Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: 56.503-660 Coordenação: Edivaldo"

Transcrição

1

2 CONFIABILIDADE I EMPRESA LEGALIZADA E REGISTRADA Em se tratando de serviço de pesquisa de opinião pública, para fazer a escolha certa, é importante verificar se a empresa a ser contratada está legalizada e possui registro nos órgãos competentes, conforme exigência da legislação vigente. O IPEC, entidade amplamente reconhecida pela qualidade das suas pesquisas, está devidamente registrada no CONFE Conselho Federal de Estatística/RJ. II PERFIL DO ESTATÍSTICO (O Profissional da Pesquisa) A exploração, em particular, das imensas bases de dados estatísticos hoje existentes, requer um profissional capaz de extrair daí relevantes informações através do uso de modernas técnicas de amostragem e inferência. Por isso, a formação acadêmica do estatístico está fundamentada em conhecimentos de Matemática, Cálculo e Teoria das Probabilidades, Técnicas e Métodos Estatísticos, Informática, Métodos de Análises Estatísticas e disciplinas de formação geral. Essa formação básica dá ao estatístico conhecimento de técnicas que permitem: efetuar levantamentos e análises de informações; planejar e realizar experimentos e pesquisas em diferentes áreas do conhecimento; formular a solução para os mais variados e complexos problemas relacionados à melhoria e otimização de processos. 1

3 CONFIABILIDADE III PROFISSIONAL LEGALIZADO E REGISTRADO A profissão de Estatístico foi estabelecida pela Lei n o 4739 de 15 de julho de O Decreto n o de 1 o de abril de 1968 aprovou o regulamento da Profissão de Estatístico no Brasil. De acordo com o artigo 6 o da Lei no 4739, o exercício da profissão de estatístico compreende: planejar e dirigir a execução de pesquisas ou levantamento estatísticos; planejar e dirigir os trabalhos de controle estatístico de produção e qualidade; efetuar pesquisas e análises estatísticas; elaborar padronizações estatísticas; efetuar perícias em matéria estatísticas e assinar os laudos respectivos; emitir pareceres no campo da Estatística; o assessoramento e a direção de órgãos e seções de Estatística; a escrituração dos livros de registro ou controle estatístico criados em lei. A fiscalização do exercício da profissão é realizada pelo Conselho Federal de Estatística (CONFE) e pelos Conselhos Regionais (CONREs). E, em obediência ao que dispõe a legislação vigente, as nossas pesquisas são avalizadas pelo estatístico Edivaldo Silvestre Galindo Júnior, o qual está devidamente inscrito no CONRE Conselho Regional de Estatística da 6ª Região, sob o nº Isto é mais uma garantia de que a informação produzida pela pesquisa do IPEC é cientificamente aceitável e notoriamente verdadeira. 2

4 APRESENTAÇÃO I DADOS TÉCNICOS 01 OBJETIVO 02 CAMPO 03 POPULAÇÃO 04 AMOSTRA 05 METODOLOGIA 06 CONSIDERAÇÕES 07 CÓDIGO / LEGENDA 3

5 01 OBJETIVO Estudo de questões relativas ao cenário político-eleitoral de Buíque/PE em face das eleições municipais de 2012, entre outras questões correlatas, sem olvidar da avaliação do governo municipal. 02 CAMPO Realizado no período de 02, 03 e 04 de julho de POPULAÇÃO População eleitoral residente nas áreas urbana e rural do município de Buíque/PE, com idade igual ou superior aos AMOSTRA Representativa do eleitorado do município de Buíque, formada por 240 entrevistas distribuídas proporcionalmente em quatro áreas geográficas, a saber: [AR1-Cidade (urbana)]; [AR2-(Zona Rural do 1º Distrito - Cidade)]; [AR03-(Carneiro)]; [AR04-(Catimbau)] e [AR05-(Guanumbi)]. A identificação da unidade amostral (eleitor) ocorre aleatoriamente em estrita obediência ao sistema proporcional de cotas amostrais definidas em função das variáveis diretas, sexo e idade, às quais são controladas ao nível de pesquisador, de modo a constituir verdadeiras amostras independentes, retiradas sob as mesmas condições de tempo e espaço, o que permite a oportuna análise inferencial. Pela metodologia empregada, a amostra é inteiramente autoponderada, ou seja, planejada de tal forma que estrutura de proporções nela contida seja o espelho dos parâmetros estabelecidos. As variáveis indiretas, renda e escolaridade, assim definidas pela ausência de parâmetros locais atualizados e/ou confiáveis, são controladas pela distribuição espacial, técnica e aleatória da amostra. O Intervalo de Confiança da pesquisa é a proporção ou probabilidade ( P ) estimada mais a variação, para mais ou para menos, da margem de erro máxima de 6,33%, calculados para um nível de confiança de 95%, e, conseqüentemente, uma significância de 5%. 05 METODOLOGIA Pesquisa de natureza quantitativa que se realiza por meio de entrevistas individuais, diretas e pessoais, através de questionário devidamente elaborado, junto a uma amostra representativa da população objeto de estudo (eleitorado de Buíque/PE). 06 CONSIDERAÇÕES Os cruzamentos de variáveis sempre requerem uma análise restritiva quanto aos percentuais distribuídos em cada coluna (freqüências relativas), ante a possibilidade de que estes dados tenham origem em um número absoluto diminuto. Já as informações do universo - município de Buíque/PE -, sempre têm Validade Científica. 07 CÓDIGO / LEGENDA NS / NR... B / N... Não sabe ou não respondeu. Voto em branco ou nulo. OUTROS... RF... Grupo que contempla as respostas com percentual não significativo. Resultado Final. 0% Ocorre quando o percentual não for significativo, ou seja, menor do que 0,5%. Ocorre quando o dado não existe, ou seja, não houve citação. 4

6 SEGMENTAÇÃO DA AMOSTRA SEXO IDADE INSTRUÇÃO RENDA Mas Fem 16/24 25/34 35/44 Anos 45/59 60/++ Anos Até a 4ª série - Fund. I De 5ª à 8ª série - Fund. II Médio Superior Até 1 SM Mais de 1 a 3 SM Acima de 3 SM ÁREAS AR.01 AR.02 AR.03 AR.04 AR.05 Cidade Zona Rural da Cidade Carneiro Catimbau Guanumbi 5

7 REJEIÇÃO ESTIMULADA PARA PREFEITO DE BUÍQUE P. Se a eleição fosse hoje, em qual destes candidatos (...), o(a) sr.(a) não votaria de jeito nenhum para prefeito de Buíque? (MÚLTIPLA E ESTIMULADA COM CARTÃO 05 NOMES) RESPOSTAS TOTAL Jonas Camelo 51% Blésman Júnior 41% Miriam 40% Modésio 33% Dr. Dilson 28% NÃO REJEITA NENHUM 1% REJEITA TODOS 5% NS / NR 4% BASE 240 6

8 REJEIÇÃO ESTIMULADA PARA PREFEITO DE BUÍQUE P. Se a eleição fosse hoje, em qual destes candidatos (...), o(a) sr.(a) não votaria de jeito nenhum para prefeito de Buíque? (MÚLTIPLA E ESTIMULADA COM CARTÃO 05 NOMES) (TABELA DE CRUZAMENTO POR VARIÁVEIS) SEXO IDADE INSTRUÇÃO RENDA ALTERNATIVAS TOTAL Mas Fem 16/24 25/34 35/44 45/59 60/++ Até a 4ª série - Fund. I De 5ª à 8ª série - Fund. II Médio Superior Até 1 SM Mais de 1 a 3 SM Acima de 3 SM Jonas Camelo 51% 53% 49% 49% 54% 45% 50% 60% 46% 70% 45% 47% 53% 51% 38% Blésman Júnior 41% 41% 41% 38% 47% 38% 36% 49% 41% 44% 37% 47% 39% 51% 38% Miriam 40% 35% 44% 47% 29% 34% 41% 54% 41% 37% 37% 53% 37% 51% 38% Modésio 33% 34% 32% 25% 29% 38% 41% 37% 38% 28% 27% 40% 34% 31% 31% Dr. Dilson 28% 34% 22% 22% 27% 28% 34% 29% 31% 30% 25% - 29% 27% 19% NÃO REJEITA NENHUM 1% 2% 1% - - 2% 2% 3% 2% - 2% - 1% 2% - REJEITA TODOS 5% 7% 4% 2% 5% 9% 7% 3% 7% 6% 2% 7% 5% 8% - NS / NR 4% 3% 5% - 5% 6% 2% 9% 8% 2% - - 5% 4% - BASE

9 REJEIÇÃO ESTIMULADA PARA PREFEITO DE BUÍQUE P. Se a eleição fosse hoje, em qual destes candidatos (...), o(a) sr.(a) não votaria de jeito nenhum para prefeito de Buíque? (MÚLTIPLA E ESTIMULADA COM CARTÃO 07 NOMES) (TABELA DE CRUZAMENTO POR ÁREA) RESPOSTAS T O T A L ÁREAS AR.01 ST.01 ST.02 AR.02 AR.03 AR.04 ZR SEDE ST01 + ST02 Cidade Zona Rural da Cidade Carneiro Catimbau Guanumbi Zona Rural do Município Jonas Camelo 51% 48% 39% 57% 67% 45% 58% 58% Blésman Júnior 41% 42% 43% 40% 30% 55% 47% 40% Miriam 40% 42% 47% 37% 30% 35% 39% 36% Modésio 33% 34% 30% 38% 37% 50% 22% 35% Dr. Dilson 28% 26% 24% 28% 41% 25% 25% 29% NÃO REJEITA NENHUM 1% 1% 1% 1% - - 3% 1% REJEITA TODOS 5% 5% 5% 5% 7% - 8% 6% NS / NR 4% 5% 4% 7% 4% - - 4% BASE

10 AVALIAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO JONAS (GERAL + CONSOLIDADA) P. De uma maneira geral, como o(a) sr.(a) avalia a administração do prefeito Jonas até o momento? O(A) sr.(a) diria que está sendo: ótima, boa, regular, ruim ou péssima? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) ALTERNATIVAS TOTAL Ótima 9% Boa 21% Regular positiva 11% Regular negativa 8% Ruim 12% Péssima 38% NS / NR 1% TOTAL / SOMA 100% TABELA CONSOLIDADA ALTERNATIVAS TOTAL Ótima / Boa (POSITIVA) 30% Regular 19% Ruim / Péssima (NEGATIVA) 50% NS / NR 1% TOTAL / SOMA 100% 9

11 AVALIAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO JONAS P. De uma maneira geral, como o(a) sr.(a) avalia a administração do prefeito Jonas até o momento? O(A) sr.(a) diria que está sendo: ótima, boa, regular, ruim ou péssima? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) (TABELA DE CRUZAMENTO POR VARIÁVEIS) SEXO IDADE INSTRUÇÃO RENDA ALTERNATIVAS TOTAL Mas Fem 16/24 25/34 35/44 45/59 60/++ Até a 4ª série - Fund. I De 5ª à 8ª série - Fund. II Médio Superior Até 1 SM Mais de 1 a 3 SM Acima de 3 SM Ótima/Boa 30% 29% 30% 22% 36% 26% 45% 20% 32% 20% 30% 40% 29% 31% 31% Regular 19% 19% 20% 33% 19% 19% 12% 11% 13% 20% 37% 13% 20% 18% 19% Ruim/Péssimo 50% 52% 48% 45% 44% 55% 43% 66% 53% 60% 33% 47% 50% 51% 50% NS / NR 1% - 2% - 1% - - 3% 2% % - - TOTAL / SOMA 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 10

12 AVALIAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO JONAS P. De uma maneira geral, como o(a) sr.(a) avalia a administração do prefeito Jonas até o momento? O(A) sr.(a) diria que está sendo: ótima, boa, regular, ruim ou péssima? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) (TABELA DE CRUZAMENTO POR ÁREA) RESPOSTAS T O T A L ÁREAS AR.01 ST.01 ST.02 AR.02 AR.03 AR.04 ZR SEDE ST01 + ST02 Cidade Zona Rural da Cidade Carneiro Catimbau Guanumbi Zona Rural do Município Ótima/Boa 30% 31% 36% 26% 15% 25% 33% 26% Regular 19% 22% 27% 18% 22% 15% 8% 16% Ruim/Péssimo 50% 46% 37% 55% 63% 60% 56% 57% NS / NR 1% 1% - 1% - - 3% 1% TOTAL / SOMA 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 11

13 NOTA MÉDIA DA ADMINISTRAÇÃO JONAS P. Que nota de (0 10) o(a) sr.(a) dá para a administração do prefeito Jonas, até agora? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) ALTERNATIVAS TOTAL NOTA 4,2 NS / NR 3% BASE

14 QUADRO COMPARATIVO ENTRE AS ADMINISTRAÇÕES ATUAL E ANTERIOR DE BUÍQUE P. Pelo que o(a) sr.(a) viu até aqui, o prefeito Jonas fará uma governo melhor, igual ou pior do que o do ex-prefeito Arquimedes Valença? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) ALTERNATIVAS TOTAL Melhor 29% Igual 17% Pior 52% NS / NR 2% TOTAL / SOMA 100% 13

15 QUADRO COMPARATIVO ENTRE AS ADMINISTRAÇÕES ATUAL E ANTERIOR DE BUÍQUE P. Pelo que o(a) sr.(a) viu até aqui, o prefeito Jonas fará uma governo melhor, igual ou pior do que o do ex-prefeito Arquimedes Valença? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) (TABELA DE CRUZAMENTO POR VARIÁVEIS) SEXO IDADE INSTRUÇÃO RENDA ALTERNATIVAS TOTAL Mas Fem 16/24 25/34 35/44 45/59 60/++ Até a 4ª série - Fund. I De 5ª à 8ª série - Fund. II Médio Superior Até 1 SM Mais de 1 a 3 SM Acima de 3 SM Melhor 29% 27% 32% 29% 30% 26% 43% 14% 25% 24% 41% 40% 27% 31% 50% Igual 17% 18% 15% 18% 17% 17% 11% 23% 17% 13% 24% 7% 17% 18% 13% Pior 52% 54% 50% 49% 51% 55% 46% 60% 55% 61% 35% 53% 54% 49% 37% NS / NR 2% 1% 3% 4% 2% 2% - 3% 3% 2% - - 2% 2% - TOTAL / SOMA 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 14

16 QUADRO COMPARATIVO ENTRE AS ADMINISTRAÇÕES ATUAL E ANTERIOR DE BUÍQUE P. Pelo que o(a) sr.(a) viu até aqui, o prefeito Jonas fará uma governo melhor, igual ou pior do que o do ex-prefeito Arquimedes Valença? (ÚNICA E ESPONTÂNEA) (TABELA DE CRUZAMENTO POR ÁREA) RESPOSTAS T O T A L ÁREAS AR.01 ST.01 ST.02 AR.02 AR.03 AR.04 ZR SEDE ST01 + ST02 Cidade Zona Rural da Cidade Carneiro Catimbau Guanumbi Zona Rural do Município Melhor 29% 32% 40% 23% 15% 15% 31% 24% Igual 17% 17% 16% 18% 22% 30% 11% 17% Pior 52% 48% 43% 54% 63% 55% 58% 57% NS / NR 2% 3% 1% 5% % TOTAL / SOMA 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 100% 15

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS JUNHO DE 2012 JOB1291 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS FEVEREIRO DE 2008 JOB294 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto à população da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS ABRIL DE 2012 JOB690 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS JULHO DE 2010 JOB 1412-1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto de

Leia mais

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Pelotas. 02 e 03/10/2008-4ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008.

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Pelotas. 02 e 03/10/2008-4ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. Pesquisa de Intenção de Voto Sucessão Municipal Pelotas 02 e 03/10/2008-4ª pesquisa Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. 1 Sumário Apresentação e Metodologia... 3 Intenção de Voto Espontânea... 5 Intenção

Leia mais

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo CONFIABILIDADE I EMPRESA LEGALIZADA E REGISTRADA Em se tratando de serviço de pesquisa de opinião pública, para fazer a escolha certa, é importante verificar se a empresa a ser contratada está legalizada

Leia mais

Pesquisa Avaliação Administrativa Município de São Paulo

Pesquisa Avaliação Administrativa Município de São Paulo Pesquisa Avaliação Administrativa Município de São Paulo Dezembro 200 2 Metodologia & Amostra Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. Objetivo

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O PROCESSO DE CREDENCIAMENTO/ LEGALIZAÇÃO DE ARMAS E MUNIÇÕES NO PAÍS NOVEMBRO DE 2006 OPP478 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA Levantar junto à população

Leia mais

ELEITORAL CARIACICA 2 TURNO

ELEITORAL CARIACICA 2 TURNO ELEITORAL CARIACICA 2 TURNO Outubro de 2012 ÍNDICE 1 METODOLOGIA... 3 2 ELEIÇÃO 2 TURNO... 4 2.1 Transferência de votos... 6 3 AVALIAÇÃO POLÍTICA... 8 4 SERVIÇOS... 10 REALIZADORES... 12 2 1 METODOLOGIA

Leia mais

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo CONFIABILIDADE I EMPRESA LEGALIZADA E REGISTRADA Em se tratando de serviço de pesquisa de opinião pública, para fazer a escolha certa, é importante verificar se a empresa a ser contratada está legalizada

Leia mais

PESQUISA CNT/MDA RELATÓRIO SÍNTESE

PESQUISA CNT/MDA RELATÓRIO SÍNTESE PESQUISA CNT/MDA RELATÓRIO SÍNTESE Rodada 125 18 e 19 de outubro de 2014 Registro no TSE: BR-01139/2014 ÍNDICE 1 DADOS TÉCNICOS... 03 2 ELEIÇÃO PRESIDENCIAL 2014... 04 2 1. DADOS TÉCNICOS PESQUISA CNT/MDA

Leia mais

9ª PESQUISA ELEITORAL REGISTRADA - 2º TURNO

9ª PESQUISA ELEITORAL REGISTRADA - 2º TURNO ESPECIFICAÇÕES DA PESQUISA METODOLOGIA E PERÍODO DE REALIZAÇÃO DA PESQUISA PLANO AMOSTRAL PÚBLICO PESQUISADO PESQUISA A SER FEITA COM METODOLOGIA PROBABILÍSTICA E ALEATÓRIA EM CLUSTERS (CONGLOMERADOS).

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SETEMBRO DE 2011 JOB1696 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO Levantar um conjunto de informações sobre o clima da opinião

Leia mais

Pesquisa de Índice de Aprovação de Governos Executivos

Pesquisa de Índice de Aprovação de Governos Executivos Rio de Janeiro, 8 de Maio de 2012 Pesquisa de Índice de Aprovação de Governos Executivos I INTRODUÇÃO. O Conselho Federal de Estatística - CONFE dentro de suas atribuições e objetivando contribuir para

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE RELIGIÃO A B R I L D E 2 0 0 6 O P P 0 7 1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL - Levantar com a população da área em estudo opiniões relacionadas a religião.

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO. Avaliações e Intenção de Voto

PESQUISA DE OPINIÃO. Avaliações e Intenção de Voto GRUPOM CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA Divisão de Pesquisas e Planejamento Av. Paranaíba, 253/257, Centro. CEP 74020-010 Fone: (62) 3237-3700 E -mail grupom@grupom.com.br Goiânia Goiás PESQUISA DE OPINIÃO

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO IBIRATAIA AVALIAÇÕES E QUADRO POLÍTICO-ELEITORAL

PESQUISA DE OPINIÃO IBIRATAIA AVALIAÇÕES E QUADRO POLÍTICO-ELEITORAL PESQUISA DE OPINIÃO IBIRATAIA AVALIAÇÕES E QUADRO POLÍTICO-ELEITORAL 28 de julho de 2012 Sociólogo: Agenor Gasparetto Direção: Alda Alves Pereira Salvador, 31 de julho de 2012. INTRODUÇÃO E METODOLOGIA

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE CORRUPÇÃO PARA A TRANSPARÊNCIA FEVEREIRO DE 2005 OPP008 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA - Levantar junto a população da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

PROCEDIMENTOS UTILIZADOS NA REALIZAÇÃO DA PESQUISA:

PROCEDIMENTOS UTILIZADOS NA REALIZAÇÃO DA PESQUISA: Curitiba,09 de outubro de 2015. Apresentamos a seguir os resultados da pesquisa de opinião pública realizada no município de Guarapuava, com o objetivo de consulta à população para avaliação das administrações

Leia mais

6ª PESQUISA ELEITORAL REGISTRADA

6ª PESQUISA ELEITORAL REGISTRADA ESPECIFICAÇÕES DA PESQUISA METODOLOGIA E PERÍODO DE REALIZAÇÃO DA PESQUISA ESTA PESQUISA É QUANTITATIVA ATRAVÉS DE UMA AMOSTRAGEM PROBABILISTICA E ALEATÓRIA. AS ENTREVISTAS SÃO REALIZADAS POR TELEFONE

Leia mais

MAIS DA METADE DOS CAPIXABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE

MAIS DA METADE DOS CAPIXABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE MAIS DA METADE DOS CAPIABAS NÃO POSSUI PLANO DE SAÚDE Emmanuelle Serrano Queiroz Em alguns países, as despesas com saúde já correspondem a mais de 10% do PIB. E, um fator que será determinante para o aumento

Leia mais

SENSUS. Relatório Síntese CNT SENSUS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97. 25 a 29 de Maio de 2009

SENSUS. Relatório Síntese CNT SENSUS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97. 25 a 29 de Maio de 2009 Pesquisa e Consultoria Relatório Síntese PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 97 CNT 25 a 29 de Maio de 2009 SAUS Q 01 - Bloco J - Entradas 10 e 20 Rua Grão Pará, 737 4ºandar Ed. CNT - 11 o andar

Leia mais

SENSUS Pesquisa e Consultoria

SENSUS Pesquisa e Consultoria Pesquisa Eleições 2014 Regiões 5 Regiões Estados 24 Estados Municípios 136 Municípios Entrevistas 2.000 Entrevistas Data 12 a 15 de Julho de 2014 SENSUS Pesquisa e Consultoria Atenção Entrevistador Verificar

Leia mais

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo

Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco Av. José Magalhães de França, 564 Centro Arcoverde/PE CEP: Coordenação: Edivaldo CONFIABILIDADE I EMPRESA LEGALIZADA E REGISTRADA Em se tratando de serviço de pesquisa de opinião pública, para fazer a escolha certa, é importante verificar se a empresa a ser contratada está legalizada

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBJETIVO - Conhecer a intenção de voto para prefeito de Porto Alegre LOCAL Porto Alegre PERÍODO DE COLETA De 11 a 16 de setembro de 2015. UNIVERSO Eleitores de ambos os sexos, de

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL Pesquisa e Consultoria Relatório Síntese PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 93 CNT 15 a 19 de Setembro de 2008 SAS Q 06 - Lote 03 - Bloco J Rua Grão Pará, 737-4º andar Ed. Camilo Cola - 2 o andar

Leia mais

PESQUISA ELEITORAL NOVA UBIRATÃ/MT. Assunto: ELEIÇÕES 2012

PESQUISA ELEITORAL NOVA UBIRATÃ/MT. Assunto: ELEIÇÕES 2012 PESQUISA ELEITORAL NOVA UBIRATÃ/MT Assunto: ELEIÇÕES 2012 Período: 25/09/2012 a 27/09/2012 1 Especificações Técnicas: Público Pesquisado: Eleitores da Cidade de NOVA UBIRATÃ - MT Período de Campo: 25/09/2012

Leia mais

GRADUAÇÃO EM RELAÇÕES PÚBLICAS ÊNFASE EM PRODUÇÃO CULTURAL RELATÓRIO DE PESQUISA EM OPINIÃO PÚBLICA

GRADUAÇÃO EM RELAÇÕES PÚBLICAS ÊNFASE EM PRODUÇÃO CULTURAL RELATÓRIO DE PESQUISA EM OPINIÃO PÚBLICA GRADUAÇÃO EM RELAÇÕES PÚBLICAS ÊNFASE EM PRODUÇÃO CULTURAL RELATÓRIO DE PESQUISA EM OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DISCENTE DO CURSO DE RELAÇÕES PÚBLICAS DA UNIPAMPA PROFº ORIENTADOR: VALMOR RHODEN ALUNAS: CAMILA

Leia mais

Estatística Descritiva I

Estatística Descritiva I Estatística Descritiva I Bacharelado em Economia - FEA - Noturno 1 o Semestre 2016 Profs. Fábio P. Machado e Gilberto A. Paula MAE0219 (Economia-FEA-Noturno) Estatística Descritiva I 1 o Semestre 2016

Leia mais

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ

PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ PESQUISA DIA DAS CRIANÇAS - MOSSORÓ Mossoró, setembro de 2015 1 Sumário 1. Aspectos Metodológicos... 3 2. Descrição dos Resultados... 4 Itens de comemoração... 4 Gastos com presente... 4 Local e quando

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O DIA MUNDIAL SEM CARRO SETEMBRO/ OUTUBRO DE 2007 JOB939 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto à população da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente 2014 PO813734 19 e 20/02/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE FEVEREIRO DE 2014 MESMO COM DESEJO DE MUDANÇA, DILMA MANTÉM LIDERANÇA NA CORRIDA ELEITORAL 67% preferem ações

Leia mais

UNIÃO EDUCACIONAL DO NORTE UNINORTE AUTOR (ES) AUTOR (ES) TÍTULO DO PROJETO

UNIÃO EDUCACIONAL DO NORTE UNINORTE AUTOR (ES) AUTOR (ES) TÍTULO DO PROJETO UNIÃO EDUCACIONAL DO NORTE UNINORTE AUTOR (ES) AUTOR (ES) TÍTULO DO PROJETO RIO BRANCO Ano AUTOR (ES) AUTOR (ES) TÍTULO DO PROJETO Pré-Projeto de Pesquisa apresentado como exigência no processo de seleção

Leia mais

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF Goiânia GO Janeiro 2010 SUMÁRIO Tabela 1 - Síntese dos Resultados 3 Tabela 2 - Variações percentuais sobre o mês anterior 3 Análise dos Resultados 4 Tabela 3 - Intenção

Leia mais

INTELIGÊNCIA POLÍTICA DIAGNÓSTICO ELEITORAL PERNAMBUCO

INTELIGÊNCIA POLÍTICA DIAGNÓSTICO ELEITORAL PERNAMBUCO INTELIGÊNCIA POLÍTICA DIAGNÓSTICO ELEITORAL PERNAMBUCO Esta pesquisa foi registrada junto a JUSTIÇA ELEITORAL, sob os números PE- 00010/2014 e BR-00260/2014, no dia 25 de julho de 2014. RECIFE PESQ. Nº033.2/2014

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA 1 PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Pesquisa quantitativa Cabedelo - PB Pesquisa registrada no 57º Cartório Eleitoral de Cabedelo/PB, no dia 26/09/2008, Registrada sob nº 135/2008 29 de Setembro de 2008 2 Í

Leia mais

Métodos Estatísticos. 6 - Amostragem. Referencia: Estatística Aplicada às Ciências Sociais, Cap. 3 Pedro Alberto Barbetta. Ed. UFSC, 5ª Edição, 2002.

Métodos Estatísticos. 6 - Amostragem. Referencia: Estatística Aplicada às Ciências Sociais, Cap. 3 Pedro Alberto Barbetta. Ed. UFSC, 5ª Edição, 2002. Métodos Estatísticos 6 - Amostragem Referencia: Estatística Aplicada às Ciências Sociais, Cap. 3 Pedro Alberto Barbetta. Ed. UFSC, 5ª Edição, 2002. População x Amostra População - conjunto dos elementos

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PREFERÊNCIAS ELEITORAIS (ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2012) BLUMENAU SC. (19-20/Setembro/2012)

PESQUISA DE OPINIÃO PREFERÊNCIAS ELEITORAIS (ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2012) BLUMENAU SC. (19-20/Setembro/2012) 1 PESQUISA DE OPINIÃO PREFERÊNCIAS ELEITORAIS (ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2012) BLUMENAU SC (19-20/Setembro/2012) 2 1. APRESENTAÇÃO O presente relatório contém o resultado da pesquisa eleitoral realizada pelo

Leia mais

Dados de Pesquisa. Destino do 13º salário dos pelotenses. Pelotas, agosto de 2009.

Dados de Pesquisa. Destino do 13º salário dos pelotenses. Pelotas, agosto de 2009. Dados de Pesquisa Destino do 13º salário dos pelotenses IPO - Porto Alegre RS Rua São Manoel, 239 Rio Branco - CEP 90620-110 Fone: (51) 3286-6156 E-mail: ipo@ipo.inf.br IPO Pelotas - RS Rua Gal. Osório,

Leia mais

INTERNET E EDUCAÇÃO. Tâmara Barros. Tâmara Barros é estatística e analista de pesquisas da Futura 3235-5440 tamara@futuranet.ws

INTERNET E EDUCAÇÃO. Tâmara Barros. Tâmara Barros é estatística e analista de pesquisas da Futura 3235-5440 tamara@futuranet.ws INTERNET E EDUCAÇÃO Tâmara Barros A internet propiciou um novo ambiente de comunicação online e instantâneo, eliminando distâncias e permitindo trocas de informações a um custo acessível. Com a popularização

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O USO DA ÁGUA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O USO DA ÁGUA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O USO DA ÁGUA FEVEREIRO DE 2011 JOB087 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo geral mapear as percepções, opiniões e atitudes da

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS AGOSTO DE 2010 JOB1430-1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto de informações

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ELEIÇÕES 2014

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ELEIÇÕES 2014 PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ELEIÇÕES 2014 MARÇO DE 2013 JOB0356 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto de informações sobre o contexto

Leia mais

Aula 4 Conceitos Básicos de Estatística. Aula 4 Conceitos básicos de estatística

Aula 4 Conceitos Básicos de Estatística. Aula 4 Conceitos básicos de estatística Aula 4 Conceitos Básicos de Estatística Aula 4 Conceitos básicos de estatística A Estatística é a ciência de aprendizagem a partir de dados. Trata-se de uma disciplina estratégica, que coleta, analisa

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. Departamento Regional de São Paulo. Escola SENAI Hessel Horácio Cherkassky

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. Departamento Regional de São Paulo. Escola SENAI Hessel Horácio Cherkassky SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL Departamento Regional de São Paulo GUIA DE REFERÊNCIA RÁPIDA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO GUIA DO ALUNO Cubatão SP SUMÁRIO página 1. O QUE É ESTÁGIO SUPERVISIONADO?

Leia mais

AMOSTRAGEM ESTATÍSTICA EM AUDITORIA PARTE ll

AMOSTRAGEM ESTATÍSTICA EM AUDITORIA PARTE ll AMOSTRAGEM ESTATÍSTICA EM AUDITORIA PARTE ll! Os parâmetros para decisão do auditor.! Tipos de planos de amostragem estatística em auditoria. Francisco Cavalcante(f_c_a@uol.com.br) Administrador de Empresas

Leia mais

PARANÁ 22 A 27 DE AGOSTO DE 2014 REGISTRO PR- 00026/2014

PARANÁ 22 A 27 DE AGOSTO DE 2014 REGISTRO PR- 00026/2014 PARANÁ 22 A 27 DE AGOSTO DE 2014 REGISTRO PR- 00026/2014 REGISTRO BR- 00421/2014 Metodologia da Pesquisa: A pesquisa quantitativa, consistiu na realização de entrevistas pessoais residenciais, com aplicação

Leia mais

MÓDULO 1. I - Estatística Básica

MÓDULO 1. I - Estatística Básica MÓDULO 1 I - 1 - Conceito de Estatística Estatística Técnicas destinadas ao estudo quantitativo de fenômenos coletivos e empíricamente observáveis. Unidade Estatística nome dado a cada observação de um

Leia mais

COMO CALCULAR A PERFORMANCE DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS - PARTE I

COMO CALCULAR A PERFORMANCE DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS - PARTE I COMO CALCULAR A PERFORMANCE DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS - PARTE I O que é o Índice de Sharpe? Como calcular o Índice de Sharpe? Revisão do conceito de risco. O desvio-padrão como medida de risco. Autor:

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE DROGAS MARÇO DE 2003 OPP 046 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA - Levantar junto a população da área em estudo opiniões relacionadas a Drogas. - Brasil.

Leia mais

PESQUISA CNT/MDA AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO DO GOVERNO ESTADUAL E PERCEPÇÃO DA POPULAÇÃO SOBRE AS ELEIÇÕES 2014 AMAZONAS

PESQUISA CNT/MDA AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO DO GOVERNO ESTADUAL E PERCEPÇÃO DA POPULAÇÃO SOBRE AS ELEIÇÕES 2014 AMAZONAS PESQUISA CNT/MDA AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO DO GOVERNO ESTADUAL E PERCEPÇÃO DA POPULAÇÃO SOBRE AS ELEIÇÕES 2014 AMAZONAS INTRODUÇÃO Este relatório contém os resultados de um estudo realizado pela MDA PESQUISA

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O MINISTÉRIO PÚBLICO

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O MINISTÉRIO PÚBLICO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEVEREIRO DE 2004 OPP 019 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA PERÍODO DE CAMPO - De 7 a 11 de fevereiro de 2004. UNIVERSO - A pesquisa foi realizada

Leia mais

Regulação Bimestral do Processo Ensino Aprendizagem 3º bimestre Ano: 2º ano Ensino Médio Data:

Regulação Bimestral do Processo Ensino Aprendizagem 3º bimestre Ano: 2º ano Ensino Médio Data: Regulação Bimestral do Processo Ensino Aprendizagem 3º bimestre Ano: 2º ano Ensino Médio Data: Disciplina: Antropologia Urbana Professor: Luis Fernando Caro estudante; Ao longo do bimestre desenvolvemos

Leia mais

Pesquisa Pantanal. Job: 13/0528

Pesquisa Pantanal. Job: 13/0528 Pesquisa Pantanal Job: 13/0528 Objetivo, metodologia e amostra Com objetivo de mensurar o conhecimento da população sobre o Pantanal, o WWF solicitou ao Ibope um estudo nacional para subsidiar as iniciativas

Leia mais

RESOLUÇÃO CONFE No 87, de 26 de dezembro de 1977.

RESOLUÇÃO CONFE No 87, de 26 de dezembro de 1977. RESOLUÇÃO CONFE No 87, de 26 de dezembro de 1977. DÁ NOVA REDAÇÃO À RESOLUÇÃO N o 18, DE 10.02.72, DO CONSELHO FEDERAL DE ESTATÍSTICA, PUBLICADA NO DIÁRIO OFICIAL DE 27.03.72. CONSELHO FEDERAL DE ESTATÍSTICA

Leia mais

Prova Escrita de Matemática Aplicada às Ciências Sociais

Prova Escrita de Matemática Aplicada às Ciências Sociais Exame Final Nacional do Ensino Secundário Prova Escrita de Matemática Aplicada às Ciências Sociais 11.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova 835/2.ª Fase 15 Páginas Duração

Leia mais

PESQUISA PRESIDENTE: SEGUNDO TURNO - ESTADO DE MINAS GERAIS

PESQUISA PRESIDENTE: SEGUNDO TURNO - ESTADO DE MINAS GERAIS Pesquisa divulgada no site www.multidadospesquisa.com.br PESQUISA PRESIDENTE: SEGUNDO TURNO - ESTADO DE MINAS GERAIS PESQUISA ELEITORAL REGISTRO BR-01126/2014 DE 13 DE OUTUBRO 2014 DATA DE CAMPO DA PESQUISA:

Leia mais

Estatística II Antonio Roque Aula 9. Testes de Hipóteses

Estatística II Antonio Roque Aula 9. Testes de Hipóteses Testes de Hipóteses Os problemas de inferência estatística tratados nas aulas anteriores podem ser enfocados de um ponto de vista um pouco diferente: ao invés de se construir intervalos de confiança para

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO

AVALIAÇÃO DO GOVERNO Indicadores CNI Pesquisa CNI-Ibope AVALIAÇÃO DO GOVERNO Popularidade cresce no segundo semestre Mas presidente Dilma encerra primeiro mandato com popularidade menor que no seu início A popularidade da

Leia mais

Assunto Audição do Conselho Nacional das Ordens Profissionais (CNOP) na 10ª Comissão de Segurança Social e Trabalho

Assunto Audição do Conselho Nacional das Ordens Profissionais (CNOP) na 10ª Comissão de Segurança Social e Trabalho Assunto: Audição do Conselho Nacional das Ordens Profissionais (CNOP) na 10ª Comissão de Segurança Social e Trabalho Parecer no âmbito do circuito legislativo das dezasseis (16) Propostas de Lei que adaptam

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO AGOSTO/2011

AVALIAÇÃO DO GOVERNO AGOSTO/2011 AVALIAÇÃO DO GOVERNO AGOSTO/2011 Pesquisa CNI-IBOPE CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Presidente: Robson Braga de Andrade Diretoria Executiva - DIREX Diretor: José Augusto Coelho Fernandes Diretor

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ELEITORAIS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ELEITORAIS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ELEITORAIS CONTRATANTE: RÁDIO PANORAMA FM DE CATOLÉ DO ROCHA LTDA. JERICÓ - PB AGOSTO DE 2012 CONTATO Fone : 9979 0891 9372 6312 3055 0868 E-mail: instituto.datavox@gmail.com

Leia mais

Dúvidas e Sugestões Sobre a Regulação do Capital Adicional de Risco de Crédito

Dúvidas e Sugestões Sobre a Regulação do Capital Adicional de Risco de Crédito Dúvidas e Sugestões Sobre a Regulação do Capital Adicional de Risco de Crédito Atendendo ao convite desta Autarquia, no intuito de comentar o Relatório Inicial sobre Risco de Crédito, que nos foi apresentado

Leia mais

CORRUPÇÃO E DANÇAS DAS CADEIRAS NO GOVERNO DILMA

CORRUPÇÃO E DANÇAS DAS CADEIRAS NO GOVERNO DILMA CORRUPÇÃO E DANÇAS DAS CADEIRAS NO GOVERNO DILMA Tyago Ribeiro Hoffmann A Futura foi às ruas da Grande Vitória para colher a opinião dos capixabas sobre a corrupção no Governo Federal e constatou que 90,5%

Leia mais

Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO. 1- Como aderir à proposta AMQ?

Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO. 1- Como aderir à proposta AMQ? Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO 1- Como aderir à proposta AMQ? A adesão é realizada através do preenchimento e envio do Formulário de Cadastramento Municipal no site do projeto. O gestor municipal da saúde

Leia mais

ELEITORAL VILA VELHA 2 TURNO

ELEITORAL VILA VELHA 2 TURNO ELEITORAL VILA VELHA 2 TURNO Outubro de 2012 ÍNDICE 1 METODOLOGIA... 3 2 ELEIÇÃO 2 TURNO... 4 2.1 - Transferência de votos... 5 3 AVALIAÇÃO POLÍTICA... 7 4 SERVIÇOS... 9 REALIZADORES... 11 2 1 METODOLOGIA

Leia mais

Orientações sobre parâmetros específicos da empresa

Orientações sobre parâmetros específicos da empresa EIOPA-BoS-14/178 PT Orientações sobre parâmetros específicos da empresa EIOPA Westhafen Tower, Westhafenplatz 1-60327 Frankfurt Germany - Tel. + 49 69-951119-20; Fax. + 49 69-951119-19; email: info@eiopa.europa.eu

Leia mais

Participaram da coleta de dados dez (10) pesquisadores de campo (entrevistadores), dois (2) supervisores de campo e um coordenador de toda a equipe.

Participaram da coleta de dados dez (10) pesquisadores de campo (entrevistadores), dois (2) supervisores de campo e um coordenador de toda a equipe. 1. Metodologia 1.1 Descrição A pesquisa foi realizada nos dias 5, 6, 9, 10 e 11 de novembro de 2015, envolvendo diversos locais (Fóruns) localizados em 4 (quatro) zonas geográf icas do município de Manaus.

Leia mais

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília.

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília. Pesquisa de Opinião CONTEXTO Carta de um Brasileiro é um movimento de mobilização social com objetivo de entregar à Presidente da República eleita em outubro de 2010 os principais desejos e necessidades

Leia mais

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Caxias do Sul. 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008.

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Caxias do Sul. 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa. Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. Pesquisa de Intenção de Voto Sucessão Municipal Caxias do Sul 02 e 03/10/2008-5ª pesquisa Porto Alegre, 03 de outubro de 2008. 1 Sumário Apresentação e Metodologia... 3 Intenção de Voto... 5 Rejeição...

Leia mais

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX. Contabilistas NBC T 13.2 Aprovação

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX. Contabilistas NBC T 13.2 Aprovação VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO LEX Contabilistas NBC T 13.2 Aprovação Orientador Empresarial RESOLUÇÃO CFC 1.021, DE 18 DE MARÇO DE 2005 - DOU 22.04.2005 (Íntegra) Aprova

Leia mais

PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS (cotas para egressos de escolas públicas, negros e indígenas) ORIENTAÇÕES BÁSICAS

PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS (cotas para egressos de escolas públicas, negros e indígenas) ORIENTAÇÕES BÁSICAS PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS (cotas para egressos de escolas públicas, negros e indígenas) ORIENTAÇÕES BÁSICAS (Elaboradas pela Comissão Institucional criada conforme previsto na Resolução Normativa N

Leia mais

1. Metodologia. Sumário Executivo. Pesquisa Quantitativa Regular Bimestral 2009/01

1. Metodologia. Sumário Executivo. Pesquisa Quantitativa Regular Bimestral 2009/01 2 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Bimestral 2009/01 No período entre 17 a 24 de junho de 2009 foi realizado o levantamento de dados da Pesquisa Quantitativa Regular Bimestral 01. O objetivo

Leia mais

BULLYING. Patrícia Gonoring

BULLYING. Patrícia Gonoring BULLYING Patrícia Gonoring A tragédia de Realengo, em que Wellington Menezes de Oliveira, o responsável pelo massacre, teria sido vítima de bullying na mesma escola em que mais tarde se transformara de

Leia mais

REGULAMENTO DE PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO EM TELECOMUNICAÇÕES 09/04/2013

REGULAMENTO DE PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO EM TELECOMUNICAÇÕES 09/04/2013 REGULAMENTO DE PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO EM TELECOMUNICAÇÕES 09/04/2013 OBJETIVOS DO REGULAMENTO (I) o fortalecimento de PD&I no setor de telecomunicações; (II) a intensificação da interação,

Leia mais

Política de cotas para mulheres na política tem 75% de aprovação

Política de cotas para mulheres na política tem 75% de aprovação Política de cotas para mulheres na política tem 75% de aprovação População conhece pouco a atual lei de cotas, mas acha que os partidos que não cumprem a lei deveriam ser punidos A maioria da população

Leia mais

Fundação Seade. www.seade.gov.br

Fundação Seade. www.seade.gov.br Maio de N o Diminui a migração no Estado de São Paulo A divulgou mais um número do SP Demográfico, o terceiro de. Dessa vez, são apresentadas estimativas inéditas dos saldos migratórios e das taxas de

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ICA 7-26 PROCESSO DE GESTÃO DE RISCOS DE SEGURANÇA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DO DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO ESPAÇO AÉREO 2013 MINISTÉRIO

Leia mais

ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO PROCURADORIA-GERAL FEDERAL Procuradoria Federal junto ao IF Sudeste MG

ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO PROCURADORIA-GERAL FEDERAL Procuradoria Federal junto ao IF Sudeste MG 1 NOTA TÉCNICA nº 837/2012 - AGU/PGF/PF IF SUDESTE MG Ref.: Processo nº: 23223.001362/2012-41 Consulentes: Reitor e Diretor-Geral do câmpus Rio Pomba Data do recebimento do expediente: 30/11/12 com pedido

Leia mais

Reforma Política. Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil

Reforma Política. Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil Reforma Política Pesquisa telefônica realizada pelo IBOPE Inteligência a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil Introdução 2 Objetivos Abrangência Geográfica Método de coleta Datas

Leia mais

Relatório socioeconômico cultural do Vestibular e Exame de Seleção

Relatório socioeconômico cultural do Vestibular e Exame de Seleção Relatório socioeconômico cultural do Vestibular e Exame de Seleção Os candidatos que se inscreveram para os cursos ofertados no Vestibular e Exame de Seleção 2011/2 responderam a um questionário socioeconômico

Leia mais

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI FINANÇAS EM PROJETOS DE TI 2012 Exercícios de Fixação e Trabalho em Grupo - 2 Prof. Luiz Carlos Valeretto Jr. 1 1. O valor de depreciação de um item é seu: a) Valor residual. b) Custo inicial menos despesas

Leia mais

Hábitos de Leitura. Tâmara Freitas Barros

Hábitos de Leitura. Tâmara Freitas Barros Hábitos de Leitura Tâmara Freitas Barros Um contingente de 671 mil moradores da Grande Vitória, o que corresponde a 60% da população acima de 16, não tem o costume de ler. Essa é apenas uma das constatações

Leia mais

Apresentar o resultado final do processo de análise da 2 a parte do Plano de Universalização de Energia Elétrica da Boa Vista Energia S/A BOA VISTA.

Apresentar o resultado final do processo de análise da 2 a parte do Plano de Universalização de Energia Elétrica da Boa Vista Energia S/A BOA VISTA. Nota Técnica n o 103/2005 SRC/ANEEL Em 15 de setembro de 2005. Processo: 48500.003258/03-33 Assunto: Análise da 2 a parte do Plano de Universalização de Energia Elétrica da Boa Vista Energia S/A BOA VISTA.

Leia mais

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PERÍODO DE REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS: 12 A 19 DE SETEMBRO

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO

REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO 1. O Prêmio 1.1. O Prêmio Melhores Práticas de Estágio, iniciativa do Fórum de Estágio da Bahia, de periodicidade anual, é destinado a identificar

Leia mais

O papel das empresas e o lucro. 20 de Setembro de 2009

O papel das empresas e o lucro. 20 de Setembro de 2009 O papel das empresas e o lucro 1 20 de Setembro de 2009 O papel das empresas e o lucro Roberta Atherton Magalhães Dias No ano de 2005, a Futura realizou uma pesquisa que avaliava, na percepção dos capixabas,

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA A OUTORGA DE DELEGAÇÃO DE SERVIÇOS NOTARIAIS E REGISTRAIS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA A OUTORGA DE DELEGAÇÃO DE SERVIÇOS NOTARIAIS E REGISTRAIS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA A OUTORGA DE DELEGAÇÃO DE SERVIÇOS NOTARIAIS E REGISTRAIS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO DE INGRESSO - PROVIMENTO OU REMOÇÃO EDITAL 001 20913 CECPODNR

Leia mais

IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO

IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO IQV INDICADORES DE QUALIDADE DE VIDA SUMÁRIO PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA JOINVILLE, FLORIANÓPOLIS, BLUMENAU, CHAPECÓ, TUBARÃO Qualidade de vida é ter condições de vida plena, gozar de saúde e respeito,

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal CONCURSO PÚBLICO, NOMEAÇÃO E POSSE

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal CONCURSO PÚBLICO, NOMEAÇÃO E POSSE DEFINIÇÕES CONCURSO PÚBLICO, NOMEAÇÃO E POSSE Cód.: CNP Nº: - Versão: 02 Data: 22/02/2016 Concurso público Processo de seleção de natureza competitiva, aberto ao público geral, para provimento de cargo

Leia mais

Norma Regulamentadora Nº 05/2007

Norma Regulamentadora Nº 05/2007 Norma Regulamentadora Nº 05/2007 NORMA REGULAMENTAR DA JÓIA ATUARIAL DECORRENTE DE INCLUSÃO OU SUBSTITUIÇÃO DE CÔNJUGE OU COMPANHEIRO (A) 1. OBJETIVO 1.1 A presente Norma Regulamentar tem por objetivo

Leia mais

1.Apresentação 1 2.Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil

1.Apresentação 1 2.Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil AULA 10: Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público NBC T SP 16.3 a 16.5: Planejamento e seus Instrumentos sob o Enfoque Contábil; Transações no Setor Público; Registro Contábil. SUMÁRIO

Leia mais

A SEGUIR ALGUMAS DICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM PROJETO CIENTÍFICO

A SEGUIR ALGUMAS DICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM PROJETO CIENTÍFICO A SEGUIR ALGUMAS DICAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM PROJETO CIENTÍFICO DESENVOLVENDO UM PROJETO 1. Pense em um tema de seu interesse ou um problema que você gostaria de resolver. 2. Obtenha um caderno

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO QUESTIONÁRIO POR MEIO DA WEB

ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO QUESTIONÁRIO POR MEIO DA WEB ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO QUESTIONÁRIO POR MEIO DA WEB 1 Com finalidade de auxiliar nas respostas às perguntas formuladas ou de esclarecer alguma dúvida sobre questões que não foram expressas

Leia mais

[Nota: os instrumentos de alteração contratual devem conter o número de registro da sociedade no CNPJ e o número de inscrição da sociedade na OAB/ES]

[Nota: os instrumentos de alteração contratual devem conter o número de registro da sociedade no CNPJ e o número de inscrição da sociedade na OAB/ES] ... ª ALTERAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO CONTRATO SOCIAL DA SOCIEDADE DE ADVOGADOS...(nome da Sociedade)... [Nota: os instrumentos de alteração contratual devem conter o número de registro da sociedade no CNPJ

Leia mais

Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006

Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006 Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006 Serviços de Consultoria Pessoa Jurídica para a elaboração de metodologia que permita mensurar, verificar e avaliar os resultados decorrentes

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL

REGULAMENTO ELEITORAL REGULAMENTO ELEITORAL Setembro de 2012 I - DA ELEIÇÃO ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE DA FIOCRUZ - 2012 REGULAMENTO ELEITORAL Artigo 1º - A eleição do presidente da Fiocruz será autorizada e acompanhada pelo

Leia mais

RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*)

RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*) RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*) Dispõe sobre o registro de Pessoas Jurídicas nos Conselhos Regionais de Fonoaudiologia, e dá outras providências. O Conselho Federal de Fonoaudiologia-CFFa,

Leia mais

Representatividade e Participação Marden Marques Soares

Representatividade e Participação Marden Marques Soares Marden Marques Soares Brasília, 25 de abril de 2008 http://www.bcb.gov.br/?govcoop 1 Comentários preliminares Separação entre órgãos estratégicos e órgãos executivos O marco legal e regulamentar vigente:

Leia mais

DE OPINIÃO PÚBLICA PERCEPÇÃO SOBRE RESPONSABILIDADE SOCIAL

DE OPINIÃO PÚBLICA PERCEPÇÃO SOBRE RESPONSABILIDADE SOCIAL DE OPINIÃO PÚBLICA PERCEPÇÃO SOBRE RESPONSABILIDADE SOCIAL PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA CNI Presidente: Armando de Queiroz Monteiro Neto SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SESI

Leia mais