Guia para iniciantes. DMX Básico. Autor: Maxivolt Iluminação Profissional

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Guia para iniciantes. DMX Básico. Autor: Maxivolt Iluminação Profissional www.maxivolt.com.br contato@maxivolt.com.br"

Transcrição

1 Guia para iniciantes Autor: Maxivolt Iluminação Profissional A presente obra encontrase licenciada sob a licença Creative Commons AttributionShareAlike 3.0 Unported. Para visualizar uma cópia da licença, visite:

2 O que é DMX? O DMX 512 é um protocolo de comunicação para equipamentos de iluminação profissional. Tá...mas e daí, cara?! E daí que você pode usar uma mesa de controle (mesa DMX) para controlar e programar diversos equipamentos à distância. Veja alguns exemplos: 1 No teatro: Você pode aumentar ou diminuir a luz, trocar as cores para ambientar uma cena, você pode até criar cenários inteiros usando somente a luz! 2 Nas pistas de dança: Você pode aumentar ou diminuir a velocidade do movimento da luz, fazer o efeito strobo acompanhar as batidas da música, focar o dj no ponto alto da música, tudo depende da sua criatividade! 3 Festas de casamento, debutante, formatura: Você pode acompanhar a entrada da noiva, formandos, debutante com a luz, por exemplo. Na hora da banda tocar você pode criar um verdadeiro espetáculo, sincronizando as luzes com a música. São inúmeros efeitos que você pode criar com a luz, e em inúmeras situações, tudo o que você tem que fazer é conhecer bem as funções dos equipamentos e usálas de acordo com a necessidade. Quanto mais conhecimento técnico você tiver, mais problemas luminotécnicos você poderá resolver, junte isso com a sua criatividade e você conseguirá efeitos dignos de Hollywood! Um bom exemplo, é o show da Banda Pink Floyd, Pulse. Procure na internet e assista, repare como o iluminador usou os equipamentos para ambientar o palco de acordo com a música, sincronizou as luzes com o video mostrado no telão redondo, destacou certos músicos em certas horas, etc. Preste atenção na luz! Tente descobrir o que foi usado, quando foi usado e porque foi usado, fazendo isso você já vai ter uma boa noção do que pode ser feito com a iluminação profissional de entretenimento. Para começar a entender como tudo isso pode ser feito, vamos dividir o processo todo em 5 partes. Página 1

3 Capítulo 1 Conheça os equipamentos DMX (Fixtures) Há vários tipos de equipamentos controlados por DMX, são chamados de fixtures (pronunciase ficstchers ), vejamos os mais comuns: Moving Heads O moving head (traduzindo, cabeça que se move ) é o equipamento mais complexo que existe na iluminação profissional, basicamente, é uma luminária que gira em torno de dois eixos, aproximadamente (o ângulo de rotação depende do modelo) 540 na horizontal, conhecido como movimento pan e 270 na vertical, movimento tilt. Além disso, você pode mudar a cor e o desenho do feixe de luz. Para exemplificar, vamos imaginar um moving head com 6 funções: Função 1 Pan (movimento horizontal) = canal 1 Função 2 Tilt (movimento vertical) = canal 2 Função 3 Mudança de cor do feixe de luz = canal 3 Função 4 Mudança do desenho do feixe de luz (gobo) = canal 4 Função 5 Intensidade da luz (dimmer) = canal 5 Função 6 Efeito estroboscópico (nos movings, é conhecido como shutter ) = canal 6 Obs: Existem mais funções, e o shutter é apenas uma simulação do strobo, explico melhor em uma próxima oportunidade. Página 2

4 Scanners O scanner (vulgo scan ) funciona como um moving head, porém os movimentos de pan e tilt são feitos através de um espelho móvel (os scans têm menos graus de movimento que os movings, porém são mais rápidos). No nosso exemplo, vamos usar um scan de 4 funções: Função 1 Pan (movimento horizontal) = canal 1 Função 2 Tilt (movimento vertical) = canal 2 Função 3 Mudança de cor do feixe de luz = canal 3 Função 4 Mudança do desenho do feixe de luz = canal 4 Multiraios Os multiraios (raio de sol, moonflower, derby, etc) são equipamentos que geram vários feixes de luz e cada modelo cria um efeito diferente. Os canais mais comuns nesses equipamentos e que vamos usar no nosso exemplo, são: Função 1 Intensidade da luz () = canal 1 Função 2 Velocidade do efeito = canal 2 Função 3 Efeito estroboscópico = canal 3 Obs: Nem todos os multiraios são controlados por DMX, alguns se movimentam apenas pelo ritmo da música que é captado por um microfone (sensor de áudio). Página 3

5 (luz estroboscópica) A estrobo (vulgo strobo do inglês, stroboscopic ) é aquela luz muito forte, que pisca muito rápido, te deixa meio tonto e parece que você está se movendo em câmera lenta, sabe? Então...na maioria dos modelos as funções são: Função 1 Intensidade da luz = canal 1 Função 2 Velocidade do efeito = canal 2 Acho que basta por enquanto, existem outros fixtures, mas vamos ficar por aqui para começar. Valores dos canais: Cada canal de um fixture pode ter valores atribuidos que vão de 000 até 255. Então se um canal de dimmer (intensidade da luz) tiver o valor 000, a luz ficará apagada, se tiver o valor 255 ficará completamente acesa. Qualquer valor entre 000 e 255 fará o luz acender ou apagar gradualmente. Para entender melhor veja a tabela abaixo (canais do moving head): Canal Valor Função até 255 Pan 0 até 540 graus Página 4

6 Canal Valor Função até 255 Tilt 0 até 270 graus até até até até até 255 Cor Branco Vermelho Verde Azul Laranja 4 Gobo 128 até 255 Passagem contínua dos gobos (Scroll) devagar/rápido até 255 apagado/aceso até 255 devagar/rápido Cada fixture tem uma ordem e quantidade de canais, consulte o manual do seu equipamento para saber quantos são e as funções de cada um. Página 5

7 Capítulo 2 Conheça os controladores DMX Os controladores DMX são os equipamentos que controlam e programam os fixtures. Existem diversos controladores DMX no mercado, que podem ser softwares de computador conectados à linha DMX através de uma interface, ou consoles dedicados chamados de mesas DMX. Os consoles mais famosos e usados no mundo são: Avolites (Pearl, Tiger). A fabricante da famosa Pérola, muito usada aqui no Brasil. MA Lighting (Grand MA). A Grand MA é mesa mais usada em grandes espetáculos internacionais. Flying Pig/High End (WholeHog). Outro console para grandes espetáculos. SGM (Pilot, Regia). Fabricante da Pilot 2000, mesa muito utilizada aqui no Brasil e que tem diversas cópias chinesas, muito utilizada em pequenos e médios eventos. ETC (Express, Eos, Ion). Consoles especificos para teatros. Strand Lighting/Phillips (Palette, Series 100/200) Alguns modelos de mesa deram tão certo que são copiados por diversos fabricantes, é o caso da Pérola (Pearl da Avolite), Pilot 2000 da SGM e DMX Operator da American DJ/Elation. Esses nomes acabaram virando genéricos por aqui, e quando se vê uma cópia de uma dessas mesas nós acabamos chamando pelo nome original. Então o nome DMX Operator representa todas as mesas que possuem apenas 192 ou 240 canais DMX. Existem diversas marcas e modelos de DMX Operator e alguns fabricantes até dão outros nomes para elas, mas o importante é que todas funcionam de forma similar. Página 6

8 Por ser mais simples de usar é a mesa escolhida pela maioria dos iniciantes, e será a escolhida para ilustrar esse artigo. Veja abaixo as partes de uma Operator: 1 Grupo de botões que selecionam os fixtures; 15 Faders que controlam o valor dos canais; 14 Botão que muda a página dos faders; Os outros botões ficam para um próximo artigo, onde explicarei a parte de programação (scenes e chases). Por enquanto, vamos usar somente a parte de operação manual dos fixtures. Página 7

9 Capítulo 3 Conheça o DMX 512 Agora que já conhecemos alguns equipamentos e suas funções básicas, vamos ao DMX 512. Mas antes, precisamos saber algumas coisas: Como eu disse no começo, o DMX 512 é um protocolo de comunicação para equipamentos de iluminação. Ele tem esse nome porque é uma linguagem de máquina Digital MultipleXada com 512 canais, ou seja, você pode controlar 512 funções não importando quantos equipamentos estão conectados na linha. Isso significa que você pode controlar um único equipamento que tenha 512 funções ou então 64 aparelhos com 8 funções, ou ainda 32 fixtures com 16 funções, ou 16 com 16 funções + 32 com 8 funções, etc, etc, etc...desde que a soma final seja, no máximo, 512. Observação importante! Se for necessário usar mais de 32 fixtures ou se a linha passar de 500 metros de comprimento, você irá precisar de equipamentos como o splitter ou o buffer. Note também que não é necessário ocupar todos os 512 canais, se você quiser, pode ser usado apenas um ou dois canais. A cada 512 canais dmx, damos o nome de um universo dmx, então se você ouvir dizer que um controlador DMX tem 2 universos, quer dizer que pode controlar 1024 canais. Se tiver 4 universos, controla 2048 canais. Conexões: Os fixtures (equipamentos controlados por DMX), são conectados através de um esquema chamado de Daisy Chain, ou seja, o começo da linha é um controlador DMX, a saída do controlador se conecta a entrada do primeiro aparelho da linha, a saída do primeiro na entrada do segundo, a saida do segundo na entrada do terceiro, e assim por diante. Veja o exemplo de uma linha DMX na figura a seguir: Página 8

10 Terminator: O terminator, nada mais é, que um conector XLR com um resistor de 120 Ohms (1/4 Watt) ligado entre os pinos 2 e 3. Ligado ao output do último fixture, serve para matar o sinal do último equipamento da linha DMX, impedindo que o sinal volte pela linha. A falta do terminator pode resultar em fixtures não se comportando como deveriam ou o flickamento (luzes piscando/falhando) das lâmpadas. Sempre, eu disse SEMPRE, use um TERMINATOR no último equipamento da linha! Obs: Em nosso blog você encontra um tutorial para montar um. Cabeamento: No Brasil, temos o (mau) costume de usar cabos de microfone para fazer a linha DMX, são cabos que funcionam para curtas distâncias, mas a partir do momento que precisamos ligar muitos equipamentos à linha ou cobrir longas distâncias, começam a apresentar problemas. O cabos corretos, são os que atendem à norma do protocolo RS485, porém são muito raros e caros por aqui. Um bom substituto (não é o ideal, mas é melhor que o cabo de microfone) é o cabo PP de 3 vias com 1 milímetro de bitola (PP 3x1). Nunca, eu disse NUNCA, use um CABO Y para dividir o sinal DMX, se for necessário fazer uma derivação na sua linha, procure um equipamento chamado splitter! Conectores: Os conectores padrão do protocolo DMX são os XLR de 5 pinos, mas também são difíceis de encontrar e tem um valor mais alto, então usamos os XLR de 3 pinos que, adivinhe, também são usados para microfone. Tecnicamente não há problemas em usar o XLR de 3 pinos, mas você pode confundir com os conectores de áudio e causar danos aos equipamentos. Uma boa saída para esse problema, é comprar fitas isolantes coloridas e marcar os cabos de áudio e de iluminação com cores distintas. Página 9

11 Agora sim, o DMX 512: Imagine um pacote divido em 512 pedaços e que cada pedaço possui duas informações, o seu número de identificação e um valor de 0 (valor mínimo) até 255 (valor máximo). A identificação dos canais é constante e o seu respectivo valor varia de acordo com a posição dos faders da mesa, assim, se um fixture lê que seu canal de dimmer está com o valor 255, fará como que sua lâmpada esteja acesa 100%, se estiver com o valor 000 a lâmpada se apagará. Uma mesa DMX cria milhares desses pacotes por segundo e os envia através do cabo de sinal, fazendo com que o fixtures obedeçam aos comandos (praticamente) em tempo real, uma vez que, os fixtures lêem as informações através de impulsos elétricos. É importante que você saiba que um fixture deixa passar toda a informação para os outros equipamentos da linha DMX, mesmo aquela que já foi usada por ele. Obs: O modelo real do pacote de informações não é bem assim, na verdade, não é nada assim! Isso é só uma representação prática para que você entenda como funciona. Página 10

12 Capítulo 4 Endereçamento Agora preste atenção porque é aqui que as pessoas se confundem! Vamos deixar uma coisa bem clara! Existe os canais do universo DMX e os canais do fixture! São duas coisas distintas! Lembrese disso, ok? Com isso dito, o endereçamento é o canal do universo DMX que você irá definir para o PRIMEIRO canal de um fixture. Exemplificando: Vamos chamar os canais do universo dmx de Ch.U e usar a cor Azul. Vamos chamar os canais do fixture de Ch.F e usar a cor Vermelha. Vimos no primeiro capítulo que os fixtures tem seus canais (funções), lembra? Então vamos usar o moving head do primeiro capítulo como exemplo: Função 1 Pan (movimento horizontal) = Ch.F01 Função 2 Tilt (movimento vertical) = Ch.F02 Função 3 Cor = Ch.F03 Função 4 Gobo = Ch.F04 Função 5 = Ch.F05 Função 6 Shutter = Ch.F06 Os canais do universo vão de 1 até 512, então temos: Ch.U001, Ch.U002, Ch.U Ch.U512. Então se endereçarmos o moving head para o canal, digamos, 35 do universo dmx, o primeiro canal do fixture será igual ao 35 do universo, o segundo 36, o terceiro 37...e o sexto 40. Veja a tabela abaixo: Ch.U035 Ch.U036 Ch.U037 Ch.U038 Ch.U039 Ch.U040 Ch.F01 Ch.F02 Ch.F03 Ch.F04 Ch.F05 Ch.F06 Endereço Página 11

13 Agora vamos ao exemplo com dois fixtures, o moving head e o estrobo: O endereçamento do moving head será 1 e do estrobo 7. Relembrando as funções da : Função 1 = Ch.F01 Função 2 Velocidade do efeito = Ch.F02 Canal Ch.U001 Ch.U002 Ch.U003 Ch.U004 Ch.U005 Ch.U006 Ch.U007 Ch.U008 do Universo Canal Ch.F01 Ch.F02 Ch.F03 Ch.F04 Ch.F05 Ch.F06 Ch.F01 Ch.F02 do Fixture Função Pan Tilt Cor Gobo Shutter Velocidade Fixture Moving Moving Moving Moving Moving Moving Endereço do Moving é 001 Endereço do é 007 Overlap: Lembra que eu disse que era importante que você saiba que o fixture passa TODA a informação adiante? Eis aqui o motivo! O overlap. Na tabela acima, o que aconteceria se você endereçasse o estrobo para 006? O fader do canal 006 iria modificar o valor do Ch.F06 do moving e o CHF01 do estrobo ao mesmo tempo, fazendo com que você perca o controle sobre o shutter do moving e o dimmer da estrobo. Veja o qua aconteceria na tabela abaixo: Página 12

14 Canal do Universo Canal do Fixture Ch.U001 Ch.U002 Ch.U003 Ch.U004 Ch.U005 Ch.U006 Ch.U007 Ch.F01 Ch.F02 Ch.F03 Ch.F04 Ch.F05 Ch.F06 Ch.F01 Função Pan Tilt Cor Gobo Shutter Fixture Moving Moving Moving Moving Moving Moving Overlap Ch.F02 Velocidade Overlap intencional: O overlap pode ser um problema, porém podemos tirar uma vantagem disso. Se possuirmos dois ou mais equipamentos indênticos, podemos endereçálos para o mesmo canal, dessa maneira, economizamos canais do universo DMX (controlamos mais que um fixture usando a mesma quantidade de canais) e fazemos com que eles trabalhem em perfeita sincronia. Mas atenção! Isso só funciona para equipamentos idênticos e eles só irão trabalhar em sincronia. Se você precisar ter controle independente de cada um, use canais diferentes! Página 13

15 Capítulo 5 Exemplo Prático com a DMX Operator Agora vamos ver como funciona o endereçamento na prática. Usaremos os equipamentos do primeiro capítulo e vamos endereçar em uma DMX Operator. Mas antes precisamos saber como funciona o endereçamento na Operator. Essa mesa DMX présupõe que os fixtures que você irá trabalhar têm 16 ou 20 canais (dependendo do modelo, mas vamos trabalhar com a versão de 16 canais), então quando selecionamos o botão 1 do grupo de fixtures, quer dizer que seus 8 faders irão controlar os canais de 1 a 8 do universo DMX e assim que pressionamos o botão PAGE os faders controlam os canais de 9 a 16 do universo, completando os 16 canais do primeiro fixture. Da mesma maneira, se selecionado o botão 2 do grupo de fixtures, os faders irão controlar os canais de 17 a 32 do universo DMX e assim por diante. Agora vamos fazer um exercício, usando os equipamentos do primeiro capítulo, complete a tabela a seguir: Página 14

16 Endereço 12 B 11 A 10 Multiraio D 9 Multiraio C 8 Multiraio B 7 Multiraio A Ch.U 098 Veloc. 6 Scan B Ch.U 081 Pan 5 Scan A Ch.U 068 Ch.F 004 Gobo 4 Moving Head D Ch.U 050 Tilt 3 Moving Head C Ch.U 036 Ch.F 004 Gobo 2 Moving Head B Ch.U 017 Ch.U Moving Head A Ch.U 001 Pan Ch.U 002 Ch.U 003 Ch.U 004 Ch.F 004 Tilt Cor Gobo Número do fixture (botão 1 a 12) Nome do Fixture Ch.U 005 Ch.F 005 Ch.U 037 Ch.F 005 Ch.U 069 Canal do Universo Canal do Fixture Função Ch.U 006 Ch.F 006 Ch.U 007 Ch.U 008 Ch.U 009 Ch.U 010 Ch.U 011 Ch.U 012 Ch.U 013 Ch.U 014 Ch.U 015 Ch.U 166 Ch.U 167 Ch.U 168 Ch.U 184 Ch.U 169 Ch.U 185 Ch.U 170 Ch.U 186 Ch.U 171 Ch.U 187 Ch.U 172 Ch.U 188 Ch.U 173 Ch.U 189 Ch.U 174 Ch.U 190 Ch.U 175 Ch.U 191 Ch.U 016 Ch.U 048 Ch.U 096 Ch.U 176 Ch.U 192 Página 15

17 Endereço 12 B Ch.U A Ch.U Multiraio D Ch.U Multiraio C Ch.U Multiraio B Ch.U Multiraio A Ch.U Scan B Ch.U 081 Pan 5 Scan A Ch.U 065 Pan 4 Moving Head D Ch.U 049 Pan 3 Moving Head C Ch.U 033 Pan 2 Moving Head B Ch.U 017 Pan 1 Moving Head A Ch.U 001 Pan Número do fixture (botão 1 a 12) Nome do Fixture Ch.U 002 Tilt Ch.U 018 Tilt Ch.U 034 Tilt Ch.U 050 Tilt Ch.U 066 Tilt Ch.U 082 Tilt Ch.U 098 Veloc. Ch.U 114 Veloc. Ch.U 130 Veloc. Ch.U 146 Veloc. Ch.U 162 Ch. F 002 Veloc. Ch.U 178 Ch. F 002 Veloc. Ch.U 003 Cor Ch.U 019 Cor Ch.U 035 Cor Ch.U 051 Cor Ch.U 067 Cor Ch.U 083 Cor Ch.U 099 Ch.U 115 Ch.U 131 Ch.U 147 Ch.U 163 Ch.U 179 Ch.U 004 Ch.F 004 Gobo Ch.U 020 Ch.F 004 Gobo Ch.U 036 Ch.F 004 Gobo Ch.U 052 Ch.F 004 Gobo Ch.U 068 Ch.F 004 Gobo Ch.U 084 Ch.F 004 Gobo Ch.U 100 Ch.U 116 Ch.U 132 Ch.U 148 Ch.U 164 Ch.U 180 Ch.U 005 Ch.F 005 Ch.U 021 Ch.F 005 Ch.U 037 Ch.F 005 Ch.U 053 Ch.F 005 Ch.U 069 Ch.U 085 Ch.U 101 Ch.U 117 Ch.U 133 Ch.U 149 Ch.U 165 Ch.U 181 Ch.U 006 Ch.F 006 Ch.U 022 Ch.F 006 Ch.U 038 Ch.F 006 Ch.U 054 Ch.F 006 Ch.U 070 Ch.U 086 Ch.U 102 Ch.U 118 Ch.U 134 Ch.U 150 Ch.U 166 Ch.U 182 Canal do Universo Canal do Fixture Função Ch.U 007 Ch.U 023 Ch.U 039 Ch.U 055 Ch.U 071 Ch.U 087 Ch.U 103 Ch.U 119 Ch.U 135 Ch.U 151 Ch.U 167 Ch.U 183 Ch.U 008 Ch.U 024 Ch.U 040 Ch.U 056 Ch.U 072 Ch.U 088 Ch.U 104 Ch.U 120 Ch.U 136 Ch.U 152 Ch.U 168 Ch.U 184 Ch.U 009 Ch.U 025 Ch.U 041 Ch.U 057 Ch.U 073 Ch.U 089 Ch.U 105 Ch.U 121 Ch.U 137 Ch.U 153 Ch.U 169 Ch.U 185 Ch.U 010 Ch.U 026 Ch.U 042 Ch.U 058 Ch.U 074 Ch.U 090 Ch.U 106 Ch.U 122 Ch.U 138 Ch.U 154 Ch.U 170 Ch.U 186 Ch.U 011 Ch.U 027 Ch.U 043 Ch.U 059 Ch.U 075 Ch.U 091 Ch.U 107 Ch.U 123 Ch.U 139 Ch.U 155 Ch.U 171 Ch.U 187 Ch.U 012 Ch.U 028 Ch.U 044 Ch.U 060 Ch.U 076 Ch.U 092 Ch.U 108 Ch.U 124 Ch.U 140 Ch.U 156 Ch.U 172 Ch.U 188 Ch.U 013 Ch.U 029 Ch.U 045 Ch.U 061 Ch.U 077 Ch.U 093 Ch.U 109 Ch.U 125 Ch.U 141 Ch.U 157 Ch.U 173 Ch.U 189 Ch.U 014 Ch.U 030 Ch.U 046 Ch.U 062 Ch.U 078 Ch.U 094 Ch.U 110 Ch.U 126 Ch.U 142 Ch.U 158 Ch.U 174 Ch.U 190 Ch.U 015 Ch.U 031 Ch.U 047 Ch.U 063 Ch.U 079 Ch.U 095 Ch.U 111 Ch.U 127 Ch.U 143 Ch.U 159 Ch.U 175 Ch.U 191 Ch.U 016 Ch.U 032 Ch.U 048 Ch.U 064 Ch.U 080 Ch.U 096 Ch.U 112 Ch.U 128 Ch.U 144 Ch.U 160 Ch.U 176 Ch.U 192 Página 16

18 A DMX Operator é uma mesa bem prática e funciona perfeitamente para poucos equipamentos, porém tem um problema. Muitos canais ficam sem função nenhuma e o máximo de canais que ela consegue controlar é 192, não completando nem um universo DMX inteiro. Existe uma forma de você economizar alguns canais e não deixar tantos vazios. Te desafio a pensar em como fazer isso! Ficamos por aqui. Agora pegue seus fixtures e sua operator e faça uma linha DMX, mude a posição deles na operator, brinque com os endereços, faça overlaps propositais e veja o que acontece. Não esqueça de estar sempre pesquisando, assistindo shows ou programas de TV, essa é a melhor forma de você ter idéias de como cada equipamento pode ser usado. Assim você poderá adaptar essas idéias aos seus eventos para criar diferenciais matadores e acabar com a concorrência! Tenha ótimos eventos! Renato Matsubara Página 17

MANUAL DO USUÁRIO DMX MASTER II Tecnologia de Iluminação Profissional

MANUAL DO USUÁRIO DMX MASTER II Tecnologia de Iluminação Profissional MANUAL DO USUÁRIO DMX MASTER II Tecnologia de Iluminação Profissional CONTEÚDO 1. Características 2. Instruções gerais 3. Visão geral 3.1. Visão frontal 3.2. Visão de trás 4. Guia de operação 4.1. Ativar

Leia mais

MESA DMX 512 MANUAL DE OPERAÇÃO

MESA DMX 512 MANUAL DE OPERAÇÃO MESA DMX 512 MANUAL DE OPERAÇÃO 1 - INSTRUÇÕES INICIAIS IMPORTANTE LEIA COM ATENÇÃO!. Certifique-se de que a voltagem no equipamento é compatível com a tensão da rede elétrica. Este equipamento foi desenvolvido

Leia mais

Table of contents. I Editor ScanLibrary 1 1. Como criar um novo equipamento 1 2. Como criar um canal 3 3. Como criar um preset 5

Table of contents. I Editor ScanLibrary 1 1. Como criar um novo equipamento 1 2. Como criar um canal 3 3. Como criar um preset 5 Table of contents 1 1. Como criar um novo equipamento 1 2. Como criar um canal 3 3. Como criar um preset 5 Page 1 O editor ScanLibrary permite modificar ou adicionar um novo equipamento à biblioteca. Apenas

Leia mais

MONTAGEM E CONFIGURAÇÃO DE UMA PISTA/PISO DE LEDS

MONTAGEM E CONFIGURAÇÃO DE UMA PISTA/PISO DE LEDS MONTAGEM E CONFIGURAÇÃO DE UMA PISTA/PISO DE LEDS CONDIÇÕES GERAIS Utilize o texto e vídeo abaixo como referencia se você deseja montar uma pista de LEDs, LEMBRANDO QUE É APENAS UMA SUGESTÃO, VOCÊ PODE

Leia mais

Manual Placa DMX 4 pixels RGB

Manual Placa DMX 4 pixels RGB Manual Placa DMX 4 pixels RGB 2012 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.2 16/10/2015 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONEXÕES DA PLACA... 4 3. DIMENSÕES

Leia mais

CRIANDO EQUIPAMENTOS MOVING HEAD

CRIANDO EQUIPAMENTOS MOVING HEAD CRIANDO EQUIPAMENTOS MOVING HEAD 2 / 18 INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO Neste tutorial veremos como podemos criar um moving head que não existe na biblioteca do Freestyler. É fundamental ter a tabela dos canais

Leia mais

MANUAL DMX-192. DMX controller

MANUAL DMX-192. DMX controller MANUAL DMX-192 DMX controller Por favor, leia com atenção este manual de instruções! CONTEÚDO 1. INTRODUÇÃO 2. FUNÇÕES 3. Operação e Instruções 4. Resolução de problemas 1. INTRODUCÃO Obrigado por escolher

Leia mais

Manual Interface Lumikit PRO 4

Manual Interface Lumikit PRO 4 Manual Interface Lumikit PRO 4 2011 Lumikit Sistemas para Iluminação Antes de começar é importante ter algumas noções de redes de computador e endereçamentos, veja os seguintes tópicos na internet: http://pt.wikipedia.org/wiki/endereço_ip

Leia mais

LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO!

LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO! LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO! Manual de uso Interface Lumikit WiFi 2015 Lumikit Sistemas para Iluminação rev 0 15/03/2015 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 Considerações importantes,

Leia mais

SPOT LED 80W. LED 80W White Color DMX 512: 8 ou 14 canais Cor: 8 cores + branco Gobo: 7 gobos intercambiáveis, indexáveis e rotativos

SPOT LED 80W. LED 80W White Color DMX 512: 8 ou 14 canais Cor: 8 cores + branco Gobo: 7 gobos intercambiáveis, indexáveis e rotativos CATÁLOGO 2012 2 indice Holle Scan 20W... 2 Holle Spot LED 80W Beam... 3 Holle Spot LED 80W... 4 Holle Spot LED 60W... 5 Holle Spot LED 25W... 6 Holle Wash 50W... 7 Holle Wash 324... 8 Holle Spot 300 Beam...

Leia mais

Encoder de Quadratura

Encoder de Quadratura R O B Ó T I C A Sensor Smart de Quadratura Versão Hardware:. Versão Firmware: 2. REVISÃO 2.9 Sensor Smart de Quadratura. Introdução Os encoders são equipamentos utilizados para converter movimentos rotativos

Leia mais

LUMIKIT PRO X4 / RACK INTERFACE QUICK GUIDE

LUMIKIT PRO X4 / RACK INTERFACE QUICK GUIDE LUMIKIT PRO X4 / RACK INTERFACE QUICK GUIDE LEIA O MANUAL ANTES DE UTILIZAR O PRODUTO! Considerações importantes, leia antes de usar o produto: A diferença entre a interface Lumikit PRO X4 e Lumikit PRO

Leia mais

SCANNER INTELIGENTE Tecnologia de Iluminação Profissional

SCANNER INTELIGENTE Tecnologia de Iluminação Profissional SCANNER INTELIGENTE Tecnologia de Iluminação Profissional THE WINNER MANUAL DE INSTRUÇÕES Leia com atenção todas as instruções antes de utilizar o equipamento SUMÁRIO A. Instruções gerais B. Principais

Leia mais

Software megadmx. Autor: Luís Augusto Spranger (www.megadmx.com) Revisão: Ciro Ota (www.djapan.com.br), Deejay Asia Armani (www.asiaarmani.

Software megadmx. Autor: Luís Augusto Spranger (www.megadmx.com) Revisão: Ciro Ota (www.djapan.com.br), Deejay Asia Armani (www.asiaarmani. Software megadmx Autor: Luís Augusto Spranger (www..com) Revisão: Ciro Ota (www.djapan.com.br), Deejay Asia Armani (www.asiaarmani.com) versão manual: 3.04.2009 megadmx:.400 2006 2009 megadmx Índice. Conceitos

Leia mais

Projetor 1 unidade Cabo de Força 1 unidade Chave do interruptor do Laser 2 unidade Manual do Usuário 1 unidade Certificado de garantia 1 unidade

Projetor 1 unidade Cabo de Força 1 unidade Chave do interruptor do Laser 2 unidade Manual do Usuário 1 unidade Certificado de garantia 1 unidade Instruções Gerais Obrigado por adquirir o Projetor de Laser STU-DJ 120G. Para segurança e melhor operação, leia este manual cuidadosamente antes de utilizar o projetor, para que não ocorra algum dano pessoal

Leia mais

(LED 777) MANUAL DO USUÁRIO

(LED 777) MANUAL DO USUÁRIO IMPOSSIBILED (LED 777) MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO 1. INSTRUÇOES DE SEGURANÇA 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 3. FUNÇÕES PRINCIPAIS 4. COMO CONTROLAR O EQUIPAMENTO 5. CONFIGURAÇÃO DMX 512 6. CONEXÕES DMX 512

Leia mais

2014 Lumikit Sistemas para Iluminação

2014 Lumikit Sistemas para Iluminação Manual Placa DMX 16 pixels RGB 2014 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.2 16/10/2015 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONEXÕES DA PLACA... 3 3. DIMENSÕES

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PAR LED RGBW MANAL DO USUÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO PAR LED RGBW MANAL DO USUÁRIO MANAL DO USUÁRIO PAR LED RGBW INSTRUÇÕES Obrigado por comprar nosso produto. PAR LED RGBW é projetado para aplicações de iluminação de boate e estágio profissional. Com suas cores ilimitados e o movimento

Leia mais

XP-5R BEAM. Controle. Controle DMX: 20/19/16 canais. Disco de Cor: 14 cores fixas. Disco de Gobo: 17 gobos fixos. Efeito: shake super rápido

XP-5R BEAM. Controle. Controle DMX: 20/19/16 canais. Disco de Cor: 14 cores fixas. Disco de Gobo: 17 gobos fixos. Efeito: shake super rápido moving heads XP-5R BEAM DMX: 20/19/16 canais Disco de Cor: 14 cores fixas Disco de Gobo: 17 gobos fixos Efeito: shake super rápido Prisma: 8 faces rotativos Filtro: Frost Strobo e ajuste de velocidade

Leia mais

IFP-64. Ultra-High Intensity 168 LED Indoor Light Fixture. Manual do Usuário

IFP-64. Ultra-High Intensity 168 LED Indoor Light Fixture. Manual do Usuário IFP-64 Ultra-High Intensity 168 LED Indoor Light Fixture Manual do Usuário Introdução Obrigado por ter escolhido este produto. Você verá que adquiriu um aparelho poderoso e versátil. Desembale-o e, antes

Leia mais

Manual do Usuário Android Neocontrol

Manual do Usuário Android Neocontrol Manual do Usuário Android Neocontrol Sumário 1.Licença e Direitos Autorais...3 2.Sobre o produto...4 3. Instalando, Atualizando e executando o Android Neocontrol em seu aparelho...5 3.1. Instalando o aplicativo...5

Leia mais

Manual Placa DMX 10 pixels RGB

Manual Placa DMX 10 pixels RGB Manual Placa DMX 10 pixels RGB 2011 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.0 26/08/2011 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONEXÕES DA PLACA... 4 3. DIMENSÕES

Leia mais

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO.

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO. SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ... 2 DICAS PEDAGÓGICAS:... 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO... 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD... 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO... 3 PASSO 3 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO... 4 CRIANDO NOVAS

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Seguidor de Linha Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19 Sensor Smart Seguidor de Linha 1. Introdução Os sensores seguidores de linha são sensores que detectam

Leia mais

Splitter DMX 4 Saídas

Splitter DMX 4 Saídas Splitter DMX 4 Saídas Obrigado por ter escolhido um produto da Star Lighting Division. Você tem agora um produto de qualidade e confiabilidade. Esse produto deixou a fábrica em perfeitas condições. Para

Leia mais

NEO LED MAXIMUM 3W WHITE 3 NEO DJ LASER DUO 100MW

NEO LED MAXIMUM 3W WHITE 3 NEO DJ LASER DUO 100MW Catálogo 2009/10 Sumário NEO LED MAXIMUM 3W x 12 3 NEO LED MAXIMUM II 3 LW - 800 MAXIMUM 3 NEO LED MAXIMUM 3W WHITE 3 MAXIMUM DMX 4 NEO LED TUB 20 4 NEO LED TUB 50 4 NEO LED TUB 100 4 NEO LED TUB CONTROL

Leia mais

DAZZLE LED LED 430 MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO. 1. Instruções de segurança. 2. Especificações técnicas. 3. Instalação. 4. Como controlar o equipamento

DAZZLE LED LED 430 MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO. 1. Instruções de segurança. 2. Especificações técnicas. 3. Instalação. 4. Como controlar o equipamento DAZZLE LED LED 430 CONTEÚDO 1. Instruções de segurança 2. Especificações técnicas 3. Instalação 4. Como controlar o equipamento 5. Configuração DMX 512 6. Conexão DMX 512 7. Limpeza e manutenção 8. Garantia

Leia mais

Introdução à Arte da Ciência da Computação

Introdução à Arte da Ciência da Computação 1 NOME DA AULA Introdução à Arte da Ciência da Computação Tempo de aula: 45 60 minutos Tempo de preparação: 15 minutos Principal objetivo: deixar claro para os alunos o que é a ciência da computação e

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO DJ100 MANUAL DE OPERAÇÃO

MANUAL DE OPERAÇÃO DJ100 MANUAL DE OPERAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO 1 1 - INSTRUÇÕES INICIAIS IMPORTANTE LEIA COM ATENÇÃO! MANUAL DE OPERAÇÃO DJ100 Certifique-se de que a seleção de voltagem no equipamento é compatível com a tensão da rede elétrica.

Leia mais

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida!

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida! Introdução e índice Eu sou a Claudia Regina (www.claudiaregina.com) e resolvi criar este pequeno Manual Básico de Fotografia para ajudar quem procura por bom conteúdo para iniciantes, em português. Aprender

Leia mais

Introdução à Informática Professor: Juliano Dornelles

Introdução à Informática Professor: Juliano Dornelles Pra que serve o computador? O computador é uma extensão dos sentidos humanos. Pode ser utilizado no trabalho, nos estudos e no entretenimento. Com finalidades de interação, comunicação, construção de conteúdo,

Leia mais

P á g i n a 2. Avisos Importantes

P á g i n a 2. Avisos Importantes P á g i n a 1 P á g i n a 2 Avisos Importantes Todas as instruções contidas neste manual devem ser seguidas, caso contrário o produto perderá a garantia. Faça primeiro as conexões dos cabos de alimentação

Leia mais

Lancer Beam 5R. Gobos: 17 gobos + branco e efeito flow. Função de gobo motorizado com foco. Potência: 380W

Lancer Beam 5R. Gobos: 17 gobos + branco e efeito flow. Função de gobo motorizado com foco. Potência: 380W moving head Lancer Beam 2R Disco de Gobos: 8 gobos + 14 + aberto Frequência: 50/60Hz Disco de Cores: 13 cores + aberto Consumo: 260W Temperatura de cor: 8000K Lâmpada: 2R Jembo - 132W Disco de efeitos:

Leia mais

JUBILED. Manual do Usuário (LED-410 PLS) CONTEÚDO. 1. Instruções de Segurança. 2. Especificações Técnicas. 3. Instalação. 4. Funções Principais

JUBILED. Manual do Usuário (LED-410 PLS) CONTEÚDO. 1. Instruções de Segurança. 2. Especificações Técnicas. 3. Instalação. 4. Funções Principais CONTEÚDO JUBILED (LED-410 PLS) 1. Instruções de Segurança 2. Especificações Técnicas 3. Instalação 4. Funções Principais 5. Como controlar o equipamento 6. Configuração DMX 512 7. Conexões DMX 512 8. Limpeza

Leia mais

MADE IN LMX1216 192 CHANNELS LIGHT CONSOLE. Manual de Instrucções User Manual MAN143_0

MADE IN LMX1216 192 CHANNELS LIGHT CONSOLE. Manual de Instrucções User Manual MAN143_0 MADE IN EU LMX1216 192 CHANNELS LIGHT CONSOLE Manual de Instrucções User Manual MAN143_0 1. PRODUCT DESCRIPTIONS: Para facilitar a utilização correcta deste equipamento, criámos este Manual de Instruções.

Leia mais

Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1

Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1 Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1 Índice - 1 Características técnicas...2-1.1 Instalação...4-2 Menu...4-2.1 Navegando no Menu...5-2.2 Efeitos...6-2.3 Operação...6-3 Configuração DMX 512...7-3.1

Leia mais

Guia rápido - 1ª PARTE

Guia rápido - 1ª PARTE Guia rápido - 1ª PARTE Especificações: Marca STAR DMX 512 canais Aloca 40 aparelhos Capacidade 20 memórias x 40 programas/chases/psycho x 40 passos Atalho extra patch fog/strobo/etc. Configura dimmer patch

Leia mais

NEO LED CYGNUS RGB DMX

NEO LED CYGNUS RGB DMX NEO LED CYGNUS RGB DMX USER MANUAL CUIDADO! Mantenha esse equipamento longe da chuva e umidade! Desconecte o cabo de força antes de abrir o equipamento! Para sua própria segurança, favor ler esse manual

Leia mais

Datasheet Componentes Eletrônicos

Datasheet Componentes Eletrônicos Datasheet Componentes Eletrônicos Caixa de Pilhas... 2 LED (mini lâmpada)... 2 Conector INT... 3 HUB... 3 Sensor de Luz... 4 Circuito Relé... 4 Circuito Buzz... 5 Sensor de Ímã... 6 Ponte H com Relés...

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES Obrigado por adquirir este produto. Por favor, leia essas instruções cuidadosamente para garantir melhores resultados do seu aparelho. SOBRE O PRODUTO A MINIMAXX é a menor câmera de

Leia mais

Conectores de Vídeo Radiofreqüência (RF)

Conectores de Vídeo Radiofreqüência (RF) 15 Conectores de Vídeo Existem vários tipos de conexões de vídeo que você pode encontrar no PC e em aparelhos eletrônicos como TVs, aparelhos de DVD e videoprojetores. Apesar de a finalidade geral desses

Leia mais

Amplificadores, Caixas Acústicas e uma tal de impedância - Parte 2

Amplificadores, Caixas Acústicas e uma tal de impedância - Parte 2 Amplificadores, Caixas Acústicas e uma tal de impedância - Parte 2 Autor: Fernando Antônio Bersan Pinheiro No artigo anterior, tratamos da teoria envolvendo os fatores citados acima. Neste, vamos tentar

Leia mais

Manual de funcionamento Esteira transportadora

Manual de funcionamento Esteira transportadora Manual de funcionamento Esteira transportadora Sumário 1. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 2 2. ITENS DO SISTEMA... 3 2.1. PLACA DE COMANDO... 3 2.1.1. Sinalizador... 3 2.1.2. Botão pulsador... 3 2.1.3. Chave comutadora...

Leia mais

1 Como seu Cérebro Funciona?

1 Como seu Cérebro Funciona? 1 Como seu Cérebro Funciona? UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC (UFABC) O cérebro humano é capaz de processar as informações recebidas pelos cinco sentidos, analisá-las com base em uma vida inteira de experiências,

Leia mais

Manual de Instalação e Sintonia da TV ESCOLA DIGITAL

Manual de Instalação e Sintonia da TV ESCOLA DIGITAL Prezados(as) professores, coordenadores e diretores de escola: Este manual tem a finalidade de ajudá-los na instalação e funcionamento da Digital. Em decorrência de inúmeros problemas, a empresa contratada

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO 2007 Atenção! Para que este informativo tenha resultado é imprescindível que leia todos os boletins técnicos emitidos para cada

SUPORTE TÉCNICO 2007 Atenção! Para que este informativo tenha resultado é imprescindível que leia todos os boletins técnicos emitidos para cada SUPORTE TÉCNICO 2007 Atenção! Para que este informativo tenha resultado é imprescindível que leia todos os boletins técnicos emitidos para cada modelo, pois, difere ligeiramente em alguns detalhes (LAM).

Leia mais

EESC-USP LABORATÓRIO DE CONVERSÃO ELETROMECÂNICA DE ENERGIA

EESC-USP LABORATÓRIO DE CONVERSÃO ELETROMECÂNICA DE ENERGIA LABORATÓRIO DE CONVERSÃO ELETROMECÂNICA DE ENERGIA Professores: Eduardo Nobuhiro Asada Luís Fernando Costa Alberto Colaborador: Elmer Pablo Tito Cari LABORATÓRIO N 9: MAQUINA SÍNCRONA: (ângulo de carga,

Leia mais

Acessando a Porta Paralela com o Delphi. Vitor Amadeu Souza. vitor@cerne-tec.com.br

Acessando a Porta Paralela com o Delphi. Vitor Amadeu Souza. vitor@cerne-tec.com.br Acessando a Porta Paralela com o Delphi Vitor Amadeu Souza vitor@cerne-tec.com.br Introdução A Porta Paralela pode ser usada de forma a permitir a interface do computador com o mundo externo para acionamento

Leia mais

Table of contents. I Bem vindo ao Sunlite 1

Table of contents. I Bem vindo ao Sunlite 1 Table of contents I Bem vindo ao Sunlite 1 1. Instalação do Software/Interface 2 2. Shows Demo 7 3. Adicionando seu primeiro equipamento 11 4. Vista Geral do Sunlite 14 II Programação Básica 19 1. Adicionando

Leia mais

GUIA DE RECURSOS SMART

GUIA DE RECURSOS SMART GUIA DE RECURSOS SMART Características dos aplicativos da SMART TV 1.Android 4.2 dual-core smart TV 2.Conexão de rede (com fio/sem fio/pppoe/wlan HP) 3. Sync-View (opcional) 4. Multi-screen Interativa

Leia mais

Pacote Happy Hour Sonorização e Efeitos Equipamentos de som

Pacote Happy Hour Sonorização e Efeitos Equipamentos de som Pacote Happy Hour Sonorização e Efeitos Sonorização para capacidade de até 60 pessoas Equipamentos de som 1 caixas de médio voz Attack MP504TI 420wrms; 1 tripé para caixa de som; 2 CDJ PIONEER 850; 1 Mixer

Leia mais

Manual do Usuário do BUFFALO 1Seg DH-ONE/IP

Manual do Usuário do BUFFALO 1Seg DH-ONE/IP 35012164 ver.01 Manual do Usuário do BUFFALO 1Seg DH-ONE/IP 1Seg Receptor de TV Digital para ipod touch/iphone/ipad Obrigado por adquirir o BUFFALO 1Seg DH-ONE/IP. Este Manual do Usuário fornece informações

Leia mais

Downloads no EU VOU PASSAR 2.0

Downloads no EU VOU PASSAR 2.0 Downloads no EU VOU PASSAR 2.0 Conteúdo Instalando o Orbit Downloader... 1 Configurando o Orbit Downloader para o EU VOU PASAR 2.0... 8 Realizando os Downloads no Eu Vou Passar 2.0... 12 Fazendo o Download

Leia mais

MATERIAL DE APRESENTAÇÃO DO SCRATCH

MATERIAL DE APRESENTAÇÃO DO SCRATCH MATERIAL DE APRESENTAÇÃO DO SCRATCH 1 Scratch é uma nova linguagem de programação que permite a criação de histórias, animações, jogos e outras produções. Tudo pode ser feito a partir de comandos prontos

Leia mais

Bem-vindo ao melhor do entretenimento.

Bem-vindo ao melhor do entretenimento. Manual do usuário Bem-vindo ao melhor do entretenimento. Agora, com a Vivo TV, você tem alta qualidade de som e imagem para assistir a uma programação completa com canais infantis, seriados, programas

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Ultrassom Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13 Sensor Smart Ultrassom 1. Introdução Os sensores de ultrassom ou ultrassônicos são sensores que detectam

Leia mais

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO)

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) Há vários tipos de sistemas de gravações digitais. Os mais baratos consistem de uma placa para captura de vídeo, que

Leia mais

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Atenção: Antes de operar o equipamento, leia o manual do usuário, qualquer dano causado decorrente de utilização errônea do mesmo implicará na perda imediata

Leia mais

NAPNE / RENAPI. Google SketchUp 8

NAPNE / RENAPI. Google SketchUp 8 NAPNE / RENAPI Google SketchUp 8 Agosto de 2011 Sumário 1 Introdução... 4 2 Requisitos básicos... 4 3 Itens... 4 3.1 Assista os tutoriais em vídeo... 5 3.2 Leia dicas e truques... 6 3.3 Visite a Central

Leia mais

Matriz HDMI 4x2 MX EDID/RS232 (SBMX42)

Matriz HDMI 4x2 MX EDID/RS232 (SBMX42) Matriz HDMI 4x2 MX EDID/RS232 (SBMX42) Versão 24.9.8 Você acaba de adquirir um produto AV LIFE!!! Não deixe de acessar nosso site www.avlife.com.br para ficar por dentro das novidades, assistir a vídeos,

Leia mais

www.interline.com.br - 49 3444 2530-9994 4335 Queremos ajudar você a usar melhor a sua internet.

www.interline.com.br - 49 3444 2530-9994 4335 Queremos ajudar você a usar melhor a sua internet. www.interline.com.br - 49 3444 2530-9994 4335 Queremos ajudar você a usar melhor a sua internet. A sua internet travou? Calma, o problema pode ser mais simples do que você imagina. Olá! Me chamo Pedro,

Leia mais

Microcontrolador Modelix 3.6

Microcontrolador Modelix 3.6 Curso de Robótica 1 Curso de Robótica Introdução à robótica O desenvolvimento da robótica surgiu da necessidade de se aperfeiçoar processos de fabricação, no sentido de melhorar a qualidade dos produtos.

Leia mais

Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T

Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T LCD 3.5 : Colorido de Alta Resolução Monitor: Sintoniza o canal selecionado com áudio e vídeo Leituras de: Pre BER, Post BER, MER,

Leia mais

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER.

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. Mixer KIKO Gerenciador de áudio NLL-4C MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. O Mixer KIKO, fabricado pela Eletroleve, centraliza os controles de volumes dos áudios que

Leia mais

GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1. NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados

GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1. NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1 NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados IMPORTANTE Máquinas de controle numérico são potencialmente perigosas. A Nevex Tecnologia Ltda não

Leia mais

internet Fibra Guia de Informações

internet Fibra Guia de Informações internet Fibra Guia de Informações Aproveite! Agora você tem o melhor em banda larga com ultravelocidade de ponta a ponta. Para curtir ao máximo todos os recursos da sua Vivo Internet Fibra, conheça as

Leia mais

MANUAL LCS PLUS (LAMBDA CONTROL SISTEM PLUS) MÓDULOS VERSÕES 0016, 0017, 0018 OU SUPERIORES SOFTWARE VERSÃO LCS PLUS 3.2

MANUAL LCS PLUS (LAMBDA CONTROL SISTEM PLUS) MÓDULOS VERSÕES 0016, 0017, 0018 OU SUPERIORES SOFTWARE VERSÃO LCS PLUS 3.2 MANUAL LCS PLUS (LAMBDA CONTROL SISTEM PLUS) MÓDULOS VERSÕES 0016, 0017, 0018 OU SUPERIORES SOFTWARE VERSÃO LCS PLUS 3.2 LCS PLUS 1-Diagrama Elétrico do LCS PLUS COMUTADORA Azul-Azul Preto-Preto Branco-Branco

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO VÍDEO PORTEIRO RESIDENCIAL CÓDIGO: TH-VPR/6000

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO VÍDEO PORTEIRO RESIDENCIAL CÓDIGO: TH-VPR/6000 MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO VÍDEO PORTEIRO RESIDENCIAL CÓDIGO: TH-VPR/6000 VÍDEO PORTEIRO RESIDENCIAL TH-VPR/6000 CARO CLIENTE, Parabéns você acaba de adquirir o mais novo VÍDEO PORTEIRO RESIDENCIAL

Leia mais

Linha de Módulos de Comando

Linha de Módulos de Comando RKM SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO E CONTROLE LTDA. Rua Catão Coelho, 215 PORTO ALEGRE RS Fone: (51) 3029-3250 www.rkmautomacao.com.br Linha de Módulos de Comando RKM Aurora MANUAL DE CONFIGURAÇÃO Rev. 1.0 Abril

Leia mais

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 1 Criando um vídeo

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 1 Criando um vídeo Produzindo e divulgando fotos e vídeos Aula 1 Criando um vídeo Objetivos 1 Conhecer um pouco da história dos filmes. 2 Identificar a importância de um planejamento. 3 Entender como criar um roteiro. 4

Leia mais

Manual do Usuário Spot Queen 150

Manual do Usuário Spot Queen 150 Manual do Usuário Spot Queen 150 Tabela de conteúdos: 1. Instruções de segurança 2. Especificações técnicas 3. Lâmpada 4. Como configurar o aparelho 4.1. Painel de controle 4.2. Função principal 5. Como

Leia mais

LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO!

LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO! LEIA O MANUAL ANTES DE USAR O PRODUTO! Manual de uso Interface Lumikit PRO X4 Interface Lumikit PRO X4 RACK 2015 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.1 25/01/2015 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br

Leia mais

MANUAIS DE INSTRUÇÃO

MANUAIS DE INSTRUÇÃO MANUAIS DE INSTRUÇÃO ESPECIFICAÇÕES O DIMMER RACK 12 CANAIS CBI é fabricado para cumprir com as especificações do mercado de iluminação profissional, iluminação cênica, decorativa, shows, eventos e iluminação

Leia mais

MANUAL DO USUARIO DIMMER ENERGY L.E.D Página 1 de 11 DCP ILUMINAÇÃO LTDA. DIMMER L.E.D DIMMER DMX PARA ILUMINAÇÃO. Manual do Usuário Versão 1

MANUAL DO USUARIO DIMMER ENERGY L.E.D Página 1 de 11 DCP ILUMINAÇÃO LTDA. DIMMER L.E.D DIMMER DMX PARA ILUMINAÇÃO. Manual do Usuário Versão 1 Página 1 de 11 DCP ILUMINAÇÃO LTDA. DIMMER L.E.D DIMMER DMX PARA ILUMINAÇÃO Manual do Usuário Versão 1 Página 2 de 11 Índice 1. INTRODUÇÃO...2 2. DESCRIÇÃO...2 3. POSICIONAMENTO/MEDIDAS/INDICADORES...3/4

Leia mais

Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014)

Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014) Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014) Versão 2013.06.11 Você acaba de adquirir um produto AV LIFE!!! Não deixe de acessar nosso site www.avlife.com.br para ficar por dentro das novidades, assistir

Leia mais

Manual do usuário. Braço robótico para educação técnica

Manual do usuário. Braço robótico para educação técnica para educação técnica A T E N Ç Ã O Enquanto o robô Sci-Arm é um computador leve, pode se manejar em altas velocidades e pode causar danos se ele colidir com uma pessoa. Sempre use com extrema cautela.

Leia mais

- + ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. Introdução... 2. Configuração das Entradas de RPM e Velocidade... 5 1.1 ENTRADA AUXILIAR 1/RPM

- + ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. Introdução... 2. Configuração das Entradas de RPM e Velocidade... 5 1.1 ENTRADA AUXILIAR 1/RPM 1 ÍNDICE Introdução... 2 Configuração das Entradas de RPM e Velocidade... 5 1 INTRODUÇÃO 1.1 ENTRADA AUXILIAR 1/RPM O produto Rastrear Light possui uma entrada digital positiva para uso genérico. Essa

Leia mais

Plantronics Voyager 835. Guia do Usuário

Plantronics Voyager 835. Guia do Usuário Plantronics Voyager 835 Guia do Usuário Bem-vindo Obrigado por adquirir o headset Plantronics Voyager 835. Este Guia do Usuário contém instruções sobre como configurar e usar o seu novo headset. Consulte

Leia mais

Attack 1.35. Software de controle e Monitoração de amplificadores

Attack 1.35. Software de controle e Monitoração de amplificadores Attack 1.35 Software de controle e Monitoração de amplificadores 1 Índice 1 Hardware necessário:... 3 1.1 Requisitos do computador:... 3 1.2 Cabos e conectores:... 3 1.3 Adaptadores RS-232 USB:... 4 1.4

Leia mais

Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2.

Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2. Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2. Interface megadmx SA Firmware versão 1, 2 e 3 / software megadmx 2.000 (Windows/MAC

Leia mais

CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR?

CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR? CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR? MARCAS - FABRICANTES As Fotos mostram alguns modelos mais usados de Capotraste. Teoricamente o capotraste ou braçadeira, uma vez adaptado ao braço do violão,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. im-200sr

MANUAL DO USUÁRIO. im-200sr MANUAL DO USUÁRIO im-200sr ÍNDICE 1. INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 3. LÂMPADA 4. COMO CONFIGURAR O EQUIPAMENTO 5. COMO CONTROLAR O EQUIPAMENTO 6. CONFIGURAÇÃO DMX 512 7. CONEXÕES DMX

Leia mais

aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br

aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br Prefácio à publicação de 2013 Publiquei este manual pela primeira vez em março de 2009, quando o blog Dicas de Fotografia estava

Leia mais

LED Spot 8x10W RGBWA

LED Spot 8x10W RGBWA LED Spot 8x10W RGBWA Obrigado por ter escolhido um produto da Star Lighting Division. Você tem agora um produto de qualidade e confiabilidade. Esse produto deixou a fábrica em perfeitas condições. Para

Leia mais

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO RAYNER DE MELO PIRES ANA PAULA SUZUKI ANDRÉ REIS DE GEUS GABRIELA QUIRINO PEREIRA SALVIANO LUDGÉRIO FELIPE GOMES INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO JULHO DE 2010 SUMÁRIO 1 O que é o NXT?...4 2 Explicando

Leia mais

PINHOLE SARDINHA POR MARCOS CAMPOS. www.marcoscampos.com.br - contato@marcoscampos.com.br - www.flickr.com/photos/marcoscampos

PINHOLE SARDINHA POR MARCOS CAMPOS. www.marcoscampos.com.br - contato@marcoscampos.com.br - www.flickr.com/photos/marcoscampos POR MARCOS CAMPOS PINHOLE SARDINHA - - http://creativecommons.org/licenses/by-nc/2.5/br/ MATERIAL NECESSÁRIO 16 15 7 6 4 1 13 14 17 8 9 11 12 5 2 3 4 10 1 - Lata de Sardinha (marca Gomes da Costa) 2 -

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO Receptor Móvel de TV Digital Full HD I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8

MANUAL DO USUÁRIO Receptor Móvel de TV Digital Full HD I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8 Sumário I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 II.2. Características...6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8 III.2. - EPG...10 III.3. Pesquisa de canal...11 III.4. Pesquisa automática...11 III.5 Pesquisa

Leia mais

Laboratório 4.2.9e Fluke LinkRunner Testes de Cabos e de Placa de Rede

Laboratório 4.2.9e Fluke LinkRunner Testes de Cabos e de Placa de Rede Laboratório 4.2.9e Fluke LinkRunner Testes de Cabos e de Placa de Rede Objetivo Familiarizar-se com as capacidades do Fluke LinkRunner Verificar o comprimento e a integridade dos cabos Determina onde um

Leia mais

Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts

Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts Na Classe A Temos um numero menor de redes e um numero maior de hosts Multicast: Ex; Precisamos enviar mensagem para grupo de computadores. Atualizar antivirus Para 70 maquinas, criamos um grupo multicast

Leia mais

Corel Draw 12. Enviado por: Jair Marcolino Felix. Rua Dr. Osvaldo Assunção nº 72 Tucano BA Próximo a Escola de Artes e Ofícios (antigo CESG)

Corel Draw 12. Enviado por: Jair Marcolino Felix. Rua Dr. Osvaldo Assunção nº 72 Tucano BA Próximo a Escola de Artes e Ofícios (antigo CESG) Corel Draw 12 Enviado por: Jair Marcolino Felix Corel Draw 12 O Corel Draw é um programa de design gráfico pertencente à Corel.O Corel Draw é um aplicativo de ilustração e layout de página que possibilita

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Conteúdo 1 Introdução... 3 2 Descrição da Interface do Cliente... 5 3 Conexão... 7 4 SMS... 10 5 Contatos... 14 6 Estatística... 18 7 Configurações... 19 8 SIM Tool

Leia mais

II FESTIVAL NACIONAL CURTA NO CELULAR GUIA CURTA FÁCIL

II FESTIVAL NACIONAL CURTA NO CELULAR GUIA CURTA FÁCIL II FESTIVAL NACIONAL CURTA NO CELULAR GUIA CURTA FÁCIL O FEST CURT CELU Guia Curta Fácil 2 A câmera de cinema funciona como se fosse uma máquina fotográfica que dispara milhares de foto em um espaço muito

Leia mais

CINEMA SB100 alto-falante de barra de som com energia própria

CINEMA SB100 alto-falante de barra de som com energia própria CINEMA SB100 alto-falante de barra de som com energia própria Manual de consulta rápida Obrigado por escolher este produto da JBL O alto-falante de barra de som energizado JBL Cinema SB100 é um sistema

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO ETHERNET BOX MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO E.P.M. Tecnologia e Equipamentos Ltda. Av. Comendador Gumercindo Barranqueiros, 285 Jardim Samambaia - Jundiaí SP CEP: 13211-410 Telefone (0xx11) 4582-5533

Leia mais

Produção de tutoriais. Suellem Oliveira

Produção de tutoriais. Suellem Oliveira Prefeitura de Volta Redonda Secretaria Municipal de Educação Implementação de Informática Aplicada à Educação Produção de tutoriais Suellem Oliveira Jclic Quebra cabeça com Recorte Para a produção deste

Leia mais

Capítulo 3 - Trabalhando com circuitos digitais

Capítulo 3 - Trabalhando com circuitos digitais Prof. Alan Petrônio Pinheiro Apostila de MultiSim 17 Capítulo 3 - Trabalhando com circuitos digitais O primeiro passo para se trabalhar com circuitos digitais é inserir portas lógicas. Para isto, dispomos

Leia mais

Manual do Leitor ATG-Basic

Manual do Leitor ATG-Basic Manual do Leitor ATG-Basic O leitor ATG-Basic foi desenvolvido para uso em controle de acesso veicular. Esse leitor é para ser usado conectado à uma controladora através das interfaces Wiegand, Abatrack,

Leia mais

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos VERSÃO FOTOGRAFIA 10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos Existem várias formas de alterar o resultado final de uma foto, seja através do ISO, da velocidade do obturador, da abertura

Leia mais

- Esse ícone indica que o USB Phone GiConnect está conectado e funcionando corretamente, pronto para o uso.

- Esse ícone indica que o USB Phone GiConnect está conectado e funcionando corretamente, pronto para o uso. Internet http://www.qiconn.com/showlistitem.asp?dynamiccontentid=848 Guia do Usuário Quando o aplicativo Gateway GiConnect estiver rodando, um dos ícones abaixo irão aparecer na bandeja do sistema, normalmente

Leia mais

SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL

SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL Módulos para automação Características gerais - Processamento independente - Possui alerta sonoro e luminoso de falta de conexão - Não precisa ser configurado (Plug and

Leia mais