O DIA. BC: aumento do superávit primário diminui riscos para a inflação Página 3 Pesquisa mostra que paulistanos estão fumando menos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O DIA. BC: aumento do superávit primário diminui riscos para a inflação Página 3 Pesquisa mostra que paulistanos estão fumando menos"

Transcrição

1 O DIA Jornal SP Diretor: Augusto de Oliveira São Paulo, sexta-feira, 9 de setembro de 2011 Nª Preço banca: R$ 2,50 CGU revela prejuízo de R$ 682 mi no Ministério dos Transportes BC: aumento do superávit primário diminui riscos para a inflação Página 3 Pesquisa mostra que paulistanos estão fumando menos Khadafi vendeu mais de 20% das reservas de ouro da Líbia Brasília Nos últimos dias, o presidente da Líbia, Muammar Khadafi, vendeu mais de 20% das reservas de ouro do país. A informação foi confirmada pelo presidente do Banco Central líbio, Qassem Azzoz, baseada em dados do final de agosto. Segundo Azzoz, o total dos bens do Banco Central é US$ 115 bilhões, dos quais US$ 90 bilhões estão no exterior. De acordo com antigos colaboradores de Khadafi, com o dinheiro da venda do ouro o líder pretende pagar por segurança. Não há detalhes sobre essa intenção. O cerco ao presidente está cada vez mais fechado, pois a maior parte da Líbia está sob o comando da oposição. Página 3 OCDE diminui previsão de crescimento para países ricos Brasília A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) reavaliou nesta quinta-feira, 8, para baixo as perspectivas de crescimento econômico, indicando uma recuperação desacelerada a partir dos índices referentes aos países que compõem o G7 as maiores economias do mundo. A entidade se refere diretamente aos Estados Unidos, ao Japão, à Alemanha, ao Reino Unido, à França, Itália e ao Canadá. Página 3 Previsão do Tempo Sexta: Sol com muitas nuvens e períodos de céu nubla- 28º C 16º C do. Noite com pancadas de chuva. Manhã Tarde Noite Fonte: Climatempo DÓLAR Paralelo Compra: 1,59 Venda: 1,73 Comercial Compra: 1,65 Venda: 1,66 Turismo Compra: 1,58 Venda: 1,72 EURO Compra: 2,30 Venda: 2,30 OURO Compra: 68,15 Página 2 Apreensões de mercadorias pela Receita Federal batem recorde no 1º semestre O subsecretário de Aduana e Relações Internacionais da Receita Federal, Ernani Checcucci, faz balanço das apreensões de mercadorias ilegais nas fronteiras do país no primeiro semestre deste ano Brasília A apreensão de mercadorias pela Receita Federal bateu recorde no primeiro semestre Esporte Foto/ DPPI Bernoldi espera melhor resultado na capital chinesa O Campeonato Mundial de GT1 encerra sua turnê pela China neste final de semana. Depois da oitava etapa, realizada no último dia 04, no circuito de Ordos, a categoria se deslocou por quase 800 quilômetros até a capital Pequim para a realização da nona e penúltima corrida da temporada, no traçado de Goldenport. A prova substitui Curitiba no calendário, já que a rodada dupla marcada para o Brasil teve de ser cancelada. Página 10 Bernoldi faz última etapa da turnê chinesa da GT1 em Pequim Seletiva de Kart Petrobrás será neste final de semana em Recife Foto/ Valter Campanato/ABr de Segundo números divulgados nesta quinta-feira, 8, o valor das mercadorias confiscadas Foto/ Nicola Pizarro por irregularidades na importação totalizou R$ 828,89 milhões nos seis primeiros meses do ano, alta de 23,29% em relação ao mesmo período de Desse total, R$ 657,18 milhões correspondem a mercadorias retidas nas alfândegas, com crescimento de 24,5% na comparação com o primeiro semestre do ano passado. O valor apreendido em operações de fiscalização somou R$ 165,4 milhões, aumento de 16,2%. O montante de multas aplicadas nessas operações passou de R$ 35,5 milhões para R$ 55,7 milhões, alta de 56,6%. Em relação aos tipos de mercadorias, as apreensões de munições mais do que quintuplicaram, passando de 2,9 mil unidades para 16,4 mil unidades. Página 4 Seletiva de Kart Petrobras Nos dias 10 e 11 de setembro, no Recife, em Pernambuco, no Kartódromo Tamboril, será realizada a quinta classificatória da Seletiva de Kart Petrobras em Das quatro vagas para a final que restam duas serão definidas neste fim de semana. Serão dois dias de atividades, com treinos, classificação e prova classificatória no sábado e tomada de tempo e corrida final no domingo com os dois primeiros colocados ganhando o direito de entrar para a disputa dos R$ 110 mil em Registro (SP), em novembro. Com 17 anos, Jonathan Louis, campeão da Seletiva de Kart Petrobras em 2009, e terceiro ano passado, espera finalmente deixar os contratempos de lado e conquistar a vaga para a final deste ano. Página 10 Foto/ Theo Ribeiro Oscar Galindez briga por título mundial no Ironman 70.3 em Las Vegas No estilo de prova que mais gosta, o argentino radicado em Santos, Oscar Galindez, da equipe Tremendão, disputa um de seus principais objetivos do ano neste domingo, 11, no Mundial de Ironman 70.3, em Las Vegas (EUA). Vice-campeão mundial em 2007 e quarto em 2008, ambas em Clearwater, Flórida, ele compete animado no novo local. É um circuito muito interessante, de muitas subidas e muito calor, tipo clima desérti- Brasília A Controladoria- Geral da União (CGU) apresentou nesta quinta-feira, 8, as conclusões sobre as auditorias realizadas em contratos no Ministério dos Transportes. O órgão encontrou 66 irregularidades em 17 processos, que somaram R$ 5,1 bilhões, com prejuízo potencial de R$ 682 milhões. No relatório, a CGU sustenta que, tanto no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) quanto na Valec, a estatal do setor ferroviário, raríssimos são os empreendimentos em que não há acréscimos de custos, e que muitos aditivos aproximam-se do limite legal de 25%, o que torna sem efeito os descontos obtidos nas licitações. Página 4 Mantega: distribuição de royalties tem que se pautar na responsabilidade fiscal São Paulo O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse nesta quinta-feira, 8, que o governo está elaborando, junto com o Congresso Nacional, um novo programa para a distribuição de royalties oriundos da exploração de petróleo. Segundo ele, o objetivo é construir uma proposta de distribuição dos lucros obtidos, tanto de reservas novas de petróleo quanto daquelas já em exploração, que seja compatível com os interesses dos estados produtores e dos não produtores. Página 3 Ministério Público do Rio pede prisão de policiais em São Gonçalo Página 4 Estações do Metrô terão serviço de orientação para formalização de pequenos negócios Página 2 Mobilizações levam políticos a refletir Página 4 co. Eu aprovei a mudança desde o começo, mesmo porque em Clearwater o vácuo era impressionante e foi um dos motivos porque deixei de competir em 2010 na Flórida. Las Vegas será diferente, sobretudo no pedal, conta o triatleta patrocinado por Olympikus, OG Design, Oakley, Santaconstancia, 11afondo, Aqua Sphere, Volvo, Autostar, Profile Design, Zipp e Tremendão. Página 10 Reinaldo Varela vai atrás da 100ª vitória em Jaguariúna Reinaldo Varela pode alcançar sua 100ª vitória Página 10

2 Página 2 Pesquisa mostra que paulistanos estão fumando menos Estações do Metrô terão serviço de orientação para formalização de pequenos negócios Durante todo o mês de setembro, nas estações do Metrô República e Brás, agentes de formalização do Microempreendedor Individual (MEI) irão atender aos interessados em legalizar um pequeno negócio e sair da informalidade. Nas tendas montadas nessas estações, as pessoas poderão esclarecer dúvidas sobre o programa do Microempreendedor Individual (MEI), conhecer os benefícios da legalização, as normas e exigências da legislação municipal e, se for o caso, deixar encaminhado o pedido de registro do MEI, de forma segura e sem nenhum custo. Numa parceria entre a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Especial do Microempreendedor Individual (Semei), e a Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos, por meio da Companhia do Metropolitano de São Paulo, a partir deste mês, o serviço será Jornal O DIA S. Paulo Diretor Augusto de Oliveira Jornalista Responsável Maria Augusta V. Ferreira Mtb Periodicidade: Diária levado a várias estações do Metrô da capital, locais onde circulam milhares de pessoas. O objetivo é ampliar a divulgação sobre o programa do Microeempreendedor Individual aos profissionais autônomos da capital que atuam na informalidade e facilitar o acesso dessas pessoas às informações e meios para a formalização. Os agentes da Secretaria do Microempreendedor Individual e Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo 9Facesp) têm conhecimento específico sobre a legislação paulistana para a formalização do MEI. Dessa maneira, o interessado evita uma peregrinação em vários órgãos para cancelar um registro feito sem consulta prévia à Prefeitura. O atendimento nas tendas nas estações do metrô será de segunda a sexta-feira, entre 9h e 18h. Secretaria da Saúde promove nona Semana Municipal de Prevenção ao HPV Os serviços municipais especializados em DST/Aids têm reforçado esta semana as ações de prevenção ao HPV em diversas regiões da Cidade. Este é o nono ano da Semana Municipal de Prevenção ao HPV, instituída pelo Decreto- Lei municipal nº /2002. O papilomavirus humano (HPV) é um vírus sexualmente transmissível que pode manifestarse como uma verruga localizada na pele e em mucosas, mais freqüentemente na região genital, denominado condiloma acuminado. Sabe-se também que o vírus está relacionado com a presença de cânceres de colo de útero, vulva, vagina, ânus, orofaringe, cavidade bucal e laringe. De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer do colo do útero é o segundo tipo da doença mais freqüente entre as mulheres, com aproximadamente 500 mil casos novos por ano no mundo, sendo responsável pelo óbito de aproximadamente 230 mil mulheres por ano. Já em pacientes com câncer de pênis, um estudo do mesmo instituto, em parceria com o Instituto de Virologia da Fiocruz, aponta que cerca de 75% dos casos apresentaram o vírus. Em mulheres vivendo com o HIV, a infecção pelo HPV é mais freqüente, a sintomatologia pode ser mais exuberante e persistente, agressiva e apresenta acréscimo no risco de câncer de colo de útero em três vezes. Estudo recente mostra que 10% das mulheres vivendo com HIV/Aids apresentam lesões pré-cancerosas resultantes da ação deste vírus, afirma o médico ginecologista e coordenador do Programa Municipal de DST/Aids, Celso Galhardo Monteiro. Vacina Atualmente, existem dois tipos diferentes de vacina contra o HPV. A que protege contra os subtipos 16 e 18, responsáveis por aproximadamente 70% dos cânceres de colo de útero, e a vacina quadrivalente, que protege contra os subtipos 16, 18, 6 e 11, responsáveis por 90% das verrugas genitais. Além de prevenir o câncer de colo do útero, a vacina imuniza contra lesões pré-cancerígenas cervicais, vulvares e vaginais causadas pelos tipos 16 e 18, assim como as verrugas genitais e lesões cervicais de baixo grau. São necessárias três doses em seis meses para a imunização. Após a injeção inicial, a segunda e a terceira doses são administradas no segundo e no sexto meses. A vacina tem eficácia de quase 100% contra a infecção pelos quatro tipos de HPV nas mulheres que ainda não foram expostas ao vírus. É indicado, portanto, que a imunização seja feita antes do início da vida sexual. A faixa etária prioritária para a vacinação contra o vírus HPV, apontada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para meninas, está entre nove e 13 anos. A partir do mês de outubro, a Secretaria Municipal da Saúde vacinará as meninas que vivem com o HIV, nessa faixa etária, e já estão em acompanhamento nos serviços municipais especializados em DST/Aids. A vacina contra o vírus HPV não envolve derivados de células humanas e, portanto, não pode causar risco de desenvolvimento de qualquer doença infecciosa. Faça sempre o Auto-Exame Verifique a presença de verrugas na região genital, embora nem todas as verrugas sejam causadas pelo HPV. As mulheres devem realizar consultas ginecológicas com regularidade e fazer o exame de papanicolaou (preventivo). É importante procurar um serviço de saúde para receber orientação, diagnóstico correto e tratamento adequado. Em condições normais, o tempo de evolução entre o contato com o HPV e o desenvolvimento do câncer do colo do útero leva em média 10 anos. Assim, a probabilidade de uma mulher que regularmente realiza exame ginecológico ter câncer do colo do útero é extremamente pequena. Os serviços municipais especializados em DST/Aids atendem homens e mulheres das 7h às 19h, de segunda a sexta-feira, para realização de consultas, aconselhamento, exames e outros esclarecimentos. Confira o endereço mais próximo no site da Secretaria da Saúde Publicidade Legal Balanços, Atas e Convocações R. Presidente Antonio Cândido, 80 City Lapa Telefone: Administração e Redação Exemplar do dia: R$ 2,50 Rua: Vergueiro, 218 Assinatura CEP: Anual: R$ 360,00 Fone: Semestral: R$ 180,00 Fax: Radiobrás Agência Brasil Site: Jornal O DIA SP Local O número de pessoas que fumam dois ou mais maços de cigarro por dia na cidade de São Paulo caiu 31% entre 2009 e É o que aponta levantamento da Secretaria da Saúde com base em intervenções de rua promovidas pelo Cratod (Centro de Referência em Álcool, Tabaco e outras Drogas) em locais movimentados da capital paulista. Em 2009, 42,15% dos entrevistados pela pesquisa foram enquadrados como fumantes pesados. Já em 2010, a quantidade São Paulo, sexta-feira, 9 de setembro de 2011 de pessoas indicadas dentro de um consumo diário de dois ou mais maços diários de cigarro diminuiu para 28,83%. Cerca de pessoas foram entrevistadas em cada ano do levantamento. Em 2009, 24,86% foram apontadas como fumantes (consumo de um a dois maços por dia), 10,46% como fumantes leves (menos que um maço por dia) e 22,51% como não fumantes. Já em 2010, os fumantes representaram 29,19%, os fumantes leves 13,82% e os não fumantes 28,15%. Para chegar à classificação do grau de tabagismo de cada entrevistado, o Cratod aplicou um teste que mede a concentração de monóxido de carbono no organismo da pessoa. Trata-se de uma espécie de bafômetro do cigarro. A Lei Antifumo paulista e as informações cada vez mais propagadas sobre os malefícios do cigarro contribuíram para que houvesse a diminuição dos fumantes pesados apontados pela CESAR NETO pesquisa. Em compensação, houve aumento do número dos classificados como fumantes leves e fumantes, além de um crescimento do total de pessoas que declararam serem não fumantes, afirma Ivone Charran, coordenadora do programa de tabaco do Cratod. A especialista alerta, no entanto, que o fato de fumar menos não assegura qualquer prevenção contra os males do tabagismo, uma vez que não há níveis seguros para o consumo de cigarros. Governo reinaugura Teatro Sérgio Cardoso na capital O governador Geraldo Alckmin vistoriou nesta quinta-feira, 8, as obras finalizadas da reforma do Teatro Sérgio Cardoso, na capital. O local será reaberto ao público nesta sexta-feira, 9, totalmente modernizado depois da reforma realizada pelo Governo de São Paulo. Com a troca de todas as instalações elétricas, hidráulicas e de esgoto, além da renovação das duas salas de espetáculo, o teatro agora oferece mais conforto, segurança e acessibilidade aos frequentadores. O investimento total foi de R$ 7,6 milhões. A peça Ensina-me a Viver, estrelada pela atriz Glória Menezes, foi a escolhida para a reinauguração, que acontece às 21h do dia 9. A reforma eliminou riscos de infiltração que ameaçavam o teatro e provocavam problemas na manutenção do espaço. Toda a cobertura do prédio foi refeita, assim como os sistemas de exaustão e climatização. As duas salas de espetáculo - a Sérgio Cardoso, com 835 lugares, e a Paschoal Carlos Magno, com tiveram o piso de concreto reconstruído para possibilitar uma melhor fixação das poltronas. Todo o chão, nos dois espaços, agora é coberto por carpete. No hall de entrada e áreas de circulação do público, o antigo piso de ardósia foi substituído por granito. O mezanino ganhou um bar mais amplo para atender o público antes dos espetáculos e durantes os intervalos. O teatro não foi só reformado, mas foi também ampliado. Tem dois elevadores para cadeirantes, pessoas com deficiência. As pessoas com Por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT), o Governo iniciou mais uma fase da convocação para o preenchimento de vagas em cursos de qualificação profissional do Via Rápida Emprego. A chamada ocorre na capital e em 24 municípios do interior. Os telegramas de convocação já foram enviados para os candidatos selecionados. Aqueles que receberem o aviso têm até esta sexta-feira, 9, para efetivar a matrícula. As turmas formadas até esta data iniciarão as aulas no próximo dia 12. Os candidatos selecionados recebem material didático e subsídio de transporte no valor de R$ 120 por mês. Os desempregados sem seguro desemprego ou benefício previdenciário também têm direito à bolsa-auxílio mensal de R$ 210 durante o período do curso, podendo receber o total de R$ 330. Inscrições abertas As inscrições para cursos do Via Rápida Emprego continuam abertas. A proposta é capacitar até o final deste ano 30 mil pessoas em todo o Estado. Para participar é preciso ter idade mínima de 16 anos, ser alfabetizado e residir no Estado de SP. As inscrições devem ser reali- Com investimento de R$ 7,6 milhões, o teatro agora oferece mais conforto, segurança e acessibilidade aos frequentadores deficiência também têm um sistema especial para acompanhar a peça. Grandes salas, somando as duas salas dá 1200 lugares, disse o governador. O teatro também passou a oferecer condições de acessibilidade para pessoas com deficiência. Foram instalados elevadores para pessoas com mobilidade reduzida e, pensando nelas, todos os sanitários foram adequados às suas necessidades. Pontos para fones de ouvido foram instalados em 15 poltronas da sala Sérgio Cardoso para permitir que pessoas cegas acompanhem os espetáculos por meio de audiodescrição. Com a reforma, o teatro tem agora mais 900 m² de área construída nos fundos, espaço que será utilizado para eventos e abrigará também a área administrativa. No total, são 8 mil m². As obras foram iniciadas em agosto de 2010 e prosseguiram até dezembro com o espaço em funcionamento. Entre janeiro e setembro deste ano, o trabalho Via Rápida Emprego faz convocação para formar novas turmas zadas somente pelo site do Via Rápida, e os documentos necessários são RG e CPF. A seleção é feita pela SDECT, que usará critérios como idade, escolaridade, renda familiar, além de priorizar quem estiver desempregado ou for arrimo de família. Entre cursos disponíveis estão panificação artesanal, assistente administrativo, informática, mecânica, eletricista, logística, motorista de táxi, produção de açúcar e álcool, recepção e outras. O programa também oferece opções de estudos específicos para pessoas com deficiência, alunos do último ano do Ensino Médio das escolas da rede estadual e presidiários em regime semiaberto e egressos do sistema penitenciário. A lista com as modalidades oferecidas pode ser consultada pelo site do Via Rápida. Metas para 2012 No próximo ano o Via Rápida será ampliado e deverá atender mais 125 mil cidadãos. Também serão construídas cinco unidades fixas do programa em cidades-polo, a serem definidas ainda em Para suprir a carência de estrutura laboratorial em municípios menores, serão entregues 12 unidades móveis (carretas) que circularão por todo o Estado. Foto/José Luis da Conceição aconteceu com o teatro fechado ao público. Obras de arte Toda a área pública do Teatro Sérgio Cardoso será decorada com 17 obras de artistas plásticos e grafiteiros selecionadas a partir do acervo do programa Metrópolis, da TV Cultura. A lista inclui nomes como Gonçalo Ivo (RJ), Leda Catunda (SP), Rui Amaral (SP), Siron Franco (GO), GNC79 (RS), Goms (SP) e Anjo (PR). As obras foram cedidas por empréstimo pela Fundação Padre EDITORIAL A coluna do jornalista Cesar Neto tem como visão ser referência na política. Sua missão é continuar sendo uma via de liberdade possível entre comunicação, sociedade e instituições. HISTÓRIAS Por enquanto são 3 os vereadores na Câmara de São Paulo dizendo que não concorrem à reeleição em Carlos Neder (PT), ex-secretário da Saúde da prefeita ( ) Erundina... DA... (hoje deputada federal pelo PSB). O médico diz que vai auxiliar na campanha pela reeleição do colega Francisco Chagas (suplente de deputado federal - PT). Carlos Apolinário, ex-deputado... HISTÓRIA... estadual (ex-presidente na Assembleia de São Paulo) e exdeputado federal. O empresário de comunicação e ex-evangélico (se diz evangelista) argumenta que o DEM (ex-pfl) não lhe... DA... dá a chance de tentar a prefeitura de São Paulo. E justo agora, que sua lei - Dia do Orgulho da Heterossexualidade - embora vetada pelo prefeito paulistano Gilberto Kassab (ex-pl, ex-pfl,... POLÍTICA... ex-dem e re-refundando o PSD) - podia lhe render muito mais que os cerca de 25 mil votos que obteve (pra Câmara paulistana) em Em tempo: em 1998 Apolinário lançou o filho -... Anchieta à Secretaria da Cultura para a exposição temporária. Bixiga Também na temporada de inauguração do Sérgio Cardoso o público poderá conferir uma exposição sobre a história do Museu Memória do Bixiga, que em 2011 comemora 30 anos de existência. Serão 10 painéis com fotos e textos sobre a trajetória do museu, o primeiro dedicado a um bairro no Brasil. Histórico Esta foi a primeira grande reforma do Teatro Sérgio Cardoso desde inaugurado, em outubro de Ele foi construído pelo Governo de São Paulo no terreno onde antes ficava o Teatro Bela Vista, do então casal de atores Sérgio Cardoso e Nydia Licia. O Bela Vista funcionou no local por 15 anos. Em 1970, quando o contrato de aluguel se encerrou e terreno foi devolvido ao proprietário, o Governo de São Paulo decidiu desapropriar o espaço para construir no local um teatro mais moderno. Sérgio Cardoso morreu logo no início das obras e a casa, então, foi batizada em sua homenagem. NO... Cláudio - e dobrou com ele pra deputado estadual. Tentava anular o crescimento da carreira solo do cunhado Gilberto Nascimento. Além de não se reeleger deputado federal, não elegeu... ESTADO... o filho pra Assembleia paulista. Já Gilberto Nascimento reelegeu-se pra Assembleia (SP) e depois deputado federal. Hoje é ex-deputado federal e preside o PSC em São Paulo. Aliás,... DE... este foi o motivo pelo qual Apolinário desembarcou Câmara paulistana. Por fim o cantor Netinho de Paula (1º Secretário na Câmara de São Paulo), inventado pelos ideólogos do Partido... SÃO... Comunista do Brasil pra obter os votos que começaram a faltar quando a legenda começava a não reeleger suas bancadas nos parlamentos paulistano e paulista. Pra Assembleia SP foi eleita... PAULO... a sambista Lecy Brandão. Netinho quase ganhou da máquina da ex-prefeita Marta. Fez cerca de 7 milhões de votos contra cerca de 8 milhões dela. Agora, é pré-candidato à prefeitura paulistana. EDITOR O jornalista Cesar Neto assina esta coluna desde Presidiu o comitê de imprensa na prefeitura de São Paulo. Está secretário-geral na Associação dos Cronistas Políticos (SP).

3 São Paulo, sexta-feira, 9 de setembro de 2011 Jornal O DIA SP Economia Página 3 BC: aumento do superávit primário diminui riscos para a inflação Brasília - O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) considera que está em curso um processo de consolidação fiscal no país. Segundo a ata da última reunião do comitê, divulgada nesta quinta-feira, 8, o recente aumento do superávit primário, economia feita para o pagamento dos juros da dívida pública, torna o balanço de riscos para a inflação mais favorável. No último dia 31, o comitê reduziu a taxa básica de juros, a Selic, em 0,5 ponto percentual para 12% ao ano. A decisão surpreendeu o mercado financeiro que esperava a manutenção da taxa. Segundo a ata, o Copom espera o cumprimento da nova meta de superávit primário, cerca de 3,15% do Produto Interno Bruto (PIB), sem descontos dos investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), este ano. Em 2012 e 2013, a hipótese de trabalho do BC é a de que o superávit primário fique em torno de 3,10% do PIB, sem ajustes. Para o Copom, os resultados fiscais previstos contribuem para arrefecer o descompasso entre as taxas de crescimento da demanda e da oferta, o que gera inflação, e solidificarão a tendência de redução da razão dívida pública sobre produto [PIB]. Na ata, o comitê destaca que o cenário central também contempla moderação na expansão no mercado de crédito, para a qual contribuem ações macroprudenciais e ações convencionais de política monetária [taxa Selic] recentemente adotadas. O Copom considera, ainda, oportuna a decisão do governo de moderar os subsídios nas operações de crédito. Além da redução dos gastos públicos, o comitê destaca que levou em consideração para reduzir a Selic a deterioração do cenário internacional, com a crise econômica externa, e os efeitos das ações de restrição ao crédito no país, implementadas no final do ano passado. Segundo a ata, as decisões futuras sobre a taxa Selic vão levar em consideração esses mesmos aspectos. Mantega: distribuição de royalties tem que se pautar na responsabilidade fiscal São Paulo - As vendas de veículos novos pelas montadoras no mercado interno em agosto foram as melhores em comparação com o resultado de igual período dos anos anteriores e em toda série histórica da indústria automobilística. Foram comercializadas unidades, 6,9% a mais do que em julho e 4,7% acima de igual período do ano passado. No acumulado desde janeiro, as vendas aumentaram 8%. Esse avanço superou a meta de 5%, prevista pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). A produção foi 5,9% maior do que a do mês anterior, com unidades. Esse volume representa um acréscimo de 5,5% em relação a agosto do ano passado e de 4,4% no acumulado do ano. A pro- São Paulo O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse nesta quinta-feira, 8, que o governo está elaborando, junto com o Congresso Nacional, um novo programa para a distribuição de royalties oriundos da exploração de petróleo. Segundo ele, o objetivo é construir uma proposta de distribuição dos lucros obtidos, tanto de reservas novas de petróleo quanto daquelas já em exploração, que seja compatível com os interesses dos estados produtores e dos não produtores. O ministro fez as declarações na capital paulista, após se reunir com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Mantega disse que na próxima semana discutirá o assunto com senadores em Brasília. Temos grande entendimento no sentido de construir uma proposta que contemple todos. É claro que essas propostas têm que se pautar nesses princípios da responsabilidade fiscal, porque se nós exagerarmos na dose e aumentarmos gastos ou transferências de recursos que não são novos, [podemos comprometer] essa situação fiscal que com muito custo construímos juntos, destacou. Conversamos aqui para que possamos construir junto com todos os estados uma proposta razoável que contemple algumas demandas dos estados não produtores, mas que esteja enquadrada no momento em que estamos vivendo, completou. De acordo com o ministro, os estados não produtores estão contemplados na nova proposta de distribuição dos royalties do petróleo, que cede a eles parcelas maiores do resultado da exploração na camada pré-sal. Entretanto, há uma discussão sobre os lucros do que já vem sendo produzido. Na transição, enquanto não tem a produção dos novos royalties, os estados não produtores querem uma fatia do que já está sendo produzido, o que implica uma redivisão dos royalties existentes. É nisso que temos que ir com cautela, para não tirar desse ou daquele mais Produção e vendas de veículos são recorde, indica Anfavea dução também ultrapassou a meta de expansão de 1,1%. A indústria automobilística obteve ainda o melhor desempenho do ano em volume financeiro exportado, com US$ 1,395 bilhão, uma alta de 7,5% na comparação com agosto de 2010 e de 22,2% ante o resultado de julho. De janeiro a agosto, as vendas externas movimentaram US$ 9,8 bilhões. No que se refere à quantidade de veículos exportados em agosto, no entanto, houve uma queda de 3,5% em relação a julho, com um total de unidades comercializadas. Na comparação com agosto de 2010, entretanto, houve elevação de 4,7%. No acumulado de janeiro a agosto, as vendas externas cresceram 5,2% ante igual período do ano passado. Entrada de dólares em setembro já supera a de agosto Brasília - O saldo da entrada e saída de dólares do país, fluxo cambial, fechou o mês de agosto positivo em US$ 4,155 bilhões e iniciou setembro, até o dia 2, também positivo em US$ 5,271 bilhões. De janeiro até 2 de setembro, o saldo positivo chega a US$ 65,085 bilhões, ante US$ 3,112 bilhões registrados em igual período de As informações foram divulgadas nesta quinta-feira, 8, pelo Banco Central (BC). Em agosto, o fluxo comercial (operações de exportações e importações) ficou positivo em US$ 6,667 bilhões, enquanto o financeiro (registro de investimentos em títulos, ações, remessas de lucros e dividendos ao exterior, entre outras operações) fechou o mês negativo em US$ 2,512 bilhões. Nos dois primeiros dias de setembro, o fluxo financeiro ficou positivo em US$ 3,321 bilhões, enquanto o comercial teve saldo de US$ 1,951 bilhão. De janeiro a 2 de setembro, o fluxo financeiro ficou positivo em US$ 34,020 bilhões e o comercial, em US$ 31,065 bilhões. O BC também informou que as compras de dólares no mercado à vista elevaram as reservas internacionais em US$ 4,477 bilhões, em agosto, e em US$ 73 milhões, nos dois primeiros dias de setembro. As operações no mercado a termo (com liquidação em data futura, a curto prazo) ficaram em US$ 403 milhões, em agosto. Em setembro, elas não foram realizadas. Os bancos fecharam agosto com posição de câmbio vendida em US$ 6,257 bilhões, ante US$ 6,302 bilhões registrados em julho. Essa posição indica a aposta dos bancos em relação à queda do dólar no mercado à vista. Desde abril de 2010, os bancos fecham os meses com posição de câmbio vendida. Este ano, o BC determinou o recolhimento compulsório para reduzir as apostas em relação à queda do dólar, uma vez que em dezembro a posição vendida dos bancos estava em US$ 16,8 bilhões, um nível considerado alto. O recolhimento obrigatório ao BC é 60% sobre o valor da posição vendida de câmbio que exceder US$ 1 bilhão ou o montante equivalente ao patrimônio da instituição financeira. Foto/ Wilson Dias/ABr/Arquivo O ministro da Fazenda, Guido Mantega São Paulo - O número de pedidos de falência foi o menor dos últimos três anos para o mês de agosto, segundo o indicador da empresa de consultoria Serasa Experian. Em todo o país, foram feitos 170 requerimentos, o que representa uma elevação de 1,8% em comparação com julho, mês que havia registrado crescimento de 20,1% em relação a junho. O menor índice para agosto foi verificado em 2008, quando as solicitações somaram 152. O setor que mais apresentou pedidos foi o das micro e pequenas empresas, com 121 requerimentos. Em seguida, aparecem as médias empresas, com 29 registros, e por último as grandes empresas, com 20 requerimentos. No acumulado de janeiro a agosto, o número de pedidos apresenta trajetória de queda do que se pode. Mantega disse ainda que conversou com o governador de São Paulo sobre a situação fiscal do estado, que tem solicitado aumento na margem de crédito para investimentos. Este é um momento em que o país deve ter austeridade fiscal para se consolidar diante da crise internacional, que deve ser forte nos países avançados. Segundo o ministro, as razões para esses países serem afetados pela crise são a fraqueza fiscal, a falta de solidez, dívidas elevadas e déficits crescentes. Isso levou a esse desequilíbrio na economia mundial e que pode nos afetar. Temos que estar preparados para enfrentar as consequências e uma maneira de fazê-lo é com solidez fiscal. Número de pedidos de falência é o menor para agosto nos últimos três anos São Paulo - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S), medido pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV), ficou em 0,74% na primeira prévia de setembro, o que representa um avanço de 0,34 ponto percentual sobre o resultado do encerramento de agosto (0,40%). É a maior taxa desde a terceira semana de maio de 2011, quando o índice ficou em 0,96%. Cinco dos sete grupos pesquisados apresentaram índices de reajustes acima dos registrados no levantamento anterior. As maiores elevações ocorreram no grupo alimentação, com alta de 1,76% ante 0,80%. Entre os itens que ficaram mais caros estão as frutas (de 7,47% para 13,77%) e as hortaliças e os legumes (de - 4,15% para -1,49%). No grupo vestuário, a taxa passou de -0,33% para 0,70%, sob a influência da entrada nas lojas da nova coleção primaveraverão, com os preços das roupas subindo 0,88%, ante 0,33%. Em transportes, o índice aumentou de 0,11% para 0,16%, com reflexo do seguro facultativo para veículo (de -1,05% para -0,19%). No grupo habitação, houve ligeira elevação de 0,38% para com relação ao mesmo período dos dois anos anteriores. Em 2011, as falências requeridas somam Em igual período de 2010, o número foi um pouco maior: Em 2009, os pedidos chegaram a Segundo economistas da Serasa, o forte desempenho das vendas no Dia dos Pais garantiu um fôlego extra ao caixa das empresas e foi um dos fatores responsáveis pelo menor volume de falências requeridas no mês. De acordo com eles, a permanência dos juros altos, decorrente da política monetária restritiva para controle da inflação, influenciou o custo financeiro das empresas. Além disso, a economia em desaceleração e o custo elevado do capital de giro são determinantes para a insolvência dos negócios. IPC-S é o maior desde a terceira semana de maio 0,39%, atribuída à alta na mão de obra para reparos na residência. Em educação, leitura e recreação, ocorreu um acréscimo de 0,25% ante 0,19%. Neste caso, a maior pressão foi provocada pela correção no preço da passagem aérea (de -0,94% para 2,30%). Em compensação, foram constatados decréscimos nos grupos saúde e cuidados pessoais (de 0,46% para 0,42%), com recuo em artigos de higiene e cuidado pessoal (de 0,57% para 0,23%), e em despesas diversas, com queda de -0,10% ante - 0,04%, puxada pelo item alimento para animais domésticos (de - 2,02% para -2,92%). Os cinco itens que mais influenciaram o avanço inflacionário são: limão (de 104,85% para 121,20%), aluguel residencial (de 0,72% para 0,86%), leite do tipo longa vida (de 2,66% para 3,28%), tomate (de 5,19% para 8,10%) e mamão da Amazônia (de 11,30% para 12,96%). Em sentido inverso, os cinco itens com as maiores quedas de preços são: batata-inglesa (de - 21,39% para -13,66%), alho (de - 10,38% para -11,65%), sardinhafresca (de -10,49% para -15,40%), cebola ( de -10,01% para -8,58%) e pescada-branca (de -11,93% para -12,26%). Khadafi vendeu mais de 20% das reservas de ouro da Líbia Brasília Nos últimos dias, o presidente da Líbia, Muammar Khadafi, vendeu mais de 20% das reservas de ouro do país. A informação foi confirmada pelo presidente do Banco Central líbio, Qassem Azzoz, baseada em dados do final de agosto. Segundo Azzoz, o total dos bens do Banco Central é US$ 115 bilhões, dos quais US$ 90 bilhões estão no exterior. De acordo com antigos colaboradores de Khadafi, com o dinheiro da venda do ouro o líder pretende pagar por segurança. Não há detalhes sobre essa intenção. O cerco ao presidente está cada vez mais fechado, pois a maior parte da Líbia está sob o comando da oposição. Khadafi está desaparecido desde que a opositores ocuparam Trípoli, a capital líbia. Mas na quarta-feira, 7, a voz dele foi transmitida por uma emissora de televisão da síria. Na entrevista, o líder negou que tenha fugido para o Níger e prometeu manter-se em combate. Porém, a mulher de Khadafi e três de seus filhos pediram abrigo na Argélia. Dois dias depois de a família chegar ao país vizinho à Líbia, Aisha, filha de Khadafi, deu à luz o quarto filho uma menina. O governo argelino argumentou que abrigou a família por razões humanitárias. Forças leais a Khadafi atacam posições do governo de transição Forças leais a Muammar Khadafi atacaram nesta quinta-feira, 8, com foguetes e artilharia posições do Conselho Nacional de Transição (CNT) na cidade líbia de Bani Walid, uma das últimas ainda controladas pelo regime. Pelo menos dez explosões atingiram a linha de frente das forças rebeldes, que cercaram a cidade e esperavam ordens para iniciar uma invasão. O porta-voz do conselho, Abdullah Kinshil, disse que os estoques de comida, remédios e gás de cozinha de Bani Walid estão se esgotando. Kinshil informou também que ainda há tempo para as forças leais a Khadafi se renderem. O CNT diz que as tentativas de negociação continuarão até este sábado, 10, quando vence o ultimato dado aos partidários de Khadafi. A lista de cidades líbias ainda controladas por forças leais a Khadafi inclui Jufra, Sabha e Sirte, cidade natal de Khadafi. OCDE diminui previsão de crescimento para países ricos Brasília A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) reavaliou nesta quinta-feira, 8, para baixo as perspectivas de crescimento econômico, indicando uma recuperação desacelerada a partir dos índices referentes aos países que compõem o G7 as maiores economias do mundo. A entidade se refere diretamente aos Estados Unidos, ao Japão, à Alemanha, ao Reino Unido, à França, Itália e ao Canadá. O economista chefe da OCDE, Pier Carlo Padoan, disse que a recuperação econômica desses países demonstra estar paralisada, indicando queda de confiança nos negócios, com ameaça de afetar o comércio mundial e o mercado de trabalho. No entanto, nas economias emergentes a tendência é oposta, de crescimento intenso. Segundo Pardoan, a inflação atingiu o pico nos mercados emergentes, permitindo a flexibilização de políticas econômicas. Ele ressaltou, porém, que os níveis de investimento em vários países da OCDE estão abaixo das médias históricas. É fundamental reconstruir a confiança, disse. Padoan fez a análise durante apresentação do documento mais recente da OCDE denominado Avaliação Econômica. De acordo com o relatório, o G7, exceto o Japão, terá uma taxa anual de crescimento de menos de 1% no segundo semestre de A conclusão do documento se baseou na política fiscal dos Estados Unidos, na crise da dívida de alguns países europeus principalmente a Itália e a França e na ausência de propostas dos governos para estimular o crescimento. Segundo os analistas da OCDE, as indicações são de redução da oferta de mercado de trabalho, demonstrando riscos de aumentar o nível de desemprego de forma generalizada na região do G7. Eles observam, porém, como positiva a iniciativa do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de anunciar hoje o pacote de medidas para estimular a economia e movimentar o mercado de trabalho. Para a OCDE, é fundamental que os bancos centrais busquem reduzir as taxas de juros, indicando possibilidades de recuperação da economia. Também há recomendações para que, paralelamente à iniciativa, sejam adotadas reformas estruturais. A OCDE é uma organização internacional que reúne 34 países apontados como de renda elevada. O Brasil não integra a organização, que existe há 63 anos e tem sede em Paris, na França. Inicialmente, o grupo foi criado com o objetivo de reconstruir a Europa depois da 2ª Guerra Mundial. Em 1961, a organização passou por uma reforma. Banco Central espera redução no preço da gasolina nos próximos meses Brasília - O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) manteve a projeção de 4% para o reajuste no preço da gasolina em Segundo a ata da última reunião do comitê, divulgada nesta quinta-feira, 8, a projeção contempla, ao longo do ano, reversão parcial da elevação de 6,3% ocorrida até julho no preço da gasolina. O Copom também manteve a expectativa de que não haverá reajuste no preço do botijão de gás, em As projeções de reajuste das tarifas de telefonia fixa e eletricidade, este ano, man- tiveram-se em 0,9% e 4,1%, respectivamente. A estimativa de reajuste para os preços administrados por contrato e monitorados em 2011 foi elevada para 5%, ante os 4,9% considerados na reunião de julho. Esse conjunto de preços, de acordo com os dados publicados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), correspondeu a 29% do total do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de julho. Para 2012, a projeção para os preços administrados foi mantida em 4,4%.

4 Jornal O DIA SP Nacional Página 4 São Paulo, sexta-feira, 9 de setembro de 2011 CGU revela prejuízo de R$ 682 mi no Ministério dos Transportes Foto/ Marcello Casal Jr/ABr Mobilizações levam políticos a refletir Cerca de 25 mil pessoas participam nesta quarta-feira, 7, da Marcha Contra a Corrupção, pedindo o fim do voto secreto na Câmara e no Senado e punição de corruptos Brasília Parlamentares da base do governo e da oposição disseram nesta quinta-feira, 8, que a Marcha contra a Corrupção realizada no feriado da Independência na Esplanada dos Ministérios, serve para que governo e Congresso Nacional analisem as mensagens que os participantes pretendem passar aos dois Poderes. Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, cerca de 25 mil pessoas participaram da manifestação, organizada espontaneamente por um dos instrumentos da rede social da internet, o Facebook. O líder do PSDB, Álvaro Dias (PR), disse que o evento demonstrou a força das redes sociais como instrumento de pressão da sociedade sobre a classe política. Há um clima de mudança [de postura] exigida pelas pessoas e creio que o Congresso está na contramão, como na preservação do voto secreto e no caso da cassação de mandato parlamentar, destacou Dias. Um dos fatores que desencadearam a mobilização espontânea foi a absolvição, pelo plenário da Câmara, da deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF). Ela é acusada de ter recebido propina de Durval Barbosa, operador do esquema de corrupção, no Distrito Federal, do governo de José Roberto Arruda, que ficou conhecido como mensalão do DEM. Álvaro Dias ressaltou o fato de os organizadores da marcha já estarem convocando, pela internet, manifestação semelhante para o dia 20 de setembro, na Cinelândia, Rio de Janeiro. O presidente do Democratas (DEM), senador José Agripino Maia (RN), destacou que é importante os manifestantes pressionarem os parlamentares a assinar o requerimento de instalação da comissão parlamen- tar mista de inquérito (CPMI) destinada a investigar atos de corrupção no governo federal. Essa foi uma manifestação clara de amadurecimento político da sociedade. Tudo isso terá consequência se [as pessoas] forçarem os seus parlamentares a assinar a CPI. Essa é a consequência concreta. O deputado e membro da direção nacional do PT, Ricado Berzoni (SP), considera que o fim do voto secreto dos deputados e senadores, nos casos de processos de cassação de mandato, por si só, não resolve o problema da impunidade. Segundo ele, boa parte da solução desse problema, que levou às ruas de Brasília cerca de 25 mil pessoas, está na aprovação da reforma política. Berzoini citou como exemplo a necessidade de se instituir o financiamento público de campanha para dar ao deputado e ao senador mais autonomia no seu mandato parlamentar. É preciso lembrar que existem os corruptos e os corruptores. Na maioria das vezes, as imagens ficam somente restritas a ação dos corruptos e não chegam àqueles que financiaram as campanhas. O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), ressaltou que a manifestação popular é importante para que o governo e o PT se debrucem [sobre o tema] e discutam. Ele destacou que a presidenta Dilma Rousseff tem tomado providências para combater a corrupção. No caso do Congresso, Costa disse que é necessário acabar com culturas fisiológicas e assistencialistas que abrem caminho para a corrupção. Por isso, ele defendeu o fim do voto secreto para cassação de mandato parlamentar. Brasília A Controladoria- Geral da União (CGU) apresentou nesta quinta-feira, 8, as conclusões sobre as auditorias realizadas em contratos no Ministério dos Transportes. O órgão encontrou 66 irregularidades em 17 processos, que somaram R$ 5,1 bilhões, com prejuízo potencial de R$ 682 milhões. No relatório, a CGU sustenta que, tanto no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) quanto na Valec, a estatal do setor ferroviário, raríssimos são os empreendimentos em que não há acréscimos de custos, e que muitos aditivos aproximam-se do limite legal de 25%, o que torna sem efeito os descontos obtidos nas licitações. As investigações começaram no dia 6 de julho, por determinação da presidenta Dilma Rousseff, após as denúncias de desvio de verbas e superfaturamento de contratos na pasta. A crise levou à saída do ministro Alfredo Nascimento e de funcionários do Ministério dos Transportes, do Dnit e da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S/A. A CGU apurou contratos relativos a obras na BR-280, em Santa Catarina; na BR-116, no Rio Grande do Sul; na Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol); no lote 7 da BR-101, em Pernambuco e no contorno de Vitória. O órgão também analisou irregularidades encontradas no Dnit do Espírito Santo e do Rio Grande do Sul, na licitação para estruturação de postos de pesagem veicular e na contratação de empresas terceirizadas Latidos e síndicos René Descartes abre seu livro Discurso do método com a observação de que o bom senso é a coisa mais bem distribuída no mundo, já que todos acreditam que têm em quantidade suficiente. É linda a filosofia, com sua filha dileta a lógica, que ensina a pensar corretamente. A vida em condomínio, com os modismos atuais, a coisa do politicamente correto e as crises de ética e educação, dando a impressão de uma sociedade visivelmente mais egoísta, fica cada vez mais difícil. Cachorrinhos, cadelas e animais exóticos entraram na moda. As justificativas são estranhas. Esta semana foi condenado a 12 anos de prisão um casal americano que tinha uma píton de 3 metros em casa. Não a alimentaram por um mês, ela fugiu e matou o bebê. Por que tinham a cobra? Talvez pelo mesmo modismo de muitos com lagartos, sapos, iguanas, porcos, lesmas etc., tudo animalzinho de estimação. Aí dirão: não dá para comparar com meu púdou! O fato é que ao contrário da lucrativa revista Veja, que vendeu muito, cachorrinho não é gente, continua sendo animal. Muitos querem o cão como gente, mas não há esse antropomorfismo. O velho conceito de incomodar os outros saiu de moda. Mas há condomínios que permitem animais, uma escolha soberana. A situação não se esgota em poder ou não poder ter cachorro. Direito, em uma das melhores definições, é bom senso. É também um conjunto de normas que rege a vida em sociedade, mas o alemão Karl Engisch ensina que é bom senso. Essas duas palavras merecem reflexões técnicas, jurídicas, filosóficas e profundas que não cabem aqui. O bom senso é valorativo e maleável, em direito se diz axiológico. Cada um terá um modo de ver o bom senso. Toda e qualquer norma, seja em estatutos, convenções de condomínio, contratos ou na lei, precisa ser interpretada juridicamente. É isso mesmo. Assim, a leitura de uma norma não fica no plano do achismo, não flutua ao sabor de cada um. A leitura literal, feita pelo homem de bem, simplesmente não vale no direito. Interpretação é uma das áreas mais difíceis nessa ciência. Nada aí é rápido ou simples, fácil ou óbvio. Em interpretação jurídica nada está na cara e basta ler o que está escrito. Não adianta, esse simplismo não se sustenta, ainda que com o fator boa fé imposto pelo novo Código Civil. Na vida em condomínio, vê-se que há prédios com uma gestão bastante aberta e amiga, reina a harmonia e a facilidade, um bom senso democrático prevalece, o síndico não é um sargentão autoritário (perdoem-me sargentos), não é um inimigo público e as pessoas vivem numa boa. Há outros em que praticamente tudo é proibido, o síndico vê complicação em tudo e vive-se um cabo de guerra constante. Muitos moradores escolhem o absenteísmo, não participam de nada porque com este síndico não dá. Aí vêm os cães nos prédios que os aceitam, mas nalguns, paradoxalmente, não podendo andar em áreas comuns. Se o prédio permite, o cachorro pode morar, certo? Cachorro anda, tem pernas, certo? Andar é no chão, ok? Aí, pode cachorro, mas ele não pode andar. Viva Descartes. Tudo bem que cachorro não frequente a piscina, a entrada social ou os tapetes persas do prédio, mas cachorro morar e não poder andar é estranho. Sabe-se que o andar do cachorro expõe o chão a suas urina e fezes; isso é péssimo. Mas ele tem necessidades, afinal é uma vida, produz dejetos por um orifício e um canalzinho próprios. Tudo bem ainda que essas aflições biológicas expelidoras diárias possam ser feitas na rua, bem longe do prédio. Mas aí é a ética do suje-nos-outros, não em mim. Esta ética é feia! Não se deve limpar perfeitamente a rua quando o cão suja? Por que então a crise de o cachorro sujar numa área comum do prédio, atrás, ociosa, se o dono se obriga a limpar perfeitamente? Aí fica exposto um naco da mesma crise: na rua, para os outros pode-e-que-se-dane-asociedade, no meu prédio não. Também, pode se inventar uma norma interna à qual o cachorro só possa transitar no colo do dono. Veja o bom senso óbvio: se o elevador tem tapete e o tapete leva dias para secar, é razoável que o cachorro, ali, transite no colo, ou com cuidado redobrado. Mas se o prédio tem uma área externa, praticamente sem uso e o dono do cão se obriga a limpar, não teria problema. Proibir, sabe-se, é para alguns, uma fonte psicanalítica de poder. Mas voltemos ao cão. Veja a hipótese: o dono de cão que não pôde ficar com ele nessa tal área comum, é assaltado na rua, porque teve que ir à rua pela proibição do prédio em admitir cão andar. Teria o condomínio alguma responsabilidade no assalto? Antes de se rir da hipótese, considerando-a tola, vale à pena saber que este dono poderia, sim, acionar judicialmente o condomínio para no mínimo abrir a discussão. O condomínio gastaria dinheiro com advogado e, neste caso, o cocô teria saído muito mais barato. Adianto que na minha vida solitária e viajante não tenho cachorro e só gosto de animais grandes, o que hoje em dia seria um ato terrorista, em condomínios cheios de fru-frus branquinhos imitando pom-pons, fazendo corretos 18 gramas de fezes e 15 ml de urina. Mas e a área comum? Pode ou não pode? A mania de se querer resolver tudo pelo direito, pelas leis e normas é um primarismo autoritário que juristas pelo Dnit e pela Valec. Também foram encontradas impropriedades na execução de obras delegadas; na contratação de uma empresa para fornecimento de trilhos para as ferrovias Oeste-Leste e Norte-Sul; e na construção da Ferrovia Norte- Sul. O relatório informa que os projetos de engenharia são precários e que essas deficiências contribuem para que a própria União tenha orçamentos de referência superestimados, o que pode facilitar o superfaturamento de obras no futuro. Além do problema da má qualidade dos projetos, há, no Dnit, um grande número de projetos antigos em estoque, que acabam sendo licitados já defasados em relação ao volume médio diário de tráfego, no nível de serviço, às localizações de jazidas e às necessidades de desapropriações, o que, inevitavelmente, conduz à necessidade de aditivos contratuais, diz a CGU, em trecho do relatório. A CGU também informa que as auditorias darão subsídios para sindicâncias e processos disciplinares, que envolvem mais de 30 servidores e ex-dirigentes do Dnit, da Valec e do Ministério dos Transportes. O relatório foi enviado para os órgãos afetados pelas denúncias e também para a Casa Civil, o Ministério Público, Tribunal de Contas da União (TCU), Ministério da Justiça (que encaminhará o documento à Polícia Federal), a Advocacia-Geral da União (AGU) e para a Comissão de Ética Pública da Presidência da República. Apreensões de mercadorias pela Receita batem recorde no 1º semestre Brasília A apreensão de mercadorias pela Receita Federal bateu recorde no primeiro semestre de Segundo números divulgados nesta quinta-feira, 8, o valor das mercadorias confiscadas por irregularidades na importação totalizou R$ 828,89 milhões nos seis primeiros meses do ano, alta de 23,29% em relação ao mesmo período de Desse total, R$ 657,18 milhões correspondem a mercadorias retidas nas alfândegas, com crescimento de 24,5% na comparação com o primeiro semestre do ano passado. O valor apreendido em operações de fiscalização somou R$ 165,4 milhões, aumento de 16,2%. O montante de multas aplicadas nessas operações passou de R$ 35,5 milhões para R$ 55,7 milhões, alta de 56,6%. Em relação aos tipos de mercadorias, as apreensões de munições mais do que quintuplicaram, passando de 2,9 mil unidades para 16,4 mil unidades. Em termos percentuais, o crescimento foi de 455,18%. O segundo maior crescimento ocorreu com as apreensões de medicamentos, que aumentaram 382,92%, de R$ 2,38 milhões para R$ 11,48 milhões. Em terceiro lugar, ficaram bolsas e acessórios, cujas apreensões subiram 237,02%, de R$ 10,2 milhões para R$ 34,38 milhões. O único tipo de produto a registrar queda foram os eletroeletrônicos, cujo valor apreendido caiu de R$ 73,53 milhões para R$ 47,31 milhões, redução de 35,64%. Segundo o subsecretário de Relações Internacionais da Receita Federal, Ernani Checcucci, a queda pode ser decorrente do próprio esforço de fiscalização. Talvez o fenômeno [entrada ilegal de eletroeletrônicos] tenha se reduzido por conta da atuação da Receita. A prova de que a fiscalização está mais atuante é que as apreensões aumentaram em todas as outras linhas. Nos seis primeiros meses do ano, houve 1,2 mil operações de repressão e vigilância da Receita Federal, das quais 369 na faixa de fronteira. O número é 6,7% maior que no mesmo período de As operações de vigilância correspondem às atividades de fiscalização de rotina para evitar a entrada de produtos contrabandeados ou falsificados. As operações de repressão representam as fiscalizações pontuais e planejadas, realizadas com apoio do setor de inteligência da Receita. A fiscalização de empresas que importaram mercadorias com sonegação de tributos também aumentou. Segundo a Receita, o valor das multas e dos impostos em recuperação passou de R$ 2,046 bilhões para R$ 2,945 bilhões, alta de 43,9% em relação ao primeiro semestre de O número de fiscalizações em empresas passou de 485 para 688, crescimento de 41,9%. A Receita também divulgou o balanço da fiscalização de mercadorias suspeitas de entrarem no país com violação das regras de comércio internacional, em vigor desde o fim de junho. Em pouco mais de dois meses, R$ 62,45 milhões em mercadorias passaram para o chamado canal cinza, que envolve inspeção física, retirada de amostras para exames técnicos e verificação das relações entre o fabricante estrangeiro e o importador brasileiro. A mercadoria fica retida por 90 dias, prorrogáveis pelo mesmo período. Segundo Checcucci, a principal irregularidade detectada foi a falsa declaração de origem, verificada em 47,7% das declarações selecionadas. Esse artifício é usado para mascarar a entrada de mercadorias de países punidos com tarifas antidumping, que usam outros países como intermediários para vender para o Brasil. Em segundo lugar, está o uso de falsas empresas como importadoras, responsável por 26,3% das ocorrências. Atualmente, a Receita submete ao canal cinza as importações de têxteis, óculos, brinquedos e calçados, a maior parte da China. Ministério Público do Rio pede prisão de policiais em São Gonçalo Rio de Janeiro O procuradorgeral de Justiça do Rio de Janeiro, Cláudio Lopes, comunicou nesta quinta-feira, 8, em entrevista à imprensa, o pedido de afastamento de 34 policiais militares de São Gonçalo que respondem a processos por crimes graves, como o de formação de quadrilha e alegação de autos de resistência. Desses 34 policiais, 28 tiveram como primeira medida a prisão preventiva. Lopes disse que caberá ao Poder Judiciário decidir se os 28 policiais serão presos ou apenas afastados. Esta é uma medida inédita, que acreditamos ser mais eficaz do que se esses policiais tivessem sido apenas transferidos para outros batalhões. E é uma primeira resposta ao assassinato bárbaro da juíza Patrícia Acioli, acrescentou. A medida se baseia em lei aprovada recentemente (12.403/ 2011), que autoriza o afastamento de servidores públicos envolvidos em processos criminais no exercício de suas funções. Os requerimentos foram entregues ontem, às 10h, ao juiz da 4ª Vara Criminal de São Gonçalo, onde trabalhava a juíza Patrícia. De acordo com o promotor Paulo Roberto Mello Cunha, que trabalhava com a juíza e também vinha recebendo ameaças de morte, a lista entregue ontem é parcial. Tivemos vista de cerca de 60% dos processos envolvendo policiais militares. A maioria deles está no 7º Batalhão, disse Paulo Roberto, um dos sete promotores que estão atuando na 4ª Vara Criminal de São Gonçalo. Ele explicou que os 28 requerimentos foram fundamentados em pedidos de prisão feitos pelo Ministério Público em que não houve decisão do juiz e em casos em que a conduta do réu o caracterizava como um risco à ordem pública. seniores apontam sabiamente. O famoso jurista italiano, Trocker ensina: Não mais direitos de liberdade na medida das leis, mas leis na medida dos direitos de liberdade. Se podem cachorros, podem. Questiúnculas condominiais deveriam ser discutidas com isenção, objetividade, equilíbrio e sabedoria, esta ultima categoria que Cícero considerou como única acima da amizade. Insira-se amizade aí também, afinal todos moram num mesmo prédio. Um síndico inteligente comporá, será acessível, distribuirá simpatia; um síndico remunerado então deve ser duplamente simpático. O homem da minha vida, Eugênio, pai amado, foi por 9 anos o chato do prédio onde mora, reeleito 8 vezes seguidas síndico e nunca ganhou um tostão por isso. Ele cuidava para fazer uma gestão com base na amizade e carinho. Isso é sabedoria. Uma das chaves do sucesso de um bom viver num condomínio está na sinergia do síndico e na simpatia com que recebe as propostas, na inteligência de tocar a gestão. O livro O poder da gentileza, de Linda Thaler e Robin Koval, que adoto em aulas de negociação na FGV, deveria ser a bíblia do síndico. Um síndico maravilhoso se reelege (não é pai?), resolve as coisas com firmeza, mas com delicadeza e lógica. Escuta e ausculta os moradores e pessoas que podem contribuir. Um síndico ruim vive cabos de guerra. Por fim, parafraseando Vandré, para não dizer que não falei dos cachorros, o que vale na questão dos cães? O que se vê em decisões judiciais nada mais é que bom senso e educação, mas é estúpido ocupar juízes com essas questões. Num condomínio a democracia que deve ser conduzida com inteligência e sensibilidade. Prédios têm vocações. Há prédios jovens, há outros só de idosos. Há mistos e com áreas próprias para muitas atividades. Mas também sabe-se que há síndicos harmoniosos e síndicos carrancudos. A vida está precisando de mais entrosamento, carinho, olho no olho, e muito mais amor. Uma alma assim é valiosa e terá a sabedoria de compor, negociar, em todos os casos, que nunca chegarão a se transformar num problema. Sorte e sabedoria para todos os síndicos, e felicidade para os donos de cães. Jean Menezes de Aguiar escreve semanalmente no O DIA SP. É advogado e professor de Direito e Metodologia Científica na FGV (MBA e Mestrado) e na faculdade Castelo Branco, ES. É da Academia Brasileira de Arte, Cultura e História; membro da Cecore - comissão da OAB-SP; foi do serviço público federal; e- mail:

5 Página 10 GT1 Jornal O DIA SP Esporte São Paulo, sexta-feira, 9 de setembro de 2011 Enrique Bernoldi espera melhor resultado na capital chinesa Categoria realiza penúltima rodada dupla do ano com direito à corrida de exibição nas ruas de Pequim, entre o Ninho do Pássaro e o Cubo d Água, principais ícones dos Jogos Olímpicos de 2008 Categoria fará também uma corrida de exibição nas ruas do Parque Olímpico Foto/ DPPI O Campeonato Mundial de GT1 encerra sua turnê pela China neste final de semana. Depois da oitava etapa, realizada no último dia 04, no circuito de Ordos, a categoria se deslocou por quase 800 quilômetros até a capital Pequim para a realização da nona e penúltima corrida da temporada, no traçado de Goldenport. A prova substitui Curitiba no calendário, já que a rodada dupla marcada para o Brasil teve de ser cancelada. É uma pena, porque era uma das etapas mais esperadas por mim no ano. Correr em casa, especialmente na minha cidade natal seria muito bacana, principalmente pelo fato de ser uma prova do Campeonato Mundial, destacou Enrique Bernoldi, que no ano passado venceu em Interlagos a bordo do Maserati MC12. O circuito que recebe a penúltima rodada dupla do campeonato tem 3,3 quilômetros de extensão e é considerado pelos pilotos como sendo de baixa velocidade. Não é um circuito que normalmente receberia uma categoria como a GT1, que tem carros velozes. Mas corremos em muitas pistas travadas neste ano, então estamos mais acostumados, apontou. Não tivemos um final de semana perfeito em Ordos, então vamos trabalhar duro para virar o jogo agora em Pequim e conquistar um bom resultado, disse. As atividades de pista estão marcadas para esta sexta, 09, e sábado, 10 no horário local. Para o domingo, 11, está marcada uma corrida de exibição em um circuito urbano montado entre os estádios Ninho do Pássaro e Cubo d Água, principais palcos dos Jogos Olímpicos da capital chinesa em A prova, no entanto, não valerá pontos para o campeonato. Reinaldo Varela vai atrás da 100ª vitória em Jaguariúna Varela e Bampi já venceram três das quatro etapas disputadas e estão na liderança do certame Depois de vencerem consecutivamente as três últimas das quatro etapas disputadas, o paulista Reinaldo Varela (Blindarte/Divino Fogão/Itamotors/Temp Clean) e seu navegador, o paranaense Eduardo Bampi, vão para o interior de São Paulo, no município de Jaguariúna, disputar neste sábado a quinta etapa da Mitsubishi Cup, dispostos a manter a liderança do certame. E esta prova poderá ser a mais marcante na vida do piloto. Afinal, ele poderá alcançar a sua vitória nº 100 no automobilismo. Estou ainda mais motivado para esta etapa, pois já tenho 99 vitórias no automobilismo e posso fazer história no rali. Vamos fazer o chão tremer na terra do rodeio, brincou Reinaldo Varela. Precisamos entrar com tudo nesta etapa e acelerar forte para mantermos a ponta da tabela, o que não será fácil, já que nossos concorrentes são muito fortes. Mas vamos tentar ajudar o Varela a comemorar mais uma conquista na bela carreira dele, emendou Bampi, referindo-se ao fato do piloto estar participando de sua 301ª corrida. As três provas no circuito mais longo do ano, com cerca de 31 km de extensão, serão realizadas na Fazenda Meia Lua, em Jaguariúna, com excelente estrutura montada pela Mitsubishi para os concorrentes (lounge) e público (arquibancadas). As duplas terão de enfrentar um piso duro, mas com muito cascalho, alguns trechos de areia e bastante poeira fina, característicos da região. Será uma das provas mais rápidas do ano, com grandes retas, curvas negativas, algumas valas nas áreas de escape e será a etapa mais técnica da temporada. Além disso, o fato da cana-de-açúcar ter sido colhida na fazenda há pouco tempo proporcionará aos pilotos uma grande visibilidade do traçado, o que aumenta a velocidade média da prova. Novamente vamos com o máximo de atenção. Os trechos são difíceis e não se pode errar, ainda mais nessa altura do campeonato. Vamos fazer a prova buscando novamente a vitória, para tentar abrir distância na tabela, explica o piloto, apoiado por Blindarte/Divino Fogão/Itamotors/Temp Clean. A experiência e garra de Reinaldo Varela e Eduardo Bampi estão ditando o ritmo da Mitsubishi Cup. Afinal, a dupla venceu as três últimas etapas (Londrina/ PR, Mafra/SC e Poços de Caldas/ MG) na L200 Triton RS, a princi- Eduardo Bampi e Reinaldo Varela querem manter liderança pal e mais veloz categoria do certame monomarca de rally off-road. Estou extremamente contente com o nosso desempenho. O trabalho está dando certo. Não podemos perder o foco, queremos chegar na final e levar o título, completou Varela, que também lidera o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e poderá sagrar-se hexacampeão brasileiro. Seletiva de Kart Petrobrás será neste final de semana em Recife Duas vagas para a final estarão em jogo na capital do Pernambuco Nos dias 10 e 11 de setembro, no Recife, em Pernambuco, no Kartódromo Tamboril, será realizada a quinta classificatória da Seletiva de Kart Petrobras em Das quatro vagas para a final que restam duas serão definidas neste fim de semana. Serão dois dias de atividades, com treinos, classificação e prova classificatória no sábado e tomada de tempo e corrida final no domingo com os dois primeiros colocados ganhando o direito de entrar para a disputa dos R$ 110 mil em Registro (SP), em novembro. Com 17 anos, Jonathan Louis, campeão da Seletiva de Kart Petrobras em 2009, e terceiro ano passado, espera finalmente deixar os contratempos de lado e conquistar a vaga para a final deste ano. Realmente a classificação para a final está mais difícil do que eu imaginava. Vim Jonathan Louis Foto/ Haroldo Nogueira batendo na trave em algumas classificatórias, mas espero que agora seja diferente. Já estou no Recife e me preparando para a etapa. Eu sei que não será fácil, já que teremos vários pilotos bons competindo, o calor é muito forte e a pista abrasiva, o que complica na hora de acertar o kart, mas vim para o Recife em busca desta vaga e não pretendo deixar esta oportunidade passar. Caso não consiga, vou para a Granja Viana em busca da vaga, encerra De volta ao Recife depois de cinco anos, Binho Carcasci, promotor da Seletiva de Kart Petrobras, fala sobre a importância desta etapa. Nós só havíamos feito uma corrida no Recife antes da Seletiva, e foi muito bom. Porém como nós queremos visitar sempre praças diferentes acabou que só tivemos a oportunidade de voltar agora. Estamos mais uma vez no nordeste do Brasil fazendo nosso trabalho de fomento ao automobilismo de base, apoiando os pilotos e campeonatos locais. Teremos, também, competidores de outros estados, já que é muito importante darmos este espaço para que os kartistas de diferentes regiões do Brasil possam tentar se classificar para a final, encerra. Pinheiros/SKY chega à 3ª vitória consecutiva no Paulista Masculino de Basquete O Pinheiros/SKY ratificou a boa fase que vive no Campeonato Paulista Masculino de Basquete ao vencer o XV/Raizen/Bom Peixe/Unimed/Selam por 83 a 80 (43 a 34), em Piracicaba (SP). Foi a terceira vitória consecutiva - a quinta em oito jogos - da equipe da capital paulista, que se aproximou ainda mais dos líderes do grupo B da competição. O pivô Olivinha se destacou ao ser o cestinha do confronto, com 25 pontos, além de pegar cinco rebotes. O ala Shamell também teve uma boa atuação (17 pontos e cinco rebotes), assim como o armador Figueroa, com dez assistências, o melhor do jogo neste fundamento. Jogando fora de casa, o Pinheiros/SKY se impôs desde o primeiro momento e fechou o período inicial da partida com uma vantagem significante - 24 a 17. No segundo quarto, o time pinheirense aumentou ainda mais a diferença, colocando nove pontos sobre o rival. Na volta do intervalo, os mandantes vieram mais ligados e passaram a dificultar o trabalho do Pinheiros/SKY. Nos dois Foto/ Flávio Quick últimos quartos do duelo, o time de Piracicaba pressionou e diminuiu a diferença no placar, mas não conseguiu impedir mais uma vitória pinheirense no campeonato estadual. Buscando aumentar a série de vitórias e a liderança do grupo B, o Pinheiros/SKY voltará a jogar neste sábado, 10, para pegar a Liga Sorocabana de Basquete, no ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo (SP), às 18h00. Olivinha foi o grande destaque do Pinheiros/SKY, sendo o cestinha da partida Foto/ João Pires Foto/ Renato Boulos Oscar Galindez briga por título mundial no Ironman 70.3 em Las Vegas No estilo de prova que mais gosta, o argentino radicado em Santos, Oscar Galindez, da equipe Tremendão, disputa um de seus principais objetivos do ano neste domingo, 11, no Mundial de Ironman 70.3, em Las Vegas (EUA). Vice-campeão mundial em 2007 e quarto em 2008, ambas em Clearwater, Flórida, ele compe- Foto/ Luis Pires te animado no novo local. É um circuito muito interessante, de muitas subidas e muito calor, tipo clima desértico. Eu aprovei a mudança desde o começo, mesmo porque em Clearwater o vácuo era impressionante e foi um dos motivos porque deixei de competir em 2010 na Flórida. Las Vegas será diferente, sobretudo no pedal, conta o triatleta patrocinado por Olympikus, OG Design, Oakley, Santaconstancia, 11afondo, Aqua Sphere, Volvo, Autostar, Profile Design, Zipp e Tremendão. Melhor para quem realmente sabe pedalar, comenta com a propriedade de quem é um dos melhores pedais do mundo no triathlon. A natação será num lago, com poucas ondas, e corrida um pouco mais plana. Vamos dizer que é uma prova quase 100% o meu perfil, destaca. A prova terá 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21.1 km de corrida. Eu queria muito chegar em ótimas condições físicas, mas peguei uma gripe com febre e não treinei por alguns dias, mas assim mesmo vou dar o melhor, revela Galindez. O Mundial em Las Vegas será a primeira prova da WTC (World Triathlon Corporation), entidade que comanda as pro- Conseguir um bom resultado e manter a liderança. Este é o objetivo de Hozunomê Bettero na segunda etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2011, que será realizada sábado e domingo, na praia das Pitangueiras, no Guarujá (SP). Vencedor da etapa de abertura, disputada em maio, na praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP), o ubatubense tenta o bicampeonato estadual, já que foi o melhor surfista de São Paulo em Hizu, como é chamado pelos amigos, disse que gosta de surfar nas ondas da Pitangueiras, um local onda compete desde os tempos de amadorismo. Desde moleque, eu surfo lá e costumo obter bons resultados. Espero que consiga um bom desempenho novamente e me mantenha, no mínimo, entre os mais bem posicionados no ranking. Mas, claro, o objetivo é o primeiro lugar, ressaltou. Um total de 99 atletas, de oito estados, se inscreveu nesta segunda etapa, segundo a Federação Paulista de Surf (FPS), organizadora da competição. Além de São Paulo, serão representados Bahia, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba. Nomes de peso do surfe nacional reservaram vaga entre eles Jihad Khodr (PR), Leandro Bastos (RJ), Raphael Becker (SC), Ulisses Meira (PB), Victor Ribas (RJ), Marco Fernandez (BA), John Max (RN) e Jean da Silva (SC), o melhor surfista pro- Oscar Galindez no Troféu Brasil USP 2011 vas de Ironman, onde só poderão competir os 50 primeiros triatletas profissionais classificados no novo ranking 70.3 PR (pro ranking). Serei o único triatleta profissional representante entre os paises da Argentina e Brasil. O Circuito começou no Ironman 70.3 Miami, dia 30 de outubro de 2010, onde fui terceiro colocado. Depois fui terceiro no 70.3 Pucon, no Chile, e oitavo no 70.3 San Juan, em Porto Rico, relata Galindez. Com 25 anos de carreira e uma coleção de títulos, inclusive duas medalhas em Jogos Pan-Americanos, o tri no Ironman Brasil, e o mundial de duathlon, em 1995, Galindez já tem agendadas mais duas competições no exterior, o Ironman 70.3 Miami (EUA), dia 30 de outubro, e o Ironman Cozumel (México) dia 27 de novembro. Para saber tudo sobre a carreira de Oscar Galindez, há o site oficial Hizunomê Bettero quer nova vitória no Maresia Paulista de Surf Pro 2011 Hizunomê Bettero fissional do Brasil em O Maresia Paulista de Surf Pro 2011 tem premiação total superior a R$ 100 mil. A cada etapa são R$ 30 mil para serem distribuídos aos melhores colocados e mais R$ 1 mil para o vencedor da Overboard Expression Session. O campeão paulista receberá da Tent Beach uma motocicleta 0Km e o primeiro colocado do circuito ganhará da Nias Tour uma viagem (passagem aérea e hospedagem) para El Salvador. O público que acompanhar o evento na praia ou pela transmissão ao vivo pela Internet nos sites e/ou também será premiado a cada etapa com duas pranchas oferecidas pela marca Wave Star, produzidas pelo renomado shaper Reco. A segunda etapa do Maresia Paulista de Surf Pro tem o patrocínio exclusivo da marca de moda surf genuinamente brasileira Maresia, tendo como parceiros as redes de lojas Overboard e Tent Beach, a agência de viagens Nias Tour e a marca de pranchas Wave Star. O apoio é da Federação Paulista de Surf, Governo do Estado de São Paulo - junto a Secretária da Juventude, Esporte e Lazer -, Sun Rocha, Ilha do Mel Surf Shop, Zona Neutra, Akaloko, Prefeitura do Guarujá e Associação de Surf do Guarujá (ASG). A divulgação oficial é da Rádio Metropolitana - 98,5 FM, revista Fluir e portal Waves.

6 Nacionais Autoshow VW lança o Space Cross Pág.2 Importados Xperience Avaliamos o chinês JAC J3 Pág.4 Jornal O DIA SP São Paulo, Sexta-feira 9 a 15 de Setembro de 2011 Ano III - Edição 132 autojornalodia.blogspot.com Auto Blog Alta de estoques paralisa montadoras ustamente quando o Brasil Jretoma a quarta posição no ranking mundial de venda de veículos, com resultados acumulados em alta e de agosto ter sido o quarto melhor mês da história de vendas no país, a indústria automobilística vai reduzir o ritmo de produção em setembro. Montadoras como Ford, Volkswagen, General Motors e Fiat paralisam parcialmente a produção para ajustar o nível do estoque de seus modelos, que está acima da média. A indústria automotiva teve um forte ritmo de produção no primeiro semestre, em que montadoras abriram turnos extras para dar conta da demanda de veículos no Brasil. A euforia inicial foi tão grande que muitos apostavam que o crescimento anual das vendas seria maior do que a estimativa de 5% da ANFAVEA - Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores. O novo recorde em 2011 deverá ficar em 3,69 milhões de unidades. Como agosto é o mês com mais dias úteis, o tamanho do estoque em número de dias foi de 37. E o volume total de veículos parados nos pátios das montadoras e concessionários aumentou para 386 mil. Foi por isso, portanto, que o setor entrou em estado de atenção. O desaquecimento nas vendas do setor automotivo deu-se em função das medidas de restrição ao crédito e ao consumo - como forma de controle da inflação -, e também em razão das negociações entre o setor automotivo e o Governo Federal sobre a redução do IPI - Imposto sobre Produtos Industrializados. Muitos frotistas suspenderam as compras, aguardando o resultado das medidas e negociações. As montadoras têm dificuldade em tornarem públicas as ações que serão tomadas para diminuir a velocidade das linhas de montagem. Não confirmam que as eventuais paralisações temporárias, mascaradas por meio de feriado prolongado, redução do número de horas extras aos sábados, ajustes e manutenção de maquinários da linha de montagem e até mini-férias coletivas, sejam resultado da desaceleração nas vendas, apesar de admitirem que estas práticas ajudem a promover um ajuste nos estoques. Ao mesmo tempo, o financiamento para compra de veículos (Crédito Direto ao Consumidor - CDC), que segue na preferência do consumidor para alavancar as vendas de veículos, está crescendo em menor volume e com maior inadimplência. A redução do ritmo de crescimento é resultado do impacto das medidas do governo para conter o crédito destinado ao consumo. Nesse panorama, alguns bancos resolveram acionar o sinal amarelo e estão bem mais rígidos na hora da análise do crédito. E a alta da taxa Selic para conter a inflação contribuiu para aumentar a inadimplência. O prazo do crédito praticado no ano passado chegava até 72 meses, enquanto que agora os planos de financiamento fecharam com a média de 43 meses, sendo que o prazo máximo oferecido no primeiro semestre permaneceu em 60 meses. No entanto, com a queda da taxa básica de juros, anunciada pelo Banco Central, o setor deve ter um pouco de fôlego brevemente e ai as vendas se normalizarão e na esteira a produção e os estoques entrarão em equilíbrio. Importados Motorizadas A João Alberto Otazú Recall dos Volvo S60 e do S80 Volvo convocou 69 unidades dos modelos S80 e S60 para recall devido a um problema na caixa de direção. São 22 unidades do S80 ano/modelo 2007 e 47 de S60 ano/modelo Foi detectado risco de vazamento nos conectores do tubo de pressão do sistema da caixa de direção. Por esta razão a linha de pressão hidráulica deverá substituída. O vazamento poderá causar ruído e dificultar o controle do veículo. O atendimento deve ser feito em um distribuidor Volvo ou pela Central de Atendimento, no telefone VEJA OS CHASSIS DAS UNIDADES ENVOLVIDAS S : YV1AS a YV1AS S : YV1FS485BB a YV1FS485BB Importados Xperience Classe, com um toque de esportividade Mercedes-Benz C250 CGI Sport mostra que tem classe, estilo e também bom desempenho S Alexandre Akashi em dúvidas, um automóvel Mercedes-Benz é sinônimo de classe e estilo. Ainda quando era leigo em relação a carros, e não havia tantas opções de marcas disponíveis no mercado, um amigo dizia: Importado de luxo bom é Mercedes-Benz. Ele estava certo. Mas de lá para cá, a marca patinou um pouco, deixou a concorrência ganhar espaço e agora tenta retomar as rédeas do mercado com uma nova gama de produtos que têm tudo para dar certo, de novo. Entre eles está o modelo C-250 CGI Sport 1.8l 16v automático, que o Auto Jornal avaliou por uma semana. Antes de tudo, é preciso dizer que se trata de uma Mercedes. Porém, deslumbramentos à parte, o sedan compacto da marca da estrela de três pontas ainda tem bastante o que evoluir. Vale lembrar que da série C, o 250 é o topo de linha dos sedans quatro-cilindros (antes dele há o 180 e o 200 com pequenas dife- renças de acabamento, quantidade de equipamentos e ajuste das curvas de potência e torque do motor) e, por isso, já deveria ter abolido o acionamento no pé do freio de estacionamento por um elétrico, tal como encontramos em veículos como o Peugeot 3008, por exemplo. Além de fora de moda (até mesmo as picapes têm deixado este sistema de lado), apresenta certo perigo, por conta da localização do pedal. Em caso de colisão frontal, o risco de bater a perna é grande, o que pode machucar o motorista. Outro detalhe que chamou atenção é a alavanca de acionamento do piloto automático do lado esquerdo superior da coluna de direção. Por várias vezes foi confundida com a alavanca de chave de seta, que está localizada mais abaixo no mesmo lado. Também chamou atenção o sistema de áudio por ser um pouco complexo de operar, mas este é o custo da sofisticação, tal como a posição da alavanca do piloto automático. Ambos são característicos dos Mercedes-Benz. Quem tem um, está acostumado, e dificilmente troca por outro. Assim, não cabem críticas a estes componentes, tal como o pedal de acionamento do freio de estacionamento, mas, sim, observações. PERFORMANCE O C-250 rende 204 cv de potência máxima a rpm, e torque máximo de 310 Nm na faixa entre a rpm, que leva o sedan a 240 km/h de velocidade final e acelera de 0 a 100 km/h em 7,2 segundos. Números surpreendentes para um quatro-cilindros de 1.8l 16v. São 113,33 cv por litro, algo raro de se ver em carros de série, até mesmo em veículos Premium (o Audi A4 tem 211 cv, mas com motor 2.0l, e o BMW Série 3, 156 cv, também com motor 2.0l). Isso explica por que o C250 CGI acelera tão bem. Este é um dos pontos fortes do carro, que apresenta excelente câmbio automático de sete velocidades, com opção de trocas sequenciais por borboletas atrás do volante. O bom conjunto de powertrain é ajudado pela suspensão QUADRO DE NOTAS Acabamento...9 Espaço interno...7 Posição de dirigir...9 Visibilidade...6 Equipamentos...9 Ruídos...7 Motor...10 Transmissão...9 Velocidade...9 Aceleração...9 Retomada...9 Direção...9 Freios...9 Comportamento...9 Suspensão...9 Conforto...9 Tecnologia...9 Consumo...7 Porta-malas...7 firme, um pouco dura demais para as ruas esburacadas da cidade, mas que eleva o prazer de dirigir quando a pista é lisa. As rodas de 17 polegadas com design AMG chamam atenção e são calçadas por pneus 225/45 na dianteira e 245/40 na traseira. DESIGN Este é um dos pontos fortes do novo C-250 CGI, e também fraco. A explicação é simples: o design é moderno, agressivo, chamativo, transmite classe, sofisticação, arrojo e muito bom gosto. Por onde passa, pescoços se contorcem para admirar o carro, com a frente avantajada e grade frontal com cara de mau, caracterizada pelo conjunto ótico de expressão forte. Mas o ponto fraco dele é que os demais modelos da série, que apesar de serem Mercedes são inferiores ao 250, também apresentam os mesmos detalhes. Faltou um toque de exclusividade ao modelo. Mas, quem sempre foi sonho de consumo, nunca perde o posto. Fotos Marcelo Povreslo/Auto Jornal

7 2 Nacionais Auto Show VW lança versão aventureira da SpaceFox Batizada de Space Cross, o modelo tem suspensão 33/35 mm mais alta (dianteira/traseira) que o irmão urbano e visual sem exageros Disponível em versão única, tem opção de câmbio manual ou imotion P Alexandre Akashi ara concorrer com o Fiat Weekend Adventure e o Peugeot 207 Escapade, a Volkswagen acaba de lançar o Space Cross, versão aventureira do SpaceFox, em moldes similares ao que já fez com Gol, Fox e Saveiro. Porém, na perua compacta, adotou um visual mais clean. Tanto que à primeira vista percebe-se poucas mudanças de impacto. Claro que os apliques plásticos chamam atenção, mas sem exageros. Nada de estepe do lado de fora na tampa do porta-malas, nem paralamas e parachoques espalhafatosos. Bom para quem não quer chamar tanta atenção. Mas é mais alta, 33 mm na dianteira e 35 mm na traseira do que o irmão urbano, e segundo a Volkswagen, foram feitas alterações na geometria, nas Fotos Maurício Ercolin/Divulgação mangas de eixo e na calibração da suspensão. Os pneus também são diferentes: 205/55 R15, em vez de 195/55 R15. Outra alteração em relação ao SpaceFox é nas bitolas, que cresceram 33 mm na dianteira e 23 mm na traseira, e ficaram com mm e mm, respectivamente. Os discos de freios dianteiros são maiores também, com 280 mm (24 mm maiores). CONFORTO O Space Cross chega com um pacote de itens tecnológicos interessante, com computador de bordo com sete funções, espelho retrovisor interno ele- trocrômico, faróis com acendimento automático e função coming & leaving home, sensor de chuva, retrovisor externo com função tilt down e sensor de estacionamento traseiro. Traz ainda, de série, conjunto elétrico, ar-condicionado e direção hidráulica, airbags dianteiros e freios ABS. Por dentro, não há nada de inovador. As boas ideias foram mantidas, como o banco traseiro com regulagem longitudinal, que permite aumentar a capacidade do porta-malas de 430 litros a 527 litros. De exclusivo, o modelo traz pedaleira com acabamento de alumínio e soleiras internas com o logotipo Space Cross. Os bancos são revestidos de tecido Malharia Sound preto e a manopla da alavanca do câmbio tem a inscrição Cross. Como opcional, é oferecido bancos com revestimento de couro. XPERIENCE O modelo chega com o já conhecido motor 1.6l 8V flex que rende 104 cv quando abastecido com etanol e 101 cv com gasolina a rpm, e torque máximo de 15,6/15,5 kgfm a rpm (etanol/gasolina), que pode ser acoplado a caixa manual de cinco velocidades (R$ ), ou automatizada imotion (R$ ). Nada muito empolgante, mas compatível com o modelo. A experiência de rodar em modelos aventureiros sempre exige maior cautela, por conta da tendência de perder estabilidade por causa da suspensão elevada, alinhado ao maior peso, mas com o Space Cross isso não ocorreu. As alterações feitas pela engenharia, com aumento da bitola e regulagem de molas e amortecedores se mostraram adequadas. A posição de dirigir também é confortável e segue a linha do SpaceFox. Nem de longe lembra os antigos Fox que tinham como diferencial o banco mais alto do que os demais veículos da marca. FICHA TÉCNICA Modelo: VW Space Cross Preço: R$ e R$ Motor: 1.6l, 8 válvulas flex Potência: 104/101 cv a rpm (etanol/gasolina) Torque: 15,6/15,5 kgfm a rpm (etanol/gasolina) Câmbio: manual de 5 velocidades + ré ou automatizado imotion de 5 velocidades + ré Comprimento: mm Porta-malas: 430 litros Auto Emporium H-Buster lança novo modelo de DVD player automotivo Foto H-Buster/Divulgação A H-Buster lança no mercado o HBD-9510, novo modelo de DVD player automotivo. Com monitor TFT- LCD de 7 retrátil integrado touch screen, com ajuste de inclinação da tela, o o acessó- Aparelho possui tela de 7 polegadas rio traz entradas USB frontal, AUX. P2 para ipod/mp3 e outros aparelhos de áudio. O produto possui controle remoto e entradas de vídeo que permitem a instalação de câmeras de ré, além de entrada auxiliar RCA de áudio e vídeo traseiras. O HBD-9510 possui também uma saída para Subwoofer, quatro saídas préamplificadas de áudio estéreo e saída RCA de vídeo. Eros tem dois novos modelos de subwoofers R esistência a grandes cargas de potência mantendo a qualidade do som com alto desempenho são os diferenciais dos novos subwoofers Target Bass 4.5k, lançados pela Eros Alto-Falantes. Os produtos chegam ao mercado nas versões de 15 e 18 polegadas e são direcionados para projetos Expediente Publicação de Mastermidia Marketing Ltda Sob licença de Editora Pimbuca Ltda Diretor e Editor Executivo: J. A. Otazú Editor: Alexandre Akashi Reporter: Rafael Casado Fotógrafo: Marcelo Povreslo Arte: José de Arimatéia de sonorização nos mercados automotivo e profissional. Os alto-falantes são desenvolvidos para a reprodução de subgraves com alta pressão sonora, possuem grande resistência mecânica do conjunto móvel e suportam até W rms, em 4 ou 8 Ohms. Mais informações podem ser obtidas no site Blog: Tel: / Nextel: ID: 80*16722 Auto Jornal é uma publicação independente dentro do jornal O Dia SP. As idéias e conceitos emitidos em artigos assinados não representam necessariamente a opinião deste órgão, sendo de exclusiva responsabilidade dos autores. O conteúdo editorial é de responsabilidade de Mastermidia Marketing Ltda. Vedado o uso e cópia para qualquer fim sem sua expressa autorização. Foto Eros/Divulgação

8 4 São Paulo, Sexta-feira 9 a 15 de Setembro de 2011 Importados Xperience Incomparável J3 Com ótimo preço, hatch da montadora chinesa se destaca pelos itens de série Auto Ajuda Atenção com a visibilidade Fotos Patrícia Herbetta Foto Bosch/Divulgação H Rafael Casado oje em dia, com tantas opções no mercado é difícil andar num carro que chame atenção, a não ser que esteja a bordo de um esportivo ou um sedan de luxo. Pois bem, o J3 da montadora JAC Motors arranca olhares e opiniões por onde passa, aguçando a curiosidade daqueles que vêem no comercial um carro completo, bonito e com um preço acessível. O fato é que o modelo veio para entrar na briga dos hatches. E sabem o que temos a dizer sobre isso? Que comece a luta. Rodamos pelas ruas de São Paulo com o hatch da montadora chinesa. Com olhar clínico e crítico, gostamos do carro que estava em nossas mãos. Claro que a JAC Motors foi ousada em abrir num único dia 45 concessionárias e vender um modelo que era apresentado pelo Faustão nos comerciais da TV, como incomparável. O J3 veio para incrementar ainda mais o setor automotivo em nosso país, e com os itens de série ligados ao preço de R$ , é com certeza um bom investimento. Para se adequar ao gostinho brasileiro, os chineses tiveram que modificar 242 itens dos modelos que vieram ao nosso país. Do câmbio à tampa do bocal do tanque de combustível, passando pelo ar-condicionado e pneus. O J3 vendido por aqui, é bem diferente e melhor do modelo comercializado na China. Tanto que passaram a oferecer o modelo brasileiro por lá, com o sugestivo nome de J3 Samba, com um incremento de 5% sobre o valor básico. A versão brasileira se diferencia do chinês pelo acabamento mais esmerado, com Motor desenvolve 108 cv forração cinza e preta, no lugar do bege, mais itens cromados, painel com desenho diferente e com iluminação usando azul, ao invés do laranja, por ter bancos com forração em veludo, arcondicionado com maior carga de gás, rodas aro 15 (o padrão lá é 14), limpador de para-brisas fortalecido e mais eficiente, borrachas das portas reforçadas para vedar entrada de pó e fazer menos barulho, coisa que os 20kg a mais de isolamento acústico também ajuda. O modelo trás motor 1.4 com bloco de alumínio e comando das válvulas de admissão variável, que desenvolve 108 cv de potência, 5% a mais de potência do que na China. O torque máximo de 14 kgfm aparece aos rpm. A suspensão traseira independente, do tipo Dual Link, é coisa de carro mais caro. É mais firme do que o modelo chinês, mas ainda tem a traseira muito mole, que dá sustos em curvas mais fechadas. A farta lista de equipamentos impressiona ainda mais pelo preço oferecido. De série o carro trás direção hidráulica, vidros elétricos, airbags frontais, ajuste do banco em altura, cd player com USB, faróis de neblina, freios ABS e travas elétricas. Com todas essas armas, os rivais Gol, Palio e Uno que apresentem seus escudos ou armas mais potentes. O consumidor agradece esta luta. Foto Kawasaki/Divulgação M anter as palhetas do limpador de parabrisas em ordem é uma obrigação, mas nem t odos os motoristas se lembram deste detalhe, e só percebem que esqueceram quando é tarde demais, ou seja, quando começa a chover. Apesar de toda tecnologia que as montadoras e indústria de autopeças disponibilizam o componente principal das palhetas ainda é a borracha, que se danifica pela constante exposição às mudanças climáticas. De acordo com o chefe de Assistência Técnica da divisão Automotive Aftermarket da Bosch, Daniel Lovizaro, o tempo seco, em conjunto com a maior incidência de raios UV presentes na atmosfera, afeta a composição da borracha diminuindo a vida útil da peça. A Bosch é uma das fabricantes deste componente, assim como Valeo, Dyna, Trico, entre outros. Assim, de tempos em tempos elas ressecam e devem ser substituídas. Lovizaro recomenda a troca das palhetas pelo menos uma vez por ano ou sempre que forem observados a formação de faixas e riscos, ruído ou trepidação, névoa ou falhas na limpeza no parabrisas, ou quando a lâmina de borracha estiver quebradiça, torta ou rasgada. SISTEMA Além das palhetas, outros componentes do sistema de limpeza do parabrisas merecem atenção, como o motor do limpador, que deve ser verificado a cada troca. Lovizaro recomenda Moto & Jet Motorizadas também checar se o esguichador está desobstruído e posicionado corretamente. Outro item do sistema que necessita revisão é o braço do limpador, que pode entortar ou ficar desalinhado, principalmente quando o carro passa por lavagem em máquinas automáticas (procedimento altamente não recomendável, pois além de tudo as chances de riscar a pintura são grandes), o que resulta em perda de eficiência na limpeza do parabrisa. Uma dica é aproveitar cada vez que o carro é lavado para limpar as lâminas das palhetas. Porém, este procedimento deve ser realizado apenas com um pano umedecido em água, e esquecer o uso de qualquer produto químico. CRISTALIZAÇÃO Uma alternativa para dias de chuvas é a cristalização do parabrisas. Empresas como Isotech, Wurth e Saint-Gobain disponibilizam no mercado produtos de fácil aplicação, que pode ser feita pelo próprio dono do carro, ou em uma oficina de confiança. A aplicação é simples: basta limpar bem o parabrisa com um pano, aguardar secar, aplicar o produto, espalhar, esperar cinco a dez minutos, de acordo com a recomendação do fabricante, e depois remover o excesso com outro pano limpo e seco. O segredo desse tipo de produto é que ele impede o vidro de absorver a água, fechando os poros do vidro. Com a velocidade do vento, a água é expelida para fora, sem a necessidade de acionar os limpadores de parabrisas. Kawasaki Versys ganha apelo Touring A Kawasaki coloca à disposição do consumidor brasileiro mais uma opção para longos percursos. A versão Tourer da Maxi Trail Versys 650 possui acessórios com apelo touring: malas laterais, protetores de mãos e para-brisas com tamanho maior Modelo é perfeito para longas viagens - com a inclusão de um defletor fixado em sua extremidade -, e painel de instrumentos com iluminação em led comercializados como itens de série. O modelo já pode ser encontrado nas concessionárias autorizadas, com preço sugerido de R$ na configuração standard, com freios ABS como opcional, e R$ na versão top de linha, já equipada com freios ABS. Acompanhe o nosso blog: autojornalodia.blogspot.com E também no facebook: facebook.com/autojornal Anuncie no Auto Jornal

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Setembro 2011 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Julho 2013 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO - PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS- GRADUADOS

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Agosto 2013 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Os fatos atropelam os prognósticos. O difícil ano de 2015. Reunião CIC FIEMG Econ. Ieda Vasconcelos Fevereiro/2015

Os fatos atropelam os prognósticos. O difícil ano de 2015. Reunião CIC FIEMG Econ. Ieda Vasconcelos Fevereiro/2015 Os fatos atropelam os prognósticos. O difícil ano de 2015 Reunião CIC FIEMG Econ. Ieda Vasconcelos Fevereiro/2015 O cenário econômico nacional em 2014 A inflação foi superior ao centro da meta pelo quinto

Leia mais

Cenário Macroeconômico

Cenário Macroeconômico INSTABILIDADE POLÍTICA E PIORA ECONÔMICA 24 de Março de 2015 Nas últimas semanas, a instabilidade política passou a impactar mais fortemente o risco soberano brasileiro e o Real teve forte desvalorização.

Leia mais

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano Mais um plano CONJUNTURA ECONÔMICA A chave da agenda positiva tão perseguida pelo governo federal em tempos de crise política e volta da inflação parece ser a preservação dos empregos. Na última terça-feira

Leia mais

Dólar sem freios. seu dinheiro #100. Nem intervenções do BC têm sido capazes de deter a moeda americana

Dólar sem freios. seu dinheiro #100. Nem intervenções do BC têm sido capazes de deter a moeda americana #100 seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Dólar sem freios Nem intervenções do BC têm sido capazes de deter a moeda americana Festa no exterior Brasileiros continuam gastando cada vez mais fora

Leia mais

A Ameaça Inflacionária no Mundo Emergente

A Ameaça Inflacionária no Mundo Emergente BRICS Monitor A Ameaça Inflacionária no Mundo Emergente Agosto de 2011 Núcleo de Análises de Economia e Política dos Países BRICS BRICS Policy Center / Centro de Estudos e Pesquisa BRICS BRICS Monitor

Leia mais

Boletim Econômico Edição nº 77 julho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Boletim Econômico Edição nº 77 julho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Boletim Econômico Edição nº 77 julho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Sistema bancário e oferta monetária contra a recessão econômica 1 BC adota medidas para injetar

Leia mais

Força de greves pode diminuir com evolução de canais de serviços on-line

Força de greves pode diminuir com evolução de canais de serviços on-line Boletim 853/2015 Ano VII 15/10/2015 Força de greves pode diminuir com evolução de canais de serviços on-line O impacto das novas plataformas deve ser maior no médio e longo prazo, principalmente com a

Leia mais

CONJUNTURA ECONÔMICA INDICADORES SELECIONADOS PELO FAE INTELLIGENTIA 1 IPC-FAE ÍNDICE DE PREÇOS DA CLASSE MÉDIA CURITIBANA

CONJUNTURA ECONÔMICA INDICADORES SELECIONADOS PELO FAE INTELLIGENTIA 1 IPC-FAE ÍNDICE DE PREÇOS DA CLASSE MÉDIA CURITIBANA CONJUNTURA ECONÔMICA INDICADORES SELECIONADOS PELO FAE INTELLIGENTIA 1 IPC-FAE ÍNDICE DE PREÇOS DA CLASSE MÉDIA CURITIBANA O Índice de Preços ao Consumidor da Classe Média de Curitiba - IPC-FAE, medido

Leia mais

Cenário Econômico para 2014

Cenário Econômico para 2014 Cenário Econômico para 2014 Silvia Matos 18 de Novembro de 2013 Novembro de 2013 Cenário Externo As incertezas com relação ao cenário externo em 2014 são muito elevadas Do ponto de vista de crescimento,

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Junho 2012 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE Resultados da 128ª Pesquisa CNT/MDA Brasília, 21/07/2015 A 128ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 12 a 16 de julho de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Julho 2012 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Semana acadêmica de Ciências Contábeis destaca Educação Fiscal

Semana acadêmica de Ciências Contábeis destaca Educação Fiscal Informe Icesp Semanal Ano VI nº 61 05/09/14 Semana acadêmica de Ciências Contábeis destaca Educação Fiscal Gecom - Gerência de Cominicação Semana acadêmica de Ciências Contábeis destaca educação fiscal.

Leia mais

1 a 15 de setembro de 2011

1 a 15 de setembro de 2011 1 a 15 de setembro de 2011 As principais informações da economia mundial, brasileira e baiana Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia Diretoria de Indicadores e Estatísticas Coordenação

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Agosto de 2014

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Agosto de 2014 Associação Brasileira de Supermercados Nº43 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Agosto de 2014 Com crescimento em julho, setor acumula 1,48% no ano Em julho, as vendas

Leia mais

PIRATARIA. Introdução

PIRATARIA. Introdução PIRATARIA Introdução N o ano em que o projeto de lei que trata dos crimes relacionados à pirataria completa dez anos tramitando no Congresso, a Fecomércio-RJ divulga pelo terceiro ano consecutivo a pesquisa

Leia mais

Relatório Mensal. 2015 Março. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

Relatório Mensal. 2015 Março. Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal 2015 Março Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio de Janeiro - PREVI-RIO DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Composição da Carteira Ativos Mobiliários, Imobiliários e Recebíveis

Leia mais

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS ESTADO DE MINAS 1 2 ESTADO DE MINAS 3 ESTADO DE MINAS http://www.em.com.br PSD de Kassab mira 'órfãos' do PMDB quercista O PSD obteve registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na terça-feira e corre

Leia mais

Ajuste Macroeconômico na Economia Brasileira

Ajuste Macroeconômico na Economia Brasileira Ajuste Macroeconômico na Economia Brasileira Fundação Getúlio Vargas 11º Fórum de Economia Ministro Guido Mantega Brasília, 15 de setembro de 2014 1 Por que fazer ajustes macroeconômicos? 1. Desequilíbrios

Leia mais

1º a 15 de agosto de 2011

1º a 15 de agosto de 2011 1º a 15 de agosto de 2011 As principais informações da economia mundial, brasileira e baiana Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia Diretoria de Indicadores e Estatísticas Coordenação

Leia mais

Informe Econômico N 3

Informe Econômico N 3 Conjuntura Econômica Gerente Legislativa: Sheila Tussi da Cunha Barbosa Analista Legislativa: Cláudia Fernanda Silva Almeida Assistente Administrativa: Quênia Adriana Camargo Ferreira Estagiário: Tharlen

Leia mais

Panorama Econômico Abril de 2014

Panorama Econômico Abril de 2014 1 Panorama Econômico Abril de 2014 Alerta Esta publicação faz referência a análises/avaliações de profissionais da equipe de economistas do Banco do Brasil, não refletindo necessariamente o posicionamento

Leia mais

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 Boletim Econômico Edição nº 56 fevereiro de 2015 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 As duas medidas visam economizar R$ 18 bilhões

Leia mais

Avaliação do governo Desempenho pessoal da presidente

Avaliação do governo Desempenho pessoal da presidente RESULTADOS DA 129ª PESQUISA CNT/MDA A 129ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 20 a 24 de outubro de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos índices de popularidade

Leia mais

RELATÓRIO DA GESTÃO 2014

RELATÓRIO DA GESTÃO 2014 1 Senhores Associados: RELATÓRIO DA GESTÃO 2014 Temos a satisfação de apresentar o Relatório da Gestão e as Demonstrações Contábeis da CREDICOAMO Crédito Rural Cooperativa, relativas às atividades desenvolvidas

Leia mais

Carta Mensal Abr/Mai de 2013 nº 175

Carta Mensal Abr/Mai de 2013 nº 175 Carta Mensal Abr/Mai de 2013 nº 175 Destaques do mês - Preocupado com a inflação, mas também com as incertezas do cenário internacional, Copom inicia ciclo de aperto monetário com elevação de apenas 0,25%

Leia mais

5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA

5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA 5 ECONOMIA MONETÁRIA E FINANCEIRA Os sinais de redução de riscos inflacionários já haviam sido descritos na última Carta de Conjuntura, o que fez com que o Comitê de Política Monetária (Copom) decidisse

Leia mais

Introdução. PIB varia 0,4% em relação ao 1º trimestre e chega a R$ 1,10 trilhão

Introdução. PIB varia 0,4% em relação ao 1º trimestre e chega a R$ 1,10 trilhão 16 a 31 de agosto de 2012 As principais informações da economia mundial, brasileira e baiana Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia Diretoria de Indicadores e Estatísticas Coordenação

Leia mais

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs O plenário da Câmara Municipal do Rio de Janeiro ficou lotado durante

Leia mais

ANO 1 NÚMERO 07 MAIO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO

ANO 1 NÚMERO 07 MAIO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO ANO 1 NÚMERO 07 MAIO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO 1 Considerações Iniciais A combinação juros, inflação e câmbio tem tomado maior tempo das análises e preocupações do governo

Leia mais

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Janeiro de 2014

ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Janeiro de 2014 Associação Brasileira de Supermercados Nº48 tou ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 27 de Janeiro de 2014 Vendas dos supermercados crescem 2,24% em 2014 Em dezembro, as

Leia mais

CEMIG TRADING S.A. ESTATUTO SOCIAL. CAPÍTULO I Denominação, Sede, Objeto e Duração

CEMIG TRADING S.A. ESTATUTO SOCIAL. CAPÍTULO I Denominação, Sede, Objeto e Duração CEMIG TRADING S.A. O presente Estatuto é uma consolidação do aprovado pela Escritura Pública de Constituição, em 29-07-2002 - arquivada na JUCEMG em 12-08-2002, sob o nº 3130001701-0, e pelas Assembléias

Leia mais

China: crise ou mudança permanente?

China: crise ou mudança permanente? INFORMATIVO n.º 36 AGOSTO de 2015 China: crise ou mudança permanente? Fabiana D Atri* Quatro grandes frustrações e incertezas com a China em pouco mais de um mês: forte correção da bolsa, depreciação do

Leia mais

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014 O que o Brasil já ganhou com a Copa 2 O que o Brasil já ganhou com a Copa Investimentos A Copa do Mundo é um grande investimento para todos brasileiros Os únicos

Leia mais

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DEBATE Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DE BRASÍLIA - No último debate em busca do aval dos procuradores para permanecer por mais dois anos na chefia do Ministério Público, o procurador-geral

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

EMPRESA DE SERVIÇOS DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA S.A.

EMPRESA DE SERVIÇOS DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA S.A. EMPRESA DE SERVIÇOS DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA S.A. O presente Estatuto é uma consolidação do aprovado pela Escritura Pública de Constituição, em 25-07-2002 - arquivada na JUCEMG em 01-08-2002,

Leia mais

4097610 - O ESTADO DE S. PAULO - ESPORTES - SÃO PAULO - SP - 04/12/2013 - Pág A 27

4097610 - O ESTADO DE S. PAULO - ESPORTES - SÃO PAULO - SP - 04/12/2013 - Pág A 27 Morumbi vai ter cobertura 4097610 - O ESTADO DE S. PAULO - ESPORTES - SÃO PAULO - SP - 04/12/2013 - Pág A 27 O São Paulo assinará no próximo dia 17 o contrato com a Andrade e Gutierrez para viabilizar

Leia mais

Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC

Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC Taxas de juros das operações de crédito têm terceira elevação no ano, constata ANEFAC Todas as linhas de crédito para pessoas jurídicas subiram. Para pessoas físicas, houve aumento nos juros do comércio,

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Junho 2013 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO - PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS- GRADUADOS

Leia mais

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 1/2 Julho de 2012

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 1/2 Julho de 2012 Notícias Economia Internacional e Indicadores Brasileiros Nº 1/2 Julho de 2012 Sindmóveis - Projeto Orchestra Brasil www.sindmoveis.com.br www.orchestrabrasil.com.br Realização: inteligenciacomercial@sindmoveis.com.br

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL II RELATÓRIO ANALÍTICO

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL II RELATÓRIO ANALÍTICO II RELATÓRIO ANALÍTICO 15 1 CONTEXTO ECONÔMICO A quantidade e a qualidade dos serviços públicos prestados por um governo aos seus cidadãos são fortemente influenciadas pelo contexto econômico local, mas

Leia mais

Palestra: Macroeconomia e Cenários. Prof. Antônio Lanzana 2012

Palestra: Macroeconomia e Cenários. Prof. Antônio Lanzana 2012 Palestra: Macroeconomia e Cenários Prof. Antônio Lanzana 2012 ECONOMIA MUNDIAL E BRASILEIRA SITUAÇÃO ATUAL E CENÁRIOS SUMÁRIO I. Cenário Econômico Mundial II. Cenário Econômico Brasileiro III. Potencial

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Crise Mundo Os EUA e a Europa passam por um forte processo de desaceleração economica com indicios de recessão e deflação um claro sinal de que a crise chegou

Leia mais

Relatório Econômico Mensal Agosto de 2015. Turim Family Office & Investment Management

Relatório Econômico Mensal Agosto de 2015. Turim Family Office & Investment Management Relatório Econômico Mensal Agosto de 2015 Turim Family Office & Investment Management ESTADOS UNIDOS TÓPICOS ECONOMIA GLOBAL Economia Global: EUA: PIB e Juros... Pág.3 Europa: Recuperação e Grécia... Pág.4

Leia mais

Indicadores da Semana

Indicadores da Semana Indicadores da Semana O saldo total das operações de crédito do Sistema Financeiro Nacional atingiu 54,5% do PIB, com aproximadamente 53% do total do saldo destinado a atividades econômicas. A carteira

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Julgue os itens a seguir, a respeito da Lei n.º 6.404/197 e suas alterações, da legislação complementar e dos pronunciamentos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC). 71 Os gastos incorridos com pesquisa

Leia mais

Data Veículo Página Tamanho Classificação 24.01.2012 DN Online Xx xx Positiva

Data Veículo Página Tamanho Classificação 24.01.2012 DN Online Xx xx Positiva 24.01.2012 DN Online Xx xx Positiva Senac promove cursos de curta duração na área de gastronomia O Senac está com matrículas abertas para cursos de curta duração na área de gastronomia. Os interessados

Leia mais

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL A unificação das alíquotas do ICMS para acabar com a guerra fiscal será gradual e levará oito anos, anunciou nesta quarta-feira (7/11) o ministro da Fazenda,

Leia mais

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA HENRIQUE MARINHO MAIO DE 2013 Economia Internacional Atividade Econômica A divulgação dos resultados do crescimento econômico dos

Leia mais

Por que defender o Sistema Único de Saúde?

Por que defender o Sistema Único de Saúde? Por que defender o Sistema Único de Saúde? Diferenças entre Direito Universal e Cobertura Universal de Saúde Cebes 1 Direito universal à saúde diz respeito à possibilidade de todos os brasileiros homens

Leia mais

EconoWeek Relatório Semanal. EconoWeek 18/05/2015

EconoWeek Relatório Semanal. EconoWeek 18/05/2015 18/05/2015 EconoWeek DESTAQUE INTERNACIONAL Semana bastante volátil de mercado, com uma agenda mais restrita em termos de indicadores macroeconômicos. Entre os principais destaques, os resultados de Produto

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

Edição 44 (Abril/2014)

Edição 44 (Abril/2014) Edição 44 (Abril/2014) Cenário Econômico: Prévia da inflação tem maior alta desde janeiro de 2013 O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), considerado a prévia da inflação oficial,

Leia mais

Perspectivas da economia em 2012 e medidas do Governo Guido Mantega Ministro da Fazenda

Perspectivas da economia em 2012 e medidas do Governo Guido Mantega Ministro da Fazenda Perspectivas da economia em 2012 e medidas do Governo Guido Mantega Ministro da Fazenda Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal Brasília, 22 de maio de 2012 1 A situação da economia internacional

Leia mais

Vamos falar sobre câncer?

Vamos falar sobre câncer? Vamos falar sobre câncer? O SIEMACO sempre está ao lado dos trabalhadores, seja na luta por melhores condições de trabalho, lazer e educação ou na manutenção da saúde, visando a promoção e ascensão social.

Leia mais

INFORME MINERAL DNPM JULHO DE 2012

INFORME MINERAL DNPM JULHO DE 2012 INFORME MINERAL DNPM JULHO DE 2012 A mineração nacional sentiu de forma mais contundente no primeiro semestre de 2012 os efeitos danosos da crise mundial. Diminuição do consumo chinês, estagnação do consumo

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 35 15 a 30 de setembro de 2009 EMPREGO De acordo com a Pesquisa

Leia mais

Sistema Financeiro e os Fundamentos para o Crescimento

Sistema Financeiro e os Fundamentos para o Crescimento Sistema Financeiro e os Fundamentos para o Crescimento Henrique de Campos Meirelles Novembro de 20 1 Fundamentos macroeconômicos sólidos e medidas anti-crise 2 % a.a. Inflação na meta 8 6 metas cumpridas

Leia mais

Cem edições para informar e formar cidadãos!

Cem edições para informar e formar cidadãos! ParaTod Mandato do Deputado Tadeu Veneri-PT nº 100 Dezembro 2014 s Acesse: www.tadeuveneri.com.br facebook.com/tadeuveneri Edição Especial Número 100 Cem edições para informar e formar cidadãos! Do primeiro

Leia mais

Cenário financeiro dos Municípios brasileiros em final de mandato

Cenário financeiro dos Municípios brasileiros em final de mandato 1 Cenário financeiro dos Municípios brasileiros em final de mandato Estudos Técnicos CNM Introdução Em decorrência da surpresa dos dirigentes municipais com a atual dificuldade financeira vivida pelos

Leia mais

A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando

A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando INFORMATIVO n.º 42 NOVEMBRO de 2015 A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando Fabiana D Atri - Economista Coordenadora do Departamento de Pesquisas e

Leia mais

Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras.

Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras. Ao longo do mês Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras. Merece destaque também a ação da Polícia Federal e Força Nacional nos Estados e Municípios onde ocorreram mortes

Leia mais

S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6

S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6 S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6 ALIMENTAÇÃO. Com data-base em 1º de setembro, o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação (Setor de Derivados de Milho e Soja), representando

Leia mais

Atravessando a Turbulência

Atravessando a Turbulência 1 Atravessando a Turbulência Guido Mantega Novembro de 20 1 2 Crise financeira sai da fase aguda A Tempestade financeira amainou. Há luz no fim do túnel. Crise não acabou, mas entra em nova fase. As ações

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em janeiro/2015. Estas elevações podem ser atribuídas aos seguintes

Leia mais

Matemática. Aula: 02/10. Prof. Pedro. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.

Matemática. Aula: 02/10. Prof. Pedro. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM. Matemática Aula: 02/10 Prof. Pedro UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA ALUNOS

Leia mais

Editoria: Geral Manaus Hoje

Editoria: Geral Manaus Hoje Editoria: Geral Manaus Hoje Beneficiários do Bolsa Família 12 Editoria: Notícias www.portalamazonia.com.br Campanha de vacinação contra H1N1 é prorrogada ( ) Press-release da assessoria de imprensa (X)

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 409, DE 2015 (Do Sr. Luis Carlos Heinze)

PROJETO DE LEI N.º 409, DE 2015 (Do Sr. Luis Carlos Heinze) *C0051416A* C0051416A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 409, DE 2015 (Do Sr. Luis Carlos Heinze) Institui isenção da contribuição para o PIS/PASEP, COFINS e CIDE- Combustíveis incidente sobre o óleo

Leia mais

Argumentos Contra e a Favor da Valorização O que é o IOF Medidas Adotadas Resultados. Câmbio X IOF Resumo da Semana

Argumentos Contra e a Favor da Valorização O que é o IOF Medidas Adotadas Resultados. Câmbio X IOF Resumo da Semana Câmbio X IOF Nesta apresentação será exposto e discutido parte do debate sobre a valorização do real frente outras moedas, em especial o dólar. Ao final será apresentado um resumo das notícias da semana.

Leia mais

seu dinheiro Consórcio ou financiamento? #103 Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel

seu dinheiro Consórcio ou financiamento? #103 Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel #103 seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel Consórcio ou financiamento? Poupança com ganho real Investimento volta a superar a inflação

Leia mais

CORRUPTO NÃO FAZ GREVE

CORRUPTO NÃO FAZ GREVE CORRUPTO NÃO FAZ GREVE Maria Lucia Fattorelli Coordenadora da Auditoria Cidadã da Dívida www.divida-auditoriacidada.org.br 27/2/2012 Será que os professores do setor público federal, estaduais e municipais

Leia mais

Você pode contribuir para eleições mais justas

Você pode contribuir para eleições mais justas Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de SP Defesa da democracia, combate à impunidade. Você pode contribuir para eleições mais justas Os cidadãos e as cidadãs podem auxiliar muito na fiscalização

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011 REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N.º,DE 2011 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) Requer informações ao Senhor Ministro de Estado da Saúde a respeito das estimativas das despesas orçamentárias para o qüinqüênio

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Junio 2011 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO - PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS- GRADUADOS

Leia mais

Agenda. 1. Conjuntura econômica internacional 2. Conjuntura nacional 3. Construção Civil Geral Imobiliário

Agenda. 1. Conjuntura econômica internacional 2. Conjuntura nacional 3. Construção Civil Geral Imobiliário Agenda 1. Conjuntura econômica internacional 2. Conjuntura nacional 3. Construção Civil Geral Imobiliário Cenário Internacional Cenário Internacional Mundo cresce, mas pouco. Preocupação com China 4 EUA

Leia mais

PESQUISA DE JUROS. As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos.

PESQUISA DE JUROS. As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos. PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito apresentaram em agosto/2014 comportamentos distintos. Na pessoa física as taxas de juros tiveram uma pequena elevação sendo esta a décima quinta

Leia mais

Anexo I Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000)

Anexo I Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo I Objetivos das Políticas Monetária, Creditícia e Cambial (Art. 4 o, 4 o, da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo à Mensagem da Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2013, em cumprimento

Leia mais

Indicadores da Semana

Indicadores da Semana Indicadores da Semana O Copom decidiu, por unanimidade, elevar a taxa de juros Selic em 0,5 p.p., a 14,25% ao ano, conforme esperado pelo mercado. A decisão ocorreu após elevação de 0,5 p.p no último encontro.

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Península (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.) Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2009 e de 2008 e

Fundo de Investimento Imobiliário Península (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.) Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2009 e de 2008 e Fundo de Investimento Imobiliário Península Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2009 e de 2008 e parecer dos auditores independentes 2 3 Balanços patrimoniais em 31 de dezembro Ativo 2009 2008

Leia mais

PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS

PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS Tendo como argumento aperfeiçoar ainda mais a prestação de serviços de saúde à população, o Executivo traz a esta Casa o Projeto de Lei 64/2014, que

Leia mais

RESUMO DE NOTÍCIAS. Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado de São Paulo www.sintetel.org sintetel@sintetel.org.

RESUMO DE NOTÍCIAS. Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado de São Paulo www.sintetel.org sintetel@sintetel.org. CLARO S/A APRESENTA PROPOSTA VERGONHOSA Depois de enrolar ao máximo o início das negociações, a Claro S/A teve a cara de pau de oferecer APENAS 6% de reajuste salarial, índice muito abaixo da inflação.

Leia mais

PESQUISA CNI-IBOPE. Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno. Popularidade da presidente Dilma cresce na comparação com junho

PESQUISA CNI-IBOPE. Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno. Popularidade da presidente Dilma cresce na comparação com junho Indicadores CNI PESQUISA CNI-IBOPE Avaliação do governo e pesquisa eleitoral Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno Na pesquisa estimulada, com a apresentação do disco com os nomes dos candidatos,

Leia mais

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar #212 SEU DINHEIRO A SUA REVISTA DE FINANÇAS PESSOAIS VOCÊ SABE CONSUMIR? Especialista diz que brasileiro não sabe comprar COMO PARAR ANTES DO TEMPO CONHEÇA A MELHOR ESTRATÉGIA PARA LARGAR O BATENTE AOS

Leia mais

ANO 2 NÚMERO 08 AGOSTO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO

ANO 2 NÚMERO 08 AGOSTO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO ANO 2 NÚMERO 08 AGOSTO 2012 PROFESSORES RESPONSÁVEIS: FLÁVIO RIANI & RICARDO RABELO 1 - CONSIDERAÇÕES INICIAIS As recentes divulgações dos principais indicadores de desempenho da economia brasileira mostram

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em fevereiro/2015. Estas elevações podem ser atribuídas aos seguintes

Leia mais

O AMBIENTE ECONÔMICO. Boletim n.º 05 1º trimestre de 2013. Taxa de juros - SELIC (fixada pelo Comitê de Política Monetária COPOM)

O AMBIENTE ECONÔMICO. Boletim n.º 05 1º trimestre de 2013. Taxa de juros - SELIC (fixada pelo Comitê de Política Monetária COPOM) Boletim n.º 05 1º trimestre de O AMBIENTE ECONÔMICO Taxa de juros - SELIC (fixada pelo Comitê de Política Monetária COPOM) Atividade econômica A economia brasileira, medida pelo desempenho do Produto Interno

Leia mais

ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC Maio 2015

ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC Maio 2015 ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC Maio 2015 Rio de Janeiro, 10 de junho de 2015 SISTEMA NACIONAL DE ÍNDICES DE PREÇOS AO CONSUMIDOR COMENTÁRIOS Maio 2015 ÍNDICE NACIONAL DE PREÇOS AO

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO

AVALIAÇÃO DO GOVERNO Indicadores CNI Pesquisa CNI-Ibope AVALIAÇÃO DO GOVERNO Popularidade cresce no segundo semestre Mas presidente Dilma encerra primeiro mandato com popularidade menor que no seu início A popularidade da

Leia mais

www.anefac.com.br Rua 7 de abril. 125 - conj. 405 - CEP 01043-000 República - São Paulo-SP - Telefone: 11 2808-320 PESQUISA DE JUROS

www.anefac.com.br Rua 7 de abril. 125 - conj. 405 - CEP 01043-000 República - São Paulo-SP - Telefone: 11 2808-320 PESQUISA DE JUROS PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em maio/2014, sendo esta a décima segunda elevação seguida, quinta elevação no ano. Estas elevações podem ser atribuídas

Leia mais

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS Sumário - Apresentação... 3 -As três leis básicas... 3 - Como é elaborado o orçamento da União?... 3 Prazos... 4 Esferas... 4 - Quem é responsável pela elaboração

Leia mais

Discurso Presidente do Banco Central do Brasil Alexandre Tombini

Discurso Presidente do Banco Central do Brasil Alexandre Tombini Discurso Presidente do Banco Central do Brasil Alexandre Tombini Boa tarde. É com satisfação que estamos aqui hoje para anunciar o lançamento das novas cédulas de 10 e 20 reais, dando sequência ao projeto

Leia mais

BARÔMETRO AMB DE CONFIANÇA A NAS INSTITUIÇÕES BRASILEIRAS JUNHO 2008

BARÔMETRO AMB DE CONFIANÇA A NAS INSTITUIÇÕES BRASILEIRAS JUNHO 2008 BARÔMETRO AMB DE CONFIANÇA A NAS INSTITUIÇÕES BRASILEIRAS JUNHO SUMÁRIO. APRESENTAÇÃO. METODOLOGIA. PRINCIPAIS RETADOS APRESENTAÇÃO O presente estudo inaugura uma iniciativa da Associação dos Magistrados

Leia mais

ICV-DEESE fica em 6,04%, em 2013

ICV-DEESE fica em 6,04%, em 2013 1 São Paulo, 8 de janeiro de 2014. ICV-DEESE fica em 6,04%, em 2013 NOTA À IMPRENSA Em 2013, o Índice do Custo de Vida ICV calculado pelo DIEESE Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos

Leia mais