X FÓRUM NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM FISIOTERAPIA FLORIANÓPOLIS-SC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "X FÓRUM NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM FISIOTERAPIA FLORIANÓPOLIS-SC"

Transcrição

1 X FÓRUM NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM FISIOTERAPIA FLORIANÓPOLIS-SC Dirceu Costa Florianópolis-SC - Abril-2015

2 HÁ NECESSIDADE DE AJUSTES CONSTANTES: DA COERÊNCIA INTERNA DOS PPGs DA ÁREA DE FISIOTERAPIA /REABILITAÇÃO, EM ESPECIAL DA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO E LINHAS DE PESQUISA; DA BASE EPISTEMOLÓGICA DA ÁREA DE FISIOTERAPIA COM O QUALIS PERIÓDICOS E VICE-VERSA e, DA ORGANIZAÇÃO DAS ÁREAS E ESPECIALIDADES DA ÁREA 21 JUNTO A CAPES E DEMAIS ÓRGÃO GOVERNAMENTAIS E DE FOMENTO NO PAIS.

3 1- Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia 2- Programa de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação - Programa Ciências da Reabilitação 4- Mestrado em Ciências do Movimento Humano 5- Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia 6- Programa Pós-graduação em Fisioterapia 7- Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação 8- Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia 9- Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia 10- Programa Ciências da Reabilitação 11- Programa de Mestrado em Ciências da Reabilitação 12- Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia 1- Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação 14- Programa de Pós-Graduação em Reabilitação e Desempenho Funcional 15- Programa de pós-graduação em Fisioterapia

4 Processos de Avaliação e Intervenção em Fisioterapia Desempenho Funcional Humano Ciências da Reabilitação Biodinâmica Avaliação, Intervenção e Prevenção em Fisioterapia Avaliação e Intervenção em Fisioterapia Avaliação e Intervenção Terapêutica Avaliação e Intervenção em Fisioterapia Fisioterapia na Atenção à Saúde Avaliação e Intervenção em Reabilitação Aspectos funcionais em Reabilitação Avaliação e Intervenção em Fisioterapia Fisioterapia Fisioterapia em Saúde Funcional

5 LINHAS DE PESQUISA DOS PPGs DA FISIOTERAPIA 1.Instrumentação e análise cinesiológica e biomecânica do movimento 2.Processos básicos, desenvolvimento e recuperação funcional do sistema nervoso central e periférico.processos de avaliação e intervenção em fisioterapia do sistema músculo-esquelético 4.Processos de avaliação e intervenção em fisioterapia cardiovascular e respiratória 5.Avaliação o Desenvolvimento e Desempenho Infantil 6.Desempenho Cardiorrespiratório 7.Estudos do Desempenho Motor e Funcional Humano 8.Saúde e Reabilitação do Idoso 9.Audição 10.Linguagem 11.Função e Disfunção em Fisioterapia 12.Intervenção Social em Terapia Ocupacional 1.Fisiologia e Treinamento Desportivo 14.Avaliação e Reabilitação Funcional 15.Estrutura e Funções do Corpo 16.Metodoloia e Propriedades de Medidas Clínicas em Fisioterapia 17.Avaliação e intervenção nos sistemas cardiovascular e respiratório 18.Avaliação e intervenção nos sistemas nervoso e musculoesquelético 19.Avaliação e intervenção no processo de envelhecimento 20.Avaliação e Reabilitação das Disfunções Cardiopulmonares 21.Interações de Recursos Terapêuticos em Sistemas Biológicos 22.Processo de Avaliação e Intervenção Terapêutica das Disfunções dos Sistemas Neuro-Muscular 2.Avaliação e Intervenção em Fisioterapia nos sistemas cardiovascular, endócrino e respiratório 24. Avaliação e Intervenção em Fisioterapia no sistema Neuro-músculo esquelético 25.Instrumentação e Intervenção Fisioterapêutica 26.Fisioterapia: Desempenho Físico-Funcional e Qualidade de Vida 27.Processos de avaliação e intervenção associados aos sistemas respiratório e cardiovascular 28.Processos de avaliação e intervenção associados ao sistema neuro-músculo-esquelético 29.Aspectos funcionais e biológicos associados ao desempenho humano e à promoção de saúde 0.Abordagem Terapêutica em Reabilitação 1.Avaliação Funcional e Atividade Física 2.Avaliação e intervenção fisioterapêutica no controle da postura e do movimento humano.avaliação e intervenção em fisioterapia cardiorrespiratória 4.Fundamentação da Reabilitação Cardiovascular, Pulmonar e Metabólica. 5.Fundamentação da Reabilitação Neurológica. 6.Fundamentação da Reabilitação Músculo esquelética. 7.Análise Biomecânica e Intervenção Funcional no Movimento Humano 8.Desempenho e adaptações cardiorrespiratórias 9.Instrumentação e validação de técnicas fisioterapêutica 40.Avaliação e Intervenção em fisioterapia no sistema musculoesquelético 41.Avaliação e Intervenção em fisioterapia cardiovascular e respiratória

6 1. Instrumentação e análise cinesiológica e biomecânica do movimento 2. Processos básicos, desenvolvimento e recuperação funcional do sistema nervoso central e periférico. Processos de avaliação e intervenção em fisioterapia do sistema músculoesquelético 4. Processos de avaliação e intervenção em fisioterapia cardiovascular e respiratória 5. Avaliação o Desenvolvimento e Desempenho Infantil 6. Desempenho Cardiorrespiratório 7. Estudos do Desempenho Motor e Funcional Humano 8. Saúde e Reabilitação do Idoso 9. Função e Disfunção em Fisioterapia 10. Avaliação e Reabilitação Funcional 11. Estrutura e Funções do Corpo 12. Metodologia e Propriedades de Medidas Clínicas em Fisioterapia 1. Avaliação e intervenção nos sistemas cardiovascular e respiratório 14. Avaliação e intervenção nos sistemas nervoso e musculoesquelético 15. Avaliação e intervenção no processo de envelhecimento 16. Avaliação e Reabilitação das Disfunções Cardiopulmonares 17. Interações de Recursos Terapêuticos em Sistemas Biológicos 18. Processo de Avaliação e Intervenção Terapêutica das Disfunções dos Sistemas Neuro-Muscular

7 19. Avaliação e Intervenção em Fisioterapia nos sistemas cardiovascular, endócrino e respiratório 20. Avaliação e Intervenção em Fisioterapia no sistema Neuro-músculo esquelético 21. Instrumentação e Intervenção Fisioterapêutica 22. Fisioterapia: Desempenho Físico-Funcional e Qualidade de Vida 2. Processos de avaliação e intervenção associados aos sistemas respiratório e cardiovascular 24. Processos de avaliação e intervenção associados ao sistema neuro-músculo-esquelético 25. Aspectos funcionais e biológicos associados ao desempenho humano e à promoção de saúde 26. Abordagem Terapêutica em Reabilitação 27. Avaliação Funcional e Atividade Física 28. Avaliação e intervenção fisioterapêutica no controle da postura e do movimento humano 29. Avaliação e intervenção em fisioterapia cardiorrespiratória 0. Fundamentação da Reabilitação Cardiovascular, Pulmonar e Metabólica. 1. Fundamentação da Reabilitação Neurológica. 2. Fundamentação da Reabilitação Músculo esquelética.. Análise Biomecânica e Intervenção Funcional no Movimento Humano 4. Desempenho e adaptações cardiorrespiratórias 5. Instrumentação e validação de técnicas fisioterapêutica 6. Avaliação e Intervenção em fisioterapia no sistema musculoesquelético 7. Avaliação e Intervenção em fisioterapia cardiovascular e respiratória

8 Processo de Avaliação e Intervenção Terapêutica, ou Prevenção, ou Reabilitação/Fisioterapia ou Adaptações das Disfunções Ortopédicas, do Envelhecimento e do SISTEMA MÚSCULO-ESQUELÉTICO. Processos de Avaliação e Intervenção, ou Prevenção ou Reabilitação/Fisioterapia e/ou Adaptações das Disfunções ou Doenças CARDIORRESPIRATÓRIAS E METABÓLICAS. Processos de Avaliação e Intervenção Terapêutica, ou Prevenção, ou Reabilitação/Fisioterapia no Desenvolvimento Neuromotor e Disfunções dos SISTEMAS NEURO-MUSCULAR.

9 GRANDE ÁREA DA SAÚDE ÁREA AVALIAÇÃO Totais de Cursos de pósgraduação Programas e Cursos de pós-graduação Total M D F M/D Total M D F EDUCAÇÃO FÍSICA ENFERMAGEM FARMÁCIA MEDICINA I MEDICINA II MEDICINA III NUTRIÇÃO ODONTOLOGIA SAÚDE COLETIVA TOTAL SAÚDE Brasil: Total = 612 PPG

10 GRANDE ÁREA DA SAÚDE MEDICINA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA I 90 PPG CLÍNICA MÉDICA ANGIOLOGIA DERMATOLOGIA CANCEROLOGIA ENDOCRINOLOGIA CARDIOLOGIA GASTROENTEROLOGIA PNEUMOLOGIA NEFROLOGIA FISIATRIA MEDICINA LEGAL E DEONTOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA II 91 PPG ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA CLÍNICA HEMATOLOGIA NEUROLOGIA PEDIATRIA DOENÇAS INFECCIOSAS E PARASITÁRIAS REUMATOLOGIA SAÚDE MATERNO-INFANTIL PSIQUIATRIA ANATOMIA PATOLÓGICA E PATOLOGIA CLÍNICA RADIOLOGIA MÉDICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA III 42 PPG GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA OFTALMOLOGIA ORTOPEDIA CIRURGIA CIRURGIA PLÁSTICA E RESTAURADORA CIRURGIA OTORRINOLARINGOLOGIA CIRURGIA OFTALMOLÓGICA CIRURGIA CARDIOVASCULAR CIRURGIA TORÁXICA CIRURGIA GASTROENTEROLOGICA CIRURGIA PEDIÁTRICA NEUROCIRURGIA CIRURGIA UROLÓGICA CIRURGIA PROCTOLÓGICA CIRURGIA ORTOPÉDICA CIRURGIA TRAUMATOLÓGICA ANESTESIOLOGIA CIRURGIA EXPERIMENTAL Total = 612 PPG ÁREA DE AVALIAÇÃO: NUTRIÇÃO NUTRIÇÃO BIOQUÍMICA DA NUTRIÇÃO DIETÉTICA ANÁLISE NUTRICIONAL DE POPULAÇÃO DESNUTRIÇÃO E DESENVOLVIMENTO FISIOLÓGICO ÁREA DE AVALIAÇÃO: ODONTOLOGIA ODONTOLOGIA CLÍNICA ODONTOLÓGICA CIRURGIA BUCO-MAXILO-FACIAL ORTODONTIA ODONTOPEDIATRIA PERIODONTIA ENDODONTIA RADIOLOGIA ODONTOLÓGICA ODONTOLOGIA SOCIAL E PREVENTIVA MATERIAIS ODONTOLÓGICOS ÁREA DE AVALIAÇÃO: FARMÁCIA FARMÁCIA FARMACOTECNIA FARMACOGNOSIA ANÁLISE TOXICOLÓGICA ANÁLISE E CONTROLE DE MEDICAMENTOS BROMATOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: ENFERMAGEM ENFERMAGEM ENFERMAGEM MÉDICO-CIRÚRGICA ENFERMAGEM OBSTÉTRICA ENFERMAGEM PEDIÁTRICA ENFERMAGEM PSIQUIÁTRICA ENFERMAGEM DE DOENÇAS CONTAGIOSAS ENFERMAGEM DE SAÚDE PÚBLICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: SAÚDE COLETIVA SAÚDE COLETIVA EPIDEMIOLOGIA SAÚDE PÚBLICA MEDICINA PREVENTIVA 26 PPG ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA FONOAUDIOLOGIA FISIOTERAPIA E T. OCUPACIONAL 100 PPG 6 PPG 67 PPG 79 PPG Fonte CAPES 54 PPG

11 GRANDE ÁREA DA SAÚDE MEDICINA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA I CLÍNICA MÉDICA ANGIOLOGIA DERMATOLOGIA CANCEROLOGIA ENDOCRINOLOGIA CARDIOLOGIA GASTROENTEROLOGIA PNEUMOLOGIA NEFROLOGIA FISIATRIA MEDICINA LEGAL E DEONTOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA II ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA CLÍNICA HEMATOLOGIA NEUROLOGIA PEDIATRIA DOENÇAS INFECCIOSAS E PARASITÁRIAS REUMATOLOGIA SAÚDE MATERNO-INFANTIL PSIQUIATRIA ANATOMIA PATOLÓGICA E PATOLOGIA CLÍNICA RADIOLOGIA MÉDICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA III GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA OFTALMOLOGIA ORTOPEDIA CIRURGIA CIRURGIA PLÁSTICA E RESTAURADORA CIRURGIA OTORRINOLARINGOLOGIA CIRURGIA OFTALMOLÓGICA CIRURGIA CARDIOVASCULAR CIRURGIA TORÁXICA CIRURGIA GASTROENTEROLOGICA CIRURGIA PEDIÁTRICA NEUROCIRURGIA CIRURGIA UROLÓGICA CIRURGIA PROCTOLÓGICA CIRURGIA ORTOPÉDICA CIRURGIA TRAUMATOLÓGICA ANESTESIOLOGIA CIRURGIA EXPERIMENTAL Total = 612 PPG ÁREA DE AVALIAÇÃO: NUTRIÇÃO NUTRIÇÃO BIOQUÍMICA DA NUTRIÇÃO DIETÉTICA ANÁLISE NUTRICIONAL DE POPULAÇÃO DESNUTRIÇÃO E DESENVOLVIMENTO FISIOLÓGICO ÁREA DE AVALIAÇÃO: ODONTOLOGIA ODONTOLOGIA CLÍNICA ODONTOLÓGICA CIRURGIA BUCO-MAXILO-FACIAL ORTODONTIA ODONTOPEDIATRIA PERIODONTIA ENDODONTIA RADIOLOGIA ODONTOLÓGICA ODONTOLOGIA SOCIAL E PREVENTIVA MATERIAIS ODONTOLÓGICOS ÁREA DE AVALIAÇÃO: FARMÁCIA FARMÁCIA FARMACOTECNIA FARMACOGNOSIA ANÁLISE TOXICOLÓGICA ANÁLISE E CONTROLE DE MEDICAMENTOS BROMATOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: ENFERMAGEM ENFERMAGEM ENFERMAGEM MÉDICO-CIRÚRGICA ENFERMAGEM OBSTÉTRICA ENFERMAGEM PEDIÁTRICA ENFERMAGEM PSIQUIÁTRICA ENFERMAGEM DE DOENÇAS CONTAGIOSAS ENFERMAGEM DE SAÚDE PÚBLICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: SAÚDE COLETIVA SAÚDE COLETIVA EPIDEMIOLOGIA SAÚDE PÚBLICA MEDICINA PREVENTIVA ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA FONOAUDIOLOGIA FISIOTERAPIA E T. OCUPACIONAL Fonte CAPES 1/4

12 POSSÍVEIS SUBÁREAS DA FISIOTERAPIA Processo de Avaliação e Intervenção Terapêutica, ou Prevenção, ou Reabilitação/Fisioterapia ou Adaptações das Disfunções Ortopédicas, do Envelhecimento e do SISTEMA MÚSCULO-ESQUELÉTICO. Processos de Avaliação e Intervenção, ou Prevenção ou Reabilitação/Fisioterapia e/ou Adaptações das Disfunções ou Doenças CARDIOPULMONARES E METABÓLICAS. Processos de Avaliação e Intervenção Terapêutica, ou Prevenção, ou Reabilitação/Fisioterapia no Desenvolvimento Neuromotor e Disfunções dos SISTEMAS NEURO-MUSCULAR.

13 GRANDE ÁREA DA SAÚDE MEDICINA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA I CLÍNICA MÉDICA ANGIOLOGIA DERMATOLOGIA CANCEROLOGIA ENDOCRINOLOGIA CARDIOLOGIA GASTROENTEROLOGIA PNEUMOLOGIA NEFROLOGIA FISIATRIA MEDICINA LEGAL E DEONTOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA II ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA CLÍNICA HEMATOLOGIA NEUROLOGIA PEDIATRIA DOENÇAS INFECCIOSAS E PARASITÁRIAS REUMATOLOGIA SAÚDE MATERNO-INFANTIL PSIQUIATRIA ANATOMIA PATOLÓGICA E PATOLOGIA CLÍNICA RADIOLOGIA MÉDICA 10 ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA III GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA OFTALMOLOGIA ORTOPEDIA CIRURGIA CIRURGIA PLÁSTICA E RESTAURADORA CIRURGIA OTORRINOLARINGOLOGIA CIRURGIA OFTALMOLÓGICA CIRURGIA CARDIOVASCULAR CIRURGIA TORÁXICA CIRURGIA GASTROENTEROLOGICA CIRURGIA PEDIÁTRICA NEUROCIRURGIA CIRURGIA UROLÓGICA CIRURGIA PROCTOLÓGICA CIRURGIA ORTOPÉDICA CIRURGIA TRAUMATOLÓGICA ANESTESIOLOGIA CIRURGIA EXPERIMENTAL ÁREA DE AVALIAÇÃO: NUTRIÇÃO NUTRIÇÃO BIOQUÍMICA DA NUTRIÇÃO DIETÉTICA ANÁLISE NUTRICIONAL DE POPULAÇÃO DESNUTRIÇÃO E DESENVOLVIMENTO FISIOLÓGICO ÁREA DE AVALIAÇÃO: ODONTOLOGIA ODONTOLOGIA CLÍNICA ODONTOLÓGICA CIRURGIA BUCO-MAXILO-FACIAL ORTODONTIA ODONTOPEDIATRIA PERIODONTIA ENDODONTIA RADIOLOGIA ODONTOLÓGICA ODONTOLOGIA SOCIAL E PREVENTIVA MATERIAIS ODONTOLÓGICOS ÁREA DE AVALIAÇÃO: FARMÁCIA FARMÁCIA FARMACOTECNIA FARMACOGNOSIA ANÁLISE TOXICOLÓGICA ANÁLISE E CONTROLE DE MEDICAMENTOS BROMATOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: ENFERMAGEM ENFERMAGEM ENFERMAGEM MÉDICO-CIRÚRGICA ENFERMAGEM OBSTÉTRICA ENFERMAGEM PEDIÁTRICA ENFERMAGEM PSIQUIÁTRICA ENFERMAGEM DE DOENÇAS CONTAGIOSAS ENFERMAGEM DE SAÚDE PÚBLICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: SAÚDE COLETIVA SAÚDE COLETIVA EPIDEMIOLOGIA SAÚDE PÚBLICA MEDICINA PREVENTIVA Total = 612 PPG ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: FONOAUDIOLOGIA FONOAUDIOLOGIA ÁREA DE ALIAÇÃO: FISIOTERAPIA FISIOTERAPIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: TERAPIA OCUPACIONAL TERAPIA OCUPACIONAL Proposta... 6

14 ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA: - Desempenho Físico e Performance - Biodinâmica do Movimento - Desportos de Alto Nível - Atividade Física Adaptada - Recreação e Pedagogia do Movimento Físico - Estudos Olímpicos FONOAUDIOLOGIA: - Linguagem, Voz e Motricidade Oral - Ciências da Audição e Ciências da Fala - Linguística FISIOTERAPIA: TERAPIA OCUPACIONAL: - Fisioterapia e/ou Reabilitação Neuromuscular - Fisioterapia e/ou Reabilitação Cardiorrespiratória - Fisioterapia e/ou Reabilitação Musculoesquelético - Saúde Ocupacional do Idoso, Criança e Adolescente - Saúde Ocupacional do Trabalhador -Saúde Ocupacional em Saúde Mental

15 GRANDE ÁREA DA SAÚDE MEDICINA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA I CLÍNICA MÉDICA ANGIOLOGIA DERMATOLOGIA CANCEROLOGIA ENDOCRINOLOGIA CARDIOLOGIA GASTROENTEROLOGIA PNEUMOLOGIA NEFROLOGIA FISIATRIA MEDICINA LEGAL E DEONTOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA II ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA CLÍNICA HEMATOLOGIA NEUROLOGIA PEDIATRIA DOENÇAS INFECCIOSAS E PARASITÁRIAS REUMATOLOGIA SAÚDE MATERNO-INFANTIL PSIQUIATRIA ANATOMIA PATOLÓGICA E PATOLOGIA CLÍNICA FARMÁCIA RADIOLOGIA MÉDICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: MEDICINA III GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA OFTALMOLOGIA ORTOPEDIA CIRURGIA CIRURGIA PLÁSTICA E RESTAURADORA CIRURGIA OTORRINOLARINGOLOGIA CIRURGIA OFTALMOLÓGICA CIRURGIA CARDIOVASCULAR CIRURGIA TORÁXICA CIRURGIA GASTROENTEROLOGICA CIRURGIA PEDIÁTRICA NEUROCIRURGIA CIRURGIA UROLÓGICA CIRURGIA PROCTOLÓGICA CIRURGIA ORTOPÉDICA CIRURGIA TRAUMATOLÓGICA ANESTESIOLOGIA CIRURGIA EXPERIMENTAL NUTRIÇÃO ÁREA DE AVALIAÇÃO: NUTRIÇÃO BIOQUÍMICA DA NUTRIÇÃO DIETÉTICA ANÁLISE NUTRICIONAL DE POPULAÇÃO DESNUTRIÇÃO E DESENVOLVIMENTO FISIOLÓGICO ÁREA DE AVALIAÇÃO: ODONTOLOGIA ODONTOLOGIA CLÍNICA ODONTOLÓGICA CIRURGIA BUCO-MAXILO-FACIAL ORTODONTIA ODONTOPEDIATRIA PERIODONTIA ENDODONTIA RADIOLOGIA ODONTOLÓGICA ODONTOLOGIA SOCIAL E PREVENTIVA MATERIAIS ODONTOLÓGICOS ÁREA DE AVALIAÇÃO: FARMÁCIA FARMACOTECNIA FARMACOGNOSIA ANÁLISE TOXICOLÓGICA ANÁLISE E CONTROLE DE MEDICAMENTOS BROMATOLOGIA ÁREA DE AVALIAÇÃO: ENFERMAGEM ENFERMAGEM ENFERMAGEM MÉDICO-CIRÚRGICA ENFERMAGEM OBSTÉTRICA ENFERMAGEM PEDIÁTRICA ENFERMAGEM PSIQUIÁTRICA ENFERMAGEM DE DOENÇAS CONTAGIOSAS ENFERMAGEM DE SAÚDE PÚBLICA ÁREA DE AVALIAÇÃO: SAÚDE COLETIVA SAÚDE COLETIVA EPIDEMIOLOGIA SAÚDE PÚBLICA MEDICINA PREVENTIVA Proposta ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA...?......?......?......?......?......?... ÁREA DE AVALIAÇÃO: FONOAUDIOLOGIA FONOAUDIOLOGIA...?......?......?... ÁREA DE ALIAÇÃO: FISIOTERAPIA FISIOTERAPIA Fisioterapia no Sistema Cardiorrespiratório Fisioterapia no Sistema Musculoesquelético Fisioterapia no Sistema Neuromuscular ÁREA DE AVALIAÇÃO: TERAPIA OCUPACIONAL TERAPIA OCUPACIONAL...?...?..?.. 6 Total = 612 PPG

16 ÁREA DE AVALIAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA...?......?......?......?......?......?... ÁREA DE AVALIAÇÃO: FONOAUDIOLOGIA FONOAUDIOLOGIA...?......?......? ÁREA DE ALIAÇÃO: FISIOTERAPIA FISIOTERAPIA FISIOTERAPIA NO SISTEMA CARDIORRESPIRATÓRIO FISIOTERAPIA NO SISTEMA MUSCULOESQUELÉTICO FISIOTERAPIA NO SISTEMA NEUROMUSCULAR ÁREA DE AVALIAÇÃO: TERAPIA OCUPACIONAL TERAPIA OCUPACIONAL...?...?..?..

17 Proposta de Organização da Área de Fisioterapia e suas respectivas subáreas com base nas Linhas de Pesquisa dos seus PPGs

Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 390 1 Classificado Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 405 2 Classificado.

Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 390 1 Classificado Programa com Entrada Direta 311 - Dermatologia 405 2 Classificado. Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 21 1 Classificado Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 1115 2 Classificado Programa com Entrada Direta 302 - Anestesiologia 32 3 Classificado

Leia mais

ANEXO I ÁREA DE FORMAÇÃO E TITULAÇÃO MÍNIMA

ANEXO I ÁREA DE FORMAÇÃO E TITULAÇÃO MÍNIMA 1 CURSO DE MEDICINA CÓD. DISCIPLINAS 001 Inglês 1 I 12 Curso formação completo em língua Inglesa ou título proficiência em língua inglesa. 002 Interação à Saú Comunitária I 2 I 12 ou Saú Coletiva ou Graduação

Leia mais

SELEÇÃO PARA COOPERAÇÃO DE MÉDICOS Edital n. 01/2009. ACUPUNTURA Código 101. Gabarito

SELEÇÃO PARA COOPERAÇÃO DE MÉDICOS Edital n. 01/2009. ACUPUNTURA Código 101. Gabarito ACUPUNTURA Código 101 Questão 01: D Questão 19: B Questão 37: D Questão 55: D Questão 02: D Questão 20: D Questão 38: B Questão 56: B Questão 03: D Questão 21: A Questão 39: C Questão 57: A Questão 04:

Leia mais

Tabela 24 - Terminologia do código brasileiro de ocupação (CBO) Data de início de vigência. Código do Termo. Data de fim de implantação

Tabela 24 - Terminologia do código brasileiro de ocupação (CBO) Data de início de vigência. Código do Termo. Data de fim de implantação de 201115 Geneticista 26/09/2008 26/09/2008 203015 Pesquisador em biologia de microorganismos e parasitas 26/09/2008 26/09/2008 213150 Físico médico 26/09/2008 26/09/2008 221105 Biólogo 26/09/2008 26/09/2008

Leia mais

201115 Geneticista 26/09/2008 26/09/2008. 213150 Físico médico 26/09/2008 26/09/2008. 221105 Biólogo 26/09/2008 26/09/2008

201115 Geneticista 26/09/2008 26/09/2008. 213150 Físico médico 26/09/2008 26/09/2008. 221105 Biólogo 26/09/2008 26/09/2008 de 201115 Geneticista 26/09/2008 26/09/2008 203015 Pesquisador em biologia de microorganismos e parasitas 26/09/2008 26/09/2008 213150 Físico médico 26/09/2008 26/09/2008 221105 Biólogo 26/09/2008 26/09/2008

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO FINAL DA SELEÇÃO PÚBLICA PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS COMO COOPERADOS NA UNIMED JUIZ DE FORA 01/2012

CLASSIFICAÇÃO FINAL DA SELEÇÃO PÚBLICA PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS COMO COOPERADOS NA UNIMED JUIZ DE FORA 01/2012 34288 Acupuntura 59 aprovado 3 45210 Alergia e Imunologia 56,5 aprovado 5 42926 Anestesiologia 62,5 aprovado 48867 Anestesiologia 60,5 aprovado 48235 Anestesiologia 59 aprovado 9 48302 Anestesiologia 56

Leia mais

GRUPO SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE BELO HORIZONTE PROCESSO SELETIVO - RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 RESULTADO FINAL 1ª Etapa Prova Objetiva.

GRUPO SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE BELO HORIZONTE PROCESSO SELETIVO - RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 RESULTADO FINAL 1ª Etapa Prova Objetiva. 101 Anestesiologia 1167427 84,00 5,60-89,60 1 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1168953 78,00 8,00-86,00 2 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1169652 75,60 8,50-84,10 3 CLASSIFICADO 101 Anestesiologia 1170741

Leia mais

CARGOS / ESPECIALIDADES: Auxiliar de Serviços Gerais 101. Gabarito

CARGOS / ESPECIALIDADES: Auxiliar de Serviços Gerais 101. Gabarito Auxiliar de Serviços Gerais 101 Questão 01: B Questão 02: B Questão 03: C Questão 04: B Questão 05: D Questão 06: D Questão 07: B Questão 08: A Questão 09: D Questão 10: D Questão 11: C Questão 12: C Questão

Leia mais

Especialidades Médicas. Questões para todas as especialidades/áreas de atuação

Especialidades Médicas. Questões para todas as especialidades/áreas de atuação DAS PROVAS OBJETIVAS Especialidades Médicas Questões para todas as especialidades/áreas de atuação INGLÊS 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 1 2 3 Prova A A B E D C B D E A C C D E Prova B C E B B A E B C D A A B C

Leia mais

CBO-S (Códigos de Especialidade)

CBO-S (Códigos de Especialidade) CBO-S (Códigos de Especialidade) Código Descrição 1312.05 Diretor clínico 1312.05 Diretor de departamento de saúde 1312.05 Diretor de divisão médica 1312.05 Diretor de serviços de saúde 1312.05 Diretor

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS CONCURSO PÚBLICO 004/2016 A Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85

VAGAS e INSCRITOS por GRUPO 39 85 01 - ÁREAS BÁSICAS COM ACESSO DIRETO 1 ANESTESIOLOGIA - 3 ANOS 15 165 11,0 2 CIRURGIA GERAL - 2 ANOS 46 211 4,6 3 CLÍNICA MÉDICA - 2 ANOS 54 275 5,1 4 DERMATOLOGIA - 3 ANOS 5 88 17,6 5 INFECTOLOGIA - 3

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS CONCURSO PÚBLICO 004/2016 A Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 5/2014-EBSERH/HC-UFMG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, 21 DE FEVEREIRO DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 5/2014-EBSERH/HC-UFMG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, 21 DE FEVEREIRO DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 5/2014-EBSERH/HC-UFMG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, 21 DE FEVEREIRO DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 Médico Acupuntura 802

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS PADRE ALBINO. Catálogo 2015 do Curso de Medicina

FACULDADES INTEGRADAS PADRE ALBINO. Catálogo 2015 do Curso de Medicina III MATRIZ CURRICULAR Matriz Curricular I (MC I), em atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Graduação em Medicina, aprovadas no Parecer CNE/CES nº 1133/2001, de 7/8/2001. Aprovada

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 06/2015-EBSERH/HC-UFG ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 16 DE JULHO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 004 Médico - Alergia e Imunologia

Leia mais

EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA. Escola Superior de Ciências da Saúde

EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA. Escola Superior de Ciências da Saúde EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA Escola Superior de Ciências da Saúde Período de Inscrição: 18 de janeiro de 2010 a 19 de fevereiro de 2010. Local de Inscrição:

Leia mais

Página 1 de 6. Médico - Acupuntura. Médico - Alergia e Imunologia Pediátrica. Médico - Anestesiologia. Médico - Cancerologia Clínica

Página 1 de 6. Médico - Acupuntura. Médico - Alergia e Imunologia Pediátrica. Médico - Anestesiologia. Médico - Cancerologia Clínica Especialidade Médico - Acupuntura Médico - Alergia e Imunologia Médico - Anestesiologia Médico - Cancerologia Clínica Médico - Cancerologia Médico - Cardiologia Médico - Cardiologia - Eletrofisiologia

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO QUADRO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO

PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO QUADRO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO QUADRO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE JUAZEIRO RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 001/2007 O PREFEITO MUNICIPAL DE JUAZEIRO, ESTADO DA BAHIA,

Leia mais

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INFORMAÇÕES GERAIS 1 - A Residência em Medicina constitui modalidade de ensino de pós-graduação, destinada

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 09/2014-EBSERH/HU-UFMS ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 17 DE ABRIL DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 802 Médico Alergia e

Leia mais

SALVADOR SAÚDE NUCLEARES GABARITO OFICIAL DA MULTIDISCIPLINAR 2016.1 GRUPO UNIRB

SALVADOR SAÚDE NUCLEARES GABARITO OFICIAL DA MULTIDISCIPLINAR 2016.1 GRUPO UNIRB SALVADOR SAÚDE NUCLEARES ANTROPOLOGIA E SOCIEDADE B B A D E A B E C D DIREITOS HUMANOS N N N N N N N N N N FILOSOFIA E ÉTICA B A C D B C D E C B GESTÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO B A C E E A B C D E HISTORIA

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ

CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ Gabarito Preliminar CONCURSO PÚBLICO 02/2015 EBSERH/HE-UFPEL EDITAL N 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ MÉDICO - ALERGIA E IMUNOLOGIA D A B E C D D C A B C C E A E E B B E B D A C D A MÉDICO

Leia mais

1. Pediatria /Internato 03+ 01 TP-20

1. Pediatria /Internato 03+ 01 TP-20 MINISTERIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUI EDITAL Nº. 01/2010UFPI, de 03 de fevereiro de 2010. CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTE DO MAGISTÉRIO SUPERIOR ANEXO DEPARTAMENTO MATERNO INFANTIL 1. Pediatria

Leia mais

FACULDADE CENTRO SUL DO PARANÁ. PORTARIA nº01/2015 São Mateus do Sul, 02 de março de 2015.

FACULDADE CENTRO SUL DO PARANÁ. PORTARIA nº01/2015 São Mateus do Sul, 02 de março de 2015. FACULDADE CENTRO SUL DO PARANÁ PORTARIA nº01/2015 São Mateus do Sul, 02 de março de 2015. O Diretor Geral da Faculdade Centro Sul do Paraná FACSPAR, credenciada junto ao MEC pela portaria Nº 697, de 15

Leia mais

Centro Médico Pedro Maques. Av. Mendonça Junior,1018, Gruta de Lourdes. Fone: (82) 3316-7870. Rua Hugo Correia Paes, 253, Farol. Fone: (82) 2123-7000

Centro Médico Pedro Maques. Av. Mendonça Junior,1018, Gruta de Lourdes. Fone: (82) 3316-7870. Rua Hugo Correia Paes, 253, Farol. Fone: (82) 2123-7000 www.plamed.com.br Rede Credenciada Por Município MACEIÓ Urgência e Emergência URGÊNCIA PEDIÁTRICA CONSULTAS ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA (ADULTO E PEDIATRIA) ANGIOLOGIA CARDIOLOGIA CIRURGIA CARDÍACA CIRURGIA

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E B R A S Í L I A (UnB) CENTRO DE SELEÇÃO E DE PROMOÇÃO DE EVENTOS (CESPE)

U N I V E R S I D A D E D E B R A S Í L I A (UnB) CENTRO DE SELEÇÃO E DE PROMOÇÃO DE EVENTOS (CESPE) U N I V E R S I D A D E D E B R A S Í L I A (UnB) CENTRO DE SELEÇÃO E DE PROMOÇÃO DE EVENTOS (CESPE) MINISTÉRIO DA DEFESA SECRETARIA DE ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS (HFA) Concurso

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 03/2015-EBSERH/HU-UFJF ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 06 DE MARÇO DE 2015 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 006 Médico - Anestesiologia

Leia mais

Conhecimentos em Clínica Médica.

Conhecimentos em Clínica Médica. ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA s com Acesso Direto Acupuntura Anestesiologia Cirurgia Geral Dermatologia Infectologia Medicina da Família e Comunidade Medicina Nuclear Neurocirurgia Neurologia Conhecimentos

Leia mais

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016 4600074 1 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600086 2 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600489 3 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600487 4 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600670 5 100 100 - CIRURGIA GERAL 4600415 6 100 100 - CIRURGIA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITATIAIA - RJ CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 01/2014 ANEXO I

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITATIAIA - RJ CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 01/2014 ANEXO I JORNA 001 ARQUITETO 002 ASSISTENTE SOCIAL 003 BIBLIOTECÁRIO 004 BIOQUÍMICO 005 BIÓLOGO 006 CONTOR 007 NTISTA Curso de Nível Superior em Arquitetura e Curso de Nível Superior em Serviço Social e registro

Leia mais

Especialidade. Descrição. Código

Especialidade. Descrição. Código 1311.20 Gerente de serviços sociais 1312.05 Diretor de divisão médica 1312.05 Diretor de serviços de saúde 1312.05 Diretor de serviços médicos 1312.05 Diretor de unidade assistencial 1312.05 Diretor de

Leia mais

ANEXO I (VAGAS E REQUISITOS) QUADRO SETORIAL DA SAÚDE

ANEXO I (VAGAS E REQUISITOS) QUADRO SETORIAL DA SAÚDE ANEXO I (VAGAS E REQUISITOS) QUADRO SETORIAL DA SAÚDE CARGO CÓDIGO REQUISITOS VAGAS VAGA DEFICIENTE Curso Superior, em nível de graduação, em Enfermagem, ENFERMEIRO DO TRABALHO SE-503 registro profissional

Leia mais

Dados para geração do NFTE para Residência Médica - 2002. TI/DEDES/SESu/MEC Página 1 de 17

Dados para geração do NFTE para Residência Médica - 2002. TI/DEDES/SESu/MEC Página 1 de 17 26284 FFFCMPA Porto Alegre Anatomia Patológica 4 4 26284 FFFCMPA Porto Alegre Anestesiologia 6 6 26284 FFFCMPA Porto Alegre Cirurgia de Cabeça e Pescoço 2 2 26284 FFFCMPA Porto Alegre Cirurgia Geral 18

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA SECRETARIA DE ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS (HFA)

MINISTÉRIO DA DEFESA SECRETARIA DE ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS (HFA) U N I V E R S I D A D E D E B R A S Í L I A (UnB) CENTRO DE SELEÇÃO E DE PROMOÇÃO DE EVENTOS (CESPE) MINISTÉRIO DA DEFESA SECRETARIA DE ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS (HFA) Concurso

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS

CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS CONCURSO PÚBLICO 1/2014-EBSERH/HUSM-UFSM ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS Código Especialidade Requisitos 801 Médico Alergia

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR 2015.2 MEDICINA

MATRIZ CURRICULAR 2015.2 MEDICINA Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Coordenadoria de Ensino de Graduação Centro de Ciências da Saúde MATRIZ CURRICULAR 2015.2 MEDICINA PRIMEIRO PERÍODO MORFOLOGIA BIOLOGIA CELULAR, TECIDUAL E DO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Total de Atendimento Realizados Núcleo de Especialidades Janeiro 2013

Total de Atendimento Realizados Núcleo de Especialidades Janeiro 2013 Janeiro 2013 232 1258 714 595 2 345 113 428 232 250 113 30 54 509 66 240 46 437 30 186 180 31 32 5 Fevereiro 2013 53 501 81 393 23 752579 18636 426 154 69 8 215 32 535 288 1296 173 217 215 572 4 Marįo

Leia mais

1.25. CBO-S (especialidade) 1312.05 Diretor clínico. 1312.05 Diretor de departamento de saúde. 1312.05 Diretor de divisão médica

1.25. CBO-S (especialidade) 1312.05 Diretor clínico. 1312.05 Diretor de departamento de saúde. 1312.05 Diretor de divisão médica 1.25. CBO-S (especialidade) Código Descrição 1312.05 Diretor clínico 1312.05 Diretor de departamento de saúde 1312.05 Diretor de divisão médica 1312.05 Diretor de serviços de saúde 1312.05 Diretor de serviços

Leia mais

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016

RESIDÊNCIA MÉDICA 2016 4600074 1 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600086 2 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600489 3 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600487 4 100 100 - CIRURGIA GERAL Convocado 4600670 5 100 100 - CIRURGIA

Leia mais

1 Recebido 2 Em análise 3 Liberado para pagamento 4 Encerrado sem pagamento 5 Analisado e aguardando liberação para o pagamento

1 Recebido 2 Em análise 3 Liberado para pagamento 4 Encerrado sem pagamento 5 Analisado e aguardando liberação para o pagamento 1.24. Status do protocolo Código Descrição 1 Recebido 2 Em análise 3 Liberado para pagamento 4 Encerrado sem pagamento 5 Analisado e aguardando liberação para o pagamento 1.25. CBOS (especialidade) Código

Leia mais

EDITAL 01 NÍVEL SUPERIOR

EDITAL 01 NÍVEL SUPERIOR EDITAL NÍVEL SUPERIOR Quantidade de empregos por ocupação Concurso 25 Fundasus Emprego Público de Nível Superior Médico 100h 200h Médico Acupuntura 02 - em Saúde Anestesiologia 02 - Angiologia 03 - Antroposofia

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ. ANEXO I DO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO n. o 001/2007-PMC CARREIRAS/CARGOS/ÁREAS DE CONHECIMENTO/REQUISTOS BÁSICOS/VAGAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ. ANEXO I DO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO n. o 001/2007-PMC CARREIRAS/CARGOS/ÁREAS DE CONHECIMENTO/REQUISTOS BÁSICOS/VAGAS PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ ANEXO I DO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO n. o 001/2007-PMC CARREIRAS/CARGOS/ÁREAS DE CONHECIMENTO/REQUISTOS BÁSICOS/VAGAS Carreira: Regulação e Fiscalização Especialista em

Leia mais

A Fundação do ABC, por meio da Central de Convênios C,C.,TORNA PÚBLICO os Gabaritos das Provas realizadas em 12/01/2014.

A Fundação do ABC, por meio da Central de Convênios C,C.,TORNA PÚBLICO os Gabaritos das Provas realizadas em 12/01/2014. FUNDAÇÃO DO ABC - CENTRAL DE CONVÊNIOS COMPLEXO HOSPITALAR MUNICIPAL DE SÃO BERNARDO DO CAMPO (HOSPITAL MUNICIPAL UNIVERSITÁRIO / HOSPITAL ANCHIETA / HOSPITAL E PRONTO SOCORRO CENTRAL / HOSPITAL DE CLÍNICAS

Leia mais

OSMAR DE LIMA MAGALHÃES Secretário do Governo Municipal

OSMAR DE LIMA MAGALHÃES Secretário do Governo Municipal PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 1663, DE 02 DE JULHO DE 2012. Aprova o detalhamento das funções/especialidades dos cargos do Quadro Permanente da Função Saúde da Administração Pública

Leia mais

ERRATA DE EDITAL LEIA-SE: EM, 27 /11 /2015

ERRATA DE EDITAL LEIA-SE: EM, 27 /11 /2015 EM, 27 /11 /2015 ERRATA DE EDITAL A SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE/PE torna público a ERRATA do edital do Processo Seletivo da RESIDÊNCIA MÉDICA para o ano de 2016 publicado no DOE 14/11/2015, que será realizado

Leia mais

NÚMERO DE CONSULTAS MÉDICAS (SUS) POR HABITANTE

NÚMERO DE CONSULTAS MÉDICAS (SUS) POR HABITANTE Indicadores de cobertura NÚMERO DE CONSULTAS MÉDICAS (SUS) POR HABITANTE 1. Conceituação x Número médio de consultas médicas apresentadas no Sistema Único de Saúde (SUS) por habitante, em determinado espaço

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE MEDICINA DE DIAMANTINA - FAMED CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1 MED001 MED002 MED003

Leia mais

Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade

Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade Ambulatorial ALERGIA E IMUNOLOGIA (ALERGOLOGISTA) CARDIOLOGISTA CIRURGIAO EM GERAL Pagina 1 de 8 CIRURGIAO VASCULAR CLINICO

Leia mais

Para a Categoria Funcional de Nível Superior, nas seguintes áreas/especialidades:

Para a Categoria Funcional de Nível Superior, nas seguintes áreas/especialidades: Vagas e requisitos Para a Categoria Funcional de Nível Superior, nas seguintes áreas/especialidades: Áreas/Especialidades Vagas Pré-Requisitos Análises Clínicas (Biologia) 01 a) Formação Superior Completa

Leia mais

40 horas semanais Taxa de inscrição R$ 50,00

40 horas semanais Taxa de inscrição R$ 50,00 2.1 ARTÍFICE Ensino Fundamental Completo e experiência comprovada na área de atuação, quando da Salário R$ 622,00 Taxa de inscrição R$ 50,00 2.2 ASSISTENTE SOCIAL Salário R$ 2.223,74 30 horas semanais

Leia mais

FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS

FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS CONCURSO PÚBLICO REGIDO PELO EDITAL FHEMIG Nº. 01/2009, PARA PROVIMENTO DE CARGOS DAS CARREIRAS DE MÉDICO, PROFISSIONAL DE ENFERMAGEM, ANALISTA DE GESTÃO E

Leia mais

RELAÇÃO DE CARGOS. Requisito P/ Provimento. Salario Inicial 40 horas Semanais R$ 778,00. horaria. Ref. Denominação QTD

RELAÇÃO DE CARGOS. Requisito P/ Provimento. Salario Inicial 40 horas Semanais R$ 778,00. horaria. Ref. Denominação QTD RELAÇÃO DE CARGOS Ref. Denominação QTD 3 Agente de Combate as Endias 5 Requisito P/ Provimento Ensino Fundamenta + Curso Preparatório de responsabilidade da Prefeitura presença e nota de 80% de aproveitamento

Leia mais

ALAGOAS MACEIÓ URGÊNCIA GERAL URGÊNCIA ORTOPÉDICA URGÊNCIA PEDIÁTRICA HOSPITAL GERAL URGÊNCIA E EMERGÊNCIA URGÊNCIA CARDÍACA

ALAGOAS MACEIÓ URGÊNCIA GERAL URGÊNCIA ORTOPÉDICA URGÊNCIA PEDIÁTRICA HOSPITAL GERAL URGÊNCIA E EMERGÊNCIA URGÊNCIA CARDÍACA URGÊNCIA GERAL ALAGOAS URGÊNCIA ORTOPÉDICA URGÊNCIA PEDIÁTRICA HOSPITAL GERAL MACEIÓ URGÊNCIA E EMERGÊNCIA URGÊNCIA CARDÍACA RUA HUGO CORREIA PAES, 253. farol FONE: (82) 2123-7000 REDE CONTRATADA PARA

Leia mais

REAL SOCIEDADE ESPANHOLA DE BENEFICÊNCIA (RSEB) HOSPITAL REGIONAL DE SANTA MARIA/DF (HRSM) GABARITO OFICIAL DEFINITIVO.

REAL SOCIEDADE ESPANHOLA DE BENEFICÊNCIA (RSEB) HOSPITAL REGIONAL DE SANTA MARIA/DF (HRSM) GABARITO OFICIAL DEFINITIVO. EMPREGO 1: ASSISTENTE SOCIAL TIPO A Gabarito D X D A C B A D C A D A A A D Gabarito D B B X C C C D C C D C C C D EMPREGO 2: CIRURGIÃO BUCO-MAXILO-FACIAL TIPO A Gabarito D X D A C B A D C A B A C A D Gabarito

Leia mais

ATENÇÃO: Os cargos estão listados em ordenação alfabética por nível decrescente de escolaridade (superior, médio e fundamental).

ATENÇÃO: Os cargos estão listados em ordenação alfabética por nível decrescente de escolaridade (superior, médio e fundamental). 1 de 9 ATENÇÃO: Os cargos estão listados em ordenação alfabética por nível decrescente de escolaridade (superior, médio e fundamental). CARGO PERFIL PRÉ REQUISITO NÍVEL SUPERIOR Administrador Curso Superior

Leia mais

EDITAL CONCURSO UNCISAL Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014.

EDITAL CONCURSO UNCISAL Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014. EDITAL CONCURSO Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014. Retificado em 29/10/2014, com aviso publicado no Diário Oficial do Estado de Alagoas em 29/10/2014 Retificado em 07/11/2014, com aviso publicado no Diário

Leia mais

Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira Grade Curricular Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis de Itabira

Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira Grade Curricular Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis de Itabira Página: 1/6 Renovação de Reconhecimento - Portaria Nº 820, de /12/2014 - DOU Nº 1, de 02/01/2015 - Seção 1, p.18 0 ADM005 Diversidade e Formação Cidadã 0 GFIS086 LIBRAS - Língua Brasileira de Sinais -

Leia mais

ANEXO III QUADRO DE PROVAS QUADRO SETORIAL DA SAÚDE

ANEXO III QUADRO DE PROVAS QUADRO SETORIAL DA SAÚDE 1 ANEXO III QUADRO DE PROVAS QUADRO SETORIAL DA CARGO AGENTE DE HIGIENIZAÇÃO DE CÓDIGO DE INSCRIÇÃO AUXILIAR DE COZINHA 2. COPEIRO 3. COZINHEIRO 4. GUARDA PATRIMONIAL 5. ATENDENTE DE CONSULTORIO DENTARIO

Leia mais

INFORME CBO. CBO com alterações de códigos e/ou descrições

INFORME CBO. CBO com alterações de códigos e/ou descrições INFORME CBO Considerando a publicação da Portaria SAS/MS n 203/2011, que inclui no Sistema de Informação Hospitalar (SIH) o registro obrigatório da competência de realização de todos os procedimentos realizados

Leia mais

Boletim de Serviço. Nº 06, 05 de janeiro de 2015. Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes

Boletim de Serviço. Nº 06, 05 de janeiro de 2015. Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes Boletim de Serviço Nº 06, 05 de janeiro de 2015 Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES EBSERH HOSPITAL UNIVERSITÁRIO CASSIANO ANTÔNIO MORAES Av. Marechal

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR 2012.2 NOVO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO (PPC) OBRIGATÓRIAS: 264 CREDITOS OPTATIVAS: 14 CRÉDITOS TOTAL: 278 CRÉDITOS

MATRIZ CURRICULAR 2012.2 NOVO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO (PPC) OBRIGATÓRIAS: 264 CREDITOS OPTATIVAS: 14 CRÉDITOS TOTAL: 278 CRÉDITOS MATRIZ CURRICULAR 2012.2 NOVO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO (PPC) TOTAL DE CRÉDITOS: 278 TOTAL DE HORAS: 4448 HORAS OBRIGATÓRIAS: 2 CREDITOS OPTATIVAS: 14 CRÉDITOS TOTAL: 278 CRÉDITOS SEMESTRE 01 Módulo

Leia mais

Anexo I. Quadro de vagas por Hospital / Especialidades AREAS BÁSICAS

Anexo I. Quadro de vagas por Hospital / Especialidades AREAS BÁSICAS Anexo I Quadro de vagas por Hospital / Especialidades AREAS BÁSICAS COD.101 - CLINICA MÉDICA 0 2 Conjunto Hospitalar do Mandaqui 11 3 Faculdade de Medicina de Catanduva 6 4 Hospital Guilherme Alvaro -

Leia mais

PROGRAMA DATA LOCAL E INFORMAÇÕES HORÁRIO

PROGRAMA DATA LOCAL E INFORMAÇÕES HORÁRIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE - SANTA CASA DE PORTO ALEGRE COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA PROCESSO SELETIVO DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 CALENDÁRIO DA 2ª

Leia mais

Dados a serem fornecidos para inclusão de novas bibliotecas

Dados a serem fornecidos para inclusão de novas bibliotecas Dados a serem fornecidos para inclusão de novas bibliotecas Para exemplos, consulte Serviços>Guia> em: http://www.apcisrj.org Nome da instituição/sigla Nome da biblioteca Endereço completo, com CEP Telefone,

Leia mais

Página 1 de 4. Código Especialidade Requisitos

Página 1 de 4. Código Especialidade Requisitos CONCURSO PÚBLICO 12/2014-EBSERH/HU-UFMA ANEXO II DO EDITAL Nº 02 - EBSERH - ÁREA MÉDICA, DE 07 DE NOVEMBRO DE 2014 RELAÇÃO DE EMPREGOS E REQUISITOS RETIFICADO Código Especialidade Requisitos 801 Médico

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS LEI Nº 6.170, DE 06 DE JANEIRO DE 1993 - D.O. 06.01.93.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS LEI Nº 6.170, DE 06 DE JANEIRO DE 1993 - D.O. 06.01.93. Autor: Poder Executivo LEI Nº 6.170, DE 06 DE JANEIRO DE 1993 - D.O. 06.01.93. * Dispõe sobre o Plano de Cargos, Carreiras e Salários do Sistema Único de Saúde do Estado de Mato Grosso, e dá outras providências.

Leia mais

ANEXO I CARGOS, JORNADA DE TRABALHO, VAGAS, SALÁRIO MENSAL E PRÉ-REQUISITOS

ANEXO I CARGOS, JORNADA DE TRABALHO, VAGAS, SALÁRIO MENSAL E PRÉ-REQUISITOS ANEXO I CARGOS, JORNADA DE TRABALHO, VAGAS, SALÁRIO MENSAL E PRÉ-REQUISITOS CARGOS DE NÍVEL ALFABETIZADO 1. Agente de Serviços Gerais Educação (56) 40 RT R$ 700,00 Alfabetizado 2. Agente de Serviços Gerais

Leia mais

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.666/2003

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.666/2003 Página 1 de 27 RESOLUÇÃO CFM Nº 1.666/2003 Ementa: Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM nº 1.634/2002, que celebra o convênio de reconhecimento de especialidades médicas firmado entre

Leia mais

ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO.

ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO. ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO. CARGO: ASSISTENTE DE PESQUISA Cód. ÁREA DE ATUAÇÃO N O DE VAGAS POR ÁREA PERFIL 212 Antropologia 2

Leia mais

Oportunidades de ingresso a candidatos de Nível Fundamental

Oportunidades de ingresso a candidatos de Nível Fundamental O ingresso aos Cursos de Formação Militar, com planos de carreira, na Marinha do Brasil só é possível mediante concursos público militar abertos a candidatos desde os 15 anos até a idade máxima de 35 anos,

Leia mais

Hospital de Santo Espirito da Ilha Terceira e a sua articulação com as Unidades de Saúde de Ilha da RAA. Paula Moniz

Hospital de Santo Espirito da Ilha Terceira e a sua articulação com as Unidades de Saúde de Ilha da RAA. Paula Moniz Hospital de Santo Espirito da Ilha Terceira e a sua articulação com as Unidades de Saúde de Ilha da RAA Paula Moniz VISÃO O Hospital de Santo Espírito da Ilha Terceira, EPER pretende ser uma instituição

Leia mais

ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO COMUM PARA TODAS AS CATEGORIAS PROFISSIONAIS SAÚDE PÚBLICA E SAÚDE COLETIVA SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE SUS 1. História do sistema de saúde no Brasil; 2. A saúde na

Leia mais

Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade

Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade Plano de Saúde - Santa Casa de Santos Relação de Prestadores por Especialidade Ambulatorial ALERGIA E IMUNOLOGIA (ALERGOLOGISTA) CARDIOLOGISTA CIRURGIAO EM GERAL Pagina 1 de 9 CIRURGIAO VASCULAR CLINICO

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Gabinete do Secretário de Estado da Saúde

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Gabinete do Secretário de Estado da Saúde 21816-(2) Diário da República, 2.ª série N.º 118 20 de junho de 2012 PARTE C MINISTÉRIO DA SAÚDE Gabinete do Secretário de Estado da Saúde Despacho n.º 8317-A/2012 Pelo despacho n.º 7702 -B/2012, publicado

Leia mais

QUADRO DEMONSTRATIVO DE CARGOS, VAGAS, VENCIMENTOS E DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES

QUADRO DEMONSTRATIVO DE CARGOS, VAGAS, VENCIMENTOS E DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES ANEXO I QUADRO DEMONSTRATIVO DE CARGOS, VAGAS, VENCIMENTOS E DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES CARGO ASSISTENTE SOCIAL / PNS NÍVEL SUPERIOR Função Vagas Município Requisito Remuneração ASSISTENTE SOCIAL

Leia mais

OSMAR DE LIMA MAGALHÃES Secretário do Governo Municipal

OSMAR DE LIMA MAGALHÃES Secretário do Governo Municipal PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 076, DE 08 DE JANEIRO DE 2013. Aprova a distribuição de cargos, por função e especialidade, do Quadro Permanente de Pessoal da Administração Direta

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SEMAD SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS CONCURSO PÚBLICO 002/2016 ANEXO II DAS ATRIBUIÇÕES E REQUISITOS

Leia mais

Santos. Rede de Atendimento Prime e Sinprafarmas

Santos. Rede de Atendimento Prime e Sinprafarmas Rede de Atendimento Prime e Sinprafarmas Santos PRONTO ATENDIMENTO Hospital Beneficência Portuguesa Av. Bernardino de Campo, 47 Hospital Infantil Gonzaga Av. Ana Costa, 411 Tel: (13) 2101-0203 CLÍNICAS

Leia mais

Indique Anuncie Assine Contato Central de Relacionamento Login Novo cadastro

Indique Anuncie Assine Contato Central de Relacionamento Login Novo cadastro Indique Anuncie Assine Contato Central de Relacionamento Login Novo cadastro home Seções Beleza e Estética Cabelos Celulite Cirurgia Plástica Envelhecimento Estética Corporal Estética Facial Fisioterapia

Leia mais

CONVÊNIO CELEBRADO ENTRE O CFM, A AMB E A CNRM

CONVÊNIO CELEBRADO ENTRE O CFM, A AMB E A CNRM CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.973, DE 14 DE JULHO DE 2011 Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM Nº 1.845/08, que celebra o convênio de reconhecimento de especialidades

Leia mais

ANEXO I-D PODER EXECUTIVO RELAÇÃO DE CARGOS AGLUTINADOS

ANEXO I-D PODER EXECUTIVO RELAÇÃO DE CARGOS AGLUTINADOS ANEXO I-D PODER EXECUTIVO RELAÇÃO DE S AGLUTINADOS ATUAL ALTERAR PARA: Auxiliar de Cozinha Cozinheira AGENTE DE ALIMENTAÇÃO Auxiliar de Mecânico Borracheiro Chapeador/Lanterneiro Lavador/Lubrificador Soldador

Leia mais

Os horários poderão sofrer alteração para atender à necessidade e o interesse do serviço público.

Os horários poderão sofrer alteração para atender à necessidade e o interesse do serviço público. Os horários poderão sofrer alteração para atender à necessidade e o interesse do serviço público. Os servidores que trabalham na área de assistência e área médica, no regime de escala poderão ter suas

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA 1 de 26 16/11/2010 18:54 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO CFM Nº 1845/2008 (Publicada no D.O.U. de 15 Jul 2008, Seção I, p. 72) (Republicada com anexo no D.O.U. 16 Jul 2008, Seção I, p.164-168) (Modificada

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA REITORIA

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA REITORIA ANEXO DO EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA Edital n 01/2016 CURSO DISCIPLINA MONITORIA TOTAL Empreendedorismo Administração - Unidade Anil Administração - Unidade COHAMA Administração - Unidade Renascença

Leia mais

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE

RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE RESOLUÇÃO CFM Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 Diário Oficial da União; Poder Executivo, Brasília, DF, n. 81, 29 abr.2002. Seção 1, p. 265-66 Alterada pela Resolução CFM nº 1666/03 (Anexo II) O CONSELHO

Leia mais

S.R. DA SAÚDE Portaria n.º 58/2015 de 6 de Maio de 2015

S.R. DA SAÚDE Portaria n.º 58/2015 de 6 de Maio de 2015 S.R. DA SAÚDE Portaria n.º 58/2015 de 6 de Maio de 2015 A redução de listas de espera cirúrgicas, de consultas e de meios complementares de diagnóstico e terapêutica para tempos de espera clinicamente

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO CFM Nº 1.973/2011 (Publicada no D.O.U. de 1º de agosto de 2011, Seção I, p. 144-147) Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM nº 1.845/08, que celebra

Leia mais

EDITAL Nº 005/2009 RE-RATIFICAR

EDITAL Nº 005/2009 RE-RATIFICAR EDITAL Nº 005/2009 O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ, no uso de suas atribuições, atendendo aos termos da Lei Complementar nº 108, de 18 de maio de 2005, com alteração dada pela Lei Complementar

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO Nº 1.634, DE 11 DE ABRIL DE 2002 Dispõe sobre convênio de reconhecimento de especialidades médicas firmado entre o Conselho Federal de Medicina CFM, a Associação

Leia mais

ANEXO I CARGOS, VAGAS, VENCIMENTO INICIAL, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS EXIGIDOS, E TAXA DE INSCRIÇÃO. Vencimento Inicial em reais.

ANEXO I CARGOS, VAGAS, VENCIMENTO INICIAL, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS EXIGIDOS, E TAXA DE INSCRIÇÃO. Vencimento Inicial em reais. ANEXO I CARGOS, VAGAS, VENCIMENTO INICIAL, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS EXIGIDOS, E TAXA DE INSCRIÇÃO. Cód. Cargo 1 Ajudante de Carga e Descarga Vagas Vagas Reservadas Deficientes Vencimento Inicial

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA. RESOLUÇÃO No- 2.116, DE 23 DE JANEIRO DE 2015

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA. RESOLUÇÃO No- 2.116, DE 23 DE JANEIRO DE 2015 CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO No- 2.116, DE 23 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre a nova redação do Anexo II da Resolução CFM nº 2.068/2013, que celebra o convênio de reconhecimento de especialidades

Leia mais

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, QUALIFICAÇÃO, CARGA HORÁRIA, VAGAS E VENCIMENTOS ÁREA DE EDUCAÇÃO. Ensino médio completo com curso

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, QUALIFICAÇÃO, CARGA HORÁRIA, VAGAS E VENCIMENTOS ÁREA DE EDUCAÇÃO. Ensino médio completo com curso DEMONSTRATIVO DE CARGOS, QUALIFICAÇÃO, CARGA, E VENCIMENTOS ÁREA DE EDUCAÇÃO NÍVEL MÉDIO CARGA curso Professor Docente I - com de formação de professores ou 100. especializações em Educação curso normal,

Leia mais

Cargo Municipio Tipo Vaga Total Vagas Total Inscritos

Cargo Municipio Tipo Vaga Total Vagas Total Inscritos Cargo Municipio Tipo Vaga Total Vagas Total Inscritos Cand/Vaga AUXILIAR DE ENFERMAGEM AMAPA NAO-DEFICIENTE 1 29 29,00 ENFERMEIRO AMAPA NAO-DEFICIENTE 3 18 6,00 FARMACEUTICO/BIOQUIMICO AMAPA NAO-DEFICIENTE

Leia mais

Nº de Utilizadores do Hospital Psiquiátrico. Nº de Utilizadores do Hospital Psiquiátrico. Fecho (Ano N-2) Estimado (Ano N-1) Acumulado (Ano N)

Nº de Utilizadores do Hospital Psiquiátrico. Nº de Utilizadores do Hospital Psiquiátrico. Fecho (Ano N-2) Estimado (Ano N-1) Acumulado (Ano N) Q 2 Número de Utilizadores do Hospital (P) Instituições Unidade Local de Saúde de Castelo Branco, EPE Agr. Scenario Contratualização Time Dezembro 2012 Área de Influência Fora da Área de Influência Notas:

Leia mais

FAEPU Fundação de Assistência, Estudo e Pesquisa de Uberlândia. Edital de Processo Seletivo nº 01/2014 Organização: Reis & Reis Auditores Associados

FAEPU Fundação de Assistência, Estudo e Pesquisa de Uberlândia. Edital de Processo Seletivo nº 01/2014 Organização: Reis & Reis Auditores Associados ANEXO I CARGOS, VAGAS, VENCIMENTO INICIAL, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS EXIGIDOS, E TAXA DE INSCRIÇÃO. Cód. Cargo 1 Ajudante de Carga e Descarga Vagas Vagas Reservadas Deficientes Vencimento Inicial

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para 2015.2

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para 2015.2 CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC Atualizado para 2015.2 1ª Fase I: MED 7001 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA MEDICINA I Anatomia 48 (+12 Integr.) Fisiologia 68 (+12 Integr.) Bioquímica 62 Histologia

Leia mais

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº 02/2011

SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº 02/2011 SELEÇÃO UNIFICADA PARA RESIDÊNCIA MÉDICA DO ESTADO DO CEARÁ SURCE 2012 ADITIVO AO EDITAL Nº /2011 A Coordenação Geral do Grupo Gestor da SURCE e a Coordenação de Ensino e Pesquisa dos Hospitais Universitários

Leia mais

HOSPITAL. Belo Horizonte. Soluções em Saúde

HOSPITAL. Belo Horizonte. Soluções em Saúde HOSPITAL Belo Horizonte Soluções em Saúde EXCELÊNCIA O Hospital Belo Horizonte é um hospital geral de grande porte que, além de oferecer um alto nível de assistência aos seus clientes, busca proporcionar

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOIÂNIA CONCURSO PÚBLICO ADMINISTRAÇÃO DIRETA, AUTÁRQUICA E FUNDACIONAL GABARITO OFICIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOIÂNIA CONCURSO PÚBLICO ADMINISTRAÇÃO DIRETA, AUTÁRQUICA E FUNDACIONAL GABARITO OFICIAL ANALISTA EM SAÚDE I MÉDICO: CARDIOLOGISTA 16 17 18 19 20 B B B B B B D B C B D D B C A B C C D D 41 42 43 44 45 C A C D A B D B D C ANALISTA EM SAÚDE I MÉDICO: CLÍNICO GERAL A B D B D C D C B D A D D B

Leia mais