RENDIMENTO X META ATUARIAL BB PREVI RF IDKA ,00 BB PREVD RF IRF-M ,46

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RENDIMENTO X META ATUARIAL BB PREVI RF IDKA 2 1.211.884,00 BB PREVD RF IRF-M 671.325,46"

Transcrição

1 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO AGOSTO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO FAPS FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR SALVADOR DO SUL SALVADOR DO SUL CNPJ / DEMONSTRATIVO FINANCEIRO ABRIL 2015 INVESTIMENTOS DO RPPS Fundo Valor(R$) X BB PREVI RF IDKA ,00 BB PREVD RF IRFM ,46 8,00 BB PREVID RF IMA B ,99 BB PREVID. IRFM ,40 7,00 BB RPPS RF IMAB ,80 CONTA CORRENTE 34,69 6,00 5,67 BB AÇÕES PIPE ,05 BB PREV RF TP IPCA FI ,85 BB PERFIL ,32 BB RF IPCA II ,95 SUBTOTAL BANCO DO BRASIL ,51 4,00 3,62 PATRIMONIAL ,65 PREV MUN I ,89 PREV MUN II ,37 3,00 3,09 PREV IPCA ,23 MIX FIC ,58 2,001,95 BANISUL FOCO IRFM ,90 1,26 PREV MUN III ,30 BANRI IDKA2A ,77 SUBTOTAL ,46 CEF NOVO BRASIL ,66 CEF BRASIL IMA B TP RF ,10 CEF BRASIL IPCA XIII ,38 CEF Brasil Ref. DI ,98 CEF BRASIL IMA B ,35 IRF M ,40 SUBTOTAL CEF ,87 TOTAL GERAL ,84 Rendimento JAN/15 (1,26) ,55 Rendimento JUL/14 (0,8844) ,10 Rendimento FEV/15(0,96) ,63 Rendimento AGO/14 (1,9125) ,35 Rendimento MAR/15(0,83) ,61 Rendimento SET/14 (0,40) (40.188,32) Rendimento ABR/15 (1,06) ,67 Rendimento OUT/14 (1,20) ,78 Rendimento MAI/14 (2,09) ,26 Rendimento NOV/14 (1,03) ,65 Rendimento JUN/14 (0,8794) ,54 Rendimento DEZ/14 (0,19) ,75 EVOLUÇÃO DO PL Retorno Relativo (em relação a Meta Atuarial) Rendimento Real (Descontada a inflação) 7,67% 60,3 0,37% RECEITAS E DESPESAS/2015 DESCRIÇÃO RECEITAS DESPESAS Salário família Folha de Pagamento inativos Folha de pagamento pensionistas 2.330, , ,46 Contribuição patronal (14,77%) Contribuição Servidor (11%) Contribuição passivo atuarial (26,95%) Rendimentos , , , ,46 Licença Maternidade Licença Saúde 7.222, ,71 Compensação entre regimes , ,19 Prestação Despesas Administrativos , ,50 TOTAL , ,76 RECEITA LÍQUIDA (Receita Despesa) ,06 RELATÓRIO DO GESTOR O IPCA (inflação) desacelera a 0,71% em abril e fica em 8,17% em 12 meses. O índice acumulado em 12 meses (8,17%) foi um pouco maior do que nos 12 meses imediatamente anteriores (8,13%). Na reunião do dia 29/04 o Copom decidiu elevar a taxa de juros Selic Meta para 13,25% aa, e conforme a ata o Copom deixou aberto a possibilidade de novo aumento na reunião de junho. Em boa parte devido à elevação da taxa Selic, ocorreu uma queda nas taxas dos juros com vencimento mais longo, o que explica o desempenho do IMAB e do IMAG. Este movimento fundamentase na credibilidade do ajuste fiscal proposto pela equipe econômica que, se bem sucedido, abre espaço para, futuramente, o Copom volta a baixar a taxa Selic. A inclinação da curva de juros também pode estar relacionada com o retorno de capitais estrangeiros em busca de ganhos pela elevada taxa de juros. Já o PIB, produto Interno Bruto, teve sua projeção para 2015 negativo pela quarta semana consecutiva, 1,20%, e, para 2015, manteve um crescimento de 1.00%. No cenário internacional, os EUA (FOMC), decidiram manter a atual taxa de juros em curto prazo, porém há grande possibilidade que subam os juros ainda este ano. Os investimentos do RPPS fecharam com rendimento nominal de R$ ,67, que corresponde a 1,0, ante uma meta atuarial de 1,8%. Já no ano a meta atuarial acumula % ante um rendimento de %. Vale lembrar que o rendimento não é tão ruim, o que ocorre que a inflação disparou e já acumula no ano 4,5 e em 12 meses 8,17%. O rendimento é superior se comparado com a poupança no ano: rendimento dos investimentos do RPPS % e o da poupança 2,3. O patrimônio financeiro do fundo em 30/04/2015 acumula R$ ,84. A evolução do Patrimônio Líquido do FAPS em 2015 é de 7,67%, sendo que estamos cumprindo 60,3 na Meta Atuarial proposta que é de INPC + 5,75%. Para concluir, ainda que o cenário esteja agora em um momento de maior tranquilidade, os economistas dizem que há razões para continuar em um posicionamento mais criterioso das carteiras, uma vez que diversos riscos parecem adormecidos e poderiam voltar à baila a qualquer momento. Desta forma, uma vez mais acreditamos que a manutenção de uma posição mais conservadora da carteira de investimentos pode ser mais aconselhável, principalmente àquelas que já tenham acumulado boa rentabilidade no ano devido ao fechamento da curva em abril e ao excelente patamar atingido pela taxa Selic. Todas as demonstrações destes e dos demais fundos podem ser acompanhados nos gráficos em anexo. REUNIÕES DO CONSELHO: TODA TERCEIRA QUARTA FEIRA DO MÊS, 13h30min, na sala de reuniões da PM. Acompanhe também em: contas públicas Salvador do Sul, 10 de MAIO de 2015 Comitê de Investimentos Elizabeth Rosa Lutz Presidente RPPS Vitor Gilberto Kerber Gestor Recursos RPPS

2 SALDOS POR FUNDO E LIMITES RESOLUÇÃO 3922/2010 E POLÍTICA DE INVESTIMENTO ENQUADRAMENTO PELA RESOLUÇÃO 3922/10 E POLÍTICA DE INVESTIMENTOS FUNDO/CNPJ VALOR CONTA CONTÁBIL (%) INÍCIO ENQUADRADO BB IPCA II/ / , ,15 ART. 7º, VII, b, 5% do PL do FAPS CEF BRASIL IPCA XIII CRED PRIVADO/ / , ,15 SUBTOTAL ,33 2,31 BB PREVID RF IMA B5 LP / , ,58 PREV MUNICIPAL (IMA G)/ / , ,66 ART. 7 III, 20% por fundo e 80% PREV MUNICIPAL II (IMA G)/ / , ,96 em todos os fundos. PREV MUNICIPAL III (IMA B)/ / , ,68 CEF NOVO BRASIL (IMAB)/ / , ,15 ART. 7º I b, 100% do PL SUB TOTAL ,21 9,03 BB PREV RF IRF M/ / , ,80 BB RPPS RF IMA B 5+/ / , ,41 CEF IMA B 5 TP RF/ / , ,96 BB PREV IRF M1/ / , ,07 FOCO IRF M1/ / , ,03 PATRIMONIAL (IMAG)/ / , ,64 CEF FI CAIXA BRASIL IMA B TP RF/ / , ,60 BB IDKA 2/ / , ,47 FOCO IDKA2A RF , ,63 CEF IRF M1/ / , ,45 SUB TOTAL ,83 57,06 Art. 8º, inciso III, 15% do PL, pela 142 BB Ações PIPE/ / ,05 3,34 05/07/2013 política 7% do PL do FAPS SUBTOTAL ,05 3,34 CEF Brasil Referenciado DI LP/ / , ,57 BB Perfil (TPF e privados)/ / , ,08 Art. 7º, IV, Renda Fixa total 30%, BB PREVIDENCIÁRIO TP IPCA/ / , ,00 por fundo 20% Banrisul Previdência IPCA 2024/ / ,86 Banrisul Mix FIC RF LP/ / , ,76 SUBTOTAL ,73 28,27 SALDO CEF CC 404 SALDO CC 6 SALDO CC BB 34, , TOTAL GERAL ,84 Limite máximo de 25% do PL do RPPS no PL do Fundo/banco, art. 14 ÍNDICE DE REFERÊNCIA/Benchmark % RISCO IMAB 5,43 Médio alto IMAG 4,26 Médio alto IMA B 5+ 0,41 Muito alto SUBTOTAL IMA (RF MAIS VOLÁTEIS) 10,11 IMA B 5 10,54 Baixo IRFM 5,80 Alto IRFM1 28,55 Baixo IDKA 2A BANRI 0,63 Baixo IDKA 2A BB 10,47 Muito alto SUBTOTAL FUNDO RF MENOS VOLÁTEIS 55,98 IPCA + aa (Art. 7º VII Créd. Priv) 2,31 Médio IPCA + aa LP (Art. 7º IV) 5,86 Baixo RF CDI 22,41 Baixo RENDA VARIÁVEL 3,34 Muito Alto EM CC 0,0003 SUBTOTAL OUTROS 33,91 TOTAL(%) 100,00 SEGMENTO % PRÉ FIXADO 34,35 PÓS FIXADO 65,65 Salvador do Sul, 10 de MAIO de 2015 Elizabeth Rosa Lutz Presidente RPPS Vitor Gilberto Kerber Gestor Recursos RPPS

3 Fonte: Contabilidade PM Salvador do Sul DESPESAS RPPS 1993/2015 PATRIMÔNIO LÍQUIDO 1993/ , , , , , , ,00 Série , , , , , , Despesas com aposentadoria e pensões são crescentes, conforme demonstra o gráfico acima. Em 1994 já tínhamos despesas com apo sentadorias e pensões. Neste período só se arrecadava o que se gastava. O MPS incentivou os municípios a criarem os RPPS, porém não regulamentou e nem fiscalizou. Isto só aconteceu gradativamente a partir de Fonte: PM Salvador do Sul O patrimônio líquido do RPPS ainda é crescente. Chegará o momento que as despesas serão maiores que as receitas, aí começará a diminuir. Observase que no período de 1993 a 2001 não havia saldo no RPPS e no período de 1993 a 2008 as alíquotas foram baixas. Neste pe ríodo era fundamental a realização de poupança, isto é, guardar dinheiro para pagar as aposentadorias. O RPPS está pagando e vai contin uar a pagar aposentadorias e pensões de servidores para os quais não se guardou recursos. Este déficit está sendo recuperado pela alíquot a suplementar que em 2015 será de 26,95%, pvalor necessário para amortização do passivo atuarial. EVOLUÇÃO DOS RECURSOS POR BANCO DISTRIBUIÇÃO DO PL POR BANCO , , , , ,00 28% 35% , ,00 37% , , , BANCO DO BRASIL CAIXA SICREDI BANCO DO BRASIL CAIXA Distribuição dos recursos por banco e evolução por banco ano. Distribuição dos recursos por banco. RECEITAS X DESPESAS/2015 RECEITAS DESPESAS JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ NO ANO RECEITA LIQUIDA , , , , , , , , , , ,82 FUNDO CEF Brasil Ref. DI BB PERFIL MIX BB PREVID. IRFM1 CEF FI IRF M1 FOCO IRFM1 CEF IMA B 5 BB IMA B5 BB PREVI RF IDKA 2 BANRI IDKA2A BB PREVD RF IRFM CEF BRASIL IPCA XIII BB RF IPCA II BB PREV TP IPCA24 IPCA 24 /PATRIMONIAL /PREV.MUN /PREV.MUN II /PREV.MUN III CEF/NOVO BRASIL FI CAIXA BRASIL IMA B TP RF BB RPPS RF IMAB5+ BB AÇÕES PIPE CDI POUPANÇA ,06 Este gráfico demonstra mês a mês a receita e a despesa, bem como o acumulado no ano e o resultado líquido, ou seja a receita corrente líquida (receita menos a despesa) Este resultado depende muito dos investimentos realizados e dos repasses em dia por parte da PM. A medida que cresce o número de aposentados a receita líquida vai diminuir A previsão é que em 2027 a despesa começa a ser maior que a receita.

4 ABR NO MÊS DE ABRIL/15 9,93 MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ BB CEF 4,34 EXERCÍCIO 3,72 3,55 2,64 2,42 2,42 2,44 1,58 1,49 1,44 1,58 1,59 1,58 1,59 0,97 0,97 0,90 0,86 0,85 0,81 0,44 0,44 0,28 0,23 1,10 0,74 1,06 1,18 0,95 0,61 0,46 0,84 1,09 0,37 0,71 0,95 DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS PRINCIPAIS INDICADORES ECONÔMICOS EM ,44 7,32 6,32 5,90 6,18 5,75 6,61 5,91 6,48 3,81 3,84 3,68 3,50 3,55 3,54 4,62 4,61 4,44 4,31 4,42 4,99 3,81 4,06 4,38 4,25 3,78 4,29 4,84 3,63 4,71 4,56 3,80 3,05 3,16 2,36 DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS Obs. IPCA 24 inciou em março/2014 PRINCIPAIS INDICADORES ECONÔMICOS EM 12 MESES 18,13 17,85 16,94 15,98 15,38 15,27 15,56 14,67 14,30 14,76 13,65 11,46 11,62 11,14 10,70 10,84 10,80 11,87 11,68 11,47 10,35 11,80 12,18 12,25 12,56 11,40 12,44 12,19 11,09 10,56 12,04 11,48 8,58 8,92 8,17 7,19 6,16 Obs. IPCA 24 inciou em março/2014 DOS FUNDOS DE INVESTIMENTOS PRINCIPAIS INDICADORES ECONÔMICOS

5 POR BANCO ACUMULADO/2015 POR BANCO EM ,00 7,00 1,80 6,00 1,60 4,00 4,32 4,45 4,01 1,40 1,20 BB 3,00 CEF 0,80 Meta Atuarial 2,00 0,60 0,40 0,00 0,20 BB CEF JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ Rendimento acumulado no ano por banco e rendimento da carteira do RPPS comparado com a Meta Atuarial Rendimento mês/banco e rendimento da carteira do RPPS comparado com a meta atuarial E ANUAL X ACUMULADO 2 180,00 169,09 20,00 20,78 160,00 151,67 140,00 138,83 123,50 129, ,25 13,05 12,87 12,87 14,1 12,850 12,44 12,57 11,90 11,65 12,60 120,00 100,00 113,26 99,73 105,33 10,00 10,16 10,05 10,36 META 80,00 77,43 META 60,00 57,80 54,72 76,54 40,00 39,83 () ,72 20,00 37,08 26,70 24,56 12,25 10, Rendimento da Carteira do RPPS e meta atuarial por ano. Rendimento em 2012: ,65 Rendimento em 2013: ,14 Rendimento em 2014: ,03 Rendimento da Carteira do RPPS e meta atuarial acumulados. RF CDI 22% IPCA + aa LP (Art. 7º IV) DISTRIBUIÇÃO DA CARTEIRA POR ÍNDICE DE REFERÊNCIA RENDA VARIÁVEL 3% EM CC IMAB IMAG 0% 5% 4% IMA B 5+ 0% IMA B 5 11% IRFM GRAU DE RISCO DA CARETEIRA DO RPPS Muito alto 14% Alto Médio alto 10% Muito alto Alto Médio alto Médio Baixo TOTAL IPCA + aa (Art. 7º VII Créd. Priv) 2% IRFM1 29% Baixo 68% Médio 2% IDKA 2A BB 11% IDKA 2A BANRI 1% Diversificação nos diversos índices de referência conforme determina a Resolução 3922/2010. Objetivo da diversificação: 1º Segurança; 2º Liquidez e 3º Rentabilidade. Não manter mais de 30% em um único indicador. Não ficar ancorado em poucos índices. Grau de risco da Carteira do RPPS. Objetivo: Manter o patrimônio do RPPS: 1º Segurança; 2º Liquidez e 3º Rentabilidade. TOTAIS COMPENSAÇÕES RECEBIDAS E PAGAS PARCELAMENTO ANO RECEBIDO ANO RECEBIDA PAGA , , , , , , , , , , , , , , , ,07 TOTAL , , ,11 TOTAL ,17 SEGMENTO PRÉ FIXADO PÓS FIXADO 34% As tabelas acma demonstram a Compensação previdenciária recebida do Regime Geral, bem como a paga pelo RPPS ao RGPS. Também o parcelamento da dívida de 1993 a 2000 do Município de Salador do Sul com o FAPS, parcelada em 2009 e os valores pagos pelo município. PARA REFLETIR: "ALEMANHA tem 120% do PIB guardado na poupança, especialmente previdenciária. Brasil tem 23% do PIB (RPPS, PRIVADO E ABERTOS)" "Pense hoje no seu amanhã." "O sucesso dos RPPSs só dependem dos futuros administradores cumprirem a legislação e cada um fazer a sua parte" "É preciso tomar medidas de recuperação do RPPS agora para evitar um colapso lá na frente. É melhor pagar agora, pois que deixa para depois paga mais caro." 6

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO Expectativas de Mercado BACEN (17/04/2015) Pág. 2 abril de 2015 CARTEIRA DE INVESTIMENTO ATIVOS % FEVEREIRO MARÇO DISTRIBUIÇÃO POR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL Expectativas de Mercado BACEN (15/05/2015) Pág. 2 maio de 2015 CARTEIRA DE INVESTIMENTO ATIVOS % MARÇO ABRIL DISTRIBUIÇÃO POR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

Leia mais

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 01/2015 O Comitê

Leia mais

GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA RPPS PONTÃO MARÇO

GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA RPPS PONTÃO MARÇO 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO BANCO CENTRAL DO BRASIL. Focus Relatório de Mercado de 6 de março de 2015. Disponível em: http://www.bcb.gov.br/pec/gci/port/readout/r20150306.pdf.

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO-2015

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO-2015 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO- ÍNDICE DEMOSTRATIVO DAS APLICAÇÕES DA

Leia mais

FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado

FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015 BANRI FI Banrisul Mercado Credito Privado FI RF LP R$ 2.519.337,47 FI Banrisul Patrimonial FI Renda Fixa LP R$ 2.585.013,33 R$ 5.104.350,79 BB FI BB Ações Cielo Fundo de

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE VARGINHA

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE VARGINHA VALOR (R$): 900.000,00 Nº / ANO: 067/2014 Data: 03/10/2014 Descrição da APLICAÇÃO Banco do Brasil S/A Agência: 00329 - Conta Corrente nº 92.000-2 Considerando que todas as movimentações de receita e despesas

Leia mais

Santa Helena. jan/12 Aplicações Financeiro Inicial Aplicação Resgate Rendimento Total

Santa Helena. jan/12 Aplicações Financeiro Inicial Aplicação Resgate Rendimento Total Santa Helena Consultoria de Investimentos TC Consultoria de Investimentos Consultor Responsável: Diego Siqueira Santos Certificado pela CVM, Ato declaratório 11.187, de 23 de Julho de 2010 jan/12 Aplicações

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO-2015

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO-2015 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO- ÍNDICE DEMOSTRATIVO DAS APLICAÇÕES DA

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Janeiro/2015 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 31.12.14 APLICAÇÃO

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016

Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016 Este relatório atende a Portaria MPS nº 519, de 24 de agosto de 2011, Artigo 3º Incisos III e V. Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016 Carteira consolidada de investimentos - base (janeiro

Leia mais

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 Banco Fundo Investimento Valor Aplicado

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 Banco Fundo Investimento Valor Aplicado FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 BANRI FI Banrisul FOCO IDKA IPCA 2A FI RF R$ 6.186.176,29 FI Banrisul Foco IRF-M 1 FI Renda Fixa LP R$ 4.071.509,25 FI Banrisul Indice FI Ações R$ 783.031,00 FI Banrisul

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 06/2015 O Comitê

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 04/2015 O Comitê

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Maio/2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 30.04.14 APLICAÇÃO

Leia mais

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 BANRI FI Banrisul FOCO IDKA IPCA 2A FI RF R$ 6.186.176,29 FI Banrisul Foco IRF-M 1 FI Renda Fixa LP R$ 4.071.509,25 FI Banrisul Mercado Credito Privado FI RF LP R$ 4.044.608,53

Leia mais

JANEIRO de 2013. www.atuarialconsultoria.com.br

JANEIRO de 2013. www.atuarialconsultoria.com.br JANEIRO de 2013 1 ÍNDICE 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS 05 PÁG 2. INFORMAÇÕES CONTRATUAIS FUNDOS DE INVESTIMENTO 06 2.1. Fundos de Investimento do Banco do Brasil 06 2.1.1. BB Previdenciário Renda Fixa IMA

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014 Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS INTRODUÇÃO O Relatório de Gestão de Investimentos do Regime Próprio de Previdência do Município

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 07/2015 O Comitê

Leia mais

Cenário Econômico. Alocação de Recursos

Cenário Econômico. Alocação de Recursos BB Gestão de Recursos DTVM S.A. Cenário Econômico UGP- Unidade de Gestão Previdenciária BB Gestão de Recursos DTVM S. A. Alocação de Recursos setembro/2015 Outubro/2015 Cenário Econômico Economia Internacional

Leia mais

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 03/2015 O Comitê

Leia mais

CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015

CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015 Avaliação da Carteira de Investimentos Janeiro/2015 1 CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015 O ano de 2015 inicia com grandes desafios no ambiente econômico internacional, principalmente em relação as incertezas

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Março de 2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 28.02.14 APLICAÇÃO

Leia mais

PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do Instituto

Leia mais

RELATÓRIO DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS MARÇO DE 2016

RELATÓRIO DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS MARÇO DE 2016 RELATÓRIO DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS MARÇO DE 2016 Os recursos do CaraguaPrev são aplicados respeitando os princípios de segurança, legalidade, liquidez e eficiência. Neste mês a carteira de investimentos

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem como

Leia mais

RELATÓRIO 2º TRIMESTRE

RELATÓRIO 2º TRIMESTRE RELATÓRIO 2º TRIMESTRE FPMSMS FUNDO DE PREVIDÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO MATEUS DO SUL 2º TRIMESTRE 2014 ÍNDICE CENÁRIO MACROECONÔMICO ------------------------------------------------------------------ 4

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Clarice Scheit Calgaro; Atendendo a necessidade

Leia mais

POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA

POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA TIPO RENDIMENTO BANCO Nº DA CONTA SALDO ANTERIOR APLICAÇÃO RESGATE MOVIMENTAÇÃO ATUAL SALDO Conta Corrente SANTANDER 61.000.151-5

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Valmir Guedes Pereira; Atendendo a necessidade

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Novembro/2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 31.10.14 APLICAÇÃO

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Não-Me-Toque / RS AV. ALTO JACUI CENTRO (054) 3332-2600 Fax: (054) 3332-2600

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - ARROJADA MIX 40

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - ARROJADA MIX 40 BENCHMARK RF:60.00% ( 100.00%CDI ) + RV:40.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 03/11/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/11/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos 1 CENÁRIO ECONÔMICO Economia Internacional RECUPERAÇÃO Produção Industrial (total) 115.00 Revisões

Leia mais

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS Julho de RESULTADOS DOS INVESTIMENTOS Saldos Financeiros Saldos Segregados por Planos (em R$ mil) PGA PB TOTAL CC FI DI/RF FI IRFM1 FI IMAB5 SUBTOTAL CC FI DI/RF FI IRFM1 FI

Leia mais

Apresentação. (http://www.bcprevi.sc.gov.br/investimentos/pi2014.pdf).

Apresentação. (http://www.bcprevi.sc.gov.br/investimentos/pi2014.pdf). RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO: 28/02/2014 1 2 Apresentação Dentro do princípio da transparência, apresentamos o relatório da administração com a data base de 28/02/2014, prestando contas do período que se

Leia mais

Relatório Mensal. 2013 Janeiro. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

Relatório Mensal. 2013 Janeiro. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal 2013 Janeiro Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Composição da Carteira Ativos Mobiliários, Imobiliários e Recebíveis

Leia mais

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Setembro de 2015

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Setembro de 2015 RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS Setembro de 2015 1 RESULTADOS DOS INVESTIMENTOS 1.1. Saldos Financeiros Saldos Segregados por Planos (em R$ mil) DATA CC FI DI/RF PGA FI IRFM1 FI IMAB5 SUBTOTAL CC FI DI/RF FI

Leia mais

CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO

CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO NOVEMBRO DE 2013 1. Apresentação A Fundação CAGECE de Previdência Complementar CAGEPREV, criada através da Lei Estadual nº 13.313,

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Tapera / RS AVENIDA PRESIDENTE TANCREDO NEVES, 965 PROGRESSO (054) 3385-3300 Fax: (054)

Leia mais

Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos. ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG

Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos. ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG Milhares (R$) Milhões 1. Introdução O presente relatório possui o objetivo de demonstrar

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Igrejinha / RS AV. PRESIDENTE CASTELO BRANCO, 228 CENTRO (051) 3549-8600 Fax:

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013 Data: 25/07/2013. Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

INTRODUÇÃO. Todos os Direitos Reservados www.ibrama.org.br Página 2

INTRODUÇÃO. Todos os Direitos Reservados www.ibrama.org.br Página 2 FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR - FAPS JÓIA RELATÓRIO MENSAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS FEV/13 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem como os demais anexos nele constantes,

Leia mais

PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI

PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Clarice Scheit Calgaro; Atendendo a necessidade

Leia mais

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Março de 2016

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Março de 2016 RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS Março de 2016 1 RESULTADOS DOS INVESTIMENTOS 1.1. Saldos Financeiros Saldos Segregados por Planos (em R$ mil) PGA CC DI/RF IRFM1 IMAB5 SUBTOTAL 31/dez/2013 26.103,99 26.103,99

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Prefeitura Municipal de Não-Me-Toque / RS AV. ALTO JACUI CENTRO (054) 3332-2600 Fax: (054) 3332-2600 CNPJ: Complemento:

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Prefeitura Municipal de Mormaço / RS Av. Willibaldo Koenig Centro (054) 3393-1095 Fax: (054) 3393-1100 CNPJ: Complemento:

Leia mais

PROPOSTA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010

PROPOSTA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010 Secretaria da Administração do Estado da Bahia Superintendência de Previdência Diretoria de Gestão Financeira Previdenciária e Investimentos PROPOSTA DE POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010 REGIME PRÓPRIO

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Igrejinha / RS AV. PRESIDENTE CASTELO BRANCO, 228 CENTRO (051) 3549-8600 Fax:

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20 BENCHMARK RF:80.00% ( 100.00%CDI ) + RV:20.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

IPASSP-SM. Política de Investimentos

IPASSP-SM. Política de Investimentos INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA À SAÚDE DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SANTA MARIA CNPJ: 04.870.834/0001-09 IPASSP-SM Rua Venâncio Aires, 2.035, sala 106, Centro, CEP 97010-005, Santa Maria

Leia mais

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos CENÁRIOS ECONÔMICOS JUROS JUROS x INFLAÇÃO x META ATUARIAL Meta Atuarial = 6,00% + IPCA (FOCUS

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Igrejinha / RS AVENIDA PRESIDENTE CASTELO BRANCO, 228 CENTRO (051) 3545-1377 Fax: (051)

Leia mais

MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II

MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II A MUTUOPREV Entidade de Previdência Complementar - CNPJ nº 12.905.021/0001-35 e CNPB 2010.0045-74, aprovado pela portaria nº 763 de 27 de setembro

Leia mais

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX Objetivo Os investimentos dos Planos Básico e Suplementar, modalidade contribuição definida, tem por objetivo proporcionar rentabilidade no longo prazo através das oportunidades oferecidas pelos mercados

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Prefeitura Municipal de Não-Me-Toque / RS AV. ALTO JACUI CENTRO (054) 3332-2600 Fax: (054) 3332-2600 CNPJ: Complemento:

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 20/2013

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 20/2013 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 20/2013 Data: 27/11/2013. Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 20/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do

Leia mais

Performance da Renda Fixa em 2013

Performance da Renda Fixa em 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 Material produzido em junho de 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 O que tem acontecido com os investimentos em renda fixa? Nos últimos meses temos visto o mercado

Leia mais

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 4 de maio de 2015

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 4 de maio de 2015 1. Alocação recomendada para Maio de 2015 Classe de Ativo Carteira Conservadora* Carteira Moderada* Carteira Agressiva* Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Pós-Fixado

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014 14 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Meta de Rentabilidade... 3 3. Modelo

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014 Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014 : : GLOSSÁRIO Informamos algumas definições técnicas que foram apresentadas a seguir, sobre os instrumentos matemáticos e estatísticos que

Leia mais

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX Objetivo Os investimentos dos Planos Básico e Suplementar, modalidade contribuição definida, tem por objetivo proporcionar rentabilidade no longo prazo através das oportunidades oferecidas pelos mercados

Leia mais

Consultoria de investimentos para RPPS

Consultoria de investimentos para RPPS Consultoria de investimentos para RPPS (Regime Próprio de Previdência Social). www.investorbrasil.com A INVESTOR é uma empresa especializada em consultoria e implementação de soluções na área de investimentos

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Santa Luzia / MG AV VIII, 50 CARREIRA COMPRIDA (031) 3641-5268 Fax: (031) 3641-5268

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013 Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013 RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO, DESEMPENHO, RENTABILIDADE E RISCOS 1º Semestre / 2013 : : GLOSSÁRIO Informamos algumas definições técnicas que foram

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Uberaba / MG Av Dom Luiz Maria Santana 141 Merces (034) 3318-2000 Fax: (034)

Leia mais

AUTORIZAÇÃO DE APLICAÇÃO E RESGATE - APR

AUTORIZAÇÃO DE APLICAÇÃO E RESGATE - APR VALOR (R$): 542.000,00 (Quinhentos e quarenta e dois mil reais) Nº / ANO: 001/2014 Data: 15 de janeiro de 2014 Artigo 7º, I, b Descrição da Valor referente a APLICAÇÃO de recursos no Fundo de Investimentos

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Carazinho / RS AV FLORES DA CUNHA CENTRO (054) 3331-2699 Fax: (054) 3331-2699

Leia mais

Mercado Financeiro e de Capitais. Taxas de Juros Reais e Expectativas de Mercado. Gráfico 3.1 Taxa over/selic

Mercado Financeiro e de Capitais. Taxas de Juros Reais e Expectativas de Mercado. Gráfico 3.1 Taxa over/selic III Mercado Financeiro e de Capitais Taxas de Juros Reais e Expectativas de Mercado A taxa Selic efetiva totalizou 8,2% em 213 e a taxa Selic real acumulada no ano, deflacionada pelo IPCA, atingiu 2,2%.

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015 Data: 10/08/2015 Participantes Efetivos: Wagner de Jesus Soares Presidente, Mariana Machado de Azevedo Economista, Rosangela Pereira

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Ilhabela / SP RUA PREFEITO MARIANO PROCÓPIO DE ARAÚJO CARVALHO,86 PEREQUÊ (012) 3896-9200

Leia mais

ANÁLISE DE INVESTIMENTO - 005/2013 04/02/2013

ANÁLISE DE INVESTIMENTO - 005/2013 04/02/2013 ANÁLISE DE INVESTIMENTO - 005/2013 04/02/2013 DESEMPENHO DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS DOS RPPS CLIENTES DA SELF ASSESSORIA Prezados senhores Diretores e Conselheiros; Estamos enviando um parecer, analisando

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal de Investimentos Fundo Financeiro e Previdenciário Fevereiro Rio de Janeiro 2015 1 Diretoria de Investimentos Gustavo de Oliveira Barbosa Diretor Presidente

Leia mais

Performance da Renda Fixa em 2013

Performance da Renda Fixa em 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 Atualizado em outubro de 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 O que tem acontecido com os investimentos em renda fixa? Desde o começo do ano temos visto o mercado de

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX BENCHMARK 100.00%CDI Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética dos Ativos em 30/04/2015 Financeiro % PL FUNDOS

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014 Data: 29/04/2014 Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL. Joinville/SC, 29 de janeiro de 2016.

RELATÓRIO ANUAL. Joinville/SC, 29 de janeiro de 2016. RELATÓRIO ANUAL Joinville/SC, 29 de janeiro de 2016. INTRODUÇÃO: Ao final de cada ano e no seu início, renovamos votos de esperança e refletimos sobre o que fizemos e ou deixamos de fazer, é assim para

Leia mais

Extrato de Fundos de Investimento

Extrato de Fundos de Investimento São Paulo, 01 de Setembro de 2015 Prezado(a) FUNDO DE PENSAO MULTIPATR OAB 03/08/2015 a 31/08/2015 Panorama Mensal Agosto 2015 O mês de agosto novamente foi marcado por grande volatilidade nos mercados

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Recife / PE AV. CAIS DO APOLO, 925 RECIFE (081) 3355-8000 Fax: (081) 3355-8000

Leia mais

PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do Instituto

Leia mais

Síntese de set/out/nov-2014

Síntese de set/out/nov-2014 Síntese de set/out/nov-2014 23 de dezembro de 2014 Análise de Cenário O que está ruim pode piorar um pouco mais... Embora a nomeação da equipe econômica e seus primeiros discursos tenham agradado aos mercados,

Leia mais

Demonstrativo de Investimentos

Demonstrativo de Investimentos Demonstrativo de Investimentos 1º Trimestre de 2013 Este relatório é de uso exclusivo dos órgãos de administração (Diretoria, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal) da SIAS. Diretoria Administrativa

Leia mais

Extrato de Fundos de Investimento

Extrato de Fundos de Investimento São Paulo, 04 de Maio de 2015 Prezado(a) FUNDO DE PENSAO MULTIPATR OAB 01/04/2015 a 30/04/2015 Panorama Mensal Abril 2015 No cenário internacional, o mês de abril foi marcado por surpresas negativas em

Leia mais

ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS

ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS www.lemeprev.com.br ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS Aos trinta dias do mês de setembro do ano de dois mil e quatorze, reuniram na sala de reuniões da sede do LEMEPREV, situado à

Leia mais

A Rentabilidade líquida do Plano ALEPEPREV e do PGA ; Resumo de Informações sobre o Demonstrativo de Investimentos. Resumo do Exercício 2014

A Rentabilidade líquida do Plano ALEPEPREV e do PGA ; Resumo de Informações sobre o Demonstrativo de Investimentos. Resumo do Exercício 2014 Síntese dos Resultados dos Investimentos O Pl ALEPEPREV, instituído na modalidade de Contribuição Definida, obteve um desempenho muito satisfatório no de 2014. O Pl de Benefícios superou a sua meta de

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL RELATORIO GESTÃO

Leia mais

Extrato de Fundos de Investimento

Extrato de Fundos de Investimento São Paulo, 01 de Abril de 2015 Prezado(a) FUNDO DE PENSAO MULTIPATR OAB 02/03/2015 a 31/03/2015 Panorama Mensal Março 2015 Os mercados financeiros seguiram voláteis ao longo do mês de março, em especial

Leia mais

Regime Próprio de Previdência Social do município de ALTA FLORESTA - MT

Regime Próprio de Previdência Social do município de ALTA FLORESTA - MT www.atuarialconsultoria.com.br RELATÓRIO TRIMESTRAL - 04 /2014 30/01/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de ALTA FLORESTA - MT Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Valmir Guedes

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Prefeitura Municipal de Aquidauana / MS RUA LUIZ DA COSTA GOMES CIDADE NOVA (067) 3240-1400 Fax: CNPJ: Complemento: CEP:

Leia mais

Mercado Financeiro e de Capitais. Taxas de juros reais e expectativas de mercado. Gráfico 3.1 Taxa over/selic

Mercado Financeiro e de Capitais. Taxas de juros reais e expectativas de mercado. Gráfico 3.1 Taxa over/selic III Mercado Financeiro e de Capitais Taxas de juros reais e expectativas de mercado O ciclo de flexibilização monetária iniciado em janeiro, quando a meta para a taxa básica de juros foi reduzida em p.b.,

Leia mais

Relatório Mensal. 2015 Março. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

Relatório Mensal. 2015 Março. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal 2015 Março Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Composição da Carteira Ativos Mobiliários, Imobiliários e Recebíveis

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SPINELLI FIC DE FI REFERENCIADO DI CNPJ 19.312.112/0001-06 DEZEMBRO/2015

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SPINELLI FIC DE FI REFERENCIADO DI CNPJ 19.312.112/0001-06 DEZEMBRO/2015 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o Spinelli FIC de FI Referenciado DI. As informações completas sobre esse fundo podem ser obtidas no Prospecto e no Regulamento do fundo, disponíveis

Leia mais

SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013

SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013 SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013 Competências e Responsabilidades da Diretoria Administrativa e Financeira Tesouraria Pagamentos / Recebimentos Aplicações / Resgates Controles

Leia mais

Evolução Mensal da Carteira de Investimentos

Evolução Mensal da Carteira de Investimentos Evolução Mensal da Carteira de Investimentos (R$ Mil) 950.000 Período: Jan/07 - Ago/12 900.000 850.000 800.000 750.000 700.000 650.000 600.000 550.000 fev/07 abr/07 jun/07 ago/07 out/07 dez/07 fev/08 abr/08

Leia mais