Colégio Estadual Barbosa Ferraz. Andirá Jacarezinho Maria Virgínia Brevilheri Benassi UENP - Campus Cornélio Procópio

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Colégio Estadual Barbosa Ferraz. Andirá Jacarezinho Maria Virgínia Brevilheri Benassi UENP - Campus Cornélio Procópio"

Transcrição

1

2 Título Autor Disciplina/ Área Escola de Implementação do Projeto e sua localização Município da escola Núcleo Regional de Educação Professora Orientadora Instituição de Ensino Superior Formato do Material Didático Relação Interdisciplinar Público Alvo Localização Resumo Palavras-chave (Key Words) Ficha para Identificação da Produção Didático - Pedagógica Professor PDE/2012 Fonética (Phonetic) e Fonologia (Phonology): suas contribuições para o ensino e aprendizagem de Língua Inglesa a partir de uma Sequência Didática (Phonetic and Phonology: their contributions to teaching and learning of English Language from a Didactic Sequence) Marcia Regina Miquelino Campos Língua Estrangeira Moderna/Inglês Colégio Estadual Barbosa Ferraz Andirá Jacarezinho Maria Virgínia Brevilheri Benassi UENP - Campus Cornélio Procópio Unidade Didática O trabalho Interdisciplinar contará com a contribuição das disciplinas de Língua Portuguesa e Ciências. Alunos do 9º ano do Ensino Fundamental, no período matutino. Colégio Estadual Barbosa Ferraz - Travessa Nestor Carlos Cunha, número 62, Jardim Central - Andirá - Pr Com intuito de colaborar para o ensino e aprendizagem de Língua Inglesa, no âmbito comunicativo, nos aspectos Fonéticos, Fonológicos e Semânticos é que esse projeto está embasado. Justifica-se pelo ensejo de propiciar o estudo, conhecimento e entendimento dos parâmetros Fonéticos e Fonológicos para a prática pedagógica, bem como a compreensão e utilização da palavra quanto à pronúncia e o contexto em que está inserida. Propõe-se desenvolver uma Sequência Didática sobre o Gênero Textual Entrevista contemplando os aspectos mencionados e também a estrutura do gênero a fim de que ocorra a apropriação das partes composicionais, elementos textuais que o caracteriza. Insere-se também o trabalho interdisciplinar com Ciências e Língua Portuguesa para melhor contextualização, culminando com o trabalho final de produção do gênero estudado. Propõese desenvolver metodologias, materiais e atividades impressas, mas também contar com a colaboração dos meios tecnológicos. Dessa forma, ao trabalhar o IPA (International Phonetic Alphabet), agregado às atividades comunicativas, considerando-se o gênero textual entrevista no sucesso da aprendizagem eficaz e apropriada. Fonética (Phonetic). Fonologia (Phonology). Pronúncia (Pronunciation). Abordagem Comunicativa (Communicative Approach). Sequência Didática (Didactic Sequence).

3 1 GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ MARCIA REGINA MIQUELINO CAMPOS PRODUÇÃO DIDÁTICO - PEDAGÓGICA UNIDADE DIDÁTICA FONÉTICA E FONOLOGIA: SUAS CONSTRIBUIÇÕES PARA O ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUA INGLESA A PARTIR DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA JACAREZINHO - PR 2012

4 2 FONÉTICA E FONOLOGIA: SUAS CONSTRIBUIÇÕES PARA O ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUA INGLESA A PARTIR DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA Marcia Regina Miquelino Campos 1 Orientadora Prof.ª Maria Virginia Brevilheri Benassi 2 Apresentação Learning is finding out what you already know. Doing is demonstrating that you know it Teaching is reminding others that they Know it just as well as you. You are all learners, doers, teachers. Richard Bach Esta Unidade Didática para o 9º ano da disciplina de Língua Inglesa do Ensino Fundamental foi construída a partir de leituras, pesquisas e reflexões realizadas no Primeiro ano do programa PDE (2012) e materializadas no Projeto de Intervenção Pedagógica na Escola com o título Fonética e Fonologia: suas contribuições para o ensino e aprendizagem de Língua Estrangeira a partir de uma pesquisa colaborativa. Devido ao contexto escolar em que as aulas de Língua Inglesa são ministradas, ou seja, a forma como desenvolvemos a prática pedagógica, muitas vezes, deixando de lado alguns aspectos importantes para a aquisição de um segundo idioma, faz com que não atinjamos o aluno eficazmente. Diante da situação pensou-se na elaboração de um material que pudesse contemplar aspectos tais como: abordagem comunicativa, aspectos fonéticos e 1 Professora PDE. Atua como docente em Língua Estrangeira nos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Formada em Letras/Inglês; Pós-graduada em Língua Portuguesa e Literatura. 2 Professora orientadora PDE. Atua como docente na UFPR; Formada em Letras/Inglês.

5 3 fonológicos, bem como a apropriação de um gênero textual que viesse ao encontro das necessidades do aluno e que o fizesse praticar o idioma. Assim, a proposta desse material, leva-nos a refletir sobre nossa prática, sendo capaz de provocar mudanças de atitude frente ao trabalho em sala de aula, nos oportunizando investigar se ao desenvolver atividades interacionistas que envolvam dinâmicas diferenciadas instituamos em nós e nos nossos alunos maior admiração e importância pelo aprendizado de Língua Inglesa. Segundo Schneuwly e Dolz (1997, p. 62) A escola é tomada como autêntico lugar de comunicação e as situações escolares como ocasiões de produção/recepção de textos. Os alunos encontram-se, assim, em múltipals situações em que a escrita se torna possível [...]. Refletindo sobre como inserir atividades que tanto a leitura, escrita, interpretação e produção de texto fossem contempladas é que esse material foi elaborado. Na abertura da unidade, apresenta-se capas de revistas com intuito de fazer os alunos refletirem sobre a importância da leitura, e também que tipos de textos estão contidos nessa revista, explorando o gênero textual entrevista, sua estrutura e elementos textuais. Procurou-se contextualizar todas as atividades de forma que ao chegar ao final da unidade, os alunos conseguissem formular conceitos de acordo com o caminho que fizeram, e que esse caminho tenha sido essencial para o novo aprendizado. Para mais contextualizar, o material apresenta o trabalho interdisciplinar com Língua Portuguesa e Ciências. Quanto a Língua Portuguesa o anseio foi de mostrar conceitos, elementos composicionais e textuais que o gênero constitui tanto na Língua Portuguesa quanto na Língua Inglesa. No que tange a interdisciplinaridade com Ciências, evidencia-se importância de conhecer o aparelho fonador como parte do corpo humano, e suas implicações para a fala e o aprendizado de outro idioma nos aspectos fonéticos e fonológicos. Dessa forma desenvolveu uma Sequência Didática abarcando todos os elementos citados acima, destacando a necessidade de inserir em nossas aulas, meios tecnológicos que contribuirão sobremaneira para o sucesso da unidade.

6 4 FOLOWING DIDACTIC (SEQUÊNCIA DIDÁTICA) Textual Genre: Interview Professora PDE: Marcia Miquelino IES: Universidade Estadual Campus: Cornélio Procópio Have you ever been reporter for a day? OBJETIVOS Reconhecer e identificar os principais elementos constituintes do gênero entrevista; Observar a função textual dos elementos identificados; Entender a função social do gênero estudado; Produzir o gênero entrevista; Possibilitar aos aprendizes a conscientização dos modelos fonéticos e fonológicos que contribuem para a aprendizagem de LI; Organizar as atividades em portfolio.

7 5 Class 1 Professor A apresentação das capas de revistas tem por objetivo provocar uma discussão introdutória e investigar se essa leitura faz parte do dia a dia do aluno. Aproveite e leve para a sala de aula exemplares de revistas. Do you know these magazines? Have you ever read some? Do you know how they are structured? Let s speak about this?

8 6 a) b) c) 3 d) 4 e) 5 f) 6 7 g) =10&um=1&hl=pt-BR&tbo=d&b

9 7 Have you ever notice how a magazine is structured? Read the options bellow and choose according with this structure. ( ) present editorial ( ) present issue about healthy, economy, sport, etc ( ) present cover ( ) present article ( ) present interview ( ) present forecast ( ) present football ( ) present business ( ) present blogs ( ) What else? Write here Professor Discutir com os alunos outras sessões da revista que não estejam contempladas na atividade anterior. Procure dar ênfase ao Gênero Textual Entrevista. Solicitar que os alunos formem grupos, pedindo para selecionarem uma entrevista e, que a partir dela, respondam as questões abaixo e depois socializem as respostas.

10 8 Activity 1 O texto que você leu em português é uma Entrevista. a) Que características do texto nos permitem afirmar isso?... b) Quem é o entrevistado? Por que ele foi escolhido para essa entrevista? Levante hipóteses.... c) Quem é o entrevistador?... d) Em qual revista a entrevista foi publicada? Vocês têm acesso a ela? Costumam lê-la?... e) Quando e onde aconteceu a entrevista?... f) Como é feito o encadeamento das perguntas? Um tema puxa o outro?...

11 9 Activity 2 Caro aluno (a)! Vamos praticar Reading and Understanding, fazendo a leitura da definição do Textual Genre: Interview Definition The qualitative research interview seeks to describe and the meanings of central themes in the life world of the subjects. The main task in interviewing is to understanding the meaning of what the interviewees say (KVALE, 1996). Let s see another definition, now in Portuguese A entrevista é um gênero textual jornalístico que tem por finalidade colher opiniões de pessoas a respeito de um assunto ou de fatos em evidencia no momento em que ela é realizada; pode também divulgar informações sobre a vida pessoal e profissional de uma pessoa de renome no meio artístico, cultural, cientifico, político ou religioso. Uma entrevista costuma ter por título um trecho da fala do entrevistado ou uma frase-síntese que revela a opinião do entrevistado. Abaixo do título há normalmente um subtítulo que procura sintetizar o que foi exposto durante a entrevista. É comum haver também um texto mais extenso, em que o entrevistador coloca o leitor a par do assunto que será abordado ou apresenta o entrevistado, falando de sua vida pessoal ou de sua atividade profissional. (http://salinhas.blogspot.com.br/)

12 10 Professor É sempre bom explorar a fonte de onde as informações foram retiradas a) Agora que você leu as definições vamos discutir as respostas das questões da Activity 1. b) De acordo com o que você leu sobre as características do Gênero Textual entrevista, resuma abaixo quais são as principais informações que precisamos saber para ser um bom entrevistador Professor Corrigir a questão, explorar as respostas dos alunos e passar os slides com as principais características da entrevista, além de como entrevistar bem. Caso você não tenha acesso a esses slides, pesquise e monte o seus.

13 11 Caros alunos(as)! Vamos formalizar as características da entrevista escrita e de como entrevistar bem. Em seguida faça suas anotações para que você tenha essas informações. Class 2 Work in group! Now let's read another interview then we'll analyze it and highlighting key themes feature. This interview was published in the Época Magazine, November, 2012 Professor Essa entrevista foi adaptada da Revista Época 10. Foi traduzida para a Língua Inglesa possibilitando aos alunos a familiarização com o estilo de perguntas e estrutura do gênero textual que produzirão ao final. 10

14 12 ENTREVISTA Tony Porter: "Men who batter women were educated for it" The American activist who fights to end violence against women says time to train the boys families should ask a simple question: what kind of man you want for your daughter? (NATHALIA ZIEMKIEWICZ ) Tony Porter é um senhor negro e alto, com uma voz poderosa e sotaque carregado. Ele cresceu no subúrbio de Nova York, entre Bronx e o Harlen, bairros conhecidos pelos altos índices de violência. O cargo de conselheiro da Casa Branca na comissão sobre Violência contra as Mulheres e Meninas é apenas uma de suas atividades. Porter fundou a organização não governamental Call to Men ( Um chamado para os homens, em tradução livre), que convoca os homens a uma mudança cultural. O objetivo é que eles se engajem e não apenas assistam ao debate promovido pelas mulheres. O que o projeto propõe é quebrar os estereótipos impostos pela sociedade. Homens não precisam ser valentes nem esconder suas emoções, diz ele. No dia a dia, Porter leva seu discurso para colégios, universidades, comunidades, empresas e toda espécie de evento. Ele esteve no Rio de Janeiro, uma semana antes dessa entrevista, a convite do fórum, Mulher Reais que transformam. Único homem a subir ao Palco, foi aplaudido de pé pela platéia. Gentil e espirituoso, Porter tem 60 anos, é casado, e tem um casal de filhos adolescentes. Época You grew up in the suburbs of New York. What do your family and your community taught him about being a man? Tony Porter I learned that most men learn: women should obey us, they are fragile and has less value. I lived in the neighborhoods of Harlem and the Bronx where there was domestic violence. Everyone knew that the woman abused her neighbor, but it "was not nobody's business." I grew up surrounded by good men who loved their wives, but did not realize that their behavior diminishes them perpetuated violence. They were just doing what men always did the men. Época Like his father reacted when you cry? Porter I do not remember! (laughs). Because I could not cry. But I was always the kid's mom, could feed the gentle and loving hand. The only time I ever saw my father cry was the death of my brother, who was still a teenager. We were alone when it happened. Then he was so embarrassed that he apologized to me. He applauded me for not being in tears, saying that I was very strong. But I cried after, hidden.

15 13 Época When did you become an activist against violence suffered by women? Tony Twenty years ago, when I was director of a treatment program for alcohol and drugs in a hospital. The community women suffered domestic violence, they talked about their problems and sought shelter. I volunteered to work also with offenders. Realizing that all men need to have a different mentality and propagate an idea of fairer world, with a friend founded the project "A Call to Men". Época Women also educate their children based on this concept of masculinity. In this sense, they are responsible for the violence they suffer? Tony Responsible, not. But they contribute to it. What happens is that mothers trying to raise children based on what men respect. For this child can fit in the future. Men do not respect crying, you have to be strong. They do not mean any harm, but are educating wrongly. Época How can we change that? Porter - I propose that men be proactive and start paying attention to the next generations of men. They need to think about what is important, not through the eyes of our boys, but girls what kind of man you want for your daughter? That's the kind of man you have a mission to develop at home. It is a big challenge. Época What kind of man do you want for your daughter? Porter - A gentle man, caring, loving. Someone who respects that considers their opinions. How is it that I want her to, do the role of teaching about how you can be a man. This type of discussion does not come spontaneously to mind the young, and boys, we need to talk to them about it. We were taught, in many ways, little interest in the experiences and feelings of women. My job is to make people reflect, go home and change how they are educating their children. Época Besides physical violence, women are victims of verbal abuse, psychological abuse, in such cases, they do not seem to seek help. Why? Porter Verbal violence, emotional or psychological is not illegal. If your husband humiliates you with words, at home or in public, he is not arrested. The police will not do much about it. This further contributes to the violence escalates and reaches the physical status. Época Putting these male perpetrators in jail is the solution? Porter - Prison will not end the problem. The solution is something much more complex: it means educating men to be better, challenge them to think differently. Época - How to educate them, then?

16 14 Porter The first thing to make sure they understand that this sick idea of masculinity is the basis of domestic and sexual violence. Violence is not related to mental illness, lack of ability to deal with anger, stress, or chemical dependency. It is related to the traditional domain of men. Época In Brazil, it is very common for women to make police report only instrument of threat. Many repent, withdraw the complaint at the police station and are then beaten. Why is it so difficult to leave a violent partner? Porter - 'll answer with another question. Why, many times, this woman asks for help and we make her feel ashamed, instead of actually welcome it and support it. Why did she have to explain it was blamed for violence suffered? I call it "revitimizar" the woman. Besides the violence experienced at home, she looks for help in an institution and becomes a victim a second time. Activity 1 Let s work! Com base no que já estudamos sobre as características do Gênero Textual Entrevista, faça a análise da entrevista de Tony Porter, divulgada na revista Época. Considere os aspectos estruturais e linguísticos, linguagem, progressão do assunto, temática, finalidade.

17 15 Faça a correspondência de acordo com a entrevista de Tony Porter. (a) Structural: presentation title and introduction. (b) Formal Language (c) Presentation verbs in the Present Tense. (d) Presents marks of orality. (e) Displays the name of the interviewer and interviewee. (f) The theme is clear. (g) Shows the name of who did the interview? ( ) I do not remember! (laughs). Because I could not cry. But I was always the kid's mom, could feed the gentle and loving hand. ( ) All the text presents this language. ( ) "Men who batter women were educated for it" / The American activist who fights to end violence against women says time to train the boys families should ask a simple question: what kind of man you want for your daughter? ( ) By Nathalia Ziemkiewicz ( ) The text talks about the violence ( ) I propose that men be proactive and start paying attention to the next generations of men. They need to think about what is important, not through the eyes of our boys, but girls what kind of man you want for your daughter? That's the kind of man you have a mission to develop at home. It is a big challenge. ( ) Época What kind of man do you want for your daughter? Porter - A gentle man, caring, loving. Someone who respects that considers their opinions. How is it that I want her to, do the role of teaching about how you can be a man.

18 16 Activity 2 Professor Explorar a pronúncia das palavras, dando sequência a temática da entrevista anterior. O vídeo 11 continuará relatando aspectos sobre a violência contra a mulher. O trabalho será em grupo com apresentação ao final da atividade. My dear students! Now we are going to watch a video with Tony Porter. After to watch, in group you will make a transcript of the speech in English by Tony. Follow the instructions! 1. The video has 18 minutes and thirty-six seconds. 2. Let s make groups with the five members. 3. Each group will stay with a excerpt of the text. Look the parts below. 4. Access the link below to listening the interview. Program of the time to watch the video. 5. Watch the video in English. Activate the legend of the video to copy. 6. See approximately the video division in the box below. 7. In group make the transcription of the statements. 8. Write of the statements in the poster and practice reading. 9. Present to classmates their excerpt. Don t forget to translate the statement that you transcribed. 10. If necessary use the dictionary. 11. Pay attention in the Tony s pronunciation. This will help you make yours. 11 Interview w/tony Porter, Founder of A Call to men ending Violence Against Women

19 17 Professor Tony Porter pronuncia as palavras vagarosamente, dessa forma não será difícil aos alunos fazerem a transcrição. Explique como ativar no próprio vídeo a legenda em inglês. Faça a transcrição antes de corrigir a tarefa. Mostre como funciona assistindo o vídeo com os alunos. First Second Third Forth Fifth Excerpt Excerpt Excerpt Excerpt Excerpt 00:00 04:20 07:50 10:50 15:00 minutes minutes Until minutes minutes Until Until 10:50minutes Until Until 04: 20 07:50 14:60minutes 18: 36 minutes minutes minutes The Ending beginning

20 18 Class 3 Professor A partir dessa aula vamos introduzir noções sobre o IPA (International Phonetic Alphabet). Entretanto, não se pretende esgotar o conteúdo, mesmo porque existem algumas dificuldades a serem vencidas, como por exemplo, ter um programa com IPA, pois para transcrever foneticamente uma palavra precisamos dele ou utilizar um bom dicionário com símbolos fonéticos. Nesse sentido, começaremos relembrando o Alfabeto da Língua Inglesa com as tarefas abaixo, depois entraremos no IPA. Vamos mostrar aos nossos alunos que o Alfabeto Fonético em Inglês é importante para pronunciar corretamente as palavras. Conto com você, professor! Vamos pesquisar juntos e utilizar algumas tecnologias. International Phonetic Alphabet Students! Do you know the Alphabet of the English Language? Let s remember accessing the site below 12. This program of the Youtube is entitled Aula de Ingles 14 Alfabeto. You ll have the chance to remember how spell the letters and your name in English. Good Exercise! 12

21 19 Activity 1 a) After listening of the video about the Alphabet we are going to repeat it. This will help memorizing. Fonte: Activity 2 a) Do you realize that letters pronunciations are different? b) Now! We are going to train with questions below they were withdrawals of the video that we have just heard.

22 20 SPEAKING How do you spell house? It s H O U - S E How do you spell it? Can you spell it, please? What s your name? My name is How do you spell it? It s How do you say it in English? What does it mean? What do you call this? What do you call that? This is a chair That is a computer? This is called chair? That is called computer. Look up What does slide mean? Look it up on the dictionary. Let s Practice!

23 21 Professor No Speaking é necessário revisar as palavras interrogativas, o uso de auxiliares, de This e That e os pronomes objetos. Falar sobre as diferentes pronúncias que as letras têm e que quando falamos, muitas vezes, ainda apresenta outro som. Dessa forma, estaremos treinando para o trabalho final da Unidade Didática de fazer uma entrevista. Working in pairs! a) Now, you are going to make questions and answers to the words below. After, you are going to train the pronunciation. WORDS SENTENCES ANSWERS Tony Porter Notebook School Desk Your name Pineapple

24 22 Class 4 Ok, students! Now that you already recalled the Alphabet let's talk about IPA (International Phonetic Alphabet). Have you ever heard it? Firstly a little of the theory! Activity 1 Access the site and make research about the topics below. Take note because you are going to need of the information during the class. a) Research about origin of the English Language; b) History about English Language; c) Geographical distribution. Professor Solicite aos alunos para fazerem a pesquisa manuscrita, pois evitará alguns transtornos. Socialize o conteúdo com algumas perguntas oralmente.

25 23 Activity 2 PRACTICE READING Um dos estágios mais avançados de se aprender uma língua é a pronúncia correta das palavras. Como você já percebeu ao pronunciarmos as palavras em inglês nem sempre o som está de acordo com as letras, por isso que o IPA sempre será uma fonte preciosa para nos auxiliar. Antes de conhecermos o gráfico do IPA, vamos entender o que é IPA, Phonetics and Phonology. IPA (International Phonetic Alphabet) The International Phonetic Alphabet is an alphabetic system of phonetic notation based primarily on the Latin alphabet. It was devised by the International Phonetic Association as a standardized representation of the sounds of oral language. 13 PHONETICS Phonetics is the study of the way people physical produce and perceive the different sound we use to create speech. These sounds are called phonemes and are created by the various organs of speech in the body, including the tongue, the soft and hard palate, lips, pharynx, etc. phonetics, unlike phonology, is not concerned in any way with the meaning connected to these sounds. 14 PHONOLOGY Phonology is the study of the way speech sound are structured and how theses are combined to create meaning in words and sentences. Phonology can be considered an aspect of grammar and, just as there are grammar rules that apply to the syntax of a sentence and the morphology of words, there are phonological rules, too D:\Glossary of Linguistic Terms n-z.mht 15 D:\Glossary of Linguistic Terms n-z.mht

26 24 Activity 3 Now write what the main characteristics between phonetics and phonology and what is IPA. Activity 4 a) Let s know the IPA (International Phonetic Alphabet). Pay attention in the symbols. Professor Utilize o data show para projetar os gráficos do IPA. Mostre aos alunos a diferença entre o alfabeto de Língua Inglesa e o Alfabeto Fonético Internacional. Traga para aula um dicionário que tenha a transcrição fonética e explique que quando tiverem dúvidas quanto à pronúncia, conhecendo o IPA será possível aprender.

27 25 Fonte: b) See how the sound plays and examples. Let's practice c) Let s access the site entitled Alfabeto Fonético Internacional Parte 1 - Disponível em: Parte 2 - Disponível em: Parte 3 - Disponível em: Parte 4 - Disponível em: Professor Faço a sugestão de que esses vídeos sejam acessados em sala de aula. Na medida do possível, utilize o data show para melhor visualização do vídeo.

28 26 Activity 4 The tables show the phonetic symbols of consonant and vowel separately. Let s read!

29 27 Activity 6 Professor Para realizar atividades sobre IPA, acesse o site que consta abaixo dos exercícios, aqui apresento apenas um modelo de tarefa, mas há muitos outros. Explore e utilize esse site. Ele é rico em atividades e conhecimento. Você vai se divertir e aprender! a) Firstly, let s access the site below - atures/spelling/. Go the Link, to the right, entitled Similar Sounds Exercises. Make the exercises. Pay attention! b) Students! The next exercises you must pay attention. Return the IPA, if necessary.

30 28 Professor Esses exercícios estão disponíveis somente para utilizar no site ou imprimir. Dessa forma, imprima para os alunos e faça coletivamente o Quiz 1 com ajuda do data show acessando o site. Os demais encaminhe como homework se preferir. Todas as respostas se encontram no final de cada grupo de exercícios. Não se esqueça de explorar o site para você se familiarizar. Acesse e vá ao link, à direita, QUIZZES e faça a escolha dos exercícios. Não tenha receio! It s very good!!! Follow the instructions! a) In pairs, together with your teacher access the site below. While you listen and see you must go responding the exercises. You ll the Quiz1, Quiz 2, Quiz 3, Quiz 4, Quiz 5. pron/features/spelling/ b) So! What did you think of the exercises. Write if this will help you to pronounce the words correctly. If you prefer writing in Portuguese.

31 29 Class 5 How about a bit of sciences in English language! ENGLISH PORTUGUESE Fonte: Xme6c Trabalho interdisciplinar Professor Vamos falar um pouco sobre algumas noções do Aparelho Fonador! De como funciona, bem como suas implicações para o aprendizado da segunda língua (LE). Você acha que ao envelhecermos, teremos mais ou menos dificuldades para aprendermos idiomas, no caso a Língua Inglesa? Pense nisso. Faça pesquisa nessa área! Há muitos artigos científicos que discorrem sobre o assunto. Peça ajuda ao professor de Ciências ou Biologia.

32 30 Vamos em frente! Do you know what phonation system is? How it works? With time our phonation system ages. Do you think this difficult to learn English language? Ok, students! Then let s study about this issue? Aparelho Fonador/Phonation System É denominado Aparelho Fonador o conjunto de órgãos responsáveis pela fonação humana, são eles os seguintes: pulmões, traquéia, laringe (cordas vocais e glote), lábios, dentes, alvéolos, palato duro, palato mole (véu palatino e úvula), parede rinofaringe, ápice da língua, raiz da língua. Activity 1 Ok, Students! In this class let s study how the sounds are produced. The teacher of the Science will help us. Make the research below. Follow the instructions!

33 31 a) Go to library or internet and research about Phonation System, picture about issue. What are the functions of the Phonation System? Write in a leaf sulfite. You must keep in your portfolio. b) Access Youtube in the address: entitled Cida Coelho responde: Como a voz é produzida? While listening copy all the information important. Write in leaf sulfite. c) Science s teacher will help in another explain. Wait her class. All right? d) What happens to the Phonation System as we age? Ask the science s teacher. Trabalho interdisciplinar Professor Para próxima tarefa solicite a colaboração do Professor de Língua Portuguesa (AFLP), ao introduzir algumas noções do Alfabeto fonético da Língua Portuguesa. Reúna-se com esse professor e preparem essa aula. Ao comparar os IPA e AFLP os alunos deverão chegar a conclusão da importância de ambos para aquisição da Língua Inglesa. Faça pesquisa sobre o assunto há muitos sites além do apresentado nas tarefas abaixo.

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho GUIÃO A 1º Momento Intervenientes e Tempos Descrição das actividades Good morning / afternoon / evening, A and B. For about three minutes, I would like

Leia mais

Guião M. Descrição das actividades

Guião M. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Inovação Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião M Intervenientes

Leia mais

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO PROJECTO PROVAS EXPERIMENTAIS DE EXPRESSÃO ORAL DE LÍNGUA ESTRANGEIRA - 2005-2006 Ensino Secundário - Inglês, 12º ano - Nível de Continuação 1 1º Momento GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

Leia mais

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Portuguese Lesson A Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

Guião A. Descrição das actividades

Guião A. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Ponto de Encontro Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO

Leia mais

Descrição das actividades

Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Em Acção Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião D 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio Teste Intermédio de Inglês Parte IV Interação oral em pares Teste Intermédio Inglês Guião Duração do Teste: 10 a 15 minutos De 25.02.2013 a 10.04.2013 9.º Ano de Escolaridade D TI de Inglês Página 1/ 7

Leia mais

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS 01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS OBS1: Adaptação didática (TRADUÇÃO PARA PORTUGUÊS) realizada pelo Prof. Dr. Alexandre Rosa dos Santos. OBS2: Textos extraídos do site: http://www.englishclub.com

Leia mais

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person?

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person? Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014 GUIÃO A Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho 1.º Momento Intervenientes e Tempos

Leia mais

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio Regular. Rua Cantagalo 313, 325, 337 e 339 Tatuapé Fones: 2293-9393 e 2293-9166 Diretoria de Ensino Região LESTE 5 Trabalho de Compensação de Ausência

Leia mais

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them?

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them? GUIÃO A Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/7 Grupo: Chocolate Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas 1º Momento Intervenientes

Leia mais

Conteúdo Programático Anual

Conteúdo Programático Anual INGLÊS 1º BIMESTRE 5ª série (6º ano) Capítulo 01 (Unit 1) What s your name? What; Is; My, you; This; Saudações e despedidas. Capítulo 2 (Unit 2) Who s that? Who; This, that; My, your, his, her; Is (afirmativo,

Leia mais

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group:

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group: Present Perfect: FOOD for THOUGHT Colégio de Aplicação UFRGS Name: Group: Present Perfect Simple Os Perfect Tenses são formados com o presente simples do verbo to have (have / has), que, neste caso, funciona

Leia mais

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic Portuguese Lesson 1 Welcome to Lesson 1 of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

Prova Escrita de Inglês

Prova Escrita de Inglês PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Inglês 6º Ano de Escolaridade Prova 06 / 2.ª Fase 7 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. 2014 Prova 06/ 2.ª F.

Leia mais

Visitor, is this is very important contact with you. WATH DO WE HERE?

Visitor, is this is very important contact with you. WATH DO WE HERE? Visitor, is this is very important contact with you. I m Gilberto Martins Loureiro, Piraí s Senior Age Council President, Rio de Janeiro State, Brazil. Our city have 26.600 habitants we have 3.458 senior

Leia mais

www.souvestibulando.com.br MÓDULO DE INGLES

www.souvestibulando.com.br MÓDULO DE INGLES 1 MÓDULO DE INGLES ASSUNTO: AULA 01 THE SIMPLE PRESENT TENSE Esta aula é composta pelo texto da apostila abaixo e por um link de acesso à AULA VIRTUAL gravada. Estude com atenção o texto antes de acessar

Leia mais

Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental. Parent Academy Digital Citizenship. At Elementary Level

Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental. Parent Academy Digital Citizenship. At Elementary Level Parent Academy Digital Citizenship At Elementary Level Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental Pan American School of Bahia March 18 and 29, 2016 Digital Citizenship Modules Cyberbullying

Leia mais

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO- ARTIGO FINAL PROFESSOR PDE - 2012

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO- ARTIGO FINAL PROFESSOR PDE - 2012 PARANÁ GOVERNO DO ESTADO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED SUPERINTENDENCIA DA EDUCAÇÃO SUED DIRETORIA DE POLÍTICAS E PROGRAMAS EDUCACIONAIS - DPPE PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL PDE FICHA

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS 1. EMENTA Competência (meta) lingüístico - comunicativa na língua inglesa através da aquisição de funções da linguagem nas quatro habilidades (ouvir, falar, ler, escrever). Introdução à Fonética e Fonologia.

Leia mais

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM.

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS Prova-modelo Instruções Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. A prova é avaliada em 20 valores (200 pontos). A prova é composta

Leia mais

Searching for Employees Precisa-se de Empregados

Searching for Employees Precisa-se de Empregados ALIENS BAR 1 Searching for Employees Precisa-se de Empregados We need someone who can prepare drinks and cocktails for Aliens travelling from all the places in our Gallaxy. Necessitamos de alguém que possa

Leia mais

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes Lesson 6 Notes Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job Welcome to Fun With Brazilian Portuguese Podcast, the podcast that will take you from beginner to intermediate in short, easy steps. These

Leia mais

Semestre do plano de estudos 1

Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Inglês CU Name Código UC 6 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 54 ECTS 2 Horas de contacto TP - 22,5 Observações n.a. Docente responsável

Leia mais

Exercícios extras. Na aula de hoje, você deverá arregaçar as

Exercícios extras. Na aula de hoje, você deverá arregaçar as Exercícios extras Assunto do dia Na aula de hoje, você deverá arregaçar as mangas e entrar de cabeça nos exercícios extras, que têm como tema tudo que vimos nas aulas do Segundo Grau. Atenção: 3, 2, 1...

Leia mais

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening )

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web Barueri, / / 2009 Trimestre: 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) NOTA: ACTIVITY ONE: Put the verses in order according to what

Leia mais

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?.

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?. Part A I. TEXT. WORKING CHILDREN Over a million school children in Britain have part-time Jobs. The number is growing, too. More and more teenagers are working before school, after school or on weekends.

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO Questão: 26 30 41 A questão 26 do código 02, que corresponde à questão 30 do código 04 e à questão 41 do código 06 Nº de Inscrição: 2033285 2041257 2030195 2033529 2032517 2080361 2120179 2120586 2037160

Leia mais

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges 3 o ANO ENSINO MÉDIO Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges Unidade II Science Health and nature 2 Aula 5.1 Conteúdos Phrasal Verbs in texts 3 Habilidade Identificar os phrasal verbs em textos

Leia mais

My English Language Passport

My English Language Passport My English Language Passport Personal information First name: Address: Surname: Date of birth: First language: Languages spoken: Email address: English learnt at school Type of school Primary school Number

Leia mais

Como dizer quanto tempo leva para em inglês?

Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Você já se pegou tentando dizer quanto tempo leva para em inglês? Caso ainda não tenha entendido do que estou falando, as sentenças abaixo ajudarão você a entender

Leia mais

Curso EFA - Inglês. A. Ouça a Tzu-Lee e o Jack falar sobre as suas actividades depois da escola. Complete a tabela.

Curso EFA - Inglês. A. Ouça a Tzu-Lee e o Jack falar sobre as suas actividades depois da escola. Complete a tabela. Curso EFA - Inglês Leisure 4 A. Ouça a Tzu-Lee e o Jack falar sobre as suas actividades depois da escola. Complete a tabela. Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Myers, Cathy et al Step Ahead 7 (wkbk)

Leia mais

AT A HOTEL NO HOTEL. I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Poderia sugerir um hotel mais barato?

AT A HOTEL NO HOTEL. I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Poderia sugerir um hotel mais barato? I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Gostaria de ficar por perto da estação. Poderia sugerir um hotel mais barato? I d like to stay near the station. (I would ) in a cheaper

Leia mais

Roteiro de Recuperação Língua Inglesa 6º ano

Roteiro de Recuperação Língua Inglesa 6º ano Roteiro de Recuperação Língua Inglesa 6º a Professor (es) da Disciplina: Christiane Bernardini Lourenço Data: / /15 3º TRIMESTRE Alu(a): Nº: A: 6º a Fundamental II Período: Matuti EM CASA: Revise o conteúdo

Leia mais

SEYMOUR PAPERT Vida e Obra

SEYMOUR PAPERT Vida e Obra SEYMOUR PAPERT Vida e Obra Eva Firme Joana Alves Núria Costa 1 de Março de 1928 -EUA Activista - movimento anti-apartheid 1954-1958 - Universidade de Cambridge (matemática). 1958-1963 - Centro de Epistemologia

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL PDE UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UEM

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL PDE UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UEM SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL PDE UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UEM INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA / MATERIAL DIDÁTICO SEQÜÊNCIA DIDÁTICA do GÊNERO TEXTUAL ORAL :

Leia mais

Verbs - Simple Tenses

Verbs - Simple Tenses Inglês Prof. Davi Verbs - Simple Tenses Simple Present Simple Past Simple Future Simple Present - Formação Infinitivo sem o to Ausência do auxiliar (usa-se to do ) Inclusão de s na 3ª pessoa do singular

Leia mais

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer?

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer? MONEY CHANGER Câmbio I d like to exchange some money. Where can I find a money changer? Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Onde posso encontrar um câmbio? I d like to exchange (I would) Where can

Leia mais

Relatório completo de proficiência da língua inglesa

Relatório completo de proficiência da língua inglesa Relatório completo de proficiência da língua inglesa 1 2 Entenda a avaliação Nesta avaliação de proficiência de inglês como língua estrangeira, quantificamos e identificamos o nível e perfil atual do candidato,

Leia mais

SUMÁRIO VOLUME 1 LÍNGUA INGLESA

SUMÁRIO VOLUME 1 LÍNGUA INGLESA SUMÁRIO VOLUME 1 "No mar tanta tormenta e dano, Tantas vezes a morte apercebida, Na terra, tanta guerra, tanto engano, Tanta necessidade aborrecida." Os Lusíadas, p. 106, Luís Vaz de Camões Lesson 1 -

Leia mais

Verbs. Modal Verbs. Conditional Tenses (if clauses) Zero Conditional First Conditional Second Conditional Third Conditional

Verbs. Modal Verbs. Conditional Tenses (if clauses) Zero Conditional First Conditional Second Conditional Third Conditional Inglês Prof. Davi Verbs Modal Verbs Conditional Tenses (if clauses) Zero Conditional First Conditional Second Conditional Third Conditional Modal Verbs Regras especiais Não existem no infinitivo (to can,

Leia mais

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks Conteúdo: Reading - Typographic Marks Habilidades: Utilizar as Marcas Tipográficas para facilitar a compreensão e também chamar a atenção do leitor. Typographic Marks O que são marcas tipográficas? As

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016 ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016 Nome: Nº 7ª Série Data: / / Professor(a): Nota: (Valor 1,0) INSTRUÇÕES PARA A PARTICIPAÇÃO NA RECUPERAÇÃO Neste bimestre, sua media foi

Leia mais

Present Simple Exercises

Present Simple Exercises Present Simple Exercises Antes de fazer as atividades, você pode querer ler as dicas dos links abaixo. Nelas você encontra explicações sobre os usos e as conjugações dos verbos no Present Simple. Ø www.bit.ly/psimple1

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

Você sabe fazer perguntas em Inglês? Em primeiro lugar observe as frases abaixo: Afirmativo: Ele é estudante Interrogativo: Ele é estudante?

Você sabe fazer perguntas em Inglês? Em primeiro lugar observe as frases abaixo: Afirmativo: Ele é estudante Interrogativo: Ele é estudante? Do you know how to ask questions in English? Você sabe fazer perguntas em Inglês? Em primeiro lugar observe as frases abaixo: Afirmativo: Ele é estudante Interrogativo: Ele é estudante? Note que tanto

Leia mais

WELCOME Entrevista Au Pair In America

WELCOME Entrevista Au Pair In America WELCOME Entrevista Au Pair In America MÓDULO 2. ENTREVISTA ENTREVISTA FÓRMULA PARA O SUCESSO Passo 1 Vai ser uma conversa informal, então relaxe! Parte 2 Algumas perguntas vão ser as mesmas do Skype com

Leia mais

Inglês Técnico Instrumental

Inglês Técnico Instrumental Inglês Técnico Instrumental Aula 5 Inglês Técnico Instrumental - Aula 5 1 Objectives Empregar os verbos no passado de modo a exercitar exemplos práticos do cotidiano do técnico em informática; Elaborar

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS Aluno(a): Nº Ano: 8º Turma: Data: Nota: Professor(a): Débora Toledo Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

Andrew is an engineer and he works in a big company. Sujeito Predicado (e) Suj. Predicado

Andrew is an engineer and he works in a big company. Sujeito Predicado (e) Suj. Predicado Inglês Aula 01 Título - Frases básicas em Inglês As orações em Inglês também se dividem em Sujeito e Predicado. Ao montarmos uma oração com um sujeito e um predicado, montamos um período simples. Estas

Leia mais

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE www.blogpensandoemingles.com www.facebook.com/pensandoeminglesblog O que é? ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE Active Voice ( Voz Ativa): Ocorre quando o sujeito pratica a ação, e é chamado de agente. Ex: Robert

Leia mais

Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II. O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica

Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II. O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica 2008 SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

WELCOME. Entrevista - Cultural Care MÓDULO 2 . TESTE - SIMULAÇÃO DE ENTREVISTA COM A HOST FAMILY

WELCOME. Entrevista - Cultural Care MÓDULO 2 . TESTE - SIMULAÇÃO DE ENTREVISTA COM A HOST FAMILY WELCOME Entrevista - Cultural Care MÓDULO 2. TESTE - SIMULAÇÃO DE ENTREVISTA COM A HOST FAMILY ENTREVISTA FÓRMULA VENCEDORA Passo 1 As perguntas da estrevista são bem parecidas com as perguntas de nivel

Leia mais

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português 1 Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português A partir do momento que você souber de cor a função de cada peça do nosso jogo de dominó, você não terá mais problemas para formular frases,

Leia mais

THE LIBRARY A LANGUAGE LEARNING ADVENTURE #1 TEXTO DE ESTUDO

THE LIBRARY A LANGUAGE LEARNING ADVENTURE #1 TEXTO DE ESTUDO 1 A LANGUAGE LEARNING ADVENTURE #1 TEXTO DE ESTUDO ENGLISH TEXT The beginning of your journey So, you want to improve your English. Do you need to improve your English for professional reasons, for reasons

Leia mais

make a decision ANÁLISE EXEMPLO decide/choose

make a decision ANÁLISE EXEMPLO decide/choose make a decision decide/choose A expressão make a decision significa tomar uma decisão. O verbo make é utilizado aqui porque a decisão não existe ainda, ou seja, não é algo que será executado, mas sim algo

Leia mais

PROVA COMENTADA E RESOLVIDA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO

PROVA COMENTADA E RESOLVIDA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO COMENTÁRIO GERAL DOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO Uma prova, para avaliar tantos candidatos deve ser sempre bem dosada como foi a deste ano. Houve tanto questões de interpretação (6) como de gramática

Leia mais

Guião N. Descrição das actividades

Guião N. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: 006 Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião N Intervenientes

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: Nota: Professor(a): Débora Toledo Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número

Leia mais

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa;

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; 2. Associa-se o Present Perfect entre uma ação do passado que tenha uma relação com o presente; My life has changed

Leia mais

Seu Tempo é Precioso. Volume I. Charlles Nunes

Seu Tempo é Precioso. Volume I. Charlles Nunes APRENDA INGLÊS EM CASA Seu Tempo é Precioso Volume I Charlles Nunes Aprenda Inglês em Casa ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 LESSON 1... 5 LESSON 2... 10 LESSON 3... 16 LESSON 4... 21 2 Charlles Nunes APRESENTAÇÃO

Leia mais

1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the

1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the 1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the computer at night. My brother goes to work every day. 2.

Leia mais

MARLI DA COSTA RAMOS SCATRALHE FAMÍLIA E ESCOLA: DOIS SISTEMAS INTERDEPENDENTES NA COMPREENSÃO DOS SIGNIFICADOS NO PROCESSO ESCOLAR DO FILHO/ALUNO

MARLI DA COSTA RAMOS SCATRALHE FAMÍLIA E ESCOLA: DOIS SISTEMAS INTERDEPENDENTES NA COMPREENSÃO DOS SIGNIFICADOS NO PROCESSO ESCOLAR DO FILHO/ALUNO MARLI DA COSTA RAMOS SCATRALHE FAMÍLIA E ESCOLA: DOIS SISTEMAS INTERDEPENDENTES NA COMPREENSÃO DOS SIGNIFICADOS NO PROCESSO ESCOLAR DO FILHO/ALUNO CENTRO UNIVERSITÁRIO FIEO Osasco 2009 MARLI DA COSTA RAMOS

Leia mais

Disciplina: Língua Inglesa Professora:Eliane Ano: 8º Turmas: 8.1 e 8.2

Disciplina: Língua Inglesa Professora:Eliane Ano: 8º Turmas: 8.1 e 8.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2013 Disciplina: Língua Inglesa Professora:Eliane Ano: 8º Turmas: 8.1 e 8.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF ::

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: :: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: [Download] COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF - Are you looking for Como Escolher Uma Escola Idiomas Books? Now, you will

Leia mais

PRÁTICAS DE LINGUAGEM ORAL E ESCRITA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

PRÁTICAS DE LINGUAGEM ORAL E ESCRITA NA EDUCAÇÃO INFANTIL PRÁTICAS DE LINGUAGEM ORAL E ESCRITA NA EDUCAÇÃO INFANTIL CRUVINEL,Fabiana Rodrigues Docente do curso de pedagogia da faculdade de ciências humana- FAHU/ACEG Garça/SP e-mail:fabianarde@ig.com.br ROCHA,

Leia mais

Inglês 11 The Present Perfect.

Inglês 11 The Present Perfect. Inglês 11 The Present Perfect. O Present Perfect é um tempo verbal em inglês que mostra uma ação que ocorreu no passado, mas os efeitos estão no presente. My grandfather has recovered from his illness.

Leia mais

Foco da Linguagem. Language Focus

Foco da Linguagem. Language Focus I can t find my wallet. I don t know where I lost it. Não consigo encontrar minha carteira. Não sei onde eu a perdi. I can t find I don t know where my wallet. minha carteira. Não consigo encontrar my

Leia mais

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire Volunteer Profile Questionnaire 1 Índice 1 VOLUNTEER PROFILE QUESTIONNAIRE... 1.1 Country... 1. AGE... 1. GENDER... 1..1 GENDER vs... 1. Qualification... 1..1 QUALIFICATION GREECE VS PORTUGAL... 1. Are

Leia mais

Título Present Continuous e Pronomes Objeto.

Título Present Continuous e Pronomes Objeto. Inglês Aula 02 Título Present Continuous e Pronomes Objeto. O present continuous é basicamente um tempo verbal que descreve uma ação que está se processando no momento. Alex is talking to his sister and

Leia mais

Aqui pode escolher o Sistema operativo, e o software. Para falar, faça download do Cliente 2.

Aqui pode escolher o Sistema operativo, e o software. Para falar, faça download do Cliente 2. TeamSpeak PORTUGUES ENGLISH Tutorial de registo num servidor de TeamSpeak Registration tutorial for a TeamSpeak server Feito por [WB ].::B*A*C*O::. membro de [WB ] War*Brothers - Non Dvcor Dvco Made by:

Leia mais

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015 Pets reality There are about 30 millions abandoned pets only in Brazil. Among these amount, about 10 millions are cats and the other 20 are dogs, according to WHO (World Health Organization). In large

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1)

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1) ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1) Neste bimestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos mínimos necessários. Agora, você

Leia mais

(Eu) sempre escrito em letra maiúscula, em qualquer posição na frase. (Tu, você)

(Eu) sempre escrito em letra maiúscula, em qualquer posição na frase. (Tu, você) Nome: nº. 6º.ano do Ensino fundamental Professoras: Francismeiry e Juliana TER 1º BIMESTRE PERSONAL PRONOUNS (Pronomes pessoais) O que é pronome pessoal? O pronome pessoal substitui um nome, isto é um

Leia mais

SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com

SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com Avaliação de Língua Inglesa 6º ano Nome: Data: / / Questão Gabarito Habilidades

Leia mais

Procedure: Write on the board the words Human Rights. Ask students if they know how many are there in the Declaration written by UN.

Procedure: Write on the board the words Human Rights. Ask students if they know how many are there in the Declaration written by UN. Focus on activity: Human Rights Vocabulary Target audience (age): Ensino Médio Lesson link: Upgrade, Unit 23, Enem practice Aim: identifying specific ideas in the journalistic text, reviewing articles.

Leia mais

Phrasal Verbs, What for?

Phrasal Verbs, What for? Phrasal Verbs, What for? Um dos maiores problemas que o estudante da língua inglesa enfrenta para entender conversas cotidianas, filmes ou músicas em inglês é o uso dos chamados Phrasal Verbs, que tornam

Leia mais

Amy Winehouse - Tears Dry On Their Own

Amy Winehouse - Tears Dry On Their Own Amy Winehouse - Tears Dry On Their Own All I can ever be to you, is a darkness that we knew And this regret I got accustomed to Once it was so right When we were at our high, Waiting for you in the hotel

Leia mais

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm.

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm. Autor José Ricardo Moreira Pós graduado em Literatura e autor de literatura para jovens de todas as idades, como prefere classificar as narrativas alinhadas com os grandes temas da atualidade. Em meados

Leia mais

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Índice APOSTILA DE INGLÊS Módulo I - EXPRESSÕES PARA USO COTIDIANO - SUBJECT PRONOUNS - VERBO

Leia mais

WELCOME Entrevista Au Pair Care

WELCOME Entrevista Au Pair Care WELCOME Entrevista Au Pair Care MÓDULO 2. ENTREVISTA-PERGUNTAS EXTRAS ENTREVISTA FÓRMULA PARA O SUCESSO Passo 1 Vai ser uma conversa informal, então relaxe! Parte 2 Algumas perguntas vão ser as mesmas

Leia mais

INSTRUÇÕES NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL.

INSTRUÇÕES NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL. INSTRUÇÕES Para a realização destas provas, você recebeu este Caderno de Questões e duas Folhas de Respostas. NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESTE MATERIAL. 1. Caderno de Questões Verifique

Leia mais

Planificação anual - 2015/2016llllllllllll. Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano. Manual adotado: Win!5 (Oxford University Press) Gestão de tempo

Planificação anual - 2015/2016llllllllllll. Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano. Manual adotado: Win!5 (Oxford University Press) Gestão de tempo 1º PERÍODO 2º PERÍODO 3º PERÍODO ESCOLA BÁSICA DA ABELHEIRA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS DO 5.º ANO 2015/2016 Planificação anual - 2015/2016llllllllllll Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano Manual adotado:

Leia mais

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings.

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings. Activity 01 Warm up Objective To warm-up and practice greetings. 1. Make sure you re in the room before the Ss. 2. Greet Ss as they enter the room using How are you?, How are you doing?, What s up?. 3.

Leia mais

www.charllesnunes.com apresenta... Não saia de casa sem ele. Charlles Nunes

www.charllesnunes.com apresenta... Não saia de casa sem ele. Charlles Nunes apresenta... Frases Básicas em Inglês Não saia de casa sem ele. Charlles Nunes Como Utilizar Este Livro... E Por Que Ele Funciona Como se soletra seu sobrenome? Tem algum banheiro aqui perto? Quer deixar

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA. Carga Horária: 60 h Teórica: Prática: Semestre: 2013.2 Professor: LEONARDO ELIZEU ALVES

PROGRAMA DA DISCIPLINA. Carga Horária: 60 h Teórica: Prática: Semestre: 2013.2 Professor: LEONARDO ELIZEU ALVES UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA Curso: LÍNGUA INGLESA E SUAS LITERATURAS Disciplina: LINGUA INGLESA VI Carga Horária: 60 h Teórica: Prática: Semestre: 2013.2 Professor: LEONARDO ELIZEU ALVES

Leia mais

Estratégia de Leitura Elementos de Referência. Reference devices ou elementos de referência

Estratégia de Leitura Elementos de Referência. Reference devices ou elementos de referência Estratégia de Leitura Elementos de Referência Reference devices ou elementos de referência Ao ler textos sobre qualquer assunto, em qualquer área de conhecimento, todo leitor percebe uma relação de REFERÊNCIA

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA 1. Introdução A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA Jhonatas Garagnani de Souza (G- CLCA - UENP-CJ/CJ) Juliano César Teixeira (G- CLCA UENP/CJ) Paula Fernanda L. de Carvalho (G- CLCA -UENP-CJ-CJ)

Leia mais

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br Preposições na língua inglesa geralmente vem antes de substantivos (algumas vezes também na frente de verbos no gerúndio). Algumas vezes é algo difícil de se entender para os alunos de Inglês pois a tradução

Leia mais

1. How will you tell the rent-a-car worker that you d like to rent a car? 2. How will you ask the rent-a-car worker the kind of cars they have?

1. How will you tell the rent-a-car worker that you d like to rent a car? 2. How will you ask the rent-a-car worker the kind of cars they have? I d like to rent a car. What kind of car do you have? Gostaria de alugar um carro. Que tipo de carro você tem? I d like to rent a car. return the car to the Airport. Gostaria de alugar um carro. devolver

Leia mais

Lição 40: deve, não deve, não deveria

Lição 40: deve, não deve, não deveria Lesson 40: must, must not, should not Lição 40: deve, não deve, não deveria Reading (Leituras) You must answer all the questions. ( Você deve responder a todas as We must obey the law. ( Nós devemos obedecer

Leia mais

Na aula de hoje vamos fazer uma pausa...

Na aula de hoje vamos fazer uma pausa... A UU L AL A Revisão Na aula de hoje vamos fazer uma pausa... Nada de novos temas. Mas não pense que vamos ficar parados. Hoje o tema é revisão. Tudo pronto? Então, tome fôlego e three, two, one... Assunto

Leia mais

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a): GRAMMAR REVIEW

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a): GRAMMAR REVIEW GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: ALUNO(a): NOTA: No Anhanguera você é + Enem LISTA DE EXERCÍCIOS DE LÍNGUA INGLESA 1º ANO TEACHER THAÍS RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE GRAMMAR REVIEW Simple Present

Leia mais

Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP

Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP EDITAL Nº 01/2014 CLCA-CCP A Diretora do Centro de Letras, Comunicação e Artes CLCA, do campus de Cornélio Procópio, da Universidade Estadual do Norte do Paraná UENP, no exercício regular de seu cargo

Leia mais

INGLÊS-2011 BABY TALK

INGLÊS-2011 BABY TALK UFBA - 2ª FASE 2011 UFBA 2011-2011 UFBA - 2ª FASE 2011 BABY TALK 5-10 - 15-20 - 25-30 - 35 - What similarities are there between the way that infants acquire their first language and the way that adults

Leia mais

INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês. Código da Prova 5200 2014/2015

INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês. Código da Prova 5200 2014/2015 INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês Código da Prova 5200 2014/2015 O presente documento divulga informação relativa à Prova de Avaliação de Conhecimentos

Leia mais

:: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF ::

:: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF :: :: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF :: [Download] FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF - Looking for Ferramentas Mrp Aplicadas Books? Now, you will be thankful that at this time Ferramentas

Leia mais

1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO:

1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO: P L A N O D E E N S I N O A N O D E 2 0 1 2 ÁREA / DISCIPLINA: Inglês (Profa: Maria Luiza da Silveira Bicalho) SÉRIE: 1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO: 80 COMPETÊNCIA

Leia mais

Eu também passei por esse problema

Eu também passei por esse problema Eu também passei por esse problema Eu também passei por esse problema Eu também passei por esse problema Eu também passei por esse problema Eu também passei por esse problema 1- ACHO QUE NÃO Bem, como

Leia mais