Curso de Passes 2015 (Aula 6 P3A, P3B, Depressão) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Curso de Passes 2015 (Aula 6 P3A, P3B, Depressão) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo"

Transcrição

1 Curso de Passes 2015 (Aula 6 P3A, P3B, Depressão) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo

2 Aula 6 P3A P3B Passes para depressão

3 Passe P3A Destinado às perturbações materiais graves, não eliminadas com P1, sejam ou não de fundo espiritual. A corrente é formada por passistas com boa capacidade de doação de fluidos e ectoplasma; estes fluidos, na aplicação, são somados àqueles doados pelos operadores espirituais, protetores ou auxiliares de trabalho. O número de cooperadores é de 5, no mínimo, um dos quais funciona como operador. O doente é trazido (já devidamente preparadado e após passe de limpeza) e colocado na cadeira ao centro, ao mesmo tempo que a corrente de mãos inicia a doação direta para ele de vibrações de amor e saúde.

4 Passe P3A Durante a doação os cooperadores, conforme a orientação do operador do trabalho, emitem fluidos e vibrações de cores conforme indicado na vídeo aula. Durante ou após projeção de fluidos, de acordo com as orientações do operador, a equipe emite fluidos curativos ou ectoplasma enquanto o operador aplica os três tempos do passe P1. Quando for julgado necessário o operador toma nas suas as mãos do doente e lhe transfere, de forma mais concentrada, as energias provindas do Alto. O número de atendimentos, via de regra, é de quatro, as duas útlimas destinadas à consolidação do tratamento. Esse trabalho pode ser desdobrado em muitos outros de acordo com a gravidade do caso.

5 Passe P3A A duração das aplicações individuais depende do tempo que se pode dispensar a cada doente, 5 minutos nos casos comuns é uma boa medida quando há muitos doentes a atender; para os casos graves em que o Plano Espiritual intervém mais diretamente, não há previsão de tempo.

6 Passe P3B Destinado ao tratamento de perturbações de natureza espiritual grave, não eliminadas nos tratamentos anteriores: P2 e CH. Aplicado também quando há obsessão responsável por moléstias materiais não eliminadas pelo P3A. Corrente idêntica a formada para o P3A, com o mínimo de 5 membros aptos à doação de fluidos e vibrações, funcionando um dos cooperadores como operador e sendo conveniente a existência entre eles de vidente e médiuns de psicofonia. A este trabalho só deve chegar os casos não resolvidos pelo P2 e CH, que eliminam a maior parte dos problemas de influenciação espiritual, não devendo receber doentes que não tenham passado por esses trabalhos anteriores.

7 Passe P3B Colocado o doente ao centro da corrente, o dirigente procede às verificações do caso, para poder orientar o tratamento sendo conveniente conhecer o tipo de ligação porventura existente entre o obsediado e o obsessor para saber se há impedimentos espirituais, sempre existentes quando o caso é de resgastes cármicos sendo que, então, o tratamento se restringirá a vibrações e preces em benefício do doente. Não havendo impedimentos, age-se visando o desligamento e consequente afastamento do obsessor, utilizando projeções fluídicas emitidas pela corrente diretamente para o obsessor e, somente em caso negativo e recalcitrância deste, se lançará mão da doutrinação pessoal, processo sempre demorado, não compatível com a necessidade de atender número elevado de necessitados.

8 Passe para depressão Dependendo do grau da depressão do assistido, ele não responderá adequadamente ao tratamento de passes. Após diversas experiências (inclusive pessoal), alguns trabalhadores de passe liderados por Jacob Melo, perceberam que, para essas pessoas, o centro de força esplênico estava demasiadamente sobrecarregado. As pessoas que recebiam passes com movimentos de concentração de fluidos se sentiam piores depois da aplicação. É como se estivessem entupidas de energias que não fluem, a tal ponto que os centros de força ficam quase parados. Dessa forma o tratamento consiste em diversos passes de dispersão do centro de força esplênico, liberando as energias desse centro e permitindo que todo o sistema volte a funcionar. Após algumas sessões de passes dispersivos e já com a melhora nítida do assistido, ele poderá ser encaminhado ao tratamento normal de passes.

9 Referências Livros Passes e Radiações Edgard Armond. Cura da depressão pelo Passe Jacob Melo

Grupo Espírita. Missionários da Luz. Lorena - SP. Anotações sobre Assistência Espiritual

Grupo Espírita. Missionários da Luz. Lorena - SP. Anotações sobre Assistência Espiritual 1 Grupo Espírita Missionários da Luz Lorena - SP Anotações sobre Assistência Espiritual 2 Estas notas são destinadas à apreciação das pessoas afeitas aos trabalhos de Assistência Espiritual, realizada

Leia mais

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Informações sobre o curso Início: Neste dia Duração: Algumas Reencarnações Objetivo: Melhoria pessoal ( ajuda na reforma

Leia mais

A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 01 DE 02

A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 01 DE 02 ALIANÇA ESPÍRITA EVANGÉLICA REGIONAL ABC A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 01 DE 02 COORDENADORIA DE ESTUDOS 01/11/2008 VERSÃO 05/02/2012 A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL É um conjunto de atividades organizadas

Leia mais

Índice. 3. Referências Bibliográficas...6

Índice. 3. Referências Bibliográficas...6 1 Índice Aula VI: Legiões Espirituais, Incorporação e Psicografia... 3 1.2. Legiões Espirituais... 3 1.3. Mediunidade da Incorporação e Psicografia... 4 1.4. Desenvolvimento Mediúnico na Prática Aula VI...

Leia mais

FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO

FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO 284 FLUIDOTERAPIA NA CASA ESPÍRITA IRRADIAÇÃO O QUE É IRRADIAÇÃO? Irradiação: [do latim irradiare = irradiar + ção]. Ato ou efeito de emitir ondas, lançar raios de luz ou de calor,

Leia mais

A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 02 DE 02

A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 02 DE 02 ALIANÇA ESPÍRITA EVANGÉLICA REGIONAL ABC A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PARTE 02 DE 02 COORDENADORIA DE ESTUDOS 01/11/2008 VERSÃO 05/02/2012 O ENCAMINHAMENTO A ENTREVISTA A DOCUMENTAÇÃO (PREENCHIMENTO DA FICHA

Leia mais

INSTRUÇÕES DOUTRINÁRIAS

INSTRUÇÕES DOUTRINÁRIAS INSTRUÇÕES DOUTRINÁRIAS Muito pouco foi escrito com referência a instruções doutrinárias na Corrente do Amanhecer. O que se tem, fora o Livro de Leis e Chaves Ritualísticas, são trabalhos isolados, como

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato Palestra Virtual Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br Tema: Passes e Curas Espirituais Palestrante: Alexandre Lobato Rio de Janeiro 09/01/2004 Organizadores da palestra: Moderador:

Leia mais

ESCOLA DE APRENDIZES DO EVANGELHO CURSO BÁSICO Fluidos e Perispírito Autora: Priscilla Mensinger

ESCOLA DE APRENDIZES DO EVANGELHO CURSO BÁSICO Fluidos e Perispírito Autora: Priscilla Mensinger 1 ESCOLA DE APRENDIZES DO EVANGELHO CURSO BÁSICO Fluidos e Perispírito Autora: Priscilla Mensinger FLUIDOS Cientificamente, um Fluido é toda substância que se deforma quando submetida à ação de uma força,

Leia mais

Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento. Marlene Valéria - Emerson

Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento. Marlene Valéria - Emerson Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento Marlene Valéria - Emerson Entender o que é uma reunião mediúnica. Saber identificar uma reunião mediúnica pela sua natureza e característica.

Leia mais

19/05/15 INGRID OBERDING 1

19/05/15 INGRID OBERDING 1 19/05/15 INGRID OBERDING 1 19/05/15 INGRID OBERDING 2 No passe o operador projeta correntes de fluidos finos e poderosos, que provocam transformações no movimento específico dos agrupamentos celulares

Leia mais

MEDIUNIDADE E SUA PRÁTICA

MEDIUNIDADE E SUA PRÁTICA UNIDADE 1 MEDIUNIDADE E SUA PRÁTICA AULA 7 Concentração 1 2 Concentração é o ato pelo qual fechamos as portas da mente ao exterior e orientamos nossa atividade interiormente, para determinado objetivo

Leia mais

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015 1. Fluido Cósmico Universal 2. Fluido Vital 3. Perispírito 4. Centro de Força 5. Passes 6. Mediunidade Curadora 7. Mediunidade Gratuita (Parte Moral) 1. Fluído Cósmico: a. Se constitui da matéria elementar

Leia mais

MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL

MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL 175 (LM). Somente para mencioná-la trataremos aqui desta variedade de médiuns, porque o assunto exigiria demasiado desenvolvimento para o nosso

Leia mais

COMO APRENDER E DAR PRIORIDADE A SUAS ATIVIDADES

COMO APRENDER E DAR PRIORIDADE A SUAS ATIVIDADES COMO APRENDER E DAR PRIORIDADE A SUAS ATIVIDADES A seguir, descreveremos os principais vilões que fazem com que você disperse suas energias e por isso, perca o foco com muita facilidade. De posse dessas

Leia mais

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE / Data:09/10-Junho-2013. Aula 21 Irradiação mental Conhecer os elementos e meios básicos para a ação da irradiação mental de forma adequada e segura. 1 FLUÍDO 1. Fluido

Leia mais

Curso de Umbanda OS MENTORES DE CURA

Curso de Umbanda OS MENTORES DE CURA Curso de Umbanda OS MENTORES DE CURA QUEM SÃO Os mentores de cura trabalham em diversas religiões, inclusive na Umbanda. São muito discretos em sua forma de se apresentar e trabalhar, e estas formas mudam

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: O Passe. Palestrante: Jacob Melo. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Tema: O Passe. Palestrante: Jacob Melo. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: O Passe Palestrante: Jacob Melo Recife (1 º CONBRADE) 01/11/1997 Organizadores da Palestra: Moderador: "Dejavu" (nick: moderador)

Leia mais

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA FRATERNAL DEPARTAMENTO DE DOUTRINA REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA E IRRADIAÇÃO

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA FRATERNAL DEPARTAMENTO DE DOUTRINA REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA E IRRADIAÇÃO ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA FRATERNAL DEPARTAMENTO DE DOUTRINA REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA E IRRADIAÇÃO I Conceito É uma reunião privativa, na qual se realiza a assistência aos espíritos necessitados

Leia mais

Encontro 08/11/2015 FDJ e EAE Há apenas 20 inscritos há uma semana do encerramento das inscrições! Todos reforçarem às casas o recado

Encontro 08/11/2015 FDJ e EAE Há apenas 20 inscritos há uma semana do encerramento das inscrições! Todos reforçarem às casas o recado Ata de reunião do Grupo de Estudos - 18/10/2015 09h30 no CEAE Patriarca Responsável reunião: Wagner Frasson Recados: Encontro 08/11/2015 FDJ e EAE Há apenas 20 inscritos há uma semana do encerramento das

Leia mais

- Tudo isto através das mensagens do RACIONAL SUPERIOR, um ser extraterreno, publicadas nos Livros " SO EM DESENCANTO ". UNIVER

- Tudo isto através das mensagens do RACIONAL SUPERIOR, um ser extraterreno, publicadas nos Livros  SO EM DESENCANTO . UNIVER TIRE ALGUMAS DE SUAS DUVIDAS SOBRE CULTURA RACIONAL - O que é CULTURA RACIONAL? R - A Cultura Racional é a cultura do desenvolvimento do raciocínio. A cultura natural da Natureza. É o conhecimento da origem

Leia mais

Cada célula do ser vivo contém imensa

Cada célula do ser vivo contém imensa ECTOPLASMA Cada célula do ser vivo contém imensa variedade de características vitais e vibracionais, organizacionais no todo ou em partes específicas, que dependem das condições física, mental e vibracional

Leia mais

Aula 7. Qualidades Morais do Passista 1 / 8

Aula 7. Qualidades Morais do Passista 1 / 8 CURSO PASSE 7 do Passista EDITORA 1 1 / 8 Conduta... O médium passista necessitará vigilância no seu campo de ação, porquanto de sua higiene espiritual resultará o reflexo benfasejo naqueles que se proponha

Leia mais

O Alinhamento Planetário de 2012

O Alinhamento Planetário de 2012 O Alinhamento Planetário de 2012 Mensagem canalizada Que a Paz e a harmonia estejam com todos vocês aqui presentes, encarnados e desencarnados Que a Luz branca dourada da criação possa continuar atendendo

Leia mais

Seminário: Terapia pelos Passes

Seminário: Terapia pelos Passes 1 Atividade Integrativa Para a tarefa do passe, no plano espiritual, não basta boa vontade. São necessárias qualidades de ordem superior e conhecimentos especializados. Padrão superior de elevação mental

Leia mais

14a edição CAMPINAS SP 2012

14a edição CAMPINAS SP 2012 14 a edição CAMPINAS SP 2012 SUMÁRIO Esclarecimentos preliminares... IX PRIMEIRA UNIDADE 1. Radiações ou vibrações...15 2. Deus...21 3. A criação...27 4. Os Espíritos...35 5. Classificação dos Espíritos

Leia mais

REGULAMENTO DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR

REGULAMENTO DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR REGULAMENTO DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR Bom Jesus do Itabapoana - RJ 2015 1 SUMÁRIO I. DA CONCEITUAÇÃO... 3 II. DA APLICABILIDADE DO REGIME ESPECIAL DE ATENDIMENTO DOMICILIAR. 3 III. DO DIREITO AO REGIME

Leia mais

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 A SALVAÇÃO É A PRÓPRIA PESSOA DE JESUS CRISTO! VOCÊ SABE QUAL É O ENDEREÇO DE JESUS! MAS ISSO É SUFICIENTE? Conhecer o endereço de Jesus, não lhe garantirá

Leia mais

COMO TER TEMPO PARA COMEÇAR MINHA TRANSIÇÃO DE CARREIRA?

COMO TER TEMPO PARA COMEÇAR MINHA TRANSIÇÃO DE CARREIRA? COMO TER TEMPO PARA COMEÇAR MINHA TRANSIÇÃO DE CARREIRA? Um guia de exercícios para você organizar sua vida atual e começar a construir sua vida dos sonhos Existem muitas pessoas que gostariam de fazer

Leia mais

Medição tridimensional

Medição tridimensional A U A UL LA Medição tridimensional Um problema O controle de qualidade dimensional é tão antigo quanto a própria indústria, mas somente nas últimas décadas vem ocupando a importante posição que lhe cabe.

Leia mais

NORMAS E DIRETRIZES DO FUNCIONAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA NO USO CIENTÍFICO DE ANIMAIS (CEUA-UNISANTA) CAPÍTULO I DO OBJETO E FINALIDADES

NORMAS E DIRETRIZES DO FUNCIONAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA NO USO CIENTÍFICO DE ANIMAIS (CEUA-UNISANTA) CAPÍTULO I DO OBJETO E FINALIDADES NORMAS E DIRETRIZES DO FUNCIONAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA NO USO CIENTÍFICO DE ANIMAIS (CEUA-UNISANTA) CAPÍTULO I DO OBJETO E FINALIDADES Artigo 1º - O Comitê de Ética em Pesquisa no Uso Científico de Animais,

Leia mais

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 1 DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 2 3 A consciência e Deus A consciência é o fio invisível de contato com Deus e analisa cada um dos nossos pensamentos, sentimentos e ações, aprovando-os ou

Leia mais

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS Cristais e pedras para o uso terapêutico Os Cristais ou pedras semi-preciosas, são importantes canais energéticos de cura, equilíbrio e benefício, nas áreas física, mental, emocional

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO (3 de 3) 11/NOV/2010 a 20/JAN/2011 REIVAX AUTOMAÇÃO E CONTROLE

RELATÓRIO DE ESTÁGIO (3 de 3) 11/NOV/2010 a 20/JAN/2011 REIVAX AUTOMAÇÃO E CONTROLE RELATÓRIO DE ESTÁGIO (3 de 3) 11/NOV/2010 a 20/JAN/2011 REIVAX AUTOMAÇÃO E CONTROLE Supervisor: Fernando Amorim da Silveira Coordenador: Victor Juliano De Negri Estagiário: Marcos Kaupert 20 de janeiro

Leia mais

Desumidificador. Desidrat Plus IV Desidrat Plus V

Desumidificador. Desidrat Plus IV Desidrat Plus V Desumidificador Desidrat Plus IV Desidrat Plus V Lista de instrução de uso. Painel de controle. Introdução à estrutura. Instrução de Uso. Proteção e Manutenção. Solução de problemas. Referência. Obrigado

Leia mais

14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS

14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS 14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS As implicações da espiritualidade na saúde vêm sendo, cientificamente, avaliadas e documentadas em centenas

Leia mais

Aspectos relacionados à Projeção Astral. Apostila nº 3 Introdução a Projeção Astral: Ectoplasma

Aspectos relacionados à Projeção Astral. Apostila nº 3 Introdução a Projeção Astral: Ectoplasma Apresentação Em nossos estudos anteriores, mais precisamente na apostila nº 2, citamos que o Duplo Etérico contribui e é formado pela substância que é um subproduto do processo de transformação dos fluídos

Leia mais

COEM. CEUH Centro Espírita União e Humildade. Curso de Orientação e Educação Mediúnica. 7ª Sessão Classificação Mediúnica

COEM. CEUH Centro Espírita União e Humildade. Curso de Orientação e Educação Mediúnica. 7ª Sessão Classificação Mediúnica CEUH Centro Espírita União e Humildade Ponta Grossa / PR COEM Curso de Orientação e Educação Mediúnica 7ª Sessão Classificação Mediúnica - Mediunidade - Médium - Fenômenos Mediúnicos COEM - Curso de Orientação

Leia mais

Uma corrente é uma cadeia de

Uma corrente é uma cadeia de DIVERSAS CORRENTES Uma corrente é uma cadeia de elos unidos e destes depende sua capacidade de resistência à ruptura e a confiança em sua finalidade. Quando falamos corrente mediúnica designamos a que

Leia mais

RECICLAGEM SOBRE PASSE PADRONIZADO PARTE 01 DE 03

RECICLAGEM SOBRE PASSE PADRONIZADO PARTE 01 DE 03 ALIANÇA ESPÍRITA EVANGÉLICA REGIONAL ABC RECICLAGEM SOBRE PASSE PADRONIZADO PARTE 01 DE 03 COORDENADORIA DE ESTUDOS VERSÃO 25/05/2011 A ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL É um conjunto de atividades organizadas de

Leia mais

Pensamento, Sintonia e Energias

Pensamento, Sintonia e Energias Pensamento, Sintonia e Energias O ser humano é um complexo, que pode ser avaliado sobre diferentes visões: científica, religiosa, filosófica, holística, etc. Cada visão tem suas particularidades e abordagens,

Leia mais

Contrato no Setor de Prestação de Serviços de Limpeza. Guia do trabalhador. 13 14 41 www.longservice.nsw.gov.au

Contrato no Setor de Prestação de Serviços de Limpeza. Guia do trabalhador. 13 14 41 www.longservice.nsw.gov.au Contrato no Setor de Prestação de Serviços de Limpeza Guia do trabalhador 13 14 41 www.longservice.nsw.gov.au LICENÇA-PRÊMIO POR LONGO TEMPO DE SERVIÇO NO SETOR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA Em New

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

IDENTIFICÃO E PROPOSTA DE MELHORIAS DAS CONDIÇÕES SANITÁRIAS DO MERCADO PÚBLICO DA TORRE - JOÃO PESSOA, PB.

IDENTIFICÃO E PROPOSTA DE MELHORIAS DAS CONDIÇÕES SANITÁRIAS DO MERCADO PÚBLICO DA TORRE - JOÃO PESSOA, PB. IDENTIFICÃO E PROPOSTA DE MELHORIAS DAS CONDIÇÕES SANITÁRIAS DO MERCADO PÚBLICO DA TORRE - JOÃO PESSOA, PB. Mariana Moreira de OLIVEIRA 1, José Vicente Damante Ângelo e SILVA 2, Elisângela Maria Rodrigues

Leia mais

Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita. Firmino Haag 16.03.2015

Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita. Firmino Haag 16.03.2015 Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita Firmino Haag 16.03.2015 A mediunidade curadora consiste [...] no dom que certas pessoas possuem de curar pelo simples toque, pelo olhar,

Leia mais

MANUAL INFORMATIVO NÚCLEO DE ESTÁGIOS

MANUAL INFORMATIVO NÚCLEO DE ESTÁGIOS MANUAL INFORMATIVO NÚCLEO DE ESTÁGIOS O Mercado de Trabalho está cada vez mais exigente e nesse sentido quanto mais capacitado na era da informação os sujeitos estiverem, mais oportunidades terão no mundo

Leia mais

PORTARIA Nº 47 DE 20 DE AGOSTO DE 2007

PORTARIA Nº 47 DE 20 DE AGOSTO DE 2007 PORTARIA Nº 47 DE 20 DE AGOSTO DE 2007 O DIRETOR DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE TRÂNSITO - DENATRAN, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo art. 19, inciso I, da Lei nº 9.503, de 23 de setembro

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO (lato sensu) CAPITULO I DA CONSTITUIÇÃO, NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS DOS CURSOS

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO (lato sensu) CAPITULO I DA CONSTITUIÇÃO, NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS DOS CURSOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA R E I T O R I A Rua Esmeralda, 430-97110-060 Faixa Nova Camobi Santa

Leia mais

E, algumas vezes, a pessoa que mais precisa do seu perdão é você mesmo. Devemos nos lembrar que, ao dormirmos, o corpo astral sai do corpo físico.

E, algumas vezes, a pessoa que mais precisa do seu perdão é você mesmo. Devemos nos lembrar que, ao dormirmos, o corpo astral sai do corpo físico. MEDITAÇÃO DO PERDÃO Jesus ensinou que devemos perdoar a alma de todas as pessoas, pedindo ao Criador que detenha o lado negativo dela. Não importa o grau de negatividade de alguém, precisamos sempre perdoar,

Leia mais

Como Passar em Química Geral*

Como Passar em Química Geral* 1 Como Passar em Química Geral* por Dra. Brenna E. Lorenz Division of Natural Sciences University of Guam * traduzido livremente por: Eder João Lenardão; acesse o original em : http://www.heptune.com/passchem.html

Leia mais

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA A APLICAÇÃO DE PASSES O MÉDIUM APLICADOR DE PASSES O MÉDIUM APLICADOR DE PASSES Vimos em nossa 4ª. vídeo-aula sobre fluidoterapia espírita que

Leia mais

PARECER Nº, DE 2009. RELATOR: Senador CÉSAR BORGES

PARECER Nº, DE 2009. RELATOR: Senador CÉSAR BORGES PARECER Nº, DE 2009 Da COMISSÃO DE ASSUNTOS ECONÔMICOS, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 174, DE 2009, que dispõe sobre a criação do Serviço Social do Turismo SESTUR e do Serviço Nacional de Aprendizagem

Leia mais

OBSESSORES - UMA BATALHA DE LUZ E TREVAS. Revista espiritismo e Ciência - Nº 5 http://www.mythoseditora.com.br

OBSESSORES - UMA BATALHA DE LUZ E TREVAS. Revista espiritismo e Ciência - Nº 5 http://www.mythoseditora.com.br OBSESSORES - UMA BATALHA DE LUZ E TREVAS Revista espiritismo e Ciência - Nº 5 http://www.mythoseditora.com.br Extraído do site : http://www.ippb.org.br Existe uma intensa atividade permeando o universo

Leia mais

OS LIMITES ESPIRITUAIS

OS LIMITES ESPIRITUAIS EGRÉGORA OS LIMITES ESPIRITUAIS É um campo de força criado no Plano Espiritual a partir da energia emitida por um grupo de pessoas através dos seus padrões mentais e emocionais. É gerado pelo somatório

Leia mais

Figura 2.1 Localização de uma APU em aeronave e seu sistema pneumático

Figura 2.1 Localização de uma APU em aeronave e seu sistema pneumático 1 Capítulo 2 - Seleção do local para a APU Os passos que devem ser dados desde a concepção de uma aeronave são: 1) No Planejamento: Admitir que a seleção e a instalação da APU são tão importantes quanto

Leia mais

6 Circuitos pneumáticos e hidráulicos

6 Circuitos pneumáticos e hidráulicos A U A UL LA Circuitos pneumáticos e hidráulicos Um problema A injetora de plásticos de uma fábrica quebrou. Desesperado, o supervisor de produção procura pelo novo mecânico de manutenção de plantão: você.

Leia mais

Se providências não forem tomadas imediatamente, toda a produção de calçados com costuras no solado ficará comprometida.

Se providências não forem tomadas imediatamente, toda a produção de calçados com costuras no solado ficará comprometida. Manutenção corretiva Consideremos uma linha de produção de uma fábrica de calçados e que a máquina que faz as costuras no solado pare de funcionar por um motivo qualquer. Se providências não forem tomadas

Leia mais

Índice. Introdução 2. Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4. Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD?

Índice. Introdução 2. Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4. Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD? Índice SUA EMPRESA DE TREINAMENTOS ESTÁ PARADA NO TEMPO? Introdução 2 Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4 Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD? 6 A gestão de cursos

Leia mais

Vimos que, conforme as operações que fazem, as máquinas retificadoras podem ser classificadas em planas, cilíndricas universais e center less.

Vimos que, conforme as operações que fazem, as máquinas retificadoras podem ser classificadas em planas, cilíndricas universais e center less. Retificação plana Vimos que, conforme as operações que fazem, as máquinas retificadoras podem ser classificadas em planas, cilíndricas universais e center less. As retificadoras planas retificam peças

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Curas Espirituais. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Curas Espirituais. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Curas Espirituais Palestrante: Altivo Pamphiro Rio de Janeiro 18/07/1997 Organizadores da Palestra: Moderador: "aacn" (nick: Moderador)

Leia mais

Os Sete Centros de Energia Guia de Debate 4. TERCEIRO CENTRO DE ENERGIA: PLEXO SOLAR Páginas 60-87

Os Sete Centros de Energia Guia de Debate 4. TERCEIRO CENTRO DE ENERGIA: PLEXO SOLAR Páginas 60-87 TERCEIRO CENTRO DE ENERGIA: PLEXO SOLAR Páginas 60-87 Compartilhar: Tudo bem com vocês? Alguém teve alguma idéia ou inspiração que queira nos contar? 1. O chakra do plexo solar (pp. 60-62) De onde este

Leia mais

Ensaios não Destrutivos

Ensaios não Destrutivos CONCURSO PETROBRAS ENGENHEIRO(A) DE EQUIPAMENTOS JÚNIOR - INSPEÇÃO Ensaios não Destrutivos Questões Resolvidas QUESTÕES RETIRADAS DE PROVAS DA BANCA CESGRANRIO DRAFT Produzido por Exatas Concursos www.exatasconcursos.com.br

Leia mais

APOSTILA DO DOUTRINADOR INTRODUÇÃO

APOSTILA DO DOUTRINADOR INTRODUÇÃO APOSTILA DO DOUTRINADOR INTRODUÇÃO PROJETO AXÉ-MIRIM Chegou a hora de fazermos a diferença. É momento de se criar uma nova consciência sobre o que é a religião de Umbanda. Assim sendo, o Projeto Axé -Mirim

Leia mais

10a edição CAMPINAS SP 2013

10a edição CAMPINAS SP 2013 10 a edição CAMPINAS SP 2013 SUMÁRIO Apresentação... IX PRIMEIRA UNIDADE CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES 1. Mediunidade e doutrina espírita...3 2. Importância do método e do estudo prévio...9 3. Reuniões doutrinárias

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação,

Leia mais

A Corrente Magnética na Fase de. Expulsão - Retirada de cargas fluídicas perniciosas

A Corrente Magnética na Fase de. Expulsão - Retirada de cargas fluídicas perniciosas A Corrente Magnética na Fase de Expulsão - Retirada de cargas fluídicas perniciosas Quadro resumo da fase de Expulsão Mentalizar Jesus Mentalizar uma cachoeira Auto passe de dispersão (Longitudinal rápido)

Leia mais

MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL

MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL 257 MEDIUNIDADE CURADORA A MEDIUNIDADE DE CURA E A MEDIUNIDADE DE EFEITOS FÍSICOS A mediunidade curadora é a capacidade que certos médiuns possuem de curarem moléstias do

Leia mais

Aula 15 TERMOQUÍMICA. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes

Aula 15 TERMOQUÍMICA. Eliana Midori Sussuchi Samísia Maria Fernandes Machado Valéria Regina de Souza Moraes Aula 15 TERMOQUÍMICA META Introduzir os principais conceitos da termoquímica. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: reconhecer os processos de transferência de energia; aplicar a primeira lei

Leia mais

ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL

ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL ANO 1, REVISTA Nº 9, NOVEMBRO/2015 EDITORIAL Nosso convidado deste mês é exímio conhecedor da Umbanda no Brasil e aceitou debater questões polêmicas que envolvem as relações entre ela e a doutrina espírita,

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Os Anjos da Guarda. Palestrante: Miguel Labolida. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Os Anjos da Guarda. Palestrante: Miguel Labolida. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Os Anjos da Guarda Palestrante: Miguel Labolida Rio de Janeiro 15/10/1999 Organizadores da palestra: Moderador: "jaja" (nick: Moderador

Leia mais

Educa teu filho no caminho que deve andar, e quando grande não se desviará dele Prov.22.6

Educa teu filho no caminho que deve andar, e quando grande não se desviará dele Prov.22.6 Educa teu filho no caminho que deve andar, e quando grande não se desviará dele Prov.22.6 Bateria de Exercícios Data: 11/03/2016 Turma: 2º Ano Área II Matemática 1) Determine o sinal das expressões: a)

Leia mais

Professora FLORENCE. Resposta: Resposta: Página 1

Professora FLORENCE. Resposta: Resposta: Página 1 1. (Uftm 2012) Em uma festa infantil, o mágico resolve fazer uma demonstração que desperta a curiosidade das crianças ali presentes. Enche uma bexiga com ar, fecha-a, e, a seguir, após esfregá-la vigorosamente

Leia mais

1º ANO DO CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA 2015 TERÇA TARDE das 14:30h ÀS 16:30h

1º ANO DO CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA 2015 TERÇA TARDE das 14:30h ÀS 16:30h 1º ANO DO CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA 2015 TERÇA TARDE das 14:30h ÀS 16:30h DATA TEMA TEMPO EXPOSITOR SÁBADO Aula 1 24/02 Aula de apresentação 80 21/02 Aula 2 03/03 Voluntariado 80 28/02 Aula 3 10/03 Aula

Leia mais

História do vidro no Brasil

História do vidro no Brasil História do vidro no Brasil A fabricação do vidro brasileiro teve seu início após a Revolução de 30, liderada por Getúlio Vargas, e foi intensificada pela conjuntura mundial da época centralizada nos problemas

Leia mais

Perfil do Emprego nas Fundações de Belo Horizonte/MG - 1999*

Perfil do Emprego nas Fundações de Belo Horizonte/MG - 1999* Perfil do Emprego nas Fundações de Belo Horizonte/MG - 1999* Eduardo Marcondes Filinto da Silva Secretário Executivo e Pesquisador FIPE Marianne Thamm de Aguiar Graduanda em Economia pela FEA/USP O objetivo

Leia mais

GRAVITAÇÃO QUÂNTICA ATRATIVA, REPULSIVA E NEUTRA

GRAVITAÇÃO QUÂNTICA ATRATIVA, REPULSIVA E NEUTRA GRAVITAÇÃO QUÂNTICA ATRATIVA, REPULSIVA E NEUTRA Hindemburg Melão Jr. Introdução Quando Newton formulou a Teoria da Gravitação Universal, ele estabeleceu uma relação entre gravidade e massa e também postulou

Leia mais

ENTREVISTA. Tonny Robert. Professor universitário e Presidente da ARCAS Associação Ramatís Caridade Amor Sabedoria tonnyr@uol.com.

ENTREVISTA. Tonny Robert. Professor universitário e Presidente da ARCAS Associação Ramatís Caridade Amor Sabedoria tonnyr@uol.com. ANO 1, REVISTA Nº 10, DEZEMBRO/2015 EDITORIAL Nosso convidado deste mês é Presidente de um Centro Espírita bastante eclético e proativo na divulgação do Espiritismo e assistência social. Enfrentou questões

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE GARANHUNS FDG REGIMENTO DA FACULDADE DE DIREITO DE GARANHUNS FDG

FACULDADE DE DIREITO DE GARANHUNS FDG REGIMENTO DA FACULDADE DE DIREITO DE GARANHUNS FDG REGIMENTO DA FACULDADE DE DIREITO DE GARANHUNS FDG CAPÍTULO I DA FACULDADE DE DIREITO E DE SEUS FINS Art. 1º. A Faculdade de Direito de Garanhuns FDG é uma instituição de ensino superior, mantida pela

Leia mais

Volte a ter o corpo que tinha antes da gravidez em 60 dias...

Volte a ter o corpo que tinha antes da gravidez em 60 dias... Volte a ter o corpo que tinha antes da gravidez em 60 dias... Mamãe Sarada 2015 Todos os direitos reservados...com Apenas 14Min/Dia! mamaesarada.com.br Av. Eng Carlos Goulart 1015 sala 313 Belo Horizonte

Leia mais

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego.

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego. Mensagem: O HOMEM QUE ABRIU OS OLHOS PARA DEUS Pastor: José Júnior Dia: 22/09/2012 sábado AMAZON JOVENS Texto-base: Lucas 18:35-43 A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser

Leia mais

Oração. u m a c o n v e r s a d a a l m a

Oração. u m a c o n v e r s a d a a l m a Oração u m a c o n v e r s a d a a l m a 11 12 O Evangelho relata que por diversas vezes, quando ninguém mais estava precisando de alguma ajuda ou conselho, Jesus se ausentava para ficar sozinho. Natural

Leia mais

A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO

A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO CURSO A PRÁTICA DA FRATERNIDADE NOS CENTROS ESPÍRITAS A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO A PRÁTICA DO PRECEITO: AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO Vimos na videoaula anterior que nas diversas

Leia mais

PRINCÍPIOS DE LITURGIA

PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA - PREÂMBULO - Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo, nós, legítimos representantes da Igreja Presbiteriana do Brasil, reunidos em Supremo Concílio,

Leia mais

ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET.

ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET. ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET. Capítulo I DA DENOMINAÇÃO, SEDE E FORO ART. 1 o - Sob a denominação de ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO,

Leia mais

Conclui-se que Jesus não pode ter impregnado o fluido com qualidades especificas, pelo simples fato de ele não saber quem o tocou.

Conclui-se que Jesus não pode ter impregnado o fluido com qualidades especificas, pelo simples fato de ele não saber quem o tocou. Processos Mentais na Cura Claudio C. Conti www.ccconti.com Quando se fala em curas espirituais é necessário uma análise criteriosa para o perfeito entendimento ("perfeito entendimento" para o nível de

Leia mais

Procedimento de Operação Padrão REVISÃO N o : 01 PÁG: 1 de 6

Procedimento de Operação Padrão REVISÃO N o : 01 PÁG: 1 de 6 1 OBJETIVO PÁG: 1 de 6 Estabelecer os princípios básicos para o uso de protetores auditivos na CP SOLUÇÕES. Facilitar a administração de todas as etapas para atender ao disposto no PCA Programa de Conservação

Leia mais

:: REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA ::

:: REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA :: I- Composição da mesa de Trabalho Mediúnico: A - Dirigente da Reunião; B - Um ou dois auxiliares do Dirigente; :: REGIMENTO INTERNO DE ESTUDO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA :: C - Candidatos ao Estudo e à Educação

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE II: E-business Global e Colaboração Prof. Adolfo Colares Uma empresa é uma organização formal cujo o objetivo é produzir s ou prestar serviços

Leia mais

1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação;

1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação; CURSO PASSE 2 EDITORA 1 / 8 1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; 2ª) a ALMA, ESPÍRITO ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação; 2 / 8 3ª) o princípio

Leia mais

LEAN SIX SIGMA PARA O SERVICE DESK

LEAN SIX SIGMA PARA O SERVICE DESK LEAN SIX SIGMA PARA O SERVICE DESK Algumas reclamações de clientes/ usuários finais são bastante comuns: Eu tive que falar sobre o mesmo problema para mais de uma pessoa antes dele ser resolvido, e a cada

Leia mais

Ensaio de impacto. Os veículos brasileiros têm, em geral, suspensão

Ensaio de impacto. Os veículos brasileiros têm, em geral, suspensão A UU L AL A Ensaio de impacto Os veículos brasileiros têm, em geral, suspensão mais reforçada do que a dos similares europeus. Não é à toa. As condições de nossas estradas e ruas requerem esse reforço,

Leia mais

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SENSORIAMENTO REMOTO TÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SENSORIAMENTO REMOTO TÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SENSORIAMENTO REMOTO TÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES Art. 1º - O curso de Pós-Graduação em Sensoriamento Remoto mantém um programa de Mestrado e um de Doutorado,

Leia mais

REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO (PCC) CAPÍTULO I Da natureza e finalidade. Capítulo II

REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO (PCC) CAPÍTULO I Da natureza e finalidade. Capítulo II FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ITUIUTABA ISEPI INSTITUTO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA DE ITUIUTABA ISEDI INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE ITUIUTABA UNIDADE ASSOCIADA À UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS

Leia mais

INFORMAÇÕES ACADÊMICAS

INFORMAÇÕES ACADÊMICAS INFORMAÇÕES ACADÊMICAS INGRESSO O ingresso na UNILAGOS é feito mediante processo seletivo (Vestibular) ou por outro processo previsto em lei. Também é possível ingressar por meio de transferência, dispositivo

Leia mais

Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na

Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na 48 1.5. Aberastury: o nascimento de um neo-kleinianismo Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na Argentina, Arminda Aberastury fazia parte do grupo de Angel Garma, que

Leia mais

CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA AULA 1. Apresentação

CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA AULA 1. Apresentação CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA AULA 1 Apresentação 1 2 Grupo de Estudos Mediúnicos - GEM 3 Objetivo do Curso 4 Integrar os novos participantes ao corpo mediúnico do GEPE, tornando sistemáticos o estudo e

Leia mais

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006. PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos

Leia mais