Departamento de Engª de Electrónica e das Telecomunicações. Engº Pedro Ribeiro. Aluno nº José Camacho Aluno nº Floriano Silva

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Departamento de Engª de Electrónica e das Telecomunicações. Engº Pedro Ribeiro. Aluno nº 17230 José Camacho Aluno nº 32178 Floriano Silva"

Transcrição

1 Departamento de Engª de Electrónica e das Telecomunicações Engº Pedro Ribeiro Aluno nº José Camacho Aluno nº Floriano Silva

2 Sumário Instalação do sistema operativo Gentoo - Linux Configuração da rede fisica e virtual Plataforma dns Instalação dos serviços propostos Instalação de ferramentas de gestão

3 Configuração do VMWare Interligação da rede virtual com a rede real Configuraçãodaopçãobridge Configuração da interface de arranque eth0 com DHCP Configuração da máquina virtual para arranque com uma imagem mínima Configuração do SSH para facilidade d de trabalho drag and drop entre o ambiente windows e o VMWare. Adição dos servidores DNS /etc/resolv.conf e /etc/conf.d/net echo nameserver > /etc/resolv.conf dns_servers_eth0= Algumas configurações de rede de recurso: Algumas configurações de rede de recurso: ifconfig eth0 ${IP_ADDR} broadcast ${BROADCAST} netmask ${NETMASK} up route add default gw ${GATEWAY}

4 Interligação rede virtual c/ a real Interligação rede virtual c/ a real usando uma Virtual Bridge

5 Instalação e preparação dos discos e partições Diferenças entre drivers c/ suporte SCSI, IDE e EIDE Comandos usados para preparação dos discos Instalação e upgrade do portage Comandos mais importantes t usados A importância do ficheiro /etc/make.conf

6 HardDisk drives IDE, SCSI e EIDE Não é o ideal para hosting É mandatório o uso de uma boa placa RAID Não é ideal para elevadas taxas de transferências de dados como a SCSI Tem limitações de escalabilidade usa-se em RAID 0+1 É prática para servidores HTTP s/ necessidades de grandes consultas Têm acessos mais lentos e superiores throughputs h Usam menos o CPU no acesso Suportam uma configuração do RAID5 Não é o ideal em hosting c/ uma unidade por canal Têm melhor performance para uma banco de dados, é dirigido a sies de tráfego elevado porque processa mais pedidod I/O por segundo

7 HardDisk SCSI e SEAGATE

8 Comandos usados para preparação dos discos Associação do file system à partição mke2fs /dev/hda1 Associação do file system à partição mke2fs j /dev/hda3 Criação da partição swap e activação da mesma mkswap /dev/hda2 swapon /dev/hda2 Montagem das partições mount /dev/hda3 /mnt/gentoo mkdir /mnt/gentoo/boot mount /dev/hda1 /mnt/gentoo/boot mount t proc none /mnt/gentoo/proc mount o bind /dev /mnt/gentoo/dev chroot /mnt/gentoo /bin/bash env-update p

9 Instalação e upgrade do portage O que é o Portage? O portage é um sistema gestor de pacotes padrão utilizado pela distribuição GNU/LINUX GENTOO É um sistema flexivel e referido como metadistribuição devido à capacidade de gerir diversos sistemas operativos O portage é um conjunto de ferramnetas entre elas o emerge que resolve dependências enquanto o ebuild compila e instala. Comando usados: emerge va portage md5sum c portage tar.bz2.md5sum

10 Comandos mais importantes usados chroot /mnt/gentoo /bin/bash env-update source /etc/profile export PS1= (chroot) $PS! emerge gentoo-sources emerge kernel zcat /procconfig-gz > /share/genkernel/x86/kernel-config- 2.6 genkernel all nano /etc/fstab nano /etc/conf.d/net nano /etc/conf.d/keymaps KEYMAP= pt-latin1 emerge av grub

11 Plataforma DNS Arquitectura lógica

12 Mysql & Bind & DLZ & PHPMyAdmin rc-update -a mysql default / t /i it d/ /etc/init.d/mysql l restart t t Iniciar o MYSQL mysql -u root p Criação da base de dados CREATE DATABASE dnsauth Criação do utilizador para acesso aos recursos CREATE USER IDENTIFIED BY 'grupo05

13 (Cont) Mysql & Bind & DLZ & PHPMyAdmin GRANT ALL ON dnsauth.* TO ' IDENTIFIED BY 'grupo05'; - permissões para o utilizador criado aceder à base de dados criada; CREATE TABLE `records` ( `id` int(10) unsigned NOT NULL auto_increment, `zone` varchar(255) NOT NULL, `ttl` int(11) NOT NULL default '86400', `type` varchar(255) NOT NULL, `host` varchar(255) NOT NULL default `mx_priority priority` int(11) default NULL, `data` text, `primary_ns` varchar(255) default NULL, `resp_contact` varchar(255) default NULL, `serial` bigint(20) default NULL, `refresh` int(11) default NULL, `retry` int(11) default NULL, `expire` int(11) default NULL, `minimum` int(11) default NULL, PRIMARY KEY (`id`), KEY `type` (`type`), KEY `host` (`host`), KEY `zone` (`zone`) ); - criação da tabela que recebe os registos DNS; INSERT INTO `records` (`id`, `zone`, `ttl`, `type`, `host`, `mx_priority`, `data`, `primary_ns`, `resp_contact`, `serial`, `refresh`, `retry`, `expire`, `minimum`) VALUE (10, 'lrcd.local', 43200, 'SOA', NULL, NULL, 'ns.lrcd.local.', 'postmaster.lrcd.local.', , 3600, 900, , 43200); - inserção do registo Start Of Authority na tabela; INSERT INTO `records` (`id`, `zone`, `ttl`, `type`, `host`, `mx_priority`, `data`, `primary_ns`, ` `resp_contact`, ` `serial`, `refresh`, `retry`, ` `expire`, ` `minimum`) i `) VALUE (11, 'lrcd.local', 43200, 'NS', NULL, 'srv.lrcd.local.', NULL, NULL, NULL, NULL, NULL, NULL, NULL); - inserção do registo que identifica o servidor DNS; INSERT INTO `records` (`id`, `zone`, `ttl`, `type`, `host`, `mx_priority`, `data`, `primary_ns`, `resp_contact`, `serial`, `refresh`, `retry`, `expire`, `minimum`) VALUE (301, 'lrcd.local', l l' 43200, 'A', 'irs05', NULL, ' ', 11' NULL, NULL, NULL, NULL, NULL, NULL, NULL); - inserção de um registo de teste; CREATE TABLE `xfr` ( `zone` varchar(255) NOT NULL, `client` varchar(255) NOT NULL, KEY `zone` (`zone`), KEY `client` (`client`) ); - tabela adicionada à base de dados criada;

14 (Cont) Mysql & Bind & DLZ & PHPMyAdmin Para que o Bind consiga utilizar a estrutura criada no mysql, é necessário efectuar algumas configurações em named.conf.. Segue de seguida imagem com as inserções efectuadas:

15 Instalação de ferramentas de gestão emerge av phpmyadmin emerge av php Esta aplicação presupõem a instalação de uma BD dedicada ao SMBIND Objectivo era configurar a aplicação para a BD do DNS-Auth este software disponibiliza uma base de dados em backend para o MySQl no entanto é dificil manter porque usa ficheiros de configuração complexos e deficieis de manter Existe ainda um outro problema o BIND precisa de ser reiniciado senpre que se faz uma alteração Este software permite ler directamente de uma base de dados Mysql no entanto é necessário configurar a sua BD para interagir com o Agente DLZ é uma tarefa complexa e pode necessitar de algum desenvolvimento de software A utilização de DLZ permite a utilização de bases de dados em servidores de backend. Isto simplifica a gestão de milhares de zonas, e disponibiliza redundância própria naestrutura de base de dados disponibilizada Na intalação não foi detectado o ficheiro /tmp/mysql.sock logo abandonamos a solução

16 Implementação Lógica 1ªVersão

17 Implementação Lógica 2ªVersão ISEL DNS Auth DNS Fw G1 G2 G3 GN

18 Servidor DNS Autoritário Apache PHP emerge av apache; rc-update -a apache2 default ; Adicionada flag (APACHE2_OPTS="-D PHP5 ) em /etc/conf.d/apache2 ; etc/init.d/apache2 restart. emerge av php; A flag postgres necessita de estar activa (adicionada em /etc/portage/package.use); Dependências: Dev-php/PEAR-PEAR ; Dev-php/PEAR-MDB2 (flag postgres); Dev-php/Smarty (templates).

19 Servidor DNS autoritário (2) DLZ O Bind apresenta algumas questões: Dados em ficheiros de texto; Dados armazenados na RAM; Análise de todas as zonas ao iniciar; Restarts a cada alteração; DLZ permite a interacção entre os dados armazenados numa base de dados e o Bind; Activar flag DLZ no Bind. PostgreSQL emerge av postgresql; Instaladas dependências: Dev-db/libpq; Dev-python/egenix-mx-base. Criados base de dados, user e pw (a utilizar no Ant); Carregado o schema.sql, da ferramenta AntDNS; Activar a Flag postgres no Bind;

20 Servidor DNS autoritário (3) AntDNS Instruções de instalação na página: Efectuar alteração no named.conf:

21 Servidor DNS autoritário (4) AntDNS (2) Esquema de tabelas: Colocado Alias /ant /var/www/localhost/htdocs/ant-0.2b em /etc/apache2/vhosts.d/default_vhost.include; Inserido localhost IRS-GRUP-ID01CB em /etc/hosts; Directoria ant-0.2b colocada em /var/www/localhost/htdocs; Comando etc-update ;

22 Servidor DNS autoritário (5) AntDNS (3) Configuração de /var/www/localhost/htdocs/ant- 02b/include/def 0.2b/include/def.php : Aceder ao software: Ficheiros php em formato DOS, necessário alterar para formato Unix;

23 Servidor DNS autoritário (6) BIND Outras Configurações A configuração do resolv.conf aponta para o seu próprio IP; /etc/named/named.conf: Inserção do código que permite a utilização do DLZ; listen-on { any; }; recursion no; allow-query {any; }; allow-transfer {none; ;}; Autenticação & Suporte SSL Flags do Apache SSL auth_basic ; Criado ficheiro /var/www/localhost/passwords (user:irs05, pw:irs05); Alterações no ficheiro de configuração do Apache (/etc/apache2/httpd.conf):

24 Servidor DNS autoritário (7) Autenticação & Suporte SSL(2) Alteração nos ficheiros existentes em /etc/apache2/vhosts.d : Criado default_vhost2.include, cópia de default_vhost.include e Alias /ant var/www/localhost/htdocs/ant-0.2b ; default_vhost.include recebe a instrução RedirectMatch.* https:// /ant ; 105/ O ficheiro 00_default_ssl_vhost.conf foi alterado: Verificação da password (live http headers & wireshark); Evitar ataques man-in-the-midle, deve ser colocado o certificado no computador.

25 Funcionamento da Ferramenta AntDNS

26 Funcionamento da Ferramenta AntDNS (2)

27 Funcionamento da Ferramenta AntDNS (3)

28 Testes Efectuados

29 Questões?

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Índice

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Índice Linux Gentoo Solution Engº Pedro Ribeiro Departamento de Engª de Electrónica e Telecomunicações e de Computadores SECÇÃO DE REDES E TELECOMUNICAÇÕES Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Integração

Leia mais

GIL LIAL JOSÉ JÚNIOR

GIL LIAL JOSÉ JÚNIOR GENTOO DNS SERVER / BIND ROUTING / QUAGGA PPTP SERVER / POPTOP Partition Filesystem Size Description /dev/hda1 ext2 32M Boot partition /dev/hda2 (swap) 512M Swap partition /dev/hda3 ext3 Rest of the disk

Leia mais

Content Management Server. Gonçalo Barreira nº 28373 Henrique Lopes nº 28404 Tiago Estevão nº 28428

Content Management Server. Gonçalo Barreira nº 28373 Henrique Lopes nº 28404 Tiago Estevão nº 28428 Content Management Server Gonçalo Barreira nº 28373 Henrique Lopes nº 28404 Tiago Estevão nº 28428 Índice Preparação e instalação do sistema operativo Gentoo Bind Comparação de CMS s Drupal: O que é, características

Leia mais

Integração de Redes e Serviços. Trabalho Prático

Integração de Redes e Serviços. Trabalho Prático Departamento de Engenharia de Electrónica de Telecomunicações e de Computadores Mestrado em Engenharia Informática e Computadores Integração de Redes e Serviços Trabalho Prático Trabalho elaborado por:

Leia mais

Instalação e Configuração Servidor DNS

Instalação e Configuração Servidor DNS Instalação e Configuração Servidor DNS Instalação e Configuração Servidor DNS Passo Nº 1 Conferir o nome da máquina ( já configurado no passo Servidor Configuração DHCP ). # nano /etc/hostname Passo Nº

Leia mais

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Departamento de Engenharia de Electrónica das Telecomunicações e de Computadores Mestrado/Licenciatura em Engenharia Informática e de Computadores Integração

Leia mais

Integração de Redes e Serviços

Integração de Redes e Serviços ISEL Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Departamento de Engenharia de Electrónica e Telecomunicações e de Computadores Integração de Redes e Serviços Instalação e configuração de um Servidor Gentoo

Leia mais

Relatório do Trabalho Prático nº 1. DNS e DHCP. Documento elaborado pela equipa: Jorge Miguel Morgado Henriques Ricardo Nuno Mendão da Silva

Relatório do Trabalho Prático nº 1. DNS e DHCP. Documento elaborado pela equipa: Jorge Miguel Morgado Henriques Ricardo Nuno Mendão da Silva Relatório do Trabalho Prático nº 1 DNS e DHCP Documento elaborado pela equipa: Jorge Miguel Morgado Henriques Ricardo Nuno Mendão da Silva Data de entrega: 22.10.2006 Indíce Introdução... 2 Configuração

Leia mais

Janeiro 30 IRS. Gonçalo Afonso nº 29143

Janeiro 30 IRS. Gonçalo Afonso nº 29143 Janeiro 30 IRS 2012 Gonçalo Afonso nº 29143 Índice Máquina Virtual... 2 Sistema Operativo... 2 Instalação... 2 Sistema de ficheiros... 4 Gestor de Pacotes... 5 Bootloader... 6 DNS... 6 Objectivos:... 6

Leia mais

Sistemas Operacionais de Rede. Configuração de Rede

Sistemas Operacionais de Rede. Configuração de Rede Sistemas Operacionais de Rede Configuração de Rede Conteúdo Programático! Interfaces de rede! Ethernet! Loopback! Outras! Configuração dos parâmetros de rede! Dinâmico (DHCP)! Manual! Configuração de DNS

Leia mais

DNS Linux. Rodrigo Gentini gentini@msn.com

DNS Linux. Rodrigo Gentini gentini@msn.com Linux Rodrigo Gentini gentini@msn.com Domain Name System (DNS). O DNS é o serviço de resolução de nomes usado em todas as redes TCP/IP, inclusive pela Internet que, sem dúvidas, é a maior rede TCP/IP existente.

Leia mais

Universidade Católica de Brasília Pró-reitoria de Graduação Curso de Ciência da Computação

Universidade Católica de Brasília Pró-reitoria de Graduação Curso de Ciência da Computação Universidade Católica de Brasília Pró-reitoria de Graduação Curso de Ciência da Computação INTRODUÇÃO 6 LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Serviços Básicos de Rede DNS Para o correto funcionamento de

Leia mais

DNS Parte 2 - Configuração

DNS Parte 2 - Configuração DNS Parte 2 - Configuração Adriano César Ribeiro (estagiário docente) adrianoribeiro@acmesecurity.org Adriano Mauro Cansian adriano@acmesecurity.org Tópicos em Sistemas de Computação 1 Revisão Prof. Dr.

Leia mais

Orientador de Curso: Rodrigo Caetano Filgueira

Orientador de Curso: Rodrigo Caetano Filgueira Orientador de Curso: Rodrigo Caetano Filgueira Serviço DNS DNS significa Domain Name System (sistema de nomes de domínio). O DNS converte os nomes de máquinas para endereços IPs que todas as máquinas da

Leia mais

Redes de Computadores. Guia de Laboratório Configuração de Redes

Redes de Computadores. Guia de Laboratório Configuração de Redes Redes de Computadores LEIC-T 2012/13 Guia de Laboratório Configuração de Redes Objectivos O objectivo do trabalho consiste em configurar uma rede simples usando o sistema Netkit. O Netkit é um emulador

Leia mais

Prática DNS. Edgard Jamhour

Prática DNS. Edgard Jamhour Prática DNS Edgard Jamhour Exercícios práticos sobre DNS. Esse roteiro de prática inclui apenas aspectos básicos de configuração desses serviços. Apenas esses aspectos básicos é que serão cobrados em relatório.

Leia mais

Configurando servidor de DNS no CentOS O Domain Name System Sistema de Nomes de Domínio é de fundamental importância em uma rede.

Configurando servidor de DNS no CentOS O Domain Name System Sistema de Nomes de Domínio é de fundamental importância em uma rede. Configurando servidor de DNS no CentOS O Domain Name System Sistema de Nomes de Domínio é de fundamental importância em uma rede. O DNS é um sistema hierárquico em árvore invertida. Tem como origem o ponto

Leia mais

RELATÓRIO DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS APLICATIVOS BIND E POSTFIX

RELATÓRIO DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS APLICATIVOS BIND E POSTFIX RELATÓRIO DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS APLICATIVOS BIND E POSTFIX EDFRANCIS PEREIRA MARQUES SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO V INTRODUÇÃO NESTE RELATÓRIO VEREMOS A IMPORTÂNCIA DE CONHECER CADA COMANDO EXECUTADO,

Leia mais

INTEGRAÇÃO DE REDES E SERVIÇOS PPTP SERVER INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA JOSÉ JÚNIOR - 32126 GIL LIAL - 33373

INTEGRAÇÃO DE REDES E SERVIÇOS PPTP SERVER INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA JOSÉ JÚNIOR - 32126 GIL LIAL - 33373 INSTITUTO POLITÉCNICO DE LISBOA INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELECTRÓNICA E TELECOMUNICAÇÕES INTEGRAÇÃO DE REDES E SERVIÇOS PPTP SERVER JOSÉ JÚNIOR - 32126 GIL LIAL

Leia mais

Configurando DNS Server. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com

Configurando DNS Server. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com Configurando DNS Server. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com Entendendo o DNS É o serviço responsável por: Traduzir nomes em endereços IP (e vice-versa), de um determinado

Leia mais

Formação IPv6 Maputo Moçambique 26 Agosto 29 Agosto 08

Formação IPv6 Maputo Moçambique 26 Agosto 29 Agosto 08 Formação IPv6 Maputo Moçambique 26 Agosto 29 Agosto 08 DNS Pedro Lorga (lorga@fccn.pt) Carlos Friaças (cfriacas@fccn.pt) Exercício Prático: DNS Objectivos Neste exercício completará as seguintes tarefas:

Leia mais

Administração de Redes I Linux Prof: Frederico Madeira Lista de Exercícios 3

Administração de Redes I Linux Prof: Frederico Madeira <fred@madeira.eng.br> Lista de Exercícios 3 Administração de Redes I Linux Prof: Frederico Madeira Lista de Exercícios 3 1. Qual dos seguintes comandos linux não inclui a capacidade de listar o PID das aplicações que estão

Leia mais

Aula 3 Servidor DNS BIND

Aula 3 Servidor DNS BIND 1 Aula 3 Servidor DNS BIND Um servidor DNS é responsável em responder pelos domínios e direcionar tudo que é relacionado a ele, nele por exemplo pode se apontar onde fica www.dominio.com.br, vai apontar

Leia mais

Configuração de Rede

Configuração de Rede Configuração de Rede Introdução Quando uma interface de rede comum, que utiliza o padrão de rede Ethernet, é reconhecida no sistema (seja na inicialização ou acionando o módulo desta interface), o sistema

Leia mais

IRS. Quagga Radius OpenVpn. Grupo 3 19710 António Borga

IRS. Quagga Radius OpenVpn. Grupo 3 19710 António Borga IRS Quagga Radius OpenVpn Grupo 3 19710 António Borga IRS Instalação Gentoo Road book http://www.gentoo.org/doc/en/handbook/handbook-x86.xml File system mount Device file system Dimensão /boot /dev/hda1

Leia mais

V Workshop de Tecnologias de Rede do PoP-BA

V Workshop de Tecnologias de Rede do PoP-BA V Workshop de Tecnologias de Rede do PoP-BA www.pop-ba.rnp.br/wtr2014 IPv6 Um novo não tão novo protocolo de Internet Instrutor: Thiago Bomfim thiagobomfim@pop-ba.rnp.br Monitoria: Jundaí Abdon jundai@pop-ba.rnp.br

Leia mais

edu com org pt ibm sapo cs iscap

edu com org pt ibm sapo cs iscap TEMA Serviços de nomes no Linux TEÓRICA-PRÁTICA 1. Introdução Necessidade de utilizar nomes em vez de endereços IP: Endereços IP são óptimos para os computadores No entanto, para humanos, são difíceis

Leia mais

Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços

Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços Curso de extensão em Administração de sistemas GNU/Linux: redes e serviços - italo@dcc.ufba.br Gestores da Rede Acadêmica de Computação Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal da Bahia,

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama}@cin.ufpe.br Instalando/Configurando Servidor DNS. Este tutorial irá

Leia mais

Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma

Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma -SDR LINUX ADMINISTRAÇÃO DNS significa (sistema de nomes

Leia mais

Recuperando o GRUB após instalação do Windows

Recuperando o GRUB após instalação do Windows Recuperando o GRUB após instalação do Windows PET Engenharia de Computação - http://www.inf.ufes.br/~pet 1 Instruções iniciais Para efetuar as configurações a seguir talvez precisaremos executar comandos

Leia mais

DNS Ubuntu Server 14.04

DNS Ubuntu Server 14.04 DNS Ubuntu Server 14.04 1. Passo Configuração do servidor (nomes e endereçamentos exemplos) IP: 192.168.0.1 Nome da máquina: professor Nome do domínio: aula.net 2. Passo Instalar pacote DNS #apt-get install

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama@cin.ufpe.br Instalando o APACHE, PHP (PHPADMIN), MySQL. Este tutorial

Leia mais

Curso de extensão em Administração de Serviços GNU/Linux

Curso de extensão em Administração de Serviços GNU/Linux Curso de extensão em Administração de Serviços GNU/Linux Italo Valcy - italo@dcc.ufba.br Gestores da Rede Acadêmica de Computação Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal da Bahia Administração

Leia mais

Servidor de e-mail corporativo com Zimbra.

Servidor de e-mail corporativo com Zimbra. UNISUL Universidade do Sul de Santa Catarina Unisul TechDay 2013 Servidor de e-mail corporativo com Zimbra. Palestrante: Irineu Teza Nunes E-mail: irineu@idinf.com.br Website: www.idinf.com.br Blog: itnproducoes.blogspot.com

Leia mais

Administração de Redes Redes e Sub-redes

Administração de Redes Redes e Sub-redes 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA Administração de Redes Redes e Sub-redes Prof.

Leia mais

O que é uma rede de computadores?

O que é uma rede de computadores? O que é uma rede de computadores? A rede é a conexão de duas ou mais máquinas com objetivo de compartilhar recursos entre elas. Os recursos compartilhados podem ser: Compartilhamento de conteúdos do disco

Leia mais

Protocolos básicos de LANs IP (primeiro trabalho laboratorial)

Protocolos básicos de LANs IP (primeiro trabalho laboratorial) Protocolos básicos de LANs IP (primeiro trabalho laboratorial) FEUP/DEEC Redes de Banda Larga MIEEC 2009/10 José Ruela Bancada de trabalho Bancada de trabalho equipamento Existem seis bancadas no laboratório

Leia mais

Ambiente LAMP. Introdução. LAMP MySQL Apache PHP. Camada Aplicacional PHPMyAdmin OPSView. Bibliografia

Ambiente LAMP. Introdução. LAMP MySQL Apache PHP. Camada Aplicacional PHPMyAdmin OPSView. Bibliografia Ambiente LAMP Introdução LAMP MySQL Apache PHP Camada Aplicacional PHPMyAdmin OPSView Bibliografia Introdução LAMP é a designação genérica para um Ambiente suportado sobre: Linux (Operating System) + Apache

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo,

UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo, Laboratório de Redes. Domain Name Service - DNS Pedroso 4 de março de 2009 1 Introdução UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo, problemas com o DNS são interpretados

Leia mais

FormaçãoIPv6-RCTS. Componente Prática Parte I

FormaçãoIPv6-RCTS. Componente Prática Parte I FormaçãoIPv6-RCTS Componente Prática Parte I Parte I Introdução, Endereçamento, Autoconfiguração e DNS Prática #1 Visitar o site: http://ipv6-tracker.fccn.pt Verificar instituições com dados inseridos

Leia mais

Configuração de redes no Gnu/Linux

Configuração de redes no Gnu/Linux Configuração de redes no Gnu/Linux Comando ifconfig: É utilizado basicamente para configurar o ip, a mascara de rede e outras opções de placas de rede. Rodado sem opções ele retorna todas as placas de

Leia mais

Curso Técnico em Informática. Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales

Curso Técnico em Informática. Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales Curso Técnico em Informática Informática Aplicada Instrutor Rafael Barros Sales Serviços de Rede Windows Apesar do prompt de comando ser muitas vezes marginalizado e relegado a segundo plano, o Windows

Leia mais

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo Departamento de Engenharia Informática 2012/2013 Bases de Dados Lab 1: Introdução ao ambiente 1º semestre O ficheiro bank.sql contém um conjunto de instruções SQL para criar a base de dados de exemplo

Leia mais

# dnssec-keygen -a HMAC-MD5 -b 128 -n USER chave

# dnssec-keygen -a HMAC-MD5 -b 128 -n USER chave Como integrar o serviço de DHCP com o de DNS no CentOS A integração dos serviços de dhcp e dns é um recurso muito útil em uma rede. Pois minimiza o trabalho do administrador de redes e maximiza seu controle

Leia mais

Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia

Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia Engenharia Informática Interligação e Gestão de Sistemas Informáticos 2006/2007 Interface WEB para Gestão de Máquinas Virtuais

Leia mais

Criando um Servidor Proxy com o SQUID. Roitier Campos

Criando um Servidor Proxy com o SQUID. Roitier Campos Criando um Servidor Proxy com o SQUID Roitier Campos Roteiro Redes de Computadores e Internet Arquitetura Cliente/Servidor e Serviços Básicos de Comunicação Componentes do Servidor e Configuração da VM

Leia mais

Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa. Segurança de Redes e Protocolos de Comunicação. 1º Trabalho de Acompanhamento

Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa. Segurança de Redes e Protocolos de Comunicação. 1º Trabalho de Acompanhamento Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa Segurança de Redes e Protocolos de Comunicação 1º Trabalho de Acompanhamento Docente: Professor José Guimarães Realizado por: António Monteiro João

Leia mais

Administrando o sistema linux TCP/IP

Administrando o sistema linux TCP/IP TCP/IP Principais Ferramentas para Redes - ifconfig Configura Interfaces (ethernet, atm, tun, pppoe e etc.) Ex.: ifconfig eth0 192.168.0.10 netmask 255.255.255.0 ifconfig eth0 ifconfig eth0 up ifconfig

Leia mais

Laboratório 3. Configurando o Serviço DNS

Laboratório 3. Configurando o Serviço DNS Neste laboratório iremos falar sobre o serviço DNS (Domain Name System). O DNS é um sistema de gerenciamento de nomes hierárquico e distríbuido visando resolver nomes de domínio em endereços de rede IP.

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES. Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES. Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira ADMINISTRADOR DE REDES LINUX (DEBIAN) Goiânia 2011 Luís

Leia mais

Linux Network Servers

Linux Network Servers DNS Parte 1 Linux Network Servers DNS é a abreviatura de Domain Name System. O DNS é um serviço de resolução de nomes. Toda comunicação entre os computadores e demais equipamentos de uma rede baseada no

Leia mais

DNS. Parte 2 - Configuração. Tópicos em Sistemas de Computação 2014. Prof. Dr. Adriano Mauro Cansian adriano@acmesecurity.org

DNS. Parte 2 - Configuração. Tópicos em Sistemas de Computação 2014. Prof. Dr. Adriano Mauro Cansian adriano@acmesecurity.org DNS Parte 2 - Configuração Tópicos em Sistemas de Computação 2014 Prof. Dr. Adriano Mauro Cansian adriano@acmesecurity.org Estagiário Docente: Vinícius Oliveira viniciusoliveira@acmesecurity.org 1 Neste

Leia mais

Engenharia Informática

Engenharia Informática Engenharia Informática Administração de Sistemas 3º ano Pós Laboral Docente: Armando Ventura Discentes: 4383 Nuno Varela 4412 Paula Gracinda 2009/2010 A realização deste trabalho foi precedida da instalação

Leia mais

Linux Administração. Sobre o curso. Destinatários. Redes e Sistemas - Sistemas Operativos

Linux Administração. Sobre o curso. Destinatários. Redes e Sistemas - Sistemas Operativos Linux Administração Redes e Sistemas - Sistemas Operativos Localidade: Braga Data: 08 Aug 2016 Preço: 1050 ( Os valores apresentados não incluem IVA. Oferta de IVA a particulares e estudantes ) Horário:

Leia mais

Serviços de Redes. Servidor DNS (Bind) Professor: Alexssandro Cardoso Antunes

Serviços de Redes. Servidor DNS (Bind) Professor: Alexssandro Cardoso Antunes Serviços de Redes Servidor DNS (Bind) Professor: Alexssandro Cardoso Antunes Atividades Roteiro Objetivos Instalação (projeto) Definições, Características, Vantagens e Hierarquia Clientes, Processo de

Leia mais

PRÁTICA DE DNS - LINUX DIFERENÇAS NO ROTEIRO EM RELAÇÃO A IMAGEM DO DVD 1.A) INSTALAÇÃO DO SERVIDOR DNS INICIALIZAÇÃO DO AMBIENTE DO DVD

PRÁTICA DE DNS - LINUX DIFERENÇAS NO ROTEIRO EM RELAÇÃO A IMAGEM DO DVD 1.A) INSTALAÇÃO DO SERVIDOR DNS INICIALIZAÇÃO DO AMBIENTE DO DVD PRÁTICA DE DNS - LINUX Esses exercícios devem ser executados através do servidor de máquinas virtuais: espec.ppgia.pucpr.br ou através da imagem fornecida no DVD. DIFERENÇAS NO ROTEIRO EM RELAÇÃO A IMAGEM

Leia mais

Configurando um servidor DNS com atualização automática via DHCP

Configurando um servidor DNS com atualização automática via DHCP Configurando um servidor DNS com atualização automática via DHCP João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 Introdução Neste tutorial iremos descrever a configuração de um servidor DNS para uma rede local

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 3 - DNS

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 3 - DNS Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 3 - DNS Prof.: Roberto Franciscatto Introdução O que é? Domain Name Server Introdução Domain Name Server Base de dados distribuída Root Servers

Leia mais

LABORATÓRIO VII. LAMP Server Documento versão 0.1. Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135

LABORATÓRIO VII. LAMP Server Documento versão 0.1. Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 LABORATÓRIO VII LAMP Server Documento versão 0.1 Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 Orientado pela Professora Kalinka Regina Lucas Jaquie Castelo Branco Agosto / 2010 Laboratório VII LAMP Server

Leia mais

Manual ETHERNET - WIRELESS. Configuração de redes - wireless. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual ETHERNET - WIRELESS. Configuração de redes - wireless. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração de Rede ETHERNET - WIRELESS Configuração de redes - wireless Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração de Rede ETHERNET

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Sistema Operacional Linux > Servidor DNS (BIND) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Introdução O DNS é um dos serviços mais importantes na Internet porque

Leia mais

MySQL. Prof. César Melo. com a ajuda de vários

MySQL. Prof. César Melo. com a ajuda de vários MySQL Prof. César Melo com a ajuda de vários Banco de dados e Sistema de gerenciamento; Um banco de dados é uma coleção de dados. Em um banco de dados relacional, os dados são organizados em tabelas. matricula

Leia mais

Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES

Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES UNICE Ensino Superior Linguagem de Programação Ambiente Cliente Servidor. Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES Fortaleza - CE CONCEITOS Cliente x Servidor. Cliente É um programa (software) executado

Leia mais

Sensor de temperatura Parte 5 Cleiton Bueno www.cleitonbueno.wordpress.com. Preparando o ambiente do Banco de dados Mysql

Sensor de temperatura Parte 5 Cleiton Bueno www.cleitonbueno.wordpress.com. Preparando o ambiente do Banco de dados Mysql Criar database: Sensor de temperatura Parte 5 Cleiton Bueno www.cleitonbueno.wordpress.com Preparando o ambiente do Banco de dados Mysql CREATE DATABASE `tempuino` DEFAULT CHARACTER SET utf8 COLLATE utf8_bin

Leia mais

Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento

Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento 1º passo - Acessar Virtual Box plataforma criada dispositivos pasta compartilhadas clicar no botão + no canto direito escolher destino ( Desktop)

Leia mais

Arquitectura de Redes

Arquitectura de Redes Arquitectura de Redes Domain Name System DNS 1 Objectivo / Motivação 2 'What's the use of their having names the Gnat said, 'if they won't answer to them?' Alice no País das Maravilhas Resolução de nomes

Leia mais

Licenciatura em Eng.ª Informática Complementos de Redes - 3º Ano - 2º Semestre. Trabalho Nº 4 - VoIP

Licenciatura em Eng.ª Informática Complementos de Redes - 3º Ano - 2º Semestre. Trabalho Nº 4 - VoIP Trabalho Nº 4 - VoIP 1. Introdução A utilização de tecnologia VoIP como alternativa às redes telefónicas tradicionais está a ganhar cada vez mais a aceitação junto dos utilizadores, e está sobretudo em

Leia mais

Arquitectura de Redes

Arquitectura de Redes Arquitectura de Redes Domain Name System DNS 1 Objectivo / Motivação 2 'What's the use of their having names the Gnat said if they won't answer to them?' Alice no País das Maravilhas Resolução de nomes

Leia mais

DNS - Domain Name System

DNS - Domain Name System 1 of 8 28-07-2011 9:21 DNS - Domain Name System Introdução Componentes dum sistema DNS Zonas e Domínios Resolução DNS Vs. WINS Ferramentas Introdução Na Internet, para que as máquinas possam comunicar

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

Configuração do Servidor DNS. Mcedit /etc/named.conf. mkdir /var/named/estudolinux cp /var/named/* estudolinux

Configuração do Servidor DNS. Mcedit /etc/named.conf. mkdir /var/named/estudolinux cp /var/named/* estudolinux Configuração do Servidor DNS Mcedit /etc/named.conf mkdir /var/named/estudolinux cp /var/named/* estudolinux Configurando o Bind no Slackware 10 ::: Bind / Named Enviado por: Geyson Rogério L. Silva Data:

Leia mais

Virtual Hosting com PureFTPd e MySQL

Virtual Hosting com PureFTPd e MySQL Virtual Hosting com PureFTPd e MySQL Autoria de Felippe de Meirelles Motta 14/05/2007 Última Atualização 15/06/2007 FUG-BR / Grupo Brasileiro de Usuarios de FreeBSD Publico mais um bom artigo que atinge

Leia mais

Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits

Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits Fazendo as instalações Hardware e instalação do Ubuntu Hardware utilizado: Servidor com duas placas de rede; Notebook com conexão wireless e putty instalado; Roteador

Leia mais

Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas;

Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas; Conjunto de informações relacionadas entre si; Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas; Conjunto de Tabelas onde cada linha é um vetor de dados específico;

Leia mais

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo Departamento de Engenharia Informática 2014/2015 Bases de Dados Lab 1: Introdução ao ambiente 1º semestre O ficheiro bank.sql contém um conjunto de instruções SQL para criar a base de dados de exemplo

Leia mais

LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux

LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux FACULDADE PITÁGORAS Tecnólogo em Redes de Computadores Redes Sem fio Prof. Ulisses Cotta Cavalca LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux OBJETIVOS Rever os principais comandos do sistema

Leia mais

Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259

Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259 Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259 Escola Secundária c/ 3.º Ciclo D. Dinis Ano Lectivo 2008/2009 Grupos Conteúdos Objectivos/Competências

Leia mais

Configuração de um servidor DNS. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática

Configuração de um servidor DNS. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Configuração de um servidor DNS Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Configuração DNS O servidor DNS usado é o BIND versão 9. Para configuração do servidor DNS, deve-se acessar os arquivos de

Leia mais

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente Departamento de Engenharia Informática 2010/2011 Bases de Dados Lab 1: Introdução ao ambiente 1º semestre O ficheiro bank.sql contém um conjunto de instruções SQL para criar a base de dados de exemplo

Leia mais

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede Relató rió LikeWise, FTP e DHCP INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO Instalação e Configuração de Servidores de Rede Trabalho realizado por: Tiago Conceição Nº 11903 Índice

Leia mais

DNS - Domain Name System

DNS - Domain Name System DNS - Domain Name System Converte nome de máquinas para seu endereço IP. Faz o mapeamento de nome para endereço e de endereço para nome. É mais fácil lembramos dos nomes. Internamente, softwares trabalham

Leia mais

Um dos serviços mais importantes numa rede TCP/IP é o serviço DNS. Porquê? Porque é muito mais fácil lembrar nomes do que números IP!

Um dos serviços mais importantes numa rede TCP/IP é o serviço DNS. Porquê? Porque é muito mais fácil lembrar nomes do que números IP! Capítulo 5 DNS ( Domain Name System ) O serviço BIND Um dos serviços mais importantes numa rede TCP/IP é o serviço DNS Porquê? Porque é muito mais fácil lembrar nomes do que números IP! Exemplo: wwwgooglept

Leia mais

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO MANUAL DE INSTALAÇÃO COM IMAGEM ISO Revisão: Seg, 21 de Março de 2011 www.sneplivre.com.br Índice 1. Instalação...4 1.1. Pré Requisitos...4 1.2. Na Prática...4 1.2.1. Download...4

Leia mais

Migrando de rede NAT para rede roteada

Migrando de rede NAT para rede roteada rede roteada Mauricio Mello de Andrade! Diretor de Tecnologia! Internet & Sistemas Na área informática desde 1986! Na área telecom desde 1989, com as antigas BBS! Com ISP desde 1996, com a MMA Internet

Leia mais

BIND Um DNS Server Completo

BIND Um DNS Server Completo BIND Um DNS Server Completo Parque Tecnológico Itaipu (PTI) Missão ITAIPU: Gerar energia elétrica de qualidade, com responsabilidade social e ambiental, impulsionando o desenvolvimento econômico, turístico

Leia mais

Arquitectura de Redes

Arquitectura de Redes Arquitectura de Redes Domain Name System Arq. de Redes - Pedro Brandão - 2004 1 Objectivo / Motivação Resolução de nomes (alfanuméricos) para endereços IPs Será que 66.102.11.99 é mais fácil de decorar

Leia mais

PostgreSQL. www.postgresql.org. André Luiz Fortunato da Silva Analista de Sistemas CIRP / USP alf@cirp.usp.br

PostgreSQL. www.postgresql.org. André Luiz Fortunato da Silva Analista de Sistemas CIRP / USP alf@cirp.usp.br PostgreSQL www.postgresql.org André Luiz Fortunato da Silva Analista de Sistemas CIRP / USP alf@cirp.usp.br Características Licença BSD (aberto, permite uso comercial) Multi-plataforma (Unix, GNU/Linux,

Leia mais

EA080- Laboratório de Redes de Computadores Laboratório 2 Virtualização (Relatório Individual) Prof. Responsável: Mauricio Ferreira Magalhães

EA080- Laboratório de Redes de Computadores Laboratório 2 Virtualização (Relatório Individual) Prof. Responsável: Mauricio Ferreira Magalhães EA080- Laboratório de Redes de Computadores Laboratório 2 Virtualização (Relatório Individual) Prof. Responsável: Mauricio Ferreira Magalhães A virtualização de processadores é uma tecnologia que foi inicialmente

Leia mais

Configuração endereço IP da interface de rede

Configuração endereço IP da interface de rede Configuração endereço IP da interface de rede Download Imprimir Para configurar a interface de sua placa de rede como DHCP para obter um endereço IP automático ou especificar um um endereço IP estático

Leia mais

Engenharia Informática Ano Lectivo 08/09

Engenharia Informática Ano Lectivo 08/09 Engenharia Informática Ano Lectivo 08/09 Administração de Sistemas Relatório: Laboratório -2 Tema: Quotas, FTP e DNS Docente: Armando Ventura Alunos: Andreia Graça nº 2621 José Janeiro nº 2467 19/11/ User:

Leia mais

Wireshark Lab: TCP. Versão 1.1 2005 KUROSE, J.F & ROSS, K. W. Todos os direitos reservados 2011 BATISTA, O. M. N. Tradução e adaptação para Wireshark.

Wireshark Lab: TCP. Versão 1.1 2005 KUROSE, J.F & ROSS, K. W. Todos os direitos reservados 2011 BATISTA, O. M. N. Tradução e adaptação para Wireshark. Wireshark Lab: TCP Versão 1.1 2005 KUROSE, J.F & ROSS, K. W. Todos os direitos reservados 2011 BATISTA, O. M. N. Tradução e adaptação para Wireshark. Neste laboratório, investigaremos o comportamento do

Leia mais

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1 Capitulo 1 Montagem de duas pequenas redes com a mesma estrutura. Uma é comandada por um servidor Windows e outra por um servidor linux, os computadores clientes têm o Windows xp Professional instalados.

Leia mais

GNU/Linux Debian Servidor DNS

GNU/Linux Debian Servidor DNS GNU/Linux Debian Servidor DNS Neste tutorial, será apresentado a configuração do serviço de rede DNS (Domain Name System) utilizando o sistema operacional GNU/Linux, distribuição Debian 7.5. Antes de começamos

Leia mais

PRÁTICA DE VLAN - LINUX 1. AMBIENTE PARA REALIZAÇÃO DAS PRÁTICAS UTILIZAÇÃO DA IMAGEM NO DVD UTILIZAÇÃO DO SERVIDOR REMOTO ESPEC

PRÁTICA DE VLAN - LINUX 1. AMBIENTE PARA REALIZAÇÃO DAS PRÁTICAS UTILIZAÇÃO DA IMAGEM NO DVD UTILIZAÇÃO DO SERVIDOR REMOTO ESPEC PRÁTICA DE VLAN - LINUX Exercícios práticos sobre VLANs usando Linux. Esses exercícios devem ser executados através do servidor de máquinas virtuais: espec.ppgia.pucpr.br IMPORTANTE: Para facilitar a execução

Leia mais

Rafael Goulart - rafaelgou@gmail.com Curso ASLinux v.3

Rafael Goulart - rafaelgou@gmail.com Curso ASLinux v.3 Conceito Serviço que traduz RESOLVE nomes de máquinas para endereços IP e endereços IP para nomes de máquina. É um sistema hierárquico e descentralizado/distribuído. Simplifica a administração do complexo

Leia mais

Bases de Dados 1º semestre

Bases de Dados 1º semestre DepartamentodeEngenhariaInformática 2008/2009 BasesdeDados1ºsemestre Lab1:Introduçãoaoambiente O ficheiro create bank.sql contém um conjunto de instruções SQL para criar a base de dadosdeexemploilustradanafigura1.

Leia mais

Gestix. Instalar em Linux. Gestix.com. Instalar em Linux...2 Pré-requisitos para instalar o Gestix em Linux...2

Gestix. Instalar em Linux. Gestix.com. Instalar em Linux...2 Pré-requisitos para instalar o Gestix em Linux...2 Gestix Instalar em Linux Instalar em Linux...2 Pré-requisitos para instalar o Gestix em Linux...2 Instalar o Gestix em Debian ou Ubuntu...3 Instalar o Gestix Net em servidor partilhado...4 Gestix.com Pré-requisitos

Leia mais

Actualização para a IPBrick v6.0. 6 de Março de 2015

Actualização para a IPBrick v6.0. 6 de Março de 2015 Actualização para a IPBrick v6.0 6 de Março de 2015 1 1 Introdução Este documento aborda a processo de migração para a nova IPBrick v6.0. Não é possível fazer o upgrade de uma IPBrick 4.x ou v5.x para

Leia mais