O Fundo Global Metodista para a Formação de Lideranças

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Fundo Global Metodista para a Formação de Lideranças"

Transcrição

1 O Fundo Global Metodista para a Formação de Lideranças Palestra no Forum de Educação Metodista COGEIME Amós Nascimento São Bernardo do Campo, SP, Brasil de setembro, 2015

2 Conteúdo 1. O que é o MGEFLD? 2. Como funciona o MGEFLD? 3. Como promover o MGEFLD no Brasil? 4. Como manter parcerias com o MGEFLD? 5. Como saber mais sobre o trabalho do MGEFLD?

3 1. O que é o MGEFLD?

4 Uma Iniciativa Global Novo Modelo de Conexionalismo O Fundo Global Metodista para a Formação de Lideranças [Methodist Global Education Fund for Leadership Development] (MGEFLD) é uma iniciativa única da Junta Geral de Educação e Ministério [General Board of Higher Education and Ministry] (GBHEM). O MGEFLD é um meio pelo qual igrejas, instituições educacionais e de estudos teológicos ao redor do mundo podem dar apoio a uma nova geração de líderes cristãos. Este é um ministério educacional de longo prazo, que conecta igrejas e instituições ao ao redor do mundo. 4

5 Promovendo Parcerias Cooperação Inter-Regional Descentralizada Velhos modelos centralizados levaram ao colonialismo, imperialismo e paternalismo. O MGEFLD privilegia algo novo, baseado na promoção de uma verdadeira parceria. Parceiros(as) dão suas contribuições e, portanto, estão compromissados com projetos que são seus. Juntos, parceiros e parceiras contribuem para o Metodismo Global. Projetos não são impostos de cima para baixo, mas construidos de baixo para cima e baseados na co-participação e na transparência. 5

6 Afirmando um Claro Princípio Parceria Significa Co-Participação Programas são implementados com visão compartilhada, responsabilidades compartilhadas e custos compartilhados. Este princípio reflecte o caráter interconectado e intercultural da Educação Metodista. Todos(as) os(as) envolvidos(as) contribuem com algo. As iniciativas devem ser auto-sustentáveis, tornar-se independentes, e ser viáveis a longo prazo. 6

7 Contextualizando Saberes Cinco Regiões em Comunicação e Interação 7

8 2. Como funciona o MGEFLD?

9 Reconhecendo Diferenças Valorizando a Contribuição Singular de cada Região A geografia, cultura e linguagem de cinco regiões África, Ásia, Europa, América Latina e América do Norte. Cada região se articula para envolver pessoas, arrecadar fundos, criar estruturas, e apoiar projetos e programas ao nível local. Cada região está inter-conectada com as demais, compartilhando experiências e oferecendo assistência para desenvolver diferentes componentes de cada programa. Ao invés de gerar isolamento, este modelo motiva a cooperação inter-regional. 9

10 Trabalhando em Rede Cinco Escritórios Operacionais Hub do MGEFLD na América do Norte (2008) Hub do MGEFLD na América Latina (2009) Hub do MGEFLD América na Ásia (2011) Hub do MGEFLD na África (2013) Hub do MGEFLD na Europa (2013) 10

11 Oferecendo Novos Serviços Programas Globais Assistência Técnica: Instituições metodistas pedem ajuda para tartar de necessidades educacionais locais. Acadêmicos Metodistas: Com base na rede global de igrejas, hospitais, escolas, faculdades, seminários teológicos e universidades, o MGEFLD promove intercâmbios e atividades voluntárias envolvendo importantes líderes internacionais. Bolsas Globais: Bolsas são oferecidas a indivíduos com potencial para se tornarem grandes líderes. 11

12 Desenvolvendo Líderes Pessoas podem ter um Impacto Local e Global Modelo Interdisciplinar: Grupos de especialistas internacionais representam a diversidade do Metodismo Global e servem de mentores para o desenvolvimento de lideranças. Intercâmbio Acadêmico: Existem oportunidades para estágios, voluntariado, missões e o intercâmbio de estudantes, professores, e funcionários interessados em educação global. Indivíduos podem fazer diferença: Com o apoio desses programas, as pessoas são motivadas a contribuir com as suas communidades ao nível local, regional, and global. 12

13 Captando Recursos Buscando e encontrando recursos locais Estudos de Branding : Valor global da marca Metodista. Marketing: Publicando informação sobre educação de qualidade por meio de folders, websites, mídia social e outras ferramentas. Trabalhando em Consórcios: Reunindo instituições para submeter projetos conjuntos ao governo e fundações. Dando Valor à Contribuição Local: Envolvendo escolas, faculdades, seminários teológicos e universidades. 13

14 3. Como promover o MGEFLD no Brasil?

15 Revendo a Educação Global Raízes no século XVIII A visão global de John Wesley: O mundo é minha paróquia Plano educação para Kingswood School, fundada em 1748 Unir o conhecimento à piedade vital Educação Global é parte Education do ADN Metodista. A América Latina é parte dessa rede global. 15

16 Atuando em Rede Global Educação Metodista Global Hoje Mais de 800 instituições educacionais no mundo - Escolas - Faculdades - Universidades - SemináriosTeológicos Em cerca de 80 países - De A a Z (Angola a Zimbabwe) incluindo India, Japão, Taiwan Espalhados por 5 regiões geográficas - Africa - Asia e Pacífico - Europa - América Latina - América do Norte 16

17 Afirmando a Pluralidade Educação Metodista com História Global Thomas Coke viaja à Índia em 1813 Daniel Kidder como missionário no Brasil em 1837 Missionários enviados à China em 1847 Primeira escola na América Latina, México, em 1875 Appenzeller inicia a Escola Pai Chai na Coréia in

18 Criando Estruturas Globais Novas Estruturas e Organizações 1868: General Board of Education, Methodist Episcopal Church 1991: International Association of Methodist-related Schools, Colleges, and Universities (IAMSCU) 1991: Education Committee - World Methodist Council (WMC) 1997: Associación Latinoamericana de Instituciones Metodistas de Educación (ALAIME) 18

19 4. Como manter parcerias com o MGEFLD?

20 Expandindo Horizontes Crescimento de estudos internacionais Matrícula de estudantes internacionais - Estados Unidos Ano Estudantes Matrícula Porcentagem Internacionais Total 1948: 25,464 2,403, % 1961: 58,086 4,146, % 1980: 311,882 12,097, % 2000: 547,867 15,312, % 2011: 723,377 20,550, % 2014: 886,052 estudantes internacionais - EUA Fonte: IEE/CES,

21 Explorando Oportunidades Oferecendo programas para uma nova generação Estudantes dos EUA matriculados internacionalmente: (Número total : 260,327 em 2010 e 289,408 em 2014) Região Estudantes no Exterior Porcentagem Europa 144, % América Latina 40, % Asia 32, % Africa 13, % Fonte: IEE/CES, 2011,

22 Tendências na Ásia Instituições que podem ser global players Estudantes internacionais nos EUA: 723,277 * Lugares de origem (53.5% estudantes internacionais nos EUA) Ranking 2009/ /11 % of Total % Mudança 1 China 127, , India 104, , Coréia do Sul 72,153 73, Canadá 28,145 27, Taiwan 26,685 24, Arábia Saudita 15,810 22,

23 Vivendo na Rede Global Cooperação Nacional, Regional e Internacional INTERNATIONAL (2 organizations) WMC Education Committee IAMSCU Oxford Institute REGIONAL (5 regions) Africa AAUMTI Asia APAMEI Europe MTSE Latin America ALAIME North America NASCUMC/AAUMTS NATIONAL (80 countries) (8 associations) Australia Brazil Ghana Japan South Korea United Kingdom United States Zimbabwe (4 institutions) COGEIME (56 institutions) MEU (8 institutions) (18 institutions) (49 institutions) (18 institutions) NASCUMC (120 institutions) (11 institutions) 23

24 5. Como saber mais sobre o trabalho do MGEFLD?

25 Coordenação Contatos (MGEFLD) Amós Nascimento Kimberly Lord Mary Hix 25

26 Escritório MGEFLD-AL MGEFLD na América Latina Rev. Luís de Souza Cardoso 26

Projetos e ações da IASLl International Association of School Librarianship Associação Internacional de Bibliotecas Escolares

Projetos e ações da IASLl International Association of School Librarianship Associação Internacional de Bibliotecas Escolares Projetos e ações da IASLl International Association of School Librarianship Associação Internacional de Bibliotecas Escolares Katharina B.L. Berg BIbliotecária Diretora Regional da IASL para América Latina

Leia mais

Os objetivos principais do programa

Os objetivos principais do programa O que é o GELP? O GELP é uma parceria de líderes e consultores de organizações de ordem mundial. Todos colaborando em uma comunidade global, com equipes de líderes educacionais importantes, que estão seriamente

Leia mais

Gráfico 2 Distribuição dos países que apresentaram trabalhos sobre Educação de Professores no Congresso Mundial de Istambul 2010

Gráfico 2 Distribuição dos países que apresentaram trabalhos sobre Educação de Professores no Congresso Mundial de Istambul 2010 Perspectivas críticas na formação e desenvolvimento de professores: trabalhos apresentados no Congresso Mundial das Sociedades de Educação Comparada WCCES Istambul 2010 Marta Luz Sisson de Castro msisson@pucrs.br

Leia mais

Programas 2008. Investir nas pessoas é a semente para o futuro da sua empresa. Na teoria e na vida, FDC

Programas 2008. Investir nas pessoas é a semente para o futuro da sua empresa. Na teoria e na vida, FDC Programas 2008. Investir nas pessoas é a semente para o futuro da sua empresa. Na teoria e na vida, FDC Conte com a FDC ao planejar os seus investimentos em desenvolvimento para 2008 e colha o futuro

Leia mais

IAESTE Para você que está antenado com o que o. jovem profissional. Paula Semer Prado Gerente Executiva

IAESTE Para você que está antenado com o que o. jovem profissional. Paula Semer Prado Gerente Executiva IAESTE Para você que está antenado com o que o mercado espera de um jovem profissional Paula Semer Prado Gerente Executiva Sobre a ABIPE Associação Brasileira de Intercâmbio Profissional e Estudantil:

Leia mais

Realização: REPRESENTAÇÃO FOZ DO IGUAÇU FACULDADE INTERNACIONAL PRÉ-INSCRIÇÕES: WWW.IDESF.ORG.BR

Realização: REPRESENTAÇÃO FOZ DO IGUAÇU FACULDADE INTERNACIONAL PRÉ-INSCRIÇÕES: WWW.IDESF.ORG.BR Realização: REPRESENTAÇÃO FOZ DO IGUAÇU FACULDADE INTERNACIONAL PRÉ-INSCRIÇÕES: WWW.IDESF.ORG.BR SEJA VOCÊ TAMBÉM UM ADESGUIANO ESPECIALISTA EM FRONTEIRAS REPRESENTAÇÃO FOZ DO IGUAÇU FACULDADE INTERNACIONAL

Leia mais

Correntes de Participação e Critérios da Aliança Global Wycliffe [Versão de 9 de maio de 2015]

Correntes de Participação e Critérios da Aliança Global Wycliffe [Versão de 9 de maio de 2015] Correntes de Participação e Critérios da Aliança Global Wycliffe [Versão de 9 de maio de 2015] Introdução As Organizações da Aliança Global Wycliffe desejam expressar a unidade e a diversidade do Corpo

Leia mais

Conhecimento da torcida é importante que os organizadores conheçam as expectativas dos espectadores estrangeiros e compartilhem inteligência.

Conhecimento da torcida é importante que os organizadores conheçam as expectativas dos espectadores estrangeiros e compartilhem inteligência. COMUNICADO À IMPRENSA ICSS007/11 29 de novembro de 2011 O Centro Internacional de Segurança Esportiva (International Centre for Sport Security - ICSS) revela descobertas-chave da Cúpula de Especialistas

Leia mais

IAESTE: contribuindo com a internacionalização das Instituições de Ensino, dos alunos e dos professores. Paula Semer Prado Gerente Executiva

IAESTE: contribuindo com a internacionalização das Instituições de Ensino, dos alunos e dos professores. Paula Semer Prado Gerente Executiva IAESTE: contribuindo com a internacionalização das Instituições de Ensino, dos alunos e dos professores Paula Semer Prado Gerente Executiva Sobre a ABIPE Quem é ABIPE? Associação Brasileira de Intercâmbio

Leia mais

Modelos Alternativos de Ensino Secundário e Integração com o Ensino Técnico-Profissional: Estruturas de Validação e de Certificação de Competências

Modelos Alternativos de Ensino Secundário e Integração com o Ensino Técnico-Profissional: Estruturas de Validação e de Certificação de Competências Modelos Alternativos de Ensino Secundário e Integração com o Ensino Técnico-Profissional: Estruturas de Validação e de Certificação de Competências Documento preparado para o Seminário Internacional (IBID-OCDE-MEC)

Leia mais

REFLEXÕES PEDAGÓGICAS

REFLEXÕES PEDAGÓGICAS REFLEXÕES PEDAGÓGICAS A forma como trabalhamos, colaboramos e nos comunicamos está evoluindo à medida que as fronteiras entre os povos se tornam mais diluídas e a globalização aumenta. Essa tendência está

Leia mais

Aloizio Mercadante. Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia. UM PROGRAMA ESPECIAL DE MOBILIDADE INTERNACIONAL EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA e INOVAÇÃO

Aloizio Mercadante. Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia. UM PROGRAMA ESPECIAL DE MOBILIDADE INTERNACIONAL EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA e INOVAÇÃO UM PROGRAMA ESPECIAL DE MOBILIDADE INTERNACIONAL EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA e INOVAÇÃO Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Conselho Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Leia mais

Projeto Setorial de Exportação. ABF Associação Brasileira de Franchising

Projeto Setorial de Exportação. ABF Associação Brasileira de Franchising Projeto Setorial de Exportação ABF Associação Brasileira de Franchising Abril / 2013 INTRODUÇAO A ABF A Associação Brasileira de Franchising é uma entidade sem fins lucrativos, criada em 1987. Hoje a ABF

Leia mais

Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas

Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas Introdução A Seção de Leitura da IFLA tem o prazer de apresentar algumas sugestões práticas para as bibliotecas

Leia mais

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br 03 a 05 Agosto 2015 São Paulo Brasil connectedsmartcities.com.br Por que Connected Smart Cities? As grandes e modernas cidades são, talvez, as mais importantes realizações do homem, por serem responsáveis,

Leia mais

PROJETO WEBINARAOVIVO. CLIENTE Sr. Cliente

PROJETO WEBINARAOVIVO. CLIENTE Sr. Cliente PROJETO WEBINARAOVIVO CLIENTE Sr. Cliente BELO HORIZONTE, 28 de Abril de 2016 A - APRESENTAÇAO WEBINARAOVIVO A WEBINARAOVIVO é uma empresa de Tecnologia especializada em educação continuada e comunicação

Leia mais

apresentação Imagens em Movimento oficinas teóricas e práticas de iniciação ao cinema para estudantes de escolas da rede pública

apresentação Imagens em Movimento oficinas teóricas e práticas de iniciação ao cinema para estudantes de escolas da rede pública apresentação Imagens em Movimento teve início em Fevereiro de 2011, e promove gratuitamente, desde então, oficinas teóricas e práticas de iniciação ao cinema para estudantes de escolas da rede pública,

Leia mais

ANEFAC RJ - Diretoria de Avaliação. CBAN - Comitê Brasileiro de Avaliação de Negócios

ANEFAC RJ - Diretoria de Avaliação. CBAN - Comitê Brasileiro de Avaliação de Negócios ANEFAC RJ - Diretoria de Avaliação CBAN - Comitê Brasileiro de Avaliação de Negócios Ana Cristina França de Souza 24/11/2011 2 ANEFAC - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS EXECUTIVOS DE FINANÇAS, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

Leia mais

insearch.edu.au/brasil PREPARE-SE PARA SER BEM SUCEDIDO Globalize a sua educação. Aumente suas perspectivas de emprego.

insearch.edu.au/brasil PREPARE-SE PARA SER BEM SUCEDIDO Globalize a sua educação. Aumente suas perspectivas de emprego. insearch.edu.au/brasil PREPARE-SE PARA SER BEM SUCEDIDO Globalize a sua educação. Aumente suas perspectivas de emprego. Fatos rápidos sobre Sydney Estude no exterior em Sydney, Austrália Viva e aprenda

Leia mais

DECLARAÇÃO DE MADRI. A não-discriminação e a ação afirmativa resultam em inclusão social

DECLARAÇÃO DE MADRI. A não-discriminação e a ação afirmativa resultam em inclusão social DECLARAÇÃO DE MADRI A não-discriminação e a ação afirmativa resultam em inclusão social Aprovada em Madri, Espanha, em 23 de março de 2002, no Congresso Europeu de Pessoas com Deficiência, comemorando

Leia mais

SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros

SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros Fabiana Montanari Lapido Projeto SciELO FAPESP, CNPq, BIREME, FapUNIFESP Informação Conhecimento científico pesquisa científica

Leia mais

Tecnologia Conectividade

Tecnologia Conectividade Funcionalidade de Alimentos como Ferramenta de Marketing Mª Engª Alexia Hoppe I Mostra de Ciência e Tecnologia TecnoDohms Porto Alegre, Maio 2012 Tecnologia Conectividade Geração Y: valores e atitudes

Leia mais

Palavras chave: Ensino de Geografia, aprendizagem significativa, PIBID.

Palavras chave: Ensino de Geografia, aprendizagem significativa, PIBID. (RE) PENSANDO O ENSINO DE GEOGRAFIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA A IMPORTÂNCIA DO PIBID/PUC- RJ NA FORMAÇÃO E PRÁTICA DOCENTE Luana Ferreira Correia Professosa Geografia SME/Supervisora do PIBID Geografia/PUC-RJ

Leia mais

1 Introdução. 1.1 O Problema

1 Introdução. 1.1 O Problema 1 Introdução 1.1 O Problema Diante do cenário da globalização e da constante necessidade de expansão das empresas, muitas organizações em todo o mundo, já no início do século XX, intensificaram seus esforços

Leia mais

Plano Geral de Formação

Plano Geral de Formação Plano Geral de Formação 2 0 1 6 A Católica Business Schools Alliance é constituída por: Índice Mensagem de boas vindas Católica Business Schools Alliance 10 razões para nos escolher MBA Atlântico Oficina

Leia mais

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS AIESEC em Belo Horizonte Rua dos Goitacazes, 1159 - Sala 2107 Barro Preto - Belo Horizonte - MG Fone: (31) 2512-1019 belohorizonte@aiesec.org.br facebook.com.br/aiesecbh

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE Política de Internacionalização do Ensino e Pesquisa

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE Política de Internacionalização do Ensino e Pesquisa UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE Política de Internacionalização do Ensino e Pesquisa Aprovada na Sessão Ordinária da Congregação de 14/05/2009 SUMÁRIO 1 Contextualização...

Leia mais

PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013

PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013 PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013 INSTITUIÇÃO PROPONENTE: Ministério da Educação CNPJ: 00.394.445/0124-52 SETOR RESPONSÁVEL PELO PROJETO: Secretaria de Educação Básica(SEB) ENDEREÇO: Esplanada dos Ministérios,

Leia mais

32º Seminário de Logística

32º Seminário de Logística 32º Seminário de Logística Antônio Bacelar Teixeira Painel 3: Impacto da Logística na competitividade da Siderurgia 1 A provocação e o desafio... Seminário ABM 2012 (BH) (Leal / Rogério / Carlos Fernandes)

Leia mais

ITI Liderança em implantologia.

ITI Liderança em implantologia. ITI Liderança em implantologia. Uma organização dedicada ao avanço do conhecimento e á partilha de experiência. Professor Dr. Daniel Buser Presidente ITI Dr. Stephen Chen Presidente Comité de Educação

Leia mais

Extensões: a Olimpíada de Robótica do Campo das Vertentes.

Extensões: a Olimpíada de Robótica do Campo das Vertentes. Apresentação: O Departamento de Engenharia, iniciou seus trabalhos na área de robótica no ano de 2009 por meio da criação da sua primeira equipe de competição, a UaiSoccer, equipe que disputa a categoria

Leia mais

4º Seminário ANBIMA de Finanças Corporativas Alternativas de financiamento via equity 24/05/2012

4º Seminário ANBIMA de Finanças Corporativas Alternativas de financiamento via equity 24/05/2012 4º Seminário ANBIMA de Finanças Corporativas Alternativas de financiamento via equity 24/05/202 Nos últimos anos, o Brasil continua a ganhar atenção de investidores globais com uma economia em crescimento...

Leia mais

Tratados e Acordos Internacionais na Área Cultural

Tratados e Acordos Internacionais na Área Cultural Perfil do Administrador Cultural Conhecimentos Básicos no Campo da Administração Cultural Planejamento Estratégico È a base e o início do trabalho do Administrador Cultural. O conhecimento dos objetivos,

Leia mais

Rádio escolar, vídeo popular e cineclube popular: um panorama sobre a atuação do Grupo de Estudos e Extensão em Comunicação e Educação Popular

Rádio escolar, vídeo popular e cineclube popular: um panorama sobre a atuação do Grupo de Estudos e Extensão em Comunicação e Educação Popular Rádio escolar, vídeo popular e cineclube popular: um panorama sobre a atuação do Grupo de Estudos e Extensão em Comunicação e Educação Popular Djalma Ribeiro Junior Universidade Federal de São Carlos O

Leia mais

KIT SHARE de 2011-12. Instruções

KIT SHARE de 2011-12. Instruções KIT SHARE de 2011-12 Instruções COMO usar o kit SHARE Este kit é um ferramenta que ajuda os distritos a planejarem seus gastos de FDUC. O kit contém o SHARE System Allocation Report*, que mostra o FDUC

Leia mais

Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc.

Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc. Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc. Sabrina Sciama Relações Corporativas Brasil Quem somos Visa é uma empresa global de

Leia mais

DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação)

DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação) DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação) OBJETIVOS E METAS 1. Garantir a inclusão digital, instalando computadores nas escolas públicas de ensino fundamental

Leia mais

Seja um Profissional em Energia Solar

Seja um Profissional em Energia Solar Seja um Profissional em Energia Solar Nós, da Blue Sol, acreditamos no empoderamento de todos os consumidores de energia elétrica no Brasil através da possibilidade de geração própria da energia consumida.

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL)

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) TÍTULO 1 Da Instituição e seus Fins Art. 1 0 O Centro de Estudos em Educação e Linguagem (CEEL), criado em 2004, para integrar uma

Leia mais

Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODM: Responsabilidade Social, Cidadania e Solidariedade

Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODM: Responsabilidade Social, Cidadania e Solidariedade Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODM: Responsabilidade Social, Cidadania e Solidariedade NÓS, VOCÊ, VOCÊS, EU,...SOMOS SERES VIVOS Colaboração COLABORAÇÃO Domínio das condutas relacionais,

Leia mais

O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS COMO FERRAMENTA DIDÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS COMO FERRAMENTA DIDÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS COMO FERRAMENTA DIDÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM Luiz Carlos Chiofi Universidade Estadual de Londrina - PDE luizquinzi@seed.pr.gov.br Marta Regina Furlan

Leia mais

Logística Empresarial. Global Sourcing A Globalização e a Nova Visão da Logística Parte II. Aula 6. Conceitos Importantes.

Logística Empresarial. Global Sourcing A Globalização e a Nova Visão da Logística Parte II. Aula 6. Conceitos Importantes. Logística Empresarial Aula 6 Global Sourcing A Globalização e a Nova Visão da Logística Parte II Prof. Me. John Jackson Buettgen Contextualização Conceitos Importantes Fluxos logísticos É o movimento ou

Leia mais

de um portfólio amplo de produtos, proporcionando ao cliente maior número e variedade de opções do que aquelas disponíveis nas lojas físicas.

de um portfólio amplo de produtos, proporcionando ao cliente maior número e variedade de opções do que aquelas disponíveis nas lojas físicas. 1 Introdução Segundo a World Federation of Direct Selling Associations (WFDSA), a venda direta é um canal de distribuição dinâmico, vibrante e em rápida expansão para o marketing de produtos e serviços

Leia mais

Academia da Família e das Comunidades de Worcester

Academia da Família e das Comunidades de Worcester Estrutura do Programa Portuguese Quem somos A Academia da Família e da Comunidade de Worcester é uma parceria entre várias organizações da comunidade e as Escolas Públicas de Worcester. Missão/Objetivo

Leia mais

Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios

Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios Autor: Dominique Turpin Presidente do IMD - International Institute for Management Development www.imd.org Lausanne, Suíça Tradução:

Leia mais

A GLOBALIZAÇÃO UM MUNDO EM MUDANÇA

A GLOBALIZAÇÃO UM MUNDO EM MUDANÇA A GLOBALIZAÇÃO UM MUNDO EM MUDANÇA Que dimensões sociológicas existem numa passeio ao supermercado? A variedade de produtos importados que costumamos ver nos supermercados depende de laços econômicos

Leia mais

ENFRENTANDO OS DESAFIOS DA POBREZA E APERFEIÇOANDO AS AÇÕES SOCIAIS NAS AMÉRICAS

ENFRENTANDO OS DESAFIOS DA POBREZA E APERFEIÇOANDO AS AÇÕES SOCIAIS NAS AMÉRICAS ENFRENTANDO OS DESAFIOS DA POBREZA E APERFEIÇOANDO AS AÇÕES SOCIAIS NAS AMÉRICAS Explorando Novas Opções para o Incremento da Doação de Fundos e Re-canalização da Dívida Apresentado pela Agência Inter-Americana

Leia mais

9. EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA

9. EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA 9. EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA 9.1 ORGANIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO INDÍGENA 9.1.1 Objetivos gerais A Constituição Federal assegura às comunidades indígenas o direito de uma educação escolar diferenciada e a utilização

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Av. Princesa Diana, 760 34000-000 Nova Lima MG Campus Aloysio Faria Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus BH Rua Bernardo Guimarães, 3.071 Santo Agostinho

Leia mais

Escola que faz pela paz

Escola que faz pela paz Escola que faz pela paz Mostra Local de: Curitiba Categoria do projeto: I Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa: Instituto de Educação para Não Violência Cidade:

Leia mais

I Ao longo do último século o Brasil passou de um país mentalmente aberto para um país mentalmente fechado.

I Ao longo do último século o Brasil passou de um país mentalmente aberto para um país mentalmente fechado. I Ao longo do último século o Brasil passou de um país mentalmente aberto para um país mentalmente fechado. Em 1900, o País chegou a ter 7,3% da população composta por imigrantes; hoje, tem apenas 0,3%.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS OFERECIDAS NO CURSO DE PEDAGOGIA Catálogo 2012

EMENTAS DAS DISCIPLINAS OFERECIDAS NO CURSO DE PEDAGOGIA Catálogo 2012 EP107 Introdução à Pedagogia Organização do Trabalho Pedagógico Ementa: O objetivo das ciências da educação. O problema da unidade, especificidade e autonomia das ciências da educação. A educação como

Leia mais

CREBi Media Kit. Site CREBI Conforme relatórios de visitas emtidos em dezembro de 2008, temos os seguintes dados médios:

CREBi Media Kit. Site CREBI Conforme relatórios de visitas emtidos em dezembro de 2008, temos os seguintes dados médios: CREBi Media Kit Atualmente, somos a mais representativa mídia eletrônica do setor de jóias e afins e também já superamos em muito as maiores médias de outras categorias de mídia. O CREBi oferece três canais

Leia mais

EDUCAÇÃO. Base do Desenvolvimento Sustentável

EDUCAÇÃO. Base do Desenvolvimento Sustentável EDUCAÇÃO Base do Desenvolvimento Sustentável 1 Por que investir em educação? 2 Por que investir em educação? 1. Acesso à cidadania. 2. Aumento da renda pessoal (prêmio salarial): 10% por um ano a mais

Leia mais

AUDIO PORTO CREATIVE TERRITORIES

AUDIO PORTO CREATIVE TERRITORIES SOBRE NÓS AUDIO PORTO É UM PORTO DE 3.500 M2 EM PERMANENTE EXPANSÃO, COM O PROPÓSITO DE CONECTAR EMPRESAS, EMPREENDEDORES, ARTISTAS, PROJETOS GOVERNAMENTAIS E O PÚBLICO LOCAL E GLOBAL DA ECONOMIA CRIATIVA.

Leia mais

Prof. Ericksson Rocha e Almendra UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO almendra@.superest.ufrj.br

Prof. Ericksson Rocha e Almendra UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO almendra@.superest.ufrj.br ESCOLA POLITÉCNICA COBENGE 2014 (Forum Estudantil) Mobilidade Estudantil Internacional e Nacional Mobilidade Internacional na Escola Politécnica da UFRJ Diretoria Adjunta de Relações Internacionais Cenário

Leia mais

Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias. Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses

Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias. Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses Pense no Canadá Pense nas universidades canadenses Quando o assunto for pesquisa, inovação, educação e parcerias Association of Universities and Colleges of Canada Pense no Canadá / Pense nas universidades

Leia mais

1. Preâmbulo. 2. Os parceiros. A Coordenação Nacional de DST e Aids

1. Preâmbulo. 2. Os parceiros. A Coordenação Nacional de DST e Aids Carta de Entendimento entre a Coordenação Nacional de DST e Aids do Ministério da Saúde do Brasil e a Iniciativa Internacional da Vacina da AIDS (IAVI) 1. Preâmbulo A Coordenação Nacional de Aids (CNA)

Leia mais

EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS

EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS Lions Clubs International EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS GUIA DE RECURSOS Bem-Vindo à Equipe de Liderança Global (GMT) de Lions Clubs International. O seu cargo na GMT é de vital importância para

Leia mais

Milionésimo transplante de células-tronco hematopoiéticas constitui marco na medicina

Milionésimo transplante de células-tronco hematopoiéticas constitui marco na medicina For Immediate Release Jan. 30, 2013 Milionésimo transplante de células-tronco hematopoiéticas constitui marco na medicina Cooperação internacional entre médicos e cientistas foi responsável pelo feito

Leia mais

Status da Energia Nuclear no mundo Presente e Futuro. Ruth Alves - 29/11/2013 ABEN Associação Brasileira de Energia Nuclear

Status da Energia Nuclear no mundo Presente e Futuro. Ruth Alves - 29/11/2013 ABEN Associação Brasileira de Energia Nuclear Status da Energia Nuclear no mundo Presente e Futuro Ruth Alves - 29/11/2013 ABEN Associação Brasileira de Energia Nuclear Usinas em Operação Geração de energia elétrica Usinas em Construção Idade dos

Leia mais

POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DO

POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DO POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DO DAET- Departamento de Atenção Especializada e Temática POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DO HOMEM Diretriz Promover ações de saúde que contribuam

Leia mais

World Cocoa Foundation

World Cocoa Foundation UTZ CERTIFIED Desde 2002, a CERTIFICAÇÃO UTZ ("UTZ", que significa "bom" em uma língua maia) tornou-se um dos principais programas de certificação para o cultivo responsável de café, com a preocupação

Leia mais

ENADE 2015 CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS

ENADE 2015 CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS ENADE 2015 CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS 24/08/2015 O QUE É O ENADE? Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) é um componente da avaliação do Sistema Nacional de Avaliação da

Leia mais

Isto posto, colocamos então as seguintes reivindicações:

Isto posto, colocamos então as seguintes reivindicações: A sociedade civil, devidamente representada pelas suas organizações sociais não governamentais e seus representantes atuantes na luta pela preservação dos recursos naturais em especial a água, os rios

Leia mais

Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA

Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA A Bacia Amazônica representa hoje uma das mais importantes áreas do planeta considerando questões ligadas à biodiversidade, sustentabilidade e mudanças climáticas. Geograficamente,

Leia mais

PROFESSOR PEDAGOGO. ( ) Pedagogia Histórico-Crítica. ( ) Pedagogia Tecnicista. ( ) Pedagogia Tradicional. ( ) Pedagogia Nova.

PROFESSOR PEDAGOGO. ( ) Pedagogia Histórico-Crítica. ( ) Pedagogia Tecnicista. ( ) Pedagogia Tradicional. ( ) Pedagogia Nova. PROFESSOR PEDAGOGO 41 - Identifique como V (verdadeira) ou F (falsa) as afirmativas abaixo, que tratam da atuação do professor pedagogo. ( ) Os professores pedagogos devem orientar, acompanhar e avaliar

Leia mais

Carta de Princípios dos Adolescentes e Jovens da Amazônia Legal

Carta de Princípios dos Adolescentes e Jovens da Amazônia Legal Carta de Princípios dos Adolescentes e Jovens da Amazônia Legal A infância, adolescência e juventude são fases fundamentais no desenvolvimento humano e na formação futura dos cidadãos. No plano social,

Leia mais

MAIOR QUE A SOMA DAS PARTES

MAIOR QUE A SOMA DAS PARTES MAIOR QUE A SOMA DAS PARTES Produtos de Pós-venda, Serviços e Treinamento. Soluções em Combustão e Meio Ambiente. Puro e Simples. QUEIMADORES FLARES INCINERADORES PEÇAS & SERVIÇOS Reposição de Ponteiras

Leia mais

Tecnologias que Educam

Tecnologias que Educam Tecnologias que Educam Ensinar e Aprender Tecnologias de Informação e Comunicação Fábio Câmara Araújo de Carvalho e Gregorio Bittar Ivanoff http://www.pearson./camara_br Versão 5 06/2009 1Tecnologias que

Leia mais

PRONATEC. Fomenta as redes estaduais de EPT por intermédio do Brasil Profissionalizado;

PRONATEC. Fomenta as redes estaduais de EPT por intermédio do Brasil Profissionalizado; PRONATEC Criado em 26 de Outubro de 2011 com a sanção da Lei nº 12.513/2011, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) será executado pela União com a finalidade de ampliar a

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Superintendência de Cultura e Comunicação

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Superintendência de Cultura e Comunicação CHAMADA DE PROJETOS PARA O PLANO DE CULTURA DA UFES PREVISTO NO EDITAL MAIS CULTURA NAS UNIVERSIDADES A da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), em parceria com a Pró-Reitoria de Extensão, convida

Leia mais

Na teoria e na vida, FDC

Na teoria e na vida, FDC C T E C E N T R O D E T E C N O L O G I A E M P R E S A R I A L C T E C o o p e r a ç ã o e n t r e e m p r e s a s d e g r a n d e p o r t e Na teoria e na vida, FDC AF - 05-006 - CTE02 R.indd 2 7/10/07

Leia mais

Relato Ciclo de Palestras com David Shambaugh

Relato Ciclo de Palestras com David Shambaugh Relato Ciclo de Palestras com David Shambaugh China Goes Global: the partial power Assessing China s relation with Latin America China: the challenges of the new leadership RJ, DF e SP, 13 a 15 de maio

Leia mais

Aprimoramento através da integração

Aprimoramento através da integração Aprimoramento através da integração Uma parceria para implementar uma solução de aprendizagem em tempo recorde Visão Geral Com mais de 70 anos de excelência na produção de conhecimento no Brasil, a Fundação

Leia mais

Educação a distância: criando abordagens educacionais que possibilitam a construção de conhecimento

Educação a distância: criando abordagens educacionais que possibilitam a construção de conhecimento Sumário Apresentação Valéria Amorim Arantes... 7 Parte I Educação a distância... 11 José Armando Valente José Manuel Moran Educação a distância: criando abordagens educacionais que possibilitam a construção

Leia mais

NIMF Nº 1 PRINCÍPIOS FITOSSANITÁRIOS PARA A PROTEÇÃO DOS VEGETAIS E A APLICAÇÃO DE MEDIDAS FITOSSANITÁRIAS NO COMÉRCIO INTERNACIONAL (2006)

NIMF Nº 1 PRINCÍPIOS FITOSSANITÁRIOS PARA A PROTEÇÃO DOS VEGETAIS E A APLICAÇÃO DE MEDIDAS FITOSSANITÁRIAS NO COMÉRCIO INTERNACIONAL (2006) NIMF Nº 1 NORMAS INTERNACIONAIS PARA MEDIDAS FITOSSANITÁRIAS NIMF Nº 1 PRINCÍPIOS FITOSSANITÁRIOS PARA A PROTEÇÃO DOS VEGETAIS E A APLICAÇÃO DE MEDIDAS FITOSSANITÁRIAS NO COMÉRCIO INTERNACIONAL (2006)

Leia mais

Planejamento estratégico 2016-2019

Planejamento estratégico 2016-2019 Planejamento estratégico 2016-2019 Fortalecer as instituições e a qualidade dos serviços públicos para fortalecer a democracia e a competitividade. www.agendapublica.org.br 2 GOVERNANÇA PARA UM FUTURO

Leia mais

Entre para esse time. Sua empresa também pode ajudar a Nina a salvar vidas.

Entre para esse time. Sua empresa também pode ajudar a Nina a salvar vidas. by BigHead Como surgiu Entre inúmeras necessidades e cuidados que envolvem a proteção animal, o projeto do Nina Móvel surge para atender uma demanda muito crescente em nossa sociedade, a remoção de emergência

Leia mais

Guia para o Líder AUTOSSUFICIÊNCIA

Guia para o Líder AUTOSSUFICIÊNCIA PREFÁCIO Há grandes necessidades entre nós. Muitos membros não são autossuficientes e não têm a capacidade de satisfazer as necessidades espirituais e materiais da vida para si próprio e a família. 1 Levar

Leia mais

Documento Conclusões Seminário Juventude em Acção Rumo a 2020

Documento Conclusões Seminário Juventude em Acção Rumo a 2020 Documento Conclusões Seminário Juventude em Acção Rumo a 2020 1. Participação, Cultura e Criatividade Existem diferentes formas de participação na democracia e várias formas de utilização do programa Juventude

Leia mais

*D337F565* Mensagem n o 448. Senhores Membros do Congresso Nacional,

*D337F565* Mensagem n o 448. Senhores Membros do Congresso Nacional, Mensagem n o 448 Senhores Membros do Congresso Nacional, Nos termos do disposto no art. 49, inciso I, combinado com o art. 84, inciso VIII, da Constituição, submeto à elevada consideração de Vossas Excelências,

Leia mais

[Aprender Português / Portugiesisch lernen]

[Aprender Português / Portugiesisch lernen] [Aprender Português / Portugiesisch lernen] Sabias que segundo a última edição do livro The Ethnologue: languages of the world, o número de línguas faladas no mundo é de 6912. 1. Analisa o seguinte ranking

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1 FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1 A LDB, no Titulo VI, trata dos Profissionais da Educação, considerando sob essa categoria não só os professores, que são responsáveis pela gestão da sala de aula, mas

Leia mais

OS DESAFIOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO PNE NA REDE MUNICIPAL

OS DESAFIOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO PNE NA REDE MUNICIPAL OS DESAFIOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO PNE NA REDE MUNICIPAL Maurício Fernandes Pereira PRESIDENTE DO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PRESIDENTE DO FÓRUM NACIONAL DOS CONSELHOS ESTADUAIS DE

Leia mais

A segunda cimeira UE-CELAC / 8ª Cimeira UE-ALC será realizada em Bruxelas, nos dias

A segunda cimeira UE-CELAC / 8ª Cimeira UE-ALC será realizada em Bruxelas, nos dias UE-CELAC Cimeira 2015 Bruxelas Folha Informativa Região/Política/ Atividade País UE-Cimeira CELAC América Latina e o Caribe Prioridades As cimeiras UE-CELAC unem os líderes Europeus, Latino Americanos

Leia mais

Análise Preditiva de Vantagem Comercial

Análise Preditiva de Vantagem Comercial PESQUISA TDWI PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2014 RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO DE MELHORES PRÁTICAS TDWI Análise Preditiva de Vantagem Comercial Por Fern Halper tdwi.org RESUMO EXECUTIVO Análise Preditiva de Vantagem

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Presença nacional, reconhecimento mundial. Conheça a Fundação Dom Cabral Uma das melhores escolas de negócios do mundo, pelo ranking de educação executiva

Leia mais

Caro(a)s voluntário(a)s. é

Caro(a)s voluntário(a)s. é Os Caro(a)s voluntário(a)s. é com satisfação que apresentamos cinco na temática do empreendedorismo que vocês poderão implementar junto aos alunos das escolas parceiras: Introdução ao Mundo dos Negócios,

Leia mais

Londrina, 29 a 31 de outubro de 2007 ISBN 978-85-99643-11-2

Londrina, 29 a 31 de outubro de 2007 ISBN 978-85-99643-11-2 INCLUIR NA UFU ACESSIBILIDADE E PERMANÂNCIA COM QUALIDADE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR Valéria Manna Oliveira FAEFI - Universidade Federal Uberlândia Claudia Dechichi CEPAE - Universidade Federal de Uberlândia

Leia mais

SE VOCÊ ESTÁ LENDO ESSA APRESENTAÇÃO, VOCÊ É A PROVA QUE A INTERNET ESTÁ PRESENTE NA SUA VIDA

SE VOCÊ ESTÁ LENDO ESSA APRESENTAÇÃO, VOCÊ É A PROVA QUE A INTERNET ESTÁ PRESENTE NA SUA VIDA VERSÃO 1.0 SE VOCÊ ESTÁ LENDO ESSA APRESENTAÇÃO, VOCÊ É A PROVA QUE A INTERNET ESTÁ PRESENTE NA SUA VIDA Assim como está na de 52% da população brasileira, que soma mais de 105 milhões de pessoas conectadas

Leia mais

A atuação do Assistente Social na Atenção Básica Inês Pellizzaro I-Política de ATENÇÃO BÁSICA EM SAÚDE 1) Como é definida? * Um conjunto de ações em saúde (amplas, complexas que abrangem múltiplas facetas

Leia mais

Realização: FEDERAÇÃO CATARINENSE DE MUNICÍPIOS

Realização: FEDERAÇÃO CATARINENSE DE MUNICÍPIOS FEDERAÇÃO CATARINENSE DE MUNICÍPIOS Núcleos de Defesa Civil (NUDECs): estruturação, atribuições e funcionamento Regina Panceri Gerente Capacitação, Pesquisa e Projetos SDC 3 O que é, o que é????? O que

Leia mais

FORUM NACIONAL DE EDUCAÇÃO

FORUM NACIONAL DE EDUCAÇÃO FORUM NACIONAL DE EDUCAÇÃO Educação Profissional e Tecnológica Sergio Moreira BRASIL ÍNDICE GLOBAL DE COMPETITIVIDADE 2013/2014 Ranking Global de Competitividade BRICS: 2006 a 2013 Brasil ficou em 56º

Leia mais

PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos

PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos RESUMO Elizane Pegoraro Bertineti 1 Tanise Stumf Böhm 2 O presente texto busca apresentar o trabalho realizado pela Patrulha Ambiental Mirim

Leia mais

Perfil do IDEB (índice de desenvolvimento da educação básica) - do município de Araxá-MG

Perfil do IDEB (índice de desenvolvimento da educação básica) - do município de Araxá-MG Perfil do IDEB (índice de desenvolvimento da educação básica) - do município de Araxá-MG SILVA, Marina Queiroz 1 SILVA, Arejacy Antônio Sobral 2 Resumo: O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB)

Leia mais

Condições Particulares do Distribuidor Banco de Investimento Global, S.A. - MARÇO 2014 -

Condições Particulares do Distribuidor Banco de Investimento Global, S.A. - MARÇO 2014 - Condições Particulares do Distribuidor Banco de Investimento Global, S.A. - MARÇO 2014 - Identificação do Distribuidor O Banco de Investimento Global (de ora em diante o Distribuidor ), com sede na Av.

Leia mais

7 formas de ser voluntário no exterior. Estrada Livre. estradalivre.com.br

7 formas de ser voluntário no exterior. Estrada Livre. estradalivre.com.br 7 formas de ser Conheça 7 programas para trabalhar como voluntário em ações sociais em outros países. Saiba como se candidatar e ter uma experiência humanitária Estrada Livre estradalivre.com.br Conteúdo

Leia mais

TRABALHOS RELATIVOS AOS ASSUNTOS DOS ESTUDANTES NO ENSINO SUPERIOR

TRABALHOS RELATIVOS AOS ASSUNTOS DOS ESTUDANTES NO ENSINO SUPERIOR TRABALHOS RELATIVOS AOS ASSUNTOS DOS ESTUDANTES NO ENSINO SUPERIOR Professor Doutor Chiu Wai Sang, Sammy Departamento de Serviço Social da Universidade Baptista de Hong Kong Hoje em dia, os trabalhos de

Leia mais

Estudo do perfil docente nos cursos de odontologia da região Sul

Estudo do perfil docente nos cursos de odontologia da região Sul Estudo do perfil docente nos cursos de odontologia da região Sul lu c a s Pr e u s s l e r d o s sa n T o s 1 da n i e l e si g a l li n h a r e s 1 Ta l ita ca r n i e l 2 ca r lo s al B e r T o Fe l

Leia mais