FERNANDO BRACALENTE GESTÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM REDE CORPORATIVA LOCAL ANALISANDO VULNERABILIDADES TÉCNICAS E HUMANAS.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FERNANDO BRACALENTE GESTÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM REDE CORPORATIVA LOCAL ANALISANDO VULNERABILIDADES TÉCNICAS E HUMANAS."

Transcrição

1 FERNANDO BRACALENTE GESTÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM REDE CORPORATIVA LOCAL ANALISANDO VULNERABILIDADES TÉCNICAS E HUMANAS. Trabalho apresentado à Faculdade de Vinhedo para a obtenção do grau de Bacharel em Sistemas de Informação. VINHEDO 2006

2 2 FERNANDO BRACALENTE GESTÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM REDE CORPORATIVA LOCAL ANALISANDO VULNERABILIDADES TÉCNICAS E HUMANAS. Trabalho apresentado à Faculdade de Vinhedo para a obtenção do grau de Bacharel em Sistemas de Informação. Orientador: Leonardo Pujatti Profº Ms. Leonardo Pujatti VINHEDO 2006

3 A Deus, pela vida e pelas oportunidades nela surgidas. 3

4 4 AGRADECIMENTOS Aos meus pais pela formação e pelos sacrifícios feitos durante a criação dos filhos. A minha esposa Graziela, pela paciência e incentivo nos momentos de desânimo. Ao termino deste trabalho, quero expressar meus agradecimentos a todas as pessoas que, direta ou indiretamente, colaboraram para sua concretização. Quero expressar também meus agradecimentos aos professores do Curso de Sistemas de Informação da Faculdade de Vinhedo pelo apoio, dedicação e pela aplicação de cada um no ensino de Sistemas de Informação, em especial ao professor Ms. Leonardo Pujatti pelo empenho e pela orientação dada ao meu trabalho de conclusão de curso.

5 5 RESUMO Este trabalho de conclusão de curso, organizado na forma de monografia, procurou-se mostrar os principais aspectos relativos à gestão de segurança da informação em rede corporativa local, descrevendo algumas ameaças e vulnerabilidades técnicas e humanas, apresentando um estudo de alguns dos principais problemas que podem ocorrer por falta de medidas básicas de segurança da informação nas empresas.

6 6 ABSTRACT In this work for degree conclusion, issued as monograph, it was seek to show the main aspects related to the information security management in local corporate network, describing some technical and human threats and vulnerabilities, presenting a study of some of the main problems faced by the corporations due to lack of security basic measures applied to information.

7 7 LISTA DE FIGURAS Figura Ambiente computacional e vulnerabilidades Figura Vulnerabilidades e impactos Figura Rede corporativa local Figura Estrutura de rede da F.B.C. machines Inc... 33

8 8 LISTA DE ABREVIATURAS ACL: Acess Control Lists AUP: Acceptable Use Policy CISSP: Certified Information Systems Security Professionals CPF: Cadastro de Pessoas Físicas CSI/FBI : Computer Security Institute / Federal Bureau of Investigation HD: Hard Disk IDS: Sistemas de Detecção de Intrusão MSN: Microsoft Network NBSO: NIC BR Security Office PC: Personal Computer RFC: Request For Comments SI: Sistemas de Informação TCO: Total Cost of Ownership TI: Tecnologia da Informação VPN: Virtual Private Network

9 9 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO Objetivo Justificativa POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Definição de uma política de segurança Propósitos de uma política de segurança Criando uma política de segurança Obstáculos para implementação da segurança da informação Identificando as principais ameaças à segurança da informação Classificação das Informações [WADLOW,2000] Facilidade de uso versus Segurança Envolvidos na formulação da política de segurança da informação Envolvidos na formulação da política de segurança da informação VULNERABILIDADES TÉCNICAS Generalidades Proteção nos meios de comunicação Rede sem fio [LAUDON,2004] Proteção dos servidores e serviços Política de backup Uso de notebook e acesso remoto Estação de trabalho Firewall Autenticação e autorização O ELO MAIS FRACO DA SEGURANÇA: O FATOR HUMANO Usuários sem conhecimentos básicos de segurança Usuários despreocupados com a segurança da informação Funcionários insatisfeitos Engenharia Social ESTUDO DE CASO: SEGURANÇA EM REDE CORPORATIVA LOCAL Caso Descrição Corporativa Controle de acessos Política de Segurança Política de Backup Treinamento dos usuários e disseminação segura de informação Implantação do Firewall Segurança na sala dos servidores Resultados obtidos CONSIDERAÇÕES FINAIS Perspectivas futuras...34 Referências bibliográficas...35

10 1 1. INTRODUÇÃO Na gestão empresarial moderna, a informação é tratada com um dos principais ativos da empresa. Ela pode estar impressa em meios magnéticos ou ser de conhecimento de alguns funcionários mas, deveria ser preservada quanto a sua integridade, disponibilidade, confidencialidade e legalidade, evitando fraudes, violações de acessos, uso e divulgação indevida. Entende-se como integridade a garantia que as informações estão protegidas contra modificações não autorizadas; como confidencialidade o ato de manter as informações disponibilizadas ou divulgadas somente a quem for autorizado; como disponibilidade a possibilidade de acesso por aqueles que necessitam das informações para o desempenho de suas atividades e como legalidade o estado legal da informação, ou seja, em conformidade com os preceitos da legislação em vigor. A segurança da informação tem deixado de ser tratada exclusivamente como assunto e problema especifico da área de TI e vem sendo considerada como uma questão estratégica para garantir a continuidade do negócio da empresa. A Política de Segurança é a formalização de todos os aspectos considerados relevantes por uma organização para proteção, controle e monitoramento de seus recursos computacionais, tendo como principal objetivo alcançar a disponibilidade, confidencialidade, integridade, legalidade e auditabilidade da informação. Para obter uma boa política de segurança é necessário criar regras claras, práticas e adequadas ao ambiente tecnológico da empresa, seguindo as recomendações disponíveis, que podem ajudar a simplificar a tarefa de proteção do sistema de informação no ambiente corporativo. Algumas normas definem aspectos que devem ser levados em consideração ao elaborar políticas de segurança. Entre essas normas estão a BS 7799 (elaborada pela British Standards Institution), a ISO 20001:2005 e a NBR ISO/IEC (a versão brasileira da BS 7799) que oferecem uma abordagem sistemática para o gerenciamento de informações em ambientes corporativos.

Aula 01 Introdução à Gestão da Segurança da Informação. Prof. Leonardo Lemes Fagundes

Aula 01 Introdução à Gestão da Segurança da Informação. Prof. Leonardo Lemes Fagundes Aula 01 Introdução à Gestão da Segurança da Informação Prof. Leonardo Lemes Fagundes Você vê algumas informações e a maneira como as coisas são formuladas, e então começa a ter alguma compreensão da empresa

Leia mais

SEGURANÇA EM PROFUNDIDADE EM AMBIENTES MICROSOFT

SEGURANÇA EM PROFUNDIDADE EM AMBIENTES MICROSOFT SEGURANÇA EM PROFUNDIDADE EM AMBIENTES MICROSOFT LUCIANO LIMA [CISSP]- [CEH]-[COMPTIA SECURITY+]-[MVP ENTERPRISE SECURITY]-[MCSA SECURITY]-[MCSE SECURITY]-[VMSP]-[VMTSP]-[SSE]-[SSE+] @lucianolima_mvp www.lucianolima.org

Leia mais

GERENCIAMENTO ESTRATÉGICO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

GERENCIAMENTO ESTRATÉGICO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO 1 GERENCIAMENTO ESTRATÉGICO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO RESUMO DO ARTIGO Este artigo se propõe a apresentar uma panorâmica do uso da Segurança da Informação e sua importância como diferencial competitivo

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação INF-108 Segurança da Informação Gestão de Segurança da Informação Prof. João Henrique Kleinschmidt (slides cedidos pelo Prof. Carlos Kamienski - UFABC) Gerenciamento e Avaliação de Riscos Terminologia

Leia mais

SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO!

SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO! SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO! O ambiente de Tecnologia da Informação (TI) vem se tornando cada vez mais complexo, qualquer alteração ou configuração incorreta pode torná-lo vulnerável

Leia mais

DAS6662 - T.E.I. Segurança em Sistemas Distribuídos. Segurança de Sistemas. Segurança de Sistemas

DAS6662 - T.E.I. Segurança em Sistemas Distribuídos. Segurança de Sistemas. Segurança de Sistemas DAS6662 - T.E.I. Segurança em Sistemas Distribuídos 1ª Parte José Eduardo Malta de Sá Brandão Orientação: Joni da Silva Fraga http://www.das.ufsc.br/~jemsb/das6662 jemsb@das.ufsc.br Segurança de Sistemas

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação Segurança da Informação Norma: ISO/IEC NBR 27001 e ISO/IEC NBR 27002 Norma: ISO/IEC NBR 27001 e ISO/IEC NBR 27002 Histórico O BSi (British Standard Institute) criou a norma BS 7799,

Leia mais

Fundamentos em Segurança de Redes de Computadores NBR ISO 27001

Fundamentos em Segurança de Redes de Computadores NBR ISO 27001 Fundamentos em Segurança de Redes de Computadores 1 É a norma de certificação para SGSI ( Sistemas de Gestão da Segurança da Informação), editada em português em abril de 2006 e que substituiu a BS 7799-2.

Leia mais

Segurança e Informação Ativo de ouro dessa nova era Aula 01. Soraya Christiane / Tadeu Ferreira

Segurança e Informação Ativo de ouro dessa nova era Aula 01. Soraya Christiane / Tadeu Ferreira Segurança e Informação Ativo de ouro dessa nova era Aula 01 Soraya Christiane / Tadeu Ferreira Informação É o ativo que tem um valor para a organização e necessita ser adequadamente protegida (NBR 17999,

Leia mais

Plano de Segurança da Informação

Plano de Segurança da Informação Governança de Tecnologia da Informação LUSANA SOUZA NATÁLIA BATUTA MARIA DAS GRAÇAS TATIANE ROCHA GTI V Matutino Prof.: Marcelo Faustino Sumário 1. OBJETIVO... 2 2. DESCRIÇÃO DO SERVIÇO... 2 3. ETAPAS

Leia mais

SEGURANÇA FÍSICA & LÓGICA DE REDES. Material Complementar de Estudos

SEGURANÇA FÍSICA & LÓGICA DE REDES. Material Complementar de Estudos SEGURANÇA FÍSICA & LÓGICA DE REDES Material Complementar de Estudos O que é a Organização ISO A ISO - Internacional Organization for Stardardization - é maior organização para Desenvolvimento e publicação

Leia mais

PROJETO NOVAS FRONTEIRAS. Descrição dos processos de gerenciamento da qualidade

PROJETO NOVAS FRONTEIRAS. Descrição dos processos de gerenciamento da qualidade PROJETO NOVAS FRONTEIRAS PLANO DE GERENCIAMENTO DA QUALIDADE QUALITY MANAGEMENT PLAN Preparado por Mara Lúcia Menezes Membro do Time Versão 3 Aprovado por Rodrigo Mendes Lemos Gerente do Projeto 15/11/2010

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Segurança de Redes. Introdução

Segurança de Redes. Introdução Segurança de Redes Introdução Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com Apresentação Ementa Conceitos de Segurança. Segurança de Dados, Informações

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Cartilha de Segurança para Internet

Cartilha de Segurança para Internet Comitê Gestor da Internet no Brasil Cartilha de Segurança para Internet Parte VII: Incidentes de Segurança e Uso Abusivo da Rede Versão 3.1 2006 CERT.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes

Leia mais

Segurança de Redes. em Ambientes Cooperativos. Emilio Tissato Nakamura Paulo Lício de Geus. Novatec

Segurança de Redes. em Ambientes Cooperativos. Emilio Tissato Nakamura Paulo Lício de Geus. Novatec Segurança de Redes em Ambientes Cooperativos Emilio Tissato Nakamura Paulo Lício de Geus Novatec sumário Agradecimentos...11 Palavra dos autores...13 Sobre os autores...14 Sobre este livro...15 Apresentação...16

Leia mais

Auditando Segurança da Informação

Auditando Segurança da Informação Auditando Segurança da Informação Claudio Dodt, CISA, CRISC, CISSP, ITIL Expert Business Continuity & Security Senior Consultant claudio.dodt@daryus.com.br www.daryus.com.br claudiododt.com www.twitter.com/cdodt

Leia mais

Soluções de Segurança da Informação para o mundo corporativo

Soluções de Segurança da Informação para o mundo corporativo Soluções de Segurança da Informação para o mundo corporativo (para cada problema, algumas soluções!) Rafael Soares Ferreira Diretor de Resposta a Incidentes e Auditorias rafael@clavis.com.br Conceitos

Leia mais

EMBRATEL- Business Security. Provedor de Serviços Gerenciados de Segurança (MSSP*) *Managed Security Services Provider

EMBRATEL- Business Security. Provedor de Serviços Gerenciados de Segurança (MSSP*) *Managed Security Services Provider EMBRATEL- Business Security Provedor de Serviços Gerenciados de Segurança (MSSP*) *Managed Security Services Provider Daniela Ceschini Especialista em Segurança da Informação 1 AGENDA Panorama e desafios

Leia mais

Horário da Aula: 19h30min às 20h45min / 21h às 22h23min

Horário da Aula: 19h30min às 20h45min / 21h às 22h23min Lembretes Horário da Aula: 19h30min às 20h45min / 21h às 22h23min Solicitar cadastro na seg-l Página do curso: http://www.unisinos.br/graduacao/seguranca-dainformacao/apresentacao Página do Professor:

Leia mais

Conteúdo. Introdução. Introdução Segurança da Informação Barreiras de segurança Exemplos Conclusão Bibliografia

Conteúdo. Introdução. Introdução Segurança da Informação Barreiras de segurança Exemplos Conclusão Bibliografia Segurança da informação FATEC Americana Tecnologia em Análise de Sistemas e Tecnologias da Informação Diagnóstico e solução de problemas de TI Prof. Humberto Celeste Innarelli Segurança da informação 1

Leia mais

Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini E-mail: prof.andre.luis.belini@gmail.com /

Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini E-mail: prof.andre.luis.belini@gmail.com / Campus Capivari Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) Prof. André Luís Belini E-mail: prof.andre.luis.belini@gmail.com / andre.belini@ifsp.edu.br APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR Nome: André Luís Belini

Leia mais

Auditoria e Segurança da Informação GSI536. Prof. Rodrigo Sanches Miani FACOM/UFU

Auditoria e Segurança da Informação GSI536. Prof. Rodrigo Sanches Miani FACOM/UFU Auditoria e Segurança da Informação GSI536 Prof. Rodrigo Sanches Miani FACOM/UFU Políticas de Segurança Tópicos 1. Necessidade de uma Política de Segurança de Informação; 2. Definição de uma Política de

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO NBR ISO/IEC 27002: 2005 (antiga NBR ISO/IEC 17799) NBR ISO/IEC 27002:2005 (Antiga NBR ISO/IEC 17799); 27002:2013. Metodologias e Melhores Práticas em SI CobiT; Prof. Me. Marcel

Leia mais

Teste: sua empresa está em conformidade com a ISO17799?

Teste: sua empresa está em conformidade com a ISO17799? 44 Novembro de 2002 Teste: sua empresa está em conformidade com a ISO17799? O artigo deste mês tem cunho prático e o objetivo de auxiliá-lo a perceber o grau de aderência de sua empresa em relação às recomendações

Leia mais

Confidencialidade Integridade Disponibilidade OBJETIVOS DO ESTUDO

Confidencialidade Integridade Disponibilidade OBJETIVOS DO ESTUDO 1 A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E A GERAÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO RESUMO DO ARTIGO Este artigo trata do estudo sobre Segurança da Informação (SI) e sua importância como gerador de diferencial competitivo

Leia mais

Prof. Walter Cunha. Segurança da Informação. Não-Escopo. Escopo. Prof. Walter Cunha Rede LFG

Prof. Walter Cunha. Segurança da Informação. Não-Escopo. Escopo. Prof. Walter Cunha Rede LFG Segurança da Informação Prof. Walter Cunha Rede LFG Prof. Walter Cunha Contatos: E-mail: falecomigo@waltercunha.com timasters@yahoogoups.com Atividades: http://www.waltercunha.com/blog/ http://twitter.com/timasters/

Leia mais

www.aker.com.br parcerias de sucesso 200 maiores Construindo top Sobre a Aker Curiosidades Aker Security Solutions A Aker está entre as

www.aker.com.br parcerias de sucesso 200 maiores Construindo top Sobre a Aker Curiosidades Aker Security Solutions A Aker está entre as Sobre a Aker Investir em tecnologia de ponta é garantir a segurança dos dados de sua empresa, aumentando a produtividade de seus funcionários e a rentabilidade do seu negócio. A Aker Security Solutions,

Leia mais

A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E A GERAÇÃO DE PERCEPÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO PERANTE O MERCADO

A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E A GERAÇÃO DE PERCEPÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO PERANTE O MERCADO 1 A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E A GERAÇÃO DE PERCEPÇÃO DE DIFERENCIAL COMPETITIVO PERANTE O MERCADO AUTORES: ROSÂNGELA CAUBIT DE CARVALHO M.Sc. Endereço: Rua Caiapó, 39/903 Engenho Novo, Rio de Janeiro -

Leia mais

Alinhando ABNT-NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 para a Administração Pública -USP

Alinhando ABNT-NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 para a Administração Pública -USP Alinhando ABNT-NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 para a Administração Pública -USP César Augusto Asciutti Agência USP de Inovação, São Paulo (SP), 3091-2933, asciutti@usp.br Resumo Este artigo apresenta uma breve

Leia mais

Zaira Brilhante Célula de Governança de TI zaira.brilhante@sefin.fortaleza.ce.gov.br

Zaira Brilhante Célula de Governança de TI zaira.brilhante@sefin.fortaleza.ce.gov.br Implantação de um modelo de Governança de TI na Secretaria de Finança de Fortaleza (SEFIN) Heloisa Aragão heloisa.aragao@sefin.fortaleza.ce.gov.br Paulo Henrique Aguair paulo.aguiar@sefin.fortaleza.c e.gov.br

Leia mais

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade...

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Reduzir custo de TI; Identificar lentidões no ambiente de TI Identificar problemas de performance

Leia mais

Introdução à Segurança da Informação. Prof. Marcos Argachoy

Introdução à Segurança da Informação. Prof. Marcos Argachoy Introdução à Segurança da Informação ISO/IEC 27000 Prof. Marcos Argachoy Conceitos Segurança é a minimização do risco associado às atividades de computação, incluindo a interconexão entre computadores

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI Porto Alegre Aula 1

Faculdade de Tecnologia SENAI Porto Alegre Aula 1 Faculdade de Tecnologia SENAI Porto Alegre Aula 1 Prof. Me. Humberto Moura humberto@humbertomoura.com.br Evolução da TI Postura TI Níveis de TI Princípios de TI (papel da TI perante o negócio) Arquitetura

Leia mais

ISO/IEC 17799. Informação

ISO/IEC 17799. Informação ISO/IEC 17799 Norma de Segurança da Norma de Segurança da Informação Segurança da Informação Segundo a norma ISO/IEC 17799, é a proteção contra um grande número de ameaças às informações, de forma a assegurar

Leia mais

Segurança do governo eletrônico

Segurança do governo eletrônico 1. Introdução O governo está empenhado em fornecer programas e serviços de modo que atenda às necessidades de empresas e cidadãos que necessitam desses recursos. Para aumentar a demanda desses serviços,

Leia mais

Aula 05 Política de Segurança da Informação (Parte 01) Prof. Leonardo Lemes Fagundes

Aula 05 Política de Segurança da Informação (Parte 01) Prof. Leonardo Lemes Fagundes Aula 05 Política de Segurança da Informação (Parte 01) Prof. Leonardo Lemes Fagundes Comandar muitos é o mesmo que comandar poucos. Tudo é uma questão de organização. Controlar muitos ou poucos é uma mesma

Leia mais

e Uso Abusivo da Rede

e Uso Abusivo da Rede SEGURANÇA FRAUDE TECNOLOGIA SPAM INT MALWARE PREVENÇÃO VÍRUS BANDA LARGA TROJAN PRIVACIDADE PHISHING WIRELESS SPYWARE ANTIVÍRUS WORM BLUETOOTH SC CRIPTOGRAFIA BOT SENHA ATAQUE FIREWAL BACKDOOR COOKIES

Leia mais

EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt

EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt Santo André, maio de 2012 Roteiro PARTE I Apresentação da Disciplina PARTE II Introdução à Segurança de Redes Apresentação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO

Leia mais

Segurança na Rede Local Redes de Computadores

Segurança na Rede Local Redes de Computadores Ciência da Computação Segurança na Rede Local Redes de Computadores Disciplina de Desenvolvimento de Sotware para Web Professor: Danilo Vido Leonardo Siqueira 20130474 São Paulo 2011 Sumário 1.Introdução...3

Leia mais

Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP

Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP 3 3 Apresentação : Introdução. NBR ISO/IEC 27001 e 17799. Proposta de Plano de Trabalho/Ação. Referências. Confidencialidade Permitir

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação Código: PSI_1.0 Versão: 1.0 Data de Publicação: 28/05/2014 Controle de Versão Versão Data Responsável Motivo da Versão 1.0 28/05/2014 Heitor Gouveia Criação da Política

Leia mais

Apresentação. Objetivo. Dados Principais. Período 20/06 à 25/07

Apresentação. Objetivo. Dados Principais. Período 20/06 à 25/07 Apresentação Dados Principais Este treinamento promove o conhecimento de conceitos básicos e metodologias baseadas na principal norma de Segurança da Informação internacionalmente aceita. Após a conclusão

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br. Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br. Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009 PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Auditoria i e Análise de Segurança da Informação Segurança e Confiabilidade Prof. José Maurício S. Pinheiro - UGB - 2009 Dados e Informação Dado é a unidade básica

Leia mais

Nova Prestech.net. Gerenciamento de Segurança da Informação com Software Livre. Consultoria e Soluções em Informática. http://www.prestech.com.

Nova Prestech.net. Gerenciamento de Segurança da Informação com Software Livre. Consultoria e Soluções em Informática. http://www.prestech.com. Consultoria e Soluções em Informática Gerenciamento de Segurança da Informação com Software Livre http://www.prestech.com.br Victor Batista da Silva Santos victor@prestech.com.br +55 21 8762-6977 +55 21

Leia mais

Segurança da Informação. Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha

Segurança da Informação. Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha Segurança da Informação Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha Cenário Atual Era da Informação e da Globalização: Avanços da Tecnologia da Informação; Avanços

Leia mais

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1 Segurança na Web Cap. 2: Políticas de Segurança e Respostas Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW Page 1 Introdução Estar derrotado é sempre uma condição temporária. Desistir é o que o torna

Leia mais

Segurança e Auditoria de Sistemas Normas de Segurança. Profa. Cynara Carvalho cynaracarvalho@yahoo.com.br

Segurança e Auditoria de Sistemas Normas de Segurança. Profa. Cynara Carvalho cynaracarvalho@yahoo.com.br $XWDUTXLD(GXFDFLRQDOGR9DOHGR6mR)UDQFLVFR $(96) )DFXOGDGHGH&LrQFLDV$SOLFDGDVH6RFLDLVGH3HWUROLQD )$&$3( Segurança e Auditoria de Sistemas Normas de Segurança Profa. Cynara Carvalho cynaracarvalho@yahoo.com.br

Leia mais

Amplie os horizontes da sua empresa com o Software Assurance e o Windows Vista.

Amplie os horizontes da sua empresa com o Software Assurance e o Windows Vista. Amplie os horizontes da sua empresa com o Software Assurance e o Windows Vista. Introdução Software Assurance Windows Vista Trazendo uma série de novas ofertas para maximizar o seu investimento, o Software

Leia mais

Bruno Anselmo Guilhen. Complemento MPU MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO. TÉCNICO DE INFORMÁTICA Conhecimentos Básicos e Específicos.

Bruno Anselmo Guilhen. Complemento MPU MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO. TÉCNICO DE INFORMÁTICA Conhecimentos Básicos e Específicos. Bruno Anselmo Guilhen Complemento MPU MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO TÉCNICO DE INFORMÁTICA Conhecimentos Básicos e Específicos Nível Médio 2010 Vestcon Editora Ltda. Todos os direitos autorais desta obra

Leia mais

Modelo!de!Política!de! Segurança!da!Informação!

Modelo!de!Política!de! Segurança!da!Informação! ModelodePolíticade SegurançadaInformação Contato:evandro.santos@ecsan.com.br Sumário Introdução...2 ObjetivosdaPolíticadeSegurançadaInformação...3 AplicaçõesdaPolíticadeSegurançadaInformação...4 PrincípiosdaPolíticadeSegurançadaInformação...5

Leia mais

Unidade II SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. Prof. Victor Halla

Unidade II SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. Prof. Victor Halla Unidade II SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Prof. Victor Halla Conteúdo Importância da Segurança da Informação Propriedades da Informação Ciclo de vida da Informação Estudo de casos Barreiras metodológicas de segurança

Leia mais

Segurança a da Informação Aula 02. Aula 02

Segurança a da Informação Aula 02. Aula 02 Segurança a da Informação 26/9/2004 Prof. Rossoni, Farias 1 Segurança a da Informação é: Cultura, Cidadania, Desenvolvimento pessoal e social, Competitividade, Influência e poder, Imprescindível para a

Leia mais

Aranda INVENTORY. Benefícios Estratégicos para sua Organização. (Standard & Plus Edition) Beneficios. Características V.2.0907

Aranda INVENTORY. Benefícios Estratégicos para sua Organização. (Standard & Plus Edition) Beneficios. Características V.2.0907 Uma ferramenta de inventario que automatiza o cadastro de ativos informáticos em detalhe e reporta qualquer troca de hardware ou software mediante a geração de alarmes. Beneficios Informação atualizada

Leia mais

Marcos Bentes. Projeto de Segurança Escopo do Trabalho. www.modulo.com.br. mbentes@modulo.com.br. Líder em Segurança para Redes, Internet e Intranet

Marcos Bentes. Projeto de Segurança Escopo do Trabalho. www.modulo.com.br. mbentes@modulo.com.br. Líder em Segurança para Redes, Internet e Intranet www.modulo.com.br Projeto de Segurança Escopo do Trabalho Marcos Bentes mbentes@modulo.com.br. 5a. Pesquisa Nacional sobre Segurança da Informação. Perfil das Empresas Pesquisadas (148) 14% 15% 8% Privada

Leia mais

PROPOSTA DE CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

PROPOSTA DE CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANA DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA CURSO DE ESPECIALIZACÃO EM CONFIGURAÇÃO E GERENCIAMENTO DE SERVIDORES E EQUIPAMENTOS DE REDES SABRINA VITÓRIO OLIVEIRA SENCIOLES

Leia mais

Auditoria dos Sistemas de Informação Aliada à Gestão Empresarial. Resumo

Auditoria dos Sistemas de Informação Aliada à Gestão Empresarial. Resumo Auditoria dos Sistemas de Informação Aliada à Gestão Empresarial Maicom Rafael Victor Simch Tiago Squinzani Tonetto E-mail:tiago-tonetto@hotmail.com, maravisi@hotmail.com Resumo Neste trabalho é proposta

Leia mais

ITSM based on ISO/IEC 20000

ITSM based on ISO/IEC 20000 FUNDAMENTOS ITSM based on ISO/IEC 20000 Oficial EXIN Preparatório para o exame EX0-103 Baseado na norma ABNT NBR ISO 20000:2011 2010-2012 PMG Education Todos os direitos Reservados ISO/IEC 20000 FOUNDATION

Leia mais

ASPECTOS HUMANOS NA GESTÃO DA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO 1 THE HUMAN ASPECTS IN INFORMATION SECURITY MANAGEMENT

ASPECTOS HUMANOS NA GESTÃO DA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO 1 THE HUMAN ASPECTS IN INFORMATION SECURITY MANAGEMENT XVI Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação (XVI ENANCIB) ISSN 2177-3688 GT 4 Gestão da Informação e do Conhecimento Pôster ASPECTOS HUMANOS NA GESTÃO DA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO 1 THE HUMAN

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Página: 1 de 5 1. INTRODUÇÃO A informação é um ativo que possui grande importância para PRÓ-MEMÓRIA, sendo resguardada contra ameaças e riscos. Segurança da informação, segundo a NBR ISO/IEC 27002:2005,

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO 1 SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Adrielle Fernanda Silva do Espírito Santo Departamento de Ciência da Computação - Instituto Cuiabano de Educação (ICE) Caixa Postal 78.065-130 Cuiabá MT Brasil adrielle.espiritosanto@gmail.com

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA. Gestão na Segurança da Informação

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA. Gestão na Segurança da Informação UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA Gestão na Segurança da Informação Por: Fernando Antonio Costa Nascentes Orientador Prof. Sérgio Majerowicz Rio de Janeiro 2012

Leia mais

Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional

Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional Diretoria Executiva de Controles Internos e Risco Operacional Seminário de Segurança da Informação 2014 Painel "A dinâmica do cenário de ameaças à rede interna frente a um contexto GRC e às novas ferramentas

Leia mais

Projeto de Redes de Computadores. Desenvolvimento de Estratégias de Segurança e Gerência

Projeto de Redes de Computadores. Desenvolvimento de Estratégias de Segurança e Gerência Desenvolvimento de Estratégias de Segurança e Gerência Segurança e Gerência são aspectos importantes do projeto lógico de uma rede São freqüentemente esquecidos por projetistas por serem consideradas questões

Leia mais

1 Introdução 1.1. Segurança em Redes de Computadores

1 Introdução 1.1. Segurança em Redes de Computadores 1 Introdução 1.1. Segurança em Redes de Computadores A crescente dependência das empresas e organizações modernas a sistemas computacionais interligados em redes e a Internet tornou a proteção adequada

Leia mais

Sobre o Palestrante. paulo.borges@segurti.pt SEGURTI

Sobre o Palestrante. paulo.borges@segurti.pt SEGURTI Bem-vindos! Sobre o Palestrante BSI ISO/IEC Accredited ISMS Implementer BSI ISO/IEC 27001 Lead Auditor PECB ISO/IEC 22301 Lead Auditor PECB ISO/IEC 20000 Lead Auditor Auditor do Gabinete Nacional de Segurança

Leia mais

Segurança da Informação Segurança de Redes Segurança de Sistemas Segurança de Aplicações

Segurança da Informação Segurança de Redes Segurança de Sistemas Segurança de Aplicações Segurança da Informação Segurança de Redes Segurança de Sistemas Segurança de Aplicações Símbolos Símbolos: S 1, S 2,..., S n Um símbolo é um sinal (algo que tem um caráter indicador) que tem uma determinada

Leia mais

Segurança da Informação (SI) Fonte: ISSA - http://www.issabrasil.org

Segurança da Informação (SI) Fonte: ISSA - http://www.issabrasil.org Segurança da Informação (SI) Fonte: ISSA - http://www.issabrasil.org Aumento dos incidentes de segurança A freqüência de incidentes de segurança continua a aumentar rapidamente 120.000 100.000 80.000 60.000

Leia mais

Segurança de Redes. FUMEC Upgrade Ciência da Computação Márcio H. C. d Ávila 2001 / 1º Semestre. Sumário

Segurança de Redes. FUMEC Upgrade Ciência da Computação Márcio H. C. d Ávila 2001 / 1º Semestre. Sumário Segurança de Redes FUMEC Upgrade Ciência da Computação Márcio H. C. d Ávila 2001 / 1º Semestre Sumário Introdução a Segurança Vulnerabilidades, Ameaças e Ataques Criptografia Autenticação Segurança de

Leia mais

Março/2005 Prof. João Bosco M. Sobral

Março/2005 Prof. João Bosco M. Sobral Plano de Ensino Introdução à Segurança da Informação Princípios de Criptografia Segurança de Redes Segurança de Sistemas Símbolos: S 1, S 2,..., S n Um símbolo é um sinal (algo que tem um caráter indicador)

Leia mais

UNIJUÍ UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. DCEEng DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E ENGENHARIAS

UNIJUÍ UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. DCEEng DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E ENGENHARIAS UNIJUÍ UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL DCEEng DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E ENGENHARIAS CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Políticas de Segurança da Informação:

Leia mais

TEORIA GERAL DE SISTEMAS

TEORIA GERAL DE SISTEMAS TEORIA GERAL DE SISTEMAS Vulnerabilidade dos sistemas e uso indevido Vulnerabilidade do software Softwares comerciais contém falhas que criam vulnerabilidades na segurança Bugs escondidos (defeitos no

Leia mais

Primeira Pesquisa TecnoAtiva de Segurança da Informação da Bahia e Sergipe 2006

Primeira Pesquisa TecnoAtiva de Segurança da Informação da Bahia e Sergipe 2006 Apresentamos os resultados da Primeira Pesquisa TecnoAtiva de Segurança da Informação da Bahia e Sergipe, realizada com o apoio da SUCESU-BA. O objetivo dessa pesquisa é transmitir aos gestores e ao mercado

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação Segurança da Informação 1 Agenda Plano de Ensino Contato Introdução Análise e Avaliação de Riscos 2 1 PLANO DE ENSINO 3 Ementa Requisitos de segurança de aplicações, de base de dados e de comunicações

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação 29 de janeiro 2014 Define, em nível estratégico, diretivas do Programa de Gestão de Segurança da Informação. ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 PÚBLICO ALVO... 3 3 RESPONSABILIDADES

Leia mais

PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO COMITÊ GESTOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (CGTI) JULHO/2012 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email:

Leia mais

Capítulo 2 Conceitos de Segurança Física e Segurança Lógica

Capítulo 2 Conceitos de Segurança Física e Segurança Lógica Capítulo 2 Conceitos de Segurança Física e Segurança Lógica 2.1 Introdução 2.2 Segurança Física 2.2.1 Segurança externa e de entrada 2.2.2 Segurança da sala de equipamentos 2.2.3 Segurança dos equipamentos

Leia mais

Debate Público sobre Projetos de Lei e o APL sobre privacidade e proteção de dados RENATO OPICE BLUM

Debate Público sobre Projetos de Lei e o APL sobre privacidade e proteção de dados RENATO OPICE BLUM Debate Público sobre Projetos de Lei e o APL sobre privacidade e proteção de dados RENATO OPICE BLUM 2 Impressão digital de político é clonado a partir de fotos por hackers Fonte: BBC 3 Homem é condenado

Leia mais

EXIN Cloud Computing Fundamentos

EXIN Cloud Computing Fundamentos Exame Simulado EXIN Cloud Computing Fundamentos Edição Maio 2013 Copyright 2013 EXIN Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser publicado, reproduzido, copiado ou armazenada

Leia mais

FRANCINI REITZ SPANCESKI POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO VOLTADO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO

FRANCINI REITZ SPANCESKI POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO VOLTADO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO FRANCINI REITZ SPANCESKI POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO VOLTADO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO JOINVILLE DEZEMBRO / 2004 FRANCINI REITZ SPANCESKI POLÍTICA DE SEGURANÇA DA

Leia mais

ISO/IEC 17799-27001. Clauzio Cleber Hugo Azevedo Roger

ISO/IEC 17799-27001. Clauzio Cleber Hugo Azevedo Roger ISO/IEC 17799-27001 Clauzio Cleber Hugo Azevedo Roger ISO/IEC 17799-27001 ISO: Organização de Padronização Internacional: ISO 9001 e 14001; IEC: Comissão Eletrotécnica Internacional: IEC 60950-1 (ITE:

Leia mais

Segurança e Auditoria de Sistemas. Profº.: Daniel Gondim

Segurança e Auditoria de Sistemas. Profº.: Daniel Gondim Segurança e Auditoria de Sistemas Profº.: Daniel Gondim Roteiro Auditoria de Sistemas Conceitos; Tipos de Auditorias; Objetivos e Importância; Etapas; Segurança da Informação Conceitos; Ameaças; Algumas

Leia mais

S e g u r a n ç a. d a. I n f o r m a ç ã o 2007

S e g u r a n ç a. d a. I n f o r m a ç ã o 2007 S e g u r a n ç a d a I n f o r m a ç ã o 2007 Uma corrente não é mais forte do que seu elo mais fraco. Tem medo de ataques? Tranque sua rede numa sala!. Só gerenciamos aquilo que medimos, só medimos aquilo

Leia mais

Segurança Física e Segurança Lógica. Aécio Costa

Segurança Física e Segurança Lógica. Aécio Costa Segurança Física e Segurança Lógica Aécio Costa Segurança física Ambiente Segurança lógica Programas A segurança começa pelo ambiente físico Não adianta investir dinheiro em esquemas sofisticados e complexos

Leia mais

Segurança da informação

Segurança da informação Segurança da informação Roberta Ribeiro de Queiroz Martins, CISA Dezembro de 2007 Agenda Abordagens em auditoria de tecnologia da informação Auditoria de segurança da informação Critérios de auditoria

Leia mais

Gestão Estratégica da Segurança das Informações

Gestão Estratégica da Segurança das Informações Gestão de riscos Risco é o efeito da incerteza nos objetivos. ISO Guide Riscos Uma expectativa de perda expressada como a probabilidade de que uma ameaça em particular irá explorar uma vulnerabilidade

Leia mais

Mecanismos para Controles de Segurança

Mecanismos para Controles de Segurança Mecanismos para Controles de Segurança Marcos Aurelio Pchek Laureano laureano@ppgia.pucpr.br Roteiro Autenticação e Autorização Combate a ataques e invasões Privacidade nas comunicações Processos de Segurança

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO: OS DESAFIOS ÉTICOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO x SEGURANÇA

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO: OS DESAFIOS ÉTICOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO x SEGURANÇA ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO: OS DESAFIOS ÉTICOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO x SEGURANÇA NAVARRO SANCHES BURGO, Rodrigo Discente da Faculdade de Ciências Jurídicas e Gerenciais/ACEG. E-mail:

Leia mais

Mecanismos para Controles de Segurança

Mecanismos para Controles de Segurança Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES Sistemas de Informação Segurança e Auditoria de Sistemas de Informação Mecanismos para Controles de Segurança Mineiros-Go, 12 de setembro de 2012. Profª. Esp.

Leia mais

Sumário. Parte I - Sistema de Gestão... 13. 1 Conceitos Essenciais... 15. 2 O que é a Segurança da Informação?... 17

Sumário. Parte I - Sistema de Gestão... 13. 1 Conceitos Essenciais... 15. 2 O que é a Segurança da Informação?... 17 Sumário Parte I - Sistema de Gestão... 13 1 Conceitos Essenciais... 15 1.1 Informação... 15 1.2 A Informação e sua Importância... 16 2 O que é a Segurança da Informação?... 17 2.1 Confidencialidade...

Leia mais

Conceitos de Segurança Física e Segurança Lógica. Segurança Computacional Redes de Computadores. Professor: Airton Ribeiro Fevereiro de 2016-1

Conceitos de Segurança Física e Segurança Lógica. Segurança Computacional Redes de Computadores. Professor: Airton Ribeiro Fevereiro de 2016-1 Segurança Computacional Redes de Computadores Professor: Airton Ribeiro Fevereiro de 2016-1 1 2 Compreende os mecanismos de proteção baseados em softwares Senhas Listas de controle de acesso - ACL Criptografia

Leia mais

Esta Política de Segurança da Informação se aplica no âmbito do IFBA.

Esta Política de Segurança da Informação se aplica no âmbito do IFBA. 00 dd/mm/aaaa 1/11 ORIGEM Instituto Federal da Bahia Comitê de Tecnologia da Informação CAMPO DE APLICAÇÃO Esta Política de Segurança da Informação se aplica no âmbito do IFBA. SUMÁRIO 1. Escopo 2. Conceitos

Leia mais

ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONCEITOS BÁSICOS 1. Arquitetura e organização de computadores. 2. Conhecimentos básicos de hardware e software. 3. Configuração e administração

Leia mais

Apresentação do Curso

Apresentação do Curso Apresentação do Curso 26/9/2004 Prof. Rossoni, Farias 1 Programa da Disciplina Ementa de disciplina: SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Conceitos básicos: ameaças, avaliação de riscos e política de segurança. Segurança

Leia mais

André Campos Sistema de Segurança da Informação Controlando os Riscos 2 a Edição Visual Books Sumário Parte I - Sistema de Gestão 13 1 Conceitos Essenciais 15 1 1 Informação 15 1 2 A Informação e sua Importância

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

ESPECIFICAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CLÁUDIO SÉRGIO ALVES MARTINS ESPECIFICAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO ii ESPECIFICAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE

Leia mais