANEXO 1

MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DA CIDADANIA E DA DIVERSIDADE CULTURAL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO ANEXO 1 MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DA CIDADANIA E DA DIVERSIDADE CULTURAL FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO ANEXO 1 EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA Nº 03, DE 3 DE JULHO DE 2015. CULTURA DE REDES PREMIAÇÃO A REDES CULTURAIS

Leia mais

Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário

Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário SOUZA, Kauana Mendes 1 ; XAVIER, Cintia 2 Universidade Estadual de Ponta Grossa, Paraná, PR RESUMO O projeto Portal

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA DE POLÍTICAS EDUCACIONAIS SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA COORDENADORIA

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA DE POLÍTICAS EDUCACIONAIS SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA COORDENADORIA ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA DE POLÍTICAS EDUCACIONAIS SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA COORDENADORIA DE ENSINO MÉDIO PROGRAMA ENSINO MÉDIO INOVADOR - ProEMI

Leia mais

Roteiro. 1.O Projeto. 2.Plano de trabalho previsto. 3.Atividades realizadas e evidências. 4.Atividades extras. 5.Resultados

Roteiro. 1.O Projeto. 2.Plano de trabalho previsto. 3.Atividades realizadas e evidências. 4.Atividades extras. 5.Resultados oteiro 1.O Projeto 2.Plano de trabalho previsto 3.Atividades realizadas e evidências 4.Atividades extras 5.esultados O Projeto: FILMA NOIS EDUCOMINICANDO FUTEBOL E DESENVOLVIMENTO O Projeto A expressão

Leia mais

O EVENTO QUE VAI MEXER AINDA MAIS COM A SAÚDE DA CIDADE DE SÃO PAULO! Cultura na. virada da. Saúde

O EVENTO QUE VAI MEXER AINDA MAIS COM A SAÚDE DA CIDADE DE SÃO PAULO! Cultura na. virada da. Saúde O EVENTO QUE VAI MEXER AINDA MAIS COM A SAÚDE DA CIDADE DE SÃO PAULO! O projeto Virada da realizará ações culturais relacionadas com o tema saúde durante a semana da Virada da na cidade de São Paulo (semana

Leia mais

Texto a ser submetido ao Prêmio VivaLeitura 2014 UM OLHAR NEGRO: RELATO DA EXPERIÊNCIA DO PONTO DE CULTURA SANTA BÁRBARA

Texto a ser submetido ao Prêmio VivaLeitura 2014 UM OLHAR NEGRO: RELATO DA EXPERIÊNCIA DO PONTO DE CULTURA SANTA BÁRBARA Texto a ser submetido ao Prêmio VivaLeitura 2014 UM OLHAR NEGRO: RELATO DA EXPERIÊNCIA DO PONTO DE CULTURA SANTA BÁRBARA JUSTIFICATIVA Desde 1996, o trabalho social voluntário, voltado para crianças e

Leia mais

MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS. 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias

MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS. 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias C/H Memória Social 45 Cultura 45 Seminários de Pesquisa 45 Oficinas de Produção e Gestão Cultural 45 Orientação

Leia mais

AULA 05. Profª Matilde Flório EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM PARA EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL PMSP-DOT- 2008

AULA 05. Profª Matilde Flório EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM PARA EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL PMSP-DOT- 2008 AULA 05 Profª Matilde Flório EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM PARA EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL PMSP-DOT- 2008 FÁBRICA DE IDÉIAS PEDAGÓGICAS CONCURSO PMSP FUND II 2011 (em parceria com a APROFEM e o Jornal dos Concursos)

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: artistas locais; cultura; experimentação; fome de quê?

PALAVRAS-CHAVE: artistas locais; cultura; experimentação; fome de quê? Fome de quê? por que a gente não quer só comida 1 Lorena Santiago Simas 2 Fabíola Moura 3 Universidade do Estado da Bahia, Juazeiro, BA RESUMO O programa Fome de quê? foi elaborado com a intenção de valorizar

Leia mais

Vamos ao M useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu?

Vamos ao M useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? é programa que visa ampliar as experiências culturais de estudantes, professores e comunidades por meio de ações educativas que envolvem visitas a espaços de preservação

Leia mais

2.1.2 Artes Plásticas/ Artes Visuais / Design

2.1.2 Artes Plásticas/ Artes Visuais / Design 2.Espaço de Formação Cultural 2.1 Conservatório 2.1.1 Artes Cênicas 2.1.1.1 Teatro 2.1.1.2 Ópera 2.1.1.3 Dança 2.1.1.4 Circo 2.1.2 Artes Plásticas/ Artes Visuais / Design 2.1.2.1 Pintura 2.1.2.2 Desenho

Leia mais

Currículo Referência em Música Ensino Médio

Currículo Referência em Música Ensino Médio Currículo Referência em Música Ensino Médio 1º ANO - ENSINO MÉDIO Objetivos Conteúdos Expectativas - Conhecer a área de abrangência profissional da arte e suas características; - Reconhecer e valorizar

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2014 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular: Artes Série:

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL

FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL A Profª. Ivânia Maria de Barros Melo dos Anjos Dias, Diretora Geral das Faculdades Integradas Barros Melo, no uso de suas

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO 1. AUDIOVISUAL NO ENSINO MÉDIO O audiovisual tem como finalidade realizar-se como crítica da cultura,

Leia mais

Oficina: Processamento neurobiológico durante a leitura e os distúrbios do aprendizado

Oficina: Processamento neurobiológico durante a leitura e os distúrbios do aprendizado Programação 09/11 Período Manhã Abertura Auditório Paulo Guaracy Silveira Rua Fagundes, 97 5º andar Horário: 9h Oficina: Luz para a literatura: releitura dos contos de fada Sala105 Horário: 10h Oficina:

Leia mais

Criança e Comunicação: Nosso Bairro em Pauta 10 Anos 1. Michael da SILVA 2 Tiago FIORAVANTE 3 Saraí SCHMIDT 4 Universidade Feevale, Novo Hamburgo, RS

Criança e Comunicação: Nosso Bairro em Pauta 10 Anos 1. Michael da SILVA 2 Tiago FIORAVANTE 3 Saraí SCHMIDT 4 Universidade Feevale, Novo Hamburgo, RS Criança e Comunicação: Nosso Bairro em Pauta 10 Anos 1 Michael da SILVA 2 Tiago FIORAVANTE 3 Saraí SCHMIDT 4 Universidade Feevale, Novo Hamburgo, RS RESUMO O Livro Criança Comunicação é uma publicação

Leia mais

Oi FUTURO APRESENTA TERCEIRO ENCONTRO DO CICLO DE ARTE DIGITAL INTER-AGIR

Oi FUTURO APRESENTA TERCEIRO ENCONTRO DO CICLO DE ARTE DIGITAL INTER-AGIR Oi FUTURO APRESENTA TERCEIRO ENCONTRO DO CICLO DE ARTE DIGITAL INTER-AGIR - Evento será no dia 13 de novembro, a partir das 19h, começando com apresentação do grupo Teatro Para Alguém com espetáculo que

Leia mais

União Popular de Mulheres. de Campo Limpo e Adjacências. em parceria com SARAU DO BINHO. apresentam. Bibliomoto

União Popular de Mulheres. de Campo Limpo e Adjacências. em parceria com SARAU DO BINHO. apresentam. Bibliomoto União Popular de Mulheres de Campo Limpo e Adjacências em parceria com SARAU DO BINHO apresentam Edital ProAC nº 05 de 18 de maio a 12 de julho de 2010 SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA São Paulo, Julho

Leia mais

RELATÓRIO DE BOAS PRÁTICAS NOME DA AÇÃO HISTÓRICO DA AÇÃO. Somos o Projeto Ludimídia Laboratório de Arte, Mídia e Educação.

RELATÓRIO DE BOAS PRÁTICAS NOME DA AÇÃO HISTÓRICO DA AÇÃO. Somos o Projeto Ludimídia Laboratório de Arte, Mídia e Educação. RELATÓRIO DE BOAS PRÁTICAS NOME DA AÇÃO Ludimídia Laboratório de Arte, Mídia e Educação HISTÓRICO DA AÇÃO Somos o Projeto Ludimídia Laboratório de Arte, Mídia e Educação. Trabalhamos com experimentação,

Leia mais

OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL. A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades:

OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL. A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades: OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL V - 2012 A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades:

Leia mais

PROJETOS/PROGRAMAS DE EXTENSÃO REGISTRADOS NA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO DE 2010 A 2015

PROJETOS/PROGRAMAS DE EXTENSÃO REGISTRADOS NA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO DE 2010 A 2015 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA - IFB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO - PREX PROJETOS/PROGRAMAS DE EXTENSÃO REGISTRADOS NA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO DE 2010 A 2015 Campus Ano Título

Leia mais

Programa de vivência, criação e circulação artística e cultural. Programa de vivência, criação e circulação artística e cultural

Programa de vivência, criação e circulação artística e cultural. Programa de vivência, criação e circulação artística e cultural 1 1. Apresentação // 4 2. Objetivos e metas // 8 3. Estratégia - Música e Economia criativa // 9 4. Temáticas // 9 5. Programas // 10 6. Projetos Especiais // 10 7. Conselho gestor // 11 1. Apresentação

Leia mais

Workshop - R.U.A. Realidade Urbana Aumentada: Cartografias Inventadas Ministrante: Profª. Drª. Lilian Amaral IA/UNESP

Workshop - R.U.A. Realidade Urbana Aumentada: Cartografias Inventadas Ministrante: Profª. Drª. Lilian Amaral IA/UNESP Workshop - R.U.A. Realidade Urbana Aumentada: Cartografias Inventadas Ministrante: Profª. Drª. Lilian Amaral IA/UNESP Atividade de Extensão Integrante do Zonas de Compensação coordenado por Profª. Drª.

Leia mais

Regulamento das oficinas

Regulamento das oficinas Regulamento das oficinas As oficinas oferecidas pelo Cine Festival Inconfidentes Festival Nacional de Cinema e Vídeo de Mariana são gratuitas e abertas à participação da comunidade; Cada pessoa poderá

Leia mais

Audiovisual SINOPSE DO PROJETO. NOME DO PROJETO Curta a imagem na Escola. NOME DO RESPONSÁVEL Anderson Pereira dos Santos. LOCAL Ermelino Matarazzo

Audiovisual SINOPSE DO PROJETO. NOME DO PROJETO Curta a imagem na Escola. NOME DO RESPONSÁVEL Anderson Pereira dos Santos. LOCAL Ermelino Matarazzo Audiovisual SINOPSE DO PROJETO Curta a imagem na Escola Anderson Pereira dos Santos Ermelino Matarazzo O projeto proporcionará aos jovens o contato com a produção audiovisual. Através da teoria do audiovisual,

Leia mais

Página 2. categoria GESTOR PÚBLICO 1º LUGAR:

Página 2. categoria GESTOR PÚBLICO 1º LUGAR: Página 1 categoria GESTOR PÚBLICO Revista Tu Visse?!: registrando e divulgando o patrimônio imaterial da comunidade pesqueira Fundação Municipal de Cultura de Bombinhas Bombinhas, SC, 2005 Criada em 2005,

Leia mais

ShareFest Porto Alegre Economia Colaborativa.

ShareFest Porto Alegre Economia Colaborativa. Economia Colaborativa. Cidade Inteligente! Imagem shareable.net Há 5 anos é um hub que conecta e compartilha conhecimentos e promove ações para a transformação pela colaboração. Tem como missão o empoderamento

Leia mais

PRD - 2013 - Descrição das Oficinas do Ciclo 3

PRD - 2013 - Descrição das Oficinas do Ciclo 3 OFICINA 1 - DIFICULDADES DE/NA APRENDIZAGEM. VAGAS: 30 Professor Responsável: Maria Aparecida Dias / Hora / Local: sábados 23 de novembro e 07 de dezembro das 09:00 às 13:00h CAMPUS SÂO CRISTÓVÃO I (Pedrinho).

Leia mais

EIXO1: PRODUÇÃO SIMBÓLICA E DIVERSIDADE CULTURAL

EIXO1: PRODUÇÃO SIMBÓLICA E DIVERSIDADE CULTURAL PROPOSTAS PRIORITÁRIAS EIXO1: PRODUÇÃO SIMBÓLICA E DIVERSIDADE CULTURAL SUB EIXO 1.1 - Produção de Arte e Bens Simbólicos - Implementar políticas de intercâmbio em nível regional, nacional e internacional,

Leia mais

Quadro de Articulação dos Projetos Estruturantes - Ensino Fundamental

Quadro de Articulação dos Projetos Estruturantes - Ensino Fundamental Quadro de Articulação dos Projetos Estruturantes - Ensino Fundamental Projetos Estruturantes Articulados Gestão da Aprendizagem Escolar (GESTAR) Programa Mais Educação (PME) Articulações Possíveis Fortalecimento

Leia mais

Câmara Municipal da Figueira da Foz Divisão de Cultura NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

Câmara Municipal da Figueira da Foz Divisão de Cultura NORMAS DE PARTICIPAÇÃO Câmara Municipal da Figueira da Foz Divisão de Cultura NORMAS DE PARTICIPAÇÃO 1 Câmara Municipal da Figueira da Foz Divisão de Cultura Normas de Participação 1.Objetivo 1.1.O CRIATIVA - Encontro de Criadores

Leia mais

CARDÁPIO ATUALIZADO DE ATIVIDADES DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR

CARDÁPIO ATUALIZADO DE ATIVIDADES DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DIRETORIA DE PROJETOS ESPECIAIS CARDÁPIO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Taubaté Estado de São Paulo

Prefeitura Municipal de Taubaté Estado de São Paulo DECRETO Nº 13034, DE 05 DE JUNHO DE 2013. Torna obrigatória a implementação do Programa de Ensino Aluno em Tempo Integral nas escolas de Ensino Fundamental da Rede Municipal de Ensino e dá outras providências

Leia mais

PADRONIZAÇÃO EDITORIAL DA AGÊNCIA DE JORNALISMO NA PRODUÇÃO DE VINHETAS AUDIOVISUAIS

PADRONIZAÇÃO EDITORIAL DA AGÊNCIA DE JORNALISMO NA PRODUÇÃO DE VINHETAS AUDIOVISUAIS 11. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( X ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA PADRONIZAÇÃO

Leia mais

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA 1. APRESENTAÇÃO Com base nos valores da economia solidária e da cultura livre, o Estúdio Gunga empresa de comunicação focada na criação de sites, editoração gráfica,

Leia mais

CULTURA E ARTE NA REDE

CULTURA E ARTE NA REDE projeto CULTURA E ARTE NA REDE DESCRIÇÃO DETALHADA DO OBJETO DO PATROCÍNIO Titulo: Cultura e Arte na Rede Período: 2007 Local: Goiânia Área : Patrimônio cultural e multimídia Formato: Pesquisas quantitativa

Leia mais

Reciclando Sonhos: o Teatro em Comunidades no Contexto das ONGS

Reciclando Sonhos: o Teatro em Comunidades no Contexto das ONGS Reciclando Sonhos: o Teatro em Comunidades no Contexto das ONGS Lia Alarcon Lima Programa de Pós-Graduação em Teatro UDESC Mestranda Teatro Or. Profª Dra. Márcia Pompeo Nogueira Resumo: A pesquisa aqui

Leia mais

Cultura Oficina Litoral Sustentável

Cultura Oficina Litoral Sustentável Cultura Oficina Litoral Sustentável 1 ESTRUTURA DA AGENDA REGIONAL E MUNICIPAIS 1. Princípios 2. Eixos 3. Diretrizes 4. Ações 4.1 Natureza das ações (planos, projetos, avaliação) 4.2 Mapeamento de Atores

Leia mais

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO 1º N1 1. Espaços e Práticas Culturais 40h N1 2. Oficina de Artes Visuais 80h N1 3. Prática de Leitura e escrita 80h

Leia mais

2) Tipo de produto: Nutrição alimentar Indicador atividade: Mídia/ Roteiro de aula/ Projeto educacional (realizado)

2) Tipo de produto: Nutrição alimentar Indicador atividade: Mídia/ Roteiro de aula/ Projeto educacional (realizado) 5. DESCRIÇÃO DA PRODUÇÃO EDUCACIONAL GERADA 5.1 ) PRODUÇÕES DIDÁTICO-PEDAGÓGICAS Neste grupo enquadram-se produtos do tipo: banners e cartazes pedagógicos produzidos, criação de banco de imagens, criação

Leia mais

Ministério da Cultura Secretaria da Economia Criativa TÍTULO. / Oportunidades /

Ministério da Cultura Secretaria da Economia Criativa TÍTULO. / Oportunidades / Ministério da Cultura Secretaria da Economia Criativa TÍTULO / Oportunidades / Neste documento você encontrará algumas oportunidades de experiências internacionais oferecidas por instituições interessadas

Leia mais

História. ADAV: Associação para o Desenvolvimento e a Assistência de Talentos e Vocações

História. ADAV: Associação para o Desenvolvimento e a Assistência de Talentos e Vocações História ADAV: Associação para o Desenvolvimento e a Assistência de Talentos e Vocações Em 1929, convidada a dirigir um dos primeiros laboratórios de psicologia de Minas Gerais, ligado à Escola de Aperfeiçoamento

Leia mais

Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio

Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio 1º ANO - ENSINO MÉDIO Objetivos Conteúdos Expectativas - Conhecer a área de abrangência profissional da arte e suas características; - Reconhecer e valorizar

Leia mais

AOS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DO BRASIL PROPOSTAS DE POLÍTICAS PARA A ÁREA DAS COMUNICAÇÕES

AOS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DO BRASIL PROPOSTAS DE POLÍTICAS PARA A ÁREA DAS COMUNICAÇÕES AOS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DO BRASIL PROPOSTAS DE POLÍTICAS PARA A ÁREA DAS COMUNICAÇÕES 1 Apresentação 1. As comunicações, contemporaneamente, exercem crescentes determinações sobre a cultura,

Leia mais

ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA

ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA ANEXO VIII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 001/15 COTAÇÃO ESTIMADA 1. DO OBJETO Constitui-se como objeto da Ata de Registro de Preço a aquisição de materiais didáticos e paradidáticos em tecnologia educacional para

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA PERIFERIA EM REDE. Pesquisar na fonte de origem e devolver ao povo em forma de arte

SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA PERIFERIA EM REDE. Pesquisar na fonte de origem e devolver ao povo em forma de arte SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA 2013 PERIFERIA EM REDE Pesquisar na fonte de origem e devolver ao povo em forma de arte Proponente Agencia Popular de Fomento a Cultura Solano Trindade União Popular de

Leia mais

Press Release 21 de junho de 2013

Press Release 21 de junho de 2013 Press Release 21 de junho de 2013 O Instituto Sacatar tem a satisfação de anunciar a chegada de um novo grupo de seis artistas premiados, cada um, com um período de residência de oito semanas de duração

Leia mais

Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno)

Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno) Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno) Disciplina Ementa Pré- requisito C.H. Curso Assessoria de Comunicação Conhecimento geral, reflexão e prática

Leia mais

PROPOSTAS PRIORITÁRIAS

PROPOSTAS PRIORITÁRIAS PROPOSTAS PRIORITÁRIAS EIXO1: PRODUÇÃO SIMBÓLICA E DIVERSIDADE CULTURAL SUB EIXO: 1.1 - Produção de Arte e Bens Simbólicos 1 - Implementar políticas de intercâmbio em nível regional, nacional e internacional

Leia mais

Anexo I Ementário das Modalidades conforme Categorias DA EXPOCOM

Anexo I Ementário das Modalidades conforme Categorias DA EXPOCOM Anexo I Ementário das Modalidades conforme Categorias DA EXPOCOM JORNALISMO JO 01 Agência Jr. de Jornalismo (conjunto/ série) Modalidade voltada a agências de jornalismo experimentais, criadas, desenvolvidas

Leia mais

A ANTROPOLOGIA DE ROBERTO DA MATTA (TÍTULO PROVISÓRIO) CINEMA

A ANTROPOLOGIA DE ROBERTO DA MATTA (TÍTULO PROVISÓRIO) CINEMA RESULTADO DA SELEÇÃO DO PROGRAMA OI DE PATROCÍNIOS CULTURAIS INCENTIVADOS DO ANO DE 2009 / 2010 A ANTROPOLOGIA DE ROBERTO DA MATTA (TÍTULO PROVISÓRIO) CINEMA RJ A JANELA E O JARDIM TEATRO RJ A MARCA DO

Leia mais

2.1 A duração do programa de residência será de até dois meses para o desenvolvimento de cada projeto selecionado.

2.1 A duração do programa de residência será de até dois meses para o desenvolvimento de cada projeto selecionado. Convocatória Residência Internacional LABMIS 2013 O Museu da Imagem e do Som abre inscrições para o programa Residência Internacional LABMIS 2013, abrangendo projetos artísticos nas áreas de fotografia

Leia mais

EXAMES ÉPOCA DE RECURSO

EXAMES ÉPOCA DE RECURSO EXAMES ÉPOCA DE RECURSO 2.º SEMESTRE ANO LETIVO 2014/2015 LICENCIATURAS MESTRADOS PÓS-GRADUAÇÃO EXAMES ÉPOCA DE RECURSO 2.º, 4.º e 6.º SEMESTRES 2014/2015 LICENCIATURA // AUDIOVISUAL E MULTIMÉDIA Comunicação

Leia mais

síntese dos projetos objetivo percursos percursos Ação educativa

síntese dos projetos objetivo percursos percursos Ação educativa percursos percursos Ação educativa INSTITUTO TOMIE OHTAKE síntese dos projetos Projetos especiais ProGrAmAs PermANeNtes exposições Prêmios PArA jovens ArtistAs PuBlicAçÕes objetivo Ação educativa Aproximar

Leia mais

EXAMES ÉPOCA ESPECIAL

EXAMES ÉPOCA ESPECIAL EXAMES ÉPOCA ESPECIAL ANO LETIVO 2014/2015 LICENCIATURAS MESTRADOS PÓS-GRADUAÇÃO EXAMES ÉPOCA ESPECIAL 2014/2015 LICENCIATURA // AUDIOVISUAL E MULTIMÉDIA 4º Semestre 1º Semestre Teorias da Comunicação

Leia mais

Pacujá/ CE. Síntese do projeto

Pacujá/ CE. Síntese do projeto Pacujá/ CE Síntese do projeto O Cine Mochilão é um programa itinerante para exibição de filmes e vídeos independentes ou não, elaborado para criar um processo de diálogo com as pessoas, acerca de tudo

Leia mais

relatórioprojeto clicar 2008

relatórioprojeto clicar 2008 relatórioprojeto clicar 2008 projeto clicar. estação ciência - usp. clicar@eciencia.usp.br. www.projetoclicar.org.br introdução Este relatório refere-se aos trabalhos desenvolvidos pelo Projeto Clicar

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013 Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: COMUNICAÇÃO SOCIAL BACHARELADO MATRIZ CURRICULAR PUBLICIDADE E PROPAGANDA SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL

Leia mais

Província Carmelitana de Santo Elias. Endereço: Rua Grão Mogol 502 Bairro Carmo Belo Horizonte - MG CNPJ: 33.621.319/0013-27

Província Carmelitana de Santo Elias. Endereço: Rua Grão Mogol 502 Bairro Carmo Belo Horizonte - MG CNPJ: 33.621.319/0013-27 Minas Gerais - Belo Horizonte 1º Conviver no Carmo Província Carmelitana de Santo Elias. Endereço: Rua Grão Mogol 502 Bairro Carmo Belo Horizonte - MG CNPJ: 33.621.319/0013-27 Paróquia Nossa Senhora do

Leia mais

PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA. Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA

PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA. Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA FOCO DO PROJETO O projeto de educação científica visa promover a inclusão social,

Leia mais

EXAMES ÉPOCA ESPECIAL

EXAMES ÉPOCA ESPECIAL EAMES ÉPOCA ESPECIAL ANO LETIVO 2015/2016 LICENCIATURAS MESTRADOS PÓS-GRADUAÇÃO EAMES ÉPOCA ESPECIAL 2015/2016 LICENCIATURA // AUDIOVISUAL E MULTIMÉDIA NOTA // Só serão admitidos em eame os alunos inscritos.

Leia mais

FACULDADE DE ARTES DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM CINEMA E VÍDEO Ano Acadêmico de 2008 MATRIZ CURRICULAR

FACULDADE DE ARTES DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM CINEMA E VÍDEO Ano Acadêmico de 2008 MATRIZ CURRICULAR MATRIZ CURRICULAR Carga Horária Semestral por Disciplina Disciplinas 1º semestre 2º semestre 3º semestre 4º semestre 5º semestre 6º semestre 7º semestre 8º semestre Total Obrigatórias Optativas Fundamentos

Leia mais

Estruturas curriculares dos Cursos de Cinema e Audiovisual no Brasil

Estruturas curriculares dos Cursos de Cinema e Audiovisual no Brasil Estruturas curriculares dos Cursos de Cinema e Audiovisual no Brasil Encontro Estruturas Curriculares do Curso de Rádio, TV e Internet no Brasil SOCICOM São Paulo, fevereiro 2014 Luciana Rodrigues Presidente

Leia mais

FUNK CONSCIENTIZA. VAI 1 - música

FUNK CONSCIENTIZA. VAI 1 - música PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, fevereiro de 2010 FUNK CONSCIENTIZA VAI 1 - música Proponente Nome RG: CPF: Endereço Fone: E-mail: DADOS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAGUA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PARANAGUÁ "NELSON DE FREITAS BARBOSA"

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAGUA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PARANAGUÁ NELSON DE FREITAS BARBOSA "" APÊNDICE 1 Requisitos e demandas dos segmentos culturais para a proposição de projetos. Os projetos culturais propostos deverão respeitar e se enquadrar nas seguintes determinações dos seus respectivos

Leia mais

1º CHAMAMENTO PÚBLICO DE SELEÇÃO PARA PONTOS DE CULTURA DO MUNICÍPIO SÃO CARLOS ANEXO II

1º CHAMAMENTO PÚBLICO DE SELEÇÃO PARA PONTOS DE CULTURA DO MUNICÍPIO SÃO CARLOS ANEXO II ANEXO II MINISTÉRIO DA CULTURA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO CARLOS GABINETE DO PREFEITO COORDENADORIA DE ARTES E CULTURA FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PROGRAMA MAIS CULTURA PONTO DE CULTURA REDE DE PONTOS DE

Leia mais

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Apresentação SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Descritivo: "A educação deve possibilitar ao corpo e à alma toda a perfeição e a beleza que podem

Leia mais

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE 1. JUSTIFICATIVA A região do Baixo Tocantins apresenta-se na área cultural e artística, é um grande celeiro de talentos, que vem enraizado culturalmente em nosso povo,

Leia mais