Manual do Referenciamento ANS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual do Referenciamento ANS - 41.553-7"

Transcrição

1 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS A 1 A ODONTO é uma Operadora de Planos Odontológicos, devidamente registrada nos órgãos competentes, conforme estabelecido pela Lei 9656/98 que dispõe de Rede Referenciada de Profissionais e Entidades em diversos municípios dos Estados Brasileiros. Estes Referenciados mantém vinculo com a 1 A ODONTO através de Instrumento Particular de Disponibilização e Prestação de Serviços Odontológicos registrado e assinado pelas partes. O presente instrumento é parte integrante do Instrumento Particular de Disponibilização e Prestação de Serviços Odontológicos portanto as regras constantes neste documento deverão ser cumpridas pela rede referenciada contratada. A participação do Profissional Referenciado é imediata, para efeitos de publicação de seus dados em Manual do Usuário/Associado. O início da prestação de serviços dar-se-á a partir da data da formalização desta prestação de serviços entre a Operadora e o profissional ou instituição referenciada. Os Prestadores serão incluídos em uma.relação de Recursos Referenciados. Como o Manual do Usuário/Associado e terão seus dados profissionais (nome, endereços, telefone e especialidades) divulgados neste Manual que será distribuído entre os usuários dos planos. Os Referenciados somente poderão atender os Usuários/Associados se forem Procedimentos e Tratamentos que se enquadrem na(s) especialidade(s) para as quais foram cadastrados. A prestação de serviços odontológicos, através do Regime de Referenciamento, não implicará, em qualquer hipótese, no estabelecimento de vínculo empregatício ou de qualquer natureza entre o Referenciado e a Operadora. As dúvidas ou anormalidades referentes ao funcionamento do sistema deverão ser esclarecidas junto a Operadora, através de canal de comunicação dedicado ao Referenciado, sem a intermediação e/ou interferência dos Usuários/Associados, conforme definido no termo constante do contrato de prestação de serviços. IMPORTANTE: MANTENHA SEUS DADOS CADASTRAIS (ENDEREÇO E TELEFONE) ATUALIZADOS, POIS ATRAVÉS DELES QUE A 1 A ODONTO REALIZARÁ A INDICAÇÃO A SEUS USUÁRIOS. Os contatos com a 1 A ODONTO poderão ser realizados via portal 1 A ODONTO ou pela Central de Atendimento. Portal 1 A ODONTO: Central de atendimento: Serviço de atendimento ao dentista: Departamento de Referenciamento e Consultoria: (011) IDENTIFICAÇÃO DO USUÁRIO Para maior agilidade e segurança no Atendimento dos Usuários/Associados dos Planos da 1 A ODONTO, o Usuário/Associado deve se dirigir a qualquer Unidade Referenciada, com o cartão de identificação ou carteirinha sempre acompanhado do documento de identidade com foto. Caso o Usuário/Associado não possua ou não apresente o cartão de identificação, o Profissional deverá entrar em contato com a Central de Atendimento da 1 A ODONTO, afim de verificar a situação do Associado. Este contato poderá ser feito através de: ou através do Os clientes da 1 A ODONTO que não possuírem carteirinha e a forma de atendimento seja diferente dos demais clientes, a rede referenciada será comunicada. IMPORTANTE: O PAGAMENTO DOS EVENTOS REALIZADOS NOS USUÁRIOS ESTÁ CONDICIONADO A : OBSERVAÇÃO DOS CRITÉRIOS ESTABELECIDOS PARA ACEITE DA SOLICITAÇÃO DOS EVENTOS; PREENCHIMENTO CORRETO DE TODOS OS CAMPOS DAS GUIAS DE ATENDIMENTO, COM CARIMBO E ASSINATURA DO PROFISSIONAL OU DA CLÍNICA, ALÉM DA ASSINATURA DO ASSOCIADO; OBSERVAÇÃO DOS CRITÉRIOS TÉCNICOS DE AUDITORIA ESTABELECIDOS NESTE MANUAL DO REFERENCIADO.

2 3. PREENCHIMENTO DAS GUIAS DE ATENDIMENTO A 1 A ODONTO criou um Programa Exclusivo de Prevenção de Problemas e Gerenciamento de Risco de Doenças Bucais e outras doenças relacionadas. Para que este programa traga bons resultados, precisamos colher informações iniciais sobre a Saúde Bucal de nosso Usuário com a maior fidelidade possível. Vale ressaltar que a avaliação da saúde do paciente como um todo (história médica e odontológica) é de grande importância na primeira consulta, podendo até mesmo interferir substancialmente no planejamento do tratamento odontológico, como exemplo em pacientes diabéticos, hipertensos ou aqueles com predisposição ao desenvolvimento de endocardite bacteriana. Para colher estas informações, criamos um formulário específico de anamnese a Guia de Consulta Inicial. Não se esqueça de preencher a Guia de Consulta Inicial imprescindível para obtenção do repasse da consulta!! Se for o PRIMEIRO atendimento do beneficiário na Rede 1 A ODONTO: Preencha o Histórico de Saúde Global seguindo as instruções abaixo: 1 - Preencher todos os campos do cadastro da parte superior da guia com exceção do Número Guia/ Senha; 2 - Preencha a anamnese fazendo as indagações nela contidas; 3 - Faça uma análise clínica do estado atual da boca do paciente e preencha junto a localização de cada tratamento (dente) as constatações segundo codificação existente na Guia as quais são fundamentais para obtermos o índice de avaliação de risco e montagem do histórico do associado. 4 - Codificação: C= Cariado, A= Ausente, R= Restaurado O= Obturado, H= Hígido PU= Prótese Unitária, P= Pôntico., IMPORTANTE: A 1 A ODONTO SOMENTE REPASSA A CONSULTA INICIAL MEDIANTE PREENCHIMENTO E APRESENTAÇÃO DA GUIA DE CONSULTA INICIAL. SOMENTE SERÁ AUTORIZADO O PAGAMENTO DE NOVA CONSULTA QUANDO O PACIENTE MUDAR DE PROFISSIONAL. Após o preenchimento do Histórico de Saúde Global efetuar o preenchimento do plano de tratamento proposto na GTO (Guia de Tratamento Odontológico) já no padrão TISS exigido pela ANS. IMPORTANTE: O PREENCHIMENTO DE MAIS DE UM PROCEDIMENTO POR LINHA SERÁ DESCONSIDERADO E NÃO HAVERÁ REPASSE. (TODOS OS MODELOS DE GUIAS DE ATENDIMENTO E MATERIAL REFERENTE AO CREDENCIAMENTO ESTÃO DISPONÍVEIS EM NOSSO SITE INFORMAÇÕES IMPORTANTES: Somente poderá ser aberta uma ÚNICA GTO para o mesmo paciente. Para que se possa iniciar um novo Plano de Tratamento quando necessário, deverá ser encerrada a GTO aberta e enviar a 1 A Odonto para pagamento. Caso haja necessidade de alteração no plano de tratamento, esta solicitação deverá ser enviada com a justificativa para : ou fax (11) Quando houver algum procedimento que exija envio de documentação (casos de prótese, implantes, clareamento de dentes não vitais) o profissional responsável pelo tratamento deverá encaminhar para aprovação a GTO preenchida com as radiografias iniciais anexadas. Se preferir o profissional pode enviar a documentação através do As GTOs terão a partir da data da liberação, validade de 6 meses (incluindo o mês da aprovação), ou seja, devem ser enviadas para repasse dentro deste prazo. Após este prazo os tratamentos serão considerados abandonados e não haverá direito a recurso por parte do profissional. Ex: GTO aprovada em Junho deverá ser enviada para repasse até Novembro. As prorrogações de GTO devem ser solicitadas antes do vencimento das mesmas junto ao Serviço de Atendimento ao Dentista: ou através de nossa central de atendimento. Guias com o preenchimento incorreto ou incompleto serão automaticamente devolvidas para as devidas correções não havendo pagamento parcial ou condicional de qualquer GTO. Pacientes com 3 (três) faltas consecutivas injustificadas ou sem comunicação com o profissional por período superior a 30 dias devem ter sua GTO encerrada e enviada para a 1 A Odonto para o recebimento dos procedimentos executados (assinados pelo associado e, se necessário, com as respectivas radiografias). Radiografias tomadas para diagnóstico devem ser apresentadas e acondicionadas em cartelas grampeadas a sua respectiva GTO. 4. FORMA DE APROVAÇÃO DE TRATAMENTO PROPOSTO Todos os tratamentos propostos devem ser autorizados pela 1 A Odonto previamente à sua execução. NOTA: A execução de procedimentos cobertos sem a prévia autorização da 1 A Odonto será desconsiderada e não estará sujeita a solicitação de recurso. Este tipo de ato indevido é de inteira responsabilidade do Profissional Referenciado e, portanto, não poderá ser cobrado do associado.

3 Lembramos que a cobrança de.cheques caução. ou de qualquer outra forma de garantia financeira do usuário é proibida pela legislação de saúde suplementar (ANS) em vigência em todo território nacional. O processo se inicia com o preenchimento de uma GTO (Guias de Tratamento Odontológico), na qual estarão discriminados os procedimentos sugeridos para este tratamento. O profissional, então, deverá solicitar a devida autorização para a execução desta guia. Vale ressaltar que se for a primeira consulta do usuário, a HSG (Histórico de Saúde Global) deve ser preenchida e enviada juntamente com a GTO para que o pagamento possa ser efetivado. Existem duas formas de autorizar os tratamentos de forma simples, ágil e imediata: Central de Atendimento. Call Center: Nossa Central de Liberação de Tratamentos está apta a proceder à aprovação dos Procedimentos propostos por nossos Referenciados. Esta Central nada mais é do que o atendimento via telefone com utilização de uma ferramenta de aprovação automática através da qual será gerada uma senha de atendimento que deverá estar relacionada nas guias de atendimento. Para que os benefícios deste sistema sejam efetivos, tenha em mãos a GTO devidamente preenchida e ligue para o número de telefone que lhe é indicado, dependendo de sua região. Autorização via de Procedimentos: O credenciado deverá encaminhar para nome do associado, número da carteirinha e procedimentos com código. Em até 48 horas é feita liberação da senha e encaminhada via para o credenciado. 5. TÉRMINO DE TRATAMENTO Ao término do Plano de Tratamento o Cirurgião Dentista e o paciente ou responsável devem datar e assinar a GTO declarando assim sua execução dos procedimentos e sua conclusão. A falta de assinatura será considerada como procedimento não executado e portanto não será repassado ao profissional. Verificar a necessidade de envio de radiografias iniciais e finais. Para regularização das guias enviadas, a 1 A Odonto devolverá a guia para que a situação esteja de acordo com as regras descritas neste manual. As GTOs e as respectivas radiografias ficarão sob a guarda da 1 A Odonto e à disposição do profissional ou paciente, caso seja necessário. ATENÇÃO: Fazer com que o associado assine por procedimentos não efetuados será considerado como FRAUDE e acarretará em DESCREDENCIAMENTO imediato. Os valores pagos por este tipo de ato serão descontados de repasses futuros do profissional. 6. FATURAMENTO E PAGAMENTO A cobrança dos procedimentos efetuados pelo referenciado é realizada quando o referenciado finaliza todo tratamento aprovado (GTO). A GTO (original) deve ser enviada exclusivamente via Correio para a 1 A Odonto (endereço abaixo) até o dia 30 de cada mês (data de recebimento final). O repasse (valor que o referenciado receberá pelas guias enviadas para pagamento à 1A Odonto) é enviado por no início do mês de pagamento. Para pessoas jurídicas é cobrado nota fiscal para ser encaminhada à 1A Odonto até dia 11 para pagamento dia 15. A Razão Social para preenchimento da nota estará no de repasse. Ex: Guias enviadas até o dia 30 de junho serão processadas em julho e pagas em 15 de agosto (pessoas jurídicas pagamento efetuado mediante NF até dia 11 de agosto. ATENÇÃO: a data de postagem considerada é a do carimbo dos Correios no envelope portanto aconselhamos que as GTOs sejam postadas com relativa antecedência. Somente serão repassadas as GTO originais e devidamente preenchidas. Endereço para envio de repasse: A/C Departamento de Auditoria Técnica Av Engenheiro Luiz Carlos Berrini, º Andar Brooklin - São Paulo Cep

4 Havendo alguma discordância por parte do dentista referenciado em relação ao repasse do evento, deverá encaminhar uma solicitação de revisão através do ou através de correio para o endereço : Av Engenheiro Luiz Carlos Berrini, º Andar Brooklin - São Paulo Cep O prazo de envio desta solicitação é dia 25 do mesmo mês de pagamento do repasse. 7. EVENTOS E TRATAMENTOS NÃO COBERTOS Os procedimentos cobertos pelo Plano do Usuário estão relacionados na Tabela de Remuneração. Para os casos em que o usuário não tiver cobertura, os valores podem ser pagos diretamente ao Profissional que o assistiu. O valor máximo a ser cobrado do associado deve obedecer aos valores de USO constantes na Tabela de remuneração 1 A ODONTO, multiplicados por um fator 0,60. Por exemplo: se a USO do procedimento é (quatro mil) este valor deverá ser multiplicado por 0,60. Portanto, o valor máximo a ser cobrado é de R$ 2.400,00 (Dois mil e quatrocentos reais). Estes valores podem ser divididos em três ou mais parcelas mensais ou forma de pagamento de comum acordo entre as partes. IMPORTANTE: EM QUALQUER CASO NÃO SÃO COBERTOS POR NENHUM DOS PLANOS DA 1 A ODONTO: SERVIÇOS QUE NECESSITEM DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR; SERVIÇOS COM METAIS PRECIOSOS; SERVIÇOS PARA CORREÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO; MÁ FORMAÇÃO CONGÊNITA; SERVIÇOS E EXAMES QUE NÃO CONSTEM NA TABELA DE REPASSE 1 A ODONTO; SERVIÇOS PRESTADOS POR PROFISSIONAIS NÃO REFERENCIADOS SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO DA 1 A ODONTO. 8. CONTROLE DE QUALIDADE ATRAVÉS DE AUDITORIA A 1 A ODONTO possui um sistema de Controle de Qualidade dos Tratamentos Realizados. Nos reservamos ao direito de realizar auditorias, avaliações e perícias sempre que acharmos conveniente. Este processo consiste em convidar o paciente para comparecer a uma consulta elucidativa das dúvidas existentes ou realização de exames complementares em centros radiográficos. Alguns procedimentos também sujeitos ao envio de documentação inicial e final que determinam obrigatoriamente o envio junto ao faturamento conforme as orientações deste manual. Em algumas especialidades como Implantodontia, Ortodontia e Ortopedia é necessário envio de relatório justificativo do evento a ser realizado, além dos exames complementares e ficha com o planejamento inicial do caso com previsão de data de término. 9- REGRAS DE ATENDIMENTO PARA AS ESPECIALIDADES EMERGÊNCIA: São considerados pela 1 A ODONTO como Emergência (cód e Exclusivamente para Pronto Socorro), os procedimentos realizados em consultório discriminados abaixo: 1. Restauração em dentes anteriores por evento ocorrido acidentalmente; 2. Tratamento de hemorragia bucal (inclui suturas); 3. Curativo para odontalgia aguda; 4. Drenagem de abcessos intra e extra - orais; 5. Tratamento de Alveolite; 6. Tratamento de Pericoronarite; 7. Necropulpectomia e Biopulpectomia; 8. Recimentação de peças protéticas (Pivôs, Coroas, etc); 9. Tratamento de Traumas Dentários (Fraturas, Avulsões, etc); 10. Imobilizações Dentárias Temporárias; 11. Extração simples de emergência. Ações em caso de atendimento das emergências: O prestador deverá preencher a GTO conforme as orientações constantes neste manual e entrar em contato com a Central de Autorização de Procedimentos ou enviar para e solicitar aprovação. Em prontos socorros Referenciados quando a emergência for realizada em período noturno (das 20 às 8hs) não será necessário o pedido de autorização da mesma porém o horário deverá ser anotado na GTO. IMPORTANTE: SERÁ REPASSADO SOMENTE O CÓDIGO DA EMERGÊNCIA( / ) ESTANDO TODOS OS PROCEDIMENTOS INCLUSOS NESTE CÓDIGO INCLUSIVE AS RADIOGRAFIAS. A CONSULTA DE EMERGÊNCIA NÃO É PAGA QUANDO O CIRURGIÃO DENTISTA SOLICITANTE JÁ ESTIVER ATENDENDO O ASSOCIADO (CASO POSSUA TRATAMENTO EM ABERTO). A CONSULTA DE EMERGÊNCIA É REMUNERADA POR ATENDIMENTO INDEPENDENTEMENTE DO NÚMERO DE DENTES QUE FOREM TRATADOS OU DO NÚMERO DE PROCEDIMENTOS QUE FOREM REALIZADOS. PRONTO SOCORROS DEVERÃO UTILIZAR O CÓDIGO EMERGÊNCIA. CÓDIGO EXCLUSIVO PARA PRONTO SOCORRO. PARA O PAGAMENTO DO REPASSE DEVE HAVER NA GTO A JUSTIFICATIVA DO PROCEDIMENTO EXECUTADO.

5 ENDODONTIA: Nos casos de Tratamentos Endodônticos ou Retratamento Endodôntico é necessário que seja enviada com a GTO a Radiografia inicial e a final para pagamento. Estão incluídos no valor destes procedimentos todas as radiografias necessárias (inicial, prova do cone, odontometria, final etc). As Radiografias enviadas para a comprovação de tratamentos endodônticos serão analisadas de acordo com critérios técnicos para verificar a necessidade, adequação e qualidade do serviço prestado. As Radiografias que não permitirem a análise ou os tratamentos endodônticos que não estiverem de acordo com os critérios de controle de qualidade de auditoria serão devolvidas e será solicitada a reavaliação do procedimento. IMPORTANTE: NÃO É NECESSÁRIO O ENVIO DE RADIOGRAFIAS INICIAIS E FINAIS PARA OS TRATAMENTOS ENDODÔNTICOS DE DENTES DECÍDUOS. O PROCEDIMENTO DE CLAREAMENTO UNITÁRIO NÃO NECESSITA DE RADIOGRAFIA FINAL PARA REPASSE, PORÉM É NECESSÁRIO ANEXAR A RADIOGRAFIA INICIAL. AS GTOs E AS RESPECTIVAS RADIOGRAFIAS ENVIADAS PARA REPASSE FICARÃO SOBRE A GUARDA DA 1 A ODONTO E À DISPOSIÇÃO DO PROFISSIONAL OU PACIENTE. RADIOLOGIA: Dos procedimentos de radiologia constantes na Tabela de Remuneração da 1 A ODONTO somente os procedimentos de Radiografia Periapical/ Interproximal e Radiografia Oclusal podem se efetuados em consultório odontológico. Os demais procedimentos de radiologia constantes na tabela somente serão aprovados para Institutos Radiológicos. A solicitação de exames radiográficos em Institutos Radiológicos devem ser redigidos em receituário próprio do dentista referenciado, com a descrição dos eventos a serem realizados, data, carimbo e assinatura do dentista solicitante. Para repasse dos exames realizados os Institutos Radiográficos devem enviar as GTOs com as senhas de aprovação para pagamento (visualizar datas no item faturamento e pagamento). PREVENÇÃO E ODONTOPEDIATRIA: Existem alguns procedimentos que apesar de preventivos somente são liberados para crianças e em alguns casos para adolescentes: Atividade educativa de higiene bucal + evidenciação de placa + profilaxia + aplicação de fluor: idade máxima 15 anos. Condicionamento em Pediatria: São liberadas até 2 sessões deste procedimento no mesmo plano de tratamento em pacientes com até 7 anos de idade desde que nunca tenham sido tratados anteriormente. CIRURGIA: É necessária a apresentação de radiografia inicial e final para o repasse dos procedimentos. Obs: Para dentes decíduos NÃO é necessário o envio de radiografia inicial e final. DENTÍSTICA: As trocas de restauração em dentes posteriores para resina são autorizadas mediante indicação clínica. Os Planos da 1A ODONTO não cobrem trocas de restaurações em casos eminentemente estéticos. (Salvo o plano com cobertura Estética). Nas restaurações de Amálgama, Resina e Iônomero de Vidro o forramento e o polimento estão incluídos nos honorários. PRÓTESE: É necessário enviar via correio ou a radiografia inicial para que seja feita uma pré auditoria e seja liberada a senha. Para o repasse destes eventos depois de finalizados, a GTO deve ser enviada juntamente com a radiografia inicial e final. IMPLANTE: Os Tratamentos de Implante realizados, desde que cobertos pelo plano de benefícios do usuário, serão repassados de acordo com a Tabela de Remuneração para Implante constante da Tabela 1 A ODONTO. O planejamento cirúrgico e protético do caso deve ser bem executado, para isso seguem os passos operacionais: Preencher ficha de tratamento (GTO) com a descrição do plano de tratamento (quantidade de implantes que serão realizados), e em outra GTO o planejamento protético; Enviar juntamente com as fichas, as radiografias iniciais e o termo de consentimento assinado pelo paciente (verificar no final deste manual o modelo de termo de consentimento); O tratamento cirúrgico só poderá ser iniciado após a aprovação da 1 A ODONTO (a ficha será devolvida com a senha de tratamento). Após a finalização da fase Cirúrgica, enviar para pagamento. Para iniciar a fase protética é necessário entrar em contato com a Central de Atendimento para ativar a senha da fase protética, e a 1 A ODONTO enviará a ficha com a aprovação. Ao final do tratamento, enviar a ficha da fase protética e as radiografias finais do caso para repasse.

6 ORTODONTIA: Todos os planos possuem direito à colocação de aparelho ortodôntico porém apenas alguns possuem cobertura de manutenção ortodôntica mensal. O aparelho incluindo a instalação e sua montagem é de inteira responsabilidade do profissional referenciado em ortodontia e, portanto, NÃO apresenta ônus para o usuário e para a 1 A ODONTO. A regra é válida para TODOS os planos inclusive os que não apresentam cobertura de manutenção ortodôntica. (Exceto os casos de quebra e perda do aparelho). As manutenções somente serão aprovadas UMA VEZ POR MÊS e devem sempre ser enviadas para repasse no mês de referência, ou seja: Tratamento aprovado no dia 05/01/2011 deve ser enviado para repasse até o último dia útil do mês de Janeiro de IMPORTANTE: MANUTENÇÕES ENVIADAS PARA PAGAMENTO FORA DO MÊS DE REFERÊNCIA NÃO SERÃO REPASSADAS E NÃO TERÃO DIREITO DE RECURSO DE GLOSA. REGRAS PARA ATENDIMENTO ORTODÔNTICO: Consulta Inicial. O repasse da consulta inicial está condicionado ao envio da Ficha de Aprovação de Tratamento Ortodôntico; Após a consulta inicial deve ser enviada a Ficha de Aprovação preenchida e o termo de consentimento de tratamento assinado pelo paciente. A liberação de senha para a manutenção mensal é realizada após a liberação da senha para a Ficha de Início de Tratamento; As senhas são liberadas mensalmente, no dia do atendimento do associado, sendo a primeira no mês subseqüente à abertura da Ficha de Início de Tratamento; Para tratamentos que serão realizados em duas fases: preventiva/interceptativa e corretiva, ao realizar o processo da 1ª fase, ao iniciar a fase corretiva encaminhar nova ficha para ínicio de tratamento ortodôntico e aguardar nova senha para ínicio da nova fase. INFORMAÇÕES IMPORTANTES: A COBRANÇA DE QUALQUER VALOR POR FALTAS INJUSTIFICADAS DURANTE O TRATAMENTO ORTODÔNTICO, SOMENTE PODE SER FEITA NOS CASOS EM QUE O USUÁRIO NÃO TEM A COBERTURA E O VALOR É O DA TABELA DE HONORÁRIOS NÃO COBERTOS, (MULTIPLICAR PELA FO DE 0,60); QUANDO HOUVER PERDA OU QUEBRA POR USO INDEVIDO DE APARELHOS REMOVÍVEIS OU FUNCIONAIS O NOVO APARELHO DEVERÁ SER COBRADO DO ASSOCIADO UTILIZANDO- SE A TABELA DE HONORÁRIOS NÃO COBERTOS (VALOR MÁXIMO DE FO 0,60); NO CASO DE BRÁQUETES ESTÉTICOS. NÃO COBERTOS PELA 1 A ODONTO O VALOR DEVE SER PREVIAMENTE ESTABELECIDO EM CONCORDÂNCIA COM O ASSOCIADO; APÓS O PRAZO LIBERADO PARA TRATAMENTO, OU SEJA, TRATAMENTO FINALIZADO, SERÃO PAGAS QUATRO CONSULTAS DE CONTENÇÃO, E O CÓDIGO A SER UTILIZADO É O DE MANUTENÇÃO MENSAL ORTOPEDIA. DESISTÊNCIA DE TRATAMENTO - ENTENDE-SE QUE, AO CONTRÁRIO DO ABANDONO, A DESISTÊNCIA DO TRATAMENTO OCORRE DE COMUM ACORDO ENTRE O DENTISTA E SEU PACIENTE. PARA TANTO, É NECESSÁRIA A DEVIDA DOCUMENTAÇÃO, REGISTRANDO A DESISTÊNCIA E SITUAÇÃO BUCAL ATUAL DO ASSOCIADO. ENCAMINHAR ANEXA DA ÚLTIMA MANUTENÇÃO O TERMO DE DESISTÊNCIA (FEITO EM RECEITUÁRIO DO DENTISTA), ASSINADO PELO ASSOCIADO OU RESPONSÁVEL LEGAL NO CASO DE MENOR DE IDADE, CONSTANDO: IDENTIFICAÇÃO DO USUÁRIO, MOTIVO DA DESISTÊNCIA, DATA, DANDO CIÊNCIA QUE O TRATAMENTO ENCONTRA-SE INACABADO E QUE DEVE SER CONTINUADO COM OUTRO PROFISSIONAL. ABANDONO DE TRATAMENTO - É CONSIDERADO ABANDONO DE TRATAMENTO A AUSÊNCIA A TRÊS MANUTENÇÕES MENSAIS CONSECUTIVAS (90 DIAS), SEM JUSTIFICATIVA EM OCORRÊNCIA. NESTE CASO, ENVIAR UM COMUNICADO POR FAX OU PARA REGISTRO NO PRONTUÁRIO DO USUÁRIO. SUGERIMOS, PARA RESPALDO JURÍDICO DO PROFISSIONAL, QUE O ABANDONO DE TRATAMENTO SEJA COMUNICADO AO ASSOCIADO POR TELEGRAMA OU CARTA REGISTRADA, GUARDANDOSE A CÓPIA NO PRONTUÁRIO. 10- EXTRATOS DE PAGAMENTO E GUIAS DE ATENDIMENTO A 1 A ODONTO disponibiliza em seu site na página Dentistas, formulários HSG (Histórico de Saúde Global), GTO (Guia de Tratamento Odontológico. padrão Tiss), e este Manual de Orientações. IMPORTANTE: O referenciado 1 A ODONTO conta com a facilidade de receber através de a GTO (guia de atendimento odontológico) com todos os dados do tratamento já impressos sem ter que preencher manualmente. Assim que a aprovação é realizada, automaticamente é enviado um ao referenciado.

O QUE É O POD III? QUEM PODE SER INSCRITO NO POD III?

O QUE É O POD III? QUEM PODE SER INSCRITO NO POD III? APRESENTAÇÃO Esta CARTILHA é destinada aos beneficiários responsáveis (titulares de grupos familiares) do Plano de Assistência Odontológica III (POD III), da Caixa de Assistência dos Empregados do Banco

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO Com o objetivo de tornar o processo de autorização, faturamento e pagamento dos atendimentos odontológicos mais eficiente, recomendamos a leitura completa e minuciosa

Leia mais

Manual do Prestador SEPACO. Autogestão. ANS - no 41.696-7

Manual do Prestador SEPACO. Autogestão. ANS - no 41.696-7 Manual do Prestador Autogestão ANS - no 41.696-7 SEPACO Prezado prestador, Este manual tem como objetivo formalizar a implantação das rotinas administrativas do Sepaco Autogestão, informando as características

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Novo Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador no atendimento aos beneficiários

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS Conteúdo MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS... 2 Conceito de Manual Procedimentos... 2 Objetivos do Manual... 2 Aspectos Técnicos... 2 1. ACESSO AO SISTEMA ODONTOSFERA... 3 2. STATUS DO PACIENTE NO SISTEMA...

Leia mais

NORMA Nº 003/2016 PARA EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS DE IMPLANTE ODONTOLÓGICO

NORMA Nº 003/2016 PARA EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS DE IMPLANTE ODONTOLÓGICO NORMA Nº 003/2016 PARA EXECUÇÃO DOS PROCEDIMENTOS DE IMPLANTE ODONTOLÓGICO As normas descritas abaixo deverão ser seguidas por todos os beneficiários e profissionais da especialidade de Implante Odontológico

Leia mais

Plano de Assistência Odontológica

Plano de Assistência Odontológica Sociedade Meridional de Educação (Some) União Sul Brasileira de Educação e Ensino (USBEE) Plano de Assistência Odontológica NORMA Atualização em 23/09/2015 Todos os empregados das Mantenedoras Sociedade

Leia mais

Tabela de Procedimentos Odontológicos Página: 1 de 10 Especialidade: ENDODONTIA

Tabela de Procedimentos Odontológicos Página: 1 de 10 Especialidade: ENDODONTIA Tabela de Procedimentos Odontológicos Página: 1 de 10 Grupo: 100-Diagnose - As consultas deverão ser faturadas em Guias de Atendimento - GA, separadamente dos demais procedimentos, que serão faturados

Leia mais

MANUAL DO CREDENCIADO

MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO APRESENTAÇÃO Prezado (a) Doutor (a): A ORAL ODONTO é uma empresa criada e administrada por profissionais dentistas que se dedicam a oferecer os melhores recursos

Leia mais

Institucional Invest Oral

Institucional Invest Oral Institucional Invest Oral A INVEST ORAL Fundada em 2003, por nosso sócio fundado Dr. Fabio Loriato Calmon ; possui grande expertise conquistada ao longo de seus 11 anos de existência; Uma empresa operadora

Leia mais

Manual do Prevencionista

Manual do Prevencionista Manual do Prevencionista Sumário 1- Introdução 2- Instruções de atendimento 2.1- Identificação do beneficiário 2.2- Quanto ao tratamento 2.2.1- Etapas do atendimento 2.2.1.1- Situação atual 2.2.1.2- Fichas

Leia mais

Prezado (a) beneficiário (a):

Prezado (a) beneficiário (a): REABILITAÇÃO COM COROA TOTAL METÁLICA UNITÁRIA - INCLUI PEÇA PROTÉTICA REABILITAÇÃO COM NÚCLEO METÁLICO FUNDIDO / NÚCLEO PRÉ - FABRICADO REABILITAÇÃO COM RESTAURAÇÃO METÁLICA FUNDIDA (RMF) UNITÁRIA - INCLUI

Leia mais

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo!

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! É uma honra para a OdontoGroup tê-lo como cliente. Afinal, são mais de 18 anos trabalhando para levar a você e à sua família uma das melhores e mais seguras coberturas

Leia mais

Valor total do protocolo diferente do valor total das guias Protocolo 1199 Outros

Valor total do protocolo diferente do valor total das guias Protocolo 1199 Outros 1.1. Glosas, negativas e demais mensagens Grupo Descrição da Elegibilidade 1001 Número da carteira inválido Elegibilidade 1002 Número do Cartão Nacional de Saúde inválido Elegibilidade 1003 A admissão

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL UNIMED ODONTO. Coletivo Empresarial e Coletivo por Adesão. Empresa: SINDSEMA - SINDICATRO DOS SERV. DO MIN. PÚBLICO DO MARANHÃO

PROPOSTA COMERCIAL UNIMED ODONTO. Coletivo Empresarial e Coletivo por Adesão. Empresa: SINDSEMA - SINDICATRO DOS SERV. DO MIN. PÚBLICO DO MARANHÃO UNIMED ODONTO PROPOSTA ERCIAL Coletivo Empresarial e Coletivo por Adesão Empresa: SINDA - SINDICATRO DOS SERV. DO MIN. PÚBLICO DO MARANHÃO Data: 07/03/2013 Nome: TALYSSON Consultor/Executivo: ISIDORO VIANA

Leia mais

Glosas e negativas. Código da Mensagem. Grupo. Descrição da Mensagem

Glosas e negativas. Código da Mensagem. Grupo. Descrição da Mensagem Glosas e negativas Grupo Descrição da Elegibilidade 1001 Número da carteira inválido Elegibilidade 1002 Número do Cartão Nacional de Saúde inválido Elegibilidade 1003 A admissão do Beneficiário no prestador

Leia mais

F.A.Q. ( FREQUENTLY ASKED QUESTIONS)

F.A.Q. ( FREQUENTLY ASKED QUESTIONS) F.A.Q. ( FREQUENTLY ASKED QUESTIONS) Cobertura dos planos e procedimentos. PLANO FIRST Rol ANS Consultas e Diagnóstio; Urgência/Emergência; Radiologia (Radiografias Intraorais e Rx Panorâmica); Odontopediatria;

Leia mais

UNIODONTO ARARAQUARA NORMAS DE PROCEDIMENTOS EM VIGOR

UNIODONTO ARARAQUARA NORMAS DE PROCEDIMENTOS EM VIGOR UNIODONTO ARARAQUARA NORMAS DE PROCEDIMENTOS EM VIGOR Março/2014 NORMAS DE PROCEDIMENTOS O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS E ESTATUTÁRIAS RESOLVE ALTERAR AS NORMAS DE PROCEDIMENTOS

Leia mais

ODONTOLOGIA MANUAL DO PRESTADOR

ODONTOLOGIA MANUAL DO PRESTADOR Secretaria de Gestão do STF-Med Seção de Processamento de Despesas Odontológicas ODONTOLOGIA MANUAL DO PRESTADOR 1. ORIENTAÇÕES DE FATURAMENTO JUNTO AO STF-MED Considerando a assinatura do Termo de Credenciamento

Leia mais

PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO

PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO 1 1. PROPÓSITO Efetuar controle da Guias de Encaminhamentos Odontológicos em conformidade com a Circular 006/2007 da DSM e DGPM-401

Leia mais

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento Manual PME de Movimentação Cadastral e Faturamento 2 Caro cliente Obrigado por escolher a NotreDame Intermédica como a operadora de saúde dos seus colaboradores. Este Manual de Utilização do PME On-line

Leia mais

MANUAL DO DENTISTA VOLUNTÁRIO E TERMO DE COMPROMISSO DO DENTISTA DO BEM

MANUAL DO DENTISTA VOLUNTÁRIO E TERMO DE COMPROMISSO DO DENTISTA DO BEM MANUAL DO DENTISTA VOLUNTÁRIO E TERMO DE COMPROMISSO DO DENTISTA DO BEM 2008 TURMA DO BEM Fundada em 2002, a Turma do Bem é uma OSCIP - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, que tem como

Leia mais

Seguro Odontológico O SORRISO DE SEUS COLABORADORES ESTÁ EM NOSSOS PLANOS.

Seguro Odontológico O SORRISO DE SEUS COLABORADORES ESTÁ EM NOSSOS PLANOS. Seguro Odontológico O SORRISO DE SEUS COLABORADORES ESTÁ EM NOSSOS PLANOS. SUTEO Out 2012 Tradição e Solidez Maior seguradora independente do Brasil 119 anos de existência Sede no Rio de Janeiro 90 Filiais

Leia mais

SABESPREV SAÚDE REEMBOLSO DE DESPESAS MÉDICAS

SABESPREV SAÚDE REEMBOLSO DE DESPESAS MÉDICAS Além de disponibilizar uma ampla rede de recursos credenciados, a Sabesprev ainda possibilita aos seus beneficiários o reembolso de despesas com serviços de saúde em regime de livre escolha, quando o beneficiário

Leia mais

Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO

Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO Tabelas de honorários e coberturas: A Tabela de Serviços Odontológicos, utilizada para fins de pagamento dos serviços, é própria da CELOS, cuja

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 876/2013 REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS ODONTOLÓGICOS (PESSOA JURÍDICA)

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 876/2013 REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS ODONTOLÓGICOS (PESSOA JURÍDICA) RETIFICAÇÃO II EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 876/2013 REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS ODONTOLÓGICOS (PESSOA JURÍDICA) O SESI-PR, através de sua Comissão de Licitação, torna pública RETIFICAÇÃO

Leia mais

Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br).

Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br). 1 Objetivo: Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br). Acesso ao site Na página inicial do site da Mediservice, o prestador deve selecionar a opção Credenciado. 2 Caso

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO 1 DAS PARTES

CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO 1 DAS PARTES 1 DAS PARTES CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO FAPES ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS LTDA, nome fantasia PREVQUALI ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS, sociedade brasileira limitada, administradora de benefícios, inscrita

Leia mais

CARTA DE CONVOCAÇÃO. Lembramos ainda que: 1) A presença à Assembleia é indispensável para os cooperados interessados na atribuição de unidades.

CARTA DE CONVOCAÇÃO. Lembramos ainda que: 1) A presença à Assembleia é indispensável para os cooperados interessados na atribuição de unidades. CARTA DE CONVOCAÇÃO MOD.017 REV.03 Vitória-ES, 23 de abril de 2014 Prezado(a) Cooperado(a) Conforme edital de convocação, publicado no jornal NOTÍCIA AGORA do dia 18/04/2014, a Assembleia Geral Extraordinária

Leia mais

REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO

REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO V.02 jan./14 Este Regulamento aplica-se ao serviço de assistência odontológica oferecido pela Atual Tecnologia e Administração de Cartões Ltda ("ATUAL"),

Leia mais

INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA JURÍDICA

INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA JURÍDICA INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA JURÍDICA OPERADORA: LIFE EMPRESARIAL SAÚDE LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 04.558.034/0001-57, registrada na Agência Nacional de Saúde

Leia mais

Plano Odontológico Pessoa Física CLÁSSICO

Plano Odontológico Pessoa Física CLÁSSICO Contrato de Plano Odontológico Pessoa Física CLÁSSICO PLANO CLÁSSICO PESSOA FÍSICA - REG DO PRODUTO. 461142090 CLÁUSULAS ASSUNTO PÁGINAS 1ª - DO OBJETO...01 2ª - DA INSCRIÇÃO, INCLUSÃO E IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL PERFIL E MISSÃO CORPORATIVA COMPROMISSO INPAO DENTAL Superar as expectativas e garantir a total satisfação de seus clientes; Ser sinônimo de credibilidade e excelência na prestação

Leia mais

3. Quais são os planos disponíveis para a contratação do produto BB Dental Massificado?

3. Quais são os planos disponíveis para a contratação do produto BB Dental Massificado? 1. Quem é a Brasildental? Empresa criada a partir da associação do Banco do Brasil e OdontoPrev, com a finalidade de distribuir e comercializar, por meio da BB Corretora, planos odontológicos sob a marca

Leia mais

CAPESESP Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde.

CAPESESP Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde. Assistência Odontológica do Capesaúde - Manual do Credenciado 2 CAPESESP Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde. O Manual do Credenciado é uma publicação destinada

Leia mais

INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA FÍSICA

INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA FÍSICA INSTRUMENTO CONTRATUAL DE PRÉ-CREDENCIAMENTO ODONTOLÓGICO PESSOA FÍSICA OPERADORA: LIFE EMPRESARIAL SAÚDE LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 04.558.034/0001-57, registrada na Agência Nacional de Saúde

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO Este Manual tem por finalidade orientar os procedimentos de preenchimento da Web Guia do CREDENCIADO no atendimento aos beneficiários

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio.

Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio. Prezado (a) cliente: Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio. Procedimentos para envio dos documentos de

Leia mais

Atendimento em consultório particular com hora marcada. Sem limite de procedimentos odontológicos.

Atendimento em consultório particular com hora marcada. Sem limite de procedimentos odontológicos. Plano Odontologico CONHEÇA O SEU PLANO O plano oferecido pela sua Empresa junto à Prodent possui ampla cobertura nas principais especialidades odontológicas, para que você e seus dependentes possam cuidar

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A REDE DE PRESTADORES

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A REDE DE PRESTADORES ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A REDE DE PRESTADORES Teresina/2009 SUMÁRIO PAG I Objetivo do manual... 03 II - Orientações Gerais... 04 III - Anexo I Procedimentos que necessitam de autorização prévia... 08 IV

Leia mais

TISS 3.02.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 VERSÃO 1.

TISS 3.02.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 VERSÃO 1. VERSÃO 1.0 CARTILHA TISS 3.02.00 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 4. Rotina Operacional 5. Rotina Operacional Autorizações Contas

Leia mais

REGULAMENTO ODONTOLÓGICO

REGULAMENTO ODONTOLÓGICO REGULAMENTO ODONTOLÓGICO Regulamento Vigente REGULAMENTO ODONTOLÓGICO ARTIGO 1º - A Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo - AFRESP - prestará a seus associados inscritos na Administração

Leia mais

MANUAL DO ASSOCIADO. Plano Empresarial. A solução definitiva em odontologia

MANUAL DO ASSOCIADO. Plano Empresarial. A solução definitiva em odontologia MANUAL DO ASSOCIADO Plano Empresarial A solução definitiva em odontologia MISSÃO DA EMPRESA O nosso compromisso é atingir e superar as expectativas dos clientes, garantindo sua total satisfação, fazendo

Leia mais

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4 Manual do Prestador Saúde o ANS - n 40.722-4 SEPACO Prezado prestador, Este manual tem como objetivo formalizar a implantação das rotinas administrativas do Sepaco Saúde, informando as características

Leia mais

parceiro Manual do Credenciado Rede Credenciada Odonto A Excelência em Odontologia Só um pode oferecer tanto! Só um parceiro pode oferecer tanto!

parceiro Manual do Credenciado Rede Credenciada Odonto A Excelência em Odontologia Só um pode oferecer tanto! Só um parceiro pode oferecer tanto! ANS Nº 406481 MKT Odonto A Só um parceiro pode oferecer tanto! Manual do Credenciado parceiro Só um pode oferecer tanto! Rede Credenciada Odonto A Excelência em Odontologia Odonto A Saúde Empresarial Rua

Leia mais

Código subproduto: 3-217 SINDIFAST SP Condições Contratuais versão: 1-01.09.2014 ENDEREÇO: N : COMPLEMENTO: BAIRRO: CIDADE: ESTADO: CEP:

Código subproduto: 3-217 SINDIFAST SP Condições Contratuais versão: 1-01.09.2014 ENDEREÇO: N : COMPLEMENTO: BAIRRO: CIDADE: ESTADO: CEP: Código subproduto: 3-217 SINDIFAST SP Condições Contratuais versão: 1-01.09.2014 ORIGEM: Nº PROPOSTA: 39 PROPOSTA DE SEGURO EMPRESARIAL As condições securitárias que se referem esta Proposta de Seguro

Leia mais

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Janeiro de 2014 Versão 1.3 1. INTRODUÇÃO O presente Regulamento é fundamental para reger as operações-chave do programa de Certificação Profissional FEBRABAN.

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO E MBA EXECUTIVO

GUIA DE FUNCIONAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO E MBA EXECUTIVO GUIA DE FUNCIONAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO E MBA EXECUTIVO INÍCIO DO CURSO - Por se tratar de um modelo de ensino individualizado e exclusivo, não é necessário a formação de turmas, e o Aluno pode

Leia mais

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004 Versão: 01 Vigência: 2016 Página: 1 / 19 Carteira de Transporte Escolar Metropolitano 2016 Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004

Leia mais

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS O Diretor do Colégio Santo Agostinho - Leblon, no uso de suas atribuições regimentais e em consonância com a legislação em vigor, traz a público este Edital e estabelece as normas regentes para o Processo

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA Modelo de contrato Protegido pela Lei nº 9.610, de 19/02/1998 - Lei de Direitos Autorais IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATANTE:(Nome

Leia mais

Atenção: Cobranças com códigos antigos serão aceitas/processadas somente para atendimentos realizados até 21/11/2010.

Atenção: Cobranças com códigos antigos serão aceitas/processadas somente para atendimentos realizados até 21/11/2010. Rio de Janeiro, 18 de outubro de 2010. PASA/CE 031/10 Assunto: Manual do Credenciado Odontológico do PASA/Vale Prezado(a) credenciado(a), O PASA, visando a melhoria constante do seu fluxo de processamento

Leia mais

3.3. Aos interessados no credenciamento Pessoa Física:

3.3. Aos interessados no credenciamento Pessoa Física: EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 001/2014 CREDENCIAMENTO DE PROFISSIONAIS PESSOAS JURÍDICAS E FISICAS DA ÁREA MÉDICA, ODONTOLÓGICA E HOSPITALAR. CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO OESTE DO PARANÁ

Leia mais

REGULAMENTO PARA RECADASTRO NOS PROGRAMAS DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UFES 2012/01

REGULAMENTO PARA RECADASTRO NOS PROGRAMAS DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UFES 2012/01 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE INCLUSÃO SOCIAL CENTRO UNIVERSITÁRIO NORTE DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE ATENÇÃO À SAUDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL REGULAMENTO PARA RECADASTRO NOS PROGRAMAS

Leia mais

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC QUALIFICAÇÃO Nome: DO(A) CONTRATANTE: Filiação: / Data de nascimento: / / CPF: RG: Órgão emissor: Endereço: Nº Complemento: Bairro: CEP Cidade: UF:

Leia mais

SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS

SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS SISTEMA HILUM FISIOTERAPIAS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - FISIOTERAPIA A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Supremo Tribunal Federal PUBLICADONO BOLETIMDE SERViÇO ND...QI..,EMO=J.J()+/~(JnC., ATO DELlBERATIVO N27, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2005. Estabelece procedimentos odontológica. para a assistência A PRESIDENTE

Leia mais

www.saudepas.com.br ANS - n.º 40924-3

www.saudepas.com.br ANS - n.º 40924-3 SAÚDE PAS www.saudepas.com.br ANS - n.º 40924-3 SAÚDE PAS A SUA REDE PREFERENCIAL! - MÉDICOS - LABORATÓRIOS - CLÍNICAS DE IMAGENS Nesta Rede, utilize apenas seu cartão do Saúde PAS (e documento de identificação)

Leia mais

Processo de Compras GENS

Processo de Compras GENS Processo de Compras GENS Manual do Colaborador Versão 2.0 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1 Objetivos... 3 1.1.1 Objetivo da definição do Processo de Compras... 3 1.1.2 Objetivo deste Manual... 3 2. PROCESSO

Leia mais

Manual de Reembolso. Para ter acesso a este benefício, fique atento às dicas a seguir. 2ª edição

Manual de Reembolso. Para ter acesso a este benefício, fique atento às dicas a seguir. 2ª edição Manual de Reembolso 2ª edição Você sabia que quando não utiliza os serviços da rede credenciada do Agros, seja por estar fora da área de cobertura do plano de saúde ou por opção, pode solicitar o reembolso

Leia mais

TABELA DE MENSAGENS GLOSAS

TABELA DE MENSAGENS GLOSAS TABELA DE MENSAGENS GLOSAS Grupo Elegibilida 1001 Número da carteira inválido Elegibilida 1002 Número do Cartão Nacional Saú inválido Elegibilida 1003 A admissão do Beneficiário no prestador ocorreu antes

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ. TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR Odontologia

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ. TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR Odontologia MANUAL DE ORIENTAÇÃO DA ASSEFAZ TISS TROCA DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE SUPLEMENTAR Odontologia Brasília/DF - 2007 1 1. Introdução A meta deste trabalho é estruturar e auxiliar no correto preenchimento das

Leia mais

SulAmérica Odontológico Coletivo Empresarial

SulAmérica Odontológico Coletivo Empresarial SulAmérica Odontológico Coletivo Empresarial SulAmérica Odontológico Empresarial Condições Gerais ANS - nº 000043 0063.0031.0497 Índice Condições Gerais do Contrato de Seguro Odontológico Coletivo Empresarial

Leia mais

Manual do Credenciado

Manual do Credenciado Manual do Credenciado SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. LEGISLAÇÃO... 3 3. TO COM A AMIL DENTAL... 4 4. ÁREA RESTRITA AO PRESTADOR ODONTOLÓGICO... 5 5. IDENTIFICAÇÃO DO BENEFICIÁRIO... 6 BENEFICIÁRIO SEM CARTÃO

Leia mais

INTRODUÇÃO. Assim, a Marítima disponibiliza nesse comunicado algumas dicas para agilizar os processos de análise de risco de proposta. DICAS!

INTRODUÇÃO. Assim, a Marítima disponibiliza nesse comunicado algumas dicas para agilizar os processos de análise de risco de proposta. DICAS! INTRODUÇÃO Prezado corretor, Tendo como princípio o bom atendimento e a prestação de serviço com qualidade, a Marítima Seguros frequentemente revisa seus processos, desenvolve e aperfeiçoa os diversos

Leia mais

Horário: de 08:00 às 18:30h Segunda a Sexta-feira. Telefone: (32) 3215-0706

Horário: de 08:00 às 18:30h Segunda a Sexta-feira. Telefone: (32) 3215-0706 Prezado Usuário A UNIODONTO-JF sente-se honrada em tê-lo como cliente. Este Manual contém as informações necessárias para utilização do Sistema UNIODONTO. Leia-o com atenção e sempre o tenha à mão para

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado

Manual de Estágio Supervisionado NEP Manual de Estágio Supervisionado Sumário Apresentação.................................................................... 3 Considerações Iniciais............................................................

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

TABELA DE REEMBOLSO. diamante R$ Consulta Inicial: Exame clínico e plano de tratamento. R$ 11,40 Exame histopatológico R$ 50,00

TABELA DE REEMBOLSO. diamante R$ Consulta Inicial: Exame clínico e plano de tratamento. R$ 11,40 Exame histopatológico R$ 50,00 TABELA DE REEMBOLSO diamante R$ Consulta Inicial: Exame clínico e plano de tratamento. R$ 11,40 Exame histopatológico R$ 50,00 Urgência / Emergência Curativo em caso de hemorragia bucal R$ 37,80 Curativo

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

Institucional Invest Oral

Institucional Invest Oral Institucional Invest Oral A Invest Oral Fundada em 2003, por nosso sócio fundado Dr. Fabio Loriato Calmon; possui grande expertise conquistada ao longo de seus 12 anos de existência; Uma empresa operadora

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.2 13/10/2010 Sumário Apresentação... 3 Objetivo... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO PROGRAMA TST-SAÚDE

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO PROGRAMA TST-SAÚDE TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO PROGRAMA TST-SAÚDE ATO DELIBERATIVO Nº 56, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2014 Dispõe sobre a assistência odontológica indireta aos beneficiários do Programa

Leia mais

ANEXO I ESTRUTURA FÍSICA DO PADRÃO DE COMUNICAÇÃO E SEGURANÇA SCHEMA/XML

ANEXO I ESTRUTURA FÍSICA DO PADRÃO DE COMUNICAÇÃO E SEGURANÇA SCHEMA/XML ANEXO I ESTRUTURA FÍSICA DO PADRÃO DE COMUNICAÇÃO E SEGURANÇA SCHEMA/XML 1. tisssimpletypesv2_01_02

Leia mais

ÍNDICE. SPO Módulo de Descentralização de Créditos no SIMEC 2

ÍNDICE. SPO Módulo de Descentralização de Créditos no SIMEC 2 ÍNDICE 1. Visão Geral - Funcionamento do sistema... 3 2. Descrição dos perfis do sistema... 4 3. Operação Novo termo de execução descentralizada... 5 a. Cadastramento do termo no sistema pela Unidade Técnica...

Leia mais

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado;

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado; TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO DE GESTÃO DE CUSTO

CONTRATO DE ADESÃO DE GESTÃO DE CUSTO CONTRATO DE ADESÃO DE GESTÃO DE CUSTO São partes deste contrato, o CLIENTE, qualificado no Termo de Adesão ao Serviço Móvel Pessoal e a TELEFÔNICA BRASIL S/A, inscrita no CNPJ sob o nº 02.558.157/0001-62,

Leia mais

Recurso de Glosas Eletrônico RGE

Recurso de Glosas Eletrônico RGE Recurso de Glosas Eletrônico RGE Conhecendo o Sistema 2 Acessando o Sistema 3 Para acessar nosso sistema, você deve seguir os seguintes passos : Acesse nosso website : www.sulamerica.com.br Clique na aba

Leia mais

Manual do Credenciado

Manual do Credenciado Manual do Credenciado Prezado (a) Credenciado (a), Este manual tem o objetivo de orientar e esclarecer as dúvidas relacionadas aos atendimentos prestados pelo credenciado aos beneficiários da Sermed Odonto.

Leia mais

COMUNICADO DE ABERTURA DO PROCESSO DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO SENAC/SC Nº 499/2015 - II

COMUNICADO DE ABERTURA DO PROCESSO DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO SENAC/SC Nº 499/2015 - II COMUNICADO DE ABERTURA DO PROCESSO DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO SENAC/SC Nº 499/2015 - II O SENAC/SC Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial de Santa Catarina - torna público processo de recrutamento e

Leia mais

Manual do Cliente. Ao aderir o plano da OdontoGroup, você recebe o cartão de acesso para a sua identificação perante nossa rede credenciada.

Manual do Cliente. Ao aderir o plano da OdontoGroup, você recebe o cartão de acesso para a sua identificação perante nossa rede credenciada. Manual do Cliente IDENTIFICAÇÃO ODONTOGROUP Ao aderir o plano da OdontoGroup, você recebe o cartão de acesso para a sua identificação perante nossa rede credenciada. No seu cartão de acesso personalizado,

Leia mais

Pagamento via Celular. Guia Prático. Cartão Ecopag. Pagamento via Celular

Pagamento via Celular. Guia Prático. Cartão Ecopag. Pagamento via Celular Pagamento via Celular Guia Prático Cartão Ecopag Pagamento via Celular VALIDADE MARCELO TELLES 08/15 Parabéns! Agora você já pode dizer para todo mundo que tem um fantástico cartão de crédito e pagamento

Leia mais

Programa NOSSABOLSA. Manual. Procedimentos

Programa NOSSABOLSA. Manual. Procedimentos Programa NOSSABOLSA Manual de Procedimentos Instituições de Ensino Superior - IES - 1 1 - Adesão da Mantenedora ao Programa...4 1.1 - Informações preliminares...4 1.2 - Requerimento...4 1.2.1 - Para aderir

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça TABELA DE ODONTOLOGIA DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA INSTRUÇÕES DE FATURAMENTO 1. Deverão ser faturados ao STJ somente os tratamentos concluídos. 2. Quando a(s) perícia(s) for(em) obrigatória(s) para

Leia mais

Webplan Webplan Belo Horizonte 2014

Webplan Webplan Belo Horizonte 2014 Webplan Webplan Belo Horizonte 2014 Sumário Objetivo... 3 Funcionalidades... 3 Iniciando o Webplan... 3 Guia Rápido: Autorizando Procedimentos... 5 Guia de Consulta... 7 Descrição dos Campos... 8 Resumo

Leia mais

REDE VITAL HELP CONTRATO DE CREDENCIAMENTO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO

REDE VITAL HELP CONTRATO DE CREDENCIAMENTO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO REDE VITAL HELP CONTRATO DE CREDENCIAMENTO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO Por este instrumento particular, a Empresa devidamente qualificada na respectiva Proposta de Adesão e Credenciamento de Estabelecimentos

Leia mais

Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS

Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS Sumário Introdução...04 Telaincial...05 Usuário e Senha...06 Menu incial...07 Beneficiário / Validação...08 Autorização / Solicitar...09 Autorização / Últimas

Leia mais

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo WEDE Manual Conteúdo 1 Módulo Prestador... 3 1.1 Verificando Dados Cadastrais... 5 1.1.1 Meus dados cadastrais... 5 1.1.1.1 Alterar senha... 6 1.1.1.2 Alterar e-mail... 7 1.1.2 Pesquisar rede credenciada...

Leia mais

Dentição Convênios Odontológicos Tabela de Procedimentos Odontológicos Dentalprev - descrição e códigos TUSS

Dentição Convênios Odontológicos Tabela de Procedimentos Odontológicos Dentalprev - descrição e códigos TUSS Dentição Convênios Odontológicos Tabela de Procedimentos Odontológicos Dentalprev - descrição e códigos TUSS Nome Código Observações Cir.Traum.Buco-Max-Fac Aprofundamento/aumento de vestíbulo 82000190

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 XML 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais

Treinamento Proposta Online

Treinamento Proposta Online Treinamento Proposta Online 03 Procedimentos para preenchimento da Proposta Preenchendo a Proposta Online Digitalizando os documentos 06 20 33 Pendências nas Propostas 02 Procedimentos para preenchimento

Leia mais

Sistema Serviço de Valet

Sistema Serviço de Valet Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Página 1 Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Versão 1.0.0 Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Página 2 Índice 1. Informações gerais... 3 2. Passo-a-passo...

Leia mais

COREME Comissão de Residência Médica

COREME Comissão de Residência Médica EDITAL Nº 001/2016 - COREME A Comissão de Residência Médica (COREME) do CESUMAR Centro Universitário de Maringá e Hospital Municipal de Maringá através de convênio com a Prefeitura Municipal de Maringá

Leia mais

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA 1) Reunião Prévia (Responsável: Secretaria Demandante) Solicitação de Contratação,

Leia mais

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento.

1.3. A adesão ao Programa de Relacionamento implica na aceitação total das condições e normas descritas no presente Regulamento. REGULAMENTO OI MAIS Condições Gerais 1.1.A Telemar Norte Leste ( Telemar ) inscrita no CNPJ/MF sob o nº 33.000.118/0001-79, com sede na Rua General Polidoro, nº 99, Botafogo, na Cidade e Estado do Rio

Leia mais

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO LIVRE ESCOLHA

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO LIVRE ESCOLHA PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO LIVRE ESCOLHA A modalidade Livre Escolha consiste no reembolso de despesas médicas e/ou hospitalares de procedimentos constantes da Tabela de Reembolso do PAS-SERPRO

Leia mais