festa! #65 JUNHO 2015 Não se pode falar em Junho sem pensar em Festas de Lisboa! Um guia cultural, para que não perca o que interessa ver e ouvir.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "festa! #65 JUNHO 2015 Não se pode falar em Junho sem pensar em Festas de Lisboa! Um guia cultural, para que não perca o que interessa ver e ouvir."

Transcrição

1 #65 JUNHO 2015 festa! Não se pode falar em Junho sem pensar em Festas de Lisboa! ENTREVISTA ARQ. BAK GORDON Um guia cultural, para que não perca o que interessa ver e ouvir.

2 A Betar convida-o a visitar o seu website reformulado Quem Somos O que fazemos Projetos GOA Clientes Bem-vindo ao Grupo Betar Desde 1973, a BETAR tem desenvolvido estudos e projectos no âmbito da Engenharia Civil, em particular de edifícios e pontes, promovendo a inovação e desenvolvimento de soluções criativas, em resposta aos crescentes desafios de mercado, mantendo o mesmo empenho em alcançar as expectativas dos seus Clientes. A aposta na inovação e criatividade, fomentada pelo dinamismo empresarial e pela formação contínua dos seus quadros, enquadrados no Sistema de Qualidade, abraçado em 2007, tem vindo a consolidar a posição cimeira da BETAR no panorama da Engenharia Civil Portuguesa. Consulte-nos Publicações Betar Artes & Letras Oportunidades Contactos BETAR, Todos os direitos reservados Privacidade FICHA TÉCNICA PROPRIETÁRIO E EDITOR: Grupo BETAR SEDE: Av. Elias Garcia n.º53, 2.º Esq Lisboa ADMINISTRAÇÃO: José Tiago de Pina Patrício de Mendonça DIREÇÃO: José Jaime Simões de Mendonça REDATORA: Cátia Teixeira DESIGN: Jonas Reker CONTACTO: Não se pode falar em Junho sem pensar em Festas de Lisboa! Voltam as sardinhas, os arraias, os inúmeros eventos espalhados por toda a cidade. Do fado ao teatro, das exposições às marchas populares, elevamse as raízes culturais da capital, entre os dias 1 e 30 de Junho. Mas a cidade não se esgota no programa organizado pela Câmara Municipal. Há espaço para receber os Maroon 5, no Meo Arena, para fazer uma homenagem à cultura cabo Verdiana, no Centro Cultural Olga Cadaval, para regressar ao Meo Out Jazz, e nunca é demais ouvir Rodrigo Leão, desta vez no Oceanário de Lisboa. Quanto ao teatro, D. Afonso Henriques e Fernando Pessoa são as personagens em destaque nos palcos d A Barraca e do Teatro Nacional D. Maria II. Outras propostas a não perder são as exposições patentes na Casa da Cerca e no Museu Berardo. Este mês, oito artistas portugueses foram convidados a apresentar obras sobre o tema viagens e José Berardo decidiu expor uma seleção de obras da sua coleção. No Porto Vamos lá então perceber as mulheres...mas só um bocadinho é a peça em cena no Teatro Nacional Sá da Bandeira; o Festival Caixa Ribeira leva 40 fadistas à cidade e as Tapeçarias de Portalegre estarão em exposição no Mercado Bom Sucesso. Em relação ao entrevistado desta edição, chamase Ricardo Bak Gordon. Muito agradecemos a sua colaboração e a forma como nos recebeu no atelier para nos falar do seu percurso profissional. EDITORIAL Maria do Carmo Vieira

3 ENTREVISTA A arquitetura precisa de tempo. Estamos a transformar um lugar e parece que não se compreende que é preciso tempo para pensar. A arquitetura requer serenidade, não pode ser eufórica. O arq. Bak Gordon. Por Cátia Teixeira Lagar Oliveira da Serra Queria perceber como foi o seu percurso. Sei que tem uma paixão pelo desenho, até expos alguns recentemente. Foi isso que o fez escolher arquitetura? A decisão de fazer arquitetura surgiu por me ter deixado sugestionar por duas ou três obras, quando andava no liceu, a Fundação Gulbenkian e uma casa modernista dessa época, anos 70. Lembro-me que, de um momento para o outro, eu, que até tinha interesses noutras áreas, como coisas mecânicas e elétricas, comecei a desenhar casas. Fui estudar para a António Arroio, em 1983, 84, uma escola secundária vocacionada especialmente para as artes, e deixei-me envolver muito em temas como arte, cinema, arquitetura... E depois preparei-me para a universidade. Não entrei em Lisboa, por três décimas. Fui parar ao Porto, o que foi uma alegria porque a escola de Belas Artes do Porto era um universo extraordinário, numa cidade incrível, onde havia uma grande intimidade com colegas e professores. Na disciplina de Desenho, o meu professor foi o escultor José Grade, figura mítica do curso e da escola, que nos envolvia naquela arte de desenhar, como se fosse uma linguagem, que é de facto. O processo era louco, desenhávamos sem parar, dia e noite. Aí é que o desenho passou a ser muito importante no meu modo de trabalhar, de investigar o processo do projeto. Regressei a Lisboa, no fim do primeiro ano, e comecei a fazer desenhos de maior dimensão, mais expressionistas, como parte do meu trabalho. Foram esses trabalhos que estiveram agora expostos na Galeria João Esteves de Oliveira. Entretanto ainda passei pelo Politécnico de Milão. Naquela altura havia muito pouca informação em Portugal sobre arquitetura, não havia conferências, não passava por cá quase ninguém, havia poucas publicações. E por isso valeu sobretudo pelo que absorvi à volta das aulas, pelas pessoas que conheci e pelo facto de ter viajado muito. Escola Secundária Garcia de Orta Li algures que não considera que os arquitetos sejam artistas. Como define a sua forma de fazer arquitetura? Nós, arquitetos, temos um conhecimento peculiar, no sentido em que vamos respondendo a equações, que têm normalmente um lugar e um programa, que são sempre muito distintos, e por isso a nossa preparação, técnica e pela forma de olhar o mundo, convoca o conhecimento e as pessoas indispensáveis para dar a resposta. É claro que temos uma sensibilidade particular, e talvez aí queiram confundir com o artista. Podemos aqui usar três palavras: arte, ciência e técnica; ou seja, uma visão poética do mundo, sem a qual é impossível fazer qualquer proposta de transformação dos lugares; o conhecimento técnico, para que as coisas possam acontecer; e a visão científica, o conjunto de saberes que devem ser convocados para responder às solicitações. É o que fazemos: lideramos equipas e tentamos contribuir para uma transformação em contínuo, muito mais do que a tentativa obstinada de ser diferente ou de querer inventar o mundo todas as segundas-feiras de manhã. O que é necessário é contribuir para um território que está sempre em transformação, num processo de indução. Houve alguma reação aos seus trabalhos que o tenha surpreendido muito? Recordo principalmente os comentários nas comunidades em que se integram. Por exemplo, no Lagar Oliveira da Serra, no Alentejo, as pessoas disseram que nem parece uma

4 ENTREVISTA BETAR A BETAR tem no seu curriculo vários edifícos escolares. Este foi mais um desafio no âmbito da Parque Escolar, no qual foram feitas intervenções e a construção de um edifíco novo fábrica mas um centro cultural. Mas também me lembro quando fiz, com a BETAR, a Escola Secundária Garcia de Orta - que tem uma estrutura pré-esforçada extraordinária, da autoria do Eng. Miguel Vilar dizia-se que as pessoas tinham medo de ir para debaixo da praça coberta, porque era assustador estar debaixo de uma massa imensa sem apoios visíveis, até que perceberam que aquilo nunca lhes iria cair em cima ainda agora acabei de entregar um projeto para uma praça que, se calhar, quando for construída, vai lá ficar 100 anos, e para a qual tive de ter uma ideia numa semana. A arquitetura precisa de tempo; é preciso tempo para experimentar, para voltar atrás, para refazer. Estamos a transformar um lugar e parece que não se compreende que é preciso tempo para pensar, sob pena dos lugares ficarem descaracterizados. A arquitetura requer serenidade, não pode ser quase eufórica. É professor no Instituto Superior Técnico. O que lhe oferece essa experiência? Obriga-me a estar ativo no modo de olhar as hipóteses de transformação. Gosto de ajudar a conduzir processos interiores de investigação, mais do que impor uma forma de fazer. Prefiro que as pessoas encontrem uma motivação para a transformação, para depois as apoiar com a minha experiência. É muito estimulante, porque há abordagens muito distintas. Mas também tenho aulas fora. Este ano estive a fazer um semestre em Barcelona e no próximo vou para Harvard. É interessante encontrar alunos de várias geografias e poder perceber o que eles têm de comum e de diferente, o que me obriga a reagir ao que vou encontrando. Engraçado é que temos a tendência para dizer que não há uma arquitetura de Lisboa ou do Porto, mas não é bem verdade, porque as escolas ainda têm muito peso. Sente que os arquitetos têm hoje de fazer mais com menos? Sem dúvida. Hoje a encomenda é muito restrita e há muitos arquitetos. Depois, a arquitetura não conseguiu prestigiar-se para manter uma certa dignidade na sua prática e nos honorários. E ainda há a questão dos prazos. Talvez pelo pouco respeito pela atividade, acaba por ter de se tomar decisões muito depressa; Em relação à Estratégia Nacional para Habitação. Concorda que é uma mais valia a forma como se propõe recuperar os prédios devolutos de Lisboa? Acho que tem de haver legislação que impeça que os proprietários não cuidem do seu património. A posse de um edifício não se esgota aí, ele faz parte de um tecido urbano que é de todos, está numa cidade, num lugar público, e nesse sentido tem de haver regulação. Não sei se é ficando na posse da Câmara ou com outro sistema qualquer, mas arriscamo-nos a ter um dos centros históricos mais devolutos da Europa. Acho que as coisas estão aos poucos a modificar-se. Mas também não se pode só olhar aos prédios, mas às acessibilidades, aos transportes públicos, aos serviços. Não adianta fazer habitação nos centros e depois tirar os hospitais para a periferia, as universidades para os campus, esvaziando as cidades de atividades que sempre lhe deram significado. É preciso preservar o património edificado, mas que as outras virtudes e valências acompanhem. E isso parece-me estar a começar a ser feito. Percebi agora que há vontade de concentrar os transportes todos de Lisboa numa só autoridade, não pode ser cada um a tratar dos seus assuntos. Mas fico satisfeito por haver quem se preocupe com o nosso património. A BETAR foi a empresa responsável pelas fundações, estruturas e sistemas de águas e esgotos da escola Garcia de Orta, em Aldoar, no concelho do Porto. Foram realizadas intervenções estruturais e ampliações em três pavilhões existentes - garantido a satisfação das atuais exigências de conforto, segurança e acessibilidade - tendo sido contemplada ainda a construção de um edifício novo - onde funcionam os laboratórios, biblioteca, bar de alunos e sala polivalente - e de um ginásio, bem como o arranjo exterior de toda a envolvente, nomeadamente as zonas de lazer. O edifício novo, em betão armado e préesforçado, é um conjunto de três volumes interligados de comprimento superior a 125 metros, sem junta de dilatação. O volume do meio, com 33 metros de comprimento, 16 metros de largura e 3.5 metros de altura, está suspenso a uma altura de 3 metros acima da cota do piso térreo, constituindo um pátio coberto, sem apoios intermédios; assim, as duas vigas de fachada vencem vãos de 33 metros, simplesmente apoiadas em consolas de 6 metros. Escola Secundária de Garcia de Orta, Aldoar, Porto, Portugal Projeto: 2008 Obra: Área bruta de construção: Reabilitação: 7611m 2 Nova: 5083m 2 Dono de Obra: Parque Escolar Arquitetura: Bak Gordon

5 FESTAS DE LISBOA Com o cheiro a verão no ar, Lisboa vira festa. As noites são animadas pelos arraiais nos bairros típicos, com música e dança ao ritmo das canções populares. As ruas, cheias de cor, são invadidas pelas sardinhas assadas e manjericos. As Festas de Lisboa enchem de animação todos recantos da cidade e trazem à rua milhares de pessoas. Eventos diversificados, do fado ao teatro, das exposições às marchas populares, elevam as raízes culturais da capital, entre os dias 1 e 30 de Junho Projetos e Exposições Em Junho Andar em Festa Este projeto resulta de um desafio lançado ao público para intervir em locais singulares: as escadarias da cidade. As propostas vencedoras vão invadir as escadas de Lisboa com música, instalações e intervenções de arquitetura. Nos dias 4, 11, 18 e 25 de Junho, o Aqueduto em Festa convida a um percurso pelas galerias subterrâneas do Aqueduto das Águas Livres, conduzido pelas vozes do Coro do Tejo. A minha vida dava uma sardinha Em Junho, Julho e Agosto Em cinco anos, o concurso das sardinhas recebeu mais de 25 mil propostas, vindas dos quatro cantos do planeta. A Sardinha tornou-se um símbolo das Festas de Lisboa. Este ano, a partir do mote A Minha Vida Dava uma Sardinha descobrimos as personalidades de cada uma, na Galeria Millenium. Música Lisboa Mistura De 17 a 21 de Junho Neste festival, a música do mundo mistura- -se com Lisboa num diálogo intercultural de experiências. Assim, no Largo do Intendente poderemos ouvir: Ibibio Sound Machine (18 de Junho); Felix Kubin and Mitch & Mitch e Kuenta i Tambu (19 Junho); Alsarah & the Nubatones e Vieux Farka Touré (20 Junho); Tomoro + Seiwa Taiko e Hugh (21 Junho). Fados e Tudo Dias 18, 19 e 20 de Junho No São Luiz Teatro Municipal, dia 18 há um concerto de Ricardo Ribeiro e Rabi Abou-Khalil; dia 19 de Celina da Piedade e Peña Kalimotxo; e José Manuel Neto com Mariza e Camané; e dia 20 de Jorge Palma e Aldina Duarte. Com Paço VIII Dia 27 de Junho As bandas filarmónicas têm um papel fundamental na formação musical do país. Este festival é dedicado a estas formações que, todos os anos, trazem o seu imponente som aos jardins e praças da cidade. Na sua 8.ª edição, tocam no Rossio e nos jardins de S. Pedro de Alcântara e S. Bento 400 jovens músicos oriundos de diferentes localidades do país. Voz e Guitarra Dias 3 e 4 de Julho O mês de comemorações conclui-se com Voz e Guitarra. Dois concertos e dois instrumentos encontram-se em Belém, convidando 26 artistas nacionais a encerrar as Festas de Lisboa 15. No dia 3 Julho atuam David Fonseca, Dead Combo, Filipe Cunha Monteiro, Gisela João, Jorge Palma, Kalu, Luísa Sobral, Luís Represas, Mafalda Veiga, Márcia, Mário Delgado, Norberto Lobo, Olavo Bilac, Tim e António Jorge Gonçalves. E no dia 4 Julho: Ana Bacalhau, Ana Deus, António Zambujo, Carlos Nobre, João Pedro Pais, Luís José Martins, Luís Varatojo, Miguel Araújo, Moz Carrapa, Rita Redshoes, Samuel Úria, Sara Tavares, Sérgio Godinho, Tim, Vitorino e António Jorge Gonçalves Teatro e Cinema Teatro das Compras Dias 18, 19, 20 e 25, 26 e 27 de Junho Três autores, 11 histórias e 13 intérpretes formam a 7ª edição deste projeto onde os autores criam, a partir das suas memórias e da sua identidade histórica, cultural e comercial, narrativas para 11 lojas da baixa de Lisboa. Atores, bailarinos e músicos dão corpo e voz a esses textos, transformando as lojas tradicionais em pequenos palcos. CineConchas De 25 de Junho a 11 de Julho As noites de cinema ao ar livre estão de volta à magnífica Quinta das Conchas, no Lumiar. A 8.ª edição aposta numa programação eclética e de qualidade. Filmes de géneros, estilos e nacionalidades diferentes atraem um público diverso, amante de cinema, de jardins e da cidade.

6 MÚSICA Uma banda internacional de sucesso, um músico português de renome, uma homenagem à cultura de Cabo Verde e o regresso do Out Jazz são as propostas de Lisboa em Junho Concertos e óperas em junho e julho por António Cabral Maroon 5 Dia 17 de Junho no Meo Arena Os Maroon 5 estão a realizar mais uma tournée mundial que CONCERTO passa por Lisboa este mês. Um espetáculo que vem na sequência do seu quinto álbum de estúdio, V, que inclui os singles Maps, Animals e Sugar. Com 3 Grammys e mais de 17 milhões de álbuns vendidos em todo o mundo, os Maroon 5 são uma das bandas mais bem sucedidas da atualidade. O concerto conta com a participação dos canadianos Magic!. Homenagem à cultura cabo verdiana Dia 19 de Junho no Centro Cultural Olga Cadaval A música é o bem cultural maior de Cabo Verde. Este espetáculo pretende celebrar as artes, os compositores, músicos CONCERTO e cantores deste país irmão, cuja riqueza musical será interpretada pelo violino de Tó Barbosa e as vozes de Celina Pereira, Dany Silva e Paló, com a colaboração de outros ilustres músicos ao violino, viola de arco, violoncelo, piano, violão, cavaquinho e percussões. Rodrigo Leão Dia 28 de Junho no Oceanário de Lisboa Imagine-se a percorrer corredores de um aquário gigante, ao CONCERTO som de um concerto ao vivo, enquanto visita uma exposição. É o que pode encontrar no Oceanário de Lisboa que desafiou Rodrigo Leão a criar uma composição inspirada na exposição Florestas Submersas de Takashi Amano. Uma oportunidade única para ouvir o músico num ambiente especial e intimista acompanhado por um sexteto composto para a ocasião. Meo Out Jazz Até Setembro em vários locais de Lisboa A 9ª edição do Meo Out Jazz já chegou à capital. A sempre bem FESTIVAL recebida iniciativa volta a garantir a presença da odisseia musical nos jardins, praças, miradouros, alamedas e ruas de Lisboa. Perto de celebrar uma década de existência, o evento que detém um lugar de destaque na agenda de residentes e turistas promete dominar o stress citadino com o swing dos acordes do maior festival de música gratuito da cidade. CENTRO CULTURAL DE BELÉM 14/6 às 17 horas (Grande Auditório) A Orquestra Metropolitana de Lisboa, com Ana Pereira (vl.) e Mário Pereira (vlc.), sob direção de Michael Zilm, apresenta um programa composto por duas obras de Mendelssohn: As Hébridas e a 3ª Sinfonia ; uma obra de Brahms: Duplo concerto para violino e violoncelo ; e uma obra do jovem compositor português E. Ayres de Abreu em primeira audição. Um programa variado e interessante. TEATRO THALIA 20/6 ás 21,30 horas A Orquestra Metropolitana de Lisboa, o maestro Pedro Neves e os solistas A.Tolpygo (vl.), G. Elessine (vlc.), A.Eremine (pn.) e A.Delgado (vla.) interpretam A abertura Egmont ; o tripo concerto (violino, violoncelo e piano) de Beethoven; e o concerto para violeta e orquestra de Alexandre Delgado. O triplo concerto de Beethoven, de muito boa qualidade, como todas as obras do mestre, e o concerto do Delgado, raramente são tocados em Portugal. A não perder. FESTIVAIS DE VERÃO CONCERTOS DA ORQ. GULBENKIAN 28/6 em Moura, na Igreja de S.João Baptista (Dir. Mc Creesh) 3/7 no Estoril, no Auditório da Boa Nova (Dir. Pedro Neves) 17/7 em Espinho, no Auditório da Academia de Espinho (Dir. Pedro Neves) 25 e 26/7 em Marvão, no Átrio do Castelo (Dir. C. Poppen) Orquestra Gulbenkian CORO E ORQUESTRA GULBENKIAN 11/7, na Póvoa do Varzim, na Igreja Matriz (Dir. Corboz) FESTIVAL CORAL DE VERÃO De 26 a 29 de Junho A música coral reúne-se novamente em Belém, no CCB, Mosteiro dos Jerónimos e Museu de Marinha, para cantar a uma só voz, num festival internacional que traz a Lisboa várias centenas de coralistas de todas as partes do mundo. Ainda não são conhecidos os programas dos festivais de verão que se costumam realizar, anualmente, fora de Lisboa. Eventualmente, alguns não se realizarão este ano. Mas é de ficar atento aos vários festivais que lhe permitem ouvir boa música nas férias: Festival de Música da Póvoa de Varzim; Festival Internacional de Música de Espinho; Festival das Artes de Coimbra; Festival de Música de Leiria; Festival de Música de Alcobaça; Festival de Ópera de Óbidos; Festival de Música de Sintra; Festival Internacional de Música do Estoril.

7 ARTES Este mês, oito artistas portugueses foram convidados a apresentar obras sobre o tema viagens e José Berardo decidiu expor uma seleção de obras da sua coleção. A não perder PORTO Para ficar a perceber melhor as mulheres, ouvir alguns dos melhores fadistas ou apreciar tapeçaria nacional de referência, aconselhamos a ir até ao Porto este mês. Não se vai arrepender Casa da Cerca Centro de Arte Contemporânea Viagem Até 6 de Setembro A mostra sugerida apresenta trabalhos de oito artistas portugueses e é composta por obras de pintura, desenho, escultura, instalação e projeção vídeo, evocadoras de vários aspetos das viagens: desde a viagem marítima, à viagem interestelar, passando pela viagem da memória e da própria história da pintura portuguesa. Os oito artistas convidados a embarcar nesta viagem foram: Carlos No, Ema M., Fabrizio Matos, Martinho Costa, Miguel Palma, Pascal Ferreira, Pedro Valdez Cardoso e Rosário Rebello de Andrade. A exposição conta ainda com um núcleo extra: uma criação de dança contemporânea, da responsabilidade da Companhia de Dança de Almada, que criou uma peça coreográfica específica para os espaços expositivos e para o tema, e que terá apresentações a 20 Junho e a 4 de Julho. Museu Coleção Berardo O Olhar do Colecionador Até 27 de Setembro Esta exposição apresenta uma seleção de obras da Coleção Berardo, escolhidas pelo Comendador José Berardo. Algumas destas obras nunca foram exibidas mas, no seu conjunto, formam uma teia de afetos que nos dá uma visão particular deste monumental acervo. A coleção do museu define um percurso pela arte do século XX até aos nossos dias, através dos seus movimentos e protagonistas mais significativos. Desde a arte moderna, que se inicia nos primeiros anos do século XX, com rápida e vertiginosa sucessão de vanguardas como o dadaísmo, construtivismo, neo-plasticismo, surrealismo e abstraction-créatio, informalismo, o expressionismo abstrato, a nova escola de Paris, a arte cinética, o grupo zero, o espacialismo, o nouveau réalisme e a pop art. teatro música artes Vamos lá então perceber as mulheres... mas só um bocadinho Dia 26 de Junho, Teatro Nacional Sá da Bandeira Marta Gautier estreou em Novembro de 2011, no Teatro A Barraca, este monólogo cómico sobre as mulheres e as suas relações, esgotando a bilheteira logo a partir do segundo dia de atuação. Em Fevereiro de 2012 a peça passou para o cinema São Jorge onde o sucesso foi idêntico. Este mês, o monólogo em forma de palestra estará no Porto para dissecar o universo pessoal feminino para que finalmente os homens percebam o que se passa com as mulheres... Caixa Ribeira Dias 12 e 13 de Junho, Em vários locais do Porto A cidade do Porto vai ser palco de um grande festival de Fado. Mais de 40 fadistas vão atuar, durante dois dias, em dez palcos na zona da Ribeira. Depois do êxito do formato apresentado em Lisboa, por duas vezes, o Caixa Ribeira levará ao Porto alguns dos mais consagrados fadistas, mas também a nova geração do Fado num cartaz ímpar, com especial atenção para os intérpretes do norte do país. Nós na Arte Até 27 de Julho, Mercado Bom Sucesso Reconhecidas e apreciadas a nível nacional e internacional, as Tapeçarias de Portalegre surgiram na década de 40 do século XX. A tradição dos tapetes da cidade alentejana, que recorre a uma técnica única, partindo sempre da obra de um pintor, impôs-se como um dos produtos culturais portugueses de referência. Nós na Arte reúne alguns dos mais notáveis trabalhos de tapeçaria mas é também uma exposição de pintura que junta nomes como Almada Negreiros, Camarinha, João Tavares, Le Corbusier, Susanne Dolesch, John Olsen, Vieira da Silva, Carlos Botelho, Júlio Pomar, Cruzeiro Seixas, Cargaleiro e Menez.

8 TEATRO D. Afonso Henriques e Fernando Pessoa são dois nomes maiores da história de Portugal, cada um à sua maneira, logicamente. As peças apresentadas prestam-lhes merecidos tributos LÁ FORA Fotografias selecionadas entre as melhores do mundo, obras de mais de 25 museus reunidas num só espaço e uma mostra sobre migrações são propostas que pode encontrar fora do país Afonso Henriques Este espetáculo pretende estudar a figura do nosso primeiro Rei à luz da cultura da sua época mas simultaneamente com os olhos, sensibilidade e cultura dos dias de hoje. Fundar um país nesses tempos, como hoje, implicou guerra, crueldade e injustiças. E também esforço e risco por parte de quem invadiu terras e tomou castelos. Nesta obra, destacam-se dois sinais da personalidade de Afonso Henriques, que pareceram de grande importância: a recusa em pagar a bula ao Papa para ser considerado legítimo fundador de um novo país; e a posição contra o massacre dos mouros em Lisboa, em sinal de respeito pela outra crença religiosa, que deixou, na fundação da nacionalidade, a marca do multiculturalismo. A Barraca Até 5 de Julho Encenação: Hélder Costa Interpretação: Adérito Lopes, João Maria Pinto, Rúben Garcia, Sérgio Morais e Samuel Moura Do Desassossego Baseado no Livro do Desassossego do heterónimo de Fernando Pessoa, Bernardo Soares, este é um monólogo interpretado por duas personagens: um ator (Carlos Paulo) e um músico (Hugo Franco). Fernando Pessoa, ele próprio, será um músico sem palavras, que através da execução musical de temas originais, e recorrendo a vários instrumentos, preencherá os silêncios, anunciará as mudanças, marcará os ritmos, qual maestro por excelência dos seus heterónimos. As outras seis personagens que compõem o caleidoscópio de vivências da obra serão representadas pelo ator. Esta peça é uma reflexão sobre um século que teve em Fernando Pessoa um dos maiores expoentes, pela clareza, inteligência e frieza com que soube interrogar-nos. Teatro Nacional D. Maria II De 18 de Junho a 12 de Julho Encenação: João Mota Interpretação: Carlos Paulo, Hugo Franco MOMA, Nova Iorque Série Migrações e outras obras de Jacob Lawrence Até 7 de Setembro Em 1941, Jacob Lawrence, então com apenas 23 anos, completou uma série de 60 pequenas pinturas sobre a grande migração, o movimento de massas de afro-americanos do sul rural para o norte urbano, que começou por volta de Poucos meses depois, a série entrou nas coleções do Museu de Arte Moderna e da Phillips Memorial Gallery. O trabalho de Lawrence é hoje um ícone em ambas as coleções, um marco na história da arte moderna. Museu Picasso, Barcelona Picasso-Dali, Dali-Picasso Até 28 de Junho Esta é a primeira exposição que examina a relação entre duas figuras- -chave da arte do século XX, que muitas vezes foram tidas como personalidades isoladas. Na realidade, o contacto profissional entre Pablo Picasso e Salvador Dali foi significativo. Picasso ajudou Dalí durante os primeiros anos da carreira e ambos responderam simultaneamente aos horrores da Guerra Civil com obras sobre o drama da angústia humana. Esta mostra apresenta pinturas, desenhos, gravuras e esculturas de Picasso e Dalí, de mais de 25 museus de todo o mundo. Museu de História Natural, Londres Vida selvagem: fotógrafo do ano Até 30 de Agosto O objetivo final de um fotógrafo da vida selvagem é destilar a beleza do mundo natural, capturando os momentos mais íntimos, voláteis ou fugazes. Esta exposição apresenta 100 fotografias que realizam esta intenção, selecionadas entre mais de 42 mil imagens de fotógrafos de todo o mundo. Desfrute dos melhores retratos da natureza e veja como os melhores profissionais da categoria inovam a cada ano na forma de contar histórias.

9 DESDE 1973 NA VANGUARDA DA ENGENHARIA

Junho. Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar

Junho. Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar Junho Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar E toda aquela infância Que não tive me vem, Numa onda de alegria Que não foi de ninguém. [ ] (F. Pessoa

Leia mais

PALÍNDROMO Nº 7 /2012 Programa de Pós Graduação em Artes Visuais CEART/UDESC

PALÍNDROMO Nº 7 /2012 Programa de Pós Graduação em Artes Visuais CEART/UDESC ENTREVISTA MUSEO DE ARTE LATINOAMERICANO DE BUENOS AIRES MALBA FUNDACIÓN CONSTANTINI Entrevista realizada com a educadora Florencia González de Langarica que coordenou o educativo do Malba até 2012, concedida

Leia mais

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 O Agrupamento de Escolas N.º2 de Abrantes tem como um dos seus objetivos a plena integração na comunidade de que faz parte. Surge assim como natural a divulgação das

Leia mais

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim 17% não 83% 2. O que achou da transformação do Largo de Pinheiros? Diferente, muito

Leia mais

BANDA MILITAR DO PORTO ATUA NOS

BANDA MILITAR DO PORTO ATUA NOS MEALHADA MORTÁGUA PENACOVA COMEMORAÇÕES DOS 205 ANOS DA BATALHA DO BUSSACO BANDA MILITAR DO PORTO ATUA NOS JARDINS DO PALACE DIA 12 DE SETEMBRO O concerto da Banda Militar do Porto vai atuar ar livre,

Leia mais

Vila Franca de Xira Em representação do GART Grupo de Artistas e Amigos da Arte

Vila Franca de Xira Em representação do GART Grupo de Artistas e Amigos da Arte P I N T U R A 12 12 2013 22 02 2014 Vila Franca de Xira Em representação do GART Grupo de Artistas e Amigos da Arte I N F O R M A Ç Õ E S [Patente] Galeria de Exposições da Biblioteca Municipal de Vila

Leia mais

Belo Horizonte 2013 EXPOSIÇÃO. Divulgação

Belo Horizonte 2013 EXPOSIÇÃO. Divulgação NOV Belo Horizonte 2013 Divulgação Amilcar de Castro 13 de novembro a 27 de janeiro de 2014 Divulgação Foto: Anna FERNANDO SABINO 90 ANOS 25 de setembro a 04 de novembro Mostra multimídia em homenagem

Leia mais

FESTIVAL SÉRGIO MESTRE 9 DE JUNHO DE DE 2013 TAVIRA CENTRO HISTÓRICO. Um povo sem um passado é como uma árvore sem raizes Bob Marley

FESTIVAL SÉRGIO MESTRE 9 DE JUNHO DE DE 2013 TAVIRA CENTRO HISTÓRICO. Um povo sem um passado é como uma árvore sem raizes Bob Marley FESTIVAL SÉRGIO MESTRE 9 DE JUNHO DE DE 2013 TAVIRA CENTRO HISTÓRICO Um povo sem um passado é como uma árvore sem raizes Bob Marley Introdução Tavira é um concelho privilegiado em relação à cultura, existem

Leia mais

Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO. newsletter E I P D A AGENDA. copywright Escola Intercultural, empresa municipal

Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO. newsletter E I P D A AGENDA. copywright Escola Intercultural, empresa municipal Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO newsletter copywright Escola Intercultural, empresa municipal E I P D A ENSINO INTERVENÇÃO PARCERIAS DESENVOLVIMENTO AGENDA 01 EDITORIAL Somos o que fazemos É tempo de férias

Leia mais

as s FESTIVAL DE ARTES

as s FESTIVAL DE ARTES as s ARTES MÚSICA WORKSHOPS SOLIDÁRIO FESTIVAL DE ARTES Festival ASAS Apresentação: ATB e Município de Penela Conceito Método Objetivos Cronograma/programação Projetos de intervenção social A região de

Leia mais

A FESTA DOS MUSEUS. 18 de Maio DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS Os Museus e os Jovens. 20/21 de Maio NOITE DOS MUSEUS

A FESTA DOS MUSEUS. 18 de Maio DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS Os Museus e os Jovens. 20/21 de Maio NOITE DOS MUSEUS MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS, PRAÇA DO IMPÉRIO, 1400-206 LISBOA www.mnarqueologia-ipmuseus.pt; info@mnarqueologia-ipmuseus.pt A FESTA DOS MUSEUS 18 de Maio DIA INTERNACIONAL DOS

Leia mais

Prova Escrita de Português Língua Não Materna

Prova Escrita de Português Língua Não Materna EXAME NACIONAL DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova 28 739 /1.ª Chamada 1.ª Fase / 2008 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março A PREENCHER PELO ESTUDANTE

Leia mais

R I T A FERRO RODRIGUES

R I T A FERRO RODRIGUES E N T R E V I S T A A R I T A FERRO RODRIGUES O talento e a vontade de surpreender em cada projecto deixou-me confiante no meu sexto sentido, que viu nela uma das pivôs mais simpáticas da SIC NOTÍCIAS.

Leia mais

Esterofoto Geoengenharia SA. Álvaro Pombo. Administrtador. (www.estereofoto.pt)

Esterofoto Geoengenharia SA. Álvaro Pombo. Administrtador. (www.estereofoto.pt) Esterofoto Geoengenharia SA Álvaro Pombo Administrtador (www.estereofoto.pt) Q. Conte-nos um pouco da historia da empresa, que já tem mais de 30 anos. R. A Esterofoto é uma empresa de raiz, a base da empresa

Leia mais

Museus e Património Universal é o tema escolhido pelo Conselho Internacional de Museus para as comemorações deste ano.

Museus e Património Universal é o tema escolhido pelo Conselho Internacional de Museus para as comemorações deste ano. Coimbra no Mundo, o Mundo em Coimbra, são os motes que convidam turistas, visitantes e conimbricenses a participar nas comemorações do Dia Internacional dos Museus No dia 18 de Maio, comemora-se o Dia

Leia mais

Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M.

Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M. Câmara Municipal Presidência Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M.M de Sines Bem vindos à nossa grande festa

Leia mais

O NOSSO BAIRRO É LINDO!

O NOSSO BAIRRO É LINDO! JUNHO UMA OBRA DO Bairro da BAIXA-CHIADO O NOSSO BAIRRO É LINDO! No mês das festas da cidade e dos santos, a Baixa-Chiado PT Bluestation partilha com todos um pouco de tudo o que se pode encontrar no bairro

Leia mais

>>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico. as nossas cidades retratadas por crianças

>>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico. as nossas cidades retratadas por crianças >>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico as nossas cidades retratadas por crianças ----------------------------------------------------------- departamento de promoção da arquitectura educação pela arquitectura

Leia mais

Programa do Serviço Educativo. 2.º Semestre 2008

Programa do Serviço Educativo. 2.º Semestre 2008 Programa do Serviço Educativo Museu Municipal i de Óbidos 2.º Semestre 2008 Programa Semestral Mês Dias Título Público-alvo Agosto Quintas, Sextas, Sábado No Ateliê do Pintor um Tesouro Escondido Crianças

Leia mais

Monumento ao Pescador, Costa da Caparica, 1985

Monumento ao Pescador, Costa da Caparica, 1985 Monumento ao Pescador, Costa da Caparica, 1985 Mural em Baixo-relevo, Casa Mortuária de Alhos Vedros, 1986 Monumento ao Bombeiro, Sines, 1992 Viagem, Almada, 1994 Um Olhar Sobre o Rio, Área de serviço

Leia mais

Plano de Actividades para o Ano de 2011

Plano de Actividades para o Ano de 2011 Plano de Actividades para o Ano de 2011 Sociedade Musical Setubalense PLANO DE ACTIVIDADES DE 2011 JANEIRO Dia Tipologia Actividade Organização/ Parceiros 15 Moda Moda Projecto E.S. Sebastião da Gama 29

Leia mais

15 DE MARÇO _ 5ª FEIRA

15 DE MARÇO _ 5ª FEIRA FESTAS DE S. JOSÉ - COMEMORAÇÕES DO FERIADO MUNICIPAL 2012 DE 15 A 19 DE MARÇO PROGRAMA 15 DE MARÇO _ 5ª FEIRA 10H00 ÀS 16H00 - CELEBRAÇÃO DOS 865 ANOS DA RECONQUISTA CRISTÃ DE SANTARÉM POR D. AFONSO HENRIQUES

Leia mais

turismo industrial AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande

turismo industrial AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande 11.MARÇO.2013 25 anos da elevação a cidade APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande turismo industrial Marinha Grande www.cm-mgrande.pt MARÇO 2013 AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL DESTAQUE

Leia mais

Quando toca o Coração

Quando toca o Coração Quando toca o Coração Apresentação Quando Toca o Coração é uma peça construída a partir de canções populares que envolvem temas como paixão, traição, desejo e saudade. O espetáculo conta com canções de

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS QUE OPORTUNIDADES PÓS-LICENCIATURA ESPERAM? EXPECTATIVAS QUE INQUIETAÇÕES TÊM OS ALUNOS DE DC? MADALENA : M QUAL É A TUA PERSPECTIVA DO MERCADO

Leia mais

Com fantasias, alunos do Infantil dançaram as marchinhas do Carnaval

Com fantasias, alunos do Infantil dançaram as marchinhas do Carnaval FourC leva o sambódromo para a Escola, unindo diversão e aprendizagem Máscaras, samba-enredo, alegorias, fantasias e muita alegria aliada ao estudo, o aprendizado e a diversão! Foi assim o Carnaval na

Leia mais

Dez EXPOSIÇÃO. 13 de novembro a 27 de janeiro. Belo Horizonte 2013. Divulgação

Dez EXPOSIÇÃO. 13 de novembro a 27 de janeiro. Belo Horizonte 2013. Divulgação Dez Belo Horizonte 2013 Divulgação Amilcar de Castro 13 de novembro a 27 de janeiro Foto: Jomar Bragança S T Q Q S S D Pátio e 3º pavimento AMILCAR DE CASTRO: REPETIÇÃO E SÍNTESE 13 de novembro a 27 de

Leia mais

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA INED INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO PROJETO EDUCATIVO MAIA PROJETO EDUCATIVO I. Apresentação do INED O Instituto de Educação e Desenvolvimento (INED) é uma escola secundária a funcionar desde

Leia mais

" A história URCA MARCA DA NOSSA TERRA

 A história URCA MARCA DA NOSSA TERRA " A história URCA MARCA DA NOSSA TERRA A União Recreativa e Cultural da Abrunheira, faz parte da identidade desta Abrunheira contemporânea. Desde que existe, tem marcado todos os acontecimentos da nossa

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

UNOCHAPECÓ Artes Visuais 6º período Conteúdo e Métodos II. Profª Me. Márcia Moreno

UNOCHAPECÓ Artes Visuais 6º período Conteúdo e Métodos II. Profª Me. Márcia Moreno UNOCHAPECÓ Artes Visuais 6º período Conteúdo e Métodos II Profª Me. Márcia Moreno 1 Conhecendo o Louvre... Foi no fim do século XII que Filipe Augusto mandou construir um castelo num local já chamado Louvre.

Leia mais

FESTIVAL O Amor é Fogo

FESTIVAL O Amor é Fogo FESTIVAL O Amor é Fogo Dias 17,18 e 19 de Julho 21h30 ESTÁDIO MUNICIPAL DE OEIRAS Integrado nas comemorações dos 250 anos do Concelho de Oeiras vai realizar-se o Festival O Amor é Fogo nos dias 17, 18

Leia mais

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio.

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. Os pequenos nadas Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. "Teatro artesanal (...) Tudo em vista: a máquina de cinema minúscula, que eles resgataram do desmantelamento, os

Leia mais

Projeto Erasmus + The Healthier! The Happier! O Agrupamento de Escolas Emídio Navarro participou em mais um projeto

Projeto Erasmus + The Healthier! The Happier! O Agrupamento de Escolas Emídio Navarro participou em mais um projeto Projeto Erasmus + The Healthier! The Happier! O Agrupamento de Escolas Emídio Navarro participou em mais um projeto europeu, que faz com que esta escola seja uma referência no nosso conselho de Almada.

Leia mais

Gravidez na adolescência: narrativas da paternidade

Gravidez na adolescência: narrativas da paternidade Gravidez na adolescência: narrativas da paternidade ANTÓNIO MANUEL MARQUES IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE, CULTURA E SOCIEDADE Portalegre, Julho 2008 Tópicos Gravidez na adolescência e paternidade

Leia mais

Índice Geral. Índice de Autores

Índice Geral. Índice de Autores Victor Fernandes 1 Índice Geral A perua-galinha 3 A vida de um porco chamado Ricky 4 Um burro chamado Burro 5 O atrevido 6 O Burro que abandonou a família por causa de uma rã 7 A burra Alfazema 8 Índice

Leia mais

Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante

Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante CATEGORIAS SUBCATEGORIAS INDICADORES 1.1. Tempo de serviço docente ( ) 29 anos (1) 1.2. Motivações pela vertente artística ( ) porque

Leia mais

Museu Nacional da Arte Antiga

Museu Nacional da Arte Antiga Museu Nacional da Arte Antiga Índice 1. Horários e localização: 2. Ingresso 3. História do museu 4. Informações acerca do museu 5. As 10 obras de referência do MNAA 6. Coleções 1 - Horário e Localização

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas Visita de estudo Geografia Conhecer o funcionamento de uma unidade industrial; Reconhecer a importância da atividade industrial na economia. Geografia e Alunos do 9º Ano Unidade Industrial 2ºPeríodo Visita

Leia mais

Lógicas de Supervisão Pedagógica em Contexto de Avaliação de Desempenho Docente ENTREVISTA - Professor Avaliado - E 2

Lógicas de Supervisão Pedagógica em Contexto de Avaliação de Desempenho Docente ENTREVISTA - Professor Avaliado - E 2 Sexo Idade Grupo de docência Feminino 40 Inglês (3º ciclo/secundário) Anos de Escola serviço 20 Distrito do Porto A professora, da disciplina de Inglês, disponibilizou-se para conversar comigo sobre o

Leia mais

E S C O L A S E C U N D Á R I A D A T R O F A 13 DE FEVEREIRO H I S T Ó R I A E C U L T U R A D A S A R T E S A NO L E T I V O 2 0 1 4 / 1 5

E S C O L A S E C U N D Á R I A D A T R O F A 13 DE FEVEREIRO H I S T Ó R I A E C U L T U R A D A S A R T E S A NO L E T I V O 2 0 1 4 / 1 5 E S C O L A S E C U N D Á R I A D A T R O F A VISITA DE ESTUDO A LISBOA 13 DE FEVEREIRO H I S T Ó R I A E C U L T U R A D A S A R T E S A NO L E T I V O 2 0 1 4 / 1 5 R E L AT Ó R I O D E V I S I TA D

Leia mais

Ano VI N.º 22. Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente. Quinta-Feira 28 de Julho de 2011

Ano VI N.º 22. Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente. Quinta-Feira 28 de Julho de 2011 Ano VI N.º 22 Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente Quinta-Feira 28 de Julho de 2011 Bandeira Azul Hasteada na Ribeira Quente A Praia do Fogo da Ribeira Quente recebeu no dia 28 de

Leia mais

6D Estúdio. promessa de ir além das 3 dimensões. Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso

6D Estúdio. promessa de ir além das 3 dimensões. Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso 6D Estúdio promessa de ir além das 3 dimensões Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso ao design em movimento, em vídeo ou internet. Eles unem diferentes conhecimentos técnicos

Leia mais

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

SocialDB Social Digital Library

SocialDB Social Digital Library Social Digital Library Laboratório L3P NARRATIVA DO PROJETO SOCIALDB 06/2015 Gestor de uma coleção "Sou produtor cultural (ou fotógrafo) e quero criar um lugar na internet com uma seleção de obras artísticas

Leia mais

Dia Internacional dos Museus Noite dos Museus. Museus num Mundo em Mudança: Novos Desafios, Novas Inspirações 2012

Dia Internacional dos Museus Noite dos Museus. Museus num Mundo em Mudança: Novos Desafios, Novas Inspirações 2012 Museus num Mundo em Mudança: Novos Desafios, Novas Inspirações Porto Casa-Museu Guerra Junqueiro 10h00 20h00 Exposição O Vestir da Arte Percurso expositivo inspirado na coleção de artes decorativas de

Leia mais

Há cabo-verdianos a participar na vida política portuguesa - Nuno Sarmento Morais, ex-ministro da Presidência de Portugal

Há cabo-verdianos a participar na vida política portuguesa - Nuno Sarmento Morais, ex-ministro da Presidência de Portugal Há cabo-verdianos a participar na vida política portuguesa - Nuno Sarmento Morais, ex-ministro da Presidência de Portugal À margem do Fórum promovido pela Associação Mais Portugal Cabo Verde, que o trouxe

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE DOIS NOVOS ÁLBUNS MUSICAIS

APRESENTAÇÃO DE DOIS NOVOS ÁLBUNS MUSICAIS APRESENTAÇÃO DE DOIS NOVOS ÁLBUNS MUSICAIS É já na próxima sexta-feira, 25 de setembro de 2015, pelas 22h30 Horas que o GRUPO DE CORDAS DA FAJÃ DA OVELHA irá apresentar dois novos Álbuns musicais no palco

Leia mais

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA NOME OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA ESTABELEÇO RELAÇÕES DE PARENTESCO : avós, pais, irmãos, tios, sobrinhos Quem pertence à nossa família? Observa as seguintes imagens. Como podes observar, nas imagens estão

Leia mais

Externato Arco-Íris. As salas de aula vestidas de flores. 1.º Ano. 2.º Ano. 3.º Ano. 4.º Ano

Externato Arco-Íris. As salas de aula vestidas de flores. 1.º Ano. 2.º Ano. 3.º Ano. 4.º Ano Externato Arco-Íris a/verão015 r e v a m i r p s n age m i e junho de 2 e io d a m o l, ã ri ç b a e l Co As salas de aula vestidas de flores 1.º Ano 2.º Ano 3.º Ano 4.º Ano Inspiração: obra O Livro da

Leia mais

Todos os eventos são de entrada livre excepto em espectáculos de sala

Todos os eventos são de entrada livre excepto em espectáculos de sala Todos os eventos são de entrada livre excepto em espectáculos de sala 29 de Setembro Desfraldar da Bandeira Nacional Praça do Comércio, Arco da Rua Augusta O Balão da República Passeio inaugural Decoração

Leia mais

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo Era uma vez a família Rebolo, muito simpática e feliz que vivia na Amadora. Essa família era constituída por quatro pessoas, os pais Miguel e Natália e os seus dois filhos Diana e Nuno. Estávamos nas férias

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

Dia 15 > quinta. Dia 16 > sexta

Dia 15 > quinta. Dia 16 > sexta Dia 15 > quinta >10H00 às 16H00 Celebração dos 865 Anos da Reconquista Cristã de Santarém por D. Afonso Henriques Jardim das Portas do Sol Para as crianças do pré-escolar e do 1.ºciclo do ensino básico

Leia mais

Viseu veste-se de luz e reforça programação no Natal

Viseu veste-se de luz e reforça programação no Natal Viseu veste-se de luz e reforça programação no Natal Investimento municipal ascende em 2014 a 100 mil euros. Montepio Geral será o patrocinador da temporada, com um apoio de 50 mil A cidade-jardim será

Leia mais

ENSINO PRÉ-ESCOLAR. Visitas orientadas À descoberta do MCCB

ENSINO PRÉ-ESCOLAR. Visitas orientadas À descoberta do MCCB Serviço educativo 2014 2015 ENSINO PRÉ-ESCOLAR Visitas orientadas À descoberta do MCCB 1h00 2.50 * Conhecem a história da Batalha? Com esta visita, percorreremos os caminhos da história desta terra e destas

Leia mais

Circo-Teatro: É Teatro No Circo

Circo-Teatro: É Teatro No Circo Circo-Teatro: É Teatro No Circo Ermínia Silva Centro de Memória da Unicamp Doutor Pesquisadora Colaboradora do Centro de Memória da Unicamp Resumo: Parte dos estudos sobre circo no Brasil, realizados no

Leia mais

Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa»

Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa» MEIO: WWW.RECORD.PT CORES P&B DATA: 9 DE DEZEMBRO DE 2013 Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa» Luís Figo recebeu quase mil crianças na festa de Natal da sua Fundação, no Circo Aquático Show, em Lisboa.

Leia mais

INQ Já alguma vez se sentiu discriminado por ser filho de pais portugueses?

INQ Já alguma vez se sentiu discriminado por ser filho de pais portugueses? Transcrição da entrevista: Informante: nº15 Célula: 5 Data da gravação: Agosto de 2009 Geração: 2ª Idade: 35 Sexo: Masculino Tempo de gravação: 10.24 minutos INQ Já alguma vez se sentiu discriminado por

Leia mais

Programa de Incentivo em Lisboa Top Vip

Programa de Incentivo em Lisboa Top Vip Programa de Incentivo em Lisboa Top Vip Dia 1 Chegada dos participantes. Transfere para Belém em autocarro com acompanhamento de guia. Em Belém, área dedicada ao período das Descobertas, iremos encontrar

Leia mais

EMMANUEL NASSAR Figura 1 Foto de Emmanuel Nassar. Acervo pessoal de Emmanuel Nassar

EMMANUEL NASSAR Figura 1 Foto de Emmanuel Nassar. Acervo pessoal de Emmanuel Nassar EMMANUEL NASSAR Figura 1 Foto de Emmanuel Nassar. Acervo pessoal de Emmanuel Nassar Acho que criatividade não é uma qualidade exclusiva dos artistas. Viver é um exercício de criatividade. Por Marialba

Leia mais

Cartas enviadas para a ZON

Cartas enviadas para a ZON Cartas enviadas para a ZON 1ª CARTA Bruno Cardoso Pimentel Macedo Praceta da Bela Vista nº8 4720-286 Carrazedo Amares ZON TV Cabo Portugal, S.A. Edifício ZON Rua Ator António Silva, 9 Campo Grande 1600-404

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016. Associação Sénior de Odivelas

PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016. Associação Sénior de Odivelas PLANO DE ATIVIDADES 2015/2016 Associação Sénior de Odivelas A Universidade Sénior de Odivelas é um projecto inovador que tem por base a promoção da qualidade de vida dos seniores de Odivelas, fomentando

Leia mais

ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS

ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS 2 3 Artes da Infância infans Do latim, infans significa aquele que ainda não teve acesso à linguagem falada. Na infância adquirimos conhecimentos, acumulamos vivências e construímos

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 109 Discurso na cerimónia de comemoração

Leia mais

BEM-VINDO AO NOSSO MUNDO!

BEM-VINDO AO NOSSO MUNDO! Brand Profile BEM-VINDO AO NOSSO MUNDO! Após trinta e oito anos a Família Tralhão ter inspirado e seduzido o público português com belos produtos e um óptimo serviço ao cliente, os dois descendentes da

Leia mais

35 anos. Raça Cia de Dança. Venha fazer parte da nossa história!

35 anos. Raça Cia de Dança. Venha fazer parte da nossa história! 35 anos Raça Cia de Dança Venha fazer parte da nossa história! Sua empresa já pensou em reverter parte do valor pago ao Imposto de Renda em um projeto cultural? Incentivar uma iniciativa que envolve cultura,

Leia mais

A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar

A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar através de empréstimo, a instituições, nomeadamente, de

Leia mais

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Fundação das Artes Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Inscrições Abertas Turmas 2013 Primeiro Semestre Cursos Livres e Técnicos A Fundação das Artes é uma Escola de Artes

Leia mais

5ª Edição do Projeto "Energia com vida"

5ª Edição do Projeto Energia com vida 5ª Edição do Projeto "Energia com vida" Maria Isabel Junceiro Agrupamento de Escolas de Marvão No presente ano letivo 2014-15, quatro turmas do Agrupamento de Escolas do Concelho de Marvão (8º e 9º anos),

Leia mais

3.3 Guião de visita de estudo ao Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso

3.3 Guião de visita de estudo ao Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso 3.3 Guião de visita de estudo ao Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso 1 O museu Panorâmica do antigo convento dominicano de S. Gonçalo, em Amarante, onde se encontra instalado o Museu Municipal Amadeo

Leia mais

especiais por ano, garantindo a máxima capacidade de transporte para jogos de futebol, concertos e outras celebrações de massas.

especiais por ano, garantindo a máxima capacidade de transporte para jogos de futebol, concertos e outras celebrações de massas. O Metro do Porto O Metro é um sistema de transportes públicos da Área Metropolitana do Porto e combina uma rede ferroviária subterrânea, no centro da cidade, com linhas à superfície em meio urbano e diversos

Leia mais

O diretor-presidente da COPASA, Ricardo Simões, tem o prazer de convidá-lo para a abertura da. de Daniel Neto e Elenir tavares.

O diretor-presidente da COPASA, Ricardo Simões, tem o prazer de convidá-lo para a abertura da. de Daniel Neto e Elenir tavares. O diretor-presidente da COPASA, Ricardo Simões, tem o prazer de convidá-lo para a abertura da exposição Entre Silêncio e Paisagem, de Daniel Neto e Elenir tavares. Abertura 23 de outubro, às 19 horas.

Leia mais

CULTURA EM EXPANSÃO ANTÓNIO ROSADO E FILIPE QUARESMA MÚSICA 24 DE OUTUBRO 21H30 ONDE CHEGA A CULTURA

CULTURA EM EXPANSÃO ANTÓNIO ROSADO E FILIPE QUARESMA MÚSICA 24 DE OUTUBRO 21H30 ONDE CHEGA A CULTURA CULTURA EM EXPANSÃO A SANTA JOANA DOS MATADOUROS: ABERTURA DOS PORTÕES! DE JOAO SOUSA CARDOSO A PARTIR DE BERTOLT BRECHT CINEMA/TEATRO 3 E 4 DE OUTUBRO 21H30 ARQUIPÉLAGO DE AO CABO TEATRO EM COLABORAÇÃO

Leia mais

Programação JANEIRO 2014 Aeroportos de Lisboa e Porto VER, OUVIR E DEGUSTAR NO AEROPORTO

Programação JANEIRO 2014 Aeroportos de Lisboa e Porto VER, OUVIR E DEGUSTAR NO AEROPORTO Programação JANEIRO 2014 Aeroportos de Lisboa e Porto VER, OUVIR E DEGUSTAR NO AEROPORTO Ano Novo, viagens novas e novidades na programação do Ver, Ouvir e Degustar. Neste primeiro mês do ano e para bons

Leia mais

PHELIPE AGNELLI. Baterista Percussionista Compositor. Músico Brasileiro!

PHELIPE AGNELLI. Baterista Percussionista Compositor. Músico Brasileiro! PHELIPE AGNELLI Baterista Percussionista Compositor Músico Brasileiro 1 ENTREVISTA "Inspirando e sendo inspirado" Phelipe Agnelli é músico e compositor, nascido a 50 minutos de São Paulo, na cidade de

Leia mais

CAIXAS DE MEMÓRIAS. O que guarda o Centro de Arte Moderna? Quem pensa e faz obras de arte? escultor. Sobre o que nos fala uma obra de arte?

CAIXAS DE MEMÓRIAS. O que guarda o Centro de Arte Moderna? Quem pensa e faz obras de arte? escultor. Sobre o que nos fala uma obra de arte? CAIXAS DE MEMÓRIAS No CAM existem muitas obras de arte, cheias de ideias e histórias para nos contar, tantas que nem sempre nos conseguimos lembrar de todas... a não ser que elas se transformem em memórias!

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207 OLHAR GLOBAL Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas A poeira do renascimento 36 Fotografe Melhor n o 207 Olivier convida pessoas que encontra na rua ou na internet para posarem

Leia mais

Presidente da Câmara Municipal de Oeiras Teresa Pais Zambujo Vereador da Cultura e Juventude Jorge Barreto Xavier

Presidente da Câmara Municipal de Oeiras Teresa Pais Zambujo Vereador da Cultura e Juventude Jorge Barreto Xavier Presidente da Câmara Municipal de Oeiras Teresa Pais Zambujo Vereador da Cultura e Juventude Jorge Barreto Xavier Oeiras é um Concelho apontado, diria que justamente, como um exemplo de desenvolvimento

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO)

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PÚBLICAS DO CONCELHO DE PROENÇA-A-NOVA (3ª ACTUALIZAÇÃO) (3ª Actualização JULHO/2008) 1 Mês: Abril/2008 ANULAR (Estava na 1ª versão sem data) ANULAR (estava na 2ª versão para o 3º

Leia mais

Press Release 15 de fevereiro de 2013

Press Release 15 de fevereiro de 2013 Press Release 15 de fevereiro de 2013 O Instituto Sacatar tem a satisfação de anunciar a chegada de um novo grupo de seis artistas premiados, cada um, com um período de residência de oito semanas de duração

Leia mais

Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com

Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com Cidade de Guimarães Faixas Etárias do Concelho 65 ou mais 24-64 anos 15-24 anos 0-14 anos 0 20000 40000 60000 80000 100000 População do Concelho 159.576

Leia mais

QUARTETO RESIDENTE DO CONSERVATÓRIO NACIONAL LUÍS PACHECO CUNHA ANNE VICTORINO D ALMEIDA ISABEL PIMENTEL CATHERINE STRYNCKX

QUARTETO RESIDENTE DO CONSERVATÓRIO NACIONAL LUÍS PACHECO CUNHA ANNE VICTORINO D ALMEIDA ISABEL PIMENTEL CATHERINE STRYNCKX Foto de Luís Pais VENCEDOR DO PRÉMIO AUTORES / RTP 2010, na categoria MELHOR TRABALHO DE MÚSICA ERUDITA, com o CD MÚSICA PORTUGUESA PARA UM QUARTETO. O Quarteto Lopes-Graça, constituído por músicos com

Leia mais

ON by Porto Bay na zona velha da cidade

ON by Porto Bay na zona velha da cidade Pág: 26 Corte: 1 de 8 Arte com fins solidários saíu à rua ON by Porto Bay na zona velha da cidade A arte com fins solidários saíu à rua na zona velha da cidade nesta que foi a terceira edição do festival

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

ANEXO III PROGRAMAÇÃO ARTÍSTICA LINHAS ORIENTADORAS E OBJETIVOS

ANEXO III PROGRAMAÇÃO ARTÍSTICA LINHAS ORIENTADORAS E OBJETIVOS ANEXO III PROGRAMAÇÃO ARTÍSTICA LINHAS ORIENTADORAS E OBJETIVOS CENTRO CULTURAL VILA FLOR A programação do Centro Cultural Vila Flor deverá assentar em critérios de qualidade, diversidade, contemporaneidade

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC

Sistema de Ensino CNEC 1 SUMÁRIO VOLUME 1 "O homem é um pedaço do Universo cheio de vida." Ralph Waldo Emerson Capítulo 1 O Tempo não para 5 Capítulo 2 Você percebendo-se como sujeito histórico 20 Capítulo 3 O Universo que nos

Leia mais

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Museu Nacional de Arqueologia Lisboa

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Museu Nacional de Arqueologia Lisboa Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009 Museu Nacional de Arqueologia Lisboa Museu Nacional de Arqueologia APRESENTAÇÃO O Museu Nacional de Arqueologia (MNA), fundado em 1893, ocupa,

Leia mais

Lisboa Clássica Meio-dia

Lisboa Clássica Meio-dia Lisboa Clássica Meio-dia Atrações Principais: Mosteiro dos Jerónimos*, Torre de Belém, Padrão dos Descobrimentos, Museu dos Coches*, Alfama e Rossio. *Ambos encerrados à 2ª feira e substituídos pelo Palácio

Leia mais

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h.

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programação Geral Música Regional Brasileira A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programa destinado a divulgar a música típica das regiões do Brasil. Toca os grandes mestres da música nordestina e mostra

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 25 Discurso na cerimónia de entrega

Leia mais

Reflexão. A Música, as Canções e a utilização de instrumentos na Educação. Aluna: Ana Isabel Araújo Olim

Reflexão. A Música, as Canções e a utilização de instrumentos na Educação. Aluna: Ana Isabel Araújo Olim 1 Reflexão A Música, as Canções e a utilização de instrumentos na Educação Aluna: Ana Isabel Araújo Olim As escolas, ao longo do ano letivo, trabalham várias temáticas sociais. O infantário Donamina, para

Leia mais

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º 18. DICAS PARA A PRÁTICA Orientação para o trabalho A- Conhecimento de si mesmo Sugestão: Informativo de Orientação Vocacional Aluno Prezado Aluno O objetivo deste questionário é levantar informações para

Leia mais

3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores**

3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores** 16 revistas 3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores** Fonte: *IV (Out/09 a Set/10) E **Ipsos-Estudos Marplan/EGM- Out/09 a Set/10 Leitores Ambos, 10/+ anos Audiência Líquida das Revistas

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 Preparado para mais um Serralves em Festa? É já nos dias 2 e 3 de Junho que se realiza mais uma edição do Serralves

Leia mais

http://www.construir.pt/2015/04/14/arquitecto-nuno-teotonio-pereira-recebe-premiouniversidade-de-lisboa/

http://www.construir.pt/2015/04/14/arquitecto-nuno-teotonio-pereira-recebe-premiouniversidade-de-lisboa/ Construir.pt ID: 58821467 15-04-2015 Visitas diárias: 532 Âmbito: Outros Assuntos OCS: Construir.pt Arquitecto Nuno Teotónio Pereira recebe Prémio Universidade de Lisboa http://www.construir.pt/2015/04/14/arquitecto-nuno-teotonio-pereira-recebe-premiouniversidade-de-lisboa/

Leia mais