PROVAS INTERNAS. Provas Internas - Período: 04 de maio de Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROVAS INTERNAS. Provas Internas - Período: 04 de maio de 2013. Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º"

Transcrição

1 1ª Etapa PROVAS INTERNAS Provas Internas - Período: 04 de maio de 2013 Pontuação Geral das Provas Internas: PROVA TIPO 1º 2º 1. Desfile de Abertura Prévia Grito de Guerra na Gincana Prévia Torcida Prévia Base 4 Prévia Queimada de Campo com Cemitério Prévia Voleiçol Prévia Esteira de Perguntas e Respostas Prévia Circuito Motor = (Estafeta da Bixiga) Prévia Basquetebol = (Cesta de 3 Pontos) Prévia Chinelão Coletivo Prévia Cabo de Guerra Prévia Futebol de Casal Prévia Futebol = (Acertar dentro do Bambolê ou Arco) Prévia Voleibol = (Saque no cone) Prévia Futsal = (Torneio Interequipes) Prévia Voleibol = (Torneio Interequipes) Prévia

2 PROVAS DE SOLICITAÇÕES Provas Internas - Período: 27 a 04 de maio de 2013 PONTUAÇÃO GERAL DA GINCANA DE SOLICITAÇÕES: TAREFA TIPO PONTUAÇÃO 1. Circuito de Skate e Long Board Solicitação 500 pontos 2. Teen Líders Solicitação 500 pontos 3. Prova da Música Solicitação 500 pontos 4. Prova da Dublagem Solicitação 500 pontos 5. Jornal mais antigo Solicitação 1º = 500 pontos 2º = 400 pontos

3 Provas 1. DESFILE DE ABERTURA No Desfile de Abertura será obrigatório que toda a Equipe participe e faça uma bela apresentação de acordo com os critérios do Tema. Sendo dada pontuação de acordo com a Criatividade, Quantidade de Participantes, Animação, Figurinos e Organização. Ponha sua Equipe em funcionamento! Entre para valer na Gincana. Desfile com originalidade, harmonia e toda criatividade. A equipe deverá desfilar apresentando: 1. Quatro alas, cada uma delas representando temas referentes ao seu tema sorteado. 2. Escolha de duas músicas com duração de pelo menos 6 minutos. 3. Tempo de duração do desfile (no máximo 6 minutos). 4. A ordem de apresentação das alas fica a critério das equipes (será avaliado o conjunto). 5. A ordem de apresentação das equipes será: ª Equipe Água = (Azul e Verde); ª Equipe Ser = (Amarela e Branca); 6. A prova será executada pelos integrantes de cada equipe participante, sendo que, cada equipe deverá ter no mínimo de 60 alunos. 7. As músicas do dia da apresentação deverão ser entregues em CD (não aceitamos músicas em MP3) até as 08h30min do dia 10/05/12. Os líderes deverão entregar a mesa julgadora o CD. O CD deverá estar identificado com o NOME da EQUIPE. 8. Cada equipe terá 5(cinco) minutos no máximo de apresentação e não poderá conter palavras de baixo calão, ofensas ou críticas as demais equipes participantes, bem como temas sobre a pátria, a política e outros. 9. A equipe que não obedecer aos critérios mencionados para a execução dessa prova, será penalizada com a perda de 500 pontos. Tempo de duração total da prova: 30 minutos. Participantes: no mínimo de 60 alunos. Local de Concentração: no hall do bloco 1, próximo ao ateliê. Local de Apresentação: Ginásio Poliesportivo. Material: planilha para contagem de pontos, canetas, som.

4 Júri para pontuação: 5 jurados. Critérios de pontuação e julgamento: 1-) Organização, 2-) Originalidade, 3-) Harmonia visual 4-) Harmonia de Conjunto, 5-) Apresentação, 6-) Ritmo, 7-) Relação com o tema solicitado, 8-) Criatividade, 9-) Caracterização da obra escolhida 10-) Animação. Pontuação: 1º lugar = 3000 pontos 2º lugar = 2800 pontos 1º Jurado: Profª. Angela 2º Jurado: Profª. Grazielly 3º Jurado: Profª. Mariana

5 2. GRITO DE GUERRA NA GINCANA A prova será executada por todos os membros das equipes participantes da gincana. O líder e seus sub-líderes deverão ensaiar os demais componentes de sua equipe para fazer o seu grito de guerra. Cada equipe terá 1 minuto para a apresentação. O líder de cada equipe deverá fornecer por escrito a Comissão Organizadora uma cópia por escrito do Grito de Guerra de sua equipe. O conteúdo do grito de guerra será de livre escolha, não podendo ter palavras de baixo calão e ofensas as demais equipes ou qualquer outra pessoa, entidade, etc. A equipe que não respeitar a determinação acima, perderá 500 pontos na contagem geral. Tempo de duração: 6 minutos. Participantes: todos os alunos da equipe. Local: quadra de esportes e arquibancadas Material: planilha para os jurados, canetas, apresentador e animador. Júri para pontuação: 5 jurados. Critérios para pontuação: criatividade, participação, animação, ritmo, texto rimado. Pontuação: 1º lugar = 2000 pontos 2º lugar = 1800 pontos 1º Jurado: Profª. Angela 2º Jurado: Profª. Grazielly 3º Jurado: Profª. Mariana

6 3. TORCIDA Esta prova será realizada por todos os alunos participantes da equipe. Os líderes e sub-líderes das equipes deverão fazer com que todos os seus integrantes estejam, no decorrer da gincana cultural, participando, colaborando, ajudando na torcida organizada. Vencerá esta prova a equipe que conseguir cumprir todos os itens abaixo relacionados contidos no critério de avalia Tempo de duração: tempo de duração da gincana. Participantes: todos os alunos integrantes da equipe. Local: quadra de esportes e arquibancadas. Material: planilha de pontuação, canetas. Júri para pontuação: 5 jurados. Critérios para avaliação: participação, integração, colaboração, animação, cooperação, envolvimento, motivação, alegria, agitação e organização. Pontuação: 1º lugar = 2000 pontos 2º lugar = 1800 pontos 1º Jurado: Profª. Angela 2º Jurado: Profª. Grazielly 3º Jurado: Profª. Mariana

7 4. BASE 4 Cada Equipe deverá ter 12 jogadores do 5º ao 8º ano do Ensino Fundamental II, sendo 6 meninos e 6 meninas. Desses, é obrigatório que haja um menino e uma menina do 5º ano, e um menino e uma menina do 6º ano. Regras: Não valerá a eliminação do componente se o outro grupo pegar a bola no alto. A contagem dos pontos será por Base, ou seja cada Base ultrapassada valerá 1 ponto. O arremessador que sair do Círculo de lançamento com um ou os dois pés para fora infringe a regra e o grupo será punido com 4 pontos para o oponente que chutou. Não será permitido ficar no caminho das Bases atrapalhando a corrida do chutador, sendo dado 1 ponto para o chutador, se isso ocorrer. O arremessador deverá mandar a bola Rasteira, e não pingando. Ganha a Equipe que fizer o maior número de pontos em relação a outra Equipe.

8 5. QUEIMADA DE CAMPO COM CEMITÉRIO Cada Equipe deverá ter 12 jogadores do 5º ao 8º ano do Ensino Fundamental II, sendo 6 meninos e 6 meninas. Desses, é obrigatório que haja um menino e uma menina do 5º ano, e um menino e uma menina do 6º ano. Regras: Todos começam dentro de seus campos, cada equipe com uma bola, ao sinal do professor organizador começará o jogo. Todas as partes do corpo sem exceção valerá ser queimada, portanto nada é livre. Se, ao queimar o oponente, este pegar a bola no alto, automaticamente aquele que jogou está queimado. Todos que forem queimados irão para o Cemitério, onde poderão ainda queimar quando a bola chegar nos seus domínios, que será a área do gol. Aqueles que estiverem no Cemitério, não poderão sair em hipótese alguma. Se a bola bater em um componente e o outro pegar no Alto será queimado quem a jogou, portanto só valerá quando bater em qualquer parte do corpo e cair no chão. Se a bola bater no chão e pegar em qualquer oponente não será válido, pois o intuito da queimada é que seja acertado diretamente. Ganhará a equipe que mandar todos os outros componentes para o Cemitério, ou tiver o maior número que componentes no seu Campo de Jogo após o tempo estipulado pela organização. OBS. : Não poderá ser repetidos os mesmos alunos no Base 4 e na Queimada de Campo. Portanto deverão ser grupos diferentes para que haja participação justa e equivalente em prol do objetivo da nossa Gincana.

9 6. VOLEIÇOL Cada Equipe deverá ter 12 jogadores do 7º e 8º ano do Ensino Fundamental II, sendo 6 meninos e 6 meninas. Regras: No tempo de dois minutos, 6 componentes de um lado da quadra de vôlei com um lençol de casal (que deverá ser trazido pela equipe) jogará para o outro lado com os outros 6 componentes da mesma equipe uma Bola Gigante de Borracha Leve o maior número de vezes possível tendo como obstáculo a rede de Volei. Só valerá ponto quando a bola for ultrapassada por cima da rede, sendo jogada com o lençol e não com a ajuda das partes do corpo diretas como pés, mãos, cabeça entre outras. Caso a bola saia do lençol, poderá ser recuperada e lançada novamente continuando assim a contagem já estabelecida. Ganhará a equipe que, após o tempo de 2 minutos, tiverem feito o maior número de pontos, ou seja, a maior quantidade de vezes em que a bola passou de um lençol para o outro por cima da rede.

10 7. ESTEIRA DE PERGUNTAS E RESPOSTAS Cada Equipe deverá ter 8 componentes do 9º ao 2º ano do Ensino Médio, sendo 4 meninos e 4 meninas, tendo obrigatoriedade de ter um menino e uma menina do 9º ano. Regras: Cada Equipe ficará em fila descalço em cima de um Banco Sueco, e à sua frente ficará uma Televisão na qual as perguntas poderão ser visualizadas. O primeiro da fila jogará o Dado Gigante para dar início, começando aquele que obtiver o número maior no Dado. Ao lado, ficarão dois colchonetes para que cada aluno que responder ocupar esse espaço, o professor orientador fará a pergunta e, ao sinal de valendo, o aluno dará a resposta, indicando a letra ou a resposta diretamente. Se o aluno for acertando, ele passa o microfone para seu amigo atrás e se dirige para o espaço dos colchonetes. Porém, se errar, irá para o final da fila no banco sueco e passará o microfone para a outra Equipe. Sendo repetida essa ação de troca se for erro. O tempo de duração da prova será estipulado pela organização. As perguntas serão de múltiplas escolhas: A, B ou C. Ganhará a Equipe que colocar todos, ou o maior número de participantes, dentro dos colchonetes, de acordo com o tempo estipulado.

11 8. CIRCUITO MOTOR - (Estafeta da Bixiga) Cada Equipe deverá ter 8 participantes do 5º e 6º ano do Ensino Fundamental II, sendo 4 meninos e 4 meninas. Regras: Cada Equipe deverá estar em fila em pé, e ao seu lado estará um banco sueco para que cada aluno que já tenha feito a prova sentar para que a haja organização e controle daqueles que já foram. Assim, o primeiro aluno terá nas mãos uma Bixiga da cor da sua Equipe, pois ele deverá, ao comando do professor orientador da prova, correr, saltar a corda como obstáculo, fazer zig-zag nos cones, rastejar pelo tatame por baixo de uma corda, pegar a bixiga que está em suas mãos, estourar sentando em cima dela nos dois colchonetes um em cima do outro que estarão no fundo. Feito isso, ele pega uma outra bixiga que estará ao lado, corre pulando a corda do tatame, fazendo zig-zag nos cones, saltando a corda e entregando para o próximo da fila, sentando no banco sueco. Assim, vai acontecendo a prova até que todos os participantes da Equipe concluam a prova inteira e estejam sentados. Ganha a Equipe que conseguir cumprir primeiro a prova, sendo que a segunda Equipe terá que concluir a prova para também marcarem pontuação de participação.

12 9. BASQUETEBOL (Cesta de 3 Pontos) Cada equipe terá que participar com 3 alunos do 9º ao 2º ano do Ensino Médio, sendo um arremessador e dois ajudantes. Cada Equipe terá que participar com 3 alunos do 7º e 8º ano do Ensino Fundamental II, sendo um arremessador e dois ajudantes. Obs.: Nesta prova não há restrição em relação à série, podendo ser alunos do mesmo segmento. Ex.: 3 alunos do 1º, dois do 9º e um do 2º. E também da mesma forma para os participantes do 7º e 8º ano. Esta prova será disputada tanto para alunos do 7º e 8º anos, como para alunos do 9º ao 2º Ensino Médio, separadamente. Regras: Em volta da linha de arremesso dos 3 pontos do basquete terão 3 carrinhos contendo três bolas, sendo uma mesclada de amarelo que valerá 2 pontos e as outras somente laranjas, que valerão um ponto cada arremesso convertido. O tempo dessa prova será de 2 minutos para cada Equipe, podendo o aluno voltar no carrinho ao que iniciou quantas vezes puder dentro desse tempo. Para tanto, os ajudantes deverão ir pegando as bolas e colocando dentro do carrinho facilitando o arremesso do seu amigo de equipe. Cada bola convertida dará um ponto, porém a bola mesclada de amarelo valerá dois pontos. Havendo empate as duas Equipes marcarão os pontos de primeiro lugar.

13 10. CHINELÃO COLETIVO Cada Equipe deverá participar com 3 alunos do 5º ao 8º ano podendo ser só meninos ou só meninas ou misturados, como a equipe preferir. Regras: Será uma corrida coletiva em um Chinelão tipo Sky, no qual todos terão que, juntos, cruzar a linha de chegada. Se houver queda, a equipe terá que levantar-se e continuar. Ganha a Equipe que cruzar a linha de chegada primeiro com o Chinelão inteiro, portanto, não o primeiro da fila e, sim, o último. A outra Equipe que completar a prova marcará pontuação de participação.

14 11. CABO DE GUERRA Cada Equipe participará com 16 alunos, divididos em 8 meninos e 8 meninas que duelarão com a outra equipe separadamente. Esses alunos serão do 5º ao 8º ano somente. Portanto, serão 8 meninos de uma equipe, com 8 meninos da outra equipe, e assim também para as meninas. Regras: Cada equipe terá seus jogadores de um lado, segurando uma corda em que terão que ultrapassar a fita do meio da corda. Ganha a Equipe que ultrapassar a fita do meio da corda na marca estabelecida pela organização.

15 12. FUTEBOL DE CASAL Cada Equipe deverá participar com 5 casais e um goleiro sendo distribuídos do 5º ao 2º anos do Ensino Médio. Regras: Será um único tempo de 7 minutos um time jogando com o outro. Ganha o time que fizer mais gol.

16 13. FUTEBOL (Acertar dentro do Bambolê Arco) Cada Equipe participará com 4 alunos sendo um aluno do 5º ao 8º ano e um aluno do 9º ano do Ensino Fundamental II. Um aluno será o chutador e o outro será seu ajudante que pegará a bola. Regras: Na trave de Futebol terá um Arco Seguro por três cordas de elástico, e no meio da quadra terá um apoiador para a bola. Um aluno para chutar o outro para pegar a bola e mandar de volta para seu amigo. Cada aluno terá 3 chutes e cada acerto valerá 1 ponto. Ganha a Equipe cujo aluno acertar mais vezes. Caso terminar empatado as equipes terão nota máxima da prova.

17 14. VOLEIBOL (Saque para acertar as bolinhas no cone) Cada Equipe deverá participar com 4 alunos sendo um sacador e 3 ajudantes. Os ajudantes terão que ser alunos do 7º e 8º anos, e o sacador poderá ser escolhido do 9º ao 2 º ano do Ensino Médio. Regras: Em um dos lados da quadra de Voleibol terá 8 cones com bolinhas de basquete em cima espalhados aleatoriamente. No outro lado haverá um aluno sacando do fundo da quadra (linha de saque normal do Vôlei). Cada bolinha derrubada valerá um ponto e o tempo será de 2 minutos. Os ajudantes pegarão as bolas de vôlei e mandarão para o outro ajudante que vai entregando para o sacador dentro de um carrinho. Ganha a Equipe que derrubar mais bolinhas e, havendo empate, as duas Equipes pontuam a nota máxima da prova. A quantidade de bolas de voleibol serão de 5 bolas rodando.

18 15. FUTSAL Cada equipe deverá ser composta de no máximo 12 alunos-atletas. A duração da partida será de 20 minutos, divididos em dois períodos de 10 minutos, com 2 minutos de intervalo. Cada equipe poderá fazer quantas substituições for necessária dentro do tempo de jogo. Cada equipe tem direito a 1(um) pedido de tempo em cada período de jogo (cronômetro parado). Se o jogo terminar empatado no tempo regulamentar serão cobrados 3 pênaltis alternados por 3 jogadores diferentes; persistindo o empate, 1 pênalti para cada equipe, por qualquer jogador da equipe. O limite de faltas coletivas em cada período de jogo são de 4 (quatro); a partir da quinta falta será cobrado tiro-livre direto. Feminino jogará com a bola max 200; Masculino jogará com a bola max 500.

19 16. VOLEIBOL 4.1 Cada equipe deverá ser composta de no máximo 10 alunos-atletas. 4.2 Altura da rede. FEMININO MASCULINO 9º Ano 2.15 m 9º Ano 2.20 m 1º e 2º Ano 2.20 m 1º e 2º Ano 2.30 m 4.3 Duração do Set. Cada partida será disputada em melhor de 3 sets, sendo 2 sets de 15 pontos, sendo que, se o set estiver empatado em (14X14), a equipe que fizer o 15º ponto, vence o set, e o 3 o de 15 pontos, sendo que, se o set estiver empatado em (14X14), a equipe que fizer o 15º ponto, vence o set. (todos sem vantagem). 4.4 Pedidos de tempo. Cada equipe terá direito a 1 pedido de tempo em cada set de jogo (cronômetro parado). Não haverão tempos técnicos no 8 o e 16 o pontos. 4.5 Regras específicas por categoria. 9º ANO É obrigatório o uso do sistema de jogo 6 x 0, sendo que o levantador(a) deverá ocupar a posição (III). O levantador(a) só poderá enviar a bola para a quadra adversária através de manchete, soquinho e toque, ambos de baixo para cima, podendo também efetuar ou participar do bloqueio e realizar ataque, quando a bola vier do campo adversário.

20 zona de ataque zona de defesa IV III II V VI I (zona de saque) O tipo de saque é livre, desde que executado sem salto Cada equipe poderá fazer quantas substituições for necessária dentro do tempo de jogo. ENSINO MÉDIO 4.8- É liberado o uso de sistemas de jogo sem infiltração de jogadores de defesa (4 X 2 simples) O tipo de saque é livre, desde que executado sem salto Cada equipe poderá fazer quantas substituições for necessária dentro do tempo de jogo.

21

REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS. 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014

REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS. 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014 REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014 Como parte das atividades, a Univille, em parceria com o Departamento de Educação Física, realizará, na 11ª Gincana do Calouro

Leia mais

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO XV JOGOS ARI DE SÁ Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO ABERTURA 1. DIA: 26/09/2015 ( Sábado ) 9h 2. LOCAL: Manhã Ginásio 2.1 - Concentração Manhã: galeria do Ensino Fundamental I 2.2 - Desfile de abertura

Leia mais

1 JOGOS ESCOLARES DE INTEGRAÇÃO DA EMDAR 9 a 14 de julho de 2012 PROGRAMAÇÃO

1 JOGOS ESCOLARES DE INTEGRAÇÃO DA EMDAR 9 a 14 de julho de 2012 PROGRAMAÇÃO 1 Ministério da Educação Universidade Federal de Viçosa Campus Florestal Educação Física (Licenciatura) Prefeitura Municipal de Florestal Secretaria Municipal de Educação Escola Municipal Derci Alves Ribeiro

Leia mais

PROJETO E REGULAMENTO GERAL

PROJETO E REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADAS DO INSTITUTO EDUCACIONAL NOVOS TEMPOS PROJETO E REGULAMENTO GERAL Ensino Fundamental II e Médio OUTUBRO DE 2015 APRESENTAÇÃO: As Olimpíadas do Instituto Educacional Novos Tempos (OLIENT), visam

Leia mais

DISCIPLINA. Regulamento Geral

DISCIPLINA. Regulamento Geral REGULAMENTO GERAL ENSINA-ME A SER OBEDIENTE ÀS REGRAS DO JOGO ENSINA-ME A NÃO PROFERIR NEM RECEBER ELOGIO IMERECIDO ENSINA-ME A GANHAR, SE ME FOR POSSÍVEL MAS, SE EU PERDER, ACIMA DE TUDO ENSINA-ME A PERDER

Leia mais

REGULAMENTO GERAL QUANDO PENSO QUE CHEGUEI AO MEU LIMITE, DESCUBRO QUE TENHO FORÇAS PARA IR ALEM

REGULAMENTO GERAL QUANDO PENSO QUE CHEGUEI AO MEU LIMITE, DESCUBRO QUE TENHO FORÇAS PARA IR ALEM REGULAMENTO GERAL QUANDO PENSO QUE CHEGUEI AO MEU LIMITE, DESCUBRO QUE TENHO FORÇAS PARA IR ALEM AYRTON SENNA DISCIPLINA 1. Os jogos e atividades começarão rigorosamente no horário previsto; não haverá

Leia mais

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES, RECREAÇÃO E LAZER IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO

REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO Art. 1 O torneio de basquetebol masculino será realizado de acordo com as regras estabelecidas pela Federação Internacional

Leia mais

1 Regras dos Esportes de Verao da Special Olympics Basketball BASQUETEBOL

1 Regras dos Esportes de Verao da Special Olympics Basketball BASQUETEBOL 1 BASQUETEBOL As Regras Oficiais da Special Olympics devem governar todas as competições de Basquete da Special Olympics. Como um programa de esportes internacional, a Special Olympics criou estas regras

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE 1. As competições de basquete serão realizadas de acordo com as regras internacionais da FIBA e os regulamentos e normas do Novo Desporto Universitário 2012 NDU. 2. Cada

Leia mais

Art. 1º - O Colégio Integral, visando um evento cultural, esportivo e festivo, realizará sua 28ª gincana em maio de 2015.

Art. 1º - O Colégio Integral, visando um evento cultural, esportivo e festivo, realizará sua 28ª gincana em maio de 2015. 28ª Gincana Integral Regulamento geral DO EVENTO Art. 1º - O Colégio Integral, visando um evento cultural, esportivo e festivo, realizará sua 28ª gincana em maio de 2015. Art. 2º - Para a realização deste

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

Regulamento da Olimpíada Santo Inácio

Regulamento da Olimpíada Santo Inácio Colégio Antônio Vieira Regulamento da Olimpíada Santo Inácio A Olimpíada Santo Inácio de Loyola é um conjunto de atividades esportivas, destinada aos alunos do 6º ano EF, 6ª, 7ª e 8ª série do Ensino Fundamental

Leia mais

PROJETO GINCANA CULTURAL

PROJETO GINCANA CULTURAL Srs. Pais ou Responsáveis Segue para o conhecimento de todos o PROJETO GINCANA CULTURAL -2014, explorando o tema A genialidade dos grandes artistas. Cada equipe representará um artista, com todas as suas

Leia mais

Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF

Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Para efeito de classificação, a pontuação será a seguinte: I - 1º lugar: 10 pontos. II - 2º lugar: 7 pontos. III - 3º

Leia mais

JOGOS UNIVERSITÁRIOS CAMILIANOS - JUCAM 2013

JOGOS UNIVERSITÁRIOS CAMILIANOS - JUCAM 2013 REGULAMENTO PARA O VOLEIBOL EQUIPES Uma equipe é formada por 10 jogadores. E somente 6 jogadores podem participar do jogo tendo como obrigatoriedade 3 homens e 3 mulheres em quadra para condições de jogo.

Leia mais

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN Artigo 1º - Os Jogos Universitários tem como objetivo: * Incentivar a participação dos jovens em atividades saudáveis do ponto de vista social,

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

Regulamento 7ª Olimpíada TJPE

Regulamento 7ª Olimpíada TJPE Regulamento 7ª Olimpíada TJPE A Secretaria de Gestão de Pessoas do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco FAZ SABER que nos dias 17 e 18 de outubro de 2015 realizará a 7ª OLIMPÍADA TJPE, mediante

Leia mais

APOSTILA DE VOLEIBOL

APOSTILA DE VOLEIBOL APOSTILA DE VOLEIBOL O voleibol é praticado em uma quadra retangular dividida ao meio por uma rede que impede o contato corporal entre os adversários. A disputa é entre duas equipes compostas por seis

Leia mais

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6.

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6. VOLEIBOL 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997 b) 2007 c) 1996 d) 1975 e)1895 2. Quem inventou o voleibol? a) William G. Morgan b) Pelé c) Roberto Carlos d) Ronaldinho Gaúcho e) Michael Jackson

Leia mais

XXV OLIMPÍADA ECC 2014

XXV OLIMPÍADA ECC 2014 XXV OLIMPÍADA ECC 2014 CALENDÁRIO De 30/09 a 03/10 2014 Horário: de 30/09 até 02/10-7h10 às18h30 03/10-7h10 às 17h00 MODALIDADES VÔLEI BASQUETE HANDEBOL FUTEBOL DE SALÃO (FUTSAL) FUTEBOL DE CAMPO (FUTCAMPO)

Leia mais

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo.

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo. V O L E I B O L A quadra de jogo A quadra de voleibol mede 18 x 9 metros e é demarcada por linhas de 5 centímetros de espessura. Possui uma linha central que divide a quadra em duas áreas com 9 x 9 metros.

Leia mais

II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil

II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil Antes da pretensão de promover um campeonato, deve-se promover o homem em sua infinita potencialidade e complexidade, REVERDITO, SCAGLIA E MONTAGNER 2013....

Leia mais

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL ÍNDICE CAPITULO I - O JOGO DE MINIVOLEIBOL - REGRA 1 - Concepção do Jogo - REGRA 2 - A quem se dirige - REGRA 3 - Finalidade do Jogo CAPITULO II - INSTALAÇÕES E MATERIAL - REGRA

Leia mais

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 I - DOS JOGOS Art.1 - A Olimpíada Especial UBM/PMBM tem por finalidade desenvolver o intercâmbio desportivo e social entre os atletas, professores

Leia mais

VOLEIBOL 7ºano. Voleibol HISTÓRICO E REGRAS. Origem e Evolução: William Morgan 1895 ACM s Tênis Minonette 07/05/2013. Brasil 1915 Pernambuco

VOLEIBOL 7ºano. Voleibol HISTÓRICO E REGRAS. Origem e Evolução: William Morgan 1895 ACM s Tênis Minonette 07/05/2013. Brasil 1915 Pernambuco VOLEIBOL 7ºano. HISTÓRICO E REGRAS Profª SHEILA - Prof. DANIEL Origem e Evolução: William Morgan 1895 ACM s Tênis Minonette Brasil 1915 Pernambuco Colégio Marista ou ACM s São Paulo 1916 1954 CBV 1982

Leia mais

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA INTERNA UTFPR-GP 2015

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA INTERNA UTFPR-GP 2015 REGULAMENTO DA OLIMPÍADA INTERNA UTFPR-GP 2015 REGULAMENTO DA OLIMPÍADA INTERNA UTFPR-GP TÍTULO I - PARTE GERAL Art. 1º Denomina-se OLIMPÍADA INTERNA UTFPR-GP, a competição poliesportiva realizada anualmente

Leia mais

Profª. Esp. Maria Helena Carvalho

Profª. Esp. Maria Helena Carvalho Profª. Esp. Maria Helena Carvalho HISTÓRIA DO VOLEIBOL Criação nos EUA; Dia 09 de fevereiro de 1895; Pelo diretor de Educação Física da ACM William George Morgan; Era conhecido como mintonette. Obs.: Nessa

Leia mais

MATERIAL DE APOIO ED. FÍSICA PROFª. THAÍS LUCENA ALUNO(A): Nº RECIFE, DE DE 2012.

MATERIAL DE APOIO ED. FÍSICA PROFª. THAÍS LUCENA ALUNO(A): Nº RECIFE, DE DE 2012. DO INFANTIL ENSINO AO COMPLETO VESTIBULAR MATERIAL DE APOIO ED. FÍSICA PROFª. THAÍS LUCENA ALUNO(A): Nº RECIFE, DE DE 2012. 1. O sorteio do jogo - O sorteio é efetuado na presença dos dois capitães de

Leia mais

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL ÍNDICE CAPITULO I - O JOGO DE MINIVOLEIBOL - REGRA 1 - Concepção do Jogo - REGRA 2 - A quem se dirige - REGRA 3 - Finalidade do Jogo CAPITULO II - INSTALAÇÕES E MATERIAL - REGRA

Leia mais

Diagrama das dimensões de uma quadra oficial Diagrama das dimensões de uma tabela oficial Equipe - Existem duas equipes que são compostas por 5

Diagrama das dimensões de uma quadra oficial Diagrama das dimensões de uma tabela oficial Equipe - Existem duas equipes que são compostas por 5 Basquetebol O basquetebol é um desporto colectivo inventado em 1891 pelo professor de Educação Física canadense James Naismith, na Associação Cristã de Moços de Springfield (Massachusetts), EUA. É jogado

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR

ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR ENSINO FUNDAMENTAL COORDENADORA SANDRA MARA KUCHNIR 2014 EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA PRODUÇÃO CULTURAL DA SOCIEDADE EXPRESSADA ATRAVÉS DO MOVIMENTO EDUCAÇÃO FÍSICA CONTEÚDOS EDUCAÇÃO FÍSICA EIXOS ESPORTE

Leia mais

VII JOGOS DOS APOSENTADOS FENACEF 2016

VII JOGOS DOS APOSENTADOS FENACEF 2016 REGULAMENTO TÉCNICO CANASTRA Art. 1º. O torneio de Canastra do VII JOGOS FENACEF, será realizado de acordo com as regras estabelecidas pela FENACEF no Regulamento Geral do VII JOGOS FENACEF, combinado

Leia mais

Iº JOGOS ABERTOS DA MELHOR IDADE

Iº JOGOS ABERTOS DA MELHOR IDADE Iº JOGOS ABERTOS DA MELHOR IDADE REGULAMENTO TÉCNICO DAS MODALIDADES O presente Regulamento Técnico está sendo construído pelo coletivo de representantes dos Governos Estaduais do país, tendo como base

Leia mais

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite XXIV INTERAMIZADE Carta Convite O Colégio São Luís tem o prazer de convidar esta conceituada instituição de ensino a participar dos XXIV Interamizade 2014, principal evento esportivo de nosso calendário.

Leia mais

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil APOSTILA DE FUTSAL 6º, 7º, 8º e 9º ANO HISTÓRICO No Brasil O Futebol de Salão tem duas versões sobre o seu surgimento, como em outros esportes, há divergências quanto a sua invenção. Há uma versão que

Leia mais

Praça Manuel Marques da Fonseca Júnior Praça Modelo

Praça Manuel Marques da Fonseca Júnior Praça Modelo Praça Manuel Marques da Fonseca Júnior Praça Modelo Rua Félix da Cunha,649 Fone PABX (53) 3026 1144 Caixa Postal 358 CEP 96.010-000 Pelotas RS 1 SUMÁRIO 1. Das Disposições Gerais...3 2. Das Finalidades

Leia mais

III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF

III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF REGULAMENTO GERAL I. Das Finalidades: O III Jogos Internos da Educação Física JIEF, tem por finalidade estimular a prática desportiva aos alunos do curso de Educação

Leia mais

Novas regras do futsal

Novas regras do futsal Novas regras do futsal 2011 Confederação Brasileira de Futebol de Salão - Futsal Futsal do Brasil passa a adotar novidades na regra em 2011 A temporada de 2011 ainda nem começou, mas o futsal brasileiro

Leia mais

GINCANA DO CENTENÁRIO

GINCANA DO CENTENÁRIO Tema: GINCANA DO CENTENÁRIO Regulamento Instituto Federal Espírito Santo: um século de tradição em educação profissional e tecnológica 1. INTRODUÇÃO Em uma perspectiva crítica, Meszaros (1981) aponta que

Leia mais

2 CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO

2 CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO 1 CONSTITUIÇÃO DAS EQUIPAS E CONFIGURAÇÃO DOS JOGOS O número de praticantes desportivos por equipa que podem ser inscritos no boletim de jogo é os seguintes: 2º Ciclo: 4 jogadores (Jogos 2x2); 3º Ciclo

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA Bateria de Exercícios Voleibol NÚCLEO DE ESTÁGIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA 2000.2001 VOLEIBOL BATERIA DE EXERCÍCIOS Este documento pretende acima de tudo fornecer ao professor uma

Leia mais

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015 REGULAMENTO 2015 1º Torneio Bancário Society de Clubes Paulista 2015, é uma promoção da Secretaria de Esporte do Sindicato dos Bancários, e tem por finalidade efetuar o congraçamento entre os bancários

Leia mais

Quimibol - Revisando a Tabela Periódica

Quimibol - Revisando a Tabela Periódica Quimibol - Revisando a Tabela Periódica Apresentação O QUIMIBOL é um jogo de tabuleiro que simula o tradicional jogo de futebol. O objetivo desta atividade lúdica é revisar os conteúdos referentes à Tabela

Leia mais

GINCANA. Regulamento Geral - ENSINO MÉDIO

GINCANA. Regulamento Geral - ENSINO MÉDIO GINCANA Regulamento Geral - ENSINO MÉDIO Capítulo I Disposições preliminares Art. 1 A II Gincana da E.E. Dr. José Marques de Oliveira é um evento desenvolvido pelos professores de educação física da escola,

Leia mais

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010.

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010. COPA SENAI 2010 REGULAMENTO GERAL SESI SENAI - SP 2010 REGULAMENTO GERAL FASE INTERCLASSES I DOS OBJETIVOS Art. 01 A COPA SENAI 2010, tem por finalidade o bem estar e a integração do aluno perante a sociedade

Leia mais

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa)

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) PROJETO J BA 2013 I - OBJETIVOS TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) - Promover a integração e a participação dos alunos do CBB, permitindo

Leia mais

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti Regulamento Geral I Das Disposições Gerais Obs: A COMISSÃO É COMPOSTA pelos integrantes: Rafael Rangel,

Leia mais

FEDERAÇÃO DE VAQUEJADAS DO MARANHÃO FEVAMA CIRCUITO MARANHENSE DE VAQUEJADAS 2014

FEDERAÇÃO DE VAQUEJADAS DO MARANHÃO FEVAMA CIRCUITO MARANHENSE DE VAQUEJADAS 2014 1 FEDERAÇÃO DE VAQUEJADAS DO MARANHÃO FEVAMA CIRCUITO MARANHENSE DE VAQUEJADAS 2014 REGULAMENTO MARANHENSE DE VAQUEJADAS DOS PARQUES: Conforme entendimento mantidos entre os organizadores, fica definido

Leia mais

O essencial sobre Autor: Francisco Cubal

O essencial sobre Autor: Francisco Cubal O essencial sobre Autor: Francisco Cubal 1 Qual a história do Voleibol? Em 1895 o professor de Educação Física G. Morgan, nos Estados Unidos, criou uma modalidade desportiva que, devido ao seu toque no

Leia mais

PRÉ-DESPORTIVOS. Pesquisa realizada na internet em junho de 2015. Material de apoio elaborado pela Profª Rosane A. B. Alves.

PRÉ-DESPORTIVOS. Pesquisa realizada na internet em junho de 2015. Material de apoio elaborado pela Profª Rosane A. B. Alves. PRÉ-DESPORTIVOS Pesquisa realizada na internet em junho de 2015. Material de apoio elaborado pela Profª Rosane A. B. Alves. JOGO DE PETECA Trata-se de um pré desportivo do Badminton. Desporto individual

Leia mais

REGRAS E REGULAMENTOS OLIMPÍADAS DE RACIOCÍNIO PROGRAMA MENTEINOVADORA MIND LAB

REGRAS E REGULAMENTOS OLIMPÍADAS DE RACIOCÍNIO PROGRAMA MENTEINOVADORA MIND LAB REGRAS E REGULAMENTOS VIII OLIMPÍADA DE RACIOCINIO MENTEINOVADORA MIND LAB (alunos de 4º ao 7º ano) VII OLIMPÍADA DE RACIOCÍNIO MENTEINOVADORA DE JOVENS (alunos de 8º e 9º ano) A cada ano, o Grupo Mind

Leia mais

1.ºs JOGOS MINA DE ÁGUA 2014. Regulamento. Artigo 1º Equipas

1.ºs JOGOS MINA DE ÁGUA 2014. Regulamento. Artigo 1º Equipas 1.ºs JOGOS MINA DE ÁGUA 2014 Regulamento Artigo 1º Equipas 1. As equipas são constituídas no total por seis elementos, sendo três elementos do sexo masculino e os restantes três do sexo feminino; 2. A

Leia mais

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO Corridas Especialidades Velocidade Meio-Fundo Fundo Barreiras Estafetas Provas 60m, 100m, 200m, 400m 800m, 1500m,

Leia mais

INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL

INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as competições da Interséries 2015. Art.

Leia mais

BARRAGEM TENNIS OPEN 2015

BARRAGEM TENNIS OPEN 2015 REGULAMENTO BARRAGEM TENNIS OPEN 2015 I - Da barragem: Art. 1 - Os Torneios e a Barragem têm como principal objetivo a integração dos alunos e maior variedade de parceiros, bem como a manutenção e garantia

Leia mais

V JOGOS DE VERÃO SESC 3ª IDADE

V JOGOS DE VERÃO SESC 3ª IDADE V JOGOS DE VERÃO SESC 3ª IDADE GERÊNCIA DE EDUCAÇÃO E AÇÃO SOCIAL SESC 2013/2014 1 ÍNDICE CAPÍTULO ITEM PÁGINA I DA ORGANIZAÇÃO 3 II DOS OBJETIVOS 3 III DA COORDENAÇÃO 3 IV DA DATA E LOCAL 5 V DAS INSCRIÇÕES

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS Grupo Disciplinar de Educação Física. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - 2º Ciclo

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS Grupo Disciplinar de Educação Física. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - 2º Ciclo AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS Grupo Disciplinar de Educação Física CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO - 2º Ciclo Avaliação dos alunos (Critérios uniformizados a nível do Conselho Pedagógico e do Grupo

Leia mais

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres.

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres. DA FINALIDADE: Art. 1º - Os JOGOS DE VERÃO ARCO SPM 2013 MODALIDADE VOLEIBOL 4X4, tem como finalidade principal, promover o congraçamento das equipes e o aumento da adesão à prática de exercícios físicos

Leia mais

Rua Visconde de Aguiar Toledo, 296 - Campo Belo - São Paulo/SP - CEP 04612-100 - Tel.: (11) 3051-6688 Web site: www.tenispaulista.com.

Rua Visconde de Aguiar Toledo, 296 - Campo Belo - São Paulo/SP - CEP 04612-100 - Tel.: (11) 3051-6688 Web site: www.tenispaulista.com. R E G R A S D E T Ê N I S Regra 1 A QUADRA A quadra deve ser um retângulo de 23,77m de comprimento por 8,23m de largura, para os jogos de simples. Para os jogos de duplas e quadra deve medir 10,97m de

Leia mais

Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro

Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro As inscrições para o 6º OPEN DE BEACH TENNIS ASBT PRIMAVERA 2015 deverão ser feitas através

Leia mais

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO:

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO: FUTEBOL DE CAMPO Todos os atletas deverão apresentar o Documento Original (conforme Art.do Regulamento Geral) É obrigatório (e indispensável) o uso de caneleiras para todos os atletas participantes das

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE PETECA CBP REGRAS OFICIAIS

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE PETECA CBP REGRAS OFICIAIS CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE PETECA CBP REGRAS OFICIAIS Regra nº 1.0 Da quadra, suas dimensões e equipamentos 1.1 A quadra tem a dimensão de 15 metros por 7,50 metros para o jogo de duplas e de 15 metros

Leia mais

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 INTRODUÇÃO OBSERVAÇÕES SOBRE AS REGRAS DO JOGO AS REGRAS DO JOGO EXPLICADAS AS MUDANÇAS ÀS REGRAS PARA 2016/17 - TEXTO ANTIGO -

Leia mais

Regras do Jogo. Perguntas e Respostas 91

Regras do Jogo. Perguntas e Respostas 91 Regras do Jogo Perguntas e Respostas 2006 91 Perguntas e Respostas 91 5/30/06 11:17:38 PM Índice Regra 1 O Campo de Jogo Perguntas e Respostas 2006 Assunto Página O Campo de Jogo...93 A Bola...94 O Número

Leia mais

LITUÂNIA Candle (Vela)

LITUÂNIA Candle (Vela) LITUÂNIA Candle (Vela) Materiais: - 1 Bola Jogadores o maior número possível Regras - Escolhem-se duas pessoas que ficarão nas pontas e o resto vai para o meio do campo. Os jogadores que estão nas pontas

Leia mais

REGRAS E REGULAMENTOS

REGRAS E REGULAMENTOS REGRAS E REGULAMENTOS V OLIMPÍADA DE RACIOCINIO MENTEINOVADORA MIND LAB (alunos de 4º ao 7º ano) IV OLIMPÍADA DE RACIOCÍNIO MENTEINOVADORA DE JOVENS (alunos de 8º e 9º ano) I OLIMPÍADA DE RACIOCÍNIO MENTEINOVADORA

Leia mais

Histórico do Voleibol. Prof. Maick da Silveira Viana

Histórico do Voleibol. Prof. Maick da Silveira Viana Histórico do Voleibol Prof. Maick da Silveira Viana Quando começou? Conta a história que o voleibol foi criado na Associação Cristã de Moços (ACM) de Massachusetts pelo professor William Morgan em 1895.

Leia mais

Poderá participar qualquer Tenista residente ou não residente na cidade de Paulínia-SP, que esteja de acordo com o regulamento do ranking Itapoan.

Poderá participar qualquer Tenista residente ou não residente na cidade de Paulínia-SP, que esteja de acordo com o regulamento do ranking Itapoan. REGULAMENTO DO RANKING TÊNIS ITAPOAN Versão 3.0 Sumário 1. ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO RANKING 2 2. PARTICIPAÇÃO NO RANKING 2 2.1. Nível Técnico dos Jogadores 2 3. RANKING 2 3.1. Ingresso ao Ranking 3 3.2.

Leia mais

IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL

IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL 1 IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL TÍTULO I - DA FINALIDADE Art. 1º Os IV JOGOS ANEC têm a finalidade de estimular a prática esportiva, tornando-se mais um meio de formar nos valores os jovens dos

Leia mais

REGULAMENTO DOS JOGOS CARIACIQUENSES DOS IDOSOS 2014

REGULAMENTO DOS JOGOS CARIACIQUENSES DOS IDOSOS 2014 Fase Municipal Cariacica ES 2014 REGULAMENTO DOS JOGOS CARIACIQUENSES DOS IDOSOS 2014 CAPÍTULO I DA FINALIDADE Artigo 1º - Os Jogos Municipais dos Idosos tem por finalidade motivar a participação dos nossos

Leia mais

FEDERAÇÃO MINEIRA DE VOLEIBOL

FEDERAÇÃO MINEIRA DE VOLEIBOL FEDERAÇÃO MINEIRA DE VOLEIBOL ASSESSORIA REGIONAL - AR-1 / 2013. www.proesportes.com NOVO e-mail: ar1@proesportes.com Telefax: (34) 3234-7916 - Uberlândia-MG Nota Oficial: 010/2013 Aos Clubes Vinculados

Leia mais

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes Período: 06/09 a 29/11 11 datas Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes COORDENAÇÃO: Prof. Eurico Gaspar de Oliveira CREF 0124 - G/BA CONTATO: (75) 8307-1261 / 9165-4938 / 3223.4158

Leia mais

OFICINA DE JOGOS APOSTILA DO PROFESSOR

OFICINA DE JOGOS APOSTILA DO PROFESSOR OFICINA DE JOGOS APOSTILA DO PROFESSOR APRESENTAÇÃO Olá professor, Essa apostila apresenta jogos matemáticos que foram doados a uma escola de Blumenau como parte de uma ação do Movimento Nós Podemos Blumenau.

Leia mais

17/02/2016. Mestrando Dagnou Pessoa de Moura - Dog. A partida é supervisionada por três árbitros

17/02/2016. Mestrando Dagnou Pessoa de Moura - Dog. A partida é supervisionada por três árbitros Mestrando Dagnou Pessoa de Moura - Dog Formado em Educação Física Unisalesiano Lins Especialista em Fisiologia do Exercício UFSCar Especialista em Biomecânica, Avaliação Física e Prescrição de Exercícios

Leia mais

PROPOSTA DE FORMULA DE COMPETIÇÃO PARA O CAMPEONATO SERGIPANO DE FUTEBOL SERIE A-1

PROPOSTA DE FORMULA DE COMPETIÇÃO PARA O CAMPEONATO SERGIPANO DE FUTEBOL SERIE A-1 PROPOSTA DE FORMULA DE COMPETIÇÃO PARA O CAMPEONATO SERGIPANO DE FUTEBOL SERIE A-1 01 A Competição será realizada com dez equipes em um único grupo em 03 Fases, a saber: 1ª Fase As equipes jogarão entre

Leia mais

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH.

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH. Colégio Santa Dorotéia BH. Departamento de Educação Física e Artes DEFA SEGMENTO: 6ª a 8ª séries Ensino Fundamental JOGOS INTERNOS 2012 Eu faço parte desta história! Regulamento Colégio Santa Dorotéia

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS

Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS 01 - A partida será disputada por duas equipes, cada uma composta por sete atletas, onde um dos quais, obrigatoriamente, será o goleiro. É obrigatório para se iniciar

Leia mais

"Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9

Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos. Salmo 57.9 PROJETO J BA 2014 TEMA: COPA DO MUNDO FESTA DAS NAÇÕES "Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9 I - OBJETIVOS Regulamento Geral Ensino Fundamental II e

Leia mais

REGRAS OFICIAIS. 1.3. De cada lado deste quadrado será demarcada, à 7 metros da rede e paralela a esta, uma linha denominada linha da área de saque.

REGRAS OFICIAIS. 1.3. De cada lado deste quadrado será demarcada, à 7 metros da rede e paralela a esta, uma linha denominada linha da área de saque. REGRAS OFICIAIS 1. A QUADRA 1.1. A área de jogo trata-se de um retângulo de 10 metros de largura por 20 metros de comprimento. 1.2. Este retângulo será dividido na sua metade por uma rede, formando em

Leia mais

Importante: Ensino Médio

Importante: Ensino Médio Com muita interatividade, de forma lúdica e objetivando promover a sociabilização por meio do estímulo gerado pela competição, o projeto do Colégio IESP propõe mobilizar as competências e habilidades dos

Leia mais

17ª COPA DE VOLEIBOL

17ª COPA DE VOLEIBOL 17ª COPA DE VOLEIBOL PROFESSOR JORGE GUIMARÃES 2013 CURRAIS NOVOS/RN REGULAMENTO OFICIAL 1.OBJETIVOS Despertar e estimular o prazer pela pratica desportiva através da competição sadia e com fins educativos.

Leia mais

3ª COPA INTER-ADVOGADOS

3ª COPA INTER-ADVOGADOS Data/ Local: Competição: Maio à Julho * início previsto para 26/maio Local: Centro Iraí Pinhais-PR www.centroirai.com.br Gustavo@centroirai.com.br DA PARTICIPAÇÃO: Artigo Primeiro: Só poderão participar

Leia mais

Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI

Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI Art. 1º Este Regulamento é o conjunto de disposições que regem a 12 Edição dos Jogos de Integração FAI 2015 e submete, os que com ele tenham

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE SETÚBAL

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE SETÚBAL ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE SETÚBAL CONSELHO DE ARBITRAGEM NORMAS DE CLASSIFICAÇÃO PARA A ÉPOCA 2015/2016 ÁRBITROS E OBSERVADORES DE FUTEBOL Entrada em vigor 15 de Julho de 2015 ÍNDICE I CAPÍTULO - NORMAS

Leia mais

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Escola Superior de Desporto de Rio Maior Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Docentes: António Graça Paulo Paixão Miguel Discentes: Turma 1 e 2 da UC de Teoria e Metodologia do Treino Rio Maior, 2009_10

Leia mais

III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013

III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013 III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013 CIRCUITO INTERNO DE TÊNIS ATC RANKING GERAL 2013 REGULAMENTO 4ª ETAPA VIRADA ESPORTIVA DO TORNEIO: O Ranking Geral do Alphaville Tênis Clube objetiva a melhor integração

Leia mais

Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol

Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol 102 Recursos do Professor Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol Cooperar com os companheiros para o alcance do objetivo do Futebol, desempenhando com oportunidade e correção as ações

Leia mais

PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS

PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS PROJETO JOGOS DA BOA EDUCAÇÃO PROFESSOR FERNANDO GIANNANGELO DE OLIVEIRA CEASLAS SÃO PAULO 2012 Jogos La Salle da Boa Educação O projeto dos jogos da Boa Educação surgiu em 2009 com o objetivo de atender

Leia mais

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO CAPITULO I Da Denominação e Participação Art. 1º - O Campeonato de Voleibol Masculino 2015 OAB SP/CAASP, organizado

Leia mais

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 DE VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESPORTES DE

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 DE VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESPORTES DE REALIZAÇÃO : APOIO: ASSOCIAÇÃO MASTER DE DE VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO AMAVOLEI PREFEITURA MUNICIPAL CABO FRIO SECRETARIA DE ESPORTES DE CABO FRIO CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 VOLEIBOL DE PRAIA O CABO FRIO

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL 2013-2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL 2013-2014 REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL 2013-2014 Índice 1. Introdução 2 2. Escalões etários 3 3. Constituição das Equipas 4 4. Regulamento Técnico Pedagógico 5 5. Classificação, Pontuação e Desempate 6 6.

Leia mais

1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos.

1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos. REGULAMENTO DE BURACO 1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos. 2-No horário estabelecido pela Comissão Organizadora para início de

Leia mais

CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL

CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL REGULAMENTO 2015 O Campeonato Brasileiro de Padel é promovido, implantado e administrado pela Confederação Brasileira de Padel COBRAPA. O presente regulamento é válido para

Leia mais

Informação - Prova de Equivalência à Frequência

Informação - Prova de Equivalência à Frequência Informação - Prova de Equivalência à Frequência Prova de Equivalência à Frequência de EDUCAÇÃO FÍSICA Código: 28 Ano de escolaridade: 6º ano (Decreto Lei n.º 139/2012, de 5 de julho e Despacho Normativo

Leia mais

ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE. Carlos Bio. Adaptação Luís Laureano

ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE. Carlos Bio. Adaptação Luís Laureano ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE Carlos Bio Adaptação Luís Laureano 2 METODOLOGIA DE ENSINO Para ensinarmos o Minibasquete vamos seguir uma Metodologia, que nos parece indicada para o trabalho com

Leia mais

INFORMAÇÃO - EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO

INFORMAÇÃO - EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO INFORMAÇÃO - EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO DISCIPLINA: EDUCAÇÃO FÍSICA CÓDIGO DA PROVA: 28 ANO LETIVO: 2014/15 MODALIDADE: PROVA PRÁTICA 1. Introdução O presente documento

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX ART. 1º - DA FINALIDADE REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX Os JOGOS MULTIVIX modalidade Beach Soccer fazem parte do CIRCUITO VIDA SAUDÁVEL MULTIVIX, torneio universitário que tem por finalidade integrar

Leia mais