ANEXO 8 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO 8 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE"

Transcrição

1 ANEXO 8 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE Declaração de Disponibilidade 1

2 D E C L A R A Ç Ã O Declaramos que, no caso de adjudicação, disponibilizaremos para a execução dos serviços objeto da presente licitação, quadro mínimo de pessoal técnico especializado, conforme abaixo, com experiência nos serviços de apoio ao gerenciamento e fiscalização de empreendimentos, fornecendo os recursos necessários para a implantação e ampliação de subestações e na construção de linhas de distribuição na tensão de 138 kv: 01 (um) (a) Engenheiro (a) (Sênior) para Coordenação Geral de Empreendimentos Engenheiro(a) Eletricista Sênior a ser indicado como Coordenador Geral do Contrato e detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência em coordenação de construção e montagem de subestações, linhas de distribuição e sistemas auxiliares associados de distribuição de energia elétrica de classe de tensão igual ou superior a 138 kv, com no mínimo 12 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Pleno(a) para atividades de Inspeção Profissional com formação em engenharia elétrica ou mecânica com amplo conhecimento e experiência na inspeção, testes e ensaios de equipamentos e materiais elétricos e mecânicos aplicados a subestações e linhas de distribuição de alta tensão em sistemas elétricos de potência. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Profissional de Nível Superior (Categoria I) para Planejamento e Controle Profissional de nível superior, preferencialmente engenheiro, com certificação Categoria I de PMP (Project Management Professional) emitido pelo Project Management Institute (PMI ), com experiência comprovada em estruturação, implantação e gerenciamento de empreendimentos, de preferência em sistemas elétricos, e com sólidos conhecimentos e experiência comprovada no uso do software MS-Project, com no mínimo 12 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Profissional de Nível Superior Pleno (a) para apoio em Assuntos Fundiários e Ambientais Profissional de nível superior com amplo conhecimento e experiência comprovada em levantamento de dados das obras necessários ao licenciamento ambiental e em serviços de liberação e/ou regularização fundiária de terrenos para implantação de subestações e constituição de faixas de servidão para linhas de distribuição de alta tensão. Esse profissional será responsável, em conjunto com o pessoal da CONTRATANTE, pelos levantamentos cartoriais dos terrenos necessários à implantação dos empreendimentos, pelas avaliações de custo pertinentes, pelas tratativas que se fizerem necessárias com os órgãos públicos e por outras atividades pertinentes à liberação e regularização fundiária dos terrenos. Será ainda responsável por protocolar e acompanhar o andamento dos documentos em órgãos de licenciamento ambiental, quando solicitado pela CONTRATANTE; por apoiar na elaboração de documentos com informações solicitadas pelos órgãos ambientais e por elaborar relatórios, nos modelos adotados pela CONTRATANTE, para possibilitar o cadastramento contábil das obras. Esse profissional deverá ter experiência em elaboração de relatórios descritivos e de toda a documentação referente a Assuntos Fundiários associado aos Declaração de Disponibilidade 2

3 empreendimentos, além de confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros das atividades e outras habilidades correlatas. Deverá ainda ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Profissional de Nível Superior Pleno (a) para apoio na coordenação das atividades de Licitações e Contratações. Profissional de nível superior com amplo conhecimento e experiência comprovada na execução de contratações sob a égide da Lei 8.666/93 para serviços, obras e fornecimentos necessários à implantação de sistemas elétricos de potência. Esse profissional deverá ter experiência na elaboração de relatórios descritivos, da documentação de toda a documentação referente a licitações e contratações, além de confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros das atividades e outras habilidades correlatas. Deverá ainda ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Civil Pleno (a) Profissional com formação plena em engenharia civil, com amplo conhecimento e experiência em projetos e obras civis de subestações e linhas de distribuição de alta tensão igual ou superior a 138 kv, com amplo conhecimento na execução de serviços de terraplenagem, sondagem geotécnica, topografia, pavimentação, pintura, embutidos, dosagem, preparo e lançamento de concreto, com atribuições para planejar, supervisionar, inspecionar, acompanhar, fiscalizar e controlar a qualidade de tais obras e serviços, verificando o fiel cumprimento dos projetos executivos, normas e especificações técnicas, com habilidades para supervisionar a execução de projetos civis, emitir pareceres técnicos, confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros, elaborar orçamentos de obras e serviços e outras habilidades correlatas. Esse profissional dará também apoio a serviços de campo nos períodos de maior necessidade das obras. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Profissional de nível superior Pleno (a) para apoio na coordenação de atividades contábeis, econômicas e financeiras Profissional com formação em curso superior de Administração de Empresas ou Economia ou Contabilidade, com experiência em apropriações contábeis, desenvolvimento de cálculos em planilhas Excel, conhecimentos avançados em aplicativos tipo Office, Windows, Word, Excel, classificação de custos bens e serviços do setor elétrico. Deverá elaborar, analisar e conferir orçamentos de todas as etapas de execução dos projetos, fornecimento de materiais e serviços e construção das LD s e SE s da CONTRATANTE, além de outras atividades correlatas associadas aos empreendimentos. O profissional deverá estar devidamente habilitado junto ao respectivo conselho de classe e ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Eletricista Pleno (a) para apoio à Fiscalização de Obras Profissional com formação plena em engenharia elétrica, com conhecimento e experiência na fiscalização de obras civis e amplo conhecimento e experiência em montagens eletromecânicas e elétricas de subestações e linhas de distribuição de alta tensão igual ou superior a 138 kv e sistemas auxiliares associados, com atribuições para planejar, supervisionar, inspecionar, acompanhar, fiscalizar e controlar a qualidade de tais obras e serviços, verificando o fiel cumprimento dos projetos Declaração de Disponibilidade 3

4 executivos, normas e especificações técnicas, emitir pareceres técnicos, confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros, elaborar orçamentos de obras e serviços e outras habilidades correlatas. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 4 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Eletricista Pleno (a) para apoio ao Comissionamento de Obras Profissional com formação plena em engenharia elétrica com conhecimento e experiência em comissionamento de subestações, linhas de distribuição e sistemas auxiliares associados de distribuição de energia elétrica de classe de tensão igual ou superior a 138 kv, com atribuições para planejar, supervisionar, inspecionar, acompanhar, fiscalizar e controlar a qualidade dos comissionamentos, verificando o fiel cumprimento dos projetos executivos, a perfeita funcionalidade das instalações, normas e especificações técnicas, emitir pareceres técnicos, confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e outras habilidades correlatas. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 8 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Eletricista Pleno (a) para apoio às atividades de projetos e obras de subestações Profissional com formação plena em engenharia elétrica, com amplo conhecimento e experiência em projetos e obras de subestações de distribuição de alta tensão igual ou superior a 138 kv, com amplo conhecimento na execução de serviços de análise críticas de projetos elétricos, eletromecânicos, SPCS e telecomunicações, básicos e executivos, com atribuições para planejar, supervisionar, inspecionar, acompanhar, fiscalizar e controlar a qualidade de tais projetos, verificando o seu fiel cumprimento, das normas e especificações técnicas aplicáveis, com habilidades para emitir pareceres técnicos, confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros, elaborar orçamentos de obras e serviços e outras habilidades correlatas. Esse profissional dará também apoio a serviços de campo nos períodos de maior necessidade das obras. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 8 anos de exercício profissional. 01 (um) (a) Engenheiro (a) Pleno (a) para apoio às atividades de projetos e obras de linhas de distribuição Profissional com formação plena em engenharia elétrica, civil ou mecânico, com amplo conhecimento e experiência em projetos e obras de linhas de distribuição de tensão igual ou superior a 138 kv, com amplo conhecimento na execução de serviços de análise críticas de projetos elétricos e eletromecânicos, básicos e executivos, com atribuições para planejar, supervisionar, inspecionar, acompanhar, fiscalizar e controlar a qualidade de tais projetos, verificando o seu fiel cumprimento, das normas e especificações técnicas aplicáveis, com habilidades para emitir pareceres técnicos, confeccionar relatórios técnicos, elaborar e acompanhar cronogramas físicos e financeiros, elaborar orçamentos de obras e serviços e outras habilidades correlatas. Esse profissional dará também apoio a serviços de campo nos períodos de maior necessidade das obras. Deve ser detentor de acervo técnico - CAT emitido pelo CREA indicando explicitamente sua experiência e ter no mínimo 8 anos de exercício profissional. Declaração de Disponibilidade 4

5 OBSERVAÇÃO: - Todos os engenheiros e demais profissionais de nível superior acima mencionados deverão participar da execução do objeto desta Licitação, somente se admitindo a sua substituição, quando da execução, se previamente aprovada pela Eletrobras Distribuição Rondônia. Declaramos, outrossim, que após a assinatura do Contrato apresentaremos para análise da Eletrobrás Distribuição Rondônia a relação total do quadro de pessoal técnico especializado, bem como a qualificação de cada um dos integrantes, demonstrando sua experiência em gerenciamento e fiscalização de obras de Subestações e Linhas de Distribuição similares, cabendo ressaltar que, os profissionais que não atenderem aos requisitos exigidos pela Eletrobrás Distribuição Rondônia serão substituídos, e que tais substituições em hipótese alguma acarretarão ônus adicional para Eletrobrás Distribuição Rondônia, bem como alteração no prazo de execução do objeto do Contrato.... Licitante Assinatura do representante legal do Licitante Declaração de Disponibilidade 5

ANEXO 07 RELAÇÃO DE PESSOAL TÉCNICO ESPECIALIZADO DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE PESSOAL TÉCNICO ESPECIALIZADO

ANEXO 07 RELAÇÃO DE PESSOAL TÉCNICO ESPECIALIZADO DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE PESSOAL TÉCNICO ESPECIALIZADO Página 1 de 6 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE PESSOAL TÉCNICO Pela presente declaramos ter a disponibilidade do pessoal técnico abaixo relacionado, com o compromisso de utilizá-lo na execução do Contrato

Leia mais

CONCORRÊNCIA PÚBLICA DE TÉCNICA E PREÇONº 003/15 CIRCULAR Nº01

CONCORRÊNCIA PÚBLICA DE TÉCNICA E PREÇONº 003/15 CIRCULAR Nº01 Contratação para os serviços de elaboração de Projetos Executivos de Engenharia para gasodutos, redes internas, incluindo levantamento topográfico semi-cadastral, proteção catódica, o estudo de interferência

Leia mais

Anexo II Descrição da Área/Processo. Cargos de Nível Médio

Anexo II Descrição da Área/Processo. Cargos de Nível Médio Anexo II Descrição da Área/Processo Cargos Cargo Área Pré-requisito Trajetória Processo de Agrimensura de Edificações/ Construção Civil de Edificações de Edificações Agrimensura. Edificações. Edificações.

Leia mais

Relatório de vagas disponíveis - Bolsa Emprego

Relatório de vagas disponíveis - Bolsa Emprego MODALIDADE : AGRIMENSURA REGIONAL DE CASCAVEL Topógrafo (a) Executar levantamentos geodésicos, por meio de levantamentos altimétricos e planimétricos, implantar no campo pontos de projeto, locando obras

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 016/2013 07/04/2013

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 016/2013 07/04/2013 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 016/2013 07/04/2013 O SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial torna pública a realização de processo seletivo para provimento de vagas observados

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 02 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20130012/CIDADES/CCC

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 02 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20130012/CIDADES/CCC NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 02 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL Nº 20130012/CIDADES/CCC OBJETO: LICITAÇÃO DO TIPO TÉCNICA E PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA ELABORAÇÃO DO PLANO URBANÍSTICO

Leia mais

OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE

OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE OPORTUNIDADE DE TRABALHO - TOSHIBA EM SUAPE Se você, ou alguém que conheça, deseja trabalhar na Toshiba está na hora. Empresa Multinacional no ramo de Transmissão e Distribuição de Energia está selecionando

Leia mais

GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177

GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177 GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177 TECHNIQUE A Technique atua desde 1997 nas áreas de infraestrutura, construção civil e industrial, através de consultoria

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 014/2006.

ATO NORMATIVO Nº 014/2006. ATO NORMATIVO Nº 014/2006. Dispõe sobre a organização da Superintendência de Gestão Administrativa do Ministério Público do Estado da Bahia e dá outras providências. O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO

Leia mais

GRUPO 1 Cargo: Cargo Exercido: Nível. DFO / SUCRE / Gerência de Projetos ou Gerência de Crédito e Cadastro ou Gerência de Cobrança e Recuperação

GRUPO 1 Cargo: Cargo Exercido: Nível. DFO / SUCRE / Gerência de Projetos ou Gerência de Crédito e Cadastro ou Gerência de Cobrança e Recuperação GRUPO 1 Cargo: Cargo Exercido: Nível Analista Unidade: Analista de Projetos, Cadastro, Crédito, Cobrança e Recuperação DFO / SUCRE / Gerência de Projetos ou Gerência de Crédito e Cadastro ou Gerência de

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON Processo: CONCORRÊNCIA N.º 005/2006 Assunto: JULGAMENTO RECURSO ADMINISTRATIVO - HABILITAÇÃO Recorrente: TAMA ENGENHARIA LTDA A Comissão Permanente de Licitação - CPL da Centrais Elétricas de Rondônia

Leia mais

Atribuições dos Tecnólogos

Atribuições dos Tecnólogos UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL TECNOLOGIA EM CONTRUÇÃO CIVIL EDIFÍCIOS E ESTRADAS Atribuições dos Tecnólogos Prof.ª Me. Fabiana Marques Maio / 2014 SOBRE O TECNÓLOGO Segundo

Leia mais

Minuta de Termo de Referência

Minuta de Termo de Referência Minuta de Termo de Referência Contratação de serviço para elaboração do mapeamento, análise, propostas e implantação de melhorias nos processos de trabalho da Coordenadoria Geral de Licenciamento Ambiental

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO OPERACIONAL PARA SERVIÇOS DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E URBANISMO

PROGRAMA DE APOIO OPERACIONAL PARA SERVIÇOS DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E URBANISMO PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO Superintendência de Urbanismo e Produção Habitacional Coordenação de Projetos PROGRAMA DE APOIO OPERACIONAL PARA SERVIÇOS DE ENGENHARIA,

Leia mais

PRODETUR NACIONAL ANEXO D INSTITUCIONALIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DA UNIDADE DE COORDENAÇÃO DE PROJETO (UCP)

PRODETUR NACIONAL ANEXO D INSTITUCIONALIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DA UNIDADE DE COORDENAÇÃO DE PROJETO (UCP) PROETUR NACIONAL ANEXO INSTITUCIONALIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO A UNIAE E COORENAÇÃO E PROJETO (UCP) PROETU N acional APRESENTAÇÃO O presente documento tem por finalidade oferecer aos estados e municípios participantes

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON PROGRAMA LUZ PARA TODOS PROJETO BÁSICO CELPT 001/2008

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON PROGRAMA LUZ PARA TODOS PROJETO BÁSICO CELPT 001/2008 PROJETO BÁSICO CELPT 001/2008 1. OBJETIVO Contratação de empresas para execução de obras de eletrificação rural, por empreitada global, no Estado de Rondônia, do PROGRAMA NACIONAL DE UNIVERSALIZAÇÃO DO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABREÚVA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABREÚVA PREFEITURA MUNICIPAL DE CABREÚVA GABINETE DO PREFEITO LEI COMPLEMENTAR N 329, DE 12 DE MAIO DE 2011. DISPÕE SOBRE A ALTERAÇÃO DO ANEXO I - QUADRO DE EMPREGOS PÚBLICOS DE NATUREZA PERMANENTE, REGIDOS PELA..

Leia mais

WWW.RJN.COM.BR. Av. Paulista, 1159. 8.º andar. cj 817/818. Cerqueira César. São Paulo/SP (11) 3141.0507 /. (11) 3266.7441

WWW.RJN.COM.BR. Av. Paulista, 1159. 8.º andar. cj 817/818. Cerqueira César. São Paulo/SP (11) 3141.0507 /. (11) 3266.7441 Introdução Com o crescimento acelerado do setor de construção e o surgimento de grandes projetos no Brasil, o mercado profissional de engenharia apresenta uma elevada demanda de profissionais, principalmente

Leia mais

SECRETARIA GOVERNO DO DE ESTADO DO DO RIO DE JANEIRO 1. INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE INEA SEA NFORMAÇÕES:

SECRETARIA GOVERNO DO DE ESTADO DO DO RIO DE JANEIRO 1. INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE INEA SEA NFORMAÇÕES: SECRETARIA GOVERNO DO DE ESTADO DO DO RIO DE JANEIRO 1. INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE INEA SEA Projeto: TERMO chrysomelas) Construção DE REFERÊNCIA de capturados recintos Nº em no 2013.0812.1029.37151

Leia mais

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROJETO BÁSICO GESER Nº 04/07 FISCALIZAÇÃO DA OBRA DE IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO 1. OBJETO Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de fiscalização

Leia mais

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS PROJETO BÁSICO PROJETO BÁSICO PARA: OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO OBJETO DA LICITAÇÃO: O objeto da presente licitação é a OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO, na forma de

Leia mais

Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas www.ibraop.com.br

Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas www.ibraop.com.br Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas www.ibraop.com.br ORIENTAÇÃO TÉCNICA OT - IBR 001/2006 PROJETO BÁSICO Primeira edição: válida a partir de 07/11/2006 Palavras Chave: Projeto Básico,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 12/2011/CONSU Estabelece normas para o relacionamento entre a Universidade Federal de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Processo: E-08/005.017/2009 Data: 10/07/2009 Rubrica: Fls.

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Processo: E-08/005.017/2009 Data: 10/07/2009 Rubrica: Fls. Trata-se de impugnações apresentadas pelas sociedades empresárias ECCO ENGENHARIA CLINICA CONSULTORIA LTDA, INNOVAMED MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA ME, MEDSYSTEM COMÉRCIO, MANUTENÇÃO E SERVIÇOS

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO PROGRAMAS DE TREINAMENTO/ DESENVOLVIMENTO

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO PROGRAMAS DE TREINAMENTO/ DESENVOLVIMENTO PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO PROGRAMAS DE TREINAMENTO/ DESENVOLVIMENTO Data de emissão: Associação Paulista de Gestão Pública - APGP Elaborado por: Aprovado por: Francis da Silva Recursos Humanos Diretoria

Leia mais

EDITAL N 04/2015 SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR E MÉDIO

EDITAL N 04/2015 SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR E MÉDIO EDITAL N 04/2015 SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR E MÉDIO A Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos - FINATEC, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, por meio

Leia mais

APÊNDICE III COMPOSIÇÃO E QUALIFICAÇÃO DAS EQUIPES 1 COMPOSIÇÃO DAS EQUIPES

APÊNDICE III COMPOSIÇÃO E QUALIFICAÇÃO DAS EQUIPES 1 COMPOSIÇÃO DAS EQUIPES 1 APÊNDICE III COMPOSIÇÃO E QUALIFICAÇÃO DAS EQUIPES 1 COMPOSIÇÃO DAS EQUIPES 1.1 Equipe Para a execução dos serviços contemplados no escopo deste objeto a empresa Contratada deverá disponibilizar a equipe

Leia mais

Gerenciamento de Projetos de Sistemas ERP. Ricardo Viana Vargas, MsC, PMP rvargas@aec.com.br

Gerenciamento de Projetos de Sistemas ERP. Ricardo Viana Vargas, MsC, PMP rvargas@aec.com.br Gerenciamento de Projetos de Sistemas ERP Ricardo Viana Vargas, MsC, PMP rvargas@aec.com.br Ricardo Viana Vargas, MsC, PMP Especialista em planejamento, gestão e controle de projetos, membro do Project

Leia mais

PROGRAMA DE ESTÁGIO CEMIG 2016

PROGRAMA DE ESTÁGIO CEMIG 2016 PROGRAMA DE ESTÁGIO CEMIG 2016 RELAÇÃO DE CURSOS E DESCRIÇÃO DAS VAGAS OFERTADAS TÉCNICO BELO HORIZONTE-MG E CONTAGEM-MG Código: CEMIGMC107 Cursos: TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO Local do Estágio: Floresta,

Leia mais

Oportunidades na área Administrativa

Oportunidades na área Administrativa Oportunidades na área Administrativa Aux. Administrativo (cálculos de seguros) Remuneração: R$ 1074.00 Seguro de vida, refeição, vale transporte. Descrição: Realizar calculo de apólice de seguro. Segunda

Leia mais

(OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA. Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta

(OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA. Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta (OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA CONSÓRCIO DATACENTER Prezados Senhores, Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta Apresentamos nossa

Leia mais

DECRETO N.º 5.432, DE 16 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das atribuições que lhe confere a Lei, e

DECRETO N.º 5.432, DE 16 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das atribuições que lhe confere a Lei, e Dispõe sobre a prestação dos serviços de vistorias e inspeções técnicas em veículos destinados aos serviços de transportes, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TR/001/12

TERMO DE REFERÊNCIA TR/001/12 TERMO DE REFERÊNCIA TR/001/12 Contratação de empresa especializada em serviços de topografia para Levantamento Topográfico da linha de distribuição 69 kv SE Areal / SE Centro em Porto Velho/RO e da linha

Leia mais

EMENTÁRIO. (*) LEI N 1.206, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2007. (D.O.M. 22.01.2008 N. 1886 Ano IX)

EMENTÁRIO. (*) LEI N 1.206, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2007. (D.O.M. 22.01.2008 N. 1886 Ano IX) (*) LEI N 1.206, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2007. (D.O.M. 22.01.2008 N. 1886 Ano IX) ALTERA o Quadro de Cargos e Carreiras da Secretaria Municipal de Saúde SEMSA e dá outras providências. O PREFEITO DE MANAUS,

Leia mais

e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios

e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios Conteúdo Programático - Legislação; - Demonstrar às características básicas do e-sfinge Obras; - Quais dados a serem informados no sistema; - Prazos

Leia mais

ENGENHARIA DE PROJETO

ENGENHARIA DE PROJETO ENGENHARIA DE PROJETO TORKE ENGENHARIA Nossa empresa é especializada na execução de projetos industriais. Grandes e pequenas companhias confiam em nós para realizar seus projetos de novas fábricas, ampliações

Leia mais

WWW.RJN.COM.BR. Av. Paulista, 1159. 8.º andar. cj 817/818. Cerqueira César. São Paulo/SP (11) 3141.0507 /. (11) 3266.7441

WWW.RJN.COM.BR. Av. Paulista, 1159. 8.º andar. cj 817/818. Cerqueira César. São Paulo/SP (11) 3141.0507 /. (11) 3266.7441 EMENTA DO TREINAMENTO Apresentar metodologia de planejamento e controle de obras específicas de construção civil, com a utilização do software Microsoft Office Project 2010. A metodologia, baseada nas

Leia mais

CF Nº 32069 /GTVT/2012 Vitória, 29 de Outubro de 2012.

CF Nº 32069 /GTVT/2012 Vitória, 29 de Outubro de 2012. Vitória, 29 de Outubro de 2012. À Coordenação de Licitação ADSE-3 Assunto: Resposta à Impugnação, apresentada pela empresa UPTEC CONSTRUÇÃO E TECNOLOGIA LTDA, do Recurso Administrativo interposto pela

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO

ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO CURSOS DE EXTENSÃO: Caracterizados como um conjunto articulado de ações pedagógicas, de caráter teórico e/ou prático, presencial ou à distância,

Leia mais

ANEXO ÚNICO. (Portaria Conjunta SARE/SEDUC nº 19, de 07 /05/2004)

ANEXO ÚNICO. (Portaria Conjunta SARE/SEDUC nº 19, de 07 /05/2004) ANEXO ÚNICO (Portaria Conjunta SARE/SEDUC nº 19, de 07 /05/2004) 1. DA FUNÇÃO E DA REMUNERAÇÃO 1.1. Este processo seletivo simplificado destina-se à seleção de 03 (três) Analistas de Obras, sendo 02 (dois)

Leia mais

LEI Nº 2.396/2013. O Prefeito Municipal de Santa Teresa, Estado do Espírito Santo, no uso de suas atribuições legais;

LEI Nº 2.396/2013. O Prefeito Municipal de Santa Teresa, Estado do Espírito Santo, no uso de suas atribuições legais; LEI Nº 2.396/2013 CRIA CARGOS COMISSIONADOS NO MUNICÍPIO DE SANTA TERESA. O Prefeito Municipal de Santa Teresa, Estado do Espírito Santo, no uso de suas atribuições legais; Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

SELECIONAMOS: Faturamento

SELECIONAMOS: Faturamento SELECIONAMOS: Monitoramento Remuneração: R$ 1400.00 Benefícios: _VALE ALIMENTAÇAO R$220,00 _SEGURO DE VIDA Descrição: ATIVIDADES PRINCIPAIS: ABERTURA DE O.S., ACOMPANHAMENTO E CONFERENCIA DE FATURAS DE

Leia mais

GERENCIAMENTO DE OBRAS

GERENCIAMENTO DE OBRAS GERENCIAMENTO DE OBRAS APRESENTAÇÃO A CGRADIN é uma empresa de consultoria em engenharia especializada em gerenciamento e planejamento de obras, sediada em Salvador e com atuação em todo território nacional.

Leia mais

ANEXO VIII CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS E INFORMAÇÕES BÁSICAS PARA A EXPLORAÇÃO DA UHE TELES PIRES

ANEXO VIII CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS E INFORMAÇÕES BÁSICAS PARA A EXPLORAÇÃO DA UHE TELES PIRES ANEXO VIII CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS E INFORMAÇÕES BÁSICAS PARA A EXPLORAÇÃO DA UHE TELES PIRES A exploração da UHE Teles Pires, pela Concessionária, será realizada em conformidade com a legislação em vigor

Leia mais

TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO Local: Aracaju/SE

TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO Local: Aracaju/SE www.selecaoengenharia.com.br TÉCNICO DE SEGURANÇA DE OBRAS Local: São Paulo/SP Formação: Técnico em Segurança do Trabalho Experiência: Experiência e vivência em obras de médio a grande porte. Experiência

Leia mais

Ilustríssima Comissão Permanente de Licitação do INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO IPASEM-NH

Ilustríssima Comissão Permanente de Licitação do INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO IPASEM-NH Ilustríssima Comissão Permanente de Licitação do INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO IPASEM-NH Referente ao PREGÃO ELETRÔNICO Nº 01/2013 COMERCIAL DE ELETRODOMÉSTICOS

Leia mais

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil. RELATÓRIO DE JULGAMENTO DAS PROPOSTAS TÉCNICAS Concorrência nº 024/2010

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil. RELATÓRIO DE JULGAMENTO DAS PROPOSTAS TÉCNICAS Concorrência nº 024/2010 RELATÓRIO DE JULGAMENTO DAS PROPOSTAS TÉCNICAS Concorrência nº 024/2010 1. OBJETO Contratação de Empresa de Engenharia Consultiva para Execução de Serviços Técnicos Profissionais Especializados de Apoio

Leia mais

EDITAL Nº009/2014-CCP

EDITAL Nº009/2014-CCP EDITAL Nº009/2014-CCP A Professora Fátima Aparecida da Cruz Padoan, Diretora do Campus de Cornélio Procópio, da UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

Leia mais

CATEGORIA FUNCIONAL: CHEFE DE SERVIÇOS PADRÃO DE VENCIMENTO: CC1

CATEGORIA FUNCIONAL: CHEFE DE SERVIÇOS PADRÃO DE VENCIMENTO: CC1 CATEGORIA FUNCIONAL: CHEFE DE SERVIÇOS PADRÃO DE VENCIMENTO: CC1 Dirigir, orientar, planejar e controlar as atividades do setor e da equipe que dirige, acompanhando os trabalhos dos mesmos para assegurar

Leia mais

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO Este documento descreve os serviços que devem ser realizados para a Implantação da Solução de CRM (Customer Relationship Management), doravante chamada SOLUÇÃO, nos ambientes computacionais de testes,

Leia mais

ANÁLISE DE PROJETOS INDUSTRIAIS EM ZONAS DE PROCESSAMENTO DE EXPORTAÇÕES - ZPE INFORMAÇÕES BÁSICAS

ANÁLISE DE PROJETOS INDUSTRIAIS EM ZONAS DE PROCESSAMENTO DE EXPORTAÇÕES - ZPE INFORMAÇÕES BÁSICAS MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC CONSELHO NACIONAL DAS ZONAS DE PROCESSAMENTO DE EXPORTAÇÃO - CZPE Secretaria Executiva - SE ANÁLISE DE PROJETOS INDUSTRIAIS EM ZONAS

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014 O SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial torna pública a realização de processo seletivo para provimento de vagas observados

Leia mais

REGIMENTO INTERNO MUSEU DA MEMÓRIA E PATRIMÔNIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS CAPÍTULO I CATEGORIA, SEDE E FINALIDADE

REGIMENTO INTERNO MUSEU DA MEMÓRIA E PATRIMÔNIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS CAPÍTULO I CATEGORIA, SEDE E FINALIDADE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas - UNIFAL-MG REGIMENTO INTERNO MUSEU DA MEMÓRIA E PATRIMÔNIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS CAPÍTULO I CATEGORIA, SEDE E FINALIDADE Art. 1º O Museu

Leia mais

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A PROCESSO SELETIVO PÚBLICO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR, DE NÍVEL MÉDIO E DE NÍVEL FUNDAMENTAL EDITAL N.º 1/2002 FURNAS, DE 10 DE OUTUBRO

Leia mais

EMPREENDIMENTOS HIDRELÉTRICOS INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO E HABILITAÇÃO TÉCNICA COM VISTAS À PARTICIPAÇÃO NOS LEILÕES DE ENERGIA

EMPREENDIMENTOS HIDRELÉTRICOS INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO E HABILITAÇÃO TÉCNICA COM VISTAS À PARTICIPAÇÃO NOS LEILÕES DE ENERGIA EMPREENDIMENTOS HIDRELÉTRICOS INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO E HABILITAÇÃO TÉCNICA COM VISTAS À PARTICIPAÇÃO NOS LEILÕES DE ENERGIA Governo Federal Ministério de Minas e Energia Ministro Silas Rondeau Cavalcante

Leia mais

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 123.15

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 123.15 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 123.15 A FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL (FPTI-BR) torna público que serão recebidas as inscrições para o Processo Seletivo nº 123.15 sob contratação em regime

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Decreto Federal nº 5154/04 e Lei Federal nº 11741/08) PLANO DE CURSO Área Tecnológica: Tecnologia

Leia mais

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 612, DE 16 DE MARÇO DE 2007. Dispõe sobre a implantação do Sistema de Registro de Preços nas compras, obras e serviços contratados pelos órgãos da

Leia mais

EDIFICAÇÕES ELETROMECÂNICA

EDIFICAÇÕES ELETROMECÂNICA É importante que todo aluno tenha acesso às informações sobre os cursos e faça sua escolha para não haver dúvida no ato da inscrição para o concurso de 2012/2013: EDIFICAÇÕES O Técnico em Edificações é

Leia mais

ANEXO I REFERENCIAL PARA ELABORAÇÃO DO PLANO OU PROJETO BÁSICO AMBIENTAL DAS FASES 01 E 02 DO SAPIENS PARQUE

ANEXO I REFERENCIAL PARA ELABORAÇÃO DO PLANO OU PROJETO BÁSICO AMBIENTAL DAS FASES 01 E 02 DO SAPIENS PARQUE ANEXO I REFERENCIAL PARA ELABORAÇÃO DO PLANO OU PROJETO BÁSICO AMBIENTAL DAS FASES 01 E 02 DO SAPIENS PARQUE Sumário 1 Objetivo...3 2 Definições...3 3 Características Gerais...4 3.1 Descrição do Empreendimento...

Leia mais

Nível de Escolaridade Formação Exigida Vagas CH. Ensino Médio Ensino Médio Completo 1 40 h R$ 1031,44 R$ 706,98 R$ 206,29

Nível de Escolaridade Formação Exigida Vagas CH. Ensino Médio Ensino Médio Completo 1 40 h R$ 1031,44 R$ 706,98 R$ 206,29 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 08/2014 O Presidente da Fundação Ezequiel Dias, no uso das atribuições que lhe confere o Decreto n.º 45.712, de 30/08/2011, em consonância ao disposto na Lei Delegada

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 007/2014 09/02/2014

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 007/2014 09/02/2014 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 007/2014 09/02/2014 O SESI Serviço Social da Indústria torna pública a realização de processo seletivo para provimento de vagas, observados os requisitos mínimos

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 023/2014 11/05/2014

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 023/2014 11/05/2014 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SESI DR/ES N 023/2014 11/05/2014 O SESI Serviço Social da Indústria torna pública a realização de processo seletivo para provimento de vagas, observados os requisitos mínimos

Leia mais

EDITAL Nº. 3/2008 - CONCURSO PÚBLICO ANEXO V ANEXO V DOS CARGOS, QUALIFICAÇÃO E REQUISITOS

EDITAL Nº. 3/2008 - CONCURSO PÚBLICO ANEXO V ANEXO V DOS CARGOS, QUALIFICAÇÃO E REQUISITOS EDITAL Nº. 3/2008 - CONCURSO PÚBLICO ANEXO V ANEXO V DOS CARGOS, QUALIFICAÇÃO E REQUISITOS ENSINO 2º GRAU: TELEFONISTA I Requisito: Ensino médio completo (2º grau) Descrição Sumária de Atividades: Operar

Leia mais

Governo do Estado do Ceará Secretaria das Cidades

Governo do Estado do Ceará Secretaria das Cidades NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 01 TOMADA DE PREÇOS Nº 20130004 - CIDADES OBJETO: LICITAÇÃO DO TIPO TÉCNICA E PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS EXECUTIVOS DE ENGENHARIA DO ATERRO

Leia mais

Relatório de vagas disponíveis - Bolsa Emprego

Relatório de vagas disponíveis - Bolsa Emprego AGRONOMIA RCSC / REGIONAL DE CASCAVEL COOPAVEL COOPERATIVA AGROINDUSTRIAL Engenheiro Agrônomo Assistência Técnica a cooperados, crédito rural, vendas, sendo todos estes relacionados aos cooperados assistidos

Leia mais

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO COTAÇÃO DE PREÇO Nº 09/2014 PROCESSO Nº 09/2014 ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL MAMIRAUÁ IDSM PROJETO - ARQUITETURA, PROJETOS EXECUTIVOS COMPLEMENTARES E ORÇAMENTO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Catanduva Banco Interamericano de Desenvolvimento. Programa de Desenvolvimento Urbano Integrado de Catanduva

Prefeitura Municipal de Catanduva Banco Interamericano de Desenvolvimento. Programa de Desenvolvimento Urbano Integrado de Catanduva Prefeitura Municipal de Catanduva Banco Interamericano de Desenvolvimento Programa de Desenvolvimento Urbano Integrado de Catanduva ESTRUTURA DE ORGANIZACIONAL DO PROGRAMA O esquema organizacional do Programa,

Leia mais

2.1. O Estudo de Inventário da UHE Colíder foi aprovado conforme a seguir discriminado:

2.1. O Estudo de Inventário da UHE Colíder foi aprovado conforme a seguir discriminado: ANEXO VIII AO EDITAL DE LEILÃO Nº. 03/2010-ANEEL ANEXO VIII CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS E INFORMAÇÕES BÁSICAS PARA A EXPLORAÇÃO DA UHE FERREIRA GOMES A exploração da UHE Ferreira Gomes, pela Concessionária,

Leia mais

CAERN. Descrição de Perfis

CAERN. Descrição de Perfis 4 Nível: Médio/Técnico Reporte: Coordenador Sumário Realizar atividades administrativas de acordo com as necessidades da área, com as normas e procedimentos da empresa, visando garantir a eficiência dos

Leia mais

ÁREA: CONTÁBIL / FISCAL / ADM / RH / ECONOMIA / PUBLICIDADE

ÁREA: CONTÁBIL / FISCAL / ADM / RH / ECONOMIA / PUBLICIDADE ÁREA: CONTÁBIL / FISCAL / ADM / RH / ECONOMIA / PUBLICIDADE ANALISTA FISCAL Escolaridade: Necessário Superior completo em Contabilidade Experiência: Experiência na apuração dos impostos Simples Nacional,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DE ESTUDO DE VIABILIDADE AMBIENTAL - EVA

TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DE ESTUDO DE VIABILIDADE AMBIENTAL - EVA TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DE ESTUDO DE VIABILIDADE AMBIENTAL - EVA 1. OBJETIVO GERAL As instruções técnicas contidas no presente Termo de Referência objetivam estabelecer os procedimentos e os

Leia mais

Questionário de avaliação de Práticas X Resultados de projetos - Carlos Magno Xavier (magno@beware.com.br)

Questionário de avaliação de Práticas X Resultados de projetos - Carlos Magno Xavier (magno@beware.com.br) Obrigado por acessar esta pesquisa. Sei como é escasso o seu tempo, mas tenha a certeza que você estará contribuindo não somente para uma tese de doutorado, mas também para a melhoria das práticas da Comunidade

Leia mais

Cargo Vagas Código Detalhes da vaga Requisitos: - Disponibilidade para atuar em Vitória. - Residir na Grande Vitória. - Possuir experiência na função

Cargo Vagas Código Detalhes da vaga Requisitos: - Disponibilidade para atuar em Vitória. - Residir na Grande Vitória. - Possuir experiência na função Cargo Vagas Código Detalhes da vaga - Ensino Superior completo ou cursando em Administração ou Ensino Técnico completo em Administração - Disponibilidade para atuar em Vitória - Residir na Grande Vitória

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA INDIVIDUAL: ELABORAÇÃO DOS PLANOS DE NEGÓCIOS DOS SUBPROJETOS DE ACESSO AO MERCADO

TERMOS DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA INDIVIDUAL: ELABORAÇÃO DOS PLANOS DE NEGÓCIOS DOS SUBPROJETOS DE ACESSO AO MERCADO TERMOS DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA INDIVIDUAL: ELABORAÇÃO DOS PLANOS DE NEGÓCIOS DOS SUBPROJETOS DE ACESSO AO MERCADO Salvador Maio 2016 Sumário 1. OBJETO... 4 2. OBJETIVO... 4 3. CONTEXTUALIZAÇÃO...

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Decreto Federal nº 5.154/04 e Lei Federal nº 11.741/2008) PLANO DE CURSO Área: Manutenção Mecânica

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec: ETEC PROF. MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ Eixo Tecnológico: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Habilitação Profissional: Técnica de nível médio de

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Assunto: NOTA DE ESCLARECIMENTO N.º 03 Processo: CONCORRÊNCIA N.º 001/2010 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS BÁSICOS E EXECUTIVOS DE SUBESTAÇÕES E LINHAS DE TRANSMISSÃO DO SISTEMA

Leia mais

ANEXO TERMO DE REFERÊNICA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA PJ PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE MANEJO DA RESEX DE CURURUPU/MA

ANEXO TERMO DE REFERÊNICA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA PJ PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE MANEJO DA RESEX DE CURURUPU/MA ANEXO TERMO DE REFERÊNICA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA PJ PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE MANEJO DA RESEX DE CURURUPU/MA 1. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO O critério de avaliação do Termo de Referência será na modalidade

Leia mais

Sistema Único de Saúde, para fortalecimento dos processos de descentralização da gestão da saúde, em conformidade com a legislação vigente.

Sistema Único de Saúde, para fortalecimento dos processos de descentralização da gestão da saúde, em conformidade com a legislação vigente. GOVERNO DO ESTADO DO ESPIRÍTO SANTO SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE DO ESPÍRITO SANTO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR EDITAL Nº 1 SESA/ES,

Leia mais

Regulamento de Compras :

Regulamento de Compras : Regulamento de Compras : Capítulo I: das Disposições Gerais Artigo 1º. O presente Regulamento estabelece normas para a contratação de obras e serviços e compras, no âmbito da Associação Fundo de Incentivo

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: André /

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: André / PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Técnico Código: 262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Aplicativos Informatizados Eixo Tecnológico: Ambiente Saúde e

Leia mais

D E S C R I Ç Ã O S U M Á R I A D A S A T R I B U I Ç Õ E S

D E S C R I Ç Ã O S U M Á R I A D A S A T R I B U I Ç Õ E S GRUPO 8 Cargo: Cargo Exercido: Nível Analista Analista de Gestão de Riscos, Caixa e Tesouraria I Unidade: PRESIDÊNCIA / SURIC / Gerência de Gestão de Riscos ou SUFIN / Gerências de Gestão de Caixa ou Tesouraria

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA DIAMANTINA MINAS GERAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA DIAMANTINA MINAS GERAIS TERMO DE REFERÊNCIA Contratação de empresas para prestação de serviços técnicos profissionais de engenharia para elaboração de projetos diversos para os Campi da UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DE JEQUITINHONHA

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado

Manual de Estágio Supervisionado NEP Manual de Estágio Supervisionado Sumário Apresentação.................................................................... 3 Considerações Iniciais............................................................

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO: 30 horas. CARGO 5: AUDITOR DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: ADMINISTRATIVA ESPECIALIDADE: CLÍNICA MÉDICA

JORNADA DE TRABALHO: 30 horas. CARGO 5: AUDITOR DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: ADMINISTRATIVA ESPECIALIDADE: CLÍNICA MÉDICA TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO PARÁ CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº 1 TCE/PA SERVIDOR, DE 29 DE FEVEREIRO

Leia mais

Robinson Bonato. Resumo. Experiência

Robinson Bonato. Resumo. Experiência Robinson Bonato Engenheiro Civil Sênior Engenharia Construção Projetos Gestão de Equipe Em Transição de Carreira. rjbonato15@gmail.com Resumo Engenheiro Civil. Graduado em Engenharia Civil pela UNIVAP-

Leia mais

EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA

EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE CANDIDATOS PARA AUXILIAR ADMINISTRATIVO DO PARFOR-UEPA A Magnífica Reitora da Universidade do Estado do Pará, no uso de suas atribuições

Leia mais

PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013

PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013 PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013 1- INTRODUÇÃO A A.R.G. Ltda., empresa multinacional do ramo da construção pesada, foi fundada em Minas Gerais no ano de 1978, e atua em todo o Brasil e exterior, nos segmentos

Leia mais

IMPACTO AMBIENTAL: A BASE DO GESTOR AMBIENTAL

IMPACTO AMBIENTAL: A BASE DO GESTOR AMBIENTAL IMPACTO AMBIENTAL: A BASE DO GESTOR AMBIENTAL MICHEL EPELBAUM Nesta edição, discutiremos a avaliação de impacto ambiental, como ponto de partida do gestor ambiental, de modo a priorizar investimentos e

Leia mais

INSTRUÇÃO TÉCNICA 04 PROJETOS DE PREVENÇÃO E COMBATE A INCENDIOS (PCI)

INSTRUÇÃO TÉCNICA 04 PROJETOS DE PREVENÇÃO E COMBATE A INCENDIOS (PCI) INSTRUÇÃO TÉCNICA 04 PROJETOS DE PREVENÇÃO E COMBATE A INCENDIOS (PCI) 1 OBJETIVO 1.1 Estas Instruções Normativas de Projeto apresentam os procedimentos, critérios e padrões a serem adotados para elaboração

Leia mais

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR. 3.1 O presente projeto básico consiste na contratação de empresa especializada

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR. 3.1 O presente projeto básico consiste na contratação de empresa especializada PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR 1 Projeto Básico da Contratação de Serviços: 1.1 O presente projeto básico consiste na contratação de empresa especializada para prestação de serviços, por empreitada por preço

Leia mais

MODELO DE PROJETO BÁSICO AUDITORIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO DO IFAM [Subtítulo do documento]

MODELO DE PROJETO BÁSICO AUDITORIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO DO IFAM [Subtítulo do documento] Página: 1 de X Objeto: Elaborado por: Equipe X Y Z Aprovado por: Unidade Requisitante Autoridade máxima do órgão Página: 2 de X 1. Definição do Objeto Indicação do que se está pretendendo licitar com a

Leia mais

Resende (RJ), 16 de setembro de 2015. ATO CONVOCATÓRIO AGEVAP N.º 022/2015 COMUNICADO Nº 5 Aos Interessados

Resende (RJ), 16 de setembro de 2015. ATO CONVOCATÓRIO AGEVAP N.º 022/2015 COMUNICADO Nº 5 Aos Interessados Resende (RJ), 16 de setembro de 2015. ATO CONVOCATÓRIO AGEVAP N.º 022/2015 COMUNICADO Nº 5 Aos Interessados Quanto aos pedidos de esclarecimentos apresentados por algumas entidades, referente ao Ato Convocatório

Leia mais

PLANEJAMENTO E PROJETO: AS FERRAMENTAS ESSENCIAIS PARA CONSTRUIR UM BRASIL MELHOR

PLANEJAMENTO E PROJETO: AS FERRAMENTAS ESSENCIAIS PARA CONSTRUIR UM BRASIL MELHOR PLANEJAMENTO E PROJETO: AS FERRAMENTAS ESSENCIAIS PARA CONSTRUIR UM BRASIL MELHOR Contribuições da Arquitetura e da Engenharia de Projetos para os candidatos ao Governo Federal Agosto de 2010 O Brasil

Leia mais

Termo de Referência. Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos

Termo de Referência. Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos Termo de Referência Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos Maio/2012 Índice 1. OBJETO... 3 2. ESCOPO... 3 3. PRAZO... 7 4. LOCAL DE TREINAMENTO... 7 5. HORÁRIO DE TREINAMENTO...

Leia mais

ORIENTADOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL B Porto Alegre (1 vaga) Área: Informática

ORIENTADOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL B Porto Alegre (1 vaga) Área: Informática SISTEMA FECOMÉRCIO-RS SELECIONA: O Senac-RS Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, Administração Regional no Estado do Rio Grande do Sul, está selecionando profissionais para desenvolver suas atividades

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO GOVERNADORIA COMISSÃO CENTRAL PERMANENTE DE LICITAÇÃO CCL ESCLARECIMENTO REF.: CONCORRÊNCIA Nº 008/2015 CCL/MA

ESTADO DO MARANHÃO GOVERNADORIA COMISSÃO CENTRAL PERMANENTE DE LICITAÇÃO CCL ESCLARECIMENTO REF.: CONCORRÊNCIA Nº 008/2015 CCL/MA ESCLARECIMENTO REF.: CONCORRÊNCIA Nº 008/2015 CCL/MA PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 53389/2015 CAEMA REFERÊNCIA Pedido de Esclarecimento ao Edital da Concorrência nº. 008/2015, o qual tem por objeto a contratação

Leia mais

Redes subterrâneas em loteamentos e condomínios particulares Por Caius V. S. Malagoli*

Redes subterrâneas em loteamentos e condomínios particulares Por Caius V. S. Malagoli* 46 Capítulo VI em loteamentos e condomínios particulares Por Caius V. S. Malagoli* Tendência irreversível no mercado da construção civil, as redes subterrâneas a cada dia ganham mais terreno em obras em

Leia mais

Objetivo: Regular o processo de elaboração e execução de convênios e contratos no âmbito da COPPETEC

Objetivo: Regular o processo de elaboração e execução de convênios e contratos no âmbito da COPPETEC 1 / 5 Objetivo: Regular o processo de elaboração e execução de convênios e contratos no âmbito da COPPETEC Público Alvo: Coordenadores de projeto e órgãos operacionais da Fundação 1. Definições Iniciais

Leia mais