Aluno(a):... 18/09/2013

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aluno(a):... 18/09/2013"

Transcrição

1 Caderno de Redação 8º ano Ensino Fundamental Aluno(a):... 18/09/2013 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União, para realização do texto dissertativo na Avaliação Bimestral do Colégio Trilíngue Inovação, de acordo com o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Desta forma, os critérios de avaliação para correção do texto são: adequação ao tema, coesão, coerência, argumentação e uso da norma culta.

2 2 Caro aluno, O tipo de texto eleito para esta redação é a dissertação. Uma dissertação consiste numa produção analítica sobre o tema proposto. É o tipo de composição na qual expomos ideias gerais, seguidas de apresentação de argumentos que as comprovem. A dissertação não fala de pessoas ou fatos específicos, mas analisa os assuntos. Desta maneira, você deve defender uma opinião sobre o tema exigido e não pode ser neutro quanto ao assunto em questão. As opiniões não serão julgadas, mas sim avaliadas se estão explicadas e defendidas com coerência e lógica. Para que a redação atenda aos critérios estabelecidos, a apresentação visual, o conteúdo e a estrutura do texto devem estar em harmonia. Ninguém pode exigir que você escreva bem, pois isto pressupõe talento; o que desejamos é que escreva certo. Assim, para correção do texto, serão observadosos seguintes critérios: adequação ao tema, coesão, coerência, argumentação e norma culta, que apresentados abaixo: Adequação ao tema: o redator deve manter- se atento ao tema proposto e evitar fugir dele. Coesão: é a conexão interna entre as várias partes de um texto. É o que torna o texto articulado, diferenciando- o de um amontoado caótico de palavras e parágrafos. Coerência: ocorre quando as informações se harmonizam no texto e com o conhecimento que temos da realidade. As ideias devem estar interligadas de maneira lógica, por isso não se deve propor uma opinião no início do texto e desmenti- la no final. Argumentação: é a relação que se faz entre os fatos, teses, estudos, opiniões, problemas e possíveis soluções a fim de embasar determinado pensamento ou ideia. Norma Culta: o redator precisa usar a língua portuguesa de maneira adequada, utilizando termos correntes com significados adequados. É importante que fique atento à concordância, à regência, à colocação pronominal, à grafia correta das palavras, à separação silábica, o assinalamento da crase e à pontuação, segundo a norma culta. BOA SORTE!

3 3 Instruções 1.Para realizar o texto você utilizará este Caderno de Redação. 2.Ao finalizar o texto, entregue este Caderno de Redação, devidamente preenchido. 3.O aluno que perturbar ou descumprir quaisquer orientações do professor terá seu texto eliminado. 4.Qualquer irregularidade deve ser comunicada ao professor. 5.Utilize terceira pessoa, priorizando a linguagem impessoal. 6.Utilize caneta esferográfica azul ou preta. 7. É vetado o uso de corretivo. Texto I Coletânea de textos Tragédia em Santa Maria: O que a balada tem a ver com cidadania José Renato Salatiel* Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação 08/02/201307h53 Passeata em homenagem às vítimas do incêndio reivindica justiça, com a identificação e punição dos culpados Tragédias que comoveram o Brasil nas últimas décadas deixaram, além da dor das famílias, a sensação de que poderiam ter sido evitadas, não fossem a impunidade, a negligência dos

4 4 governos e a cultura do jeitinho brasileiro. Neste contexto social e ético, discutem-se as razões para a morte de 241 jovens em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Direto ao ponto: Ficha-resumo O incêndio na boate Kiss, ocorrido na madrugada de 27 de janeiro, é considerado o mais mortal no país desde o Gran-Circus Norte-Americano, que vitimou 503 pessoas (70% delas crianças) em Niterói, em O fogo na casa noturna foi causado pela queima de artefatos pirotécnicos durante um show que, em razão das péssimas condições de segurança do local, transformou a boate em uma verdadeira câmara de gás nazista. O revestimento de espuma do teto produziu, quando queimado, uma fumaça tóxica mistura de cianeto e monóxido de carbono que sufocou as vítimas em poucos minutos. Outras 124 foram internadas em hospitais da cidade. O estabelecimento estava superlotado com, estima-se, mais de mil pessoas, entre estudantes, funcionários e militares da base do Exército de Santa Maria. A tragédia deixou de luto a tranquila cidade universitária de 262 mil habitantes, a segunda do Estado com mais pessoas de classes A e B. A maioria dos mortos eram alunos de sete instituições de ensino superior locais, incluindo a tradicional Universidade Federal de Santa Maria, que possui 27 mil estudantes. O caso também repercutiu na imprensa mundial, de olho no país por conta da organização da Copa do Mundo (2014) e dos Jogos Olímpicos (2016). A propaganda negativa obrigou as autoridades a agirem rapidamente. Dois sócios da boate e dois integrantes da banda que se apresentava naquela noite, a Gurizada Fandangueira, foram presos. A prefeitura e o Corpo de Bombeiros também são investigados por omissão na fiscalização do clube, que estava com os alvarás de funcionamento vencidos. Houve ainda uma repercussão sem precedentes nas redes sociais, por conta principalmente do perfil jovem das vítimas (178 tinham idades entre 18 e 26 anos). As mensagens continham desde um conteúdo solidário às famílias até manifestações de revolta contra o descaso das instituições brasileiras. De acordo com o IBGE, quase metade da população brasileira (48,6%) possui até 29 anos de idade. Esta mesma faixa etária lidera os rankings de vítimas de homicídios e acidentes de trânsito (sobretudo aqueles envolvendo motocicletas). Desta vez, porém, o massacre aconteceu em um lugar inesperado, de festa e de confraternização entre estudantes. Jeitinho

5 5 O incêndio na boate de Santa Maria figura na história recente de calamidades, como enchentes, desastres aéreos e desabamentos, que ganharam notoriedade graças aos meios de comunicação modernos, como a TV e a internet. Em 1974, o incêndio do edifício Joelma, em São Paulo, deixou 187 mortos. Em 1988, o naufrágio do Bateau Mouche fez 55 vítimas fatais na Baía de Guanabara. Dez anos depois, o desabamento do edifício Palace II, no Rio de Janeiro, causou a morte de oito pessoas. No ano passado, outro desabamento no Rio matou 17 moradores. Ano após ano, a temporada de chuvas deixa um rastro de mortes e desabrigados por todo o país. Um traço comum em todas essas catástrofes é a tolerância ou conivência das autoridades com pequenos delitos, o chamado jeitinho brasileiro, estudado por antropólogos como Sérgio Buarque de Hollanda e Roberto Damatta. Na boate Kiss, técnicos e peritos identificaram uma série de irregularidades. O extintor de incêndio, por exemplo, falhou ao ser acionado na tentativa de conter o primeiro foco. Havia apenas uma porta de entrada e saída e faltavam luzes de emergência, o que fez com que muitas pessoas corressem para o banheiro, onde morreram asfixiadas. Os seguranças, mal treinados, chegaram a impedir a fuga dos frequentadores, achando que tentavam sair sem pagar a conta, e o estabelecimento não possuía brigadas de incêndio. Hoje, no Brasil, não existe uma lei federal que determine medidas de prevenção de incêndios. Um conjunto de normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) norteia a elaboração de leis estaduais e decretos municipais. A fiscalização fica a cargo das prefeituras e do Corpo de Bombeiros. Para muitos empresários, contudo, sai mais barato pagar propinas do que atender às normas de prevenção. Eles contam também com a deficiência dos serviços públicos e a confiança do público, que desconhece os perigos da balada. Somente em São Paulo, por exemplo, 600 boates estão em situação irregular, de acordo com a prefeitura. Do mesmo modo que os incêndios similares que aconteceram na Argentina (2004) e nos Estados Unidos (2003), matando, respectivamente, 194 e 96 pessoas, o incidente na boate Kiss provocou mutirões de fiscalização e denúncias de irregularidades, que levou ao fechamento de centenas de casas noturnas em todo o país. O centro do debate, entretanto, é a incompatibilidade entre progresso socioeconômico e maus costumes e vícios na vida política e privada, nas pequenas ações cotidianas que terminam em grandes tragédias nacionais.

6 6 FIQUE LIGADO Apesar de estarmos diante de um fato provavelmente isolado, que se espera não volte a acontecer, o incêndio em Santa Maria levanta algumas questões relacionadas à constituição da sociedade brasileira. A inexistência de legislação que determine medidas de prevenção de incêndios remete à própria questão das leis no Brasil (quais são?, como são feitas?, etc.). O "jeitinho" tem implicações em um problema nacional crônico: a corrupção. Finalmente, como o problema se relaciona especificamente às autoridades municipais, vale a pena conhecer melhor essa instância do Estado: o município. DIRETO AO PONTO A morte de 241 jovens em um incêndio na boate Kiss, em Santa Maria (RS) chamou a atenção dos brasileiros para questões históricas e culturais do país a negligência das autoridades, a impunidade e o jeitinho que se mostram incompatíveis com um país emergente que sediará eventos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas. O incêndio, ocorrido na madrugada de 27 de janeiro, é considerado o mais mortal no país desde o Gran-Circus Norte-Americano, que vitimou 503 pessoas em Niterói, em O fogo foi causado pela queima de artefatos pirotécnicos durante um show. As péssimas condições de segurança da casa noturna impediram a saída rápida dos frequentadores, sufocados por um gás tóxico produzido por uma espuma do revestimento do teto (outra irregularidade). A maioria dos mortos eram alunos de universidades locais. Hoje, no Brasil, não existe uma lei federal que determine medidas de prevenção de incêndios, apenas leis estaduais e decretos municipais. A fiscalização fica a cargo das prefeituras e do Corpo de Bombeiros. A tragédia fez o país descobrir que muitas boates encontram-se na mesma situação irregular. José Renato Salatiel* * José Renato Salatiel é jornalista e professor. TEXTO II Tragédia de Santa Maria desperta políticos de todo o Brasil Depois da morte de 231 pessoas em Santa Maria, várias cidades anunciam mutirão de inspeções ou intenção de tornar legislação de segurança mais rigorosa. São Paulo É possível que a morte de 231 pessoas na boate Kiss, em Santa Maria (RS), provoque mudanças na prevenção e fiscalização contra incêndios em todo o Brasil. Ao menos é o que indicam as manifestações de políticos do norte ao sul do país, que prometem reforçar ações preventivas em locais com grande aglomeração de pessoas e até criar novas leis para impedir que tragédias semelhantes se repitam. Em São Paulo, onde existem mais de duas mil casas noturnas, o prefeito Fernando Haddad (PT) determinou a revisão da legislação de prevenção a incêndios em locais fechados. A reunião do grupo que analisará as leis em vigor ocorrerá na tarde desta segunda-feira. Um dos integrantes da comissão, o secretário de Governo, Antônio Donato, comandou em 2006 a CPI dos Licenciamentos na Câmara Municipal. Uma das conclusões à época foi de que a cidade não tinha estrutura para fiscalizar a segurança de locais com grande aglomeração de pessoas. Mas São Paulo está longe de ser a única capital do país onde a discussão se acirrou desde os acontecimentos deste domingo. Capitais de todas as regiões do Brasil anunciam medidas

7 7 No Nordeste, uma das cidades a anunciar um mutirão de inspeções foi Salvador. O prefeito ACM Neto disse que quem não estiver enquadrado nos padrões e normas técnicas será interditado. Na ação, os camarotes de Carnaval, a principal festa da cidade, terão atenção especial. No Sul, o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, anunciou ontem pelo Twitter que nesta segunda-feira já haveria reunião envolvendo secretarias, bombeiros e Ministério Público para a revisão de todos os procedimentos envolvendo a concessão de alvarás e a fiscalização de bares e casas noturnas. Em Manaus, onde foi decretado luto de três dias, o goveno municipal anunciou uma grande blitz nas casa noturnas para que aquelas que não estiverem nos padrões de segurança sejam interditadas. Medida semelhante foi anunciada pelo prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, que determinou uma fiscalização em caráter emergencial em todas as casas noturnas da capital mato-grossense. A previsão oficial é que as principais boates sejam vistoriadas em até uma semana. Várias outras cidades brasileiras seguiram o exemplo das mencionadas acima. Teresina, Recife e Londrina, por exemplo, também prometem ações para evitar que tragédias semelhantes à de Santa Maria ocorram em seus territórios. FONTE: Exame TEXTO II Muito além do alvará Tragédias como a da boate Kiss, em Santa Maria (RS), nunca se podem atribuir a uma causa única. Natural, portanto, que as acusações apontem para vários lados, o que não torna menos importante a responsabilização final de todos quantos forem os envolvidos. Há fortes indícios, por exemplo, de que houve superlotação. Noticiase que a banda encarregada do show havia comprado fogos de artifício impróprios para ambientes fechados. O revestimento antirruído da casa de espetáculos, indicado por "técnicos" não identificados, era inflamável e fora instalado pouco depois da última vistoria. Por outro lado, alega-se que o Corpo de Bombeiros se omitiu de realizar as fiscalizações necessárias; que a autorização de funcionamento do local, embora vencida, já chancelara algumas das irregularidades apontadas agora. O destaque inicial à questão do alvará chama a atenção para o quanto se tornou "mera questão documental", como disse o advogado de um dos donos da boate, a emissão desse tipo de autorizações. Os paulistanos, por exemplo, tomam conhecimento de que 600 boates da cidade estão à espera de alvará. Mesmo assim, funcionam. O mesmo deve valer para hotéis, cinemas, teatros, restaurantes. O prefeito Fernando Haddad (PT) mostrou bastante senso de oportunidade ao convocar proprietários de casas noturnas para um debate. As soluções que prometeu apresentar esbarram, entretanto, na lentidão e na falta de confiabilidade crônica da máquina pública. É óbvio que nenhum empresário do setor de divertimentos deseja que ocorra uma tragédia; entende-se, por outro lado, que pondere a seu modo os custos da prevenção. O papel de uma entidade externa, capaz de fiscalizar com rigor as consequências coletivas desse tipo de "cálculo racional" do agente privado, cabe tradicionalmente ao poder governamental, falível e corrupto no Brasil. Não são apenas, nem principalmente, os supostos vícios culturais brasileiros --descuido, otimismo, protelação-- que servem para explicar uma situação em que o Estado não dá conta de suas atribuições nem as divide racionalmente. É de se perguntar se, além de uma legislação federal enxuta, capaz de eliminar a complicação e a ambiguidade presentes nas atuais normas de prevenção, não caberia a agentes privados --como as empresas de seguros-- papel mais ativo na função

8 8 fiscalizadora. Com a atribuição de um preço ao risco oferecido por tais locais de reunião, segurados e seguradores passam a ter um interesse comum na redução de um e de outro. Tal estímulo econômico para a adoção de procedimentos de segurança pode ser uma poderosa força suplementar à indispensável, mas tantas vezes precária, ação do poder público nessa área. FONTE: Folha de São Paulo Proposta I Considerando o caráter motivador dos textos da coletânea e os seus conhecimentos, escreva um texto dissertativo-argumentativo sobre o seguinte tema: a importância da atuação dos órgãos públicos de fiscalização na prevenção de acidentes. Proposta II Considerando o caráter motivador dos textos da coletânea e os seus conhecimentos, escreva um texto dissertativo-argumentativo respondendo à pergunta da Manchete do texto I: o que a balada tem a ver com cidadania? Proposta III Considerando o caráter motivador dos textos da coletânea e os seus conhecimentos, escreva um texto dissertativo-argumentativo sobre o seguinte tema: tragédia de Santa Maria, a culpa é de quem? OBSERVAÇÕES: Seu texto deve ser escrito na norma culta da língua portuguesa; Deve ter uma estrutura dissertativo-argumentativo; Não deve estar redigido em forma de poema (versos) ou narração; Mobilize argumentos, levante fatos, dados e exemplos que comprovem seu ponto de vista e validem a sua opinião. Observação: Dê um título sugestivo e criativo à sua redação, utilize no mínimo 20 e no máximo 30 linhas, produzindo um texto integrado, estruturado, organizado e coerente. Fundamente suas ideias com argumentos, sem sair do tema.

9 9

Aluno(a):... 29/09/2015

Aluno(a):... 29/09/2015 Caderno de Redação 9º ano Ensino Fundamental Aluno(a):... 29/09/2015 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União,

Leia mais

Caderno de Redação. 3º ano Ensino Médio. Aluno(a):... 28/09/2011

Caderno de Redação. 3º ano Ensino Médio. Aluno(a):... 28/09/2011 Caderno de Redação 3º ano Ensino Médio Aluno(a):... 28/09/2011 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União, para

Leia mais

Caderno de Redação. 8ª série Ensino Fundamental. Aluno(a):... 27/09/2011

Caderno de Redação. 8ª série Ensino Fundamental. Aluno(a):... 27/09/2011 Caderno de Redação 8ª série Ensino Fundamental Aluno(a):... 27/09/2011 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da

Leia mais

Aluno(a):... 22/11/2013

Aluno(a):... 22/11/2013 Caderno de Redação 1º ano Ensino Médio Aluno(a):... 22/11/2013 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União, para

Leia mais

Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros - AVCB

Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros - AVCB Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros - AVCB Mesmo caro, documento em dia é uma tranquilidade para o Síndico. Em 2013 a maior tragédia envolvendo fogo no Brasil aconteceu. Na boate Kiss, no Rio Grande

Leia mais

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 2.020-D DE 2007

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 2.020-D DE 2007 REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 2.020-D DE 2007 Estabelece diretrizes gerais sobre medidas de prevenção e combate a incêndio e a desastres em estabelecimentos, edificações e áreas de reunião de público;

Leia mais

SUMÁRIO. Casa de Arte Barrica (Avenida Ruy Barbosa, nº 238, Madre Deus)... 5

SUMÁRIO. Casa de Arte Barrica (Avenida Ruy Barbosa, nº 238, Madre Deus)... 5 RELATÓRIO DE VISTORIA CARNAVAL 2015 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. VISTORIAS TÉCNICAS DO SERVIÇO DE CARNAVAL 2015... 3 2.1. Do dia 13/02/2015 (sexta-feira)... 3 Passarela do samba (Anel Viário)... 3 Casa

Leia mais

FORMAÇÃO CIDADÃ PARA PLANOS DE ABANDONO DE ÁREA, COMBATE A INCENDIO E PRIMEIROS SOCORROS EM CASO DE SINISTRO.

FORMAÇÃO CIDADÃ PARA PLANOS DE ABANDONO DE ÁREA, COMBATE A INCENDIO E PRIMEIROS SOCORROS EM CASO DE SINISTRO. FORMAÇÃO CIDADÃ PARA PLANOS DE ABANDONO DE ÁREA, COMBATE A INCENDIO E PRIMEIROS SOCORROS EM CASO DE SINISTRO. Autores : João Victor Gonçalves Padilha BATISTA, Geice Zago Haus, Giordana Ferreira Oliveira

Leia mais

Prof. Volney Ribeiro

Prof. Volney Ribeiro A REDAÇÃO NO ENEM Prof. Volney Ribeiro Professor de língua portuguesa Especialista em Gestão Educacional Mestrando em Letras A prova de redação exigirá de você a produção de um texto em prosa, do tipo

Leia mais

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa 9 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa Escola: Nome: Turma: n o : Texto para as questões de 1 a 4. Poética (I) De manhã escureço De dia tardo De tarde anoiteço De noite ardo. A oeste a

Leia mais

MINUTA DE ATA DE REUNIÃO INMETRO 1ª REUNIÃO COM PARTES INTERESSADAS SOBRE ESPUMA DE POLIURETANO EM SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS

MINUTA DE ATA DE REUNIÃO INMETRO 1ª REUNIÃO COM PARTES INTERESSADAS SOBRE ESPUMA DE POLIURETANO EM SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS MINUTA DE ATA DE REUNIÃO INMETRO Identificação da Reunião Página 1 de 1 1ª REUNIÃO COM PARTES INTERESSADAS SOBRE ESPUMA DE POLIURETANO EM SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS Número/Ano: 01/2015 Data: 28/01/2015

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ CÂMARA MUNICIPAL DE TERESINA GABINETE DA VEREADORA ROSÁRIO BEZERRA PT

ESTADO DO PIAUÍ CÂMARA MUNICIPAL DE TERESINA GABINETE DA VEREADORA ROSÁRIO BEZERRA PT PROJETO DE LEI Nº DE 16 DE MARÇO DE 2010 Proíbe o consumo de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos ou de qualquer outro produto fumígeno, derivado ou não do tabaco, e dá outras providências. O PREFEITO

Leia mais

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL JANEIRO DE

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL JANEIRO DE PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL JANEIRO DE 2013 Temos lido e ouvido muitos comentários nos últimos dias sobre o processo de formação de Atletas no Brasil, emitidas

Leia mais

Ana Carolina Vieira KRÜGER 2 Lucas KOTOVICZ 3 Sandra NODARI 4 Universidade Positivo, Curitiba, PR

Ana Carolina Vieira KRÜGER 2 Lucas KOTOVICZ 3 Sandra NODARI 4 Universidade Positivo, Curitiba, PR Roteiro de Não Ficção: Cardápio da Madrugada 1 Ana Carolina Vieira KRÜGER 2 Lucas KOTOVICZ 3 Sandra NODARI 4 Universidade Positivo, Curitiba, PR RESUMO A série de reportagens "Cardápio da Madrugada" foi

Leia mais

O próprio secretário de saúde afirmou que seus antecessores adquiriam. medicamentos através de compras direcionadas e sem qualquer critério.

O próprio secretário de saúde afirmou que seus antecessores adquiriam. medicamentos através de compras direcionadas e sem qualquer critério. Senador Pedro Taques Discurso contas da Saúde MT (06/2013) Senhor presidente, Senhoras senadoras, senhores senadores, Amigos que nos acompanham pela Agência Senado A saúde de Mato Grosso pede socorro.

Leia mais

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 85, DE 2015 (Nº 1.759/2007, NA CASA DE ORIGEM) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 85, DE 2015 (Nº 1.759/2007, NA CASA DE ORIGEM) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 85, DE 2015 (Nº 1.759/2007, NA CASA DE ORIGEM) Dispõe sobre as empresas de sistemas eletrônicos de segurança e dá outras providências. O CONGRESSO NACIONAL decreta:

Leia mais

76 Anos Educando para a Vida. Os usos e abusos da internet

76 Anos Educando para a Vida. Os usos e abusos da internet CIANSP - COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Rua Monsenhor Domingos Pinheiro, 35 Calafate/BH Fone: (31) 3334 6913 - coorden acao@colegiopied ade.co m.b r 76 Anos Educando para a Vida DISCIPLINA: REDAÇÃO PROFESSOR(A):SANDRA

Leia mais

MÓDULO 5 O SENSO COMUM

MÓDULO 5 O SENSO COMUM MÓDULO 5 O SENSO COMUM Uma das principais metas de alguém que quer escrever boas redações é fugir do senso comum. Basicamente, o senso comum é um julgamento feito com base em ideias simples, ingênuas e,

Leia mais

RESENHA resenha resumo resenha crítica Título: Identificação do resenhista: Referência: Dados sobre o(s) autor(es): Dados sobre a obra: Apreciação:

RESENHA resenha resumo resenha crítica Título: Identificação do resenhista: Referência: Dados sobre o(s) autor(es): Dados sobre a obra: Apreciação: RESENHA Resenha é a apreciação crítica sobre uma determinada obra (livro, artigo, texto, filme, etc.). Trata-se de um breve texto, semelhante a um resumo, que visa comentar um trabalho realizado. Será

Leia mais

Caderno de Redação Exame Ensino Fundamental Aluno(a):... 24/11/2014

Caderno de Redação Exame Ensino Fundamental Aluno(a):... 24/11/2014 Caderno de Redação Exame Ensino Fundamental Aluno(a):... 24/11/2014 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União,

Leia mais

RISCI RELATORIO DE INSPEÇÃO DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO CAISM

RISCI RELATORIO DE INSPEÇÃO DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO CAISM RISCI RELATORIO DE INSPEÇÃO DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO CAISM Ano 2015 CIPA/UNICAMP Sumário: 1 Objetivo e Aplicação. 2 Embasamento Técnico Legal. 3 Síntese da solicitação. 4 Adequações. 5 Penalidades.

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO USO DE IMÓVEIS CONTRU 2 DIVISÃO LOCAIS DE REUNIÃO

DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO USO DE IMÓVEIS CONTRU 2 DIVISÃO LOCAIS DE REUNIÃO PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE HABITAÇÃO DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO USO DE IMÓVEIS CONTRU 2 DIVISÃO LOCAIS DE REUNIÃO Telefone (011) 3397 3629/3630. Diretor Silvio de Sicco

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia de Porto Alegre

Colégio Santa Dorotéia de Porto Alegre Art. 1 Apresentação Com o objetivo de estimular em seus alunos o prazer e o hábito da escrita, além de proporcionar espaço para a revelação de jovens talentos, o Colégio Santa Dorotéia de Porto Alegre

Leia mais

PARECER Nº, DE 2015. RELATOR: Senador PAULO PAIM

PARECER Nº, DE 2015. RELATOR: Senador PAULO PAIM PARECER Nº, DE 2015 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre o Projeto de Lei da Câmara (PLC) nº 33, de 2014 (PL nº 2.020, de 2007, na origem), da Deputada Elcione Barbalho, que estabelece

Leia mais

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PERÍODO DE REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS: 12 A 19 DE SETEMBRO

Leia mais

Termo de Compromisso para Publicidade

Termo de Compromisso para Publicidade Termo de Compromisso para Publicidade Eu,, responsável técnico da pessoa jurídica, (RAZÃO SOZIAL) CNPJ declaro que o nome a ser utilizado para publicidade será. (NOME FANTASIA) Declaro ainda, que tomei

Leia mais

Resenha sobre o capítulo II Concepção e Organização da pesquisa do livro Metodologia da Pesquisa-ação

Resenha sobre o capítulo II Concepção e Organização da pesquisa do livro Metodologia da Pesquisa-ação Resenha sobre o capítulo II Concepção e Organização da pesquisa do livro Metodologia da Pesquisa-ação Felipe Schadt 1 O presente capítulo 2 é parte integrante do livro Metodologia da Pesquisa-ação, do

Leia mais

1º Simulado de Redação 3ª série do Ensino Médio

1º Simulado de Redação 3ª série do Ensino Médio 1º Simulado de Redação 1. (Manga!/2014) Com base na leitura dos textos motivadores seguintes e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo, em norma

Leia mais

CAPÍTULO I DAS VAGAS E ÁREAS PARA ESTÁGIO

CAPÍTULO I DAS VAGAS E ÁREAS PARA ESTÁGIO PREFEITURA MUNICIPAL DE LENÇÓIS PAULISTA Praça das Palmeiras, 55 Fone (14) 3269-7000 Fax (14) 3269-7078 CEP 18682-900 Lençóis Paulista SP CNPJ: 46.200.846/0001-76 www.lencoispaulista.sp.gov.br PREFEITURA

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 3.366, DE 2015 (Do Sr. Carlos Henrique Gaguim)

PROJETO DE LEI N.º 3.366, DE 2015 (Do Sr. Carlos Henrique Gaguim) *C0057202A* C0057202A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 3.366, DE 2015 (Do Sr. Carlos Henrique Gaguim) Proíbe o uso de fogos de artifício em locais públicos e em recintos particulares onde haja presença

Leia mais

O Planejamento Participativo

O Planejamento Participativo O Planejamento Participativo Textos de um livro em preparação, a ser publicado em breve pela Ed. Vozes e que, provavelmente, se chamará Soluções de Planejamento para uma Visão Estratégica. Autor: Danilo

Leia mais

O SR. ALVARO DIAS (Bloco Minoria/PSDB PR) pronuncia o seguinte discurso: Sr. Presidente, Srs. Senadores, Srªs Senadoras, hoje não falarei mal da

O SR. ALVARO DIAS (Bloco Minoria/PSDB PR) pronuncia o seguinte discurso: Sr. Presidente, Srs. Senadores, Srªs Senadoras, hoje não falarei mal da O SR. ALVARO DIAS (Bloco Minoria/PSDB PR) pronuncia o seguinte discurso: Sr. Presidente, Srs. Senadores, Srªs Senadoras, hoje não falarei mal da Presidente, Senador Requião. Trago a esta tribuna um assunto

Leia mais

Exercício de cidadania

Exercício de cidadania 1 2 Exercício de cidadania Na década de 1980, tivemos no Brasil as primeiras experiências de Conselhos Comunitários de Segurança, sendo o Paraná precursor na constituição de CONSEGs e Mobilização Social.

Leia mais

Aluno(a):... 02/10/2014

Aluno(a):... 02/10/2014 Caderno de Redação Ensino Fundamental Aluno(a):... 02/10/2014 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União, para

Leia mais

2º Para os veículos leves do ciclo Otto ficam estabelecidos os limites máximos de Co, HC, diluição e velocidade angular do motor do Anexo I.

2º Para os veículos leves do ciclo Otto ficam estabelecidos os limites máximos de Co, HC, diluição e velocidade angular do motor do Anexo I. RESOLUÇÃO CONAMA Nº 007, de 31 de agosto de 1993 O CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE - CONAMA, no uso das atribuições previstas na Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981, alterada pelas Leis nº 7.804,

Leia mais

CAUSAS DE ACIDENTES DE TRABALHO

CAUSAS DE ACIDENTES DE TRABALHO CAUSAS DE ACIDENTES DE TRABALHO É POSSÍVEL ACONTECER UM ACIDENTE DE TRABALHO NESTAS CONDIÇÕES? Percepção de Riscos e Prevenção As pessoas são realmente descuidadas? As pessoas realmente percebem os riscos?

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 101 Discurso na cerimónia de inauguração

Leia mais

TRANSFERÊNCIA FACULTATIVA, REINGRESSO E MUDANÇA DE CURSO - 2015

TRANSFERÊNCIA FACULTATIVA, REINGRESSO E MUDANÇA DE CURSO - 2015 PROAC / COSEAC UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE TRANSFERÊNCIA FACULTATIVA, REINGRESSO E MUDANÇA DE CURSO - 2015 CADERNO DE LÍNGUA PORTUGUESA INSTRUÇÕES AO CANDIDATO 1. Você deve ter recebido do fiscal,

Leia mais

1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Manaus,05 de Abril de 2013.

1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Manaus,05 de Abril de 2013. 1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Por determinação do SENAR-AR/AM, fica prorrogado o prazo de inscrições para o Processo Seletivo SENAR-AR/AM 001/2013, até as 18 horas do dia 12 de

Leia mais

TRATADO DE COOPERAÇÃO EM MATÉRIA DE PATENTES 1

TRATADO DE COOPERAÇÃO EM MATÉRIA DE PATENTES 1 Os Estados contratantes, TRATADO DE COOPERAÇÃO EM MATÉRIA DE PATENTES 1 Desejosos de contribuir para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia, Desejosos de aperfeiçoar a proteção legal das invenções,

Leia mais

Avaliação 2 o Bimestre

Avaliação 2 o Bimestre Avaliação 2 o Bimestre NOME: N º : CLASSE: Na unidade 4, você leu alguns textos que traziam como assunto principal o cachorro, animal de estimação muito apreciado por crianças e adultos. Entre os textos

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE REDAÇÃO LEO CLUBE, ESCOLA DE LÍDERES

REGULAMENTO DO CONCURSO DE REDAÇÃO LEO CLUBE, ESCOLA DE LÍDERES REGULAMENTO DO CONCURSO DE REDAÇÃO LEO CLUBE, ESCOLA DE LÍDERES 1 DO CONCURSO O Concurso de Redação do LEO Clube São João da Urtiga, com o tema LEO Clube, Escola de Líderes, obedecerá ao presente regulamento.

Leia mais

CADERNO DEPROVA CARGO: DIGITADOR DE INFORMÁTICA

CADERNO DEPROVA CARGO: DIGITADOR DE INFORMÁTICA CADERNO DEPROVA CARGO: DIGITADOR DE INFORMÁTICA NOME: INSCRIÇÃO; PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA Efeitos de Chernobyl ainda preocupam Na madrugada de 26 de abril de 1986, um reator da usina nuclear de Chernobyl,

Leia mais

Capítulo I das Atividades do Conselho

Capítulo I das Atividades do Conselho REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE ITARANTIM BA, DE ACORDO COM A LEI Nº 11.947/2009 E RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 038/2009. Capítulo I das Atividades do Conselho

Leia mais

Resolução CONAMA nº 07, de 31 de agosto de 1993. (Publicação - Diário Oficial da União 31/12/1993)

Resolução CONAMA nº 07, de 31 de agosto de 1993. (Publicação - Diário Oficial da União 31/12/1993) Resolução CONAMA nº 07, de 31 de agosto de 1993. (Publicação - Diário Oficial da União 31/12/1993) O CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE - CONAMA, no uso das atribuições previstas na Lei nº 6.938, de 31

Leia mais

OBJETO DA LEI SÍNTESE DA LEI. A Lei é:

OBJETO DA LEI SÍNTESE DA LEI. A Lei é: OBJETO DA LEI O principal objetivo desta nova lei é preservar vidas humanas, garantir o funcionamento seguro das edificações no nosso Estado e proteger patrimônios públicos e privados. A lei 14.376 estabelece

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO APOLÔNIO SALLES

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO APOLÔNIO SALLES NÍVEL: FUNDAMENTAL TURNO: MANHÃ GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO APOLÔNIO SALLES SUPLETIVO 2013 QUADRO DE PROVAS PORTUGUÊS PRÉDIO: SALA: NOME COMPLETO: RG: Nº DE INSCRIÇÃO:

Leia mais

QUESTÕES E MITOS SOBRE O PROJETO DE LEI 6602/13

QUESTÕES E MITOS SOBRE O PROJETO DE LEI 6602/13 QUESTÕES E S SOBRE O PROJETO DE LEI 6602/13 QUE REGULAMENTA OS EXPERIMENTOS COM ANIMAIS PARA FINS COSMÉTICOS GERANDO UM ENORME RETROCESSO ÀS CONQUISTAS OBTIDAS NA LEGISLAÇÃO JÁ EM VIGOR De acordo com nossa

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

1 Apresentação 2 Formatação do texto Papel: Margens: Tipo de Letra: Tamanho da fonte: Espaço entre as linhas:

1 Apresentação 2 Formatação do texto Papel: Margens: Tipo de Letra: Tamanho da fonte: Espaço entre as linhas: 1 2 1 Apresentação Este documento tem por objetivo apresentar orientações para a redação e formatação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na modalidade de Artigo Científico. Para a elaboração do artigo

Leia mais

1º CONCURSO DE DESENHO E REDAÇÃO SUSTENTABILIDADE

1º CONCURSO DE DESENHO E REDAÇÃO SUSTENTABILIDADE 1º CONCURSO DE DESENHO E REDAÇÃO SUSTENTABILIDADE O Prefeito Municipal de Joinville, no uso de suas atribuições legais, por meio da Fundação Municipal do Meio Ambiente de Joinville - FUNDEMA, por ocasião

Leia mais

Porto Alegre/RS - Polêmica das Bikes: Prédios públicos terão bicicletários

Porto Alegre/RS - Polêmica das Bikes: Prédios públicos terão bicicletários Porto Alegre/RS - Polêmica das Bikes: Prédios públicos terão bicicletários Após repercussão negativa de resposta de servidora da Smic, prefeitura anuncia espaço e até possível locação de bicicletas. Porto

Leia mais

Prefeitura Municipal de Valença-RJ

Prefeitura Municipal de Valença-RJ Prefeitura Municipal de Valença-RJ Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Valença-RJ EDITAL Nº 01, DE 27 DE JANEIRO DE 2015. Edital para Contratação Temporária de Bandas para apresentação no Carnaval

Leia mais

Conselho Nacional de Controle Interno

Conselho Nacional de Controle Interno Veículo: Site Congresso em Foco Data: 13/07/2012 Editoria: Lei de Acesso Coluna: - Página: - Só 12% das prefeituras dão atenção a transparência Uma mesma pergunta foi feita às administrações de 133 cidades

Leia mais

AVALIAÇÃO NA DISCIPLINA DE ARTE

AVALIAÇÃO NA DISCIPLINA DE ARTE AVALIAÇÃO NA DISCIPLINA DE ARTE Juliana Stedille 1 Richelly de Macedo Ramos 2 Edi Jussara Candido Lorensatti 3 Resumo Este artigo busca verificar quais os procedimentos adotados por professores da disciplina

Leia mais

Drogas Enganam 1. PALAVRAS-CHAVE: Prevendroga; cartaz; curiosidade; ilusão de óptica; engano.

Drogas Enganam 1. PALAVRAS-CHAVE: Prevendroga; cartaz; curiosidade; ilusão de óptica; engano. Drogas Enganam 1 Eduardo Freitas ASSUNÇÃO 2 Erick Frederico Corrêa CASTRO 3 Gabriela REMPEL 4 Pâmela Fabíola TODESCHINI 5 Profª. Msª Juliana PETERMANN 6 Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria,

Leia mais

MEMÓRIAS DE PESQUISA: A HISTÓRIA DE VIDA CONTADA POR MULHERES VIGIADAS E PUNIDAS

MEMÓRIAS DE PESQUISA: A HISTÓRIA DE VIDA CONTADA POR MULHERES VIGIADAS E PUNIDAS MEMÓRIAS DE PESQUISA: A HISTÓRIA DE VIDA CONTADA POR MULHERES VIGIADAS E PUNIDAS 1 Introdução O presente estudo se insere no contexto do sistema penitenciário feminino e, empiricamente, tem como tema as

Leia mais

O QUE MAIS ESTRESSA O CARIOCA? FEVEREIRO

O QUE MAIS ESTRESSA O CARIOCA? FEVEREIRO Enquete Algumas reportagens e matérias dão conta que o Brasil é o segundo país mais estressado do mundo e o trabalho é apontado como uma das principais causas desse mal. Porém, nem só de trabalho vive

Leia mais

Prefeitura Municipal de Campinas

Prefeitura Municipal de Campinas Prefeitura Municipal de Campinas Criada pelo Decreto Municipal nº 17.301 de 29 de março de 2011 Estrutura: Coordenadoria Setorial Administrativo e de Expediente Departamento de Controle Preventivo Coordenadoria

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 14 Discurso: em encontro com professores

Leia mais

SUGESTÕES PARA A ADEQUAÇÃO DE CANIS E DE CRIADORES DE ANIMAIS NO MUNICÍPIO DE SUMARÉ/SP

SUGESTÕES PARA A ADEQUAÇÃO DE CANIS E DE CRIADORES DE ANIMAIS NO MUNICÍPIO DE SUMARÉ/SP Sumaré, setembro de 2012 SUGESTÕES PARA A ADEQUAÇÃO DE CANIS E DE CRIADORES DE ANIMAIS NO MUNICÍPIO DE SUMARÉ/SP Se de um lado temos criadores conscientes e responsáveis, munidos de informação e formação

Leia mais

MEIO AMBIENTE Fiscalização ambiental: seu posto está preparado?

MEIO AMBIENTE Fiscalização ambiental: seu posto está preparado? MEIO AMBIENTE Fiscalização ambiental: seu posto está preparado? A resolução 273 do Conama já completou dez anos, mas muitos postos revendedores ainda não concluíram o licenciamento ambiental e, por isso,

Leia mais

14 segredos que você jamais deve contar a ele

14 segredos que você jamais deve contar a ele Link da matéria : http://www.dicasdemulher.com.br/segredos-que-voce-jamais-deve-contar-aele/ DICAS DE MULHER DICAS DE COMPORTAMENTO 14 segredos que você jamais deve contar a ele Algumas lembranças e comentários

Leia mais

cultura em nova iguaçu

cultura em nova iguaçu cultura em nova iguaçu metodologia campo: 11 de abril a 30 de maio de 2014 margem de erro 6pp 299 pessoas com mais de 12 anos foram entrevistadas em Nova Iguaçu entrevistados foram abordados em pontos

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 01. Tratando se das atribuições de um Vigia de um órgão público municipal, é correto afirmar que: A) A realização de rondas diurnas e noturnas tem como objetivo evitar roubos,

Leia mais

Diversidade nas ondas: um estudo de caso sobre a rádio comunitária Diversidade 1

Diversidade nas ondas: um estudo de caso sobre a rádio comunitária Diversidade 1 Diversidade nas ondas: um estudo de caso sobre a rádio comunitária Diversidade 1 Emerson de Cunha de SOUSA 2 Janaine S. Freires AIRES 3 Jéssica Karoline do Nascimento BARROS 4 Maria José da SILVA 5 Universidade

Leia mais

Leya Leituras Projeto de Leitura

Leya Leituras Projeto de Leitura Leya Leituras Projeto de Leitura Nome do livro: JAPĨĨ E JAKÃMĨ Uma história de amizade Autor: Yaguarê Yamã Nacionalidade do autor: Brasileira Currículo do autor: Escritor, professor e artista plástico

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO - SGI (MEIO AMBIENTE, SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO) Procedimento PREPARAÇÃO E RESPOSTA A EMERGENCIA

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO - SGI (MEIO AMBIENTE, SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO) Procedimento PREPARAÇÃO E RESPOSTA A EMERGENCIA SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO - SGI (MEIO AMBIENTE, SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO) Procedimento PREPARAÇÃO E RESPOSTA A EMERGENCIA PR.11 Revisão: 00 Página 1 de 4 1. OBJETIVO Estabelecer e manter planos

Leia mais

Editora Ferreira Projeto Redação sob Medida

Editora Ferreira Projeto Redação sob Medida Editora Ferreira Projeto Redação sob Medida Aula 06 Construção do texto expositivo-argumentativo: I etapa Retomando a aula interior, insistimos que o texto dissertativo das expectativas das bancas é o

Leia mais

PROGRAMA DINHEIRO DIRETO NA ESCOLA: um estudo nas redes municipal de Porto Alegre e estadual do Rio Grande do Sul

PROGRAMA DINHEIRO DIRETO NA ESCOLA: um estudo nas redes municipal de Porto Alegre e estadual do Rio Grande do Sul PROGRAMA DINHEIRO DIRETO NA ESCOLA: um estudo nas redes municipal de Porto Alegre e estadual do Rio Grande do Sul Vera Maria Vidal Peroni PPGEDU UFRGS Este trabalho é parte da pesquisa intitulada: PROGRAMA

Leia mais

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 20 a 24 de outubro de 2014 Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial O diretor do SINDIJUFE-MT Pedro

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO

EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO O Secretário Municipal de Saúde do Município de Araucária, Estado do Paraná, torna público, para conhecimento de todos os interessados, o CHAMAMENTO PÚBLICO,

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 11. O princípio da relevância da informação jornalística é o(a): (A) interesse econômico (B) interesse público (C) interesse da empresa (D) interpretação dos fatos (E) interesse

Leia mais

*Doutora em Lingüística (UNICAMP), Professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV).

*Doutora em Lingüística (UNICAMP), Professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV). PRÁTICAS DE LEITURA EM SALA DE AULA: O USO DE FILMES E DEMAIS PRODUÇÕES CINEMATOGRÁFICAS EM AULAS DE LÍNGUA - PORTUGUESA 52 - Adriana da Silva* adria.silva@ufv.br Alex Caldas Simões** axbr1@yahoo.com.br

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Santa Maria Secretaria Geral de Governo DECRETO EXECUTIVO Nº159 DE 07 DE JULHO DE 2006

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Santa Maria Secretaria Geral de Governo DECRETO EXECUTIVO Nº159 DE 07 DE JULHO DE 2006 DECRETO EXECUTIVO Nº159 DE 07 DE JULHO DE 2006 Estabelece Normas para o Requerimento de Licença Temporária para Realização de Eventos em geral, no Município de Santa Maria e dá outras providências. O PREFEITO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO PUBLICADO EM PLACAR Em / / PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS LEI COMPLEMENTAR Nº 173, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2008. Faço saber que: Dispõe sobre permissão de uso, de espaço público, aéreo e subsolo, para instalação

Leia mais

EDITAL Nº 01/2014 EDITAL Nº 01/2014 DO PROCESSO SELETIVO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ INGRESSO EM 2015/1

EDITAL Nº 01/2014 EDITAL Nº 01/2014 DO PROCESSO SELETIVO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ INGRESSO EM 2015/1 CUIABÁ CUIABÁ CUIABÁ CUIABÁ UNIDADE PARCELAS MENSALIDADE (R$) TURNO VAGAS DURAÇÃO DO CURSO EDITAL Nº 01/2014 EDITAL Nº 01/2014 DO PROCESSO SELETIVO DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CUIABÁ INGRESSO EM 2015/1

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE REDAÇÃO

REGULAMENTO CONCURSO DE REDAÇÃO REGULAMENTO CONCURSO DE REDAÇÃO 1 DO CONCURSO O Concurso de Redação do ESPAÇO GESTÃO TAPEJARA, com o tema Inovação e Sustentabilidade Empresarial, obedecerá ao presente regulamento. 2 DOS OBJETIVOS O Concurso

Leia mais

ATUALIDADES. Top Atualidades Semanal DESTAQUE PROFESSOR MARCOS JOSÉ SEMANA 16 A 22 DE JUNHO. Material: Raquel Basilone SEMANA 16 A 22 DE JUNHO

ATUALIDADES. Top Atualidades Semanal DESTAQUE PROFESSOR MARCOS JOSÉ SEMANA 16 A 22 DE JUNHO. Material: Raquel Basilone SEMANA 16 A 22 DE JUNHO Bloqueio frustra visita de Aécio à Venezuela Em encíclica, papa responsabiliza ricos por problemas ambientais ATUALIDADES PROFESSOR MARCOS JOSÉ Material: Raquel Basilone Homem branco abre fogo e mata 9

Leia mais

Como escrever para o seu. Site. e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Blog do Advogado Moderno - PROMAD

Como escrever para o seu. Site. e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Blog do Advogado Moderno - PROMAD o seu Site e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Conteúdo Introdução Escrever bem é um misto entre arte e ciência Seus conhecimentos geram mais clientes Dicas práticas Faça

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 2.017-A, DE 2011 (Do Sr. Nelson Bornier)

PROJETO DE LEI N.º 2.017-A, DE 2011 (Do Sr. Nelson Bornier) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 2.017-A, DE 2011 (Do Sr. Nelson Bornier) Dispõe sobre a instalação de itens de segurança nas escadas, rampas e ressaltos nos locais que especifica; tendo parecer

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA INTERATIVIDADE FINAL DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES AULA. AULA: 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo

LÍNGUA PORTUGUESA INTERATIVIDADE FINAL DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES AULA. AULA: 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo : 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo Habilidades: Perceber como se organizam os parágrafos de um texto dissertativo-argumentativo. Texto dissertativo O texto dissertativo é um tipo de texto

Leia mais

Métodos de Produção do Conhecimento

Métodos de Produção do Conhecimento Cruzeiro Métodos de Produção do Conhecimento Apostila 3 Metodologia de estudo de caso 1. A COMPLEXIDADE D O ESTUDO D E CASO... 1 2. OS COMPONENTES DO ESTUDO DE CASO... 1 3. DOIS EXEMPLOS... 1 4. QUESTÕES

Leia mais

DECRETO Nº 5.412, DE 24 DE OUTUBRO

DECRETO Nº 5.412, DE 24 DE OUTUBRO Página 1 de 6 DECRETO Nº 5.412, DE 24 DE OUTUBRO DE 1985 Altera o Regulamento nº 15 - DA PROTEÇÃO CONTRA RUÍDOS, aprovado pelo Decreto nº 1.601, de 21 de junho de 1978, e dá outras providências. O PREFEITO

Leia mais

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional 40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional Essas 40 dicas são ótimas e assino embaixo. Foram passadas para mim pelo amigo Luiz Rodrigues, aluno também do Curso Online de Design Web. A fonte

Leia mais

CAPÍTULO X DOS RESÍDUOS GASOSOS

CAPÍTULO X DOS RESÍDUOS GASOSOS CAPÍTULO X DOS RESÍDUOS GASOSOS Art. 76 Com o propósito de proteger a população ficam estabelecidos, em toda a extensão do Município de Volta Redonda os seguintes padrões de qualidade do ar, como metas

Leia mais

Curso Direito Empresarial Básico

Curso Direito Empresarial Básico Seja bem Vindo! Curso Direito Empresarial Básico CursosOnlineSP.com.br Carga horária: 20hs Conteúdo Programático: 01. Introdução 02. Definições 03. Conceito contemporâneo de marketing 04. História do marketing

Leia mais

Projeto de Lei nº. / 2011. (do Sr. Ricardo Tripoli)

Projeto de Lei nº. / 2011. (do Sr. Ricardo Tripoli) Projeto de Lei nº. / 2011 (do Sr. Ricardo Tripoli) Criminaliza condutas praticadas contra cães e gatos, e dá outras providências. O Congresso Nacional decreta: Dos Crimes contra Cães e Gatos Art. 1º. Esta

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO COMPLEMENTAR. ESPM Unidade Porto Alegre

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO COMPLEMENTAR. ESPM Unidade Porto Alegre EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO COMPLEMENTAR ESPM Unidade Porto Alegre O Diretor Geral da Escola Superior de Propaganda e Marketing Unidade Porto Alegre, em consonância com o regimento da instituição,

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br As sociedades de advogados e demais sociedades de prestação de serviços no novo Código Civil Dilson França Lange* 1)INTRODUÇÃO O articulista, em qualquer campo do conhecimento humano,

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULINHO/2016 CURSOS DE ENSINO MÉDIO INTEGRADO AO TÉCNICO

EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULINHO/2016 CURSOS DE ENSINO MÉDIO INTEGRADO AO TÉCNICO EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULINHO/2016 CURSOS DE ENSINO MÉDIO INTEGRADO AO TÉCNICO Define e regulamenta o Processo Seletivo, para provimento de vagas oferecidas para os cursos de Ensino Médio Integrado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA Normatização nº 01/2010 - CCEF ESTABELECE NORMAS PARA O TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TCC - DO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO

Leia mais

Só as razões da Ética dão rigor ao jornalismo

Só as razões da Ética dão rigor ao jornalismo 1 www.oxisdaquestao.com.br Só as razões da Ética dão rigor ao jornalismo Texto de CARLOS CHAPARRO Em outubro de 2007, estouraram em jornais e telejornais as primeiras reportagens sobre um suposto escândalo

Leia mais

FUNDAMENTAL COMPLETO

FUNDAMENTAL COMPLETO PREFEITURA MUNICIPAL DE MOJU CONCURSO PÚBLICO EDITAL 01/2008 BOLETIM DE QUESTÕES FUNDAMENTAL COMPLETO NOME COMPLETO INSTRUÇÕES INSTRUÇÕES INSCRIÇÃO 1. Este BOLETIM contém 30 (trinta) questões. Cada questão

Leia mais

Aluno(a):... 21/11/2012

Aluno(a):... 21/11/2012 Caderno de Redação 1º ano Ensino Médio Aluno(a):... 21/11/2012 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União, para

Leia mais

a) operações cobertas de venda de ações ou de lançamento de opções;

a) operações cobertas de venda de ações ou de lançamento de opções; Dispõe sobre a Constituição de funcionamento de Clubes de Investimento. O PRESIDENTE DA COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS torna público que o Colegiado, em sessão realizada nesta data, e de acordo com o

Leia mais

DO DESENHO A ESCRITA E LEITURA

DO DESENHO A ESCRITA E LEITURA DO DESENHO A ESCRITA E LEITURA Cleide Nunes Miranda 1 Taís Batista 2 Thamires Sampaio 3 RESUMO: O presente estudo discute a relevância do ensino de leitura e principalmente, da escrita, trazendo em especial

Leia mais

Número protocolo: IC.00909.00002/2010 Assunto: MATÉRIA DE DEFESA DO MEIO AMBIENTE PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE TAPERA Data protocolo: 24/10/2011

Número protocolo: IC.00909.00002/2010 Assunto: MATÉRIA DE DEFESA DO MEIO AMBIENTE PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE TAPERA Data protocolo: 24/10/2011 Número protocolo: IC.00909.00002/2010 Assunto: MATÉRIA DE DEFESA DO MEIO AMBIENTE PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE TAPERA Data protocolo: 24/10/2011 1. Trata-se de inquérito civil instaurado em 3 de fevereiro

Leia mais

CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO

CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO CADERNO DE PROVAS OBJETIVA E REDAÇÃO CURSO: COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO: 1. Esta prova contém Redação e 20(vinte) questões objetivas. Caso o caderno esteja incompleto

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO PROJETO DE LEI N o 7.135, DE 2006 Tipifica o porte de arma de qualquer tipo em presídio. Autor: Deputado Moroni Torgan Relator: Deputado Ary

Leia mais