Código de Conduta. Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Código de Conduta. Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc."

Transcrição

1 Código de Conduta Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc.

2 Mensagem de Jeff Edwards Presidente e Diretor executivo Prezado membro da equipe Cooper Standard, É com satisfação que apresento o Código de Conduta atualizado da Cooper Standard. O nosso Código foi atualizado para fornecer informações adicionais e específicas, mas os valores essenciais permanecem os mesmos: que ajamos com integridade, tomando decisões e ações corretas. Este Código é um guia de como fazemos negócios do jeito certo, enquanto mantemos o nosso compromisso com o crescimento sustentável. O código também nos fornece orientação para assegurar que o nosso trabalho seja feito de um modo ético e legal. Ele contém recursos para responder quaisquer questões relacionadas à conduta apropriada no ambiente de trabalho e é elaborado para ajudarnos a demonstrar respeito ao próximo no ambiente de trabalho, bem como no mercado. Se você tiver qualquer dúvida relacionada a este Código de Conduta, ou tomar conhecimento de qualquer violação deste Código, você deve contatar imediatamente o seu supervisor, um membro da gerência de sua instalação, o departamento de recursos humanos, um membro da Equipe de Responsabilidade Corporativa ou a linha direta para denunciar questões relacionadas à ética. Você pode ter certeza de que não haverá retribuição ou retaliação para perguntas feitas, para levantar preocupações sobre este Código ou para denunciar suspeitas de violação. Eu o incentivo a ler este Código e consultá-lo para orientação, quando necessário. A nossa excelente reputação se deve a como cada um de nós se comporta individualmente e como empresa. Peço a todos que continuemos a trabalhar juntos para preservarmos a excelente reputação da Cooper Standard ao abraçar os princípios do nosso Código de Ética Atenciosamente, Jeffrey S. Edwards Presidente e Diretor executivo

3 Os valores da Cooper Standard Segurança - Garantiremos que uma cultura de segurança total exista em toda parte Funcionários - Os nossos funcionários conduzem a nossa paixão por desempenho Meio ambiente - Protegeremos e sustentaremos os nossos recursos naturais Melhoria contínua - Faremos o possível para alcançarmos os níveis mais altos de desempenho em tudo o que fazemos Qualidade - Faremos o possível para melhorar continuamente e proporcionar produtos, processos e serviços de nível mundial Integridade - Agimos com integridade em tudo que fazemos Clientes - Vamos adquirir um profundo conhecimento das necessidades dos nossos clientes e atender suas expectativas Valor para o acionista Nós nos tornaremos um líder reconhecido medido pelo valor para o acionista Envolvimento com a comunidade - Estamos empenhados em melhorar as comunidades em que vivemos e trabalhamos Diversidade - Os nossos funcionários espelharão os mercados que atendemos

4 INTRODUÇÃO A Cooper Standard faz o possível para ser uma líder em todos os aspectos de seu negócio. O nosso comprometimento com a excelência inclui um comprometimento com os mais altos padrões de ética em nossas transações comerciais. Adotamos este Código de Conduta de Negócios e Ética para fornecer orientação para reconhecermos e lidarmos com questões éticas e nos ajudar a manter uma cultura de integridade e responsabilidade. O Código se aplica a todos os níveis da Empresa em todas as nossas localidades. Referências no Código a funcionários e indivíduos incluem diretores, diretores corporativos e funcionários ao redor do mundo, incluindo pessoal de meio período, temporário ou terceirizado. Os padrões e procedimentos estipulados no Código têm por objetivo evitar irregularidades e promover (i) conduta honesta e ética, incluindo a gestão ética de conflitos reais ou aparentes de interesse entre relacionamentos pessoais e profissionais; (ii) divulgação completa, justa, precisa, oportuna e compreensível no relatório e documentos que a Empresa envia a agências governamentais e em outras comunicações públicas; (iii) o cumprimento das leis governamentais, regras e regulamos aplicáveis; (iv) denúncia interna imediata das violações do Código; e (v) responsabilidade pela adesão ao Código.

5 Cumprimento das leis O negócio da nossa empresa deve ser conduzido por todos os funcionários estritamente de acordo com as leis, regras e regulamentos aplicáveis. Este Código se refere especificamente, em certos trechos, a determinadas leis, mas todos devem respeitar as leis que regem a nossa conduta e contatar o Departamento Jurídico ou o nosso Departamento de Recursos Humanos local, caso haja qualquer questão quanto à legalidade de qualquer conduta envolvendo a Empresa. Pergunta: Não tenho certeza se a minha conduta é legal. Com quem posso conversar? Resposta: Contate o Departamento Jurídico ou o Gerente de Recursos Humanos local

6 Cumprimento do Código Compreendendo o Código É responsabilidade de todos nós lermos cuidadosamente e compreendermos este Código. Se você estiver preocupado com alguma situação ética ou não estiver certo se uma conduta específica está de acordo com os padrões de conduta da Empresa, você é responsável por fazer quaisquer perguntas que acredite serem necessárias para compreender as expectativas da Empresa a seus supervisores, representantes de Recursos Humanos ou outros representantes apropriados da Empresa. Violação do Código Aqueles que não cumprirem o Código, incluindo supervisores que deixarem de denunciar irregularidades, podem estar sujeitos à ação disciplinar, que pode incluir cessação do contrato de trabalho. Abaixo estão exemplos de conduta que podem resultar em ação disciplinar: ações que violem o Código; requisitar que outros violem o Código; não avisar imediatamente sobre uma violação conhecida ou suspeita do Código; não cooperar nas investigações de possíveis violações do Código; retaliar contra outro funcionário por denunciar uma possível violação do Código. Denunciando violações; confidencialidade A Cooper Standard estabeleceu os seguintes procedimentos para denunciar uma violação do Código ou para obter assistência relacionada a problema potencial. Se você acreditar que pode ter violado este Código, tiver uma crença de boa fé, ou prova de que outro funcionário cometeu uma violação deste tipo, você deve denunciar imediatamente a violação ao seu supervisor ou a um representante do nosso grupo de Recursos Humanos. Os supervisores que receberam esta denúncia de um funcionário devem denunciar imediatamente o assunto a Recursos Humanos. Como alternativa, instauramos uma linha direta gratuita gerenciada por um fornecedor externo através do qual você pode denunciar suspeitas de violações ao Código, ou a leis ou políticas aplicáveis. Informações sobre a linha direta e como utilizá-la serão fornecidas de forma contínua em um anexo ao Código. Além disso, designamos uma equipe central de diretores corporativos e representantes, que juntos formam o Comitê de Responsabilidade Corporativa. Esses Diretores de Responsabilidade Corporativa proporcionam outro canal para você denunciar ou discutir possíveis violações do Código. Os atuais membros do Comitê de Responsabilidade Corporativa, e como eles podem ser contatados, devem ser identificados de forma contínua em um anexo ao Código. Ao longo deste Código, quando apropriado, designamos contatos específicos para assuntos específicos. Se tal contato não for designado para um assunto específico, siga o procedimento descrito acima para denunciar qualquer problema ou para tirar qualquer dúvida que você venha a ter. Todas as denúncias e investigações serão tratadas com confidencialidade tanto quanto possível, dadas as circunstâncias. Os funcionários podem escolher permanecer em anonimato, apesar de em alguns casos isso poder dificultar mais o acompanhamento e assegurar a resolução da investigação. Como mencionado acima, nenhum funcionário será alvo de retaliação ou punição por denunciar em boa fé suspeita de conduta antiética ou ilegal realizada por outros funcionários como descrito neste Código ou por se manifestar para nos alertar de qualquer situação questionável.

7 RETALIAÇÃO A Cooper Standard não tolerará retaliação contra qualquer um que em boa fé manifeste uma preocupação, denuncie uma má conduta ou participe de uma investigação. A Cooper Standard proíbe a tomada de ação negativa contra qualquer colega ou associado por ter denunciado um possível desvio desta política ou por cooperar em uma investigação. Qualquer funcionário ou associado que retaliar contra outro funcionário ou associado por denunciar um possível desvio desta política ou por cooperar em uma investigação estará sujeito à ação disciplinar, até e inclusive a rescisão de contrato de trabalho. Em caso de dúvida, contate o Comitê Lembre-se, mesmo uma conduta que você não acredita que prejudicaria a Empresa pode constituir uma violação do Código. O Código é elaborado para proteger a Cooper Standard de conduta imprópria e também de conduta que possa ter a aparência de impropriedade.

8 CONDUTA E PRÁTICAS DE NEGÓCIO Registros financeiros e empresariais Aqueles envolvidos na preparação das demonstrações financeiras da Cooper Standard devem preparar tais demonstrações de acordo com os princípios e padrões contábeis aplicáveis, para que as demonstrações financeiras reflitam de forma material, apropriada e completa as transações comerciais e a condição financeira da Empresa. A política da Empresa proíbe qualquer funcionário de causar ou fazer com que outros façam declarações enganosas, incompletas ou falsas relacionadas a uma auditoria ou apresentação de documento a alguma entidade governamental ou regulatória. A nossa política também proíbe qualquer funcionário de falsificar ou levar outros a falsificarem registros ou documentação da empresa. Além disso, o funcionário não deve omitir ou fazer com que outros omitam qualquer informação material que seja necessária para evitar que uma declaração seja feita em relação a uma auditoria, apresentação de documento ou exame de demonstrações financeiras enganosas. É proibido aos funcionários manter uma conta corporativa não registrada ou desconhecida, financiar ou ajudar em qualquer acordo, incluindo itens extrapatrimoniais ou acordos, com propósito enganoso. Destruição ou falsificação de qualquer documento que seja potencialmente relevante para uma violação da lei ou de uma investigação governamental pode levar a processo por obstrução da justiça. Portanto, se um funcionário tiver razão para acreditar que uma violação da lei foi cometida ou que uma investigação governamental, criminal ou regulatória está prestes a ser iniciada, ele deve manter todos os registros (incluindo registros de computador) que sejam ou possam ser relevantes para uma investigação da questão, seja conduzida pela Empresa ou por uma autoridade governamental. Questões relacionadas à destruição ou retenção de documentos neste contexto devem ser direcionadas ao Departamento Jurídico da Cooper Standard. Propriedade da Empresa Todos os funcionários devem proteger os bens da Cooper Standard e assegurar seu uso eficiente. Não é permitido que nenhum de nós se aproprie, empreste ou faça mau uso consciente dos bens da Cooper Standard, incluindo qualquer informação de propriedade ou confidencial da Empresa, para seu próprio uso, uso de outrem ou para propósito impróprio ou ilegal. Não é permitido remover, destruir ou dispor de qualquer valor pertencente à Cooper Standard sem a autorização da empresa. Fraudes e furtos A política da Cooper Standard proíbe atividade fraudulenta e estabelece procedimentos a serem seguidos para assegurar que incidentes de fraude e furtos relatados a nós sejam imediatamente investigados, denunciados e, quando apropriado, processados. Atividade fraudulenta pode incluir ações cometidas por um funcionário que indevidamente prejudicar fornecedores e clientes, bem como aqueles que prejudicarem a Cooper Standard ou qualquer um de seus funcionários. Funcionários que suspeitarem que atividade fraudulenta ou furto envolvendo a Cooper Standard tenha ocorrido, devem denunciar tal preocupação de acordo com esta política, como estabelecido na seção intitulada Denunciando violações; confidencialidade. Nenhum funcionário ou agente pode assinar uma queixa-crime em nome da Cooper Standard sem a aprovação escrita prévia do Departamento Jurídico.

9 Informações confidenciais É responsabilidade de todos nós proteger as informações não-públicas da Cooper Standard, incluindo suas estratégias e planos, condição financeira, tecnologia, processos, sistemas, produtos, dados pessoais protegidos dos funcionários, clientes, fornecedores, concorrentes, atividades de marketing ou vendas, preços, aquisições ou as alienações prospectivas, ou outros aspectos das estratégias ou planos empresariais ( informação confidencial ). Os funcionários não devem revelar a terceiros ou utilizar alguma informação confidencial para qualquer propósito além da necessidade de se fazer conhecer dentro da empresa. Se um funcionário acreditar que é apropriado ou exigido pela lei revelar ou utilizar informação confidencial fora da Empresa, o Departamento Jurídico ou o Departamento de Recursos Humanos local deve ser contatado antes da divulgação ou uso para que medidas protetivas possam ser levadas em consideração. Se a Empresa houver executado um acordo de confidencialidade com terceiros em relação a informações confidenciais a serem divulgadas pelos terceiros à Empresa, todos os funcionários que receberem tais informações confidenciais devem honrar os termos de tal acordo. Essas obrigações têm a duração de todo o período de vínculo empregatício do indivíduo com a Empresa e a todo o momento posteriormente. Privacidade de dados A Cooper Standard está comprometida a proteger a privacidade e as informações pessoais de seus clientes, fornecedores, funcionários e outras pessoas com a quais faz negócios. Informações pessoais são informações ou dados sobre um indivíduo identificado ou identificável em qualquer formato, incluindo oral, verbal, em papel ou meio eletrônico. A Cooper Standard respeita o Safe Harbor Framework entre os EUA e a UE e o Safe Harbor Framework entre os EUA e a Suíça como estabelecido pelo Departamento de Comércio norte-americano para a coleta, utilização e retenção de informações dos países membros da União Europeia e Suíça. A Cooper Standard certificou que adere aos Princípios de Privacidade Safe Harbor relativos a aviso, escolha, transmissão, segurança, integridade de dados, acesso e observância das leis. Para saber mais sobre o programa Safe Harbor e para visualizar a nossa certificação, visite: Uma cópia da nossa Política Safe Harbor da Cooper Standard pode ser encontrada no Portal do Funcionário da Cooper Standard

10 CONFLITOS DE INTERESSES Orientação geral Um conflito de interesses ocorre quando o interesse privado de um indivíduo interfere, ou aparenta interferir, nos interesses da Cooper Standard. Uma situação de conflito pode surgir quando um funcionário pratica ações ou tem interesses que fazem com que seja difícil para ele realizar seu trabalho, objetiva e eficazmente, em nome da Cooper Standard Conflitos de interesse também podem surgir quando um funcionário ou membro de sua família recebe benefícios pessoais impróprios como resultado de seu cargo na Cooper Standard. As decisões empresariais e as ações dos funcionários devem ser baseadas no melhor interesse da Cooper Standard. Relacionamentos de funcionários ou de seus familiares com fornecedores, clientes, concorrentes prospectivos ou existentes, ou outros envolvidos no negócio da Cooper Standard não devem afetar o julgamento independente e sensato. Os funcionários não devem, direta ou indiretamente, ter interesses externos que estejam em conflito ou pareçam estar em conflito com o melhor interesse da Cooper Standard, exceto quando tiverem sido previamente divulgados e aprovados pela Empresa. No caso de diretores ou do Diretor Executivo, tais divulgações devem ser feitas ao Comitê de Governança do Conselho de Diretores. Outros funcionários devem divulgar tais assuntos ao Comitê de Responsabilidade Corporativa. Empréstimos e garantias Diretores, Diretores Corporativos e outros funcionários não devem recorrer ou aceitar empréstimos ou garantias de obrigações da Empresa para si ou para membros de sua família. Além disso, os funcionários não devem buscar ou aceitar empréstimos ou garantias de obrigações (excetuando bancárias), para si ou para membros de sua família, de um indivíduo, organização ou entidade comercial que faz (ou quer fazer) negócios com a Cooper Standard. Os funcionários devem denunciar imediatamente ao supervisor todas as ofertas do tipo citado acima, mesmo quando recusadas. Propriedade em outros negócios Os funcionários não devem possuir, direta ou indiretamente, um significativo interesse financeiro em qualquer entidade comercial que faça ou queira fazer negócio com, ou seja concorrente da Cooper Standard, exceto mediante específica aprovação escrita concedida antecipadamente pelo Comitê de Responsabilidade Corporativa. Como orientação, um significativo interesse financeiro é definido como a propriedade por um funcionário e/ou familiares de mais de 1% de ações em circulação de uma entidade comercial ou que represente mais de 5% dos bens totais do funcionário e/ou de seus familiares. Oportunidades corporativas Os funcionários não podem tirar partido com fins pessoais das oportunidades que forem descobertas através do uso da propriedade, informações ou posição da Empresa, nem podem utilizar a propriedade, informações ou posição da Empresa para ganho pessoal. Além disso, os funcionários não devem concorrer com a Empresa, a menos que tal concorrência seja divulgada ao Comitê de Responsabilidade Corporativa. Empregos, afiliações ou atividades fora da empresa A obrigação principal de um funcionário é com a Cooper Standard. Qualquer atividade externa não relacionada à empresa, tal como um segundo trabalho

11 ou trabalho autônomo, deve ser mantida separadamente das atividades com a Cooper Standard. Os funcionários não podem fazer uso dos clientes, fornecedores, tempo, nome, influência, bens, instalações, materiais ou serviços de outros funcionários da Cooper Standard para atividades externas, a menos que especificamente autorizado por nós, incluindo em conexão com caridade ou outro trabalho voluntário. Presentes, gratificações e entretenimento Funcionários e seus familiares não podem aceitar presentes, gratificações ou entretenimento de pessoas, empresas ou corporações com quem a Cooper Standard faz ou possa fazer negócios além daqueles de valor modesto, consistentes com as práticas éticas geralmente aceitas. É também a nossa política não oferecer presentes, gratificações ou entretenimento para pessoas, empresas ou corporações com as quais fazemos ou possamos fazer negócios, além daqueles de valor modesto, consistentes com as práticas éticas geralmente aceitas. Há alguns casos em que a recusa de um presente valioso pode ser ofensivo para a pessoa que fez a oferta. Isso ocorre especialmente quando os funcionários são convidados em outro país, e o presente é ofertado como parte de uma ocasião pública. Nesses casos, o funcionário a quem o presente foi ofertado deve aceitálo em nome da Cooper Standard, informar sobre isso ao supervisor e entregá-lo a nós. A Cooper Standard, como um cidadão corporativo responsável, pode fazer doações de dinheiro ou produtos para causas dignas, incluindo campanhas de angariação de fundos realizadas por seus clientes. Para ser considerada uma doação apropriada, a contribuição não deve estar conectada a compras específicas de um cliente ou compromissos de compra. Em caso de dúvida, contate o Departamento Jurídico. Relacionamentos com fornecedores ou prestadores de serviço A Cooper Standard encoraja boas relações com fornecedores. Entretanto, você não pode se beneficiar pessoalmente, seja direta ou indiretamente, de qualquer compra de bens ou serviços para ou pela Cooper Standard. Os funcionários cujas responsabilidades incluem comprar ou que têm contato com fornecedores ou prestadores de serviços, não devem explorar sua posição para ganho pessoal. Em circunstância alguma um funcionário pode receber dinheiro ou equivalentes em dinheiro de qualquer fornecedor, seja direta ou indiretamente. Para mais informações, uma cópia da Política Anticorrupção da Cooper Standard pode ser encontrada no portal do Funcionário da Cooper Standard ou obtida com o seu gerente de Recursos Humanos. Determinando conflitos de interesses Em qualquer situação de possível conflito de interesse, pergunte-se: Os meus interesses pessoais podem interferir nos interesses da Cooper Standard? Pode parecer que sim para outras pessoas, tanto dentro quanto fora da Cooper Standard? No caso de dúvida, procure orientação com o seu gerente de Recursos Humanos ou com o Departamento Jurídico local.

12 OPERAÇÕES COM INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA Operações com informação privilegiada são ilegais e antiéticas. Leis federais e estaduais de proteção e a política da Cooper Standard proíbem a compra ou venda de títulos a partir de informações materiais não-públicas. Todos, em qualquer nível, que tomarem conhecimento de informações materiais não-públicas relacionadas à Cooper Standard ou a quaisquer outros negócios, não devem, direta ou indiretamente, utilizar tais informações materiais nãopúblicas na compra ou venda de títulos da Cooper Standard. Somos proibidos de comprar ou vender títulos quando de posse de informações materiais nãopúblicas e não podemos fazer com que outra pessoa compre ou venda tais títulos em nosso nome. Informações materiais não-públicas não podem ser divulgadas a qualquer pessoa fora da Cooper Standard (incluindo parentes, amigos ou associados, independentemente do propósito que tal divulgação possa ter) até que funcionários autorizados da Cooper Standard tenham divulgado adequadamente as informações ao público. Para quaisquer questões relacionadas a estes tópicos, consulte o Departamento Jurídico. Cada funcionário deve respeitar as leis sobre valores mobiliários aplicáveis. Ignorância da lei não é uma defesa. Uma cópia da Política de Negociação de Valores Mobiliários da Cooper Standard pode ser encontrada no Portal do Funcionário da Cooper Standard ou obtida com o seu gerente de Recursos Humanos. Informação material é qualquer informação que um investidor razoável considere importante para decidir entre comprar, vender ou deter títulos. Exemplos podem incluir aquisições, alienações, joint ventures, mudanças no pessoal-chave da gerência, grandes contratos, cancelamentos de contratos materiais, novos produtos ou processos, projeções de ganhos e tendências, e informações importantes em litígio. Em caso de dúvidas em relação à materialidade de certa informação, consulte o Departamento Jurídico.

13 ANTITRUSTE E CONCORRÊNCIA DESLEAL Antitruste É política da Cooper Standard cumprir inteiramente as leis antitruste que se aplicam às nossas operações domesticamente ou pelo mundo. Leis antitruste e de concorrência são muito complexas e variam de um país para outro. Os princípios gerais determinados a seguir têm a intenção de ajudar os funcionários a reconhecer situações com potencial para questões envolvendo antitruste ou concorrência, para que eles possam consultar o Departamento Jurídico. Em geral, a Cooper Standard não pode entrar em acordo com um concorrente: com relação aos preços que a Empresa e o concorrente cobrarão de um cliente ou clientes, ou em relação a outros termos (por ex. crédito) ou condições de venda; para repartir mercados, linhas de produtos, clientes ou territórios (por ex., concordando sobre quem venderá a certos clientes ou em certos territórios); ou para recusar-se a negociar com certo fornecedor ou cliente. Concorrência desleal Leis federais e estaduais proíbem métodos desleais de concorrência e atos e práticas desleais ou enganosas. Essas leis, como as leis antitruste, são elaboradas para proteger os concorrentes e clientes. Embora seja impossível enumerar todos os tipos de condutas proibidas, alguns exemplos são: Suborno comercial ou pagamentos indevidos para induzir um negócio ou quebras de contratos por outrem; Adquirir segredos comerciais do concorrente através de suborno ou furto; Fazer afirmações falsas, enganosas ou depreciativas ou comparações sobre concorrentes ou seus produtos; e Fazer afirmações falsas relacionadas aos próprios produtos sem uma base razoável para tal. Todas as declarações públicas em nome da Cooper Standard, incluindo declarações em conexão com publicidade, materiais promocionais, apresentações de vendas, condições e garantias, devem ser sempre verdadeiras e ter uma base razoável de fato e não devem ser, de modo algum, enganosas. Os funcionários não devem participar de conversas ou reuniões com concorrentes sobre os assuntos acima e devem contatar o departamento de Recursos Humanos ou o Departamento jurídico se forem abordados para tal fim. É a nossa política que todos os clientes e fornecedores sejam tratados de forma justa e que não sejam discriminados. Você não precisa ter um acordo escrito para violar as leis antitruste! Em caso de dúvida, contate o departamento jurídico

14 FAZENDO NEGÓCIOS INTERNACIONALMENTE Geralmente Embora a Cooper Standard deva se adaptar aos costumes e práticas comerciais em mercados globais, todos os funcionários ao redor do mundo devem aderir às leis e regulamentações aplicáveis dos EUA e a estes critérios. Os funcionários em nossas operações internacionais também devem respeitar as leis, culturas e costumes de todos os países nos quais operamos. Lei sobre a prática de corrupção no exterior A Cooper Standard e seus funcionários e representantes devem cumprir a Lei sobre a prática de corrupção no exterior dos EUA (Foreign Corrupt Practices Act - FCPA). A FCPA cobre conduta que ocorre fora das fronteiras territoriais dos Estados Unidos e se aplica às subsidiárias domésticas e estrangeiras da Empresa e tanto a cidadãos dos EUA quanto cidadãos que não sejam dos EUA. Nos termos do presente ato: A Empresa e seus acionistas, diretores, agentes, oficiais e funcionários são proibidos de fazer ou autorizar pagamento em dinheiro ou item de valor, direta ou indiretamente, para oficiais governamentais nãoamericanos, partidos políticos ou candidatos a cargos públicos fora dos Estados Unidos para ganhar ou manter negócios ou influenciar alguma ação ou decisão de tais oficiais. Todos os livros, registros e contas, domésticas ou estrangeiras, devem refletir as transações comerciais de modo correto e exato e as disposições dos bens da Empresa. Um sistema de controles contábeis interno deve ser mantido para fornecer uma supervisão corporativa adequada sobre atividades de contas e relatórios financeiros em todos os níveis. Certos pagamentos e presentes para funcionários não-americanos cujas funções sejam essencialmente ministeriais ou eclesiásticas podem ser permitidos. Frequentemente, é difícil determinar a legalidade de tais pagamentos na lei local em determinadas localidades. Você deve consultar o seu gerente de Recursos Humanos local ou o Departamento Jurídico antes de autorizar ou realizar tal pagamento. Legislação de controle de importação e exportação Todos os funcionários da Cooper Standard e de suas subsidiárias no exterior devem cumprir as leis de importação e exportação dos Estados Unidos e dos outros países com quem fazem negócios. Leis de controle de exportação incluem restrições de países, pessoas e entidades com as quais a Empresa pode fazer negócios e pode requerer que licenças sejam obtidas de autoridades governamentais apropriadas antes do envio. Exportações também podem estar sujeitas a controle, de acordo com a classificação dos itens em questão, ou de acordo com o utilizador final ou a utilização final dos itens. O envio para outras entidades permitidas é proibido se for de conhecimento, ou se deveria ser de conhecimento, que tal entidade pretende reexportar os bens da Cooper Standard para países proibidos, ou para um utilizador final proibido ou para uma utilização final proibida. Leis de controle de importação incluem requisitos de manutenção de registros e documentação e podem incluir proibições ou limitações quanto a importações provenientes de certos países. Todas as informações fornecidas a autoridades governamentais relacionadas a exportações ou importações devem ser verdadeiras e exatas. Os funcionários envolvidos em exportações e importações devem conhecer e cumprir as leis e regulamentações aplicáveis, e devem contatar o Departamento Jurídico para mais orientações.

15 BOICOTES INTERNACIONAIS As leis antiboicote dos Estados Unidos proíbem empresas estrangeiras controladas pela Empresa e a nós de participar de boicotes não sancionados relacionados a produtos ou serviços. Apesar de estas leis serem complexas, elas geralmente proíbem a Empresa de agir em apoio a um boicote em qualquer país estrangeiro em que os Estados Unidos não reconhecem o boicote. Linguagem que possa violar leis antiboicote pode aparecer em contratos, ordens de compra ou documentos de envio que a Cooper Standard é requisitada a assinar, e os funcionários devem prestar atenção às cláusulas desta natureza. Qualquer solicitação para que a Cooper Standard apoie um boicote não sancionado (através de cláusulas contratuais ou outros) deve ser denunciada ao governo dos Estados Unidos e deve consequentemente ser direcionada imediatamente ao Departamento Jurídico ou Recursos Humanos. OPORTUNIDADES IGUAIS DE TRABALHO A Cooper Standard é comprometida em proporcionar oportunidades iguais em todos os aspectos da relação empregatícia e um ambiente de trabalho livre de discriminação ou assédio ilícito de qualquer tipo. Os funcionários são responsáveis por compreender e cumprir as políticas da Empresa sobre oportunidades iguais de trabalho e assédio ilícito. Cópias destas políticas podem ser obtidas no departamento de Recursos Humanos da Empresa. PROTEGENDO O MEIO AMBIENTE E MANTENDO UM LOCAL DE TRABALHO SEGURO A Cooper Standard é comprometida em cumprir as leis aplicáveis e atuar com responsabilidade e eficiência para proteger o meio ambiente e manter um ambiente de trabalho seguro. Os funcionários são responsáveis por compreender e cumprir as nossas políticas ambientais, de saúde e segurança. Cópias desta política podem ser encontradas em nosso departamento de Saúde, Segurança e Meio Ambiente.

16 MÍDIA SOCIAL A Cooper Standard compreende que a mídia social pode ser um modo divertido e recompensador de você compartilhar sua vida com a família, amigos e colegas de trabalho ao redor do mundo. Entretanto, o uso de mídia social pode representar certos riscos e implica em certas responsabilidades. Estabelecemos diretrizes específicas sobre o uso apropriado da mídia social. Estas diretrizes se aplicam a todos que trabalham na Cooper Standard. Mídia social inclui todos os meios de comunicação ou de publicação de informações ou conteúdo de qualquer tipo na internet, incluindo em sua própria, ou de outrem, página ou blog, diário, site pessoal, rede social ou site de relacionamento, quadro de anúncios online ou sala de bate-papo, seja associada à Cooper Standard ou não, bem como em qualquer outra forma de comunicação eletrônica. Como você é o único responsável por aquilo que publica on-line, antes de criar conteúdo, leve em consideração alguns dos riscos e recompensas envolvidas. Lembre-se que qualquer conduta que prejudique o desempenho laboral, o desempenho de colegas, funcionários da Cooper Standard, ou clientes e fornecedores, pode resultar em ação disciplinar até, e incluindo, a rescisão de contrato. Uma cópia da Política de Mídia Social da Cooper Standard pode ser encontrada no Portal do Funcionário da Cooper Standard ou obtida com o seu gerente de Recursos Humanos. ISENÇÕES/MODIFICAÇÕES Em certas situações limitadas, a Cooper Standard pode isentar a aplicação do Código a funcionários, diretores corporativos ou diretores. Em relação a diretores executivos e diretores, tais isenções requerem a aprovação expressa do Comitê de Auditoria do Conselho de Administração. Em relação a todos os demais funcionários, tais isenções requerem a aprovação expressa do Comitê de Responsabilidade Corporativa.

17 ANEXO A LINHA PARA DENÚNCIAS DE QUESTÕES ÉTICAS INSTRUÇÕES DE DISCAGEM INTERNACIONAL Austrália Índia Alemanha Itália Bélgica Japão Brasil México Canadá Países Baixos China (Norte) Polônia China (Sul) Reino Unido Coreia República Tcheca Espanha Romênia (quando solicitado, disque ) Estados Unidos Sérvia França Suécia ANEXO B MEMBROS DO COMITÊ DE RESPONSABILIDADE CORPORATIVA Nomes e informações de contato dos atuais Membros do Comitê podem ser encontrados no Portal do Funcionário da Cooper Standard ou obtidos com o seu Gerente de Recursos Humanos local.

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial É sempre exigido um comportamento legal e ético Este Resumo das políticas de conduta comercial (este "Resumo") fornece uma descrição

Leia mais

Ética & Princípios de Conduta Empresarial

Ética & Princípios de Conduta Empresarial Nossa Cadeia de Fornecedores Ética & Princípios de Conduta Empresarial ao exercer atividades de negócios com a CH2M HILL Outubro 2011 Princípios baseados no livro The Little Yellow Book, escrito em 1978

Leia mais

Padrões de Conduta de Negócios

Padrões de Conduta de Negócios Padrões de Conduta de Negócios A integridade da Dana está em suas mãos A importância destes padrões A Dana Holding Corporation e todas as suas subsidiárias devem conduzir os negócios de uma forma ética

Leia mais

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Código de Conduta de Negócios & Ética Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Mensagem do Presidente & CEO A integridade pessoal, os valores compartilhados e a conduta ética dos negócios por todos os funcionários

Leia mais

4 Princípio 1 Responsabilizar-se pela Própria Segurança e pela Segurança dos Outros

4 Princípio 1 Responsabilizar-se pela Própria Segurança e pela Segurança dos Outros Aplicação O Código de Conduta e Ética Comercial("Código") da Apolo Tubulars S.A. ( Apolo ) se aplica a todos nós -- diretores, funcionários e empregados em tempo integral e meio-expediente da Apolo. No

Leia mais

Colgate-Palmolive Company. Código de Conduta do Fornecedor

Colgate-Palmolive Company. Código de Conduta do Fornecedor Colgate-Palmolive Company Código de Conduta do Fornecedor Prezado Fornecedor da Colgate, No decorrer do tempo, a Colgate-Palmolive Company construiu sua reputação como organização que emprega práticas

Leia mais

Padrões de conduta comercial da PerkinElmer

Padrões de conduta comercial da PerkinElmer Padrões de conduta comercial da PerkinElmer VALORES ÉTICOS E COMERCIAIS DA PERKINELMER Objetivo Os Padrões de conduta comercial da PerkinElmer ( Padrões ) identificam valores e princípios que norteiam

Leia mais

Introdução. Observância às leis. Conflitos de interesses. Negociação justa (Fair Dealing) Proteção e utilização adequada dos ativos da Empresa

Introdução. Observância às leis. Conflitos de interesses. Negociação justa (Fair Dealing) Proteção e utilização adequada dos ativos da Empresa Código de Conduta Sumário Introdução 2 Observância às leis 3 Conflitos de interesses 5 Negociação justa (Fair Dealing) 7 Proteção e utilização adequada dos ativos da Empresa 10 Respeito à comunidade ArcelorMittal

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 1 de 9 UL NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 2 de 9 ÍNDICE 1.0 OBJETIVO... 4 2.0 ESCOPO... 4 3.0 DEFINIÇÕES... 4 4.0 PRÁTICAS DE CONTRATAÇÃO... 5 4.1 TRABALHO FORÇADO... 5 4.2 TRABALHO

Leia mais

Jaguar Mining Inc. Código de Ética e Conduta. Responsável: Diretor Presidente. Versão: 2.0

Jaguar Mining Inc. Código de Ética e Conduta. Responsável: Diretor Presidente. Versão: 2.0 Jaguar Mining Inc. Código de Ética e Conduta Responsável: Diretor Presidente Versão: 2.0 Entrada em Vigor: Setembro, 2014 Sumário Histórico de Aprovação e Revisão 2 1. Propósito... 3 2. Aplicabilidade

Leia mais

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig de Ética Código CÓDIGO de Ética Código de Ética Código DE de Ética Código de Ética de Ética Código de Ética Código ÉTICA de Ética Código de Ética Código de Ética Fazendo Negócios com Integridade Realizamos

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. 1 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. Este código de ética e conduta foi aprovado pelo Conselho de Administração da INTERNATIONAL MEAL COMPANY ALIMENTAÇÃO S.A. ( Companhia

Leia mais

Diretrizes Éticas e Legais

Diretrizes Éticas e Legais Nosso ativo mais valioso é a reputação de integridade e justiça. Esta reputação define as maneiras como conduzimos os negócios com os clientes, fornecedores, concorrentes e nossos funcionários. Diretrizes

Leia mais

Código de Conduta da DuPont. Garantindo um futuro sustentável

Código de Conduta da DuPont. Garantindo um futuro sustentável Código de Conduta da DuPont Garantindo um futuro sustentável Nossos valores corporativos em ação Janeiro 2011 Mensagem do CEO Aos colegas da DuPont: Ao longo dos séculos, os funcionários da DuPont utilizam

Leia mais

Prezado colaborador, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 -

Prezado colaborador, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 - Prezado colaborador, Há mais de sessenta anos que o nome Tupperware representa os mais altos padrões de qualidade de produto. Levamos a sério a qualidade e a integridade dos nossos produtos e somos uma

Leia mais

Política de integridade Empresarial

Política de integridade Empresarial Política de integridade Empresarial Introdução Integridade e responsabilidade são valores fundamentais para a Anglo American. Ganhar a confiança e mantê-la é fundamental para o sucesso de nossos negócios.

Leia mais

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1

GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1 GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1 07/12/15 17:39 GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 2 07/12/15 17:39 APRESENTAÇÃO Carta do Presidente do Conselho de Administração Pessoas e equipes são valorizadas na Concessionária

Leia mais

Código de Conduta ÉTICA EM QUALQUER LUGAR TODOS OS DIAS

Código de Conduta ÉTICA EM QUALQUER LUGAR TODOS OS DIAS Código de Conduta ÉTICA EM QUALQUER LUGAR TODOS OS DIAS i MENSAGEM DO NOSSO CEO Prezados colegas, Na Bunge, a integridade é a essência de como conduzimos os negócios no mercado global. Fazemos parte da

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA - PORTAL

CÓDIGO DE ÉTICA - PORTAL 1. Disposições Preliminares Este Código de Ética tem como principal objetivo informar aos colaboradores, prestadores de serviço, clientes e fornecedores da Petronect quais são os princípios éticos que

Leia mais

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL A Política de Prevenção à Corrupção tem como objetivo dar visibilidade e registrar os princípios e valores éticos que devem nortear a atuação dos empregados,

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta 2015 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA ALIANSCE I. Abrangência A Aliansce, todas as sociedades, direta ou indiretamente por ela controladas ou sob mesmo controle, e os Shopping Centers

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Índice Nossos princípios diretivos 03 Proteção do patrimônio e uso dos ativos 04 Informação confidencial 05 Gestão e Tratamento dos Colaboradores 06 Conflitos de interesse 07

Leia mais

GUIA ANTICORRUPÇÃO WILSON SONS

GUIA ANTICORRUPÇÃO WILSON SONS GUIA ANTICORRUPÇÃO WILSON SONS A Wilson Sons, por meio deste Guia Anticorrupção, pretende disseminar os valores morais e éticos que norteiam seus diversos negócios, reiterando seu princípio de combate

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DE IBT

CÓDIGO DE CONDUTA DE IBT CÓDIGO DE CONDUTA DE IBT PARA FORNECEDORES E OUTROS ASSOCIADOS COMERCIAIS O IBT Group, LLC e suas empresas relacionadas (em conjunto IBT ), mantêm o compromisso de executar suas atividades comerciais de

Leia mais

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes.

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes. CÓDIGO DE CONDUTA 1. Introdução O Código de Conduta Ahlstrom descreve os princípios éticos que sustentam o modo como conduzimos os negócios em nossa empresa. Baseia-se em nossos principais valores Agir

Leia mais

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL Março de 2015 1ª edição MENSAGEM DO PRESIDENTE O Código de Conduta da RIP ( Código ) é a declaração formal das expectativas que servem

Leia mais

Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos

Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos Princípios Gerais de Negócios da ARCADIS Logos Conteúdo 1 Página Capítulo 2 1. Introdução 3 2. Nossos Compromissos 3! Compromissos com a sociedade 3! Compromissos para com os clientes 4! Compromissos para

Leia mais

Código de Ética - Ultra

Código de Ética - Ultra Código de Ética - Ultra Ética na gestão - Equidade, transparência e responsabilidade - Cumprimento das leis - Desenvolvimento sustentável Ética nos relacionamentos - Acionistas e investidores - Colaboradores

Leia mais

ntegridade integridade Código de Conduta do Fornecedor da Monsanto Brazilian Portuguese

ntegridade integridade Código de Conduta do Fornecedor da Monsanto Brazilian Portuguese ntegridade ando vidas produzindo mais conservando mais melhorando vidas produzin integridade zindo mais conservando mais melhorando vidas produzindo mais conserva vidas produzindo mais conservando mais

Leia mais

Código de Conduta nos Negócios e Ética do UBS

Código de Conduta nos Negócios e Ética do UBS Código de Conduta nos Negócios e Ética do UBS Prefácio Este Código de Conduta nos Negócios e Ética do UBS (o Código) estabelece os princípios e práticas aos quais os funcionários e diretores do UBS estão

Leia mais

Política Mundial Anticorrupção

Política Mundial Anticorrupção Política Mundial Anticorrupção I. OBJETIVO A legislação da maioria dos países considera crime o pagamento, oferta de pagamento, ou mesmo o recebimento de suborno, propina, ou outro pagamento corrupto,

Leia mais

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL Setor jurídico N. do documento: 00-LE-P0030 Edição: 5.0 Data da publicação: 09/04/2010 Data da revisão: 16/09/2013 Data de entrada em vigor: 16/09/2013 Página 1 de 8 POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO

Leia mais

.1 Comportamentos esperados

.1 Comportamentos esperados Normas de Conduta Normas de Conduta Este documento contém normas de conduta que devem ser respeitadas pelos diretores, auditores, líderes e todos os empregados do Grupo Pirelli, e também por todos que

Leia mais

MANUAL DE BOAS PRÁTICAS

MANUAL DE BOAS PRÁTICAS MANUAL DE BOAS PRÁTICAS A SINALMIG e seus colaboradores prezam pela condução ética, legal, profissional, transparente e adequada de seus trabalhos. Estes são os pilares de suas relações internas e externas,

Leia mais

Nosso. código de. ética

Nosso. código de. ética Nosso código de ética Nossos Valores Uma estrutura para nossos negócios Compartilhamos três valores essenciais - Espírito de Equipe, Confiança e Ação. Esses valores são a força motriz dos funcionários

Leia mais

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza)

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Código de Conduta Empresarial da Nestlé 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Introdução Desde a sua fundação, as práticas comerciais da Nestlé

Leia mais

ÍNDICE VALORES COMPARTILHADOS DA NCR

ÍNDICE VALORES COMPARTILHADOS DA NCR ÍNDICE VALORES COMPARTILHADOS DA NCR INTRODUÇÃO / EXPLICAÇÃO Objetivo deste Código de Conduta Programa de Ética e Conformidade Abordagem de probelmas éticos Onde obter orientação Como informar casos de

Leia mais

Código de Ética Nas Relações com as Partes Interessadas Com os Clientes e a Concorrência

Código de Ética Nas Relações com as Partes Interessadas Com os Clientes e a Concorrência Código de Ética Conduzimos nossos negócios dentro de uma estrutura de padrões profissionais, legislações, regulamentações e políticas internas. Entretanto, temos consciência que essas normas não necessariamente

Leia mais

Guia de Prevenção e Combate à Corrupção

Guia de Prevenção e Combate à Corrupção Guia de Prevenção e Combate à Corrupção Objetivo Estabelecer diretrizes e definir o que são práticas de corrupção, bem como reiterar qual é a conduta e a postura da Brasil Kirin frente a este tema, reafirmando

Leia mais

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Finalidade e escopo Na Pearson (incluindo suas subsidiárias e empresas com controle acionário), acreditamos fortemente que agir de forma ética e responsável

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A. APRESENTAÇÃO A LOGZ Logística Brasil S.A. (a Companhia ou LOGZ ) é uma sociedade holding consolidadora de participações em ativos logísticos e tem como objetivo a expansão de suas atividades possibilitando

Leia mais

Manual Anticorrupção GDC Alimentos S.A.

Manual Anticorrupção GDC Alimentos S.A. Manual Anticorrupção GDC ALIMENTOS S.A. SUMÁRIO MENSAGEM DO PRESIDENTE... 5 1. INTRODUÇÃO... 6 2. APLICAÇÃO... 6 3. DEFINIÇÕES... 6 4. O QUE ESTABELECE A LEI 12.846/13?... 8 4.1 Atos lesivos segundo a

Leia mais

Código de Ética Corporativo

Código de Ética Corporativo Código de Ética Corporativo Novembro 2012 Código de Ética Sumário 1. Propósito... 5 2. Responsabilidades do empregado... 5 3. Responsabilidades Adicionais para Lideranças... 6 4. Empregados... 6 5. Oportunidades

Leia mais

MOMENTIVE PERFORMANCE MATERIALS CÓDIGO DE CONDUTA

MOMENTIVE PERFORMANCE MATERIALS CÓDIGO DE CONDUTA MOMENTIVE PERFORMANCE MATERIALS CÓDIGO DE CONDUTA Conduzir os negócios de maneira ética e em conformidade com as normas aplicáveis é a base sobre a qual a nossa Empresa está constituída e essencial para

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN 1 Introdução A EVEN conduz seus negócios de acordo com os altos padrões éticos e morais estabelecidos em seu Código de Conduta, não tolerando qualquer forma de corrupção e suborno.

Leia mais

Política Antissuborno e anticorrupção

Política Antissuborno e anticorrupção Política Antissuborno e anticorrupção Data de entrada em vigor: 1 de janeiro de 2016 Para uso interno e externo. Índice Introdução... 2 Qual é a finalidade da Política ABC da Pearson?... 2 A quem se aplica

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA ISA CAPITAL DO BRASIL S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA ISA CAPITAL DO BRASIL S.A. CÓDIGO DE ÉTICA ISA CAPITAL DO BRASIL S.A. 1 INTRODUÇÃO O Grupo ISA e suas empresas avançam para metas a cada vez mais exigentes e ambiciosas, desenvolvendo suas práticas em contextos diversos e inovadores

Leia mais

POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET

POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET POLÍTICA GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DA DUN & BRADSTREET JUNHO DE 2015 OBJETIVO DA POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO A Dun & Bradstreet está comprometida com os mais elevados padrões éticos. Acreditamos em conduzir os negócios

Leia mais

No desenvolvimento de suas atividades, a SOCOPA observará os seguintes princípios básicos:

No desenvolvimento de suas atividades, a SOCOPA observará os seguintes princípios básicos: Princípios Éticos e Regras de Conduta 1. PRINCÍPIOS BÁSICOS NOS NEGÓCIOS da SOCOPA No desenvolvimento de suas atividades, a SOCOPA observará os seguintes princípios básicos: - pautará suas operações no

Leia mais

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta Página 1 de 7 A LDR é uma empresa de equipamentos médicos comprometida com o desenvolvimento, marketing, distribuição e venda de implantes vertebrais para implantação em seres humanos no tratamento de

Leia mais

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO I. Declaração da Diretriz. É a diretriz da Global Crossing Limited ( Global Crossing ou a Empresa ) conduzir todos os seus negócios de uma maneira honesta e ética. Ao fazer

Leia mais

Código de Conduta para Negócios

Código de Conduta para Negócios Código de Conduta para Negócios A Sulzer está comprometida e exige que seus empregados se comprometam a conduzir seus negócios conforme padrões éticos elevados e em observância às leis vigentes. Mensagem

Leia mais

GUIA DE ÉTICA DA GN. GN STORE NORD GROUP Outubro 2015

GUIA DE ÉTICA DA GN. GN STORE NORD GROUP Outubro 2015 GUIA DE ÉTICA DA GN GN STORE NORD GROUP Outubro 2015 Indice Introdução... 2 Responsabilidades... 2 Para obter mais ajuda ou relatar um problema... 3 Ética nas tomadas de decisão... 3 Pergunte-se... 4 Análise

Leia mais

Código de Ética e de Conduta do. Grupo Energisa

Código de Ética e de Conduta do. Grupo Energisa Código de Ética e de Conduta do Grupo Energisa Caro colaborador, A prática do Código de Ética e de Conduta do Grupo Energisa é tão importante que fazemos questão que cada colaborador tenha seu próprio

Leia mais

Prezado colaborador, Receba estes Princípios Éticos e de Conduta, que resumem o que já somos e pregam o que nunca devemos deixar de ser.

Prezado colaborador, Receba estes Princípios Éticos e de Conduta, que resumem o que já somos e pregam o que nunca devemos deixar de ser. Prezado colaborador, Fazemos parte de empresas que já nasceram comprometidas com os princípios éticos do exercício da verdade, fundamentais para a nossa credibilidade. Uma identidade cristalina, que nos

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DO PRESIDENTE O Código de Conduta Ética das Empresas Concremat contempla os princípios que devem estar presentes nas relações da empresa com seus colaboradores, clientes,

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER I. PROPÓSITO POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER A corrupção é proibida pelas leis de quase todas as jurisdições do mundo. A Danaher Corporation ( Danaher ) está comprometida em obedecer as leis

Leia mais

Introdução: Integridade desde o início

Introdução: Integridade desde o início Introdução: Integridade desde o início Desde 1841, a D&B tem sido a mais confiável fonte de ideias e informações comerciais para grandes e pequenas empresas, permitindo a essas empresas Decidirem com Confiança

Leia mais

JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578

JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578 JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578 CÓDIGO DE ÉTICA Escopo Este Código de Ética ( Código ) reúne as principais normas de conduta que devem

Leia mais

Project Management Institute Código de Ética e Conduta Profissional Traduzido por Mauro Sotille, PMP

Project Management Institute Código de Ética e Conduta Profissional Traduzido por Mauro Sotille, PMP Project Management Institute Código de Ética e Conduta Profissional Traduzido por, PMP CAPÍTULO I. VISÃO E APLICABILIDADE 1.1 Visão e Propósito Como profissionais de gerenciamento de projetos, nós estamos

Leia mais

Deutsche Bank. Código de Conduta Empresarial e Ética para o Grupo Deutsche Bank

Deutsche Bank. Código de Conduta Empresarial e Ética para o Grupo Deutsche Bank Deutsche Bank Código de Conduta Empresarial e Ética para o Grupo Deutsche Bank Índice remissivo Visão Geral 2 Capítulo Um: Compromisso com os nossos clientes e com o mercado 4 Capítulo Dois : Compromisso

Leia mais

NORMATIVOS INTERNOS DO GRUPO - NIG

NORMATIVOS INTERNOS DO GRUPO - NIG 1. OBJETIVO A presente política tem como principal objetivo assegurar que os Colaboradores do Rendimento (GRUPOBRSA) observem os requisitos da Lei nº 12.846, de 1º de agosto de 2013 conhecida como Lei

Leia mais

Código de Ética Comercial

Código de Ética Comercial Análise de Materiais Teste e Medição Instrumentação Integrada Controles Industriais Honestidade e integridade em tudo que fazemos. Mensagem do Diretor Executivo Caros Colegas, No grupo Spectris, compartilhamos

Leia mais

Índice. Introdução... 4 Visão e Valores... 6 Responsabilidades... 8 Princípios Libra de Relacionamento... 10

Índice. Introdução... 4 Visão e Valores... 6 Responsabilidades... 8 Princípios Libra de Relacionamento... 10 Introdução... 4 Visão e Valores... 6 Responsabilidades... 8 Princípios Libra de Relacionamento... 10 1. Conflito de Interesses... 10 1.1 Parentesco... 11 1.2 Atividades Profissionais Paralelas... 11 1.3

Leia mais

Política Anticorrupção

Política Anticorrupção Soluções que impulsionam e valorizam sua empresa. Política Anticorrupção Ano fiscal 2016 Política Anticorrupção Objetivo Definir procedimentos para assegurar que todos os colaboradores, funcionários, sócios

Leia mais

Código de Conduta Nossa forma de fazer negócios

Código de Conduta Nossa forma de fazer negócios Código de Conduta Nossa forma de fazer negócios pwc Atuamos de forma profissional. Fazemos negócios com integridade. Preservamos a reputação da Firma e de nossos clientes. Respeitamos as pessoas e o meio

Leia mais

Explicando o Código de Conduta

Explicando o Código de Conduta Este se refere a Raízen S.A., a Raízen Energia S.A. e a Raízen Combustíveis S.A. (em conjunto, a Raízen ). Referências a Raízen abaixo devem ser entendidas como incluindo quaisquer Subsidiárias da Raízen,

Leia mais

Política Global Anticorrupção

Política Global Anticorrupção POLÍTICA A Política Global Anticorrupção da Savis (a Política ) obriga a Savis Tecnologia e Sistemas S.A. e suas subsidiárias e afiliadas (coletivamente, Savis ou a Empresa ), em todas as operações ao

Leia mais

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters Código de Conduta do Fornecedor Em vigor a partir de 2 de julho de 2012 Ethics Matters Mensagem do CPO [Chief Procurement Officer - Diretor de Compras] A Duke Energy está comprometida com a segurança,

Leia mais

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS 1. Code of Ethics WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS Honestidade, integridade e transparência são valores fundamentais da William E. Connor & Associates Limited (a

Leia mais

Manual do Fornecedor. Novembro 2012 Rio de Janeiro

Manual do Fornecedor. Novembro 2012 Rio de Janeiro Manual do Fornecedor Novembro 2012 Rio de Janeiro Caro parceiro, O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 trabalha para entregar Jogos excelentes, com celebrações memoráveis que

Leia mais

Código de Conduta Valores Política de Direitos Humanos

Código de Conduta Valores Política de Direitos Humanos Código de Conduta Valores Política de Direitos Humanos Prezado Funcionário, A PepsiCo lidera o setor em que atua com um desempenho financeiro extraordinário, e, certamente, nos orgulha de nossas conquistas.

Leia mais

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 Sumário 1 Introdução... 2 1.1 Finalidade do documento... 2 1.2 Abrangência... 2 2 Objetivos do código de conduta... 2 3 Princípios éticos... 3 4 Relações entre os Profissionais... 4 4.1 Oportunidade no

Leia mais

Manual de SQUI Uso da Internet

Manual de SQUI Uso da Internet PE Manual de SQUI Uso da Internet Conteúdo Introdução...3 Finalidade... 3 Internet...4 Regras e Normas... 4 Monitoramento.....9 Causas à Desrespeito das Regras...10 Declaração de Acordo...11 Copyright

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA POLÍTICA SOBRE COMUNICAÇÃO CUIDADOSA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA POLÍTICA SOBRE COMUNICAÇÃO CUIDADOSA CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA POLÍTICA SOBRE COMUNICAÇÃO CUIDADOSA POLÍTICA SOBRE COMUNICAÇÃO CUIDADOSA Esta política se destina a ajudar empregados e outras pessoas que agem em nome da Magna, incluindo dirigentes,

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO 1 DA ACEITAÇÃO DOS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO... 2 2 DA PLATAFORMA DIGITAL DE APRENDIZAGEM... 2 3 DO CADASTRO... 2 4 DO REGISTRO DE DADOS PESSOAIS... 3 5 DA UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA

Leia mais

Política de Gestão de Risco de Fraude

Política de Gestão de Risco de Fraude Política de Gestão de Risco de Fraude Versão: 1.0-2015 Alterada: 2 de junho de 2015 Aprovado por: Conselho de Administração Data: 3 de junho de 2015 Preparado por: Conselho de Administração Data: 2 de

Leia mais

Sergio Marchionne. Presidente do Conselho

Sergio Marchionne. Presidente do Conselho PENSE CÓDIGO DE INTEGRIDADE DA SGS QUERIDOS COLEGAS, A integridade está no coração da SGS. A confiança que inspiramos em nossos clientes e parceiros é a chave para nosso sucesso como uma organização e

Leia mais

Valorizamos as relações respeitosas, responsáveis e confiáveis com os diferentes públicos, interno e externo, em que não há espaço para:

Valorizamos as relações respeitosas, responsáveis e confiáveis com os diferentes públicos, interno e externo, em que não há espaço para: Introdução A BRMALLS é uma empresa que atua em diversos estados e para manter unida nossa companhia, nossos funcionários devem agir com base em valores e objetivos comuns. Isso se reflete nas atitudes

Leia mais

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

Código de Ética e Conduta Profissional

Código de Ética e Conduta Profissional Código de Ética e Conduta Profissional CAPÍTULO 1. VISÃO E APLICABILIDADE 1.1 Visão e Objetivo Como profissionais atuantes do gerenciamento de projetos, temos o compromisso de fazer o que é certo e honrado.

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DA FIBRA ASSET MANAGEMENT DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA. PARA AGENTES AUTÔNOMOS DE INVESTIMENTO

CÓDIGO DE CONDUTA DA FIBRA ASSET MANAGEMENT DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA. PARA AGENTES AUTÔNOMOS DE INVESTIMENTO CÓDIGO DE CONDUTA DA FIBRA ASSET MANAGEMENT DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA. PARA AGENTES AUTÔNOMOS DE INVESTIMENTO FIBRA ASSET MANAGEMENT DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS

Leia mais

Declaração de Práticas Globais de Negócios da Viacom

Declaração de Práticas Globais de Negócios da Viacom Declaração de Práticas Globais de Negócios da Viacom 2 Índice Mensagem do Diretor Executivo e CEO 4 Entendendo e usando a Declaração 6 Obediência às leis, às regras e aos regulamentos 8 Evitando conflitos

Leia mais

Apresentação... Introdução... 2. Observância às leis e regulamentos... 4. Política Anticorrupção... 4. Relacionamentos com clientes...

Apresentação... Introdução... 2. Observância às leis e regulamentos... 4. Política Anticorrupção... 4. Relacionamentos com clientes... SUMÁRIO Apresentação... Introdução... 2 Observância às leis e regulamentos... 4 Política Anticorrupção... 4 Relacionamentos com clientes... 6 Ambiente de Trabalho... 7 E-mail e Internet... 8 Saúde e Segurança

Leia mais

Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs)

Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs) Política Anti-Suborno da ADP Questões Frequentes (FAQs) AS COMUNICAÇÕES ENTRE ADVOGADO E CLIENTE SÃO ESTRITAMENTE CONFIDENCIAIS Este documento destina-se a abordar questões que possam surgir no decurso

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA

CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA 2004 CÓDIGO DE ÉTICA PASQUALE NATUZZI Fundador e Presidente do Grupo Natuzzi A missão do Grupo Natuzzi é criar valor com integridade: para clientes, colaboradores e acionistas. Criar valor

Leia mais

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc.

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. Estes princípios de conduta aplicam-se a todos os funcionários, diretores, empresas e subsidiárias da ITW ao redor do mundo. Espera-se que

Leia mais

Código de Conduta. Nossos cinco princípios fundamentais: Pacientes. O benefício e a segurança do paciente estão no centro de tudo o que fazemos

Código de Conduta. Nossos cinco princípios fundamentais: Pacientes. O benefício e a segurança do paciente estão no centro de tudo o que fazemos Nosso compromisso de cuidar e curar Código de Conduta Nossos cinco princípios fundamentais: Pacientes O benefício e a segurança do paciente estão no centro de tudo o que fazemos Associados Tratamos nossos

Leia mais

[CÓDIGO DE ÉTICA] Interinvest

[CÓDIGO DE ÉTICA] Interinvest [CÓDIGO DE ÉTICA] Este documento determina as práticas, padrões éticos e regras a serem seguidos pelos colaboradores, fornecedores e a todos aqueles que, direta ou indiretamente, se relacionem com a Interinvest.

Leia mais

Código de Conduta e Ética Profissional

Código de Conduta e Ética Profissional Código de Conduta e Ética Profissional Introdução O Grupo Allianz, a Allianz Worldwide Partners (AWP) e a Mondial Assistance Brasil baseiam-se na confiança que os nossos clientes, acionistas, colaboradores

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA 1 ÍNDICE CAPÍTULO 1 - INTRODUÇÃO... 3 1.1 Objetivo... 3 1.2 Abrangência... 3 1.3 Vigência... 3 1.4 Princípios... 3 1.5 Comitê de Ética e Conduta... 4 1.6 Disponibilidade... 4

Leia mais

Sumário. 8. Relacionamento com a Comunidade e com o Meio Ambiente. 9. Relacionamento com os Lojistas. 10. Relacionamento com os Fornecedores

Sumário. 8. Relacionamento com a Comunidade e com o Meio Ambiente. 9. Relacionamento com os Lojistas. 10. Relacionamento com os Fornecedores Manual de Conduta ntrodução O Shopping Recife é um empreendimento imobiliário tipo shopping center, sendo primordial que nossos colaboradores atuem com base em valores e objetivos comuns. A postura ética

Leia mais

Caro parceiro, Queremos fornecedores e parceiros que tenham nível de comprometimento com a sociedade tão amplo quanto o do Rio 2016.

Caro parceiro, Queremos fornecedores e parceiros que tenham nível de comprometimento com a sociedade tão amplo quanto o do Rio 2016. Caro parceiro, O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 trabalha para entregar Jogos excelentes, com celebrações memoráveis que irão promover a imagem global do Brasil, baseados

Leia mais

Código de Conduta de Fornecedor

Código de Conduta de Fornecedor Código de Conduta de Fornecedor www.odfjelldrilling.com A Odfjell Drilling e suas entidades afiliadas mundialmente estão comprometidas em manter os mais altos padrões éticos ao conduzir negócios. Como

Leia mais

Política de denúncias

Política de denúncias WWW.USP.ORG/ETHICS Política de denúncias Espera-se que você fale se tiver alguma preocupação de boa-fé. Expresse-se Além de conhecer as normas éticas e legais que se aplicam ao seu cargo, esperase que

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ANUNCIANTES

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ANUNCIANTES ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ANUNCIANTES MANUAL DE GOVERNANÇA 2015 ABA MANUAL DE GOVERNANÇA I. INTRODUÇÃO É norma e política da Associação Brasileira de Anunciantes ("ABA"), o estrito cumprimento de todas

Leia mais

Carta de Dow Wilson DIRETOR EXECUTIVO

Carta de Dow Wilson DIRETOR EXECUTIVO CÓDIGO de CONDUTA Essencialmente, nosso sucesso depende da honestidade, da justiça, da integridade, do bom senso e do discernimento que todos nós trazemos ao trabalho. Carta de Dow Wilson DIRETOR EXECUTIVO

Leia mais

POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM PARTES INTERESSADAS STAKEHOLDERS DO GRUPO MRV

POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM PARTES INTERESSADAS STAKEHOLDERS DO GRUPO MRV POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM PARTES INTERESSADAS STAKEHOLDERS DO GRUPO MRV (via original, arquivada na sede da Companhia, em apenso ao livro próprio) *** ABRANGÊNCIA: Este documento é aplicável à holding

Leia mais