NORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO DE VENDAS DE ESPAÇO PUBLICITÁRIO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO DE VENDAS DE ESPAÇO PUBLICITÁRIO"

Transcrição

1 NORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO DE VENDAS DE ESPAÇO PUBLICITÁRIO I PRINCÍPIOS E REGRAS LEGAIS 1. NORMA GERAL As normas gerais aqui descritas são regidas pela Lei nº 4.680/65, Decreto nº /66, Decreto nº 4563/02 e Normas-Padrão da Atividade Publicitária, de 16/12/98, Código de Ética dos Profissionais da Propaganda, Normas-Padrão da Atividade Publicitária do Conselho Executivo de Normas- Padrão e pelo Código Civil Lei nº / CONTEÚDO VEICULADO Todo o conteúdo das mensagens publicitárias deverá atender às normas do Código de Defesa do Consumidor e do CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária). A SKY se reserva ao direito de não inserir: i. Peças com conteúdos pejorativos, enganosos ou com conotação sexual; ii. Anúncios que estimulem ofensa ou discriminação racial, social, política, religiosa ou de nacionalidade; iii. Anúncios que induzam a atividades criminosas ou ilegais; iv. Anúncios que explorem qualquer espécie de superstição ou conduzam à violência. v. Que desrespeitem a dignidade humana, às instituições, símbolos nacionais e do núcleo familiar; vi. vii. viii. Que não identifiquem claramente quem é o anunciante; Que não desmereçam valores sociais como amizade, urbanidade, generosidade e respeito a pessoas, animais e ao meio ambiente; e Que associem crianças em situações de perigo, discriminação, bullying ou em qualquer situação incompatível com a sua condição. 3. DA RESPONSABILIDADE PELO CONTEÚDO VEICULADO A responsabilidade pelo conteúdo dos anúncios, bem como pela sua produção e compromissos a eles inerentes, é da agência e do anunciante. Caso a SKY seja processada administrativa ou judicialmente pelo conteúdo de filmes publicitários, seja por uso indevido de direitos, seja por descumprimento da legislação, a SKY notificará o anunciante e a agência, imediatamente, acerca de todas as ações judiciais e administrativas intentadas, devendo estes, em conjunto ou de forma individual, tomarem as providências cabíveis, inclusive assumindo o polo passivo e, caso não seja possível, ingressando no processo como assistente da SKY.

2 O anunciante e a agência arcarão, integralmente, com todos os custos principais e acessórios, inclusive honorários de advogados, decorrentes de ações ou reclamações referidas, assumindo o pagamento dos mesmos, ou, se não for possível, o imediato ressarcimento à SKY. 4. CATEGORIAS ESPECIAIS DE ANÚNCIO Pela importância econômica ou social, pelo volume ou repercussões no indivíduo ou na sociedade, determinadas categorias de anúncio devem estar sujeitas a cuidados especiais e regras específicas: 4.1. Comerciais de Bebidas Alcoólicas A inserção de comerciais de bebida alcoólicas deve respeitar à legislação e Autorregulamentação específicas. Fundamento Legal: Art. 220, 4º da Constituição Federal, Lei Federal nº 9.294/96 e Decreto Federal nº 2.018/96. Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária, Anexos "A" - Bebidas Alcoólicas, Resolução nº 01/02; Anexo "P" - (Vinhos e Cervejas) e Resolução nº 02/02 - Anexo "T" - (Ices e bebidas assemelhadas) e Resolução nº 03/03. O CONAR enfatiza que a propaganda deverá ser estruturada de maneira socialmente responsável a fim de divulgar a marca e as características dos produtos. Por outro lado, é proibida a veiculação, por texto ou imagem, de forma direta ou indireta, de apelo imperativo ao consumo ou de oferta exagerada do produto. A publicidade não pode ser direcionada para crianças e adolescentes e, além disso, estes não poderão figurar de qualquer forma em anúncios. Em relação aos horários de veiculação, o CONAR exige que: a) Comerciais, spots, inserts de vídeo, textos-foguete, caracterizações de patrocínio, vinhetas de passagem e mensagens de outra natureza, inclusive o merchandising ou publicidade direta só poderão ser veiculados no período compreendido entre 21:30 horas e 6:00. b) Caracterizações de patrocínio, limitadas à identificação da marca e/ou fabricante, slogan ou frase promocional, sem recomendação do consumo do produto, são admitidas em qualquer horário. Todo anúncio deve conter cláusula de advertência, inserida em áudio e vídeo, como por exemplo: Beba com Moderação, Evite o Consumo excessivo de álcool, Se for dirigir não beba, etc. Além disso, na TV é necessário inserir cartela com fundo azul e letras brancas de forma, perfeitamente legíveis, permanecendo imóvel no vídeo ou na tela. Há algumas exceções, como por exemplo, a publicidade estática, a simples expressão da marca ou slogan, as chamadas para programação patrocinada em rádio e TV e os textos-foguetes, vinhetas de passagem e assemelhados.

3 4.2. Comerciais de Medicamentos A publicidade de medicamentos deve respeitar à legislação e Autorregulamentação específicas. Não poderão ser inseridos comerciais de produtos cuja venda ao consumidor dependa de prescrição médica. Não será aceita a publicidade que sugira cura ou prevenção de qualquer doença que exija tratamento sob supervisão médica, que ofereça ao consumidor prêmios, participação em concursos ou recursos semelhantes que o induzam ao uso desnecessário de medicamentos. Sobre as cláusulas de advertências obrigatórias, consulte o regulamento da ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Fundamento Legal: Art. 220, 4º, da Constituição Federal, Lei nº 9.294/96 e Decreto Federal nº2.018/96, Resoluções da ANVISA e Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária - Anexo "I" Comerciais de Veículos Motorizados Não se permitirá que o anúncio contenha sugestões de utilização do veículo que possam por em risco a segurança pessoal do usuário e de terceiros, tais como ultrapassagens não permitidas em estradas, excesso de velocidade, não utilização de acessórios de segurança, desrespeito à sinalização, desrespeito aos pedestres e as normas de trânsito. Para comerciais de divulgação ou promoção, nos meios de comunicação social, de produtos oriundos da indústria automobilística ou afins, inclusive componentes, peças e acessórios, é obrigatória a inclusão de mensagem educativa, divulgadas anualmente pelo CONTRAN. Fundamento Legal: Resolução CONTRAN nº 351, de 2010, Portaria CONTRAN nº 470 de 2010 e Retificação da Portaria nº 470, de Concursos, Sorteios e Promoções A distribuição gratuita de prêmios, mediante sorteio, vale-brinde, concurso ou operação assemelhada, bem como sua publicidade, nos termos da legislação em vigor, pode estar sujeita à prévia autorização da Caixa Econômica Federal ou da SUSEP - Superintendência de Seguros Privados ou da SEAE - Secretaria de Atendimento Econômico, conforme o caso, a ser requerida e obtida pelo anunciante. Nos comerciais, deve conter o número de autorização concedido pela entidade responsável por tal, bem como exibir e citar os prêmios prometidos. Fundamento Legal: Lei nº de ; Lei nº 9.649/98; Medida Provisória nº de e Decreto-Lei nº de e portarias que são emanadas pelas referidas entidades. Competência para autorizar as promoções: Caixa Econômica Federal, SUSEP - Superintendência de Seguros Privados ou SEAE - Secretaria de Atendimento Econômico. Informe / Divulgação de resultados de prêmios, sorteios ou promoções somente serão aceitos se contiverem a tarja "Informe Publicitário" e se não fizerem menção a concorrentes.

4 4.5. Comerciais de Cigarros e Produtos Fumígeros A publicidade de cigarros e demais produtos fumígeros é proibida em televisão. Fundamento legal: Art.220, 4º, da Constituição Federal, Lei nº 9.294/96, com as alterações introduzidas pela Lei nº27.167, de 27/12/00, Decreto Federal nº 2.018/ Comerciais com Menores de Idade Respeitar especialmente a ingenuidade, a inexperiência e o sentimento de lealdade dos menores; Não pode ofender moralmente o menor; Não se admitirá que o anúncio torne implícita uma inferioridade do menor, caso este não consuma o produto oferecido; Não se permitirá que a influência do menor, estimulada pelo anúncio, leve-o a constranger seus responsáveis ou importunar terceiros, ou o arraste a uma posição socialmente condenável; O uso de menores em anúncios obedecerá sempre a cuidados especiais que evitem distorções psicológicas nos modelos e impeçam a promoção de comportamentos socialmente condenáveis; e Qualquer situação publicitária que envolva a presença de menores deve ter a segurança como primeira preocupação e as boas maneiras como segunda preocupação. A participação de menores de idade em comerciais deve observar a legislação específica vigente. O responsável pela produção deverá obter todas as autorizações necessárias, estando a SKY isenta de qualquer responsabilidade neste sentido Comerciais de Produtos Eróticos Os anúncios não devem conter afirmações ou apresentações visuais ou auditivas que ofendam os padrões de decência que prevaleçam entre aqueles que a publicidade poderá atingir Comerciais Imobiliários Quando o Anunciante for empresa ou corretor autônomo, é obrigatória a inclusão, no anúncio, dos respectivos números de registro (CRECI, etc.); Não se deve confudir propositadamente e/ou maliciosamente os termos sinal com entrada, dessa forma induzindo o consumidor a erro de julgamento quanto ao real valor do imóvel e suas próprias condições para adquiri-lo; Sinal é a parcela inicial que o comprador dá ao vendedor no ato da reserva do imóvel; entrada é o montante que o comprador paga ao vendedor até o ato da escritura de promessa de compra e venda; Também não pode confundir propositadamente a prestação de poupança com prestação relativa à amortização do financiamento; Poupança é o pagamento facilitado em parcelas e prestações mensais, originário de recursos próprios do comprador e realizado até o habite-se do imóvel; à poupança

5 sucedem-se as prestações correspondentes à amortização do financiamento após o habite-se; e Deverá ser igualmente especificada a área comum, dela se distinguindo claramente a área útil, evitando-se expressões como "área real de construção", que não são suficientemente claras; Tratando-se de imóvel novo, o nome do vendedor ou imobiliária deve constar do anúncio, recomendando-se que nele figurem também o nome da construtora e do incorporador e, ainda, o do órgão financiador; e Fotografias e ilustrações que porventura figurem nos anúncios devem reproduzir fielmente o imóvel e o local onde se situa, não devendo induzir o Consumidor a erro de julgamento Espetáculos, Shows e Diversões Públicas. Os comerciais de filmes, espetáculos, show, peças teatrais e diversões deverão informar, a indicação oficial da faixa etária para a qual tenham sido classificados. Fundamento Legal: Estatuto da Criança e do Adolescente. Lei Federal nº 8.069, de 13/07/ Comerciais de Defensivos Agrícolas Os comerciais de defensivos agrícolas não poderão ser veiculados se o produto não estiver regularmente registrado no órgão competente do Serviço Público Federal e não poderão, sob qualquer pretexto, utilizar modelo infantil ou que aparente menor de idade. Não deverão também ser associados à alimentação ou saúde. Fudamento: Anexo "R" do Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária. 5. REGISTRO NA ANCINE - AGÊNCIA NACIONAL DE CINEMA O anunciante, sua agência de publicidade ou produtora deverá fazer constar da claquete de identificação o número do respectivo C.R.T. - Certificado de Registro de Título obtido junto à ANCINE - Agência Nacional de Cinema. A SKY somente veiculará o conteúdo mediante comprovação do registro do filme publicitário e recolhimento da respectiva Condecine. O conteúdo que não apresentar na respectiva claquete o número do C.R.T. e o comprovante do recolhimento da Condecine terá a inserção recusada. 6. DIREITOS AUTORAIS Os anunciantes e agências de propaganda respondem por todas e quaisquer violações de direitos autorais, conexos, de imagem, de arena, de propriedade industrial ou de quaisquer outros envolvidos no processo de criação e produção dos filmes publicitários a serem inseridos. 7. COMERCIAIS DE PRODUTOS CONCORRENTES Sempre que possível, a SKY irá inserir os comerciais de concorrentes em intervalos diferentes. Para assim proceder, as agências deverão informar, com antecedência necessária, os produtos que serão inseridos em suas reservas de espaço.

6 Nos casos em que houver mais comerciais concorrentes do que intervalos com espaços disponíveis para inserção, a SKY não terá alternativa senão inserí-los no mesmo intervalo. A SKY reserva-se no direito de que, caso não seja possível a separação de comerciais concorrentes, exibi-los sequencialmente. A SKY se reserva ao direito de não aceitar a inserção de publicidade de produtos de seus concorrentes, tais como Televisão por Assinatura, Vídeo on Demand, Banda Larga, Antenas Parabólicas, dentre outros. 8. COMERCIAIS/INTERVALOS DETERMINADOS Para as inserções no Cross Channel não há determinação de horário ou intervalo, apenas de faixa horária (rotativo, manhã, tarde, nobre e madrugada). No Canal SKY é possível a determinação de horário. O line up da SKY é organizado pelos gêneros dos canais. No Guia de Programação o anunciante poderá escolher em que bloco de gêneros a linha com o anúncio será inserido. II PRINCÍPIOS E REGRAS COMERCIAIS 1. DEFINIÇÕES OPEC Operações Comerciais SKY; BREAKS Intervalos comerciais; MAPA RESERVA pré-reserva dos horários e canais para veiculação; PI Pedido de Inserção, formalização encaminhada pela agência detalhando horários e canais para veiculação; DIFF Agência de representação, localizada em São Paulo, que atua junto ao mercado Publicitário, sob o nome de SKY Publicidade, representando a SKY, exclusivamente na comercialização de espaços publicitários. 2. PREÇOS, PRAZOS E PAGAMENTO A tabela de preços de veiculação não possui vigência padronizada. Os preços da tabela de veiculação são regularmente adaptados às condições de mercado e às contingências. Toda a venda de publicidade obedece aos preços de tabela vigente na data da negociação. Os preços para veiculação de publicidade são diferentes para diferentes posições, horários, volumes, espaços e frequência. O vencimento-padrão das faturas é de 20 (vinte) dias fora o mês da inserção. Qualquer vencimento diferente do padrão deverá ser previamente negociado com a SKY.

7 3. FATURAMENTO Para o faturamento, todo Mapa ou PI deverá conter a forma de faturamento, detalhando valor líquido ou bruto, comissão paga pelo anunciante e informações cadastrais para entrega da cobrança e comprovantes. Será adotada a forma de faturamento contra o anunciante pelo valor líquido negociado. A comissão da agência é paga pelo anunciante. Nos casos onde forem enviados PI s para veiculação e por qualquer motivo a campanha não tenha início no mês, exemplo, comercial não ficou pronto, a arte para o boleto não foi entregue a tempo, o PI será cancelado, sendo necessário o envio de um pedido de cancelamento que substitui o PI com a alteração e nova data de veiculação. Para projetos onde exista envolvimento de produção e/ou conteúdo, este deverá ser especificado na PI ou em carta acordo. A agência/anunciante pagará a SKY que fará o repasse à produtora, quando assim negociado. A SKY tem o compromisso de disponibilizar para a agência ou entregar para anunciante direto as Notas Fiscais e boletos ou faturas relativas à inserção do mês até o dia 05 (cinco) do mês subsequente, sendo concedido o prazo de 15 (quinze) dias corridos à agência ou anunciante para análise da documentação e processamento do pagamento, considerando o vencimento-padrão de 20 (vinte) dias fora o mês de inserção. 4. PATROCÍNIO A duração mínima estabelecida para a venda de patrocínio não poderá ser inferior a 1 (um) mês para o SKY Games. 5. COMPENSAÇÕES OU ABATIMENTOS As compensações serão autorizadas nos casos de veiculações em desacordo com o negociado com o anunciante, ou seja, inserções indevidas e/ou falhas desde que comprovados como responsabilidade da SKY. Nos casos de falha na veiculação a compensação deverá ser renegociada com o anunciante, observados os termos abaixo: - Nos casos de falha na veiculação, o anunciante deverá indicar qual o período desejado para compensação. -. A SKY reserva-se ao direito de não cancelar as Notas Fiscais emitidas fora do mês de faturamento. - Falhas de inserção por falta de material ou material sem qualidade técnica não serão objeto de compensação ou abatimento, sendo o anunciante faturado sem direito a compensação.

8 Até 30 dias após o término de campanhas interativas será entregue o pós-vendas contendo informações que projetam o número de acessos do anúncio veiculado, exceto para o formato Guia de Programação quando direcionado para um comercial. 6. MAPAS RESERVAS/PI s Os mapas/pi s que forem elaborados pela SKY deverão conter a assinatura da agência e/ou do anunciante, autorizando a veiculação e aceitando o prazo para pagamento, de acordo com o estabelecido no documento. Alterações no material e/ou título deverão ser comunicadas em até 72h (setenta e duas horas) antes do início da veiculação, através do envio de Mapa e/ou Carta de Cancelamento e substituição ao departamento de OPEC. Os dados cadastrais do cliente, vencimento, praça, canal, faixa horária de veiculação, produto, título do comercial, duração e prazo de pagamento, deverão estar claramente definidos no mapa antes do início da veiculação. 7. MATERIAIS PARA VEICULAÇÃO Conferir no Mídia Kit de acordo com o formato que será veiculado. 8. COMPROVANTE DE INSERÇÃO A SKY apresentará como comprovante de inserção somente os documentos abaixo: TV Cross channel e programetes customizados: dia, título, horário da inserção e canal veiculado INTERATIVIDADE Insert Canal SKY: formato (Invasão e Mega Invasão) - dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, peça, vídeo com a gravação da ação na TV Guia de programação: dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, posição da linha (número e gênero do canal), peça, vídeo com a gravação da ação na TV Mosaico ITV: dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, número do canal em que está o anúncio (Mosaico Canal 510/Canal XXX), peça, vídeo com a gravação da ação na TV SKY Sports: dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, peça, vídeo com a gravação da ação na TV SKY Games: dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, peça, vídeo com a gravação da ação na TV WEB Site SKY: formato (adcast ou Box), peça, dia de exibição, horário de início e de término da veiculação, endereço da página em que o anúncio foi veiculado MKT: formato (banner no SKY News ou exclusivo), peça, quantidade disparados por dia

9 MOBILE Aplicativo: formato (logo, customização ou vídeo na splash page) - dia de exibição, horário de início e de término da veiculação e peça OFFLINE Encarte no boleto bancário: Quantidade de encartes enviados por dia de postagem 9. CASO FORTUITO OU FORÇA MAIOR Nenhuma das partes será responsável perante a outra por qualquer falha ou alteração no cumprimento das obrigações constantes nas presentes normas, causados por casos fortuitos ou força maior. 10. ALTERAÇÕES DAS NORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO Devido à dinâmica do segmento de TV por assinatura, as normas poderão sofrer alterações. Sugerimos que seja sempre feita uma consulta.

Tabela de Preços Outubro 2013. válida para o período de 1º de outubro de 2013 a 31 de março de 2014

Tabela de Preços Outubro 2013. válida para o período de 1º de outubro de 2013 a 31 de março de 2014 Tabela de Preços Outubro 2013 válida para o período de 1º de outubro de 2013 a 31 de março de 2014 Tabela de Preços (R$) / 30" - TNT Duração Índice de Conversão 5 0,25 Manhã 06h00 às 11h59 4.040,00 10

Leia mais

PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS

PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS 1) PARTICIPAÇÃO 1.1. Poderão participar do Prêmio Tubal Siqueira todas as agências de publicidade da área de cobertura da TV Integração. 1.2. As agências

Leia mais

Acesso Público. Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS

Acesso Público. Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS Acesso Público Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS Sumário Definição e objetivos 4 Comitê 5 Política de aprovação 7 Premissas para seleção 8 Critérios de avaliação

Leia mais

Manual de Práticas Comerciais

Manual de Práticas Comerciais Manual de Práticas Comerciais MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 1. COMPROMISSO COM A QUALIDADE DE VEICULAÇÃO 1.1 ENTREGA DO PEDIDO DE INSERÇÃO (P.I.) 1.2 VENCIMENTO DE FATURAS 1.3 ALTERAÇÃO

Leia mais

Cursos e Assessoria Online

Cursos e Assessoria Online Cursos e Assessoria Online TERMOS E CONDIÇÕES DE USO A GAF EVENTOS ESPORTIVOS LTDA-ME CNPJ 19.023.817/0001-03, disponibiliza a você, doravante Usuário, por meio do endereço http://www.gafeventos.com.br/

Leia mais

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS.

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. MÓDULO SISTEMAS DE GESTÃO LTDA, com sede na cidade de Ribeirão Preto, Estado de São Paulo, na Rua Amapá, 309

Leia mais

LEIA AS INFORMAÇÕES E O TERMO DE USO ABAIXO COM ATENÇÃO. AO CLICAR NO BOTÃO "CONCORDO" VOCÊ, ESTARÁ ADERINDO INTEGRALMENTE AOS SEUS TERMOS.

LEIA AS INFORMAÇÕES E O TERMO DE USO ABAIXO COM ATENÇÃO. AO CLICAR NO BOTÃO CONCORDO VOCÊ, ESTARÁ ADERINDO INTEGRALMENTE AOS SEUS TERMOS. TERMOS E CONDIÇÕES DE USO APLICATIVO OMNI CARTÕES LEIA AS INFORMAÇÕES E O TERMO DE USO ABAIXO COM ATENÇÃO. AO CLICAR NO BOTÃO "CONCORDO" VOCÊ, ESTARÁ ADERINDO INTEGRALMENTE AOS SEUS TERMOS. A OMNI CARTÕES

Leia mais

A N C I N E. ANCINE e a nova lei de incentivo ao desenvolvimento da indústria cinematográfica ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE

A N C I N E. ANCINE e a nova lei de incentivo ao desenvolvimento da indústria cinematográfica ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE A N C I N E ANCINE e a nova lei de incentivo ao desenvolvimento da indústria cinematográfica ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE 1 ANCINE e a nova lei de incentivo ao desenvolvimento da indústria

Leia mais

PRODUTOR EM MÍDIA AUDIVISUAL

PRODUTOR EM MÍDIA AUDIVISUAL PRODUTOR EM MÍDIA AUDIVISUAL Profissão de Radialista Lei n.º 6.615, de 16/12/1978 e Decreto n.º 84.134, de 30/10/1979 Regulamenta a Lei n.º 6.615, de 16 de dezembro de 1978. O Presidente da República,

Leia mais

Concurso Cultural de Memes do Imil

Concurso Cultural de Memes do Imil Concurso Cultural de Memes do Imil 1. DO CONCURSO 1.1. O presente concurso cultural (doravante simplesmente Concurso ) é promovido pelo INSTITUTO MILLENIUM (IMIL) e aberto a todas as pessoas físicas residentes

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica Municipal,

O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica Municipal, DECRETO N.º 060 /2013. REGULAMENTA A NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NO MUNICÍPIO DE ARACATI E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe

Leia mais

Atualização 18/12/09 Versão Final 1

Atualização 18/12/09 Versão Final 1 Atualização 18/12/09 Versão Final 1 Atualização 18/12/09 Versão Final 2 GLOBO.COM MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS PARA INTERNET APRESENTAÇÃO 1 - COMPROMISSO COM A QUALIDADE DE VEICULAÇÃO 1.1 - ENTREGA DO

Leia mais

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Janeiro de 2014 Versão 1.3 1. INTRODUÇÃO O presente Regulamento é fundamental para reger as operações-chave do programa de Certificação Profissional FEBRABAN.

Leia mais

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado;

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado; TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

Regulamento do Concurso Cultural Escolha o nome do Programa BookCrossing, na Rádio UPF 99.9 Frequência Inteligente

Regulamento do Concurso Cultural Escolha o nome do Programa BookCrossing, na Rádio UPF 99.9 Frequência Inteligente Regulamento do Concurso Cultural Escolha o nome do Programa BookCrossing, na Rádio UPF 99.9 Frequência Inteligente 1. DO CONCURSO 1.1 O concurso cultural denominado Escolha o nome do Programa BookCrossing,

Leia mais

Planeta Atlântida Santa Catarina 1

Planeta Atlântida Santa Catarina 1 Planeta Atlântida Santa Catarina 1 Há 19 anos, um evento marca a vida de jovens gaúchos e catarinenses: o Planeta Atlântida, um dos maiores festivais de música da América Latina. Mais de 2 milhões de pessoas

Leia mais

Manual do Aluno e Regulamento Interno

Manual do Aluno e Regulamento Interno Manual do Aluno e Regulamento Interno Índice Principais Atividades 3 Cursos 3 Treinamentos 3 Convênios 3 Premiações 3 Certificação 4 Publicações 4 Biblioteca 4 Centro de Memória 4 Visitas à Bolsa 4 Localize-se

Leia mais

Resolução TSE n. 23.404 (27-02-2014) Capítulo VII artigos 33 a 48

Resolução TSE n. 23.404 (27-02-2014) Capítulo VII artigos 33 a 48 HORÁRIO ELEITORAL 2014 RESOLUÇÃO TSE 23404 Resolução TSE n. 23.404 (27-02-2014) Capítulo VII artigos 33 a 48 Capítulo VII Da Propaganda Eleitoral Gratuita no Rádio e na Televisão Art. 33 A propaganda eleitoral

Leia mais

Regulamento do Concurso de Frases Aniversário de Campo Grande 116 anos (26) e Dia Nacional do Ciclista (19), Agosto 2015.

Regulamento do Concurso de Frases Aniversário de Campo Grande 116 anos (26) e Dia Nacional do Ciclista (19), Agosto 2015. Regulamento do Concurso de Frases Aniversário de Campo Grande 116 anos (26) e Dia Nacional do Ciclista (19), Agosto 2015. Tema: "NA CIDADE MORENA COM A MINHA BICICLETA". 01 de agosto de 2015 às 7h30min

Leia mais

Ética Saúde - Acordo Setorial - Importadores, Distribuidores e Fabricantes de Dispositivos Médicos

Ética Saúde - Acordo Setorial - Importadores, Distribuidores e Fabricantes de Dispositivos Médicos Ética Saúde - Acordo Setorial - Importadores, Distribuidores e Fabricantes de Dispositivos Médicos A Associação Brasileira de Importadores e Distribuidores de Implantes (ABRAIDI), o Instituto Ethos e as

Leia mais

Proposta de Regulamentação da Lei nº 9/02 de 30 de Julho. Decreto nº /08 De / /2008

Proposta de Regulamentação da Lei nº 9/02 de 30 de Julho. Decreto nº /08 De / /2008 Proposta de Regulamentação da Lei nº 9/02 de 30 de Julho Decreto nº /08 De / /2008 Considerando que o recurso à publicidade constitui uma das formas de fomento ao desenvolvimento económico do país, na

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO A OLIVEIRA FRANCO SOCIEDADE CORRETORA DE VALORES E CÂMBIO LTDA, em atenção ao quanto disposto na Instrução CVM n. 505, de 27/09/2011, define por este documento, suas regras e parâmetros relativos ao recebimento,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004.

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Dispõe sobre o procedimento administrativo para aplicação de penalidades por infrações cometidas

Leia mais

Não serão aceitos Mapas e Autorizações feitos a lápis, rasurados, com ressalvas ou emendas.

Não serão aceitos Mapas e Autorizações feitos a lápis, rasurados, com ressalvas ou emendas. A TVE Juiz de Fora possui critérios de comercialização que visam preservar a qualificação da programação e das inserções publicitárias de seus apoiadores e anunciantes. A interprogramação da TVE Juiz de

Leia mais

2. DIREITOS E OBRIGAÇÕES DO TÁNOGAZ

2. DIREITOS E OBRIGAÇÕES DO TÁNOGAZ CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÁNOGAZ Pelo presente instrumento particular, (i) O CONTRATANTE, conforme dados previamente cadastrados; e (ii) NJS TELECOM LTDA, empresa LTDA, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR

10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR R E G U L A M E N T O 1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 1.1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR é uma iniciativa do Comitê Consultivo

Leia mais

REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE

REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE 1. SKY PRÉ-PAGO LIVRE: 1.1. É um produto de TV via satélite com recepção 100% digital, o qual funciona com 1 (um) equipamento de recepção de sinal digital e 1

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL FACEBOOK Estrela da Música. Rua Lourenço Pinto, 299, Curitiba - PR, inscrita no CNPJ nº 03.420.926/0002-05, doravante

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL FACEBOOK Estrela da Música. Rua Lourenço Pinto, 299, Curitiba - PR, inscrita no CNPJ nº 03.420.926/0002-05, doravante REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL FACEBOOK Estrela da Música Leia este Regulamento com atenção, ele informa como participar do Concurso Cultural Facebook Estrela da Música, promovido pela Global Village Telecom

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE

REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE DADOS DA PROMOTORA DA PROMOÇÃO PREVER SERVIÇOS POSTUMOS LTDA Rua Dr. Saulo Porto Virmond, 223 Sala 01 Chácara Paulista / Maringá/PR CEP: 87005-090 CNPJ: 02.995.385/0001-08

Leia mais

MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS TV TEM INTERNET ATUALIZADO EM 02/2013

MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS TV TEM INTERNET ATUALIZADO EM 02/2013 MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS TV TEM INTERNET ATUALIZADO EM 02/2013 comercial.internet@tvtem.com (15) 3224.8770 1 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO 2. COMPROMISSO COM A QUALIDADE DE VEICULAÇÃO 2.1 Compra Incancelável

Leia mais

PREÇOS DOS SERVIÇOS DE ACREDITAÇÃO DE ORGANISMOS DE CERTIFICAÇÃO E DE INSPEÇÃO

PREÇOS DOS SERVIÇOS DE ACREDITAÇÃO DE ORGANISMOS DE CERTIFICAÇÃO E DE INSPEÇÃO PREÇOS DOS SERVIÇOS DE ACREDITAÇÃO DE ORGANISMOS DE CERTIFICAÇÃO E DE INSPEÇÃO NORMA Nº: NIE-CGCRE-0 APROVADA EM MAR/20 Nº 01/09 SUMÁRIO 1 Objetivo 2 Campo de Aplicação 3 Responsabilidade 4 Histórico das

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO

Leia mais

Cheques - créditos e débitos de cheques compensados e/ou pagos no caixa serão enviados no dia seguinte da ocorrência em conta.

Cheques - créditos e débitos de cheques compensados e/ou pagos no caixa serão enviados no dia seguinte da ocorrência em conta. TERMO DE ADESÃO PARA O SERVIÇO INFOEMAIL: ENVIO DE DEMONSTRATIVOS DE DESPESAS EFETUADAS NA CONTA CORRENTE, CONTA POUPANÇA E CARTÃO DE CRÉDITO BRADESCO VIA ENDEREÇO ELETRÔNICO. Pelo presente instrumento,

Leia mais

TERMO DE USO DA PLATAFORMA TAMOJUNTOFC. www.tamojuntofc.com

TERMO DE USO DA PLATAFORMA TAMOJUNTOFC. www.tamojuntofc.com TERMO DE USO DA PLATAFORMA TAMOJUNTOFC www.tamojuntofc.com A TAMOJUNTOFC é a primeira plataforma de CROWDFUNDING (Financiamento Coletivo) criada para atender projetosde iniciativa do PÚBLICO CRISTÃO. É

Leia mais

Apoiando Entidades EXTRAÍDO

Apoiando Entidades EXTRAÍDO Apoiando Entidades EXTRAÍDO ANO CXLIII N.º 138 - BRASÍLIA - DF, 20 DE JULHO DE 2006. REPRODUZIDO DE CONFORMIDADE COM A PORTARIA 209 DE 10.09.2003/I.N. MINISTÉRIO DA JUSTIÇA GABINETE DO MINISTRO PORTARIA

Leia mais

Termos de responsabilidade para uso de site

Termos de responsabilidade para uso de site Termos de responsabilidade para uso de site Este documento contém os Termos de Uso do site oficial da Secretaria Municipal de Educação de Três Rios, estado do Rio de Janeiro, com o seguinte domínio: www.educacaotresrios.rj.gov.br.

Leia mais

EXTRATO DE CONTRATO DE REPRESENTANTE DE SEGUROS

EXTRATO DE CONTRATO DE REPRESENTANTE DE SEGUROS EXTRATO DE CONTRATO DE REPRESENTANTE DE SEGUROS SCHULTZ-INGÁ TURISMO LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ/MF sob o n.º 04.628.135/0001-57 com sede na cidade de Curitiba, estado do

Leia mais

C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações

C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações 1. TERMOS GERAIS Este é um serviço de usuários de web ou mesmo de criação espontânea de grupos virtuais, destinado à troca de assuntos interligados

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL BETA LIVE 2012

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL BETA LIVE 2012 REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL BETA LIVE 2012 1 CONCURSO 1.1. Este Concurso BETA Live 2012, doravante simplesmente denominado Concurso, tem caráter exclusivamente cultural, não implicando em qualquer modalidade

Leia mais

1. O Código de Defesa do Consumidor (Lei nº 8.078/90) é aplicável às compras feitas via Internet?

1. O Código de Defesa do Consumidor (Lei nº 8.078/90) é aplicável às compras feitas via Internet? 1. O Código de Defesa do Consumidor (Lei nº 8.078/90) é aplicável às compras feitas via Internet? Quando consumidor e fornecedor estiverem estabelecidos no Brasil, o Código de Defesa do Consumidor (CDC)

Leia mais

PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL

PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL A promoção consiste em um concurso de fotos digitais no qual qualquer pessoa residente e domiciliada no Brasil poderá participar e é promovida pela BABYSOL S.A COMÉRCIO DE VESTUÁRIO,

Leia mais

Regras e Parâmetros de Atuação

Regras e Parâmetros de Atuação Regras e Parâmetros de Atuação A Renascença Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários Ltda, ora designada Renascença, em atendimento ao disposto no art. 6º da Instrução nº 387/03, de 28 de abril de

Leia mais

EDITAL. 1ª Edição do Concurso Cultural de Memes do IMIL

EDITAL. 1ª Edição do Concurso Cultural de Memes do IMIL EDITAL 1ª Edição do Concurso Cultural de Memes do IMIL 1. DO CONCURSO 1.1. A primeira edição do presente concurso cultural (doravante simplesmente Concurso ) é promovido pelo INSTITUTO MILLENIUM (IMIL)

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção Planc DÊ UM NOME AO ROBÔ DA PLANC

REGULAMENTO. Promoção Planc DÊ UM NOME AO ROBÔ DA PLANC REGULAMENTO Promoção Planc DÊ UM NOME AO ROBÔ DA PLANC PLANC - ENGENHARIA E INCORP.LTDA. AV ESPERANÇA, 976 Manaíra CEP: 58038-281 João Pessoa - PB CNPJ nº 04.517.640/0001-24 Este concurso visa batizar

Leia mais

1.2 Este Concurso tem como finalidade comemorar o aniversário de Belo Horizonte e divulgar a história e a cultura do município.

1.2 Este Concurso tem como finalidade comemorar o aniversário de Belo Horizonte e divulgar a história e a cultura do município. Concurso Cultural Aniversário de Belo Horizonte REGULAMENTO 1. DO CONCURSO 1.1 O Concurso Cultural Aniversário de Belo Horizonte será promovido pela Fundação TV Minas Cultural e Educativa Rede Minas, (

Leia mais

DECRETO Nº 61.867, DE 7 DE DEZEMBRO DE 1967.

DECRETO Nº 61.867, DE 7 DE DEZEMBRO DE 1967. DECRETO Nº 61.867, DE 7 DE DEZEMBRO DE 1967. Regulamenta os seguros obrigatórios previstos no artigo 20 do Decreto-lei nº 73, de 21 de novembro de 1966, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA,

Leia mais

PROMOÇÕES DISTRIBUIÇÃO DE PRÊMIOS NO ÂMBITO DAS ACE S

PROMOÇÕES DISTRIBUIÇÃO DE PRÊMIOS NO ÂMBITO DAS ACE S PROMOÇÕES DISTRIBUIÇÃO DE PRÊMIOS NO ÂMBITO DAS ACE S Manual sobre a realização de Promoções Comerciais pelas Associações Comerciais, elaborada pela Coordenadoria Institucional da FACIAP Federação das

Leia mais

COMUNICAÇÃO INTEGRADA

COMUNICAÇÃO INTEGRADA O PROJETO No inverno da charmosa Vitória da Conquista, localizada no sudoeste baiano, acontece entre 28 e 30 de agosto a décima primeira edição do Festival de Inverno Bahia. Consolidado no calendário cultural

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TRACKER GPS MOTO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TRACKER GPS MOTO Página 1 de 8 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TRACKER GPS MOTO ET DO BRASIL LTDA., CNPJ: 02.927.956/0001-69, empresa com sede à Rua Federação Paulista de Futebol, 777, Várzea da Barra Funda, São Paulo/SP,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL

RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Relator: Ministro Gilmar Mendes Interessado: Tribunal Superior Eleitoral Dispõe sobre pesquisas eleitorais para o pleito

Leia mais

manual de práticas comerciais

manual de práticas comerciais manual de práticas comerciais 2015 2 Apresentação O propósito primordial deste Manual é oferecer ao mercado publicitário uma consolidação das melhores práticas, normas legais e éticas que regem a atividade

Leia mais

Valorizamos as relações respeitosas, responsáveis e confiáveis com os diferentes públicos, interno e externo, em que não há espaço para:

Valorizamos as relações respeitosas, responsáveis e confiáveis com os diferentes públicos, interno e externo, em que não há espaço para: Introdução A BRMALLS é uma empresa que atua em diversos estados e para manter unida nossa companhia, nossos funcionários devem agir com base em valores e objetivos comuns. Isso se reflete nas atitudes

Leia mais

4. COMO PARTICIPAR - Mecânica da promoção

4. COMO PARTICIPAR - Mecânica da promoção REGULAMENTO PROMOÇÃO DECLARE SEU AMOR 1. REALIZAÇÃO 1.1. A promoção participe e ganhe Declare seu amor será realizada pela Associação Dos Lojistas Do Condomínio Criciúma Shopping Center, pessoa jurídica

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 345, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2005 Dispõe sobre produtos que contenham substâncias inalantes.

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 345, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2005 Dispõe sobre produtos que contenham substâncias inalantes. título: Resolução RDC nº 345, de 15 de dezembro de 2005 ementa: Dispõe sobre produtos que contenham substâncias inalantes. publicação: D.O.U. - Diário Oficial da União; Poder Executivo, de 19 de dezembro

Leia mais

Cédula de Crédito Imobiliário - CCI

Cédula de Crédito Imobiliário - CCI Títulos Imobiliários Renda Fixa Cédula de Crédito Imobiliário - CCI Títulos Imobiliários Cédula de Crédito Imobiliário Instrumento que facilita a negociabilidade e a portabilidade do crédito imobiliário

Leia mais

TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM

TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM J HELLO FARM SERVIÇOS DE TECNOLOGIA LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 23.694.884/0001-27, doravante denominada simplesmente como Hello Farm, adota

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. Objeto O objeto do presente Contrato é a prestação, pela EMBRATEL, do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais

Conheça também nosso Guia de Comercialização - Tabela de Preços, onde estão reunidas informações básicas para anunciar na Globosat.

Conheça também nosso Guia de Comercialização - Tabela de Preços, onde estão reunidas informações básicas para anunciar na Globosat. normas comerciais As Normas de Comercialização foram concebidas com o objetivo de resguardar a qualidade e o conteúdo das mensagens publicitárias inseridas na Globosat. Elas são uma orientação e uma garantia

Leia mais

ESTÂNCIA HIDROMINERAL DE POÁ

ESTÂNCIA HIDROMINERAL DE POÁ DECRETO Nº DE DE DE 2015 Dispõe sobre regulamentação da Lei Complementar nº. 3.766, de 4 de dezembro de 2014, que criou o Passe Livre Estudantil, gratuidade no sistema de transporte coletivo aos estudantes

Leia mais

PROJECTO DE REGULAMENTO MUNICIPAL DE VENDA DE LOTES DE TERRENO PARA AS NOVAS ZONAS E LOTEAMENTOS INDUSTRIAIS. Nota justificativa

PROJECTO DE REGULAMENTO MUNICIPAL DE VENDA DE LOTES DE TERRENO PARA AS NOVAS ZONAS E LOTEAMENTOS INDUSTRIAIS. Nota justificativa PROJECTO DE REGULAMENTO MUNICIPAL DE VENDA DE LOTES DE TERRENO PARA AS NOVAS ZONAS E LOTEAMENTOS INDUSTRIAIS Nota justificativa A criação de novas Zonas e loteamentos Industriais tem como principal finalidade

Leia mais

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS A Resolução da Secretária da Fazenda nº 108, publicada do DOE de hoje, institui o parcelamento especial dos débitos fiscais relativos ao ICMS decorrentes de fatos geradores

Leia mais

Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2

Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2 Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2 PRESIDÊNCIA (NÃO HÁ PUBLICAÇÕES NESTA DATA) SECRETARIA JUDICIÁRIA Coordenadoria de Acórdãos e Resoluções Resolução PUBLICAÇÃO

Leia mais

Apresentação da Superintendência de Registro - SRE

Apresentação da Superintendência de Registro - SRE Apresentação da Superintendência de Registro - SRE Seminário SIAESP Agosto de 2013 andre.marques@ancine.gov.br Principais Atribuições Promover o registro e a classificação de agentes econômicos e obras

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL

RESOLUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Relator: Ministro Gilmar Mendes Interessado: Tribunal Superior Eleitoral Dispõe sobre pesquisas eleitorais para as eleições de 2016. O Tribunal

Leia mais

REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIAS FRANQUEADOR, FRANQUEADO, COLABORADOR CONSELHO/ASSOCIAÇÃO DE FRANQUEADOS

REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIAS FRANQUEADOR, FRANQUEADO, COLABORADOR CONSELHO/ASSOCIAÇÃO DE FRANQUEADOS REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIAS FRANQUEADOR, FRANQUEADO, COLABORADOR CONSELHO/ASSOCIAÇÃO DE FRANQUEADOS A SUA MARCA NA ABF Obrigado pelo seu interesse em associar a ABF. Este documento contém

Leia mais

REGULAMENTO DA OFERTA B.CHECKIN VILLA LOBOS

REGULAMENTO DA OFERTA B.CHECKIN VILLA LOBOS O BANCO BRADESCO CARTÕES S.A., instituição financeira, com sede no núcleo administrativo denominado Cidade de Deus, Prédio Prata, 4 o andar, Vila Yara, CEP 06.029-900, Cidade de Osasco, Estado de São Paulo,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DENATRAN Nº 01, de 09 de dezembro de 2003.

INSTRUÇÃO NORMATIVA DENATRAN Nº 01, de 09 de dezembro de 2003. INSTRUÇÃO NORMATIVA DENATRAN Nº 01, de 09 de dezembro de 2003. Estabelece orientações e procedimentos a serem adotados na celebração de Contratos, Convênios, Termos de Cooperação, Acordos de Cooperação

Leia mais

PROMOÇÃO ENTREGOU CARRO USADO POR APTO NOVO VITACON E GANHOU BIKE REGULAMENTO

PROMOÇÃO ENTREGOU CARRO USADO POR APTO NOVO VITACON E GANHOU BIKE REGULAMENTO PROMOÇÃO ENTREGOU CARRO USADO POR APTO NOVO VITACON E GANHOU BIKE REGULAMENTO A campanha CARRO USADO POR APTO NOVO VITACON E GANHOU BIKE" é promovida pela empresa VITACON PARTICIPAÇÕES S.A., com sede na

Leia mais

Termo de Uso ANEAS Colégio São Francisco Xavier

Termo de Uso ANEAS Colégio São Francisco Xavier Termo de Uso ANEAS Colégio São Francisco Xavier ACORDO COM O USUÁRIO Este Termo de Uso apresenta as Condições Gerais aplicáveis ao uso dos serviços oferecidos pelo ANEAS COLÉGIO SÃO FRANCISCO XAVIER, inscrita

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO LEIA COM ATENÇÃO ESTES TERMOS DE USO ANTES DE FAZER USO DOS SERVIÇOS OFERECIDOS PELO BLAH. SE VOCÊ NÃO CONCORDAR COM QUALQUER CONDIÇÃO DESTES TERMOS DE USO, NÃO USE O BLAH OU

Leia mais

REGULAMENTO Promoção Comercial FONTE DOS DESEJOS. BANCO BRADESCO CARTÕES S.A. Cidade de Deus s/nº, Vila Yara Osasco SP CNPJ: 59.438.

REGULAMENTO Promoção Comercial FONTE DOS DESEJOS. BANCO BRADESCO CARTÕES S.A. Cidade de Deus s/nº, Vila Yara Osasco SP CNPJ: 59.438. REGULAMENTO Promoção Comercial FONTE DOS DESEJOS BANCO BRADESCO CARTÕES S.A. Cidade de Deus s/nº, Vila Yara Osasco SP CNPJ: 59.438.325/0001-01 BANCO BRADESCO S.A. Cidade de Deus s/nº, Vila Yara Osasco

Leia mais

Termo de Adesão ao Programa de Afiliados de aprendahebraico.com.br

Termo de Adesão ao Programa de Afiliados de aprendahebraico.com.br Termo de Adesão ao Programa de Afiliados de aprendahebraico.com.br Versão 1.2 07/08/2013 O presente TERMO DE ADESÃO AO PROGRAMA DE AFILIADOS contém as regras que se aplicam à participação de Pessoas Físicas

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO MISS DO CENTENÁRIO. 1.Objeto e Prazo do concurso

REGULAMENTO CONCURSO MISS DO CENTENÁRIO. 1.Objeto e Prazo do concurso REGULAMENTO CONCURSO MISS DO CENTENÁRIO 1.Objeto e Prazo do concurso 1.1. O concurso MISS DO CENTÉNARIO, doravante denominado simplesmente de concurso, será realizado pela Sociedade Esportiva Palmeiras

Leia mais

MANUAL PARA REGISTRO DE CERTIFICADO DE DEPÓSITO DE VALORES MOBILIÁRIOS - BDR NÍVEL I NÃO PATROCINADO

MANUAL PARA REGISTRO DE CERTIFICADO DE DEPÓSITO DE VALORES MOBILIÁRIOS - BDR NÍVEL I NÃO PATROCINADO MANUAL PARA REGISTRO DE CERTIFICADO DE DEPÓSITO DE VALORES MOBILIÁRIOS - BDR NÍVEL I NÃO PATROCINADO Artigo 1º. Para registro do Certificado de Depósito de Valores Mobiliários - BDR Nível I Não Patrocinado

Leia mais

15º Salão de Arte Contemporânea de Guarulhos

15º Salão de Arte Contemporânea de Guarulhos PREFEITURA DE GUARULHOS SECRETARIA DE CULTURA DEPARTAMENTO DE ATIVIDADES CULTURAIS SEÇÃO ADMINISTRATIVA DE ARTES VISUAIS 15º Salão de Arte Contemporânea de Guarulhos Regulamento O Secretário de Cultura,

Leia mais

PUBLICADO DOC 17/11/2011, PÁG 107

PUBLICADO DOC 17/11/2011, PÁG 107 PUBLICADO DOC 17/11/2011, PÁG 107 PROJETO DE RESOLUÇÃO 03-00023/2011 da Mesa Diretora Institui no âmbito da Câmara Municipal de São Paulo Sistema de Consignação Facultativa em Folha de Pagamento na modalidade

Leia mais

REGULAMENTO AÇÃO DESAFIO CLARIFY

REGULAMENTO AÇÃO DESAFIO CLARIFY REGULAMENTO AÇÃO DESAFIO CLARIFY 1. Esta ação é realizada pela L'ORÉAL BRASIL COMERCIAL DE COSMÉTICOS LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 30.278.428/0001-61, com sede na Rua São Bento, 08, Lojas A e B,

Leia mais

TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO

TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO Estes Termos de Serviços de Acompanhamento (i) regem os Serviços de Acompanhamento executados pela Parte Contratante UL para o Cliente, algumas vezes também referido

Leia mais

PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM

PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM CAPÍTULO I - DA CONSTITUIÇÃO Art. 1 - O Quadro de Arbitro Geral da CBTM é constituído por e árbitros gerais (referees) devidamente habilitados

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N 71, de 11 de dezembro de 1998.

CIRCULAR SUSEP N 71, de 11 de dezembro de 1998. CIRCULAR SUSEP N 71, de 11 de dezembro de 1998. Dispõe sobre a operação dos contratos previdenciários dos planos coletivos que tenham por finalidade a concessão de benefícios a pessoas físicas vinculadas

Leia mais

REGULAMENTO CYBER 2016

REGULAMENTO CYBER 2016 REGULAMENTO CYBER 2016 Apresentação: A Associação dos Profissionais de Propaganda-Ribeirão Preto, entidade sem fins lucrativos, devidamente registrada no CNPJ 54164348/0001-43, edita o presente regulamento

Leia mais

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 O Reitor do UNIABEU - Centro Universitário torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo Social, para o 1º semestre de 2016,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DA REPOM

CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DA REPOM CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DA REPOM CONDIÇÕES GERAIS: Considerando - (a) A Repom é empresa legalmente habilitada, nos termos da Resolução da Agência Nacional de Transportes Terrestres ( ANTT ) nº

Leia mais

Nova Lei da TV Paga estimula concorrência e liberdade de escolha Preços de pacotes devem cair e assinantes terão acesso a programação mais

Nova Lei da TV Paga estimula concorrência e liberdade de escolha Preços de pacotes devem cair e assinantes terão acesso a programação mais Nova Lei da TV Paga estimula concorrência e liberdade de escolha Preços de pacotes devem cair e assinantes terão acesso a programação mais diversificada A Lei 12.485/2011 destrava a concorrência no setor,

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Política de doação de Mídia Social

Política de doação de Mídia Social Política de doação de Mídia Social 1.Objetivo A presente política tem como objetivo definir critérios institucionais para cada modalidade de parceria em Mídia Social estabelecida pela Rede Gazeta e adotada

Leia mais

c. Promover o comportamento ético no ambiente em que atuamos.

c. Promover o comportamento ético no ambiente em que atuamos. Introdução O Código de Ética e Conduta foi aprovado em reunião do Conselho de Administração em 03/08/2015. É um documento que resume as principais políticas e diretrizes que definem as regras orientadoras

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 2 1 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 27 - Data 24 de janeiro de 2014 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: CONTRIBUIÇÃO SOCIAL SOBRE O LUCRO LÍQUIDO - CSLL DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO 8 KM CIRCUITO CATARATAS JL SHOPPING

REGULAMENTO DESAFIO 8 KM CIRCUITO CATARATAS JL SHOPPING REGULAMENTO DESAFIO 8 KM CIRCUITO CATARATAS JL SHOPPING 1. A PROVA 1.1. O presente regulamento tem a finalidade de disciplinar a Prova Pedestre denominada DESAFIO 8 KM CIRCUITO CATARATAS JL SHOPPING, CONCURSO

Leia mais

OFERTA: E-MAIL. 1. Definições

OFERTA: E-MAIL. 1. Definições OFERTA: E-MAIL 1. Definições OFERTA VIGENTE: Forma(s) de disponibilização do(s) RECURSO(S) ao CONTRATANTE, constante(s) nesse Contrato, válida(s) para o ATO DA CONSULTA. RECURSO: Serviço(s) e/ou licença(s)

Leia mais

de: Proprietário Mandatário Usufrutuário Superficiário Promitente comprador Outro (especificar)

de: Proprietário Mandatário Usufrutuário Superficiário Promitente comprador Outro (especificar) 1/10 REQUERIMENTO PARA: EMISSÃO DE ALVARÁ Despacho: Espaço reservado aos serviços Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome do requerente),

Leia mais

Regulamento da Promoção Natal Shopping Total Curitiba 2015

Regulamento da Promoção Natal Shopping Total Curitiba 2015 Regulamento da Promoção Natal Shopping Total Curitiba 2015 1. O presente regulamento tem a finalidade de disciplinar a distribuição gratuita de prêmios, na modalidade assemelhada a concurso, nos termos

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA. Recompra Garantida Planik

REGULAMENTO DA CAMPANHA. Recompra Garantida Planik REGULAMENTO DA CAMPANHA Recompra Garantida Planik PROGRAMA DE BENEFÍCIOS Recompra Garantida Planik ( Campanha ) é uma campanha de iniciativa da Planik Empreendimentos Imobiliários Ltda., pessoa jurídica

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação: 108-16

SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação: 108-16 SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação: 108-16 Em conformidade com o Regulamento de Compras e Contratações de Obras e Serviços da Organização Social de Cultura Associação Amigos do Projeto Guri, decreto nº.

Leia mais

REGULAMENTO. Concurso Cultural: Cada janela, uma São Paulo. Realização: Brookfield Incorporações

REGULAMENTO. Concurso Cultural: Cada janela, uma São Paulo. Realização: Brookfield Incorporações 1) Do Concurso Cultural REGULAMENTO Concurso Cultural: Cada janela, uma São Paulo Realização: Brookfield Incorporações 1.1. O presente Concurso Cultural é denominado Cada janela, uma São Paulo ( Concurso

Leia mais

DEAMB DIVISÃO DE EMERGÊNCIAS AMBIENTAIS

DEAMB DIVISÃO DE EMERGÊNCIAS AMBIENTAIS DIVISÃO DE INFORMAÇÃO E SISTEMATIZAÇÃO DEAMB DIVISÃO DE EMERGÊNCIAS AMBIENTAIS MANUAL DO LICENCIAMENTO ON-LINE DE FONTES MÓVEIS DE POLUIÇÃO TRANSPORTE DE PRODUTOS E/OU RESÍDUOS PERIGOSOS VERSÃO 2015 INTRODUÇÃO

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO PROGRAMA DE AFILIADOS DA VILLEVOX

TERMO DE ADESÃO AO PROGRAMA DE AFILIADOS DA VILLEVOX TERMO DE ADESÃO AO PROGRAMA DE AFILIADOS DA VILLEVOX Pelo presente instrumento particular as PARTES: VILLEVOX COMUNICAÇÃO E MARKETING com sede em Guarapari-ES, na Rua Batista Catani, nº 193/01, bairro

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL #MAISMINASMAISLIVROS.

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL #MAISMINASMAISLIVROS. REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL #MAISMINASMAISLIVROS. O Concurso Cultural Mais minas, Mais livros oferecido pela Bienal do Livro de Minas Gerais tem como objetivo estimular a leitura dos participantes. O

Leia mais