Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA; WALTON ALENCAR RODRIGUES; CRISTINA MACHADO DA COSTA E SILVA;

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA; WALTON ALENCAR RODRIGUES; CRISTINA MACHADO DA COSTA E SILVA;"

Transcrição

1 Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA; WALTON ALENCAR RODRIGUES; CRISTINA MACHADO DA COSTA E SILVA; Assunto: Tomada de Contas Especial Acórdão: VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial instaurada inicialmente em nome do Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito de Blumenau-SC, em decorrência do não-cumprimento do objeto do Convênio nº /SEAC/87, celebrado entre a extinta Secretaria de Ação Comunitária e o referido Município, com vistas à construção de 492 casas dentro do Programa Nacional de Mutirões Habitacionais, cujos repasses corresponderam aos valores de Cz$ ,00 (quinze milhões, setecentos e quarenta e quatro mil cruzados) e Cz$ ,00 (três milhões, novecentos e trinta e seis mil cruzados), ocorridos em e , respectivamente. Considerando que, citado, o ex-prefeito encaminhou documentação adicional atinente à prestação de contas, a qual foi remetida à Secretaria de Controle Interno do extinto Ministério do Bem-Estar Social - CISET/MBES para que se pronunciasse; Considerando que, diante da aplicação dos recursos no mercado financeiro e da nãocomprovação da utilização da totalidade dos valores nos fins pactuados, a CISET/MBES certificou a irregularidade das contas, responsabilizando também o Sr. Álvaro Correia, ex- Presidente da Sociedade Comunitária de Habitação Popular do Município, uma vez que os recursos foram repassados para aquela entidade; Considerando que, mediante diligência in loco, teve-se conhecimento de que, no exercício de 1989, o presidente da Sociedade Comunitária de Habitação Popular era o Sr. Décio Moser; Considerando que, para o exercício de 1988, foi apurado o débito de Cz$ ,09, razão pela qual foram citados solidariamente o ex-prefeito e o Sr. Álvaro Correia, tendo sido, para o exercício de 1989, apurado o débito de NCz$ ,08, motivo da citação solidária do ex-prefeito e do Sr. Décio Moser; Considerando que as alegações de defesa oferecidas pelos responsáveis não foram capazes de elidir as irregularidades apontadas;

2 Considerando que, diante dos fatos evidenciados, não há como reconhecer a boa-fé dos responsáveis, devendo ser aplicado ao caso o disposto no art. 3º da Decisão Normativa nº 35/2000; ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alínea b, da Lei nº 8.443/92 c/c arts. 19 e 23, inciso III, alínea a, da mesma Lei, em: a) julgar as presentes contas irregulares; b) condenar o Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito de Blumenau - SC, ao pagamento da quantia de Cz$ ,09 (seis milhões, quatrocentos e três mil, novecentos e sessenta e dois cruzados e nove centavos), solidariamente com o Sr. Álvaro Correia, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 165, inciso III, alínea a, do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos encargos legais, calculados a partir de até a data do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor; c) condenar o Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito de Blumenau - SC, ao pagamento da quantia de NCz$ ,08 (setenta e quatro mil, oitocentos e quarenta e dois cruzados novos e oito centavos), solidariamente com o Sr. Décio Moser, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 165, inciso III, alínea a, do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos encargos legais, calculados a partir de até a data do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor; d) autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei nº 8.443/92, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendida as notificações; e) determinar ao Departamento de Extinção e Liquidação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão que inclua o nome dos Srs. Dalto dos Reis, Álvaro Correia e Décio Moser no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Federais - CADIN, caso essa providência já não tenha sido adotada. Colegiado: Primeira Câmara Classe: Classe II

3 Sumário: Tomada de Contas Especial. Não-aprovação da prestação de contas. Citação solidária dos responsáveis. Alegações de defesa incapazes de comprovar a boa e regular aplicação dos recursos. Não-reconhecimento da boa-fé. Contas julgadas irregulares com débito. Autorização para cobrança judicial da dívida, caso não atendida a notificação. Natureza: Tomada de Contas Especial Data da Sessão: 31/07/2001 Relatório do Ministro Relator: Cuidam os autos de Tomada de Contas Especial instaurada inicialmente em nome do Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito de Blumenau - SC, em decorrência do não-cumprimento de parte do objeto do Convênio nº /SEAC/87, celebrado entre a extinta Secretaria de Ação Comunitária e o referido Município, com vistas à construção de 492 casas dentro do Programa Nacional de Mutirões Habitacionais. Nos termos pactuados, foram repassados ao Município de Blumenau os valores de Cz$ ,00 (quinze milhões, setecentos e quarenta e quatro mil cruzados) e Cz$ ,00 (três milhões, novecentos e trinta e seis mil cruzados), em e , respectivamente. Segundo consta dos autos, inspeção in loco efetuada pelo órgão concedente constatou que apenas 12 (doze) casas haviam sido efetivamente concluídas. Da prestação de contas encaminhada pela Prefeitura, depreende-se que os aludidos recursos foram repassados para a Sociedade Comunitária de Habitação Popular do Município, que os teria aplicado na aquisição de materiais de construção e ferramentas, cabendo à Prefeitura a doação do terreno, a terraplenagem, o arruamento, bem como a aquisição da tecnologia para a fabricação de blocos. A então Secretaria de Controle Interno do Ministério do Bem-Estar Social certificou a irregularidade das contas (fl. 54), responsabilizando o ex-prefeito pelo débito atualizado referente às importâncias originais de Cz$ ,00 (abatidas as 12 casas construídas) e Cz$ ,00. A autoridade ministerial competente tomou conhecimento do relatório, parecer e certificado de auditoria correspondentes (fl. 57). No âmbito do Tribunal, citado, o Sr. Dalto dos Reis encaminhou os documentos de fls. 84/251, os quais foram remetidos à CISET/MBES para que se pronunciasse e também

4 esclarecesse sobre a possível complementação do valor do convênio em NCz$ ,00, em dez/89, e a respeito da redução do objeto para 222 casas, conforme indicava parte da documentação apresentada. O exame desses elementos empreendido pela Coordenação de Auditoria da CISET/MBES identificou, mediante o parecer de fl. 278, as seguintes ocorrências: a) ausência do extrato bancário da conta nº , específica para o Convênio em questão, no período de a , referente à movimentação dos recursos da parcela no valor de Cz$ ,00; b) saque desses recursos, em , e depósito no mesmo dia na conta da Prefeitura nº , vinculada ao Convênio nº 725/86-SEAC, de onde foram transferidos em para a conta nº da Sociedade Comunitária de Habitação Popular e aplicados no mercado financeiro; c) ausência, também, do extrato bancário da conta nº , correspondente ao período de 03 a , referente à movimentação dos recursos relativos ao valor de Cz$ ,00; d) depósito desses recursos, em , na conta da Prefeitura nº acima mencionada, de onde, em , foram transferidos para a conta da mesma Sociedade, sendo utilizados somente a partir de , conforme documentos de despesas apresentadas; e) ausência, nos extratos bancários encaminhados, dos valores das despesas que teriam sido efetuadas; f) inexistência nos autos de cópia do processo licitatório realizado; g) cópia, à fl. 220, de um documento encaminhando pedidos de orçamentos para a aquisição de chapas onduladas Vogatex, emitido em , sendo que o orçamento apresentado foi emitido em e o produto adquirido em ; h) declaração de exclusividade da Empresa Siderúrgica Rio Grandense S/A, na revenda de Telas Soldadas Painel, não fornecida pela Associação Comercial Local, e sim pelo presidente da Sociedade Comunitária de Habitação Popular; i) efetuação de despesas após a vigência do Convênio;

5 j) não-encaminhamento do Termo de Aceitação Definitiva da Obra. Tendo em vista essas restrições e considerando que os recursos foram repassados para a Sociedade Comunitária de Habitação Popular, concluiu o parecer sugerindo que também fosse responsabilizado o Sr. Álvaro Correia, Presidente da referida Sociedade. Em conseqüência, foi emitido novo certificado de auditoria (fl. 288), ratificando a irregularidade das contas, desta feita tendo como responsáveis solidários o ex-prefeito e o Sr. Álvaro Correia. De volta os autos a este Tribunal, foi procedida preliminarmente pela SECEX/SC diligência in loco, em que se constatou o seguinte: - a partir das datas dos repasses, a Sociedade aplicava os recursos diariamente no mercado financeiro, conforme extratos bancários anexados às fls. 296/341; - a Sociedade logrou comprovar a aplicação de recursos no valor de NCz$ 3.946,70 (fl.129) e de NCz$ ,60 (fl. 159/160), perfazendo um total de NCz$ ,50; - os comprovantes de aplicação dos recursos abrangem o período compreendido entre maio/88 até abril/89; - a prestação de contas objetivou comprovar a aplicação, apenas, de valor próximo ao recebido, não tendo sido comprovada a aplicação dos rendimentos auferidos no mercado financeiro; - o Sr. Álvaro Correia presidiu a Sociedade, no exercício de 1988, sendo sucedido no exercício seguinte pelo Sr. Décio Moser; - não se pôde identificar efetivamente as casas que teriam sido construídas com os recursos do convênio, apenas que existem no local 117 casas, de um total de 492 previstas. Em que pese a Unidade Técnica ter proposto a citação dos respectivos responsáveis nos valores ali indicados, o então Relator acolheu a proposição do Ministério Público no sentido de: a) promover a audiência do Sr. Dalto dos Reis, quanto às irregularidades apontadas pela Coordenação de Auditoria do MBES, nas alíneas f, h, i e j (anteriormente mencionadas);

6 b) diligenciar à Sociedade Comunitária de Habitação Popular, para que justifique por que não se encontram, nos extratos bancários, os lançamentos correspondentes às NF s coligidas às fls. 137, 188, 189, 190, 210, 221 e 222; c) proceder à quantificação dos débitos relativos aos exercícios de 1988 e 1989, obedecendo o seguinte critério: I- exercício de 1988 responsáveis: Sr. Dalto dos Reis, solidariamente com o Sr. Álvaro Correia débito: montante principal dos recursos (M), adicionado aos rendimentos financeiros obtidos (RF88) e subtraído do saldo bancário repassado ao exercício seguinte (SD88), isto é, Débito 88= M + RF88 - SD88, abatendo-se os valores cuja aplicação tenha sido efetivamente comprovada; II- exercício de 1989 responsáveis: Sr. Dalto dos Reis, solidariamente com o Sr. Décio Moser débito: o saldo bancário recebido no exercício anterior (SD88), adicionado aos rendimentos financeiros do período (RF89), abatendo-se os valores cuja aplicação tenha sido efetivamente comprovada no exercício, ou seja, Débito 89= SD88 + RF89. d) promover a citação solidária dos responsáveis supra indicados, no total dos respectivos débitos, abatendo-se os valores efetivamente aplicados em cada exercício, consideradas as informações obtidas pela diligência alvitrada na alínea b retro. Nova instrução no âmbito da SECEX/SC consignou que: - a promoção da diligência sugerida pelo Ministério Público permitiu identificar as despesas que haviam sido efetivamente comprovadas; - a audiência do ex-prefeito, entretanto, não havia até aquele momento logrado êxito; - os fatos objeto da audiência não trariam esclarecimentos substanciais aos autos; - dada a longa tramitação do processo e a existência de débito, seria importante promoverse desde já a citação dos responsáveis.

7 A Unidade Técnica fez ainda algumas observações importantes: a) apesar de o convênio ter sido assinado em , o repasse das 1ª e 2ª parcelas em (valor de Cz$ ,00, 80% dos recursos) e da 3ª parcela em (Cz$ ,00, 20% dos recursos) ocasionou a desvalorização dos mesmos, equivalendo a 53,46% do valor original; b) o termo de convênio determinava à SEAC que a liberação da 1ª parcela estava vinculada à apresentação de comprovante da conclusão de arruamento e demarcação de lotes, tendo sido constatado, entretanto, que a Prefeitura adquiriu o terreno apenas em , quando a SEAC já havia liberado as 1ª e 2ª parcelas ( ); c) cobrar a exata conclusão de 492 unidades torna-se ato em desconexão com a realidade; em que pesem no processo inúmeras incorreções, há que se reconhecer que não temos o exato conhecimento de quando foram concluídas as casas, bem como quantas poderiam ter sido construídas com os recursos repassados ; d) o que fica caracterizado é que ocorreram inúmeros débitos na c/c nº , da Sociedade Comunitária de Habitação Popular de Blumenau, não comprovados na Prestação de Contas, bem como o desconhecimento do exato destino dos recursos após o encaminhamento da mesma que data de 10 de maio de Por fim, a SECEX/SC encaminhou os autos ao Relator oferecendo as seguintes alternativas: a) promover, nos termos dos artigos 12, incisos I e II, e 16, 2º, alíneas a e b, da Lei nº 8.443/92, a citação solidária do Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito Municipal de Blumenau, e do Sr. Álvaro Correia, ex-presidente da Sociedade Comunitária de Habitação Popular de Blumenau, quanto ao valor de Cz$ ,09, acrescido dos encargos legais calculados a partir de , até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor; b) promover, nos termos dos artigos 12, incisos I e II, e 16, 2º, alíneas a e b, da Lei nº 8.443/92, a citação solidária do Sr. Dalto dos Reis, ex-prefeito Municipal de Blumenau, e do Sr. Décio Moser, ex-presidente da Sociedade Comunitária de Habitação Popular de Blumenau, quanto ao valor de NCz$ ,08, acrescido dos encargos legais calculados a partir de , até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor; c) ou, se julgar imprescindível, que seja preliminarmente realizada a audiência do Sr. Dalto dos Reis, quanto aos itens f, h, i e j, do Relatório da Coordenação de Auditoria do ex-mbes, fls. 279/280.

8 O então Relator, ante as considerações da Unidade Técnica, endossadas pelo Ministério Público, determinou que fosse procedida a citação dos responsáveis. Presentes as alegações de defesa ao Tribunal, o exame das mesmas ficou a cargo do Secretário-Substituto da SECEX/SC, o qual consignou que: - o Sr. Álvaro Correia limitou-se a argumentar que a prestação de contas deveria ter sido efetuada pela administração que deu continuidade à execução do convênio; tal justificativa não merece acolhida, já que em sua gestão houve movimentação dos recursos sem a comprovação de sua correta aplicação; além disso, a posse de seu sucessor não o exime da responsabilidade da correta aplicação dos recursos em sua gestão; - quanto ao argumento, também do Sr. Álvaro Correia, de que a prestação de contas até foi prestada e devidamente aprovada pelos técnicos do Tribunal de Contas, o responsável deve estar se referindo ao Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina, considerando que não compete ao TCU emitir parecer sobre o conjunto da administração do município; - também não encontra amparo legal o procedimento relatado pelo Sr. Décio Moser, no sentido de que os valores foram sacados e os pagamentos efetuados em espécie junto às lojas de materiais de construção e aos trabalhadores contratados para a realização dos serviços, em razão da inflação alta e do fato de o tesoureiro ser membro da comunidade; - quanto à alegação desse responsável de que as notas que sobraram comprovariam os fatos relatados, essa questão é justamente a própria origem do débito imputado ao responsável, pois a exaustiva análise das despesas e notas apresentadas levou ao cálculo do montante devido por cada responsável ; - a responsabilidade dos gestores do convênio não pode ser afastada, quer pelas deficiências do órgão concedente, quer pelas dificuldades oriundas do tempo transcorrido e as perdas devidas à inflação ; - as justificativas apresentadas não foram capazes de comprovar a boa e regular aplicação dos recursos do convênio em questão ; - o cerne da questão não foi abordado por nenhum dos responsáveis, ou seja, a comprovação do destino dos recursos do convênio, o que ocasionou diversos débitos na conta específica sem correspondência em documentos comprobatórios.

9 Concluindo, propôs o julgamento das contas pela irregularidade (art. 16, inciso III, alíneas a e b) e em débito os responsáveis, nos valores anteriormente indicados. O Ministério Público manifestou-se preliminarmente pela rejeição das alegações de defesa e fixação de novo e improrrogável prazo para o recolhimento do débito. Voto do Ministro Relator: Dos elementos constantes dos autos, observa-se que os recursos, após serem depositados na conta da Sociedade Comunitária de Habitação Popular, foram aplicados diariamente no mercado financeiro. Por outro lado, os comprovantes de despesas apresentados, tanto no exercício de 1988 como no exercício de 1989, revelam que apenas alguns lograram comprovar a utilização nos fins colimados. Além disso, conforme mencionado pela Unidade Técnica, não se sabe o exato destino dos recursos após o encaminhamento da prestação de contas, em Cabe destacar que os responsáveis preocuparam-se tão-somente em comprovar a utilização dos valores recebidos nominalmente, mesmo que essa utilização, muitas das vezes, tenhase dado após longo tempo decorrido de seu recebimento, em período de elevada inflação vivenciado à época. O que se pode depreender dos fatos evidenciados no processo é que a comunidade foi a grande prejudicada, pois mesmo que os recursos não fossem suficientes para a construção do previsto inicialmente (492 casas), não restam dúvidas de que o efetivado ficou muito aquém do que poderia ter sido alcançado, principalmente se tivessem sido utilizadas as quantias aplicadas no mercado financeiro. Quanto ao débito, a apuração empreendida pela Unidade Técnica, para cada exercício, seguiu a proposição apresentada pelo Ministério Público. Assim, para o exercício de 1988, foi adicionado ao montante principal dos recursos os rendimentos financeiros obtidos no período, subtraindo-se o saldo bancário repassado para o exercício seguinte. Desse total, foram abatidos ainda os valores cuja aplicação foi efetivamente comprovada. Com relação ao exercício de 1989, a Unidade Técnica usou como referência a data da prestação de contas, , uma vez que não foi verificada qualquer despesa devidamente comprovada após a mesma. Assim, o débito para o período correspondeu ao saldo bancário recebido no exercício anterior adicionado aos rendimentos financeiros até a

10 mencionada data, abatendo-se os valores cuja aplicação foi efetivamente comprovada. Esclareço, por fim, que a proposição de rejeição das alegações de defesa apresentada pelo Ministério Público ocorreu antes da Decisão Normativa nº 35/2000. Dessa forma, considerando que não há como se reconhecer a boa-fé dos responsáveis, entendo, nos termos do art. 3º da mencionada Decisão, que deva ser procedido desde já o julgamento das presentes contas. Com essas considerações, VOTO por que seja adotado o Acórdão que ora submeto à apreciação desta 1ª Câmara. Sala das Sessões, em 31 de julho de GUILHERME PALMEIRA Interessados: Responsáveis: Dalto dos Reis (ex-prefeito), Álvaro Correia e Décio Moser (ex-presidentes da Sociedade Comunitária de Habitação Popular de Blumenau) Grupo: Grupo I Indexação: Tomada de Contas Especial; Convênio; SEAC; Prefeitura Municipal; Blumenau SC; Inexecução de Obra ou Serviço; Aplicação; Recursos Públicos; Mercado Financeiro; Movimentação de Recursos; Comprovação; Pagamento; Despesa; Rendimentos; Repasse; Administração Municipal; Responsável em Débito; Responsabilidade Solidária; Inscrição de Responsável; Cadastro; Data da Aprovação: 07/08/2001 Unidade Técnica: SECEX-SC - Secretaria de Controle Externo - SC; Quorum: 1 Ministros presentes: Marcos Vinicios Rodrigues Vilaça (Presidente), Iram Saraiva, Walton Alencar Rodrigues e Guilherme Palmeira (Relator).

11 Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. SEAC. Prefeitura Municipal de Blumenau SC. Inexecução do objeto pactuado. Ausência da boa-fé por parte do responsável. Apresentação de alegações de defesa insatisfatórias. Contas irregulares. Responsabilidade solidária. Débito. Inclusão do nome do responsável no CADIN. Data DOU: 09/08/2001 Número da Ata: 26/2001 Entidade: Unidade: Prefeitura Municipal de Blumenau - SC Processo: / Ministro Relator: GUILHERME PALMEIRA;

Entidade: Sociedade de Proteção à Infância e Maternidade de Bom Jesus de Itabapoana - SPIM/RJ

Entidade: Sociedade de Proteção à Infância e Maternidade de Bom Jesus de Itabapoana - SPIM/RJ Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0376-36/99-1 Identidade do documento: Acórdão 376/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Subvenção Social. MBES. Sociedade de Proteção

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 262/95 - Segunda Câmara - Ata 30/95 Processo nº TC 019.207/94-8 Responsável: Sara de Fátima Carneiro Delpino CPF: 293.709.496-15 Entidade: Fundação

Leia mais

Interessados: Responsável: Francisco de Sousa Filho, ex-secretário Municipal de Turismo e Desporto

Interessados: Responsável: Francisco de Sousa Filho, ex-secretário Municipal de Turismo e Desporto Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0198-47/99-P Identidade do documento: Acórdão 198/1999 - Plenário Ementa: Tomada de Contas Especial. Prefeitura Municipal de Aquiraz CE. Desvio de recursos

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 506/97 - Segunda Câmara - Ata 26/97 Processo TC nº 350.348/95-2. Responsáveis: Álvaro Ferreira Nobre (ex-presidente) e Adalberto Pereira Lima (ex-secretário).

Leia mais

Outros Representantes do Ministério Público: Dra. Maria Alzira Ferreira e Dr. Paulo Soares Bugarin.

Outros Representantes do Ministério Público: Dra. Maria Alzira Ferreira e Dr. Paulo Soares Bugarin. Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0569-42/00-1 Identidade do documento: Acórdão 569/2000 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. FNDE. Prefeitura Municipal de Bom

Leia mais

Assunto: Tomada de Contas Especial. Exame da defesa apresentada pelo responsável.

Assunto: Tomada de Contas Especial. Exame da defesa apresentada pelo responsável. Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 312/95 - Segunda Câmara - Ata 38/95 Processo nº TC 549.059/93-8 Responsável: Josenildo Leal Moreira - ex-presidente Entidade: Associação dos Moradores

Leia mais

Assunto: Tomada de Contas Especial instaurada em decorrência da omissão no dever de prestar contas de recursos federais recebidos mediante convênio.

Assunto: Tomada de Contas Especial instaurada em decorrência da omissão no dever de prestar contas de recursos federais recebidos mediante convênio. Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 130/96 - Primeira Câmara - Ata 21/96 Processo nº TC 499.074/92-0 Responsável: José Felix de Brito (ex-prefeito). Entidade: Prefeitura Municipal de Itapororoca/PB.

Leia mais

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0054-06/99-1 Identidade do documento: Acórdão 54/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas. Centro Psiquiátrico Pedro II. Exercício de 1997. Garantias

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0103-13/00-1. Identidade do documento: Decisão 103/2000 - Primeira Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0103-13/00-1. Identidade do documento: Decisão 103/2000 - Primeira Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0103-13/00-1 Identidade do documento: Decisão 103/2000 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Royalties. Prefeitura Municipal de Planalto

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 271/97 - Segunda Câmara - Ata 16/97 Processo TC nº 012.895/94-6. Responsável: Júlio Maito Filho, Presidente. Entidade: Conselho Regional dos Representantes

Leia mais

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; CEF; Adiantamento a Título de Empréstimo; Alegações de Defesa Rejeitadas; Prazo; Recolhimento; Débito;

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; CEF; Adiantamento a Título de Empréstimo; Alegações de Defesa Rejeitadas; Prazo; Recolhimento; Débito; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0029-06/01-2 Identidade do documento: Decisão 29/2001 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. CEF. Concessão irregular de crédito e adiantamento

Leia mais

Ministro-Relator José Antonio Barreto de Macedo RELATÓRIO. Grupo II Classe II 1ª Câmara

Ministro-Relator José Antonio Barreto de Macedo RELATÓRIO. Grupo II Classe II 1ª Câmara MUNICÍPIO DE SANTOS DUMONT/MG - DOAÇÃO À ENTIDADE PÚBLICA DE DIREITO PRIVADO DE PRÉDIO CONSTRUÍDO COM RECURSOS FEDERAIS REPASSADOS A PREFEITURA MUNICIPAL MEDIANTE CONVÊNIOS Tomada de Contas Especial Grupo

Leia mais

TOMADA DE CONTAS ESPECIAL

TOMADA DE CONTAS ESPECIAL TOMADA DE CONTAS ESPECIAL COMPARATIVO ENTRE A IN TCU Nº 13/1996 E A IN TCU Nº 56/2007 IN TCU Nº 13/1996 IN TCU Nº 56/2007 Art. 1º Diante da omissão no dever de prestar contas, da não comprovação da Aplicação

Leia mais

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; CEF; Responsável em Débito; Ato Ilícito; Crime; Fraude;

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; CEF; Responsável em Débito; Ato Ilícito; Crime; Fraude; Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0664-44/00-2 Identidade do documento: Acórdão 664/2000 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. CEF. Prática de ilícitos em operações bancárias

Leia mais

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; Convênio; FNDE; Prefeitura Municipal; Paço do Lumiar MA; Inexecução de Convênio; Material; Multa;

INDEXAÇÃO Tomada de Contas Especial; Convênio; FNDE; Prefeitura Municipal; Paço do Lumiar MA; Inexecução de Convênio; Material; Multa; Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0613-45/00-1 Identidade do documento: Acórdão 613/2000 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. FNDE. Prefeitura Municipal de Paço

Leia mais

Assunto: Tomada de Contas Especial instaurada em razão da omissão no dever de prestar contas.

Assunto: Tomada de Contas Especial instaurada em razão da omissão no dever de prestar contas. Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 309/96 - Primeira Câmara - Ata 31/96 Processo nº TC 450.133/95-8 Responsável: Raimundo Pereira Barbosa, Prefeito. Unidade: Prefeitura Municipal de Palestina

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0538-44/99-2. Identidade do documento: Acórdão 538/1999 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0538-44/99-2. Identidade do documento: Acórdão 538/1999 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0538-44/99-2 Identidade do documento: Acórdão 538/1999 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. MAS. Prefeitura Municipal de Jardim

Leia mais

INDEXAÇÃO Representação; MRE; Contrato; Pagamento Antecipado; Auditoria; Diárias; Passagem Aérea;

INDEXAÇÃO Representação; MRE; Contrato; Pagamento Antecipado; Auditoria; Diárias; Passagem Aérea; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0245-12/00-P Identidade do documento: Decisão 245/2000 - Plenário Ementa: Representação formulada por Equipe de Auditoria do TCU. Possíveis irregularidades

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 32/97 - Segunda Câmara - Ata 06/97 Processo TC 012.838/95-0 Responsável: Orlando do Prado Sobrinho Unidade: Caixa Econômica Federal - CEF Vinculação:

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 167/96 - Segunda Câmara - Ata 20/96 Processo nº TC 004.813/95-2 Responsável: Demósthenes Madureira de Pinho Filho Entidade: Instituto de Resseguros

Leia mais

Interessados: Responsável: Antonio Dernival Queiroz Dantas, ex-prefeito. CPF: 220.512.014-04

Interessados: Responsável: Antonio Dernival Queiroz Dantas, ex-prefeito. CPF: 220.512.014-04 Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0330-30/99-1 Identidade do documento: Acórdão 330/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Transferência de Recursos. MAS. Prefeitura

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 56/96 - Plenário - Ata 16/96 Processo nº TC 279.153/93-7. Responsável: Manoel Enedino Gomes. Entidade: Associação Beneficente e Cultural de Caldeirão

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0337-31/99-1. Identidade do documento: Acórdão 337/1999 - Primeira Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0337-31/99-1. Identidade do documento: Acórdão 337/1999 - Primeira Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0337-31/99-1 Identidade do documento: Acórdão 337/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. FAE. Prefeitura Municipal de Magé

Leia mais

Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA;

Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA; Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA; Assunto: Recurso de Reconsideração. Acórdão: VISTOS, relatados e discutidos estes autos de recurso de reconsideração

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0397-24/01-2. Identidade do documento: Acórdão 397/2001 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0397-24/01-2. Identidade do documento: Acórdão 397/2001 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0397-24/01-2 Identidade do documento: Acórdão 397/2001 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. CEF. Ilícito praticado por ex-servidor. Responsável

Leia mais

MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL

MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL Anexo IX MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL (PARA TOMADAS DE CONTAS ESPECIAIS QUE NÃO TRATEM DE RECURSOS REPASSADOS POR CONVÊNIO OU INSTRUMENTOS CONGÊNERES) RELATÓRIO DE TCE Nº 999/20XX

Leia mais

b) da análise procedida na prestação de contas apresentada constatou-se: b.1) ausência da documentação fiscal de despesa (notas fiscais);

b) da análise procedida na prestação de contas apresentada constatou-se: b.1) ausência da documentação fiscal de despesa (notas fiscais); GRUPO: I - CLASSE IV - Plenário TC-017.273/2003-8 NATUREZA: Tomada de Contas Especial. ENTIDADE: Município de Socorro do Piauí/PI. RESPONSÁVEL: Manoel Dionísio Ribeiro Neto (ex-prefeito). SUMÁRIO: Tomada

Leia mais

Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS;

Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS; Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS; Dados Materiais: c/ 01 volume Assunto: Recurso de Reconsideração Acórdão: VISTOS, relatados e discutidos estes autos

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 187/96 - Plenário - Ata 14/96 Processo nº TC 011.152/94-0 - Sigiloso Interessado: Deputado Estadual Wagner Siqueira, membro da Assembléia Legislativa

Leia mais

INDEXAÇÃO Levantamentos de Auditoria; CEFET; RJ; Obra Pública; Execução Parcial de Obras e Serviços; Pagamento Antecipado;

INDEXAÇÃO Levantamentos de Auditoria; CEFET; RJ; Obra Pública; Execução Parcial de Obras e Serviços; Pagamento Antecipado; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0065-09/00-1 Identidade do documento: Decisão 65/2000 - Primeira Câmara Ementa: Levantamento de Auditoria. Centro Federal de Educação Tecnológica RJ.

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 307/98 - Plenário - Ata 19/98 Processo TC nº 014.188/97-0 Interessado: Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados. Entidade:

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0566-46/99-2. Identidade do documento: Acórdão 566/1999 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0566-46/99-2. Identidade do documento: Acórdão 566/1999 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0566-46/99-2 Identidade do documento: Acórdão 566/1999 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Convênio. MAS. Prefeitura Municipal de Mata

Leia mais

Representante do Ministério Público: MARINUS EDUARDO DE VRIES MARSICO

Representante do Ministério Público: MARINUS EDUARDO DE VRIES MARSICO Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: MARINUS EDUARDO DE VRIES MARSICO Assunto: Tomada de Contas Especial Acórdão: Vistos, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0317-18/01-2. Identidade do documento: Acórdão 317/2001 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0317-18/01-2. Identidade do documento: Acórdão 317/2001 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0317-18/01-2 Identidade do documento: Acórdão 317/2001 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Fundação Nacional de Saúde - Distrito Sanitário

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 291/96 - Segunda Câmara - Ata 17/96 Processo nº TC 399.124/93-4 Responsável: Sebastião Fernandes Barbosa Entidade: Prefeitura Municipal de Minas Novas

Leia mais

LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015.

LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015. LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015. Autoriza o Executivo Municipal a repassar recursos financeiros mediante convênio às APM'S - Associações de Pais e Mestres das Escolas e CEMEIS da Rede Municipal

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul : CONS. IRAN COELHO DAS NEVES

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul : CONS. IRAN COELHO DAS NEVES Relatório Voto : REV - G.ICN - 00901/2011 PROCESSO TC/MS : 6107/2008 PROTOCOLO : 908430 ÓRGÃO : PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ALVORADA DO SUL ORDENADOR (A) DE : ARLEI SILVA BARBOSA DESPESAS CARGO DO ORDENADOR

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Dados Materiais: Apenso: TC-009.212/1999-0. Assunto: Representação. Colegiado: Plenário. Classe: Classe VII

Tribunal de Contas da União. Dados Materiais: Apenso: TC-009.212/1999-0. Assunto: Representação. Colegiado: Plenário. Classe: Classe VII Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Apenso: TC-009.212/1999-0 Assunto: Representação. Colegiado: Plenário Classe: Classe VII Sumário: Representação formulada pelo Ministério Público Federal. Inquérito

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0349-33/99-1. Identidade do documento: Acórdão 349/1999 - Primeira Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0349-33/99-1. Identidade do documento: Acórdão 349/1999 - Primeira Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0349-33/99-1 Identidade do documento: Acórdão 349/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Transferência de recursos. MAS. Prefeitura

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado do Pará. A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5)

Tribunal de Contas do Estado do Pará. A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5) A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5) Assunto: Prestação de Contas referente ao Convênio nº. 05/2001, celebrado entre a ASSOCIAÇÃO AMAZÔNICA EVANGÉLICA e a SEOP. Responsável: Sr. GILBERTO

Leia mais

Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP

Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP Relatório de Demandas Externas n 00190.004342/ 2013-31 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 492/92 - Segunda Câmara - Ata 37/92 Processo nº TC 005.648/88-2 Responsáveis: JOÃO JOSÉ LAMARQUE e IVANEI CANHOLA DE SOUZA Órgão: Superintendência Regional

Leia mais

INDEXAÇÃO Representação; Licitação; INPI; Concorrência; Edital; Capacidade Técnica; Atestado; Prestação de Serviços; Assistência Médica;

INDEXAÇÃO Representação; Licitação; INPI; Concorrência; Edital; Capacidade Técnica; Atestado; Prestação de Serviços; Assistência Médica; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-1027-47/00-P Identidade do documento: Decisão 1027/2000 - Plenário Ementa: Representação formulada por licitante. Possíveis irregularidades praticadas

Leia mais

Nº 162, quinta-feira, 22 de agosto de 2013 3 ISSN 1677-7069 167. Tribunal de Contas da União EXTRATOS DE ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA a) Espécie: Acordo de Cooperação Técnica firmado entre o Tribunal de

Leia mais

GRUPO I CLASSE II 2ª Câmara TC-031.085/2013-0

GRUPO I CLASSE II 2ª Câmara TC-031.085/2013-0 GRUPO I CLASSE II 2ª Câmara TC-031.085/2013-0 Natureza: Tomada de Contas Especial. Entidade: Município de Flores/PE. Responsável: Arnaldo Pedro da Silva, CPF n. 093.945.404-15. SUMÁRIO: TOMADA DE CONTAS

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0393-35/98-2. Identidade do documento: Acórdão 393/1998 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0393-35/98-2. Identidade do documento: Acórdão 393/1998 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0393-35/98-2 Identidade do documento: Acórdão 393/1998 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Subvenção social. MBES. Prefeitura Municipal

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado do Pará

Tribunal de Contas do Estado do Pará A C Ó R D Ã O Nº 43.099 (Processo nº 2005/53339-0) Assunto: Prestação de Contas relativa ao Convênio nº 027/2005, firmado entre a FEDERAÇÃO PARAENSE DE VOLEIBOL e a SEEL. Responsável: Sr. CARLOS GETÚLIO

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Objeto: Prestação de Contas Relator: Conselheiro Substituto Antônio Gomes Vieira Filho Responsável: Presidente da Associação dos Trabalhadores Rurais do Projeto de Assentamento Nossa Senhorado Perpétuo

Leia mais

Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS

Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: UBALDO ALVES CALDAS Dados Materiais: (c/ 2 volumes). Assunto: Tomada de Contas Especial. Acórdão: Vistos, relatados e discutidos estes autos

Leia mais

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Relatório de Demandas Externas n 00213.000123/2010-25 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 58/92 - Plenário - Ata 41/92 Processo nº TC 249.036/91-6. Responsável: Roraima Moreira da Rocha Unidade: Diretoria Regional da SUCAM. Relator: Auditor

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS DA ADMINISTRAÇÃO INDIRETA MUNICIPAL N. 834672

PRESTAÇÃO DE CONTAS DA ADMINISTRAÇÃO INDIRETA MUNICIPAL N. 834672 PRESTAÇÃO DE CONTAS DA ADMINISTRAÇÃO INDIRETA MUNICIPAL N. 834672 Procedência: Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Pará de Minas Exercício: 2009 Responsável: Oswaldo Oliveira

Leia mais

Entidade: Unidade: Fundação Legião Brasileira de Assistência - LBA (extinta).

Entidade: Unidade: Fundação Legião Brasileira de Assistência - LBA (extinta). Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0330-39/98-1 Identidade do documento: Decisão 330/1998 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. LBA. Malversação na guarda e distribuição

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 6/96 - Segunda Câmara - Ata 02/96 Processo nº TC 011.074/94-9 Responsáveis : Francisco das Chagas Alves (Diretor) e Raimundo Ivanildo de Sena Entidade:

Leia mais

CONVÊNIO SEDAC N 19/2011

CONVÊNIO SEDAC N 19/2011 ... ~ecretaria aa~ura G o V E. R N O D O E S TA D Pro O RIO GRANDE DO SU c. n S ECRET A R I A DA CUL TUR.1f~:.É.~--~~.:...,~~~-- CONVÊNIO SEDAC N 19/2011 CONVÊNIO que celebram o ESTADO DO RIO GRANDE DO

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007 INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007 Dispõe sobre instauração e organização de processo de tomada de contas especial e dá outras providências. O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso do

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 343/93 - Plenário - Ata 33/93 Processo nº TC 008.731/93-4 Interessado: Ministro Jutahy Magalhães Júnior Órgão: Ministérios do Bem-Estar Social. Relator:

Leia mais

Representante do Ministério Público: PAULO SOARES BUGARIN;

Representante do Ministério Público: PAULO SOARES BUGARIN; Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: PAULO SOARES BUGARIN; Assunto: Tomada de Contas Especial Acórdão: Vistos, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial

Leia mais

PARECER Nº 327/2013 - MPC

PARECER Nº 327/2013 - MPC PROCESSO Nº. 0310/2012 PARECER Nº 327/2013 - MPC ASSUNTO Prestação de Contas Exercício de 2011 ÓRGÃO Procuradoria-Geral do Município de Boa Vista PGMU e Fundo Especial da Procuradoria (FEPM) RESPONSÁVEIS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 170/2012 TCE/TO Pleno

RESOLUÇÃO Nº 170/2012 TCE/TO Pleno RESOLUÇÃO Nº 170/2012 TCE/TO Pleno 1. Processo nº: 12505/2011 (1 vol.) 2. Classe/Assunto: 3. Consulta / 5. Consulta acerca da legalidade do pagamento de despesas com internação de urgência do senhor João

Leia mais

DECRETO Nº 19.156, DE 1º DE OUTUBRO DE 2015.

DECRETO Nº 19.156, DE 1º DE OUTUBRO DE 2015. DECRETO Nº 19.156, DE 1º DE OUTUBRO DE 2015. Regulamenta a utilização dos depósitos judiciais e institui o Fundo de Reserva dos Depósitos Judiciais no âmbito do Município de Porto Alegre, conforme dispõe

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 720/97 - Segunda Câmara - Ata 36/97 Processo TC nº 200.280/96-1. Unidade Jurisdicionada: Superintendência Estadual do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente

Leia mais

O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI N o 11.306, DE 16 DE MAIO DE 2006 Estima a receita e fixa a despesa da União para o exercício financeiro de 2006. O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 8478/2006-0 Ano Orçamento: 2005 UF: AP Nome do PT: Recuperação do Porto de Santana no Estado

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 41/98 - Plenário - Ata 11/98 Processo nº TC 011.640/95-2 Interessado: Identidade Preservada Entidade: Prefeitura Municipal de Quedas do Iguaçu/PR Relator:

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DOS MUNICÍPIOS

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DOS MUNICÍPIOS TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DOS MUNICÍPIOS 045 PROCESSO Nº: UNIDADE GESTORA: RESPONSÁVEL: INTERESSADO: ASSUNTO: RELATÓRIO REINSTRUÇÃO: DE TCE-11/00662437 Serviço

Leia mais

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9 PROCESSO Nº UNIDADE GESTORA : : 1513-0/2014 (AUTOS DIGITAIS) FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDENCIA SOCIAL DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃOZINHO ASSUNTO : CONTAS ANUAIS DE GESTÃO EXERCÍCIO DE 2014 GESTOR

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO PROCURADORIA GERAL CONVÊNIO Nº 017/PGM/2014 - PROCESSO Nº 08.00057/2014

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO PROCURADORIA GERAL CONVÊNIO Nº 017/PGM/2014 - PROCESSO Nº 08.00057/2014 1 CONVÊNIO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PORTO VELHO, POR INTERMÉDIO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE/SEMUSA, DE UM LADO, E DE OUTRO A ASSOCIAÇÃO PROTETORA DOS ANIMAIS DESAMPARADO AMIGOS DE PATAS,

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0230-12/00-P. Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0230-12/00-P. Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0230-12/00-P Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário Ementa: Acompanhamento. Programa Nacional de Desestatização. Outorga de concessões

Leia mais

Entidade: Superintendência Regional da Receita Federal da 10ª Região Fiscal

Entidade: Superintendência Regional da Receita Federal da 10ª Região Fiscal Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0285-19/01-P Identidade do documento: Decisão 285/2001 - Plenário Ementa: Acompanhamento. Outorga de permissão da Estação Aduaneira em Novo Hamburgo

Leia mais

SENTENÇA DO AUDITOR SAMY WURMAN

SENTENÇA DO AUDITOR SAMY WURMAN Fl. 317 SENTENÇA DO AUDITOR SAMY WURMAN PROCESSO: TC 800.103/476/08. ENTIDADE: RESPONSÁVEL: Prefeitura de Descalvado. Sr. José Carlos Calza Prefeito, à época. MATÉRIA: Apartado das Contas do exercício

Leia mais

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4139, DE 11 DE SETEMBRO DE 2013. Regulamenta o Fundo Municipal de Esporte e Lazer e o Incentivo ao Esporte e Lazer e dá outras providências. O PREFEITO DE GOIÂNIA, no

Leia mais

PARECER Nº. 1075/2014-MP/RCKS

PARECER Nº. 1075/2014-MP/RCKS PROCESSO Nº. 10182/2013 ANEXOS: 10034/2013, 10231/2013, 10135/2012 ASSUNTO: Prestação de Contas Anuais, exercício de 2012 RESPONSÁVEL: José Domingos de Oliveira ÓRGÃO: Prefeitura Municipal de Beruri PARECER

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 111/97 - Plenário - Ata 09/97 Processo nº TC 0l5.766/96-9. Interessado: Identidade preservada. Entidade: Superintendência da Zona Franca de Manaus -

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.311, de 31 de dezembro de 2012

Instrução Normativa RFB nº 1.311, de 31 de dezembro de 2012 Instrução Normativa RFB nº 1.311, de 31 de dezembro de 2012 DOU de 31.12.2012 Altera a Instrução Normativa RFB nº 1.131, de 21 de fevereiro de 2011, que dispõe sobre os procedimentos a serem adotados para

Leia mais

DELIBERAÇÃO Nº 198 23 de janeiro de 1996. O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e

DELIBERAÇÃO Nº 198 23 de janeiro de 1996. O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e DELIBERAÇÃO Nº 198 23 de janeiro de 1996 Dispõe sobre a instauração e organização de processos de prestação de contas, tomada de contas e tomada de contas especial, no âmbito da Administração Estadual,

Leia mais

Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA

Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA Tribunal de Contas da União Representante do Ministério Público: JATIR BATISTA DA CUNHA Assunto: Tomada de Contas Especial Acórdão: Vistos, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial

Leia mais

CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE

CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE 1998 Estabelece diretrizes para a aplicação dos recursos e a elaboração das propostas orçamentárias do FGTS,

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 01341.000109/2007-23 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

TCE-RJ PROCESSO Nº 212.955-5/07 RUBRICA: FLS.:

TCE-RJ PROCESSO Nº 212.955-5/07 RUBRICA: FLS.: TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO GABINETE DO CONSELHEIRO JOSÉ MAURÍCIO DE LIMA NOLASCO VOTO GC-4 50201/2012 PROCESSO: TCE-RJ Nº 212.955-5/07 ORIGEM: FUNDAÇÃO TEATRO MUNICIPAL TRIANON DE CAMPOS

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85 PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85 TC-001670/006/13 Contratante: Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto. Contratada: CODERP Companhia de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Preto. Autoridade

Leia mais

Luiz Ademir Hessmann (Presidente da EPAGRI desde 05/02/2009) Murilo Xavier Flores (Presidente da EPAGRI em 2008) ASSUNTO

Luiz Ademir Hessmann (Presidente da EPAGRI desde 05/02/2009) Murilo Xavier Flores (Presidente da EPAGRI em 2008) ASSUNTO 508 TRIBUNAL DE CONTAS DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO ESTADUAL - DCE INSPETORIA 3 DIVISÃO 8 PROCESSO Nº PCA 09/00112794 UNIDADE GESTORA Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TOMADA DE CONTAS ANUAL CONSOLIDADA

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TOMADA DE CONTAS ANUAL CONSOLIDADA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TOMADA DE CONTAS ANUAL CONSOLIDADA RELATÓRIO Nº : 189335 UCI EXECUTORA : 170965 EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº

Leia mais

CONSELHO DIRETOR ATO DO CONSELHO DIRETOR RESOLUÇÃO INEA Nº 131 DE 22 DE DEZEMBRO 2015.

CONSELHO DIRETOR ATO DO CONSELHO DIRETOR RESOLUÇÃO INEA Nº 131 DE 22 DE DEZEMBRO 2015. Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado do Ambiente SEA Instituto Estadual do Ambiente INEA CONSELHO DIRETOR ATO DO CONSELHO DIRETOR RESOLUÇÃO INEA Nº 131 DE 22 DE DEZEMBRO 2015. ESTABELECE

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI:

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI: Lei nº 7.084, de 02 de julho de 2001. Cria o Fundo de Desenvolvimento de Campos dos Goytacazes - FUNDECAM e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE

Leia mais

Assunto: Tomada de Contas Anual da Delegacia Regional da SUCAM no Rio Grande do Sul, exercício de 1987.

Assunto: Tomada de Contas Anual da Delegacia Regional da SUCAM no Rio Grande do Sul, exercício de 1987. Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 196/92 - Plenário - Ata 20/92 Processo nº TC-649.016/88-2, Apensos: TC-006.834/88-4; TC-625.028/88-0; TC-625.402/87-1 e TC-625.407/87-3 Responsáveis:

Leia mais

C O N V Ê N I O Nº 145/2014

C O N V Ê N I O Nº 145/2014 C O N V Ê N I O Nº 145/2014 Que entre si celebram de um lado o MUNICÍPIO DE ITABIRITO, pessoa jurídica de direito público interno, inscrição no CNPJ sob o nº 18.307.835/0001-54, com endereço a Avenida

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 92/96 - Plenário - Ata 08/96 Processo nº TC 016.033/94-9 Entidade: Companhia Brasileira de Trens Urbanos - CBTU. Interessado: Presidente da 50ª JCJ/RJ.

Leia mais

PRESTAÇÃO ANUAL DE CONTAS

PRESTAÇÃO ANUAL DE CONTAS PUBLICADO EM RESUMO NO DOE DE / / PRESTAÇÃO ANUAL DE CONTAS Processo TCM nº 04394-12 Exercício Financeiro de 2011 INSTITUTO DE PREVIDENCIA-IMUPRE Município de CORRENTINA Gestor: Regina de Castro Neves

Leia mais

JUSTIÇA DO TRABALHO DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA

JUSTIÇA DO TRABALHO DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Objeto: Contratação de empresa para prestação do serviço de agenciamento de viagens (emissão, remarcação e cancelamento de passagens aéreas nacionais

Leia mais

SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA. FOLHA DE PAGAMENTO. INDÍCIOS DE IRREGULARIDADE. AUDIÊNCIAS. RELATÓRIO

SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA. FOLHA DE PAGAMENTO. INDÍCIOS DE IRREGULARIDADE. AUDIÊNCIAS. RELATÓRIO GRUPO II CLASSE V Plenário TC 019.100/2009-4 Natureza(s): Relatório de Auditoria Órgão: Senado Federal (vinculador) Interessado: Congresso Nacional Advogado(s): não consta. SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA.

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 146/93 - Plenário - Ata 15/93 Processo nº TC 014.317/92-3 Responsáveis: Lafaiete Coutinho Torres (Presidente da CEF) e o Superintendente da CEF no Estado

Leia mais

Trata-se de Prestação de Contas da Controladoria Geral do Estado de PARECER Nº 272/2013 MPC/RR

Trata-se de Prestação de Contas da Controladoria Geral do Estado de PARECER Nº 272/2013 MPC/RR PARECER Nº 272/2013 MPC/RR Processo: 0245/2010 Assunto: Prestação de Contas Exercício de 2009 Órgão: Controladoria Geral do Estado Responsáveis: Marlene da Silva Prado Luiz Renato Maciel de Melo Relator:

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE ATOS DE PESSOAL - DAP

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE ATOS DE PESSOAL - DAP 27 TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE ATOS DE PESSOAL - DAP Rua Bulcão Vianna, 90, Centro Florianópolis Santa Catarina. Fone: (048) 3221-3764 Fax: (048) 3221-3730 Home-page:

Leia mais

Entidade: Órgão de Origem: Secretaria do Estado da Justiça e Cidadania de Santa Catarina

Entidade: Órgão de Origem: Secretaria do Estado da Justiça e Cidadania de Santa Catarina Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0776-48/99-P Identidade do documento: Decisão 776/1999 - Plenário Ementa: Inspeção. Secretaria de Justiça de Santa Catarina. Pedido de reexame de decisão

Leia mais

Entidade: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq

Entidade: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0348-20/01-2 Identidade do documento: Acórdão 348/2001 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Pessoa física. CNPq. Concessão de bolsa de

Leia mais

Matérias selecionadas do DOU de 4 de outubro de2007

Matérias selecionadas do DOU de 4 de outubro de2007 Conteúdo: SEÇÃO 1... 2 PORTARIA No- 2.497, DE 3 DE OUTUBRO DE 2007... 2 PORTARIA No- 2.501, DE 3 DE OUTUBRO DE 2007... 3 PORTARIA Nº 43, DE 3 DE OUTUBRO DE 2007... 4 ACÓRDÃO Nº 2980/2007 - TCU - 1ª CÂMARA...

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

Assunto: Representação acerca de possível "afronta ao princípio constitucional da economicidade".

Assunto: Representação acerca de possível afronta ao princípio constitucional da economicidade. Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 98/97 - Plenário - Ata 09/97 Processo nº TC 004.946/95-2 Interessado: Walton Alencar Rodrigues - Procurador-Geral, em substituição, do Ministério Público

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0199-14/00-2. Identidade do documento: Acórdão 199/2000 - Segunda Câmara

Tribunal de Contas da União. Número do documento: AC-0199-14/00-2. Identidade do documento: Acórdão 199/2000 - Segunda Câmara Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0199-14/00-2 Identidade do documento: Acórdão 199/2000 - Segunda Câmara Ementa: Tomada de Contas Especial. Auxílio financeiro. MEC. Liga Parnaibana de

Leia mais