Manual de Utilização. Monitorização Intercalar (Sistema I-MERITUS)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Utilização. Monitorização Intercalar (Sistema I-MERITUS)"

Transcrição

1

2 1. Introdução O processo de monitorização intercalar que ocorre a meio de cada semestre visa fomentar o diálogo entre alunos e docentes com vista à detecção e prevenção de situações que poderão prejudicar o bom funcionamento das aulas. O delegado de cada turma, após reunião com os colegas, resume e submete os comentários de avaliação por parte da turma a cada unidade curricular que tiveram no semestre corrente. Os comentários submetidos são depois analisados e discutidos na reunião de conselho de ano em cada curso onde participam os delegados e os respectivos docentes. O presente documento tem como propósito explicar e demonstrar a utilização do sistema I- 1 MERITUS no processo de monitorização intercalar. 2. Tabela de Conteúdos Este manual descreve a utilização do módulo de monitorização intercalar para cada perfil de utilizador diferente. Consulte a tabela de conteúdos seguinte para localizar o perfil de utilização adequado ao seu caso: 1. Delegado de Turma 3 2. Docente 7 3. Coordenador de Ano Coordenador de Curso Director de Escola & Membro de Comissão Pedagógica de Escola Director de Departamento Membro do Conselho Pedagógico 23 1 https://i-meritus.iscte-iul.pt/! 2 /! 25

3 3. Delegado de Turma Cabe ao delegado de cada turma, após reunião com os colegas, resumir e submeter os comentários de avaliação por parte da turma a cada unidade curricular que tiveram no semestre corrente. Os comentários submetidos são depois analisados e discutidos na reunião de conselho de ano de cada curso onde participam os delegados e os respectivos docentes Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 2 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será imediatamente redirecionado para a página principal da monitorização intercalar. Nesta página encontrará o menu Monitorização Intercalar onde poderá escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Versão para impressão Esta opção permite ao delegado de turma criar uma versão pronta-a-imprimir do formulário que terá posteriormente de preencher no sistema. Este passo não é obrigatório e serve 2 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning)! 3 /! 25

4 apenas para facilitar o trabalho do delegado de turma na recolha da informação durante a reunião com os colegas. Para gerar a versão para impressão do formulário, terá primeiramente de escolher o curso e o ano curricular correspondentes. Depois só tem de carregar no botão Continuar para que seja gerado o ficheiro PDF correspondente Nova submissão Esta opção deverá ser usada pelo delegado de turma, após a reunião com os colegas, para realizar efetivamente a submissão dos comentários e avaliações de unidades curriculares e docentes da turma. Para iniciar o processo, tem de escolher o curso e o ano curricular correspondentes. Depois de carregar no botão Continuar, será apresentado o formulário correspondente ao curso e ano curricular escolhidos. Tem de indicar igualmente qual a turma (ou turmas) que representa, a data em que a reunião de alunos se realizou e o número de alunos que estiveram presentes na mesma. Note que o formulário a ser preenchido para cada unidade curricular encontra-se escondido e pode ser acedido carregando na seta que se encontra na parte superior direita da caixa correspondente à unidade curricular.! 4 /! 25

5 Para cada uma das questões que são colocadas sobre cada docente deve ser inserida, em cada célula da tabela apresentada, o número de alunos que concorda com a afirmação. A lista de docentes apresentada corresponde à equipa total da unidade curricular. É normal, portanto, que nem todos os docentes lá indicados correspondam aos docentes que lecionam na sua turma. Deverá preencher apenas para os docentes que efetivamente lecionam a sua turma. Pode ir preenchendo os dados das unidades curriculares e docentes e mantendo essa informação actualizada carregando no botão Guardar que se encontra disponível na submissão. Depois de preenchidos os dados todos das unidades curriculares e docentes todos, deve finalizar a submissão acedendo à funcionalidade de Lacragem. Esta está acessível a partir da seção Ver submissões, através do ícone de cadeado ( ). Confirme que a submissão está de facto em condições de ser lacrada (se houver dados em falta, é mostrada uma mensagem de erro e só poderá enviar a submissão após a correção dos erros) e confirma o envio carregando no botão Lacrar. A partir deste momento, a submissão fica finalizada e já não é possível fazer alterações à mesma. A submissão fica também a partir dessa altura disponível para os restantes intervenientes que têm permissões para a consultar (docentes, coordenador de ano e curso e directores de escola e departamento) Ver submissões Esta opção permite ao delegado de turma ver as submissões que já realizou e consultar mais detalhes sobre cada uma. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo.! 5 /! 25

6 3.6. Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso. No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação). Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter.! 6 /! 25

7 4. Docente Cada docente pode consultar as diversas submissões de monitorização intercalar que incidam sobre cursos (e anos curriculares) nos quais leciona alguma das unidades curriculares Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 3 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil da monitorização intercalar Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o da Monitorização Intercalar, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Monit. Intercalar (Docente) que aparece na lista Utilizar perfil de e 4 carregar no botão Mudar de Perfil. 3 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning) 4 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 7 /! 25

8 Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao docente ver as submissões relativas a cursos onde leciona alguma unidade curricular e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso.! 8 /! 25

9 ! Manual de Utilização No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação). Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter.! 9 /! 25

10 5. Coordenador de Ano O Coordenador de Ano pode consultar as diversas submissões de monitorização intercalar que incidam sobre o curso no qual é coordenador do ano curricular. É também dever do Coordenador de Ano gerir todo o processo, coordenando a reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os docentes das unidades curriculares do respectivo ano, e finalmente elaborando e realizando o upload da acta da reunião no sistema Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 5 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil de Coordenador de Ano Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o de Coordenador de Ano, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Coordenador de Ano que aparece na lista Utilizar perfil de e 5 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning)! 10 /! 25

11 6 carregar no botão Mudar de Perfil. Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao Coordenador de Ano ver as submissões relativas a cursos nos quais coordena um ano curricular e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo. O Coordenador de Ano é também responsável por realizar o registo da acta da reunião de Conselho de Ano. Para o fazer, deve carregar no ícone que se encontra na lista de opções de cada submissão. Esta opção remete-o para a página onde pode escolher preencher o formulário da ata manualmente ou então realizar o upload de um ficheiro PDF juntamente com um resumo 6 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 11 /! 25

12 ! Manual de Utilização (opcional) descritivo do documento que ficará também disponível para os utilizadores quando estes consultarem o ficheiro. Carregue depois no botão Guardar para guardar a informação Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso. No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação).! 12 /! 25

13 Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter.! 13 /! 25

14 6. Coordenador de Curso Cada Coordenador de Curso pode consultar as diversas submissões de monitorização intercalar que incidam sobre cursos que coordenam Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 7 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil de Coordenador de Curso Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o de Coordenador de Curso, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Coordenador Curso que aparece na lista Utilizar perfil de e 8 carregar no botão Mudar de Perfil. 7 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning) 8 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 14 /! 25

15 Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao Coordenador de Curso ver as submissões relativas aos cursos que coordena e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso. No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação).! 15 /! 25

16 ! Manual de Utilização Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter Ver Mapas Síntese Esta seção permite consultar um mapa resumido de todas as submissões realizadas relativamente ao(s) curso(s) que coordena. Basta escolher o curso (ou todos os cursos), o ano letivo e o semestre e carregar no botão. Posteriormente será apresentado o mapa síntese de todas as submissões do(s) curso(s) escolhido(s).! 16 /! 25

17 7. Director de Escola & Membro de Comissão Pedagógica de Escola Cada Director de Escola e Membro de Comissão Pedagógica da Escola pode consultar as diversas submissões de monitorização intercalar que incidam sobre cursos da tutela da sua Escola Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 9 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil de Director de Escola Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o de Director de Escola, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Director Escola ou Comissão Pedagógica Escola que aparece na lista Utilizar perfil de e 9 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning)! 17 /! 25

18 10 carregar no botão Mudar de Perfil. Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao Director da Escola e aos Membros da Comissão Pedagógica da Escola ver as submissões relativas a cursos da tutela da sua Escola e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso. 10 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 18 /! 25

19 ! Manual de Utilização No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação). Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter Ver Mapas Síntese Esta seção permite consultar um mapa resumido de todas as submissões realizadas relativamente ao(s) curso(s) que da tutela da Escola. Basta escolher o curso (ou todos os cursos), o ano letivo e o semestre e carregar no botão. Posteriormente será apresentado o mapa síntese de todas as submissões do(s) curso(s) escolhido(s).! 19 /! 25

20 8. Director de Departamento Cada Director de Departamento pode consultar as diversas submissões de monitorização intercalar que incidam sobre cursos da tutela do seu Departamento Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 11 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil de Director de Departamento Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o de Director de Departamento, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Director Departamento que aparece na lista Utilizar perfil de e 12 carregar no botão Mudar de Perfil. 11 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning) 12 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 20 /! 25

21 Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao Director do Departamento ver as submissões relativas a cursos da tutela do seu Departamento e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo desta página detalha as opções disponíveis para cada registo Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso. No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação).! 21 /! 25

22 ! Manual de Utilização Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter Ver Mapas Síntese Esta seção permite consultar um mapa resumido de todas as submissões realizadas relativamente ao(s) curso(s) que da tutela do Departamento. Basta escolher o curso (ou todos os cursos), o ano letivo e o semestre e carregar no botão. Posteriormente será apresentado o mapa síntese de todas as submissões do(s) curso(s) escolhido(s).! 22 /! 25

23 9. Membro do Conselho Pedagógico Manual de Utilização Cada Membro do Conselho Pedagógico do ISCTE-IUL pode consultar todas as submissões de monitorização intercalar Início de sessão Todas as operações da monitorização intercalar no sistema I-MERITUS exigem que o utilizador esteja autenticado. Para iniciar sessão, o utilizador deverá aceder à seção de login no I- 13 MERITUS e introduzir as suas credenciais de acesso. Após carregar no botão Iniciar Sessão, se as credenciais estiverem corretas será redirecionado para a página de perfil de utilizador. Por omissão, a sessão do utilizador é iniciada no perfil de Docente, o qual permite-lhe preencher os seus dados da avaliação anual inerente à função de Docente. No entanto, para consultar as submissões tem primeiro de mudar para o perfil de membro do Conselho Pedagógico Mudança de Perfil Para mudar o perfil de Docente para o de membro do Conselho Pedagógico, deverá aceder à seção de mudança de perfil (acessível através da opção Mudar de Perfil do menu de utilizador que está situado no canto superior direito do portal, junto da fotografia). Na página de mudança de perfil, deverá escolher a opção Conselho Pedagógico que aparece na lista Utilizar perfil de e carregar no 14 botão Mudar de Perfil. 13 As credenciais são as normalmente usadas nos sistemas do domínio IUL do ISCTE-IUL (p.ex: e-learning) 14 Para voltar ao seu perfil de Docente para poder preencher a sua avaliação anual é só realizar este conjunto de passos mas escolhendo o perfil Docente.! 23 /! 25

24 Esta mudança de perfil irá redirecioná-lo para a página principal da Monitorização Intercalar onde encontrará o menu Monitorização Intercalar que permitir-lhe-á escolher uma das opções aí disponíveis para aceder às funcionalidades decorrentes deste processo de monitorização intercalar. Nas seções seguintes, são explicadas cada uma destas opções Sobre a Monit. Intercalar Esta opção remete apenas para a página principal onde está o texto introdutório Ver submissões Esta opção permite ao membro do Conselho Pedagógico ver todas as submissões e consultar mais detalhes sobre cada uma das submissões. O texto explicativo no topo dessa página detalha as opções disponíveis para cada registo Consultar as Actas Públicas Os registos completos submetidos pelos delegados de turma ficam apenas acessíveis a um grupo restrito de utilizadores que tem permissões para os consultar, isto é, os membros do conselho pedagógico e das comissões pedagógicas das escolas, os docentes envolvidos na avaliação dos alunos, os respectivos coordenadores de ano e de curso e os directores da Escola e Departamento aos quais pertencem o curso.! 24 /! 25

25 ! Manual de Utilização No entanto, a acta que resulta da reunião de Conselho de Ano entre os delegados de turma e os respectivos docentes é um documento público e fica acessível a toda a comunidade ISCTE- IUL (mediante autenticação). Esta seção permite exatamente consultar as actas públicas dos diversos cursos do ISCTE-IUL. Para o fazer, deve primeiro escolher o curso que pretende consultar e depois carregar no botão Submeter Ver Mapas Síntese Esta seção permite consultar um mapa resumido de todas as submissões realizadas. Basta escolher o curso (ou todos os cursos), o ano letivo e o semestre e carregar no botão. Posteriormente será apresentado o mapa síntese de todas as submissões do(s) curso(s) escolhido(s).! 25 /! 25

PDR2020 Manual do Balcão do Beneficiário

PDR2020 Manual do Balcão do Beneficiário PDR2020 Manual do Balcão do Beneficiário Versão 1.0 Data última alteração 15-11-2014 Página 1/28 Índice 1 Introdução... 5 1.1 Organização do manual... 5 2 Acesso ao Balcão... 5 3 Registo de entidade...

Leia mais

Guião do processo de Candidatura On-line a um Curso de Pós Graduação

Guião do processo de Candidatura On-line a um Curso de Pós Graduação Direcção de Tecnologias e Sistemas de Informação Guião do processo de Candidatura On-line a um Curso de Pós Graduação Para iniciar o processo de candidatura on-line a um curso de pós-graduação, o candidato

Leia mais

Manual utilização. Dezembro 2011. Instituto Politécnico de Viseu

Manual utilização. Dezembro 2011. Instituto Politécnico de Viseu Manual utilização Dezembro 2011 Instituto Politécnico de Viseu 1 Índice Zona pública... 3 Envio da ideia de negócio... 3 Inscrição nas Oficinas E... 4 Zona privada... 5 Administração... 5 Gestão de utilizadores...

Leia mais

Utilização do Sistema de Impressão da UBI

Utilização do Sistema de Impressão da UBI Utilização do Sistema de Impressão da UBI UTILIZADORES COM SISTEMA OPERATIVO WINDOWS E CONTA @UBI.PT Para utilizar o novo sistema de impressão disponibilizado pela UBI é necessário ter saldo positivo na

Leia mais

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor 20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor Manual do Utilizador Professor... 1 1. Conhecer o 20 Escola Digital... 4 2. Autenticação... 6 2.1. Criar um registo na LeYa Educação... 6 2.2. Aceder ao

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

Manual de utilização do Moodle

Manual de utilização do Moodle Manual de utilização do Moodle Docentes Universidade Atlântica 1 Introdução O conceito do Moodle (Modular Object Oriented Dynamic Learning Environment) foi criado em 2001 por Martin Dougiamas, o conceito

Leia mais

Procedimento para inscrição online 2015/16

Procedimento para inscrição online 2015/16 Procedimento para inscrição online 2015/16 Passo 1. Aceder à Secretaria Virtual A inscrição deverá ser realizada no netp@ - Portal de serviços académicos, em: https://academico.ualg.pt Passo 2. Efetuar

Leia mais

Adenda R4. Entidades Adjudicantes. Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001

Adenda R4. Entidades Adjudicantes. Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 Adenda R4 Entidades Adjudicantes Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 Índice 1. Introdução 2. Novas Funcionalidades anogov R4 3. Novas Abordagens anogov R4 4. Novas Soluções anogov R4+ 5. Índice

Leia mais

EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE. GestProcessos Online. Manual do Utilizador

EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE. GestProcessos Online. Manual do Utilizador EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE GestProcessos Online Manual do Utilizador GestProcessos Online GABINETE DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO EAmb Esposende Ambiente, EEM Rua da Ribeira 4740-245 - Esposende

Leia mais

GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS

GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS Índice 1 Introdução... 4 1.1 Enquadramento... 5 1.2 Organização do Guião... 5 2 Instruções de Utilização Balcão 2020... 6 2.1 Acesso à aplicação Módulos Contratos...

Leia mais

Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares)

Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares) POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO DE SEGURANÇA PRIVADA (SIGESP) Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares)

Leia mais

Escolas sustentáveis. Registo de utilizador. Autenticação Via Rede Social

Escolas sustentáveis. Registo de utilizador. Autenticação Via Rede Social 2014/10/19 21:54 1/9 Escolas sustentáveis Registo de utilizador O acesso aos conteúdos do site Escola Sustentável carecem de um registo de utilizador. Esse registo pode ser efetuado de duas formas diferentes.

Leia mais

Manual de Utilização Moodle@ISPAB

Manual de Utilização Moodle@ISPAB Manual de Utilização Moodle@ISPAB [Estudante] Pedro Valente Gabinete de Avaliação e Qualidade (GAQ) gaq@ispab.pt Criado em: 07/10/2014 Última alteração em: 07/10/2014 Versão: 0.9 1 Sumário O manual de

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica Versão 1.0 Departamento de Segurança Privada Abril de 2012 Manual do Utilizador dos Serviços Online do SIGESP Versão 1.0 (30 de abril

Leia mais

Manual do Fénix. Gestão de Curriculum. SI 11-10-2010 (Versão 1.0)

Manual do Fénix. Gestão de Curriculum. SI 11-10-2010 (Versão 1.0) Manual do Fénix Gestão de Curriculum SI 11-10-2010 (Versão 1.0) Este manual tem como objectivo auxiliar a tarefa de gestão do portal curriculum por parte dos docentes. Índice Abreviaturas... 3 1. Entrar

Leia mais

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador MATRÍCULA ELECTRÓNICA Manual do Utilizador ÍNDICE 1 PREÂMBULO... 2 2 UTILIZAÇÃO PELOS ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO... 3 2.1 Matrícula Electrónica - Acesso através do Portal das Escolas... 3 2.2 Registo de

Leia mais

Manual de Utilizador Documentos de Transporte. TOConline. Suporte. Página - 1

Manual de Utilizador Documentos de Transporte. TOConline. Suporte. Página - 1 TOConline Suporte Página - 1 Documentos de Transporte Manual de Utilizador Página - 2 Índice Criação de um documento de transporte... 4 Definições de empresa- Criação de moradas adicionais... 9 Comunicação

Leia mais

I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1

I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1 Novembro.2010 Índice I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1 III. COMO INSERIR MATERIAL PEDAGÓGICO (ANEXAR FICHEIROS) 1 IV. CRIAR UM GLOSSÁRIO 5 V.

Leia mais

Versão Data Autor(es) Revisor(es) Alterações Aprovação 1.0 2013 11 20 M.B. Elisa Decq. Regina Bento Mota 1.01 2013 12 09 M.B.

Versão Data Autor(es) Revisor(es) Alterações Aprovação 1.0 2013 11 20 M.B. Elisa Decq. Regina Bento Mota 1.01 2013 12 09 M.B. Manual PASEP Controlo do documento Versão Data Autor(es) Revisor(es) Alterações Aprovação 1.0 2013 11 20 M.B. Elisa Decq Regina Bento Mota 1.01 2013 12 09 M.B. Elisa Decq Mota Regina Bento PASEP v.1.01

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR

MANUAL DO UTILIZADOR MANUAL DO UTILIZADOR SISTEMA DE INFORMAÇÃO FORMAÇÃO CONTÍNUA (Art.21.º do Decreto-Lei n.º22/2014, de 11 de fevereiro) 6 de julho de 2015 Índice 1. ENQUADRAMENTO... 5 1.1 Objetivo... 5 1.2 Contactos Úteis...

Leia mais

LNDnet. Lançamento de notas pelos docentes. Portal académico

LNDnet. Lançamento de notas pelos docentes. Portal académico LNDnet Lançamento de notas pelos docentes Portal académico A base para elaboração do presente manual foi o manual da Digitalis (SIGES.11.0.0 Manual de Utilizador) ao no qual foram registada as adaptações

Leia mais

CENTRO DE INFORMÁTICA

CENTRO DE INFORMÁTICA CENTRO DE INFORMÁTICA Manual do Utilizador Membro da Comissão da Faculdade/Escola Ver 2.0 Maputo, Julho de 2015 ÍNDICE 1. VISÃO GERAL DO e-sisqual... 1 1.1. Funções especificas... 2 2. COMO ACEDER E SAIR

Leia mais

A PARO QUIA WEB. Inscrições Online PAROQUIANO

A PARO QUIA WEB. Inscrições Online PAROQUIANO A PARO QUIA WEB Inscrições Online PAROQUIANO Manual do processo de Inscrições Online nomeadamente de: Baptismo, Processo de Casamentos e inscrições na Catequese. Índice Introdução... 2 Registo... 3 Registo

Leia mais

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária)

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) /curriculum Julho de 2008 Versão 1.1 1 Introdução O objectivo deste guia é auxiliar o utilizador da Plataforma

Leia mais

Manual de Utilizador Aplicação Cliente Web Versão 1.0.00

Manual de Utilizador Aplicação Cliente Web Versão 1.0.00 Manual de Utilizador Aplicação Cliente Web Versão 1.0.00 Edição 1 Agosto 2011 Elaborado por: GSI Revisto e Aprovado por: COM/ MKT Este manual é propriedade exclusiva da empresa pelo que é proibida a sua

Leia mais

SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR

SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR VERSÃO DATA DESCRIÇÃO AUTOR 1.0 24-10-2008 VERSÃO INICAL LÍDIA AGOSTINHO 1.1 20-11-2008 ACTUALIZAÇÃO DE ECRANS LÍDIA AGOSTINHO

Leia mais

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo,

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, Módulo POS Loja O que é um POS? Para que serve? POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, uma Loja que efetue venda ao público. Por outras palavras,

Leia mais

MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016

MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016 MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016 Pág. 1/12 Rua Conselheiro Emídio Navarro 1 Importante: O processo de candidatura decorre online. Este manual aplica-se a todos os cursos/regimes de candidatura, com as

Leia mais

MANUAL TPROFESSOR VERSÃO 1.0. Com base na versão 34 da aplicação

MANUAL TPROFESSOR VERSÃO 1.0. Com base na versão 34 da aplicação MANUAL DO TPROFESSOR VERSÃO 1.0 Com base na versão 34 da aplicação Truncatura / "Manual TProfessor" / 2 INDICE INTRODUÇÃO... 3 CONVENÇÕES... 3 INÍCIO DA UTILIZAÇÃO... 4 SUMÁRIOS... 5 COMO SUMARIAR....

Leia mais

Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante)

Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante) Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante) 1. Introdução I 2. Primeiros passos I 3. Unidade Curricular I 4. Recursos e atividades O e-campus do ISPA - Instituto

Leia mais

GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE

GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE Devido a um bug detectado no motor da base de dados, situação agora corrigida pelo fabricante, esta nova actualização do GIAE é disponibilizada numa

Leia mais

SECUNDÁRIA DE CAMARATE DIGIT@L. Plataforma Office 365. Alojamento de ficheiros - OneDrive para Empresas

SECUNDÁRIA DE CAMARATE DIGIT@L. Plataforma Office 365. Alojamento de ficheiros - OneDrive para Empresas SECUNDÁRIA DE CAMARATE DIGIT@L Plataforma Office 365 Alojamento de ficheiros - OneDrive para Empresas Conteúdo Nota prévia... 2 Alojamento de ficheiros o OneDrive para Empresas... 2 Funcionalidades do

Leia mais

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU Imagina que queres criar o teu próprio site. Normalmente, terías que descarregar e instalar software para começar a programar. Com a Webnode não é preciso instalar nada.

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

GIAE ONLINE. J.P.M & Abreu, Lda.

GIAE ONLINE. J.P.M & Abreu, Lda. GIAE ONLINE 1 Índice Índice 2 Índice de Figuras 3 1. Introdução 4 2. Aquisição de Refeições 5 3. Limitar consumo diário 7 4. Controlo de sessões 9 5. Configuração das novas funcionalidades na área de administração

Leia mais

Manual de Utilização do Moodle

Manual de Utilização do Moodle Manual de Utilização do Moodle Alexandre Barras Baptista a.baptista@isegi.unl.pt 1 Índice Moodle... 3 Aceder ao Moodle SuGIK... 4 Login... 4 Disciplinas... 5 Estrutura da disciplina... 5 Edição da Disciplina...

Leia mais

Registo como Agente. De seguida, terá de editar a sua informação de agente, carregando em Profile e, de seguida, em Edit.

Registo como Agente. De seguida, terá de editar a sua informação de agente, carregando em Profile e, de seguida, em Edit. Manual de Agentes Indíce Registo como Agente... 3 Condições e Preços... 4 Criação de utilizadores... 7 Listagem de Clientes... 8 Criar cartão de Agente AirMenu... 9 Formulários... 10 Importação de Menus

Leia mais

Manual de Utilização. GESTOR DE METADADOS DOS AÇORES (GeMA) Setembro de 2015. Versão 4.0

Manual de Utilização. GESTOR DE METADADOS DOS AÇORES (GeMA) Setembro de 2015. Versão 4.0 Manual de Utilização GESTOR DE METADADOS DOS AÇORES (GeMA) Setembro de 2015 Versão 4.0 FICHA TÉCNICA TÍTULO: Manual de Utilização do Gestor de Metadados dos Açores (GeMA) AUTORIA: Grupo de Trabalho INSPIRE

Leia mais

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole O Akropole tira proveito da ligação à internet, podendo efectuar várias operações de maior valia, com ou sem intervenção directa do utilizador.

Leia mais

Requisições de Materiais - Almoxarifado Módulo Portal Administrativo - SIPAC

Requisições de Materiais - Almoxarifado Módulo Portal Administrativo - SIPAC 1 Requisições de Materiais - Almoxarifado Módulo Portal Administrativo - SIPAC Perfil: Requisitor e Autorizador de solicitações de materiais de consumo 2 Maceió, Fevereiro de 2013. Histório de versões

Leia mais

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DIREÇÃO DE SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO Centro Nacional de Qualificação de Formadores Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 Índice Índice... 2 1. Introdução... 4 1.1.

Leia mais

Manual Utilizador - Gestão de Processos de Acidentes de Trabalho e Doenças Profissionais - Front-Office

Manual Utilizador - Gestão de Processos de Acidentes de Trabalho e Doenças Profissionais - Front-Office Manual Utilizador - Gestão de Processos de Acidentes de Trabalho e - Front-Office V1.0 Página 1 Índice Índice... 2 1. Introdução... 3 2. Instruções Gerais... 4 2.1 Acesso... 5 2.1.1 Regras para Aceder

Leia mais

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados Instituto Politécnico de Tomar Manual da Área de Secretariados Última actualização: 13 de Outubro de 2004 Índice Como aceder a Área de Secretariados...2 O que posso efectuar na Área de Secretariado (Acções)...4

Leia mais

Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente

Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente Campus de Gualtar 4710-057 Braga P Gabinete de Apoio ao Ensino Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente 1 ABREVIATURAS... 4 2 PRESSUPOSTOS... 4 3 DOSSIER DE UNIDADE CURRICULAR... 4 4 PERFIS... 5

Leia mais

GESTEC Gestão e Tecnologia. Sistema de Gestão Escolar

GESTEC Gestão e Tecnologia. Sistema de Gestão Escolar Sistema de Gestão Escolar Manual do Usuário versão 2.0 Dezembro/2011 1 Índice Introdução... 4 Acesso ao Sistema... 5 Cadastro de Funcionários... 5 Cadastro de Tipos de Usuários... 8 Cadastro de Usuários...

Leia mais

COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE. Rui Ribeiro colibri@fccn.pt. FCCN - Dezembro 2010

COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE. Rui Ribeiro colibri@fccn.pt. FCCN - Dezembro 2010 COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE FCCN - Dezembro 2010 Rui Ribeiro colibri@fccn.pt Módulo COLIBRI Concebido por: José Coelho Universidade Aberta Apoiado por: Rui Ribeiro FCCN Vitor

Leia mais

Guia do Candidato. http://www.dges.mec.pt/wwwbeon/

Guia do Candidato. http://www.dges.mec.pt/wwwbeon/ http://www.dges.mec.pt/wwwbeon/ Recomendações Gerais para Preenchimento do Formulário de Candidatura Para o correto preenchimento do formulário de candidatura deverá ter consigo os seguintes documentos,

Leia mais

Manual do usuário. Acesso ao GEFAU

Manual do usuário. Acesso ao GEFAU Manual do usuário Acesso ao GEFAU Fev/2015 GEFAU PORTAL DO EMPREENDEDOR Conteúdo Introdução... 2 1. Acesso ao GEFAU... 3 2. Cadastro de empreendimentos... 5 2.1. Consulta aos empreendimentos do usuário...

Leia mais

MANUAL DE CANDIDATURAS MESTRADOS 2015/2016

MANUAL DE CANDIDATURAS MESTRADOS 2015/2016 MANUAL DE CANDIDATURAS MESTRADOS 2015/2016 Pág. 1/12 Rua Conselheiro Emídio Navarro 1 Importante: O processo de candidatura decorre online. Este manual aplica-se a todos os cursos/regimes de candidatura,

Leia mais

manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares

manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares Manual da aplicação informática: modelo de avaliação da biblioteca escolar Rede de Bibliotecas

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES. MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Livre Docência

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES. MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Livre Docência UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Livre Docência Centro de Informática de São Carlos Julho de 2011 Versão 1.1 UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Reitor

Leia mais

1.1 Candidaturas on-line

1.1 Candidaturas on-line 1.1 Candidaturas on-line Para efectuar o processo de candidatura o candidato deverá aceder ao portal do ICS e clicar na informação com a

Leia mais

Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle

Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle Manual do Aluno Plataforma de e-learning Moodle i Índice Índice de Figuras 3 Introdução 4 Parte I - Acesso à Plataforma 5 1 - Entrar na Plataforma 6 1.1 - Alterar a senha 7 Parte II - Utilização da Plataforma

Leia mais

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Índice 1. Introdução...3 2. Home Page...3 3. Pedido de Senha...4 3.1 Proponente...5 3.2 Técnico Qualificado...5 3.3 Proponente/Técnico

Leia mais

FAQ s. Submissão dos Relatórios de Autocontrolo de Emissões Atmosféricas e Planos de Gestão de Solventes

FAQ s. Submissão dos Relatórios de Autocontrolo de Emissões Atmosféricas e Planos de Gestão de Solventes FAQ s Submissão dos Relatórios de Autocontrolo de Emissões Atmosféricas e Planos de Gestão de Solventes FAQ s Não consegue introduzir a sua palavra-chave? Para introduzir os dados da sua conta e palavra-chave,

Leia mais

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Sistema de Informação da Organização do Estado (SIOE-RH) XML março de 2012 Introdução De acordo com o previsto na Lei n.º 57/2011, de 28 de novembro,

Leia mais

Mobilidade por Doença

Mobilidade por Doença MANUAL DE INSTRUÇÕES Candidatura Eletrónica Mobilidade por Doença Tipo de candidato Docentes de carreira dos estabelecimentos de ensino da rede pública de Portugal Continental e das Regiões Autónomas nos

Leia mais

CIUCA Manual de Operação Versão 2.02 (Módulos I Cadastro e II - Credenciamento)

CIUCA Manual de Operação Versão 2.02 (Módulos I Cadastro e II - Credenciamento) Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação Cadastro das Instituições e Comissões de Ética no Uso de Animais CIUCA Versão 2.02 (Módulos I Cadastro e II - Credenciamento) Versão 1.01 (Módulo I Cadastro)

Leia mais

Manual de Utilizador Entidades 2015-08.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Manual de Utilizador Entidades 2015-08.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DIREÇÃO DE SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO Centro Nacional de Qualificação de Formadores Manual de Utilizador Entidades 2015-08.V01 Índice Índice... 2 1. Introdução... 4

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica Versão 2 Departamento de Segurança Privada Março de 2014 Manual do Utilizador dos Serviços Online do SIGESP Versão 2. (Março de 2014)

Leia mais

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC www.estagiostic.gov.pt 1 Índice 1 Introdução 3 1.1 Programa de Estágios TIC 3 1.2 Objectivo da plataforma 3 1.3 Perfis 4 1.3.1 Escola 4 1.3.2 Empresa 4 1.3.3

Leia mais

Apresentação Figura 01:

Apresentação Figura 01: Apresentação O Sistema Online de Iniciação Científica da Universidade do Estado foi desenvolvido pela Pró- Reitoria de Pesquisa e Ensino de Pós-Graduação (PPG) com a finalidade de agilizar o processo de

Leia mais

Módulos/Opções - TRAFEGO

Módulos/Opções - TRAFEGO Módulos/Opções - TRAFEGO Controlo de tráfego/eficácia/paletes e comunicação com motoristas. O módulo Tráfego é composto por cinco opções: 1) Controlo: controlo dos registos da aplicação rttrack Telemóveis.

Leia mais

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2.

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2. Manual do Fénix Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso Candidatura Online para o 2. º Ciclo SI (Versão 1.0) Maio 2011 Este manual tem como objectivo auxiliar na

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

MANUAL AVALIAÇÕES- DOCENTES. Versão a partir da 6711

MANUAL AVALIAÇÕES- DOCENTES. Versão a partir da 6711 MANUAL AVALIAÇÕES- DOCENTES Versão a partir da 6711 Índice Índice... 1 1. Utilização de Propostas... 2 2. Introdução de Classificações... 3 2.1. Utilização de propostas... 3 3. Sem a utilização de propostas...

Leia mais

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas Instruções para o participante no Curso de e-learning CONTEÚDO Pág. 1 Introdução 3 2 - Aceder ao site 2.1 Entrar em www.saude-mental.net 3 2.2 Aceder ao e-learning Saúde Mental 4 2.3 Introdução do seu

Leia mais

Construir um e-portefólio com o Blogger

Construir um e-portefólio com o Blogger TUTORIAIS CienTIC7 Construir um e-portefólio com o Blogger O suporte informático para um e-portefólio pode ser tão simples como um documento criado num processador de texto ou tão específico e elaborado

Leia mais

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito Mais informação Acesso ao Sistema de Transferência Electrónica de dados de Inquéritos (STEDI). Onde se acede ao sistema de entrega de Inquéritos? Deverá aceder ao sistema através do site do GEP www.gep.mtss.gov.pt

Leia mais

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE 2 ÍNDICE ADSE Direta... 4 Serviços Disponíveis... 6 Atividade Convencionada... 7 Atualizar/Propor Locais de Prestação... 9 Propor Novo

Leia mais

Manual de utilização do Moodle

Manual de utilização do Moodle Manual de utilização do Moodle Iniciação para docentes Universidade Atlântica Versão: 1 Data: Fevereiro 2010 Última revisão: Fevereiro 2010 Autor: Ricardo Gusmão Índice Introdução... 1 Registo no Moodle...

Leia mais

Contratação de Escola. Manual de Utilizador - Candidato

Contratação de Escola. Manual de Utilizador - Candidato - Janeiro de 2012 Índice Conteúdo 1 ENQUADRAMENTO... 5 1.1 Aspetos gerais... 5 1.2 Principais Orientações... 5 1.3 Normas Importantes de Acesso e Utilização da Aplicação... 5 1.4 Definições, Abreviaturas,

Leia mais

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013 Plataforma de Inventários Setembro de 2013 Ligações externas Home Page * do site www.inventarios.pt Página inicial Acedendo a www.inventarios.pt no browser, a página inicial será parecida a esta. Página

Leia mais

COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS

COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS COMO CRIAR UM BLOG GRATUITO NO WORDPRESS O objectivo deste artigo é, como o título indica, explicar a todos os leitores do Peopleware como podem criar um blog gratuito no WordPress. Para alguns, o que

Leia mais

1 - Imprimir documentos na rede da escola.

1 - Imprimir documentos na rede da escola. 1 - Imprimir documentos na rede da escola. 1.1 - Entrar no sistema interno da escola (escopal.edu) Inserir o seu Nome de Utilizador Inserir a sua Palavra - passe Seleccionar ESCOPAL 1.2 Instalar a impressora

Leia mais

Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias AVP003. Manual de Utilizador Externo - Entregas ao Domicílio e Vendas via Internet

Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias AVP003. Manual de Utilizador Externo - Entregas ao Domicílio e Vendas via Internet Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias AVP003 Manual de Utilizador Externo - Entregas ao Domicílio e Vendas via de Índice 1 Introdução... 4 1.1 Objetivo...4 1.2 Funcionalidades...5 1.3 Autenticação...5

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE INTRODUÇÃO O portal do Afrafep Saúde é um sistema WEB integrado ao sistema HEALTH*Tools. O site consiste em uma área onde os Usuários e a Rede Credenciada,

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

MicroMIX Comércio e Serviços de Informática, Lda.

MicroMIX Comércio e Serviços de Informática, Lda. 1 P á g i n a Procedimentos Inventário AT 2014 Software Olisoft-SIG.2014 Verificar Versão dos Módulos Instalados Em primeiro lugar deveremos verificar se o programa SIG está actualizado. Esta nova rotina

Leia mais

O SAFT 2013. 1) Faturação simplificada

O SAFT 2013. 1) Faturação simplificada O SAFT 2013 1) Faturação simplificada Existe agora uma série com descrição FS. Esta série foi adicionada automaticamente com a versão 2.4.3.0 do SoftManagement, para que, possa ser utilizada em atividades

Leia mais

Configurando Proxy. Instituto Federal de Alagoas- IFAL Departamento de Tecnologia da informação - DTI

Configurando Proxy. Instituto Federal de Alagoas- IFAL Departamento de Tecnologia da informação - DTI Configurando Proxy Página capes... 2 Proxy... 2 Configuração Internet Explorer... 3 Configurando o Firefox... 6 Configurando o Chrome... 8 Configurando proxy Página 1 Página capes Capes é um portal que

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

1ª Edição Outubro de 2007

1ª Edição Outubro de 2007 1 Ficha Técnica Título: Manual de utilização da ELGG - Aluno Autoria: Célia Tavares Direcção Pedagógica e Técnica: Paula Peres Copyright: Projecto de Apoio On-line 1ª Edição Outubro de 2007 O Manual de

Leia mais

Procedimentos para a divulgação de eventos no site da ECUM

Procedimentos para a divulgação de eventos no site da ECUM Procedimentos para a divulgação de eventos no site da ECUM Pressupostos introdutórios 3 Descrição da tarefa 4 Autenticação/Login 4 Página de entrada 4 Criar um novo evento 5 Colocar um evento em destaque

Leia mais

Manual do Sistema Carteira do Idoso

Manual do Sistema Carteira do Idoso Manual do Sistema Carteira do Idoso SUMÁRIO Manual do Sistema Carteira do Idoso... 3 1. Acessando o Sistema... 3 2. Tela Inicial... 4 2.1. Início... 5 2.2. Pesquisar Idoso... 5 2.2.1. Como pesquisar o

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a

Leia mais

Manual de Utilização do Sítio da Disciplina

Manual de Utilização do Sítio da Disciplina UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA DSI Manual de Utilização do Sítio da Disciplina para: Docentes Versão 7.00 Palma de Cima 1649-023 Lisboa Portugal Tel. 21 721 42 19 Fax 21721 42 79 helpdesk@lisboa.ucp.pt

Leia mais

Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia. ibict. Autores

Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia. ibict. Autores Autores Autores normalmente podem se cadastrar e submeter seus trabalhos através do sistema. O Autor envia o documento original, alimenta os metadados (ou a indexação associada ao documento) de seu trabalho,

Leia mais

PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA. Manual do Utilizador. Aluno. www.escolavirtual.pt

PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA. Manual do Utilizador. Aluno. www.escolavirtual.pt PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA Manual do Utilizador Aluno www.escolavirtual.pt 1 2 www.escolavirtual.pt Índice Escola Virtual Informação para Pais e Educadores 05 Escola Virtual Informação

Leia mais

SOLUTIO 1.4. actualização gratuita. novidades da versão 1.4

SOLUTIO 1.4. actualização gratuita. novidades da versão 1.4 ~ SOLUTIO 1.4 novidades da versão 1.4 personalização da factura edição online de minutas e modelos; requisição de IMT para todos os factos previstos no portal das finanças; indicação no processo da entidade

Leia mais

Guia IPBRICK Billing 2.0

Guia IPBRICK Billing 2.0 Guia IPBRICK Billing 2.0 iportalmais 4 de Janeiro de 2013 1 Conteúdo 1 Introdução 3 2 Características 3 2.1 Novas características no Billing 2.0................... 3 3 Procedimento Básico 4 4 Instalação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAJAZEIRAS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO ESCOLAR. iescolar MANUAL DE INSTRUÇÕES MÓDULO PROFESSOR

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAJAZEIRAS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO ESCOLAR. iescolar MANUAL DE INSTRUÇÕES MÓDULO PROFESSOR PREFEITURA MUNICIPAL DE CAJAZEIRAS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO ESCOLAR iescolar MANUAL DE INSTRUÇÕES MÓDULO PROFESSOR Comércio e Soluções em TI CAJAZEIRAS/PB 2015 Sumário 1. Login... 3 2.

Leia mais

WShippingDocs. Envio de Documentos de Transporte. v1.0.0. Manual do utilizador

WShippingDocs. Envio de Documentos de Transporte. v1.0.0. Manual do utilizador WShippingDocs Envio de Documentos de Transporte v1.0.0 Manual do utilizador Conteúdos Revisões... 3 Introdução... 4 Instalação... 5 Configurações... 7 NIF português... 7 Configuração da extensão... 9 Configuração

Leia mais

Sistema de Certificação de Competências TIC

Sistema de Certificação de Competências TIC Sistema de Certificação de Competências TIC Portal das Escolas Manual de Utilizador INDICE 1 Introdução... 5 1.1 Sistema de formação e certificação de competências TIC...6 1.1.1 Processo de certificação

Leia mais

WINCODE SOFTWARE E CONTABILIDADE S.A. MyEnsino Manual da Área Reservada de Professores

WINCODE SOFTWARE E CONTABILIDADE S.A. MyEnsino Manual da Área Reservada de Professores MyEnsino Manual da Área Reservada de Professores ENTRADA: Abrir o browser de internet e digitar um dos seguintes endereços: Para aceder à área reservada de alunos: http://myescola.exemplo.pt Para aceder

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC Dispõe sobre procedimentos a serem adotados para a operacionalização do plano de ensino no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas - SIGAA. 1. DA DEFINIÇÃO

Leia mais

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1 Copyright 2012 Efacec Todos os direitos reservados. Não é permitida qualquer cópia, reprodução, transmissão ou utilização deste documento sem a prévia autorização escrita da Efacec Sistemas de Gestão S.A.

Leia mais

Projecto de Implementação da. Modelo 11

Projecto de Implementação da. Modelo 11 Projecto de Implementação da Reforma da Tributação do Património Modelo 11 MANUAL DO UTILIZADOR VERSÃO 1.0 DGITA Lisboa, 2004 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 2 1.1 Principais Funcionalidades da Aplicação...2 1.2

Leia mais