SECRETARIA DE SAÚDE - Pronto Socorro Municipal recebe Licença Sanitária de Funcionamento: - Mais de 12 mil atendimentos nos mutirões:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SECRETARIA DE SAÚDE - Pronto Socorro Municipal recebe Licença Sanitária de Funcionamento: - Mais de 12 mil atendimentos nos mutirões:"

Transcrição

1 SECRETARIA DE SAÚDE - Pronto Socorro Municipal recebe Licença Sanitária de Funcionamento: o Pronto Socorro Adulto de Taubaté teve seu funcionamento aprovado pela Vigilância Sanitária Estadual. O documento estava cancelado desde 2007 e, depois de vistorias no local, foi elaborado um relatório contendo as adequações necessárias para o atendimento. Após o cumprimento das exigências mínimas constantes neste relatório, o estabelecimento foi aprovado e recebeu o alvará de funcionamento. As alterações seguiram as Normas Regulamentadoras que atentam para os cuidados com a limpeza do local. Esta licença é importante dentro do processo de captação de recursos para a reforma do prédio e na constituição do novo projeto das instalações da unidade. Entre os meses de julho e agosto está previsto o início das obras da reforma. - Mais de 12 mil atendimentos nos mutirões: a Prefeitura de Taubaté já realizou mais de 12 mil atendimentos de saúde nos mutirões iniciados em fevereiro pela Secretaria de Saúde da cidade, em diversas áreas que estavam com demanda reprimida desde o ano passado. Foram realizados atendimentos ortopédicos, exames cardiológicos, consultas ginecológicas, consultas em geral, exames pré-operatórios, cirurgia de cataras e pequenas cirurgias. - Mudanças no Pronto Socorro: o Pronto Socorro Adulto de Taubaté passa por mudanças para reorganizar o atendimento ao munícipe. As atividades, inicialmente, são de ordem administrativa e na estrutura física do local. Uma urna de sugestões está disponível para que as pessoas opinem sobre a qualidade do serviço ofertado pela unidade de saúde. Entre as melhorias que já foram implantadas está a troca de parte do piso que se apresentava deteriorada por um novo revestimento. A pintura do prédio também está sendo realizada e estes pequenos reparos integram as novas diretrizes de atendimento em um local asséptico. A equipe administrativa foi reformulada com foco nas propostas atuais de oferecer acolhimento ao paciente durante sua passagem ao pronto socorro. Duas salas foram transformadas para realizar a triagem dos munícipes feita pela enfermagem. Outra ação que está em fase de implantação é a classificação de risco, ou seja, a estratificação dos casos assim que chegam até a triagem. Os pacientes dentro dessa metodologia serão atendidos conforme o seu estado clínico e não por ordem de chegada. A coordenação do Pronto Socorro também vem monitorando o tempo de espera dos pacientes, trabalho realizado pela empresa responsável pela limpeza e a pelos exames laboratoriais. Outro item que passou por organização foi o censo diário dos pacientes em observação e os que aguardam vaga nos hospitais de referência do Estado. A meta é estabelecer parâmetros à rotina do local para um fluxo de pacientes mais assertivo. O objetivo dessas ações é melhorar cada vez mais o atendimento aos munícipes, com excelência e agilidade. - Mudança na marcação de consulta: a partir de setembro teve inicio a mudança no sistema de marcação de consultas na rede pública do município. Inicialmente duas especialidades serão contempladas. Os pacientes de oftalmologia e otorrinolaringologia passarão a agendar suas consultas diretamente nas Unidades Básicas de Saúde (PAMOs e ESFs) e não mais na Policlínica. As vagas são para as consultas que vão acontecer no mês de outubro. 1

2 Gradativamente todas as especialidades passarão a ter suas agendas de marcação diretamente nas Unidades Básicas de Saúde (PAMOs e ESFs). - Medicamentos: a Secretaria realizou uma consulta pública de medicamentos padrão oferecidos gratuitamente pelas unidades de saúde e farmácias do município. Com isso adequou a listagem de medicamentos à realidade tanto dos profissionais que os prescrevem quanto a dos pacientes que os utilizam. Após esta consulta foi possível padronizar a compra de medicamentos e garantir remédios para todos os pacientes da rede pública. - Conquista de vagas para o município: a mudança da UTI pediátrica do Hospital Regional para o Hospital Universitário. Esses leitos serão reformulados e serão disponibilizadas 12 vagas de UTI exclusivas para o Pronto Socorro Municipal de Taubaté, que serão reguladas pelo sistema CROSS; os pacientes que estão em vigência de tratamento de quimioterapia, radioterapia e pós-cirúrgico deverão ir diretamente ao Pronto Atendimento do Hospital Regional e não mais ao PS Municipal; serão disponibilizadas 10 vagas no Hospital Universitário para pacientes de Saúde Mental; até que a reforma do Hospital Universitário seja finalizada, será feito um convenio pelo governo do estado para disponibilizar 30 leitos para pacientes clínicos crônicos em hospitais e santas casas da região e 20 leitos para pacientes de clinica médica geral. - Ambulatório Médico de Especialidades: Governo do Estado confirmou em dezembro a implantação de um AME no município. Prefeitura busca área para iniciar o projeto. - Lucy Montoro: Prefeitura fechou com o Governo do Estado a criação do Centro de Reabilitação Lucy Montoro, que vai oferecer atendimento à pessoas com deficiência, utilizando de fisioterapias de ponta, cirurgias para a inserção de próteses e acompanhamento psicológico e de reabilitação. A área destinada é o antigo prédio do Departamento de Fisioterapia da Unitau. Prefeitura e Estado trabalham na elaboração do projeto. - Parceirização para atendimento de urgência e emergência: após aprovação do Conselho Municipal de Saúde, a Secretaria de Saúde de Taubaté lançou o edital de chamamento para entidades filantrópicas interessadas em administrar quatro unidades de atendimento de urgência e emergência (Pronto Socorro Municipal Adulto e Infantil, Pronto Atendimento Cecap e Gurilândia) e a Policlínica. O projeto está em andamento desde o inicio da gestão dessa administração e foi aprovado pelo COMUS no final do mês de outubro. É importante ressaltar que a Prefeitura definiu os requisitos do edital e as regras de atuação para o termo de convênio, de maneira que atendam os munícipes com excelência, e irá controlar rigidamente a prestação de todos os serviços oferecidos pela entidade filantrópica vencedora do chamamento. Além disso, incluiu no chamamento clausulas que garantam o piso salarial das categorias e a estabilidade de emprego durante 6 meses aos servidores em regime eventual e CLT. A previsão é que até o final do ano o termo de convenio esteja assinado e a partir de janeiro esse serviço esteja funcionando. - SAMU: no inicio de novembro, foi publicada a portaria que disponibiliza os recursos para a 2

3 implantação da Central de Regulação Médica das Urgências do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) em Taubaté. Será repassado o valor total de R$ ,21 para que a unidade seja instalada. O SAMU Taubaté vai atender um total de dez cidades, incluindo Campos do Jordão, Lagoinha, Natividade da Serra, Pindamonhangaba, Redenção da Serra, Santo Antônio do Pinhal, São Bento do Sapucaí, São Luis do Paraitinga e Tremembé. O serviço é viabilizado por meio de parceria das Prefeituras e Secretarias de Saúde com o Ministério da Saúde. Pode ser acionado gratuitamente pelo telefone 192 e atende a três objetivos: atendimento para casos clínicos, a regulação do sistema de vagas de urgência e emergência em hospitais secundários e terciários por uma central 24h e educação em urgência e emergência. As ligações são atendidas por telefonistas que anotam dados do local da demanda, emergência médica ou acidente. Toda ligação é gravada. O caso então é passado ao médico que faz a regulação médica e este presta orientações relativas aos primeiros socorros e decide o tipo de ambulância a ser enviada. - Ações de combate à dengue: de acordo com a Lei nº , que institui o penúltimo sábado do mês de novembro como Dia Nacional de Combate a Dengue, a Secretaria de Saúde do município, por meio do CAS (Controle de Animais Sinantrópicos) e da Vigilância Epidemiologica, organizou uma série de atividades para a segunda quinzena de novembro, com ações de mobilização social junto à população. É importante ressaltar que a prevenção depende de todos, agentes e população, para que a infestação de mosquitos e proliferação das larvas seja evitada, diminuindo a incidência da doença e, consequentemente, de mortes. - Novos horários de atendimento: a partir do dia 01 de novembro todas as unidades básicas de saúde passaram a atender em novo horário. PAMO/ESF 07h30 às 11h30 e das 12h30 às 16h30; PAMO/ESF Rural 07h às 11h e das 12h às 16h; PAMO Central 07h às 18h; PAMO terceiro turno 07h às 20h30 (Independência, Parque Aeroporto, Três Maria I, Mourisco e Chácaras Reunidas); Centro de Convivência da Terceira Idade 07h30 às 16h30. Outra mudança que será implantada é o novo horário da Central de Vagas. Também a partir do dia 01 de novembro a unidade passou a atender sem interrupção no horário do almoço. - Campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul: a Prefeitura realizou nos meses de outubro e novembro, através de parcerias, as campanhas preventivas do Cancêr de Mama (Outubro Rosa) e do Cancêr de Próstata e Diabetes (Novembro Azul). - Informatização: este modelo permite que a administração conheça a sua real demanda, pois como não havia histórico na Saúde, impossibilitou o investimento imediato em melhorias, visto que este trabalho de coleta de dados requer tempo para que sejam depois compilados de maneira real e confiável. É importante ressaltar que informatizar o sistema significa melhorar as ferramentas de trabalho e aproveitá-lo com toda a sua capacidade, para que os dados selecionados possam determinar as estratégias de ação no planejamento de contratação de mais médicos e outros profissionais da Saúde, quais as especialidades, local, capacitação e sensibilização dos nossos Servidores no acolhimento, enfim, direcionar os próximos passos do atendimento. Paralelo a isso, está em fase final o processo de "higienização" do cartão SIM, em que foi identificado um número superior ao número de 3

4 habitantes da cidade, além de um número importante de moradores de outras cidades que possuem o cartão. Foi feito um levantamento das Unidades da Atenção Básica para saber as necessidades de obras e equipamentos para que possa ser suprida esta etapa tão importante para o andamento do processo. Baseado neste relatório, as solicitações já estão feitas para as adequações. Vale lembrar que as ações em âmbito público requerem um fluxo de compra específico, que demanda tempo até que a finalização seja concretizada. A última etapa deste processo será a implantação do prontuário eletrônico em toda rede, sendo esta etapa longa pois requer atenção e treinamento das equipes envolvidas, o que vem sendo realizado pela Coordenação da Atenção Básica. É importante também ter o apoio da população para que, em qualquer dificuldade, procurar a Ouvidoria da Saúde para que se possa identificar o foco do problema e buscar soluções cabíveis até que este processo seja finalizado. - Prêmio de qualidade nas ações de controle da tuberculose: a Prefeitura de Taubaté, por meio da Vigilância Epidemiológica, recebeu um prêmio em reconhecimento à qualidade das ações de controle da Tuberculose e aos índices adequados de cura dessa importante doença obtidos pelo município de Taubaté em Redução no atendimento do PSM: no último mês, o atendimento no Pronto Socorro Municipal diminuiu de 31 mil para 26 mil atendimentos. Isso é resultado de avanços no atendimentos básico (postos de saúde). - Duas novas ambulâncias: os veículos foram enviados ao Pronto Socorro Municipal para auxiliar no atendimento à população. O Pronto Socorro presta atendimento de urgência e emergência, além de transportar pacientes dentro do município e para outras cidades. - Plantão odontológico: o serviço de saúde bucal da Prefeitura de Taubaté oferece à população atendimento de urgência no Pronto Socorro. O plantão é complementar ao trabalho realizado no Pronto Socorro Odontológico, que funciona com o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). O serviço é oferecido de segunda a sexta-feira das 21h às 7h e aos finais de semana e feriados durante todo o dia. O atendimento no Pronto Socorro Odontológico, localizado no Centro de Especialidades, acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h. - Programa Hiperdia: é uma parceria entre os governos federal, estadual e municipal e destina-se ao cadastramento e acompanhamento de portadores de hipertensão arterial e diabetes atendidos na rede pública de saúde, permitindo gerar informação para aquisição, dispensação e distribuição de medicamentos de forma regular e sistemática a todos os pacientes cadastrados, além de monitorar de forma contínua a qualidade clínica e o controle e seus fatores de risco na população assistida. O sistema envia dados para o Cartão Nacional de Saúde, funcionalidade que garante a identificação única do usuário do Sistema Único de Saúde SUS. - Contratação de novos médicos: a partir do inicio de julho, a Policlínica recebeu em seu quadro de médicos mais dois cardiologistas e um dermatologista. Com o inicio da atuação 4

5 desses profissionais na rede municipal, serão cerca de 500 consultas cardiológicas e 250 dermatológicas a mais por mês. - Laboratórios: a Prefeitura de Taubaté encerrou, no mês de novembro, a licitação para a prestação de serviço de coleta e realização de exames laboratoriais e, dia 18 de dezembro, a nova empresa assume o serviço. A partir dessa data, o local onde atualmente funciona o Laboratório do Povo, no centro da cidade, será desativado e, até que a nova sede do laboratório esteja pronta, com as adequações exigidas pela Vigilância Sanitária, a Secretaria de Saúde, junto à nova empresa, irão realizar a coleta em várias unidades de saúde. A previsão é para que o novo laboratório comece a funcionar no final do mês de janeiro de 2014, numa localização próxima a Policlínica e Pronto Socorro Municipal. Assim que ele estiver pronto, esses 11 pontos serão desativados e, além desse laboratório principal, a coleta será feita em mais duas unidades do município, sendo uma na região do Mourisco e outra no Parque Três Marias, além de uma unidade dentro do Pronto Socorro Municipal. Em breve o endereço do novo laboratório e das unidades serão divulgados a toda população. Além disso, está em processo licitatório também a contratação de laboratório de serviços radiológicos. - Ambulância UTI: a Secretaria de Saúde em dezembro uma unidade de ambulância UTI. O novo veículo será utilizado pelo Pronto Socorro Municipal para fazer o transporte de pacientes que necessitam de cuidados especiais até sua entrada num hospital de referencia. Com a instalação do SAMU na cidade no próximo ano, o atendimento de emergências e socorro imediato passará a ser feito pela entidade, o que permitira à Prefeitura a utilização dos veículos exclusivamente para transporte de pacientes entre unidades de saúde. A nova ambulância deverá estar a serviço da população da cidade no inicio de 2014, após a liberação da documentação. - Salário dos médicos: a Prefeitura de Taubaté encaminhou à Câmara Municipal, dia 10 de dezembro, um Projeto de Lei Complementar solicitando a mudança da referencia dos médicos que atendem nas unidades de Estratégia de Saúde da Família. Esse projeto visa diminuir a defasagem salarial entre Taubaté as outras cidades da região e, com isso, atrair um numero maior de médicos para a rede municipal. A atual situação dificulta a contratação devido ao baixo salario oferecido na cidade. Se aprovado pela Câmara, a referencia dos médicos muda de 56 para 62. No total, serão beneficiados cerca de 15 médicos imediatamente e mais 10 médicos que devem ingressar no próximo ano, quando serão implantadas 10 novas unidades de ESF, já aprovadas pelo COMUS e DRS. No entanto, para composição dessas novas equipes será necessário abrir concurso publico para contratação dos profissionais. - Reformas em unidades de saúde: No dia 16 de dezembro terá inicio a reforma dos PAMOs Cidade Jardim e Estiva. A previsão é para que a obra seja concluída em 60 dias. Durante esse período, os pacientes do PAMO Cidade Jardim serão atendidos nas seguintes unidades: Vacina no PAMO Independência, a entrega de leite e os atendimentos odontológico e médico serão realizados no PAMO Chácaras Reunidas. Os pacientes do PAMO Estiva que recebem atendimento odontológico devem se encaminhar ao PAMO do Mourisco. AS pessoas que vão utilizar a sala de vacinas serão atendidas no PAMO Parque Planalto. Os atendimentos médicos serão realizados no PAMO IAPI. Essas obras fazem parte da reestruturação do 5

6 sistema de saúde do município, que está em processo de reestruturação completa, com investimentos do município, do Estado e da União. Ainda nesse processo, outras unidades passarão por reforma e ampliação. 6

PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE

PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE 2014 2 PREFEITURA MUNICIPAL DE VALENÇA-RJ Endereço: Rua Dr. Figueiredo nº 320 Centro Valença-RJ - CEP: 27.600-000

Leia mais

O Planejamento na Administração Municipal. - Plano Plurianual Participativo 2010 2013 -

O Planejamento na Administração Municipal. - Plano Plurianual Participativo 2010 2013 - O Planejamento na Administração Municipal - Plano Plurianual Participativo 2010 2013 - Informação é Cidadania Março - 2013 Orçamento = Planejamento Programa de Governo Planejamento Estratégico Situacional

Leia mais

QUALIHOSP 2013 Secretaria de Saúde de São Bernardo do Campo

QUALIHOSP 2013 Secretaria de Saúde de São Bernardo do Campo REDES DE ATENÇÃO EM SAÚDE: A EXPERIÊNCIA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO QUALIHOSP 2013 Secretaria de Saúde de São Bernardo do Campo SÃO BERNARDO DO CAMPO É O 5º MUNICÍPIO DO ESTADO DE SP EM POPULAÇÃO E ORÇAMENTO

Leia mais

DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE CEARÁ

DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE CEARÁ DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE CEARÁ EIXO 1 DIREITO À SAÚDE, GARANTIA DE ACESSO E ATENÇÃO DE QUALIDADE Prioritária 1: Diminuir o tempo de contribuição para aposentadoria dos profissionais da

Leia mais

Livro de Atas das Reuniões de 2012. Ata da Quadragésima Quarta Reunião Ordinária do Conselho Municipal de Saúde de Uberaba

Livro de Atas das Reuniões de 2012. Ata da Quadragésima Quarta Reunião Ordinária do Conselho Municipal de Saúde de Uberaba Ata da Quadragésima Quarta Reunião Ordinária do Conselho Municipal de Saúde de Uberaba Aos onze dias do mês de janeiro de dois mil e doze, às dezenove horas, realizou-se na sede da Secretaria Municipal

Leia mais

Principais aspectos da Auditoria Operacional na Ação Governamental da Estratégia Saúde da Família no Município de Pelotas

Principais aspectos da Auditoria Operacional na Ação Governamental da Estratégia Saúde da Família no Município de Pelotas FACULDADES INTEGRADAS DE TAQUARA FACCAT Principais aspectos da Auditoria Operacional na Ação Governamental da Estratégia Saúde da Família no Município de Pelotas Componentes: Clari Souza Daniela Boniatti

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO 1º Quadrimestre / 2015

RELATÓRIO DE GESTÃO 1º Quadrimestre / 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO 1º Quadrimestre / 2015 Apresentação Os relatórios quadrimestrais são: instrumentos de monitoramento e acompanhamento da execução da PAS (Art. 6º, Portaria nº 2.135/13 Estabelece diretrizes

Leia mais

AULA 1: ORGANIZAÇÃO E PLANEJAMENTO NA EMERGÊNCIA

AULA 1: ORGANIZAÇÃO E PLANEJAMENTO NA EMERGÊNCIA AULA 1: ORGANIZAÇÃO E PLANEJAMENTO NA EMERGÊNCIA 1- INTRODUÇÃO Quando uma pessoa sofre agravo agudo à saúde, deve ser acolhido em serviço do SUS mais próximo de sua ocorrência, seja numa Unidade de Saúde

Leia mais

NOTA TÉCNICA 55 2011

NOTA TÉCNICA 55 2011 Rede de Atenção Psicossocial para pessoas com transtornos mentais e com necessidades decorrentes do uso prejudicial de crack, álcool e outras drogas, no âmbito do SUS. Minuta de portaria: Institui a Rede

Leia mais

PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES VIABILIZADORAS FT DE SAÚDE - "A SANTA MARIA QUE QUEREMOS"

PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES VIABILIZADORAS FT DE SAÚDE - A SANTA MARIA QUE QUEREMOS 1 - Apoiar a construção coletiva e implementação do Plano Realizar a Conferência com uma ampla participação da comunidade Conferência Municipal de Saúde Conferência realizada PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES

Leia mais

unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação da Saúde.

unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação da Saúde. O SISTEMA DE SAÚDE PÚBLICA EM SANTA CATARINA Fevereiro/2013 SUS S O SUS é um SISTEMA, um conjunto de unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO ONLINE DE MONITORAMENTO DO PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE

ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO ONLINE DE MONITORAMENTO DO PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO ONLINE DE MONITORAMENTO DO PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE Brasília DF 2013 MONITORAMENTO DO PROGRAMA O Polo do Programa Academia da Saúde, instituído no âmbito

Leia mais

Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua Desenho de Processos da FASC SMS

Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua Desenho de Processos da FASC SMS Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua Desenho de Processos da Porto Alegre, 25/07/202 Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua Devido à relevância dos projetos da dentro do programa

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO: 30 horas. CARGO 5: AUDITOR DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: ADMINISTRATIVA ESPECIALIDADE: CLÍNICA MÉDICA

JORNADA DE TRABALHO: 30 horas. CARGO 5: AUDITOR DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: ADMINISTRATIVA ESPECIALIDADE: CLÍNICA MÉDICA TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO PARÁ CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº 1 TCE/PA SERVIDOR, DE 29 DE FEVEREIRO

Leia mais

PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE

PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE PREFEITURA MUNICPAL DE VALENÇA Secretaria Municipal de Saúde PROGRAMAÇÃO ANUAL DE SAÚDE 2015 2 PREFEITURA MUNICIPAL DE VALENÇA-RJ Endereço: Rua Dr. Figueiredo nº 320 Centro Valença-RJ - CEP: 27.600-000

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE APLICAÇÃO DE RECURSOS FINANCEIROS DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE - SUS

ORIENTAÇÕES SOBRE APLICAÇÃO DE RECURSOS FINANCEIROS DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE - SUS ORIENTAÇÕES SOBRE APLICAÇÃO DE RECURSOS FINANCEIROS DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE - SUS 1) PAB FIXO Podem ser custeados com o PAB-FIXO, todos os procedimentos pertinentes à atenção básica da saúde (ambulatorial),

Leia mais

Prefeitura trabalha para melhorar a saúde PREFEITURAFAZ. no SUS Contagem.

Prefeitura trabalha para melhorar a saúde PREFEITURAFAZ. no SUS Contagem. PREFEITURAFAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM CONTAGEM - Nº 13 - JUNHO DE 2008 Prefeitura trabalha para melhorar a saúde A Prefeitura de Contagem, em parceria com o Governo Federal, através do Ministério

Leia mais

SAÚDE DA FAMÍLIA E VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER: UM DESAFIO PARA A SAÚDE PUBLICA DE UM MUNICIPIO DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Brasil

SAÚDE DA FAMÍLIA E VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER: UM DESAFIO PARA A SAÚDE PUBLICA DE UM MUNICIPIO DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Brasil ID 1676 SAÚDE DA FAMÍLIA E VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER: UM DESAFIO PARA A SAÚDE PUBLICA DE UM MUNICIPIO DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Brasil Dutra, Laís; Eugênio, Flávia; Camargo, Aline; Ferreira

Leia mais

ANEXO RESOLUÇÃO NORMATIVA RN Nº 277. Página 1

ANEXO RESOLUÇÃO NORMATIVA RN Nº 277. Página 1 ANEXO DA RESOLUÇÃO NORMATIVA RN Nº 277 Página 1 ANEXO I Dimensão Nome da Quantitativo Dimensão de Itens Peso Nota Mínima Programa de Dimensão 1 Melhoria da Qualidade 11 1 70 PMQ Dimensão 2 Dinâmica da

Leia mais

Tabela das Despesas Contabilizáveis para as Ações e Serviços Públicos de Saúde - ASPS. Assist. Social

Tabela das Despesas Contabilizáveis para as Ações e Serviços Públicos de Saúde - ASPS. Assist. Social Descrição da Despesa ASPS Assist. Social Outros Base Legal Subsídio do Secretário da Saúde, Assistência e Meio Ambiente. X 1 1 Casos em que a Secretaria da Saúde abranja outras áreas de atuação, deverá

Leia mais

ROBERTO REQUIÃO 15 GOVERNADOR COLIGAÇÃO PARANÁ COM GOVERNO (PMDB/PV/PPL)

ROBERTO REQUIÃO 15 GOVERNADOR COLIGAÇÃO PARANÁ COM GOVERNO (PMDB/PV/PPL) ROBERTO REQUIÃO 15 GOVERNADOR COLIGAÇÃO PARANÁ COM GOVERNO (PMDB/PV/PPL) PROPOSTAS PARA SAÚDE Temos plena convicção de que uma ambulância com destino à capital não pode ser considerada como um tratamento

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE 9ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE RELATÓRIO FINAL

CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE 9ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE RELATÓRIO FINAL 9ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL RELATÓRIO FINAL TEMA CENTRAL Saúde e Qualidade de Vida: Política de Estado e Desenvolvimento DIRETRIZES PROPOSTAS PELAS OFICINAS TEMÁTICAS PARA COLOMBO, BIÊNIO 2007-2009, APROVADAS

Leia mais

Planos e atitudes para tornar o Rio melhor para todos

Planos e atitudes para tornar o Rio melhor para todos Planos e atitudes para tornar o Rio melhor para todos No dia 31 de agosto de 2009, o prefeito Eduardo Paes encaminhou à Câmara Municipal o projeto do Plano Plurianual de Ação (PPA), o instrumento de planejamento

Leia mais

Resumo do Projeto Nacional de Atendimento ao Acidente Vascular Cerebral

Resumo do Projeto Nacional de Atendimento ao Acidente Vascular Cerebral MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO ESPECIALIZADA COORDENAÇÃO GERAL DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA Resumo do Projeto Nacional de Atendimento ao Acidente Vascular Cerebral

Leia mais

INSTRUÇÕES AO CANDIDATO

INSTRUÇÕES AO CANDIDATO FUNDAÇÃO SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DO PARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO GESTÃO E SAÚDE NA AMAZÔNIA PROCESSO SELETIVO AO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL GESTÃO E SERVIÇOS DE SAÚDE NA AMAZÔNIA (MPGSSA)

Leia mais

MANUAL DE USO DO SISTEMA SAIPS - SISTEMA DE APOIO À IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS EM SAÚDE

MANUAL DE USO DO SISTEMA SAIPS - SISTEMA DE APOIO À IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS EM SAÚDE MANUAL DE USO DO SISTEMA SAIPS - SISTEMA DE APOIO À IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS EM SAÚDE CADASTRAMENTO DE PROPOSTAS INCENTIVO CAPS, UA, SRT, LEITO HABILITAÇÃO CAPS, UA, SRT, LEITO Versão 1 Mar/2013 Informações

Leia mais

MA160.MA.77/RT.001 3.18. PROGRAMA DE ATENDIMENTO MÉDICO SANITÁRIO PARA A POPULAÇÃO RESIDENTE NA AID

MA160.MA.77/RT.001 3.18. PROGRAMA DE ATENDIMENTO MÉDICO SANITÁRIO PARA A POPULAÇÃO RESIDENTE NA AID 3.18. PROGRAMA DE ATENDIMENTO MÉDICO SANITÁRIO PARA A POPULAÇÃO RESIDENTE NA AID 3.18.1. Introdução O quadro de saúde da região da área de influência direta do empreendimento traduzido pelas condições

Leia mais

Lei Complementar nº. 010/2007 de 01 de novembro de 2007.

Lei Complementar nº. 010/2007 de 01 de novembro de 2007. Lei Complementar nº. 010/2007 de 01 de novembro de 2007. Cria empregos destinados a atender ao Programa de Agentes Comunitários de Saúde PACS; ao Programa da Dengue; ao Programa Primeira Infância Melhor

Leia mais

Princípios e proposições gerais para a Saúde no Governo Wagner:

Princípios e proposições gerais para a Saúde no Governo Wagner: Princípios e proposições gerais para a Saúde no Governo Wagner: 1) defesa do Sistema Único de Saúde (SUS) universal, humanizado e de qualidade; 2) compromisso do governo com a geração de emprego, distribuição

Leia mais

PROJETO CONSULTA ÚNICA: METODOLOGIA PAUTADA NA RESOLUTIVIDADE.

PROJETO CONSULTA ÚNICA: METODOLOGIA PAUTADA NA RESOLUTIVIDADE. PROJETO CONSULTA ÚNICA: METODOLOGIA PAUTADA NA RESOLUTIVIDADE. Caracterização da situação anterior Em 2013, a Secretaria de Saúde Pública de Campo Grande (SESAU) detectou déficit de profissionais ginecologistas/obstetras

Leia mais

PROPOSTA DE GOVERNO PARA EDUCAÇÃO

PROPOSTA DE GOVERNO PARA EDUCAÇÃO PROPOSTA DE GOVERNO PARA EDUCAÇÃO 1 - EDUCAÇÃO 1.1 EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL: A adoção do sistema de educação em tempo integral é uma de nossas prioridades. As escolas municipais que ainda não atendem

Leia mais

O PROCESSO DE TRABALHO DA EQUIPE DE SAÚDE QUE ATUA EM UNIDADES HOSPITALARES DE ATENDIMENTO ÀS URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS 1

O PROCESSO DE TRABALHO DA EQUIPE DE SAÚDE QUE ATUA EM UNIDADES HOSPITALARES DE ATENDIMENTO ÀS URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS 1 O PROCESSO DE TRABALHO DA EQUIPE DE SAÚDE QUE ATUA EM UNIDADES HOSPITALARES DE ATENDIMENTO ÀS URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS 1 Estela Regina Garlet 2 José Luis Guedes dos Santos 3 Giselda Quintana Marques 4 Maria

Leia mais

ADITIVO 01 AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 001/2015

ADITIVO 01 AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 001/2015 ADITIVO AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 1/25 O Prefeito Municipal de São João Nepomuceno MG, faz saber que fica alterado o Edital de Processo Seletivo Público da seguinte forma: O quadro de vagas

Leia mais

Estado de Mato Grosso Município de Tangará da Serra Assessoria Jurídica www.tangaradaserra.mt.gov.br. - Fone (0xx65) 3311 4801

Estado de Mato Grosso Município de Tangará da Serra Assessoria Jurídica www.tangaradaserra.mt.gov.br. - Fone (0xx65) 3311 4801 LEI N.º 3808, DE 04 DE MAIO DE 2012. DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DE CARGOS DE PROVIMENTO EFETIVO, ABERTURA DE VAGAS E ALTERAÇÃO NO ANEXO I D, DAS LEIS MUNICIPAIS Nº 2.099/2003 DE 29 DE DEZEMBRO DE 2003 E 2875,

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAPONGAS Estado do Paraná

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAPONGAS Estado do Paraná SECRETARIA EXECUTIVA LEI Nº 3.336, DE 30 DE AGOSTO DE 2006 Dispõe sobre a criação de empregos públicos para a execução dos Programas de Saúde da Família e Agentes Comunitários de Saúde. A CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

ATA DA AUDIENCIA PÚBLICA REALIZADA EM 23 DE JUNHO DE 2.015. PARA DEBATE DO PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO DE LEI Nº57/2015

ATA DA AUDIENCIA PÚBLICA REALIZADA EM 23 DE JUNHO DE 2.015. PARA DEBATE DO PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO DE LEI Nº57/2015 ATA DA AUDIENCIA PÚBLICA REALIZADA EM 23 DE JUNHO DE 2.015. PARA DEBATE DO PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO DE LEI Nº57/2015 Aos vinte e três (23) dias do mês de Junho, do ano de dois mil e quinze,

Leia mais

META NACIONAL 15: garantir, em regime de colaboração entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, no prazo de 1 (um) ano de vigência deste PNE, política nacional de formação dos profissionais

Leia mais

Clipping Eletrônico - Terça-feira dia 10/11/2015. Com horário ampliado, UBS Áugias Gadelha é reinaugurada, na zona Norte

Clipping Eletrônico - Terça-feira dia 10/11/2015. Com horário ampliado, UBS Áugias Gadelha é reinaugurada, na zona Norte Clipping Eletrônico - Terça-feira dia 10/11/2015 Portal Rede Tiradentes Saúde 10 de Novembro de 2015. Fonte: http://www.redetiradentes.com.br/com-horario-ampliado-ubsaugias-gadelha-e-reinaugurada-na-zona-norte/#.vkhlelertcc

Leia mais

NOTA TÉCNICA 42 /2012

NOTA TÉCNICA 42 /2012 NOTA TÉCNICA 42 /2012 Atualiza as diretrizes para organização da prevenção e do tratamento do sobrepeso e obesidade como linha de cuidado prioritária da Rede de Atenção à Saúde das Pessoas com Doenças

Leia mais

Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 424, DE 19 DE MARÇO DE 2013(*)

Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 424, DE 19 DE MARÇO DE 2013(*) ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 424, DE 19 DE MARÇO DE 2013(*) Redefine as diretrizes para a organização

Leia mais

CURSO TÉCNICO EM REGISTRO E INFORMAÇÕES EM SAÚDE

CURSO TÉCNICO EM REGISTRO E INFORMAÇÕES EM SAÚDE MINISTÉRIO DA SAÚDE/MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GRUPO HOSPITALAR CONCEIÇÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA E PESQUISA EM SAÚDE ESCOLA GHC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO

Leia mais

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013)

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) EXPEDIENTE CONSULTA Nº 011.881/13 ASSUNTO: Relação de proporcionalidade: Número de profissionais médicos e número de atendimentos. RELATORA:

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL

RESPONSABILIDADE SOCIAL RESPONSABILIDADE SOCIAL Antes mesmo de inaugurar seu hospital, em 1971, a Sociedade já se dedicava ao exercício da responsabilidade social, atendendo crianças carentes da comunidade na área de Pediatria

Leia mais

Coordenação de Políticas para Migrantes QUALIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À POPULAÇÃO MIGRANTE POR AGENTES PÚBLICOS ÁREA DE REFERÊNCIA: SAÚDE / ANO: 2014

Coordenação de Políticas para Migrantes QUALIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À POPULAÇÃO MIGRANTE POR AGENTES PÚBLICOS ÁREA DE REFERÊNCIA: SAÚDE / ANO: 2014 QUALIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À POPULAÇÃO MIGRANTE POR AGENTES PÚBLICOS ÁREA DE REFERÊNCIA: SAÚDE / ANO: 2014 RELATÓRIO FINAL Coordenação de Políticas para Migrantes Secretaria Municipal de Direitos Humanos

Leia mais

1 TÍTULO DO PROJETO. Ame a Vida. Previna-se. 2 QUEM PODE PARTICIPAR?

1 TÍTULO DO PROJETO. Ame a Vida. Previna-se. 2 QUEM PODE PARTICIPAR? 1 TÍTULO DO PROJETO Ame a Vida. Previna-se. 2 QUEM PODE PARTICIPAR? Podem participar deste programa (sem vínculo empregatício ou remuneração), os acadêmicos beneficiados pelas bolsas de Estudo do artigo

Leia mais

Sistema Único de Saúde, para fortalecimento dos processos de descentralização da gestão da saúde, em conformidade com a legislação vigente.

Sistema Único de Saúde, para fortalecimento dos processos de descentralização da gestão da saúde, em conformidade com a legislação vigente. GOVERNO DO ESTADO DO ESPIRÍTO SANTO SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE DO ESPÍRITO SANTO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR EDITAL Nº 1 SESA/ES,

Leia mais

GLOSSÁRIO DO PORTAL SAÚDE TRANSPARENTE

GLOSSÁRIO DO PORTAL SAÚDE TRANSPARENTE GLOSSÁRIO DO PORTAL SAÚDE TRANSPARENTE Blocos de financiamento: Com a implementação do Pacto pela Saúde, os recursos federais, destinados ao custeio de ações e serviços da saúde, passaram a ser divididos

Leia mais

ID:1754 REDES DE ATENÇÃO À SAÚDE E CONSOLIDAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE NO BRASIL. BOTUCATU COM MAIS SAÚDE : RELATO DE EXPERIÊNCIA

ID:1754 REDES DE ATENÇÃO À SAÚDE E CONSOLIDAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE NO BRASIL. BOTUCATU COM MAIS SAÚDE : RELATO DE EXPERIÊNCIA ID:1754 REDES DE ATENÇÃO À SAÚDE E CONSOLIDAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE NO BRASIL. BOTUCATU COM MAIS SAÚDE : RELATO DE EXPERIÊNCIA Caldas Junior, Antonio Luiz; Silva, Daniela Cristina da. Brasil RESUMEN

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL

AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE OCARA CE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL RELATÓRIO QUADRIMESTRAL DA SAÚDE JAN ABR DE 2015 RUA JOSÉ CORREIA SN CEP 62 755-000 CENTRO OCARA - CEARÁ. FONE

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO NEAP Aprovado pela Portaria 23/2005

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO NEAP Aprovado pela Portaria 23/2005 REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO NEAP Aprovado pela Portaria 23/2005 I. INTRODUÇÃO: O Núcleo de Estudos e Atendimentos em Psicologia - NEAP, é um órgão vinculado ao curso de psicologia da UNIFAE, com o

Leia mais

PROGRAMA TÉMATICO: 6214 TRABALHO, EMPREGO E RENDA

PROGRAMA TÉMATICO: 6214 TRABALHO, EMPREGO E RENDA PROGRAMA TÉMATICO: 6214 TRABALHO, EMPREGO E RENDA OBJETIVO GERAL: Estimular o crescimento e o desenvolvimento econômico e social do DF, por meio do fortalecimento do Sistema Público de Emprego, garantindo

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO À SITUAÇÃO DE RUA. PORTO ALEGRE Dez. 2011

PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO À SITUAÇÃO DE RUA. PORTO ALEGRE Dez. 2011 PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO À SITUAÇÃO DE RUA PORTO ALEGRE Dez. 2011 APRESENTAÇÃO O Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua na Cidade de Porto Alegre decorre da necessidade de abordar a

Leia mais

Projeto Hospitais de Excelência /Ministério da Saúde / Programa de Desenvolvimento e Apoio àgestão Hospital Samaritano

Projeto Hospitais de Excelência /Ministério da Saúde / Programa de Desenvolvimento e Apoio àgestão Hospital Samaritano Análise do processo de implementação de políticas na área hospitalar do Ministério da Saúde: contratualização de hospitais de ensino e filantrópicos no Brasil Projeto Hospitais de Excelência /Ministério

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, TECNOLOGIA E GESTÃO - SEPLAG EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N.

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, TECNOLOGIA E GESTÃO - SEPLAG EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N. PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, TECNOLOGIA E GESTÃO - SEPLAG EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N.º 01/2011 O SECRETÁRIO DE PLANEJAMENTO, TECNOLOGIA E GESTÃO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Fundação Saúde Concurso Público CEPERJ 2011 Prova de Nível Superior

Fundação Saúde Concurso Público CEPERJ 2011 Prova de Nível Superior Caros Leitores e Concurseiros, Analisaremos as questões do Sistema Único de Saúde SUS - cobradas pela organizadora CEPERJ no concurso da Fundação Saúde (Estado do Rio de Janeiro) para os cargos de nível

Leia mais

MUNICÍPIO DE SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA-PA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA - PA CONCURSO PÚBLICO EDITAL 001/2016

MUNICÍPIO DE SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA-PA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA - PA CONCURSO PÚBLICO EDITAL 001/2016 RETIFICAÇÃO 01 DO A INAZ do Pará Serviços de Concursos Públicos Ltda-EPP, organizadora do Concurso Público de São Sebastião da Boa Vista, torna pública a Retificação nº 01 conforme edital de Nº001/2016,

Leia mais

EDITAL Nº 12, 25 de setembro de 2015.

EDITAL Nº 12, 25 de setembro de 2015. EDITAL Nº 12, 25 de setembro de 2015. PROCESSO DE INSCRIÇÕES PARA INGRESSO DE ALUNOS NOS CURSOS GRATUITOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO ANO LETIVO DE 2015 NO PROGRAMA SENAC GRATUIDADE PSG O SERVIÇO

Leia mais

As tendências do Sistema Único de Saúde FGV 2009 1693 A Cidade de Curitiba 1916 2009 316 anos Missão da SMS Planejar e executar a política de saúde para o Município de Curitiba, responsabilizando- se pela

Leia mais

REGIMENTO INTERNO. Regimento Interno do Corpo Clínico do Hospital Unimed João Pessoa I - FINALIDADE:

REGIMENTO INTERNO. Regimento Interno do Corpo Clínico do Hospital Unimed João Pessoa I - FINALIDADE: Código: RCC.DIR.001 Data: 28/08/2002 Versão: 1 Página: 1 de 20 I - FINALIDADE: Este documento apresenta a forma de organização das instâncias de poder do Hospital, sua configuração em Departamentos, Serviços

Leia mais

PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DO ACOLHIMENTO E AVALIAÇÃO COM CLASSIFICAÇÃO DE RISCO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO CAJURU, CURITIBA (PR)

PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DO ACOLHIMENTO E AVALIAÇÃO COM CLASSIFICAÇÃO DE RISCO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO CAJURU, CURITIBA (PR) PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DO ACOLHIMENTO E AVALIAÇÃO COM CLASSIFICAÇÃO DE RISCO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO CAJURU, CURITIBA (PR) 1 Aline Cecilia Pizzolato 1 Em fevereiro de 2003 a nova equipe

Leia mais

Vacinação em empresas de médio e grande, quando solicitado via Ofício(DT, Hepatite)

Vacinação em empresas de médio e grande, quando solicitado via Ofício(DT, Hepatite) VIGILÂNCIA EM SAÚDE Horário de Funcionamento Segunda a Sexta das 7 horas e 30 minutos às 19 horas SUBDIVIDIDO A. EXPEDIENTE EXTERNO ATENDIMENTO AO PÚBLICO B. EXPEDIENTE INTERNO AMBIENTE INTERNO (Administrativo)

Leia mais

Prefeitura Municipal de Resende Secretaria Municipal de Fazenda Plano Plurianual 2014-2017

Prefeitura Municipal de Resende Secretaria Municipal de Fazenda Plano Plurianual 2014-2017 Linha de Atuação: Universalização e Humanização do Atendimento Básico e Secundário CÓDIGO DO PROGRAMA: 119 PROGRAMA DE ATENÇÃO BÁSICA À SAÚDE VALOR DO PROGRAMA NO PERÍODO FONTES 2014 2015 2016 2017 Tesouro

Leia mais

Coordenação da Atenção Básica. Manual de Orientação para a Unidade Básica de Saúde

Coordenação da Atenção Básica. Manual de Orientação para a Unidade Básica de Saúde Coordenação da Atenção Básica Manual de Orientação para a Unidade Básica de Saúde Secretaria Municipal da Saúde São Paulo 2006 manual_remedio_nova_versao.indd 1 31/1/2006 09:51:20 Prefeito José Serra Secretária

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS ASPECTO FINANCEIRO E PRODUÇÃO DE SERVIÇOS 3º QUADRIMESTRE/2014

PRESTAÇÃO DE CONTAS ASPECTO FINANCEIRO E PRODUÇÃO DE SERVIÇOS 3º QUADRIMESTRE/2014 PRESTAÇÃO DE CONTAS ASPECTO FINANCEIRO E PRODUÇÃO DE SERVIÇOS 3º QUADRIMESTRE/2014 Quadrimestre União Estado Município Outras receitas 1º 99,97 4.972.3 1,06 297.86 289,98 2.454. 28,59 20.4 2º 62,69 4.701.5

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013.

PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013. PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013. Altera e consolida a estrutura administrativa da Prefeitura Municipal de Céu Azul e dá outras providências. O PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL DE CÉU AZUL,

Leia mais

Plano de Governo 2013/2016 Secretaria Municipal de Saúde

Plano de Governo 2013/2016 Secretaria Municipal de Saúde Secretaria Municipal de Saúde Garantir o bom funcionamento e reais condições de atendimento a população em toda Rede de Serviços de Saúde, de forma eficiente; Fortalecer o Conselho Municipal de Saúde,

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE

GUIA PARA ELABORAÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DE SANTA CATARINA GERÊNCIA DE PLANEJAMENTO DO SUS GUIA PARA ELABORAÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE Baseado no Livro 2 dos Cadernos de Planejamento do PLANEJASUS Elaborado

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO. 02 Promover a integração da administração com a comunidade, no sentido de melhorar a limpeza, e a paisagem de nossa cidade;

ADMINISTRAÇÃO. 02 Promover a integração da administração com a comunidade, no sentido de melhorar a limpeza, e a paisagem de nossa cidade; ADMINISTRAÇÃO 01 Informativo Municipal: Elaborar o informativo administração municipal com circulação semestral, informando e prestando contas a população, as atividades realizadas por secretarias, priorizando

Leia mais

META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA.

META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA. META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA. PROJETOS ESTRATÉGICOS A carteira de Projetos Estratégicos do Tribunal

Leia mais

Prontuário Eletrônico do Paciente

Prontuário Eletrônico do Paciente Bem vindo a apresentação Prontuário Eletrônico do Paciente InfoSaúde Cristina Bona 02 UPA s 04 CAPS 04 Policlínicas SMS Florianópolis 51 Unidades Básicas Tela Principal Disponibiliza todos os ícones que

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais LEI COMPLEMENTAR Nº.132, DE 02 DE MARÇO DE 2015. Dispõe sobre a criação e extinção de cargos em comissão de livre provimento e exoneração sem aumento da despesa e dá outras providências. O povo do Município

Leia mais

Conselho protesta contra prefeitura

Conselho protesta contra prefeitura Informativo Eletrônico da SE/CNS para os conselheiros nacionais Ano VI, Brasília, 08/04/2009. Prezado (a) conselheiro (a), Estamos encaminhando um clipping de notícias do CNS na mídia. A intenção é socializar

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA RELAÇÃO DE DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DOS ITENS DE VERIFICAÇÃO - UPA Quando da apresentação de protocolos, manual de normas e rotinas, procedimento operacional padrão (POP) e/ou outros documentos,

Leia mais

Planejamento Estratégico

Planejamento Estratégico Planejamento Estratégico A decisão pela realização do Planejamento Estratégico no HC surgiu da Administração, que entendeu como urgente formalizar o planejamento institucional. Coordenado pela Superintendência

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 002/2015

EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 002/2015 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 002/2015 1 - PREÂMBULO 1.1 O MUNICÍPIO DE BELA VISTA DE GOIÁS, Estado de Goiás, com sede administrativa na Praça José Lobo nº. 10 Setor Central, Bela Vista de Goiás-GO, inscrito

Leia mais

MANUAL DE FISCALIZAÇÃO

MANUAL DE FISCALIZAÇÃO MANUAL DE FISCALIZAÇÃO ROTEIROS DE VISTORIAS O médico fiscal, quando no exercício das vistorias, deverá sempre apresentar sua carteira de identidade funcional (emitida pelo Conselho Regional) e ofício

Leia mais

PORTARIA Nº- 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011

PORTARIA Nº- 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011 PORTARIA Nº- 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011 Institui a Rede de Atenção Psicossocial para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas,

Leia mais

QualiHosp Curso Pré-Congresso

QualiHosp Curso Pré-Congresso QualiHosp Curso Pré-Congresso Desempenho Organizacional Foco: Gestão do Desempenho da Gestão de Pessoas Reflexões teóricas e o nosso caminho no HSL... Questão-chave: Como avaliar o desempenho da gestão

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional 2006-2010

Plano de Desenvolvimento Institucional 2006-2010 Plano de Desenvolvimento Institucional 2006-2010 1 Reitor Gilberto Cezar Pavanelli Vice-Reitor Ângelo Aparecido Priori Comissão Central de Elaboração do PDI José Roberto Pinheiro de Melo Bruno Luiz Domingos

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem FERNANDA ARAUJO RODRIGUES

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem FERNANDA ARAUJO RODRIGUES 0 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem FERNANDA ARAUJO RODRIGUES Vivenciando a Saúde Comunitária na Unidade Básica de Saúde Glória Porto Alegre 2011 1 FERNANDA ARAUJO RODRIGUES

Leia mais

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 2.4.1 Manual do Usuário

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 2.4.1 Manual do Usuário Missão: Participar das ações de vigilância em saúde, realizando análises laboratoriais com qualidade, coordenando a Rede Estadual de Laboratórios e gerando informações para a melhoria da Saúde Pública.

Leia mais

Gestão do Processo de Manutenção Eletromecânica A quebra de paradigmas em busca da excelência.

Gestão do Processo de Manutenção Eletromecânica A quebra de paradigmas em busca da excelência. PNQS 2010 Categoria IGS Inovação da Gestão em Saneamento RDPG Relatório de Descrição de Prática de Gestão Gestão do Processo de Manutenção Eletromecânica A quebra de paradigmas em busca da excelência.

Leia mais

Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares

Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares 1 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem THAÍLA TANCCINI Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares Porto Alegre 2011 2 THAÍLA TANCCINI Relatório de

Leia mais

RELATÓRIO DE EXECUÇÃO OUTUBRO/2015 UPA 24 SÃO PEDRO DA ALDEIA RJ

RELATÓRIO DE EXECUÇÃO OUTUBRO/2015 UPA 24 SÃO PEDRO DA ALDEIA RJ RELATÓRIO DE EXECUÇÃO OUTUBRO/2015 UPA 24 SÃO PEDRO DA ALDEIA RJ Relatório Mensal de Acompanhamento do Contrato de Gestão nº 02/2015. DIREÇÃO LOCAL SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 5 1.1. O INDSH... 5 1.2. A UPA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão EDITAL Nº. 251/2015 - CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 18/2015 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA INSCRIÇÕES DE ESTAGIÁRIOS, PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA E PREENCHIMENTO DAS VAGAS DE ESTÁGIO NO ÂMBITO DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

SERVIÇOS MÉDICOS E COMPLEMENTARES: NORMAS E ROTINAS (SOMENTE ACESSÍVEIS AOS CAMPI DO INTERIOR)

SERVIÇOS MÉDICOS E COMPLEMENTARES: NORMAS E ROTINAS (SOMENTE ACESSÍVEIS AOS CAMPI DO INTERIOR) SERVIÇOS MÉDICOS E COMPLEMENTARES: NORMAS E ROTINAS (SOMENTE ACESSÍVEIS AOS CAMPI DO INTERIOR) Preliminarmente, cabe lembrar que a concessão dos Serviços Médicos e Complementares pela Universidade de São

Leia mais

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. O Programa Calendário Cultural edição 2015 é uma iniciativa da Fundação FEAC, desenvolvida pelo Escritório de Projetos,

Leia mais

A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA

A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA - APRESENTAÇÃO 1- COMO SURGIU A IDÉIA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA? 2- O QUE SIGNIFICA INCLUSÃO ESCOLAR? 3- QUAIS AS LEIS QUE GARANTEM A EDUCAÇÃO INCLUSIVA? 4- O QUE É UMA ESCOLA

Leia mais

HOSPITAL VETERINÁRIO ANHEMBI MORUMBI

HOSPITAL VETERINÁRIO ANHEMBI MORUMBI HOSPITAL VETERINÁRIO ANHEMBI MORUMBI Regulamentação do Estágio 1. Objetivos Dar oportunidade aos acadêmicos e profissionais em Medicina Veterinária de obter vivência prática que lhes permitam complementação

Leia mais

Prefeitura inicia a obra da trincheira Ressaca/Eldorado PREFEITURA RESSACA ESPECIAL REGIÃO VEJA AINDA:

Prefeitura inicia a obra da trincheira Ressaca/Eldorado PREFEITURA RESSACA ESPECIAL REGIÃO VEJA AINDA: PREFEITURA FAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM Nº 2 - Janeiro de 2008 ESPECIAL REGIÃO RESSACA Prefeitura inicia a obra da trincheira Ressaca/Eldorado A Prefeitura iniciou a obra que vai retirar a

Leia mais

Programa de Requalificação de UBS

Programa de Requalificação de UBS Programa de Requalificação de UBS PROGRAMA DE REQUALIFICAÇÃO DE UBS Programa instituído no ano de 2011 para estabelecer mecanismos de repasse de recursos financeiros para as Unidades Básicas de Saúde.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais LEI COMPLEMENTAR 140, DE 14 DE SETEMBRO DE 2015 DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO E EXTINÇÃO DE CARGOS EM COMISSÃO DE LIVRE PROVIMENTO E EXONERAÇÃO, AFETOS ÀS FUNÇÕES DA LEI COMPLEMENTAR MUNICIPAL Nº 67/2008, SEM

Leia mais

Palavras- chave: Vigilância epidemiológica, Dengue, Enfermagem

Palavras- chave: Vigilância epidemiológica, Dengue, Enfermagem ANÁLISE DAS NOTIFICAÇÕES DE DENGUE APÓS ATUAÇÃO DO SERVIÇO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA HOSPITALAR INTRODUÇÃO: A Dengue é uma doença infecciosa febril aguda de amplo espectro clínico e de grande importância

Leia mais

Agendas Estaduais de Desenvolvimento Integrado de Alfabetização e de Educação de Jovens e Adultos

Agendas Estaduais de Desenvolvimento Integrado de Alfabetização e de Educação de Jovens e Adultos Agendas Estaduais de Desenvolvimento Integrado de Alfabetização e de Educação de Jovens e Adultos PROGRAMA BRASIL ALFABETIZADO As Agendas Estaduais de Desenvolvimento Integrado de Alfabetização e Educação

Leia mais

ENTREVISTA FARMA & FARMA

ENTREVISTA FARMA & FARMA Pelo jornalista Aloísio Brandão, Editor desta revista. O farmacêutico Laércio Batista fundou a Farmácia Batista, em Joinvile, e transferiu ao filho, Láercio Batista Júnior, a propriedade e a experiência

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 01, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010. Publicado no D.O.U de 12 de março de 2010.

INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 01, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010. Publicado no D.O.U de 12 de março de 2010. INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 01, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010. Publicado no D.O.U de 12 de março de 2010. Institui o Projeto Qualidade de Vida dos Profissionais de Segurança Pública e Agentes Penitenciários.

Leia mais

O ESTADO DO PARÁ 8 m acrorregiões macrorregiões d e de saúde 23 regiões de saúde

O ESTADO DO PARÁ 8 m acrorregiões macrorregiões d e de saúde 23 regiões de saúde Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado de Saúde Pública Diretoria de Políticas de Atenção Integral a Saúde Oficina de Trabalho "Troca de Experiências em Carreiras, Remuneração por Desempenho e

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE 2014 a 2017 DIRETRIZES, OBJETIVOS E METAS PLURIANUAIS

PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE 2014 a 2017 DIRETRIZES, OBJETIVOS E METAS PLURIANUAIS PLANO MUNICIPAL DE SAÚDE 2014 a 2017 DIRETRIZES, OBJETIVOS E METAS PLURIANUAIS IDENTIFICAÇÃO MUNICIPAL Município: Prefeito: Endereço da Prefeitura: São José do Rio Preto Valdomiro Lopes da Silva Junior

Leia mais

ÍNDICE. Foto: João Borges. 2 Hospital Universitário Cajuru - 100% SUS

ÍNDICE. Foto: João Borges. 2 Hospital Universitário Cajuru - 100% SUS ÍNDICE Apresentação...03 Hospital Universitário Cajuru...04 Estrutura...04 Especialidades Atendidas...05 Diferenças entre atendimento de urgência, emergência e eletivo...06 Protocolo de Atendimento...07

Leia mais