IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IBM SPSS Data Collection Interviewer Server 7.0.1 User's Guide"

Transcrição

1 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

2 Nota Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 283. Informações do produto Esta edição se aplica à versão 7, liberação 0, modificação 1 do IBM SPSS Data Collection e a todas as liberações e modificações subsequentes até que seja indicado de outra forma em novas edições. Copyright IBM Corporation 2000, 2014.

3 Índice Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide Bem-vindo ao IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide O que há de novo no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Activities IBM SPSS Data Collection Interviewer Server em outros idiomas Convertendo Scripts da versão 2.3 para trabalhar com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration Introdução às atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Gerenciando seu trabalho Build Regras do Participante Participantes Ativar Promover Projeto Opções de Entrevista Participantes por Telefone Revise Entrevistas Cotas Status Resultados da pesquisa de opinião Entrevistas Exportar dados Publicar dados Monitoramento de entrevistador Administração de discador Relatórios da atividades Entrevistas Gerenciar Logs IBM SPSS Data Collection Remote Administration Histórico de ativação Ferramentas de área de trabalho Capítulo 2. Considerações sobre a política de privacidade Capítulo 3. IBM SPSS Data Collection Quota Setup Iniciando o IBM SPSS Data Collection Quota Setup 259 A janela do IBM SPSS Data Collection Quota Setup 260 Acoplando/desacoplando as áreas de janela Lista e Detalhes Alterando o layout da área de janela de lista 261 Exibindo todos os tipos de variáveis na área de janela de lista Exibindo variáveis do sistema na área de janela de lista Exibindo Variáveis de amostra na Área de janela de lista Ocultando componentes da janela do IBM SPSS Data Collection Quota Criando e abrindo arquivos de cota Desfazendo e refazendo ações Escolhendo seu idioma de trabalho Cotas de tabela Definindo cotas de tabela Criando mais de uma cota de tabela Excluindo cotas da tabela Cotas de expressão Caixa de diálogo Filtrar em variável categórica 267 Caixa de diálogo Filtrar em variável numérica 268 Caixa de diálogo Filtrar na variável de texto Caixa de diálogo Filtrar em variável booleana 269 Caixa de diálogo Filtrar em nova variável Definindo cotas de expressão Definindo cotas para variáveis categóricas Definindo cotas para variáveis numéricas Definindo cotas para variáveis de texto Definindo cotas para variáveis booleanas Cotas de expressão usando duas ou mais variáveis Expressões avançadas Editando cotas de expressão Excluindo cotas de expressão Reutilizando um arquivo de definição de cota em outro projeto Capítulo 4. IBM SPSS Data Collection Activation Console Guia Histórico de Ativação Guia Filtros Guia Configuração Capítulo 5. Guia de acessibilidade 281 Acessibilidade para usuários com deficiência visual 281 Acessibilidade para usuários cegos Considerações especiais Considerações especiais: Caixas de diálogo Considerações especiais: Interferência com outro software Avisos Informações sobre a interface de programação Marcas Comerciais Glossário A B C D E Copyright IBM Corp. 2000, 2014 iii

4 F G I L M N O P Q R S T U V Índice Remissivo iv IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

5 Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide Bem-vindo ao IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide Este Guia do usuário descreve como usar o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server e seus aplicativos associados para construir e executar questionários de entrevistas baseadas na web. Ele consiste nas seguintes seções: Seção Atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration na página 4 Ferramentas de área de trabalho na página 253 Capítulo 2, Considerações sobre a política de privacidade, na página 257 Descrição Descreve como usar as várias atividades que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server disponibiliza por meio do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. A descrição de cada atividade é baseada na ajuda online, que fica disponível ao clicar no botão Ajuda da atividade, mas ela geralmente fornecerá informações adicionais de segundo plano, imagens ou links para outras seções do Guia do usuário. Descreve os programas que não fazem parte do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, mas que estão disponíveis na área de trabalho, como atalhos no menu Iniciar ou comandos que podem ser executados a partir da linha de comandos. Informações sobre a política de privacidade do IBM SPSS Data Collection. O que há de novo no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Activities Atividade A atividade do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server apresenta novas variáveis solicitadas pelo cliente que aprimoram a atividade do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. As novas variáveis incluem o seguinte: v Validação de - Todos os s inseridos na interface com o usuário da atividade são validados com relação à propriedade do DPM ValidationExpression, configurável pelo cliente. v Cabeçalho de - Um texto de fácil e simples compreensão para o usuário agora pode ser definido para os endereços de De e Responder para no cabeçalho do . Por exemplo, é possível especificar Pesquisa de opinião do cliente como o endereço de De Os participantes veriam "de: "Pesquisa de opinião do cliente" no cabeçalho do . As sequências de texto de cabeçalho do podem ser traduzidas. Consulte Criando uma nova tarefa na página 81 para obter mais informações. v Corpo do - Agora, os usuários podem selecionar traduções existentes do corpo do ou criar novas traduções. Os usuários também recebem a opção de um editor de HTML ou de texto simples ao editar o texto do corpo da mensagem. Consulte Criando uma nova tarefa na página 81 para obter mais informações. v Seleção de participante - Um editor de consulta avançado está disponível para seleção de participante e a interface com o usuário permite que os usuários visualizem a saída da consulta. Consulte Criando uma nova tarefa na página 81 para obter mais informações. Copyright IBM Corp. 2000,

6 v Planejando s - O novo link Planejamento pode ser usado para planejar lotes de . Os lotes são enviados usando um script.mrs do Data Collection que pode ser planejado por meio do Planejador do Windows. O Assistente de planejamento de e o script.mrs, usados para enviar os s, podem ser configurados. Consulte Planejando e executando uma tarefa de na página 85 para obter mais informações. Consulte o tópico "Customizando o planejador de do Data Collection nodata Collection Developer Library para obter informações sobre a customização do planejador de s. v Rastreamento - A coluna Status foi atualizada para indicar quando um planejamento está ativo. Uma coluna Progresso, que mostra o número atual dos s enviados, foi incluída na lista Tarefas de . Consulte a seção "coluna Status" em Planejando e executando uma tarefa de na página 85 para obter mais informações. v Gerenciamento - O sistema atualiza os campos de amostra Status e Count (caso eles estejam disponíveis). Esses campos podem ser usados para controlar e gerenciar s. v Planejando tarefas de com o Planejador do Windows - O Planejador do Windows pode ser usado para planejar tarefas da atividade . Consulte o Configurando o Planejador do Windows para na página 88 para obter mais informações. v Infraestrutura atualizada - Um conjunto de tabelas SQL foram incluídas para o propósito de planejar e controlar lotes de . O modelo de objeto de , que é usado no script de envio de lote, está disponível para outros propósitos de script (caso seja necessário). Consulteo tópico "Tabelas de planejamento SQL" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações.consulte Tabelas de planejamento SQL para obter mais informações. v Modelo de Objeto de - Controla o planejamento e envio de mensagens de via atividade do Interviewer Server . Consulte o tópico "Modelo de Objeto de " no Data Collection Developer Library para obter mais informações. Atividade Administração remota v Agora, cada novo dado de sincronização do IBM SPSS Data Collection Interviewer que é coletado fica disponível aos usuários adequadamente autorizados por meio da atividade Administração remota. Isso permite que os gerentes de campo e a equipe de suporte de primeiro nível monitorem quando os entrevistadores estão sincronizando e determinem quais registros estão sendo sincronizados. Consulte IBM SPSS Data Collection Remote Administration na página 247 para obter mais informações. v A atividade Administração remota e as tabelas SQL subjacentes foram atualizadas para fornecer mais informações sobre o processo de sincronização. Para obter mais informações, consulte o tópico "IBM SPSS Data Collection Interviewer tabelas de sincronização" no IBM SPSS Data Collection Developer Library. Reinicie a partir da variável Ativar A nova variável Reiniciar a partir de Ativo fornece a capacidade de reiniciar a partir da fila ACTIVE para pesquisas de opinião da web que empreguem gerenciamento de amostra. A ativação dessa variável requer várias mudanças: v Use o Explorer do DPM para criar uma propriedade do DPM que abranja todo o site chamada TrackWebSessions em Site > Propriedades e configure seu valor como 1. v Atualize o script de gerenciamento de amostra configurando o valor RESTART_FROM_ACTIVE como True. Essas mudanças permitem que os respondentes reiniciem entrevistas ativas. No entanto, se um respondente alternar entre sessões ativas do navegador ao inserir dados, os dados do caso poderão ficar inconsistentes durante um breve período. Essa variável baseia-se na transferência de arquivos de cache para assegurar que os dados permanecem consistentes. Aprimoramentos do contador de desempenho para monitoramento de cluster Os contadores de tempo médio de resposta do monitoramento de cluster mriweb e mriengws foram atualizados para gerar a média sobre o último intervalo em vez de sobre o tempo desde o início. Agora, 2 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

7 eles são contadores do tipo PERF_AVERAGE_TIMER em vez de contadores do tipo PERF_COUNTER_RAWCOUNT. Os seguintes contadores de desempenho foram incluídos: v Transferências com falha/seg. v Total de arquivos de cache v Total de transferências com falha Consulte o tópico "Contadores de desempenho para o serviço da web do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Consulte Contadores de desepenho para o serviço da web do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para obter mais informações. Informações sobre o que há de novo nas liberações anteriores As informações sobre o que há de novo nas liberações anteriores do IBM SPSS Data Collection\ Dimensions podem ser localizadas no Data Collection\Dimensions What's New document that is located at C:\Program Files\Common Files\IBM\SPSS\DataCollection\7\Documentation\ibm_help\eclipse\ plugins\com.spss.ddl_doc\ PDF\User_Guides\Legacy_Whats_New.pdf O documento está no formato Adobe Portable Document Format (.pdf). A visualização e a impressão do documento requerem o Adobe Reader. Caso seja necessário, seu download poderá ser feito gratuitamente em Use a Ajuda online do Adobe Reader para obter respostas às suas questões sobre a visualização e a navegação do documento. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server em outros idiomas É possível exibir o aplicativo em um idioma diferente do inglês. É possível alterar o idioma a qualquer momento seguindo as instruções apropriadas abaixo. Feche o aplicativo antes de fazer essas mudanças. É possível alterar o idioma de volta para o inglês a qualquer momento ou mesmo alternar entre os idiomas suportados. Alterando o idioma de exibição 1. Abra o Internet Explorer e selecione: Ferramentas > Opções da internet 2. Clique no botão Idiomas e selecione o idioma apropriado na lista Preferência de idioma. Se o idioma desejado não for exibido na lista, clique em Incluir... e selecione o idioma no diálogo Incluir idioma. 3. Use os botões Mover para cima e Mover para baixo para controlar a preferência de ordem de idioma. O idioma no topo da lista será usado como o idioma padrão. 4. Clique em OK para salvar suas mudanças. Nota: Neste momento, os únicos idiomas suportados são inglês, francês, alemão, italiano, japonês, chinês simplificado e espanhol. Se você selecionar um idioma não suportado, o inglês será exibido como o padrão. Convertendo Scripts da versão 2.3 para trabalhar com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server A arquitetura do sistema e a linguagem de script para o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server são completamente diferentes daquelas das versões anteriores e não será possível usar normalmente os projetos da versão 2.3 diretamente com a versão Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 3

8 Atividades exportar dados, resultados da pesquisa de opinião, status e IBM SPSS Data Collection Survey Tabulation Essas atividades poderão ser usadas em projetos existentes doibm SPSS Quancept mesmo se você não tiver o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server com o suporte do IBM SPSS Quancept instalado. Questionários criados com o Build Para usar esses questionários com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server 7.0.1, faça o seguinte: 1. Abra o projeto usando Editar projeto e, na guia Propriedades, altere o valor da propriedade InterviewScriptType do IBM SPSS Quancept para o IBM SPSS Data Collection. 2. Clique no link Incluir aplicativo acima do quadro de propriedades do projeto. Na caixa de diálogo Selecionar aplicativo, escolha IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (IBM SPSS Data Collection) na lista suspensa. Isso inclui um conjunto de propriedades do projeto do IBM SPSS Data Collection no projeto. Clique em OK para salvar suas mudanças e fechar Editar projeto. 3. Abra o questionário no Build e substitua quaisquer modelos da versão 2.3 pelos modelos correspondentes da versão Reative o projeto. 5. Se você tiver o IBM SPSS Data Collection Professional instalado, será possível converter os modelos da versão 2.3 para a versão do 7.0.1, executando a ferramenta HTML Tidy neles. Consulte "Validando um arquivo de modelo de entrevista" na seção IBM SPSS Data Collection Professional do IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter detalhes. Atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration As atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server são atividades que pode ser executadas a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration quando oibm SPSS Data Collection Interviewer Server está instalado. Elas são as seguintes: Atividades de design v Build para definir um questionário. v Visualizar link da pesquisa de opinião. Esta atividade simplesmente exibe uma caixa de mensagem listando URLs para execução de entrevistas em tempo real e de teste. Selecione o link de teste para testar o questionário. Isso abre uma nova janela do navegador e executa uma entrevista da mesma maneira que um respondente executaria uma entrevista. Não há nenhuma barra de menus e nenhuma ajuda online Atividades de gerenciamento v Ativar para preparar os projetos para as entrevistas. v Promover projeto para ativar um projeto a partir de um cluster para outro. v Participantes para carregar registros de participante no banco de dados de participante. v Regras de participantes para editar scripts de Gerenciamento de amostra. v para enviar s para os respondentes. v Opções de entrevistas para definir os parâmetros necessários para entrevistas por telefone e pessoais. v Revise Entrevistas na página 163 para revisar as entrevistas por telefone, pela web e pessoais depois que elas forem concluídas. v Monitoramento de entrevistador na página 218 para monitoramento em tempo real de entrevistadores por telefone. Esta atividade está disponível no menu Telefone. 4 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

9 v v v v Administração de discador na página 232 para usar discadores automáticos com os projetos de entrevista por telefone. Esta atividade está disponível no menu Telefone. Cotas para verificar cotas e alterar metas de cota. Gerenciar Logs na página 243 para visualizar e fazer o download de arquivos de log do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Esta atividade está disponível no menu Ferramentas. Administração remota para monitorar entrevistadores remotos. Atividades de Coleta de dados v v v Participantes por telefone para a realizar entrevistas por telefone. Exportar dados para exportar dados de entrevista em uma variedade de formatos. Publicar dados para publicar dados ativos para os aplicativos de relatórios, a saber, o IBM Cognos Business Intelligence, que, por sua vez, fornece relatório, análise, marcador de desempenho e notificação de eventos no nível corporativo. Atividades de relatórios v Resultados da pesquisa de opinião para gerar tabelas de linha principal usando dados de entrevista. v Status para monitorar o status das entrevistas de um projeto. v Entrevistas para executar relatórios em projetos que usam o gerenciamento de amostra. v Relatórios da atividades Entrevistas na página 241 para monitorar a atividade em mecanismos de sessão do entrevistador. Esta atividade está disponível no menu Relatórios. v Histórico de ativação na página 251 para monitorar o status de ativação do projeto. A atividade fornece opções para visualizar as ativações pendentes e concluídas e criar filtros de histórico de ativação. Esta atividade está disponível no menu Relatórios. Notas v As seguintes atividades não suportam o Firefox 10 ou superior; você deverá usar o Microsoft Internet Explorer 8 ou superior (no modo de compatibilidade ao usar a versão 10.x) ao usar estas atividades: - Build - Tabulação de pesquisa de opinião v Por padrão, o Microsoft Windows 2008 R2 permite a configuração IE ESC (Configuração de Segurança Reforçada). Como resultado, as variáveis do editor HTML em produtos do IBM SPSS Data Collection Server podem ser bloqueadas. É possível resolver os problemas de bloqueio, desativando a configuração IE ESC (Configuração de Segurança Reforçada) no Microsoft Windows 2008 R2. Consulte a ajuda do sistema Windows 2008 R2 para obter informações sobre o IE ESC (Configuração de Segurança Reforçada). Introdução às atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Com tantas atividades disponíveis no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, pode ser difícil saber por onde começar ou saber em qual ordem usar as atividades. O fluxograma mostrado aqui descreve um fluxo de trabalho sugerido. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 5

10 Figura 1. Fluxograma de atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server O caminho usual desde a criação de um questionário até a análise dos dados é o seguinte: 6 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

11 v Construir o questionário. Crie o questionário usando a atividade Build no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Como alternativa, é possível usar o IBM SPSS Data Collection Professional ou o IBM SPSS Data Collection Author para criar o questionário. v Definir cotas. Se o projeto usar Controle de cota, será necessário definir as metas de cota para cada categoria com controle de cota. Use a atividade do IBM SPSS Data Collection Quota Setup de área de trabalho para executar isso. Essa atividade cria um arquivo.mqd que contém informações de cota, que será usado para criar os bancos de dados de cota quando o projeto for ativado. Será necessário fazer o download do arquivo.mdd do projeto no computador antes de executar o IBM SPSS Data Collection Quota Setup e, em seguida, após a conclusão, será necessário fazer o upload do arquivo.mqd recém-criado para a pasta do projeto na pasta Usuários. Se o projeto usar cotas de Gerenciamento de amostra, também será necessário fazer upload de um arquivo.mdd adicional que oibm SPSS Data Collection Quota Setup cria para manter as variáveis do Gerenciamento de amostra. Consulte o tópico Capítulo 3, IBM SPSS Data Collection Quota Setup, na página 259 para obter mais informações. v Fazer upload de registros de participante. Se o projeto usar o Gerenciamento de amostra, use Participantes para carregar alguns registros de participante para as entrevistas de teste. v Ativar o projeto no modo de Teste. Após compilar um programa de entrevistas com sucesso, será a hora de ativar o projeto no modo de Teste. Isso permite testar o questionário executando entrevistas. Esses entrevistas são sinalizadas como entrevistas de teste e podem ser excluídas ou omitidas com facilidade dos dados usados para análises de linha principal e final. Use a atividade Ativar para ativar o projeto. Nota: O Build tem opções integradas para ativar e testar questionários, que podem ser usadas no lugar das etapas correspondentes listadas aqui. v Configurar parâmetros para entrevistas por telefone. Se o projeto for usado para entrevistas por telefone, execute Opções de entrevistas para designar valores aos vários parâmetros de entrevista por telefone usados pelo script de Gerenciamento de amostra. Essa atividade também pode ser usada para customizar a lista de resultado de chamada para o projeto, para especificar quais campos nos registros de participante podem ser vistos e editados por entrevistadores e especificar que o projeto usará um discador automático para chamar os participantes. (Para obter mais informações sobre o uso discadores automáticos, consulte Administração de discador na página 232.) v Editar o script de Gerenciamento de amostra. Se houver erros no script de Gerenciamento de amostra, use as Regras do participante para fazer as correções. Se o teste mostrar que há erros no questionário ou se você desejar fazer mudanças por outros motivos, retorne ao Build (ou ao produto de autoria usado), faça as mudanças e reative o projeto. Isso poderá ser feito quantas vezes forem necessárias até que as entrevistas de teste produzam os resultados necessários. v Traduzir o questionário. Quando estiver satisfeito com o funcionamento correto das entrevistas de teste, será possível converter o questionário, caso o projeto requeira entrevistas multilíngues. O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration não possui uma ferramenta de tradução, portanto, será necessário fazer o download do arquivo.mdd no computador para que ele possa ser traduzido usando o IBM SPSS Translation Utility e, em seguida, fazer o upload do arquivo.mdd atualizado para o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration pronto para ativação. A atividade usada para fazer download e upload de arquivos entre o computador e o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration é chamada Arquivos. v Enviar convites por a possíveis participantes. Se a pesquisa de opinião permitir entrevistas de autoconclusão, será possível enviar s a possíveis respondentes convidando-os para participar da pesquisa de opinião e fornecendo instruções sobre como iniciar uma entrevista. O pode ser usado para configurar tarefas de que enviarão mensagens aos respondentes selecionados ou a todos os respondentes no arquivo de Amostra. v Ativar o projeto no modo Ativo. Isso torna o projeto disponível para entrevistas em tempo real. v Entrevistas ocorrem. Os respondentes conectam-se ao website para realizar a pesquisa de opinião como uma entrevista de autoconclusão ou os entrevistadores usam Participantes por telefone para fazer chamadas de saída a participantes potenciais. Se houver entrevistadores trabalhando remotamente Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 7

12 usando o IBM SPSS Data Collection Interviewer, será possível monitorar suas atividades executando o IBM SPSS Data Collection Remote Administration na página 247. v Revisar cotas. Quando a entrevista está em andamento, é possível manter o controle do progresso da entrevista com relação às cotas configuradas pelo projeto. As Cotas permitem verificar as cotas que foram configuradas para cada célula e alterar as respostas, se necessário. v Monitorar entrevistadores por telefone. É possível monitorar entrevistas por telefone em tempo real, para visualizar a questão que o entrevistador está fazendo atualmente earesposta que está sendo inserida. Se o projeto usar um discador automático para chamar os participantes, também será possível ouvir a entrevista. Consulte o tópico Monitoramento de entrevistador na página 218 para obter mais informações. v Monitorar status de entrevistas. É possível acompanhar o número de entrevistas que estão sendo finalizadas, com cada status, executando Status. Também é possível executar vários relatórios de entrevistas por telefone usando a atividade Entrevistas. v Monitorar a atividade do mecanismo de sessão do entrevistador. Os mecanismos de sessão do entrevistador executam entrevistas. É possível executar o Relatório de atividade de entrevista para monitorar a atividade de cada mecanismo para verificar se ele não está ficando sobrecarregado. Também é possível verificar a difusão de projetos entre os mecanismos. Você deve executar estes relatórios regularmente durante todo o tempo em que a entrevista está em andamento, pois eles podem ajudar a antecipar e a lidar com problemas de carregamento antes de eles começarem a afetar a produtividade. v Revisar Entrevistas. É possível revisar as entrevistas concluídas para verificar se os entrevistadores realizaram a pesquisa de opinião corretamente. Se necessário, será possível corrigiras respostas que o entrevistador inseriu. Consulte o tópico Revise Entrevistas na página 163 para obter mais informações. v Visualizar tabelas de linha principal. Use Resultados da pesquisa de opinião para obter uma visão rápida de como as entrevistas estão sendo processadas. É possível visualizar dados para uma única questão no questionário ou produzir tabulações cruzadas de duas ou mais questões. As tabelas podem ser filtradas com base nas respostas às questões no questionário ou no status da entrevista (por exemplo, somente incluir entrevistas concluídas). v Exportar os dados. Quando a entrevista for concluída e você desejar executar uma análise completa nos dados, use Exportar dados para exportar os dados em uma variedade de formatos para serem analisados com uma atividade da sua escolha. Consulte o tópico Exportar dados na página 199 para obter mais informações. Gerenciando seu trabalho Este tópico lista os pontos a ter em mente ao criar e trabalhar com projetos que estão sendo ou serão compartilhados com outros usuários. Para obter informações adicionais sobre estes pontos, consulte o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide. v Ao criar um novo projeto, é possível usar a guia Permissões para especificar quais funções (grupos de usuários) podem acessar o projeto. Se você se esquecer de fazer isso ou se precisar alterar as opções, solicite que o administrador do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server faça isso. v Os arquivos são criados e atualizados na pasta do usuário. Se desejar que os arquivos fiquem disponíveis para outros usuários, você deverá efetuar check-in deles na pasta compartilhada. Não há necessidade de fazer isso toda vez que você altera ou cria um arquivo, portanto, por exemplo, é possível construir um questionário usando o Build, testá-lo, refiná-lo e, em seguida, testá-lo novamente sem efetuar nenhum check-in. Após concluir a construção do questionário (ou a primeira versão dele), você deverá efetuar seu check-in novamente. v Algumas atividades efetuam check-in de cópias de arquivos a partir da pasta Usuários para a pasta Compartilhada. No entanto, é uma boa prática sempre efetuar check-in de todos os arquivos que você deseja tornar público, após concluí-los. v A primeira vez que você trabalhar em um projeto, o projeto ficará bloqueado por você. Isso significa que, embora outros usuários possam acessar os arquivos do projeto para leitura, eles não podem 8 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

13 alterá-los. Normalmente, todas as atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server ficam indisponíveis para outros usuários de um projeto quando o projeto está bloqueado por você. v Os projetos não são desbloqueados automaticamente. Você deverá desbloquear um projeto após concluir o trabalho, depois de efetuar check-in dos arquivos mais recentes. v Não desbloqueie um projeto antes de efetuar check-in de todos os seus arquivos, pois isso poderá significar que outras pessoas que usam o projeto usarão as versões antigas dos arquivos que não possuem as mudanças mais recentes. v Não mantenha um projeto bloqueado por mais tempo do que o necessário, pois isso impede que outros usuários editem os arquivos. Nota: Alguns usuários podem ter permissão para desbloquear os projetos que foram bloqueados por outras pessoas. Se você tiver essa permissão, tenha sempre muito cuidado ao desbloquear os projetos de outros usuários, principalmente se você executar atividades que alteram os arquivos do projeto. Se possível, uma boa ideia é verificar com o usuário antes de desbloquear o projeto, principalmente se você suspeitar que o usuário possa estar trabalhando no projeto e possa não ter efetuado check-in das versões mais recentes dos arquivos do projeto. Se você precisar desbloquear um projeto para trabalhar nele, sempre informe ao proprietário do projeto o que você fez. Build O Build é uma ferramenta fácil usar para construir questionários que podem ser usados com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para entrevistas baseadas na web ou com o Paper para entrevistas baseadas em papel e caneta. Ele foi projetado para questionários relativamente pequenos e simples de até 100 ou mais questões. Se desejar criar questionários maiores ou mais complexos, você deverá usar outras ferramentas como o IBM SPSS Data Collection Professional. O Build quebra a tarefa de definição de questões nos seguintes estágios: básico, avançado, apresentação e exportação e análise. Essa abordagem permite fazer um rascunho da estrutura básica do questionário sem precisar definir a estrutura e o conteúdo detalhados de cada questão, a menos que você deseje. No nível básico, você define o nome da questão (um padrão é fornecido), o texto da questão e, se apropriado, a lista de respostas que poderão ser escolhidas. O nível avançado permite concluir as definições definindo, por exemplo, os tipos de resposta para as listas de opções únicas e múltiplas ou os intervalos válidos para questões numéricas. O nível de apresentação atualmente somente se aplica aos questionários do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server e define como a questão deve aparecer na tela. O nível de exportação e análise permite definir os textos alternativos de questão e de resposta a serem usados nas tabulações. Geralmente, a tendência é usar textos mais longos nos questionários impressos ou da web, embora os textos mais curtos funcionem melhor nas análises. Outros recursos incluem: v Listas compartilhadas. As listas compartilhadas são uma forma fácil e rápida de lidar com as respostas que são comuns a várias questões. Se você colocar as respostas em uma lista compartilhada, será possível inseri-las em qualquer número de questões simplesmente selecionando o nome da lista. Não há necessidade de digitar novamente os textos de resposta ou copiar e colar as respostas entre as questões. v Marcadores. Os marcadores identificam posições específicas em um questionário com nomes exclusivos e são úteis em questionários grandes com requisitos de roteamento complexos. v Códigos de saída. É possível finalizar uma entrevista imediatamente e por qualquer motivo, especificando um código de saída de sua escolha. Um exemplo típico é com o controle de cota quando, geralmente, você desejará finalizar a entrevista se o respondente pertencer a uma categoria cuja cota já tenha sido atingida. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 9

14 v v v v v v Grupos. As questões podem ser agrupadas para serem todas exibidas em uma única página quando o questionário for usado para entrevistas baseadas na web com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (Às vezes, essas questões são chamadas de questões multiask). Gotos. As questões são apresentadas na ordem em que aparecem no questionário. É possível definir o roteamento simples para opções individuais dentro de uma lista de respostas. Também é possível usar os itens Se...Goto para especificar instruções de roteamento mais complexas baseadas em combinações de respostas para uma ou mais questões. O roteamento que deve ser seguido por todos os respondentes pode ser definido usando um item de Goto padrão. Arquivos de biblioteca. As questões que são comuns a vários questionários podem ser salvas na biblioteca e podem ser importadas para onde forem necessárias. Instruções de script para a seção Roteamento. Os questionários possuem duas seções. A seção Metadados define as questões e a seção Roteamento determina como e quando as questões serão exibidos. O Build cria uma seção Roteamento simples com base na ordem em que as questões foram definidas no questionário, mas, provavelmente, você também desejará inserir outras instruções na seção Roteamento. O Build fornece os itens Script IOM e Inserir a partir da biblioteca de itens para inserção de código na seção Roteamento do questionário. Visualização de impressão. É possível exibir uma imagem do questionário impresso. Opções de usuário e questionário. É possível configurar padrões para determinados parâmetros do Build, tanto para si quanto para questionários específicos. Os questionários são armazenados como arquivos.mdd e podem ser traduzidos para entrevistas multilíngues. É possível configurar um idioma principal padrão para todos os questionários ou definir o idioma principal separadamente para cada questionário durante sua criação. Ao criar um questionário de entrevista ou imprimir um questionário, este será o idioma usado se não houver traduções disponíveis. Usando o Build com e sem o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration O Build pode ser executado a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration ou como um programa independente fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Ao executar o Build a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, o projeto atual será aberto automaticamente ao selecionar o link do Build e somente será possível trabalhar neste projeto. Se desejar trabalhar em outro projeto, você deverá fechar o Build, retornar ao IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration para escolher o projeto e, em seguida, reiniciar o Build. Se você for um Gravador de script, esta será a maneira que você usará o Build normalmente. Quando você executar o Build digitando sua URL no navegador, o Build será iniciado sem nenhum projeto selecionado, portanto, será possível abrir um questionário existente ou criar um novo. Se você for um administrador, essa será a maneira de criar arquivos de biblioteca de questões gerais que poderão ser carregados em qualquer projeto. Consulte o tópico Executando o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration na página 45 para obter mais informações. Essa diferença na maneira em que o Build funciona significa que as opções disponíveis no menu Arquivo serão diferentes de acordo com a maneira de iniciar o Build. Alternando entre o Build e o IBM SPSS Data Collection Professional Os questionários podem ser criados e editados no IBM SPSS Data Collection Professional e também no Build, e é possível alternar entre os aplicativos ao trabalhar em um único questionário. Consulte o tópico Alternando entre o Build e o IBM SPSS Data Collection Professional na página 41 para obter mais informações. Iniciando o Build Para Iniciar o Build de dentro do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration 1. Escolha o projeto que deseja criar e clique em Build. 10 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

15 Para Iniciar o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration 2. No navegador, digite: A tela principal A área de trabalho da tela principal é dividida em cinco seções com guias, cada uma projetada para apresentar diferentes aspectos do questionário. Guia Visão geral. Exibe o conteúdo de cada questão no questionário e fornece recursos para inserir, excluir e movimentar questões. Também é possível usar esta guia para selecionar as questões para edição e para vincular duas ou mais questões para formar um grupo. Guia Editar. Exibe os detalhes básicos (geralmente nome, texto e opções) sobre uma única questão. Use esta guia para criar o conteúdo básico do questionário e, em seguida, inserir mais detalhes, trabalhando na guia Avançado. Guia Avançado. Exibe os detalhes completos para uma única questão e fornece recursos para definir o roteamento, especificar se uma questão deve ser respondida, se é uma questão padrão ou simulada e a ordem na qual as respostas devem ser exibidas durante as entrevistas. Para grades, você também especifica se o assunto são as linhas ou as colunas da grade. Para numéricos, você especifica o intervalo de respostas válidas. Guia Apresentação. Exibe os detalhes da apresentação sobre uma única questão. Trabalhe nesta guia quando desejar definir como a questão deverá aparecer na tela ou na página impressa. Guia Exportação/Análise. Exibe os valores de exportação para uma questão, incluindo o texto do rótulo e os valores de categoria (códigos de resposta). Use esta guia quando desejar exportar o questionário para propósito da análise, mas não desejar usar os textos e códigos de resposta padrão. Em todas as guias, se você passar o mouse sobre um nome de questão na lista de questões à esquerda da página, o Build exibirá um pop-up mostrando o texto da questão. A barra de menus na parte superior da tela contém as seguintes opções: Arquivo. Criar, abrir ou salvar questionários e visualizá-los antes da impressão. Ferramentas. Ativar um questionário e configurar as opções do Build. Introdução Ao abrir um questionário vazio, siga as instruções abaixo para definir o conteúdo do questionário. Nota: Estas instruções assumem que você definirá cada questão por completo antes de inserir a próxima questão. Se preferir, é possível definir as bases para todas as questões apenas usando a guia Editar e, em seguida, preencher os detalhes Avançado e Apresentação para cada questão como uma segunda fase do desenvolvimento do questionário. 1. Clique em Clique aqui para inserir o primeiro item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha o tipo de item para a primeira questão e clique em OK. O Build seleciona a guia Editar e exibe um formulário solicitando informações básicas sobre o item. Os campos no formulário variam dependendo do tipo de item que está sendo criado, mas sempre incluem um nome do item e, para questões, um texto da questão. 3. Preencha os campos no formulário. 4. Clique na guia Avançado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 11

16 A definição de formulário de item aparece no formato mais detalhado, mostrando outras configurações que podem ser definidas para o item atual. Alguns tipos de item não possuem configurações avançadas e, nestes casos, o formulário que aparecerá será o mesmo que apareceu quando o item foi criado. Geralmente, somente será necessário configurar opções avançadas para resposta única, respostas múltiplas, questões numéricas e de grade. 5. Na guia Apresentação, especifique como a questão deve ser exibida durante a entrevista. 6. Retorne à guia Editar e clique em Inserir item quando estiver pronto para iniciar a próxima questão. Nota: O Build salva as mudanças no item atual ao mover para outro item, portanto não existe o recurso Salvar. No entanto, se você estiver fazendo várias mudanças em um item, será possível clicar em Aplicar para salvar as mudanças feitas até agora. Nomes do item O Build gera um nome exclusivo para cada item inserido no questionário. Se você inserir itens a partir de um arquivo de biblioteca e um item no arquivo de biblioteca tiver o mesmo nome que um item que já exista no questionário, o Build modificará o nome do item de entrada automaticamente para que ele permanece exclusivo dentro de todo o questionário. Será possível definir seus próprios nomes do item, se desejar. Os nomes devem ser exclusivos e não devem corresponder a nenhuma palavra-chave na linguagem de Script de entrevista e a nenhuma das palavras-chave SQL listadas abaixo. (A linguagem de Scrip de entrevista é aquela usada para criar scripts de questionário quando o Build não é usado. Ela consiste em mrscriptmetadata e mrscriptbasic.) Incluir Por Desc. Para Selecionar Valor Todos Categórico Dobro Nível Conjunto Valores Alterar Coluna Descartar Longo Stdev Em que Como Contagem Executável Máx. Soma Com Asc Criar De Mín. Tabela Méd. Data Grupo Objeto Texto Base Padrão Tendo Em Truncar Booleano Excluir Inserir Ordem Atualizar Configurando opções de usuário e questionário É possível configurar opções para todas as sessões do Build e para todo o trabalho executado no questionário atual. Isso permite aperfeiçoar o trabalho, fazendo com que o Build execute grande parte do trabalho básico. As opções a seguir podem ser configuradas. Opções do usuário Estilo de apresentação padrão para novos questionários. O arquivo de modelo de layout de página a ser usado para exibir questões durante as entrevistas com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, quando não houver outros modelos definidos no questionário. Estilo de grade padrão para novos questionários. O arquivo de modelo de layout de grade a ser usado para as questões de grade durante as entrevistas com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, quando não houver outros modelos definidos no questionário. Idioma principal para novos questionários. O idioma que será usado como o idioma principal padrão (base) para todos os novos questionários que você criar. 12 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

17 Opções do questionário atual Idioma principal. O idioma principal (base) para o questionário atual. O Build exibe isso na parte superior das guias Editar, Avançado e Apresentação. Estilo de apresentação padrão. O arquivo de modelo de layout de página a ser usado como o padrão para todas as questões no questionário atual. Para designar um modelo diferente para uma questão específica, selecione-o usando a guia Apresentação da questão. Prompt de resposta. O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server solicita respostas numéricas e de texto usando a palavra Resposta. Para usar um prompt diferente para o questionário atual, selecione o botão de opções próximo à caixa de texto vazia e digite o prompt na caixa. Para configurar opções 1. Escolha: Ferramentas > Opções Isso abre a caixa de diálogo Opções. 2. Escolha ou configure as opções que deseja usar como padrão. 3. Clique em OK. Opções de exibição para a guia Visão geral A guia Visão geral exibe uma listagem resumida de todas as questões no questionário e suas listas de resposta. Embora seja útil, essa listagem pode ficar um pouco pesada em questionários com muitas questões ou nos quais as questões possuem listas longas de resposta única ou de respostas de múltipla escolha. A caixa de opções Exibir no canto superior direito da guia permite reduzir a quantia de detalhes exibidos para aumentar o número de questões visíveis por página. Há três opções: questão completa, nome e texto da questão ou nome da questão. A opção escolhida se tornará a padrão para sessões futuras. A configuração escolhida para a guia Visão geral não afeta as outras guias. Se a guia Visão geral somente exibir nomes de questão, ainda aparecerá todo texto da questão e a lista de respostas completos ao alternar para a guia Editar ou Avançado. Da mesma forma, ela não afeta outras ações, como agrupar questões, que são executadas na Visão geral. Para configurar opções de exibição 1. Em Opções de exibição, escolha a configuração que deseja usar e clique em Aplicar. Visualizando o questionário impresso 1. Escolha: Arquivo > Visualização de impressão Uma nova janela do navegador é aberta usando o IBM SPSS Data Collection Questionnaire Viewer para ilustrar como o questionário ficará quando impresso. Consulte IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter informações adicionais sobre o IBM SPSS Data Collection Questionnaire Viewer. Ele está disponível como um download gratuito em Fluxograma do processo Este fluxograma sumariza os processos que são executados ao trabalhar em um questionário usando o Build e mostra a movimentação de arquivos entre as pastas Usuários, Compartilhada e Principal. Explicações adicionais são fornecidas abaixo do fluxograma. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 13

18 Figura 2. Fluxograma de processo do Build Embora o Build trabalhe principalmente com arquivos localizados na pasta Usuários do projeto, às vezes, ele usará arquivos correspondentes da pasta Compartilhada (quando os arquivos necessários não estiverem disponíveis na pasta Usuários). Quando a Pasta compartilhada é usada, os arquivos são copiados da pasta Usuários para a pasta Compartilhada. Na seção superior do fluxograma, somente os arquivos nomeados são copiados da pasta Compartilhada para a pasta Usuários. Os arquivos de modelo ou de imagem usados pelo questionário e armazenadas na pasta Compartilhada não são copiados para a pasta Usuários. A atividade Arquivos pode ser usada para copiar (efetuar check-out) os arquivos da pasta Compartilhada para a pasta Usuários. Durante a ativação, o arquivo.mdd será copiado da pasta Usuários para a pasta Compartilhada se esta for a primeira ativação, caso contrário, a versão atual na pasta Usuários será mesclada com o arquivo 14 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

19 existente na pasta Compartilhada. Todos os outros arquivos necessários para as entrevistas são copiados, sobrescrevendo qualquer arquivo existente com o mesmo nome. Quando os arquivos são copiados entre as pastas Compartilhada e Usuários seus status são definidos como Retirados. Se o projeto estiver bloqueado, os arquivos na pasta Compartilhada não estarão acessíveis para ninguém mais. Depois de desbloquear o projeto, os arquivos na pasta Compartilhada ficarão disponíveis para outros usuários e poderão ser retirados por esses usuários, mesmo se os arquivos ainda estiverem presentes na pasta Usuários. A palavra "Retirado" significa simplesmente que os arquivos estão presentes na área Compartilhada e na pasta Usuários. Não significa que você tem acesso exclusivo aos arquivos na pasta Compartilhada. Após concluir o trabalho em um projeto, você sempre deverá efetuar check-in de todos os arquivos e, em seguida, desbloquear o projeto. Saindo do Build 1. Clique no botão Início. Isso fecha a sessão e retorna ao IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Não feche o navegador com o Build ainda em execução, pois isso deixará o arquivo de definição do questionário aberto e indisponível para outros usuários até que o Build atinja o tempo limite. Criando questões Questões: O Build suporta os seguintes tipos de questão: v Resposta única e múltipla v Numérico v Texto v Grades de resposta única e múltipla v Grades numéricas Ela também suporta Listas compartilhadas como um método eficiente de definir as respostas que são comuns a um certo número de questões e Exibir itens de texto para definir o texto instrutivo e outros que não sejam da questão que você deseje incluir no questionário. O Build possui sua própria biblioteca de questionário que é fornecida com um certo número de questionários padrão que podem ser usados ou modificados, conforme o necessário. Também é possível incluir seus próprios questionários na biblioteca. Consulte o tópico Usando a biblioteca de questionário na página 27 para obter mais informações. Questões de resposta única e múltipla: As questões de resposta única e múltipla (também conhecidas como questões categóricas) possuem um conjunto predefinido de respostas a partir do qual as escolhas podem ser feitas. O Build fornece opções separadas para criar questões de resposta única e de respostas múltiplas e você deve escolher a opção que corresponde aos tipos de respostas que deseja permitir. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 15

20 É possível filtrar a lista de respostas para que, durante as entrevistas, somente as respostas que foram ou não foram mencionadas na questão anterior sejam exibidas. Isto é útil principalmente para questões de reconhecimento espontâneo e prontidão nas quais você somente deseja solicitar as respostas que não foram mencionadas espontaneamente. Em uma questão de respostas múltiplas, é possível sinalizar algumas das respostas como resposta única, por exemplo, se houver uma resposta "Nenhum acima". Se a lista de respostas contiver uma resposta "Outro", os respondentes também poderão fornecer respostas que não estejam na lista predefinida. É possível associar figuras às respostas. Elas podem estar em um dos seguintes formatos: gif, jpg, jpeg, png ou bmp. Ao exportar questões categóricas, o processo de exportação exporta os textos de questão e resposta exatamente como aparecem no questionário. Às vezes, você desejará usar textos diferentes na análise do que os usados durante a entrevista. Um exemplo típico é o texto da questão no qual a tendência é usar uma abordagem mais elaborada nas entrevistas do que na análise, por exemplo, "Qual é a sua opinião geral do produto?" em vez de simplesmente "Opinião geral". As respostas categóricas são exportadas como códigos numéricos, onde os códigos são designados às respostas na ordem em que aparecem no questionário. A primeira resposta é o código 1, o segundo é o código 2 e assim por diante. A numeração é sequencial e começa em 1 para cada questão. Para criar uma questão de resposta única ou múltipla 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha Questão de resposta única ou Questão de respostas múltiplas e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 4. Em Texto da questão, digite o texto da questão. 5. Em Respostas, digite o texto da resposta, um por linha. Consulte Limites de questão para obter informações sobre o número máximo de respostas que podem ser colocadas em uma lista. Para configurar opões avançadas 6. Selecione a guia Avançado. v Em Requer uma resposta para esta questão, escolha se essa questão deve ser respondida ou não. Nota: Se uma questão puder ser deixada sem resposta e você não inserir uma resposta Sem resposta na lista de categoria, o Build inserirá uma automaticamente. Isso ocorre porque o script de entrevista gerado a partir do questionário do Build exige isso para que respondentes possam clicar em Avançar sem precisar selecionar uma resposta. (A categoria Sem resposta não aparecerá até que a tela seja atualizada, por exemplo, ao mudar de guia. Neste ponto, o Build também exibirá uma mensagem informando que incluiu Sem Resposta.) Se você configurar essa opção como Sim e, posteriormente, editar a questão e alterar essa opção para Não, o Build não removerá Sem Resposta automaticamente. Se desejar desaprovar a resposta Sem resposta, deverá excluí-la manualmente. v Em Ocultar esta questão, escolha Não se a questão precisar ser exibida para o respondente. Se essa for uma questão simulada que deva existir no questionário, mas não deva ser exibida para os respondentes, escolha Sim. (Geralmente, as respostas para questões ocultas são definidas pelas instruções definidas em itens de Script IOM. Elas fornecem um método eficiente para mesclar as respostas a uma série de questões relacionadas em uma única variável a ser usada qualquer lugar no questionário. Por esse motivo, a lista de respostas para a questão oculta geralmente consiste em todas as respostas para as questões que devem ser mescladas.) Nota: Como elas não são exibidas, as questões ocultas não são válidas em grupos de questão. 16 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

21 v Em Tipo de questão, escolha se esta é uma questão de resposta única ou múltipla. Por padrão, a configuração dessa propriedade corresponde ao tipo de dados do item selecionado para criar esta questão, ou seja, se você escolheu Resposta única, Resposta única será selecionado automaticamente para esta propriedade. Somente será necessário alterar esta configuração se você desejar alterar o tipo de questão depois que a questão for definida. A mudança do tipo de questão aqui, altera o tipo de questão geral no questionário e também altera todos os tipos de resposta individual na lista de respostas. v Em Ordem de resposta, escolha a ordem na qual as respostas devem ser apresentadas. Escolha Padrão para apresentar as respostas na ordem em que aparecem na lista de respostas, Aleatória para apresentar as respostas em uma ordem aleatória, Rotativa para apresentar as respostas em rotação, de modo que cada resposta tenha a sua vez de ser a primeira da lista, ou Reversa para apresentar as respostas na ordem reversa, de modo que a última resposta na lista apareça primeiro. v Use as caixas Exibir respostas se desejar filtrar a lista de respostas com base nas respostas do respondente às questões anteriores relacionadas. Na primeira caixa, escolha dos seguintes: Todas as respostas, Escolhidas ou Não escolhidas. Na segunda caixa, escolha a questão cuja resposta controla as respostas a serem exibidas para a questão atual. Quando solicitado, confirme que as respostas definidas para a questão escolhida (ou a questão pai) podem sobrescrever a lista de respostas da questão atual. Nota: Este recurso requer que a lista de respostas da questão atual permaneça idêntica à lista de respostas da questão escolhida. Para conseguir isso, o Build torna somente leitura (esmaecida) a lista de respostas para a questão atual e impede que você a altere. Todas as mudanças feitas na lista de respostas na questão pai aparecerão automaticamente na lista de respostas da questão atual. v Na seção Respostas, na coluna Tipo, escolha um entre Resposta única, Respostas múltiplas, Não sabe, Sem resposta ou Recusa responder para cada resposta. 7. Se uma resposta precisar ser tratada como uma resposta Outro Especificado, clique na caixa de seleção Outro. Durante as entrevistas, os respondentes podem selecionar essa resposta para fornecer uma resposta que não apareça na lista de categorias. 8. Para definir o roteamento para uma resposta, selecione o destino de roteamento da lista suspensa GoTo dessa resposta. (Se desejar avançar no questionário, você deverá definir a questão para a qual deseja rotear, antes que seja possível selecioná-la na lista suspensa.) v Para associar uma figura a uma resposta, faça o seguinte: Clique no botão à direita da caixa Figura para essa resposta. Na página Selecionar, localize o arquivo de imagem e, em seguida, clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo de imagem é exibido na caixa Figura. 9. É possível incluir novas respostas na lista, excluir respostas ou alterar a ordem das respostas na lista usando as opções acima da lista de respostas. Consulte o tópico Editando listas de resposta e assunto na página 38 para obter mais informações. Para configurar opções de apresentação 10. Selecione a guia Apresentação. v No Estilo de apresentação, selecione um modelo de layout: Clique no botão próximo à caixa vazia. Na página Selecionar, localize o arquivo de modelo e clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo aparece na caixa Estilo de apresentação. 11. Em Número de colunas, digite o número de colunas para exibir as respostas durante a entrevista. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 17

22 12. Em Apresentação, escolha entre Caixa de seleção e Caixa de listagem. Se você estiver criando uma questão de resposta única, a lista de seleção também incluirá Caixa suspensa. Para configurar opções de exportação e análise 13. Selecione a guia Exportação/Análise. 14. Em Rótulo da variável, digite o texto que deseja usar como o rótulo de variável no lugar do texto da questão. 15. Em Rótulo de categoria, faça as mudanças desejadas nos textos de resposta. 16. Em Valor de exportação, digite o código que deseja usar para representar cada resposta. 17. Marque a caixa de seleção Configurar como ausente para cada resposta que deseja tratar como dados ausentes. v Para definir os fatores a serem usados quando os dados do questionário forem tabulados, digite um número na caixa Fator para cada resposta. Os fatores podem ser valores positivos ou negativos, reais ou inteiros. Questões numéricas: As questões numéricas exigem respostas que sejam números inteiros ou números reais, opcionalmente dentro de um intervalo especificado. Ao exportar questões numéricas, o processo de exportação exporta os textos de questão exatamente da forma em que aparecem no questionário. Às vezes, você desejará usar textos diferentes na análise do que os textos usados durante a entrevista. Por exemplo, em uma entrevista, você perguntará "Quantos anos você tem?", mas nas tabulações, você poderá preferir o texto "Idade" ou "Idade do respondente". Para criar uma questão numérica 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha Questão numérica e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 4. Em Texto da questão, digite o texto da questão. Para configurar opões avançadas 5. Selecione a guia Avançado. v Em Requer uma resposta para esta questão, escolha se essa questão deve ser respondida ou não. Nota: Se uma questão puder ser deixada sem resposta e você não inserir uma resposta Sem resposta na lista de categoria, o Build inserirá uma automaticamente. Isso ocorre porque o script de entrevista gerado a partir do questionário do Build exige isso para que respondentes possam clicar em Avançar sem precisar selecionar uma resposta. (A categoria Sem resposta não aparecerá até que a tela seja atualizada, por exemplo, ao mudar de guia. Neste ponto, o Build também exibirá uma mensagem informando que incluiu Sem Resposta.) Se você configurar essa opção como Sim e, posteriormente, editar a questão e alterar essa opção para Não, o Build não removerá Sem Resposta automaticamente. Se desejar desaprovar a resposta Sem resposta, deverá excluí-la manualmente. v Em Ocultar esta questão, escolha Não se a questão precisar ser exibida para o respondente. Se essa for uma questão simulada que deva existir no questionário, mas não deva ser exibida para os respondentes, escolha Sim. (Geralmente, as respostas para questões ocultas são definidas pelas instruções definidas em itens de Script IOM. Elas fornecem um método eficiente para mesclar as respostas a uma série de questões relacionadas em uma única variável a ser usada qualquer lugar no questionário. Por esse motivo, a lista de respostas para a questão oculta geralmente consiste em todas as respostas para as questões que devem ser mescladas.) 18 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

23 Nota: Como elas não são exibidas, as questões ocultas não são válidas em grupos de questão. v Em Tipo de número, selecione Número inteiro ou Real dependendo do tipo de resposta numérica que deseja aceitar. v Nas caixas Valor mínimo e Valor máximo, digite o intervalo de valores a serem aceitos como respostas válidas. Consulte Limites de questões para obter informações sobre o intervalo de valores que pode ser usado para respostas numéricas. v Se desejar permitir "Sem resposta", "Não sei" ou "Recusa a responder" como respostas especiais para esta questão, faça o seguinte: Em Respostas especiais, selecione as respostas que deseja permitir. Se desejar que uma resposta seja exibida com um texto diferente do mostrado nesta guia, digite o texto na caixa de Texto. Para definir o roteamento para uma resposta especial, selecione o destino de roteamento na lista suspensa GoTo dessa resposta. (Se desejar avançar no questionário, você deverá definir a questão para a qual deseja rotear, antes que seja possível selecioná-la na lista suspensa.) Para configurar opções de apresentação 6. Selecione a guia Apresentação. v No Estilo de apresentação, selecione um modelo de layout: Clique no botão próximo à caixa vazia. Na página Selecionar, localize o arquivo de modelo e clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo aparece na caixa Estilo de apresentação. Para configurar opções de exportação e análise 7. Selecione a guia Exportação/Análise. 8. Em Rótulo da variável, digite o texto que deseja usar como o rótulo de variável no lugar do texto da questão. Questões de texto: As questões de texto aceitam qualquer resposta. Ao exportar questões de texto, o processo de exportação exporta os textos de questão exatamente como eles aparecem no questionário. Às vezes, você desejará usar textos diferentes na análise do que os textos usados durante a entrevista. Por exemplo, em uma entrevista, você perguntará "Qual é o seu nome?", mas nas tabulações, você poderá preferir o texto "Nome" ou "Nome do respondente". Para criar uma questão de texto 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha Texto e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 4. Em Texto da questão, digite o texto da questão. Para configurar opões avançadas 5. Selecione a guia Avançado. v Em Requer uma resposta para esta questão, escolha se essa questão deve ser respondida ou não. Nota: Se uma questão puder ser deixada sem resposta e você não inserir uma resposta Sem resposta na lista de categoria, o Build inserirá uma automaticamente. Isso ocorre porque o script de entrevista gerado a partir do questionário do Build exige isso para que respondentes possam clicar Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 19

24 em Avançar sem precisar selecionar uma resposta. (A categoria Sem resposta não aparecerá até que a tela seja atualizada, por exemplo, ao mudar de guia. Neste ponto, o Build também exibirá uma mensagem informando que incluiu Sem Resposta.) Se você configurar essa opção como Sim e, posteriormente, editar a questão e alterar essa opção para Não, o Build não removerá Sem Resposta automaticamente. Se desejar desaprovar a resposta Sem resposta, deverá excluí-la manualmente. v Em Ocultar esta questão, escolha Não se a questão precisar ser exibida para o respondente. Se essa for uma questão simulada que deva existir no questionário, mas não deva ser exibida para os respondentes, escolha Sim. (Geralmente, as respostas para questões ocultas são definidas pelas instruções definidas em itens de Script IOM. Elas fornecem um método eficiente para mesclar as respostas a uma série de questões relacionadas em uma única variável a ser usada qualquer lugar no questionário. Por esse motivo, a lista de respostas para a questão oculta geralmente consiste em todas as respostas para as questões que devem ser mescladas.) Nota: Como elas não são exibidas, as questões ocultas não são válidas em grupos de questão. v Se desejar permitir "Sem resposta", "Não sei" ou "Recusa a responder" como respostas especiais para esta questão, faça o seguinte: Em Respostas especiais, selecione as respostas que deseja permitir. Se desejar que uma resposta seja exibida com um texto diferente do mostrado nesta guia, digite o texto na caixa de Texto. Para definir o roteamento para uma resposta especial, selecione o destino de roteamento na lista suspensa GoTo dessa resposta. (Se desejar avançar no questionário, você deverá definir a questão para a qual deseja rotear, antes que seja possível selecioná-la na lista suspensa.) Para configurar opções de apresentação 6. Selecione a guia Apresentação. v No Estilo de apresentação, selecione um modelo de layout: Clique no botão próximo à caixa vazia. Na página Selecionar, localize o arquivo de modelo e clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo aparece na caixa Estilo de apresentação. 7. Em Largura e Altura, insira as dimensões da caixa de resposta em caracteres. Para configurar opções de exportação e análise 8. Selecione a guia Exportação/Análise. 9. Em Rótulo da variável, digite o texto que deseja usar como o rótulo de variável no lugar do texto da questão. Questões de grade de resposta única e múltipla: As questões de grade são uma maneira eficiente de perguntar a mesma questão sobre vários tópicos relacionados. A questão é exibida em um formato tabular ou de grade, com as subquestões (assuntos) formando uma dimensão da grade e as respostas formando a outra. Um exemplo típico de uma grade de resposta única/múltiplaresposta grade é uma questão que solicita que os respondentes para classifiquem um número de produtos em uma escala de Excelente para Muito fraco. O Build fornece opções separadas para criar grades de resposta única e de múltiplas respostas, mas também será possível alterar o tipo de resposta para respostas individuais dentro de uma grade, se desejar. 20 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

25 É possível filtrar a lista de respostas para que, durante as entrevistas, somente as respostas que foram ou não foram mencionadas na questão anterior sejam exibidas. Isto é útil principalmente para questões de reconhecimento espontâneo e prontidão nas quais você somente deseja solicitar as respostas que não foram mencionadas espontaneamente. Em uma grade de respostas múltiplas, é possível sinalizar algumas das categorias como resposta única por exemplo, se houver uma categoria "Nenhuma das acima". É possível associar figuras às respostas. Elas podem estar em um dos seguintes formatos: gif, jpg, jpeg, png ou bmp. Ao exportar questões da grade, o processo de exportação exporta os textos de questão e resposta exatamente como eles aparecem no questionário. Às vezes, você desejará usar textos diferentes na análise do que os usados durante as entrevistas. Um exemplo típico é o texto da questão no qual a tendência é usar uma abordagem mais elaborada nas entrevistas do que na análise, por exemplo, "Qual é a sua opinião geral do produto?" em vez de simplesmente "Opinião geral". Os rótulos de variáveis para os assuntos da grade consistem no texto do assunto seguido por dois pontos e, em seguida, o texto da questão principal. Por exemplo, se o texto da questão principal for "Qual é sua opinião geral sobre os produtos?" e os produtos forem marcas diferentes de sabão em pó, os rótulos de variáveis para cada produto seriam assumidos como "Washo:Qual é a sua opinião geral dos produtos?", "Suds:Qual é a sua opinião geral dos produtos?"e assim por diante. Provavelmente esses textos não são os que você deseja ver nas tabelas. Para criar uma questão de grade de resposta única/múltipla 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha Grade de resposta única ou Grade de respostas múltiplas e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 4. Em Assuntos da questão, digite os assuntos sobre os quais deseja perguntar. 5. Em Respostas, digite os textos de resposta, um por linha. Consulte Limites de questão para obter informações sobre o número máximo de respostas que podem ser colocadas em uma lista. Para configurar opões avançadas 6. Selecione a guia Avançado. v Em Requer uma resposta para esta questão, escolha se essa questão deve ser respondida ou não. Nota: Se uma questão puder ser deixada sem resposta e você não inserir uma resposta Sem resposta na lista de categoria, o Build inserirá uma automaticamente. Isso ocorre porque o script de entrevista gerado a partir do questionário do Build exige isso para que respondentes possam clicar em Avançar sem precisar selecionar uma resposta. (A categoria Sem resposta não aparecerá até que a tela seja atualizada, por exemplo, ao mudar de guia. Neste ponto, o Build também exibirá uma mensagem informando que incluiu Sem Resposta.) Se você configurar essa opção como Sim e, posteriormente, editar a questão e alterar essa opção para Não, o Build não removerá Sem Resposta automaticamente. Se desejar desaprovar a resposta Sem resposta, deverá excluí-la manualmente. v Em Ocultar esta questão, escolha Não se a questão precisar ser exibida para o respondente. Se essa for uma questão simulada que deva existir no questionário, mas não deva ser exibida para os respondentes, escolha Sim. (Geralmente, as respostas para questões ocultas são definidas pelas instruções definidas em itens de Script IOM. Elas fornecem um método eficiente para mesclar as respostas a uma série de questões relacionadas em uma única variável a ser usada qualquer lugar no questionário. Por esse motivo, a lista de respostas para a questão oculta geralmente consiste em todas as respostas para as questões que devem ser mescladas.) Nota: Como elas não são exibidas, as questões ocultas não são válidas em grupos de questão. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 21

26 7. Em Nome da variável de grade, insira um nome para esta questão no item de grade como um todo. O padrão é GVNúmero, portanto, se o nome do item for Q5, a primeira linha de código gerada para esse item será rotulada como Q5 e a questão será rotulada como GVnúmero. v No Layout de grade, escolha como a grade será estruturada. Escolha Organizar assuntos em colunas para que os assuntos sejam as colunas e as respostas sejam as linhas. Escolha Organizar assuntos em linhas para que os assuntos sejam as linhas da grade e as respostas sejam as colunas. Esse é o padrão. v Em Tipo de questão, escolha se esta é uma questão de resposta única ou múltipla. Por padrão, a configuração dessa propriedade corresponde ao tipo de dados do item selecionado para criar esta questão, ou seja, se você escolheu Resposta única, Resposta única será selecionado automaticamente para esta propriedade. Somente será necessário alterar esta configuração se você desejar alterar o tipo de questão depois que a questão for definida. A mudança do tipo de questão aqui, altera o tipo de questão geral no questionário e também altera todos os tipos de resposta individual na lista de respostas. v Em Ordem de resposta, escolha a ordem na qual as respostas devem ser apresentadas. Escolha Padrão para apresentar as respostas na ordem em que aparecem na lista de respostas, Aleatória para apresentar as respostas em uma ordem aleatória, Rotativa para apresentar as respostas em rotação, de modo que cada resposta tenha a sua vez de ser a primeira da lista, ou Reversa para apresentar as respostas na ordem reversa, de modo que a última resposta na lista apareça primeiro. v Use as caixas Exibir respostas se desejar filtrar a lista de respostas com base nas respostas do respondente às questões anteriores relacionadas. Na primeira caixa, escolha dos seguintes: Todas as respostas, Escolhidas ou Não escolhidas. Na segunda caixa, escolha a questão cuja resposta controla as respostas a serem exibidas para a questão atual. Quando solicitado, confirme que as respostas definidas para a questão escolhida (ou a questão pai) podem sobrescrever a lista de respostas da questão atual. Nota: Este recurso requer que a lista de respostas da questão atual permaneça idêntica à lista de respostas da questão escolhida. Para conseguir isso, o Build torna somente leitura (esmaecida) a lista de respostas para a questão atual e impede que você a altere. Todas as mudanças feitas na lista de respostas na questão pai aparecerão automaticamente na lista de respostas da questão atual. v Na seção Respostas, na coluna Tipo, escolha um entre Resposta única, Respostas múltiplas, Não sabe, Sem resposta ou Recusa responder para cada resposta. v Para associar uma figura a uma resposta, faça o seguinte: Clique no botão à direita da caixa Figura para essa resposta. Na página Selecionar, localize o arquivo de imagem e, em seguida, clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo de imagem é exibido na caixa Figura. Para configurar opções de apresentação a. Selecione a guia Apresentação. b. Clique na imagem próxima à caixa Estilo de apresentação vazia. c. Na página Selecionar, localize o arquivo.htm e clique em Selecionar. O Build copia o arquivo para a pasta Meus estilos de apresentação e exibe uma mensagem relacionada a isso. d. Clique em OK para fechar a caixa de mensagem. O nome do arquivo de modelo de apresentação é exibido na caixa Estilo de apresentação. e. Clique em Aplicar. Para configurar opções de exportação e análise 8. Selecione a guia Exportação/Análise. 22 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

27 9. Em Rótulo da variável, digite o texto que deseja usar como o rótulo de variável no lugar do texto da questão. 10. No Texto do assunto, corrija os textos do assunto, conforme o necessário. 11. Se você tiver alterado o texto do rótulo comum ou um texto do assunto e desejar que as mudanças sejam salvas no arquivo.mdd, clique em Atualizar valores da variável de grade. 12. Em Rótulo de categoria, faça as mudanças desejadas nos textos de resposta. 13. Em Exportar valores, insira os códigos que deseja usar para representar cada resposta. 14. Marque a caixa de seleção Configurar como ausente para cada resposta que deseja tratar como dados ausentes. v Para definir os fatores a serem usados quando os dados do questionário forem tabulados, digite um número na caixa Fator para cada resposta. Os fatores podem ser valores positivos ou negativos, reais ou inteiros. Questões de grade numérica: As questões de grade são uma maneira eficiente de perguntar a mesma questão sobre vários tópicos relacionados. A questão é exibida em um formato tabular ou de grade, com as subquestões (assuntos) formando uma dimensão da grade e as respostas formando a outra. Um exemplo típico de uma grade numérica é uma questão que pergunta aos respondentes quantas vezes eles consumiram vários tipos de refrigerantes em diferentes dias da semana. É possível associar figuras às respostas. Elas podem estar em um dos seguintes formatos: gif, jpg, jpeg, png ou bmp. Ao exportar questões de grade numérica, o processo de exportação exporta os textos assunto e resposta exatamente como eles aparecem no questionário. É possível especificar textos diferentes para análises, caso deseje. Para criar uma questão de Grade numérica 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha a Grade numérica e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 4. Em Assuntos da questão, digite os assuntos sobre os quais deseja perguntar. 5. Em Respostas, digite os textos de resposta, um por linha. Consulte Limites de questão para obter informações sobre o número máximo de respostas que podem ser colocadas em uma lista. Para configurar opões avançadas 6. Selecione a guia Avançado. v Em Requer uma resposta para esta questão, escolha se essa questão deve ser respondida ou não. Nota: Se uma questão puder ser deixada sem resposta e você não inserir uma resposta Sem resposta na lista de categoria, o Build inserirá uma automaticamente. Isso ocorre porque o script de entrevista gerado a partir do questionário do Build exige isso para que respondentes possam clicar em Avançar sem precisar selecionar uma resposta. (A categoria Sem resposta não aparecerá até que a tela seja atualizada, por exemplo, ao mudar de guia. Neste ponto, o Build também exibirá uma mensagem informando que incluiu Sem Resposta.) Se você configurar essa opção como Sim e, posteriormente, editar a questão e alterar essa opção para Não, o Build não removerá Sem Resposta automaticamente. Se desejar desaprovar a resposta Sem resposta, deverá excluí-la manualmente. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 23

28 v Em Ocultar esta questão, escolha Não se a questão precisar ser exibida para o respondente. Se essa for uma questão simulada que deva existir no questionário, mas não deva ser exibida para os respondentes, escolha Sim. (Geralmente, as respostas para questões ocultas são definidas pelas instruções definidas em itens de Script IOM. Elas fornecem um método eficiente para mesclar as respostas a uma série de questões relacionadas em uma única variável a ser usada qualquer lugar no questionário. Por esse motivo, a lista de respostas para a questão oculta geralmente consiste em todas as respostas para as questões que devem ser mescladas.) Nota: Como elas não são exibidas, as questões ocultas não são válidas em grupos de questão. v No Layout de grade, escolha como a grade será estruturada. Escolha Organizar assuntos em colunas para que os assuntos sejam as colunas e as respostas sejam as linhas. Escolha Organizar assuntos em linhas para que os assuntos sejam as linhas da grade e as respostas sejam as colunas. Esse é o padrão. v Em Ordem de resposta, escolha a ordem na qual as respostas devem ser apresentadas. Escolha Padrão para apresentar as respostas na ordem em que aparecem na lista de respostas, Aleatória para apresentar as respostas em uma ordem aleatória, Rotativa para apresentar as respostas em rotação, de modo que cada resposta tenha a sua vez de ser a primeira da lista, ou Reversa para apresentar as respostas na ordem reversa, de modo que a última resposta na lista apareça primeiro. v Em Tipo de número, selecione Número inteiro ou Real dependendo do tipo de resposta numérica que deseja aceitar. v Nas caixas Valor mínimo e Valor máximo, digite o intervalo de valores a serem aceitos como respostas válidas. Consulte Limites de questões para obter informações sobre o intervalo de valores que pode ser usado para respostas numéricas. v Para associar uma figura a uma resposta, faça o seguinte: Clique no botão à direita da caixa Figura para essa resposta. Na página Selecionar, localize o arquivo de imagem e, em seguida, clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo de imagem é exibido na caixa Figura. Para configurar opções de apresentação a. Selecione a guia Apresentação. b. Clique na imagem próxima à caixa Estilo de apresentação vazia. c. Na página Selecionar, localize o arquivo.htm e clique em Selecionar. O Build copia o arquivo para a pasta Meus estilos de apresentação e exibe uma mensagem relacionada a isso. d. Clique em OK para fechar a caixa de mensagem. O nome do arquivo de modelo de apresentação é exibido na caixa Estilo de apresentação. e. Clique em Aplicar. Para configurar opções de exportação e análise 7. Selecione a guia Exportação/Análise. 8. Em Texto da resposta, digite o texto que deseja usar como o texto de resposta para a grade. 9. No Texto do assunto, corrija os textos do assunto, conforme o necessário. 10. Se você desejar que as mudanças sejam salvas no arquivo.mdd, clique em Atualizar valores de variável da grade. Limites de questão: questão. A tabela a seguir descreve os limites que se aplicam ao definir ou responder uma 24 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

29 Tipo de questão Longo (também conhecido como número inteiro) Dobro (também conhecido como Decimal ou Real) Texto Data (também conhecido como Data/hora) Categórico (também conhecido como Resposta única ou Respostas múltiplas) Limites O valor mínimo é e o valor máximo é O valor mínimo é E308 e o valor máximo é E308. O menor valor negativo é E-324 e o menor valor positivo é E-324. Em teoria, pode ter até 2 bilhões de caracteres de comprimento. Na realidade, o comprimento é limitado pelo banco de dados que está sendo usado para armazenar a resposta. Em um banco de dados MR relacional IBM SPSS Data Collection, o comprimento máximo é de caracteres. O valor mais antigo é 1 de janeiro 100 e o valor mais recente é 31 de dezembro de Em teoria pode conter até 2 bilhões de categorias. Na realidade, o número dependerá da memória disponível e do Componente de origem de dados (DSC) que está sendo usado. Um nome de categoria deve conter entre 1 e 128 caracteres. Todos Um nome de questão deve conter entre 1 e 128 caracteres. Listas compartilhadas: As listas compartilhadas são uma maneira rápida e eficiente de lidar com as respostas de opção única e múltipla que são comuns a um certo número de perguntas. Um exemplo típico pode ser uma escala de classificação de cinco pontos que você deseja usar para classificar vários aspectos do produto. Em vez de digitar novamente as cinco respostas para cada questão ou copiá-las e colá-las de uma questão para outra, é possível configurá-las como uma lista compartilhada com um nome exclusivo e, em seguida, inseri-las como um bloco onde forem necessárias. As listas compartilhadas são mostradas no final da guia Visão geral com o título Listas compartilhadas. Criando listas compartilhadas: Configurar listas compartilhadas é como criar uma questão de resposta única ou de respostas múltiplas. Você fornece um nome à lista e insere as respostas que ela conterá. As listas compartilhadas podem conter respostas de opção única, de múltipla escolha, não sei e se recusou a responder. Para criar uma lista compartilhada 1. Clique em Nova lista. 2. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 3. Em Respostas, digite o texto da resposta, um por linha. Consulte Limites de questão para obter informações sobre o número máximo de respostas que podem ser colocadas em uma lista. 4. Selecione a guia Avançado. 5. Em Tipo, escolha um entre Resposta única, Respostas múltiplas, Não sei, Sem resposta ou Recusa responder para cada resposta. v Para associar uma figura a uma resposta, faça o seguinte: Clique no botão à direita da caixa Figura para essa resposta. Na página Selecionar, localize o arquivo de imagem e, em seguida, clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo de imagem é exibido na caixa Figura. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 25

30 v Para definir os fatores a serem usados quando os dados do questionário forem tabulados, digite um número na caixa Fator para cada resposta. Os fatores podem ser valores positivos ou negativos, reais ou inteiros. 6. É possível incluir novas respostas na lista, excluir respostas ou alterar a ordem das respostas na lista usando as opções acima da lista de respostas. Consulte o tópico Editando listas de resposta e assunto na página 38 para obter mais informações. Usando listas compartilhadas em questões: Ao inserir uma lista de respostas compartilhada em uma questão, tenha em mente o seguinte: v As respostas são inseridas como uma única entidade e não podem ser editadas individualmente. As linhas de resposta são esmaecidas e uma única entrada contendo o nome da lista aparece acima da lista para que seja possível mover ou excluir a lista como um todo. Se desejar alterar um texto de resposta, você deverá fazer a mudança no item da lista compartilhada, mas lembre-se de que essa mudança também afetará quaisquer outras questões que usarem a lista compartilhada. v A única mudança que pode ser feita em respostas individuais depois que elas são inseridas em uma questão é designar imagens e fatores. Essas mudanças aplicam-se somente à questão atual. Elas não afetam as outras questões nas quais a lista compartilhada é usada. v Se você inserir uma lista compartilhada de múltipla escolha em uma questão de resposta única, as respostas na lista serão alteradas para o tipo de resposta única somente para essa questão. Se, em seguida, você alterar o tipo de resposta geral para a questão, as respostas que estiverem definidas como múltipla escolha na lista compartilhada serão revertidas para múltipla escolha na questão. As respostas compartilhadas definidas como única opção nunca têm seu tipo de resposta alterado. v Não insira mais de uma lista compartilhada em uma questão, pois isso pode resultar em respostas com nomes duplicados. Se você tentar fazer isso, o Build emitirá uma mensagem de erro com relação a isso. Caso seja necessário usar mais de uma lista compartilhada para uma questão, crie uma nova lista compartilhada contendo todas as respostas nas duas listas existentes e use-a. v Não insira uma lista compartilhada em uma questão que já contenha respostas comuns, a menos que essas respostas sejam sinalizadas como as respostas especiais Sem resposta, Não sei ou Respostas recusadas, pois isso poderá resultar em respostas com nomes duplicados. Para inserir uma lista compartilhada em uma questão 1. Selecione a guia Avançado da questão. 2. Na seção respostas, clique em Anexar lista compartilhada. Isso abre a caixa de diálogo Inserir lista compartilhada. 3. Em Nome da lista compartilhada, selecione o nome da lista que deseja inserir. As respostas na lista são exibidas na parte inferior da caixa de diálogo. 4. Clique em OK para inserir a resposta na seção Respostas da questão. 5. Se necessário, designe figuras ou fatores para as respostas que acabou de inserir. Itens de texto de exibição: Os itens de Texto de exibição colocam texto ou outras informações que não sejam de questão no questionário. Eles são usados geralmente para instruções gerais para o entrevistador ou o respondente. Para criar um item de texto de exibição 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Escolha Texto de exibição e clique em OK. 3. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 26 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

31 4. Em Texto de exibição, digite o texto que deseja usar. Para configurar opções de apresentação 5. Selecione a guia Apresentação. v No Estilo de apresentação, selecione um modelo de layout: Clique no botão próximo à caixa vazia. Na página Selecionar, localize o arquivo de modelo e clique em Selecionar. Consulte o tópico Copiando modelos de figuras e apresentação na página 28 para obter mais informações. O nome do arquivo aparece na caixa Estilo de apresentação. Usando a biblioteca de questionário: A Biblioteca é o local de armazenamento central para os questionários ou seções de questionário que você deseja disponibilizar para inclusão em outros questionários. Por exemplo, se a maioria dos questionários que a empresa cria possui um conjunto padrão de questões demográficas, faz sentido armazená-lo na biblioteca para que ele possa ser importado em cada questionário. Isso economiza tempo e assegura que as questões sejam idênticas em todos os questionários. A Biblioteca de questionário padrão é dividida em duas seções. A seção Compartilhado (FMRoot\Shared\Questionnaire Library Items) contém os questionários que estão disponíveis para quem usa o Build. A seção Funções é dividida em subpastas que contêm os questionários que somente são acessíveis para membros de uma função específica. Portanto, por exemplo, somente os membros de RoleA poderão acessar os questionários salvos na área RoleA da biblioteca (FMRoot\Roles\RoleA\ Questionnaire Library Item). Nota: O Build não suporta bibliotecas pessoais, porém, se uma função tem somente um membro, essa biblioteca é efetivamente uma biblioteca pessoal. O Build é fornecido com uma coleção de pesquisas de opinião predefinidas instaladas em diferentes pastas dentro da seção Compartilhado da biblioteca. Alguns questionários são completos e prontos para uso sem que nenhum trabalho de design adicional seja necessário, enquanto outros requerem pouca customização como substituir um marcador de nome da empresa ou de produto pelo seu próprio nome da empresa ou de produto. Um terceiro grupo são os questionários menores que, provavelmente, você importaria para seus próprios arquivos de questionário e, em seguida, expandiria para formar pesquisas de opinião mais detalhadas. A estrutura exata das seções principais de biblioteca será determinada pela pessoa responsável pela manutenção da biblioteca, mas provavelmente consistirá em várias pastas para diferentes tipos de questionários. Cada pasta pode conter subpastas ou questionários, de forma muito semelhante à organização de arquivos no disco rígido. É possível usar a biblioteca das seguintes maneiras: v Salvar seus próprios questionários para pastas existentes na biblioteca. v Importar questionários da biblioteca em questionários que você esteja criando. Salvando questionários para a biblioteca: É possível salvar o questionário no qual você está trabalhando como um arquivo de biblioteca. Depois que o arquivo for criado, o questionário permanecerá aberto para você trabalhar. Todas as mudanças que forem feitas somente serão salvas no arquivo de questionário na pasta do projeto dentro da pasta do usuário do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. A cópia da biblioteca do questionário não será atualizada a menos que você salve novamente o questionário na biblioteca. Todos os arquivos na biblioteca ficam disponíveis para qualquer pessoa que use o Build. No entanto, os questionários não ficarão disponíveis para usuários de outras atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration até que você verifique os arquivos na pasta Compartilhada manualmente ou execute uma atividade que faça isso automaticamente. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 27

32 Se você incluir um arquivo de questionário que use um modelo na biblioteca, será necessário criar uma pasta separada dentro da biblioteca para armazenar o modelo e quaisquer arquivos que o modelo usar e, em seguida, copiar esses arquivos para essa pasta manualmente. (As versões posteriores do Build farão isso automaticamente.) Instruções para fazer isso estão disponíveis em Copiando questionários que usam modelos para a biblioteca, mas talvez você prefira solicitar que o administrador o faça. 1. Escolha: Arquivo > Incluir na biblioteca Isso abre a caixa de diálogo Salvar como. 2. No quadro esquerdo, expanda a árvore da biblioteca e selecione a pasta na qual deseja armazenar o questionário. 3. Em Nome do arquivo, digite o nome que o questionário terá na biblioteca. 4. Clique em Salvar como. O Build confirma que o questionário agora faz parte da biblioteca. 5. Clique em OK para fechar a caixa de mensagem e retornar à página de design de questionário. Importando questões de biblioteca para o questionário atual: Ao importar um questionário de biblioteca no questionário atual, o Build compara os nomes dos itens que está importando com os nomes dos itens no questionário atual. Se algum dos nomes de item já existir, o Build anexará um número ao nome do item para que ele ainda possua um nome exclusivo. 1. Execute uma das seguintes ações: Esta: v Em qualquer guia, clique em Inserir item no ponto em que deseja inserir a questão. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. v Clique em Importar da biblioteca. Isto exibe a caixa de diálogo Selecionar. Ou: v Na guia Visão geral, selecione o item acima do qual deseja inserir o arquivo de biblioteca. v Escolha: Arquivo > Inserir > Da biblioteca Isto exibe a caixa de diálogo Selecionar. 2. No quadro Pastas, navegue para a pasta que contém o arquivo que deseja importar. 3. Na lista de arquivos, clique duas vezes no nome do arquivo. O Build insere os itens a partir do arquivo de biblioteca no ponto atual no questionário. Copiando modelos de figuras e apresentação: O Build não usa a biblioteca para armazenar modelos de figuras e apresentação compartilhados, embora use uma estrutura semelhante de pastas e subpastas para modelos. O Build armazena os modelos disponíveis a todos os usuários em uma pasta Estilos de apresentação compartilhados e os modelos disponíveis para todos os membros de uma função específica em uma pasta Estilos de apresentação específicos da função (Roles\RoleA\Presentation Styles, por exemplo). A pasta Estilos de apresentação representa a pasta do projeto na pasta de usuário do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, portanto, ela apontará para um local diferente dependendo do projeto em que você estiver trabalhando. Se houver modelos específicos do projeto atual, este será o local onde eles serão armazenados para que a atividade Ativar possa localizá-los. O Build não possui um armazenador central para arquivos de figura. Ele procura esses arquivos em uma pasta a qual se refere como Minhas imagens. Isso corresponde à pasta do projeto dentro da pasta de 28 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

33 usuário do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, portanto, Minhas imagens do projeto 1 não é o mesmo que Minhas imagens do projeto 2. Ao clicar no botão para associar uma figura a uma resposta ou um modelo de apresentação a uma questão, a caixa de diálogo que aparecerá exibirá todos os arquivos disponíveis para este projeto. Alguns serão compartilhados e outros serão específicos do projeto atual. Se o arquivo que você deseja não estiver listado, será necessário fazer upload para que ele possa ser usado. Também é possível fazer o download dos arquivos no computador, caso seja necessário editá-los, por exemplo, se você desejar alterar o layout da página ou o esquema de cores de um modelo. Depois de fazer as mudanças, será possível fazer upload do arquivo para substituir o original ou renomeá-o e, em seguida, fazer o upload. Para fazer upload de um arquivo na pasta do projeto 1. Na caixa de diálogo Selecionar, clique em Fazer upload. Isso abre uma caixa de diálogo Escolher arquivo padrão do Windows. 2. Localize o arquivo que deseja transferir por upload e clique em Abrir. O nome do arquivo é incluído na lista de nomes de arquivos à direita da caixa de diálogo Selecionar e pode ser selecionado para uso no Build. Para fazer download de um arquivo a partir da pasta do projeto 3. Na caixa de diálogo Selecionar, escolha o arquivo que deseja transferir por download na lista de nomes do arquivo à direita da caixa de diálogo. 4. Clique em Fazer download. Isso abre uma caixa de diálogo Download de arquivo do Windows padrão. 5. Clique em Abrir para abrir o arquivo a partir de seu local atual ou clique em Salvar para salvar o arquivo em um local de sua escolha. Itens sem questão É possível incluir os seguintes itens sem questão nos questionários: v Notas para inserir comentários gerais sobre o questionário. v Marcadores para nomear locais específicos no questionário. v Roteamento obrigatório e condicional para pular questões que não são apropriadas para o respondente atual. v Códigos de saída para forçar a finalização da entrevista. v Itens de Script IOM para inserir as instruções de Roteamento gravadas na linguagem de Script da entrevista no questionário. Também há um item Inserir a partir da Biblioteca de scripts para inserir instruções de Roteamento a partir de um arquivo de biblioteca. Notas: Use um Item de nota quando desejar incluir notas ou outras informações que não façam parte do questionário. Geralmente, é possível usar esse tipo de item para fazer anotações sobre o trabalho adicional que precisa ser executado no questionário ou informações especiais sobre o questionário que precisam ser registradas para referência futura. 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 29

34 3. Escolha Nota e clique em OK. Isso exibe a guia Editar para notas. 4. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 5. Em Texto da nota, digite a nota. Marcadores: O item de marcador identifica um ponto específico no questionário com um nome exclusivo. Ele é usado com mais frequência em questionários grandes ou complexos, nos quais os respondentes podem atingir um determinado ponto no questionário por meio de um número de rotas. Ao colocar um marcador no questionário, é possível reunir todos os respondentes facilmente antes de prosseguir com o restante do questionário. Os marcadores também são úteis como destinos para Gotos, quando você não deseja saltar diretamente para uma questão. 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha Marcador e clique em OK. Isso exibe a guia Editar para os marcadores. 4. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. Goto: Um Goto é aplicado a todos os respondentes que atingem este ponto no questionário. Ele pode ser usado em um questionário que possua muitas seções, em que cada respondente responda às questões em uma seção, além de somente uma seção demográfica geral. Para assegurar-se de que cada respondente ignore as seções não desejadas e atinja a seção demográfica, é possível terminar cada seção com um Goto que leve o respondente diretamente para o início da seção demográfica. 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha Goto e clique em OK. Isso exibe a guia Editar para itens Goto. 4. Selecione a questão que deseja acessar a partir da lista suspensa. If... Goto: Use um If...Goto para definir o roteamento para alguns respondentes e não para outros. Especifique os respondentes aos quais o Goto se aplica, listando as respostas que eles devem ter fornecido às questões anteriores. Por exemplo, para criar um If...Goto que se aplique a mulheres, você pode especificar que a resposta para a questão de sexo deve ser Feminino. As questões e respostas que controlam um If...Goto são comumente chamadas de condição de roteamento porque elas definem as condições nas quais o Goto será seguido. 30 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

35 Uma condição de roteamento pode especificar uma condição única ou uma lista de condições. Se você especificar mais de uma condição, você também deverá especificar como cada condição está relacionada à próxima na lista. As condições podem ser relacionadas entre si usando And ou Or. Use E quando os respondentes devem satisfazer ambas as condições e use Or quando os respondentes devem satisfazer pelo menos uma das condições. A guia Avançado exibe a condição de roteamento como uma expressão de texto. Se você estiver familiarizado com a linguagem de definição de expressão, será possível fazer mudanças na expressão nesta guia e usar a sintaxe de expressão completa para definir expressões mais complexas do que as possíveis na guia Editar. Para definir o roteamento condicional 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha If...Goto e clique em OK. Isso exibe a guia Editar para Itens If...Goto. 4. Escolha um nome da questão na lista suspensa de nomes de questão. 5. Escolha uma condição na lista suspensa de condições. O conteúdo dessa lista variará de acordo com o tipo de questão escolhido. 6. A caixa de valor (a terceira caixa) varia de acordo com o tipo de questão escolhido. Para uma questão de opção única ou de múltipla escolha, selecione uma resposta na lista suspensa. Para uma questão numérica ou de texto, digite um número ou um texto na caixa. 7. Se você desejar definir outra condição, clique em And. Uma segunda linha de definição de condição é exibida e o botão And que você clicou é alterado para uma caixa suspensa na qual é possível escolher como as duas condições devem ser combinadas. 8. Se você desejar que a nova condição seja combinada com a condição anterior usando Or em vez de And, selecione Or na lista suspensa na linha anterior. 9. Defina a próxima condição como você fez na primeira. 10. Repita essas etapas até que você tenha definido completamente as condições sob as quais o roteamento deve ocorrer. Se você cometer algum erro, clique em Excluir para excluir uma linha incorreta da especificação. 11. Em Goto, selecione a questão ou outro item para o qual deseja ir se a condição for verdadeira. Códigos de saída: O item Sair permite finalizar uma entrevista imediatamente e sinalizá-la com um código de saída de sua escolha. Ao analisar os dados, é possível usar o código de saída como um meio de filtrar os dados para incluir somente as entrevistas que foram finalizadas de uma certa maneira, ou para fornecer contagens simples das diversas maneiras em que as entrevistas foram finalizadas. O Build fornece um conjunto padrão de códigos de saída, mas também permite definir seus próprios códigos com seus próprios significados. Os códigos de saída podem ser qualquer número inteiro no intervalo de 0 a Os códigos de saída predefinidos são os seguintes: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 31

36 Código Significado Comentários 1 Conclusão bem-sucedida Qualquer entrevista na qual todas as questões relevantes foram feitas é sinalizada como Concluída com sucesso. Esse é o padrão. 2 Finalização prematura com dados. É possível usar esse código para identificar as entrevistas que não foram concluídas, independentemente do motivo. Esse é um código de saída útil para pesquisas de opinião de questionários de papel ou do CATI nas quais o respondente pode simplesmente escolher não continuar a responder as questões. Ele permite diferenciar essas entrevistas das entrevistas que foram interrompidas, nas quais o respondente pode ter tido a intenção de continuar a entrevista. 5 Finalizado pelo controle de cota As entrevistas finalizadas pelo controle de cota sempre podem ser confundidas com as entrevistas concluídas com sucesso ou parcialmente concluídas. Use esse código de saída para sinalizar as entrevistas que foram finalizadas porque o respondente pertencia a um grupo cuja cota já tinha sido atingida. 6 Conclusão antecipada É possível usar esse código para tratar uma entrevista que foi somente parcialmente concluída como se fosse uma entrevista totalmente concluída. Você pode optar por fazer isso se o respondente tiver atingido um determinado ponto no questionário. 8 Finalização prematura sem dados Esse código não é aplicável aos produtos do IBM SPSS Data Collection, que sempre gravam dados. 9 Entrevista interrompida sem dados gravados 10 Entrevista interrompida com dados gravados Esse código não é aplicável aos produtos do IBM SPSS Data Collection, que sempre gravam dados. É possível usar esse código para identificar as entrevistas que foram interrompidas com pendência de conclusão em uma data posterior. Para definir um código de saída 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha Sair e clique em OK. Isso exibe a guia Editar para itens de saída. 32 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

37 4. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 5. Para usar um código de saída predefinido, clique em Código de saída de predefinido e selecione um código na lista suspensa. 6. Para usar um código da sua escolha, clique em Código de saída customizado e digite um número na caixa de entrada. Itens de script de entrevista: Use um item de Script IOM quando desejar inserir instruções diretamente na seção Roteamento do questionário. A seção Roteamento controla a ordem e a maneira em que as questões são apresentadas aos respondentes. As instruções nesta seção devem ser gravadas na Linguagem de script de entrevista que você encontrará documentada em IBM SPSS Data Collection Developer Library. Criar um item de Script IOM 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha Script IOM e clique em OK. Isto exibe a guia Editar para itens de Script IOM. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 33

38 4. Em Nome, substitua, opcionalmente, o nome do item padrão por um nome de sua escolha. 5. Em Script IOM, digite o código mrscriptbasic exatamente como deseja que ele apareça no arquivo de script do IBM SPSS Data Collection. Inserindo Código de roteamento a partir da Biblioteca de scripts: Ao criar um questionário, o Build salva a definição questionário em duas seções. A seção Metadados contém as questões e a seção Roteamento contém instruções que exibem ou imprimem as questões na ordem em que elas aparecem na guia Visão geral. Na maioria das pesquisas de opinião, você desejará fazer mais do que isso. Por exemplo, será possível incluir um banner de página para exibir o título da pesquisa de opinião na parte superior de cada página ou apresentar um bloco de questões em uma ordem diferente para cada respondente. Essas e outras tarefas desse tipo são controladas pela seção Roteamento do questionário. Sempre é possível usar um item de Script IOM para inserir as instruções na seção Roteamento, mas o Build é fornecido com uma biblioteca de fragmentos de script para tarefas comuns que podem ser carregadas no questionário. Alguns desses fragmentos de script podem ser usados exatamente como são, mas outros precisarão ser modificados depois que forem carregados, por exemplo, para substituir nomes simulados de questão ou resposta pelos nomes correspondentes do questionário. Cada arquivo de script é nomeado de acordo com o que ele faz e contém comentários que explicam como ele deve ser usado. Quando as instruções são inseridas desta maneira, o Build cria um único item de Script IOM para todas as instruções no arquivo. Em seguida, será possível editar essas instruções no modo usual, se necessário. Para inserir código a partir da biblioteca de scripts 1. Clique em Inserir Item. Isso abre a caixa de diálogo Novo Item. 2. Selecione a guia Itens de roteamento. 3. Escolha Inserir a partir da Biblioteca de scripts e clique em OK. Isso exibe a caixa de diálogo da Biblioteca de Scripts. 4. No quadro Scripts de entrevista, selecione o script que deseja usar. O script é exibido no quadro Descrição do item de script de entrevista. 34 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

39 5. Clique em OK para inserir as instruções do script no questionário. 6. Se o script indicar que requer customização, faça as mudanças necessárias. Códigos de idioma para fragmento de script de mudança de idioma: idioma de 3 caracteres para muitos dos idiomas no mundo. A tabela a seguir mostra os códigos de Código AFK SQI ARG ARH ARE ARI ARJ ARK ARB ARL ARM ARO ARQ ARA ARS ART ARU ARY HYE EUQ BEL BGR CAT CHS ZHH ZHI CHT HRV CSY DAN NLB NLD ENA ENL ENC ENB Idioma Africânes Albaniano Árabe - Argélia Árabe - Bahrein Árabe - Egito Árabe - Iraque Árabe - Jordânia Árabe - Kuwait Árabe - Líbano Árabe - Líbia Árabe - Marrocos Árabe - Omã Árabe - Catar Árabe - Arábia Saudita Árabe - Síria Árabe - Tunísia Árabe - Emirados Árabes Unidos Árabe - Iêmen Armênio Basco - Basco Bielo-russo Búlgaro Catalão Chinês Chinês - Hong Kong, SAR Chinês - Singapura Chinês - Taiwan Croata - Croácia Tcheco Dinamarquês Holandês - Bélgica Holandês - Holanda Inglês - Austrália Inglês - Belize Inglês - Canadá Inglês - Caribe Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 35

40 Código ENI ENJ ENZ ENS ENT ENG ENU ETI FOS FAR FIN FRB FRC FRA FRL FRS DEA DEU DEC DEL DES ELL HEB HIN HUN ISL IND ITA ITS JPN KOR LVI LTH MSL NOR NON PLK PTB PTG ROM RUS Idioma Inglês - Irlanda Inglês - Jamaica Inglês - Nova Zelândia Inglês - África do Sul Inglês - Trinidad Inglês - Reino Unido Inglês - Estados Unidos Estoniano - Estônia Faroês - Ilhas Faroés Farsi Finlandês Francês - Bélgica Francês - Canadá Francês - França Francês - Luxemburgo Francês - Suíça Alemão - Áustria Alemão - Alemanha Alemão - Liechtenstein Alemão - Luxemburgo Alemão - Suíça Grego Hebraico Híndi Húngaro Islandês Indonésio Italiano - Itália Italiano - Suíça Japonês Coreano Látvio Lituano Malaio - Malásia Norueguês (Bokmal) Norueguês (Nynorsk) Polonês Português - Brasil Português - Portugal Romeno - Romênia Russo - Rússia 36 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

41 Código SRB SRL SKY SLV ESS ESB ESL ESO ESC ESD ESF ESE ESG ESH ESM ESI ESA ESZ ESR ESU ESY ESV SVF SVE THA TRK URK URD VIT Idioma Sérvio (Cirílico) Sérvio (Latim) Eslovaco Eslovênio Espanhol - Argentina Espanhol - Bolívia Espanhol - Chile Espanhol - Colômbia Espanhol - Costa Rica Espanhol - República Dominicana Espanhol - Equador Espanhol - El Salvador Espanhol - Guatemala Espanhol - Honduras Espanhol - México Espanhol - Nicarágua Espanhol - Panamá Espanhol - Paraguai Espanhol - Peru Espanhol - Porto Rico Espanhol - Uruguai Espanhol - Venezuela Sueco - Finlandês Sueco - Suécia Tailandês - Tailândia Turco Ucraniano Urdu Vietnamita - Vietnã Itens não suportados: Se você carregar um fragmento do questionário ou do script que tenha sido criado fora do Build e contenha itens que o Build não suporta, o Build sinalizará o item com um sinal de "sem entrada". Na guia Visão geral, uma nota explica que é possível editar o item usando o IBM SPSS Data Collection Professional. Inserindo arquivos do IBM SPSS Data Collection WordCapture no questionário atual: Se houver um arquivo de questionário (.mdd) criado no IBM SPSS Data Collection WordCapture, será possível inseri-lo em um questionário do Build, da mesma maneira que é possível inserir arquivos a partir da biblioteca. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 37

42 Quando um arquivo externo é inserido no questionário atual, o Build compara os nomes dos itens que está inserindo com relação aos nomes dos itens no questionário atual. Se algum dos nomes de item já existir, o Build anexará um número ao nome do item para que ele ainda possua um nome exclusivo. De modo semelhante, se o idioma base dos itens inserido for diferente do idioma base do questionário atual, o Build informará isso para que seja possível escolher um idioma diferente, caso haja um disponível. 1. Na guia Visão geral, selecione o item acima do qual você deseja inserir os novos itens. Arquivo > Inserir > A partir do arquivo Isso abre uma caixa de diálogo de seleção de arquivo. 2. Use o botão Navegar para localizar e selecionar o arquivo que deseja inserir. O nome do arquivo aparecerá na caixa Arquivo. 3. Clique em OK. O Build insere os itens a partir do arquivo de biblioteca no ponto atual no questionário. Editando questionários Esta seção descreve várias técnicas para alterar o conteúdo e a aparência de um questionário quando o estágio de desenvolvimento inicial termina. São elas: v Procedimento geral para alterar a definição de uma questão v Editando listas de resposta e assunto v Salvando e desfazendo mudanças v Agrupando questões que devem aparecer todas na mesma página v Excluindo questões v Movendo questões para cima e para baixo v Recortando e colando questões v Duplicando questões A seção também inclui algumas informações úteis sobre a edição de questionários do Build. Alterando questões: 1. Na guia Visão geral, selecione a questão que deseja alterar. 2. Selecione a guia Avançado ou Apresentação, conforme apropriado. 3. Faça as mudanças e clique em Aplicar na caixa de exibição de questão. 4. Se necessário, alterne para uma guia diferente para fazer outras mudanças. Editando listas de resposta e assunto: As respostas são os textos que compõem a lista de respostas possíveis para uma questão categórica ou uma questão de grade categórica. Os assuntos se aplicam a questões de grade categóricas e numéricas e são as subquestões que você deseja perguntar. Por exemplo, em uma grade que solicita que o respondente classifique várias marcas, as marcas são os assuntos e as classificações, que são iguais para todas as marcas, são as respostas. Os recursos para edição de respostas e assuntos são os mesmos. Cada resposta ou assunto possui um texto e um nome. O texto é o texto que você especifica ao incluir a resposta ou o assunto na questão e é o que aparece no questionário usado para entrevistar. O mesmo texto pode aparecer em várias questões diferentes. O nome é um rótulo que identifica exclusivamente um determinado texto. O Build gera esses rótulos automaticamente, com base no texto de resposta ou assunto. Os rótulos são usados como nomes de variáveis para armazenar dados no arquivo de dados caso, para assegurar que as variáveis, as respostas e os assuntos estejam consistentes entre diferentes versões do script. Qualquer resposta que possua o mesmo nome em todas as versões de um questionário será tratada como a mesma resposta, mesmo se os textos da resposta tiverem sido alterados entre as versões. Por exemplo, se a versão 1 do questionário tiver o texto de resposta "Vermelho" com o nome Vermelho e você alterar o texto de resposta para "Cores 38 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

43 avermelhadas", não haverá necessidade de alterar o nome na versão 2 porque esta ainda será a mesma resposta. No entanto, ao substituir "Vermelho" por "Azul" você também deverá alterar o nome para "Azul", caso contrário, as atividades de entrevistas e análise tratarão Azul como se fosse Vermelho. v Nota: Em geral, embora você possa desejar alterar os textos de resposta e assunto, não deverá ser necessário alterar os nomes. Para inserir respostas ou assuntos v Selecione a resposta ou o assunto acima ou abaixo do qual a nova resposta deverá ser inserida e, em seguida, clique em Inserir acima da seleção ou em Inserir abaixo da seleção, conforme apropriado. Uma nova linha será incluída na lista. v Na coluna Texto, substitua o texto Nova resposta pelo texto da resposta e, em seguida, faça quaisquer outros ajustes necessários. Por exemplo, geralmente é uma boa ideia substituir o nome padrão por um nome exclusivo que corresponda ou seja semelhante ao texto na coluna Texto. Para anexar respostas ou assuntos v Clique em Anexar. Uma nova linha será incluída no fim da lista. v Na coluna Texto, substitua o texto Nova resposta pelo texto da resposta e, em seguida, faça quaisquer outros ajustes necessários. Para Excluir Respostas ou Assuntos v Marque as caixas de seleção de respostas e, em seguida, clique em Excluir selecionado. (Para selecionar todas as respostas para exclusão, clique na caixa de seleção no início da barra de menus de respostas.) Para mover respostas ou assuntos v Marque a caixa de seleção de resposta e, em seguida, clique em Mover para cima ou em Mover para baixo, conforme apropriado. Para alternar entre os tipos de resposta única ou múltipla v Selecione as respostas cujos tipos de resposta você deseja alterar e, em seguida, clique em Alterar para única ou Alterar para múltipla. Nota: Alterar para múltipla somente estará disponível se a questão permitir que múltiplas respostas sejam escolhidas. Para alternar o tipo de questão entre Resposta única e múltipla v Em Tipo de questão, clique em Única ou Múltipla, conforme apropriado. Isso altera todos os tipos de resposta individuais na lista Respostas para que correspondam ao novo tipo de questão, além de alterar o tipo de dados geral para a questão. Aplicando e Desfazendo Mudanças na Questão Atual: O Build salva automaticamente qualquer mudança que você tenha feito na questão atual quando os seguintes eventos ocorrem: v Ao mover da guia Editar, Avançado ou Apresentação para outra guia. v Quando você estiver trabalhando na guia Editar, Avançado ou Apresentação e escolher uma questão na lista de questões ou clicar em Avançar ou Anterior. v Ao clicar em Inserir item ou em Nova lista. v Ao mover, agrupar, desagrupar, excluir ou colar questões na guia Visão geral. v Quando você estiver trabalhando na guia Avançado e mover, incluir ou excluir respostas, assuntos ou elementos em uma grade ou questão categórica. O Build não salva as mudanças nas seguintes situações: v Ao escolher uma opção no menu. Por exemplo, ao sair do Build ou ao abrir um novo questionário quando um já estiver aberto. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 39

44 v Ao selecionar uma figura para uma resposta na guia Avançado ou ao escolher um modelo de layout na guia Apresentação. O Build fornece as opções Aplicar e Desfazer nas guias Editar, Avançado e Apresentação para salvar ou desfazer mudanças na questão atual. Se você estiver trabalhando em qualquer uma dessas guias você poderá desejar salvar as mudanças manualmente antes de tomar as seguintes ações: v Visualizar o questionário. v Ativar ou testar o questionário. v Salvar o questionário na biblioteca. v Abrir um novo questionário. v Sair do Build. 1. Clique em Aplicar para salvar quaisquer mudanças que você tenha feito na questão atual. 2. Clique em Desfazer para desfazer quaisquer mudanças não salvas para a questão atual. Nota: Se estiver trabalhando na guia Apresentação para uma questão de grade, você deverá clicar em Aplicar após escolher o arquivo de modelo (.htm) antes que o Build procure o arquivo de modelo para o nome do arquivo de modelo de grade (.xml). Agrupando questões: É possível vincular questões adjacentes para que elas formem um grupo. Se você usar o questionário com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, as questões no grupo serão todas exibidas na mesma página. As exceções são questões cuja propriedade Ocultar questão está configurada como Sim. O agrupamento de questões altera o comportamento do botão de seta para baixo na primeira questão no grupo e do botão de seta para cima da última questão no grupo para que eles se refiram ao grupo, em vez de à questão individual. Se desejar mover a primeira ou a última questão no grupo, primeiro você deverá desagrupar a questão. Os botões de navegação em outras questões no grupo permanecem inalterados, para que seja possível mover as outras questões no grupo de maneira normal. No entanto, se desejar mover uma questão para fora do grupo, você deverá desagrupá-la primeiro. O agrupamento de questões também afeta o conteúdo da caixa de diálogo Inserir item. Se você inserir um item em um grupo, a caixa de diálogo Inserir item somente mostrará os tipos de itens que podem ser inseridos na página. Ao desagrupar questões, o Build removerá o link no ponto em que você clicar. Por exemplo, se você clicar no link Desagrupar após uma questão, o link entre essa questão e a próxima questão será quebrado. Dependendo da posição da questão no grupo, isso poderá significar que o questionário passará a conter dois grupos menores em vez de um único grupo. Para agrupar questões v Na guia Visão geral, clique em Agrupar na página entre as duas questões que deseja agrupar. Se desejar agrupar mais de duas questões, clique na primeira/última questão no grupo e, em seguida, mantenha pressionada a tecla Ctrl enquanto clica na última/primeira questão no grupo. Em seguida, clique em Agrupar na página em qualquer local entre essas duas questões. Uma linha branca aparecerá à esquerda das questões agrupadas. Para desagrupar questões v Na guia Visão geral, clique em Desagrupar entre a questão que deseja desagrupar e a questão antes ou depois dela. Se a questão estiver no meio de um grupo, poderá necessário desagrupar a questão com relação às questões anterior e próxima no grupo. 40 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

45 Excluindo questões: 1. Na guia Visão geral, navegue para a questão que deseja excluir. 2. Clique no botão Excluir na caixa de exibição da questão. Movendo questões para cima e para baixo: 1. Na guia Visão Geral, navegue para a questão que deseja mover. 2. Clique nos botões de seta na caixa de exibição da questão para mover a questão para cima ou para baixo dentro do questionário. Movendo um questão usando recortar e colar: 1. Na guia Visão geral, clique em Recortar na questão que deseja mover. 2. Navegue para a questão acima ou abaixo da qual deseja inserir a questão e clique em Colar. Duplicando uma questão usando Copiar e Colar: 1. Na guia Visão geral, clique em Copiar na questão que deseja copiar. 2. Navegue para a questão abaixo da qual deseja inserir a questão e clique em Colar. A questão duplicada recebe um nome exclusivo que é o nome original seguido por um número. Alternando entre o Build e o IBM SPSS Data Collection Professional: Ao criar um questionário com o Build, você define os conteúdos do questionário preenchendo formulários online. Ao fazer isso, o Build cria um arquivo (.mdd) de script do questionário. O arquivo possui uma seção de metadados que define as questões e as respostas e uma coleção de itens de roteamento que especifica como as questões e as respostas serão usadas em entrevistas (por exemplo, a ordem na qual as questões serão feitas, quais questões serão feitas para quais respondentes e assim por diante). O Build foi projetado para ser fácil de usar e para fornecer recursos para criar a maioria dos questionários. Há algumas coisas que ele não pode fazer, portanto sua empresa pode usar o IBM SPSS Data Collection Professional para criar ou editar questionários diretamente na linguagem de script de entrevista. Como o Build, o IBM SPSS Data Collection Professional cria um arquivo.mdd com uma seção de metadados e informações de roteamento, mas existem diferenças que você deverá conhecer ao usar o Build e o IBM SPSS Data Collection Professional no mesmo arquivo de questionário. Essas diferenças são as seguintes: v Há alguns itens do questionário que podem ser criados no IBM SPSS Data Collection Professional que não podem ser criados no Build. Se você usar o Build em um questionário que contenha esses itens, eles serão sinalizados como não suportados. Consulte o tópico Itens não suportados na página 37 para obter mais informações. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 41

46 v Os questionários criados no IBM SPSS Data Collection Professional possuem uma seção de roteamento que contém o código de script do IBM SPSS Data Collection que determina como as questões na seção de metadados são apresentadas durante as entrevistas. A seção de roteamento padrão é chamada Web, mas os scriptwriters poderão criar qualquer número de diferentes seções de roteamento com nomes diferentes, se desejarem. v Os questionários criados no Build não possuem uma seção de roteamento. Eles possuem uma coleção de itens de roteamento. Somente o Build pode gravar nesses itens. Se você abrir um questionário do Build no IBM SPSS Data Collection Professional, o aplicativo executará o mrroutingscript DSC para converter os itens de roteamento em um script de roteamento gravado na linguagem de script do IBM SPSS Data Collection. O DSC chama esta seção de roteamento Papel e torna-a somente leitura, porque ela é uma seção gerada e não algo que já exista no arquivo.mdd. Você será lembrado de que será necessário criar uma nova seção de roteamento (ou usar a seção de roteamento da web padrão) e copiar o conteúdo do roteamento Papel nela para executar o questionário. Para obter informações sobre como fazer isso no IBM SPSS Data Collection Professional, consulte "Incluindo um contexto de roteamento" na seção IBM SPSS Data Collection Professional da documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library. v Se você editar um questionário do Build no IBM SPSS Data Collection Professional e incluir ou excluir questões, as mudanças poderão não ficar visíveis no Build, pois o IBM SPSS Data Collection Professional fornece algumas funcionalidades que não estão disponíveis no Build. Se você usar o IBM SPSS Data Collection Professional e desejar que o questionário funcione no Build, você deverá executar o script CreatePaperRouting.mrs no arquivo.mdd antes de abri-lo no Build. Se você não fizer isso, solicite que o gravador de script o faça. (O script é instalado como parte do IBM SPSS Data Collection Developer Library no [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Scripts\General\ mrscriptbasic.) v IBM SPSS Data Collection Professional ativar usando o roteamento da web ou outro roteamento da sua escolha. O Build somente ativa a partir do roteamento Papel. Testando e ativando questionários Se estiver desenvolvendo questionários grandes ou complexos, poderá ser útil testar o questionário periodicamente ao longo de sua construção. Isso pode ser feito no Build, selecionando opções no menu Ferramentas. Esta seção descreve as seguintes tarefas: v Testando o questionário. v Ativando o questionário para entrevista em tempo real usando os parâmetros padrão. v Ativando o questionário usando parâmetros configurados manualmente. v Fazendo o download do arquivo de questionário no computador. Testando o questionário: Use a opção Teste do Build para ativar o projeto no modo de teste e, opcionalmente, executar uma entrevista de teste. A ativação no modo de teste configura a propriedade Versão de teste do projeto como a versão mais recente do questionário e a propriedade Versão ativa como Nenhum. Ocorre o seguinte quando você ativa no modo de teste: v O Build gera uma seção Roteamento somente leitura para o questionário com base nas questões que ele contém, além das instruções colocadas nos itens de Script IOM ou carregadas a partir da biblioteca de scripts. A seção Roteamento é chamada Papel. (Observe que este é diferente do nome da seção de Roteamento padrão usado pelo IBM SPSS Data Collection Professional, que é Web.) v A atividade Ativar ativa o projeto. Se o status do projeto for Inativo, o processo de ativação o alterará para Teste. v Uma caixa de diálogo exibe a URL a ser usada para executar uma entrevista de teste. 42 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

47 Nota: Não é possível executar entrevistas de teste em projetos cujos status são Ativo. Se desejar executar entrevistas de teste em um projeto ativo, você deverá executar a atividade Link de visualização de pesquisa de opinião a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Para executar uma entrevista de teste 1. Escolha: Ferramentas > Ativar > Modo de teste Uma caixa de mensagens relata o progresso da atividade de ativação. Quando o processo estiver concluído, a caixa de mensagens exibirá uma URL que poderá ser usada para executar as entrevistas de teste nesse projeto. 2. Clique em Copiar para área de transferência para copiar a URL para sua área de transferência. Nota: O botão Copiar para área de transferência fica oculto ao usar o navegador Mozilla Firefox (o navegador não permite acesso à área de transferência). 3. Inicie uma nova sessão do navegador e cole a URL no caixa de Endereço para executar uma entrevista. 4. Quando você tiver concluído o teste, clique em Fechar para fechar a caixa de mensagem. Colocando o questionário em tempo real: Use a opção Colocar em tempo real do Build para disponibilizar o projeto para entrevistas em tempo real. Quando essa opção é selecionada, ocorrem as seguintes ações: v A atividade Ativar ativa o projeto com o status Ativo. v Uma caixa de diálogo exibe as URLs a serem usadas para teste ou para executar entrevistas em tempo real. Nota: Se o questionário tiver sido criado no IBM SPSS Data Collection Author, com o contexto padrão de roteamento, quando novas questões forem criadas no Build, o contexto papel será criado automaticamente. O contexto papel inclui questões criadas no IBM SPSS Data Collection Author e no Build. Quando o questionário é criado, roteamento é selecionado como o contexto padrão. A menos que você altere manualmente o contexto para papel, o questionário ativado não incluirá as questões criadas no Build. Para colocar o questionário em tempo real 1. Escolha: Ferramentas > Ativar > Colocar em tempo real Uma caixa de mensagens relata o progresso da atividade de ativação. Quando o processo for concluído, a caixa de mensagens exibirá duas URLs. Uma será usada para executar as entrevistas de teste e a outra para entrevistas de produção. 2. Clique em Fechar para fechar a caixa de mensagens. Configurando parâmetros de ativação manualmente: Use a opção Avançado do Build para ativar o questionário usando os parâmetros de ativação de sua escolha. Quando essa opção é selecionada, ocorrem as seguintes ações: v A atividade Ativar é iniciada para que seja possível especificar os parâmetros necessários para a ativação (por exemplo, se o projeto usa o Gerenciamento de amostra ou o Controle de cota e quais páginas da Web devem ser usadas para autenticação). v Uma caixa de diálogo exibe as URLs a serem usadas para a execução de entrevistas de teste e em tempo real. Nota: Se o questionário tiver sido criado no IBM SPSS Data Collection Author, com o contexto padrão de roteamento, quando novas questões forem criadas no Build, o contexto papel será criado automaticamente. O contexto papel inclui questões criadas no IBM SPSS Data Collection Author e no Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 43

48 Build. Quando o questionário é criado, roteamento é selecionado como o contexto padrão. A menos que você altere manualmente o contexto para papel, o questionário ativado não incluirá as questões criadas no Build. Para especificar parâmetros de ativação 1. Escolha: Ferramentas > Ativar > Avançado 2. A atividade Ativar é iniciada. Especifique os parâmetros de ativação que deseja usar e clique em Ativar agora. Uma caixa de mensagens relata o progresso do procedimento de ativação. Quando o processo for concluído, a caixa de mensagens exibirá duas URLs que poderão ser usadas para as entrevistas neste projeto. 3. Se você desejar executar entrevistas de teste ou colar uma URL em um documento da Web, clique no Copiar para a área de transferência apropriado para copiar as URLs na área de transferência. Nota: O botão Copiar para área de transferência fica oculto ao usar o navegador Mozilla Firefox (o navegador não permite acesso à área de transferência). 4. Clique em Fechar para fechar a caixa de mensagens. Fazendo download do questionário no computador: Se você desejar fazer download de um arquivo de questionário do Build (.mdd) no computador, será possível usar a atividade Arquivos ou fazer download diretamente a partir do Build. Um motivo comum para fazer o download de questionários do Build é fazer mudanças na seção de roteamento de um questionário do IBM SPSS Data Collection. O Build cria uma seção de Roteamento simples com base nas informações inseridas para cada questão, mais quaisquer instruções de roteamento incluídas usando itens de Script IOM ou a biblioteca de scripts, mas pode haver outras mudanças que você deseje fazer que não possam ser feitas no Build. A seção de Roteamento é chamada Papel e é somente leitura. (Observe que este é diferente do nome da seção de Roteamento padrão usado pelo IBM SPSS Data Collection Professional, que é Web.) Se desejar visualizar e alterar as instruções de roteamento, você deverá fazer o download do questionário. Para fazer o download de um arquivo de questionário 1. Escolha: Ferramentas > Download de questionário Isso abre uma caixa de diálogo Download de arquivo do Windows padrão. 2. Clique em Abrir para abrir o arquivo de questionário do IBM SPSS Data Collection Questionnaire Viewer ou em Salvar para salvá-la em um local de sua escolha. Para visualizar a seção Roteamento 3. Faça o download do arquivo de questionário, abra-o no IBM SPSS Data Collection Professional e selecione a guia Papel. Para alterar a seção Roteamento 4. Faça o download do arquivo de questionário e abra-o no IBM SPSS Data Collection Professional. 5. Crie uma nova seção Roteamento com um nome exclusivo. 6. Na guia Roteamento papel, selecione todas as instruções que deseja usar na nova seção Roteamento e copie-as para nova guia. 7. Faça as mudanças nas instruções na nova guia. 8. Ao ativar o projeto, altere o contexto de roteamento padrão para apontar para o nome da nova seção Roteamento. Consulte as seções IBM SPSS Data Collection Professional e Scrip de entrevista do IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter informações adicionais sobre essas etapas. 44 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

49 Executando o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration Execute o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration quando desejar criar ou editar arquivos de biblioteca que não estejam relacionados a um projeto específico. Ao fazer isso, as seguintes opções adicionais ficaram disponíveis no menu Arquivo: Novo. Permite escolher se deseja criar um novo arquivo ou usar um arquivo de biblioteca existente como um ponto de início. Abrir. Permite abrir qualquer questionário ao qual você tem acesso. Salvar como. Permite salvar o questionário com um novo nome. Salvar cópia como. Permite salvar o questionário com um novo nome, mas continuar trabalhando no arquivo original. Para executar o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. 1. Digite A página de login do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration será exibida. 2. Insira o nome de usuário e a senha do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e clique em Login. O Build é iniciado e a tela principal é exibida. Criando um novo arquivo de biblioteca ou de questionário: Se você estiver usando o Build fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, será possível criar um novo questionário ou arquivo de biblioteca como um arquivo em branco ou com base em um arquivo de biblioteca existente da sua escolha. Para criar um arquivo em branco 1. Escolha: Arquivo > Novo > Em branco A página de inicialização do Build é exibida com links para inserir uma nova questão ou uma lista compartilhada. Para basear o novo questionário em um arquivo de biblioteca 2. Escolha: Arquivo > Novo > Baseado em biblioteca Isso exibe a caixa de diálogo Abrir. 3. No quadro Pastas, navegue para a pasta que contém o arquivo que deseja usar. 4. No quadro à direita, clique duas vezes no arquivo que deseja carregar. O Build insere as questões do arquivo de biblioteca no questionário atual. Abrindo um questionário existente: Se você estiver trabalhando fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, será possível abrir qualquer questionário ao qual você tenha acesso. Esta opção não estará disponível quando você iniciar o Build a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, porque o Build abre automaticamente o questionário para o projeto selecionado atualmente. 1. Escolha: Arquivo > Abrir Isso exibe a caixa de diálogo Abrir. 2. No quadro Pastas, navegue até a pasta que contém o questionário no qual deseja trabalhar. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 45

50 3. No quadro à direita, clique duas vezes no questionário que deseja abrir. O Build abre o arquivo de definição do questionário e exibe um resumo na guia Visão geral. Salvando um questionário: Se você estiver trabalhando fora do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, será possível salvar o questionário com um novo nome. Geralmente, você faz isso quando deseja criar um novo arquivo de biblioteca com base nos conteúdos de um questionário ou arquivo de biblioteca existente. O Build salva o questionário original com seu novo nome e, em seguida, fecha o arquivo original e abre o novo. Se você desejar salvar o questionário com um novo nome sem abrir o novo arquivo, use Salvar cópia como. 1. Escolha Arquivo > Salvar como ou Arquivo > Salvar cópia como Isso abre a caixa de diálogo Salvar como. 2. Na caixa Nome do arquivo, digite um nome para o novo arquivo. 3. Clique em Salvar como. Criando e instalando modelos compartilhados o Build possui uma área de armazenamento central para os modelos que estão disponíveis para uso geral com todos os questionários. Quando estiver criando questionários, será possível incluir modelos na área de armazenamento central usando o botão Upload na caixa de diálogo Selecionar que é exibida ao selecionar um modelo de apresentação para uma questão. Para modelos simples somente isso é o necessário. No entanto, se o modelo se referir a outros modelos (por exemplo, se ele nomear um modelo de grade) ou usar uma folha de estilo ou incluir imagens, também será necessário fazer o seguinte: v Dentro do modelo, especifique nomes de arquivo como URLs ou usando uma notação especial que permita que o programa de entrevistas os acesse usando o cache de imagem. Consulte o tópico Referência a arquivos externos em um arquivo de modelo compartilhado para obter mais informações. v Crie uma pasta separada na área de armazenamento central para todos os arquivos referenciados no arquivo de modelo. Consulte o tópico As pastas de modelos compartilhados e de funções na página 47 para obter mais informações. Se você incluir um arquivo de questionário que use um modelo na biblioteca, será necessário criar uma pasta separada dentro da biblioteca para armazenar o modelo e quaisquer arquivos que o modelo usar e, em seguida, copiar esses arquivos para essa pasta manualmente. Isso se aplica a ambos os modelos, específicos do questionário e compartilhados. Consulte o tópico Copiando questionários que usam modelos para a biblioteca na página 47 para obter mais informações. Referência a arquivos externos em um arquivo de modelo compartilhado: Quando desejar referenciar um modelo diferente a partir do modelo atual (geralmente, quando desejar referenciar um modelo de grade) será possível referenciar esse modelo usando somente o nome do arquivo. Portanto, por exemplo: <mrgridformat1="defaultgridtemplate.xml"> Nomeia um modelo de grade associado ao modelo atual. Não é possível referenciar folhas de estilo ou arquivos de imagem usando nomes de arquivo simples. Nesse caso, você deverá executar uma das ações a seguir: 46 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

51 v Insira a URL completa para o arquivo e, em seguida, assegure-se de instalar o arquivo no local especificado. v Preceda o nome do arquivo com /%image cache url%/; por exemplo, <link rel="stylesheet" type="text/css" href="/%image cache url%/summer.css"> O Build substituirá /%image cache url% pela URL do cache da imagem para que o programa de entrevistas possa carregar o arquivo a partir do cache da imagem. As pastas de modelos compartilhados e de funções: A pasta de modelos compartilhados é denominada FMRoot\Shared\Templates. Dentro dela, a subpasta IBM SPSS Data Collection contém modelos para questionários do IBM SPSS Data Collection gravados na linguagem mrscriptbasic. Nessa subpasta, você localizará arquivos.htm e várias subpastas ocultas cujos nomes são os mesmos que os dos arquivos.htm, mas com a extensão _Files. Por exemplo, há um arquivo DefaultTemplate.htm e uma subpasta oculta DefaultTemplate.htm_Files. DefaultTemplate.htm é o modelo de apresentação padrão e DefaultTemplate.htm_Files contém os arquivos que o modelo padrão usa (neste caso, o modelo de grade padrão, DefaultGridTemplate.xml). Ao criar um modelo compartilhado que usa outros modelos, folhas de estilo ou imagens, será necessário criar a pasta.htm_files na pasta Modelos e copiar todos os arquivos que o modelo usa nessa pasta. Quando um designer de questionário usa um modelo compartilhado, o Build procura uma pasta.htm_files associada a esse modelo e copia o conteúdo dessa pasta na pasta do projeto com o arquivo de modelo escolhido. O Build também reconhece os modelos que estão disponíveis somente para os usuários que pertencem a uma função específica. Esses modelos são armazenados em FMRoot\Roles\RoleName\Templates (por exemplo, FMRoot\Roles\SWGroup1\Templates para modelos disponíveis somente para membros da função SWGroup1). Essas pastas Modelos são as mesmas que as pastas Modelos compartilhadas em todos os aspectos. Copiando questionários que usam modelos para a biblioteca: Se você copiar um questionário para a biblioteca e esse questionário usar modelos, você também deverá copiar os modelos e quaisquer arquivos que sejam usados pelos modelos em uma subpasta na biblioteca. (As versões posteriores do Build farão isso para você.) O nome e o local da subpasta dependem do nome e do local do questionário na biblioteca. A subpasta dos modelos usados por um questionário deve existir na biblioteca no mesmo nível que o próprio arquivo de questionário. Por exemplo, se você copiar o questionário para a pasta da biblioteca Recursos humanos, você também deverá criar a subpasta modelo na subpasta Recursos humanos. O nome da subpasta modelo deve ser o mesmo que o do arquivo de questionário, mas com uma extensão _Files. Por exemplo, se o questionário for chamado EmpSat.mdd, você deverá nomear a subpasta modelo como EmpSat.htm_Files. Uma boa ideia é criá-la como uma pasta oculta para que ela não apareça na estrutura de biblioteca que é exibida aos usuários no Build. Para obter um exemplo dessa estrutura, use o Windows Explorer para navegar para a pasta Classificações e Frequências em FMRoot\Shared\Questionnaire Library Items na pasta de instalação do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. A pasta contém oito modelos, dos quais dois possuem subpastas de modelo. Cada subpasta de modelo contém um conjunto de arquivos de imagem.gif que é usado para representar os pontos em uma escala de classificação de 5 pontos padrão. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 47

52 Regras do Participante As Regras de participante serão exibidas na lista de aplicativos sempre que você escolher um projeto que use o Gerenciamento de amostra. Elas permitem executar as seguintes tarefas: v Alterar ou depurar um script de amostra e validar sua sintaxe sem precisar reativar o projeto. v Converter uma coluna no banco de dados de participante em um Campo de amostra ou um Campo de autenticação. v Executar uma entrevista de teste usando o script revisado. Iniciando as regras de participante 1. Selecione o projeto no qual você deseja trabalhar e clique em Regras de participantes. Alterando o script de amostra 1. Na guia Script, faça todas as mudanças necessárias no script de Gerenciamento de amostra. 2. Opcionalmente, clique em Validar para validar o script. Isso verifica se o script está correto sintaticamente sem precisar salvar o script primeiro. Uma mensagem é exibida acima do quadro de script no final do processo de validação. 3. Para salvar as mudanças, escolha Salvar Se houver erros no script, uma mensagem explicativa será emitida e a versão original do script será restabelecida. Alterando os campos de amostra e os campos de autenticação 1. Selecione a guia Colunas. 2. Para selecionar novos campos de amostra ou cancelar os campos de amostra existentes, clique nas caixas de seleção desses campos na coluna Campo de amostra. 3. Para selecionar novos campos de autenticação ou cancelar os campos de autenticação existentes, clique nas caixas de seleção desses campos na coluna de Campo de autenticação. Notas v Todos os campos de autenticação também devem ser sinalizados como campos de amostra. v Queue, UserId, SampleId, StartTime, e Duration são nomes de campo de sistema reservados e não devem ser configurados como campos de autenticação. Testando o script É possível testar como o script de Gerenciamento de amostra funcionará, executando uma entrevista de teste. Isso permite verificar se qualquer autenticação de chamadas de entrada funciona conforme o esperado, e se o script manipula corretamente os registros retornados a ele com códigos de resultado diferentes. 1. Escolher Teste Todas as mudanças não salvas serão salvas antes que a entrevista de teste seja iniciada. Participantes Use a atividade Participantes para copiar registros de participante a partir de um arquivo de texto para uma tabela em um banco de dados de Amostra (participante). É possível usar um banco de dados e/ou uma tabela existente ou criar novos. Depois de carregar alguns registros, será possível usar a atividade Participantes para visualizar e editar esses registros. 48 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

53 A atividade Participantes exibe uma página que contém seis guias. As primeiras três guias são usadas para visualizar, editar, excluir, fazer o download dos registros que já foram carregados na tabela de amostra. Consulte Visualizando e editando registros de participante na página 59 para obter mais informações. As próximas três guias correspondem às três tarefas que precisam ser executadas antes que seja possível fazer upload de registros. São elas: v Especifique o arquivo de texto e, em seguida, escolha ou defina o banco de dados e a tabela de amostra nos quais os registros de participante serão carregados. Use a Guia Upload para isso. v Mapeie campos a partir dos registros de participante para colunas obrigatórias na tabela de amostra ou crie as colunas obrigatórias com valores padrão. Use a guia Campos obrigatórios para isso. v Defina as novas colunas que deseja criar na tabela de amostra para armazenar outras informações dos registros de participante. Use a Guia Campos adicionais para isso. Após concluir essas tarefas, será possível Fazer upload de registros a partir do arquivo de texto. Formato de arquivo de participante A atividade Participantes lê os arquivos de texto. A primeira linha do arquivo deve conter os nomes dos campos em cada registro na ordem em que os dados aparecem nos registros. As linhas restantes contêm os registros de participante. O delimitador de campo padrão é ponto e vírgula. Se você tiver usado um delimitador de campo diferente como vírgula ou dois pontos, você deverá especificar isso na Guia Upload ao fazer o upload do arquivo. Observe que não é possível usar um caractere não imprimível como caractere de tabulação como delimitador de campo. Este é um exemplo de um arquivo de registros do participante: Id;name;region;password 001;Benjamin Brown;South East;pry ;Veronica Burr;Midlands;qre ;Rebecca Noakes;West;mtev037 Será possível usar aspas duplas nos casos em que o delimitador de campo definido estiver incluído nos registros de amostra. Por exemplo, quando uma vírgula for usada como delimitador de campo, use aspas duplas para os registros de amostra que contiverem vírgulas: Id,name,region,password 001,"Brown, Benjamin",South East,pry ,"Burr, Veronica",Midlands,qre ,"Noakes, Rebecca",West,mtev037 Se o arquivo contiver caracteres acentuados que não estejam em inglês (como aqueles com trema) ou em chinês, japonês ou outros caracteres de byte duplo, assegure-se de salvar o arquivo usando a opção de codificação de texto Unicode (UTF-8) antes de fazer upload. O upload será interrompido com uma mensagem de erro se um arquivo contendo esses caracteres não for um arquivo Unicode. Se você pretende fazer upload de campos de data/hora a partir do arquivo, os valores deverão estar em um dos três formatos: aaaa-mm-dd, yyyy-mm-dd:hh:miou yyyy-mm-dd hh:mi:ss. Se você especificar somente a data, Participantes assumirá que a parte de hora do valor é 00:00:00. Ao carregar registros de amostra em uma nova tabela, Participantes criará a tabela com colunas que correspondam aos campos nos registros de amostra. Se você carregar outro arquivo na mesma tabela e esse arquivo tiver campos adicionais além de todos aqueles do arquivo original, o processo de carregamento criará novas colunas na tabela para esses campos, mas não fará nada nos registros originais na tabela. Isso significa após carregar os dois arquivos, ainda será possível usar os registros de amostra antigos, embora eles contenham menos informações do que os novos. Aviso: Não armazene o arquivo de texto na pasta do usuário para o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Por motivos de segurança, o processo de upload excluirá o arquivo desse local. Iniciando participante 1. Selecione o projeto ao qual os registros de participante pertencem e clique em Participantes. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 49

54 A atividade Participantes é aberta e a guia Resumo é exibida. Se você desejar carregar participantes, selecione a guia Upload. Nomeando o servidor de banco de dados, o banco de dados de amostra e as tabelas de amostra Use a guia Upload para o nomear o arquivo de texto, o banco de dados de amostra e a tabela na qual a amostra deve ser colocada e o nome do servidor no qual o banco de dados está localizado. O procedimento de instalação do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server cria um banco de dados Participantes vazio que você poderá usar, se desejar, ou será possível criar um novo banco de dados para este projeto ou para um grupo de projetos. Após escolher o banco de dados, será possível selecionar uma tabela existente nesse banco de dados ou criar uma nova. Também é possível usar a guia Upload para especificar que a atividade Participantes designará um número aleatório para cada registro do participante, para que para projetos de entrevistas por telefone, o sistema de gerenciamento de amostra selecione os registros em ordem aleatória. Especificando informações do banco de dados 1. Selecione a guia Upload. 2. Se o arquivo que deseja carregar usar algo diferente de ponto e vírgula como separador de campo, substitua o ponto e vírgula na caixa Delimitador de campo pelo caractere apropriado e clique em Aplicar. Nota: Não é possível usar um caractere não imprimível como um caractere de tabulação como um delimitador de campo. 3. Clique em Carregar arquivo e selecione o nome do arquivo que contém os registros de participante que deseja carregar. Aviso: Não armazene o arquivo de texto na pasta do usuário para o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Ao carregar o arquivo, a atividade Participantes usará esse local para salvar uma cópia temporária do arquivo, com o mesmo nome que o arquivo. Por motivos de segurança, Participantes excluirá a cópia temporária posteriormente. 4. Em "Servidor para o qual fazer upload" selecione o servidor que contém o banco de dados de registros de participante ou no qual deseja criar um novo banco de dados. A lista de seleção mostra os nomes de servidores que estão acessíveis a partir de servidor atual. Se o nome do servidor não aparecer na lista suspensa, clique em Inserir nome e insira o nome do servidor, quando solicitado. 5. Em "Banco de dados no servidor para armazenar registros de participante", selecione o nome do banco de dados que deseja usar. Participantes assume como padrão o uso do mesmo banco de dados que foi usado anteriormente, o que será útil se você sempre carregar registros para o mesmo banco de dados. Se desejar criar um novo banco de dados, clique em Novo e insira o nome do banco de dados, quando solicitado. No entanto, somente será possível criar um novo banco de dados se você tiver sido designado à variável da atividade Participantes "É possível criar bancos de dados". Consulte Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. Nota: Se você tiver criado um novo banco de dados manualmente antes de abrir Participantes, você deverá conceder a permissão Usuário anônimo do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para acessar esse banco de dados, caso contrário, a atividade Participantes não poderá carregar registros nele. 6. Em "Tabela no banco de dados para armazenar registros de participante", selecione o nome da tabela na qual deseja carregar registros. Participantes assume como padrão o uso de uma tabela com um nome igual ao do projeto e a criará, caso ela não exista. Se você desejar usar ou criar uma tabela com um nome diferente, clique em Novo e insira o nome da tabela quando for solicitado. Nota: Se possível, crie uma tabela separada para cada projeto. É possível criar uma tabela de amostra compartilhada por vários projetos, mas você corre o risco de sobrescrever os dados de um projeto porque o campo de número de série da entrevista é preenchido em um projeto e, em seguida, é usado no segundo projeto. Por exemplo, se um registro é usado no projeto A e gera uma entrevista com 50 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

55 número de série 100, o número 100 será gravado novamente no campo Serial. Se, em seguida, o registro for usado no Projeto B, o programa de entrevistas lerá o número de série para a nova entrevista a partir do registro de amostra e criará uma entrevista com esse número de série. Se já houver alguma entrevista com esse número de série, seus dados serão sobrescritos. Para evitar isso, você sempre deve preencher previamente o campo Serial em tabelas de amostra compartilhadas. 7. Para especificar que a coluna SortId na tabela de amostra deve ser preenchida automaticamente com valores aleatórios, marque a caixa de seleçãoescolher a esmo novamente todos os registros de participante. Isso permitirá que o sistema de gerenciamento de amostra selecione os registros em ordem aleatória. Como alternativa, se o arquivo de texto de participantes incluir seus próprios valores para SortId ou se você desejar que os registros de participante sejam selecionados na ordem da coluna ID ou se esse projeto não for usado para entrevistas por telefone, desmarque essa caixa de seleção. Para obter mais informações, consulte a entrada para SortId no Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra. Você deve preencher todos os campos nessa guia antes de selecionar outra guia. Se você deixar um campo incompleto, ocorrerá um erro ao tentar usar as outras guias. Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra O sistema de Gerenciamento de amostra requer que cada tabela de amostra tenha pelo menos as seguintes colunas. Se você usar a atividade Participantes para fazer upload do arquivo para uma nova tabela, essas colunas serão criadas automaticamente. Coluna ID Descrição Contém um número ou código que identifica exclusivamente cada registro do participante. Você deve fornecer essas informações no arquivo de texto. Se o arquivo de texto contiver um campo chamado "ID" (com qualquer combinação de letras maiúsculas ou minúsculas), a atividade Participantes mapeará automaticamente esse campo para esta coluna, caso contrário, Participantes mapeará o primeiro campo no arquivo de texto para esta coluna. Será possível alterar o mapeamento se o campo que contiver o ID do participante não for o primeiro campo no arquivo de texto. Consulte a seção "Mapeando campos no arquivo de texto para as colunas obrigatórias na tabela de amostra" para obter mais informações. Se você estiver carregando registros de participante em uma tabela existente, essa coluna deverá ser a Chave primária para a tabela. Se você tiver especificado que a atividade Participantes deve criar a tabela de amostra, ela configurará esta coluna automaticamente para que seja a chave primária. Se você estiver carregando registros de participante em uma tabela existente em um banco de dados SQL com distinção entre maiúsculas e minúsculas, o nome da coluna na tabela deverá ficar exatamente como mostrado, ou seja, um I maiúsculo seguido por um d minúsculo. Ativo CallOutcome InterviewMode O sistema de gerenciamento de amostra configura o valor desta coluna para 1 enquanto está em execução e para 0 em todos os outros momentos. O código de resultado para o contato anterior para este registro. Como o registro pode ser usado: configurado para web para uma entrevista de autoconclusão de entrada ou para Telefone para entrevista por telefone de saída. Pode ser configurado pelo script como Telefone, Web ou Pessoal. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 51

56 Coluna Fila Serial Teste UserId Descrição Esta coluna mostra a fila na qual o registro está pendente atualmente. Participantes configura o valor desta coluna para FRESH ao carregar um registro do participante. Em seguida, o sistema de gerenciamento de amostra atualiza o valor conforme apropriado. Quando identificadores de réplica são definidos no campo da fila para registros específicos, esses registros podem ser usados para criar subconjuntos de registro de amostra/participante. Consulte o tópico "Filas" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Participantes configura o valor desta coluna como 0 ao carregar um registro do participante. Em seguida, o sistema de gerenciamento de amostra configura o valor desta coluna para o número de série da entrevista associada ao registro do participante. Esta coluna é usada pela atividade Entrevistas para filtrar os registros de participante que aparecem em relatórios de entrevista. Se o valor dessa coluna for 0, a atividade Entrevistas tratará o registro como dados reais (ou dados "em tempo real"). Se o valor dessa coluna for 1, a atividade Entrevistas tratará o registro como dados de teste. Se o arquivo de texto não contiver um campo com essas informações, a atividade Participantes configurará o valor desta coluna para nulo e, em seguida, a atividade Entrevistas, tratará o registro como se fosse dados reais e de teste. Se você estiver carregando registros de participante em uma tabela existente, a tabela deverá incluir esta coluna, mesmo se seu projeto não for um projeto de entrevista por telefone. O ID do usuário do registro mais recente na tabela de históricos para uma amostra específica. As tabelas de amostra para projetos de entrevista por telefone também devem incluir as seguintes colunas. Caso não existam, elas serão incluídas automaticamente se você selecionar a opção "Usar amostra para entrevistas por telefone" descrita posteriormente neste tópico, ou se você ativar o projeto usando a opção Com entrevista por telefone na guia Gerenciamento de amostra da atividade Ativação. Coluna ActivityStartTime AppointmentTime AppointmentTryCount Auditoria CallOutcome CallRecordingsCount Comentários ConnectCount Descrição O horário de início do registro mais recente na tabela de históricos para uma amostra específica. O horário em que o respondente pediu para ser chamado. (Os horários são mostrados no formato UTC. O script de Gerenciamento de amostra do projeto considera as diferenças de horário entre entrevistadores e os participantes quando seleciona os registros para chamada.) O número de chamadas feitas para esse registro depois que um compromisso foi configurado. Uma lista das mudanças que os entrevistadores fizeram neste registro. O código de resultado de chamada para a chamada anterior para este registro. O número de gravações de chamada para este registro. A gravação de chamada é uma opção quando um projeto de entrevistas por telefone usa um discador automático. Informações adicionais sobre o participante. O número de retornos de conexão para o registro. 52 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

57 Coluna DayPart ExpirationTime InternalDialerFlags InterviewMode NoAnswerCount PhoneNumber Descrição Assegure-se de que os registros sejam chamados em horários específicos do dia para aumentar a chance de sucesso em atingir os participantes. Define a data e hora de expiração do registro do participante. Por exemplo, um projeto pode determinar que os registros de participante somente podem ser chamados dentro de um intervalo de data específico. Os registros expirados não estão disponíveis para discagem (exceto para recuperar compromissos). A sequência de caracteres em formato livre que pode ser usada para armazenar o que for necessário para o discador. Por exemplo, esse campo poderá conter os pares Name=Value que deverão ser armazenados após a chamada para o registro. Isto poderá ser útil quando o registro for discado novamente. Como o registro pode ser usado: configurado para web para uma entrevista de autoconclusão de entrada ou para Telefone para entrevista por telefone de saída. Pode ser configurado pelo script como Telefone, Web ou Pessoal. O número de retornos sem resposta para o registro. O número de telefone do participante. Se você estiver fazendo upload de registros para um projeto de entrevista por telefone e desejar que os entrevistadores sejam capazes de discar números de telefone automaticamente usando um modem, os números de telefone deverão ser formatado da seguinte forma: +Country/RegionCode (Area/CityCode) SubscriberNumber Por exemplo, para um assinante no Reino Unido. A opção de modem poderá não funcionar se o número do telefone estiver em qualquer outro formato. PreviousInterviewerId PreviousQueue RecallTime ReturnTime Se o projeto de entrevista por telefone usar um discador automático, os números de telefone deverão conter somente os dígitos de 0 a 9,*e# (opcionalmente precedidos por um sinal de mais (+) para apresentar o código de acesso internacional). Além disso, o número de telefone poderá conter os separadores visuais SPACE, (,),. e-. Os separadores visuais não são permitidos antes do primeiro dígito. O entrevistador que recuperou o registro pela última vez. Usado pelo script de Gerenciamento de amostra para retornar um compromisso ao entrevistador que o organizou. O nome da fila na qual o registro foi mantido anteriormente. O horário em UTC que foi configurado como o horário do retorno de chamada para os compromissos definidos automaticamente pelo script de Gerenciamento de amostra. O horário em que o registro foi retornado para o Gerenciamento de amostra. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 53

58 Coluna Selecionador SortId Descrição Permite identificar quais respondentes são os candidatos adequados para a pesquisa de opinião atual. As questões do Selecionador são designadas para filtrar respondentes. Se as respostas de um respondente não atenderem aos critérios do Selecionador, o respondente não terá permissão para continuar a pesquisa de opinião e o campo Selecionador será registrado como Com falha. Se as respostas do respondente atenderem os critérios do Selecionador, ele terá permissão para continuar a pesquisa de opinião e o campo Selecionador será registrado como Aprovado. Esta coluna de número inteiro pode ser usada para definir a ordem na qual os registros de participante são selecionados a partir da fila FRESH pelo sistema de gerenciamento de amostra. Se você estiver usando o script de gerenciamento de amostra de entrevistas por telefone fornecido com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, o script selecionará o registro com o menor valor nesta coluna. É possível preencher essa coluna de uma das duas maneiras: incluindo seus próprios valores para SortId no arquivo de texto ou especificando que esta coluna deverá ser preenchida com valores aleatórios automaticamente quando o arquivo for transferido por upload. Para especificar que deseja valores aleatórios, selecione a opção "Randomizar novamente todos os registros de participante" na guia Upload. Observe que isso também resultará na designação de novos valores a quaisquer registros existentes na tabela de amostra. TimeZone TrunkGroup TryCount UserId Se você optar por não preencher essa coluna, a atividade Participantes configurará seu valor como nulo ao carregar um registro de participante. Em seguida, o script de gerenciamento de amostra de entrevista por telefone fornecido com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server selecionará o registro na fila FRESH que possuir o menor valor na coluna ID. O fuso horário do participante. Se os registros de amostra forem usados em projetos de entrevista por telefone, o campo TrunkGroup poderá ser usado para especificar qual o grupo tronco do discador será usado para discar para o registro de amostra. Se você desejar que o discador selecione o grupo tronco automaticamente, o campo deverá ser configurado como NULL ou vazio. O número de chamadas feitas para este registro. O ID do usuário do registro mais recente na tabela de históricos para uma amostra específica. As tabelas de amostra para projetos de entrevista pessoal também devem incluir as colunas a seguir. Caso não existam, elas serão incluídas automaticamente se você selecionar a opção "Usar amostra para entrevista pessoal" descrita posteriormente neste tópico ou se você ativar o projeto usando a opção "Usar entrevista pessoal" na atividade Ativar. Coluna AppointmentTime AssignedInterviewerId Auditoria CallOutcome Descrição O horário no qual o respondente pediu para ser respondente. O ID do usuário entrevistador que pode recuperar este registro para entrevistas pessoais. Uma lista das mudanças que os entrevistadores fizeram neste registro. O código de resultado do contato anterior para este registro. 54 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

59 Coluna Comentários DistributedTo ExpirationTime InterviewMode PreviousInterviewerId PreviousQueue ReturnTime Selecionador SortId TimeZone UserId Descrição Informações adicionais sobre o participante. O ID ou os IDs de usuário entrevistador que receberam este registro para entrevistas pessoais. Define a data e hora de expiração do registro do participante. Como o registro pode ser usado: configurado para web para entrevista da web ou para Pessoal para entrevistas pessoais. O entrevistador que recuperou o registro pela última vez. Usado pelo script de Gerenciamento de amostra para retornar um compromisso ao entrevistador que o organizou. O nome da fila na qual o registro foi mantido anteriormente. O horário em que o registro foi retornado para o Gerenciamento de amostra. Permite identificar quais respondentes são os candidatos adequados para a pesquisa de opinião atual. As questões do Selecionador são designadas para filtrar respondentes. Se as respostas de um respondente não atenderem aos critérios do Selecionador, o respondente não terá permissão para continuar a pesquisa de opinião e o campo Selecionador será registrado como Com falha. Se as respostas do respondente atenderem os critérios do Selecionador, ele terá permissão para continuar a pesquisa de opinião e o campo Selecionador será registrado como Aprovado. Esta coluna de número inteiro pode ser usada para definir a ordem na qual os registros de participante são selecionados a partir da fila FRESH pelo sistema de gerenciamento de amostra. Este valor pode ser útil em entrevistas pessoais ao planejar os contatos para o dia, pois o SortIds pode ser editado manualmente e, em seguida, usado para ordenação na janela do Interviewer para mostrar a ordem de visita. O fuso horário do participante. O ID do usuário do registro mais recente na tabela de históricos para uma amostra específica. O arquivo de texto de participantes não precisa conter informações para todas as colunas obrigatórias, pois muitas das colunas são usadas somente internamente pelo sistema de gerenciamento de amostra e somente conterão informações depois que um participante for chamado. No mínimo, você deve fornecer um valor no arquivo de texto para a coluna ID. Para projetos de entrevistas por telefone, você deve fornecer um valor para a coluna PhoneNumber, e se houver participantes em mais de um fuso horário, poderá ser necessário fornecer um valor para a coluna TimeZone. Para obter informações mais detalhadas sobre a tabela de amostra, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Tabela de amostra" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Mapeando campos no arquivo de texto para as colunas obrigatórias na tabela de amostra Se um campo no arquivo de texto de participantes tiver o mesmo nome que uma coluna obrigatória, a atividade Participantes mapeará o campo automaticamente para essa coluna. Em seguida, o processo de upload copiará o valor desse campo para essa coluna. No entanto, o arquivo de texto pode conter informações que devem ser transferidas por upload para uma coluna obrigatória, mas o nome do campo no arquivo de texto é diferente do nome da coluna obrigatória. Nessa situação, use a guia Campos obrigatórios para alterar os mapeamentos padrão que a atividade Participantes definiu. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 55

60 Por exemplo, se o arquivo de texto contiver números de telefone em um campo chamado TelNo, a guia Campos obrigatórios poderá ser usada para mapear o campo TelNo para a coluna PhoneNumber. Se o arquivo de texto de participantes contiver outros campos (ou seja, não obrigatórios), a atividade Participantes os mapeará automaticamente para essas colunas adicionais na tabela de amostra. Para alterar o mapeamento para esses campos, use a guia Campos adicionais. Alterando o mapeamento de um campo para uma coluna obrigatória 1. Selecione a guia Campos obrigatórios. 2. Se você estiver fazendo upload de registros para um projeto de entrevista por telefone, clique em Usar amostra de entrevistas por telefone. Isso atualiza a tabela para mostrar as colunas obrigatórias adicionais para entrevistas por telefone. 3. Se você estiver fazendo upload de registros para um projeto de entrevistas pessoais, clique em Usar amostra para entrevistas pessoais. Isso atualiza a tabela para mostrar as colunas obrigatórias adicionais para entrevistas pessoais. 4. Clique no símbolo Editar (o lápis) à direita do campo cujo mapeamento você deseja alterar. Isso altera a coluna "Inicializar com base em" para uma lista suspensa de nomes de campo presentes no arquivo de texto. 5. Em "Inicializar com base em", escolha o campo que deve ser mapeado para esta coluna obrigatória. Como alternativa, escolha novo para especificar que nenhum campo deve ser mapeado para essa coluna. Nota: Se uma coluna não possuir um campo mapeado para ela, ou não possuir um campo mapeado para ela, mas o registro de arquivo de texto não contiver nenhum valor para esse campo, o processo de upload inserirá o valor padrão nessa coluna. 6. Clique no símbolo Atualizar (a marca de seleção azul) para salvar a mudança ou no símbolo Cancelar (a cruz vermelha) para cancelá-la. Incluindo outras informações na tabela de amostra A guia Campos adicionais é usada para visualizar ou alterar os mapeamentos padrão para os campos no arquivo de texto de participantes que não correspondem às colunas obrigatórias na tabela de amostra. Participantes mapeia automaticamente esses campos para colunas adicionais e configura o nome da coluna para que seja igual ao nome do campo. Em seguida, o processo de upload copiará o valor desse campo para essa coluna. Por exemplo, para projetos de entrevistas por telefone, é possível fazer upload do nome e do endereço do participante. Além disso, para projetos cujos participantes falam idiomas diferentes, você pode desejar fazer upload de idioma do participante para que você possa utilizar as qualificações entrevistadores entrevistador para corresponder aos participantes. Para obter mais informações sobre as qualificações do entrevistador, procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide, em o tópico "Incluindo propriedades em grupos de propriedade de usuário". A guia Campos adicionais lista todos os campos no arquivo que está sendo transferido por upload. No entanto, somente é possível alterar as configurações para os campos que ainda não estão mapeados para colunas obrigatórias. Nota: Se desejar usar os relatórios "Resultado de chamada por segmento" e "Chamadas por segmento" na atividade Entrevistas para exibir dados sobre os segmentos (ou seja, grupos ou categorias de sua escolha), você deverá fazer upload dasinformações do segmento a partir o arquivo de texto para uma coluna denominada "Segmento" na tabela de amostra. Para obter mais informações sobre segmentos, consulte Sobre Segmentos na página 199. Item Nome do campo original Descrição O nome de um campo no arquivo de texto de participantes. 56 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

61 Item Fazer upload Novo nome do campo Padrão Tipo Comprimento Descrição Se o campo deve ser transferido por upload para uma coluna na tabela de amostra. O nome para a coluna correspondente na tabela de amostra. Se o campo já tiver sido mapeado para uma coluna obrigatória, isso será mencionado aqui e não será possível alterar as configurações do campo nesta guia. O valor padrão para esta coluna se o registro no arquivo de texto não contiver um valor correspondente para esta coluna. O tipo de dados para esta coluna. Com base nos dados no arquivo de texto, Participantes sugere o melhor tipo de dados a ser usado. O tamanho máximo desta coluna. Somente pode ser configurado para alguns tipos de dados. Alterando o mapeamento de um campo para uma coluna adicional 1. Selecione a guia Campos adicionais. 2. Clique no símbolo Editar (o lápis) à direita do campo cujo mapeamento você deseja alterar. Somente escolha um campo que não tenha sido mapeado para uma coluna obrigatória. Nota: Se desejar alterar o mapeamento para um campo que tenha sido mapeado para uma coluna obrigatória, use a guia Campos obrigatórios. 3. Se você não desejar que Participantes carregue esse campo na tabela de amostra, limpe a caixa de seleção Fazer upload. 4. Se você não desejar que os Participantes deixem o nome da coluna na tabela de amostra igual ao nome do campo no arquivo de texto, altere o valor de "Novo nome do campo". Nota: Os nomes de colunas na tabela de amostra devem estar em conformidade com as regras para os nomes de colunas SQL. Em geral, um nome de coluna deve começar com uma letra ou um sublinhado e conter qualquer combinação de letras, números, sublinhados e os $ ou #. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Regras para identificadores regulares" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. 5. Se você não desejar que Participantes configure o valor desta coluna como Nulo quando o registro no arquivo de texto não contiver um valor correspondente para esta coluna, insira o novo valor padrão em "Padrão". Nota: O valor padrão deve ser válido para o tipo de dados da coluna, conforme especificado em "Tipo". 6. Em Tipo, escolha o tipo de dados que corresponde ao tipo de dados que o campo contém. Nota: Essa coluna mostra os tipos de dados do IBM SPSS Data Collection Data Model. Quando Participantes cria as colunas no banco de dados, ele converte esses tipos de dados nos tipos de dados usados pelo aplicativo de banco de dados. A maioria dos aplicativos de banco de dados possui uma maior variedade de tipos de dados que o IBM SPSS Data Collection Data Model, portanto, Participantes escolhe o tipo de dados do banco de dados que melhor corresponde os dados que localiza no campo de texto. Por exemplo, o IBM SPSS Data Collection Data Model classifica todos os números inteiros como Longos, enquanto um banco de dados SQL classifica como int ou smallint, dependendo do comprimento do número. Se for importante que as colunas sejam criadas com tipos de dados específicos no banco de dados, será possível examinar e alterar as definições das colunas usando as ferramentas do aplicativo de banco de dados, depois que os registros do participante forem carregados. 7. Em Comprimento, insira o tamanho máximo desta coluna na tabela de amostra. 8. Clique no símbolo Atualizar (a marca de seleção azul) para salvar a mudança ou no símbolo Cancelar (a cruz vermelha) para cancelá-la. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 57

62 Réplicas: Réplicas são um mecanismo para disponibilizar conjuntos de registros de participantes para discagem. Os conjuntos de registros de participante podem ser agrupados com base em um significado específico (dia específico da semana por exemplo) ou podem ser grupos arbitrários que representam uma parte dos registros de participante disponíveis. Os conjuntos de registros são definidos pela aplicação de identificadores de réplica em cada campo de Fila de registro de participante. Esses identificadores permitem determinar quais réplicas estão sendo discadas. As réplicas são simplesmente filas diferentes, por exemplo, é possível especificar Fila= REPLICATE1 para a primeira réplica (ou Fila= MIDWEST1 para a réplica específica da região). O upload de registros de participante que contêm identificadores de réplica não os disponibiliza imediatamente para discagem. Primeiro você deve liberar as réplicas atualizando a tabela de participante. Por exemplo: UPDATE ParticipantTable SET Queue= FRESH WHERE Queue= REPLICATE1 Isso pode ser executado na atividade Participantes do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. É possível relatar com relação a Fila e a qualquer outro campo. Por exemplo, um relatório de Fila por Região mostraria quantos registros estão disponíveis em cada réplica (assim como todas as outras filas) para cada Região. Forçar discagem de visualização: Os regulamentos nacionais ou estaduais podem requerer que determinados números não sejam discados automaticamente (números de telefone celular, por exemplo). A variável Forçar discagem de visualização força o entrevistador a selecionar manualmente o botão discar para registros de participante específicos, evitando chamadas silenciosas. Configurando uma amostra de registros de participante As instruções a seguir explicam o processo de configuração de registros de participante para Forçar discagem de visualização: v Edite o arquivo de registros de participante para incluir o campo RequiresManualDial e especifique o valor 1 para cada registro que requeira discagem manual. Por exemplo: Id;name;region;password;RequiresManualDial 001;Benjamin Brown;South East;pry6354;1 002;Veronica Burr;Midlands;qre9510;1 003;Rebecca Noakes;West;mtev037;1 Consulte o tópico Formato de arquivo de participante na página 49 para obter mais informações. Quando o arquivo de registros de participante for transferido por upload por meio da atividade Participante do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, todos os registros que tiverem o valor 1 para o campo RequiresManualDial exigirão que o entrevistador inicie a discagem manualmente. Fazendo upload de registros a partir do arquivo de texto 1. Na guia Upload, clique em Importar participantes. Uma caixa de progresso relata o número de registros transferidos por upload. 2. Quando todos os registros foram processados, clique em OK para fechar a caixa de progresso. Notas v A atividade Participantes faz o upload de todos os registros em um arquivo de texto de uma vez. Não é possível carregar somente parte de um arquivo. v Se o arquivo de texto que está sendo transferido por upload contiver um registro com o mesmo ID que um registro que já esteja na tabela de amostra, a atividade Participantes rejeitará o registro e continuará com o próximo registro no arquivo de texto. No final do upload, Participantes exibirá uma lista de registros rejeitados. 58 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

63 v Se o processo de upload falhar com a mensagem "Permissão CREATE DATABASE negada no banco de dados 'principal'", o problema poderá ser que a conta do Usuário anônimo do IIS não tem permissão para criar bancos de dados. Entre em contato com o administrador do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para obter assistência. v Somente os valores dos campos recém-incluídos serão incluídos nos registros existentes ao fazer upload de amostras em um banco de dados existente. Os valores do banco de dados existente não serão atualizados, mesmo quando forem diferentes dos valores no arquivo recém-transferido por upload. v Quando um projeto é ativado, uma visualização que une a tabela de amostra e a tabela de históricos de amostra é criada para propósito de relatório. Na instrução SQL de visualização são renomeados quatro dos campos da visualização (ID é renomeado para SampleId, CallOutcome é renomeado para CallOutcomeTmp, UserId é renomeado para InterviewerId e um campo de computação é nomeado para IsLatestEntry). Como resultado, quando uma tabela de amostra contiver um nome de coluna igual a uma das quatro colunas de alias da visualização, um erro será gravado no log ACT quando o projeto for ativado. A mensagem de erro é semelhante a: Column names in each view or function must be unique. Column name InterviewerId in view or function SAMPLETEST_SampleOverview is specified more than once. Visualizando e editando registros de participante É possível visualizar registros de participante que já foram carregados na tabela de amostra. A atividade Participantes tem duas opções para isso: v A guia Visualizar exibe os registros em detalhes. É possível escolher quantos registros você deseja que sejam listados de uma vez, quais colunas deseja que apareçam e em que ordem as colunas aparecerão. Também é possível usar a guia Visualizar para exibir uma seleção de registros, para editar registros, para executar uma atualização em massa, para excluir registros, para fazer download de registros em um arquivo de texto e para procurar usuários que estejam designados ao projeto ao modificar o valor do campo AssignedInterviewerId. v A guia Resumo exibe o número total de registros em cada fila. Se você clicar no ícone Visualizar fila à direita de uma das filas, os registros nessa fila serão exibidos na guia Visualizar. O restante deste tópico descreve os seguintes assuntos: v A guia Visualizar. v Navegando na guia Visualizar. v Usando a guia Configurações de visualização para customizar a guia Visualizar. v Alterando a lista padrão de campos exibidos na guia Visualizar. Nota: Se você estiver usando o Microsoft Internet Explorer 8 ou superior para acessar a atividade Participantes e os registros de participante contiverem caracteres em chinês, japonês ou coreano (ou seja, caracteres de byte duplo), os caracteres somente serão exibidos corretamente se você tiver instalado os arquivos para idiomas do Leste Asiático no computador. Normalmente, isso pode ser feito em Opções Regionais e de Idioma (ou Opções regionais) no Painel de controle do Windows. A guia Visualizar A guia Visualizar consiste na área de janela Participantes e na tabela Registros de participantes. A área de janela Participantes contém opções para exibir todos os registros de participantes ou uma seleção de registros de participante. Consulte o tópico Exibindo uma seleção de registros na página 61 para obter mais informações. A tabela Registros de participantes exibe os registros de participante. Consulte "Para customizar a guia Visualizar" a seguir para obter informações adicionais sobre como alterar o número ou a ordem das colunas na tabela. Observe que as colunas de data/hora sempre são mostradas no formato yyyy-mm-dd hh:mi:ss. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 59

64 Navegando na guia Visualizar Por padrão, a guia Visualizar exibe 50 registros em cada página. Na parte inferior esquerda de cada página, o número total de registros na tabela de amostra e o número total de páginas são mostrados. Os ícones na parte inferior de cada página podem ser usados para navegar entre as páginas, conforme é mostrado na tabela a seguir: Ícone Descrição Exibir a primeira página. Exibir a página anterior. [1] [2] [3]... Exibir página 1, página 2, página 3 e assim por diante. Exibir a próxima página. Exibir a última página. Customizando a guia Visualizar 1. Selecione a guia Configurações de visualização. 2. Em Opções de exibição, selecione o número de registros que você deseja que apareçam em cada página na guia Visualizar. É possível selecionar de 25 a 1000 registros. Nota: A atividade Participantes pode ser customizada por um administrador para mostrar outros valores na lista Opções de exibição, por exemplo, para exibir mais de 1000 registros. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Configurações para a atividade Participantes" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. 3. Em "Opções de seleção e edição", escolha o método que deseja usar para selecionar e atualizar registros na guia Visualizar da seguinte forma: v Padrão. Esta opção permite construir critérios de seleção, escolhendo os valores nas listas suspensas. Se você selecionar esta opção, somente será possível atualizar os registros na guia Visualizar alterando seus valores em uma caixa de diálogo. v Avançado. Esta opção permite gravar os critérios de seleção, digitando uma expressão semelhante à expressão WHERE em uma instrução SQL SELECT. Se você selecionar esta opção, também será possível atualizar os registros selecionados digitando outra expressão semelhante à expressão SET em uma instrução SQL UPDATE Nota: Somente será possível selecionar a opção Avançado se você tiver sido designado à variável "É possível editar participantes avançado" da atividade Participantes. Consulte o tópico Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. 4. Em Configuração da tabela, escolha quais campos aparecerão na guia Visualizar, da seguinte forma: v Para incluir um campo aos que já são exibidos, clique no nome do campo na lista Campos disponíveis e, em seguida, clique em Incluir. v Para remover um campo dos que já são exibidos, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Remover. Dica: Em Configuração da tabela, é possível selecionar vários campos pressionando Ctrl ou Shift enquanto clica. Observe que Configuração da tabela somente mostra os arquivos aos quais você tem acesso. Consulte o tópico Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. 5. Em Configuração da tabela, escolha a ordem dos campos exibidos na guia Visualizar, da seguinte forma. 60 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

65 v Para mover um campo para a esquerda da página, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para cima. v Para mover um campo para a direita da página, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para baixo. 6. Na lista suspensa "Ordenar tabela", selecione o campo que determinará a ordem dos registros na guia Visualizar. 7. Após concluir as mudanças, clique em Aplicar. Para desfazer as mudanças, clique em Cancelar. 8. Selecione a guia Visualizar para ver as mudanças. Alterando a lista padrão de campos exibida na guia Visualizar Ao criar um novo projeto, a lista Campos exibidos na guia Configurações de visualização é preenchida com uma lista de campos padrão fornecida pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Para alterar a lista padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece, é necessário usar o DPM (Distributed Property Management) Explorer, da seguinte forma: 1. No Windows Explorer, execute DPMExplorer.exe que, por padrão, está localizado na pasta [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\Tools\VB.NET\DPM Explorer.Net. 2. Na área de janela esquerda, expanda o nó de nível superior (o nome do site) e, em seguida, clique no nó Propriedades. 3. Na área de janela superior direita, clique na propriedade ParticipantsDefaultDisplay. 4. Na área de janela inferior direita, alterar a lista de nomes de campo conforme o necessário. Assegure-se de separar os nomes de campo com pontos e vírgulas e de não incluir espaços. 5. Clique no botão Aplicar, que está no canto inferior direito. Procurando usuários designados ao projeto É possível procurar usuários designados a um projeto específico ao modificar o valor do campo AssignedInterviewerId. O diálogo Procura de usuário é exibido ao modificar o campo AssignedInterviewerId. O diálogo lista os usuários que estão atualmente designados ao projeto e permite procurar por usuários específicos, inserindo as informações apropriadas de nome de usuário ou função de usuário. Exibindo uma seleção de registros: Por padrão, a guia Visualizar da atividade Participantes exibe todos os registros de participante na tabela de amostra. Como uma tabela de amostra pode conter milhares de registros, é possível escolher exibir somente uma seleção de registros para que seja possível localizar mais facilmente os registros que você deseja visualizar. Especifique os registros que deseja exibir, definindo critérios de seleção. Por exemplo, os critérios podem ser selecionar um único registro com um ID específico ou selecionar todos os registros para os quais uma entrevista tenha sido concluída com sucesso. O método usado para especificar os critérios de seleção dependerá de a opção Padrão ou Avançada em "Opções de seleção e edição" ter sido selecionada na Guia Configurações de visualização. O restante deste tópico supõe que a opção Padrão foi selecionada. Se a opção Avançada tiver sido selecionada, consulte Executando uma atualização em massa na página 65. Nota: Dependendo do banco de dados de amostra que estiver sendo usado, as procuras de texto poderão fazer distinção entre maiúsculas e minúsculas. Se isso ocorrer, você deverá digitar os valores de texto de forma que eles correspondam às maiúsculas e minúsculas dos dados na tabela de amostra. Por exemplo, os nomes de fila como COMPLETED sempre devem ser digitados em maiúsculas. O restante deste tópico descreve os seguintes procedimentos: v Exibindo uma seleção de registros v Exibindo os registros que estão dentro de um intervalo de valores Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 61

66 v v v v Exibindo os registros que possuem um dos vários valores Exibindo os registros que contêm uma palavra ou frase Exibindo os registros que contêm uma data Exibindo os registros que contêm um campo vazio Exibindo uma seleção de registros 1. Na guia Visualizar, assegure-se de que a área de janela Participantes seja maximizada para que seja possível ver as opções Exibir Todos e Exibir Seleção. 2. Selecione a opção Exibir Seleção. Um grupo de listas suspensas, caixas de texto e botões aparece. Use-os para especificar os critérios de seleção que determinarão quais registros serão exibidos. Por exemplo, os critérios podem selecionar somente os registros que estejam na fila COMPLETED. 3. Na lista suspensa Campo, selecione o campo que você deseja usar nos critérios de seleção, por exemplo, Fila. Observe que a lista suspensa Campo inclui somente os campos aos quais você tem acesso. Consulte o tópico Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. 4. Na lista suspensa à direita de Campo, selecione a comparação que você deseja usar nos critérios de seleção, por exemplo, igual a. 5. Na caixa de texto Valor, digite o valor que você deseja usar nos critérios de seleção, por exemplo, COMPLETED. (No entanto, se o banco de dados de amostra não fizer distinção entre maiúsculas e minúsculas, será possível digitar completed.) 6. Clique em Aplicar. Agora, a lista de registros de participante incluirá somente os registros que corresponderem aos critérios de seleção. Se houver mais registros além dos que cabem em uma página, use os ícones na parte inferior da página para navegar entre páginas. Nota: v Um método mais rápido para exibir todos os registros em uma fila é clicar na Guia Resumo e, em seguida, clicar no ícone Visualizar fila à direita da fila. v Para retornar à exibição de todos os registros de participante, selecione a opção Exibir todos na área de janela Participantes. Exibindo os registros que estão dentro de um intervalo de valores Você pode desejar exibir somente os registros que possuem um valor que esteja entre dois valores, por exemplo, registros que possuam um ID entre 100 e Insira a primeira parte dos critérios de seleção, por exemplo, ID, maior que, Clique no botão E/ou. Um segundo grupo de listas suspensas, caixas de texto e botões aparece sob o primeiro grupo. 3. Neste segundo grupo, insira a segunda parte dos critérios de seleção, por exemplo, ID, menor que, Clique em Aplicar para exibir os registros que correspondem aos critérios de seleção. Nota: Para remover uma linha de seus critérios de seleção, clique em Excluir à direita da linha que deseja remover. Exibindo os registros que possuem um dos vários valores Você pode desejar exibir somente registros cujos valores sejam iguais a qualquer um dos vários valores, por exemplo, os registros que estejam na fila FRESH, na fila ACTIVE ou na fila FAILED. 62 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

67 1. Insira a primeira parte dos critérios de seleção, por exemplo, Fila, igual a, FRESH. 2. Clique no botão E/ou. 3. Na lista suspensa E/ou, selecione Ou. 4. Insira a segunda parte dos critérios de seleção, por exemplo, Fila, igual a, ACTIVE. 5. Clique no botão E/ou e selecione Ou na lista suspensa. 6. Insira a terceira parte dos critérios de seleção, por exemplo, Fila, igual a, FAILED. 7. Clique em Aplicar para exibir os registros que correspondem aos critérios de seleção. Exibindo os registros que contêm uma palavra ou frase Para exibir somente os registros que contêm uma palavra ou frase, use a comparação contém nos critério de seleção. Por exemplo, se os registros de participante incluírem um campo Nome, será possível exibir todos os participantes cujos sobrenomes sejam Smith, especificando Nome, contém, Smith como os critérios de seleção. Lembre-se de que se o banco de dados de amostras fizer distinção entre maiúsculas e minúsculas, você deverá digitar a palavra ou frase de modo que as maiúsculas e minúsculas correspondam às dos dados na tabela de amostras. Nota: As comparações contém, não contém, inicia com, não inicia com, termina com e não termina com usam o operador Transact-SQL LIKE, o que significa que é possível usar caracteres curinga no valor de procura. Alguns exemplos do uso de caracteres curinga são: v %, que significa qualquer sequência de caracteres com zero ou mais caracteres. v _ (um sublinhado), que significa qualquer caractere único. v [abc], que significa qualquer um dos caracteres a, b ou c. v [w-z], que significa qualquer caractere no intervalo de waz. v [^de], que significa qualquer caractere, exceto d ou e. Para procurar um sublinhado, especifique [_] (um sublinhado entre colchetes). Para procurar uma porcentagem, especifique [%]. Exibindo os registros que contêm uma data Se os critérios de seleção incluírem um campo de data/hora, você deve inserir o valor em um dos três formatos: aaaa-mm-dd, yyyy-mm-dd:hh:mi ou yyyy-mm-dd hh:mi:ss. Se você especificar somente a data, o horário 00:00:00 será assumido. Portanto, para exibir os registros que contenham uma data específica, os critérios de seleção devem ser especificados como um intervalo. Por exemplo, se os registros de participante incluírem um campo AppointmentTime, será possível exibir todos os participantes que possuem um compromisso no dia 23 de fevereiro de 2006, especificando os critérios de seleção como AppointmentTime, maior que, , E, AppointmentTime, menor que, Exibindo os registros que contêm um campo vazio Para exibir somente os registros que contêm um campo vazio, selecione o nome do campo, em seguida, selecione a comparação está vazio e, em seguida, clique em Aplicar. Observe que não é necessário inserir um valor ao usar as comparações está vazio ou não está vazio. Editando registros: A guia Visualizar da atividade Participantes permite alterar o valor de qualquer campo em um registro do participante, com exceção do campo ID. Além de editar registros individuais, também é possível editar vários registros simultaneamente e, nesse caso, todas as mudanças que forem feitas, serão aplicadas a todos os registros escolhidos para edição. Editando um registro 1. Na guia Visualizar, selecione a caixa de seleção à esquerda do registro que deseja editar. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 63

68 2. Clique no ícone Editar no canto superior direito da lista de registros, conforme é mostrado abaixo: O diálogo Editar é aberto. Nota: Ao clicar em um campo, a área de janela de informações na parte inferior do diálogo Editar indica se a coluna correspondente na tabela de amostra é uma coluna de texto, uma coluna numérica ou uma coluna de data. A área de janela de informações também mostra os valores mínimo e máximo para colunas numéricas e o comprimento máximo para colunas de texto. 3. Altere qualquer um dos valores para novos valores. Se você alterar um campo de data, o novo valor deverá estar em um dos três formatos: yyyy-mm-dd, yyyy-mm-dd:hh:mi ou yyyy-mm-dd hh:mi:ss. Se você especificar somente a data, o horário 00:00:00 será assumido. Se você alterar o campo PhoneNumber eoprojeto usar modens ou um discador automático para discar os números de telefone dos participantes, assegure-se de que o novo número de telefone esteja no formato correto e não contenha nenhum caractere inválido. Consulte o tópico Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página 51 para obter mais informações. 4. Se um campo contiver um valor, mas você desejar que ele fique vazio, marque a caixa de seleção à direita do campo, sob o título Configurar como vazio. Nota: A área de janela de informações na parte inferior do diálogo Editar informa que valor será usado se você selecionar Configurar como vazio. 5. Quando você tiver terminado de fazer as mudanças, clique em OK. Para desfazer as mudanças, clique em Cancelar. O diálogo Editar é fechado e, após uma breve pausa, outra caixa de diálogo é aberta para confirmar que a atualização foi bem-sucedida. 6. Clique em Fechar. A lista de registros do participante é atualizada para mostrar as mudanças. Editando vários registros Nota: Se você selecionar a edição de todos os registros, e os registros se estenderem por várias páginas, será fornecida a opção para editar todos os registros na página atual ou todos os registros em todas as páginas. 1. Na guia Visualizar, marque a caixa de seleção à esquerda de cada registro que deseja editar. Como alternativa, se você desejar editar todos os registros, marque a caixa de seleção à esquerda dos nomes de campo. 2. Clique no ícone Editar no canto superior direito da lista de registros, conforme é mostrado abaixo: O diálogo Editar é aberto. Observe que os valores somente serão mostrados no diálogo quando o valor for idêntico para todos os registros selecionados. Se nenhum valor for mostrado, isso poderá indicar que os registros possuem valores diferentes ou que o campo está vazio em todos os registros selecionados. 3. Se você somente deseja editar os registros na página atual, selecione a opção Aplicar edições à página de registros atual. Se você desejar editar todos os registros em todas as páginas, selecione a opção Aplicar edições a todos os registros retornados pelo filtro atual. Faça as mudanças e clique em OK. O diálogo Editar é fechado e depois de uma breve pausa, outra caixa de diálogo é aberta para confirmar o número de registros que foram atualizados. 4. Clique em Fechar. 64 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

69 Executando uma atualização em massa: A variável de atualização em massa da atividade Participantes facilita a atualização de vários registros de participantes de uma vez. Você especifica os registros que deseja atualizar e as atualizações que deseja fazer, digitando duas expressões semelhantes às usadas em instruções SQL. Como alternativa, é possível simplesmente exibir uma seleção de registros sem atualizá-los. Para usar a variável de atualização em massa, selecione a opção Avançado em "Opções de Selecionar e Editar" na Guia configuração de visualização. Nota: Sempre use a variável de atualização em massa com cuidado, pois os participantes não possuem uma opção desfazer. Observe que não é possível usar a variável de atualização em massa para excluir registros (em vez disso, consulte Excluindo registros na página 67). Selecionando registros Especifique os registros que deseja selecionar para atualizar ou exibir (ou seja, os critérios de seleção), digitando uma expressão com o formato a seguir: column_name comparison_operator value column_name Especifica o nome da coluna na tabela de amostra. Somente é possível especificar uma coluna a qual você tem acesso. Consulte o tópico Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. comparison_operator Deve ser um dos seguintes operadores: = (igual), < (menor que), > (maior que), <= (menor que ou igual a), >= (maior que ou igual a),!< (não menor que),!> (não maior que), <> (diferente de) ou!= (diferente de). Também é possível especificar o operador LIKE do Transact-SQL, que permitirá incluir caracteres curinga no valor. Alguns exemplos de caracteres curinga são: v %, que significa qualquer sequência de caracteres com zero ou mais caracteres. v _ (um sublinhado), que significa qualquer caractere único. v [abc], que significa qualquer um dos caracteres a, b ou c. v [w-z], que significa qualquer caractere no intervalo de waz. v [^de], que significa qualquer caractere, exceto d ou e. value Especifica um valor com o mesmo tipo de dados que a coluna. Se a coluna for uma coluna de texto ou de data/hora, coloque o valor entre aspas simples. Se um valor de texto contiver caracteres de byte duplo, inclua a letra maiúscula N antes de aspa simples de abertura para especificar que o valor é Unicode. Se a coluna for uma coluna de data/hora, o valor deverá estar em um dos três formatos: yyyy-mm-dd, yyyy-mm-dd:hh:mi ou yyyy-mm-dd hh:mi:ss. Se você especificar somente a data, o horário 00:00:00 será assumido. Nota: Dependendo do banco de dados de amostra que estiver sendo usado, as procuras de texto poderão fazer distinção entre maiúsculas e minúsculas. Se isso ocorrer, você deverá digitar os valores de texto de forma que eles correspondam às maiúsculas e minúsculas dos dados na tabela de amostra. Por exemplo, os nomes de fila como COMPLETED sempre devem ser digitados em maiúsculas. Uma expressão também pode ter o seguinte formato: column_name IS [NOT] NULL Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 65

70 Os critérios de seleção podem consistir em duas ou mais expressões (ou "subexpressões"), combinadas usando os operadores lógicosand, OR e NOT. Exemplos de critérios de seleção 1. Para selecionar todos os registros que estão na fila COMPLETED: Queue = COMPLETED 2. Para selecionar todos os registros que estejam na fila COMPLETED e tenham um ID entre 100 e 200: Queue = COMPLETED AND Id >= 100 AND Id <= Para selecionar todos os registros que estejam na fila FRESH ou ACTIVE: Queue = FRESH OR Queue = ACTIVE 4. Para selecionar todos os registros cuja coluna Nome inclua o texto Unicode "Smith": Name LIKE N Smith 5. Para selecionar todos os registros que possuam um compromisso em 23 de fevereiro de 2006: AppointmentTime >= AND AppointmentTime < Para selecionar todos os registros cuja coluna Teste não seja nula: Test IS NOT NULL Exibindo registros sem atualizá-los 1. Na caixa de texto Critérios de seleção, digite a expressão. Para selecionar todos os registros, assegure-se de que a caixa de texto Critérios de seleção esteja vazia. 2. Assegure-se de que a caixa de texto Atualizar esteja vazia. 3. Clique em Aplicar. Agora, a lista de registros de participante incluirá somente os registros que corresponderem aos critérios de seleção. Se houver mais registros além dos que cabem em uma página, use os ícones na parte inferior da página para navegar entre páginas. Atualizações em massa Defina a atualização que deseja executar nos registros selecionados digitando uma expressão no formato a seguir: column_name = new_value column_name Especifica o nome da coluna na tabela de amostra. Você sempre deve digitar o nome da coluna de modo que as letras maiúsculas e minúsculas correspondam às do nome do campo exibido em Participantes. Esse regra se aplicará mesmo quando o banco de dados de amostra tiver sido configurado para não fazer distinção entre maiúsculas e minúsculas. Além disso, somente é possível especificar uma coluna a qual você tenha acesso. Consulte Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. new_value Especifica o valor que será designado à coluna. Para obter mais informações, consulte a descrição de value em "Selecionando registros" acima. É possível atualizar várias colunas de uma vez, separando as expressões com vírgulas. 66 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

71 Executando uma atualização em massa 1. Na caixa de texto Critérios de seleção, digite uma expressão que especifique os registros que deseja atualizar. Consulte "Selecionando registros" acima para obter informações adicionais. Para selecionar todos os registros, assegure-se de que a caixa de texto Critérios de seleção esteja vazia. 2. Na caixa de texto Atualizar, digite uma expressão que especifique a atualização que deseja executar. Por exemplo, para designar todos os registros selecionados para a fila APPOINTMENT e alterar o valor da coluna PreviousQueue para SILENT, digite o seguinte: Queue = APPOINTMENT, PreviousQueue = SILENT 3. Clique em Aplicar. Uma caixa de diálogo "Confirmar atualização" é aberta. 4. Clique em OK. Após uma breve pausa, outra caixa de diálogo é aberta para confirmar o número de registros que foram atualizados. 5. Clique em OK para fechar a caixa de diálogo. Agora, a lista de registros de participante incluirá somente os registros que corresponderem aos critérios de seleção. Se as colunas que você atualizou estiverem visíveis, os novos valores serão exibidos. Excluindo registros: Aviso: Não exclua registros de participante dos projetos de entrevista por telefone, pois isso pode fazer com que os relatórios de telefone mostrem resultados inesperados. Somente será possível excluir registros de participante se a variável de atividade de Participante "É possível excluir participantes" tiver sido designada a você. Consulte o Controlando o acesso a dados e variáveis na página 68 para obter mais informações. 1. Na guia Visualizar, marque a caixa de seleção à esquerda do registro ou dos registros que deseja excluir. Como alternativa, se desejar excluir todos os registros na página, marque a caixa de seleção à esquerda dos nomes do campo. Nota: Se você selecionar para excluir todos os registros e os registros estenderem-se por várias páginas, o diálogo Excluir todos será exibido, permitindo excluir todos os registros na página atual ou todos os registros em todas as páginas. 2. Clique no ícone Excluir no canto superior direito da lista de registros, conforme é mostrado abaixo: 3. Para confirmar a exclusão, clique em OK. Após uma breve pausa, outra caixa de diálogo será aberta para confirmar que a exclusão foi bem-sucedida. 4. Clique em Fechar. A lista de registros de participante é atualizada para não mostrar mais os registros excluídos. Fazendo download de registros: É possível fazer download de um, alguns ou todos os registros de participante em um arquivo de texto (.csv). Os dados no arquivo ficarão no formato correto para fazer upload para outra tabela de amostra e estarão dentro das convenções de arquivo.csv padrão. Consulte Valores separados por vírgula para obter mais informações sobre arquivos.csv. Todos os arquivos.csv transferidos por download são codificados em Unicode Transformation Format de 8 bits (UTF-8). Portanto, você deverá assegurar-se de que qualquer ferramenta que você escolher para abrir os arquivos codificados seja compatível com UTF-8. Aviso: O download de uma grande quantidade de registros de participante pode afetar o desempenho do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Consulte o tópico Formato de arquivo de participante na página 49 para obter mais informações. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 67

72 Fazendo download de todos os registros 1. Na guia Visualizar, clique no ícone Fazer download de todos no canto superior direito da lista de registros, conforme é mostrado abaixo: 2. Quando solicitado, escolha se deseja abrir o arquivo de texto no programa associado ou salvá-lo no local de sua escolha. Fazendo download de uma seleção de registros 1. Na guia Visualizar, marque a caixa de seleção à esquerda do registro ou dos registros que deseja transferir por download. Como alternativa, se você desejar fazer o download de todos os registros na página, marque a caixa de seleção à esquerda dos nomes de campo. 2. Clique no ícone Download no canto superior direito da lista de registros, conforme é mostrado abaixo: 3. Quando solicitado, escolha se deseja abrir o arquivo de texto no programa associado ou salvá-lo no local de sua escolha. Nota: Ao fazer download de uma seleção de registros, não é possível fazer o download de um número maior do que o máximo de registros que podem ser incluídos em uma única página na guia Visualizar. Por padrão, esse número é 1000 registros, que é o maior valor que pode ser selecionado na lista de Opções de exibição na guia Definições de exibição. No entanto, é possível que um administrador customize a atividade Prticipantes para incluir valores maiores que 1000 na lista Opções de exibição. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Configurações para a atividade Participantes" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Controlando o acesso a dados e variáveis É possível restringir o acesso da atividade Participantes para especificar servidores, bancos de dados, tabelas e colunas, incluindo entradas no arquivo SampleMgtGUI.Config.xml. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Controlando o acesso a dados de amostra " e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Observe também que somente os campos que foram selecionados na Guia Gerenciamento de amostra da atividade Ativar, quando o projeto foi ativado, poderão ser visualizados na atividade Participantes. Controlando o acesso a dados pelo sistema de Gerenciamento de amostra É possível especificar que uma ou mais colunas na tabela de amostra são somente leitura e não podem ser atualizadas pelo sistema de gerenciamento de amostra do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Para fazer isso, é necessário usar o DPM (Distributed Property Management) Explorer, da seguinte forma: 1. No Windows Explorer, execute DPMExplorer.exe que, por padrão, está localizado na pasta [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\Tools\VB.NET\DPM Explorer.Net. 2. Na área de janela esquerda, expanda o nó de nível superior (o nome do site) e, em seguida, expanda os seguintes nós: Servidores > <o nome do servidor> > SampleManagements > <nome do projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration> > Fila > Fila > Propriedades 3. No menu Incluir, escolha Propriedades. Isso abre uma caixa de diálogo. 68 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

73 4. Em Nome, digite ReadOnlyFieldColumns. Em Valor, digite uma lista separada por vírgula dos nomes de colunas na tabela de amostra que você deseja que sejam somente leitura. 5. Clique em OK. Isso inclui a propriedade ReadOnlyFieldColumns para o DPM. Controlando o acesso a variáveis É possível controlar o acesso a diversas variáveis em Participantes designando usuários ou funções às variáveis da atividade Participantes. As variáveis da atividade que podem ser usadas são mostradas na tabela a seguir. Nome da variável de atividade É possível editar participantes avançado É possível criar bancos de dados É possível excluir participantes É possível fazer download de participantes É possível editar participantes É possível fazer upload de participantes É possível visualizar participantes É possível visualizar resumo Descrição Se as opções avançadas podem ser usadas para selecionar e atualizar registros na guia Visualizar. Se um novo banco de dados pode ser criado na guia Upload. Se os registros de participantes podem ser excluídos na guia Visualizar. Se os registros de participantes podem ser transferidos por download na guia Visualizar. Se os registros de participantes podem ser editados na guia Visualizar. Se as guias Upload, Campos obrigatórios e Campos adicionais ficam visíveis. Se as guias Visualizar e Configurações de visualização ficam visíveis. Se a guia Resumo fica visível. Por padrão, a função CATISupervisor é designada a todas as variáveis de atividade mostradas acima exceto "É possível editar participantes avançado", "É possível criar bancos de dados" e "É possível excluir participantes". Para obter mais informações sobre as variáveis de atividade, procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide em o tópico "Designando usuários ou funções a variáveis de atividade". Ativar É possível usar Ativar para ativar um questionário compilado ser usado para entrevistas. Isso envolve a definição do local dos registros de participante para o projeto, a nomeação do arquivo de cota, se o projeto usar controle de cota, e a definição de quais páginas da web devem ser usadas para itens padrão como o início e o término de uma entrevista. É possível executar Ativar a partir do Build ou executar separadamente selecionando no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Iniciando a ativação 1. Selecione o projeto que deseja ativar e clique em Ativar. Informações sobre o projeto A guia Informações do projeto é onde você digita informações gerais sobre o projeto e onde e como ele deve ser ativado. As informações necessárias são as seguintes. Notas de ativação. Informações básicas sobre o projeto, que você deseja salvar no banco de dados do projeto para referência para outros usuários. Essa caixa pode ser deixada em branco. Nota: Caracteres de espaço devem ser evitados nos nomes de projeto para evitar potenciais problemas de ativação. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 69

74 Status. O status do projeto. Um dos seguintes: v Teste. O projeto está disponível para teste, mas quaisquer dados coletados serão sinalizados como dados de teste. v Ativo. O projeto está disponível para entrevista em tempo real. v Inativo. O projeto não pode ser usado para teste ou entrevistas em tempo real. Ativar subpastas? Selecione essa opção se a pasta do projeto contiver subpastas de localização que devem ser copiadas para as pastas Compartilhada e Principal do projeto juntamente com os arquivos principais do projeto. Cluster. O cluster no qual o projeto será ativado. Se você estiver ativando um projeto que já tenha sido ativado por exemplo, se você tiver alterado e recompilado o questionário será necessário ativá-lo no mesmo cluster usado anteriormente. Banco de dados do projeto. O nome do banco de dados dos dados do caso. O padrão é armazenar os dados de cada projeto em um banco de dados separado com o mesmo nome que o projeto. No entanto, se o site estiver configurado para permitir isso, vários projetos poderão gravar dados do caso no mesmo banco de dados. Talvez também seja possível criar um novo banco de dados para o projeto com um nome de sua escolha. Se sim, a lista suspensa conterá a opção "Criar novo banco de dados customizado". Selecione esta opção e, em seguida, digite um nome para este banco de dados na caixa Customizar que aparece próxima à caixa Banco de dados do projeto. Idioma padrão da pesquisa de opinião. O idioma padrão para o questionário. Em questionários multilíngues, o idioma no qual o questionário é gravado se torna automaticamente o idioma padrão (ou base) para esse script. Se o questionário não especificar o idioma no qual deve ser executado e a informação não puder ser obtida a partir do registro do participante, a entrevista será executada nesse idioma. Após iniciar a tradução de um script, outros idiomas serão incluídos no arquivo de definição de questionário e será possível selecionar um desses idiomas como o idioma base para o questionário. A lista de idiomas contém somente os idiomas presentes no arquivo de definição de questionário. Se o idioma padrão do computador não aparecer no arquivo de definição de questionário, a lista de idiomas assumirá como padrão o inglês dos EUA. Contexto de roteamento padrão. O contexto de roteamento a ser configurado como o padrão para esse projeto. O processo de ativação ativa todos os contextos de roteamento que localiza, mas somente configura um como o padrão. Os contextos de roteamento típicos são Papel para questionários impressos, Web para entrevistas de entrada e CATI para chamada de saída. As linhas Gerenciamento de amostra, Cota e Páginas da web de entrevista mostram se essas opções foram configuradas para este projeto. As configurações são alteradas de acordo com as especificações nas outras guias. Usar entrevistas pessoais? Quando selecionado, o projeto pode ser usado em dispositivos remotos pessoais para entrevista pessoal assistida por computador (CAPI). Definindo informações sobre o projeto 1. Selecione a guia Informações do projeto. 2. Insira ou selecione os valores conforme descrito acima. 70 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

75 Gerenciamento de amostra Se você selecionar Usar Gerenciamento de amostra na guia Gerenciamento de amostra, será solicitado que você insira os requisitos do Gerenciamento de amostra. Você deve fornecer os seguintes detalhes. Com Entrevista por telefone. Marque esta caixa de seleção se o projeto for usar CATI para chamadas de saída. Servidor. O nome do servidor no qual o banco de dados participante está localizado. A lista Navegar somente contém os servidores que estão presentes no domínio atual. Se desejar usar um servidor em outro domínio, você deverá inserir seu nome manualmente. Banco de Dados. O nome do banco de dados participante. A lista Navegar exibe os nomes de bancos de dados que você tem permissão para usar e que existem no servidor escolhido. Tabela. A tabela nesse banco de dados que contém os registros de participantes para esse projeto. A lista Navegar exibe os nomes das tabelas no banco de dados escolhido. Campos. As colunas de informações do participante a serem usadas desta tabela. A lista Navegar mostra os nomes de coluna presentes na tabela escolhida. O Gerenciamento de amostra requer que as colunas sejam rotuladas como ID, fila, ativa e serial para que funcionem corretamente. Campos de autenticação. As colunas que devem ser usadas para autenticar o registro de participante associado a uma chamada de entrada antes de permitir que uma entrevista seja iniciada. Os campos exibidos na lista de navegação são aqueles que você selecionou em Campos. Script. O script de Gerenciamento de amostra para o projeto. É possível selecionar um script predefinido em uma lista ou carregar um script da sua escolha usando o botão Navegar. Observação: Os scripts de gerenciamento de amostra são implementados como mrscript e, portanto, devem ter a extensão.mrs. Tipo de Script. O tipo de script do Data Collection. Essa caixa somente será exibida se você tiver permissão para editar os scripts de amostra 1. Ela poderá ser usada para selecionar o tipo de script do Data Collection. Definindo parâmetros de Gerenciamento de amostra 1. Na guia Gerenciamento de amostra, selecione Usar Gerenciamento de amostra. A página é redesenhada com prompts para os parâmetros de Gerenciamento de amostra. 2. Se o projeto permitir CATI, selecione Com entrevista por telefone. Quando o projeto for ativado, isso fará com que as várias atividades CATI fiquem disponíveis na lista de atividades. 3. Em Servidor digite ou selecione o servidor que contém o banco de dados de participante. 4. Em Banco de dados insira ou selecione o nome do banco de dados de participante. 5. Em Tabela insira ou selecione o nome da tabela de participante. 6. Em Campos selecione as colunas que você deseja que estejam disponíveis para o script de Gerenciamento de amostra usando os métodos de seleção padrão do Windows. 7. Em Campos de autenticação, selecione as colunas que serão usadas para autenticação de participantes ao fazerem chamadas de entrada. Se for necessário que seja possível selecionar registros de participante específicos, você deverá selecionar a coluna ID, porque esta é uma chave para o banco de dados e é garantido que ela contenha um valor exclusivo para cada registro. Se você autenticar em uma coluna que possa conter valores não exclusivos, o sistema de Gerenciamento de amostra selecionará o primeiro registro cujo valor nessa coluna corresponda aos valores especificados no script de Gerenciamento de amostra. 8. Para especificar qual script de Gerenciamento de amostra deve ser usado, execute uma das ações a seguir: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 71

76 v Selecione um script na lista de seleção predefinida na lista suspensa Script. A lista que aparece aqui pode ser customizada pelo administrador do Data Collection para que os scripts que aparecem para você possam ser diferentes dos scripts que aparecem para seus colegas. v Se o script não aparecer na lista de seleção, clique em Navegar e faça upload do arquivo. Em ambos os casos, o script será exibido na caixa de listagem de script e, às vezes, poderá ser editado. (A edição de script é um recurso opcional que o administrador do Data Collection poderá disponibilizar, se necessário 1.) 1 Para obter detalhes sobre como ativar o recurso para editar os scripts de gerenciamento de amostra, consulte "Configurações para a Atividade de ativação e o Programa de ativação de área de trabalho" na seção Interviewer Server da documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library. Notas v Quando um projeto é ativado, uma visualização que une a tabela de amostra e a tabela de históricos de amostra é criada para propósito de relatório. Na instrução SQL de visualização são renomeados quatro dos campos da visualização (ID é renomeado para SampleId, CallOutcome é renomeado para CallOutcomeTmp, UserId é renomeado para InterviewerId e um campo de computação é nomeado para IsLatestEntry). Como resultado, quando uma tabela de amostra contiver um nome de coluna igual a uma das quatro colunas de alias da visualização, um erro será gravado no log ACT quando o projeto for ativado. A mensagem de erro é semelhante a: Column names in each view or function must be unique. Column name InterviewerId in view or function SAMPLETEST_SampleOverview is specified more than once. Cota Se você selecionar Usar Cota na guia Cota, será solicitado que você forneça informações sobre o banco de dados de cota para este projeto e como ele deve ser afetado pelo processo de ativação. Quando um projeto usa um controle de cota e você o ativa pela primeira vez, a Ativação cria um novo banco de dados de cota para o projeto usando as informações no arquivo do documento da cota do projeto (.mqd). O banco de dados de cota é um conjunto de tabelas cujos nomes começam com QUOTA e que o processo de ativação cria dentro do banco de dados do projeto. Elas contêm definições dos grupos cota e suas respostas e, após o início da entrevista, as contagens de entrevistas concluídas, pendentes e retrocedidas para cada grupo. O arquivo do documento de cota (.mqd) éoarquivo que o programa IBM SPSS Data Collection Quota Setup cria quando as definições de cota e respostas são salvas. A ativação o usa para determinar a estrutura e o conteúdo do banco de dados de cota que deve criar. O arquivo.mqd não é usado durante a entrevista. Não atualizar as definições de cota no servidor: Quando estiver selecionado, as definições de cota no servidor não serão atualizadas. Publicar novas definições de cota, mas não atualizar as cotas existentes: Quando estiver selecionado, as novas definições serão atualizadas no servidor, mas as definições existentes no servidor permanecerão inalteradas. Ressincronizar banco de dados de cota com o mqd deste projeto: Quando um banco de dados de cota existir, esta caixa de seleção sempre estará ativada, mas desmarcada. Se você tiver feito mudanças no arquivo.mqd, você deverá marcar esta caixa de seleção, caso deseje que essas mudanças sejam implementadas no banco de dados de cota. Calcular conclusão para novas células de cota com base em dados existentes: Quando selecionada, a taxa de conclusão de cota para novas células de cota será determinada com base em dados de cota existentes. 72 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

77 v Quando o projeto atual não tem uma nova cota de amostra, o cálculo de cotas de dados caso é baseado em todos os dados do caso filtrados. v Quando o projeto atual tiver cotas de amostra novas e existentes, o cálculo de cotas de dados caso será baseado em todos os dados do caso filtrados. v Quando o projeto atual tiver cotas de amostra novas, mas não existentes, o cálculo de cotas de dados do caso será baseado nos dados do caso filtrados que transmitem a nova cota de amostra. Nota: O cálculo pode levar algum tempo para ser concluído porque ele itera cada dado do caso (para calcular a nova cota) e configura o histórico completo correspondente. A priorização de cota não é considerada durante o cálculo. Todas as cotas são consideradas cotas normais. Designações de entrevistador pessoal Porcentagem designada: configura o valor da porcentagem de alocação de cota para cada entrevistador pessoal. Essa opção somente está disponível quando a opção Usar entrevista pessoal está selecionada na guia Informações sobre o projeto na página 69. Escolha um arquivo que contenha designações de cota: Clique em Navegar e navegue até o arquivo de alocação de cota apropriado no sistema de arquivos local. O nome do arquivo selecionado será exibido no campo fornecido. Delimitador de arquivo de alocação: Indica o delimitador de campo que é usado no arquivo de alocação de cota selecionado. Nota: Se você tiver alterado as cotas usando a atividade Cotas, essas mudanças terão sido gravadas no banco de dados de cota, mas não aparecerão no arquivo do projeto.mqd. Se você escolher por ativar usando o arquivo.mqd, as mudanças feitas com a atividade Cotas serão perdidas. Se desejar manter essas mudanças, será necessário fazê-las no arquivo.mqd usando o IBM SPSS Data Collection Quota Setup antes de reativar. Definindo informações de cota 1. Na guia Cota, selecione Usar Cota. 2. Clique em Navegar e selecione o nome do banco de dados de cota do projeto. v Se esta for a primeira vez que este projeto tiver sido ativado com o Controle de cota ligado, clique em Criar nova cota. A exceção é quando o projeto compartilha cotas com outro projeto. Nesse caso, se o banco de dados de cota compartilhado já existir, selecione a cota na lista. v Se esse projeto já tiver sido ativado com Controle de cota anteriormente, selecione o nome do banco de dados de cota do projeto na lista. Se você tiver alterado o arquivo.mqd do projeto e desejar atualizar o banco de dados de cota com essas mudanças, clique em Ressincronizar banco de dados de cota com o mqd deste projeto. Páginas da web de entrevista Se você cancelar a seleção de Usar páginas da web padrão na guia Páginas da web de entrevista, será possível especificar os nomes das páginas da web customizadas para eventos padrão, como iniciar e parar uma entrevista. Existem sete páginas customizáveis, das quais cinco têm padrões. Os arquivos padrão podem ser localizados na pasta FMRoot\Shared\Content. Página de autenticação. A página a ser exibida quando um projeto usargerenciamento de amostra e for necessário verificar se a pessoa fazendo a entrevista é membro do grupo participante. O padrão é um modelo chamado authenticate.htm que exibe a mensagem "Insira suas informações sobre autenticação". Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 73

78 Página de falha na autenticação. A página a ser exibida quando a autenticação falhar. O padrão é um modelo chamado authfailed.htm que exibe a mensagem "Suas informações sobre autenticação estão incorretas". Página de nova tentativa de autenticação. A página a ser exibida quando a autenticação de um possível participante com relação ao banco de dados de participante falhar e você desejar que o participante insira novamente os detalhes de autenticação. A página padrão é um modelo chamado authretry.htm que exibe a mensagem "As informações sobre autenticação que você inseriu estão incorretas. Tente novamente". Página de entrevista concluída. A página a ser exibida no término da entrevista (ou seja, quando o participante tiver respondido a todas as questões mais relevantes no questionário). Não há página padrão, mas o próprio IBM SPSS Data Collection Interviewer Server exibe "Término da entrevista. Obrigado pela sua participação". Observe que se a entrevista terminar com uma instrução display, este texto será exibido como a última página da entrevista. Página de pesquisa de opinião interrompida. A página a ser exibida quando o participante parar uma entrevista ou a entrevista for interrompida por uma instrução stop ou signal no script. Não há página padrão, mas o próprio IBM SPSS Data Collection Interviewer Server exibe "Término da entrevista. Obrigado pela sua participação." Página de pesquisa de opinião rejeitada. A página a ser exibida quando um participante falhar na autenticação e nenhum prompt de nova tentativa for necessário, por exemplo, quando o participante falhar no controle de cota. O padrão é um modelo chamado rejected.htm que exibe a mensagem "Obrigada pelo seu interesse em participar desta pesquisa de opinião." Página de projeto inativo. A página a ser exibida quando o participante tentar iniciar uma entrevista para um projeto inativo. O padrão é um modelo chamado projinactive.htm que exibe a mensagem "Retorne mais tarde". Página de cota completa. A página a ser exibida quando uma entrevista é finalizada porque o respondente pertence a uma categoria cuja meta de cota já foi atingida. Nota: É possível especificar todas as páginas, exceto Autenticação e Nova tentativa de autenticação como modelos ou URLs. Para estas duas páginas é altamente recomendável usar somente modelos, pois as URLs podem resultar em uma entrevista com dois IDs de conexão. Se você especificar uma página como um modelo, o arquivo deverá estar presente no diretório de origem do projeto ou em FMRoot\Shared\Content. Em ambos os casos, você seleciona o arquivo usando um nome do arquivo simples, não um nome do caminho. Quando o projeto é ativado, os modelos que existem no diretório de origem do projeto são copiados para o diretório do projeto principal (FMRoot\Master [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\Interviewer Server\). Quando as entrevistas ocorrem, o programa de entrevistas procura modelos no diretório de projeto principal. Selecionando páginas da web não padrão 1. Na guia Páginas da web de entrevista, cancele a seleção de Usar páginas da web padrão. 2. Para cada página que você deseja definir, na primeira caixa, digite o nome do arquivo de modelo ou a URL completa que define a página a ser exibida. Nota: Os modelos devem ser inseridos como nomes de arquivo simples, não como nomes de caminho. 3. Na segunda caixa, escolha Modelo ou URL. Como alternativa, para desativar uma página existente sem substituí-la por uma nova página, escolha Nenhuma. Processo de ativação Após inserir todas as informações necessárias nas quatro guias, será possível ativar o projeto. O fluxograma ilustra o processo de ativação, que está descrito com mais detalhes abaixo do fluxograma. 74 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

79 Figura 3. Fluxograma de ativação Ao iniciar Ativar, os pontos principais do processo de ativação são os seguintes: v Se a pasta Usuários não contiver um arquivo.mdd, Ativar não poderá ser iniciado. Se o arquivo não estiver presente na pasta Usuários, mas estiver presente na pasta Compartilhado, ele será copiado para a pasta Usuários e ativação poderá ser iniciada. v Em seguida, Ativar verifica se há arquivos para este projeto em FMRoot\Master que não estejam presentes em FMRoot\Shared. Caso haja, a ativação falhará, pois será possível que o projeto seja um projeto da versão 1.2 que não tenha sido atualizado para trabalhar com versões posteriores. v Depois que as verificações de arquivo forem realizadas, será possível inserir os requisitos de ativação. Clique em Ativar quando estiver pronto para ativar o projeto. v Ativar verifica os arquivos de modelo do projeto (.htm) para assegurar que eles contenham um HTML válido. Se os arquivos não forem válidos, Ativar exibirá uma caixa de mensagens listando os nomes Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 75

80 dos arquivos que estão incorretos. Cada nome do arquivo é seguido por um ícone de aviso (um símbolo! em um triângulo) no qual é possível passar o mouse para visualizar uma descrição do erro. Para salvar os conteúdos da caixa de mensagem em um arquivo, clique em Copiar para a área de transferência e, em seguida, cole a área de transferência em um arquivo de sua escolha. Clique em Continuar para continuar a ativação ou em Cancelar para parar. Nota: O botão Copiar para área de transferência fica oculto ao usar o navegador Mozilla Firefox (o navegador não permite acesso à área de transferência). v Ativar copia os arquivos.htm,.xml,.mdd e.mqd do projeto, além de quaisquer arquivos de imagem, em uma subpasta dentro da sua pasta UserName\Temp. Essa é uma precaução de segurança que assegura que quaisquer mudanças feitas por outros usuários nos arquivos do Usuário durante a ativação não possam afetar o processo de ativação. v Ativar copia os arquivos da pasta UserName\Temp para FMRoot\Shared. Se um arquivo.mdd já existir na pasta do projeto compartilhada, Ativar mesclará a versão mais recente do arquivo com o arquivo existente e exibirá uma caixa de progresso enquanto isso estiver ocorrendo. Se a mesclagem falhar, uma mensagem de erro será exibida. Ativar inclui a cadeia de conexão da origem de dados do caso do projeto para o arquivo.mdd. v Ativar copia a pasta do projeto de FMRoot\Shared para FMRoot\Master. Se um arquivo.mdd já existir na pasta do projeto compartilhada, Ativar mesclará a versão mais recente do arquivo com o arquivo existente. v Ativar entra em contato com cada servidor de entrevistas e informa-o para atualizar seus arquivos de projeto. Cada servidor de entrevistas responde copiando os arquivos novos ou atualizados da pasta Principal para a pasta do projeto local em Projetos do [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\ DataCollection\7\Interviewer Server\. O processo de ativação verifica se todos os servidores de entrevistas possuem a mesma versão do componente ActivateServer.dll que está instalada na máquina em que você está trabalhando. Se ele localizar alguma incompatibilidade, a ativação falhará nesse ponto e haverá arquivos do projeto incompatíveis nos servidores de entrevista. Quando isso ocorrer, geralmente, será possível continuar copiando os arquivos do projeto manualmente para os servidores que não foram atualizados. No entanto, a melhor solução é assegurar-se de que todas as máquinas no cluster estejam executando a mesma versão do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. v Se todas essas etapas forem executadas com sucesso, os arquivos serão excluídos da pasta Temp. Ativando um projeto Nota: Caracteres de espaço devem ser evitados nos nomes de projeto para evitar potenciais problemas de ativação. 1. Clique em Ativar. Quando a ativação for concluída, uma caixa de mensagens listará duas URLS para executar entrevistas. A primeira é para entrevistas em tempo real. Essa URL pode ser copiada na área de transferência para ser colada em uma página da Web. A segunda é para designers que desejam testar os questionários. Os dados dessas entrevistas são sinalizados como dados de teste no banco de dados de dados do caso para que possam ser ignorados nas análises e na exportação dos dados finais da pesquisa de opinião. 2. Se a ativação for bem-sucedida e você desejar executar uma entrevista de teste, clique em Copiar para a área de transferência próximo à URL para designers que desejam testar os questionários. Em seguida, será possível colar essa URL em uma nova janela do navegador para testar o questionário. 3. Clique em Fechar janela. 76 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

81 Notas A codificação padrão do.net Framework lê a página de códigos ANSI do registro durante a codificação. Como resultado, você pode encontrar erros ao ativar questionários que incluam caracteres como tremas (por exemplo, quando o nome do projeto contiver o caractere Ä). Esse problema pode ser resolvido atualizando a página de códigos ANSI do servidor: 1. Acesse o registro no servidor (Iniciar > Executar > regedit). 2. Navegue para HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Nls\CodePage\ACP 3. Para servidores que executam um sistema operacional em alemão, insira o valor 850. Para chinês, insira o valor 936. Para japonês, insira o valor 932. Consulte Classe de codificação no site da Microsoft MSDN para obter mais informações. Promover Projeto Use Promover projeto quando desejar ativar um projeto a partir de um cluster para outro. Isso poderá ser necessário quando houver clusters separados para trabalho de teste e produção. É possível criar e testar projetos no cluster de teste e, posteriormente, ativá-los para o cluster de produção, quando o projeto estiver pronto para entrar em produção. Como a ativação geralmente é entre clusters em locais diferentes, é possível que este tipo de ativação seja mencionado como ativação de site para site. Também é possível usar Promover projeto para ativar projetos pela Internet quando não houver uma conexão direta com o cluster. Observação sobre configurações de As configurações de não são sobrescritas quando um projeto promovido já existe no cluster de destino e as configurações de já estão definidas para o projeto no servidor de destino. No entanto, as configurações de do cluster de destino da origem são retidas (após a promoção) quando um projeto no cluster de destino não inclui as configurações de definidas. Iniciando a promoção do projeto 1. Selecione o projeto que deseja ativar e clique em Promover projeto. A caixa de diálogo de login de Promover projeto é exibida. Efetuando login no servidor de destino Para que a ativação funcione, você deve estar conectado ao componente Ativar na máquina atual e na máquina de destino. Ao iniciar Promover projeto, será solicitado que você efetue login na máquina de destino, ou seja, no servidor de gerenciamento de projeto para o qual deseja ativar. Na primeira vez que você usar Promover projeto, será necessário preencher todos os campos na caixa de diálogo de login, mas depois, todos os campos, exceto a senha, já estarão preenchidos com os valores usados anteriormente. 1. No Servidor de destino ou na URL do Data Collection, execute um dos seguintes procedimentos: v Se você estiver conectado à rede local, digite o nome do servidor de gerenciamento de projeto no cluster para o qual deseja ativar. v Se você não estiver conectado à rede local, será possível ativar pela Internet, digitando a URL para o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration no cluster para o qual deseja ativar. 2. Em Nome do usuário de destino, insira o nome de usuário a ser usado para efetuar login no servidor de destino. Em muitos casos, será o mesmo nome de usuário do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration que você está usando atualmente, mas se você não tiver acesso ao servidor de destino usando esse nome, será necessário digitar um nome diferente aqui. 3. Em Senha do usuário de destino, digite a senha para esse usuário. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 77

82 4. No menu suspenso Autenticação, selecione Autenticação do Interviewer Server ou Autenticação do Windows. Consulte o tópico "Configuração para conexão única" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. 5. Selecione a opção Efetuar login usando minha Conta do Windows para usar o nome de usuário atual do Windows e as credenciais de senha. Quando essa opção for selecionada, as opções Nome do usuário de destino e Senha do usuário de destino não ficarão disponíveis. Consulte a seção Configurando o controlador de domínio do servidor a seguir para obter as etapas de configuração adicionais necessárias no servidor. Notas: O servidor ou cluster de destino deve ter a Autenticação integrada do Windows ativada para que esta operação funcione corretamente. A Autenticação integrada do Windows normalmente é configurada durante a instalação do IBM SPSS Data Collection Server 7.0.1, mas pode ser ativada após a instalação, configurando o valor do registro EnableWindowsLogin como True em: HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\SPSS\DimensionNet\InstallOptions 6. Clique em Efetuar login para efetuar login no servidor de destino. Configurando o controlador de domínio do servidor Quando a opção Efetuar login usando minha conta do Windows for ativada, o controlador de domínio do servidor ou cluster deverá ser configurado da seguinte maneira: 1. Em cada servidor acessório, registre o service principal name (SPN) no Active Directory para associar a conta de domínio ao serviço HTTP. Insira o seguinte em uma janela de comandos do Windows, substituindo <accessory_server> pelo nome do servidor acessório, e <anonymous user> pelo nome de usuário anônimo que foi especificado durante a instalação do IBM SPSS Data Collection Server setspn.exe A http/<accessory_server> <anonymous_user> 2. Configure cada conta da máquina para delegação restringida selecionando a configuração Usar somente Kerberos na guia Propriedades > Delegação de cada máquina servidor e incluindo os nomes de servidor na lista Serviços aos quais esta conta pode apresentar as credenciais delegadas. 3. Configure a conta de usuário anônimo para delegação restringida selecionando a configuração Usar somente Kerberos na guia Propriedades > Delegação da conta de usuário anônimo e incluindo os nomes de servidor na lista Serviços aos quais essa conta pode apresentar as credenciais delegadas. Especificando parâmetros de ativação Após efetuar logon no servidor de destino, a segunda caixa de diálogo Promover projeto será exibida. Use essa caixa de diálogo para especificar parâmetros de ativação. Observe que o quadro de participantes somente será exibido se o projeto já tiver sido ativado com o gerenciamento de amostra. Se o projeto já existir no servidor de destino, uma mensagem explicando isso será exibida na parte superior da caixa de diálogo. Você poderá continuar a ativação e sobrescrever os arquivos existentes do projeto ou cancelá-la deixando os arquivos do projeto existente intactos. 1. Em Status após a ativação, selecione o status que o projeto terá após ser ativado. 2. Em Notas de ativação, digite todas as notas desejadas sobre esta ativação. 3. Em Grupos/funções, selecione as funções que terão acesso ao projeto no servidor de destino. Se o projeto já existir nesse servidor, as caixas de seleção mostrarão as permissões atuais para esse projeto nesse servidor. Se ele não existir, Promover projeto selecionará as funções que possuem acesso ao projeto no servidor original. 4. Selecione Promover subpastas para indicar se as subpastas serão promovidas com os arquivos do projeto. Esta opção é ativada por padrão. A desativação desta opção somente deverá ser feita se o projeto não precisar de subpastas ou se o projeto já existir e o conteúdo da subpasta não tiver sido alterado. 5. Se o projeto tiver registros de participante que você deseja copiar como parte do procedimento de ativação, use as caixas no quadro Participantes para especificar onde os registros podem ser localizados e onde eles devem ser colocados. Observe que o administrador do IBM SPSS Data 78 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

83 Collection pode customizar o comportamento dos campos nesse quadro para que, por exemplo, não seja possível alterar os nomes do servidor, os bancos de dados e as tabelas de amostra ou não seja possível escolher de quais filas copiar. v Em Servidor, escolha o nome do servidor de banco de dados. O padrão é o servidor de banco de dados para o cluster de destino. Se o nome do servidor não aparecer na llista suspensa, clique em Inserir nome e digite o nome, quando solicitado. v Em Banco de dados, selecione o nome do banco de dados de amostra no qual a tabela de amostra deve ser criada. O padrão é um banco de dados com o mesmo nome que no servidor original. Se desejar criar um novo banco de dados, clique em Novo e insira o nome do banco de dados, quando solicitado. v Em Tabela, selecione o nome da tabela de amostra na qual os registros de participante devem ser incluídos. O padrão é uma tabela com o mesmo nome que no servidor original. Se preferir criar uma nova tabela, clique em Novo e insira o nome da tabela, quando solicitado. v Selecione Copiar registros de participante se desejar copiar registros de participante do servidor de banco de dados local para o servidor de banco de dados da máquina de destino. Observe que se a tabela de amostra já existir na máquina de destino, somente os novos registros serão copiados. (Isso corresponde ao comportamento da atividade Participantes que faz upload somente dos registros com novos IDs.) v Nas filas De, use Shift+Clique ou Ctrl+Clique para selecionar as filas a partir das quais os registros serão copiados. O padrão é somente copiar registros da fila FRESH. 6. Clique em Ativar para iniciar o procedimento de ativação. Durante a ativação, uma caixa de diálogo de progresso informa o que o procedimento de ativação está fazendo. É útil acompanhar essas mensagens, pois elas ajudarão a localizar problemas, se a ativação falhar. Promover projeto tenta criar ou atualizar o esquema (definição) da tabela de amostra no servidor de destino para que ele corresponda ao esquema da tabela no servidor original. Se isso não for possível, talvez porque um campo já exista na tabela de destino, mas com um tipo de dados diferente, Promover projeto emitirá um erro e será necessário escolher um nome de tabela diferente. O processo de ativação verifica se todos os servidores de entrevistas possuem a mesma versão do componente ActivateServer.dll que está instalada na máquina em que você está trabalhando. Se ele localizar alguma incompatibilidade, a ativação falhará nesse ponto e haverá arquivos do projeto incompatíveis nos servidores de entrevista. Quando isso ocorrer, geralmente, será possível continuar copiando os arquivos do projeto manualmente para os servidores que não foram atualizados. No entanto, a melhor solução é assegurar-se de que todas as máquinas no cluster estejam executando a mesma versão do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Quando a ativação for concluída, Promover projeto exibirá a caixa de diálogo Ativar SPSS fornecendo as URLs para as entrevistas em execução no servidor de destino. Use a Atividade de para planejar e enviar s a respondentes no arquivo de amostra. Por exemplo, no início de um projeto, você pode enviar uma mensagem para todos, convidando-os a participar da pesquisa de opinião. Posteriormente, você pode planejar uma segunda tarefa que envie lembretes aos respondentes que ainda não tenham respondido. Cada projeto possui seu próprio conjunto de especificações de tarefa de . O fornece os seguintes recursos: v Seleção de respondente. Os respondentes podem ser selecionados com base em qualquer campo na tabela de participante, o que permite que eles sejam selecionados a partir de uma fila, um conjunto de filas ou usando outros critérios. É possível enviar a todos os respondentes selecionados. Como alternativa, é possível enviar para um número fixo de respondentes escolhidos a partir do início da fila Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 79

84 ou aleatoriamente. Um editor de consulta avançado está disponível para a seleção de participante e a interface com o usuário permite visualizar a saída da consulta. v Textos de mensagem customizados e personalizados. Se você desejar incluir informações do registro de amostra de um respondente ou o valor de uma propriedade do projeto, insira um item temporário no texto da mensagem e os valores apropriados serão substituídos pelos itens temporários quando as mensagens forem enviadas. Essa variável fornece opções para tratar os respondentes pelo nome e incluindo a URL para iniciar a entrevista como parte da mensagem. v Cabeçalho do . O texto de fácil e simples compreensão para o usuário pode ser definido para os endereços de De e Responder para no cabeçalho do . Por exemplo, é possível especificar Pesquisa de opinião do cliente como o endereço de De Assim, os participantes verão de: "Pesquisa de opinião do cliente" no cabeçalho do . As sequências de texto de cabeçalho do podem ser traduzidas. v Corpo do . É possível selecionar traduções do corpo do existentes ou criar novas traduções. Também é fornecida a opção de um editor de HTML ou de texto simples durante a edição do texto do corpo do . v Mensagens de teste. Verifique como a mensagem é exibida aos respondentes enviando uma mensagem de teste. v Status do projeto. É possível especificar que a tarefa somente pode ser executada se o projeto tiver um status específico. v Idiomas de tradução. É possível especificar traduções existentes e criar novas para mensagens de específicas. v Gravação de atividade. Agora, um campo no registro de amostra registra automaticamente quais respondentes receberam qual por meio de uma nota com a data e hora em que o foi enviado. v Validação de . Todos os s inseridos na interface com o usuário da atividade são validados com relação à propriedade do DPM, configurável pelo cliente. v Repetição de s. Se você executar uma tarefa de novamente, as mensagens somente serão enviadas para os respondentes que não receberam o original. v Planejamento de s. O link Planejar pode ser usado para planejar lotes de . É possível especificar com que frequência e para quem as tarefas de são enviadas. Os lotes são enviados usando um script.mrs do Data Collection que pode ser planejado por meio do Planejador do Windows. O Assistente de planejamento de e o script.mrs, usados para enviar os s, podem ser configurados. O Assistente de planejamento de fornece opções para planejar tarefas de . O assistente é aberto ao clicar em Planejar... no diálogo Tarefas de . Um conjunto de tabelas SQL é usado para o planejamento e o rastreamento de lotes de . O modelo de objeto de , que é usado no script de envio de lote, está disponível para outros propósitos de script (caso seja necessário). v Rastreando s. A coluna Status indica quando um planejamento está ativo. A coluna Progresso mostra o número atual de s enviados. v v v Envio de s atrasado. Não há um link direto entre configurar uma tarefa de e executá-la. Todas as especificações de tarefa são salvas e somente são executadas quando selecionadas em uma lista de tarefas de para o projeto atual. Instalações de manutenção. As especificações da tarefa podem ser editadas e excluídas, conforme o necessário. Lidando com problemas de . É possível especificar o endereço de de um usuário que deverá ser contactado se houver problemas. Este usuário também é a pessoa que recebe os s de teste. Nota: O não suporta servidores SMTP que estão configurados para exigir autenticação. 80 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

85 Iniciando 1. Selecione o projeto para o qual deseja configurar e clique em . Isso abre a página da lista de tarefas de . Criando uma nova tarefa Há dois estágios para configurar tarefas de v Definir os parâmetros de como o assunto e o texto da mensagem e os tipos de projetos nos quais a tarefa pode ser executada. v Especificar os respondentes que receberão o e planejar as tarefas de Clique no ícone Incluir ou em Clique aqui para incluir novos. A caixa de diálogo Configurações de é aberta com a guia Texto de selecionada. O usa as informações nesta guia como o conteúdo da mensagem e tenta enviá-la ao usuário denominado na página Lista de tarefas de . A guia indica se a tentativa foi bem sucedida. 2. Em Nome da tarefa, insira um nome para esta tarefa de Em De, insira um endereço de válido que identifique a partir de quem o é enviado. O que for digitado aqui aparecerá como o endereço de de na caixa de mensagens do destinatário. Por exemplo: de: "Pesquisa de opinião do cliente" Nota: O endereço de somente deve conter caracteres ASCII. 4. Em Endereço de de resposta, insira o endereço de da pessoa ou entidade em nome da qual o está sendo enviado. O que for digitado aqui aparecerá como o endereço de remetente na caixa de mensagens do destinatário. Por exemplo: remetente: "Respostas" Nota: O endereço de somente deve conter caracteres ASCII. 5. Em Prioridade, escolha a prioridade de na lista suspensa. É possível escolher uma prioridade Alta, Média ou Baixa. 6. Em Status do projeto, escolha o status que o projeto deve ter para que o seja enviado. É possível escolher mais de um status. 7. Em Tradução, escolha uma tradução disponível. A lista suspensa fornece todas as traduções disponíveis no arquivo Resources.mdd. Cada tradução pode fornecer informações predefinidas de Assunto, De, Endereço de resposta e texto do (em alguns casos, nem todas as informações são traduzidas para um idioma específico). Consulte o tópico "Configuração de atividade de " no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações sobre a configuração do arquivo Resources.mdd. Selecione Novo para criar a tradução em um novo idioma. Quando o novo idioma é incluído, as opções Assunto, De, Endereço de resposta, corpo do e Enviar como são assumidas nas configurações atuais de idioma de base. O ícone de exclusão pode ser usado para excluir a tradução selecionada atualmente. Se somente existir uma tradução, essa única tradução não poderá ser excluída. 8. Em Campo de idioma do , escolha um campo que será usado para especificar o idioma usado no cabeçalho e no corpo do para um participante específico na tabela de participantes. v Se o campo padrão (por exemplo Language) existir na tabela de amostra de participantes, ele será selecionado automaticamente na primeira vez que a interface com o usuário for acessada. v Se o campo Language não existir, o primeiro campo que tiver Language no nome será usado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 81

86 v A lista Campo de idioma do fica vazia quando o campo Language não estiver presente, nem nenhum outro campo que use Language no nome. v Um aviso será exibido após a criação de uma nova tradução de idioma quando o Campo de idioma do estiver em branco. 9. Em Assunto, insira uma descrição simples sobre do que o trata. As informações são exibidas como o assunto da mensagem na caixa de mensagens do destinatário. 10. Em De, insira um rótulo apropriado que indique a partir de quem o foi enviado. O que for inserido aqui aparecerá como o nome do remetente na caixa de mensagens do destinatário. Por exemplo: de: "Pesquisa de opinião do cliente" 11. Em Endereço de resposta, insira um rótulo apropriado que indique em nome de quem a mensagem está sendo enviada. O que for inserido aqui aparecerá como o nome do remetente na caixa de mensagens do destinatário. Por exemplo: remetente: "Respostas" 12. Em Enviar como, escolha Texto simples ou HTML. Nota: Se você usar o formato HTML, será necessário incluir os códigos de formatação HTML no texto da mensagem onde desejar quebras de linha ou novos parágrafos. 13. A área de corpo do exibe o texto da mensagem sugerido (caso esteja disponível), completo, com marcadores de substituição para inserir no texto o respondente ou informações específicas do projeto. É possível aceitar este texto no estado em que se encontra, modificá-lo ou substituí-lo por um novo texto. A área de corpo do oferece um conjunto de opções de edição e formatação de texto HTML padrão (como recortar, copiar, colar, negrito, itálico e criar hyperlink). Nota: Não é possível inserir imagens diretamente no texto do . No entanto, é possível inserir links para imagens externas, imagens no local de imagens compartilhadas ou imagens transferidas por upload para o local do projeto. Consulte Exibindo imagens em mensagens de na página 84 para obter informações adicionais. 14. Para inserir o valor de um campo Gerenciamento de amostra ou de uma propriedade do projeto no texto da mensagem, clique no texto no ponto em que deseja fazer a inserção. Em seguida, selecione um campo ou uma propriedade apropriada na lista Substituições e clique em Incluir. O nome da propriedade, o que está entre colchetes aparece no texto da mensagem e é substituído pelo valor adequado quando a mensagem é enviada. 15. Se você estiver enviando uma mensagem no formato HTML e desejar visualizar a mensagem, clique em Visualizar. 16. Se desejar enviar uma mensagem de teste, clique em Enviar de teste. O de teste usa o idioma selecionado na lista Traduções. 17. No campo endereço de , selecione o campo Gerenciamento de amostra contenha os endereços de dos destinatários. 18. Na lista suspensa Gravar no campo de amostra denominado, selecione o nome do campo de amostra que registrará a data e hora em que cada mensagem de é enviada, como parte do registro de amostra de cada destinatário. Nota: Este campo é usado para evitar que a mesma mensagem seja enviada várias vezes aos mesmos respondentes. Se o respondente receber várias vezes a mesma mensagem, as informações do campo de data e hora serão sobrescritas sempre que uma nova mensagem for enviada. 19. Selecione a guia Participantes. 20. A seção Exibir registros com fornece as seguintes opções: v Campo - O primeiro campo fornece uma lista de campos disponíveis na tabela de amostra. O segundo campo e todos os subsequentes são usados para restringir as seleções ainda mais, fornecendo os campos restantes disponíveis na tabela de amostra. Os outros campos podem ser 82 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

87 usados para definir quais valores o campo deve conter para que os respondentes sejam selecionados. A lista mostra todos os valores presentes no campo escolhido. As listas de filtro são usadas para definir critérios de filtro específicos (igual a, não é igual a, está vazio e assim por diante) para os campos selecionados. É possível clicar em E/ou para incluir novos campos. É possível clicar em Excluir para remover os campos existentes. v Valor Insira um valor ao qual o filtro selecionado será aplicado. Por exemplo, você poderia especificar que os registros de Fila (Campo) são iguais a (Filtro) FRESH (Valor). v Atualizar configurações de visualização - Clique no botão para exibir o diálogo Configurações de visualização na página 84. O diálogo fornece opções que definem quantos registros são listados, quais colunas apareçam e em que ordem elas aparecem. 21. A seção Registros de participantes exibe registros que correspondem aos critérios de filtro do campo definidos. É possível selecionar todos os registros de participante ou selecionar registros individuais a partir dos resultados fornecidos. Os registros podem ser ordenados clicando nos títulos da coluna disponíveis. A ordenação também é usada ao selecionar registros (se aleatório não estiver selecionado). 22. Escolha Todos os participantes ou execute as tarefas a seguir: v Clique em Número selecionado de participantes e nos campos fornecidos, insira o número de participantes aos quais deseja enviar . v Clique em X primeiros para selecionar os primeiros respondentes na lista daqueles que correspondem aos critérios de seleção ou Selecionado aleatoriamente para selecionar aleatoriamente na lista. Quando Todos os participantes for selecionado, todos os s são enviados em um único lote ao clicar em Enviar agora. Quando X primeiros for selecionado, somente um lote será enviado ao clicar em Enviar agora ou em Planejar... Quando Selecionado aleatoriamente estiver selecionado, um lote será enviado após clicar em Enviar agora ou em Planejar... Quando o valor de ParticipantOrderBy da tabela Send Task for NULL, NEWID() será usado para ordenar as amostras aleatoriamente. Nota: Quando o número de participantes for maior que o tamanho do lote selecionado, a tarefa de será dividida em vários lotes. 23. Clique em OK. A lista de atividades será atualizada com a tarefa definida. Notas v Os endereços de nos registros de participante devem consistir em caracteres ASCII. Caracteres que não são ASCII não são suportados neste momento. v Depois que OK for selecionado para salvar a tarefa de , o sistema comparará os idiomas retornados com as traduções disponíveis. Se existirem valores ou idiomas não traduzidos Null na tabela de amostra, indicando que não há traduções, o sistema fornecerá as opções de salvar a tarefa de ou cancelar o processo. Quando Continuar for selecionado, o será enviado no idioma do MDM de base para todos os registros que contenham Null ou valores indisponíveis. v As opções de seleção de participante, incluindo a consulta de seleção, ordenar por e MaxCount (o tamanho do lote), serão aplicadas às atividades Enviar agora. As opções de seleção de participante configuradas no Assistente de planejamento de substituem as opções definidas durante a criação de uma nova tarefa (Enviar agora). As opções de seleção de participante planejadas, incluindo a consulta de seleção, ordenar por e MaxCount (o tamanho do lote), somente se aplicam aos lotes planejados. Para os lotes planejados, as configurações da nova tarefa Enviar agora são usadas quando alguma das opções de seleção de participante planejadas não estão definidas. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 83

88 Por exemplo, suponha que o tamanho do lote de uma nova tarefa Enviar agora esteja configurado como 10 e o tamanho do lote planejado esteja configurado como Quando Enviar agora for clicado, os primeiros 10 registros serão enviados. Quando o lote planejado ocorrer, os primeiros 1000 registros serão enviados. Configurações de visualização: O diálogo Configurações de visualização é exibido ao clicar em Atualizar configurações de visualização na guia Participantes. O diálogo fornece opções que definem quantos registros são listados, quais colunas apareçam e em que ordem elas aparecem. As etapas seguintes explicam as opções do diálogo. 1. Número de registros por página. Selecione o número de registros que você deseja que apareça em cada página na guia Visualizar. É possível selecionar de 25 a 1000 registros. 2. Em Opções de seleção, escolha o método que você deseja usar para selecionar e atualizar registros: v Padrão. Fornece opções para construir os critérios de seleção, escolhendo os valores nas listas Campos disponíveis e Campos exibidos. Quando essa opção está selecionada, somente é possível atualizar registros alterando seus valores em uma caixa de diálogo. Essa opção não está disponível na atividade . v Avançado. Fornece opções para gravar os critérios de seleção digitando uma expressão semelhante à expressão WHERE em uma instrução SQL SELECT. Se você selecionar essa opção, também será possível atualizar os registros selecionados digitando outra expressão semelhante à expressão SET em uma instrução SQL UPDATE. Essa opção não está disponível na atividade Na seção Configuração da tabela, selecione os campos a serem exibidos. A tabela sempre exibe os campos de endereço de e de idioma especificados: v Para incluir um campo, clique no nome do campo na lista Campos disponíveis e, em seguida, clique em Incluir >>. v Para remover um campo, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em << Remover. Dica: Em Configuração da tabela, é possível selecionar vários campos, pressionando a tecla Ctrl ou Shift ao clicar com o botão esquerdo do mouse. A lista Configuração da tabela somente mostra os campos aos quais você possui acesso. 4. É possível alterar a ordem na qual os campos são exibidos na lista Campos exibidos. v Para mover um campo para a esquerda da página, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para cima. v Para mover um campo para a direita da página, clique no nome do campo na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para baixo. 5. Na lista suspensa Ordenar tabela por, selecione o campo que determina a ordenação do registro. A ordenação pode ser substituída clicando nos cabeçalhos da coluna da tabela. 6. Ao concluir as mudanças, clique em Aplicar. Para desfazer as mudanças, clique em Cancelar. 7. As configurações de campo atualizadas são exibidas na seção Registros do participante. Exibindo imagens em mensagens de Não é possível inserir imagens diretamente no texto do . No entanto, é possível inserir links para imagens externas, imagens no local de imagens compartilhadas ou imagens transferidas por upload para o local do projeto. Incluindo uma imagem a partir de um local compartilhado 1. Clique no ícone Visualizar origem na seção de corpo do . O editor de origem HTML é aberto. 2. Inclua uma tag <img src="..."/> no local apropriado na origem HTML. Você deve especificar uma URL completa. Caminhos relativos de URL não são suportados. Por exemplo: <img src="http://<server_ip_address>/spssmr/shared/dojo/dojo/resources/images/dndmove.png" /> 3. Retorne ao corpo do e verifique se a imagem aparece conforme o esperado. 84 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

89 Incluindo uma URL de imagem de cache de imagem 1. Faça o upload de uma imagem na atividade Arquivo do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e ative o projeto associado. 2. Abra a atividade e clique no ícone Visualizar origem na seção de corpo do . O editor de origem HTML é aberto. 3. Inclua uma tag <img src="..."/> que aponte para a imagem que foi transferida por upload na etapa 1, em um local apropriado na origem HTML. Por exemplo: <img src="http://<server_ip_address>/spssmr/imagecache/imagecase.aspx? Project=<project_name> &File=en-US/image.jpg" /> 4. Retorne ao corpo do e verifique se a imagem aparece conforme o esperado. Planejando e executando uma tarefa de Executando uma tarefa de 1. Na lista Tarefas de , clique em Enviar agora para a tarefa que deseja executar. A caixa de diálogo Enviar relata o progresso da tarefa na coluna Status. Planejando uma tarefa de 1. Na lista Tarefas de , clique em Planejar... para a tarefa que deseja executar. O Assistente de planejamento de do Data Collection é aberto. Consulte Assistente de Planejamento de do Data Collection na página 86 para obter informações adicionais. Nota: O link Planejar... somente fica disponível quando o arquivo CreateSchedule.mdd está disponível em [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\6\Interviewer Server\FMRoot\Shared\Config. Coluna Status A coluna Status fornece informações sobre o status de cada tarefa de . Tabela 1. Status da tarefa de Status Incompleta Pronta Planejamento concluído Planejada para <data> Enviando agora Planejamento enviando Descrição Os detalhes da tarefa ainda não foram concluídos. A tarefa está pronta para ser enviada ou planejada. Indica se o EndTime de um planejamento foi atingido. As tarefas neste estado podem ser enviadas ou replanejadas imediatamente. Indica que a tarefa está planejada e fornece as informações de planejamento (incluindo o horário e o fuso horário) por meio de uma dica de ferramenta Indica que a tarefa de está sendo enviada. Indica que a tarefa de está sendo enviada, com base em um planejamento definido. O diagrama a seguir ilustra o status da tarefa de . Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 85

90 Critérios de seleção de participante Quando a tarefa planejada é executada, os participantes são selecionados com base em uma combinação de propriedades que são configuradas no planejador e na tarefa de . Para o assistente de planejamento padrão, os participantes são selecionados usando os critérios de seleção da tarefa de . Outros assistentes de planejamento podem incluir critérios de seleção de participante que substituem os critérios da tarefa de . Da mesma forma, ao usar o assistente de planejamento padrão, a ordem de seleção de participante é definida na tarefa de , usando a configuração X primeiros e a coluna de ordenação especificada ou a configuração Selecionado aleatoriamente e uma coluna de ordenação gerada automaticamente. Nota: A seleção aleatória de participantes é obtida com uso de NEWID() ao selecionar registros. Se houver uma preocupação específica com o desempenho, poderá ser mais rápido (e carregar menos SQL Server) incluir uma coluna escolhida a esmo na amostra transferida por upload. Em seguida, será possível usar a configuração X primeiros e usar a coluna escolhida a esmo para ordenação. A coluna de ordenação é selecionada na tarefa de usando o diálogo Visualizar configurações da configuração Ordenar tabela por. A configuração pode ser substituída pela seleção de um cabeçalho de coluna na tabela de registro do participante. Assistente de Planejamento de do Data Collection: O Assistente de planejamento de do Data Collection fornece opções para planejar tarefas de . O assistente é aberto após clicar em Planejar... no diálogo Tarefas de IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

91 Tamanho do lote: Controla o tamanho do lote de (o número de mensagens de enviadas). O valor padrão é Nota: Quando o número de participantes for maior que o tamanho do lote selecionado, a tarefa de será dividida em vários lotes. Fuso horário: Define o fuso horário a partir do qual as mensagens de são envidadas. O valor padrão é o fuso horário do Servidor do entrevistador. Horário de início: Define o horário de início para enviar mensagens de . O fuso horário padrão é o fuso horário do servidor, a data de início padrão é a data atual e a data de início padrão é a hora em que o planejamento é salvo. Horário de término: O planejamento termina quando o projeto é excluído. Planejamento recorrente: Define o intervalo de recorrência para o envio de mensagens de . O valor padrão é 30 minutos. É possível especificar minutos, horas ou dias. Notas v O Planejador do Windows deve ser configurado para executar o arquivo de script SendBatch s.mrs. O script SendBatch s.mrs itera a tabela de planejamento e envia s conforme o direcionamento da tabela. Consulte Configurando o Planejador do Windows para na página 88 para obter informações adicionais. Nomeando um usuário para mensagens de teste e problemas Ao testar um projeto de , a atividade sempre envia a mensagem a um único usuário especificado. Este usuário também é o destinatário dos s gerados quando há erros enquanto uma tarefa de está em execução. Defina este usuário na página da lista de tarefas de para que o mesmo nome possa ser usado para todas as tarefas que pertencem ao projeto. 1. Na caixa de texto na parte inferior da lista de tarefas de , digite o endereço de do usuário que deve receber os s de teste e de problemas. Editando uma tarefa existente É possível editar uma tarefa existente para alterar qualquer um de seus parâmetros ou simplesmente verificá-los antes de executar a tarefa. As mudanças feitas são salvas automaticamente ao clicar em OK. A lista de tarefas mostra o status de cada tarefa. Pode ser: v Ativo. A tarefa está ativa/processando. v Parado. A tarefa foi interrompida antes da conclusão. v Bem-sucedido. O lote foi bem-sucedido. Não significa que todos os s foram enviados com sucesso, significa que todos os s foram tentados. v Com falha. Um lote falha quando o servidor de está indisponível ou quando ocorre um erro que faz com que o script interrompa o processamento do lote prematuramente. v Abandonado. Um lote é marcado como abandonado quando é limpo por parecer estar "paralisado no status ativo". 1. Na lista de tarefas, clique duas vezes na tarefa que deseja inspecionar ou alterar ou selecione a tarefa e clique no ícone Editar. Isso abre a caixa de diálogo Configurações de e exibe as configurações da tarefa. 2. Faça suas mudanças, se houver, e clique em OK. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 87

92 Excluinda tarefas 1. Na lista de tarefas, selecione a tarefa que deseja excluir e clique no ícone Excluir. O projeto será excluído imediatamente. Não há nenhum prompt de confirmação. Configurando o Planejador do Windows para O Planejador do Windows é usado para planejar tarefas da atividade do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. O Planejador do Windows deve ser configurado para executar o arquivo de script SendBatch s.mrs. O script SendBatch s.mrs itera a tabela de planejamento e envia s conforme o direcionamento da tabela. Configurando o Planejador do Windows Os lotes de são enviados usando o script SendBatch s.mrs que pode ser planejado por meio do Planejador do Windows. A configuração do Planejador do Windows sugerida é a seguinte. As opções não mencionadas abaixo podem ser ignoradas. v O Planejador do Windows deve ser executado sob a conta mrrunninguser para assegurar que ele tenha acesso ao DPM e ao banco de dados. v É recomendada uma recorrência de 5 minutos, ao contrário do valor padrão de 1 hora. Guia geral - as configurações recomendadas são: v Nome: Insira um nome do planejamento apropriado (por exemplo, SendBatch ). v Descrição: Insira uma descrição do planejamento apropriada. v Ao executar a tarefa, use a conta do usuário a seguir: Insira as informações da conta do usuário de execução. v Executar se o usuário estiver conectado ou não: Selecione esta opção. Guia Acionadores - crie e configure um novo acionador. As configurações recomendadas são: v Iniciar a tarefa: Selecione a opção apropriada no menu suspenso. A configuração recomendada é Em um planejamento. v Configurações: Selecione Uma vez e uma data e um horário de início apropriadas. Nota: Pode ser benéfico configurar o horário de início ligeiramente após a hora exata. Por exemplo, configurar o horário de início para 0h00min10s em vez de 0h, pode assegurar que o planejamento seja iniciado na hora certa, caso o Planejador do Windows seja iniciado antes do horário de início planejado. v Repetir tarefa a cada: Selecione esta opção com o valor recomendado de 5 minutos (em vez do valor padrão de 1 hora) e uma duração de Indefinidamente. v Ativado: Selecione essa opção. Guia Ações selecione um acionador existente e clique em Editar... As configurações recomendadas são: v Ação: Selecione Iniciar um programa no menu suspenso. v Programa/script: Navegue para o seguinte local do aplicativo: C:\Program Files\IBM\SPSS\ DataCollection \<version>\accessories \mrscriptcl.exe v Incluir argumentos (opcional): Insira SendBatch s.mrs e, em seguida, insira [FMROOT]\Shared\ Library\Scheduled Task Scripts\ (ou o formato Convenção de Nomenclatura Uniforme equivalente no campo Iniciar em:. Guia Condições - mantenha as configurações padrão. 88 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

93 Guia Configurações - mantenha as configurações padrão. Planejando e enviando diagramas de O diagrama a seguir ilustra o design técnico para planejar e enviar s planejados. O usuário configura uma tarefa de e, em seguida, seleciona Enviar agora para enviar um lote de teste. O usuário configura uma tarefa planejada que envia os lotes. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 89

94 A tarefa padrão do Planejador do Windows é usada para enviar lotes de . v Uma tarefa de geralmente é uma tarefa de convite ou lembrete, conforme a definição na atividade do Interviewer Server Administration. 90 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

95 v Uma tarefa de planejada é um planejamento de uma tarefa de que pode conter um ou mais lotes. Uma tarefa de pode conter várias atividades. Por exemplo, se desejar enviar lotes de s para os EUA em um planejamento e lotes de para o Canadá em outro planejamento, você criará duas tarefas de planejadas. O script de planejamento padrão suporta uma atividade planejada por tarefa de . v Uma tarefa de é uma tarefa de planejada ou uma tarefa Enviar agora. v Um lote de é um conjunto único de s a serem enviados em um horário específico. Uma tarefa de pode conter um único lote ou vários lotes. Um intervalo de recorrência deve ser definido para vários lotes em uma única tarefa. Uma tarefa será necessária quando você desejar planejar um lote para um horário específico. Processo em lote de Notas v O Assistente de planejamento de do Data Collection é controlado pelo arquivo de script CreateSchedule.mdd e é aberto em uma janela do navegador separada. O arquivo de script reúne informações do usuário e grava o planejamento nas tabelas de planejamento SQL. Os dados de Entrevista não são usados ou armazenados. Por padrão, o arquivo de script assume que somente existe uma atividade planejada por tarefa de . Primeiro, a entrevista verifica se existe uma tarefa planejada para a tarefa. Se uma tarefa existir, os detalhes serão usados para pré-preencher a página de entrevista. Se não existir uma tarefa, a página de entrevista será preenchida com os valores padrão. O arquivo de script fornece as configurações BatchSize (padrão de ), StartTime (padrão de Now ()), EndTime (nenhum valor padrão) e RecurrenceInterval (padrão de 30 minutos). v A tarefa planejada será atualizada quando a entrevista for concluída. v Os lotes que continuam a tarefa planejada usam os novos parâmetros de planejamento. Opções de Entrevista As Opções de entrevistas permitem especificar as seguintes informações para projetos de entrevista por telefone e pessoal: v Quais campos de Gerenciamento de amostra devem ser exibidos na página de entrevista e quais dos campos exibidos os entrevistadores podem editar. v Quais campos de dados do caso são exibidos no IBM SPSS Data Collection Interviewer, além dos campos de participante para entrevistas pessoais. v Se os compromissos soft (ou seja, os compromissos configurados automaticamente para números que estão ocupados ou não respondem quando chamados) devem ter precedência sobre os compromissos organizados entre participantes e entrevistadores. v O período de tempo a aguardar antes de chamar novamente os números que estão ocupados ou que são atendidos por secretária eletrônica. O script de Gerenciamento de amostra usa esses tempos decorridos para configurar os horários de compromisso para as próximas chamadas para esses números. v O número máximo de vezes que um número pode ser chamado antes que ele não fique mais elegível para ser chamado. v Os horários em que os participantes podem ser chamados ou contatados em dias de semana e em finais de semana. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 91

96 v Os fusos horários nos quais os participantes estão localizados. Esses fusos horários devem corresponder aos fusos horários armazenados no campo TimeZone nos registros de participante. Os registros com fusos horários que não correspondam àqueles especificados nas Opções de entrevistas ou que tenham um campo TimeZone em branco nunca serão usados. Se você não especificar os fusos horários do projeto, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server ignorará o fuso horário e os parâmetros de horário de chamada ao selecionar registros para os entrevistadores chamarem. v Códigos de resultado de chamada e contato adicionais a serem exibidos na lista que é exibida para os entrevistadores. v Se os entrevistadores podem recuperar participantes específicos do banco de dados de amostra. v Se o próximo participante para um entrevistador deverá ser selecionado assim que o entrevistador ficar disponível, em vez de exigir que o entrevistador clique em um botão para solicitar o próximo contato. v Se o projeto usa um discador automático e, em caso negativo, se os entrevistadores podem usar dispositivos de Telephony Application Programming Interface (TAPI) para discar números de telefone automaticamente. Se um discador automático for usado, será possível especificar várias definições, como se a discagem de previsão deve ser usada, se as estações de entrevista por telefone não configuradas para discagem automática podem ser usadas para realizar entrevistas e por quanto tempo um entrevistador deve aguardar para ser conectado a um participante antes que a tentativa de conexão seja abandonada. Nota: Os dispositivos TAPI incluem modens, telefones portáteis de sistema de telefone de negócios (PBX), dispositivos de telefonia ativados por voz e hardware dedicado. Consulte o tópico Discagem de Telephony Application Programming Interface (TAPI) na página 139 para obter mais informações. v Se o monitoramento e a gravação são permitidos e se os entrevistadores devem obter o consentimento de cada participante para monitoramento e registro. v Se os entrevistadores devem revisar as entrevistas concluídas, se a revisão é iniciada automaticamente ou deve ser iniciada manualmente, e se todas as questões ou somente as questões de texto podem ser revisadas. Iniciando as opções de entrevista 1. Selecione o projeto no qual deseja trabalhar e clique em Opções de entrevista. Disponibilizando dados de amostra para os entrevistadores Quando um discador automático conecta uma entrevista por telefone a um participante (ou, para projetos que não usam um discador automático, quando o entrevistador solicita um número para discar) o programa de entrevistas exibe uma página que mostra informações sobre o participante e uma lista de possíveis resultados da chamada. Alguns itens de informações sempre são exibidos, enquanto outros itens somente são exibidos se selecionados pelo supervisor. O supervisor pode alterar a seleção de campos opcionais durante o curso do projeto. Os supervisores também podem especificar para cada campo exibido se os entrevistadores podem alterar o conteúdo do campo. Por exemplo, se o campo Comentários for exibido, você poderá desejar que os entrevistadores possam atualizar este campo com informações que poderão ser úteis para outros entrevistadores que falarem com este participante. A pasta Campos fornece opções para trabalhar com campos do projeto e de participante (os campos que estão presentes na tabela de banco de dados de participante). Se houver mais linhas de informações a serem exibidas do que a quantidade que cabe em uma página, a última linha da lista mostrará os símbolos < e >,nos quais será possível clicar para rolar para a próxima página ou para a anterior. Configurações na página Projeto A página Projeto permite que você selecionar quais campos ficarão visíveis quando o questionário for aberto no IBM SPSS Data Collection Interviewer, e ao revisar entrevistas. 92 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

97 Editando as configurações na página Projeto 1. Clique no campo que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar, conforme é mostrado abaixo: Figura 4. Ícone Editar 2. Ative ou desative o campo selecionado e, em seguida, clique em Atualizar. 3. Repita as duas etapas anteriores para cada campo obrigatório. Configurações na página Participantes Configuração Rótulo Obrigatório Revisão Pessoal Telefone É possível editar durante a pesquisa de opinião É possível tabular Descrição Mostra o nome do campo que será exibido na tela de entrevistas. Mostra quais campos devem estar presentes em cada registro do participante. Não é possível alterar as configurações nesta coluna para nenhum dos campos padrão que devem estar presentes em todos os bancos de dados de telefone, mas é possível alterar as configurações para outros campos. Determina quais campos poderão ser mostrados na atividade Revisar Entrevistas do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Determina quais campos são exibidos na tela do dispositivo remoto do entrevistador. Determina quais campos são exibidos na tela do entrevistador do CATI. Determina quais dos campos exibidos os entrevistadores podem editar. Para os campos padrão, só é possível alterar as configurações para Tempo de retorno, Modo de entrevista e Resultado do contato. Especifica quais campos devem estar disponíveis para a atividade Entrevistas. O único campo padrão cuja configuração pode ser alterada é Contagem de tentativa. Se a amostra de dados incluir um campo Segmento e você desejar executar os relatórios na atividade Entrevistas, que possam exibir dados sobre os segmentos, assegure-se de selecionar É possível tabular para o campo Segmento. Para obter mais informações sobre segmentos, procure na ajuda online da atividade Entrevistas o tópico "Sobre segmentos". Nota: Se estiver usando qualificações do entrevistador para corresponder as capacidades de idioma dos entrevistadores aos participantes que falam esses idiomas, será possível permitir que os entrevistadores editem o campo que contém o idioma do participante. No caso de o entrevistador não falar a mesma língua que o participante, o entrevistador poderá editar o campo de idioma e selecionar o resultado de contato ou de chamada Rechamada de idioma. Um compromisso será planejado automaticamente com outro entrevistador cujas configurações de qualificação indiquem que ele fala esse idioma. Para obter mais informações sobre as qualificações do entrevistador, procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide em, o tópico "Incluindo propriedades em grupos de propriedades do usuário". Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 93

98 Editando as configurações na página Participantes 1. Clique no campo que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar, conforme é mostrado abaixo: Figura 5. Ícone Editar 2. Altere as configurações para as colunas Rótulo, Obrigatória, Mostrar, É possível editar durante a pesquisa de opinião e É possível tabular colunas, conforme o necessário. 3. Clique em Atualizar. Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto, você sempre altera as configurações na página Participantes para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Também é possível definir campos padrão adicionais para que não seja mais necessário os incluir em cada projeto. Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. Definindo parâmetros de gerenciamento de amostra Os scripts de Gerenciamento de amostra para projetos de entrevista por telefone devem executar as seguintes tarefas: v Selecionar registros para o discador automático discar (ou, para projetos que não usam discador automático, selecionar registros para os entrevistadores discarem manualmente). v Configurar horários de compromisso para registros que estavam ocupados ou não atenderam quando chamados. v Assegurar que os registros com compromissos sejam apresentados para chamada nos horários corretos aos entrevistadores corretos. v Designar registros com requisitos específicos para entrevistadores com as qualificações apropriadas. v Reagendar compromissos perdidos. v Assegurar que os registros sejam selecionados em uma determinada ordem de prioridade; por exemplo, os compromissos organizados com os participantes, em seguida, os compromissos configuradas automaticamente e finalmente os novos registros. v Descartar os registros que se tornaram inelegíveis para uso por terem sido chamados muitas vezes. O script de Gerenciamento de amostra precisa obter certas informações para realizar essas tarefas. Por exemplo, para configurar horários de compromisso automaticamente precisa saber quanto tempo deve ser decorrido entre a chamada anterior e o compromisso. As configurações que podem ser definidas são as seguintes. O script de Gerenciamento de amostra usará os padrões para as configurações que não forem definidas. Tabela 2. Configurações de variável Configuração Sem atraso de resposta Atraso de ocupado Atraso de secretária eletrônica Descrição O número de minutos que deve decorrer entre chamadas consecutivas para um número que não responde. O padrão é 30 minutos. O número de minutos que deve decorrer entre chamadas consecutivas a um número ocupado. O padrão é 30 minutos. O número de minutos que deve decorrer entre chamadas consecutivas para um número respondido por uma secretária eletrônica. O padrão é 30 minutos. 94 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

99 Tabela 2. Configurações de variável (continuação) Configuração Atraso de retorno de chamada da web Atraso de rejeição Compromisso silencioso Nenhuma preferência para compromissos / Dar preferência ao entrevistador que organizou o compromisso Antes de um compromisso, por qualquer entrevistador e Antes de um compromisso, pelo entrevistador que o organizou (essas são, na verdade, uma única configuração) Descrição O número de minutos que deve decorrer antes que um registro que atingiu o tempo limite ou foi interrompido durante uma entrevista de autoconclusão (Web) possa ser chamado usando entrevista por telefone. O padrão é zero, que significa que os registros de entrevistas da web que atingiram o tempo limite ou foram interrompidas não será chamado novamente. O número de minutos que deve decorrer entre chamadas consecutivas para um número que rejeitou uma chamada. As chamadas podem ser rejeitadas quando um usuário de telefone celular ativa um perfil de compromisso que rejeita chamadas ou, quando um telefone residencial é configurado para rejeitar chamadas que também não transmitem o número de telefone do responsável pela chamada. O padrão é 1620 minutos (ou 27 horas). O número de minutos que deve decorrer entre chamadas consecutivas para um número que possa ter recebido uma chamada silenciosa. Chamadas silenciosas podem ocorrer quando um discador automático gera mais chamadas conectadas do que o número de entrevistadores disponíveis para manipular as chamadas. O padrão é 4320 minutos (ou 72 horas). Observe que quando uma chamada silenciosa ocorrer, o script de gerenciamento de amostra alterará o valor do campo Fila no registro do participante para SILENT. Para assegurar-se de que o número do telefone seja rechamado no final do atraso, o supervisor deverá alterar o valor de Fila de SILENT para APPOINTMENT. Se a configuração Antes de um compromisso,... aplica-se a qualquer entrevistador ou somente ao entrevistador que organizou o compromisso. O padrão é que ela se aplique a qualquer entrevistador disponível. Se, em vez disso, você escolher que ela se aplique somente ao entrevistador que organizou o compromisso e o projeto usar discagem automática de grupo/de previsão, o entrevistador não será conectado automaticamente ao participante que possui um compromisso. Em vez disso, os detalhes do participante serão exibidos na tela do entrevistador e o entrevistador deverá clicar no botão Iniciar discagem para discar o número de telefone do participante. O número de minutos antes de o horário do compromisso em que um número com um compromisso possa ser chamado por qualquer entrevistador ou somente pelo que organizou o compromisso, dependendo da configuração de "Nenhuma preferência para compromissos / Dar preferência ao entrevistador que organizou a entrevista". O padrão é cinco minutos. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 95

100 Tabela 2. Configurações de variável (continuação) Configuração Após um compromisso, por qualquer entrevistador Antes de uma rechamada Fusos horários Usar qualificações do entrevistador Descrição O número de minutos após o horário do compromisso em que um número com um compromisso possa ser chamado por qualquer entrevistador disponível. O script de gerenciamento de amostra somente usa esta configuração quando a configuração Nenhuma preferência para compromissos / Dar preferência ao entrevistador que organizou a entrevista for para dar preferência ao organizador. O padrão é cinco minutos. O número de minutos antes de o horário de rechamada em que um número com um compromisso automático possa ser chamado. O padrão é dez minutos. Os fusos horários em que os participantes estão localizados. Os valores inseridos neste campo devem ser os índices dos fusos horários na lista de fusos horários armazenados no registro. Caso seja necessário inserir mais de um fuso horário, separe-os com ponto e vírgula e não inclua espaços. Se você deixar esse campo em branco, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server ignorará os fusos horários e os horários de chamado ao selecionar registros para que os entrevistadores chamem. Se as chamadas devem ou não serem designadas aos entrevistadores com base nas qualificações do entrevistador. Por exemplo, se o idioma nativo do participante for espanhol, designar a chamada a um entrevistador que fale espanhol. * Os fusos horários são os seguintes: Nome do fuso horário Exibido como Valor de índice Horário padrão de Greenwich (GMT) Monróvia, Reiquejavique 90 Horário padrão GMT (GMT) Hora de Greenwich; Dublin, 85 Edimburgo, Lisboa, Londres Horário padrão de Marrocos (GMT) Casablanca Horário padrão do oeste europeu (GMT+01h) Amsterdã, Berlim, Berna, 110 Roma, Estocolmo, Viena Horário padrão da Europa Central (GMT+01h) Belgrado, Bratislava, 95 Budapeste, Liubliana, Praga Horário padrão de Romance (GMT+01h) Bruxelas, Copenhague, 105 Madri, Paris Horário padrão da Europa Central (GMT+01h) Sarajevo, Escópia, 100 Varsóvia, Zagreb Horário padrão do Centro-oeste da (GMT+01h) Centro-oeste da África 113 África Horário Padrão GTB (GMT+02h) Atenas, Bucareste, 130 Istambul Horário padrão do leste europeu (GMT+02h) Minsque 115 Horário padrão do Egito (GMT+02h) Cairo 120 Horário padrão da Síria (GMT+02h) Damasco Horário padrão da África do Sul (GMT+02h) Harare, Pretória IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

101 Nome do fuso horário Exibido como Valor de índice Horário padrão de FLE (GMT+02h) Helsinque, Kiev, Riga, 125 Sofia, Talim, Vilnius Horário padrão de Israel (GMT+02h) Jerusalém 135 Horário padrão da Jordânia (GMT+02h) Amã Horário padrão do Oriente Médio (GMT+02h) Beirute Horário padrão da Namíbia (GMT+02h) Vinduque Horário padrão árabe (GMT+03h) Bagdá 158 Horário padrão árabe (GMT+03h) Kuwait, Riad 150 Horário padrão russo (GMT+03h) Moscou, São Petersburgo, 145 Volgogrado Hora padrão do leste da África (GMT+03h) Nairobi 155 Horário padrão Georgiano (GMT+03h) Tbilisi Horário padrão do Irã (GMT+03h30) Teerã 160 Horário padrão árabe (GMT+04h) Abu Dhabi, Muscat 165 Horário padrão do Cáucaso (GMT+04h) Baku, Tbilisi, Erevan 170 Horário padrão do Azerbaijão (GMT+04h) Baku Horário padrão Maurício (GMT+04h) Porto Luís Horário padrão do Cáucaso (GMT+04h) Erevan 170 Horário padrão do Afeganistão (GMT+04h30) Kabul 175 Horário padrão do Paraguai (GMT+05h) Assunção Hora padrão de Ecaterimburgo (GMT+05h) Ecaterimburgo 180 Horário padrão do oeste da Ásia (GMT+05h) Tasquente 185 Horário padrão do Paquistão GMT+05h) Islamabade, Carachi Horário padrão da Índia (GMT+05h30) Chennai, Calcutá, 190 Bombaim, Nova Deli Horário padrão do Nepal (GMT+05h45) Catmandu 193 Horário padrão do Centro Norte da (GMT+06h) Novosibirsk 201 Ásia Horário padrão da Ásia Central (GMT+06h) Astana 195 Horário padrão de Bangladesh (GMT+06h) Daca Horário padrão do Sri Lanka (GMT+06h) Sri Jaiavardenapura 200 Horário padrão de Mianmar (GMT+06h30) Yangon (Rangum) 203 Horário padrão do Sudeste da Ásia (GMT+07h) Bangcoc, Hanói, Jacarta 205 Horário padrão do Norte da Ásia (GMT+07h) Krasnoyarsk 207 Horário padrão da China (GMT+08h) Pequim, Chongqing, 210 Hong Kong, Urumqi Horário padrão do Nordeste da Ásia (GMT+08h) Irkutsk 227 Horário padrão de Cingapura (GMT+08h) Kuala Lumpur, 215 Cingapura Horário padrão do oeste da Austrália (GMT+08h) Perth 225 Horário padrão de Taipé (GMT+08h) Taipé 220 Horário padrão de Ulan Bator (GMT+08h) Ulan Bator Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 97

102 Nome do fuso horário Exibido como Valor de índice Horário padrão de Tóquio (GMT+09h) Osaka, Sapporo, Tóquio 235 Horário padrão da Coreia (GMT+09h) Seul 230 Horário padrão de Yakutsk (GMT+09h) Yakutsk 240 Horário padrão da Austrália central (GMT+09h30) Adelaide 250 Horário padrão da Aus. Central (GMT+09h30) Darwin 245 Horário padrão do leste da Austrália (GMT+10h) Brisbane 260 Horário padrão do leste da Aus. (GMT+10h) Camberra, Melbourne, 255 Sidney Horário padrão do Pacífico Ocidental (GMT+10h) Guam, Porto Moresby 275 Horário padrão da Tasmânia (GMT+10h) Hobart 265 Horário padrão de Vladivostoque (GMT+10h) Vladivostok 270 Horário padrão do Pacífico Central (GMT+11h) Ilhas Salomão, Nova 280 Caledônia Horário padrão de Magadan (GMT+12h) Magadan Horário padrão da Nova Zelândia (GMT+12h) Auckland, Wellington 290 Horário padrão de Fiji (GMT+12h) Fiji 285 Horário padrão de Kamchatka (GMT+12h) Petropavlovsk Kamchatsky - Antigo Horário padrão de Tonga (GMT+13h) Nucualofa 300 Horário padrão dos Açores (GMT-01h) Açores 80 Horário padrão de Cabo Verde (GMT-01h) Ilha de Cabo Verde 83 Horário padrão do Atlântico Central (GMT-02h) Atlântico Central 75 Horário padrão da Argentina (GMT-03h) Buenos Aires Horário padrão do leste da América (GMT-03h) Brasília 65 do Sul Horário padrão do leste da América (GMT-03h) Caiena, Fortaleza 70 do Sul Horário padrão da Groenlândia (GMT-03h) Groenlândia 73 Horário padrão de Montevidéu (GMT-03h) Montevidéu Horário padrão de Terra Nova (GMT-03h30) Terra Nova 60 Horário padrão do Atlântico (GMT-04h) Horário do Atlântico 50 (Canadá) Horário padrão do Brasil Central (GMT-04h) Cuiabá Horário padrão da África do Sul (GMT-04h) Georgetown, La Paz, 55 Manaus, São João Horário padrão do Pacífico da (GMT-04h) Santiago 56 América do Sul Horário padrão da Venezuela (GMT-04h30) Caracas Hora padrão do Pacífico da América (GMT-05h) Bogotá, Lima, Quito 45 do Sul Horário padrão do leste (GMT-05h) Horário do leste (EUA, 35 Canadá) Horário padrão do leste dos EUA (GMT-05h) Indiana (leste) 40 Horário padrão da América Central (GMT-06h) América Central IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

103 Nome do fuso horário Exibido como Valor de índice Horário padrão Central (GMT-06h) Horário central (EUA, 20 Canadá) Horário padrão Central (México) (GMT-06h) Guadalajara, Cidade do México, Monterrey Horário padrão central do Canadá (GMT-06h) Sascachevão 25 Horário padrão das Montanhas dos (GMT-07h) Arizona 15 EUA Horário padrão das Montanhas (GMT-07h) Horário das Montanhas (EUA, Canadá) 10 Horário padrão das Montanhas (México) Horário padrão do Pacífico (GMT-07h) Chihuahua, La Paz, Mazatlan (GMT-08h) Horário do Pacífico (EUA, Canadá) Horário padrão do Pacífico (México) (GMT-08h) de Baixa Califórnia Horário padrão do Alasca (GMT-09h) Alasca 3 Horário padrão do Havaí (GMT-10h) Havaí 2 Horário padrão de Samoa (GMT-11h) Samoa 1 Horário padrão da Linha Internacional de Data (GMT-12h) Linha Internacional de Data Ocidental 4 0 Você configura esses parâmetros no início do projeto e pode alterá-los por todo o período de entrevistas para que correspondam aos requisitos atuais da pesquisa de opinião. Por exemplo, se este for o último dia da pesquisa de opinião e estiver diminuindo o número de novos participantes, será possível aumentar o número máximo de vezes que os números podem ser chamados. Também é possível reduzir os tempos decorridos para compromissos configurados automaticamente para que os números com retornos de chamada fiquem disponíveis para rechamada mais rapidamente. Definindo parâmetros de gerenciamento de amostra 1. Selecione a opção Parâmetros na pasta Regras de chamada. 2. Em Usar estes Fusos horários, insira o fusos horários nos quais os participantes desse projeto estão localizados. Se os participantes estiverem localizados em mais de um fuso, separe os números do fuso com ponto e vírgula. 3. Substitua qualquer uma das configurações padrão para outros parâmetros digitando os novos valores nas caixas de texto. Ao inserir os horários de chamada, é possível especificar os horários no formato de 12 horas (hh:mm am/pm) ou 24 horas (hh:mm), mas na próxima vez que você abrir as Opções de entrevista os horários serão mostrados no formato de 24 horas. 4. Se você desejar que as chamadas sejam designadas a entrevistadores com base nas qualificações do entrevistador, selecione Qualificações do entrevistador. Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto você sempre altera as configurações na página Parâmetros para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. Configurações de projeto A página Projeto fornece opções para definir uma data de expiração do projeto e para especificar se os revisores poderão rejeitar as entrevistas ou não. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 99

104 Expiração do projeto (Horário UTC). Fornece opções para especificar um horário de expiração do projeto. v Data: A data de expiração do projeto. É possível digitar uma data manualmente, no formato mm/dd/aaaa ou clicar na seta para baixo para exibir um calendário e selecionar uma data. v Horário: O horário de expiração do projeto. Indica o horário exato do dia, para a data selecionada, em que o projeto expirará. Insira um horário apropriado no formato de 24 horas hh:mm (por exemplo 17:00 para 17h). O revisor pode rejeitar a entrevista: Quando selecionado, aos revisores de entrevista (geralmente entrevistadores e supervisores) é fornecida a opção de rejeitar entrevistas concluídas. Os revisores geralmente rejeitam as entrevistas que são inválidas por algum motivo (talvez o entrevistador tenha falsificado algumas respostas e o revisor não deseje continuar a revisão). Configurações de ordenação A página de ordenação fornece opções para definir a ordem na qual os registros são recuperados de cada fila individual. Por exemplo, você pode desejar discar primeiro para os registros com um número maior de tentativas, ao varrer a fila Recall. Ordem/Ponderação. Define a ordenação dos registros, por campo, em cada fila. A ordenação é usada para recuperar os registros na ordem exata especificada. Números consecutivos geralmente são especificados durante a configuração de ordenação. Por exemplo, para chamar todos os registros na região North, antes dos registros na região South, especifique a Ordenação e configure North Order=1 e South Order=2. A ponderação é usada para recuperar todos os registros aos quais tenha sido fornecida uma ponderação nas razões especificadas. As porcentagens são geralmente especificadas ao configurar a ordenação (as porcentagens que somam 100% não são necessárias). Por exemplo, é possível especificar a Ponderação e definir North Weight=50, East Weight=25 e West Weight=25 para indicar que os registros da região North devem compor até 50% dos registros enquanto os registros de East e West devem compor 25% do total cada um. Portanto, se você recuperar 100 registros, aproximadamente 50 registros deverão ser de North, 25 de East e 25 de West. O algoritmo emprega números aleatórios, assegurando, assim, que os valores não sejam exatos e que a razão correta seja designada (desde que registros suficientes sejam selecionados). Nota: As regras de fila são seguidas, o que significa que a disponibilidade dos registros em cada fila tem impacto na ponderação geral. 1. Selecione Ordem ou Ponderação. 2. Selecione o campo apropriado no menu suspenso. 3. Clique em Incluir Ordem de campo/ponderação... para abrir o diálogo Ordem de campo. O diálogo permite definir como os campos de registro são ordenados. Consulte o tópico Diálogo Ordem de Campo na página 101 para obter mais informações. Ordenar registros por. A tabela exibe a ordem do registro definida pelo usuário. Antes de executar qualquer uma das tarefas a seguir, primeiro você deverá selecionar uma linha de campo da tabela. 4. É possível usar os botões Para cima e Para baixo para reordenar a lista Ordenar registros por: 5. Clique no botão Editar ordem de registro por campo para abrir o diálogo Ordem de campo e editar definições de ordem de campo existentes: 100 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

105 6. Clique no botão Excluir ordem de campo para excluir definições de ordem de campo existentes: Priorizar rechamadas sobre as novas. Permite especificar a frequência na qual as rechamadas para chamadas ocupadas e não atendidas têm prioridade sobre as chamadas para novos números. Especifique uma porcentagem para verificar a fila RECALL antes da fila FRESH. Por exemplo, a especificação do valor de 25% resultaria na verificação da fila RECALL antes da fila FRESH para uma em cada quatro chamadas. O valor padrão é 90%. Nota: A priorização de rechamadas para menos de 100% é a melhor opção para reduzir o clumping. No entanto, se ainda não houver nenhum registro de FRESH, a escolha a esmo dos tempos de rechamada poderá reduzir o clumping de rechamadas depois do primeiro clump em um turno ou parte do dia. O script multimode1_sample.mrs escolhe a esmo o tempo de rechamada em torno do atraso especificado (usando o tempo antes de uma rechamada especificado como a margem e ajustando o tempo de rechamada entre 2e10minutes como o Tempo de rechamada após). Por exemplo, quando o atraso de ocupado for 30 minutos e o tempo antes de uma rechamada for 10 minutos, os números serão rechamados entre 20 e 40 minutos após o tempo de retorno. Ordenar registros em cada fila por. A tabela exibe a ordem do campo atual para cada fila. Antes de executar a tarefa a seguir, primeiro você deverá selecionar uma linha da fila da tabela. 7. Clique no botão Editar ordem da fila para abrir o diálogo Edição de ordem de fila e edite a ordem de campo da fila selecionada Consulte o tópico Diálogo Edição de Ordem de Fila na página 102 para obter mais informações. Notas v Quando a ordem de fila eaordemdecampo/ponderação estiverem especificadas, a ordem de fila será usada para resolver a ordenação em paralelo. v Os registros com valores para os quais nenhuma ordem ou ponderação estiver especificada serão recuperados por último da fila Appointment (os registros não serão recuperados a partir de nenhuma das outras filas). Diálogo Ordem de Campo: O diálogo Ordem de campo fornece opções para definir como os valores de campo de registro são ordenados. Valor: O campo suspenso lista todos os valores distintos para o campo selecionado, incluindo nulo/vazio. A mensagem "Não há nenhuma ordem/ponderação baseada neste campo" é exibida quando você seleciona um valor distinto pela primeira vez. Selecione um valor apropriado na lista. Ordem\ponderação: Insira um valor numérico entre 0 e O valor inserido define a prioridade de ordem ou ponderação para o valor selecionado. A prioridade controla a ordem de recuperação de registro para todas as filas. Nota: Quando você insere o valor 0, os registros que contêm o valor de ordem ou ponderação 0 são os últimos a serem recuperados da fila selecionada e não são recuperados a partir de outras filas. 1. Clique em Incluir para salvar o valor definido na tabela Ordem de campo. Ordem de campos. A tabela lista todos os valores do pedido de campo definidos e suas prioridades associadas. Antes de executar qualquer uma das tarefas a seguir, primeiro você deverá selecionar uma linha de campo da tabela. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 101

106 2. Clique no botão Editar ordem do valor de campo para editar a prioridade do valor de campo selecionado: Clique em Atualizar para salvar para editar ou clique em Cancelar para descartar qualquer mudança. 3. Clique no botão Excluir ordem do valor de campo para excluir o valor de campo selecionado: 4. Clique em OK para salvar as mudanças e retornar para a página Ordenação. A tabela Ordenar registros por é atualizada e exibe os valores de campo de registro definidos. Diálogo Edição de Ordem de Fila: O diálogo Edição de ordem de fila fornece opções para definir qual campo de amostra será usado para ordenar os registros de fila selecionados. Fila de amostra. Este é um campo não modificável que exibe a fila selecionada. Campo de amostra. A lista suspensa fornece todos os campos de amostra disponíveis para a fila selecionada. Selecione um campo apropriado na lista. Ordem. A ordem na qual o campo de amostra selecionado será ordenado. A lista suspensa fornece opções para Crescente e Decrescente. 1. Clique em OK para salvar as mudanças e retornar para a página Ordenação. Clique em Cancelar para descartar quaisquer mudanças e retornar para a página Ordenação. Ordenar registros em cada fila por tabela atualiza e exibe as mudanças. Configurando parâmetros de horário de chamada A página Horários de chamada fornece opções para definir horários de chamadas de participante válidos e para criar partes do dia para o projeto atual. As partes do dia permitem assegurar que os registros sejam chamadas em horários específicos do dia para aumentar a chance de sucesso em atingir os participantes. Nota: Se você tiver um projeto existente que use scripts de gerenciamento de amostra da pré-versão 5.6, será possível configurar partes do dia, mas elas não serão reconhecidas. O uso de partes do dia requer scripts de gerenciamento de amostra da versão 5.6 ou superior. Dia de semana: Permite especificar horários de chamada de participante válidos: v Início (hh:mm). O horário mais cedo em que os participantes podem ser chamados em dias da semana. Insira um horário de início apropriado. v Término (hh:mm). O horário mais tarde em que os participantes podem ser chamados em dias da semana. Insira um horário de término apropriado. Final de semana: Permite especificar os horários de chamada de participante válidos no final de chamada: v Início (hh:mm). O horário mais cedo em que os participantes podem ser chamados em finais de semana. Insira um horário de início apropriado. v Término (hh:mm). O horário mais tarde em que os participantes podem ser chamados em finais de semana. Insira um horário de término apropriado. Por padrão, um final de semana é considerado das 00h01 no sábado até a meia-noite no domingo. O script de Gerenciamento de amostra manipulará situações em que o projeto tenha participantes em fusos horários com diferentes definições de dias de semana e finais de semana. 102 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

107 Quando selecionado, os parâmetros de tempo definidos na seção Horários de chamada de participante válidos serão usados. Máximo de tentativas. O número máximo de vezes que um registro pode ser chamado. O padrão é 3. Se um Compromisso é organizado, tentativas de "Máximo de tentativas" adicionais podem ser feitas para conectar ao compromisso. Usando partes do dia. Quando selecionado, será possível usar um modelo de partes do dia existente que define os horários de chamada de participante válidos. 1. Clique em Novas Partes do dia para limpar quaisquer configurações de parte do dia definidas atualmente na tabela Partes do dia. 2. Clique em Carregar modelo... para carregar um modelo de partes do dia existente. Os modelos são armazenados no arquivo Distributed Property Management (DPM). 3. Clique em Salvar como... para salvar as configurações atuais, listadas na tabela Partes do dia, como um modelo no DPM. O diálogo Salvar como... é exibido, permitindo especificar um nome de modelo. Insira um nome de modelo apropriado e clique em Salvar. Ou clique em Cancelar para retornar à página Horários de chamada sem salvar. Partes do Dia A tabela Partes do dia lista todas as partes do dia definidas atualmente para o projeto. Incluindo uma nova parte do dia 1. Clique no botão Incluir para criar uma nova definição de parte do dia: Figura 6. Botão Incluir O diálogo Partes do dia é exibido, fornecendo opções para definir uma nova parte do dia. Nome: O nome da parte do dia. Insira um nome apropriado. Tentativas: O número máximo de vezes que um registro pode ser chamado. Insira um valor apropriado. Horário de início: O horário mais cedo que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais cedo de chamada. Horário de término: O horário mais tarde que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais tarde de chamada. Dias: Selecione os dias da semana apropriados para entrar em contato com os participantes. 2. Clique em OK, depois de inserir os parâmetros de parte do dia desejados, para salvar a parte do dia na tabela Partes do dia. Ou clique em Cancelar para descartar a nova parte do dia. Editando uma parte do dia 1. Selecione uma parte do dia existente na tabela Partes do dia. 2. Clique no botão Editar parte do dia. Figura 7. Botão Editar parte do dia O diálogo Partes do dia é exibido com os parâmetros de parte do dia selecionados preenchidos. 3. Aplique as mudanças apropriadas e clique em OK para atualizar a parte do dia. Ou clique em Cancelar para descartar as mudanças. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 103

108 Excluindo uma parte do dia 1. Selecione uma parte do dia existente na tabela Partes do dia. 2. Clique no botão Excluir parte do dia: Figura 8. Botão Excluir parte do dia Configurando compromissos A página de compromissos fornece opções para criar agendas para o projeto atual. Uma agenda pode ser usada para especificar os turnos e os feriados do entrevistador, assegurando que os compromissos possam ser feitos quando os entrevistadores estiverem trabalhando. Pode haver várias agendas para um site distribuído. As agendas podem diferir entre os projetos e, portanto, são específicas do projeto. Por exemplo, os entrevistadores podem ser planejados para chamadas de projetos de negócios durante o dia e projetos de consumidor à noite. Nota: Para usar as opções da página Compromissos, na atividade Pesquisa de opinião de telefone, primeiro você deverá designar um fuso horário e uma agenda para, pelo menos, um usuário aplicável. Agenda. Fornece opções para limpar os subplanejamentos existentes, carregar modelos de planejamento e salvar modelos de planejamento. 1. Clique em Novo planejamento para limpar quaisquer subplanejamentos definidos atualmente. 2. Clique em Carregar modelo... para carregar um modelo de agenda existente. Os modelos são armazenados no arquivo Distributed Property Management (DPM). 3. Clique em Salvar como... para salvar as configurações de planejamento atuais como um modelo em DPM. O diálogo Salvar como... é exibido, permitindo especificar um nome do modelo de planejamento. Insira um nome de modelo de planejamento apropriado e clique em Salvar. Ou clique em Cancelar para retornar à página Compromissos sem salvar. Subplanejamento. Fornece opções para definir parâmetros de planejamento específicos. É possível definir parâmetros de mudança e substituições de data específicos para cada subplanejamento. Por exemplo, um subplanejamento Dias da semana poderia incluir a mudança 08:00-17:00 para Mon;Tue;Wed;Thu;Fri enquanto um subplanejamento Finais de semana poderia incluir a mudança 12:00-19:00 para Sat;Sun. Criando um novo subplanejamento 1. Clique em Novo Subplanejamento para abrir o diálogo Novo Subplanejamento. 2. Insira um nome de subplanejamento apropriado e clique em OK para salvar o subplanejamento. Ou clique em Cancelar para descartar o novo subplanejamento. Excluindo um subplanejamento 1. Selecione um subplanejamento no campo suspenso. 2. Clique em Excluir Subplanejamento. O subplanejamento selecionado é excluído e não fica mais disponível no campo suspenso. Mudanças regulares. A tabela lista todas as mudanças definidas atualmente para o subplanejamento selecionado. 104 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

109 Criando novas mudanças para um subplanejamento 1. Selecione um subplanejamento no campo suspenso. Se não existir nenhum subplanejamento, você deverá criar um novo subplanejamento ou carregar um modelo de agenda (ambos explicados acima). 2. Clique no botão Incluir na tabela Mudanças regulares: O diálogo Mudança regular é exibido, fornecendo opções para definir uma nova mudança. Horário de início: O horário mais cedo que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais cedo de chamada. Horário de término: O horário mais tarde que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais tarde de chamada. Dias: Selecione os dias da semana apropriados para entrar em contato com os participantes. 3. Clique em OK, depois de inserir os parâmetros de mudança desejados, para salvar a mudança na tabela Mudanças regulares. Ou clique em Cancelar para descartar a nova mudança. Editando uma mudança 1. Selecione uma mudança existente na tabela Mudanças regulares. 2. Clique no botão Editar mudança regular. Figura 9. Editar mudança regular O diálogo Mudança regular é exibido com os parâmetros de mudança preexistentes preenchidos. 3. Aplique as mudanças apropriadas e clique em OK para atualizar a mudança. Ou clique em Cancelar para descartar as mudanças. Excluindo uma mudança 1. Selecione uma mudança existente na tabela Mudanças regulares. 2. Clique no botão Excluir mudança regular: Figura 10. Excluir mudança regular Substituições de data: A tabela lista todas as mudanças de substituição de data atualmente definidas para o subplanejamento selecionado. As Substituições de data permitem especificar datas e/ou horas específicas nas quais compromissos não são permitidos, além de definir datas e horas específicas que substituirão as mudanças definidas na tabela Mudanças regulares. Criando novas mudanças de substituição de data para um subplanejamento 1. Selecione um subplanejamento no campo suspenso. Se não existir nenhum subplanejamento, você deverá criar um novo subplanejamento ou carregar um modelo de agenda (ambos explicados acima). 2. Clique no botão Incluir na tabela Substituições de data: Figura 11. Incluir Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 105

110 O diálogo Substituição de data é exibido, fornecendo opções para definir uma nova substituição de data. Nenhum compromisso. Selecione esta opção quando você desejar definir datas específicas nas quais nenhum compromisso seja permitido. Substituição de dados. Selecione esta opção quando desejar definir datas e horas específicas que substituam as mudanças definidas na tabela Mudanças regulares. Horário de início: Quando Nenhum compromisso for selecionado, o horário de início em que os participantes não podem ser chamados. Insira o horário de início. Quando Substituição de dados for selecionado, o horário mais cedo em que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais cedo de chamada. Horário de encerramento: Quando Nenhum compromisso for selecionado, o horário de encerramento em que os participantes não podem ser chamados. Insira o horário de encerramento. Quando Substituição de data for selecionado, o horário mais tarde em que os participantes podem ser chamados. Insira o horário mais tarde de chamada. Data. O calendário permite selecionar datas específicas de Nenhum compromisso ou Substituição de data. Selecione a(s) data(s) apropriada(s). Todas as datas selecionadas serão exibidas no campo imediatamente abaixo do calendário. 3. Clique em OK, depois de inserir os parâmetros desejados, para salvar a substituição de data na tabela Substituições de data. Ou clique em Cancelar para descartar a nova substituição de data. Editando uma substituição de data 1. Selecione uma mudança existente na tabela Substituições de data. 2. Clique no botão Editar data substituída. Figura 12. Editar data substituída O diálogo Substituição de data é exibido com os parâmetros de substituição preexistentes preenchidos. 3. Aplique as mudanças apropriadas e clique em OK para atualizar a substituição de data. Ou clique em Cancelar para descartar as mudanças. Excluindo uma substituição de data 1. Selecione uma mudança existente na tabela Substituições de data. 2. Clique no botão Excluir data substituída: Figura 13. Excluir data substituída Configurando substituições do projeto O página Substituições fornece opções para alterar os parâmetros que controlam a discagem para um subconjunto de registros. Todos os registros, exceto aqueles no subconjunto especificado, continuam a seguir as regras de discagem de base. Os parâmetros que podem ser substituídos são: v O número máximo de tentativas para um registro. v O atraso de retorno de atraso para os números que não são atendidos, que estão ocupados, que são atendidos por secretária eletrônica ou iniciados na web. 106 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

111 Além disso, é possível especificar que seja identificado que um subconjunto de registros possui uma prioridade alta. Os registros de alta prioridade geralmente são chamados antes dos outros registros. Essa variável poderá ser usada, por exemplo, se você descobrir que a porcentagem de conclusão para um subconjunto de registros específico (região por exemplo) é particularmente baixa. Seria possível indicar que o subconjunto tem prioridade até que a porcentagem de conclusão atinja a média, e neste ponto, seria possível desativar a substituição. Priorizar. Selecione esta opção quando desejar especificar que o valor de Critérios de seleção seja identificado como tendo prioridade sobre outros registros. Os registros de alta prioridade geralmente são chamado antes de outros registros Critérios de seleção. Identifica o subconjunto de registros no qual os parâmetros de substituição são baseados. Insira um critério apropriado. Nenhum atraso de resposta. O atraso de retorno de chamada (em minutos) para os números que não são respondidos. Insira um valor apropriado. Atraso de ocupado. O atraso de retorno de chamada (em minutos) para os números que estão ocupados. Insira um valor apropriado. Atraso de secretária eletrônica. O atraso de retorno de chamada (em minutos) para os números que são respondidos por uma secretária eletrônica. Insira um valor apropriado. Atraso de retorno de chamada da web. O atraso de retorno de chamada (em minutos) para pesquisas de opinião que são iniciadas na Web. Insira um valor apropriado. Máximo de tentativas (para quaisquer partes do dia). Especifica o número máximo de tentativas de retorno de chamada para cada participante. Insira um valor apropriado. Configurando as listas Resultados Os entrevistadores que trabalham em um projeto de entrevistas recebem uma lista de códigos de resultado de chamada a partir da qual devem selecionar o resultado de cada chamada realizada. O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server é fornecido com uma lista padrão de códigos de resultado que cobre a maioria dos requisitos, portanto, nunca será necessário construir uma lista de resultado de chamada desde o início. Nota: Para projetos que usam um discador automático, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server mapeia automaticamente os códigos de status retornados pelo discador automático para um dos resultados de chamada. A página Resultados lista os códigos de resultado de chamada (entrevistas por telefone) e de contato (entrevistas pessoais) para o projeto atual e permite fazer as seguintes mudanças na lista: v Incluir novos códigos. v Excluir códigos. v Alterar números de código, nomes e textos. v Selecionar os códigos que devem estar disponíveis durante o andamento das entrevistas; por exemplo, um código de Entrevista abandonada que pode ser selecionado se um participante iniciar uma entrevista mas, em seguida, se recusar a concluí-la. v Especificar quais códigos devem solicitar que o entrevistador organize um retorno de chamada ou compromisso de contato com o participante. Quando os entrevistadores selecionarem um desses resultados, será solicitado que eles insiram uma hora e data de retorno de chamada ou contato. v Especificar qual código deve ser usado para chamadas ou entrevistas canceladas. As Chamadas canceladas ocorrem quando é apresentado ao entrevistador um número para chamar manualmente, mas ele clica em Cancelar contato em vez de fazer a chamada. Isso retorna o registro do participante Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 107

112 para o sistema de Gerenciamento de amostra com o código apropriado para que o registro possa ser retornado para a fila a partir da qual ele foi selecionado. v Selecionar os códigos que estão sempre ocultos aos entrevistadores. Normalmente, estes são os resultados que são escolhidos automaticamente pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Incluindo um novo código 1. Clique em Incluir resultado de chamada nas tabelas Resultados de chamada ou no botão Incluir resultado de contato na tabela Resultados de contato: Figura 14. Incluir resultado de contato Campos em branco são exibidos próximos à parte inferior da tela, permitindo definir novos resultados. 2. No campo Código, digite um número exclusivo para o código de resultado. 3. No campo Nome, digite um nome para o código de resultado. 4. No campo Texto, digite uma descrição de quando o código de resultado deve ser usado. Esse texto é exibido na lista de resultados que aparece para o entrevistador, portanto, tente mantê-lo curto e simples, se possível. 5. Clique em Incluir. O código é incluído no final da lista. Nota: O script de Gerenciamento de amostra deve conter o código para processar todos os códigos de resultado usados por um projeto. Se você incluir códigos, lembre-se de coordenar com o responsável pelo script de Gerenciamento de amostra do projeto para que o script possa ser atualizado, caso isso ainda não tenha sido feito. Se um código for definido para um projeto, mas não for mencionado no script de Gerenciamento de amostra, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server não poderá processar as chamadas retornadas com esse código de resultado. Alterando o texto 1. Selecione o código que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar resultado da chamada ou Editar resultado do contato. Figura 15. Ícone Editar Isso coloca o campo de texto no modo de edição. 1. Atualize o texto. 2. Clique em Atualizar. Excluindo um código 1. Selecione o código que deseja excluir e, em seguida, clique em Excluir resultado de chamada ou no botão Excluir resultado de contato. Figura 16. Ícone Excluir 108 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

113 Exibindo um código quando entrevistas estão em execução 1. Selecione o código que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar resultado da chamada ou Editar resultado do contato. Figura 17. Ícone Editar 1. Selecione a caixa de seleção Exibir durante entrevista. 2. Clique em Atualizar. Especificando quais códigos devem solicitar detalhes do compromisso 1. Selecione o código que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar resultado da chamada ou Editar resultado do contato. Figura 18. Ícone Editar 1. Marque a caixa de seleção Exibir Página de compromisso. 2. Clique em Atualizar. Especificando qual código deve ser usado para contatos cancelados 1. Selecione o código que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar resultado da chamada ou Editar resultado do contato. Figura 19. Ícone Editar 1. Marque a caixa de seleção Código de cancelamento. 2. Clique em Atualizar. Ocultando um código de entrevistadores 1. Selecione o código que deseja alterar e, em seguida, clique no botão Editar resultado da chamada ou Editar resultado do contato. Figura 20. Ícone Editar 1. Marque a caixa de seleção Sempre oculto. 2. Clique em Atualizar. Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto você sempre altera as configurações na página Resultados para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Ao editar as configurações padrão, também é possível fazer o seguinte: v Definir resultados adicionais padrão, para que não seja mais necessário incluí-los em cada projeto. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 109

114 v Alterar o mapeamento de códigos de status do discador automático (retornados pelo discador automático no final de cada chamada) para os resultados de chamada (isso não será relevante se os projetos não usarem um discador automático). Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. Inserindo e editando a introdução da pesquisa de opinião A página Introdução fornece opções para definir o script introdutório, que os entrevistadores devem ler para cada participante. O editor fornece opções para modificar o texto introdutório de um projeto por meio de HTML ou texto simples e fornece um método para alternar entre os idiomas disponíveis. Quando um discador automático conecta um entrevistador por telefone a um participante (ou, para projetos que não usam discador automático, quando o entrevistador solicita um número para chamar), os entrevistadores recebem um texto introdutório que eles podem ler para o participante para explicar o motivo da chamada. O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server é fornecido com um texto padrão adequado para todos as pesquisas de opinião, mas é possível definir um texto próprio, que seja mais específico para o projeto atual. Introdução à pesquisa de opinião: Exibe o texto introdutório padrão. É possível substituir manualmente o texto padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece com o texto padrão da organização. Tradução: A lista suspensa fornece todos os idiomas disponíveis para a introdução da pesquisa de opinião. Selecione o idioma apropriado antes de editar o texto de introdução. Também é possível selecionar Novo... para incluir um novo idioma. Configurar editor como: Permite editar o texto em HTML ou texto simples. A seleção da opção HTML exibe um editor HTML simples que permite formatar o texto HTML rapidamente. Substituição: Lista campos disponíveis para inserção no texto introdutório. Os campos disponíveis normalmente referenciam um campo de amostra, mas também podem referenciar os seguintes campos: v User:Description - o nome do entrevistador. v Respondent:TimeBasedGreeting - corresponde ao horário do dia do respondente (manhã, tarde ou noite). As configurações podem ser atualizadas por meio da propriedade DefaultTimeRanges no DPM. As configurações padrão são as seguintes: - manhã é exibido quando o horário do respondente está entre 0h01 e 12h00. - tarde é exibido quando o horário do respondente está entre 12h01 e 19h00. - noite é exibido quando o horário do respondente está entre 19h01 e 0h. Nota: Se o texto introdutório para todos os projetos da empresa, ou para a maioria deles, for sempre o mesmo, será possível substituir o texto padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece pelo texto padrão da organização. Consulte "Alterando as configurações padrão" abaixo. Especificando o texto introdutório do projeto 1. Substitua o texto padrão pelo texto que você deseja que os entrevistadores usem (em texto simples ou HTML). Inserindo um campo no texto introdutório 1. Clique no texto introdutório no ponto em que deseja fazer a inserção. 2. Selecione um campo da lista Substituições. 3. Clique em Incluir. O nome do campo aparece no texto introdutório entre colchetes e será substituído pelo valor apropriado quando a mensagem introdutória for exibida para os entrevistadores. 110 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

115 Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto você sempre altera as configurações na página Introdução para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. Notas v O texto HTML pode ser formatado por meio das opções do editor HTML fornecidas ou é possível simplesmente inserir tags HTML válidas. Ao inserir tags HTML manualmente, você deve evitar a tag <body>. v O JavaScript padrão pode ser inserido diretamente no texto de introdução. v Ao trabalhar com um projeto que foi atualizado a partir de uma versão do IBM SPSS Data Collection anterior à versão 7, você observará que o texto de introdução será exibido em texto simples. Inserindo e editando as mensagens do projeto A página Mensagem do projeto fornece opções para criar e editar as mensagens do projeto. As mensagens de projeto fornecem informações específicas do projeto para cada entrevistador. O editor fornece opções para modificar o texto da mensagem por meio de HTML ou texto simples. Configurar editor como: Permite editar o texto em HTML ou texto simples. A seleção da opção HTML exibe um editor HTML simples que permite formatar o texto HTML rapidamente. Especificando a mensagem do projeto 1. Insira texto da mensagem do projeto que deseja que os entrevistadores vejam (em texto simples ou HTML). 2. Clique em Aplicar para enviar a mensagem ou em Cancelar para descartar a mensagem. Notas v O texto HTML pode ser formatado por meio das opções do editor HTML fornecidas ou é possível simplesmente inserir tags HTML válidas. Ao inserir tags HTML manualmente, você deve evitar a tag <body>. v O JavaScript padrão pode ser inserido diretamente no texto de introdução. Configurando relatórios de histórico As configurações de Relatórios do históricos fornecem opções para definir quais campos serão exibidos nos relatórios de histórico de contato e de sessão. Campos de exibição padrão para o relatório de histórico de contato v Horário de início v ID do entrevistador v Resultado de chamada v Duração v Comentários Campos de exibição padrão para o relatório de histórico da sessão v Horário de início v ID da amostra v Resultado de chamada v Duração v Comentários Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 111

116 1. Selecione os campos apropriados em ambas as colunas Histórico de contato e Histórico de sessão. Os campos selecionados serão exibidos em seus relatórios de histórico correspondentes. 2. Clique em Aplicar ou navegue para uma página diferente, para salvar as configurações do campo para DPM. Clicar em Cancelar desconsidera quaisquer mudanças na configuração do campo. Os campos de exibição definidos entrarão em vigor quando os entrevistadores saírem da atividade e entrarem novamente ou quando os supervisores saírem e entrarem novamente na guia Monitor. Notas v Os campos de exibição padrão são salvos no DPM em Site\Properties\DefaultCatiProjectProperties (onde é possível alterar os valores dos campos padrão). A propriedade defaultcallhistoryreportdisplayedfields configura o relatório de histórico de contato eapropriedade defaultsessionhistoryreportdisplayedfields configura o relatório de histórico de sessão. v A inclusão de campos nos relatórios de histórico resulta na inclusão da coluna na tabela de históricos de amostra. Não há como remover uma coluna depois que ela é incluída. Configurações de entrevista A pasta Configurações de entrevista permite definir o seguinte: Configura ções de entrevista por telefone v Se um discador automático é usado para discar números de telefone ou se entrevistadores devem discar números manualmente ou podem usar os modens para discar números. v Se os entrevistadores podem recuperar participantes específicos. v Se o programa de entrevistas deve selecionar o próximo contato de um entrevistador automaticamente ou se os entrevistadores devem clicar em um botão para solicitar seu próximo contato. v Se os entrevistadores ainda poderão iniciar uma pesquisa de opinião após terem sido desconectados de uma chamada. Essa opção somente estará disponível quando uma opção do IBM SPSS Data Collection Dialer for selecionada. v Se os entrevistadores devem ser solicitados a selecionar suas qualificações no início de cada sessão. v Se os supervisores podem monitorar e registrar entrevistadores e, caso possam, se os entrevistadores devem obter consentimento para monitoramento e gravação de cada participante. v Se os entrevistadores devem revisar as entrevistas concluídas e, caso devam, se a revisão será iniciada automaticamente e incluirá todas as questões ou somente as questões de texto. Configurações de entrevista pessoal v Se os entrevistadores pessoais podem incluir registros de participante. v A variável Gravação fornece suporte para gravação de entrevistas inteiras ou de questões individuais. Também é possível definir o script de introdução que os entrevistadores devem ler para cada participante ou alterar os valores padrão dessas configurações, para que as configurações customizadas sejam usadas sempre que um novo projeto for criado. Consulte "Alterando as configurações padrão" no final deste tópico. Usando um discador automático para discar números de telefone Para usar um discador automático, selecione uma das seguintes opções na lista suspensa Opções de discagem: v IBM SPSS Dialer (Extensão) Discagem de potência para a tela do entrevistador. Na discagem de extensão, o discador automático somente disca para os participantes quando os entrevistadores clicam no botão Iniciar discagem na atividade Participantes por telefone. Este modo pode resultar em tempos de espera mais longos para os entrevistadores, mas é improvável que resultem em chamadas silenciosas. 112 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

117 v IBM SPSS Dialer (Grupo) - Discagem para a entrevista em um grupo (com discagem de previsão opcional). Na discagem de grupo/previsão, o discador automático disca para os participantes antes que os entrevistadores fiquem disponíveis para responder as chamadas conectadas. Ou seja, o software prevê quando os entrevistadores clicarão no botão Iniciar discagem. Este modo pode entregar a mais alta produtividade do entrevistador, mas pode resultar em chamadas silenciosas. Para obter mais informações sobre a diferença entre as discagens de extensão e de grupo/previsão, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Como a discagem automática funciona?" e nos resultados da procura, abra o tópico com esse título. A opção para usar um discador automático somente será exibida se um ou mais discadores tiverem sido incluídos na atividade Administração de discador no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. No entanto, se as configurações de posição para uma estação de entrevistador por telefone especificarem que a estação somente pode ser usada para discagem manual ou de modem, o botão Iniciar discagem não será utilizável nessa estação. Os números de telefone usados para discagem automática somente devem conter os dígitos de 0 a 9,*e# (opcionalmente precedido por um sinal de mais (+) para apresentar o código de acesso internacional). Além disso, o número de telefone poderá conter os separadores visuais SPACE, (,),. e-. Os separadores visuais não são permitidos antes do primeiro dígito. Se você selecionar esta opção, também poderá ser necessário alterar as configurações na página Configurações do discador automático na página 120. Para obter mais informações sobre discadores e posições, consulte Administração de discador na página 232. Usando um modem para discar números de telefone Para permitir que os entrevistadores usem modens para discar números de telefone, selecione Modem Mostrar botão Discar contato na tela Entrevistador na lista suspensa Opções de discagem. Assim, o botão Discar contato na tela principal da atividade Participantes por telefone ficará utilizável. Quando os entrevistadores clicarem nesse botão, o número de telefone exibido na tela principal será discado automaticamente pelo modem. Observe que a opção de modem somente funcionará para números de telefone formatados da seguinte forma: +Country/RegionCode (Area/CityCode) SubscriberNumber Por exemplo, para um assinante no Reino Unido. Além disso, uma instalação de software separada é necessária em cada estação do entrevistador por telefone que usará a opção de modem. Para obter mais informações, procure em IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Instruções de Instalação o tópico "Coisas que você deve fazer em máquinas locais". Se uma estação tiver acesso a mais de um modem, será possível especificar qual deles será usado. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Configurações para a atividade Participantes por telefone" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Se você selecionar a opção para usar modens, o projeto não poderá usar um discador automático. Os entrevistadores ainda poderão discar números manualmente, se tiverem acesso a um teclado numérico do telefone. A opção de modem somente funciona no Microsoft Internet Explorer em um ambiente Microsoft Windows. Discando números de telefone manualmente Para especificar que os entrevistadores sempre devem discar números de telefone manualmente, selecione Manual - Entrevistador disca números manualmente na lista suspensa Opções de discagem. Assim, os entrevistadores deverão discar manualmente o número de telefone exibido na tela principal da atividade Participantes por telefone. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 113

118 Se você selecionar a opção para discar números de telefone manualmente, o projeto não poderá usar um discador automático ou modens. Forçando a visualização de contato antes da discagem Para especificar que os entrevistadores sempre devem visualizar os contatos antes de discar, selecione a opção Nunca discar automaticamente. Permitindo que os entrevistadores escolham suas qualificações As qualificações do entrevistador controlam quais registros de amostra são alocados a cada entrevistador e são uma boa maneira de fazer o melhor uso das qualificações dos entrevistadores. Há duas maneiras de designar qualificações aos entrevistadores, que podem ser usadas juntamente ou separadamente. Os administradores podem configurar as qualificações de um entrevistador ao criar contas do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration ou os entrevistadores podem selecionar suas próprias qualificações no início de cada sessão de entrevista ou durante uma sessão. Dependendo de como a empresa usar qualificações, poderá ser apropriado que os administradores configurem algumas qualificações e que os entrevistadorestenham permissão para selecionar outras. Por exemplo, as qualificações de idioma ou de conversão de recusa poderão ser configuradas pelos administradores, enquanto as qualificações de local que especificam qual região uma entrevista deve chamar poderão ser configuradas e alteradas pelos próprios entrevistadores. Os administradores também podem definir grupos de qualificação distintos a serem aplicados com base em cada projeto. Esses grupos de qualificação podem ser selecionados durante a configuração das qualificações do entrevistador. Os grupos de qualificação definidos são selecionados por meio da Lista Qualificações para este projeto. Os grupos de Qualificação que não forem escolhidos serão ignorados pelo projeto selecionado. Depois que as qualificações forem configuradas, os entrevistadores não precisarão mais selecionar suas próprias qualificações, pois o processo ocorrerá automaticamente com base nas qualificações (globais e específicas do projeto) às quais eles foram designados. Consulte a seção Qualificações do entrevistador no IBM SPSS Data Collection Professional User's Guide para obter mais informações. Se você desejar permitir que os entrevistadores escolham suas próprias qualificações, selecione Entrevistador seleciona qualificações na página Configurações de entrevista por telefone. Em seguida, escolha as qualificações que os entrevistadores podem selecionar. Selecionar a opção, mas não selecionar nenhuma qualificação é o mesmo que não selecionar a opção. Nota: Tome cuidado ao escolher quais qualificações os entrevistadores pode selecionar, pois é possível permitir que o entrevistadores selecionem qualificações que eles não têm. Por exemplo, suponha que o administrador tenha criado a conta do Sam com uma qualificação de idioma francês. Se você permitir que os entrevistadores definam a qualificação de idioma, será apresentada ao Sam a lista completa de idiomas e ele poderá escolher qualquer combinação de idiomas dessa lista. Exibir mensagens de status Selecione a opção Exibir mensagens de status em Participantes por telefone para ativar as mensagens de status durante as entrevistas. Quando a configuração estiver ativada, as mensagens de status do entrevistador serão exibidas na atividade Participantes por telefone do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Recuperando um participante específico Para permitir que o entrevistador recupere participantes específicos do banco de dados de amostra, selecione botão Mostrar Contato específico na tela do entrevistador na página Configurações de 114 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

119 entrevista por telefone. Assim, o botão Contato específico na tela principal da atividade Participantes por telefone ficará utilizável. Quando os entrevistadores clicarem nesse botão, será apresentada uma caixa de diálogo na qual eles poderão escolher se desejam recuperar seu último contato ou procurar um contato. Se escolherem procurar um contato, eles poderão selecionar o campo para procurar e especificar o valor a ser procurado. A escolha dos campos para procura é determinada pelas configurações no coluna Mostrar na página Campos do projeto. Selecionando o próximo contato automaticamente Quando os entrevistadores não usarem uma discador automático, eles deverão clicar no botão Próximo contato para solicitar o próximo contato. Se você preferir que o próximo contato seja recuperado automaticamente assim que os entrevistadores concluírem a chamada atual, selecione Selecionar o próximo contato automaticamente na página Configurações de entrevista por telefone. Quando os entrevistadores precisarem fazer uma pausa, eles poderão clicar no botão Cancelar contato atual. Isso os levará à página padrão, onde eles poderão escolher Próximo contato, Contato específico ou Sair, conforme for apropriado. Os entrevistadores que trabalham em projetos com essa opção configurada verão uma caixa de seleção rotulada "Seleção de contato automática" logo acima da lista dos resultados, portanto, ainda será possível que alguns entrevistadores trabalhem no modo totalmente manual, se você desejar. Alguns projetos podem usar uma combinação de discagem automática e de modem ou manual. Ainda será possível selecionar a opção "selecionar o próximo contato automaticamente" para esses projetos, mas os entrevistadores que estiverem usando o discador deverão cancelar a caixa de seleção "seleção de contato automática" na tela de entrevista, caso contrário, eles não poderão impedir que o discador faça chamadas quando chegarem ao final do turno ou precisarem fazer uma pausa. Iniciando as pesquisas após uma desconexão Quando uma opção do IBM SPSS Data Collection Dialer for selecionada, será possível selecionar a opção É possível iniciar uma pesquisa de opinião após ser desconectado de uma chamada para especificar que os entrevistadores podem iniciar entrevistas mesmo quando os respondentes forem desconectados de uma chamada. Isso poderá ser útil, por exemplo, quando a pesquisa de opinião contiver instruções de entrevistador no final (permitindo que o entrevistador continue com as instruções necessárias). Monitoramento de entrevistador A atividade Monitoramento de entrevistadores no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration pode ser usada pelos supervisores da central de atendimento para monitorar e registrar entrevistas em andamento. Dependendo das leis locais ou da política da organização, será possível configurar o monitoramento para três cenários diferentes: Cenário Monitoramento e gravação não são permitidos para este projeto Monitoramento e gravação sempre são permitidos para este projeto Monitoramento e gravação somente serão permitidos se o participante fornecer consentimento Para especificar este Limpe a caixa de seleção Ativar monitoramento /gravação. Marque a caixa de seleção Ativar monitoramento /gravação e limpe a caixa de seleção O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação. Marque as caixas de seleção Ativar monitoramento /gravação e O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 115

120 Se você tiver selecionado O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação, as opções Sim e Não aparecerão na tela principal da atividade Participantes por telefone sempre que os entrevistadores recuperarem um contato. Como parte do script de introdução, os entrevistadores devem perguntar a cada participante se eles dão o consentimento para monitoramento e gravação e registrar a resposta do participante selecionando Sim ou Não. As três opções abaixo O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação determinam as configurações padrão das opções Sim e Não, conforme está descrito abaixo: Opção O Entrevistador deve selecionar uma opção manualmente A configuração padrão é "monitoramento/gravação proibido" A configuração padrão é "monitoramento/gravação permitido" Descrição O entrevistador sempre deve selecionar Sim ou Não. A opção Não é selecionada por padrão. O entrevistador pode alterar a seleção. A opção Sim é selecionada por padrão. O entrevistador pode alterar a seleção. Para obter informações adicionais, consulte Monitoramento de entrevistador na página 218. Revisando entrevistas É possível escolher se os entrevistadores podem revisar as respostas do participante após a conclusão da entrevista. Na lista suspensa "Opções de revisão de entrevista", há as seguintes três opções: Opção Sem revisão Revisar entrevista Revisar Open-ends Descrição O entrevistador não pode revisar as entrevistas. O entrevistador pode revisar a entrevista inteira. O entrevistador somente pode revisar respostas (texto) abertas. Nota: A configuração acima não afeta a capacidade do supervisor para revisar entrevistas usando a atividade do Revise Entrevistas na página 163. Se você tiver selecionado Revisar entrevista ou Revisar open-ends, será possível escolher entre os dois botões de opções a seguir: Opção Mostrar botão de revisão na tela do entrevistador Entrevistador deve revisar Descrição Para iniciar a revisão, o entrevistador deverá clicar no botão Revisar entrevista concluída na atividade Participantes por telefone. A revisão é iniciada automaticamente quando a entrevista é concluída. Permitir que os entrevistadores pessoais incluam registros de participante Selecione essa opção para permitir que os entrevistadores pessoais incluam registros de participante. Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto você sempre altera as configurações na pasta Configurações de entrevista para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. 116 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

121 Gravação: A variável de gravação suporta a gravação de entrevistas inteiras ou de questões individuais. A implementação é semelhante à gravação de áudio em entrevistas por telefone. As gravações de áudio são armazenadas como RespondentFiles na máquina de entrevistas e sincronizadas com o servidor onde, posteriormente, elas poderão ser acessadas usando a atividade Arquivos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. O nome e o local do arquivo de áudio não são salvos nos dados, o que permite que o áudio seja associado à entrevista inteira ou a qualquer tipo de questão. A convenção de nomenclatura de arquivo associa o arquivo de áudio ao respondente e à questão. Consulte o tópico Arquivos do respondente no IBM SPSS Data Collection Interviewer User's Guide para obter mais informações sobre o local do RespondentFiles e as convenções de nomenclatura de arquivo. Pré-requisitos para gravação: A variável de gravação requer a API DirectShow da Microsoft, o que significa que a estação de trabalho de gravação deve ter o Microsoft Windows Media Player instalado. Por padrão, o Windows Media Player geralmente está instalado, exceto para determinadas edições do Microsoft Windows N. O seguinte artigo da Microsoft fornece mais informações sobre as edições Microsoft Windows N: What is a Windows 7 N edition? Gravando entrevistas: As configurações de gravação, semelhantes às configurações de gravação de entrevistas por telefone existentes, suportam a gravação de entrevistas pessoais. As configurações podem ser configuradas durante o processo de ativação do projeto ou na atividade Opções de entrevista IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration (na pasta Entrevista). Tabela 3. Configurações de gravação Configuração Descrição Ativar gravação Quando essa opção está selecionada, a gravação no nível da entrevista está ativada. O entrevistador deve obter a aprovação para o monitoramento e a gravação Registrar contato inteiro a partir de onde a amostra é recuperada Registrar somente entrevista Porcentagem de contatos a serem registrados Quando Ativar gravação estiver selecionado, as seguintes opções de aprovação ficarão disponíveis: v v v O entrevistador deve selecionar uma opção manualmente - Exibe o diálogo de aprovação de monitoramento sem uma opção padrão selecionada. Monitoramento/gravação proibidos - Exibe o diálogo de aprovação de monitoramento com Não selecionado como padrão. Monitoramento/gravação permitido - Exibe o diálogo de aprovação de monitoramento com Sim selecionado como padrão. Nota: Quando essa configuração não está selecionada, a entrevista é registrada sem mostrar o diálogo Aprovação de gravação. Quando essa opção está selecionada, a gravação começa assim que a janela do participante aparece. Nota: Essa opção somente está disponível para projetos que incluem participantes. Se o projeto não usar participantes, a gravação será iniciada quando a janela de pesquisa de opinião aparecer. Quando essa opção está selecionada, a gravação é iniciada depois que o entrevistador clica no botão Iniciar na atividade Participantes. Nota: Essa configuração aplica-se a projetos de amostra. Se o projeto não contiver nenhum dado de amostra, a gravação será iniciada quando a janela de pesquisa de opinião aparecer. A configuração controla a porcentagem de contatos a serem registrados. Quando configurado como 100, todas as entrevistas serão registradas e quando configurado como 0 nenhuma entrevista será registrada. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 117

122 Diálogo de aprovação de gravação Quando uma entrevista está selecionada para gravação, o diálogo Aprovação de gravação aparece antes que a pesquisa de opinião possa ser iniciada. Conforme é descrito na tabela Configurações de gravação, uma das opções pode ser pré-selecionada (por padrão) ou o entrevistador deve selecionar uma opção. Nota: Quando a opção O entrevistador deve obter aprovação para a gravação não está selecionada, a entrevista é registrada sem mostrar o diálogo Aprovação de gravação. Gravando questões: A gravação do nível de questão é implementada como propriedades Estilo de rótulo e é suportada para todos os tipos de questões. As propriedades de estilo podem ser configuradas no IBM SPSS Data Collection Author ou no IBM SPSS Data Collection Professional. RecordControlPosition: O ranqueamento da barra de ferramentas Gravar/parar com relação ao rótulo da questão. Registro: Controla se a questão está registrada e determina o método de gravação. Tabela 4. Valores de registro Valor Descrição Nenhum Nenhuma gravação. Os controles de gravação não estão presentes. (Padrão) Automático Os controles de gravação estão presentes. A gravação inicia automaticamente assim que a questão é exibida. Quando uma questão é perguntada mais de uma vez, os controles de gravação estão presentes em ambos os casos. No entanto, a gravação deve ser iniciada manualmente para a segunda instância (clicando no botão Gravação). Manual Os controles de gravação estão presentes. A gravação está sob o controle do entrevistador pelos botões Iniciar e Parar gravação. Proibido As questões nunca devem ser registradas. Os controles de gravação não estão presentes. Esse valor está reservado para uso futuro (assim, o valor não está disponível no Author ou Professional). No Professional, o gravador de script pode configurar a gravação do nível de questão pelo script de metadados: Quando a gravação é ativada para uma questão, os controles de gravação são apresentados da seguinte forma: 118 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

123 O entrevistador pode iniciar e parar a gravação clicando nos controles apropriados: Tabela 5. Controles de registro Controle Descrição Iniciar gravação. Quando a opção Registrar está configurada como Automático, o botão é selecionado automaticamente. Parar gravação. Configurando a qualidade da gravação: A qualidade da gravação pode ser configurada por meio de um arquivo de configuração do IBM SPSS Data Collection Interviewer. O arquivo está localizado no seguinte diretório: %ProgramData%\IBM\SPSS\DataCollection\<version>\Interviewer\InterviewPlayer.config A configuração padrão é WMProfile_V80_288MonoAudio. <RecordSetting> <CapiRecordingProfile>WMProfile_V80_288MonoAudio</CapiRecordingProfile> </RecordSetting> </Configuration> A variável de gravação de áudio suporta os seguintes perfis de qualidade padrão da Microsoft: Tabela 6. Perfis de qualidade padrão da Microsoft ID do perfil Nome do perfil Descrição WMProfile_V80_288MonoAudio Windows Media Audio 8 for Dial-up Modem (Mono, 28,8 Kbps) Use este perfil para conteúdo de rádio e música (somente áudio). WMProfile_V80_288StereoAudio WMProfile_V80_32StereoAudio WMProfile_V80_48StereoAudio WMProfile_V80_64StereoAudio WMProfile_V80_96StereoAudio WMProfile_V80_128StereoAudio Windows Media Audio 8 for Dial-up Modem (FM Radio Stereo, 28,8 Kbps) Windows Media Audio 8 for Dial-up Modem (32 Kbps) Windows Media Audio 8 for Dial-up Modem (Qualidade quase de CD, 48 Kbps) Windows Media Audio 8 for Dial-up Modem (Qualidade de CD, 64 Kbps) Windows Media Audio 8 for ISDN (Qualidade melhor que de CD, 96 Kbps) Windows Media Audio 8 for ISDN (Qualidade melhor que de CD, 128 Kbps) Use este perfil para conteúdo de rádio e música (somente áudio). Use este perfil para conteúdo de rádio e música (somente áudio). Use para rádio, música e conteúdo de áudio de propósito geral. Use esse perfil para públicos-alvo com conexões de Internet ou LAN de alta velocidade. Use esse perfil para públicos-alvo com conexões de Internet ou LAN de alta velocidade. Use esse perfil para públicos-alvo com conexões de Internet ou LAN de alta velocidade. Nota: Os arquivos de áudio de qualidade melhor resultarão em arquivos de tamanhos maiores, o que aumentará o tempo de sincronização. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 119

124 Configurações do discador automático Use a página Configurações do discador para definir as configurações relacionadas a um discador automático. Esta página não será exibida se você não tiver selecionado a opção discador automático. É possível alterar os valores padrão dessas configurações, para que as configurações customizadas sejam usadas sempre que um novo projeto for criado. Consulte "Alterando as configurações padrão" no final deste tópico. Configurações de discador Enviar identificação do responsável pela chamada. Desmarque essa opção para impedir que o número de telefone do responsável pela chamada seja exibido à parte chamada quando o discador automático fizer chamadas. Número de telefone a ser enviado. Por padrão, o número de telefone do responsável pela chamada é fornecido por uma configuração no discador automático. Para especificar o número de telefone do responsável pela chamada, insira o número neste campo. O número de telefone somente deve conter os dígitos de 0 a 9 e os seguintes caracteres: #, *,., (,),- e /. O número pode, opcionalmente, ser precedido por um caractere de sinal de mais (+). A presença de quaisquer outros caracteres pode causar falha a identificação do responsável pela chamada. Erro se a posição de login não estiver na configuração. Se um ou mais discadores automáticos forem incluídos na atividade Administração de usuário no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, cada estação de entrevistador por telefone (ou seja, qualquer computador no qual a atividade Participantes por telefone será usada) deverá ser designada a um nome de posição. Quando um nome é inserido na posição Participantes por telefone, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server valida o nome com relação aos definidos na atividade Administração de discador. Para projetos que usam um discador automático, é possível escolher se as estações com posições não reconhecidas podem ser usadas para realizar entrevistas (ou seja, se a atividade Participantes por telefone ainda será aberta). Se sim, a discagem manual deverá ser usada nessas estações. Se você marcar essa caixa de seleção, Participantes por telefone não será aberto em uma estação com uma posição não reconhecida e uma mensagem de erro será exibida. Consulte o tópico Administração de discador na página 232 para obter mais informações. Tempo de toque. É possível escolher o período de tempo mínimo que uma chamada telefônica não atendida deverá tocar antes que o discador automático finalize a chamada. Para alterar o tempo de toque, insira o número de segundos neste campo. Assegure-se de definir um valor que ofereça tempo suficiente para que os participantes atendam o telefone. Além disso, as leis locais podem especificar o valor mínimo que deve ser usado. Nome do arquivo de comunicado de chamada silenciosa. As chamadas silenciosas podem ocorrer quando um discador automático gera mais chamadas do que o número de entrevistadores disponíveis para manipular as chamadas. É possível especificar o nome de um arquivo de onda de som (.wav) que contenha uma mensagem que será reproduzida para o participante quando uma chamada silenciosa ocorrer. Para isso, insira o nome do arquivo.wav neste campo (por exemplo, SilentCall.wav). O arquivo.wav deve estar localizado na pasta "áudio" do discador automático, cujo local é definido no arquivo dialer.ini do discador automático. Também é possível especificar um arquivo.wav, que esteja localizado em uma subpasta da pasta de áudio, incluindo um caminho relativo, por exemplo, Projects\MyProject\ SilentCall.wav. Assegure-se de que o nome (e o caminho relativo, se especificado) estejam corretos, porque o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server não registrará um erro se não puder localizar o arquivo.wav. 120 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

125 Cancelar discagem se o entrevistador não for conectado após. Quando um entrevistador por telefone clica no botão Iniciar discagem na tela principal da atividade Participantes por telefone, o discador automático tenta conectar o entrevistador a um participante. Se o número de chamadas conectadas geradas pelo discador automático for baixo comparado ao número de entrevistadores disponíveis para manipular as chamadas, poderá haver um atraso de vários minutos ou mais antes que o entrevistador seja conectado. É possível escolher os números de minutos que os entrevistadores devem aguardar para serem conectados a um participante antes que o discador automático cancele a tentativa de conexão, permitindo que os entrevistadores saiam de suas estações, se precisarem. Para alterar o tempo de espera, insira o número de minutos nesse campo. Porcentagem de chamadas para registro. É possível escolher a porcentagem de chamadas que o discador automático registrará. As questões individuais e as chamadas de inteiras são registradas e as gravações são salvas como arquivos de som no sistema de arquivos do discador automático. Para registrar chamadas, insira um número inteiro de 0 a 100 inclusivo, neste campo. Para não registrar nenhuma chamada ou registrar todas as chamadas, insira 0 ou 100, respectivamente. Se você inserir qualquer outro valor, essa percentagem de chamadas será selecionada aleatoriamente para gravação, com as seguintes exceções: v Todas as chamadas subsequentes para um participante cuja chamada anterior foi registrada também serão registradas. Isso inclui chamadas para manter um compromisso ou chamadas para concluir uma entrevista que foi interrompida por uma desconexão. v As chamadas para participantes recuperados pelo botão Contato específico somente serão registrados se esse participante tiver sido chamado anteriormente e essa chamada anterior tiver sido registrada. Observe que quando essa configuração é alterada, pode haver um atraso de até um minuto antes que o novo valor entre em vigor. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Gravando chamadas e entrevistas" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Configurações de detecção de secretária eletrônica Modo de Detecção de secretária eletrônica (AMD). A Detecção de secretária eletrônica (AMD) pode ser útil ao discar números residenciais. Ele é baseado na observação de que as saudações de pessoas geralmente são curtas, enquanto as de secretária eletrônica são longas. Quando um registro do participante for discado automaticamente e o discador detectar que uma secretária eletrônica atendeu a chamada, a chamada será encerrada automaticamente com o resultado de chamada Secretária eletrônica, quando o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server estiver configurado corretamente para suportar a variável. Selecione o modo de detecção de secretária eletrônica apropriado no menu suspenso. Parâmetro do AMD (deixe em branco para usar as configurações do discador). Este campo permite definir parâmetros do AMD específicos. Consulte o tópico Configurando a detecção de secretária eletrônica na página 122 para obter mais informações. Nome do arquivo de comunicado do AMD (deixe em branco para usar as configurações do discador). É possível especificar o nome de um arquivo de onda de som (.wav) que contenha uma mensagem que será reproduzida quando ocorrer uma detecção de secretária eletrônica. Para isso, insira o nome do arquivo.wav neste campo (por exemplo, AMD.wav). O arquivo.wav deve estar localizado na pasta "áudio" do discador automático, cujo local é definido no arquivo dialer.ini do discador automático. Também é possível pode especificar um arquivo.wav que esteja localizado em uma subpasta da pasta de áudio, incluindo um caminho relativo, por exemplo, Projects\MyProject\AMD.wav. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 121

126 Assegure-se de que o nome (e o caminho relativo, se especificado) estejam corretos, porque o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server não registrará um erro se não puder localizar o arquivo.wav. Configurações de previsão Os próximos três títulos neste tópico somente se aplicarão quando você tiver selecionado a opção Discador (grupo/previsão) - Mostrar botão Iniciar discagem na tela do entrevistador na página Configurações de entrevista por telefone. Agressividade da discagem inicial. É possível configurar a "agressividade" inicial do sistema de discagem automática quando ele calcula o número de chamadas de previsão a serem feitas. Uma configuração de maior agressividade pode levar a menos tempo de espera para os entrevistadores, mas pode resultar em mais chamadas silenciosas. Para alterar a configuração de agressividade, digite um número inteiro entre 1 e 1000 neste campo. Para fazer com que o sistema de discador automático pare de discar de forma previsível, configure a Agressividade de discagem inicial para 0. Neste modo, o discador automático somente disca para os participantes quando os entrevistadores clicam no botão Iniciar discagem na atividade Participantes por telefone, o que é improvável de resultar em chamadas silenciosas. Porcentagem máxima de chamadas silenciosas. É possível especificar a porcentagem máxima de chamadas silenciosas que podem ocorrer no período de 24 horas desde a meia-noite. Se a taxa real de chamadas silenciosas se aproximar desse valor, o sistema de discagem automática reduzirá a taxa atual de chamadas de previsão para assegurar que a porcentagem máxima de chamadas silenciosas não seja excedida. Para alterar a porcentagem máxima, insira um número decimal neste campo. Meta de porcentagem de chamadas silenciosas. É possível especificar a meta de porcentagem de chamadas silenciosas que devem ocorrer a qualquer momento. O sistema de discagem automática tenta manter a taxa real de chamadas silenciosas neste valor ajustando continuamente a taxa atual de chamadas de previsão. Para alterar a meta de porcentagem, insira um número decimal neste campo. O valor deve ser menor que o valor da Porcentagem máxima de chamadas silenciosas. Reconfigurar estatísticas. A Guia Discadores na atividade Monitoramento de entrevistador mostra a porcentagem de chamadas silenciosas que estão ocorrendo para este projeto. Para configurar o número desse percentual para zero, clique neste botão na página Configurações do discador. Alterando as configurações padrão Se você descobrir que para cada novo projeto você sempre altera as configurações na página Configurações de discagem para os mesmos novos valores, será possível alterar as configurações padrão que o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fornece para que não seja mais necessário fazer isso. Consulte o tópico Alterando as configurações padrão na página 129 para obter mais informações. Configurando a detecção de secretária eletrônica: O IBM SPSS Data Collection Dialer suporta uma detecção de secretária eletrônica (AMD) simples que pode ser útil ao discar números residenciais. Ele é baseado na observação de que as saudações de pessoas geralmente são curtas, enquanto as de secretária eletrônica são longas. Quando um registro de participante discado automaticamente for discado eoibm SPSS Data Collection Dialer detectar que uma secretária eletrônica atendeu o telefone, a chamada será encerrada automaticamente com o resultado de chamada Secretária eletrônica quando o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server estiver configurado corretamente para suportar a variável. A detecção de secretária eletrônica é configurada atualmente por meio da ferramenta DPM Explorer. Quando a filtragem da secretária eletrônica estiver em vigor (amd=1), as chamadas somente serão conectadas a um entrevistador se a saudação for menor que max. Todas as outras chamadas serão consideradas como secretárias eletrônicas e desligadas pelo discador. O discador poderá, opcionalmente, reproduzir um arquivo de som (amfile) para a secretária eletrônica. 122 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

127 Um DSP recebe a saudação. O DSP declara voz quando o sinal de áudio recebido é elevado acima de um limite (db, dbm, decibéis em relação a1mwdeenergia). O início da voz também inicia o cronômetro max. v Se o DSP declarar o final da voz antes que o cronômetro max expire, a chamada será conectada a um entrevistador. Como o entrevistador não ouve a saudação do respondente, o discador reproduz um sinal sonoro distinto WBeep que informa que o entrevistador deve começar a falar. v Se o cronômetro max expirar antes que o final da voz seja declarado, o discador considerará "Secretária eletrônica": - Se nenhum amfile estiver especificado, o discador simplesmente desligará a chamada. - Caso contrário o discador esperará de final da voz antes de reproduzir o amfile. O algoritmo de discagem continua a discagem de mais chamadas, sem esperar pela conclusão da reprodução. Notas v Esta instrução supõe que você tenha um conhecimento de trabalho do DPM Explorer. Consulte o tópico "DPM Explorer" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter informações sobre o trabalho com a ferramenta. v A detecção de secretária eletrônica simples não é adequada ao discar números de negócios com saudações longas, números de telefone celular com ruído de fundo alto ou pessoas com deficiência que podem ser lentas ao atender o telefone. 1. Ative a ferramenta DPM Explorer ( [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\ Tools\VB.NET\DPM Explorer.Net\DPMExplorer.exe). 2. Crie as seguintes propriedades em: Site > Propriedades > DefaultCatiProjectProperties v AmdMode O modo de detecção de secretária eletrônica. Os valores possíveis incluem: Desativado, Filtrando e Calibração. v AmdParameters O parâmetros de detecção de secretária eletrônica. Todos os parâmetros opcionais (off, max, on, db e assim por diante) serão encapsulados nesta propriedade. Por exemplo, max:4.5,on:11 (usando vírgulas como o delimitador). v AmFile O nome do arquivo de som ser reproduzido para uma secretária eletrônica, incluindo o nome do caminho (relativo ao AudioDir no IBM SPSS Data Collection Dialer). Não é necessário fornecer um valor para essa configuração. 3. Saia do DPM Explorer depois de definir os valores apropriados para as três configurações. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 123

128 As propriedades de detecção de secretária eletrônica entrarão em vigor para todos os novos projetos. Quando um registro do participante for discado automaticamente e o IBM SPSS Data Collection Dialer detectar que uma secretária eletrônica atendeu a chamada, a chamada será finalizada automaticamente com o resultado de chamada Secretária eletrônica. Projetos existentes Para projetos existentes, as propriedades de detecção de secretária eletrônica devem ser incluídas para cada projeto: Projetos > <ProjectName> > mrinterview Positivos falsos Positivos falsos são pessoas que foram mal interpretadas como secretárias eletrônicas, em casos nos quais o discador desliga a chamada ou reproduz o amfile. As principais causas de positivos falsos são: v A pessoa fala uma saudação longa (> max). Isso geralmente acontece quando um número de negócios é chamado. Se um arquivo amfile estiver especificado, o respondente ouvirá isso. v A pessoa possui um ruído alto de segundo plano (permanentemente acima do limite do db). Isso geralmente ocorre com telefones de carro. A reprodução do amfile será iniciada depois que o algoritmo AMD tiver aguardado o fim da saudação durante off segundos. No entanto, este cronômetro deve ser maior do que a maior saudação de AM (~30 segundos), para que seja improvável que o respondente aguarde o tempo suficiente para ouvir o amfile. As pessoas também podem ser interpretadas como "Sem áudio". Isso ocorre quando: v Não há conexão de áudio (por exemplo, porque a bateria no telefone do respondente está se esgotando). Depois de on segundos sem início de voz, o discador desligará (resultado de chamada: Sem áudio). v A pessoa atende o telefone mas não começa falar imediatamente (por exemplo, o respondente está ocupado ou devido a uma deficiência). Depois de no segundos, o discador desliga. v A saudação é falada muito baixo (abaixo do limite do db). Geralmente o respondente fala mais alto, mas se a voz não for aumentada o discador desligará após on segundos. O discador reproduz o amfile para números "Sem áudio" a menos que a configuração esteja desativada pela opção cp:-s (desligar imediatamente caso seja silenciosa). Cronômetros de qualificação As palavras faladas contêm lacunas curtas no áudio devido à articulação. O discador ignora as lacunas mais curtas do que um cronômetro de qualificação qoff, ou seja, o final da voz é declarado quando qoff expira. O discador usa dois cronômetros de qualificação: v qoff, para pessoas, determina quando uma chamada é conectada a um entrevistador. As configurações devem ser curtas (<0,8 segundos), caso contrário, o respondente poderá ficar impaciente e desligar. No entanto, um qoff muito curto causa muitos negativos falsos porque o cronômetro falha ao ligar as saudações bem articuladas. v qam, para secretárias eletrônicas, determina quando o amfile é reproduzido. Ele deve ser longo (>2 segundos), caso contrário, a reprodução poderá ser iniciada antes que a secretária eletrônica esteja pronta para registrá-la. Modo de calibração O modo de calibração é um meio para determinar os parâmetros ideais do AMD. No modo de calibração, todas as chamadas são conectadas a entrevistadores (exatamente como quando o AMD está desativado). 124 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

129 O AMD mede a duração da saudação inicial do respondente. Durante essa fase, o entrevistador pode ouvir o respondente, mas não pode falar. Quando a medição do AMD é concluída (final da voz), o entrevistador ouve um sinal sonoro curto (WBeep) e o áudio é conectado em ambas as direções. Em casos de silêncio inicial longo (maior que coff segundos) ou voz persistente (maior que con segundos), a medição do AMD é interrompida e o áudio é conectado em ambas as direções. Isso possibilita tentar diferentes valores de db e qoff sem perder os contatos. O tempo de saudação medido pelo AMD é enviado ao aplicativo e registrado no call.log. Para determinar a confiabilidade de uma determinada configuração maxpara as disposições de chamada do AMD, faça uma distribuição de frequência dos resultados de chamada de acordo com a seguinte tabela: Disposição do entrevistador Valor de greet relatado pelo AMD Pessoa (continuado, compromisso, recusa e assim por diante) greet = 0 greet max greet > max Positivo falso? [1] Correto (pessoa) Positivo falso Secretária eletrônica Semicorreto (AM) [2] Negativo falso Correto (AM) [1] greet=0 pode ser um artefato do uso de um valor de coff muito pequeno, de forma que a medição do AMD é abandonada antes do início da saudação. [2] greet=0 inicia a reprodução de amfile, mas possivelmente muito cedo, antes da secretária eletrônica estar pronta para registro. Sumarização dos modos e parâmetros do AMD Sintaxe: mode, param1 : value, param2 : value2... Exemplo: amd = 1,qoff:0.40,log:1 Modo Significado Descrição 0 Desativado Nenhuma análise do AMD (mas o parâmetro de Progresso da chamada cp é usado). 1 Filtragem Somente as chamadas "em tempo real" são realmente conectadas a um entrevistador, caso contrário, o amfile é reproduzido. 2 Calibração As chamadas são conectadas no modo somente escuta durante a análise do AMD. O resultado é relatado em greet. Nome Padrão Unidade Descrição Ação se excedido Aplicável a off 6,0 segundos Máximo de silêncio no início Desligar QSAMP_NO_AUDIO Filtragem de chamada coff 4.5 segundos Máximo de silêncio no início de chamada max 1,15 segundos Máximo de saudação pessoal [1] Conectar áudio bidirecional Desligar QSAMP_ANSMC Calibração Filtragem on 60,0 segundos Máximo de saudação de AM Reproduzir amfile para AM con 3,0 segundos Máximo de saudação medido Conectar áudio bidirecional Filtragem Calibração Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 125

130 Nome Padrão Unidade Descrição Ação se excedido Aplicável a qoff 0,35 segundos Cronômetro de qualificação Conectar QSAMP_CONNECTED Ambos para final da voz [2] qam 2,9 segundos Cronômetro de qualificação Reproduzir amfile Filtragem para iniciar reprodução db -34,0 dbm Limite de silencio (intervalo de Iniciar cronômetro max Ambos -46 a -34 dbm) [3] log 0 0 ou 1 Se =1, relatar tempos de greet e silencio (milissegundos) em call.log [4] Ambos cp Substituir critérios de conclusão de análise de progresso de chamada de dialer.ini CpComplete [5] Todos [1] Intervalo max recomendado de 0,9 segundos (agressivo, muitos positivos falsos) a 2,1 segundos (mais conservador, muitos falsos negativos). [2] Intervalo de qoff recomendado de 0,3 segundos (muitos negativos falsos) a 1,1 (detecta a maioria de AM, mas conecta pessoas muito lentamente a uma entrevista). [3] db deve ser alto (insensível) para evitar a detecção de pessoas em ambientes barulhentos como secretárias eletrônicas (positivos falsos). [4] Os tempos delog são medidos no PC do discador e podem diferir sutilmente do tempo de greet medido pelo DSP. [4] Os tempos delog são medidos no PC do discador e podem diferir sutilmente do tempo de greet medido pelo DSP. [5] cp normalmente não deve ser aplicado ao AMD; o único parâmetro relevante é cp:-s. Se o silêncio persistente for detectado, desligar chamada sem reproduzir o amfile. Parâmetro do AMD para análise de progresso de chamada O parâmetro cp especifica as ações a serem tomadas ao detectar os sinais de progresso da chamada, substituindo os critérios de conclusão de análise de progresso de chamada padrão CpComplete no arquivo dialer.ini. Áreas do aplicativo: v Chamadas para países sem sinais padrão de retorno de chamada ou de "número não obtido". v Chamadas para redes que anunciam informações de tarifa no início da chamada. v Chamadas para assinantes com sinais de retorno de chamada personalizados (música ou comunicados). v Para atingir efeitos especiais, como gravação de comunicados dentro da banda. A tabela abaixo lista os diferentes eventos de progresso de chamada. Cada evento é identificado por uma letra. Eventos pré-connect em letras minúsculas, e pós-connect em letras maiúsculas. Cada letra ou grupo de letras é precedido por um identificador de ação (consulte a legenda abaixo da tabela). Os eventos pós-connect somente são detectadas no modo de filtragem ou calibração do AMD (amd=1 ou amd=2). Sintaxe: cp: actionid event... [ actionid event... ]... Padrão: cp:-b-c-d-f!r:t:v-b-c+d-f-t 126 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

131 Exemplo: cp:=vea Ignorar eventos de voz pré-connect (por exemplo, sinais de retorno de chamada personalizados). Exemplo: cp:*t*v Registrar recfile ao detectar início de voz trítono (até que seja interrompido pelo tempo limite noansw). Exemplo: cp:+v Conectar à extensão ao detectar de início de voz. d r q b c Evento de progresso de chamada Sinal de discagem (sinal contínuo por >3 s) Pulso do retorno de chamada (duração 1,5-3s) Final do retorno de chamada (sem pulso por >8 s) Sinal de ocupado (sinal de cadência ou "preciso" [8] ) Sinal de congestionado / reordenar (cadência) pré Padrão pós Resultado de chamada se a ação for '-' ou ':' conectar Discador Telefone do entrevistador IBM SPSS Quancept -d +D QSAMP_BADNUMBER QSAMP_BUSY d_badsyn!r =R QSAMP_RINGING n/a [6] d_error [7] =q =Q QSAMP_NOANSW conoanswer d_na -b -B QSAMP_BUSY cobusy d_busy -c -C QSAMP_FASTBUSY cofastbusy d_sitout t Trítono (Sinal de :t -T QSAMP_TRITONE cotritone d_sitout informações especiais) f Fax/modem tone -f -F QSAMP_MODEM cofaxmodem d_modem v e a s w Início de voz (energia difusa acima de db dbm) Final de voz (por qoff segundos) Voz por mais de max segundos :v =V QSAMP_ANNOUNCEMT coannouncement d_sitout =e =E QSAMP_ANNOUNCEMT coannouncement d_sitout =a =A QSAMP_ANNOUNCEMT coannouncement d_sitout Silencio; sem voz por n/a =S QSAMP_ANNOUNCEMT conoaudio d_error [7] off segundos [9] Chamada em espera, ignorar eventos de voz [10] =w =W QSAMP_BUSY cobusy d_busy Identificadores de ação: - Desligar imediatamente.! Iniciar cronômetro noansw. : Desligar se nenhum CONNECT for recebido dentro de dois segundos. + Conectar à extensão mesmo se nenhum CONNECT for recebido. * Iniciar gravação (para uso com a opção recfile imploro:3). ^ Parar análise do CP (terminar o AMD, conectando à extensão). = Nenhuma ação (pode ser usado para substituir as ações padrão). Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 127

132 [6] O resultado da chamada QSAMP_RINGING não é mapeado para um CallOutcome suportado no Telefone do entrevistador 5,6. [7] Os resultados de chamada podem ser mapeados para outros valores tipcode na seção [qsamp mapa] no arquivo qts-sms.ini. [8] Sinal "preciso" significando que o sinal de ocupado Hz do North American Precise Audible Tones Plan. [9] A condição S (silêncio) somente é gerada no modo de calibração ou filtragem do AMD (amd=1 ou amd=2). [10] A condição W (em espera) é gerada por eventos de sinalização com a ação announcemt no causes.cfg. Controlando o acesso às variáveis de Opções de entrevista É possível controlar o acesso a várias pastas em Opções de entrevista designando usuários ou funções às variáveis da Opções de entrevista. As variáveis da atividade que podem ser usadas são mostradas na tabela a seguir. Nome da pasta Para visualizar esta pasta Para editar esta pasta Campos É possível visualizar É possível editar campos campos Regras de camada É possível visualizar É possível editar parâmetros parâmetros Entrevistas Configurações de entrevista Configurações do discador É possível visualizar configurações de compromisso, É possível visualizar resultados de chamada, É possível visualizar resultados de contato, É possível visualizar campos de histórico de chamada, É possível visualizar tempos de chamada, É possível visualizar textos de introdução da pesquisa de opinião, É possível visualizar ordenação, É possível visualizar substituições, É possível visualizar configurações de entrevista pessoal, É possível visualizar mensagens do projeto, É possível visualizar campos de histórico de sessão É possível visualizar configurações de entrevista É possível visualizar configurações do discador É possível editar configurações de compromisso, É possível editar campos de histórico de chamada, É possível editar tempos da chamada, É possível editar resultados do contato, É possível editar campos de histórico de sessão, É possível editar resultados da chamada, É possível editar textos de introdução da pesquisa de opinião, É possível editar a ordenação, É possível editar substituições, É possível editar configurações de entrevista pessoal, É possível editar mensagens do projeto, É possível salvar planejamento de compromisso, É possível salvar partes do dia É possível editar configurações de entrevista É possível editar configurações do discador Para excluir registros desta pasta Não se aplica Não se aplica É possível excluir resultados de chamada, É possível excluir resultados de contato Não se aplica Não se aplica Por padrão, a função CATISupervisor é designada a todas as variáveis de atividademostradas, exceto a "É possível editar campos", "É possível editar resultados de chamada", "É possível editar resultados de contato", "É possível excluir resultados de chamada " e"é possível excluir resultados de contato". 128 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

133 Para obter mais informações sobre variáveis de atividade, procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide na o tópico "Designando usuários ou funções a variáveis de atividade". Alterando as configurações padrão Ao criar um novo projeto, as configurações nas páginas Opções de entrevistas são preenchidas com as configurações padrão fornecidas pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. É possível alterar as configurações padrão do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para que ao criar um novo projeto, as guias de Opções de entrevistas sejam preenchidas com os valores definidos. Dependendo da pasta, as configurações padrão para essa pasta serão armazenadas em locais diferentes, conforme é mostrado na tabela a seguir: Nome da pasta Campos Regras de camada Entrevistas Configurações de entrevista Configurações do discador Local da configurações padrão No arquivo catifields_default.mdd Nas propriedades do site do DPM (do Distributed Property Management) Nas propriedades do site do DPM No arquivo catifields_default.mdd e nas propriedades do site do DPM Nas propriedades do site do DPM Para obter instruções sobre como alterar as configurações padrão, clique no tópico apropriado na seguinte tabela: Para realizar uma dessas tarefas v Alterando as configurações no catifields_default.mdd Consulte este tópico Editando o catifields_default.mdd v Incluindo um campo em catifields_default.mdd v Alterando as configurações nas propriedades do site do DPM Editando propriedades do site do DPM na página 132 v Incluindo um resultado de chamada nas propriedades do site do DPM v Alterando o mapeamento de códigos de status do discador automático para resultados de chamada Editando o catifields_default.mdd: Este tópico descreve como executar as seguintes tarefas: v Alterando as configurações no catifields_default.mdd v Incluindo um campo no catifields_default.mdd Alterando as configurações no catifields_default.mdd Para editar o arquivo catifields_default.mdd, será necessário usar o MDM Explorer da seguinte forma. 1. No Windows Explorer, execute MDM Explorer.exe que, por padrão, está localizado no seguinte diretório: v Instalações do x86 de 32 bits: [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\Tools\ VB6\MDM Explorer v Instalações do x64 de 64 bits: [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\Tools\ VB.NET\MDM Explorer 2. No menu Arquivo, escolha Abrir documento. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 129

134 3. Abra catifields_default.mdd que, por padrão, está localizado na pasta FMRoot\Shared\Cati. 4. Na área de janela esquerda, clique na coleção do MDM que contém a propriedade que deseja alterar (consulte a tabela abaixo). 5. Na área de janela superior direita, clique duas vezes na propriedade do MDM que deseja alterar (consulte a tabela abaixo). Isso abre uma caixa de diálogo. 6. Na caixa de diálogo, altere o valor conforme o necessário e clique em OK. 7. Após concluir, escolha Sair no menu Arquivo e, quando solicitado, salve o arquivo em seu local original. Nome da página Configuração da página Campos Rótulo Expanda a coleção Campos enaáreade janela esquerda, clique no campo obrigatório Campos Configura ções de entrevista por telefone Configura ções de entrevista por telefone Obrigatório, Mostrar, Pode ser editado durante a pesquisa de opinião, Pode ser tabulado Opções de discagem Botão mostrar contato específico na tela do Entrevistador Coleção do MDM correspondente Propriedade do MDM correspondente Valores válidos Na área de janela esquerda, expanda a coleção Campos, em seguida, expanda o nó para o campo desejado e, em seguida, clique na coleção de Propriedades customizadas Propriedades customizadas Propriedades customizadas Rótulo Os nomes de propriedades são muito semelhantes aos nomes de configuração, com exceção da propriedade Editável, que corresponde à configuração Pode ser editado durante a pesquisa de opinião Uma sequência de caracteres que descreve o campo. True ou False. DialerType 0 para "Manual - Entrevistador disca os números manualmente", 1 para "Modem - Mostrar botão Discar contato na tela do Entrevistador", 2 para "Discador (Extensão) - Mostrar botão Iniciar discagem na tela do Entrevistador" ou 3 para "Discador (Grupo/Previsão) - Mostrar botão Iniciar discagem na tela do Entrevistador". O valor de instalação é 0. ShowSpecificContactButton True ou False. O valor de instalação é True. 130 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

135 Nome da página Configura ções de entrevista por telefone Configura ções de entrevista por telefone Configura ções de entrevista por telefone Introdução Configuração da página O Propriedades entrevistador customizadas deve selecionar manualmente uma opção / A configuração padrão é "monitoramento/gravação proibido" / A configuração padrão é "monitoramento/gravação permitido" Revisar opções de entrevista Mostrar botão de revisão na tela do entrevistador /O Entrevistador deve revisar Introdução à pesquisa de opinião Coleção do MDM correspondente Propriedade do MDM correspondente Valores válidos Propriedades customizadas Propriedades customizadas MonitoringApprovalDefaultOption 0 para "Entrevistador deve selecionar manualmente uma opção", 1 para "A configuração padrão é "monitoramento/gravação proibido", 2 para "A configuração padrão é "monitoramento/gravação permitido", 3 (sempre) para "Não mostrar diálogo de aprovação de monitoramento e a função de gravação é permitida" e 4 (nunca) para "Não mostrar diálogo de aprovação de monitoramento e a função de gravação é proibido". O valor de instalação é 0. ReviewInterviewOption 0 para "Sem revisão", 1 para "Revisar entrevista" ou 2 para "Revisar open-ends". O valor de instalação é 0. ShowReviewInterviewOption 0 para "Mostrar botão de revisão na tela do entrevistador" ou 1 para "O entrevistador deve revisar". O valor de instalação é 0. Rótulos Texto Uma sequência de caracteres, definindo o script introdutório. Incluindo um campo no catifields_default.mdd 1. Inicie o MDM Explorer e abra catifields_default.mdd conforme descrito em "Alterando as configurações no catifields_default.mdd" acima. 2. Na área de janela esquerda do MDM Explorer, clique na coleção Campos. 3. No menu Métodos, escolha Incluir questão. Isso abre a caixa de diálogo "Incluir objeto MDM". 4. Insira valores para Nome, Rótulo e DataType. Geralmente, DataType deve ser mttext, mtlong ou mtdate. Em seguida, clique em OK. 5. Na área de janela esquerda, expanda o nó para o campo que você acabou de criar e clique na coleção Propriedades customizadas. 6. No menu Métodos, escolha Incluir propriedade customizada. Isso abre uma caixa de diálogo. 7. Configure os valores na caixa de diálogo da seguinte forma e, em seguida, clique em OK. Configuração Nome Valor Obrigatório Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 131

136 Configuração Valor Tipo Contexto Valor True ou False Booleano Análise Isso inclui uma propriedade customizada chamada Obrigatório para o campo que você criou. 8. Repita as últimas duas etapas três vezes, para incluir as propriedades customizadas Mostrar, Editável e CanTabulate para o campo que você criou. 9. Após concluir, escolha Sair no menu Arquivo e, quando solicitado, salve o arquivo em seu local original. Editando propriedades do site do DPM: Este tópico descreve como executar as seguintes tarefas: v Alterar as configurações nas propriedades do site do DPM v Incluir um resultado de chamada ou contato nas propriedades do site do DPM v Alterar o mapeamento de códigos de status de discador automático para os resultados de chamada Alterar as configurações nas propriedades do site do DPM Para alterar as configurações no DPM, é necessário usar o DPM Explorer, da seguinte forma: 1. No Windows Explorer, execute DPMExplorer.exe que, por padrão, está localizado na pasta [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Code\Tools\VB.NET\DPM Explorer.Net. 2. Na área de janela esquerda, expanda o nó de nível superior (o nome do site) e, em seguida, expanda onópropriedades. 3. Na área de janela esquerda, clique na coleção do DPM que contém a propriedade que deseja alterar (consulte a tabela abaixo). 4. Na área de janela superior direita, clique na propriedade do DPM que deseja alterar (consulte a tabela abaixo). 5. Na área de janela inferior direita, altere o valor, conforme o necessário, e clique no botão Aplicar, que está no canto inferior direito. Nome da página Configuração da página Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Valores válidos Autenticação Autenticação MinimumPasswordAge A idade mínima que uma senha deve ter antes que possa ser alterada. O valor padrão é 24 (horas). A propriedade foi introduzida no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. A configuração da propriedade para 0 desativa efetivamente a propriedade e reverte para o comportamento pré-fix Pack IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

137 Nome da página Configuração da página Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Autenticação Autenticação PasswordCanContain UserName Autenticação Autenticação PasswordDisallow Previous Valores válidos Controla se a senha pode incluir o nome de usuário. Quando estiver configurado para True, a senha poderá conter o nome de usuário. Quando estiver configurado para False, o nome de usuário não poderá fazer parte da senha. O valor padrão é False. A propriedade foi introduzida no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. A configuração da propriedade para False desativa efetivamente a propriedade e reverte para o comportamento pré-fix Pack 1. Define o intervalo de reutilização de senha. Quando estiver configurado como 0, a senha poderá ser reutilizada sem limitações. Os valores válidos são de 0 a 30. Por exemplo, quando estiver configurado como 8, as senhas não poderão ser reutilizadas por pelo menos 8 intervalos. O valor padrão é 8. Quando um valor inválido for inserido, o valor padrão será usado. Autenticação Autenticação PasswordExpired Prompt A propriedade foi introduzida no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. A configuração da propriedade para 0 desativa efetivamente a propriedade e reverte para o comportamento pré-fix Pack 1. O número de dias, antes da expiração de uma senha, para informar ao usuário sobre a expiração de senha iminente. Os valores válidos são de 1 a 80 (dias). O prompt de expiração de senha será exibido quando o usuário efetuar login. O valor padrão é 15. Quando um valor inválido for inserido, o valor padrão será usado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 133

138 Nome da página Configuração da página Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Valores válidos Autenticação Autenticação PasswordExpiryTime A idade da senha em dias. Os valores válidos são de 1a90(dias). Os usuários devem alterar a senha com base no valor desta propriedade (por exemplo, o valor 90 indica que os usuários devem alterar as senhas a cada 90 dias). O valor padrão é 90. Quando um valor inválido for inserido, o valor padrão será usado. A propriedade foi introduzida no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. A configuração da propriedade para -1 desativa efetivamente a propriedade e reverte para o comportamento pré-fix Pack 1. Autenticação Autenticação PasswordRegex Define a expressão regular que é usada ao validar senhas. O valor regular padrão usado quando a validação de senhas é: ^(?![a-za-z]+$)(?![0-9]+$)(?![~\ %\ $^&\*\(\)\ =\ \\\}\]\{\[<>\/_\-]+$)(?![!\ :;,.\"\?]+$)[ ~ a-za-z0-9 %\ $^&\*\(\)\ =\\ \\}\]\{\[ /_\ <>\-! \ :;,. \? \" ]{8,}$ A propriedade foi atualizada no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. O valor a seguir reverte efetivamente a propriedade para seu comportamento pré-fix Pack 1: ^. $ Parâmetros Nenhuma preferência para compromissos / Dar preferência ao entrevistador que organizou o compromisso Parâmetros DefaultCati AppointmentPrefer Arranger 1 para selecionar "Dar preferência ao entrevistador que organizou o compromisso" ou 0 para selecionar "Nenhuma preferência para compromissos". Se a propriedade AppointmentPreferArranger não existir, "Nenhuma preferência para compromissos" estará implícito. 134 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

139 Nome da página Parâmetros Configuração da página Antes de um compromisso, por qualquer entrevistador e antes de um compromisso, somente pelo organizador (ambas as configurações são controladas pela propriedade Appointment MarginBefore) Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Valores válidos Parâmetros DefaultCati AppointmentMargin Before O número de minutos. O valor de instalação é 5. Parâmetros Depois de um compromisso, por qualquer entrevistador Parâmetros DefaultCati AppointmentMargin After O número de minutos. O valor de instalação é 5. Esta configuração somente se aplicará se a propriedade AppointmentPreferArranger acima for configurada para 1. Horário de chamada Após a ativação do projeto Parâmetros DefaultCati DayPartConfiguration No componente do servidor Ativar, a propriedade verifica se o documento XML de ativação é nulo. Uma configuração nula significa que a coleção não está configurada na interface com o usuário. A coleção de configuração de parte do dia padrão é obtida a partir de: _agent.server.properties.item ("DefaultCatiParameters") eé configurada para o objeto de gerenciamento de amostra atual. No componente do cliente Ativar, ao abrir ativação de área de trabalho, a propriedade lê as propriedades de gerenciamento de amostra, incluindo os parâmetros de CATI do DPM (se a propriedade existir para o projeto CATI no servidor DPM). Se esse projeto CATI não existir (um projeto novo ou um projeto existente não é um projeto CATI), a propriedade lerá os parâmetros de CATI padrão, incluindo a coleção de partes do dia, a partir das propriedades de site de agente. A propriedade pode exibir a coleção de configuração de parte do dia na interface com o usuário. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 135

140 Nome da página Configuração da página Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Valores válidos Parâmetros Antes de uma rechamada Parâmetros DefaultCati RecallMarginBefore O número de minutos. O valor de instalação é 10. Nota: Quando RecallMarginBefore for maior que, ou igual a, o menor atraso especificado, a mensagem de aviso a seguir será exibida: O horário antes de um valor de rechamada deve ser menor que os tempos de atraso definidos. Parâmetros Qualquer outra configuração na página Parâmetros não listada acima Parâmetros DefaultCati Resultados "Texto" Expanda a amostra DefaultCati- Os nomes de propriedade do DPM são muito semelhantes aos nomes de configuração de pasta. Texto O valor de atraso 0 é igual a nenhuma configuração de atraso. Portanto, o valor de atraso 0 não é comparado ao valor de RecallMarginBefore. Em geral, os valores válidos para uma propriedade são os mesmos que os valores que podem ser inseridos na pasta Parâmetros para a configuração correspondente. No entanto, para as propriedades PrioritizeRecalls e UseInterviewerQualifications, insira 1 para selecionar a caixa de seleção na pasta Parâmetros ou 0 para limpar a caixa de seleção. Um valor da sequência de caracteres que descreve o resultado de chamada. A coleção RecReturnCodes enaáreade janela esquerda, clique no resultado de chamada necessário Resultados Mostrar quando a entrevista está em execução DefaultCati ProjectProperties RunningCodesList Um ou mais números de código de resultado de chamada, separados por ponto e vírgula. Resultados Mostrar página de compromisso DefaultCati ProjectProperties AppointmentCode Um ou mais números de código de resultado de chamada, separados por ponto e vírgula. Resultados Cancelar código DefaultCati ProjectProperties CancelCode Um número de código de resultado de chamada. Resultados Confirmar resultados de desligamento DefaultCati ProjectProperties ConfirmHangup Outcomes Um ou mais números de código de resultado de chamada, separados por ponto e vírgula. O valor padrão é 15. Esta propriedade somente é empregada quando usada com o IBM SPSS Data Collection Dialer. Os entrevistadores deverão sair da atividade Participantes por telefone e entrar novamente, para que as mudanças nessa propriedade sejam reconhecidas. 136 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

141 Nome da página Configuração da página Coleção do DPM correspondente Resultados Sempre oculto DefaultCati ProjectProperties Configura ções de entrevista por telefone Configurações do discador Configurações do discador Configurações do discador Ativar monitoramento /gravação e O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação (ambas as configurações são controladas pela propriedade Monitoramento permitido) Enviar identificação do responsável pela chamada e o número de telefone a enviar (ambas as configurações são controladas pela propriedade CallerID) Errosea posição de login não estiver na configuração Tempo de toque DefaultCati ProjectProperties DefaultCati ProjectProperties DefaultCati ProjectProperties DefaultCati ProjectProperties Propriedade do DPM correspondente HiddenCodesList MonitoringAllowed CallerID RaisePositionError NoAnswerTimeout Valores válidos Um ou mais números de código de resultado de chamada, separados por ponto e vírgula. 0 para limpar "Ativar monitoramento/gravação", 1 para selecionar "Ativar monitoramento/gravação" e limpar "O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação" ou 2 para selecionar ambos "Ativar monitoramento/gravação" e "O entrevistador deve obter aprovação para monitoramento /gravação". O valor de instalação é 2. Configure o valor como False para limpar "Enviar identificação do responsável pela chamada", ou como True para selecionar "Enviar identificação do responsável pela chamada" e desmarcar "Número de telefone a enviar" ou configure o valor para uma sequência de caracteres que especifique o valor de "Número de telefone a enviar". Se especificada, a sequência de caracteres somente deverá conter os dígitos de 0 a 9 e os seguintes caracteres: #, *,., (,),- e /. O valor de instalação é True. True ou False. O valor da instalação é False. O número de segundos. O valor de instalação é 15. Não configure um valor inferior ao do MinimumRingTime abaixo. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 137

142 Nome da página Configurações do discador Configurações do discador Configurações do discador Configurações do discador Configurações do discador Configuração da página (Não existe nenhuma configuração correspondente nas Opções de entrevista, mas a propriedade MinimumRing Time define o valor mínimo que pode ser especificado na configuração de tempo de toque) Nome do arquivo de anúncio de chamada silenciosa O número de segundos que a discagem automática deve continuar tentando discar números para um Entrevistador Porcentagem de chamadas para registrar Agressividade da discagem, Porcentagem máxima de chamadas silenciosas, Coleção do DPM correspondente Propriedade do DPM correspondente Valores válidos Propriedades MinimumRingTime O valor mínimo que pode ser configurado em tempo de toque. O valor de instalação é 0. DefaultCati ProjectProperties DefaultCati ProjectProperties DefaultCati ProjectProperties Essas três configurações não possuem propriedades do site do DPM correspondentes SilentCallAudioFile AutoDialTimeout PercentCallsRecorded O nome de um arquvio wav, incluindo o caminho completo. O valor da instalação é uma sequência de caracteres vazia. O número de segundos. O valor de instalação é 600 (10 minutos). Um número inteiro entre 0 e 100. O valor da instalação é 0 (ou seja, nenhuma chamada é registrada). Porcentagem de meta de chamadas silenciosas Incluindo um resultado de chamada ou de contato nas propriedades do site do DPM 1. Inicie o DPM Explorer e expanda o nó Propriedades do site conforme descrito em "Alterando as configurações em propriedades do site do DPM" acima. 2. Na área de janela esquerda do DPM Explorer, clique na coleção DefaultCatiSampleRecReturnCodes para entrevistas por telefone. Na área de janela esquerda do Explorer DPM, clique na coleção DefaultCapSampleRecReturnCodes para entrevistas pessoais 3. No menu Incluir, escolha Coleção de propriedades. Isso abre uma caixa de diálogo. 138 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

143 4. Na caixa de diálogo, insira um nome para o resultado e clique em OK. 5. Na área de janela esquerda, clique na coleção recém-criada. 6. No menu Incluir, escolha Propriedades. Isso abre uma caixa de diálogo. 7. Em Nome, digite Código. Em Valor, digite um número de código exclusivo para o resultado. Em seguida, clique em OK. 8. Repita as três últimas etapas, mas em Nome, digite Texto e em Valor, insira uma descrição curta do resultado. Alterando o mapeamento de códigos de status do discador automático para resultados de chamada Quando um projeto usa um discador automático, o discador automático retorna um código de status no final de cada tentativa de chamada para indicar se uma chamada bem-sucedida foi gerada. Em seguida, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server mapeia o código de status para um dos resultados da chamada para o projeto. Por exemplo, se o discador automático retornar o código de status Congestionado (o que significa que ele foi incapaz de fazer a chamada porque a rede de telefone está congestionada), o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server mapeará esse código para o resultado da chamada NetworkBusy e, como resultado, o registro do participante será designado à fila RECALL pelo script de gerenciamento de amostra. É possível alterar o mapeamento padrão de códigos de status de discador automático para os resultados de chamada, da seguinte forma: 1. Inicie o DPM Explorer e expanda o nó Propriedades do site, conforme descrito em "Alterando as configurações nas propriedades do site do DPM" acima. 2. Na área de janela esquerda, expanda a coleção DefaultDialerCallOutcomes e clique no código de status do discador automático cujo mapeamento deseja alterar. 3. Na área de janela superior direita, clique duas vezes em ReturnCode. 4. Na área de janela inferior direita, altere o valor para o nome do resultado de chamada que deve ser mapeado para esse código de status do discador automático. 5. Clique no botão Aplicar, que está no canto inferior direito. Discagem de Telephony Application Programming Interface (TAPI) O Telephony Application Programming Interface (TAPI) é uma API do Microsoft Windows que permite que estações de trabalho Windows usem serviços telefônicos. Os dispositivos TAPI incluem modens, telefones portáteis de sistema de telefone de negócios (PBX), dispositivos de telefonia ativados por voz e hardware dedicado. Esta seção descreve a discagem TAPI: v Os dispositivos TAPI discam automaticamente o número no telefone do entrevistador (o entrevistador não precisa discar o número manualmente). v Os dispositivos TAPI podem, por exemplo, ser um modem na estação de trabalho do entrevistador conectado à linha telefônica analógica do entrevistador, usado somente para discagem, mas não para envio de dados. v O navegador do entrevistador controla o dispositivo TAPI por um controle Microsoft ActiveX. O navegador da web do Microsoft Internet Explorer de cada entrevistador deve permitir o script ActiveX. v Os controles ActiveX estão disponíveis por meio do Microsoft Internet Explorer 8 ou superior, em execução no Microsoft Windows XP Professional com Service Pack 3 (x86 32 bits), Microsoft Windows Server 2003 R2 (x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições), Microsoft Windows Server 2008 (standard e R2, x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições), Microsoft Windows Server 2012 (x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições), Microsoft Windows Vista com Service Pack 2 (x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições), Microsoft Windows 7 com Service Pack 1 (x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições) ou Microsoft Windows 8 (x86 32 bits ou x64 64 bits, todas as edições). Observe que o Microsoft Windows Server 2003 R2 é suportado somente quando estiver fazendo upgrade de uma versão anterior do IBM SPSS Data Collection. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 139

144 Participantes por Telefone Use os Participantes por telefone para realizar entrevistas por telefone. Cada entrevista possui uma fase de discagem. As ações a serem tomadas nesta fase dependem se o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server no qual você está trabalhando usa um discador automático: v Se um discador automático for usado, clique em um botão para solicitar ao discador automático que o conecte a um participante. Consulte o tópico Usando um discador automático para fazer chamadas na página 147 para obter mais informações. v Se um discador automático não for usado, selecione um número para chamar e, em seguida, disque manualmente o número fornecido. Como alternativa, é possível usar um modem para discar o número automaticamente. Consulte o tópico Usando discagem manual ou um modem para fazer chamadas na página 150 para obter mais informações. Se o participante concordar em ser entrevistado agora, a chamada será movida para a fase de entrevista e a primeira questão será exibida. Consulte o tópico Realizando entrevistas na página 155 para obter mais informações. Uma entrevista também pode incluir uma fase de revisão, na qual você revisa e, se necessário, corrige as respostas do participante após a conclusão da entrevista. Consulte o tópico Revisando entrevistas na página 160 para obter mais informações. Iniciando Participantes por telefone 1. Selecione o projeto no qual deseja trabalhar e clique em Participantes por telefone. Isso exibe a tela principal de Participantes por telefone. Quando os discadores automáticos são usados Se a central de atendimento na qual você estiver trabalhando usar discadores automáticos para discar números de telefone de participantes, uma caixa de diálogo poderá ser aberta e solicitar que você insira um nome da posição. No campo Posição do entrevistador, digite o nome da posição que o supervisor forneceu e clique em OK. Para alguns projetos, o supervisor poderá desejar que você disque os números de telefone manualmente, mesmo que os discadores automáticos estejam disponíveis. Caso isso ocorra, uma mensagem informará que você deve usar a discagem manual para chamar participantes. Entrevistadores remotos Quando a Posição for definida como uma posição remota (no arquivo de configuração do discador), o diálogo exibirá um campo adicional Número de acesso do entrevistador. Insira o número de telefone para o entrevistador remoto e clique em OK. A tela principal Participantes por telefone A tela principal possui quatro seções: ao longo da parte superior, à esquerda, no canto superior esquerdo e no centro. A parte superior da tela principal Quando o discador automático o conecta a um participante (ou, para projetos que não usam uma discador automático, quando lhe é fornecido um número para chamar), a seção na parte superior da tela fornece as seguintes guias: Guia Detalhes de contato (padrão) 140 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

145 Mostra vários detalhes sobre o participante: v O número de ID do participante. v O número de telefone do participante. Se tiver sido solicitado que você disque manualmente um número diferente para atingir o participante, será possível alterar o valor no campo de número de telefone e o número antigo será salvo no campo Auditoria do registro do participante com uma anotação da data em que ele foi alterado. v A fila a partir da qual o número foi selecionado. Se o nome da fila for FRESH, o participante não terá sido contactado antes neste projeto. Os números a partir de outras filas já foram chamados antes e o nome da fila geralmente indicará o resultado dessa chamada. Por exemplo, os números da fila RECALL provavelmente estavam ocupados ou não foram respondidos quando chamados pela última vez, enquanto os números da fila APPOINTMENT tinham um horário de compromisso organizado entre o participante e um entrevistador anterior, portanto, o participante estará esperando a chamada. v O nome do participante, se disponível. O supervisor pode solicitar que você atualize este campo ao falar com o participante. v Comentários associados a esse número. Esses comentários geralmente contêm informações adicionais úteis e podem ter sido incluídos por entrevistadores que chamaram esse número anteriormente. Por exemplo, se o participante for difícil de ouvir, será possível encontrar uma nota sobre isso na caixa comentários. Consulte o tópico Visualizando e inserindo comentários na página 152 para obter mais informações. v O nome do projeto. Consulte o tópico Visualizando e inserindo comentários na página 152 para obter mais informações. Guia Histórico de chamadas Exibe o histórico de chamadas para o participante atual (em ordem crescente). É possível alterar a ordenação clicando no título da coluna Histórico de chamadas. A coluna Histórico de chamadas representa o horário de início da pesquisa de opinião com base no fuso horário do servidor. Nota: As informações do Histórico de chamadas não são atualizadas em tempo real. Caso ocorra uma atividade de histórico de chamada recente, você deverá efetuar logout e login novamente na atividade para visualizar as atualizações. Guia Histórico da sessão Exibe o histórico de sessão para o entrevistador atual (em ordem crescente). É possível alterar a ordenação clicando no título da coluna Histórico da sessão. A coluna Histórico da sessão representa o horário de início da pesquisa de opinião baseado no fuso horário do servidor. Nota: As informações do Histórico da Sessão não são atualizadas em tempo real. Caso ocorra uma atividade de histórico de sessão recente, você deverá efetuar logout e login novamente na atividade para visualizar as atualizações. Guia Comentários Fornece um campo para inserir os comentários do entrevistador relacionados ao participante atual. Consulte o tópico Visualizando e inserindo comentários na página 152 para obter mais informações. A esquerda da tela principal A seção à esquerda da tela contém botões de guias para várias tarefas, como solicitar a conexão com um participante e iniciar uma entrevista. As guias e os botões estão descritos na tabela a seguir: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 141

146 Botão ou guia Figura 21. Botão Próximo contato Figura 22. Botão Contato específico Figura 23. Botão Sair Descrição Recuperar o próximo contato. Use este botão se o projeto que você está trabalhando não usar um discador automático (ou seja, você disca os números manualmente ou usando um modem) e se o projeto não estiver configurado para selecionar o próximo contato automaticamente. Recuperar um contato específico. Dependendo das opções que o supervisor tiver configurado, talvez não seja possível usar esse botão. Feche Participantes por telefone e retorne à página principal do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Exibir ajuda para Participantes por telefone. Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Alt+N Alt+S Alt+X Alt+H Figura 24. Botão Ajuda Figura 25. Botão Iniciar discagem ou discar contato Figura 26. Botão Finalizar chamada Se o projeto no qual você estiver trabalhando usar um discador automático, use este botão para solicitar a conexão com um participante. Se o projeto não usar um discador automático, será possível usar este botão para discar o número de telefone do participante usando um modem. Se o projeto no qual você está trabalhando usar um discador automático, será possível usar esse botão para encerrar a chamada imediatamente caso seja necessário (embora normalmente seja necessário selecionar um resultado de chamada para encerrar a chamada). Se você usou um modem para discar o número de telefone do participante, você deverá usar esse botão para desconectar o modem no final da chamada. Alt+/ Alt+\ 142 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

147 Botão ou guia Descrição Iniciar a entrevista. Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Alt+I Figura 27. Botão Iniciar entrevista Figura 28. Alternar projeto Figura 29. Botão Cancelar contato Figura 30. Botão Teclado numérico de discagem Figura 31. Botão Alterar qualificações do entrevistador Figura 32. Botão Rejeitar entrevista Alternar para outro projeto. Esse botão pode ser usado antes de recuperar um contato ou imediatamente após concluir uma pesquisa de opinião, para alternar para outro projeto ao qual você está designado. Após clicar neste botão, o diálogo Lista de projeto é exibido, permitindo selecionar outro projeto. Cancelar o contato. Esse botão poderá ser usado após recuperar um contato, mas antes de discar o número de telefone do contato. Ocasionalmente o contato somente pode ser atingido por meio de um sistema de menu (por exemplo, Pressione 1 para Dr. Smith, pressione 2 para Dr.. Jones ). Nessas situações, esse botão pode ser usado para exibir um teclado numérico de discagem, permitindo que você pressione as teclas adequadas. Os tons de discagem resultantes são enviados para o sistema de menus. Isso funciona quando você está conectado ao Dialer por meio de discagem de extensão local ou por meio de ISDN. Nota: Os tons audíveis não ocorrem ao clicar nos botões do teclado de discagem. Se o projeto no qual você está trabalhando permitir especificar qualificações do entrevistador, será possível usar esse botão para configurar as qualificações do entrevistador. Se o projeto no qual você estiver trabalhando incluir uma fase de revisão, será possível usar esse botão na fase de revisão para rejeitar a entrevista. Alt+P Alt+C Alt+T Alt+R Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 143

148 Botão ou guia Figura 33. Guia Resultado da chamada Figura 34. Guia Mensagem do projeto Descrição Exibe as informações de resultado da chamada. Consulte a seção Guia Resultado da chamada abaixo para obter informações adicionais. Exibe a mensagem do projeto e indica que a mensagem está não lida atualmente. Exibe a mensagem do projeto e indica que a mensagem já foi lida. Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Ctrl+Alt+C Ctrl+Alt+M Ctrl+Alt+M Figura 35. Guia Mensagem do projeto Figura 36. Guia Mensagem imediata Figura 37. Guia Mensagem imediata Exibe a lista de mensagens imediatas, permitindo visualizar a mensagem do supervisor. Este estado indica que novas mensagens estão disponíveis. Exibe a lista de mensagens imediatas, permitindo visualizar a mensagem do supervisor. Este estado indica que todas as mensagens foram lidas. Ctrl+Alt+I Ctrl+Alt+I Nota: Para alguns navegadores, se o atalho de teclado for pressionado sozinho, a ação será executada. Para outros navegadores, poderá ser necessário pressionar Enter após pressionar o atalho de teclado. Ao usar o navegador Mozilla Firefox, você deverá usar Shift+Alt, pois Alt geralmente é usado no Microsoft Internet Explorer. Se você estiver usando um discador automático e o projeto tiver sido configurado para selecionar o próximo contato assim que a chamada atual for encerrada, haverá uma caixa de seleção "Seleção de contato automática" marcada abaixo do quadro de botões. Cancele-a. Se você não cancelar, não será possível parar o discador fornecendo conexões. guia Resultados de chamada A seleção da guia Resultados de chamada (Ctrl+Alt+C) exibe todos os resultados de chamada possíveis para o projeto. Geralmente, essa lista será padrão em todos os projetos nos quais você trabalhar e se houver variações, o supervisor informará. No entanto, uma boa ideia é familiarizar-se com a lista de resultados de chamada no início de cada projeto. Muitos resultados de chamada podem ser selecionados usando atalhos de teclado, conforme mostrado na tabela a seguir. O nome padrão de cada resultado de chamada é mostrado abaixo. Os nomes exibidos poderão ser um pouco diferentes. Observe que a guia Resultados de chamada deve estar em foco para que os atalhos de teclado funcionem: Resultado de chamada Abandonado Secretária eletrônica Compromisso Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Alt+Z Alt+M Alt+P 144 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

149 Resultado de chamada Negócios Ocupado Telefone celular Discador ocupado Desconectado Ocupado rápido Fax Barreira de idioma Rechamada de idioma Rede ocupada Sem resposta Não disponível Recusado Rejeitado Transferir para a web Número errado Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Alt+U Alt+B Alt+J Alt+2 Alt+K Alt+3 Alt+Y Alt+O Alt+L Alt+4 Alt+1 (um) Alt+5 Alt+R Alt+6 Alt+Q Alt+W Nota: Para alguns navegadores, se o atalho de teclado for pressionado sozinho, a ação será executada. Para outros navegadores, poderá ser necessário pressionar Enter após pressionar o atalho de teclado. Ao usar o navegador Mozilla Firefox, você deverá usar Shift+Alt, pois Alt geralmente é usado no Microsoft Internet Explorer. Os próximos oito resultados de chamada na lista são atalhos de teclado designados de Alt+2 a Alt+9. Portanto, caso apareçam mais resultados de chamada do que os que aparecem na tabela acima, os resultados de chamada adicionais não terão um atalho de teclado. É possível descobrir qual é o atalho do teclado para qualquer resultado de chamada movendo o ponteiro do mouse sobre o resultado de chamada. O atalho de teclado será exibido em uma Dica de ferramenta. O canto superior esquerdo da tela Uma imagem no canto superior esquerdo da tela mostra o status atual da entrevista. Imagem de status Descrição É exibido ao trabalhar no modo de discagem manual ou de discagem de modem e indica que o entrevistador não está conectado atualmente a um participante e uma entrevista não está em execução. Figura 38. Desconectado/ Entrevista não iniciada Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 145

150 Imagem de status Descrição É exibido ao trabalhar no modo de discagem automática e indica que o entrevistador não está conectado atualmente a um participante e uma entrevista não está em execução. Figura 39. Discador desconectado/entrevista não iniciada Indica que o entrevistador está inativo atualmente. Figura 40. Inativo É exibido ao trabalhar no modo de discagem manual ou de discagem de modem e indica que o entrevistador está conectado a um participante e uma entrevista está atualmente em andamento. Figura 41. Conectado\ Entrevistando É exibido ao trabalhar modo de discagem automática e indica que o entrevistador está conectado a um participante e uma entrevista está atualmente em andamento. Figura 42. Discador conectado\entrevistando Indica que o Interviewer Server está ocupado atualmente. Figura 43. Espera Status: A lista suspensa permite que o entrevistador configure seu status atual. Os supervisores podem visualizar o status ao monitorar entrevistadores. As opções de status disponíveis são: v Situação normal v Tenho um problema - urgente v Preciso de ajuda - não urgente v Preciso de uma pausa v Editar mensagem de status... A opção Editar mensagem de status... permite que os entrevistadores insiram sua própria mensagem. As mensagens de status padrão são armazenadas no arquivo SPSSMR_FMROOT\Shared\Cati \CatiResources_default.mdd e são copiadas para a pasta do projeto principal quando o projeto é ativado. O centro da tela principal Este é o local onde as mensagens importantes e imediatas do supervisor são exibidas. A barra amarela exibe as mensagens importantes e imediatas. 146 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

151 A parte inferior da tela principal Este é o local onde as páginas de entrevista serão exibidas enquanto você estiver realizando uma entrevista. A lista suspensa Idiomas exibe todos os idiomas de introdução disponíveis, permitindo selecionar o idioma de introdução da pesquisa de opinião apropriado. Nota: As entrevistas poderão ser monitoradas mesmo quando você selecionar Não para a opção O contato concorda em ser monitorado e registrado. Essa configuração controla quando a entrevista não deve ser monitorada por partes externas, não quando a entrevista pode ser revisada por um supervisor. Navegando usando o teclado Dependendo do navegador, talvez seja possível alternar entre as três seções da tela principal pressionando Ctrl+Tab ou F6. Configurando qualificações do entrevistador Quando for possível definir suas próprias qualificações, Participantes por telefone exibirá a caixa de diálogo Informações de login, listando as qualificações que podem ser configuradas. (Se você estiver usando um discador automático, a caixa de diálogo também solicitará o número da estação.) As listas de seleção de escolha única são mostradas como uma caixa em uma linha. As lista de múltipla escolha mostram os primeiros cinco itens na lista. No exemplo, ao selecionar Norte e Oeste, serão alocados participantes que moram nessas regiões, mas não os que moram no sul ou no oeste. "Corresponde a qualquer" é um item especial e geralmente é a seleção padrão. Significa que você não deseja filtrar registros usando essa qualificação. No exemplo, Corresponde a qualquer significa que você receberá registros de participantes em qualquer local, em vez de, por exemplo, somente participantes no Oeste. Esse item pode ser usado para cancelar seleções configuradas anteriormente em uma lista. Configurando suas qualificações 1. Escolha pelo menos um item de cada lista de qualificação. 2. Clique em OK. Alterando suas qualificações 3. Clique no botão Alterar qualificações entrevistador, conforme é mostrado abaixo: Figura 44. Botão Alterar qualificações do entrevistador Abre a caixa de diálogo Qualificações do entrevistador (igual ou muito semelhante à caixa de diálogo Informações de login). 4. Selecione as qualificações que deseja usar para chamadas futuras e cancele as que não são mais apropriadas. 5. Clique em OK. Usando um discador automático para fazer chamadas Se o projeto no qual você está trabalhando usar um discador automático, ele discará os números de telefone dos participantes e somente o conectará a um participante quando ele atender o telefone. Você não saberá qual participante está sendo chamado antes que ele atenda à chamada. Em algumas situações, o supervisor poderá desejar que você disque os números manualmente, embora outros entrevistadores trabalhando no mesmo projeto estejam usando um discador automático. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 147

152 Quando você estiver conectado a um participante, os detalhes do participante serão exibidos na tela principal juntamente com algum texto introdutório que você deverá ler para ele. Após falar com o participante, você iniciará uma entrevista ou selecionará um resultado de chamada em uma lista de resultados. Alguns resultados de chamada requerem que você insira informações adicionais, por exemplo, para especificar a data e hora de um compromisso. Quando a entrevista for concluída ou se você selecionar um resultado de chamada, será possível solicitar a conexão com outro participante. A caixa de seleção "Seleção de contato automática" estará marcada se o projeto estiver configurado para selecionar automaticamente o próximo contato assim que a chamada atual for concluída e se ele tiver sido projetado principalmente para entrevistadores que discarão manualmente ou usarão um modem. Desmarque essa caixa de seleção, caso contrário, não será possível impedir que o discador faça chamadas quando você chegar no final do turno ou precisar fazer uma pausa. Será possível alterar os dados nos campos Número de telefone e Nome se o participante informar que as informações atuais estão erradas. Clique em Editar ao lado da caixa de texto, digite os novos detalhes no campo e, em seguida, clique em Salvar. Para obter detalhes dos atalhos de teclado que podem ser usados para clicar em botões e selecionar resultados de chamada, consulte A tela principal Participantes por telefone na página 140. Conectando a um participante 1. Assegure-se de que seu telefone esteja fora do gancho. 2. Clique no botão Iniciar discagem, conforme é mostrado abaixo: Figura 45. Botão Iniciar discagem O discador automático tentará conectá-lo a um participante. Pode haver um atraso antes da conexão. Se houver um atraso longo, uma mensagem poderá informar que a tentativa de conexão foi cancelada e que é necessário clicar no botão Iniciar discagem novamente. Nota: Ocasionalmente, o sistema poderá exibir os detalhes de um participante sem conectá-lo ao participante. Isso ocorrerá quando outro entrevistador incluir comentários no registro do participante, para que você tenha a oportunidade de ler os comentários antes de falar com o participante. Após ler os comentários, clique no botão Iniciar discagem para discar o número do telefone do participante. 3. Ao ouvir alguém atender o telefone, faça o seguinte: v Se os detalhes do participante na parte superior da página mostrarem o nome do participante, peça para falar com essa pessoa. v Leia o texto de introdução. v Dependendo das opções que o supervisor tiver configurado, poderá ser necessário solicitar o consentimento do participante para que o telefonema seja monitorado e registrado pelo seu supervisor. Se houver consentimento, assegure-se de registrar a resposta do participante selecionando a opção Sim ou Não acima do texto introdutório. Entrevistando o participante 1. Se o participante concordar em ser entrevistado agora, clique no botão Iniciar entrevista: 148 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

153 Figura 46. Botão Iniciar entrevista A primeira questão será exibida. Consulte o tópico Realizando entrevistas na página 155 para obter mais informações. Ao atingir o final da entrevista, o telefonema será finalizado automaticamente. 2. Agora, poderá ser necessário revisar as respostas que você acabou de inserir. Consulte o tópico Revisando entrevistas na página 160 para obter mais informações. 3. Clique no botão Iniciar discagem para conectar-se a outro participante. Planejando um compromisso 1. Se o participante concordar em ser entrevistado posteriormente, escolha o resultado de chamada que permite organizar um compromisso. Consulte o tópico Organizando compromissos na página 153 para obter mais informações. 2. Insira o horário do compromisso solicitado pelo participante e clique em Enviar. O compromisso é organizado e o telefonema é terminado automaticamente. 3. Clique no botão Iniciar discagem para conectar-se a outro participante. Reconectando a um participante Ocasionalmente, você poderá ser desconectado de um participante antes de ter concluído uma entrevista. Por exemplo: v Houve uma falha da rede telefônica ou do discador automático. v Você ou o participante desligou o telefone acidentalmente. v Você clicou no botão Finalizar chamada porque ouviu um barulho alto na linha telefônica. Nesta situação, normalmente é possível clicar no botão Iniciar discagem para rechamar o participante. Se uma caixa de diálogo for aberta e solicitar que você selecione um resultado de chamada, clique em Cancelar para fechar a caixa de diálogo antes de clicar em Iniciar discagem. No entanto, se um problema com o computador tiver causado o fechamento do navegador, reinicie Participantes por telefone e, se estiver disponível, use a opção Obter último contato para reconectar ao participante. Outros resultados Para todos os outros resultados, escolha um resultado de chamada apropriado na lista à esquerda da tela. A maioria dos textos de resultado de chamada são autoexplicativos, mas provavelmente o supervisor passará pela lista com você no início do projeto, principalmente se a lista contiver opções especializadas. Quando você selecionar qualquer resultado de chamada que não seja o resultado para organizar um compromisso, a chamada telefônica será finalizada automaticamente. Clique no botão Iniciar discagem para conectar-se a outro participante. No entanto, se o discador automático detectar que a chamada está sendo atendida por uma máquina de fax, ele finalizará a chamada imediatamente. Se isso ocorrer, você ainda deverá selecionar o resultado de chamada "Fax". Às vezes, poderá ser solicitado que você selecione um resultado de chamada sem estar conectado a um participante. Isso pode ocorrer nas seguintes situações: v Você clicou no botão Iniciar discagem em uma situação na qual os detalhes do participante já estão exibidos na tela. Por exemplo, se um registro de participante contiver comentários a serem lidos ou se Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 149

154 você estiver tentando se reconectar a um participante após ser desconectado. Nessa situação, você deverá selecionar o resultado apropriado, se a chamada não for respondida. O discador automático não fará isso e a chamada não será finalizada até que você a finalize. v Existem problemas técnicos. Nessa situação, o resultado relevante poderá estar pré-selecionado, mas se não estiver, o supervisor deverá informar qual resultado de chamada deverá ser usado. Se você estiver trabalhando em um projeto em que os participantes falam diferentes idiomas, provavelmente você somente receberá os registros de participantes cujos idiomas você fale. Caso não seja possível se comunicar de forma eficaz com o participante, selecione o resultado de chamada "Barreira de idioma" ou "Rechamada de idioma" (o supervisor informará qual usar). Alguns resultados de chamada, como "Abandonado", somente deverão ser usados depois que a entrevista for iniciada. É importante escolher a opção mais apropriada da lista, pois essas informações serão usadas para planejar projetos futuros. Se você selecionar o resultado de chamada errado acidentalmente, informe o supervisor imediatamente para que isso possa ser corrigido. Usando discagem manual ou um modem para fazer chamadas Se o projeto no qual você está trabalhando não usar um discador automático, será necessário discar os números de telefone manualmente. Para projetos que usam um discador automático, ainda poderá ser necessário discar os números manualmente caso o supervisor deseje. No entanto, se houver um modem conectado ao computador, será possível usar o modem para discar os números de telefone. Ao solicitar um número para discar, o número e outros detalhes associados serão exibidos na tela principal juntamente com um texto introdutório a ser lido para o participante. Após fazer a chamada, você iniciará uma entrevista ou selecionará um resultado de chamada em uma lista de resultados. Alguns resultados de chamada solicitarão que você insira informações adicionais, por exemplo, as opções relacionadas a compromissos solicitarão que você especifique a data e hora do compromisso. Quando a entrevista for concluída, ou se você tiver selecionado um resultado de chamada, será possível solicitar outro número para chamar. A caixa de seleção "Seleção de contato automática" estará marcada se o projeto tiver sido configurado para selecionar automaticamente o próximo contato assim que a chamada atual é concluída. Quando você chegar ao final de seu turno ou precisar fazer uma pausa, será possível clicar no botão Cancelar contato atual. Isso o levará à página padrão na qual será possível escolher Próximo contato, Contato específico ou Sair, conforme for apropriado. Se você cancelar esta opção, será necessário clicar no botão Próximo contato no fim de cada chamada para solicitar um novo participante para chamar. O supervisor informará se você pode fazer isso. Talvez seja possível alterar os dados nos campos Número de telefone e Nome se as informações atuais estiverem desatualizadas. Clique em Editar ao lado da caixa de texto, digite os novos detalhes no campo e, em seguida, clique em Salvar. Para obter detalhes dos atalhos de teclado que podem ser usados para clicar em botões e selecionar resultados de chamada, consulte A tela principal Participantes por telefone na página 140. Solicitando um número e fazendo uma chamada 1. Clique no botão Próximo contato, conforme é mostrado abaixo: Figura 47. Botão Próximo contato 150 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

155 2. Se, por algum motivo, você não desejar discar o número ao qual foi alocado, clique no botão Cancelar contato: Figura 48. Botão Cancelar contato Em seguida, clique no botão Próximo contato novamente quando estiver pronto para fazer outra chamada. 3. Se houver um botão Discar contato, conforme é mostrado abaixo, clique no botão para usar um modem para discar o número de telefone do participante: Figura 49. Botão Discar contato 4. Se não houver um botão Discar contato, disque o número do telefone manualmente. 5. Se o telefone for atendido, faça o seguinte: v Se os detalhes do participante na parte superior da página mostrarem o nome do participante, peça para falar com essa pessoa. v Leia o texto de introdução. v Dependendo das opções que o supervisor tiver configurado, poderá ser necessário solicitar o consentimento do participante para que o telefonema seja monitorado e registrado pelo seu supervisor. Se houver consentimento, assegure-se de registrar a resposta do participante selecionando a opção Sim ou Não acima do texto introdutório. Entrevistando o participante 1. Se o participante concordar em ser entrevistado agora, clique no botão Iniciar entrevista: Figura 50. Botão Iniciar entrevista A primeira questão será exibida. Consulte o tópico Realizando entrevistas na página 155 para obter mais informações. 2. Conclua a entrevista. 3. Se você usou o botão Discar contato para discar o número do telefone do participante, você deverá clicar no botão Finalizar chamada (para desconectar o modem) após concluir a entrevista: Figura 51. Botão Finalizar chamada 4. Agora, poderá ser necessário revisar as respostas que você acabou de inserir. Consulte o tópico Revisando entrevistas na página 160 para obter mais informações. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 151

156 5. Se seu próximo número não for selecionado automaticamente, clique no botão Próximo contato para solicitar outro número. Planejando um compromisso 1. Se o participante concordar em ser entrevistado posteriormente, escolha o resultado de chamada que permite organizar um compromisso. Consulte o tópico Organizando compromissos na página 153 para obter mais informações. 2. Insira o horário do compromisso solicitado pelo participante e clique em Enviar. O compromisso está organizado. 3. Se você tiver usado o botão Discar contato para discar o número de telefone do participante, você deverá clicar no botão Finalizar chamada (para desconectar o modem) após organizar o compromisso: Figura 52. Botão Finalizar chamada 4. Se seu próximo número não for selecionado automaticamente, clique no botão Próximo contato para solicitar outro número. Outros resultados Para todos os outros resultados, escolha um resultado de chamada apropriado na lista à esquerda da tela. A maioria dos textos de resultado de chamada são autoexplicativos, mas provavelmente o supervisor passará pela lista com você no início do projeto, principalmente se a lista contiver opções especializadas. Se você tiver usado o botão Discar contato para discar o número do telefone do participante e selecionar qualquer resultado de chamada diferente do que para marcar uma entrevista, o telefonema será finalizado automaticamente. Se o próximo número não for selecionado automaticamente, clique no botão Próximo contato para solicitar outro número para discar. Se você estiver trabalhando em um projeto em que os participantes falam diferentes idiomas, provavelmente você somente receberá os registros de participantes cujos idiomas você fale. Caso não seja possível se comunicar de forma eficaz com o participante, selecione o resultado de chamada "Barreira de idioma" ou "Rechamada de idioma" (o supervisor informará qual usar). Alguns resultados de chamada, como "Abandonado", somente deverão ser usados depois que a entrevista for iniciada. É importante escolher a opção mais apropriada da lista, pois essas informações serão usadas para planejar projetos futuros. Se você selecionar o resultado de chamada errado acidentalmente, informe o supervisor imediatamente para que isso possa ser corrigido. Visualizando e inserindo comentários Ao chamar um participante, é possível obter informações úteis para outros entrevistadores que chamam essa pessoa. Por exemplo, se o participante tiver dificuldade de escutar, você poderá registrar essa informação para que a próxima pessoa que chamar o participante saiba que deverá falar devagar e com clareza. Outro momento em que os comentários são úteis é ao organizar um compromisso. É possível registrar o motivo pelo qual você organizou o compromisso e quaisquer instruções especiais que o participante possa ter fornecido. Isso é útil principalmente em chamadas de negócios para negócios, nas quais você poderá organizar o compromisso com a secretária do participante. Todos os comentários são armazenados no registro de amostra e são exibidos na caixa Comentários na parte superior da tela de entrevistas. Uma nota próxima à caixa informa quantos comentários existem. É possível visualizar os comentários rolando pelo texto, mas é mais fácil clicar no botão de edição próximo à caixa Comentários para exibi-los em uma nova caixa de diálogo. 152 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

157 Cada comentário é exibido em três linhas. A primeira linha mostra a data e hora (local para o servidor de entrevistas) em que o comentário foi inserido, o fuso horário do servidor e o nome do entrevistador que gravou o comentário. A data e a hora são mostradas no formato "longo" que fornece os nomes de mês e dia, o que torna as informações fáceis de entender, independentemente do formato de data e hora com o qual você está acostumado. A segunda linha mostra o próprio comentário. Se o comentário for longo, esta linha será dividida em várias linhas físicas na caixa de diálogo. A terceira linha mostra o resultado da chamada e, se o entrevistador tiver organizado um compromisso, a data e hora do compromisso no formato aaaa MM dd hh:mm. Se houver mais de um comentário para uma única chamada, somente o último terá um resultado de chamada. Não é possível alterar ou excluir esses comentários, mas é possível anexar novos comentários a eles. A caixa Comentários na tela principal pode exibir até 2000 caracteres. Se o total de todos os comentários exceder esse tamanho, os comentários mais antigos serão excluídos e as palavras "***Comentários mais antigos removidos***" serão inseridas em seus lugares. Portanto, uma boa ideia é manter o comentário o mais resumido possível, talvez abreviando ou omitindo as palavras mais comuns usadas. A caixa Comentários normalmente exibe comentários em ordem cronológica, mas o administrador poderá alterar essa ordem, caso a empresa prefira que os comentários mais recente apareçam no início da lista. Visualizando e incluindo comentários 1. Na guia Detalhes do contato da tela principal, clique em Editar próximo ao campo Comentários. Como alternativa, é possível clicar na guia Comentários da tela principal. A caixa de diálogo Comentários é exibida, mostrando quaisquer comentários existentes. 2. Para incluir novos comentários, digite-os na caixa em branco na parte inferior da caixa de diálogo. O texto é agrupado automaticamente na caixa. Pressione Enter se desejar forçar uma nova linha no texto do comentário. 3. Clique em OK para fechar a caixa de diálogo. Se você tiver inserido um novo comentário ele será incluído na lista de comentários. Organizando compromissos O diálogo Criar compromisso é exibido quando você escolhe um resultado de chamada que permite que um compromisso seja organizado. 1. Em Horário local do respondente, selecione o fuso horário no qual o participante está localizado. Geralmente o fuso horário do participante é definido no registro do participante, portanto, não será necessário alterar esse campo. 2. Use o calendário para selecionar a data do compromisso. Clique na data em que deseja retornar a chamada (a data de hoje é pré-selecionada). Se necessário, use as teclas de seta na barra de mês para mover para um mês diferente. 3. Na lista suspensa Horário, selecione o horário em que o participante solicita ser chamado. Portanto, o horário que você selecionar será o horário no fuso horário do participante. Se o participante disser algo como "Ligue novamente daqui duas horas", será possível calcular o horário do compromisso, acrescentando duas horas ao horário mostrado em "Horário local do respondente", que é exibido logo abaixo do Horário local do respondente. Se o participante disser algo como "Qualquer momento após às 15h", uma boa ideia será configurar o horário para cerca de 15h15 para assegurar-se de que o número não seja selecionado antes das 15h. (Os números com compromissos podem tornar-se elegíveis para serem chamados um pouco antes do horário do compromisso, para atender aos participantes que pedem para ser chamados novamente "em torno das 15h".) O supervisor informará quais são os requisitos para o projeto no qual você está trabalhando. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 153

158 4. Se houver outras informações que poderão ser úteis para a próxima pessoa que chamar esse número, insira-as no campo Comentários e elas serão anexadas à lista de comentários na caixa Comentários principal. 5. Clique em Enviar. Recuperando um participante específico Dependendo das opções que o supervisor tiver configurado, talvez seja possível recuperar um participante específico. Essa variável pode ser usada para recuperar o último contato ou procurar outro contato. Recuperando um participante específico 1. Na tela principal Participantes por telefone, clique no botão Contato específico, conforme é mostrado abaixo: Figura 53. Botão Contato específico A caixa de diálogo Contato específico é aberta. 2. Para recuperar o último contato, selecione Obter último contato e clique em OK. A caixa de diálogo será fechada e o último contato será exibido na parte superior da tela principal. 3. Para procurar um contato, selecione Obter contato específico. 4. Na lista suspensa, selecione o campo que deseja procurar. 5. Na caixa de edição, digite o valor que deseja procurar. 6. Clique em OK para iniciar a procura. Caso seja localizado um participante que corresponda aos critérios de procura, a caixa de diálogo será fechada e os detalhes do participante serão exibidos na parte superior da tela principal. O supervisor informará o que acontecerá se mais de um participante correspondente for localizado, geralmente, somente o primeiro participante localizado será exibido. Se nenhum participante correspondente for localizado, aparecerá uma mensagem na caixa de diálogo. Em seguida, será possível escolher modificar os critérios de procura e clicar em OK para procurar novamente ou clicar em Cancelar para fechar a caixa de diálogo. 7. Se o participante localizado não for o desejado, clique no botão Cancelar contato: Figura 54. Botão Cancelar contato Em seguida, clique no botão Contato específico novamente. 8. Após localizar o participante que você está procurando, clique no botão Iniciar discagem ou discar contato: Figura 55. Botão Iniciar discagem ou discar contato 154 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

159 9. Se esse botão não existir, disque o número do telefone manualmente. Realizando entrevistas O programa de entrevistas exibe as questões que o participante atual deve responder. Dependendo da complexidade do questionário e das respostas que o participante fornece, as questões que aparecem poderão não ser as mesmas para cada pessoa chamada. Às vezes, as respostas que aparecem para uma questão variam de acordo com as respostas do participante às perguntas anteriores. Geralmente, o supervisor passará pelo questionário com você antes de iniciar a entrevista, para que você saiba que tipos de respostas são válidos para cada questão. Usando o teclado ou o mouse Dependendo das configurações para a atividade Participantes por telefone, será possível realizar entrevistas usando somente o teclado ou poderá ser necessário usar o teclado e o mouse. O supervisor informará qual desses métodos deverá ser usado. Para entrevistas que requerem somente o teclado, as teclas a seguir possuem usos especiais: Tecla Page Down Page Up Tab Ctrl+Tab Enter Shift+Enter Seta para cima Espaço e Traço\hífen Ctrl+Alt+N Ctrl+Alt+H Ctrl+Alt+O Uso Exibir a próxima questão. Exiba a questão anterior. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a próxima questão. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a questão anterior. Para questões de texto, exibir a próxima questão. Inserir novas linhas em um resposta de questão de texto. Usar somente para questões que não sejam de texto. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a questão anterior na tela (o mesmo que Ctrl+Tab). Se somente uma questão for exibida na tela, exibir a questão anterior (o mesmo que Page Up). Pode ser usado entre várias respostas para questões categóricas de respostas múltiplas. Alternar para a guia Detalhes de contato. Alternar para a guia Detalhes de dados do caso. Alternar para a guia Detalhes de comentários. Para entrevistas que usam o mouse, clique no botão Avançar para exibir a próxima questão e clique no botão Anterior para exibir a questão anterior. Para entrevistas que requerem somente o teclado, os métodos para responder diferentes tipos de questões são explicados nos tópicos a seguir. Consulte "Nesta seção" abaixo. Pressionamentos de tecla de código-chave válidos Os seguintes pressionamentos de tecla de podem ser usados como suporte de códigos-chave criados no IBM SPSS Data Collection Author e no IBM SPSS Data Collection Professional. Código-chave Descrição Exemplo A-Z, 0-9 Códigos-chave comuns A, 5 Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 155

160 Código-chave Descrição Exemplo CTRL+ [0-9] Código-chaves baseados em CTRL. CTRL + CTRL+1, CTRL+4, CTRL+9 qualquer código-chave entre "0" e "9". Notas: Evite usar códigos-chave que começam com os mesmos caracteres. Você não deve definir códigos-chave ambíguos, principalmente quando um código-chave fizer parte de outro código-chave. Por exemplo: Q1 "What activities do you like?" {Basketball keycode(1), Football keycode(11)}; Para esta questão, a intenção do entrevistador não pode ser determinada quando a tecla 1 é pressionada. A mudança dos códigos-chave para o seguinte resultaria em melhores resultados: Q1 "What activities do you like?" {Basketball keycode(01), Football keycode(11)}; Para esta questão, a intenção do entrevistador pode ser determinada, pois embora ambos os códigos-chave contenham 1, o entrevistador deve pressionar um primeiro caractere exclusivo. As teclas Ctrl e Alt podem ser designadas como códigos-chave, mas as designações de Ctrl e Alt da interface com o usuário suplantarão as designações do código-chave. Procedimento geral para realizar entrevistas Ao clicar em Iniciar entrevista, o programa de entrevistas exibe a primeira questão na parte principal da tela. Para cada questão, leia as palavras exatas da questão para o participante (excluindo quaisquer instruções para o entrevistador) e selecione ou insira a resposta do participante. A maioria das páginas de entrevista contém somente uma questão. Se uma página contiver mais de uma questão, você deverá digitar respostas para todas as questões antes de avançar para a próxima questão. O programa de entrevista exibirá mensagens de erro, geralmente em vermelho, se você inserir uma resposta inválida e aguardará para que você insira outra resposta. Dependendo das respostas que o participante fornecer, será possível observar que questões diferentes serão exibidas para participantes diferentes. O programa de entrevistas controla quais questões cada um deve responder e sempre apresenta as questões corretas na ordem correta. No final da entrevista, a fase de revisão poderá ser iniciada automaticamente. Caso não seja, clique no botão Revisar entrevista concluída, caso exista. Caso contrário, se o próximo número não for selecionado automaticamente, clique em Iniciar discagem ou em Próximo contato se desejar fazer outra chamada, ou em Sair para fechar a atividade Participantes por telefone. Questões de múltipla escolha: Quando a questão é seguida por uma lista de respostas, você deve escolher a resposta na lista. Algumas questões requerem que somente uma resposta seja selecionada na lista, enquanto outras questões permitem que mais de uma resposta seja selecionada. A maneira de fazer a seleção depende se a entrevista pode ser realizada usando somente o teclado ou se o mouse também deve ser usado. v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Todas as respostas na lista são numeradas. Se somente uma resposta puder ser selecionada na lista, os números estarão entre parênteses, por exemplo, (3). Se mais de uma resposta puder ser selecionada, os números estarão entre colchetes, por exemplo, [3]. Para selecionar uma resposta, pressione a tecla de número apropriada. Para selecionar várias respostas, pressione as teclas de número apropriadas em qualquer ordem. A resposta ou as respostas selecionadas serão destacadas na questão. 156 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

161 v Para entrevistas que usam o mouse. Se somente uma resposta puder ser selecionada na lista, um botão de opções será exibido próximo a cada resposta. Se mais de uma resposta puder ser selecionada, uma caixa de seleção será exibida próxima a cada resposta. Para selecionar uma resposta, clique no botão de opções ou na caixa de seleção apropriada. Para cancelar uma opção de resposta única, selecione uma resposta diferente. Para cancelar uma resposta de múltipla escolha, selecione a mesma resposta novamente. Ao responder questões de múltipla escolha, fique ciente do seguinte: v Algumas questões de múltipla escolha que permitem várias respostas podem incluir respostas mostradas em texto em negrito. Estas respostas não podem ser combinadas com qualquer outra resposta na lista. v Se a lista contiver uma resposta chamada "Outros" seguida por uma caixa de texto, primeiro selecione a resposta e, em seguida, digite as palavras na caixa de texto. Para entrevistas que requerem somente o teclado, o cursor será movido automaticamente para a caixa de texto quando você selecionar a resposta. v Se a lista de respostas for mostrada como uma grade de resposta única ou de respostas múltiplas, você deverá selecionar uma resposta para cada questão na grade. Geralmente, as questões são as linhas da grade e as respostas são as colunas, mas nem sempre é assim. Questões numéricas, de texto, de data/hora e de sim/não: Além de questões de múltipla escolha, também poderá haver questões que exijam respostas numéricas, de texto, de data/hora ou booleanas ("sim" ou "não"). Questões numéricas As questões que possuem respostas numéricas podem ser configuradas para aceitar somente números inteiros ou números reais (decimais). Se a questão exigir uma resposta real, você sempre deverá inserir um ponto decimal e pelo menos uma casa decimal, mesmo se a resposta for um número inteiro. As questões que possuem respostas numéricas podem especificar um intervalo de respostas válidas e rejeitarão as respostas fora desse intervalo. Questões de texto As questões com respostas de texto exibem uma caixa de cerca de seis linhas na qual você deve tentar digitar as palavras exatas do participante. Não há necessidade de pressionar Retornar ou Enter no final de cada linha. Se você cometer erros, será possível pressionar backspace sobre eles e digitar novamente para fazer as correções. O supervisor poderá solicitar que você anote as respostas de texto longo, em vez de digitá-las conforme o participante fala. Caso isso seja necessário, você deverá anotar o número do ID do participante (a caixa ID na parte superior da tela) e o nome completo da questão, conforme aparece na tela, e também a resposta do participante. Se você se esquecer de fazer isso, poderá não ser possível designar o texto de resposta para o participante correto posteriormente. Questões de data, hora e de data/hora As questões data podem aceitar uma resposta em vários formatos diferentes, por exemplo, mm/dd/aa ou dd/mm/aa ou dd-mmm-aaaa. Para assegurar-se de que a resposta inserida seja inequívoca, use o formato dd-mmm-aaaa, por exemplo, 01-Jan As questões de tempo normalmente exigirão uma resposta em um formato hh:mm ou hh:mm:ss. Às vezes, uma questão pode requerer uma resposta de data/hora, como 01-Jan :30:00. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 157

162 Como as questões numéricas, as questões de data/hora podem requerer uma resposta em um certo intervalo. Questões booleanas As questões booleanas requererem que os participantes respondam, dizendo "sim" ou "não", ou "verdadeiro" ou "falso". Para algumas questões booleanas, é necessário selecionar uma entre duas opções, por exemplo, "Sim, deseja assinar" e "Não, não deseja assinar". Por outras questões booleanas, poderá haver somente uma única opção que você deverá selecionar se o participante disser "sim" ou "verdadeiro". Para selecionar uma resposta para uma questão booleana, use um dos seguintes métodos: v v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Se duas respostas forem mostradas, pressione a tecla de número (1 ou 2) que corresponda à resposta apropriada. Se somente uma resposta for mostrada, pressione 1 somente se o participante responder "sim" ou "verdadeiro". Para entrevistas que usam o mouse. Se a resposta consistir em dois botões de opções, clique no botão de opções apropriado. Se a resposta consistir em uma única caixa de seleção, somente clique na caixa de seleção se o participante responder "sim" ou "verdadeiro". Respostas especiais Às vezes, uma questão numérica, de texto, de data/hora ou booleana pode incluir uma ou mais respostas especiais que poderão ser selecionadas quando o participante não puder ou não desejar responder à questão. Por exemplo, é possível selecionar uma resposta especial que diga "Não sei" ou "Recusa responder". Para selecionar uma resposta especial, use um dos seguintes métodos: v v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Pressione o atalho de teclado mostrado ao lado das respostas especiais, ou seja, Ctrl+1 para a primeira resposta especial na lista, Ctrl+2 para a segunda, e assim por diante. Para entrevistas que usam o mouse. Clique na caixa de seleção apropriada. Para cancelar uma resposta especial, selecione a mesma resposta especial novamente. A resposta geralmente será rejeitada se você selecionar uma resposta especial além de inserir uma resposta ou se você selecionar mais de uma resposta especial. Reproduzindo um som para o participante: Se o projeto no qual você está trabalhando usar um discador automático, algumas questões poderão solicitar que você reproduza um som pré-gravado para o participante. Por exemplo, a questão poderá solicitar a opinião do participante sobre um jingle de publicidade. Normalmente, o texto da questão indicará que você deve reproduzir um som após perguntar a questão. Às vezes, poderá haver um som separado para cada resposta em uma questão de múltipla escolha e você precisará reproduzir esses sons, um após o outro. Se for necessário reproduzir um som, os seguintes botões aparecerão próximos ao texto da questão ou, para algumas questões de múltipla escolha, aos textos de resposta: Botão Descrição Reproduzir o som Figura 56. Botão para reproduzir o som Para de reproduzir o som Figura 57. Botão para parar de reproduzir o som 158 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

163 Para reproduzir o som novamente, clique no botão Reproduzir novamente. Para entrevistas que requerem somente o teclado A tabela a seguir descreve os atalhos de teclado que podem ser usados: Item que possui um som Uma questão Uma resposta a uma questão de múltipla escolha Uma resposta especial para uma questão numérica, de texto, de data/hora ou sim/não Uma questão que não precisa de uma resposta, mas simplesmente contém outras questões Atalho de teclado para reproduzir ou parar de reproduzir o som Ctrl+Shift+P Shift+n, em que néonúmero da resposta mostrado na tela. Por exemplo, Shift+4 para o número da resposta 4. Se o número da resposta for 10 ou mais, mantenha a tecla Shift pressionada enquanto digita o número. Ctrl+Shift+n, em que n indica a resposta especial de número n mostrada na tela. Por exemplo, Ctrl+Shift+2 para a 2ª resposta especial. Não é possível usar o teclado para reproduzir um som para esse tipo de questão, você deve usar o mouse. Nota: Para alguns navegadores, se o atalho de teclado for pressionado sozinho, a ação será executada. Para outros navegadores, poderá ser necessário pressionar Enter após pressionar o atalho de teclado. Se mais de uma questão for exibida na tela, assegure-se de mover o cursor para a questão com os botões Reproduzir e Parar antes de pressionar os atalhos de teclado. Gravando a resposta do participante: Se o projeto no qual você está trabalhando usar um discador automático, algumas questões poderão requerer que você registre a resposta do participante em um arquivo de áudio. Poderá ser necessário fazer isso além de digitar a resposta ou escolher uma resposta em uma lista. O texto da questão normalmente indicará que você deverá registrar a resposta do participante após perguntar a questão. Além disso, os seguintes botões aparecerão próximos ao texto da questão: Botão Descrição Registrar o participante Figura 58. Botão para registrar o participante Parar a gravação do participante Figura 59. Botão para parar a gravação do participante É possível clicar no botão Registrar quantas vezes forem necessárias. Somente a última gravação será salva em um arquivo de áudio. Se você não parar a gravação, ela será parada automaticamente quando próxima questão for exibida. Para entrevistas que requerem somente o teclado É possível iniciar ou parar a gravação usando Ctrl+Shift+R. Observe que em alguns navegadores, o pressionamento desse atalho de teclado sozinho executará a ação. Para outros navegadores, poderá ser necessário pressionar Enter após pressionar o atalho de teclado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 159

164 Se mais de uma questão estiver exibida na tela, assegure-se de mover o cursor para a questão com o botões Registrar e Parar, antes de pressionar o atalho de teclado. Alterando a resposta para uma questão anterior: Se o participante mudar de opinião sobre a resposta para uma questãoanterior, primeiro exiba a questão usando um dos seguintes métodos: v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Pressione a tecla PAGE UP até que a questão seja exibida. v Para entrevistas que usam o mouse. Clique no botão Anterior até que a questão seja exibida. Em seguida, altere a resposta conforme apropriado. Se a questão exigir que você registre a resposta do participante, o novo registro sobrescreverá o anterior que foi feito para essa questão. Alterar uma resposta pode significar que algumas das questões já respondidas se tornarão inválida ou que haverá algumas questões adicionais além das que havia anteriormente. Se uma questão já tiver uma resposta, o programa de entrevistas a exibirá e, se ela ainda estiver correta, será possível acessar diretamente a próxima questão. Finalizando entrevistas realizadas parcialmente: Se o participante iniciar uma entrevista, mas não desejar concluí-la, você deverá tentar finalizá-la, selecionando um resultado de chamada apropriado na lista. Por exemplo, se o participante se recusar a continuar a entrevista, você deverá selecionar o resultado de chamada "Abandonado". Isso finalizará a entrevista imediatamente e será possível solicitar o próximo participante. Também é possível finalizar a entrevista usando um dos seguintes métodos: v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Pressione a tecla ESC. v Para entrevistas que usam o mouse. Clique no botão Parar, caso seja exibido. O supervisor geralmente informará se um desses métodos pode ser usado. Revisando entrevistas O projeto no qual você está trabalhando pode exigir que você revise as respostas do participante depois que a entrevista for concluída. A fase de revisão pode ser iniciada automaticamente no final da entrevista ou pode ser necessário clicar em um botão para iniciar a revisão. Dependendo das opções configuradas pelo supervisor, talvez seja possível revisar todas as respostas ou somente as respostas para as questões de texto. Durante a realização da revisão, é possível corrigir quaisquer respostas que não tenham sido inseridas corretamente durante a entrevista, por exemplo, se uma resposta de texto contiver um erro de ortografia. Além disso, se o supervisor solicitar que você anote as respostas de texto do participante em vez de digitá-las, será possível usar fase de revisão para digitá-las. Ao revisar uma entrevista, você poderá descobrir que se você alterar a resposta para uma questão, geralmente uma questão de múltipla escolha, aparecerão questões adicionais que não apareceram durante a realização da entrevista. O supervisor informará o que fazer caso isso ocorra. Você poderá ser orientado a deixar estas questões sem resposta ou o supervisor poderá informar quais respostas inserir. Iniciando uma revisão Se a revisão não for iniciada automaticamente quando você terminar uma entrevista ou escolher um resultado de chamada, clique no botão Revisar entrevista atual no centro da tela principal Participantes por telefone. Observe que somente é possível revisar a entrevista que acabou de ser concluída. Não é possível revisar quaisquer outras entrevistas. 160 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

165 A tela Revisão Quando a revisão é iniciada, a atividade Participantes por telefone mostra as seguintes informações: v A parte superior da tela principal exibe os mesmos detalhes do Participante que eram exibidos durante a realização da entrevista. Se algum dos campos for mostrado como editável, será possível atualizá-lo enquanto estiver realizando a revisão. v A esquerda da tela principal exibe uma lista das questões que foram feitas durante a entrevista. É possível clicar em qualquer nome de questão para saltar diretamente para essa questão. v O centro da tela principal exibe a questão atual. Se você tiver inserido uma resposta para essa questão durante a entrevista, a resposta será mostrada. Realizando a revisão É possível navegar pelas questões e corrigir qualquer resposta usando os mesmos métodos usados para realizar entrevistas. Ou seja, talvez seja possível usar somente o teclado ou talvez seja necessário usar o mouse também. Para obter mais informações, consulte "Usando o teclado ou o Mouse" em Realizando entrevistas na página 155. Também é possível saltar diretamente para qualquer questão clicando no nome da questão na lista à esquerda. Se a mudança da resposta a uma questão fizer com que apareçam questões adicionais que não apareceram quando a entrevista foi realizada (ou fizer com que questões existentes desapareçam), uma mensagem de aviso será exibida. Ao clicar em OK, a lista de questões à esquerda da tela principal será atualizada para incluir questões adicionais e remover questões existentes que não sejam mais relevantes. Se uma questão permitiu que você registrasse a resposta do participante (ou se a resposta foi registrada automaticamente), os seguintes botões aparecerão para permitir que você ouça a gravação: Botão Descrição Reproduzir a resposta do participante Figura 60. Botão para reproduzir a resposta do participante Pare de reproduzir a resposta do participante Figura 61. Botão para parar de reproduzir a resposta do participante Como alternativa, pressione Ctrl+Shift+P para reproduzir ou parar de reproduzir a resposta do participante. Finalizando a revisão A revisão termina normalmente ao atingir (ou saltar para) a última questão e pressionar ENTER ou clicar em Avançar. Também é possível encerrar uma revisão pressionando a tecla ESC ou clicando no botão Parar, caso exista. Como alternativa, o supervisor pode solicitar que você rejeite entrevistas que não atendam a determinados padrões. Para rejeitar uma entrevista e finalizar a revisão, clique no botão Rejeitar entrevista, conforme é mostrado abaixo: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 161

166 Figura 62. Botão Rejeitar entrevista No final da revisão, se o próximo número não for selecionado automaticamente, clique em Iniciar discagem, em Próximo contato se desejar fazer outra chamada ou em Sair para fechar a atividade Participantes por telefone. Fechando Participantes por telefone 1. Na tela principal, clique no botão Sair, conforme é mostrado abaixo: Figura 63. Botão Sair Traduzindo códigos de resultados de chamada As instruções a seguir explicam o processo de fornecimento de códigos de resultados da chamada traduzidos na interface Participantes por telefone. Nota: Estas instruções assumem que você tenha acesso ao aplicativo IBM SPSS Translation Utility. 1. Efetue login no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e selecione um projeto apropriado na lista de projetos. 2. Clique em Arquivos e faça download do arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd apropriado (o arquivo deve estar registrado em um local compartilhado). 3. Abra o arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd noibm SPSS Translation Utility e exiba o contexto de Análise. 4. No menu do IBM SPSS Translation Utility, selecione Ferramentas > Incluir/remover idiomas. 5. Inclua o texto traduzido na coluna do idioma apropriado. 6. Salve o arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd. 7. Retornando à atividade Arquivos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, faça upload do arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd que você acabou de salvar. Assegure-se de selecionar Não, quando solicitado, para renomear o arquivo e selecione a opção Efetuar check-in. 8. Efetue login como um entrevistador que possua acesso ao projeto atualizado e assegure-se de que as Opções > Preferências do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration estejam configuradas para o idioma recém-incluído. 9. Teste dentro da atividade Participantes por telefone. As traduções de resultado de chamada recém-incluídas deverão ser exibidas conforme o esperado. Configurando idiomas alternativos As etapas a seguir detalham o processo de configuração de idiomas alternativos para o arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd. 1. Efetue login no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e selecione um projeto apropriado na lista de projetos. 2. Clique em Arquivos e faça download do arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd apropriado (o arquivo deve ser salvo em um local compartilhado). 3. Abra o arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd no utilitário Label Manager do IBM SPSS Data Collection. 162 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

167 4. Clique no botão Incluir para incluir um idioma, selecione o idioma apropriado na lista suspensa, selecione um idioma alternativo na lista de idiomas disponíveis e, em seguida, clique em Incluir. Clique em OK para fechar a caixa de diálogo Incluir idioma. 5. Use a opção Arquivos > Salvar ou Arquivos > Salvar Como para salvar o arquivo.mdd atualizado. 6. Na atividade Arquivos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, faça upload do arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd recém-salvo. Selecione Não, quando solicitado, para renomear o arquivo e selecione a opção Efetuar check-in. 7. Efetue login no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration como um entrevistador que possua acesso ao projeto atualizado e assegure-se de que as Opções > Preferências do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration estejam configuradas para o idioma recém-incluído. Notas v Se o arquivo caticalloutcomes_<project Name>.mdd for atualizado durante a coleta de dados de Telefone ativa, os entrevistadores precisarão sair da atividade de Participantes do telefone e entrar novamente para que os resultados de chamada traduzidos sejam exibidos. v Para atualizar o.mdd padrão para todos os novos projetos, atualize o arquivo caticalloutcomes_default.mdd (localizado em \ [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\ Interviewer Server\FMRoot\Shared\Cati) no servidor de aplicativos primário. Revise Entrevistas Use esta atividade para revisar as entrevistas concluídas em qualquer modo de entrevista (telefone, web e pessoalmente). Se necessário, é possível corrigir as respostas. Iniciando a revisão de entrevistas 1. Selecione o projeto no qual deseja trabalhar e clique em Revisar Entrevistas. Isso exibe a tela principal de Revisão de entrevistas. Quando os discadores automáticos são usados Se a central de atendimento na qual você está trabalhando usar discadores automáticos para chamar participantes, uma caixa de diálogo poderá ser aberta e solicitar que você digite um nome da posição. No campo Posição do supervisor, insira o nome da posição e clique em OK. Se você clicar em Cancelar, a atividade de Revisão de entrevistas ainda será aberta, mas não será possível ouvir gravações de áudio de respostas dos participantes. Supervisores remotos Quando a Posição do supervisor estiver definida como uma posição remota (no arquivo de configuração do discador), outro diálogo será exibido, solicitando o Número de acesso do supervisor. No campo Número de acesso do supervisor, digite o número de telefone para o supervisor remoto e clique em OK. Para obter informações adicionais, consulte Administração de discador na página 232. A tela principal de Revisar Entrevistas A tela principal possui três seções: no centro, na parte superior e à esquerda. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 163

168 O centro da tela principal Após iniciar a atividade Revisar Entrevistas, use as opções exibidas no centro da tela principal para selecionar a entrevista que deseja revisar. Também é possível especificar se deseja revisar todas as questões ou somente as questões de texto. Conforme você navega pela entrevista, as questões aparecerem no centro da tela principal e mostram as respostas que o entrevistador inseriu. Clicar em Avançado... exibe o diálogo Opções de revisão, que permite selecionar o idioma, o contexto, o tipo de rótulo e a versão para a entrevista selecionada. A parte superior da tela principal Quando a revisão é iniciada, o quadro na parte superior da tela mostra vários detalhes sobre o participante que foi entrevistado, como o número do ID, o nome e o número de telefone. Se algum dos campos for mostrado como editável, será possível atualizá-lo enquanto estiver realizando a revisão. Também poderão aparecer comentários associados a esse participante que foram incluídos por entrevistadores que chamaram ou entrevistaram esse participante. Consulte o tópico Visualizando e inserindo comentários na página 152 para obter mais informações. A esquerda da tela principal A esquerda da tela principal exibe uma lista das questões que foram feitas durante a entrevista. É possível clicar em qualquer nome de questão para saltar diretamente para essa questão. Acima da lista de questões há botões para várias tarefas, conforme é descrito abaixo: Botão Figura 64. Botão Rejeitar entrevista Figura 65. Botão Sair Figura 66. Botão Visualizar dados de sincronização rejeitados Descrição Rejeitar a entrevista. Consulte o tópico Terminando uma revisão na página 169 para obter mais informações. Feche Revisar Entrevistas e retorne para a página principal do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Visualizar dados de sincronização rejeitados. Esse botão não estará disponível quando não houver dados de sincronização rejeitados. Consulte o tópico Visualizando dados de sincronização rejeitados na página 165 para obter mais informações. Exibir ajuda para Revisar Entrevistas. Atalho de teclado (consulte a nota abaixo desta tabela) Alt+R Alt+X Alt+S Alt+H Figura 67. Botão Ajuda 164 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

169 Nota: Para alguns navegadores, se o atalho de teclado for pressionado sozinho, a ação será executada. Para outros navegadores, poderá ser necessário pressionar Enter após pressionar o atalho de teclado. Navegando usando o teclado Dependendo do navegador, talvez seja possível alternar entre as três seções da tela principal pressionando Ctrl+Tab ou F6. Selecionando uma entrevista para revisão É possível selecionar entrevistas para revisão com base nos campos de dados do caso ou de amostra. Nota: É possível configurar quais campos são exibidos na lista suspensa Campos da atividade Opções de entrevistas. Opções de Entrevista na página Para revisar somente questões de texto (incluindo as respostas "Outros" em questões de múltipla escolha), selecione Somente open-ends no centro da tela principal. Se você não selecionar essa opção, será possível revisar todas as questões. 2. Na lista suspensa no centro da tela principal, selecione o campo que deseja usar para procurar uma entrevista. 3. Na caixa de edição, digite o valor que deseja procurar. Coloque o valor entre % para procurar entrevistas que incluam comentários (por exemplo, %4964%). Nota: É possível incluir os símbolos de porcentagem (%) manualmente. 4. Clique em Avançar para iniciar a procura. Se for localizada uma entrevista que corresponda aos critérios de procura, as questões feitas nessa entrevista serão listadas à esquerda da tela principal. O contato, os dados do caso e os detalhes do comentário serão exibidos na parte superior da tela principal. Se mais de uma entrevista correspondente for localizada, as entrevistas correspondentes serão exibidas no centro da tela principal. É possível selecionar a entrevista apropriada e, em seguida, clicar em Iniciar para iniciar a revisão. Nota: Se a entrevista localizada não for a desejada, você deverá aceitar a entrevista, conforme descrito em Terminando uma revisão na página 169, pois isso permitirá que a entrevista seja revisada novamente. Se nenhuma entrevista correspondente for localizada, uma mensagem de erro será exibida. Em seguida, será possível modificar os critérios de procura e clicar em Avançar para procurar novamente. Visualizando dados de sincronização rejeitados Quando o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server fizer upload de dados por meio do serviço da web de sincronização, se houver dados em conflito, o serviço da Web rejeitará os dados e os colocará em um caminho definido na propriedade SyncRejectFolder do site do DPM. Os dados do pacote de sincronização rejeitados ficam disponíveis para revisão por meio do botão Visualizar dados de sincronização rejeitados, conforme é mostrado abaixo: Figura 68. Botão Visualizar dados de sincronização rejeitados O botão permite visualizar os dados de sincronização rejeitados e outros dados relacionados, no banco de dados do servidor. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 165

170 Promovendo os dados de sincronização rejeitados Ao visualizar os dados de sincronização rejeitados, é possível selecionar a promoção dos dados rejeitados para o banco de dados do servidor (incluindo os dados do caso e as informações de amostra). Isso é feito por meio do botão Promover, conforme é mostrado abaixo: Figura 69. Botão Promover O botão deve ser clicado duas vezes para promover os dados de sincronização rejeitados. O primeiro clique remove a blindagem de segurança do botão; o segundo clique promove os dados de sincronização rejeitados para o banco de dados do servidor. Nota: A promoção dos dados de sincronização rejeitados substituirá quaisquer dados existentes no banco de dados do servidor, mesmo quando os dados rejeitados não contiverem informações de entrevista concluída. Excluindo os dados de sincronização rejeitados O botão Excluir exibido próximo ao registro de sincronização rejeitado pode ser usado para excluir permanentemente os dados rejeitados, incluindo os arquivos de cache e as informações de amostra transferidos por upload. Figura 70. Botão Excluir Realizando uma revisão Após selecionado uma entrevista, clique em um nome de questão à esquerda da tela principal para iniciar a revisão. Usando o teclado ou o mouse Dependendo das configurações da atividade Revisar Entrevistas, talvez seja possível realizar revisões usando somente o teclado ou talvez seja necessário usar tanto o teclado quanto o mouse. Para revisões que requerem somente o teclado, as chaves a seguir possuem usos especiais: Tecla Page Down Page Up Tab Ctrl+Tab Enter Shift+Enter Seta para cima Uso Exibir a próxima questão. Exiba a questão anterior. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a próxima questão. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a questão anterior. Para questões de texto, exibir a próxima questão. Inserir novas linhas em um resposta de questão de texto. Usar somente para questões que não sejam de texto. Se mais de uma questão for exibida na tela, mover o cursor para a questão anterior na tela (o mesmo que Ctrl+Tab). Se somente uma questão for exibida na tela, exibir a questão anterior (o mesmo que Page Up). 166 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

171 Tecla Espaço e Traço\hífen Ctrl+Alt+N Ctrl+Alt+H Ctrl+Alt+O Uso Pode ser usado entre várias respostas para questões categóricas de respostas múltiplas. Alternar para a guia Detalhes de contato. Alternar para a guia Detalhes de dados do caso. Alternar para a guia Detalhes de comentários. Para entrevistas que usam o mouse, clique no botão Avançar para exibir a próxima questão e clique no botão Anterior para exibir a questão anterior. Procedimento geral para a realização de revisões O programa de entrevista exibirá mensagens de erro, geralmente em vermelho, se você inserir uma resposta inválida e aguardará para que você insira outra resposta. Para algumas questões, geralmente questões de múltipla escolha, uma mudança na resposta pode fazer com apareçam questões adicionais que não apareceram quando a entrevista foi realizada. Além disso, uma mudança na resposta pode fazer com que outras questões existentes desapareçam. Nessa situação, uma mensagem de aviso será exibida informando que o caminho da entrevista que você está tomando agora não é mais o caminho que o entrevistador percorreu. Se a resposta do participante a uma questão tiver sido gravada, os seguintes botões aparecerão para permitir que você ouça a gravação: Botão Descrição Reproduzir a resposta do participante Figura 71. Botão para reproduzir a resposta do participante Pare de reproduzir a resposta do participante Figura 72. Botão para parar de reproduzir a resposta do participante Como alternativa, pressione Ctrl+Shift+P para reproduzir ou parar de reproduzir a resposta do participante. Nota: As respostas calculadas automaticamente não serão atualizadas quando uma revisão for realizada usando a atividade Revisar Entrevistas. Alterando a resposta para uma questão: Este tópico explica como alterar as respostas para diferentes tipos de questões ao realizar uma revisão. Além de questões de múltipla escolha, também poderá haver questões que exijam respostas numéricas, de texto, de data/hora ou booleanas ("sim" ou "não"). Questões de múltipla escolha Quando a questão é seguida por uma lista de respostas, você deve escolher a resposta na lista. Algumas questões requerem que somente uma resposta seja selecionada na lista, enquanto outras questões permitem que mais de uma resposta seja selecionada. A maneira de fazer a seleção depende se a entrevista pode ser realizada usando somente o teclado ou se o mouse também deve ser usado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 167

172 v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Todas as respostas na lista são numeradas. Se somente uma resposta puder ser selecionada na lista, os números estarão entre parênteses, por exemplo, (3). Se mais de uma resposta puder ser selecionada, os números estarão entre colchetes, por exemplo, [3]. Para selecionar uma resposta, pressione a tecla de número apropriada. Para selecionar várias respostas, pressione as teclas de número apropriadas em qualquer ordem. A resposta ou as respostas selecionadas serão destacadas na questão. v Para entrevistas que usam o mouse. Se somente uma resposta puder ser selecionada na lista, um botão de opções será exibido próximo a cada resposta. Se mais de uma resposta puder ser selecionada, uma caixa de seleção será exibida próxima a cada resposta. Para selecionar uma resposta, clique no botão de opções ou na caixa de seleção apropriada. Para cancelar uma opção de resposta única, selecione uma resposta diferente. Para cancelar uma resposta de múltipla escolha, selecione a mesma resposta novamente. Ao responder questões de múltipla escolha, fique ciente do seguinte: v Algumas questões de múltipla escolha que permitem várias respostas podem incluir respostas mostradas em texto em negrito. Estas respostas não podem ser combinadas com qualquer outra resposta na lista. v Se a lista contiver uma resposta chamada "Outros" seguida por uma caixa de texto, primeiro selecione a resposta e, em seguida, digite as palavras na caixa de texto. Para entrevistas que requerem somente o teclado, o cursor será movido automaticamente para a caixa de texto quando você selecionar a resposta. v Se a lista de respostas for mostrada como uma grade de resposta única ou de respostas múltiplas, você deverá selecionar uma resposta para cada questão na grade. Geralmente, as questões são as linhas da grade e as respostas são as colunas, mas nem sempre é assim. Questões numéricas As questões que possuem respostas numéricas podem ser configuradas para aceitar somente números inteiros ou números reais (decimais). Se a questão exigir uma resposta real, você sempre deverá inserir um ponto decimal e pelo menos uma casa decimal, mesmo se a resposta for um número inteiro. As questões que possuem respostas numéricas podem especificar um intervalo de respostas válidas e rejeitarão as respostas fora desse intervalo. Questões de texto As questões com respostas de texto exibem uma caixa de cerca de seis linhas na qual as palavras do participante foram inseridas. Ao corrigir o texto, não há necessidade de pressionar Retornar ou Enter no final de cada linha. Questões de data, hora e de data/hora As questões data podem aceitar uma resposta em vários formatos diferentes, por exemplo, mm/dd/aa ou dd/mm/aa ou dd-mmm-aaaa. Para assegurar-se de que a resposta inserida seja inequívoca, use o formato dd-mmm-aaaa, por exemplo, 01-Jan As questões de tempo normalmente exigirão uma resposta em um formato hh:mm ou hh:mm:ss. Às vezes, uma questão pode requerer uma resposta de data/hora, como 01-Jan :30:00. Como as questões numéricas, as questões de data/hora podem requerer uma resposta em um certo intervalo. 168 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

173 Questões booleanas As questões booleanas requererem que os participantes respondam, dizendo "sim" ou "não", ou "verdadeiro" ou "falso". Para algumas questões booleanas, é necessário selecionar uma entre duas opções, por exemplo, "Sim, deseja assinar" e "Não, não deseja assinar". Por outras questões booleanas, poderá haver somente uma única opção que você deverá selecionar se o participante disser "sim" ou "verdadeiro". Para selecionar uma resposta para uma questão booleana, use um dos seguintes métodos: v v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Se duas respostas forem mostradas, pressione a tecla de número (1 ou 2) que corresponda à resposta apropriada. Se somente uma resposta for mostrada, pressione 1 somente se o participante responder "sim" ou "verdadeiro". Para entrevistas que usam o mouse. Se a resposta consistir em dois botões de opções, clique no botão de opções apropriado. Se a resposta consistir em uma única caixa de seleção, somente clique na caixa de seleção se o participante responder "sim" ou "verdadeiro". Respostas especiais Às vezes, uma questão numérica, de texto, de data/hora ou booleana pode incluir uma ou mais respostas especiais que poderão ser selecionadas quando o participante não puder ou não desejar responder à questão. Por exemplo, é possível selecionar uma resposta especial que diga "Não sei" ou "Recusa responder". Para selecionar uma resposta especial, use um dos seguintes métodos: v v Para entrevistas que requerem somente o teclado. Pressione o atalho de teclado mostrado ao lado das respostas especiais, ou seja, Ctrl+1 para a primeira resposta especial na lista, Ctrl+2 para a segunda, e assim por diante. Para entrevistas que usam o mouse. Clique na caixa de seleção apropriada. Para cancelar uma resposta especial, selecione a mesma resposta especial novamente. A resposta geralmente será rejeitada se você selecionar uma resposta especial além de inserir uma resposta ou se você selecionar mais de uma resposta especial. Terminando uma revisão: entrevista. Há duas maneiras de terminar uma entrevista, aceitando ou rejeitando a Aceitando a entrevista Essa é a maneira usual para terminar uma revisão. O status da entrevista será definido como concluído e analisado. Além disso, o resultado de chamada no registro de amostra do participante será alterado para Revisado, mas o registro de amostra permanecerá na fila COMPLETED. 1. À esquerda da tela principal, clique no nome da última questão para que a última questão seja exibida. 2. Clique em Avançar ou pressione ENTER. Isso aceita a entrevista e termina a revisão. Use as opções exibidas no centro da tela principal para selecionar outra entrevista para revisão ou clique em Sair para fechar a atividade Revisar Entrevistas. Nota: Também é possível aceitar uma entrevista e terminar a revisão clicando no botão Parar, caso seja exibido, ou pressionando a tecla ESC. Rejeitando a entrevista Será possível rejeitar a entrevista se ela não atender aos padrões da organização. Ao rejeitar a entrevista, o status da entrevista será definido como revisada, mas não concluída. Além disso, o resultado de chamada no registro de amostra do participante será alterado para RejectedByReviewer e o registro de amostra será movido para a fila UNUSABLE. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 169

174 1. Clique no botão Rejeitar entrevista, conforme é mostrado abaixo: Figura 73. Botão Rejeitar entrevista Isso rejeita a entrevista e termina a revisão. Use as opções exibidas no centro da tela principal para selecionar outra entrevista para revisão ou clique em Sair para fechar a atividade Revisar Entrevistas. Nota: Se alterar resposta para a questão exibida atualmente antes de clicar no botão Rejeitar entrevista, a nova resposta não será salva. Fechando Revisar Entrevistas 1. Na tela principal, clique no botão Sair, conforme é mostrado abaixo: Figura 74. Botão Sair Cotas Use a atividade Cotas para verificar e revisar respostas ou alterar a maneira em que as cotas se comportam no contexto de entrevista pela web, entrevista pelo telefone assistida por computador (CATI) ou entrevista pessoal assistida por computador (CAPI). Iniciando Cotas 1. Selecione o projeto em cujas cotas deseja trabalhar e clique em Cotas. A página exibe um botão de seleção para cada cota no questionário (ou seja, para cada matriz de cota definida no arquivo.mqd do projeto) e uma lista suspensa de seleção na qual você escolhe o tipo de mudança que deseja fazer, caso haja alguma. Designar percentual. Configura o valor de porcentagem de alocação de cota para cada entrevistador pessoal. Clique no botão designar próximo ao campo porcentagem para aplicar o valor definido. Fazer upload do arquivo de alocação de cota. Clique no ícone de upload para fazer upload de um arquivo de alocação de cota (no formato.csv) para o servidor para ser usado em entrevista pessoal. Consulte Opções de upload na página 171 para obter mais informações sobre as opções de upload. Fazer download do arquivo de alocação de cota. Clique no ícone de download para fazer o download de um arquivo de alocação de cota (no formato.csv) a partir do servidor. Consulte Opções de download na página 171 para obter mais informações sobre as opções de download. Reconfiguração concluída. Clique no botão Reconfigurar para reconfigurar todas as cotas concluídas para 0. Todos. Clique no botão Todos para visualizar todos os detalhes de cota em uma única página. Query de matriz cruzada. Clique em matriz cruzada para consultar e editar em massa todas as cotas. Consulte o tópico Query de matriz cruzada na página 172 para obter mais informações. 170 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

175 Opções de upload: O diálogo Opções de upload fornece opções para fazer o upload de arquivos de alocação de cota (no formato.csv) para o servidor para serem usados em entrevistas pessoais. O arquivo.csv deve conter três colunas na primeira linha, seguidas por uma linha para cada nome de cota e entrevistador que defina a resposta para cada par QuotaName/Entrevistador. Por padrão, uma vírgula é selecionada como o delimitador de coluna. Por exemplo: QuotaName,Interviewer,DistributedTarget Side.(0.OwnCar).(0.Yes),UserA,15 Side.(0.OwnCar).(1.No),UserA,15 O nome da cota pode ser adquirido a partir de um arquivo transferido por download. Selecione um arquivo para upload: Clique em Navegar e navegue para o arquivo.csv de alocação de cotas no sistema de arquivos. Após localizar o arquivo apropriado, selecione o arquivo e clique em Abrir. Delimitador de campo: Identifica o caractere que é usado como o delimitador de coluna. Por padrão, uma vírgula é selecionada como o delimitador de coluna. 1. Clique em Atualizar após selecionar o arquivo.csv de alocação de cota e o delimitador de campo apropriado. A cota selecionada será transferida por upload para o servidor. Opções de download: O diálogo Opções de download fornece opções para o fazer o download de arquivos de alocação de cota (no formato.csv) a partir do servidor para serem usados em entrevistas pessoais. Caso você não tenha transferido por upload arquivos de alocação de cota para o servidor anteriormente, um arquivo de modelo com todos os nomes de cota será transferido por download. O.csv arquivo conterá cinco colunas na primeira linha. Por padrão, uma vírgula é selecionada como o delimitador de coluna. Por exemplo: QuotaName,Interviewer,Target,DistributedTarget,Complete Side.(0.OwnCar).(0.Yes),UserA,100,15,0 Side.(0.OwnCar).(1.No),UserA,100,15,1 v QuotaName o nome da cota. v Interviewer - o ID do respondente. v Target - o valor da resposta da cota. v DistributedTarget - os valores são derivados da tabela QUOTA_PersonalDistributed e representam os números de respostas da cota (não as porcentagens de respostas) que foram distribuídas para os entrevistadores pessoais. v Complete os valores são derivados da tabela QUOTA_PersonalCompleted e representam as cotas que foram concluídas por entrevistadores pessoais. Delimitador de campo: Identifica o caractere que é usado como o delimitador de coluna. Por padrão, uma vírgula é selecionada como o delimitador de coluna. 1. Clique em Fazer download após inserir o delimitador de campo do arquivo.csv de alocação de cota apropriado. O arquivo de alocação de cota ou arquivo de modelo, é transferido por download a partir do servidor. Consulte Opções de upload para obter informações sobre a estrutura do arquivo de alocação de cota. Guia Filtros: A guia Campos fornece opções para construir critérios de seleção selecionando valores nas listas suspensas. A guia exibe todas as cotas, por padrão. É possível selecionar exibir somente uma seleção de cotas, o que permite visualizar com mais facilidade as cotas desejadas. Por exemplo, seria possível selecionar uma cota única com um Quota_ID específico ou selecionar todas as cotas para as quais exista uma matriz ou uma resposta. Guia Campos: A guia Campos permite selecionar quais campos são exibidos na tela principal e selecionar a ordem na qual os campos são exibidos. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 171

176 Selecionando quais campos devem ser exibidos na tela principal É possível selecionar quais campos aparecem na tela principal por meio da Configuração da tabela: v Para incluir um campo aos que já são exibidos, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos disponíveis e, em seguida, clique em Incluir. v Para remover um campo dos que já são exibidos, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Remover. 1. Clique em Aplicar após concluir as mudanças. Dica: É possível selecionar vários campos pressionando Ctrl ou Shift. Selecionando a ordem na qual os campos devem ser exibidos na tela principal É possível selecionar a ordem na qual os campos são exibidos na tela principal em Instalação de tabela: v Para mover um campo para a esquerda da página, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para cima. v Para mover um campo para a direita da página, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para baixo. 1. Clique em Aplicar após concluir as mudanças. Guia Avançado: A guia Avançado fornece opções que permitem definir os critérios de seleção, inserindo uma expressão, semelhante à expressão WHERE, em uma instrução SQL SELECT. Ao selecionar esta opção, também é possível atualizar as cotas selecionadas digitando outra expressão, semelhante à expressão SET, em uma instrução SQL UPDATE. Query de matriz cruzada: Depois de clicar no botão Matriz cruzada, as cotas serão exibidas no centro da tela principal. É possível alterar a entrada de Registros por página para configurar o número de registros que são exibidos em cada página (de 1 a 1000 registros). Também é possível clicar no cabeçalho da coluna na tabela de query de cota para ordenar as cotas. Botão Descrição Expandir ou reduzir o painel de configurações de query. Figura 75. Botão Expandir e reduzir Editar cotas em massa. Figura 76. Botão Editar cotas em massa Guia Filtro Essa guia fornece opções para construir os critérios de seleção, escolhendo os valores nas listas suspensas. Por padrão, a guia Filtro exibe todas as cotas. É possível escolher exibir somente uma seleção de cotas, permitindo localizar mais facilmente as cotas desejadas. Também é possível especificar quais cotas serão exibidas, definindo critérios de seleção específicos. Por exemplo, os critérios podem ser selecionar uma cota única com um Quota_ID específico ou selecionar todas as cotas para as quais exista uma matriz ou uma resposta. 172 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

177 Guia Campos Essa guia fornece opções para definir como os campos são exibidos. 1. Em Configuração da tabela, é possível escolher quais campos serão exibidos na tela principal, da seguinte maneira: v Para incluir um campo na lista de exibição, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos disponíveis e, em seguida, clique em Incluir. v Para remover um campo da lista de exibição, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Remover. Dica: É possível selecionar vários campos pressionando Ctrl ou Shift ao selecionar campos. 2. Em Configuração da tabela, selecione a ordem na qual os campos serão exibidos na tela principal, da seguinte forma. v Para mover um campo para a esquerda da página, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para cima. v Para mover um campo para a direita da página, selecione o nome do campo apropriado na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para baixo. 3. Clique em Aplicar após concluir as mudanças necessárias. Guia Avançado Esta guia permite definir os critérios de seleção inserindo uma expressão semelhante à expressão WHERE em uma instrução SQL SELECT. Também é possível atualizar as cotas selecionadas inserindo expressões semelhantes à expressão SET em uma instrução SQL UPDATE. Verificando cotas Ao verificar cotas, a atividade Cotas exibe uma tabela que mostra a meta atual para cada célula e o número e a porcentagem de entrevistas concluídas e pendentes por célula. Não é possível alterar nada na tabela. Para verificar cotas 1. Clique no botão para a cota cujos detalhes deseja ver. Alterando respostas de cota, flags de comportamento e/ou prioridades de célula Ao selecionar uma das opções Editar, será possível alterar as respostas e as contagens de entrevistas concluídas ou pendentes em uma célula. Se a pendência de prioridade estiver configurada, também será possível alterar as prioridades de célula. Nota: Os pontos de menu para essas opções são alternâncias. Depois de selecionar uma opção, ela permanecerá selecionada até que você escolha uma opção diferente ou até que você saia de Cotas. Isso permite fazer o mesmo tipo de mudanças em várias cotas sem que seja necessário selecionar novamente uma opção no menu a cada vez. Para alterar resposta e/ou flags de comportamento 1. Execute uma das seguintes ações: v Para alterar as respostas, escolha Resposta na lista de seleção Editar. v Para alterar respostas e/ou flags de comportamento, escolha Todos na lista de seleção Editar. Se a cota usar Pendência de prioridade, também será possível alterar as prioridades de célula. 2. Clique no botão para a cota que deseja alterar. O relatório de status de cota é exibido com os valores que podem ser alterados exibidos dentro de caixas. 3. Digite os novos valores nas caixas. Se você estiver alterando os flags de comportamento, escolha uma das seguintes opções: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 173

178 v Normal para uma cota normal. v Acima da cota para permitir entrevistas acima de cota. Este tipo de cota permite que as entrevistas continuem sempre que o número de entrevistas concluídas nesta célula for menor que a meta. Depois que a meta for atingida, todas as entrevistas que já estiverem em andamento terão permissão de continuar e ser concluídas, portanto, é possível que o número final de entrevistas concluídas exceda ligeiramente a meta. Depois que a meta for atingida, todas as novas entrevistas na célula falharão no teste de cota e serão tratadas conforme especificado pelo gravador de script (geralmente a entrevista será finalizada). v Contador para uma cota de contador. Esse tipo de cota conta o número de entrevistas que ocorrem para esta célula, mas não compara essa contagem com a meta (geralmente, a meta é zero). Portanto, essa célula não possui controle de cota, mas um registro do número de entrevistas atingidas para essa célula será mantido. 4. Clique em Atualizar para atualizar o banco de dados de cota. Nota: Todas as mudanças que você fizer serão replicadas nas tabelas cota no banco de dados, mas não no arquivo.mqd do projeto. Se, posteriormente, você reativar o projeto e escolher a opção para atualizar as tabelas de cota com as informações no arquivo.mqd, as mudanças feitas em Cotasserão substituídas pelas as informações do arquivo.mqd. O intervalo de atualização do mecanismo de Cota com o banco de dados é configurado para 60 segundos. Isso significa que as mudanças não entrarão em vigor no servidor antes de 60 segundos. Priorizando cotas Quando cotas estão definidas para questões categóricas de respostas múltiplas, as cotas para todas as respostas escolhidas pelo respondente ficam pendentes. Se a entrevista for concluída, as contagens de conclusão correspondentes serão incrementadas. Quando um respondente escolher mais de uma resposta, isso resultará no incremento de mais de uma cota. A priorização de cota permite decidir quantas células ficam pendentes e permite escolher o método pelo qual essas células são escolhidas. Existem quatro possibilidades. v Prioridade pendente. Ficará pendente a célula com a prioridade mais alta, se essa resposta for escolhida. Se essa resposta não for escolhida, será tentada a célula com a próxima prioridade mais alta, e assim por diante. As células sem prioridade definida possuem a prioridade mais baixa de todas. v Pendente aleatório. Ficará pendente uma célula aleatória entre as células das respostas escolhidas. Se uma entrevista atingir o tempo limite e for reiniciada depois que uma célula ficar pendente, a mesma célula ficará pendente se a entrevista for reiniciada. Se o questionário contiver roteamento ou outra lógica com base no valor da célula pendente, isto assegurará que o comportamento da entrevista seja o mesmo, atingindo ou não o tempo limite. v LeastFull pendente com base na razão das conclusões para as respostas. Ficará pendente a célula que estiver menos cheia entre as células das respostas escolhidas. Se uma entrevista for reiniciada depois de atingir o tempo limite, a célula LeastFull será recalculada usando as últimas informações de cota. Isso pode significar que na entrevista reiniciada, ficará pendente uma célula diferente do que aquela que ficou pendente quando a entrevista foi iniciada originalmente. Se o questionário tiver roteamento baseado na célula pendente, o caminho pela entrevista poderá ser alterado depois que a parte concluída da entrevista for reproduzida. v LeastFull pendente somente com base no número de conclusões. Ficará pendente a célula que tiver o menor número de entrevistas concluídas para as respostas escolhidas. Se uma entrevista for reiniciada depois de atingir o tempo limite, a célula LeastFull será recalculada usando as últimas informações de cota. Isso pode significar que na entrevista reiniciada, ficará pendente uma célula diferente do que aquela que ficou pendente quando a entrevista foi iniciada originalmente. Se o questionário tiver roteamento baseado na célula pendente, o caminho pela entrevista poderá ser alterado depois que a parte concluída da entrevista for reproduzida. Em Cotas, é possível configurar o tipo de priorização que deseja usar e, para prioridade pendente, a importância relativa de cada célula. Após configurar um tipo de priorização, não é aconselhado alterá-lo, 174 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

179 embora seja possível alterar as prioridades de célula para Prioridade pendente se desejar. Consulte o tópico Alterando respostas de cota, flags de comportamento e/ou prioridades de célula na página 173 para obter mais informações. Para configurar prioridades 1. Clique no botão da cota que deseja priorizar. 2. Na caixa Editar, escolha Priorização. A caixa de diálogo Priorização é exibida. 3. Em Priorização, escolha o tipo de priorização que deseja configurar. 4. Em Número de células, digite o número de células que deseja priorizar. (Essa opção não é apropriada para priorização Normal, portanto, fica esmaecida.) 5. Clique em OK. O relatório de status de cota é exibido. 6. Se você escolheu Prioridade pendente, a caixa mais à direita para cada célula conterá um número (zero se a prioridade pendente não tiver sido configurada para esta célula anteriormente). Nestas caixas, digite a prioridade relativa de cada célula. Por exemplo, digite 1 para a célula com a prioridade mais alta, 2 para a célula com a próxima prioridade mais alta e assim por diante. 7. Clique em Atualizar para atualizar o banco de dados de cota. Nota: Todas as mudanças que você fizer serão replicadas nas tabelas cota no banco de dados, mas não no arquivo.mqd do projeto. Se, posteriormente, você reativar o projeto e escolher a opção para atualizar as tabelas de cota com as informações no arquivo.mqd, as mudanças feitas em Cotasserão substituídas pelas as informações do arquivo.mqd. O intervalo de atualização do mecanismo de Cota com o banco de dados é configurado para 60 segundos. Isso significa que as mudanças não entrarão em vigor no servidor antes de 60 segundos. Status Use a atividade Status para monitorar o status atual de um projeto. O relatório é atualizado automaticamente a cada 60 segundos, o que é útil quando as entrevistas estão em andamento. Para obter um relatório realmente atualizado é possível solicitar uma atualização imediata. O relatório agrupa as entrevistas usando os seguintes códigos de status: v Concluído com sucesso. Entrevistas que foram concluídas com sucesso porque os respondentes responderam a todas as questões aplicáveis a eles. v Ativo / em andamento. Entrevistas que estão atualmente em andamento. v Tempo limite atingido. Entrevistas que atingiram o tempo limite antes da conclusão. Isso geralmente ocorre quando um respondente leva mais de dez minutos para responder a uma questão (talvez ele seja interrompido no meio da entrevista). Se o respondente não fechar o navegador, geralmente a entrevista será reiniciada quando o respondente clicar em Avançar (caso contrário, será possível reiniciar a partir da URL). Contanto que o período de tempo limite não seja expirado, o status da entrevista permanecerá ativo. Nota: Dez minutos é o período de tempo limite padrão. Fale com o administrador do IBM SPSS Data Collection caso haja muitas entrevistas com tempo limite atingido em todos os projetos ou na maioria deles. v Interrompido pelo script. Entrevistas que foram finalizadas por uma instrução stop no script do questionário. v Interrompido pelo respondente. Entrevistas que foram interrompidas porque o respondente clicou no botão Parar. Se o projeto não usar o Gerenciamento de amostra, as entrevistas nesse estado não poderão ser reiniciadas. v Encerramento do sistema de entrevista. Entrevistas que foram finalizadas devido a um problema no script. v Revisado. Reservado para uso futuro. Esta categoria contará as entrevistas que tiverem sido revisadas ao substituí-las. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 175

180 v Interrompido por sinal. Entrevistas que foram interrompidas por uma instrução signal no script do questionário. v Status indeterminado. Entrevistas cujos status de coleta de dados no arquivo de dados do caso do projeto não puderam ser correspondidos a um status válido no arquivo de definição do questionário do projeto (.mdd). Não deverá haver nenhuma entrevista nesta categoria. Status inicial 1. Selecione o projeto que deseja monitorar e clique em Status. A página exibe uma tabela que mostra o número de entrevistas com diferentes resultados atingidos nos modos ativo e de teste. Atualizando o relatório On Demand 1. Clique no botão Atualizar. Resultados da pesquisa de opinião Os Resultados da pesquisa de opinião permitem criar tabelas simples usando as variáveis dos dados da entrevista. As tabelas podem ser tabelas de linha principal simples, mostrando o número de respondentes presentes em cada categoria de uma única variável ou podem ser tabulações cruzadas bidimensionais usando uma ou mais variáveis na lateral e na parte superior da tabela. As tabelas podem ser filtradas para incluir somente determinadas categorias de respondentes (por exemplo, somente mulheres com idades entre 21 e 30), para incluir ou excluir entrevistas que terminaram de um modo específico, para incluir todas as entrevistas concluídas ou para excluir as entrevistas de teste. Os Resultados da pesquisa de opinião usam o arquivo de definição de questionário (.mdd) na pasta Projeto principal e leem o local dos dados do caso a partir desse arquivo. Se o arquivo.mdd contiver mais de uma versão, os Resultados da pesquisa de opinião usarão as versões com o rótulo LATEST. Suporte para dados hierárquicos A partir da versão 6, os Resultados da pesquisa de opinião suportam dados hierárquicos na forma de questões de loop ilimitado. As questões de loop ilimitado são lidas a partir dos campos do documento MDM (que incluem todas as questões como campos). Iniciando resultados da pesquisa de opinião 1. Selecione o projeto no qual deseja trabalhar e clique em Resultados da pesquisa de opinião. A tela principal A tela principal Resultados da pesquisa de opinião possui as seguintes seções: Lista de questões. Um quadro à esquerda da tela que lista as questões e outras variáveis que estão presentes no banco de dados. Se você passar o mouse sobre uma variável na lista, verá mais informações sobre essa variável. Quadro da tabela. A parte principal da tela na qual os gráficos e as tabelas são exibidos. É possível executar qualquer uma das seguintes ações: v Escolha uma ação no menu. 176 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

181 v Clique em uma variável na Lista de questões para exibir uma tabela para essa variável. Para alguns tipos de variáveis, um gráfico também é exibido. v Se já houver uma tabela exibida, será possível escolher uma variável na Lista de questões e Resultados da pesquisa de opinião substituirá a lateral da tabela pela variável selecionada. Todos os outros aspectos da tabela serão mantidos. Visualizando variáveis É possível visualizar informações sobre variáveis, passando o mouse sobre o nome da variável no Lista de questões ou selecionando a variável na Lista de questões. Informações sobre variáveis categóricas: Se você passar o mouse sobre uma variável categórica, um pop-up exibirá a descrição e as categorias da variável. Se você selecionar uma variável categórica na Lista de questões, os Resultados da pesquisa de opinião exibirão uma tabela e, se as opções solicitarem, um gráfico de barras. A tabela lista cada categoria com sua contagem de casos e uma porcentagem da coluna que mostra qual a proporção da categoria com relação à variável como um todo. O gráfico tem uma barra para cada categoria que mostra a porcentagem de casos que estão presentes nessa categoria. As porcentagens são baseadas no número de casos presentes na variável, não no número de casos no conjunto de dados como um todo. O gráfico não possui uma linha de base. Informações sobre variáveis numéricas: Se você passar o mouse sobre uma variável numérica, um pop-up exibe a descrição da variável e seu valores mínimo e máximo como estão definidos no arquivo de definição de questionário. Se os dados tiverem sido reunidos usando o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, esses serão os valores mínimo e máximo definidos para a questão no script. Se você selecionar uma variável numérica na Lista de questões, os Resultados da pesquisa de opinião exibirão uma tabela que mostra a base, a média, o mínimo, o máximo, e o desvio padrão com base nos valores localizados nos dados. Não há gráficos para variáveis numéricas. Informações sobre variáveis de texto: exibirá a descrição da variável. Se você passar o mouse sobre uma variável de texto, um pop-up Se você selecionar uma variável de texto na Lista de questões, os Resultados da pesquisa de opinião listarão os valores da variável, um por linha. Não há gráficos para variáveis de texto. Informações sobre variáveis de grade: exibirá a descrição da variável. Se você passar o mouse sobre uma variável de grade, um pop-up Se você selecionar uma variável de grade na Lista de questão, os Resultados da pesquisa de opinião exibirão uma tabela que corresponde à grade. As células da grade mostram as contagens e, dependendo das opções configuradas na caixa de diálogo e da orientação da grade, as porcentagens também poderão ser mostradas. Se você escolher os percentuais de coluna na caixa de diálogo Opções e a grade estiver orientada verticalmente, os percentuais de coluna também serão mostrados. Se você escolher os percentuais de linha e a grade estiver orientada horizontalmente, os percentuais de linha também serão mostrados. Os gráficos não são gerados para variáveis de grade. Tabelas É possível construir tabelas bidimensionais em Resultados de pesquisa de opinião. Se você estiver construindo tabelas enquanto as entrevistas estiverem em andamento, não será necessário reconstruir a tabela para incluir as novas entrevistas. Em vez disso, use o recurso de Atualização para reler os dados e atualizar a tabela, deixando quaisquer filtros intactos. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 177

182 Construindo tabelas: Construir tabela cria uma tabela com mais de uma dimensão. Ele abre uma nova janela na qual você seleciona as variáveis que devem formar as linhas e colunas da tabela. Conforme a tabela é construída, a área de visualização é atualizada para mostrar a estrutura atual da tabela. Quando a tabela é exibida, ela possui uma linha de base e, por padrão, as células da tabela mostram as contagens e porcentagens de coluna. Os Resultados da pesquisa de opinião também mostram o nome do projeto, a data e hora em que ele foi executado e o filtro aplicado, na parte superior da página. Variáveis categóricas É possível colocar uma variável categórica na parte superior ou lateral da tabela. Se você incluir uma variável categórica em uma tabela ou especificação existente, também será possível substituir a variável superior ou lateral existente pela nova variável ou colocar a nova variável à direita da variável superior existente ou abaixo da variável lateral existente. Variáveis numéricas É possível colocar uma variável numérica na lateral da tabela e outras variáveis podem ser colocadas abaixo dela. As variáveis numéricas não podem ser colocadas na parte superior da tabela e quando uma variável numérica estiver na lateral de uma tabela, não será possível colocar qualquer variável na parte superior. Variáveis de grade É possível colocar uma variável grade na lateral da tabela. Nenhuma variável poderá ser incluída na tabela. Para construir uma tabela 1. Selecionar Ações > Construir tabela Isso abre a janela Construtor de tabela. 2. Na Lista de variáveis selecione uma variável que deseja usar como a lateral ou a parte superior da tabela. Os Resultados da pesquisa de opinião exibem uma lista de posições possíveis para essa variável na tabela atual. 3. Selecione a posição na qual deseja usar essa variável. 4. Continue a selecionar variáveis e posições até que a especificação de tabela seja concluída. Se fizer um erro e desejar limpar a especificação e iniciar novamente, clique em Limpar tabela. 5. Clique em Tabular. A janela Construir tabela é fechada e a tabela é exibida na tela principal. Corrigindo tabelas: Se houver uma tabela exibida na tela principal e você clicar em uma variável categórica na Lista de questões, os Resultados da pesquisa de opinião substituirão a lateral dessa tabela pela variável selecionada. Se você escolher Construir tabela sem limpar a tabela atual, a tabela atual será preservada e será possível incluir nela. Se desejar criar uma tabela completamente nova, primeiro você deverá limpar a tabela atual. Atualizando a tabela: Atualizar tabela atualiza a tabela executando-a novamente com relação aos dados. Para atualizar a tabela 1. Selecionar 178 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

183 Ações > Atualizar tabela Limpando tabelas: tabela. Limpar Tabela limpa a tabela atual sem cancelar os filtros que foram aplicados à Para limpar a tabela atual 1. Selecionar Limpar > Limpar tabela Filtros Os filtros limitam os casos resumidos nas tabelas, excluindo os casos que não correspondem à especificação do filtro. Por exemplo, um filtro de Sexo=Feminino incluirá mulheres e excluirá homens e quem não respondeu à questão. Também é possível filtrar tabelas com base no status da entrevista. Isso permite excluir entrevistas com determinados status das tabelas. Por exemplo, talvez você deseje excluir todas as entrevistas com exceção daquelas que tenham um status de concluído. Construindo filtros: Construir filtro abre uma nova janela na qual você seleciona as variáveis e os valores aos quais os casos devem corresponder para serem incluídos nas tabelas. Uma especificação de filtro consiste em três coisas: um nome de variável, um operador lógico e um valor ou conjunto de valores. Os operadores lógicos e o prompt de uma resposta ou valor variam de acordo com o tipo de variável selecionada. É possível definir filtros baseados em uma ou mais variáveis. Se o filtro for baseado em mais de uma variável, será possível escolher se os filtros individuais serão combinados usando a lógica E ou Ou. Durante a construção do filtro, o painel Expressão de filtro na parte inferior da janela exibe o texto do filtro que aparecerá na tabela. Para construir um filtro 1. Selecionar Ações > Construir filtro Isso abre a janela Construção de filtro. 2. Na Lista de variáveis selecione uma variável que você deseje usar como um filtro. Os Resultados da pesquisa de opinião desenham a seção Filtro de construção da janela para adequar-se ao tipo de variável escolhido. 3. Na caixa Lógica selecione um operador de filtro. 4. Na caixa Respondente(s) selecione ou insira a resposta ou o valor que deve ser usado como o filtro. Conforme você seleciona respostas, a Expressão de filtro é atualizada para mostrar a condição de filtro a ser aplicada. 5. Clique em Aplicar para fechar o filtro e aplicá-lo à tabela atual. Como alternativa, clique em E > ou emou> para definir um filtro adicional. Filtrando em uma variável de resposta única: Os operadores lógicos para variáveis de resposta única são os seguintes: v Qualquer um destes. Somente casos que contenham uma das respostas selecionadas. v Nenhum destes. Somente os casos que não contenham nenhuma das respostas selecionadas. Escolha um operador e, em seguida, selecione uma ou mais respostas de filtro na lista de respostas disponíveis. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 179

184 Filtrando em uma variável de respostas diversas: Os operadores lógicos para as variáveis de respostas diversas são os seguintes: v Todos estes. Somente os casos que tenham todas as respostas selecionadas. v Qualquer um destes. Os casos que contenham uma ou mais das respostas selecionadas. v Nenhum destes. Somente os casos que não contenham nenhuma das respostas selecionadas. v Exatamente este. Somente os casos que tenham as respostas selecionadas e nenhuma outra. Escolha um operador e selecione uma ou mais respostas de filtro na lista de respostas disponíveis. Filtragem em uma variável numérica: v Menor que v Maior que v Igual a v Diferente de v Menor que ou igual a v Maior que ou igual a Os operadores lógicos para variáveis numéricas são: Escolha um operador e insira o valor com o qual os dados devem ser comparados. Filtragem em uma variável de texto: v Contém v Não contém v É exatamente v Inicia com v Termina com v Está em branco/vazio Os operadores lógicos para variáveis de texto são: Se escolher qualquer operador diferente de Está em branco/vazio, você deverá inserir um texto a ser usado como um filtro. Todos os operadores, exceto Termina com, não fazem distinção entre maiúsculas e minúsculas. Com Termina com, você deve digitar o texto respeitando o uso de maiúsculas e minúsculas que ocorre nos dados do caso, caso contrário, o filtro falhará. Filtrando em uma variável de grade: A grade já é apresentada "fatiada" em suas várias subquestões. Escolha a variável que representa a subquestão na qual deseja basear o filtro. Se a variável for uma grade de escolha única ou múltipla, a fatia será uma variável de escolha única ou múltipla e será possível escolher as respostas nas quais filtrar. Se a grade contiver valores numéricos, os operadores lógicos para um valor numérico serão exibidos. Se a grade contiver respostas de escolha única ou múltipla, os operadores lógicos para esses tipos de variáveis serão exibidos. Limpando filtros: filtrada. Limpar filtro remove o filtro da tabela e atualiza a tabela para que ela não seja mais Para limpar o filtro atual 1. Selecionar Limpar > Limpar filtro Filtros de entrevista: Se você tiver um conjunto de dados adequado, como um conjunto de dados coletado no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, a opção Filtro de entrevista estará disponível. 180 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

185 O Filtro de entrevista somente permite incluir entrevistas com determinados status em tabelas e gráficos. O filtro é aplicado antes de quaisquer outros filtros que você possa definir e permanecerá definido mesmo se você limpar todos os outros filtros. Por exemplo, é possível configurar o filtro de entrevista para incluir somente as entrevistas que foram concluídas com sucesso e, em seguida, criar várias tabelas usando filtros de dados de caso, como idade ou sexo. Ao alterar de filtro de idade para filtro de sexo ou cancelar a filtragem de dados do caso completamente, o filtro de entrevista ainda será aplicado. Será possível alterar o filtro de entrevista durante uma sessão e removê-lo completamente, se necessário. É possível filtrar usando os códigos de status de entrevista a seguir: v Concluído com sucesso v Ativo/Em andamento v Tempo limite atingido v Interrompido por script v Interrompido por respondente v Revisado v Interrompido por sinal v Sistema de entrevista encerrado Também é possível escolher se deseja incluir somente dados de respondente de entrevistas em tempo real, somente dados de teste ou dados de teste e de respondente nas tabelas. Para configurar um filtro de entrevista 1. Selecionar Ações > Filtro de entrevista Isso exibe a caixa de diálogo Filtro de entrevista. 2. Escolha se deseja incluir somente dados de respondente, somente dados de teste ou ambos os tipos de dados. 3. Selecione os status de entrevista que deseja incluir na análise. 4. Clique em Aplicar. Limpando a tabela e os filtros atuais Limpar Todos limpa a tabela atual e quaisquer filtros que tenham sido configurados. Para limpar a tabela e os filtros atuais 1. Selecionar Limpar > Limpar Todos Opções As opções permitem controlar como os Resultados da pesquisa de opinião funcionam para você. Os padrões são os seguintes: A seção Variáveis determina quais variáveis são mostradas nas listas de variáveis. v Exibir todas as variáveis do sistema. As variáveis do sistema contêm informações gerais sobre uma entrevista como um todo e incluem itens como a hora em que a entrevista foi iniciada e terminada, o código de status da entrevista e o número de série da entrevista. Os Resultados da pesquisa de opinião somente exibirão essa opção se IncludeSystemVariables estiver configurado como True dentro do documento de metadados. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 181

186 v Exibir outras variáveis específicas. Essas variáveis contêm textos de resposta inseridos usando outra resposta específica em uma lista de opções únicas ou múltiplas. v Exibir variáveis de codificação. Essas variáveis contêm os códigos designados ao texto de uma questão e outras respostas específicas durante a codificação. v Exibir variáveis de arquivo de origem. Essas variáveis contêm os nomes dos arquivos que contêm as respostas escritas ou faladas para uma questão específica. v Exibir variáveis de multiplicador. Essas variáveis contêm valores numéricos associados a questões específicas. Quando os casos são contados em uma tabela, as contagens de células normalmente são incrementadas em 1 para cada caso presente na célula. Se as contagens de célula precisarem ser incrementadas por um valor diferente de 1, existirá uma variável de multiplicador para a questão especificando o valor pelo qual as células devem ser incrementadas para cada caso. Consulte o IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter informações adicionais sobre esses tipos de variáveis. Ele está disponível como um download gratuito em [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\ DataCollection\7\DDL\. A seção Rótulos determina quais tipos de rótulos são mostrados e como eles são mostrados. v É possível exibir nomes de variáveis ou rótulos de variáveis (o texto da questão). v É possível exibir rótulos de variável em qualquer idioma, desde que existam rótulos nos dados do caso. v O contexto para o qual os rótulos devem ser exibidos deve ser sempre Questão. Opções adicionais podem aparecer para algumas opções. Esses são tipos de rótulo que ainda não estão em uso. A seção Resultados determina como os resultados são exibidos. Atualmente, as tabelas sempre são exibidas mesmo que Exibir tabela não esteja selecionado. É possível definir entre 0 e 4 casas decimais. Se desejar exibir gráficos além da tabela de contagens de frequência, você poderá selecionar Barra. A seção Resultados de texto controla a quantia de saídas exibidas para os resultados de texto. É possível escolher exibir as primeiras 10, 50, 100, 500 respostas ou um número ilimitado de respostas, e exibir os primeiros 10, 50, 100, 500 caracteres ou um número ilimitado de caracteres por resposta. Para configurar opções 1. Escolher Ações > Opções Visualizar log Visualizar log é um recurso opcional que exibe o log de ações para a sessão atual. Ele mostra os comandos SQL que foram executados para exibir informações sobre as questões e as variáveis selecionadas no quadro Questão na tela principal ou para gerar tabelas. A janela Visualizar log também fornece botões para atualizar ou limpar o arquivo de log. Nota: A criação de log coloca uma sobrecarga adicional no servidor e, portanto, deve ser usada com cuidado. Para ligar o recurso Visualizar log 1. No Windows Explorer, navegue para C:\InetPub\wwwroot\SPSSMR\InterviewReporter. 2. Clique com o botão direito em Default.aspx e escolha Propriedades no menu pop-up. 182 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

187 3. Na caixa de diálogo Propriedades, cancele o atributo Somente leitura e clique em OK. 4. Edite Default.aspx usando um editor de texto como o Notepad e altere a configuração de LoggingEnabled de False para True. 5. Salve as mudanças. Para visualizar o arquivo de log 6. Selecionar Ações > Visualizar log Para atualizar o arquivo de log 7. Visualize o arquivo de log e clique em Atualizar. Para limpar o arquivo de log 8. Visualize o arquivo de log e clique em Limpar. Resolução de problemas Caixas em vez de textos de elemento na janela Construir filtro: O Windows 2000 usa páginas de códigos para determinar como exibir os caracteres em diferentes idiomas. As páginas de códigos para cada idioma ou tipo de idioma são diferentes e os caracteres que aparecem em uma página de códigos não podem estar presentes em outra página de códigos. Por exemplo, uma página de códigos da Europa Ocidental pode não ter todos os caracteres que são necessários para exibir textos em japonês. O computador é configurado com uma página de códigos padrão que corresponde ao idioma no qual você geralmente trabalha. Por exemplo, se o seu idioma normal é inglês, a página de códigos padrão será, provavelmente, a página de códigos da Europa Ocidental. As páginas HTML de Resultados de pesquisa de opinião são codificadas usando a codificação UTF-8 que, na maioria dos casos, faz com que quaisquer caracteres que não estejam na página de códigos padrão sejam exibidos corretamente. No entanto, no Windows 2000, também pode ser necessário incluir o idioma do projeto no qual você está trabalhando nas configurações regionais para que essa codificação processe os textos de elemento para os filtros categóricos corretamente. Você saberá se é necessário fazer essa mudança, porque ao escolher uma variável de resposta única ou diversa como um filtro, o quadro de seleção de elemento exibirá caixas em vez de texto para os rótulos do elemento. Para incluir um idioma nas configurações regionais 1. No Painel de controle, selecione Opções regionais. 2. Na guia Geral, em Configurações de idioma para o sistema, selecione o idioma que está sendo exibido incorretamente. Entrevistas Use a atividade Entrevistas para produzir os seguintes relatórios para o projeto de entrevistas que usa gerenciamento de amostra. Para obter mais informações sobre como customizar estes relatórios ou como executá-los fora da atividade Entrevistas, consulte as notas no final deste tópico. Nota: Cada relatório inclui a propriedade Modos suportados, que indica que cada relatório somente pode estar disponível no modo de projeto ativado (Web, Telefone ou Pessoal). Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 183

188 Baseado em histórico de contato Os seguintes relatórios são baseados em dados do histórico de contatos do projeto: Relatórios Distribuição de tempo de resposta Tempo ocupado, em espera e inativo Tempo ocupado, em espera e inativo entre projetos Histórico de contato Status de resultado de contato Estatísticas do discador Estatísticas do entrevistador Estatísticas do entrevistador entre projetos de telefone Estatísticas do entrevistador entre projetos pessoais Estatísticas de chamada silenciosa Modos Telefone Telefone Telefone Telefone, Pessoal, Web Telefone, Pessoal, Web Telefone Telefone, Pessoal Telefone Pessoal Telefone Baseado em amostra Os seguintes relatórios são baseados em dados de amostra do projeto: Relatórios Distribuição de compromissos Distribuição de compromissos por entrevistador Sumarização de compromisso Resultado de contato por segmento Contatos por segmento Estatísticas de incidência Disposição geral entre projetos por telefone Disposição geral entre projetos pessoais Status da fila Status da fila por entrevistador Status da fila por fuso horário Revisar contatos Revisar porcentagem por entrevistador Uso de amostra Uso de amostra entre projetos por telefone Uso de amostra entre projetos pessoais Status do fuso horário Modos Telefone, Pessoal Telefone, Pessoal Telefone, Pessoal Telefone, Pessoal, Web Telefone Telefone, Pessoal, Web Telefone Pessoal Telefone, Pessoal, Web Telefone, Pessoal Telefone, Pessoal Telefone, Pessoal, Web Telefone, Pessoal, Web Telefone, Pessoal, Web Telefone Pessoal Telefone Observe que todos os relatórios exibem as contagens e as porcentagens zeradas como um hífen (-) e ascontagens e porcentagens arredondadas para zero como um asterisco (*). Os relatórios somente incluirão gráficos se você tiver ativado a variável de gráfico no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Consulte o tópico Executando relatórios na página 194 para obter mais informações. 184 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

189 O restante deste tópico descreve os relatórios em detalhes. Distribuição de tempo de resposta Para projetos que usam um discador automático, este relatório mostra uma tabela de frequência do tempo gasto pelos participantes para responder chamadas. As categorias são de um segundo a 20 segundos em intervalos de um segundo, com uma categoria adicional para durações superiores a 20 segundos. Cada célula mostra uma contagem, uma porcentagem da coluna e uma porcentagem da coluna acumulativa. É possível usar as estatísticas neste relatório para ajustar a duração mínima do tempo que uma chamada não atendida deverá chamar antes que o discador automático encerre a chamada. No entanto, as leis locais podem especificar o valor mínimo que deve ser usado. Para obter mais informações, procure no arquivo de ajuda da atividade Opções de entrevistas, o tópico "Configurações do discador automático". Observe que este relatório sempre inclui dados para ambas as entrevistas, reais e de teste. Não é possível escolher incluir somente as entrevistas reais ou somente as de teste. Para projetos que não usam um discador automático, a seleção deste relatório poderá exibir uma tabela vazia ou uma mensagem de erro. Tempo ocupado, em espera e inativo Para projetos que usam um discador automático, este relatório mostra os tempos ocupado, em espera e inativo para cada entrevistador que trabalhou no projeto. A definição desses tempos é a seguinte: v Tempo ocupado. Ocorre quando o entrevistador está interagindo com o participante. v v Tempo em espera. Ocorre quando o entrevistador já clicou no botão Iniciar discagem (na atividade Participantes por telefone) e está esperando para ser conectado a um participante. Tempo intivo. Ocorre quando o entrevistador pode clicar no botão Iniciar discagem, mas não ainda não clicou. Cada célula, que corresponde aos tempos ocupado, em espera ou inativo para um entrevistador, mostra o tempo médio, o tempo total, o tempo mínimo e o tempo máximo. Todas os tempos são mostrados em dias, horas, minutos e segundos. Se você especificar um período de tempo no qual executar o relatório, o relatório somente incluirá os entrevistadores que fizeram chamadas durante esse período de tempo. Os tempos ocupado, em espera e inativo não incluirão um gráfico, mesmo se você tiver ativado a variável de gráfico. Observe que este relatório sempre inclui dados para ambas as entrevistas, reais e de teste. Não é possível escolher incluir somente as entrevistas reais ou somente as de teste. Para projetos que não usam um discador automático, a seleção deste relatório poderá exibir uma tabela vazia ou uma mensagem de erro. Tempo ocupado, em espera e inativo entre projetos Estes relatórios fornecem informações de tempo ocupado, em espera e inativo entre projetos para cada entrevistador e projeto para as últimas 8 horas. Esse relatório é semelhante ao relatório Tempo ocupado, em espera e inativo, com exceção de que ele sempre inclui dados para ambas as entrevistas, reais e teste, e não é possível especificar um período de tempo. Nota: Devido a uma limitação do Microsoft SQL server, este relatório é limitado a no máximo 128 projetos. Ao trabalhar com contas de clientes, este relatório somente incluirá dados para projetos na conta do cliente selecionada. v Total. Quantia total de tempo que o entrevistador gastou trabalhando com o projeto. v Espera. A quantia total de tempo que o entrevistador esperou para que o discador retornasse um respondente conectado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 185

190 v v v Inativo. A quantia total de tempo entre as interações do entrevistador com a atividade Participantes por telefone (quando não está falando com um respondente ou esperando). Ocupado. A quantia total de tempo gasto falando com respondentes. Média. O tempo médio de espera por conexão do discador. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Histórico de contato Este relatório fornece o histórico de contato do projeto completo. Os campos padrão do relatório são: v ID do entrevistador v Horário de início v ID da amostra v Duração v Resultado do contato Incluindo e removendo campos no relatório Histórico do contato 1. Os campos podem ser selecionados ou removidos por meio da atividade Opções de entrevistas. Os campos selecionados são criados na tabela de histórico de amostra. Os campos também são criados na tabela de histórico de amostra quando os dados são sincronizados com o servidor. 2. Os novos campos devem ser incluídos no arquivo ContactHistory.mdd (para conversão de campo). O arquivo está localizado no caminho de instalação padrão: [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\ DataCollection\7\Interviewer Server\\FMRoot\Shared\Cati\Reports. 3. Atualize o script no DPM para indicar que há novos campos no relatório. O script é salvo no DPM em: Site > Servidores> [Server_Name] Aplicativos > CatiReports > ApplicationSettings > ContactHistory. Nota: Por padrão, o relatório Histórico do contato carrega todos os registros da tabela de histórico de amostra. Quando houver muitos resultados, a página HTML gerada pelo TOM demorará um tempo considerável para ser carregada, fazendo com que o cliente atinja o tempo limite após dez minutos (a configuração de tempo limite padrão no arquivo web.config). Para resolver esse problema, você deve selecionar um filtro de Data ou Amostra apropriado antes de gerar um relatório de Histórico de contato. Alterando o número de linhas exibidas no relatório Histórico de contatos É possível atualizar a propriedade MaxRows no DPM para indicar o número máximo de linhas que serão exibidas no relatório. O valor padrão é A propriedade está localizada no DPM em: Site > Servidores> [Server_Name] Aplicativos > CatiReports > ApplicationSettings > ContactHistory. Alterando ordenação no relatório Histórico de contato É possível atualizar a propriedade SortOrder no DPM para indicar se as linhas do relatório são ordenadas em ordem crescente (ASC) ou descendente (DESC). O valor padrão é DESC. A propriedade está localizada no DPM em: Site > Servidores> [Server_Name] Aplicativos > CatiReports > ApplicationSettings > ContactHistory. Status de resultado de contato Este relatório mostra uma tabela de frequência de resultados de contato. Cada célula mostra uma contagem e uma porcentagem da coluna. Para projetos que usam um discador automático, os resultados do contato incluem os que são selecionados pelo discador automático. 186 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

191 Estatísticas do discador Esse relatório fornece estatísticas específicas do discador nas últimas oito horas. v Base. O total de números de telefone discados. v Número de conexões. O número total de conexões bem-sucedidas. A porcentagem de conexões com sucesso com relação à base, também é fornecida. v Número de chamadas silenciosas. O número total de chamadas silenciosas. A porcentagem de chamadas silenciosas com relação à base, também é fornecida. v Taxa de silenciosa. A taxa de chamadas silenciosas com relação às conexões bem-sucedidas. v Média de tempo ocupado (minutos). A média de tempo ocupado (também conhecido como "tempo de conversa") para todos os entrevistadores. v Média de tempo de espera (segundos). A média de tempo de espera para todos os entrevistadores. v Média de tempo inativo (segundos). A média de tempo inativo para todos os entrevistadores. Estatísticas do entrevistador Esse relatório contém duas tabelas. A primeira é uma tabulação cruzada que mostra, para cada entrevistador, o tempo total que a atividade Participantes de entrevistas ficou aberta ("Tempo de sessão"), o número total de chamadas feitas ("Tentativas") e o número de chamadas que resultaram em cada um dos seguintes grupos de resultados de contato. O relatório sempre inclui os dados reais e de teste. Nome de Coluna Concluídos Finalizações Finalizações do sistema Outras Finalizações Rechamadas Recusas Entrevistas revisadas Cancelamentos Resultados de contato incluídos neste grupo EarlyComplete, Concluídos Interrompidos, OverQuota, FailedScreener Com falha, Fax, WrongNumber, Desconectado, CellPhone, BusinessNumber, FastBusy, PossibleWrongNumber, DialerFailed, Silencioso, NotAvailable Abandonado, LanguageBarrier, TransferToWeb Compromisso, NoAnswer, AnswerMachine, Ocupado, LanguageRecall, Rejeitado, NetworkBusy, DialerBusy, Desconhecido Recusado Revisado Cancelado Para cada coluna, cada célula contém uma contagem e uma porcentagem de linhas. Observe que o número de chamadas inclui várias chamadas para o mesmo participante. Para projetos que usam um discador automático, as colunas Finalizações e Rechamadas incluem os resultados de chamada selecionados pelo discador automático. As chamadas discadas automaticamente que não resultam em uma conexão (por exemplo, chamadas não atendidas retornadas à fila RECALL) são mostradas com relação a um ID de entrevistador chamado " Autodial", cujos números estão incluídos nas estatísticas Base. A segunda tabela mostra algumas estatísticas adicionais para cada entrevistador, da seguinte forma: v Conclusões por hora. Mostra o número médio de chamadas feitas durante cada hora do tempo de conexão que resultaram em um resultado de chamada no grupo Conclusões. Se o tempo de conexão total for menor que uma hora, este número mostrará o número de chamadas que teriam sido feitas em uma hora se o entrevistador continuasse na mesma taxa. v Conclusões/Tentativas. Mostra a razão (como um decimal entre zero e um) do número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Conclusões em comparação ao número total de chamadas. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 187

192 v v v v Recusas/Finalizações. Mostra a razão (como um decimal entre zero e um) do número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Recusas em comparação ao número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Finalizações. Recusas/Rechamadas. Mostra a razão (como um decimal entre zero e um) do número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Recusas em comparação ao número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Rechamadas. Resposta. Mostra a razão (como uma porcentagem) do número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Conclusões em comparação ao número de chamadas que resultaram em um resultado de chamada no grupo Conclusões ou Recusas. Tempo por tentativa. Mostra o tempo médio em minutos de cada chamada, ou seja, o tempo total de conexão dividido pelo número total de chamadas. Se você especificar um período de tempo ao executar o relatório, ele somente incluirá os entrevistadores quem fizeram chamadas durante esse período de tempo. Observe que o relatório Estatísticas do entrevistador não incluirá um gráfico, mesmo se você tiver ativado a variável de gráfico. Estatísticas do entrevistador entre projetos de telefone Esse relatório fornece informações de produtividade do entrevistador em projetos por telefone para cada projeto por telefone para as últimas 8 horas. O relatório sempre inclui os dados reais e de teste. Nota: Devido a uma limitação do Microsoft SQL server, este relatório é limitado a no máximo 85 projetos. Ao trabalhar com contas de clientes, este relatório somente incluirá dados para projetos na conta do cliente selecionada. v Tempo da sessão. A quantia de tempo (em minutos) em que o entrevistador ficou registrado no projeto. v Discagens. O número total de registros de participante discados. v Discagens por hora. Número de registros de participante discados por hora. v Concluído. O número total de entrevistas concluídas. v Conclusões por hora. Número de entrevistas concluídas por hora. v Compromissos. Número total de compromissos planejados. v Recusas. Número total de recusas. v Taxa de recusa. Número de recusas o entrevistador encontrou para o projeto dividido pelo número de respondentes potenciais selecionados (conforme definido na seção de denominador para Incidência). v Incidência. Conforme definido pelas normas do CASRO (Council of American Survey Research Organizations): - O cálculo para a incidência de rede: Número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar, dividido pelo número de respondentes potenciais selecionados. - O numerador: O número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar inclui todos os contatos que não foram selecionados pela seção do selecionador da entrevista e que não se recusaram a participar. - O denominador: Número de respondentes potenciais selecionados. Inclui todas as tentativas que resultaram em contato com o respondente em que a elegibilidade do contato para participar pode ser avaliada. Assim, os contatos não atendidos, desligados, fax, modem, trítonos, ninguém em casa e ocupados serão todos excluídos deste cálculo. Na prática, o numerador contém os respondentes cujos campos de participantes do Selecionador são configurados como Aprovado enquanto o denominador contém os respondentes cujos campos Selecionador são Aprovado ou Com falha. Os respondentes cuja elegibilidade não possa ser avaliada 188 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

193 terão Nulo no campo Selecionador. O campo Selecionador é definido no script da entrevista. Consulte o tópico Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página 51 para obter mais informações. v Finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Interrompido, OverQuota ou FailedScreener. v Finalizações do sistema. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Com falha, Fax, WrongNumber, Desconectado, CellPhone, BusinessNumber, FastBusy, PossibleWrongNumber, DialerFailed, Silencioso ou NotAvailable. v Outras finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Abandonado, LanguageBarrier ou TransferToWeb. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Estatísticas do entrevistador entre projetos pessoais Este relatório fornece informações de produtividade do entrevistador entre projetos pessoais para cada entrevistador e cada projeto pessoal para as últimas 8 horas. O relatório sempre inclui os dados reais e de teste. Nota: Devido a uma limitação do Microsoft SQL server, este relatório é limitado a no máximo 85 projetos. Ao trabalhar com contas de clientes, este relatório somente incluirá dados para projetos na conta do cliente selecionada. v Tempo da sessão. A quantia de tempo (em minutos) em que o entrevistador ficou registrado no projeto. v Concluído. O número total de entrevistas concluídas. v Conclusões por hora. Número de entrevistas concluídas por hora. v Compromissos. Número total de compromissos planejados. v Recusas. Número total de recusas. v Taxa de recusa. Número de recusas o entrevistador encontrou para o projeto dividido pelo número de respondentes potenciais selecionados (conforme definido na seção de denominador para Incidência). v Incidência. Conforme definido pelas normas do CASRO (Council of American Survey Research Organizations): - O cálculo para a incidência de rede: Número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar, dividido pelo número de respondentes potenciais selecionados. - O numerador: O número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar inclui todos os contatos que não foram selecionados pela seção do selecionador da entrevista e que não se recusaram a participar. - O denominador: Número de respondentes potenciais selecionados. Inclui todas as tentativas que resultaram em contato com o respondente em que a elegibilidade do contato para participar pode ser avaliada. Assim, os contatos não atendidos, desligados, fax, modem, trítonos, ninguém em casa e ocupados serão todos excluídos deste cálculo. Na prática, o numerador contém os respondentes cujos campos de participantes do Selecionador são configurados como Aprovado enquanto o denominador contém os respondentes cujos campos Selecionador são Aprovado ou Com falha. Os respondentes cuja elegibilidade não possa ser avaliada terão Nulo no campo Selecionador. O campo Selecionador é definido no script da entrevista. Consulte o tópico Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página 51 para obter mais informações. v Finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Interrompido, OverQuota ou FailedScreener. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 189

194 v Finalizações do sistema. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Com falha, Fax, WrongNumber, Desconectado, CellPhone, BusinessNumber, FastBusy, PossibleWrongNumber, DialerFailed, Silencioso ou NotAvailable. v Outras finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Abandonado, LanguageBarrier ou TransferToWeb. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Estatísticas de chamada silenciosa Para projetos que usam um discador automático, este relatório pode ser usado para comparar o número de "chamadas silenciosas" com o número de chamadas respondidas pelos participantes (mostradas como chamadas "Conectadas") e com o número total de chamadas feitas pelo discador automático. Chamadas silenciosas podem ocorrer quando um discador automático gera mais chamadas conectadas do que o número de entrevistadores disponíveis para manipular as chamadas. Cada célula do relatório mostra uma contagem e uma porcentagem de linhas. Observe que este relatório sempre inclui dados para ambas as entrevistas, reais e de teste. Não é possível escolher incluir somente as entrevistas reais ou somente as de teste. Para projetos que não usam um discador automático, a seleção deste relatório poderá exibir uma tabela vazia ou uma mensagem de erro. Distribuição de compromisso Este relatório mostra uma tabela de frequência de compromissos organizados para os próximos dois dias. As categorias são das 09h às 23h em intervalos de uma hora, com duas categorias adicionais para os compromissos que ocorrem antes das 09h e após às 23h. Cada célula mostra uma contagem e uma porcentagem da coluna. Distribuição de compromisso por entrevistador Este relatório mostra uma tabela de frequência de compromissos, por entrevistador, organizados para os próximos dois dias. As categorias são das 09h às 23h em intervalos de uma hora, com duas categorias adicionais para os compromissos que ocorrem antes das 09h e após às 23h. Cada célula mostra uma contagem e uma porcentagem da coluna. Sumarização de compromisso Lista todos os compromissos organizados para um período de tempo específico. Você deve especificar o período de tempo antes de executar o relatório. Resultado de contato por segmento Uma tabulação cruzada mostrando o número de contatos para cada combinação de Fila (as linhas na tabela) e Resultado do contato (as colunas). Cada célula contém uma contagem e uma porcentagem da coluna. Para projetos que usam uma discador automático, os resultados de contato incluem os que são selecionados pelo discador automático e a tabela inclui as filas específicas do discador automático chamadas CHECK_NUMBER e SILENT. Se a tabela de amostra do projeto contiver informações de segmento, os dados serão divididos ainda mais por segmento. Consulte o tópico Sobre Segmentos na página 199 para obter mais informações. O relatório de exemplo abaixo mostra os dados divididos por local, que é um dos segmentos que a atividade Entrevistas reconhece. 190 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

195 Contatos por segmento Este relatório mostra, para cada fila, a frequência do número de tentativas necessárias para entrar em contato com os participantes. O primeiro conjunto de categorias, de uma tentativa a três tentativas, exclui as tentativas feitas após organizar um compromisso. O segundo conjunto de categorias, também de uma tentativa a três tentativas, inclui somente as tentativas feitas após organizar um compromisso. Os participantes que requerem mais de três tentativas não são mostrados separadamente, mas são incluídos nas estatísticas de base. Para projetos que usam um discador automático, o relatório inclui as filas específicas do discador automático, chamadas CHECK_NUMBER e SILENT. Se a tabela de amostra do projeto contiver informações de segmento, os dados serão divididos ainda mais por segmento. Consulte o tópico Sobre Segmentos na página 199 para obter mais informações. O relatório de exemplo abaixo mostra os dados divididos por local, que é um dos segmentos que a atividade Entrevistas reconhece. Estatísticas de incidência Esse relatório fornece o cálculo padrão de segmento de mercado para incidência. O CASRO (Council of American Survey Research Organizations) define incidência como o número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar dividido pelo número de respondentes potenciais selecionados. v O numerador é o número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar. Isso inclui todos os contatos que não foram selecionados pela seção do selecionador da entrevista e que não se recusaram a participar. v O denominador no número de respondentes potenciais selecionados, incluindo todas as tentativas que resultaram em contato com o respondente, nas quais a elegibilidade do contato para participar pode ser avaliada. Como resultado, não atendidos, desligados, fax, modem, trítonos, ninguém em casa e sinais de ocupado serão todos excluídos do cálculo. Incidência é um fator significativo no cálculo do custo do projeto e no monitoramento do desempenho da central de atendimento. Nota: A tabela de amostra deve conter o campo Selecionador para que o cálculo de incidência ocorra. Consulte o tópico "Tabela de amostra" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações sobre o campo Selecionador. - O numerador: O número de respondentes potenciais selecionados e elegíveis ou qualificados que concordam em participar inclui todos os contatos que não foram selecionados pela seção do selecionador da entrevista e que não se recusaram a participar. - O denominador: Número de respondentes potenciais selecionados. Inclui todas as tentativas que resultaram em contato com o respondente em que a elegibilidade do contato para participar pode ser avaliada. Assim, os contatos não atendidos, desligados, fax, modem, trítonos, ninguém em casa e ocupados serão todos excluídos deste cálculo. Na prática, o numerador contém os respondentes cujos campos de participantes do Selecionador são configurados como Aprovado enquanto o denominador contém os respondentes cujos campos Selecionador são Aprovado ou Com falha. Os respondentes cuja elegibilidade não possa ser avaliada terão Nulo no campo Selecionador. O campo Selecionador é definido no script da entrevista. Consulte o tópico Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página 51 para obter mais informações. v v v Finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Interrompido, OverQuota ou FailedScreener. Finalizações do sistema. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Com falha, Fax, WrongNumber, Desconectado, CellPhone, BusinessNumber, FastBusy, PossibleWrongNumber, DialerFailed, Silencioso ou NotAvailable. Outras finalizações. O número total de entrevistas finalizadas como resultado de contato Abandonado, LanguageBarrier ou TransferToWeb. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 191

196 Disposição geral entre projetos por telefone Este relatório exibe o último resultado de chamada em projetos por telefone para cada registro de participante, organizado por projeto e sempre inclui os dados reais e de teste. O relatório não filtra dados e não especifica um período de tempo. Nota: Devido a uma limitação do Microsoft SQL server, este relatório é limitado a no máximo 256 projetos. Ao trabalhar com contas de clientes, este relatório somente incluirá dados para projetos na conta do cliente selecionada. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Disposição geral entre projetos pessoais Este relatório exibe o último resultado de contato em projetos pessoais para cada registro de participante, organizado por projeto e sempre inclui os dados reais e de teste. O relatório não filtra dados e não especifica um período de tempo. Nota: Devido a uma limitação do Microsoft SQL server, este relatório é limitado a no máximo 256 projetos. Ao trabalhar com contas de clientes, este relatório somente incluirá dados para projetos na conta do cliente selecionada. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Status da fila Este relatório mostra duas tabelas. O primeiro é uma tabela de frequências mostrando o número de registros de participante em cada fila. Observe que a fila FAILED não é incluída nesta tabela. Para projetos que usam um discador automático, essa tabela inclui as filas específicas do discador automático, chamadas CHECK_NUMBER e SILENT. A segunda tabela mostra algumas estatísticas adicionais, da seguinte forma: v Resolvido. Mostra o número de registros de participante que não estão nas filas ACTIVE, APPOINTMENT, RECALL, TIMED_OUT, TRANSFER_TO_WEB ou FRESH. v Concluídos / Total de tentativas de registro. Mostra a razão (como umdecimal entre zero e um) do número de registros de participante na fila COMPLETED comparado com o número de registros que não estão na fila FRESH. v Concluídos/Resolvidos. Mostra a razão (como um decimal entre zero e um) do número de registros de participante na fila de COMPLETED comparado com o número de registros Resolvidos, conforme a definição acima. v Resolvidos / Total de tentativas de registro. Mostra a razão (como um decimal entre zero e um) do número de registros de participante Resolvidos, conforme a definição acima, comparado com o número de registros que não estão na fila FRESH. Status da fila por entrevistador Este relatório exibe o status da fila para cada entrevistador. O status da fila por entrevistador pode ajudar um supervisor a decidir quantos registros de participante estão disponíveis e o que pode ser feito para disponibilizar mais registros. 192 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

197 Status da fila por fuso horário Este relatório exibe o status da fila para cada fuso horário disponível. O status da fila pode ajudar um supervisor a decidir quantos registros de participante estão disponíveis e o que pode ser feito para disponibilizar mais registros. v Base. O número total de registros de participante. v Concluído. Entrevistas que foram concluídas nos registros de participante. v v v v v v Não utilizável. Os registros de participante que foram chamados e descobertos como não utilizáveis. Os registros neste grupo requerem esforços, além de uma mudança em uma configuração do supervisor, para que se tornem utilizáveis. Estão inclusos os registros que passaram do prazo de expiração ou os registros configurados para serem rechamados após o prazo de expiração. Recusado. Os registros de participante estão ativos, mas só podem ser recuperados por conversores de recusa. Ativo. Registros de participante que foram chamados pelo menos uma vez, mas ainda estão disponíveis para discagem na pesquisa de opinião online. Novo. Registros de participante que não foram chamados e estão disponíveis para discagem. Pré-carregar. Registros de participante que não foram usados, mas não estão disponíveis devido à sua fila. Limite de chamada atingido. Registros de participante que estão inutilizáveis atualmente, mas podem ficar utilizáveis novamente alterando o limite de chamada (MaxTries). Observe que esse grupo deverá considerar as Partes do dia, caso elas estejam em vigor. Revisar contatos Efetua uma tabulação cruzada dos dados em duas colunas da tabela de históricos para produzir um perfil da chamada. as variáveis que podem ser usadas na tabulação para o modo de entrevistas da web são Test, InterviewerId, TimeZone, DayPart, Screener e CallOutcome. O modo Pessoal inclui Queue, Test, AppointmentTryCount, CallOutcome, ConnectCount, InteriewerId, InterviewMode, Screener, TimeZone, TryCount, AssignedInterviewerId e DistributedTo. O modo de telefone inclui Queue, Test, AppointmentTryCount, CallOutcome, ConnectCount, InterviewerId, InterviewMode, Screener, TimeZone, TryCount e UserId. Como exemplo, uma tabela de UserId por CallOutcome mostrará uma linha para cada entrevistador e uma coluna para cada código de resultado de contato. A célula para uma combinação de entrevista individual e resultado do contato informará quantos contatos o entrevistador fez que resultaram nesse resultado de contato. Ela também mostra a quantia total e média de tempo que o entrevistador gastou nesses contatos. Observe que se você usar a atividade em um projeto que permita entrevistas por telefone, a tabela de histórico para o projeto conterá um registro de histórico para todos os participantes que receberam a mensagem. Esses registros possuem um valor de UserId vazio e uma duração de 1 ou 0 e eles aparecem na base de suas tabelas. Revisar porcentagem por entrevistador Este relatório exibe a porcentagem da taxa de aceitação e rejeição supervisora para as entrevistas concluídas de cada entrevistador. Nota: Somente os registros revisados por usuários designados à função CatiSupervisor ou FieldManager são contados neste relatório. Uso de amostra Este relatório mostra uma tabela de frequência do número de registros de participante em cada fila. Cada célula contém uma contagem e uma porcentagem da coluna. Para projetos que usam um discador Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 193

198 automático, o relatório inclui as filas específicas do discador automático, chamadas CHECK_NUMBER e SILENT. Uso de amostra entre projetos por telefone Esse relatório mostra uma tabela de frequência do número de registros de participante em cada fila, entre projetos, para cada projeto por telefone. O relatório sempre inclui os dados reais e de teste. Cada célula contém uma contagem e uma porcentagem da coluna. Para projetos que usam um discador automático, o relatório inclui as filas específicas do discador automático, chamadas CHECK_NUMBER e SILENT. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Uso de amostra entre projetos pessoais Esse relatório mostra uma tabela de frequência do número de registros de participante em cada fila, entre projetos, para cada projeto pessoal. O relatório sempre inclui os dados reais e de teste. Cada célula contém uma contagem e uma porcentagem da coluna. O relatório Uso de amostra padrão exibe os contatos do CAPI e do CATI, por padrão. O filtro InterviewMode pode ser usado para filtrar o relatório para um modo específico. Nota: Consulte o tópico "Relatórios de todo o projeto" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações detalhadas referentes aos relatórios de todo o projeto. Status do fuso horário Esse relatório exibe uma lista de todos os fusos horários em uso pelo projeto e se os fusos horários estão ativos ou inativos, com base em horários de chamada ou partes do dia válidos. Notas É possível customizar muitos dos relatórios listados acima ou mesmo incluir seus próprios relatórios na atividade Entrevistas. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Relatórios de Entrevistas customizados" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Em vez de usar a atividade Entrevistas, é possível produzir todos os relatórios listados acima, executando um script do IBM SPSS Data Collection. O script é chamado RunAllPhoneReports.mrs que, por padrão, é instalado pelo DDL na pasta [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\DataCollection\7\DDL\Scripts\General\ mrscriptbasic. Ao editar um parâmetro no script, é possível selecionar um dos formatos de relatório a seguir: HTML, Microsoft Excel, Microsoft PowerPoint, Microsoft Word; arquivo de texto delimitado (.csv). Também é possível especificar um intervalo de data para os relatórios que requerem e especificar se os relatórios devem usar dados reais ou de teste. Iniciando entrevistas 1. Selecione o projeto no qual deseja trabalhar e clique em Entrevistas. Isso abre a atividade Entrevistas, que exibe uma lista de relatórios disponíveis em sua guia Visão geral. Executando relatórios Ao executar um relatório, é possível escolher se o relatório incluirá o seguinte: v Dados de entrevista reais ou de teste, ou ambos os tipos de entrevista. v Um gráfico. v Todos os registros ou somente os registros relacionados a um período de tempo específico. 194 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

199 v Informações ou dados de amostra do projeto. Executando um relatório 1. No menu Ferramentas, escolha Opções. Isso abre a caixa de diálogo Opções. 2. Por padrão, muitos relatórios somente incluem dados para entrevistas reais. Se você desejar que o relatório somente inclua dados para entrevistas de teste ou para ambas as entrevistas, reais e de teste, altere o valor do Filtro de dados, conforme o necessário. Se o projeto foi criado usando a versão 3.0 ou anterior do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, ou se você pretende executar um dos três relatórios relacionados ao uso de um discador automático, ignore a etapa anterior. O relatório sempre incluirá dados para ambas as entrevistas, reais e de teste. Nota: Na tabela de amostra do projeto, os registros de participante são definidos como reais ou de teste pelo valor da coluna Teste. Se o valor for Null, a atividade de Entrevista tratará o registro como real e de teste. Para obter informações adicionais, consulte Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página Para incluir um gráfico com o relatório, selecione Incluir gráfico e escolha o tipo de gráfico na lista suspensa. Nota 1: Para que seja possível selecionar a opção "Incluir gráfico", primeiro você deverá ter ativado os gráficos na atividade Entrevista. Para obter mais informações, procure nas Instruções de instalação e notas de configuração do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server o tópico "Ativando gráficos na atividade Entrevista". Nota 2: Nem todos os relatórios podem incluir um gráfico. Consulte a descrição individual de cada relatório no Entrevistas na página 183 para obter detalhes. 4. Para salvar as configurações e fechar a caixa de diálogo Opções, clique em OK. 5. No quadro à esquerda da guia Visão Geral, é possível selecionar um Filtro de data ou um Filtro de amostra existente nas listas suspensas fornecidas. Para inserir seu próprio intervalo de data e hora, selecione Outro na lista Filtro de data e, em seguida, especifique as datas e os horários de início e de encerramento usando as listas suspensas. Observe que os horários de início e de encerramento se referem aos horários no fuso horário local do servidor IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, que pode não ser o mesmo que o seu fuso horário local. Para especificar que nenhuma filtragem é necessária, selecione Sem limite. Para obter mais informações sobre como criar seus próprios filtros, consulte Filtrando relatórios na página 196. Nota: O relatório Resumo de Compromisso ignora qualquer filtro selecionado. Se você executar esse relatório, a atividade Entrevistas solicitará que você insira um período de tempo. 6. Na janela Relatórios disponíveis, selecione o relatório que deseja executar. Isso abre a guia Relatórios selecionados. 7. Alguns relatórios solicitam informações adicionais, da seguinte forma: v Para o relatório Revisar contatos, selecione as variáveis que devem formar a lateral e a parte superior da tabela nas listas suspensas. v Para o relatório Resumo de compromissos, selecione as datas de início e de encerramento nos calendários. 8. Se tiver sido solicitado a inserir informações adicionais, clique em Gerar relatório para executar o relatório. Após uma breve pausa, a atividade Entrevistas exibirá o relatório na guia Relatórios selecionados. É possível alterar o critério de filtro para o relatório exibido (exceto para o relatório Resumo de compromissos) selecionando uma opção diferente na lista suspensa Filtro de dados ou Filtro de amostra e clicando no botão Atualizar. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 195

200 Nota: Quando o relatório atual não incluir filtros de tempo, o botão Atualizar estará ativado e os filtros de tempo estarão desativados. Para especificar que um relatório específico não deve incluir filtros de tempo, o nome do relatório deve ser incluído no arquivo web.config da atividade Entrevistas. Consulte o tópico Configurações para a atividade Entrevistas no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Filtrando relatórios Ao executar ou fazer o download de um relatório, é possível escolher incluir somente registros que se relacionem a um período de tempo específico ou escolher registros que contenham informações ou dados de amostra específicos. Isso é feito selecionando um filtro a ser aplicado ao relatório. Quando instalada, a atividade Entrevistas inclui vários filtros diferentes, que você pode corrigir para adequar a seus próprios requisitos. Também é possível incluir seus próprios filtros ou excluir filtros que não deseja mais. Você define um filtro gravando uma expressão de filtro. Observe que não é possível alterar ou excluir os filtros "Outro" e "Sem limite" instalados com a atividade Entrevistas. Além disso, o relatório Resumo de compromissos ignora qualquer filtro selecionado e os relatórios entre projetos ignoram os filtros de data/hora. Incluindo um filtro de data 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de data. 3. Em Nome, insira o nome do novo filtro. O comprimento máximo do nome do filtro é de 128 caracteres. 4. Em Expressão de filtro, insira a expressão para o novo filtro. O comprimento máximo da expressão de filtro é de 512 caracteres. Para obter mais informações, consulte "Gravando uma expressão de filtro" no final deste tópico. 5. Clique em Incluir. Isso inclui o novo filtro na lista de filtros. 6. Para salvar o novo filtro e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar salvar o novo filtro. Nota: Uma alternativa para incluir um filtro de data ou de amostra é usar o botão Copiar. Isso copiará o filtro selecionado, permitindo renomear o filtro e editar a sintaxe. Editando um filtro de data 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de data. 3. Em Filtros, selecione o filtro que deseja editar e clique em Editar. 4. Em Filtrar expressão, corrija a expressão e clique em Atualizar. Para obter mais informações, consulte "Gravando uma expressão de filtro" no final deste tópico. 5. Para salvar o filtro revisado e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar salvar sua correção. Excluindo um filtro 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de data. 3. Em Filtros, selecione o filtro que deseja excluir e clique em Excluir. Isso abre uma caixa de diálogo de confirmação. 4. Clique em OK. Isso remove o filtro da lista de filtros. 5. Para excluir o filtro e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar excluir o filtro. 196 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

201 Incluindo um filtro de amostra 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de amostra. 3. Em Nome, insira o nome do novo filtro. O comprimento máximo do nome do filtro é de 128 caracteres. 4. Em Expressão de filtro, insira a expressão para o novo filtro. O comprimento máximo da expressão de filtro é de 512 caracteres. Para obter mais informações, consulte "Gravando uma expressão de filtro" no final deste tópico. 5. Clique em Incluir. Isso inclui o novo filtro na lista de filtros. 6. Para salvar o novo filtro e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar salvar o novo filtro. Nota: Uma alternativa para incluir um filtro de data ou de amostra é usar o botão Copiar. Isso copiará o filtro selecionado, permitindo renomear o filtro e editar a sintaxe. Editando um filtro de amostra 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de amostra. 3. Em Filtros, selecione o filtro que deseja editar e clique em Editar. 4. Em Filtrar expressão, corrija a expressão e clique em Atualizar. Para obter mais informações, consulte "Gravando uma expressão de filtro" no final deste tópico. 5. Para salvar o filtro revisado e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar salvar sua correção. Excluindo um filtro de amostra 1. No menu Ferramentas, escolha Configurar filtros. Isso abre a caixa de diálogo Configurar Filtros. 2. Selecione a guia Filtro de amostra. 3. Em Filtros, selecione o filtro que deseja excluir e clique em Excluir. Isso abre uma caixa de diálogo de confirmação. 4. Clique em OK. Isso remove o filtro da lista de filtros. 5. Para excluir o filtro e fechar a caixa de diálogo Configurar filtros, clique em OK. Como alternativa, clique em Cancelar se não desejar excluir o filtro. Gravando uma expressão de filtro O texto de expressão que é usado em expressões de filtro deve ser suportado pelo IBM SPSS Data Collection Data Model e pode incluir funções da Biblioteca de funções do IBM SPSS Data Collection. Para obter mais informações, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Avaliação de expressão" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Fazendo download de relatórios É possível fazer o download de um ou mais relatórios para arquivos HTML ou CSV. A atividade de Entrevista incluirá os arquivos de relatório em um arquivo.zip, que você poderá salvar no local de sua escolha. Ao fazer download de relatórios, será possível escolher se os relatórios incluirão o seguinte: v Dados de entrevista reais ou de teste, ou ambos os tipos de entrevista. v Um gráfico. v Todos os registros ou somente os registros relacionados a um período de tempo específico. v Informações ou dados de amostra do projeto. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 197

202 Fazendo download de relatórios 1. No menu Ferramentas, escolha Opções. Isso abre a caixa de diálogo Opções. 2. Por padrão, muitos relatórios somente incluem dados para entrevistas reais. Se desejar que seus relatórios incluam dados somente para entrevistas de teste ou para ambas as entrevistas, reais e de teste, altere o valor do Filtro de dados conforme o necessário. Se o seu projeto foi criado usando a versão 3.0 ou anterior do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, ou se você pretende fazer download somente dos três relatórios relacionados ao uso de um discador automático, ignore a etapa anterior e os relatórios sempre incluirão dados para ambas as entrevistas, reais e de teste. Nota: Na tabela de amostra do projeto, os registros de participante são definidos como reais ou de teste pelo valor da coluna Teste. Se o valor for Null, a atividade de Entrevista tratará o registro como real e de teste. Para obter informações adicionais, consulte Mapeando campos para colunas obrigatórias na tabela de amostra na página Na lista suspensa "Formato do relatório de download", selecione o formato para o arquivo transferido por download, HTML ou CSV. 4. Para incluir um gráfico com cada relatório, selecione Incluir gráfico e escolha o tipo de gráfico na lista suspensa. Nota 1: Para que seja possível selecionar a opção "Incluir gráfico", primeiro você deverá ter ativado os gráficos na atividade Entrevista. Para obter mais informações, procure nas Instruções de instalação e notas de configuração do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server o tópico "Ativando gráficos na atividade Entrevista". Nota 2: Nem todos os relatórios podem incluir um gráfico. Consulte a descrição individual de cada relatório no Entrevistas na página 183 para obter detalhes. 5. Para salvar as configurações e fechar a caixa de diálogo Opções, clique em OK. 6. No quadro à esquerda da guia Visão Geral, é possível selecionar um Filtro de data ou um Filtro de amostra existente nas listas suspensas fornecidas. Para inserir seu próprio intervalo de data e hora, selecione Outro na lista Filtro de data e, em seguida, especifique as datas e os horários de início e de encerramento usando as listas suspensas. Observe que os horários de início e de encerramento se referem aos horários no fuso horário local do servidor IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, que pode não ser o mesmo que o seu fuso horário local. Para especificar que nenhuma filtragem é necessária, selecione Sem limite. Para obter mais informações sobre como criar seus próprios filtros, consulte Filtrando relatórios na página 196. Nota: O filtro selecionado será aplicado a todos os relatórios que você escolher transferir por download, exceto ao relatório Resumo de compromissos. Se você fizer o download desse relatório, a atividade Entrevistas solicitará que um período seja inserido. 7. No menu da atividade Entrevistas, escolha: Ferramentas > Download > Relatórios selecionados Isso abre a caixa de diálogo "Download de relatórios de selecionados". 8. Selecione os relatórios que deseja transferir por download e clique em OK. 9. Alguns relatórios solicitam informações adicionais, da seguinte forma: v Para o relatório Revisar contatos, selecione as variáveis que devem formar a lateral e a parte superior da tabela nas listas suspensas. v Para o relatório Resumo de compromissos, selecione as datas de início e de encerramento nos calendários. 10. Caso seja solicitado que você insira informações adicionais, clique em OK para fazer o download dos relatórios. 11. Quando solicitado, escolha abrir o arquivo.zip em seu programa associado ou salvá-lo no local da sua escolha. 198 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

203 Sobre Segmentos Os segmentos são um meio de categorizar registros usando agrupamentos da sua escolha. Se as informações de segmento estiverem presentes na tabela de amostra do projeto, a atividade Entrevistas dividirá ainda mais os dados por segmento ao executar o relatório "Resultado de chamada por segmento" ou o relatório "Chamadas por segmento". Segmento não é uma coluna obrigatória na tabela de amostra e se não estiver presente, o relatório somente mostrará informações no nível superior. Os nomes alternativos para a coluna Segmento, na ordem de prioridade, são Mercado, Localização, Região ou Depósito. Ou seja, se não houver uma coluna Segmento, a atividade Entrevistas procurará uma coluna chamada Mercado e a usará, se não houver uma coluna Mercado, procurará por uma coluna chamada Local e assim por diante. Independentemente do nome, assegure-se de configurar a opção É possível tabular como True na Guia Campos da atividade Opções de entrevistas. Exportar dados Use Exportar dados para exportar dados de entrevistas para análise usando produtos como o IBM SPSS Data Collection Survey Tabulation ou o IBM SPSS Statistics. Os arquivos que Exportar dados cria são gravadas em um arquivo zip na pasta do usuário. O nome do arquivo é InterviewExporter.ProjectName.DataType.DateTime*.gz; por exemplo, InterviewExporter.test.csv zip para um arquivo de texto delimitado para o projeto de teste, exportado às 16h no dia 20 de novembro de É possível exportar dados nos seguintes formatos: v Arquivo de texto delimitado (Excel) v Arquivo de dados do Data Collection (suporta dados hierárquicos) v Arquivo de dados do Quantum (DAT) v Arquivo do sistema SAS v Arquivo IBM SPSS Statistics (SAV) v Arquivo de dados Triple-S (Fixo ou CSV) v Arquivo de dados Data Collection XML (suporta dados hierárquicos) É possível calcular e, em seguida, gerar duas colunas de dados adicionais contendo os horários de início e de conclusão para cada caso. Os horários de início e de conclusão são baseados no fuso horário selecionado de sua escolha. Também é possível incluir somente registros relacionados a uma condição de filtro específica (como período de tempo ou status da pesquisa de opinião). Exportar dados fornece vários filtros que podem ser modificados de acordo com seus requisitos. Também é possível criar seus próprios filtros ou excluir filtros que não são mais necessários. Se você estiver exportando em formato de texto delimitado e os dados contiverem dados categóricos, será possível escolher entre a exportação de nomes de categoria (resposta) ou valores (códigos). É possível exportar os seguintes tipos de dados: v Somente dados do respondente (ou seja, dados de entrevistas em tempo real) v Somente dados de teste v Dados de respondente e dados de teste e é possível incluir todas as variáveis do sistema, somente as variáveis do sistema comuns ou nenhuma variável do sistema. Também é possível escolher quais tipos de variáveis de dados deseja exportar. Por exemplo, variáveis categóricas e numéricas, mas não variáveis de texto, booleanas ou de data. É possível exportar dados com qualquer combinação dos seguintes status de entrevista: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 199

204 v Concluído com sucesso v Ativo/em andamento v Tempo limite atingido v Interrompido pelo script v Interrompido pelo respondente v Encerramento do sistema de entrevista v Finalizado por um sinal do script de questionário v Revisado Finalmente, é possível escolher exportar os dados reunidos antes ou depois de uma data/hora específica ou selecionar um intervalo de data/hora. Uma opção avançada está disponível para usuários que desejam mais controle sobre o processo de exportação. Exportar dados normalmente não exporta dados sujos, mas pode ser configurado para isso. Fale com o administrador do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server caso seja necessário exportar dados sujos. Iniciando a exportação de dados 1. Selecione o projeto cujos dados você deseja exportar e clique em Exportar Dados. Exportando dados A página Exportar dados principal é onde você define o formato de dados que deseja usar para o arquivo de dados de saída e o tipo de dados que deseja exportar para esse arquivo. Exportar dados usa a propriedade DataLocation do projeto no DPM para localizar o arquivo de definição do questionário (.mdd) e os dados do caso. Se DataLocation apontar para uma pasta do projeto na área Usuário na qual não haja um arquivo.mdd, Exportar dados procurará um arquivo.mdd na pasta Compartilhada do projeto. Se o arquivo.mdd contiver mais de uma versão, Exportar dados usará a superversão, ou seja, uma combinação de todas as versões que resulta em dados para todas as questões que aparecem em todas as versões que estão sendo exportadas. Se você estiver exportando dados no formato IBM SPSS Quantum e o IBM SPSS Data Collection Metadata Model to Quantum tiver sido executado anteriormente nos dados do caso, Exportar dados usará as alocações de coluna feitas usando o IBM SPSS Data Collection Metadata Model to Quantum em vez de fazer novas alocações. Nota: Se você transferiu por download o.mdd para executar o IBM SPSS Data Collection Metadata Model to Quantum, lembre-se de fazer seu upload na área compartilhada antes de executar Exportar dados. Exportando dados 1. Em Exportar para, escolha o formato de dados no qual deseja gravar os dados exportados. Os Dados hierárquicos são suportados nos formatos de Arquivo de dados do Data Collection e Arquivo de dados XML do Data Collection. Nota: Quando o documento MDM contiver questões de loop ilimitado e você selecionar Arquivo de dados do Data Collection ou Arquivo de dados XML do Data Collection, a exportação usará HDATA (caso contrário, VDATA será usado). Consulte o tópico "Loops sem limite" no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações sobre os loops sem limite. 2. Se o formato de dados permitir mais de um tipo de arquivo, use a caixa Tipo de arquivo para selecionar aquele que deseja usar. 200 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

205 3. Se o arquivo de definição do questionário (.mdd) contiver mais de um idioma, use a caixa Idioma para selecionar o idioma que deseja usar para a questão, a resposta e outros textos. O padrão é o idioma padrão do projeto (base). 4. Em Variáveis do sistema, escolha como deseja lidar com as variáveis do sistema. É possível exportar todas as variáveis do sistema, as variáveis que não são do sistema ou somente as variáveis do sistema comuns. 5. Se você não desejar exportar todos os tipos de variáveis de dados, faça o seguinte: v Em Tipos de variáveis, escolha Selecionar abaixo. Exportar dados exibirá uma caixa de seleção para cada tipo de variável abaixo da caixa Tipos de variável. v Desmarque as caixas para as variáveis que não deseja exportar. 6. Se você estiver exportando dados no formato do IBM SPSS Quantum, um conjunto de prompts a serem executados com as opções de coluna de cartão será exibido. Faça o seguinte: v Em Largura do número de série, digite o número de colunas a serem reservadas para o número de série do respondente. O padrão é cinco colunas. v Em Largura do número do cartão, digite o número de colunas a serem reservadas para o número do cartão. O padrão é duas colunas. v Em Comprimento máximo do cartão, digite o número máximo de colunas a serem gravadas por cartão. O padrão é 80. v Em Nome completo da variável serial, digite o nome da variável serial. A variável serial armazena os números de série dos respondentes. 7. Se você estiver exportando dados no formato de texto delimitado e desejar exportar nomes de categoria em vez de valores (códigos), clique em Nome da categoria de saída em vez de valor para o arquivo de texto delimitado. 8. Selecione Gerar colunas adicionais para os horários de início e término em um fuso horário específico para calcular e, em seguida, gerar duas colunas de dados adicionais contendo os horários de início e término para cada caso. É possível selecionar os seguintes fusos horários: v Fuso horário do Servidor de entrevista - quando selecionado, o fuso horário do Servidor de entrevista será usado para os valores de fuso horário de início e término. v Horário local do respondente quando selecionado, o fuso horário do respondente será usado para os valores de fuso horário de início e término. Nota: Quando o horário de verão estiver em vigor no fuso horário do respondente, um offset de 60 minutes será aplicado. v Outro quando selecionado, será possível selecionar qualquer fuso horário de início/término na lista Fuso horário fornecida. O fuso horário padrão é a (GMT) Hora de Greenwich. Filtrando dados exportados A seção Opções de filtro permite incluir somente os registros que se relacionam a uma condição de filtro específica (como período de tempo ou status da pesquisa de opinião). Exportar dados fornece vários filtros predefinidos que podem ser modificados para se adequarem aos seus requisitos, além de atalhos para suportar a filtragem com base em status e data/hora. Também é possível criar seus próprios filtros ou excluir filtros pré-configurados que não sejam mais necessários. 1. Selecione um filtro pré-configurado apropriado na lista Selecionar um filtro pré-configurado. É possível criar novos, modificar os existentes ou excluir filtros existentes. Consulte Diálogo Editar filtros pré-configurados na página 202 para obter informações sobre como criar, modificar e excluir filtros. v v Visualização pré-configurar: Clique para exibir a expressão de filtro para o filtro selecionado predefinido. Ocultar pré-configurado: Clique para ocultar a expressão de filtro para o filtro pré-configurado selecionado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 201

206 v Editar pré-configurados: Clique para criar um novo, modificar um existente ou excluir um filtro existente. Consulte o tópico Diálogo Editar filtros pré-configurados para obter mais informações. v Expressão de filtro: Exibe a expressão para o filtro pré-configurado selecionado. Clique em Editar pré-configurados para modificar a expressão. Consulte o tópico Diálogo Editar filtros pré-configurados para obter mais informações. 2. Em Selecionar filtragem com base no status de coleta de dados, escolha Somente dados do respondente, Somente dados de teste ou Todos os dados e, em seguida, pelo menos um dos tipos de resultado da entrevista. 3. Opcionalmente, ative as opções Selecionar casos concluídos após uma determinada data/hora e/ou Selecionar casos concluídos antes de uma determinada data/hora. v Quando Selecionar casos concluídos após uma determinada data/hora for selecionada e uma data/hora apropriada for definida, os casos que forem concluídos após a data/hora especificada serão retornados. v Quando Selecionar casos concluídos antes de uma determinada data/hora for selecionada e uma data/hora apropriada for definida, os casos que forem concluídos antes da data/hora especificada serão retornados. v Quando ambas as opções Selecionar casos concluídos após uma determinada data/hora e Selecionar casos concluídos antes de uma determinada data/hora forem selecionadas, os casos que estiverem entre as duas datas/horas especificadas serão retornados. Nota: As opções de data/hora da condição do filtro definidas não correspondem ao Horário local do respondente selecionado. Ao definir as opções Selecionar casos concluídos após uma determinada data/hora e Selecionar casos concluídos antes de uma determinada data/hora, os horários são baseados em UTC (Hora Universal Coordenada). 4. Clique em Fazer o download agora após aplicar as configurações apropriadas. Isso abre a caixa de diálogo Exportando. Mensagens são exibidas nesta caixa de diálogo documentando o progresso da exportação e, quando a exportação é concluída, o número de casos transferidos. Observe que Exportar dados geralmente não exporta dados sujos, mas pode ser configurado para exportá-los. Fale com o administrador do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server caso seja necessário exportar dados sujos. 5. Quando solicitado, escolha se deseja abrir o arquivo a partir de seu local atual ou salvá-lo em um local de sua escolha. Notas Durante uma exportação, o DMOM remove todos os campos, reintroduz os campos obrigatórios e inclui os campos no roteamento Papel (somente quando os campos estão adequados no roteamento Papel). Isto pode resultar na inclusão de itens duplicados no roteamento Papel. No DMOM, o MDD gerado não é útil para pesquisas de opinião. Portanto, as mudanças no script de roteamento são irrelevantes. Diálogo Editar filtros pré-configurados: O diálogo Editar filtros pré-configurados fornece opções para criar, modificar e excluir filtros. Criando um filtro 1. Em Exportar dados, clique em Editar pré-configurações próximo ao campo Selecionar um filtro pré-configurado. Isso exibe o diálogo Editar filtros Pré-configurados, permitindo definir um novo filtro. 2. Clique no ícone Incluir um novo pré-configurado para incluir o novo filtro na lista de filtros pré-configurados. 3. Insira um nome de filtro apropriado no campo Nome. 4. Insira a expressão apropriada no campo Expressão de filtro. Consulte a seção Gravando expressões de filtro abaixo para obter informações adicionais. 202 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

207 5. Clique em Aplicar para salvar o novo filtro. Clique em Cancelar para descartar o novo filtro. Modificando um filtro existente 1. Em Exportar dados, clique em Editar pré-configurações próximo ao campo Selecionar um filtro pré-configurado. Isso exibe o diálogo Editar filtros Pré-configurados, permitindo modificar um filtro existente. 2. Na lista Pré-configurações, selecione um filtro para modificar. O nome do filtro e a expressão selecionados são exibidos em seus respectivos campos Nome e Expressão de filtro. 3. Edite a expressão de filtro da maneira apropriada, e clique em Aplicar. Consulte a seção Gravando expressões de filtro abaixo para obter informações adicionais. 4. Clique em OK para salvar o filtro modificado. Clique em Cancelar para descartar as mudanças. Copiando um filtro existente 1. Em Exportar dados, clique em Editar pré-configurações próximo ao campo Selecionar um filtro pré-configurado. Isso exibe o diálogo Editar filtros Pré-configurados, permitindo modificar um filtro existente. 2. Na lista Pré-configurações, selecione um filtro para copiar. 3. Clique no ícone Copiar e colar. O filtro selecionado será duplicado com um número anexado ao seu nome. 4. Edite o nome do filtro e a expressão copiados da maneira apropriada e clique em Aplicar. Consulte a seção Gravando expressões de filtro abaixo para obter informações adicionais. 5. Clique em OK para salvar o filtro clonado. Clique em Cancelar para descartar as mudanças. Excluindo um filtro 1. Clique em Editar pré-configurações próximo ao campo Selecionar um filtro pré-configurado. Isso exibe o diálogo Configurar filtros, permitindo excluir um filtro existente. 2. Na lista Pré-configurações, selecione um filtro para excluir e, em seguida, clique no ícone Excluir. Gravando expressões de filtro O texto de expressão usado em expressões de filtro deve ser suportado pelo IBM SPSS Data Collection Data Model e pode incluir funções da Biblioteca de funções do IBM SPSS Data Collection. Consulte o tópico Avaliação de expressão no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Exportando somente variáveis do sistema comuns: As variáveis do sistema contêm informações gerais sobre a entrevista como um todo, em vez de dados relacionados a uma questão individual e, portanto, elas são pouco utilizadas para propósito da análise. No entanto, em vez de forçá-lo a escolher entre exportar todas ou nenhuma das variáveis do sistema, Exportar dados oferece uma terceira opção para exportar somente as variáveis do sistema usadas com mais frequência. Elas são as seguintes: Nome de variável Respondent.ID Respondent.Serial DataCollection.Status DataCollection.StartTime DataCollection.FinishTime DataCollection.MetadataVersionNumber Descrição ID que vincula um registro de respondente a entradas de log. É um ID do registro de amostra ou um ID gerado aleatoriamente pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Número de série do respondente Status da entrevista (concluído, interrompido, tempo limite atingido e assim por diante). Horário de início da entrevista. Horário de término da entrevista. Número da versão dos metadados usados para esta entrevista. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 203

208 Nome de variável DataCollection.TerminateSignal Descrição Sinal usado para finalizar a entrevista. Procedimento recomendado para exportação de dados do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server para o IBM SPSS Quantum O procedimento a seguir é recomendado para exportar dados no formato do IBM SPSS Quantum. 1. No IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, execute a atividade Ativar para ativar o projeto. Isso assegura que o arquivo.mdd contenha informações atualizadas sobre as questões no questionário. 2. Execute IBM SPSS Data Collection Metadata Model to Quantum no arquivo.mdd recém-atualizado. 3. Reative o questionário. A versão do arquivo.mdd na pasta do projeto Compartilhada agora conterá as informações de cartão e coluna. 4. No IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, execute Exportar dados para exportar os dados. Opções avançadas O diálogo Interviewer Server Administration Exportar dados é exibido quando você clica em Avançado em Exportar dados. O diálogo fornece as seguintes opções. Guia Propriedades da conexão Nota: A guia Propriedades da conexão somente ficará visível se a variável canalterconnectionproperties estiver designada a você para a atividade de Exportar dados. Consulte o tópico Designando usuários ou funções para variáveis de atividade no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide para obter mais informações sobre as variáveis de atividade. A guia Propriedades da conexão fornece entradas para as propriedades customizadas, permitindo que você defina a parte customizada de inicialização do MR das sequências de conexões de entrada e de saída. Customizada de inicialização do MR de entrada: Permite que você defina a parte Customizada de inicialização do MR da sequência de conexões de entrada. Customizada de inicialização do MR de saída: Permite que você defina a parte Customizada de inicialização do MR da sequência de conexões de saída. Consulte o tópico Propriedades da conexão no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações sobre as propriedade da conexão Customizadas de inicialização do MR. Guia Propriedades do MDM A guia Propriedades do MDM fornece mais controle sobre o tipo de dados que é exportado, permitindo especificar qual a versão, o idioma, o contexto e o tipo de rótulo que deseja exportar. Os arquivos de definição de questionário (.mdd) geralmente contêm versões, que registram quaisquer mudanças no conteúdo do questionário. Normalmente, quando o questionário é alterado (por exemplo, uma questão ou categoria é incluída ou excluída), uma nova versão é criada e, quando as mudanças são concluídas, a versão é bloqueada. O uso de uma combinação de algumas ou de todas as versões é útil quando, por exemplo, você deseja exportar dados do caso para mais de uma versão e houve mudanças nas definições de variável e categoria, significando que os dados do caso coletados com uma versão não são válidos em outra versão. 204 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

209 A seleção de todas as versões para as quais deseja exportar os dados do caso, significa que, geralmente, é possível exportar os dados do caso coletados com as diferentes versões ao mesmo tempo sem encontrar erros de validade devido às diferenças entre as versões. No entanto, dependendo das mudanças de versão, alguns erros de validade ainda podem ser encontrados. Versão atual. Exibe uma expressão que representa a seleção escolhida. Opcionalmente, é possível selecionar as versões que deseja usar, digitando uma expressão diretamente na caixa de texto. Sintaxe Descrição.. Especifica todas as versões v1, v2, v3, v4 Especifica versões individuais v1.. v2 Especifica um intervalo inclusivo de versões ^ v1.. v2 Exclui um intervalo de versões Especifica a versão mais recente. É possível especificar uma combinação de versões individuais e intervalos para incluir ou excluir. Por exemplo, o seguinte especifica a versão 3:2 e todas as versões da 4:5 à 7:3 com a exceção das versões 7 à 7:2: 3:2, 4:5..7:3, ^7..7:2 Quando houver conflito entre as versões, a ordem de precedência será obtida pela ordem em que as versões estiverem especificadas na expressão, com as versões mais à direita tendo precedência sobre as mais à esquerda. Por exemplo, se um rótulo de categoria for diferente entre as versões selecionadas, o texto na versão com a precedência mais alta será usado. No entanto, a ordem das questões e categorias sempre será obtida a partir da versão mais recente e haverá manipulação especial de mudanças para intervalos de definição de loop e valores mínimo e máximo de variáveis. Mais recente. Selecione essa opção se você desejar usar a versão mais recente. Todos. Selecione essa opção se você desejar usar uma combinação (superconjunto) de todas as versões disponíveis. (Às vezes, ele é chamado de superversão). Versões. Uma lista de todas as versões que estão disponíveis. Para cada versão, as seguintes informações são mostradas: v Nome. O nome da versão. Os nomes de versão são compostos de uma combinação de números da versão principal e da versão secundária no formato Major#:Minor#, emquemajor# é o número da versão principal e Minor# é o número da versão secundária. Mudanças no número da versão principal indicam que a estrutura dos dados do caso foi alterada (por exemplo, variáveis ou categorias foram incluídas ou excluídas), enquanto que, as mudanças no número da versão secundária indicam que as mudanças afetam somente os metadados (por exemplo, um texto da questão foi alterado). Os nomes de versão são criados automaticamente quando uma versão é bloqueada. Uma versão que nunca tenha sido bloqueada sempre será chamada LATEST. v Criado por. O ID do usuário que criou a versão. v Data de criação. Mostra a data e hora em que a versão foi bloqueada. v Descrição. Quando presente, é um texto que fornece informações sobre a versão. Idiomas. Selecione o idioma que deseja usar. Somente será possível alterar o idioma se houver mais de um idioma definido. Contextos. Selecione o contexto do usuário que deseja usar. O contexto do usuário controla quais textos são exibidos. Por exemplo, selecione Questão para exibir os textos da questão ou Análise para exibir textos mais curtos adequados à exibição ao analisar os dados. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 205

210 LabelTypes. Selecione o tipo de rótulo que deseja usar. Geralmente, você deve selecionar a opção Rótulo. Expressões de versão: Ao abrir um arquivo de metadados (.mdd), será possível especificar a versão ou as versões que deseja usar. Este tópico descreve a sintaxe usada para especificar a versão ou as versões. É possível especificar uma única versão usando seu nome. Os nomes de versão são compostos de uma combinação de números da versão principal e da versão secundária no formato Major#:Minor#, em que Major# é o número da versão principal e Minor# é o número da versão secundária. Mudanças no número da versão principal indicam que a estrutura dos dados do caso foi alterada (por exemplo, variáveis ou categorias foram incluídas ou excluídas), enquanto que, as mudanças no número da versão secundária indicam que as mudanças afetam somente os metadados (por exemplo, um texto da questão foi alterado). Os nomes de versão são criados automaticamente quando uma versão é bloqueada. Uma versão que nunca tenha sido bloqueada sempre será chamada LATEST. É possível abrir a versão secundária mais recente que pertença a uma versão principal especificada inserindo o número da versão principal seguido por dois pontos. Por exemplo, se houver as versões secundárias 2:1, 2:2 e 2:3, a especificação de 2: abrirá a versão secundária 2:3. É possível usar uma expressão para abrir um superconjunto (às vezes, chamado de superversion) de duas ou mais versões. A ordem na qual você especifica as versões determina a ordem de precedência usada quando há um conflito entre versões. (As versões mais à direita na expressão têm precedência sobre as mais à esquerda.) Por exemplo, se um rótulo de categoria for diferente nas versões selecionadas, o texto na versão com a precedência mais alta será usado. No entanto, a ordem das questões e categorias é sempre considerada a partir da versão mais recente e há manipulação especial de mudanças nos intervalos de definição de loop e nos valores mínimo e máximo das variáveis entre as versões do. A sintaxe da expressão de versão é: {<version> (, <version>)*} <version>::= VersionName [^] [VersionName].. [VersionName] em que VersionName é o nome de uma versão principal ou secundária e ^ indica que o intervalo seguinte deve ser excluído. É possível especificar o nome de versões que não existem em um intervalo. Em seguida, o MDM usará automaticamente o próximo nome mais superior ou mais inferior que encontrar, dependendo de o nome estar especificado no início ou no final do intervalo e de o intervalo ser uma sequência crescente ou decrescente. Exemplos Expressão Descrição {..} Incluir todas as versões no Documento MDM. Se não houver versões, é selecionado o Documento sem versão. {2, 3, 7} Incluir as versões 2, 3e7edaraprecedência mais alta para a versão 7, a próxima precedência mais alta para a versão 3eamenor precedência para versão 2. {5..1} Incluir as versões 5 até 1, dando a precedência mais alta para a versão 1. {2..7,9} Incluir as versões 2 até 7eaversão 9. {2..11,^3:1..5:4} Incluir as versões 2 até 11, mas excluir as versões 3:1 a 5:4 inclusivas. {} Incluir a versão mais recente no Documento MDM. 206 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

211 Expressão {LATEST} {LASTLOCKED} Descrição Selecionar a versão mais recente na coleção de versões, independentemente de ser chamada LATEST. Se não houver versões, o documento sem versão é selecionado. Incluir a versão mais recente bloqueada no Documento MDM. Definição EBNF A sintaxe para especificar a versão ou as versões a serem abertas pode ser especificada usando o seguinte Extended Backus-Naur Form (EBNF), que é uma notação para especificar a sintaxe de uma linguagem de forma sucinta e precisa: <versionname> ::= <version> (<vername>:) <range> <range> ::= { <range_item>(, <range_item>)* } <range_item>::= [^]((<version>[..]) ([<version>]..[<version>])) <version> ::= (<vername>[:<vername>]) LATEST LASTLOCKED <vername> ::= Any positive integer value Configurações do DPM para exportar dados Problemas de desempenho podem surgir ao exportar dados para origens de dados SAV ou Quantum quando os metadados chegam a instâncias de variável. As seguintes propriedades do DPM foram introduzidas no Fix Pack 1 do IBM SPSS Data Collection 7. As propriedades solucionam os problemas de desempenho, fornecendo opções para limitar o número de variáveis que podem ser exportadas (para VDATA e HDATA) e definindo quais DSCs estão disponíveis para exportação. Propriedade do DPM Valor padrão Descrição Site > Servidores > [ServerName] > Aplicativos > InterviewExporter > MaxVariables Site > Servidores > [ServerName] > Aplicativos > InterviewExporter > AvailableDSCs Site > Servidores > [ServerName] > Aplicativos > InterviewExporter > NoLimitDSCs Vazio Vazio Vazio Define o número máximo de variáveis que podem ser exportadas. Para exportações VDATA este é o número máximo de instâncias de variável. Para exportações de HDATA este é o número máximo de campos de nível superior. Se o projeto contiver mais variáveis que o máximo definido, um erro será retornado ao tentar exportar. Quando MaxVariables não está configurado, o número de variáveis é ilimitado. Uma lista separada por vírgula de DSCs que estão disponíveis para exportação de dados. Quando essa propriedade não está configurada, todos os DSCs configurados no servidor ficam disponíveis para exportação. Uma lista separada por vírgula de DSCs que não são limitados pela propriedade MaxVariables. Quando essa propriedade não está configurada, todos os DSCs disponíveis são limitados pela propriedade MaxVariables. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 207

212 Quando a atividade de Exportação de dados for ativada, se MaxVariables estiver configurada, o VariableInstances.Count será verificado e um diálogo de aviso será exibido se o valor de VariableInstances.Count for maior que o valor definido para MaxVariables. As condições da mensagem de aviso são: v VDATA project, NoLimitDSCs="" Aviso: O número de variáveis deste projeto (2340) excede o máximo de variáveis para exportação (2000). É possível limitar o número de variáveis usando as opções "Variáveis do sistema" e "Tipos de variável". v VDATA project, NoLimitDSCS<>"" Aviso: O número de variáveis deste projeto (2340) excede o máximo de variáveis para exportação (2000). É possível limitar o número de variáveis usando as opções "Variáveis do sistema" e "Tipos de variável " ou usar um formato de exportação ilimitado (sequência de caracteres NoLimitDSCs). v HDATA project, NoLimitDSCs="" Aviso: O número de variáveis deste projeto (2340) excede o máximo de variáveis para exportação (2000). É possível limitar o número de variáveis usando as opções "Variáveis do sistema" e "Tipos de variável". Também é possível exportar usando um formato de exportação que suporte dados hierárquicos. v HDATA project, NoLimitDSCS<>"" Aviso: O número de variáveis deste projeto (2340) excede o máximo de variáveis para exportação (2000). É possível limitar o número de variáveis usando as opções "Variáveis do sistema" e "Tipos de variável " ou usar um formato de exportação ilimitado (sequência de caracteres NoLimitDSCs). Também é possível exportar usando um formato de exportação que suporte dados hierárquicos. Após clicar no botão Fazer o download agora v A lista suspensa Exportar para exibirá o valor de AvailableDSCs. Se o valor de AvailableDSCs estiver vazio ou a propriedade do DPM não estiver definida, a lista suspensa exibirá todas as origens de dados configuradas pelo servidor. v Se a origem de dados selecionada (o valor selecionado da lista suspensa Exportar para) for um dos valores de NoLimitDSCs, os campos não serão contados e verificados com relação a MaxVariables. A exportação de dados continuará normalmente. v Se o usuário escolher um ou mais tipos de variável da lista suspensa, o sistema somente contará os tipos selecionados pelo usuário. v Uma mensagem de erro será exibida sempre que o usuário selecionar o botão Fazer o download agora e a contagem do campo for maior do que o valor de MaxVariables. Por exemplo: Unable to export. The number of variables for this project (2340) exceeds the maximum variables that are permitted for export (1000). Desempenho A contagem das instâncias da variável VDATA e dos campos HDATA não afeta o desempenho negativamente. Publicar dados A atividade Publicar dados publica dados ativos em aplicativos de relatórios, ou seja, o IBM Cognos Business Intelligence, que, por sua vez, fornece relatórios de nível corporativo, análise, marcador de desempenho e notificação de eventos. A atividade está disponível para projetos de entrevista ou análise baseados em conjuntos de dados RDB2. Quando a atividade fornece um diálogo de três guias que fornece os parâmetros de configuração necessários do Cognos. 208 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

213 O fluxo de trabalho de Cognos geral é o seguinte: Figura 77. Fluxo de trabalho de publicação de dados 1. Os esquemas do Cognos necessários são preparados com base no esquema IBM SPSS Data Collection RDB2. 2. Um pacote Cognos é publicado, por meio do dispatcher externo do Cognos, com base no log de ações. O pacote consiste em informações de conexão para os dados físicos (PhysicalView) e os objetos de metadados (PresentationView) que são usados no relatório Cognos. 3. O pacote é publicado, incluindo o PresentationView, no Armazenamento de conteúdo do Cognos. 4. O relatório é renderizado no Cognos Report Studio com base no conteúdo do pacote. Limitações v A variável de publicação requer conjuntos de dados RDB2 DSC para suportar relatórios sobre dados de resposta em tempo real. Todos os conjuntos de dados que não forem RDB2 deverão ser transformados em RDB2 DSC, antes de serem publicados. v A variável de publicação requer o esquema RDB2 DSC quando o banco de dados usa o esquema RDB de legado. v As variáveis derivadas somente serão suportadas após serem convertidas em dados do caso reais por meio de um script DMOM. v As questões não categóricas com expressões de eixo somente serão suportadas após serem convertidas em variáveis reais, com dados do caso, por meio de um script DMOM. O script a seguir ilustra como converter uma questão com uma expressão de eixo em uma variável derivada. Em seguida, essa questão derivada poderá ser convertida em uma variável com dados do caso reais. FieldName = "visits" AxisExpr = "{visits1 1 to 10 expression( visits > 0 And visits < 11 ), "+_ "visits2 More than 10 expression( visits > 10 ), " +_ "mean Mean mean(visits)}" NewFieldName= "visits_category" Set MdmDoc = CreateObject("MDM.Document") MdmDoc.Open(MetadataFileName,, 3) Set AxisExprServices = CreateObject("TabulationServices.AxisExpressionServices") AxisExprServices.CreateAxisVariable(MdmDoc.Fields[FieldName], AxisExpr, NewFieldName, 255) v Ao exportar rótulos, os rótulos de variáveis e os rótulos de categoria (mas não os nomes de categoria) são expostos para um único Idioma, Contexto ou LabelType e para versões do MDM específicas. v Após a publicação de dados para o IBM Cognos Business Intelligence, os rótulos atualizados para as questões categóricas e os DBQs não poderão ser atualizados automaticamente no Cognos até que uma exportação adicional seja executada. v Subquestões em loops, cujos loops pai raiz sejam diferentes, não poderão ser usadas em um único relatório Cognos. Quando necessário, relacionamentos deverão ser criados manualmente no Cognos Framework Manager com base nas informações no log de ação. Iniciando a publicação de dados 1. Selecione o projeto para o qual deseja publicar dados e clique em Publicar dados. Isso abre a atividade Publicar de dados. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 209

214 Guia Metadados A guia Metadados fornece opções para definir as informações de metadados e variável de análise do IBM SPSS Data Collection (questões de dimensão e medida) usadas ao publicar dados. Todas as questões serão publicadas se nenhuma estiver selecionada. Opções de metadados As opções de metadados são usadas para selecionar idiomas específicos, contextos, tipos de rótulos e a versão única de.mdd para cada documento.mdm. Quando aplicadas, as variáveis são atualizadas de acordo com as configurações definidas: Idioma: A lista suspensa fornece todos os idiomas disponíveis que estão atualmente definidos para o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server selecionado. O idioma selecionado afeta os rótulos publicados. Selecione o idioma apropriado. Contexto: A lista suspensa fornece todos os contextos disponíveis que estão atualmente definidos para o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server selecionado. O contexto controla quais textos são exibidos. Por exemplo, selecione Questão para exibir textos da questão ou Análise para exibir textos mais curtos que sejam adequados para serem exibidos ao analisar os dados. Selecione o contexto apropriado. Tipo de rótulo: A lista suspensa fornece todos os tipos de rótulo disponíveis que estão atualmente definidos para o projeto doibm SPSS Data Collection Interviewer Server selecionado. Normalmente, você deve selecionar a opção Rótulo. Selecione o tipo de rótulo apropriado. Variáveis do sistema: A lista suspensa fornece as opções Todas, Comum e Nenhuma. Selecione a opção apropriada: v Quando Todos for selecionado, todas as variáveis do sistema serão incluídas no pacote Cognos. v Quando Comum for selecionado, somente as variáveis do sistema comuns serão incluídas no pacote Cognos. v Quando Nenhuma for selecionado, as variáveis do sistema não serão incluídas no pacote Cognos. Versão: A lista suspensa fornece todas as versões disponíveis para o arquivo.mdd selecionado. Selecione a versão do projeto apropriada. Nota: O Guia Avançado na página 212 fornece a opção de selecionar várias versões. Quando várias versões forem selecionadas na guia Avançado, a lista suspensa Versão exibirá Várias versões. Incluir campos de participante: Quando essa opção for selecionada, os dados de amostra para projetos com gerenciamento de amostra serão expostos para o Cognos. Aplicar: Clique no botão para aplicar as opções de metadados selecionadas. Variáveis de análise A tabela exibe todas as variáveis para o projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server selecionado. Se o tipo padrão é configurado para cada questão ou não, depende da Propriedade do DPM SetDefaultForQuestions (o valor padrão é true) para a primeira publicação. Durante as publicações subsequentes, a seleção da questão será configurada de acordo com o status mais recente, que pode ser configurado por um usuário diferente. É possível usar os botões Restaurar padrão ou Limpar todos para controlar o tipo padrão que é configurado para cada questão. 210 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

215 Nota: As questões derivadas ou outras questões onde HasCaseData estiver configurado como false, não serão listadas ao selecionar questões. Role pelas variáveis do Data Collection disponíveis e determine se elas devem ser categorizadas como variáveis de dimensão ou de medida do Cognos. v v Dimensão. Na linguagem Cognos, uma dimensão é a forma abreviada da dimensão regular, que representa os dados descritivos que fornecem o contexto para os dados modelados em dimensões de medida. Medida. Em linguagem Cognos, uma medida é a forma abreviada para as dimensões de medida, que representa os dados quantitativos descritos pelas dimensões regulares. A tabela a seguir mostra o Tipo de dados do Data Collection para questões comuns. Tipo de dados do Data Collection Dimensão Medida Categórico único Y (padrão) Y (se houver um fator definido) Categórico Múltiplo Texto Data Longo Dobro Booleano DBQ Único Y Y Y Y Y (padrão) Y Y Variáveis por página: Controla o número de variáveis que são exibidas no diálogo. Selecione um número apropriado na lista suspensa. Publicar Dados: Clique para publicar dados usando as configurações atuais. Assegure-se de que as opções do Guia Publicar e do Guia Avançado na página 212 estejam corretas antes de publicar dados. Guia Publicar A guia Publicar fornece opções para definir as configurações do pacote do Cognos. As configurações detalhadas são armazenados como propriedades do DPM. Consulte o tópico Configurações do DPM para publicação de dados no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Publicar no servidor Cognos: Quando selecionado, um pacote do Cognos será criado e publicado no servidor Cognos (definido por meio de propriedades do DPM). O pacote poderá ser usado para renderizar relatórios diretamente no Cognos Report Studio. Quando esta opção for selecionada, um servidor Cognos específico deverá ser selecionado (o nome do pacote padrão será usado a menos que ele tenha sido atualizado manualmente). Nota: Antes de usar essa variável, as configurações relacionadas ao servidor Cognos apropriado deverão ser armazenadas no DPM. Consulte o tópico Configurações do DPM para publicação de dados no IBM SPSS Data Collection Developer Library para obter mais informações. Depois de clicar em Publicar dados, todos os dados (incluindo registros de teste e ativos) serão expostos ao Cognos. Criar log de ações: Quando selecionado, um log de ações será criado e poderá ser usado para criar um projeto do Cognos Framework Manager, permitindo modelagem adicional por meio da ferramenta de linha de comandos do Cognos BmtScriptPlayer.exe. Por exemplo: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 211

216 C:\Program Files\IBM\cognos\c10\bin\BmtScriptPlayer.exe" -c "C:\AL\Satisfaction\Satisfaction.cpf" -a "C:\AL\Satisfaction_ActionLog.xml" Para tornar o projeto utilizável, assegure-se de que a Origem de dados do Cognos (referenciada no log de ações) exista no servidor Cognos. Uma entrada de log de ações de exemplo é destacada abaixo: <action seq="6" type="dbimport"> <inputparams>... <param seq="2" type="cclnode"> <value><![cdata[<item Name="ALLVERSION" Type="database" Value="partial" dbtype="ol" description="" issystem="false" screentip="">... </param> Notas v Quando Publicar no servidor Cognos e Criar log de ações estiverem selecionados, o pacote e o log de ações serão ambos criados ao mesmo tempo. v Quando nenhuma das opções estiver selecionada, somente o banco de dados RDB2 será atualizado. Guia Avançado A guia Avançado fornece opções para selecionar as versões do projeto do IBM SPSS Data Collection e o arquivo de configuração do Cognos. Escolher versões específicas A tabela permite selecionar as versões do.mdd apropriadas. Quando uma única versão ou várias versões do.mdd são selecionadas, a lista suspensa Versão na guia Metadados exibe Várias versões. Outras opções As configurações de Publicar dados podem ser salvas em um arquivo de configuração do Cognos ou carregadas a partir de um arquivo de configuração do Cognos existente. Definições de configuração de carregamento: Essa função é controlada pela propriedade PublishData.AllowUploadConfig do arquivo web.config da atividade Publicar dados. O valor padrão é false porque a propriedade do DPM pode ser carregada automaticamente (isso resulta na não exibição da função na interface com o usuário). A propriedade pode ser configurada como true nos casos em que a função precisa para carregar configurações na guia Metadados. Download do arquivo de configuração atual: Clicar nessa opção salva as configurações de Publicar dados em um arquivo de configuração, conforme o exemplo abaixo ilustra: <?xml version="1.0" encoding="utf-8"?> <ConfigurationSetting xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/xmlschema-instance" xmlns:xsd="http://www.w3.org/2001/xmlschema"> <DimensionQuestions > Age, Gender</DimensionQuestions > <MeasureQuestions > NumOfPersons</MeasureQuestions > <CaseDataConnectionString>Provider=SQLOLEDB.1;Integrated Security=SSPI;Password=*;Persist Security Info=False;User ID=;Initial Catalog=MULITPLEV;Data Source=VM-LILI-2K3-SRV;Extended Properties=</CaseDataConnectionString> <SystemVariableSelection>None</SystemVariableSelection> <Language>ENU</Language> <Context>Question</Context> <LabelType>Label</LabelType> <MetadataVersion>1</MetadataVersion> <CognosCreditials /> </ConfigurationSetting> Configurações do DPM para publicação de dados Após a instalação do servidor, as definições de configuração do Cognos Server, com exceção de DispatcherUrl, ficarão armazenadas no DPM, conforme ilustrado abaixo. Atualizações adicionais poderão ser aplicadas, conforme o necessário. 212 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

217 Figura 78. Configurações do DPM para publicação de dados Todas as configurações acima são relacionadas à publicação de dados. As configurações do DPM afetam o comportamento da interface com o usuário padrão. ApplicationSettings A propriedade SetDefaultForQuestions é usada para determinar se o tipo de questão padrão será configurado para cada questão quando elas forem carregadas na guia Metadados. Consulte o tópico Guia Metadados na página 210 para obter mais informações. CognosServers Esta coleção de propriedades inclui informações para cada Cognos Server: Propriedade ou coleção de propriedades DisplayName DispatcherURL CreatePackageInSubFolder RootFolderInCognosContentStore CredentialsForLoginCognos DataSourceConnection Descrição O nome, conforme exibido na lista suspensa. A primeira instância será usada nos casos em que nomes de exibição duplicados forem usados. A URL do dispatcher do Cognos. A subpasta nomeada com o nome do projeto. O valor padrão é True. Pastas públicas ou Minhas pastas. Anônimo (o valor padrão é True) Namespace UserID Senha UsODBCDriver (o valor padrão é False) Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 213

218 Propriedade ou coleção de propriedades Descrição WindowsAuthentication (o valor padrão é True) UserID Senha RootFolderInCognosContentStore Essa propriedade é usada para definir a pasta raiz no Armazenamento de conteúdo do Cognos, com base em qual pacote é criado. CreatePackageInSubFolder Esta propriedade indica se o pacote será publicado em um local como: Public Folders/Household. Quando configurado para False, o pacote será publicado em um local como: /Public Folders/. O valor padrão é True. CredentialsForLoginCognos Esta coleção de propriedades fornece as credenciais de login para cada Cognos Server (as credenciais são necessárias para conectar-se ao serviço do Cognos). Há duas opções de credencial: v Anônimo Login sem especificar um ID do usuário ou senha do Cognos. v Especificar o UserID e a senha do namespace Cognos apropriado O UserID, a senha e o namespace Cognos específicos são necessários. O namespace é definido por meio de Configuração do IBM Cognos > Segurança. Nota: Ao usar a opção Anônimo, você deverá assegurar-se de que a propriedade Permitir acesso anônimo esteja configurada para True na Configuração do IBM Cognos (Segurança > Cognos). DataSourceConnection Esta coleção de propriedades fornece informações da Origem de dados do Cognos de cada Cognos Server para conectar-se ao banco de dados SQL Server relacionado ao projeto da entrevista física. v UseODBCDriver Quando configurado para False, a origem de dados Cognos é construída com base no Cliente nativo do Microsoft SQL Server Quando configurado para True, a origem de dados Cognos é construída com base no ODBC com o nome do banco de dados RDB2 (que nem sempre é igual ao ID do projeto) e ela deve ser construída manualmente com antecedência. A configuração padrão é False. v WindowsAuthentication - Quando configurado para True, a conta do Windows usada atualmente pelo Cognos Server é usada para conectar-se ao Microsoft SQL Server. A configuração padrão é True. Notas: Ao usar essa configuração, você deve atender aos seguintes requisitos: - No Cognos Server, o Armazenamento de conteúdo do Cognos deve ser baseado no Banco de dados Microsoft SQL Server (Autenticação do Windows). - No Cognos Server, o Serviço do IBM Cognos deve ser alterado de Conta do sistema local para Esta conta e Esta conta precisa ser configurada como uma conta do Windows que é usada para efetuar login no banco de dados RDB2. A configuração é localizada no diálogo Propriedades do Serviço do IBM Cognos por meio da guia Log On. v UserName e Senha Quando WindowsAuthetication estiver configurado para False, ousuário ea Senha do Microsoft SQL Server deverão ser usados para criar a conexão da Origem de dados Cognos. A conta do SQL Server deve ter, no mínimo, permissão de leitura e gravação para o banco de dados relacionado. 214 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

219 Informações de URL do dispatcher do Cognos A URL do dispatcher do Cognos identifica o URI do dispatcher externo do Cognos Server Business Intelligence, com base no local onde o pacote será publicado. Insira A URL apropriada do Cognos Server Business Intelligence (por exemplo, A configuração somente é necessária durante a criação de um pacote do Cognos. A configuração é definida no diálogo Configuração do IBM Cognos: Ambiente > URI do dispatcher externo. Local do pacote no Cognos Server A inclusão do nome e do local do pacote no Armazenamento de conteúdo do Cognos onde o pacote está publicado, por exemplo /Public Folders/HouseHold, significa que o pacote denominado Household está localizado em Public Folders e está acessível para as ferramentas do Cognos Reporting. Configurando publicar dados para o IBM Cognos Quando a atividade Publicar dados é iniciada, três guias são exibidas e fornecem configurações para definir um servidor IBM Cognos específico. Primeiro, o servidor IBM Cognos deverá ser configurado para que as configurações da atividade Publicar dados funcionem. Esta seção fornece informações sobre como configurar a atividade Publicar dados a ser usada com um servidor IBM Cognos. As etapas a seguir deverão ocorrer antes da definição do servidor IBM Cognos na atividade Publicar dados: v Configure a URL do dispatcher para o servidor IBM Cognos. Consulte Configurações do DPM para publicação de dados na página 212 para obter informações adicionais. v Configure as credenciais para efetuar login no servidor IBM Cognos. Consulte Configurações do DPM para publicação de dados na página 212 para obter informações adicionais. v Especifique as informações usadas para construir origem de dados do IBM Cognos. Configurando a URL do dispatcher para o servidor IBM Cognos Após a instalação, o valor padrão de DispatcherUrl fica vazio, o que desativa efetivamente as opções do IBM Cognos relacionadas a Publicar dados. Você deve atualizar a propriedade do DPM DispatcherUrl, na coleção de propriedades adequada, sob Aplicativos > PublishData > ApplicationSettings > CognosServers. Consulte Configurações do DPM para publicação de dados na página 212 para obter informações adicionais. O utilitário de Configuração do IBM Cognos pode ser usado para determinar o valor apropriado de DispatcherUrl (Ambiente > URI do Dispatcher para aplicativos externos). Nota: Se o servidor IBM Cognos e o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server estiverem localizados em máquinas diferentes, substitua o valor de localhost na URL do URI do Dispatcher para aplicativos externos pelo endereço IP específico do servidor IBM Cognos. Configurando credenciais para efetuar login no servidor IBM Cognos Credenciais de login são necessárias para acessar o servidor IBM Cognos. As credenciais podem ser anônimas ou associadas a um usuário específico. Ao usar um login anônimo, você deverá assegurar-se de que a configuração Permitir acesso anônimo? esteja definida como True no utilitário de Configuração do IBM Cognos (Segurança > Autenticação > Cognos > Permitir acesso anônimo?). Ao usar credenciais anônimas, será possível usar as configurações padrão do DPM CredentialsForLoginCognos. Consulte Configurações do DPM para publicação de dados na página 212 para obter informações adicionais. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 215

220 Ao efetuar login como um usuário específico, você deverá assegurar-se de que um Namespace esteja configurado corretamente no utilitário de Configuração do IBM Cognos (por exemplo, seria possível criar um novo namespace sob datacollection Segurança > Autenticação). Nota: O servidor deverá ser reiniciado depois que as mudanças forem feitas no utilitário de Configuração do IBM Cognos. Depois de fazer as atualizações necessárias no servidoribm Cognos por meio do utilitário de Configuração doibm Cognos para um usuário específico, você deverá atualizar a configuração do DPM CredentialsForLoginCognos (não use as configurações padrão). Consulte Configurações do DPM para publicação de dados na página 212 para obter informações adicionais. Especificando as informações usadas para construir a origem de dados do IBM Cognos O servidor IBM Cognos requer uma origem de dados do Cognos para acessar os dados RDB2 do IBM SPSS Data Collection. A atividade Publicar dados criará uma origem de dados do Cognos para o projeto, caso ainda não exista alguma. Por exemplo, se você usar a atividade Publicar dados para tornar disponível um projeto chamado Museu para o Cognos, uma nova origem de dados chamada Museu será criada, caso uma origem de dados Museu ainda não exista. Se uma origem de dados Museu já estiver presente, a origem de dados existente será usada. Nota: Poderá ser necessário excluir manualmente uma origem de dados existente do Cognos se você alterar as informações usadas para construir a origem de dados. Há três métodos para especificar as informações usadas para construir uma origem de dados do Cognos: v Quando o servidor IBM Cognos estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows e o tipo de Armazenamento de conteúdo existente for o Microsoft SQL Server, use a Autenticação do Windows no cliente nativo do Microsoft SQL Server. Nota: A Autenticação do Windows no cliente nativo do Microsoft SQL Server é o método mais comum para especificar as informações usadas para construir uma origem de dados do Cognos. v Quando o servidor IBM Cognos estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows, mas o tipo de Armazenamento de conteúdo não for o Microsoft SQL Server, use a Autenticação do SQL Server no cliente nativo do Microsoft SQL Server. v Quando o servidor IBM Cognos não estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows, use a Autenticação do SQL Server com um driver ODBC. O cliente nativo do Microsoft SQL Server 2008 deverá estar instalado no servidor IBM Cognos ao usar a primeira ou a segunda opção. O cliente nativo do Microsoft SQL Server 2008 deverá ser instalado separadamente, se outra versão do Microsoft SQL Server já estiver instalada no servidor IBM Cognos. Configurando a Autenticação do Windows no cliente nativo do Microsoft SQL Server Use as informações de configuração a seguir quando o servidor IBM Cognos estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows e o tipo de Armazenamento de conteúdo existente for o Microsoft SQL Server. 1. No aplicativo de configuração do IBM Cognos, configure o Tipo de armazenamento de conteúdo do Cognos para Banco de dados do Microsoft SQL Server (Autenticação do Windows). (Acesso a dados > Content Manager > Armazenamento de conteúdo > Tipo). 2. No servidor IBM Cognos, altere o logon para o serviço do IBM Cognos de Conta do sistema local para Esta conta e insira os dados da conta do Windows apropriados. A conta do Windows deverá ter a seguinte autoridade: v Acesso a todos os recursos necessários (como impressoras) v Autoridade para efetuar logon como um serviço e agir como parte do sistema operacional 216 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

221 v Deve ser membro do grupo de Administrador local 3. Usando o SQL Server Management Studio na máquina do IBM SPSS Data Collection, inclua a conta do Windows, usada para iniciar o serviço do IBM Cognos, na lista Segurança > Logins e designe as Funções do servidor de público e sysadmin. 4. Usando o DPM Explorer no cluster do IBM SPSS Data Collection, assegure-se de a coleção de propriedades de DataSourceConnection corresponda às seguintes configurações padrão: v Senha: em branco v UseODBCDriver: False v UserID: em branco v WindowsAuthentication: True Configurando a autenticação de SQL server no cliente nativo do Microsoft SQL Server Use as informações de configuração a seguir quando o servidor IBM Cognos estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows, e o tipo de Armazenamento de conteúdo existente não for o Microsoft SQL Server. 1. Assegure-se de que o IBM SPSS Data Collection RDB2 SQL Server use o modo de autenticação combinado do SQL Server e do Windows. Se o servidor usar somente o modo de Autenticação do Windows, atualize o modo de autenticação usando as seguintes etapas. Alterando o modo de autenticação de segurança a. No SQL Server Management Studio Object Explorer, clique com o botão direito do mouse no servidor e, em seguida, selecione Propriedades. b. Na página Segurança, emautenticação do servidor, selecione o novo modo de autenticação do servidor e, em seguida, clique em OK. c. Na caixa de diálogo SQL Server Management Studio, clique em OK para reconhecer o requisito para reiniciar o SQL Server. d. Em Explorer de Objetos, clique com o botão direito do mouse no servidor e, em seguida, selecione Reiniciar. Nota: Se SQL Server Agent estiver em em execução, ele também deverá ser reiniciado. Ativando o login do sa a. No SQL Server Management Studio Object Explorer, expanda Segurança, expanda Logins, clique com o botão direito do mouse em sa e, em seguida, selecione Propriedades. b. Talvez seja necessário criar e confirmar uma senha para o login na página Geral. c. Na página Status, na seção Login, clique em Ativado e, em seguida, clique em OK. 2. Usando o DPM Explorer no cluster do IBM SPSS Data Collection, atualize as configurações de DataSourceConnection da seguinte maneira (essas não são as configurações padrão): v Senha: Insira a senha para a conta sa v UseODBCDriver: False v UserID: sa v WindowsAuthentication: False Configurando a Autenticação do SQL Server com um driver ODBC Use as informações de configuração a seguir quando o servidor IBM Cognos não estiver hospedado em um sistema operacional Microsoft Windows. 1. No servidor IBM Cognos, crie manualmente a origem de dados ODBC (driver do SQL Server) usando o nome do banco de dados do projeto. Nota: O nome do banco de dados do projeto nem sempre é o igual ao ID do projeto. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 217

222 2. Usando o DPM Explorer no cluster do IBM SPSS Data Collection, atualize as configurações de DataSourceConnection da seguinte maneira (essas não são as configurações padrão): v Senha: Insira a senha para a conta sa v UseODBCDriver: True v UserID: sa v WindowsAuthentication: False Monitoramento de entrevistador A atividade Monitoramento de entrevistador fornece as seguintes opções para ajudar a gerenciar o desempenho das equipes: v Para os projetos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server aos quais você tem acesso, uma lista de todos os entrevistadores juntamente com as estatísticas relativas ao desempenho de cada um. Essa visualização pode ser configurada para atualizar automaticamente. v A capacidade de monitorar um entrevistador. Nesta visualização, sua tela é sincronizada automaticamente com a tela do entrevistador para que seja possível ver a questão que está sendo solicitada pelo entrevistador. Se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas, também será possível ouvir a entrevista. v Criar e editar mensagens do projeto para cada projeto. v Criar e enviar mensagens imediatas para entrevistadores específico. v Informações do campo Filtrar a Exibição em tempo real. v v v Destacar entrevistadores selecionados na lista Exibição em tempo real. Os entrevistadores destacados são colocados na parte superior da lista Exibição em tempo real. Exibir o histórico de chamada para entrevistadores selecionados. Exibir o histórico de sessão para que entrevistadores selecionados. Além disso, se um ou mais dos projetos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server usar um discador automático, será possível usar a atividade Monitoramento de entrevistador para monitorar a porcentagem de chamadas silenciosas que estão ocorrendo. Notas v Um entrevistador é definido como o usuário do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration que abriu a atividade Participantes por telefone. v Para monitorar projetos encadeados, os supervisores devem ser designados a todos os projetos encadeados (em vez de somente ao projeto primário). Iniciando o monitoramento de entrevistador 1. No menu do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, escolha: Telefone > Monitoramento de entrevistador A atividade Monitoramento de entrevistador é aberta e a Guia Entrevistadores é exibida. Quando os discadores automáticos são usados Se a central de atendimento na qual você está trabalhando usar discadores automáticos para chamar participantes, uma caixa de diálogo poderá ser aberta e solicitar que você digite um nome da posição. No campo Posição do supervisor, insira o nome da posição e clique em OK. Se você clicar em Cancelar, a atividade Monitoramento de entrevista ainda será aberta, mas somente o monitoramento visual será possível, o monitoramento de áudio não estará disponível. Para obter informações adicionais, consulte Administração de discador na página IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

223 Configurando o monitoramento Por padrão, a atividade Monitoramento de entrevistador pode ser aberta por qualquer pessoa que seja membro da função CATIsupervisor. Para os projetos do IBM SPSS Data Collection aos quais você tem acesso, todos os entrevistadores são automaticamente incluídos na Exibição em tempo real de entrevistadores e nenhuma tarefa de instalação adicional é necessária. O monitoramento de áudio somente estará disponível se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas e se estação do supervisor estiver conectada ao mesmo discador automático. A Exibição de entrevistadores em tempo real A guia Entrevistadores consiste em quatro seções: v A primeira seção é a Exibição de entrevistadores em tempo real, que contém um registro um registro para cada usuário (entrevistador) que abrir a atividade Participantes por telefone e estiver trabalhando em um projeto do IBM SPSS Data Collection que você pode acessar. Existem duas listas que exibem entrevistadores. A lista superior exibe os entrevistadores destacados nos quais um supervisor pode desejar prestar mais atenção. A lista inferior consiste nos entrevistadores que não estão destacados. É possível usar a função de filtro para filtrar entrevistadores na lista. Também é possível visualizar informações detalhadas do entrevistador, do histórico de chamada, do histórico de sessão e de comentários do entrevistador. v A segunda seção é a janela Monitor, que exibe sessão de entrevista ativa do entrevistador selecionado. A seção também exibe informações do projeto atual, do entrevistador, do histórico de chamadas e do histórico de sessão. Consulte o Histórico de chamada e o documento Histórico de sessão para obter mais informações. v A terceira seção permite especificar se, e com que frequência, a exibição da tabela do discador é atualizada automaticamente. v A quarta seção é a janela Mensagem imediata e fornece opções para criar mensagens imediatas que podem ser enviadas para um ou mais entrevistadores. Também é possível reenviar uma mensagem (independentemente de sucesso ou falha no envio) ou excluir uma mensagem que tenha sido enviada. Um entrevistador permanecerá listado na Exibição em tempo real enquanto Participantes por telefone permanecer aberto, mesmo se não houver atividade por um período de um dia ou mais. Quando um entrevistador fechar Participantes por telefone, o registro será removido da Exibição em tempo real. Nota: Se um entrevistador reabrir a atividade Participantes por telefone depois que ela for encerrada de forma anormal, a Exibição em tempo real poderá conter mais de um registro para esse entrevistador. O registro atual terá um valor inferior na coluna Horário da sessão. Um registro que não seja atual será removido automaticamente após uma hora. Para cada entrevistador, a Exibição em tempo real mostra várias estatísticas, que são principalmente de três tipos: v As estatísticas relacionadas ao período desde que o entrevistador abriu pela última vez a atividade Participantes por telefone. Este período, às vezes, é mencionado como "a sessão atual". v As estatísticas relacionadas à entrevista em progresso atualmente, se houver alguma. v As estatísticas relacionadas à questão atual que está sendo perguntada. Para obter mais informações sobre as estatísticas mostradas, consulte Colunas na Exibição em tempo real na página 225. É possível alterar a Exibição em tempo real para mostrar colunas adicionais ou para exibir os registros do entrevistador em uma ordem diferente. Consulte o tópico Customizando a Exibição em tempo real na página 226 para obter mais informações. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 219

224 Na Exibição em tempo real, é possível escolher monitorar um entrevistador que está realizando uma entrevista. Consulte o tópico Monitorando um entrevistador na página 228 para obter mais informações. Na parte superior da tela principal, há alguns botões da barra de ferramentas, que são descritos na tabela a seguir: Botão Descrição Atualizar o conteúdo da Exibição em tempo real. Figura 79. Botão Atualizar tabela Figura 80. Botão Configuração da tabela Altere as configurações para a Exibição em tempo real. Consulte o tópico Customizando a Exibição em tempo real na página 226 para obter mais informações. Exibe a ajuda online para a atividade. Figura 81. Botão Ajuda Fechar Monitoramento de entrevistador e retornar à tela principal do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. Figura 82. Botão Sair A barra de ferramentas localizada na parte superior das janelas Exibição em tempo real fornece as seguintes opções: Botão Figura 83. Botão Definir filtro de entrevista Descrição Exibe o diálogo Filtro de entrevistas, permitindo filtrar as informações do campo Exibição em tempo real. Destaca os entrevistadores selecionados. Figura 84. Botão Destacar entrevistador selecionado 220 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

225 Botão Descrição Remove os entrevistadores selecionados da lista destacada. Figura 85. Botão Remover entrevista selecionada da lista destacada Remove todos os entrevistadores da lista destacada. Figura 86. Botão Remover todos os entrevistadores da lista destacada Exibe o histórico de chamadas para o entrevistador selecionado. Figura 87. Botão Histórico de chamada Exibe o histórico de sessão para o entrevistador selecionado. Figura 88. Botão Histórico de sessão Exibe o diálogo Mensagens do projeto, permitindo criar e editar as mensagens do projeto. As mensagens do projeto fornecem informações específicas do projeto para cada entrevistador. Figura 89. Botão Editar mensagem do projeto Monitora o entrevistador selecionado. Figura 90. Botão Monitorar entrevista Exibe o diálogo Nova mensagem, permitindo criar e enviar mensagens para o entrevistador selecionado. Figura 91. Botão Nova mensagem Definindo filtros de entrevistador: O diálogo Filtro de entrevistador fornece opções para filtrar as informações do campo Exibição em tempo real. O diálogo é acessado clicando no ícone Definir filtro do entrevistador, conforme é mostrado abaixo: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 221

226 Figura 92. Botão Definir filtro de entrevista Campos: Lista todos os campos de Exibição em tempo real disponíveis. Selecione um campo apropriado no qual filtrar. Operador: Lista todos os operadores de filtro disponíveis para o campo selecionado. Selecione o operador apropriado. Valor: O valor na qual o filtro será baseado. Insira um valor apropriado que corresponda ao campo e ao operador selecionados. Exemplo Como exemplo, é possível especificar um filtro que especifique o seguinte: Campo: Concluído Operador: maior que Valor: 50 O exemplo acima filtraria a Exibição em tempo real para exibir somente os entrevistadores que concluíram mais de 50 entrevistas. Barra de ferramentas Critérios de filtragem A barra de ferramentas Critério de filtragem fornece as seguintes opções: Botão Descrição Inclui um filtro adicional na lista de critérios. Figura 93. Botão Incluir filtro Exclui o filtro selecionado. Figura 94. Botão Excluir filtro selecionado Exclui todos os filtros. Figura 95. Botão Excluir todos os filtros Destacando entrevistadores: O destaque permite focar em entrevistadores específicos. Os entrevistadores destacados sempre são exibidos na parte superior da lista Exibição em tempo real. Destacando entrevistadores 1. Selecione os entrevistadores apropriados na lista Exibição em tempo real e clique no botão Destacar o entrevistador selecionado, conforme é mostrado abaixo: 222 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

227 Figura 96. Botão Destacar entrevistador Os entrevistadores selecionados agora são exibidos na parte superior da lista Exibição em tempo real. Removendo entrevistadores destacados É possível escolher remover a designação de destaque para entrevistadores individuais ou para todos os entrevistadores que estejam destacados atualmente. Para remover o entrevistadores selecionados da lista de destaque, clique no botão Remover entrevistador selecionado da lista de destacados: Figura 97. Botão Remover entrevistador selecionado da lista de destacados Para remover todos os entrevistadores destacados da lista de destaque, clique no botãoremover todos os entrevistadores selecionados da lista de destacados: Figura 98. Botão Remover todos os entrevistadores selecionados da lista de destacados Visualizando histórico de chamadas do entrevistador: É possível visualizar o histórico de chamadas para um entrevistador determinado, selecionando o registro do entrevistador apropriado na lista Exibição em tempo real e clicando no botão Histórico de chamada, conforme é mostrado abaixo: Figura 99. Botão Histórico de chamada O histórico de chamadas do entrevistador também pode ser acessado por meio da guia Monitor. O diálogo Relatório de histórico de chamadas exibe o histórico de chamadas para o entrevistador selecionado (em ordem ascendente). É possível alterar a ordenação clicando no título Histórico de chamadas. 1. Após revisar o histórico de chamadas, clique em OK para sair do diálogo. Nota: Os horários exibidos são baseados no fuso horário do servidor. Visualizando o histórico de sessão do entrevistador: É possível visualizar o histórico de sessão para um determinado entrevistador selecionando o registro do entrevistador apropriado na lista Exibição em tempo real e clicando no botão Histórico de sessão, conforme é mostrado abaixo: Figura 100. Botão Histórico de sessão O histórico de sessão do entrevistador também pode ser acessado por meio da guia Monitor. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 223

228 O diálogo Relatório de histórico de sessão exibe o histórico de sessão para o entrevistador selecionado (em ordem crescente). É possível alterar a ordenação clicando no título Histórico de sessão. 1. Após revisar o histórico de sessão, clique em OK para sair do diálogo. Nota: Os horários exibidos são baseados no fuso horário do servidor. Inserindo e editando as mensagens do projeto: O diálogo Mensagem do projeto fornece opções para criar e editar mensagens do projeto. As mensagens de projeto fornecem informações específicas do projeto para cada entrevistador. O editor fornece opções para modificar o texto da mensagem por meio de HTML ou texto simples. O diálogo é acessado clicando no botão Editar mensagem do projeto..., conforme é mostrado abaixo: Figura 101. Botão Editar mensagem do projeto Projeto: Lista todos os projetos disponíveis e permite editar a mensagem do projeto para o projeto selecionado. Selecione o projeto apropriado na lista. Configurar editor como: Permite editar o texto em HTML ou texto simples. A seleção da opção HTML exibe um editor HTML simples que permite formatar o texto HTML rapidamente. Criando uma mensagem do projeto 1. Insira texto da mensagem do projeto que deseja que os entrevistadores vejam (em texto simples ou HTML). 2. Clique em Aplicar para enviar a mensagem ou em Cancelar para descartar a mensagem. v O texto HTML pode ser formatado por meio das opções do editor HTML fornecidas ou é possível simplesmente inserir tags HTML válidas. Ao inserir tags HTML manualmente, você deve evitar a tag <body>. v O JavaScript padrão pode ser inserido diretamente no texto de introdução. Notas v As mensagens do projeto não são localizadas. As mensagens são exibidas no idioma em que foram gravadas. v A guia Mensagem do projeto não será exibida até que a primeira mensagem do projeto seja criada. A guia não será exibida se você criar uma mensagem do projeto vazia. Criando mensagens do entrevistador: O diálogo Nova mensagem fornece opções para enviar mensagens diretamente para os entrevistadores selecionados. É possível escolher que a fila de mensagens fique na janela de mensagem dos entrevistadores ou que seja exibida imediatamente na tela. O diálogo é acessado clicando no botão Nova mensagem, conforme é mostrado abaixo: Figura 102. Botão Nova mensagem Para: A lista suspensa fornece a opção para enviar mensagens para entrevistadores individuais (Usuário), para todos os entrevistadores ativos (Todos) ou para os entrevistadores de projeto específico (Projeto). Após selecionar a opção apropriada, campos adicionais serão apresentados permitindo procurar usuários específicos. 224 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

229 Alta importância a mensagem será exibida imediatamente para o entrevistador: Quando selecionada, a mensagem será exibida na tela dos entrevistadores selecionados (em vez de simplesmente ser colocada na janela de mensagem dos entrevistadores). Criando uma mensagem do entrevistador 1. Selecione os entrevistadores para os quais a mensagem será enviada, no campo Para ou digite manualmente os nomes do entrevistador no campo. 2. Determine se a mensagem é de importância alta. 3. Insira o texto da mensagem que deseja que o entrevistador veja. 4. Clique em Aplicar para enviar a mensagem ou em Cancelar para descartar a mensagem. Notas v As mensagens imediatas são limitadas a 500 caracteres. v HTML e Javascript não são suportados em mensagens imediatas. v A ordenação não é suportada ao revisar o histórico de mensagens. v O horário exibido para cada mensagem é baseado no fuso horário do servidor. Colunas na Exibição em tempo real A tabela a seguir descreve as colunas que podem aparecer na Exibição de entrevistadores em tempo real. Por padrão, nem todas essas colunas são exibidas, mas elas podem ser incluídas. Consulte o tópico Customizando a Exibição em tempo real na página 226 para obter mais informações. Nome da coluna Abandonado Taxa de ocupado Concluído Contatos desde a última pesquisa de opinião Tempo inativo ID do entrevistador Tempo de entrevista É monitorado É revisão Monitoramento permitido Fora do gancho Descrição O número de vezes que o entrevistador selecionou o resultado de chamada "Abandonado" desde a última vez que a atividade Participantes por telefone foi aberta. A porcentagem do Tempo de sessão que o entrevistador tem gastado realizando entrevistas. O número de entrevistas concluídas desde a última vez que o entrevistador abriu a atividade Participantes por telefone. O número de registros do participante recuperados pelo entrevistador a partir do sistema de gerenciamento de amostra desde o final da entrevista anterior. O tempo decorrido desde que o entrevistador enviou uma página pela última vez, recuperando o próximo contato ou pressionando Avançar para uma entrevista. O nome de usuário do IBM SPSS Data Collection do entrevistador. O tempo desde que a entrevista atual foi iniciada. Se a entrevista tiver sido reiniciada, o tempo mostrado será desde o reinício. Se a entrevista é monitorada. Se a entrevista é revisada. Se o participante forneceu consentimento para ser monitorado. Se o telefone do entrevistador está fora do gancho. Essa informação somente será mostrada se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 225

230 Nome da coluna Telefone Posição Número de acesso ID do Projeto Tipo de projeto ID da questão Tempo da questão Status do entrevistador Resultado da última chamada Recusado Tempo da sessão Status Texto de status Contagem de tentativas Tempo de espera Nome do projeto Qualification.Language Qualification.HandleQueue Descrição O número da extensão usado na estação do entrevistador por telefone. Essa informação somente será mostrada se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas. O nome da posição para a estação do entrevistador por telefone. Essa informação somente será mostrada se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas. As posições prefixadas com "R" indicam um entrevistador remoto. O número do telefone do entrevistador remoto. O valor fica em branco para os entrevistadores locais. O nome do projeto do IBM SPSS Data Collection. O valor é sempre IBM SPSS Data Collection. O nome da questão atual. O tempo gasto pelo entrevistador na questão atual. Um ícone exibe se o status do entrevistador é Inativo, Esperando, Conectado, ou Desconectado. O resultado da última chamada concluída pelo entrevistador; por exemplo, "Recusado" ou "Concluído". O número de vezes que o entrevistador selecionou o resultado "Recusado" desde a última vez que a atividade Participantes por telefone for aberta. O tempo desde que o entrevistador abriu pela última vez a atividade Participantes por telefone. O ícone de status do entrevistador que permite que os supervisores visualizem facilmente quando o entrevistador altera suas mensagens de status. Exibe o texto da mensagem de status do entrevistador. O número de entrevistas concluídas mais o número de vezes que o entrevistador selecionou um resultado de chamada desde a última vez que a atividade Participantes por telefone foi aberta. Este número não inclui os registros de participante que o entrevistador retornou ao sistema de Gerenciamento de amostra clicando no botão Cancelar contato. Para um entrevistador que está esperando para ser conectado a um participante, o tempo desde que o entrevistador clicou no botão Iniciar discagem. Essa informação somente será mostrada se o entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas. O nome do projeto do IBM SPSS Data Collection. O idioma de qualificação do entrevistador. A fila de qualificação do entrevistador. Customizando a Exibição em tempo real É possível customizar os seguintes aspectos da Exibição em tempo real de entrevistadores: v O número de registros de entrevistadores que aparecem em cada página. Por padrão, todos os registros são mostrados em uma única página e pode ser necessário usar a barra de rolagem excessivamente 226 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

231 para ver todos os registros. Se você especificar um limite para o número de registros em cada página, será possível usar os ícones de navegação para mover entre as páginas. v As colunas que são mostradas e em qual ordem elas aparecem. v A ordenação dos registros. Por exemplo, você pode desejar ordenar os registros em ordem de ID do Projeto para que seja mais fácil ver todos os entrevistadores que estão trabalhando em um projeto específico. Customizando a Exibição em tempo real 1. Na barra de ferramentas na parte superior da página principal Monitoramento de entrevistador, clique no botão Configuração da tabela, conforme é mostrado abaixo: Figura 103. Botão Configuração da tabela Isso abre a caixa de diálogo Configuração de Exibição em tempo real. 2. Em Exibir, selecione o número de registros que você deseja que apareça em cada página na Exibição em tempo real. 3. Em Configuração da tabela, escolha quais colunas aparecerão na Exibição em tempo real, da seguinte forma: v Para incluir uma coluna àquelas exibidas, clique no nome da coluna na lista Campos disponíveis e, em seguida, clique em Incluir. v Para remover uma coluna daquelas exibidas, clique no nome da coluna na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Remover. Dica: EmConfiguração da tabela, é possível selecionar várias colunas pressionando Ctrl ou Shift durante o clique. 4. Em Configuração da tabela, escolha a ordem das colunas exibidas na Exibição em tempo real, da seguinte forma. v Para mover uma coluna em direção à esquerda da página, clique no nome da coluna na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para cima. v Para mover uma coluna em direção à direita da página, clique no nome da coluna na lista Campos exibidos e, em seguida, clique em Mover para baixo. 5. Na lista suspensa Ordenar tabela por, selecione a coluna que determinará a ordem dos registros na Exibição em tempo real. 6. Após concluir as mudanças, clique em OK. Para desfazer as mudanças, clique em Cancelar. A Exibição em tempo real será automaticamente atualizada para mostrar as mudanças. Nota: Para obter informações sobre como usar as configurações das "Opções da tabela de monitoramento do discador", consulte "Customizando a exibição de atividade de discagem " em Monitorando chamadas silenciosas na página 230. Navegando na Exibição em tempo real Por padrão, todos os registros do entrevistador são exibidos em uma única página. No entanto, é possível customizar a Exibição Entrevistadores em tempo real para exibir os registros em várias páginas. Se você já tiver feito isso, será necessário usar os ícones na parte inferior de cada página para navegar entre as páginas. Os ícones são descritos na seguinte tabela: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 227

232 Ícone Descrição Exibir a primeira página. Figura 104. Botão Primeira página Exibir a página anterior. Figura 105. Botão Página anterior [1] [2] [3]... Exibir página 1, página 2, página 3 e assim por diante. Exibir a próxima página. Figura 106. Botão Próxima página Exibir a última página. Figura 107. Botão Última página Monitorando um entrevistador É possível monitorar um entrevistador que acabou de iniciar uma entrevista (a página de introdução é exibida). O texto de introdução será exibida no idioma que é exibido durante a entrevista, mas a formatação de página não será a mesma que a tela de entrevistas real. Também é possível monitorar um entrevistador que está realizando uma entrevista. Ao monitorar um entrevistador, a questão que está sendo feita e a questão anterior são exibidas na guia Monitor. Quando o entrevistador navegar para outra questão, a guia Monitor será automaticamente atualizada para mostrar essa questão. Quando a entrevista for concluída, a guia Monitor mostrará o resultado da chamada selecionado pelo entrevistador. Se, em seguida, o entrevistador iniciar outra entrevista, a guia Monitor será atualizada para mostrar a primeira questão da nova entrevista. Como a guia Monitor somente é atualizada quando o entrevistador navega para outra questão, não é possível ver a resposta para a questão atual, pois ela está sendo inserida pelo entrevistador. No entanto, a resposta (se houver alguma) para a questão anterior será exibida, assim como será a resposta para a questão atual se ela tiver sido feita anteriormente na entrevista. Será possível pausar o monitoramento, por exemplo, se você precisar de mais tempo para ler uma resposta de texto. Ao continuar o monitoramento e se a entrevista ainda estiver em andamento, a tela será atualizada para mostrar a questão atual que está sendo feita. Não é possível escolher quais questões visualizar. Nota: É possível monitorar os entrevistadores mesmo quando o entrevistador seleciona Não para a opção Contato concorda em ser monitorado e registrado em Participantes por telefone. Essa configuração controla quando a entrevista não deve ser monitorada por partes externas, não quando a entrevista pode ser revisada por um supervisor. Monitoramento de áudio Se um entrevistador estiver usando um discador automático para fazer chamadas e a estação estiver conectada ao mesmo discador automático, será possível ouvir a entrevista e também a assistir. Você ouvirá o entrevistador e o participante. Nota: Dependendo das configurações para o projeto que estiver sendo monitorando, as entrevistas também poderão ser registradas e salvas em arquivos de som. Para obter informações adicionais, consulte 228 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

233 Configurações do discador automático na página 120. Monitoramento de entrevistador Na Exibição Entrevistadores em tempo real, um ícone é exibido à esquerda de cada entrevistador para indicar se o monitoramento é possível. Cada ícone está descrito na tabela a seguir: Ícone Descrição Ambos os monitoramentos, visual e de áudio, são possíveis. Figura 108. Ícone para indicar que ambos os monitoramentos, visual e de áudio, são possíveis Nenhum ícone exibido Somente o monitoramento visual é possível. Outro supervisor está monitorando este entrevistador. Figura 109. Ícone para indicar que outro supervisor está monitorando este entrevistador Figura 110. Ícone para indicar que o monitoramento não é permitido ou não é possível O participante não forneceu consentimento para ser monitorado ou as configurações do projeto especificam que o monitoramento nunca é permitido. No entanto, como a legislação local, às vezes, permite o monitoramento por alguém dentro da mesma entidade jurídica que o entrevistador (por exemplo, um supervisor que trabalha para a mesma organização que o entrevistador), o monitoramento ainda será possível. Além disso, este ícone também será exibido se o entrevistador estiver revisando uma entrevista. A coluna Monitoramento permitido na Exibição em tempo real também informará se um entrevistador pode ser monitorado. Se a coluna Monitoramento permitido não for mostrada, será possível incluí-la. Consulte o tópico Customizando a Exibição em tempo real na página 226 para obter mais informações. Selecionando um entrevistador para monitorar 1. Na exibição Entrevistadores em tempo real, clique no registro de um entrevistador que pode ser monitorado. O registro do entrevistador é destacado. Nota: Se a Exibição em tempo real contiver mais de um registro para o mesmo entrevistador (que poderá ocorrer se a atividade Participantes por telefone for encerrada de forma anormal), clique no registro que possui um valor mais baixo na coluna Horário da sessão. Se você não clicar no registro correto, não aparecerá nenhuma entrevista quando a guia Monitor for aberta. 2. No canto superior direito da Exibição em tempo real, clique no botão Monitorar, conforme é mostrado abaixo: Figura 111. Botão Monitorar A guia Monitor é aberta e a questão atual é exibida. A guia Monitor A guia Monitor é dividida em duas seções: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 229

234 v A metade superior da tela mostra o nome de usuário doibm SPSS Data Collection Interviewer Server Administration do entrevistador, o nome do projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, o tempo desde que a entrevista atual foi iniciada, o tempo gasto pelo entrevistador na questão atual e um gráfico e uma mensagem que mostram o status atual do entrevistador. A metade superior também fornece opções para: - Visualizando histórico de chamadas do entrevistador na página Visualizando o histórico de sessão do entrevistador na página Visualizar comentários do entrevistador referentes ao contato atual. v A metade inferior da tela contém duas janelas onde as questões atual e anterior são exibidas. Se uma questão for muito grande para se ajustar à janela, as barras de rolagem aparecerão. Se o participante não forneceu consentimento para ser monitorado ou se as configurações do projeto especificam que o monitoramento nunca é permitido ou se o entrevistador estiver revisando a entrevista, o seguinte ícone será exibido: Figura 112. Ícone para indicar que o monitoramento não é permitido Nota: Nas janelas que mostram as questões atual e anterior, é possível (mas não recomendado) modificar as respostas e clicar nos botões de navegação. Isso não tem efeito sobre a entrevista em andamento, mas pode fazer com que a questão desapareça da tela. A tela será atualizada quando o entrevistador navegar para outra questão. O texto de introdução também será exibido, mesmo que a entrevista ainda tenha sido iniciada. A página de introdução exibirá o texto de introdução no mesmo idioma que a entrevista (a formatação da página poderá ser diferente). O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration cria automaticamente um registro de auditoria no banco de dados mruserdata para armazenar detalhes sobre o período em que a guia Monitor fica aberta. Este período é, às vezes, mencionado como "a sessão de monitoramento". Para incluir um comentário no registro de auditoria, digite-o no campo Ref. do Documento na metade superior da guia Monitor. Ao navegar para fora da guia Monitor, o comentário será incluído no registro de auditoria. Para obter mais informações, procure na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library o tópico "Trilha de auditoria do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration". A metade inferior da guia Monitor também contém alguns botões, que são descritos na tabela a seguir: Botão Figura 113. Botão Pausar monitoramento Descrição Pausar o monitoramento. Observe que este botão pausa o monitoramento virtual, mas não silencia o monitoramento de áudio. Continuar o monitoramento. Figura 114. Botão Continuar monitoramento Monitorando chamadas silenciosas Para os projetos do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server aos quais você tem acesso para usar um discador automático, é possível monitorar a porcentagem de chamadas silenciosas que estão ocorrendo para cada projeto. As chamadas silenciosas podem ocorrer quando um discador automático gera mais chamadas do que o número de entrevistadores disponíveis para manipular as chamadas. Para qualquer um dos projetos listados, também é possível reconfigurar o número de chamadas silenciosas para zero. Use a guia Discadores para monitorar a atividade do discador automático para cada projeto. As colunas mostradas na exibição da Atividade de discagem na guia Discadores estão descritas na tabela a seguir. 230 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

235 Coluna Projeto Discador Grupo Mecanismo Total de entrevistadores Esperando entrevistadores Chamadas silenciosas Modo Descrição O nome do projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. O nome do discador automático que está sendo usado por este grupo de discagem. O número do ID do grupo de discagem. Um grupo de discagem somente será mostrado se o projeto estiver usando um discador automático no modo de previsão ou grupo. Se o projeto usar qualificações do entrevistador, haverá um grupo de discagem separado para cada coleção de entrevistadores com as mesmas qualificações. A URL do mecanismo de sessão de entrevista que está sendo usada por este grupo de discagem. O número de entrevistadores que estão usando um discador automático. O número de entrevistadores que estão usando um discador automático e estão esperando para serem conectados a um participante. Esse número somente será mostrado se o projeto estiver usando o discador automático no modo de previsão ou grupo. A porcentagem de chamadas silenciosas que estão ocorrendo. Esse número somente será mostrado se o projeto estiver usando um discador automático no modo de previsão ou grupo. O número é uma média dos números de porcentagem de chamada silenciosa para todos os mecanismos de sessão de entrevista que estão sendo usados por este projeto. Cada número de percentagem de chamada silenciosa do mecanismo é baseado no período desde que o mecanismo foi reiniciado pela última vez ou que o número de porcentagem foi reconfigurado pela última vez. O modo de discagem atual que está sendo usado pelo discador automático. Os valores possíveis são de previsão, não de previsão e extensão. Para obter mais informações sobre a diferença entre as discagens de previsão, não de previsão (grupo) e de extensão, use a função de procura na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library para procurar o texto "Como a discagem automática funciona" e nos resultados da procura abra o tópico com esse título. Customizando a exibição da Atividade de discagem É possível alterar a exibição da Atividade de discagem para mostrar ou ocultar os grupos de discagem associados a cada projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Se os grupos de discagem estiverem ocultos, as colunas Discador, Grupo e Mecanismo não aparecerão na exibição Atividade de discagem. 1. Na barra de ferramentas na parte superior da página principal Monitoramento de entrevistador, clique no botão Configuração da tabela, conforme é mostrado abaixo: Figura 115. Botão Configuração da tabela Isso abre a caixa de diálogo Configuração de Exibição em tempo real. 2. Em Opções da tabela de monitoramento do discador, escolha se deseja exibir os projetos e seus grupos de discagem associados ou somente os projetos. 3. Na lista suspensa Ordenar tabela por, escolha a ordenação dos projetos na exibição Atividade de discagem. 4. Clique em OK. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 231

236 Nota: Para obter informações sobre como usar as outras configurações na caixa de diálogo "Configuração de Exibição em tempo real", consulte Customizando a Exibição em tempo real na página 226. Reconfigurando a porcentagem de chamadas silenciosas Para configurar o número de chamadas silenciosas de um projeto para zero, abra a atividade Opções de entrevista para o projeto e clique no botão Reconfigurar estatísticas na guia Configurações do discador. Para obter mais informações,, consulte o Configurações do discador automático na página 120. Administração de discador Use a atividade Administração de discador para permitir que os projetos de entrevistas por telefone usem um discador automático. Um discador automático é um computador que disca automaticamente os números de telefone de participantes para gerar chamadas para os entrevistadores. A central de atendimento pode usar um ou mais discadores automáticos. O IBM SPSS Data Collection suporta os discadores automáticos IBM SPSS Data Collection Dialer e QTC. Para obter mais informações sobre como o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server faz interface com um discador automático, procure na documentação do IBM SPSS Data Collection Developer Library o tópico "Componente de interface do discador". O uso de um discador automático envolve as seguintes etapas: 1. Criar um arquivo de configuração do discador, que contenha uma entrada para cada discador automático e uma entrada para cada estação que usará um discador automático. 2. Importar o arquivo de configuração do discador na atividade Administração de discador. 3. Inserindo um nome posição em cada estação, que permitirá que o discador automático identifique a estação. 4. Conectar-se ao discador automático, para que ele possa gerar chamadas para os entrevistadores. Também é possível usar a atividade Administração de discador para monitorar o número de chamadas ativas em cada discador automático e para desconectar-se de um discador automático. Nota: Para usar uma discador automático, também é necessário especificar para cada um dos projetos de entrevistas por telefone que um discador automático será usado. Consulte o tópico Configurações de entrevista na página 112 para obter mais informações. Criando um arquivo de configuração do discador Um arquivo de configuração discador é uma planilha do Microsoft Excel que contém duas planilhas denominadas Discadores e Posições. Para ajudá-lo a criar seu primeiro arquivo de configuração de discador, uma planilha de exemplo chamada DialerConfiguration.xls é incluída com o IBM SPSS Data Collection Developer Library e, por padrão, é instalada na pasta [INSTALL_FOLDER]\IBM\SPSS\ DataCollection\7\DDL\Ferramentas de administração. Planilha Discadores Defina cada discador automático em uma linha separada da planilha Discadores. A primeira linha deve conter os títulos da coluna. A tabela a seguir descreve as colunas na planilha Discadores: 232 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

237 Coluna DialerName Descrição Endereço DialerType Descrição Um nome que identifica exclusivamente o discador automático. Por exemplo, ChicagoDialer03. Uma descrição de formato livre do discador automático. O endereço de rede do discador automático. Por exemplo, um endereço IP. Ao usar um discador de terceiros, este valor deverá corresponder à coleção de propriedades incluída pelo kit de instalação específico do discador de terceiros. RemoteTrunkGroup Porta Status InternationalAccessCode Identifica um tronco ISDN específico para suporte à conexão remota de entrevistadores e/ou supervisores. Esta configuração pode ser substituída no script de gerenciamento de amostra. O número da porta a ser usado no discador automático. A planilha não precisa incluir essa coluna. No entanto, para evitar a necessidade de conectar-se manualmente ao discador automático após importar o arquivo de configuração do discador, configure o valor como Ativo. O código de acesso internacional que o discador automático deve usar para substituir o sinal de mais (+) no início de números de telefone internacionais. Se você inserir um código de acesso internacional que comece com um ou mais zeros, assegure-se de formatar esta coluna como Texto para que os zeros à esquerda sejam preservados. Planilha Posições Defina cada posição em uma linha separada da planilha Posições. A primeira linha deve conter os títulos da coluna. A tabela a seguir descreve as colunas na planilha Posições: Coluna Posição Descrição Um nome que identifica exclusivamente a posição. Por exemplo, R02-S18 para a estação 18 na sala 2. Lembre-se de que alguém terá que inserir este nome na estação de telefone do entrevistador ou do supervisor correspondente, portanto, não deixe os nomes muito longos ou difíceis de digitar. Consulte o tópico Configurando estações para usar um discador automático na página 235 para obter mais informações. O comprimento máximo da Posição é 80 caracteres. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 233

238 Coluna DialerName RemoteTrunkGroup Descrição O discador automático que será usado por esta posição. Por exemplo, ChicagoDialer03. Este valor deve corresponder a uma das entradas na coluna DialerName na planilha de Discadores. Identifica um tronco ISDN específico para suporte à conexão remota de entrevistadores e/ou supervisores. Esta configuração pode ser substituída com base em cada posição. Se esta definição não for especificada para a posição, o RemoteTrunkGroup do discador deverá ser usado. Se RemoteTrunkGroup não estiver configurado para o discador, um grupo tronco não deverá ser especificado ao estabelecer a conexão remota (o discador deverá determinar qual grupo tronco usará). Os entrevistadores não podem especificar o valor de RemoteTrunkGroup. Extensão A extensão de telefone usada nesta posição. Para os discadores automáticos do IBM SPSS Data Collection Dialer e QTC, as extensões devem ser inseridas no formato Ennn, por exemplo, E101 ou E123. Para especificar que esta posição não pode usar um discador automático, configure o valor para Modem ou Manual, que define que somente a discagem de modem ou manual pode ser usada nessa posição. Se a posição for usada por um supervisor para monitoramento de entrevistador, uma extensão deverá ser especificada. Ao usar Entrevistas remotas, esta propriedade deverá ser definida como "remota". O comprimento máximo da extensão é 40 caracteres. Descrição AccessNumber Uma descrição de formato livre da posição. A planilha não precisa incluir essa coluna. O número do telefone do entrevistador remoto. O comprimento máximo de AccessNumber é 50 caracteres (os caracteres < e > não são válidos). Iniciando a administração de discador 1. No menu IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, escolha: Telefone > Administração de discador A tela principal de Administração de discador é aberta. Importando um arquivo de configuração do discador Em Administração do discador, inclua discadores automáticos ou atualize as informações para discadores automáticos existentes, importando um arquivo de configuração do discador. Esse arquivo contém uma entrada para cada discador automático e uma entrada para cada estação que usará um discador automático. Consulte o tópico Criando um arquivo de configuração do discador na página 232 para obter mais informações. Antes de importar um arquivo de configuração do discador, esteja ciente do seguinte: v Um discador automático existente que possua o mesmo nome que uma entrada no arquivo será sobrescrito. v Um discador automático existente que não possua o mesmo nome que nenhuma entrada no arquivo não será afetado, ou seja, não será removido. Para remover uma discador automático, consulte Conectando-se e desconectando-se de um discador automático na página 237. v Os discadores automáticos existentes que devem ser sobrescritos devem estar no estado Interrompido ou Com falha, caso contrário, a importação falhará. Importando um arquivo de configuração do discador 1. Assegure-se de que os discadores automáticos existentes que devem ser sobrescritos estejam no estado Interrompido ou Com falha. 234 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

239 2. Na parte superior da tela principal de Administração do discador, clique no botão Importar, conforme é mostrado abaixo: A caixa de diálogo Fazer upload de arquivos é aberta. 3. Clique em Navegar e selecione o arquivo que deseja importar. 4. Na caixa de diálogo Fazer upload de arquivos, clique em Fazer upload. As entradas do discador no arquivo de configuração são validadas e importadas. A Exibição em tempo real é atualizada e os discadores automáticos novos ou atualizados são mostrados. No entanto, se a validação tiver falhado, a importação será interrompida e uma mensagem de erro será exibida. Configurando estações para usar um discador automático Se um ou mais discadores automáticos tiverem sido incluídos na atividade Administração do discador, cada estação de entrevistador por telefone (ou seja, qualquer computador em que a atividade Participantes por telefone será usada) deverá ser designada a um dos nomes de posição definidos no arquivo de configuração do discador. Quando um entrevistador solicitar para ser conectado a um participante, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server usará o nome da posição para rotear a solicitação para o discador automático apropriado. Quando uma chamada for gerada com sucesso, o discador automático conectará o participante a um número de extensão especificado para esse nome da posição para que o entrevistador possa falar com o participante. Se uma estação não tiver sido designada a um nome da posição reconhecido, ela não poderá ser usada para discagem automática. Para projetos que usam um discador automático, é possível escolher se a estação ainda poderá ser usada para realizar entrevistas por discagem manual. Consulte "Estações com nomes de posição não reconhecidos", posteriormente neste tópico. Você também deverá designar nomes de posição para estações de supervisor que serão usadas para monitoramento de áudio ou para revisar entrevistas que incluam gravações de áudio. Consulte "Estações usadas para monitoramento de áudio" e "Estações usadas para revisar entrevistas", posteriormente neste tópico. Designando nomes de posição Os nomes de posição são designados a estações de entrevistador por telefone de uma das duas maneiras: v Por um administrador. Assegure-se de que você tenha sido designado à variável da atividade Participantes por telefone "É possível configurar estações de entrevistador". Em seguida, abra Participantes por telefone em cada estação e, quando solicitado, insira o nome posição apropriado. Por exemplo, o nome pode ser R02-S18 para o computador no lugar 18 na sala 2. Isto somente precisa ser feito uma única vez em cada estação. Quaisquer entrevistadores que, posteriormente, utilizarem a estação (aos quais não tenha sido atribuído "É possível configurar estações do entrevistador") não será solicitado um nome do ranqueamento. v Pelo entrevistador. Designe a variável da atividade Participantes por telefone "É possível configurar estações de entrevistador" a entrevistadores por telefone. Sempre que um entrevistador abrir Participantes por telefone, ele deverá confirmar o nome da posição inserido pelo usuário anterior ou inserir um novo nome da posição. Dependendo de seus requisitos, será possível usar o mesmo método para todos os entrevistadores ou usar o primeiro método para alguns entrevistadores e o segundo método para outros. Para obter mais informações sobre como designar a variável de atividade "É possível configurar estações de entrevistador", procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide o tópico "Designando usuários ou funções a variáveis de atividade". Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 235

240 Estações com nomes de posição não reconhecidos Quando um nome é inserido na posição Participantes por telefone, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server valida o nome com relação aos definidos na atividade Administração de discador. Se o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server não reconhecer o nome, a estação não poderá usar a discagem automática. Para projetos que usam um discador automático, é possível especificar se as estações com posições não reconhecidas ainda poderão ser usadas para realizar entrevistas (ou seja, se a atividade Participantes por telefone ainda será aberta). Se sim, a discagem manual deverá ser usada nessas estações. Consulte o tópico Configurações do discador automático na página 120 para obter mais informações.. Estações usadas para monitoramento de áudio Se você pretende usar a atividade Monitoramento de entrevistas no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server e deseja que o monitoramento de áudio esteja disponível, você deverá designar um nome da posição válido para cada estação na qual a atividade Monitoramento de entrevistas será aberta. Quando um supervisor iniciar o monitoramento de uma entrevista, o discador automático conectará o telefonema do entrevistador ao número da extensão associado à posição para que o supervisor possa ouvir a entrevista. Observe que o monitoramento de áudio somente é possível quando as posições do entrevistador e do supervisor estão associadas ao mesmo discador automático. Os nomes de posição são designados às estações de monitoramento usadas para monitoramento de áudio de uma das duas maneiras: v v Por um administrador. Assegure-se de que você tenha sido designado à variável da atividade Monitoramento de entrevistador "É possível configurar estações de supervisor". Em seguida, abra Monitoramento de entrevistador e, quando solicitado, insira o nome da posição apropriado. Isto somente precisa ser feito uma única vez em cada estação. Os supervisores que abrirem o Monitoramento de entrevista na estação em seguida (e que não tiverem sido designados a "É possível configurar estações de supervisor") não serão solicitados a inserir um nome da posição. Pelo supervisor. Designe a variável de atividade Monitoramento de entrevistador "É possível configurar estações de supervisor" a supervisores. Sempre que um supervisor abrir o Monitoramento de entrevistador, ele deverá confirmar o nome da posição inserido pelo usuário anterior ou inserir um novo nome da posição. Para obter mais informações sobre como designar a variável de atividade "É possível configurar estações de supervisor", procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide o tópico "Designando usuários ou funções a variáveis de atividade". Estações usadas para revisar entrevistas Se você pretende usar a atividade Revisar Entrevistas no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server e deseja poder ouvir as gravações de áudio de respostas dos participantes, você deverá designar um nome da posição válido para cada estação na qual a atividade Revisar Entrevistas será aberta. Os nomes de posição são designados a estações usadas para revisar entrevistas de uma das duas maneiras: v Por um administrador. Assegure-se de que você tenha sido designado à variável da atividade Revisar Entrevistas "É possível configurar estações de supervisor". Em seguida, abra Revisar Entrevistas e, quando solicitado, insira o nome da posição apropriado Isto somente precisa ser feito uma única vez em cada estação. Aos supervisores que, em seguida, abrirem Revisar entrevista nesta estação (e que não tiverem sido designados a "É possível configurar estações de supervisor") não será solicitado um nome do ranqueamento. 236 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

241 v Nota: Se uma estação estiver sendo usada para monitoramento de áudio e revisão de entrevistas, não será necessário realizar a etapa acima se você já tiver realizado a etapa equivalente em "Estações usadas para monitoramento de áudio" acima. Pelo supervisor. Designe a variável da atividade Revisar Entrevistas "É possível configurar estações de supervisor" a supervisores. Sempre que um supervisor abrir Revisar Entrevistas, ele deverá confirmar o nome da posição inserido pelo usuário anterior ou inserir um novo nome da posição. Para obter mais informações sobre como designar a variável de atividade "É possível configurar estações de supervisor", procure no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration User's Guide o tópico "Designando usuários ou funções a variáveis de atividade". Conectando-se e desconectando-se de um discador automático É possível usar a tela principal Administração de discador para realizar as seguintes tarefas: v Conectar a um discador automático, para que seja possível gerar chamadas para entrevistadores por telefone. v Desconectar de um discador automático, para que ele não possa mais gerar chamadas. v Remover um discador automático da atividade Administração de discador. v Verificar o status do discador automático. Nota: Para usar uma discador automático, também é necessário especificar para cada um dos projetos de entrevistas por telefone que um discador automático será usado. Consulte o tópico Configurações de entrevista na página 112 para obter mais informações.. A Exibição em tempo real A Exibição em tempo real contém um registro para cada discador automático e mostra informações como o número de chamadas ativas em um discador automático ou o número de vezes que a conexão com o discador automático falhou. Os campos mostrados na Exibição em tempo real são descritos na tabela a seguir: Campo Discador Estado Status Descrição O nome do discador automático, conforme está especificado no arquivo de configuração do discador. O estado atual do discador automático, que pode ser Iniciando, Ativo, Parando, Interrompido ou Com falha. Para um discador automático no estado Ativo, este campo mostra o número de entrevistadores que estão discando para um participante ou que estão conectados a um participante. Para ver o número de entrevistadores por projeto, expanda o nó à esquerda do status. Para um discador automático no estado Com falha, este campo mostra o número de vezes que a conexão com o discador automático falhou. O canto superior direito da Exibição em tempo real contém botões que podem ser usados para várias tarefas. Os botões estão listados na tabela a seguir: Botão Descrição Conectar a esta discador automático. Desconectar deste discador automático. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 237

242 Botão Descrição Remover este discador automático da atividade Administração de discador. Atualizar a Exibição em tempo real. Nota: A Exibição em tempo real somente é atualizada ao clicar em um desses botões. Clique no botão Atualizar periodicamente para manter a exibição atualizada. Conectando-se e desconectando-se de um discador automático Ao conectar-se a um discador automático, é possível gerar chamadas para os entrevistadores por telefone que as solicitam. Ao desconectar-se de um discador automático, ele não poderá mais gerar chamadas, mas permitirá que as chamadas ativas sejam concluídas. Se um entrevistador por telefone solicitar uma chamada quando o estado atual do discador automático for Interrompido ou Com falha, uma mensagem explicará que o discador automático está indisponível. Conectando-se a um discador automático 1. Na Exibição em tempo real, marque a caixa de seleção à esquerda do discador automático ao qual deseja se conectar. Somente selecione um discador automático se seu estado atual for Interrompido ou Com falha. Dica: Para conectar-se a mais de um discador automático, marque mais de uma caixa de seleção. Para selecionar todos os discadores automáticos, marque a caixa de seleção à esquerda da linha de cabeçalho. 2. Clique no botão Iniciar, conforme é mostrado abaixo: O estado do discador automático é alterado para Iniciando e, após uma breve pausa, para Ativo. Agora o discador automático pode gerar chamadas. Desconectando-se de um discador automático 1. Na Exibição em tempo real, marque a caixa de seleção à esquerda dos discadores automáticos dos quais deseja desconectar-se. Somente selecione um discador automático se seu estado atual for Ativo. Dica: Para desconectar-se de mais de um discador automático, marque mais de uma caixa de seleção. Para selecionar todos os discadores automáticos, marque a caixa de seleção à esquerda da linha de cabeçalho. 2. Clique no botão Parar, conforme é mostrado abaixo: O estado do discador automático é alterado para Parando e o discador automático não pode mais gerar chamadas. Quando todas as chamadas ativas terminarem, o estado do discador automático será alterado para Interrompido. Remoção do discador automático É possível remover um discador automático da atividade Administração de discador. Antes de fazer isso, esteja ciente do seguinte: 238 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

243 v Caso seja necessário restaurar um discador automático após removê-lo, você deverá importar um arquivo de configuração de discador que contenha uma entrada para esse discador automático. v Ao remover um discador automático, todas as posições especificadas para esse discador automático também serão removidas. Para continuar a usar a discagem automática nessas posições, você deverá associá-las a outro discador automático. Consulte o tópico Criando um arquivo de configuração do discador na página 232 para obter mais informações. v Não é possível remover um discador automático existente, excluindo sua entrada de um arquivo de configuração de discador e importando esse arquivo. Em vez disso, siga as etapas abaixo para remover um discador automático. Removendo um discador automático 1. Na Exibição em tempo real, marque a caixa de seleção à esquerda do discador automático que deseja remover. Somente selecione um discador automático se seu estado atual for Interrompido ou Com falha. 2. Clique no botão Excluir, conforme é mostrado abaixo: A Exibição em tempo real é atualizada e o discador automático não é mais mostrado. Fechando a administração do discador 1. Na tela principal, clique no botão Sair, conforme é mostrado abaixo: Teste do discador Discador InVADE Tabela 7. Teste do discador InVADE. Variável Status Comentários Discagem de potência Não testado Somente discagem de grupo e de previsão estão disponíveis ao usar o discador InVADE. Discagem de grupo Aprovado Administração de discador Aprovado Login de PhoneInterviewing Aprovado Resultados de chamada Aprovado Configurações do discador Aprovado Qualificações do entrevistador Não testado As qualificações do entrevistador são ignoradas ao discar com o discador InVADE. Revisar áudio Aprovado Detecção de secretária eletrônica Não testado VoIP Aprovado Relatórios de telefone Aprovado Modo remoto Aprovado Failover Aprovado Teste de carregamento Aprovado 50 entrevistas simultâneas Referência N/A Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 239

244 O teste de carregamento de discagem de grupo de discador InVADE, com 50 entrevistas simultâneas, os detalhes são fornecidos abaixo: v Ambiente de hardware: Máquina única - Intel Core Duo E GHz, 4GB RAM v Ambiente de software: Microsoft Windows Server 2003 R2, Microsoft SQL Server 2005 v Versão do servidor: IBM SPSS Data Collection Server Correção 1 v Versão do discador InVADE: v Entrevistas simultâneas: 50 v Modo de carregamento: 1 entrevista a cada 5 segundos v Duração: 120 minutos v Projeto: Pequeno v Modo de discagem: Discagem de grupo do InVADE Discador Marketing Systems Group Pro-T-S Tabela 8. Teste do discador Marketing Systems Group Pro-T-S. Variável Status Comentários Discagem de potência Aprovado Discagem de grupo Aprovado Administração de discador Aprovado Login de PhoneInterviewing Aprovado Resultados de chamada Aprovado Configurações do discador Aprovado Qualificações do entrevistador Aprovado Revisar áudio Aprovado Detecção de secretária eletrônica Aprovado VoIP Aprovado Relatórios de telefone Aprovado Modo remoto Aprovado Failover Aprovado Teste de carregamento Aprovado 50 entrevistas simultâneas Referência N/A O teste de carregamento de discagem de grupo do discador Marketing Systems Group Pro-T-S, com 50 entrevistas simultâneas, os detalhes são fornecidos a seguir: v Versão do servidor: IBM SPSS Data Collection Server Correção 1 v Kit de instalação do Marketing Systems Group Pro-T-S: Beta versão 3 v Entrevistas simultâneas: 50 v Modo de carregamento: 1 entrevista a cada 5 segundos v Duração: 120 minutos v Projeto: Multimodo v Modo de discagem: Discagem de grupo do Marketing Systems Group Pro-T-S v Status do discador: Discador demo do Marketing Systems Group Pro-T-S (50 extensões locais e 10 extensões remotas) 240 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

245 Discador Sytel Tabela 9. Teste do discador Sytel. Variável Status Comentários Discagem de potência Aprovado Discagem de grupo Aprovado Administração de discador Aprovado Login de PhoneInterviewing Aprovado Resultados de chamada Aprovado Configurações do discador Aprovado Qualificações do entrevistador Aprovado Revisar áudio Aprovado Detecção de secretária eletrônica Aprovado VoIP Aprovado Relatórios de telefone Aprovado Modo remoto Aprovado Failover Aprovado Teste de carregamento Aprovado 50 entrevistas simultâneas Referência N/A O teste de carregamento de discagem de grupo do discador Sytel, com 50 entrevistas simultâneas. Os detalhes são fornecidos a seguir: v Ambiente de hardware: Máquina única - Intel Core 1.86Ghz, 4GB RAM v Ambiente de software: Microsoft Windows Server 2003, Microsoft SQL Server 2005 v Versão do servidor: IBM SPSS Data Collection Server Correção 1 v Versão do discador Sytel: v Entrevistas simultâneas: 50 v Modo de carregamento: 1 entrevista a cada 2 segundos v Duração: 120 minutos v Projeto: Multimodo v Modo de discagem: Discagem de grupo do Sytel Relatórios da atividades Entrevistas Use o Relatório de atividades Entrevistas para monitorar o status atual dos mecanismos de sessão responsáveis por executar as entrevistas. Dependendo do tamanho do site e da forma como foi configurado, é possível haver um mecanismo de sessão que execute todas as entrevistas para todos os projetos ou haver vários mecanismos que compartilhem a carga de entrevistas entre eles. Quando uma nova entrevista é iniciada e há mais de um mecanismo de sessão em execução, geralmente, o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server aloca a entrevista ao mecanismo de sessão menos ocupado. O administrador do IBM SPSS Data Collection pode controlar como o sistema determina qual é o mecanismo menos ocupado. Às vezes, será o mecanismo que estiver realmente com menos trabalho, outras vezes, os mecanismos que já estiverem executando entrevistas para o projeto atual poderão ter precedência sobre os outros mecanismos, mesmo se esses mecanismos estiverem menos ocupados. É por isso que pode haver novas entrevistas sendo alocadas para mecanismosque não sejam necessariamente os menos carregados. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 241

246 Executando o Relatório de atividades de entrevistas e atualizando-o regularmente para obter os números mais recentes, é possível monitorar a ocupação dos mecanismos de sessão e antecipar possíveis problemas de carregamento. O ponto a ter em mente é que quanto maior o carregamento (ou seja, quanto mais ocupado o mecanismo esteja), mais lentamente as entrevistas serão executadas. Se um mecanismo atingir ou exceder 100% de carregamento e o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server alocar outra entrevista para ele, essa entrevista falhará com uma mensagem informando que o servidor está ocupado. O relatório inclui todos os mecanismos de sessão, mesmo se eles não estiverem registrados atualmente. Isso nem sempre indica um problema. Pode ser que um mecanismo não esteja mais registrado para entrevistas (entrada) da web, mas ainda possa ser usado para executar entrevistas de telefone. Às vezes, um mecanismo pode falhar enquanto há entrevistas em andamento. Quando isso ocorre, as entrevistas são transferidas automaticamente para um mecanismo diferente (normalmente, o respondente ou o entrevistador não fica ciente disso). O relatório mostrará que o mecanismo falhou e as informações para outros mecanismos serão alteradas da forma apropriada (por exemplo, aparecerá que um mecanismo não usado anteriormente agora assumiu algumas dessas entrevistas). É possível consultar atividade de entrevistas de duas maneiras: v O status do mecanismo relata o status de cada mecanismo, mostrando quais mecanismos estão executando quais projetos e qual a ocupação de cada um. v O status do projeto relata o status de cada projeto, mostrando os mecanismos nos quais as entrevistas para cada projeto estão em execução. Ambos os relatórios mostram os números atuais de entrevistas em tempo real e de teste por projeto. Se as entrevistas estiverem ocorrendo em projetos aos quais você não tem acesso, informações sobre essas entrevistas e esses projetos serão resumidas em uma única entrada Outros projetos. Iniciando o Relatório de atividade de entrevistas 1. No menu, escolha: Ferramentas > Atividade de entrevistas A página exibe uma tabela que mostra o status de cada mecanismo de entrevista. Status do mecanismo O relatório de Status de mecanismo toma cada mecanismo por vez e relata a porcentagem de carregamento (ou seja, o quão ocupado está, considerando que totalmente carregado é 100%), quantas entrevistas estão atualmente em execução e quantos projetos ele cobre. Será possível expandir a contagem de projetos para ver os nomes do projeto, se desejar. Se um mecanismo estiver executando entrevistas para projetos que você não possa acessar, o relatório mostrará uma única entrada para Outros projetos para esses projetos. O relatório usa dois ícones para marcar os mecanismos cujos carregamentos são alto ou excessivamente alto: Ícone Figura 116. Ícone de Informação Descrição O carregamento do mecanismo é atualmente maior que 80%. O mecanismo ainda poderá funcionar normalmente com este carregamento, mas as entrevistas poderão começar a diminuir. 242 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

247 Ícone Figura 117. Ícone de aviso Descrição O carregamento atual do mecanismo é maior que 95%. Isso é excessivamente elevado e as entrevistas não serão executadas tão rapidamente quanto devem ser. Se esse ícone aparecer regularmente nos relatórios, informe o administrador do IBM SPSS Data Collection, pois ele poderá ajustar a maneira na qual as entrevistas são alocadas aos mecanismos de sessão. Nota: O valores de carregamento de 80% e 95% são padrões. O administrador do IBM SPSS Data Collection pode informar quais são números para o seu site. O relatório é uma captura instantânea da atividade no ponto em que você o solicita. Atualize o relatório periodicamente para ver os números atualizados. Para visualizar o relatório de status do mecanismo 1. No quadro Entrevistas, clique em Status do mecanismo. 2. Para ver os nomes dos nomes dos projetos para os quais as entrevistas estão em execução, clique no botão "mais" à esquerda da contagem de projetos. Para retornar à exibição de resumo, clique no botão "menos". Status do projeto O relatório Status do projeto cobre todos os projetos para os quais há entrevistas atualmente em andamento. O relatório mostra o nome do projeto, a versão do arquivo de questionário usada, o número de mecanismos que estão executando entrevistas para esse projeto e o número de entrevistas em tempo real e de teste em andamento. Se houver entrevistas em andamento para projetos que você não possa acessar, o relatório mostrará uma entrada Outros projetos para os mecanismos que estiverem executando essas entrevistas. Isso fornece o número total de entrevistas em tempo real e de teste em andamento para todos esses projetos combinados. O relatório é uma captura instantânea da atividade no ponto em que você o solicita. Atualize o relatório periodicamente para ver os números atualizados. Para visualizar o relatório de status do projeto 1. No quadro Entrevistas, clique em Status do projeto. 2. Para ver os nomes dos nomes dos mecanismos que estão executando as entrevistas de um projeto, clique no botão "mais" à esquerda da contagem de mecanismos. Para retornar à exibição de resumo, clique no botão "menos". Atualizando o relatório 1. Clique no botão Atualizar. Gerenciar Logs O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e as atividades e os aplicativos que são executados nele criam vários arquivos de log que fornecem uma trilha de auditoria sobre o que cada atividade executou. Se você tiver problemas com o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, o administrador do IBM SPSS Data Collection ou um representante de suporte da IBM Corp. deverá examinar estes arquivos para descobrir o que está causando os problemas. Em uma instalação pequena onde tudo estiver instalado em uma única máquina, todos os arquivos de log serão armazenados em uma Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 243

248 única pasta e poderão ser visualizados facilmente usando qualquer editor de texto. Nas instalações em cluster, os arquivos de log são criados em cada máquina no cluster, o que dificulta bastante sua visualização e a correspondência de registros entre arquivos. Gerenciar logs fornece um método fácil de visualizar arquivos de log e pode ser usado para criar um arquivo zip, contendo os logs de sua escolha, a ser enviado para um representante de suporte da IBM Corp. caso haja problemas que precisem de investigação. Nota: Embora o propósito principal dos arquivos de log seja registrar eventos, algumas entradas de log podem conter dados reais ou detalhes do respondente ou referências que permitem que os dados ou detalhes do respondente sejam extraídos de outros arquivos. Além disso, os arquivos de log não são específicos do projeto e muitas entradas de log contêm o nome do projeto, facilitando a localização de informações para um projeto específico. Como é provável que esses itens se tornem problemas de segurança em empresas que fornecem serviços do IBM SPSS Data Collection a vários clientes externos ou quando equipes diferentes trabalharem em diferentes projetos de clientes, a primeira liberação de Gerenciar logs somente está disponível para os administradores do IBM SPSS Data Collection. Está planejado que as liberações futuras filtrarão automaticamente as entradas de log para que os usuários vejam apenas as entradas que façam referência ao sistema como um todo ou aos seus próprios projetos. Certamente, os administradores ainda terão acesso a todos os registros. Incluindo ou excluindo logs de Evento do Windows O arquivo Web.config da atividade Gerenciar logs está localizado em C:\InetPub\wwwroot\SPSSMR\ ManageLogs. Ele define chaves que controlam os seguintes aspectos do comportamento da atividade. A chave a seguir controla se os logs de Evento do Windows são exportados: <appsettings> <add key="includeeventlogoption" value="true"/> </appsettings> Iniciando Gerenciar logs 1. No menu do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, escolha Ferramentas > Gerenciar logs Configurações de visualização A guia Configurações de visualização é onde você especifica os tipos de registros que deseja visualizar e o número de registros a serem exibidos por página. Também é possível especificar um intervalo de data. Isso aplica-se aos próprios arquivos de log, não aos registros que eles contêm. A data de início é a data em que o arquivo foi criado e a data de encerramento é a data em que o arquivo foi modificado pela última. Alguns arquivos de log crescem mais rapidamente do que outros, portanto, para visualizar os registros de um problema que surgiu em 26 de outubro, poderá ser necessário solicitar os arquivos de log para o período de 20 a 27 de outubro para saber tudo o que aconteceu. Para especificar as Configurações de visualização 1. Selecione a guia Configurações de visualização. 2. Em Número de registros por página, escolha se deseja exibir 50, 100, 500 ou 800 registros por página. 3. Em Tipos de arquivo de log, escolha os arquivos de log cujos registros você deseja ver. Selecionar IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (ISE) Componentes do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (IVW) Para Registros relacionados ao mecanismo de entrevista. Registros relacionados a entrevistas. 244 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

249 Selecionar Outros Para Registros de arquivos de log para outras atividades, como Participantes ou Exportar dados. 4. Em filtro de data de Arquivos de log, escolha o intervalo de data para os arquivos que deseja usar. As possibilidades são as últimas duas, 12 ou 24 horas, os últimos dois dias ou a última semana. O padrão é os últimos dois dias. Se você preferir especificar seu próprio intervalo de data, selecione Customizado e, em seguida, escolha as datas de início e de encerramento nos novos campos que Gerenciar logs exibe. 5. Clique em Aplicar para salvar as mudanças. Visualizando arquivos de log Use a guia Visualizar logs para consultar registros individuais em arquivos de log. Inicialmente, os registros são filtrados de acordo com as configurações na guia Configurações de visualização para que, por exemplo, seja possível ver somente os registros de determinados arquivos e para determinadas datas. Com essas restrições, é possível solicitar somente os registros de uma máquina selecionada e é possível filtrar os registros usando uma consulta SQL. Isso permite, por exemplo, selecionar somente os registros que estão sinalizados como pertencentes a um determinado projeto ou que estão relacionados a eventos entre o meio-dia e às 17h em um determinado dia. O padrão é exibir todos os registros registrados nos níveis de criação de log Informações, Aviso, Erro ou Fatal e ordená-los em ordem crescente de data e hora. Se desejar obter informações adicionais sobre os níveis de criação de log, consulte o Para visualizar registros de log 1. Selecione a guia Visualizar logs. 2. Em Maquinas, escolha a máquina cujos registros de log você deseja ver. 3. Na consulta SQL, digite a query que deseja usar para selecionar e exibir registros. 4. Clique em Visualizar logs. 5. Se houver mais de uma página de registros, use os botões e links abaixo da estrutura da lista para ver essas páginas. Se não houver registros que correspondam aos critérios de seleção, as palavras "Sem registros" serão exibidas. 6. Para ver o texto completo de uma mensagem de erro sem rolar, clique no texto da mensagem e ele será exibido em uma caixa de diálogo pop-up. Fazendo download de arquivos de log Se houver problemas com a instalação que você não possa resolver, poderá ser solicitado que você envie os arquivos de log para o representante de suporte do SPSS. A forma mais fácil de fazer isso é usar a guia Download para criar um arquivo zip (compactado) que poderá ser enviado por . O processo de download copia todos os arquivos que foram criados em uma data de início fornecida ou após essa data ou que foram modificados pela última vez em uma data de encerramento especificada ou antes dessa data. Ao escolher as datas, lembre-se de que alguns arquivos crescem mais rapidamente do que outros, portanto, talvez seja necessário estender o intervalo de data para fora do período em que o problema realmente existiu. O processo de download também cria um arquivo leia-me contendo informações relacionadas ao problema. Você fornece algumas dessas informações e algumas vêm do DPM. Os arquivos zip são denominados SiteName_yyyy-mm-dd.zip (por exemplo, BJH_ zip). Após a criação do arquivo, Gerenciar logs exibirá uma caixa de mensagem de download padrão do Windows perguntando se você deseja abrir ou salvar o arquivo. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 245

250 O intervalo de data, os tipos de arquivo transferidos por download e a configuração para os arquivos de eventos do Windows são salvos no DPM como configurações do aplicativo para que se tornem os padrões na próxima vez que você executar Gerenciar logs. Notas v Embora o download geralmente seja muito rápido, poderá demorar um pouco se você fizer o download de vários arquivos de log muito grandes ou se você fizer o download de logs de eventos do Windows. Não será possível usar o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration enquanto o download estiver em andamento. v Caso haja várias pessoas com privilégios de administrador, somente um desses usuários poderá fazer o download de arquivos de log de cada vez. Para compactar e fazer o download de arquivos de log 1. Selecione a guia Fazer o download de logs. 2. Em Máquinas, escolha as máquinas cujos registros de log você deseja transferir por download. 3. Em Tipos de arquivo de log, escolha os tipos de arquivos de log que você deseja transferir por download: Selecionar IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (ISE) Componentes do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server (IVW) Outros Para Registros relacionados ao mecanismo de entrevista. Registros relacionados a entrevistas. Registros de arquivos de log para outras atividades, como Participantes ou Exportar dados. Selecione os arquivos de log apropriados na lista (Shift+Clicar com o botão esquerdo ou Ctrl+Clicar com o botão esquerdo). 4. No Filtro de data de arquivos de log, escolha o intervalo de data que deseja ver. As opções são as últimas duas, 12 ou 24 horas, os últimos dois dias, a semana passada ou o mais recente (o arquivo de log modificado pela última vez para cada tipo de arquivo de log selecionado). O padrão é os últimos dois dias. Se você preferir especificar seu próprio intervalo de data, selecione Customizado e, em seguida, escolha as datas de início e de encerramento nos novos campos que Gerenciar logs exibe. Nota: O intervalo de data se aplica às datas de criação e da última modificação dos próprios arquivos de log, não às datas em que as entradas de log foram gravadas. Em um sistema levemente carregado, isto pode significar que alguns arquivos contêm informações que não são relevantes para o problema atual. 5. Selecione Incluir logs de eventos do windows? se você desejar fazer o download do logs do sistema e de aplicativos do Windows. O padrão é fazer o download desses arquivos, pois geralmente eles contêm informações úteis sobre o que estava acontecendo em uma máquina enquanto o IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration estava em execução. 6. Selecione Usar expressão regular para filtrar? se desejar definir uma expressão de texto regular para procurar. Após selecionar, será possível inserir uma expressão de texto no campo fornecido. Somente arquivos de log que contêm o texto definido serão retornados. 7. Use as caixas de seleção na seção de conteúdo Leia-me para especificar as informações a serem incluídas no arquivo Leia-me que será criado para acompanhar os arquivos de log. v Em Prioridade, selecione a importância da tarefa para você. v Em Detalhes do contato, digite o nome e o número de telefone ou o endereço de da pessoa que o representante de suporte deverá contatar a respeito do problema. v Em Descrição do problema, digite uma descrição clara e concisa do problema que foi observado. Se você tiver outras informações que serão úteis, anote-as aqui. Por exemplo, se um script de 246 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

251 gerenciamento de amostra tiver sido alterado recentemente ou se o problema tiver ocorrido após um upgrade do sistema, inclua isso nesse campo para que o representante de suporte fique ciente da questão. 8. Clique em Fazer o download logs. Gerenciando o arquivo de dump do DPM Por padrão, a atividade Gerenciar logs cria um arquivo de dump do DPM sempre que uma exportação ocorre. Pode demorar um tempo considerável para criar o arquivo de dump quando o DPM é grande. A configuração IncludeDPMDump do arquivo web.config de Gerenciar logs ativa e desativa efetivamente a criação do arquivo de dump. <appsettings> <add key="includedpmdump" value="false" /> </appsettings> Quando configurado como false, a configuração impede a criação do arquivo de dump do DPM. Quando configurado como true, um arquivo de dump do DPM é criado sempre que uma exportação ocorre. O que há no arquivo zip O arquivo zip criado por Gerenciar logs contém os seguintes arquivos na ordem mostrada: Nome do arquivo dpm_out.txt ReadMe.html ApplicationEvents.csv SystemEvents.csv *.tmp Descrição Um arquivo de texto listando os conteúdos do DPM. Informações adicionais sobre os arquivos. Os logs de eventos de aplicativo e do sistema Windows, se solicitado. Arquivos do log do IBM SPSS Data Collection. Os arquivos exatos dependem do que foi solicitado. O arquivo Leia-me O arquivo ReadMe.html contém as seguintes informações: v Quando o arquivo zip foi criado e por qual versão da ferramenta de log. v Quais versões do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration e de seus aplicativos associados estão instaladas. v Os nomes das máquinas cujos arquivos de log foram incluídos, a função de cada máquina no cluster (servidor de entrevistas, por exemplo), o fuso horário de cada máquina e quantos arquivos de log foram coletados a partir de cada máquina. v As informações que você inseriu na guia Download. Se você precisar corrigir a descrição do problema, será possível editar o arquivo e salvá-lo novamente no arquivo zip. Não há necessidade de executar o download novamente somente por esse motivo. IBM SPSS Data Collection Remote Administration A atividade do IBM SPSS Data Collection Remote Administration permite monitorar os entrevistadores remotos trabalhando em um determinado projeto. O IBM SPSS Data Collection Remote Administration é o componente do servidor do IBM SPSS Data Collection Interviewer, que os entrevistadores remotos usam para realizar entrevistas e sincronizar seus dados. A atividade do IBM SPSS Data Collection Remote Administration fornece informações de status sobre cada entrevistador remoto, incluindo o número de entrevistas concluídas, o número de entrevistas suspensas e a última vez que o entrevistador foi sincronizado. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 247

252 Monitorando sincronizações entre o Interviewer Cada novo dado de sincronização do IBM SPSS Data Collection Interviewer que é coletado fica disponível aos usuários adequadamente autorizados por meio da atividade Administração remota. Isso permite que os gerentes de campo e a equipe de suporte de primeiro nível monitorem quando os entrevistadores estão sincronizando e determinem quais registros estão sendo sincronizados. Notas É possível melhorar o desempenho da atividade Administração remota ao conectar-se ao arquivo de log para obter as últimas sincronizações tentadas ou bem-sucedidas, alterando um filtro de data que força a query a ser iniciada em um dia especificado. É possível atualizar o filtro de data no arquivo RemoteManager web.config (localizado em: C:\InetPub\wwwroot\SPSSMR\RemoteManager): <add key="logfilefilter_daystoinclude" value="7"/> O valor padrão do filtro é 7 dias. Iniciando o IBM SPSS Data Collection Remote Administration Activity 1. Selecione o projeto que deseja monitorar e clique em IBM SPSS Data Collection Remote Administration. A interface do IBM SPSS Data Collection Remote Administration A interface do IBM SPSS Data Collection Remote Administration fornece informações de status sobre cada entrevistador remoto para o projeto selecionado. A atividade foi reprojetada a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server As variáveis da atividade são divididas entre as guias Entrevistadores e Respondentes. Guia Entrevistadores A guia Entrevistadores de nível superior é semelhante às opções que eram fornecidas na atividade Administração remota anterior à As diferenças são as seguintes: v A lista de entrevistadores a ser exibida é obtida a partir da tabela InterviewerSyncDownloadProject e mostra os usuários que estão sincronizados para um projeto, mesmo que eles não estejam mais designados ao projeto. No entanto, os usuários que não estão atualmente designados ao projeto são exibidos como texto cinza. O comportamento foi alterado com relação ao comportamento anterior que mostrava somente os entrevistadores que estavam designados ao projeto no momento. v A guia inclui um campo de filtro ID do entrevistador. Por padrão, o campo fica em branco e todos os entrevistadores que estão sincronizados para o projeto são exibidos. Um nome do entrevistador ou um caractere curinga "*" pode ser usado para filtrar a lista (por exemplo, para exibir um único entrevistador ou um subconjunto de entrevistadores). v A guia inclui dois campos de filtro de intervalo de data. Por padrão, o intervalo de data exibe os últimos 31 dias (o número de dias é controlado pelo campo InterviewerSyncSessionDataExpiresInDays). Por exemplo, o intervalo de data padrão mostra todos os dados disponíveis nas tabelas InterviewerSync. O filtro usa um controle de calendário (não é possível filtrar com base na hora do dia). A procura também inclui os dias selecionados (por exemplo >= e <=). A data de início deve ser maior que a data atual menos o valor de InterviewerSyncSessionDataExpiresInDays, mas menor ou igual à data de encerramento. A seleção de uma data anterior resulta no seguinte erro: Synchronization data is only available for the last <InterviewerSyncSessionDataExpiresInDays>" days, the earliest available date is <Date> Quando o erro ocorre, a data é configurada automaticamente para a data mais antiga disponível. O horário de encerramento deve ser igual ou posterior ao horário de início e anterior ou igual à data atual. 248 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

253 v As colunas Concluído e Suspenso (que mostram os totais de dados do caso) foram substituídas pelas colunas Registros transferidos por upload e Conclusões transferidas por upload. As colunas contêm contagens das tabelas InterviewerSync e consideram o filtro de intervalo de dados. Um registro concluído é qualquer registro no qual DataCollection.Status contém completed. Cada ID do respondente somente é contado uma vez em cada coluna (o registro mais recente para cada ID do respondente). v As colunas Sincronização bem-sucedida e Tentativa de sincronização agora contam para o intervalo de data (por exemplo, somente os entrevistadores que estão sincronizados ou que tentaram sincronizar dentro do intervalo de data são mostrados na tabela). Caso não tenha ocorrido nenhuma sincronização bem-sucedida dentro do intervalo de data especificado, o campo será deixado em branco. As colunas também fornecem informações de sincronização para cada ID do respondente. Quando uma entrevista for concluída em várias sessões de entrevista, serão fornecidas as informações de sincronização de cada sessão incompleta, seguidas pelo último registro complete. Os valores de Sincronização bem-sucedida e Tentativa de sincronização são derivados da combinação das tabelas InterviewerSyncSessions e InterviewerSyncDownloadProject e, em seguida, da filtragem no projeto atual e do intervalo de data selecionado. O horário de Sincronização bem-sucedida éo RequestTime de InterviewerSyncSessions mais recente em que Result=0. O horário de Tentativa de sincronização é o horário absoluto RequestTime de InterviewerSyncSessions mais recente. Estes horários são exibidos no horário local de cada entrevistador (em vez dos horários UTC no banco de dados). A grade de dados é dividida em páginas, permitindo que cada página se ajuste na janela do navegador sem a necessidade de rolagem vertical. v As permissões Can view synchronization history e Can view respondent details controlam o acesso do usuário ao histórico de sincronização e aos detalhes do respondente. Quando um usuário usa a permissão Can view synchronization history, um ícone de sinal de mais (+) é incluído à esquerda de cada registro de entrevistador. Expandir o ícone de símbolo de mais (+) exibe as últimas sessões de sincronização do entrevistador, filtradas por projeto. Quando um ID do entrevistador é expandido, uma segunda grade é exibida com as seguintes colunas: Horário (obtidas do campo InterviewerSyncSessions.StartTime) Nome do host (o campo InterviewerSyncSessions.ClientHostName) Versões Registros transferidos por upload Conclusões transferidas por upload Status (Sucesso/Falha) Quando um usuário possui a permissão Can view respondent details, um ícone de sinal de mais (+) é incluído à esquerda de cada registro do entrevistador. Expandir o ícone de sinal de mais (+) expande a sessão de sincronização para exibir os registros de dados do caso transferidos por upload. Os registros são exibidos como uma grade com as seguintes colunas: ID do respondente (InterviewerSyncUploadedCaseData.RespondentId) Horário de conclusão (InterviewerSyncUploadCaseData.FinishTime) Concluído (True/False - InterviewSyncUploadData.Status.Contains({Completed})) Status (InterviewerSyncUploadCaseData.Result convertido em uma descrição do texto do código de resultado) v A guia Entrevistadores também fornece os controles Atualizar e Fazer o download. O controle Atualizar executa novamente a última consulta do banco de dados e atualiza a visualização de lista. O controle Fazer o download produz um arquivo CSV. Os conteúdos do arquivo CSV variam de acordo com as permissões do usuário: As informações a seguir estão disponíveis para todos os usuários da atividade Administração remota: ID do entrevistador Descrição Registros transferidos por upload Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 249

254 Conclusões transferidas por upload Última sincronização bem-sucedida Última tentativa de sincronização As informações a seguir estão disponíveis para os usuários com a permissão: Can view synchronization history ID do entrevistador Descrição Horário Nome do host Registros transferidos por upload Conclusões transferidas por upload Status Os filtros ID do entrevistador e Intervalo de data são aplicados quando a atividade produz o arquivo CSV, assegurando que o conteúdo do arquivo corresponda às informações mostradas na tela. A primeira linha no arquivo CSV é uma linha de cabeçalho que contém os títulos da coluna. Guia Respondentes A guia Entrevistadores foi projetada para permitir que os gerenciadores visualizem a atividade do entrevistador. A guia Respondentes mostra as informações de sincronização de dados do respondente. A guia Respondentes somente fica visível quando o usuário possui a permissão Can view respondent details. A guia fornece filtros semelhantes à guia Entrevistador, com exceção de ID do entrevistador que foi substituído por ID do respondente e que assume um valor vazio como padrão. Por padrão, um intervalo de data de 31 dias é fornecido. A inclusão do intervalo de data é destinada a salientar ao usuário que os dados mostrados são somente para um intervalo de data limitado. As informações são limitadas ao comprimento dos dados coletados. A guia Respondentes fornece as seguintes colunas: v ID do respondente v Tempo de sincronização v Tempo de conclusão v Nome do host (o dispositivo que fez o upload do registro de respondente) v ID do entrevistador (o entrevistador que realizou a entrevista) v Status (completo/incompleto) É possível que o mesmo respondente seja listado várias vezes, caso uma entrevista consista em várias visitas (por exemplo, registros incompletos com diferentes horários de conclusão e sincronização e, em seguida, finalmente um registro concluído). A lista é ordenada por ID do respondente ascendente e, em seguida, em ordem decrescente por tempo de sincronização (a sincronização mais recente primeiro). Semelhante à guia Entrevistador, a guia Respondentes fornece os controles Atualizar e Fazer o download. O controle Fazer o download produz um arquivo CSV com os mesmos dados que são mostrados na guia Respondentes. Os filtros ID do respondente e Intervalo de data também se aplicam ao download do CSV. 250 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

255 Histórico de ativação A atividade de Histórico de ativação permite monitorar o status de ativação do projeto. A atividade fornece opções para visualizar as ativações pendentes e concluídas e criar filtros de histórico de ativação. A atividade é composta pelas seguintes guias: v Guia Histórico de Ativação - permite visualizar o status de ambas as ativações, pendentes e concluídas. v Guia Filtros na página fornece opções para filtragem de histórico de ativação de questionário. Guia Histórico de Ativação A guia Histórico de ativação permite visualizar o status de ambas as ativações, pendentes e concluídas. Nota: Em geral, você é limitado a visualizar somente as suas ativações. Relatório de ativação Exibe o status para cada solicitação de ativação. Ativações pendentes As informações a seguir são fornecidas: v Projeto - O nome do projeto da maneira em que aparece no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. v Status - O status de ativação do projeto (pendente, processando, sucesso ou falha). v Servidor - O nome do servidor para o qual o questionário está sendo ativado. v Usuário - O nome do usuário que iniciou a ativação. v Enviado - O horário em que o questionário foi enviado para ativação. Este é o horário relatado pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Ativações concluídas As informações a seguir são fornecidas: v Projeto - O nome do projeto da maneira em que aparece no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration. v Usuário - O nome do usuário que iniciou a ativação. v Servidor - O nome do servidor para o qual o questionário está sendo ativado. v ProcessingServer - O servidor que executa a ativação. Em um ambiente em cluster, o servidor ao qual uma ativação é enviada não é necessariamente o servidor que executa a ativação. v StartTime - O horário em que o questionário foi enviado para ativação. Este é o horário relatado pelo IBM(r) SPSS(r) Data Collection Interviewer Server. v EndTime - O horário em que o questionário concluiu a ativação. Este é o horário relatado pelo IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. v Status - O status de ativação do projeto (pendente, processando, sucesso ou falha). v Link de teste - A URL para o questionário de teste ativado. v Link - A URL para o questionário ativado, em tempo real. 1. É possível clicar no ícone de atualização para atualizar o status de ativação: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 251

256 Removendo ativações pendentes 1. Selecione o projeto apropriado na lista Ativações pendentes. 2. Clique no ícone excluir para remover o projeto selecionado da lista Ativações pendentes. Nota: Não é possível remover as ativações iniciadas por outros usuários. Somente é possível remover as suas próprias ativações. Guia Filtros A guia Filtros fornece opções para definir como as ativações são exibidas na guia Histórico de ativação. Tipo de ativação. Exibe o status da ativação atual. Quando aplicável, a lista suspensa permite selecionar quais tipos de ativação são exibidos na guia Histórico de ativação. As opções incluem: v Todos v Ativar - o histórico de ativação para as ativações enviadas por meio do IBM SPSS Data Collection Activation Console. v Ativar o histórico de ativação das ativações enviadas pela atividade Ativar do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. v Promover o histórico de ativação das ativações enviadas pela atividade Promover projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. Histórico de ativação. A lista suspensa permite selecionar quais ativações são exibidas na guia Histórico de ativação. As opções incluem: v Todos v Ativação bem-sucedida v Ativação com falha Status de ativação. As caixas de seleção permitem selecionar o status de ativação a ser exibido na guia Histórico de ativação. As opções incluem: v Ativo v Inativo v Teste Projeto. Permite definir projetos específicos a serem exibidos na guia Histórico de ativação. 1. Clique em Localizar para localizar projetos de questionário no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. 2. Use os botões Incluir>> e <<Remover para selecionar quais projetos serão exibidos na guia Histórico de ativação. Usuário. Permite definir os projetos, ativados por usuários específicos, a serem exibidos na guia Histórico de ativação. 3. Clique em Localizar para localizar usuários no IBM SPSS Data Collection Interviewer Server. 4. Utilize os botões Incluir> e <<Remover para selecionar quais projetos de usuários serão exibidos na guia Histórico de ativação. Data de ativação entre. Permite selecionar um intervalo de data de ativação. Somente as ativações que ocorrerem entre as datas especificadas serão exibidas na guia Histórico de ativação. 5. Clique em Aplicar para salvar suas configurações. 252 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

257 Ferramentas de área de trabalho O IBM SPSS Data Collection Interviewer Server é fornecido com alguns programas que somente podem ser executados a partir da área de trabalho. São elas: v Quota Setup para criar um banco de dados de cota e definir cotas. v Activate Console para ativar projetos a partir de um arquivo em lote ou a partir da linha de comandos. Ativando projetos a partir da linha de comandos É possível ativar projetos a partir da linha de comandos. Isso é útil nas seguintes circunstâncias: v Você deseja ativar vários projetos, mas não deseja esperar enquanto cada um é ativado. v Você deseja ativar para vários clusters ou servidores. v Você deseja que ativação seja executada de forma não assistida e/ou em algum momento futuro. O Documento ativar: A ativação a partir da linha de comandos usa um Documento ativar que especifica como o projeto deve ser ativado. Ela contém as mesmas informações que seriam inseridas normalmente usando a caixa de diálogo Ativar no IBM SPSS Data Collection Professional, mas no formato XML. Isso significa que se houver vários projetos com requisitos de ativação idênticos ou similares, será possível criar os Documentos ativar copiando e editando um arquivo existente. A maneira mais fácil de criar um Documento ativar do início é preencher os requisitos na caixa de diálogo Ativar e, em seguida, salvar a especificação em um arquivo, opcionalmente, sem ativar realmente o projeto. Se você tiver arquivos.ini de ativação da pré-versão 2.3, será possível convertê-los em Documentos ativar, executando a ferramenta ActivateIniToXml. Se você criar um novo Documento ativar copiando e editando um existente, será necessário verificar as configurações que especificam se a ativação é na rede local ou em toda a Internet. Essas configurações são as seguintes: <?xml version="1.0"?> <Activate usewebservice="false" webserviceurl=""> <ActivateSettings> <Sites> <Site dpmservername="mydpmserver" username="" userticket="">... </Site> </Site> </ActivateSettings> </Activate> Este exemplo é configurado para ativação em uma rede local. Para ativar em toda a Internet, altere usewebservice para True e webserviceurl para a URL do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration no servidor de destino. Se dpmservername não estiver definido, ele será assumido como o servidor DPM configurado na máquina que está executando o serviço de acessórios. Ativando projetos: Os projetos são ativados partir da linha de comandos executando o programa Ativar no modo de console ou de caixa de diálogo. Em ambos os casos, será necessário executar o comando a partir do C:\Program Files\Common Files\IBM\SPSS\DataCollection\7\Servidor do entrevistador\. No modo do console, a ativação é baseada exclusivamente no conteúdo do Documento ativar nomeado na linha de comandos e é ideal para ativar remotamente ou em uma máquina não assistida. Para ativar neste tipo de modo: activate -a "actdoc" [-u username] [-t ticketname] [-r] [-c] [-l] [-?] Os parâmetros opcionais são os seguintes: Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 253

258 Opção Descrição a " actdoc " Nomeia o Documento Ativar. u username O nome de usuário a ser usado para ativar o documento. Se nenhum for especificado, o processo de ativação usará o nome especificado no documento Ativar. (Recomenda-se que os nomes não sejam armazenados em documentos Ativar.) Se não houver nenhum nome ou chamado de usuário especificado no documento Ativar, o processo de ativação tentará efetuar login como um usuário do Windows confiável. t ticket O chamado do usuário a ser usado para ativar o documento. (Recomenda-se que os chamados não sejam armazenados em documentos Ativar.) Esta opção somente é válida para ativação da linha de comandos. r Exibir uma caixa de progresso. c Gravar informações para a tela. l Exibir uma caixa de diálogo de login.? Exibir ajuda. No modo de caixa de diálogo, Ativar exibe uma caixa de diálogo na qual você especifica os parâmetros de ativação (este é o modo no qual Ativar é executado no IBM SPSS Data Collection Professional). É possível incluir opções na linha de comandos que pré-preencham a caixa de diálogo com determinados tipos de informações, como o nome do projeto ou o tipo de script de entrevista. Após concluir a caixa de diálogo, clique em Ativar para iniciar a ativação. Este modo é ideal para criar novos documentos Ativar. Para ativar neste tipo de modo: activate -g [-p proj_id] [-s script_type] [-f "foldername"] [-d DPMservername] [-w webservice URL] [-l] [-?] Os parâmetros opcionais são os seguintes: Opção Descrição g Exibe a caixa de diálogo Ativar. Use esta opção quando desejar criar um documento Ativar. Se essa opção não estiver presente, -a será necessário. p project_id O ID do projeto. s script_type O tipo de script de entrevista. Deve ser configurado como IBM SPSS Data Collection. f " foldername " Nome do caminho da pasta de origem do projeto. d DPMservername Nomeia o servidor DPM inicial. w web-service URL Ativar por meio da URL de serviço da Web. Por exemplo: /activatewebservice.asmx l Exibir uma caixa de diálogo de login.? Exibir ajuda. Comandos de ativação de exemplo: activate O comando a seguir exibe a caixa de diálogo Ativar: O comando a seguir ativa usando Documento ativar myactdoc.xml: activate -a "c:\myactdoc.xml" 254 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

259 O comando a seguir ativa usando o Documento ativar myactdoc.xml e grava qualquer saída para o arquivo log.txt: activate -a "c:\myactdoc.xml" > log.txt O comando a seguir ativa usando o Documento ativar myactdoc.xml, mas exibe uma caixa de diálogo de login antes de a ativação ser iniciada. activate -a "c:\myactdoc.xml" -l O comando a seguir exibe a caixa de diálogo Ativar com o campo ID do projeto contendo "museum" e o campo Arquivos de origem contendo "c:\myprojects\museum": activate -g -p museum -f "c:\myprojects\museum" O seguinte comando exibe a ajuda: activate -? Convertendo arquivos.ini de ativação para o formato.xml: Se você já tiver usado a ativação pela linha de comandos antes da versão 2.3 e desejar reutilizar os arquivos.ini de ativação com Ativar, será possível convertê-los usando a ferramenta ActivateIniToXml. Acesse a pasta denominada C:\Program Files\Common Files\IBM\SPSS\DataCollection\7\Interviewer Server\7.0.0 e digite: ActivateIniToXml -i "ini_filename" -x"xml_filename" Por exemplo: ActivateIniToXml -i "c:\mrproject\myproject.ini" -x "c:\mrproject\myproject.xml" Se você esquecer a sintaxe de comando, digite: ActivateIniToXml -? como um lembrete. Capítulo 1. IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide 255

260 256 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

261 Capítulo 2. Considerações sobre a política de privacidade Os produtos de software IBM, incluindo as soluções de software como serviço, ( Ofertas de Software ) podem usar cookies ou outras tecnologias para coletar informações de uso do produto, para ajudar a melhorar a experiência do usuário final, customizar interações com o usuário final ou para outros propósitos. Em muitos casos, nenhuma informação de identificação pessoal é coletada pelas Ofertas de Software. Algumas das Ofertas de software da IBM podem ajudar a permitir a coleta de informações de identificação pessoal. Se essa Oferta de Software usar cookies para coletar informações pessoalmente identificáveis, informações específicas sobre o uso de cookies para essa oferta serão definidas abaixo. Este Oferta de software não usa cookies ou tecnologias semelhantes para armazenar informações de identificação pessoal de respondentes de pesquisa de opinião baseadas na web. No entanto, este Oferta de software (ou sua documentação) não fornece aos Clientes IBM links e informações que eles possam usar para ativar programas de terceiros que possam coletar informações de identificação pessoal usando cookies ou tecnologias semelhantes. A IBM não assume responsabilidade pela decisão do Cliente de usar qualquer desses programas de terceiros ou de coletar informações de identificação pessoal por meio desses programas terceiros, e usando o programa de terceiros o Cliente reconhece que tal uso e quaisquer coletas de informações de identificação pessoal resultantes potenciais ou reais, e todos os seus resultados, incluindo, mas não se limitando a, a conformidade ou a não conformidade com as leis de privacidade de dados relevantes, são de responsabilidade e dever financeiro do Cliente e não da IBM. O Cliente deve procurar seu próprio conselho jurídico sobre as leis aplicáveis a essa coleta de dados, incluindo quaisquer requisitos de notificação e consentimento. Para obter mais informações sobre o uso de várias tecnologias, incluindo cookies, para esses propósitos, consulte a Política de Privacidade da IBM em e a Declaração de Privacidade Online IBM em na seção denominada Cookies, Web Beacons and Other Technologies. Copyright IBM Corp. 2000,

262 258 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

263 Capítulo 3. IBM SPSS Data Collection Quota Setup Use o programa IBM SPSS Data Collection Quota Setup para definir as categorias de cota e as respostas que deseja usar para um projeto. O IBM SPSS Data Collection Quota Setup fornece as seguintes variáveis: v Questionário e variáveis de amostra. As cotas podem ser baseadas nas variáveis categóricas, numéricas e de texto do script do questionário e também nas variáveis presentes nos dados de amostra. v Cotas independentes. As cotas baseadas em uma única variável, como sexo, idade, região ou marca preferencial. As cotas independentes também são conhecidas como cotas unidimensionais. v Cotas dependentes. As cotas baseadas em uma combinação de duas a seis variáveis. Por exemplo, uma cota dependente para sexo e idade, definirá as respostas para as combinações de sexo e idade, como homens de 18 a 24 anos, homens de 25 a 34 anos, mulheres de 18 a 24 anos, e assim por diante. As cotas dependentes também são conhecidas como cotas multidimensionais. v Células acima da cota. Quando uma resposta quase for atendida e ainda houver várias entrevistas em execução que pertençam a essa célula, será possível permitir que estas entrevistas continuem mesmo que a resposta seja excedida, se todas as entrevistas forem concluídas com sucesso. As entrevistas que forem iniciadas depois que a meta for atendida serão finalizadas no modo usual. v Cotas do contador. As entrevistas podem ser contadas para uma célula sem que a célula seja usada para o controle de cotas. É possível usar este tipo de cota para null, dk, ref e Outras categorias específicas nas quais o controle não seja necessário. v Cotas de tabela ou expressão. As cotas podem ser definidas em formato tabular ou em formato de texto usando um construtor de expressões. v Cotas de gerenciamento de amostra. É possível definir cotas com base nas variáveis presentes nos arquivos de amostra. Os dados de amostra e os dados do questionário podem ser combinados na mesma cota, se necessário. v Configuração de bloco de respostas. Grupos de células de cota com respostas e outras configurações idênticas podem ser pré-selecionados, de modo que as especificações para essas células possam ser inseridas somente uma vez e, em seguida, aplicadas automaticamente a cada célula selecionada. v Reutilizando arquivos de cota. Depois de configurar um arquivo de cota, será possível reutilizá-lo em outros projetos que tiverem cotas idênticas. Para obter informações adicionais sobre o sistema de controle de cota do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server, consulte "Controle de cota" na seção IBM SPSS Data Collection Interviewer Server do IBM SPSS Data Collection Developer Library. Iniciando o IBM SPSS Data Collection Quota Setup O IBM SPSS Data Collection Quota Setup precisa de um arquivo de definição de questionário (.mdd) para ser executado. Esse arquivo informa quais questões estão disponíveis e quais respostas cada questão permite. Se o questionário tiver sido criado usando as atividades do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration, será necessário fazer o download do arquivo.mdd a partir da pasta do projeto do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration para o computador. Isso poderá ser feito a partir do IBM SPSS Data Collection Interviewer Server Administration usando a atividade Arquivos. 1. Acesse a pasta que contém o arquivo.mdd do projeto. 2. No menu Iniciar escolha: Programas > IBM SPSS Data Collection > IBM SPSS Data Collection Interviewer Server 7 > Cotas Copyright IBM Corp. 2000,

264 A janela do IBM SPSS Data Collection Quota Setup A janela do IBM SPSS Data Collection Quota Setup é dividida em três áreas de janela: A Área de janela de lista lista as variáveis que estão presentes no arquivo.mdd do projeto. Para cada variável, aparecerá seu nome, o número da variável, o tipo de dados e a descrição (texto da questão). É possível alterar o layout da área de janela de lista para que somente os ícones e nomes sejam exibidos, se isto for o que você preferir. A Área de janela de lista normalmente mostra somente as variáveis categóricas, pois elas são as mais comumente usadas para cotas, mas também é possível exibir variáveis numéricas, de texto e booleanas. O IBM SPSS Data Collection Quota Setup também oculta as variáveis do sistema, que raramente são úteis para as cotas, mas será possível escolher exibir variáveis do sistema, se desejar. A Área de janela de detalhes lista as categorias (respostas) na variável que está selecionada atualmente na Área de janela de lista. A Área de construção de cota é onde você define as cotas, arrastando variáveis da Área de janela de lista e, em seguida, incluindo respostas. As áreas de janela de lista e de detalhes são acopláveis. Isso significa que é possível convertê-las em janelas, redimensioná-las e movê-las para qualquer parte na tela, mesmo para fora da janela do IBM SPSS Data Collection Quota. As opções no menu Visualizar também permitem ocultar componentes da janela Cota, o que poderá ser útil quando você terminar de definir cotas em uma grade grande e desejar ver a grade inteira na tela. Acoplando/desacoplando as áreas de janela Lista e Detalhes Para desacoplar uma área de janela 1. Clique duas vezes nas barras duplas na parte superior da área de janela. Para acoplar uma área de janela desacoplada 2. Clique duas vezes na barra de título da área de janela. 260 IBM SPSS Data Collection Interviewer Server User's Guide

Guia do Usuário do IBM SPSS Data Collection Author 7.0.1

Guia do Usuário do IBM SPSS Data Collection Author 7.0.1 Guia do Usuário do IBM SPSS Data Collection Author 7.0.1 Nota Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 317. Informações do Produto Esta edição

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Guia do usuário do Web Portal. Versão 6.0

Guia do usuário do Web Portal. Versão 6.0 Guia do usuário do Web Portal Versão 6.0 2013 Pitney Bowes Software Inc. Todos os direitos reservados. Esse documento pode conter informações confidenciais ou protegidas por direitos autorais pertencentes

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

Spam Manager. Guia do Administrador da Quarentena

Spam Manager. Guia do Administrador da Quarentena Spam Manager Guia do Administrador da Quarentena Guia do Administrador da Quarentena do Spam Manager Versão da documentação: 1.0 Avisos legais Avisos legais Copyright Symantec Corporation 2013. Todos os

Leia mais

Enviar Para (Destinatário do Email - Para Revisão) > Botão Office Opções do Word Personalizar Todos os Comandos Enviar para Revisão

Enviar Para (Destinatário do Email - Para Revisão) > Botão Office Opções do Word Personalizar Todos os Comandos Enviar para Revisão Word 2003: Arquivo Novo > Botão Office Novo Abrir... > Botão Office Abrir Fechar > Botão Office Fechar Salvar > Barra de Ferramentas de Acesso Rápido Salvar Salvar > Botão Office Salvar Salvar como > Botão

Leia mais

Excel 2010 Modulo II

Excel 2010 Modulo II Excel 2010 Modulo II Sumário Nomeando intervalos de células... 1 Classificação e filtro de dados... 3 Subtotais... 6 Validação e auditoria de dados... 8 Validação e auditoria de dados... 9 Cenários...

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft Word 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Barra de Ferramentas de Acesso Rápido

Leia mais

Guia de Inicialização para o Windows

Guia de Inicialização para o Windows Intralinks VIA Versão 2.0 Guia de Inicialização para o Windows Suporte 24/7/365 da Intralinks EUA: +1 212 543 7800 Reino Unido: +44 (0) 20 7623 8500 Consulte a página de logon da Intralinks para obter

Leia mais

1. Iniciando... 5. 1.1. Conhecendo sua caixa de email... 5. 1.2. Entrando e saindo do sistema... 5. 1.2.1. Entrando no sistema...

1. Iniciando... 5. 1.1. Conhecendo sua caixa de email... 5. 1.2. Entrando e saindo do sistema... 5. 1.2.1. Entrando no sistema... Manual de Operações Básicas do Zimbra SUMÁRIO 1. Iniciando... 5 1.1. Conhecendo sua caixa de email... 5 1.2. Entrando e saindo do sistema... 5 1.2.1. Entrando no sistema... 5 1.2.2. Saindo do sistema...

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword Linux Educacional Tutorial Buzzword Para trabalhar com o programa Buzzword online, é necessário que crie uma conta no site. Para isso acesse o endereço - https://buzzword.acrobat.com/ Para criar uma conta

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft PowerPoint 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Encontre o que você precisa Clique

Leia mais

Migrando para o Outlook 2010

Migrando para o Outlook 2010 Neste guia Microsoft O Microsoft Outlook 2010 está com visual bem diferente, por isso, criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Leia-o para saber mais sobre as principais

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Compartilhamento de Arquivos no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução...

Leia mais

Professor Paulo Najar www.aprenderdigital.com.br

Professor Paulo Najar   www.aprenderdigital.com.br ~ 1 ~ O QUE É O BROFFICE? Broffice.org é o nome de um conjunto de programas de escritório livre (free software), disponível na internet gratuitamente (no site www.broffice.org) que oferece ferramentas

Leia mais

Shavlik Protect. Guia de Atualização

Shavlik Protect. Guia de Atualização Shavlik Protect Guia de Atualização Copyright e Marcas comerciais Copyright Copyright 2009 2014 LANDESK Software, Inc. Todos os direitos reservados. Este produto está protegido por copyright e leis de

Leia mais

Introdução... 1. Instalação... 2

Introdução... 1. Instalação... 2 ONTE DO Introdução... 1 O que é IPP?... 1 Qual é a função de um software Samsung IPP?... 1 Instalação... 2 Requisitos do sistema... 2 Instalar o software Samsung IPP... 2 Desinstalar o software Samsung

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

IBM SmartCloud for Social Business. Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections

IBM SmartCloud for Social Business. Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud for Social Business Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud for Social Business Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Gestores e Provedores

Gestores e Provedores PORTAL 2010 Manual do Portal 15 Gestores e Provedores Publicação descentralizada As informações, produtos e serviços disponibilizados no Portal são publicados e atualizados pelas próprias unidades do

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

TeamViewer 9 Manual Management Console

TeamViewer 9 Manual Management Console TeamViewer 9 Manual Management Console Rev 9.2-07/2014 TeamViewer GmbH Jahnstraße 30 D-73037 Göppingen www.teamviewer.com Sumário 1 Sobre o TeamViewer Management Console... 4 1.1 Sobre o Management Console...

Leia mais

Introdução a listas - Windows SharePoint Services - Microsoft Office Online

Introdução a listas - Windows SharePoint Services - Microsoft Office Online Page 1 of 5 Windows SharePoint Services Introdução a listas Ocultar tudo Uma lista é um conjunto de informações que você compartilha com membros da equipe. Por exemplo, você pode criar uma folha de inscrição

Leia mais

Descobrindo e analisando. Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Descobrindo e analisando. Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Descobrindo e analisando Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik,

Leia mais

Diveo Exchange OWA 2007

Diveo Exchange OWA 2007 Diveo Exchange OWA 2007 Manual do Usuário v.1.0 Autor: Cícero Renato G. Souza Revisão: Antonio Carlos de Jesus Sistemas & IT Introdução... 4 Introdução ao Outlook Web Access 2007... 4 Quais são as funcionalidades

Leia mais

Capture Pro Software. Introdução. A-61640_pt-br

Capture Pro Software. Introdução. A-61640_pt-br Capture Pro Software Introdução A-61640_pt-br Introdução ao Kodak Capture Pro Software e Capture Pro Limited Edition Instalando o software: Kodak Capture Pro Software e Network Edition... 1 Instalando

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Informática - Básico Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Índice Apresentação...06 Quais são as características do Windows?...07 Instalando o Windows...08 Aspectos Básicos...09 O que há na tela do Windows...10

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE P-touch P700 O conteúdo deste manual e as especificações deste produto estão sujeitos a alterações sem prévio aviso. A Brother reserva-se o direito de fazer alterações sem

Leia mais

Manual de Operações Básicas do Zimbra

Manual de Operações Básicas do Zimbra Gerência de Capacitação Tecnológica - GCT MACEIÓ, 25 DE AGOSTO DE 2010 SUMÁRIO 1. Iniciando... 4 1.1. Conhecendo sua caixa de emails... 4 1.2. Entrando e saindo do sistema... 4 1.2.1. Entrando no sistema...

Leia mais

ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9

ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9 ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9 1. JANELA PADRÃO Importante: O Internet Explorer não pode ser instalado no Windows XP. 2. INTERFACE MINIMALISTA Seguindo uma tendência já adotada por outros

Leia mais

HP Capture and Route (HP CR) Guia do Usuário

HP Capture and Route (HP CR) Guia do Usuário HP Capture and Route (HP CR) Guia do Usuário HP Capture and Route (HP CR) Guia do Usuário Número de referência: 20120101 Edição: janeiro de 2012 2 Avisos legais Copyright 2012 Hewlett-Packard Development

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

Manual de referência do Device Storage Manager

Manual de referência do Device Storage Manager Manual de referência do Device Storage Manager Avisos sobre direitos autorais e marcas comerciais Copyright 2003 Hewlett-Packard Development Company, L.P. É proibida a reprodução, adaptação ou tradução

Leia mais

Seu manual do usuário DYMO LABEL V.8 http://pt.yourpdfguides.com/dref/2816926

Seu manual do usuário DYMO LABEL V.8 http://pt.yourpdfguides.com/dref/2816926 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para DYMO LABEL V.8. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a DYMO LABEL V.8

Leia mais

Moodlerooms Instructor Essentials

Moodlerooms Instructor Essentials Moodlerooms Instructor Essentials [Type the company address] 2015 Moodlerooms Índice VISÃO GERAL DO BOLETIM JOULE... 4 Benefícios do Boletim Joule... 4 Documentação do professor no Boletim Joule... 4 Acesso

Leia mais

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Edição 1.0 2 Sobre os aplicativos da Microsoft Sobre os aplicativos da Microsoft Os aplicativos Microsoft oferecem aplicativos corporativos Microsoft para o

Leia mais

Guia de introdução. Para os administradores do programa DreamSpark

Guia de introdução. Para os administradores do programa DreamSpark Guia de introdução Para os administradores do programa DreamSpark Este documento destaca as funções básicas necessárias para configurar e gerenciar seu ELMS na WebStore do DreamSpark. Versão 2.4 05.06.12

Leia mais

Guia do Usuário. DYMO Label TM. v.8

Guia do Usuário. DYMO Label TM. v.8 Guia do Usuário DYMO Label TM v.8 Copyright 2012 Sanford, L.P. Todos os direitos reservados. Revisado em 6/11/2012. Nenhuma parte deste documento ou do software pode ser reproduzida ou transmitida de qualquer

Leia mais

CIBM. IBM SmartCloud Entry. Guia do Usuário - Versão 2.2

CIBM. IBM SmartCloud Entry. Guia do Usuário - Versão 2.2 CIBM Guia do Usuário - Versão 2.2 Esta edição aplica-se à versão 2, release 2, modificação 0 do (número do produto 5765-SKC) e a todos os releases e modificações subsequentes, até que seja indicado de

Leia mais

Aula 01 - Formatações prontas e condicionais. Aula 01 - Formatações prontas e condicionais. Sumário. Formatar como Tabela

Aula 01 - Formatações prontas e condicionais. Aula 01 - Formatações prontas e condicionais. Sumário. Formatar como Tabela Aula 01 - Formatações prontas e Sumário Formatar como Tabela Formatar como Tabela (cont.) Alterando as formatações aplicadas e adicionando novos itens Removendo a formatação de tabela aplicada Formatação

Leia mais

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC Sumário Apresentação... 1 1. Orientações Iniciais... 2 2. Recursos... 4 2.1 Rótulos... 4 2.2 Página de Texto Simples... 8 2.3 Página de Texto Formatado... 12 2.4 Site... 16 2.5 Arquivo... 21 2.6 Pasta

Leia mais

administração Guia de BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1

administração Guia de BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 Guia de administração Publicado: 16/01/2014 SWD-20140116140606218 Conteúdo 1 Primeiros passos... 6 Disponibilidade de recursos administrativos... 6 Disponibilidade

Leia mais

Sobre os recursos internos da Ajuda

Sobre os recursos internos da Ajuda Como usar a Ajuda Sobre os recursos internos da Ajuda Como usar a Ajuda para usuários portadores de deficiência física e visual Como abrir a documentação da Ajuda Como usar as páginas Como Sobre os recursos

Leia mais

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT NOVEMBRO DE 2014 GUIA DO USUÁRIO DO C ENTRO DE SERVIÇOS DE LICENCIAMENTO POR VO LUME DA MICROSOFT

Leia mais

Guia de Instalação e Inicialização. Para WebReporter 2012

Guia de Instalação e Inicialização. Para WebReporter 2012 Para WebReporter 2012 Última revisão: 09/13/2012 Índice Instalando componentes de pré-requisito... 1 Visão geral... 1 Etapa 1: Ative os Serviços de Informações da Internet... 1 Etapa 2: Execute o Setup.exe

Leia mais

FAQ Perguntas Frequentes

FAQ Perguntas Frequentes FAQ Perguntas Frequentes 1. COMO ACESSO A PLATAFORMA DE ENSINO?... 2 2. NÃO CONSIGO REALIZAR O MEU CADASTRO NO AMBIENTE VIRTUAL DO MMA.... 4 3. FIZ MEU CADASTRO NO SITE E NÃO RECEBI O E-MAIL DE CONFIRMAÇÃO

Leia mais

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários...

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários... Sumário Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1 Instalar e desinstalar... 1 Abrir, Criar, Fechar, Salvar e Sair... 1 Definir o estilo da interface e da aparência... 4 Veja todas as diferentes ferramentas...

Leia mais

ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4. Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13

ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4. Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13 Power Point ÍNDICE ÍNDICE... 2 POWER POINT... 4 Abas... 7 Salvando Arquivos... 8 Abrindo um arquivo... 11 LAYOUT E DESIGN... 13 Guia Design... 14 Cores... 15 Fonte... 16 Efeitos... 17 Estilos de Planos

Leia mais

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft O OneDrive é um serviço de armazenamento na nuvem da Microsoft que oferece a opção de guardar até 7 GB de arquivos grátis na rede. Ou seja, o usuário pode

Leia mais

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL ATENÇÃO! Para utilizar este tutorial não se esqueça: Onde estiver escrito seusite.com.br substitua pelo ENDEREÇO do seu site (domínio). Ex.: Se o endereço do seu site é casadecarnessilva.net

Leia mais

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Desktop Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

ADOBE EXPERIENCE MANAGER DOCUMENT SECURITY EXTENSION FOR MICROSOFT OFFICE

ADOBE EXPERIENCE MANAGER DOCUMENT SECURITY EXTENSION FOR MICROSOFT OFFICE ADOBE EXPERIENCE MANAGER DOCUMENT SECURITY EXTENSION FOR MICROSOFT OFFICE Avisos legais Avisos legais Para ver os avisos legais, consulte http://help.adobe.com/pt_br/legalnotices/index.html. iii Conteúdo

Leia mais

Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A

Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A Índice ANTES DE VOCÊ COMEÇAR... 4 PRÉ-REQUISITOS... 4 SCREEN SHOTS... 4 A QUEM SE DESTINA ESTE MANUAL... 4 COMO UTILIZAR ESTE MANUAL... 4 Introdução... 5 INSTALANDO

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Informática Básica Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Introdução O editor de textos Microsoft Word oferece um conjunto de recursos bastante completo, cobrindo todas as etapas de preparação, formatação e impressão

Leia mais

Introdução aos Projectos

Introdução aos Projectos Introdução aos Projectos Categoria Novos Usuários Tempo necessário 20 minutos Arquivo Tutorial Usado Iniciar um novo arquivo de projeto Este exercício explica a finalidade ea função do arquivo de projeto

Leia mais

BrOffice.org - Impress

BrOffice.org - Impress BrOffice.org Impress 1 BrOffice.org - Impress Programa de apresentação, utilizado para criação e manipulação de slides. Os slides criados para uma eletrônica podem conter texto, gráficos, objetos, formas,

Leia mais

Spam Manager. Guia do Usuário

Spam Manager. Guia do Usuário Spam Manager Guia do Usuário Guia do Usuário do Spam Manager Versão da documentação: 1.0 Avisos legais Avisos legais Copyright Symantec Corporation 2013. Todos os direitos reservados. Symantec, o logotipo

Leia mais

Mirasys VMS 7.3. Manual do usuário Workstation

Mirasys VMS 7.3. Manual do usuário Workstation Mirasys VMS 7.3 Manual do usuário Workstation CONTEÚDOS Conteúdos... 2 Antes de começar... 3 Iniciando a sessão... 4 Interface de usuário... 8 Navegador... 11 Câmeras... 20 Saídas de Vídeo... 37 Saídas

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 Manual do Usuário Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 1. CONFIGURAÇÕES E ORIENTAÇÕES PARA ACESSO... 4 2 GUIAS... 11 2.1 DIGITANDO AS GUIAS... 11 2.2 SALVANDO GUIAS... 12 2.3 FINALIZANDO UMA GUIA... 13

Leia mais

Portal do Senac: Área Exclusiva para Alunos Manual de Navegação e Operação

Portal do Senac: Área Exclusiva para Alunos Manual de Navegação e Operação Portal do Senac: Área Exclusiva para Alunos Índice 1. Introdução... 4 2. Acessando a área exclusiva... 5 3. Trocando a senha... 6 4. Mensagens... 7 4.1. Conhecendo a tela principal... 7 4.2. Criando uma

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido Microsoft PowerPoint 2013 apresenta uma aparência diferente das versões anteriores; desse modo, criamos este guia para ajudá-lo a minimizar a curva de aprendizado. Encontre o que

Leia mais

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT FEVEREIRO DE 2015 Novidades O Resumo da Licença foi aprimorado com recursos de pesquisa expandidos

Leia mais

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word 1 Iniciando o Word 2010 O Word é um editor de texto que utilizado para criar, formatar e imprimir texto utilizado para criar, formatar e imprimir textos. Devido a grande quantidade de recursos disponíveis

Leia mais

KM-NET for Accounting. Guia de Operação

KM-NET for Accounting. Guia de Operação KM-NET for Accounting Guia de Operação Informações legais e gerais Aviso É proibida a reprodução não autorizada deste guia ou parte dele. As informações neste guia estão sujeitas a alterações sem aviso

Leia mais

CA Clarity PPM. Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM. Release 13.2.00

CA Clarity PPM. Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM. Release 13.2.00 CA Clarity PPM Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM Release 13.2.00 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante

Leia mais

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word PowerPoint 2013 Sumário Introdução... 1 Iniciando o PowerPoint 2013... 2 Criando Nova Apresentação... 10 Inserindo Novo Slide... 13 Formatando Slides... 15 Inserindo Imagem e Clip-art... 16 Inserindo Formas...

Leia mais

Usar o Office 365 no iphone ou ipad

Usar o Office 365 no iphone ou ipad Usar o Office 365 no iphone ou ipad Guia de Início Rápido Verificar o email Configure o seu iphone ou ipad para enviar e receber emails de sua conta do Office 365. Verificar o seu calendário onde quer

Leia mais

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs Guia do usuário, Winter 16 @salesforcedocs A versão em Inglês deste documento tem precedência sobre a versão traduzida. Copyright 2000 2015 salesforce.com, inc. Todos os direitos reservados. Salesforce

Leia mais

Usando o Outlook MP Geral

Usando o Outlook MP Geral Usando o Outlook MP Geral Este guia descreve o uso do Outlook MP. Este guia é baseado no uso do Outlook MP em um PC executando o Windows 7. O Outlook MP pode ser usado em qualquer tipo de computador e

Leia mais

Expresso Livre Correio Eletrônico

Expresso Livre Correio Eletrônico Expresso Livre Correio Eletrônico 1. EXPRESSO LIVRE Para fazer uso desta ferramenta de correio eletrônico acesse seu Navegador de Internet e digite o endereço eletrônico expresso.am.gov.br. Figura 1 A

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário BlackBerry Desktop Software Versão: 7.1 Guia do usuário Publicado: 2012-06-05 SWD-20120605130141061 Conteúdo Aspectos básicos... 7 Sobre o BlackBerry Desktop Software... 7 Configurar seu smartphone com

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Microsoft Office Excel

Microsoft Office Excel 1 Microsoft Office Excel Introdução ao Excel Um dos programas mais úteis em um escritório é, sem dúvida, o Microsoft Excel. Ele é uma planilha eletrônica que permite tabelar dados, organizar formulários,

Leia mais

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Tutorial Plone 4 Manutenção de Sites Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Sumário Introdução 1 Como fazer a autenticação do usuário 1.1 Através do

Leia mais

A-61750_pt-br. Guia do Administrador

A-61750_pt-br. Guia do Administrador A-61750_pt-br Guia do Administrador INTRODUÇÃO 1-1 CONFIGURAÇÃO DO TRABALHO 2-1 CONFIGURAÇÃO DE CORREÇÃO 3-1 CONFIGURAÇÃO DO CÓDIGO DE BARRAS E DO OCR 4-1 CONFIGURAÇÃO DE PÁGINA 5-1 ATALHOS DE PRODUTIVIDADE

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft Access 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Alterar o tamanho da tela ou fechar

Leia mais

1.4.5 Ligar outros serviços de armazenamento

1.4.5 Ligar outros serviços de armazenamento Configurar o Word FIGURA 1.26 Serviços ligados 1.4.5 Ligar outros serviços de armazenamento O Microsoft Office 2013 apenas tem disponíveis ligações a serviços de armazenamento proprietários da Microsoft.

Leia mais

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services - Windows SharePoint Services... Page 1 of 11 Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Ocultar tudo O Microsoft Windows

Leia mais

MQSeries Everyplace. Leia-me primeiro G517-7010-00

MQSeries Everyplace. Leia-me primeiro G517-7010-00 MQSeries Everyplace Leia-me primeiro G517-7010-00 MQSeries Everyplace Leia-me primeiro G517-7010-00 Primeira Edição (Junho de 2000) Esta edição se aplica ao MQSeries Everyplace Versão 1.0 e a todos os

Leia mais

Xerox CentreWare Guia dos Drivers de Impressora para Macintosh

Xerox CentreWare Guia dos Drivers de Impressora para Macintosh Xerox CentreWare Guia dos Drivers de Impressora para Macintosh 2010 Xerox Corporation. Todos os direitos reservados. Xerox e a esfera do design de conectividade, CenterWare, WorkCentre e ColorQube são

Leia mais

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para BLACKBERRY INTERNET SERVICE. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 experts em Gestão de Conteúdo

ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 experts em Gestão de Conteúdo ez Flow Guia do Usuário versão 1.0 Conteúdo 1. Introdução... 3 2 1.1 Público alvo... 3 1.2 Convenções... 3 1.3 Mais recursos... 3 1.4. Entrando em contato com a ez... 4 1.5. Direitos autorais e marcas

Leia mais

Impressão e Fotolito Oficina Gráfica da EDITORA VIENA. Todos os direitos reservados pela EDITORA VIENA LTDA

Impressão e Fotolito Oficina Gráfica da EDITORA VIENA. Todos os direitos reservados pela EDITORA VIENA LTDA Autores Karina de Oliveira Wellington da Silva Rehder Consultores em Informática Editora Viena Rua Regente Feijó, 621 - Centro - Santa Cruz do Rio Pardo - SP CEP 18.900-000 Central de Atendimento (0XX14)

Leia mais