Ambiente de computação para desenvolvimento de sistemas sofisticados. Sair

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ambiente de computação para desenvolvimento de sistemas sofisticados. Sair"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO IT Departamento de Engenharia ÁREA DE MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA CURSO BÁSICO DE MATLAB Ambiente de computação para desenvolvimento de sistemas sofisticados Carlos Alberto Alves Varella, Prof. UFRRJ-IT/DE. Keilla Boehler, Aluna do Curso de Engenharia Agrícola, UFRRJ. Sair

2 Conteúdo Introdução Principais Recursos do Programa Janela Principal do Programa Principais Sub-janelas do Programa Manipulação de Matrizes Matrizes e gráficos para análise de dados Gráficos para análise de dados Janelas e Ferramentas Carregando algoritmo prático Operações com Vetores Funções Matemáticas Matrizes Comando for Estrutura switch, case, otherwise While Plotagem Representações em coordenadas polares Arquivos, extensões e rotinas Criação de uma nova função Gráficos tridimensionais Cores de Mapas

3 Introdução O programa computacional MATLAB é um ambiente de computação técnico-científica científica para o desenvolvimento de sistemas sofisticados ( MATSUMOTO, 2002); É extensivamente usado para exploração, análise e resolução de problemas em diversas áreas do conhecimento; Apresenta diversos pacotes de ferramentas toolbox que são um conjunto de algoritmos especialmente desenvolvidos para aplicações específicas.

4 Principais Recursos do Programa Linguagem de alto-nível para computação técnica Ambiente de desenvolvimento e administração de código, arquivos, e dados Ferramentas interativas para exploração, desígnio e resolução de problemas Funções matemáticas para álgebra linear, estatísticas, análise de Fourier, filtragem, otimização, e integração numérica Funções para visualizar dados de gráficos 2-D e 3-D Ferramentas para construção de interfaces com usuário Funções que integram MATLAB funcionam como base de algoritmos com aplicações externas e idiomas, como C, C++, Fortran, Java, COM, e Microsoft Excel,

5 Janela Principal do Programa

6 Principais Sub-janelas do Programa Janela de comando Workspace Comand Window

7 Manipulação de Matrizes Comando XLSREAD( *.xls) carrega o arquivo que contém os valores; Quantidades de cada item determinadas em uma matriz; Multiplicando as matrizes pode-se comparar os preços total ofertado no total por cada revendedor. >> precos= XLSREAD('exemplo novo.xls xls'); >> precos precos = Revendedor Automóvel Caminhonete Caminhão Revendedor A Revendedor B Revendedor C >> quantidade=[3;1;2] quantidade = >> escolha=precos*quantidade escolha =

8 Matrizes e gráficos para análise de dados >> grafico=[precos,escolha] grafico = >> revendedor=[1 2 3]; >> bar(grafico) >> plot(revendedor,grafico(:,1)) (,

9 Gráficos para análise de dados >> plot(revendedor,grafico(:,2)) >> plot(revendedor,grafico(:,3)) >> plot(revendedor,grafico(:,4))

10 Janelas e Ferramentas Carregando variável salva para ser usada em outro trabalho Escolha de diretório; Utili ação de ferramenta de Utilização busca para opção de comando; L it Leitura d de iimagem em formato.jpg Salvar a variável em arquivo.m que consta em workspace. Amostragem para análise da composição da imagem.

11 Carregando algoritmo prático O comando figure é um suporte sempre necessário ái quando deseja-se amostrar imagem. É designado através da interface programa-usuário As linhas de programação ficam gravadas em arquivos M-file ou arquivos de extensão.m

12 Operações com Vetores Criação >>t=[ ] Ou >>t1= 0:2:20 >> h=1:3:32 Manipulação >> h1=h+2 >> v=t+h >> t1=t*5 >> b=t*h >> b1=t.*h >> b2=t/h >> who Your variables are: h t >> whos Name Size Bytes Class h 1x11 88 double array t 1x11 88 double array Grand total is 22 elements using 176 bytes

13 Funções Matemáticas Para facilmente escrever linhas de expressão matemática, Matlab disponibiliza bloco de códigos que realizam tarefas específicas. Contém funções padrão como sin, cos, tan, sec, exp, log, sqrt,sum, mean. Constantes geralmente usadas como pi, e i ou j para a raiz quadrada de -1, também está incorporado em Matlab. Encontra-se todas as funções matemáticas elementares listadas através do comando: >> help elfun x = 3 y = 4 w = x + 3 x y 2 y x 4 y t = 3 4 (sin w t 10 + tan w )( 3 t + 1) q = 12w 2 2x 5y 3+x 2y + 17

14 Implementação de Funções >> x=4; y=3; >> t=(2*x^2-5*y)/(sqrt(2*y^(3-x)+17)) t = >> w=(5*x+3-x^3-y^3)/(2*y-x-4*y^2) w= 2 >> q=(sin(w)^3-t^4/10+tan(w))*( t^4/10+tan(w))*(-sqrt(t*3+1))/12*w q =

15 Matrizes >> a = [1 2 3;4 5 6;7 8 9] >> a1 = [ ] >>a2=[ ] 2 3,4 6,7 O cálculo de transpostas, inversas, determinantes,diagonais, covariâncias resume-se se a comandos como: >> inv(x) >> b=[1 2 2;3 2 4; 5 2 1]; >> d=[b,a] >> b=rand(6) >> var(b) >> cov(b) Sendo a matriz de variância diagonal da matriz de covância Livro de algebra linear exercício help matfun

16 >> ones(3) matriz de uns >> zeros(5) matriz de zeros Funções para Matrizes >> rand(3) matriz com elementos aleatórios distribuídos uniformemente >> randn(4) matriz com elementos aleatórios distribuídos normalmente >> eye(3) matriz identidade d >> ones(3,1,2) matriz de uns com especificação da dimensão >> a=ones(2,5); b=zeros(2,5); c=ones(1,5)*3;vertcat(a,b,c) >> repmat(a,2,3) comando que concatena matrizes verticalmente >> m = size(rand(2,3,4),2) 2) em que o ultimo algarismo responde sobre a dimensão dois, a das colunas. Poderia ser 3, a das linhas. E 4, a das bandas. >>d=peaks(25);

17 Programação simples Sistematização de terreno pelo Método do Plano Único c =input('cotas das amostras ordenadas na sequencia da malha:') %[ , , , , ; , , , ,1 %0.4000; , , , , ; , , ; ,10. %7500, ]; a=size(c,1);b=size(c,2); N=a*b; Hc=(sum(sum(c,1)))/N; ( ( dif=c-hc; inda=find(dif < 0);indc=find(dif > 0); dist=input('distancia inp t('distancia entre pontos da malha:'); area=dist^2; volcorte= sum(dif(indc))*area; volaterro=sum(dif(inda))*area;

18 Comando for A forma básica do comando for é: for índice = começa:incremento:para declarações end >> for m=1:10 x(m)=m^2; end; >> x(3) >> for a=1:10 a<=3; C(a)=a^2; a=3:7; C(a)=a+5; a=7:10; C(a)=a; end >> stem(c) ans = 9

19 Estruturas if-else-endend Matlab tem quatro tipos de afirmações são if, elseif, else,end Elas fazem o controle de fluxo baseadas no teste lógico. Em sua forma básica: If teste declarações End function retorno=posneg(ent) if all(ent>0) retorno=1; elseif all (ent<0) retorno=-1; else retorno=0; end O teste é uma expressão em que há 1(verdadeiro) ou 0(falso) é executado entre o if e end e retorna se o teste der verdadeiro, quando falso são ignoradas as declarações. Testes adicionais podem ser feitos usando elseif e else.

20 Estrutura switch, case, otherwise A forma básica de parâmetros do switch e : M-file switchx.m switch teste case resultado1 declaração case resultado2 declaração... otherwise declaração end switch x case 1 disp('x is 1'); case {2,3,4} disp('x is 2, 3 or 4'); case 5 disp('x is 5'); otherwise disp('x is not 1, 2, 3, 4 or 5'); end A expressão em switch case só pode ser um escalar ou uma string. >> x=5; Pressione o botão run: >> x is 5

21 While while teste declaração end n = 1; while sum(1:n)<= n = n+1; end As declarações são executadas repetidamente enquanto o valor de teste for igual a 1, por exemplo, achar o primeiro inteiro n para qual n é maior que 1000:

22 Área de um Polígono com While mat=input('matriz de coordenadas x e y dos pontos da poligonal:') matr=vertcat(mat,mat(1,:)); x=matr(:,1);y=matr(:,2); a=size(x,1); n=1; soma=0; while n<a; mult=x(n,1)*y(n+1,1); soma=soma+mult; n=n+1; end m=1; soma2=0; while m<a; mult2=x(m+1,1)*y(m,1); soma2=soma2+mult2; mult2; m=m+1; end area=abs((soma-soma2)/2) )

23 Plotagem O comando axis ajusta a escala do gráfico às coordenadas dos pontos plotados. Sintaxe: axis([xmin xmax ymin ymax]) >> x1=-1;y1= 1;y1=-1;x2=1;y2= 1;x2=1;y2=-1;x3= 1;x3=-1;y3=1;x4=1;y4=1; 1;y3=1;x4=1;y4=1; >> plot(x1,y1,'o',x2,y2,'o',x3,y3,'o',x4,y4,'o') >> axis([ ]) 2]) >> axis square %forma quadrada >> axis normal ou >> x=[ ] ; y=[-1; -1; 1; 1] ; plot(x,y,'.r');axis([ ]) subplot trabalha com multiplicidade de gráficos renda= [ ]; gastos= [ ]; subplot(2,1,1); plot(renda) subplot(2,1,2); plot(gastos)

24 Comando subplot >> t = 0:.1:2*pi; subplot(2,2,1) plot(cos(t),sin(t)) (t) (t)) subplot(2,2,2) plot(cos(t),sin(2*t)) subplot(2,2,3) 2 plot(cos(t),sin(3*t)) subplot(2,2,4) plot(cos(t),sin(4*t)) subplot 221 plot(1:10) subplot 222 plot(0, * ) subplot 212 plot([ ]) Sendo o primeiro índice o número de eixos na vertical, o segundo número de eixos na horizontal e o último o número de ordem ou posição.

25 Propriedades de Gráficos Para colocar rótulos em gráficos pode-se usar a função xlabel, ylabel, and title >> xlabel( eixo x'); ylabel( eixo y'); y); title( pontos (p no plano') Inserir texto em ponto de sua escolha no gráfico >>gtext('p1');gtext('p2');gtext('p3');gtext('p4') Em help plot visualiza-se se as especificações das características do gráfico >> t = 0:.1:2*pi; plot(t,sin(t),t,sin(1.05*t)) >> gtext('frequency = 1');gtext('frequency = 1.05');axis([0 max(t) -1 1]) Pode-se especificar o estilo de linha, o símbolo que marca o ponto e cor do gráfico ainda pelo prompt. >> x=[4 5 6; 1 2 3]; y=(x.^2) >> plot(x,y,'-.or') ') >> plot(x,y,'-hk')

26 Propriedades de Gráficos >> t = 0:.1:2*pi; plot(t,sin(t),t,sin(1.05*t)) >> gtext('frequency = 1');gtext('frequency = 1.05');axis([0 max(t) -1 1]) >> dt = 2*pi/10; t = dt:dt:10*dt; x = cos(t); y = sin(t); plot(x,y) axis equal off for i = 1:10 text(x(i),y(i),int2str(i)) end

27 Comando plot3 Matlab apresenta um gráfico tridimensional com plot3: >> x1=3; y1=4; z1=5; >> plot3(x1,y1,z1,'*') >> th=[0:.01:2]*2*pi; [ ] p; x=cos(th); y=sin(th); z=th; plot3(x,y,z)

28 Representações em coordenadas polares >> th=0:2*pi/100:2*pi; rho=3*th; polar(th,rho)

29 Arquivos, extensões e rotinas As rotinas para automação de atividades também são gravados em arquivos de extensão.m e carregados sempre que necessário; File>New>M-File Copiar as linhas de programação com sintaxe correta e salvar; File>Open>(escolha) Desde que o arquivo esteja no diretório corrente; Botão para a compilação ou prompt pt digitando do o nome do arquivo. Já as variáveis de trabalho podem ser armazenadas em arquivos de extensão.mat através do menu File> Save Workspace As... E carregadas da mesma maneira que um M_File. clear, clf >>x1=1;y1=.5;x2=2;y2=1.5;x3=3;y3=2; >>plot(x1,y1,'o',x2,y2,'+',x3,y3,'*') >>axis([0404]) 0 4]) >>xlabel('xaxis') >>ylabel('yaxis') >>title('3points in a plane')

30 Criação de uma nova função É necessário criar um arquivo.m denominado da mesma forma que a função; Em sua primeira linha escreve-se se o comando function e segue a descrição dos parâmetros da nova função. Para a amostragem geométrica da função em seu domínio usa-se se o comando fplot delimitando i d os intervalos >> fplot ('andre',[-2,7])

31 Gráficos tridimensionais >> [x,y] = meshgrid(-10:10); z = sqrt(x.^2 + y.^2); >> mesh(x,y,z)

32 Tipos de representações z = 3*(1-x).^2.*exp(-(x.^2) )^2* (( ^2) - (y+1).^2) *(x/5 - x.^3 - y.^5).*exp(-x.^2-y.^2) /3*exp(-(x+1).^2 - y.^2); [x,y,z] = peaks; colormap(gray) plot(z) mesh(x,y,z)

33 Outros tipos de representações >> surf(x,y,z) >> surfl(x,y,z) >> shading flat >> shading flat >> contour(x,y,z) >> imagesc(z) >> axis xy

34 Outros tipos de representações >> surfc(x,y,z) >> contourf(x,y,z)

35 Cores de Mapas Pode-se criar seu próprio traço ou usar qualquer mapa de cores predefinidas disponíveis hsv hot gray bone copper pink white flag lines colorcube jet prism cool autumn spring winter summer >> colormap ( hot ) >> colormap ([.5.5.5]) >> gray(8) Colormap. Matlab usa matrizes para aplicar cores em mapas imagens e superfícies tendo elas as especificações: Red Green Blue Colour Black White Red Green Blue Yellow Magenta Cyan Gray Dark red Dark orange Aquamarine Parchment

36 Formatos suportados para arquivos de dados Data Formats Command Returns MAT - MATLAB workspace LOAD Variables in file CSV - Comma separated numbers CSVREAD Double array Formatos suportados para arquivos de dados TXT Formatted data in a text file TEXTREAD Double array DAT - Formatted text t IMPORTDATA Double array DLM - Delimited text TAB - Tab separated text DLMREAD DLMREAD Double array Double array Spreadsheet Formats XLS - Excel worksheet WK1 - Lotus 123 worksheet Command XLSREAD WK1READ Returns Double array and cell array Double array and cell array Scientific Data Formats CDF - Common Data Format FITS - Flexible Image Transport System Command CDFREAD FITSREAD Returns Cell array of CDF records Primary or extension table data HDF - Hierarchical Data Format HDFREAD HDF or HDF-EOS data set

37 Formatos suportados para arquivos de imagem, áudio e filme Image Formats TIFF Tagged image format PNG Portable network graphics HDF Hierarchial data format BMP Windows bitmap Command IMREAD IMREAD IMREAD IMREAD Returns Truecolor, grayscale or indexed image(s) Truecolor, grayscale or indexed image Truecolor or indexed image(s) Truecolor or indexed image Audio Formats AU Next/Sun Sound SND Next/Sun Sound WAV Microsoft Wave Sound Command AUREAD AUREAD WAVREAD Returns Sound data and sample rate Sound data and sample rate Sound data and sample rate Movie Formats AVI - Movie Command AVIREAD Returns MATLAB movie

INTRODUÇÃO AO USO DO PROGRAMA COMPUTACIONAL MATLAB Ambiente de computação para desenvolvimento de sistemas sofisticados

INTRODUÇÃO AO USO DO PROGRAMA COMPUTACIONAL MATLAB Ambiente de computação para desenvolvimento de sistemas sofisticados UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO IT Departamento de Engenharia LABORATÓRIO RIO DE MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA INTRODUÇÃO AO USO DO PROGRAMA COMPUTACIONAL MATLAB Ambiente de computação para desenvolvimento

Leia mais

Mini Curso Introdução ao MATLAB

Mini Curso Introdução ao MATLAB Mini Curso Introdução ao MATLAB Aline Villela Chaia Maria Ribeiro Daibert GET Engenharia de Produção - UFJF Sumário: Introdução... 3 Objetivos... 3 Histórico... 3 Layout... 4 Help... 9 Dados... 10 Funções...

Leia mais

Minicurso de MATLAB. Programa de Educação Tutorial de Engenharia Elétrica 28/03/15. lmax Rodrigues. lcaroline Pereira.

Minicurso de MATLAB. Programa de Educação Tutorial de Engenharia Elétrica 28/03/15. lmax Rodrigues. lcaroline Pereira. Minicurso de MATLAB Programa de Educação Tutorial de Engenharia Elétrica lmax Rodrigues lcaroline Pereira lnayara Medeiros 28/03/15 Gráficos no Matlab O Matlab possui várias rotinas para plotagens gráficas

Leia mais

Utilidades Diversas. Aplicações Informáticas para Engenharia. SérgioCruz

Utilidades Diversas. Aplicações Informáticas para Engenharia. SérgioCruz Utilidades Diversas Habitualmente os comandos que compõem um dado programa desenvolvido em matlab não são introduzidos usando a janela de comando mas sim escritos e gravados num ficheiro.m Para criar um

Leia mais

MATLAB Avançado. Melissa Weber Mendonça 1 2011.2. 1 Universidade Federal de Santa Catarina. M. Weber Mendonça (UFSC) MATLAB Avançado 2011.

MATLAB Avançado. Melissa Weber Mendonça 1 2011.2. 1 Universidade Federal de Santa Catarina. M. Weber Mendonça (UFSC) MATLAB Avançado 2011. MATLAB Avançado Melissa Weber Mendonça 1 1 Universidade Federal de Santa Catarina 2011.2 M. Weber Mendonça (UFSC) MATLAB Avançado 2011.2 1 / 37 MATLAB Básico: Números reais >> a = 1 >> b = 2 >> a + b M.

Leia mais

criar u u = E(:,1) criar b b=a(:,3)

criar u u = E(:,1) criar b b=a(:,3) Tutorial do MATLAB São necessários alguns comandos básicos para usar o programa MATLAB. Este tutorial resumido descreve esses comandos. Você precisa criar vetores e matrizes, alterá-los e operar com eles.

Leia mais

Tutorial de Matlab Francesco Franco

Tutorial de Matlab Francesco Franco Tutorial de Matlab Francesco Franco Matlab é um pacote de software que facilita a inserção de matrizes e vetores, além de facilitar a manipulação deles. A interface segue uma linguagem que é projetada

Leia mais

XXIV Curso de Especialização em Teleinformática e Redes de Computadores

XXIV Curso de Especialização em Teleinformática e Redes de Computadores XXIV Curso de Especialização em Teleinformática e Redes de Computadores www.teleinfo.ct.utfpr.edu.br TEL45 - Linguagem C e MATLAB MATLAB parte 2 Abr.2014 Prof. Gustavo B. Borba / Prof. Humberto R. Gamba

Leia mais

Departamento: Matemática Curso: Eng a Madeiras Ano: 1 o Semestre: 2 o Ano Lectivo: 2006/2007. Aula prática n o 1 - Introdução ao MATLAB

Departamento: Matemática Curso: Eng a Madeiras Ano: 1 o Semestre: 2 o Ano Lectivo: 2006/2007. Aula prática n o 1 - Introdução ao MATLAB Instituto Politécnico de Viseu Escola Superior de Tecnologia Departamento: Matemática Métodos Numéricos Curso: Eng a Madeiras Ano: 1 o Semestre: 2 o Ano Lectivo: 2006/2007 Aula prática n o 1 - Introdução

Leia mais

Métodos Numéricos em Finanças

Métodos Numéricos em Finanças Métodos Numéricos em Finanças Prf. José Fajardo Barbachan IBMEC Objetivo Aprender Métodos Numéricos para modelar e resolver problemas financeiros, implementando programas em Matlab 1 Conteúdo Introdução

Leia mais

Aula 2P - Comandos básicos do Matlab aplicados a PDS

Aula 2P - Comandos básicos do Matlab aplicados a PDS Aula 2P - Comandos básicos do Matlab aplicados a PDS Bibliografia HAYKIN, S. S.; VAN VEEN, B. Sinais e sistemas, Bookman, 2001. ISBN 8573077417. Páginas 71-76. INGLE, V. K.; PROAKIS, J. G. Digital signal

Leia mais

Sistemas e Sinais (LEE & LETI)

Sistemas e Sinais (LEE & LETI) Sistemas e Sinais (LEE & LETI) 2º semestre 213/214 Laboratório nº Introdução ao Matlab Isabel Lourtie Dezembro 213 pfpfpf Este trabalho de laboratório não é obrigatório destinando-se apenas aos alunos

Leia mais

UNIVERSIDADE GAMA FILHO Laboratório de Controle I - MATLAB

UNIVERSIDADE GAMA FILHO Laboratório de Controle I - MATLAB NOME: UNIVERSIDADE GAMA FILHO Laboratório de Controle I - MATLAB O que é o Matlab? O Matlab é um sistema para cálculo científico que proporciona um ambiente de fácil utilização com uma notação intuitiva,

Leia mais

Laboratório de Sistemas e Sinais L1: Matrizes, Sons e Imagens

Laboratório de Sistemas e Sinais L1: Matrizes, Sons e Imagens Laboratório de Sistemas e Sinais L1: Matrizes, Sons e Imagens Luís Caldas de Oliveira Março de 2009 O objectivo deste laboratório é o de explorar a utilização de matrizes em Matlab e de usá-las para construir

Leia mais

Introdução ao Scilab

Introdução ao Scilab Programação de Computadores 1 Capítulo 1 Introdução ao Scilab José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2014.2 1/35 1 MATLAB e Scilab 2 O ambiente Scilab 2/35

Leia mais

Programa. Linguagem MATLAB Métodos Computacionais para EDO Métodos Computacionais para EDP. Critérios

Programa. Linguagem MATLAB Métodos Computacionais para EDO Métodos Computacionais para EDP. Critérios Programa Linguagem MATLAB Métodos Computacionais para EDO Métodos Computacionais para EDP Critérios P1: 5a Aula - Peso 1 P2: 10a Aula - Peso 1.5 P3: 15a Aula- Peso 2.0 Presença e Participação: Peso 2.0

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI MR0720 - Simulação de Processos em Eng. de Materiais. Aula 5. Matlab

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI MR0720 - Simulação de Processos em Eng. de Materiais. Aula 5. Matlab EE CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI MR0720 - Simulação de Processos em Eng. de Materiais Aula 5 Matlab 1 I. Objetivos Objetivo destas notas de aula, é o de ensinar os comandos básicos do Matlab focados para

Leia mais

NÍVEL BÁSICO CAPÍTULO III

NÍVEL BÁSICO CAPÍTULO III UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CENTRO TECNOLÓGICO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA E DE COMPUTAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL SEMANA DOS 40 ANOS DE ENGENHARIA ELÉTRICA NÍVEL BÁSICO CAPÍTULO III PROGRAMA

Leia mais

Gráficos tridimensionais. Introdução ao MATLAB p.1/31

Gráficos tridimensionais. Introdução ao MATLAB p.1/31 Gráficos tridimensionais Introdução ao MATLAB p1/31 Introdução Existe uma grande variedade de funções para exibir dados em três dimensões Podemos utilizar curvas em três dimensões, superfícies em retalhos

Leia mais

TUTORIAL MATLAB MATEMÁTICA COMPUTACIONAL Aula 20-Novembro-2013

TUTORIAL MATLAB MATEMÁTICA COMPUTACIONAL Aula 20-Novembro-2013 TUTORIAL MATLAB MATEMÁTICA COMPUTACIONAL Aula 20-Novembro-2013 MATLAB (MATrix LABoratory) é um software de alta performance direccionado para o cálculo numérico. O MATLAB integra áreas como análise numérica,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ APOSTILA DESTINADA AO CURSO DE EXTENSÃO FUNDAMENTOS DE MATLAB Autores: Francisco Galvão Junior Marcel Fernando da Costa Parentoni Itajubá, Maio de 2007 Índice 1 O Matlab...3

Leia mais

1 Introdução ao MatLab

1 Introdução ao MatLab 1 Introdução ao MatLab O que é o MatLab? O MatLab é um sistema para cálculo científico que proporciona um ambiente de fácil utilização com uma notação intuitiva mas poderosa. Permite a realização de algoritmos

Leia mais

Gráficos bidimensionais. Introdução ao MATLAB p.1/36

Gráficos bidimensionais. Introdução ao MATLAB p.1/36 Gráficos bidimensionais Introdução ao MATLAB p.1/36 Introdução Já vimos vários gráficos em exemplos anteriores. Veremos agora, com em mais detalhes, as principais ferramentas que o MATLAB disponibiliza

Leia mais

Oficina de MATLAB Nível Básico Aula 1

Oficina de MATLAB Nível Básico Aula 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA Oficina de MATLAB Nível Básico Aula 1 Prof. Jeremias

Leia mais

INTRODUÇÃO AO MATLAB. AUTORES: Alan Tavares Miranda Márcio Portes de Albuquerque Marcelo Portes de Albuquerque

INTRODUÇÃO AO MATLAB. AUTORES: Alan Tavares Miranda Márcio Portes de Albuquerque Marcelo Portes de Albuquerque INTRODUÇÃO AO MATLAB AUTORES: Alan Tavares Miranda Márcio Portes de Albuquerque Marcelo Portes de Albuquerque SUMÁRIO 1. Introdução... 4 2. Interface... 4 3. Operações mais freqüentes... 6 4. Gráficos

Leia mais

Introdução ao Scilab 3.0 Parte 4

Introdução ao Scilab 3.0 Parte 4 Introdução ao Scilab 3.0 Parte 4 Paulo S. Motta Pires pmotta@dca.ufrn.br Departamento de Engenharia de Computação e Automação Universidade Federal do Rio Grande do Norte NATAL - RN Paulo Motta (DCA-UFRN)

Leia mais

COMPUTAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

COMPUTAÇÃO E PROGRAMAÇÃO COMPUTAÇÃO E PROGRAMAÇÃO 1º Semestre 2010/2011 MEMec, LEAN Ficha da Aula Prática 3: Entrada/saída de dados. Scripts e funções. Estruturas de selecção. Sumário das tarefas e objectivos da aula: 1. Utilizar

Leia mais

1) Entrando com Matrizes no MatLab.

1) Entrando com Matrizes no MatLab. PRÁTICA 1. Atenção! Os quadros indicados com a letra T referem-se a Treinamento. Devem ser implementados mas não fazem parte do relatório da prática. Os quadros indicados coma letra E são os exercícios

Leia mais

SPSS Statistical Package for the Social Sciences Composto por dois ambientes:

SPSS Statistical Package for the Social Sciences Composto por dois ambientes: Introdução ao SPSS Essa serie de aulas sobre SPSS foi projetada para introduzir usuários iniciantes ao ambiente de trabalho do SPSS 15, e também para reavivar a memória de usuários intermediários e avançados

Leia mais

Vetores, Matrizes e Gráficos

Vetores, Matrizes e Gráficos Programação de Computadores I UFOP DECOM 2013 2 Aula prática 3 Vetores, Matrizes e Gráficos Resumo Nesta aula você irá utilizar vetores para resolver diversos tipos de problemas. Para expressar a solução

Leia mais

Semana da Matemática. Luiz A. F. Coelho Fernando Deeke Sasse DMAT MatLab para Iniciantes

Semana da Matemática. Luiz A. F. Coelho Fernando Deeke Sasse DMAT MatLab para Iniciantes Semana da Matemática Luiz A. F. Coelho Fernando Deeke Sasse DMAT MatLab para Iniciantes Início 1. MatLab é interativo, você digita e já obtem respostas. Desta forma difere-se de linguagens de programação

Leia mais

Não use essa apostila como única fonte de consultas, procure livros e manuais.

Não use essa apostila como única fonte de consultas, procure livros e manuais. Introdução ao Matlab 5 Esta apostila foi criada com o propósito de mostrar a simplicidade que é a interface do Matlab, e mostrar as ferramentas básicas para o curso de Álgebra Linear do Inatel. Não use

Leia mais

Técnicas de Programação. Introdução 4. Princípios Básicos 4. Aritimética Básica 5. Formatando o resultado de saída 9

Técnicas de Programação. Introdução 4. Princípios Básicos 4. Aritimética Básica 5. Formatando o resultado de saída 9 INTRODUÇÃO 3 2 O AMBIENTE MATLAB 4 Introdução 4 Princípios Básicos 4 Aritimética Básica 5 Formatando o resultado de saída 9 Representando números complexos Operando com arquivos 3 MATRIZES e VETORES 2

Leia mais

Mini-curso de MATLAB e Octave para Cálculo Numérico

Mini-curso de MATLAB e Octave para Cálculo Numérico Mini-curso de MATLAB e Octave para Cálculo Numérico PET - Engenharia de Computação Universidade Federal do Espírito Santo http://www.inf.ufes.br/~pet 1 Sumário 1 Introdução 1.1 Matlab......................................

Leia mais

Criando e usando Gráficos

Criando e usando Gráficos DANDO A LARGADA Criando e usando Gráficos Mathcad torna fácil para você criar um gráfico de x-y de uma expressão. Para isto, digite uma expressão que depende de uma variável, por exemplo, sin(x), e então

Leia mais

SciLab. Prof. Raimundo C. Ghizoni Teive

SciLab. Prof. Raimundo C. Ghizoni Teive UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ UNIVALI CES VII CURSO: ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO SciLab INSTRUÇÕES BÁSICAS Prof. Raimundo C. Ghizoni Teive Versão do Tutorial:

Leia mais

Tutorial: MATLAB. André R. Backes. Universidade Federal de Uberlândia - Faculdade de computação

Tutorial: MATLAB. André R. Backes. Universidade Federal de Uberlândia - Faculdade de computação Tutorial: MATLAB André R. Backes Universidade Federal de Uberlândia - Faculdade de computação Sumário 1 Fundamentos de MATLAB 3 1.1 Interface.................................... 3 1.2 Comandos Iniciais..............................

Leia mais

Equações Diferenciais em Matlab

Equações Diferenciais em Matlab Equações Diferenciais em Matlab O matlab apenas calcula soluções numéricas de sistemas de equações diferenciais de primeira ordem. Para resolver equações diferenciais de ordem superior deve convertê-las,

Leia mais

Programação em MATLAB

Programação em MATLAB Programação em MATLAB UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Matemática Conteúdo 1 Introdução 2 2 Scripts 3 3 Funções 5 4 Programação 7 5 Escrita e leitura de arquivos 11 6 Gráficos especiais 13

Leia mais

Informática para Ciências e Engenharias 2014/15. Teórica 5

Informática para Ciências e Engenharias 2014/15. Teórica 5 Informática para Ciências e Engenharias 2014/15 Teórica 5 Na aula de hoje... Representação de imagens pixels, sistema RGB Gráficos em MATLAB Gráficos simples Imagens 2D Exemplo: difusão Gráficos 3D Exemplo:

Leia mais

Apostila Básica do Software Matlab

Apostila Básica do Software Matlab CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SANTA CATARINA CEFET-SC DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA Apostila Básica do Software Matlab André Luís Dalcastagnê Florianópolis, agosto de 2008 APRESENTAÇÃO

Leia mais

Matlab para leigos e desinteressados: uma introdução simples com exemplos banais

Matlab para leigos e desinteressados: uma introdução simples com exemplos banais Matlab para leigos e desinteressados: uma introdução simples com exemplos banais Rodrigo S. Portugal portugal@ige.unicamp.br Departmento de Geologia e Recursos Naturais Instituto de Geociências UNICAMP

Leia mais

Introdução ao Matlab. 1 Algumas regras e comandos do Matlab. 3 de março de 2015. Docente Responsável : Prof. Dr. Antônio C. Roque

Introdução ao Matlab. 1 Algumas regras e comandos do Matlab. 3 de março de 2015. Docente Responsável : Prof. Dr. Antônio C. Roque Introdução ao Matlab 3 de março de 2015 Docente Responsável : Prof. Dr. Antônio C. Roque Monitores : Rodrigo F. O. Pena e Renan Shimoura MATLAB (MATrix LABoratory) é um programa de alta performance e de

Leia mais

Introdução às Técnicas Computacionais utilizando o MATLAB

Introdução às Técnicas Computacionais utilizando o MATLAB LADEPIS - Laboratório de Dinâmica Experimental e Processamento de Imagens e Sinais Laboratório de Estruturas Programa de Engenharia Civil COPPE/UFRJ Introdução às Técnicas Computacionais utilizando o MATLAB

Leia mais

INTRODUÇÃO AO SCILAB

INTRODUÇÃO AO SCILAB INTRODUÇÃO AO SCILAB Introdução Estas notas, de caráter introdutório e numa versão preliminar, tratam da utilização do software Scilab na disciplina Cálculo Numérico COM400, ministrada por professores

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE TOMAR. Matlab Tutorials. Principais Funções do Matlab

INSTITUTO POLITÉCNICO DE TOMAR. Matlab Tutorials. Principais Funções do Matlab Matlab Tutorials Principais Funções do Matlab Funções Básicas do Matlab O Matlab consiste num programa interactivo de computação numérica e visualização de dados. Este programa é muito utilizado na área

Leia mais

Notas de Aula MatLab - 2

Notas de Aula MatLab - 2 Notas de Aula MatLab - 2 Routo Terada www.ime.usp.br/~rt Depto. C. da Computação - USP Bibliografia: E. Y. Matsumoto, MatLab6 Fundamentos de Programação, Edit. Érica, 2000 K. Chen et al., Mathematical

Leia mais

Laboratório Nacional de Computação Científica

Laboratório Nacional de Computação Científica Laboratório Nacional de Computação Científica Minicurso: Introdução ao Octave Luiz Aquino Março de 2010 aquino.luizclaudio@gmail.com.br Introdução O que é Octave? É um programa para efetuar cálculos numéricos.

Leia mais

Introdução ao processamento de imagens e OCTAVE. Julio C. S. Jacques Junior juliojj@gmail.com

Introdução ao processamento de imagens e OCTAVE. Julio C. S. Jacques Junior juliojj@gmail.com Introdução ao processamento de imagens e OCTAVE Julio C. S. Jacques Junior juliojj@gmail.com Octave www.gnu.org/software/octave/ Linguagem Interpretada (similar ao MATLAB... portabilidade) Voltada para

Leia mais

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 02. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano

MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação. Aula 02. Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano MESTRADO EM MACROECONOMIA e FINANÇAS Disciplina de Computação Aula 02 Prof. Dr. Marco Antonio Leonel Caetano 1 Guia de Estudo para Aula 02 Comandos de Repetição - O Comando FOR - O comando IF com o comando

Leia mais

Basicão de Estatística no EXCEL

Basicão de Estatística no EXCEL Basicão de Estatística no EXCEL Bertolo, Luiz A. Agosto 2008 2 I. Introdução II. Ferramentas III. Planilha de dados 3.1 Introdução 3.2 Formatação de células 3.3 Inserir ou excluir linhas e colunas 3.4

Leia mais

ÍNDICE. Curso Introdução ao MATLAB 2

ÍNDICE. Curso Introdução ao MATLAB 2 Curso Introdução ao MATLAB 2 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO...4 1.1 ENTRANDO NO MATLAB...4 1.2 COMO O MATLAB TRABALHA...4 1.3 AMBIENTE DE TRABALHO DO MATLAB...5 1.4 ARQUIVOS.M...5 1.5 COMANDOS BÁSICOS...6 1.5.1 Comandos

Leia mais

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS 1. A Linguagem Access Basic. 2. Módulos e Procedimentos. 3. Usar o Access: 3.1. Criar uma Base de Dados: 3.1.1. Criar uma nova Base de Dados. 3.1.2. Criar

Leia mais

Introdução ao EES Engineering Equation Solver

Introdução ao EES Engineering Equation Solver Engineering Equation Solver Engineering Equation Solver Resolve sistema de equações lineares e não-lineares Possui banco de dados de muitos fluidos e alguns sólidos Verifica a consistência dimensional

Leia mais

MATLAB AVANÇADO. Melissa Weber Mendonça UFSC

MATLAB AVANÇADO. Melissa Weber Mendonça UFSC MATLAB AVANÇADO Melissa Weber Mendonça UFSC Conteúdo 1 Estruturas de dados e MATLAB Básico 4 1.1 Revisão.......................................... 4 1.1.1 Console e scripts................................

Leia mais

Processamento Numérico

Processamento Numérico Matlab 1 Conceitos Básicos e Processamento Numérico 1. Iniciar o programa Matlab. Há duas formas: Fazer duplo-clique sobre o atalho, existente no ambiente de trabalho do Windows Menu Iniciar > Programas

Leia mais

Introdução ao MATLAB

Introdução ao MATLAB Introdução ao MATLAB O MATLAB é um programa cálculo numérico que pode ser usado interactivamente. A sua estrutura de dados fundamental é a matriz, que pode ter elementos reais ou complexos. Embora na sua

Leia mais

Algoritmos e Estrutura de Dados. Introdução a Linguagem Python (Parte I) Prof. Tiago A. E. Ferreira

Algoritmos e Estrutura de Dados. Introdução a Linguagem Python (Parte I) Prof. Tiago A. E. Ferreira Algoritmos e Estrutura de Dados Aula 1 Introdução a Linguagem Python (Parte I) Prof. Tiago A. E. Ferreira Linguagem a ser Utilizada? Nossa disciplina é de Algoritmos e Estrutura de Dados, e não de linguagem

Leia mais

Introdução ao Octave + Pacote de Processamento de Imagens

Introdução ao Octave + Pacote de Processamento de Imagens Introdução ao PID Processamento de Imagens Digitais Introdução ao Octave + Pacote de Processamento de Imagens Glaucius Décio Duarte Instituto Federal Sul-rio-grandense : Campus Pelotas Engenharia Elétrica

Leia mais

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo:

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo: Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

AndréRicardoBackes. backes@facom.ufu.br. UniversidadeFederaldeUberlândia-Faculdadedecomputação

AndréRicardoBackes. backes@facom.ufu.br. UniversidadeFederaldeUberlândia-Faculdadedecomputação AndréRicardoBackes backes@facom.ufu.br UniversidadeFederaldeUberlândia-Faculdadedecomputação 1. Comandos Iniciais...3 1.1. Definição de Variáveis...3 1.2. Separadores de Comandos...3 2. Retorno de Funções...3

Leia mais

Módulo 3 Amostragem de Imagens Sistema Multimédia Ana Tomé José Vieira

Módulo 3 Amostragem de Imagens Sistema Multimédia Ana Tomé José Vieira Módulo 3 Amostragem de Imagens Sistema Multimédia Ana Tomé José Vieira Departamento de Electrónica, Telecomunicações e Informática Universidade de Aveiro 1 Imagens Digitais 2 Sumário O olho Humano Sistemas

Leia mais

TUTORIAL do OCTAVE. GNU-Octave versão 2.1.42. Aluna: Camili Ambrósio RA: 042426 Disciplina: MA111 Professor: Márcio Rosa Segundo semestre 2005.

TUTORIAL do OCTAVE. GNU-Octave versão 2.1.42. Aluna: Camili Ambrósio RA: 042426 Disciplina: MA111 Professor: Márcio Rosa Segundo semestre 2005. TUTORIAL do OCTAVE GNU-Octave versão 2.1.42 Aluna: Camili Ambrósio RA: 042426 Disciplina: MA111 Professor: Márcio Rosa Segundo semestre 2005. Glossário O que é o Octave? Onde Obter?...2 Introdução...3

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE II. Aula 07 A linguagem de programação C# e sua sintaxe

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE II. Aula 07 A linguagem de programação C# e sua sintaxe DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE II Aula 07 A linguagem de programação C# e sua sintaxe Na aula passada... Avaliamos o conceito de Integrated Development Environment (IDE); Aprendemos um pouco da evolução do

Leia mais

5910179 Biofísica I Turma de Biologia FFCLRP USP Prof. Antônio C. Roque Segunda lista de exercícios

5910179 Biofísica I Turma de Biologia FFCLRP USP Prof. Antônio C. Roque Segunda lista de exercícios Lista sobre funções no Excel A ideia desta lista surgiu em sala de aula, para ajudar os alunos a conhecer de modo prático as principais funções matemáticas que aparecem em biologia. Inicialmente, para

Leia mais

Mini-curso Octave/MATLAB

Mini-curso Octave/MATLAB Programa de Educação Tutorial Mini-curso Octave/MATLAB PET Engenharia de Computação 03/07/2013 1 Sumário Sobre as Ferramentas Operações Básicas e Funções importantes Gráficos Arquivos, scripts e criação

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT Power Point Básico Santa Maria, julho de 2006 O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações.

Leia mais

Capítulo 4 - INTRODUÇÃO AO USO DO MATLAB

Capítulo 4 - INTRODUÇÃO AO USO DO MATLAB Capítulo 4 - INTRODUÇÃO AO USO DO MATLAB 4. 1 - Objetivo O objetivo deste Capítulo é permitir ao aluno dominar o conceito, a lógica e os comandos básicos presentes no Matlab. Pretende-se também familiarizar

Leia mais

Introdução sobre Scilab

Introdução sobre Scilab Ivanovitch Medeiros Dantas da Silva Universidade Federal do Rio Grande do Norte Departamento de Engenharia de Computação e Automação DCA0399 - Métodos Computacionais para Engenharia Civil Natal, 14 de

Leia mais

2. Computação algébrica usando Maxima

2. Computação algébrica usando Maxima 2. Computação algébrica usando Maxima 2.1 A interface do Maxima Existem várias interfaces diferentes para trabalhar com Maxima. Algumas delas podem estar incorporadas dentro de um editor de texto e a representação

Leia mais

Análise de Sistemas Não Lineares por Plano de Fase Recorrendo ao MATLAB

Análise de Sistemas Não Lineares por Plano de Fase Recorrendo ao MATLAB MEEC Mestrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores MCSDI Guião do trabalho laboratorial nº Análise de Sistemas Não Lineares por Plano de Fase Recorrendo ao MATLAB Análise de Sistemas Não Lineares

Leia mais

Introduçã o ão MATLAB e Octave

Introduçã o ão MATLAB e Octave Introduçã o ão MATLAB e Octave O MATLAB é o software mais usado em engenharia para computação numérica. Foi desenhado como um programa interativo especialmente optimizado para calcular operações numéricas

Leia mais

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010 Tutorial do Iniciante Excel Básico 2010 O QUE HÁ DE NOVO O Microsoft Excel 2010 é um programa de edição de planilhas eletrônicas muito usado no mercado de trabalho para realizar diversas funções como;

Leia mais

Algoritmos em Javascript

Algoritmos em Javascript Algoritmos em Javascript Sumário Algoritmos 1 O que é um programa? 1 Entrada e Saída de Dados 3 Programando 4 O que é necessário para programar 4 em JavaScript? Variáveis 5 Tipos de Variáveis 6 Arrays

Leia mais

Como utilizar o programa Maxima Parte I Prof. Rui DMA UEM Fevereiro de 2014

Como utilizar o programa Maxima Parte I Prof. Rui DMA UEM Fevereiro de 2014 Como utilizar o programa Maxima Parte I Prof. Rui DMA UEM Fevereiro de 2014 Instalação O programa Maxima é um programa gratuito e possui versões para Windows e Linux. Usuários Linux Os usuários de Linux

Leia mais

Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda:

Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda: 33 Capítulo 3 Procedimentos (macros) Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda: O objetivo de uma macro é automatizar as tarefas usadas com mais freqüência. Embora algumas macros sejam

Leia mais

Curso de introdução ao MATLAB módulo 1

Curso de introdução ao MATLAB módulo 1 Curso de introdução ao MATLAB módulo 1 IST, 9 de Dezembro de 2008 Mário J. Franca mfranca@dec.uc.pt Departamento de Engenharia Civil FCT - Universidade de Coimbra mfranca@tetraplano.com Tetraplano, Engenharia

Leia mais

EDITORES DE PLANILHAS

EDITORES DE PLANILHAS CAPÍTULO 6 EDITORES DE PLANILHAS Definição É um programa destinado a editar tabelas alfanuméricas usando o computador. Sua função básica é armazenar números e conjuntos de caracteres em células organizadas

Leia mais

IT 190 PRINCÍPIOS EM AGRICULTURA DE PRECISÃO INTRODUÇÃO AO USO DO ARCVIEW

IT 190 PRINCÍPIOS EM AGRICULTURA DE PRECISÃO INTRODUÇÃO AO USO DO ARCVIEW IT 190 PRINCÍPIOS EM AGRICULTURA DE PRECISÃO INTRODUÇÃO AO USO DO ARCVIEW Carlos Alberto Alves Varella 1. O ArcView foi desenvolvido pela Environmental Systems Research Institute (ESRI), com o objetivo

Leia mais

Pág 31. UC Introdução a Informática Docente: André Luiz Silva de Moraes 1º sem Redes de Computadores. 5 Introdução ao uso do BrOffice Impress

Pág 31. UC Introdução a Informática Docente: André Luiz Silva de Moraes 1º sem Redes de Computadores. 5 Introdução ao uso do BrOffice Impress 5 Introdução ao uso do BrOffice Impress O pacote BrOffice é um pacote de escritório muito similar ao já conhecido Microsoft Office e ao longo do tempo vem evoluindo e cada vez mais ampliando as possibilidades

Leia mais

Minicurso de Matlab. Redes Neurais. Lorran Ferreira Maroco Sutter. 26 de maio de 2014, Juiz de Fora. Universidade Federal de Juiz de Fora

Minicurso de Matlab. Redes Neurais. Lorran Ferreira Maroco Sutter. 26 de maio de 2014, Juiz de Fora. Universidade Federal de Juiz de Fora Minicurso de Matlab Redes Neurais Lorran Ferreira Maroco Sutter Universidade Federal de Juiz de Fora 26 de maio de 2014, Juiz de Fora Sumário 1 Introdução ao Matlab 2 Conhecendo o Matlab 3 Conceitos Básicos

Leia mais

2.1.2 Definição Matemática de Imagem

2.1.2 Definição Matemática de Imagem Capítulo 2 Fundamentação Teórica Este capítulo descreve os fundamentos e as etapas do processamento digital de imagens. 2.1 Fundamentos para Processamento Digital de Imagens Esta seção apresenta as propriedades

Leia mais

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Excel 2000 Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Índice 1.0 Microsoft Excel 2000 3 1.1 Acessando o Excel 3 1.2 Como sair do Excel 3 1.3 Elementos da

Leia mais

A1;A7 é o mesmo que A1 e A7 A1:A7 é o mesmo que A1 até A7 (abrange A1, A2, A3, A4, A5, A6, A7).

A1;A7 é o mesmo que A1 e A7 A1:A7 é o mesmo que A1 até A7 (abrange A1, A2, A3, A4, A5, A6, A7). Excel Avançado Atenção! 1. Nunca referenciamos valores, mas sim o nome da célula que contém o valor, como A1, sendo A a coluna e 1 a linha. 2. As fórmulas sempre iniciam com sinal de =. 3. Lembre-se de:

Leia mais

Estatística Usando EXCEL

Estatística Usando EXCEL Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Exatas Departamento de Estatística Estatística Usando EXCEL Distribuição de alunos segundo idade e sexo > =23 60% 40% 21 ---23 67% 33% 19 ---21

Leia mais

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características:

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características: Cerne Tecnologia www.cerne-tec.com.br Conhecendo o NSBASIC para Palm Vitor Amadeu Vitor@cerne-tec.com.br 1. Introdução Iremos neste artigo abordar a programação em BASIC para o Palm OS. Para isso, precisaremos

Leia mais

. (x,y) Programação III. Interface Gráfica - AWT. Interface Gráfica AWT Jocélio Passos joceliodpassos@bol.com.br

. (x,y) Programação III. Interface Gráfica - AWT. Interface Gráfica AWT Jocélio Passos joceliodpassos@bol.com.br Programação III Interface Gráfica AWT Jocélio Passos joceliodpassos@bol.com.br AWT Abstract Windowing ToolKit kit de Ferramentas Abstrato para Janelas Componentes GUI originais Pacote java.awt Deitel Capítulo

Leia mais

Tutorial MATLAB 6.5. Thaís Rodrigues Tonon RA: 046655 Turma B

Tutorial MATLAB 6.5. Thaís Rodrigues Tonon RA: 046655 Turma B Tutorial MATLAB 6.5 Thaís Rodrigues Tonon RA: 046655 Turma B 1 Índice 1. Introdução...2 2. O MATLAB...3 3. O Uso do MATLAB...4 3.1 Limites...6 3.1.1 Limites à esquerda e à direita...6 3.2 Derivadas...8

Leia mais

TerraView. O TerraView está estruturado da seguinte forma: - Modelo de dados

TerraView. O TerraView está estruturado da seguinte forma: - Modelo de dados TerraView O TerraView é um aplicativo desenvolvido pelo DPI/INPE e construído sobre a biblioteca de geoprocessamento TerraLib, tendo como principais objetivos: - Apresentar à comunidade um fácil visualizador

Leia mais

4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA

4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA 4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA Vinicius A. de Souza va.vinicius@gmail.com São José dos Campos, 2011. 1 Sumário Tópicos em Microsoft Excel 2007 Introdução à criação de macros...3 Gravação

Leia mais

Capítulo 13 Gerenciamento de arquivos e de diretórios. Introdução ao MATLAB p.32/40

Capítulo 13 Gerenciamento de arquivos e de diretórios. Introdução ao MATLAB p.32/40 Capítulo 13 Gerenciamento de arquivos e de diretórios Introdução ao MATLAB p.32/40 Armazenamento de variáveis O comando save filename lista de variáveis salva as variáveis do espaço de trabalho do MATLAB

Leia mais

07/03/07 1ª aula de Matlab 10:30 12:00

07/03/07 1ª aula de Matlab 10:30 12:00 07/03/07 1ª aula de Matlab 10:30 12:00 Apresentação do Matlab (interfaces, help) Exercícios: matrizes/vetores, operações aritméticas, comandos básicos, células. Funções: zeros, ones, length, clear, help,

Leia mais

Noções de Informática

Noções de Informática Noções de Informática 2º Caderno Conteúdo Microsoft Excel 2010 - estrutura básica das planilhas; manipulação de células, linhas e colunas; elaboração de tabelas e gráficos; inserção de objetos; campos

Leia mais

Tutorial GNU Octave/Matlab

Tutorial GNU Octave/Matlab Tutorial GNU Octave/Matlab! "#%$ & ' Cássia Barbosa Teixeira Turma A RA 042565 Campinas, Novembro, 2005. Sumário 1 Introdução......................................2 1.1 Breve Histórico.................................2

Leia mais

Reginaldo J. Santos. Universidade Federal de Minas Gerais http://www.mat.ufmg.br/~regi. Agosto de 2005. 27 de maio de 2009

Reginaldo J. Santos. Universidade Federal de Minas Gerais http://www.mat.ufmg.br/~regi. Agosto de 2005. 27 de maio de 2009 INTRODUÇÃO AO MATLAB R Reginaldo J. Santos Departamento de Matemática-ICEx Universidade Federal de Minas Gerais http://www.mat.ufmg.br/~regi Agosto de 2005 última atualização em 27 de maio de 2009 Introdução

Leia mais

Computação Científica com MATLAB. Melissa Weber Mendonça melissa.mendonca@ufsc.br

Computação Científica com MATLAB. Melissa Weber Mendonça melissa.mendonca@ufsc.br Computação Científica com MATLAB Melissa Weber Mendonça melissa.mendonca@ufsc.br Exemplo leituraarquivos.m trimmmean O comando >> m = trimmean(x,pc) calcula a média excluindo os k maiores e menores valores

Leia mais

Computação Gráfica 04

Computação Gráfica 04 Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Engenharia de Computação Computação Gráfica 04 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti www.twitter.com/jorgecav

Leia mais

7. Usar o último resultado: --> ans -->a*2+a*3 -->ans*2. 8. Ver as variáveis existentes: --> who -->who

7. Usar o último resultado: --> ans -->a*2+a*3 -->ans*2. 8. Ver as variáveis existentes: --> who -->who INTRODUÇÃO AO SCILAB 1. INFORMAÇÕES GERAIS Prof. Alexandre Ortiz Calvão. 02/10/05-18/10/05 ÍNDICE DOS ASSUNTOS 1. Informações iniciais. 2. Comandos iniciais. 2.1- Scilab como uma calculadora. 2.2- Algumas

Leia mais

Os primeiros passos com a TI-Nspire

Os primeiros passos com a TI-Nspire Os primeiros passos com a TI-Nspire 1. Cria um novo documento: pressiona a tecla HOME, c, e selecciona 6:New Doc pressionando 6 ou quando o ícone estiver seleccionado. Se tiveres outro documento aberto,

Leia mais

Curso de MATLAB Análise de Sinais e Sistemas. Fabricio Breve fabricio@dc.ufscar.br

Curso de MATLAB Análise de Sinais e Sistemas. Fabricio Breve fabricio@dc.ufscar.br Curso de MATLAB Análise de Sinais e Sistemas Fabricio Breve fabricio@dc.ufscar.br Visão Geral MATrix LABoratory Ambiente interativo para computação envolvendo matrizes Desenvolvido no início da década

Leia mais