INTRODUÇÃO. Todos os Direitos Reservados Página 2

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INTRODUÇÃO. Todos os Direitos Reservados www.ibrama.org.br Página 2"

Transcrição

1 FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR - FAPS JÓIA RELATÓRIO MENSAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS FEV/13

2 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem como os demais anexos nele constantes, foram elaborados através das informações fornecidas pelas instituições financeiras que o FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR - FAPS JÓIA tem seus investimentos. As análises constantes neste relatório estão limitadas as informações referentes aos investimentos do FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR - FAPS JÓIA, excluindo as movimentações nas contas corrente. A Referência Gestão e Risco tem como base o comprometimento, a ética profissional e a transparência na troca de informações com nossos clientes, ou seja, é a prestação de serviços de qualidade com o cumprimento das legislações vigentes. Nosso trabalho consiste em analisar os produtos que o investidor apresente, nos baseando em um processo eficiente e fundamentado, processo esse que ande junto com os objetivos do investidor. Junto a isto a REFERÊNCIA pode emitir um parecer quanto às características e risco de cada produto. Com isto exposto, demonstramos toda nossa transparência quanto as instituições financeiras e produtos por elas distribuídos, não nos permitindo a indicação de Bancos ou Produtos. Relatório para uso exclusivo do FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR - FAPS JÓIA, não sendo permitido a reprodução ou distribuição por este a qualquer pessoas ou instituição, sem a autorização da REFERÊNCIA. Salientamos que todas as informações contidas neste relatório são de confiança, observando-se a data que este relatório se refere. Todavia as informações aqui contidas não são garantia de exatidão das informações prestadas ou esperadas sobre a qualidade das mesmas. As avaliações aqui contidas são baseadas em julgamento e estimativas, logo sujeitas a mudanças. Todos os Direitos Reservados Página 2

3 SUMÁRIO - Distribuição da Carteira de Investimentos Rentabilidade da Carteira Retorno da Carteira (R$) Benchmarks x Carteria Distribuição dos Ativos Relação Risco x Retorno Resumo da Movimentação Enquadramento da Carteira Composição da Carteira...14 Renda Fixa...14 F.I. Multimercado...27 Renda Variável...29 COMENTÁRIOS DO MÊS...31

4 CARTEIRA COMPOSIÇÃO DA CARTEIRA % SALDO ATIVOS MÊS ANTERIOR carteira fev/13 FUNDOS RENDA FIXA 93,4% , ,28 CAIXA - FIC NOVO BRASIL IMA-B RF LP 7,5% , ,46 FI CAIXA BRASIL IPCA IX RF CRED PRIV 2,0% , ,51 FI CAIXA BRASIL IPCA VI RF CRED PRIV 2,5% , ,30 CAIXA FI BRASIL IMA-B TP RF LP 13,3% , ,19 CAIXA FI BRASIL IMA-B 5 TP RF LP 0,7% , ,47 BANRISUL PREV MUNIC IV FI RF LP 3,2% , ,66 BANRISUL PATRIMONIAL FI RF LP 2,9% , ,37 BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP 15,0% , ,38 BANRISUL PREV MUNIC II FI RF LP 16,7% , ,69 BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP 12,4% , ,23 BB MA B 5+ TP FI RF PREV 2,3% , ,69 BB IMA-B TP FI RF PREV 12,2% , ,83 BB PREVID RF IDKA2 2,6% , ,50 FUNDOS RENDA VARIÁVEL 3,0% , ,11 CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES 3,0% , ,11 FUNDOS MULTIMERCADO 3,7% , ,19 FI CAIXA BRASIL IPCA III MULTIMERCADO 1,1% , ,15 FI CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO MULTIMERCADO 2,5% , ,04 FIDC'S 0,0% - - 0,0% CONTA CORRENTE 0,0% - - 0,0% TOTAL DA CARTEIRA 100,0% , ,58 Todos os Direitos Reservados Página 2

5 RENTABILIDADE RENTABILIDADE DA CARTEIRA ATIVOS fev/13 no Ano Últimos 6 meses Últimos 12 meses FUNDOS RENDA FIXA % Rent. % Meta % Rent. % Meta % Rent. % Rent. CAIXA - FIC NOVO BRASIL IMA-B RF LP -0,68% -67,08% -0,11% -4,48% 8,66% 21,77% FI CAIXA BRASIL IPCA IX RF CRED PRIV 0,79% 77,03% 3,05% 126,75% 9,51% 19,73% FI CAIXA BRASIL IPCA VI RF CRED PRIV 0,76% 74,24% 2,91% 120,90% 9,15% 18,90% CAIXA FI BRASIL IMA-B TP RF LP -0,78% -49,27% -0,26% -13,78% 8,84% 21,79% CAIXA FI BRASIL IMA-B 5 TP RF LP -0,50% -76,18% -0,33% -10,97% 5,84% 12,81% BANRISUL PREV MUNIC IV FI RF LP -0,86% -84,32% -0,37% -15,24% 8,40% N/D BANRISUL PATRIMONIAL FI RF LP -0,30% -29,36% -0,09% -3,83% 5,48% 14,12% BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP -0,30% -29,09% 0,04% 1,61% 5,68% 14,32% BANRISUL PREV MUNIC II FI RF LP -0,24% -23,15% 0,14% 6,00% 5,76% 14,16% BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP -0,63% -61,42% 0,02% 0,98% 8,44% 22,01% BB MA B 5+ TP FI RF PREV -1,08% -106,22% -0,36% -14,97% 10,34% 26,65% BB IMA-B TP FI RF PREV -0,88% -86,17% -0,38% -15,57% 8,28% 21,06% BB PREVID RF IDKA2 FUNDOS RENDA VARIÁVEL % Rent. % Meta % Rent. % Meta % Rent. % Rent. CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES 1,48% 144,85% 180,44% 2,92% N/D FUNDOS MULTIMERCADO % Rent. % Meta % Rent. % Meta % Rent. % Rent. FI CAIXA BRASIL IPCA III MULTIMERCADO 0,92% 89,87% 139,72% 10,52% 23,94% FI CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO MULTIMERCADO -0,47% -46,41% -32,33% 0,49% 3,69% FIDC'S % Rent. % Meta % Rent. % Meta % Rent. % Rent. n/d - não apresentam histórico completo de rentabilidade para o respectivo período.

6 RESULTADO DA CARTEIRA EM REAIS ATIVOS jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 FUNDOS RENDA FIXA , , CAIXA - FIC NOVO BRASIL IMA-B RF LP , ,61 FI CAIXA BRASIL IPCA IX RF CRED PRIV , ,36 FI CAIXA BRASIL IPCA VI RF CRED PRIV , ,10 CAIXA FI BRASIL IMA-B TP RF LP , ,44 CAIXA FI BRASIL IMA-B 5 TP RF LP , ,13 BANRISUL PREV MUNIC IV FI RF LP , ,64 BANRISUL PATRIMONIAL FI RF LP , ,54 BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP , ,92 BANRISUL PREV MUNIC II FI RF LP , ,42 BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP , ,16 BB MA B 5+ TP FI RF PREV , ,27 BB IMA-B TP FI RF PREV , ,20 BB PREVID RF IDKA , ,90 FUNDOS RENDA VARIÁVEL , , CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES , ,55 FUNDOS MULTIMERCADO , , FI CAIXA BRASIL IPCA III MULTIMERCADO , ,90 FI CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO MULTIMERCADO , ,96 FIDC'S TOTAL GERAL , , Todos os Direitos Reservados Página 2

7 BENCHMARKS Benchmarks CDI Ibovespa IPCA+6% IPCA Selic IMA-B JÓIA dez/12 0,53% 6,05% 1,26% 0,79% 0,55% 1,92% n/d jan/13 0,59% -1,95% 1,37% 0,86% 0,60% 0,54% 0,62% fev/13 0,48% -3,91% 1,02% 0,60% 0,49% -0,88% -0,42% 8,00% 6,00% CDI 4,00% Ibovespa 2,00% IPCA+6% 0,00% -2,00% dez/12 jan/13 fev/13 IPCA Selic IMA-B -4,00% JÓIA -6,00%

8 DISTRIBUIÇÃO DOS ATIVOS POR ÍNDICES ÍNDICES fev/13 jan/13 IMA-B 48,65% 48,50% CAIXA - FIC NOVO BRASIL IMA-B RF LP 7,47% 7,54% CAIXA FI BRASIL IMA-B TP RF LP 13,32% 13,44% BANRISUL PREV MUNIC IV FI RF LP 3,20% 3,23% BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP 12,43% 11,93% BB IMA-B TP FI RF PREV 12,23% 12,36% IMA Geral 34,59% 34,75% BANRISUL PATRIMONIAL FI RF LP 2,92% 2,93% BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP 14,99% 15,07% BANRISUL PREV MUNIC II FI RF LP 16,68% 16,74% IMA-B 5 0,68% 0,68% CAIXA FI BRASIL IMA-B 5 TP RF LP XXX 0,68% 35,00% 0,68% IMA-B 5+ 2,34% 2,37% BB MA B 5+ TP FI RF PREV 2,34% 2,37% IPCA 5,61% 5,58% FI CAIXA BRASIL IPCA IX RF CRED PRIV 2,02% 2,01% FI CAIXA BRASIL IPCA VI RF CRED PRIV 2,48% 2,47% FI CAIXA BRASIL IPCA III MULTIMERCADO 1,11% 1,10% Renda Variavel 5,50% 5,47% CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES 2,95% 2,91% FI CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO MULTIMERCADO 2,54% 2,56% IDKA2 2,63% 2,65% BB PREVID RF IDKA2 2,63% 2,65% 5,61% 2,34% 0,68% Distribuição da Carteira por Índices 5,50% 2,63% 48,65% 34,59% IMA-B IMA Geral IMA-B 5 IMA-B 5+ IPCA Renda Variavel IDKA Evolução Patrimonial (em R$milhões) Janeiro 2013 Fevereiro 2013 IMA-B FI s cujo índice é o IMA-B; IMA-B5 NTN s-b com vcto igual ou inferior a 5 anos + FI s cujo índice é o IMA-B5; Renda Variável FIA s cujo índice não é o Ibovespa, IBrX ou IBrX-50; IPCA FI s cujo índice é o IPCA; IMA-B5+ NTN s-b com vcto superior a 5 anos + FI s cujo índice é o IMA-B5+; IMA-Geral FI s cujo índice é o IMA-Geral;

9 Quando se fala em mercado financeiro, devemos levar me conta os conceitos sobre o retorno, risco e incerteza. Toda aplicação quando é feita, tem por objetivo futuro, a busca de um retorno, que esta associada às incertezas que existem sobre o resultado no final do período de investimentos, e portando esta incerteza sobre os resultados, é chamada de Risco. Através do Gráfico acima, Relação Risco x Retorno da Carteira, podemos visualizar se o risco está compatível com o retorno apresentado, ou não. F.I. Rentabilidade fev/13 BANRISUL PATRIMONIAL FI RENDA FIXA LP -0,30% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL FI RENDA FIXA LP -0,30% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL II FI RENDA FIXA LP -0,24% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL III FI RENDA FIXA LP -0,63% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL IV FI RENDA FIXA LP -0,86% BB IMA B5+ TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA PREVIDENCIÁRIO -1,08% BB IMA-B TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA PREVIDENCIÁRIO -0,88% CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO FI MULTIMERCADO -0,47% CAIXA BRASIL IMA-B 5 TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA LP -0,50% CAIXA BRASIL IMA-B TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA LP -0,78% CAIXA BRASIL IPCA III FI MULTIMERCADO CRÉDITO PRIVADO 0,92% CAIXA BRASIL IX FI RENDA FIXA IPCA CRÉDITO PRIVADO 0,79% CAIXA BRASIL VI FI RENDA FIXA IPCA CRÉDITO PRIVADO 0,76% CAIXA NOVO BRASIL IMA-B FIC RENDA FIXA LP -0,68% CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES 1,48% Carteira Jóia/RS -0,42% % do CDI -87,83% Em uma carteira de ativos extremamente conservadora, o ideal é que o ponto de equilíbrio que identifica não se distancie para a direita em relação ao CDI, o que representaria um aumento de risco. Contudo, quanto maior for a distância do índice no sentido vertical, melhor será o retorno. Assim podemos analisar a relação risco retorno tendo como parâmetro o principal benchmark da carteira (quadro ativos distribuídos por índices). Todos os Direitos Reservados Página 2

10 RESUMO DAS MOVIMENTAÇÕES - FEV/13 ATIVO DATA VALOR R$ MOVIMENTO BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP 20/02/ ,00 RESGATE BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP 15/02/ ,00 APLICAÇÃO BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP 26/02/ ,00 RESGATE BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP 27/02/ ,00 RESGATE TOTAL DAS MOVIMENTAÇÕES APLICAÇÕES RESGATES SALDO CARTEIRA R$ ,00 R$ ,00 R$ ,10

11 Relação de Parceria e Transparência na troca de Informações com os Gestores Públicos Todos os Direitos Reservados Página 2

12 ENQUADRAMENTO ENQUADRAMENTO DA CARTEIRA DE INVESTIMENTO PERANTE A RESOLUÇÃO CMN 3.922/10 Rentabilidade 2013 SALDO Limite de Últimos Últimos FUNDO DE INVESTIMENTO CNPJ % Recurso PL FUNDO % PL FUNDO Mês Ano 28/02/2013 Concentração 6 meses 12 meses FAPS ,10 100,00% Meta Atuarial (6% + IPCA) 1,02% 2,41% 7,25% 12,74% Rentabilidade da Carteira -0,42% 0,20% N/D N/D Títulos Públicos Fundos com Títulos Públicos - Artigo 7º, inciso I, B ,48 34,12% OK BANRISUL PATRIMONIAL FI RENDA FIXA LP / ,54 2,92% ,39 0,10% OK -0,30% -0,09% 5,48% 14,12% CAIXA BRASIL IMA-B 5 TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA LP / ,13 0,68% ,23 0,01% OK -0,50% -0,33% 5,84% 12,81% CAIXA BRASIL IMA-B TÍTULOS PÚBLICOS FI RENDA FIXA LP / ,44 13,32% ,21 0,03% OK -0,78% -26,00% 8,84% 21,79% BB PREVID IMA-B TP / ,20 12,23% ,05 0,02% OK -0,88% -0,38% 8,28% 21,06% BB PREVID RF IDKA / ,90 2,63% ,95 0,02% OK -0,50% -0,31% 5,33% 12,01% BB PREVID RF IMAB / ,27 2,34% ,18 0,02% OK -1,08% -0,36% 10,34% 26,65% Fundos Renda Fixa Crédito Privado - Artigo 7º, inciso VII, B ,46 4,50% OK CAIXA BRASIL IX FI RENDA FIXA IPCA CRÉDITO PRIVADO / ,36 2,02% ,14 0,50% OK 0,79% 3,05% 9,51% 19,73% CAIXA BRASIL VI FI RENDA FIXA IPCA CRÉDITO PRIVADO / ,10 2,48% ,86 0,59% OK 0,76% 2,91% 9,15% 18,90% Fundos de Renda Fixa - Artigo 7º, inciso III ,75 54,77% OK BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL FI RENDA FIXA LP / ,92 14,99% ,05 0,64% OK -0,30% 0,04% 5,68% 14,32% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL II FI RENDA FIXA LP / ,42 16,68% ,64 0,84% OK -0,24% 0,14% 5,76% 14,16% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL III FI RENDA FIXA LP / ,16 12,43% ,47 0,34% OK -0,63% 0,02% 8,44% 22,01% BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL IV FI RENDA FIXA LP / ,64 3,20% ,39 1,57% OK -0,86% -0,37% 8,84% n/d CAIXA NOVO BRASIL IMA-B FIC RENDA FIXA LP / ,61 7,47% ,36 0,03% OK -0,68% -0,11% 8,66% 21,77% FIDC - FIDC Fechados - Fundos de Renda Variável - Artigo 8º, inciso III ,55 2,95% OK CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES / ,55 2,95% ,14 0,17% OK 1,48% 4,34% 2,92% n/d Fundos Multimercados - Artigo 8º, inciso IV ,86 3,65% OK CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO FI MULTIMERCADO / ,96 2,54% ,31 0,34% OK -0,47% -0,78% 0,49% 3,69% CAIXA BRASIL IPCA III FI MULTIMERCADO CRÉDITO PRIVADO / ,90 1,11% ,83 0,30% OK 0,92% 3,36% 10,52% 23,94% Todos os Direitos Reservados Página 3

13 Utilizando como referência os valores das aplicações de fechamento de Fevereiro/2013, é possível verificar, que o FAPS de Jóia/RS estava perfeitamente de acordo com os ditames da Resolução CMN nº 3.922/10. Nota-se que no fechamento do mês em questão, o total de 93,3% dos recursos financeiros estavam alocados no Segmento de Renda Fixa e 6,61% dos recursos estavam alocados em Renda Variável, conforme quadro a seguir: Todos os Direitos Reservados Página 4

14 COMPOSIÇÃO DAS CARTEIRAS DE FUNDOS RENDA FIXA CAIXA - FIC NOVO BRASIL IMA-B RF LP / Cotas de CAIXA MASTER BRASIL IMA-B FI RF LP ,00 100,0% Outros Valores a receber 3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic 0,00 0,0% Outros Valores a pagar 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Anbid -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -1,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -75,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,44 Todos os Direitos Reservados Página 5

15 FI CAIXA BRASIL IPCA IX RF CRED PRIV / CDB BMG ,00 16,4% CDB BIC ,00 16,4% CDB Banco Mercantil do Brasil ,00 16,3% CDB Fibra ,00 16,3% CDB Pine ,00 15,9% CDB Banco Indusval ,00 14,2% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 2,9% LFT Venc.: (07/09/2017) 1.157,00 1,6% Outras Disponibilidades 3,00 0,0% Outros Valores a receber 1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -2,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,04 Todos os Direitos Reservados Página 6

16 FI CAIXA BRASIL IPCA VI RF CRED PRIV / CDB Banco Matone ,00 16,8% Depósitos a prazo e outros títulos de IF - SOROCRED ( / ) / 07/12/ ,00 16,6% CDB BIC ,00 16,3% CDB BMG ,00 16,1% CDB Rural ,00 16,1% CDB Fibra ,00 14,3% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 2,4% LFT Venc.: (01/03/2018) 1.097,00 1,5% Outros Valores a receber 1,00 0,0% Outras Disponibilidades 1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -2,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,57 Todos os Direitos Reservados Página 7

17 CAIXA FI BRASIL IMA-B TP RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 18,6% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 12,9% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 12,9% NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 12,7% NTN-B Venc.: (15/05/2015) ,00 9,2% NTN-B Venc.: (15/08/2014) ,00 7,9% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 6,5% NTN-B Venc.: (15/05/2013) ,00 6,5% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 5,8% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 3,1% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 2,6% NTN-B Venc.: (15/08/2024) ,00 1,1% NTN-B Venc.: (15/05/2017) ,00 0,2% LFT Venc.: (07/03/2015) ,00 0,1% LFT Venc.: (07/03/2013) 2.696,00 0,0% Outros Valores a receber 7,00 0,0% Outras Disponibilidades 1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Anbid -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -1,00 0,0% Outros Valores a pagar -3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -7,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic -18,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -257,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,23 Todos os Direitos Reservados Página 8

18 CAIXA FI BRASIL IMA-B 5 TP RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 35,0% NTN-B Venc.: (15/05/2015) ,00 21,5% NTN-B Venc.: (15/08/2014) ,00 18,9% NTN-B Venc.: (15/05/2013) ,00 15,0% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 6,6% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 3,0% NTN-B Venc.: (15/05/2017) 8,00 0,0% Outros Valores a receber 7,00 0,0% Outras Disponibilidades 2,00 0,0% Outros Valores a pagar 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Anbid -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic -4,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -70,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,79 Todos os Direitos Reservados Página 9

19 BANRISUL PREV MUNIC IV FI RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2022) 6.894,00 15,0% NTN-B Venc.: (15/08/2050) 6.290,00 13,6% NTN-B Venc.: (15/08/2030) 6.208,00 13,5% NTN-B Venc.: (15/08/2018) 6.089,00 13,2% NTN-B Venc.: (15/08/2040) 5.538,00 12,0% NTN-B Venc.: (15/08/2016) 2.944,00 6,4% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/09/2013) 2.400,00 5,2% NTN-B Venc.: (15/05/2017) 2.270,00 4,9% NTN-B Venc.: (15/08/2024) 2.155,00 4,7% NTN-B Venc.: (15/05/2013) 1.389,00 3,0% NTN-B Venc.: (15/08/2020) 1.298,00 2,8% CDB Banco de Brasília 914,00 2,0% Debênture - CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES ( / ) Venc.: 15/12/ ,00 1,9% NTN-B Venc.: (15/05/2015) 732,00 1,6% Debênture - UNIDAS ( / ) Venc.: 15/10/ ,00 0,2% Outros Valores a receber 1,00 0,0% Outras Disponibilidades 1,00 0,0% Outros Valores a pagar -11,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,27 Todos os Direitos Reservados Página 10

20 BANRISUL PATRIMONIAL FI RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 8,6% LTN Venc.: (01/04/2014) ,00 7,2% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/09/2013) ,00 6,7% LFT Venc.: (07/09/2016) ,00 6,4% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 6,3% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 5,5% NTN-B Venc.: (15/05/2013) ,00 5,1% NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 4,6% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 4,6% NTN-F Venc.: (01/01/2017) ,00 4,5% LTN Venc.: (01/07/2016) ,00 4,4% LTN Venc.: (01/10/2013) ,00 4,1% NTN-B Venc.: (15/05/2015) ,00 4,1% LFT Venc.: (07/09/2015) ,00 4,0% LTN Venc.: (01/04/2015) ,00 3,3% NTN-F Venc.: (01/01/2021) ,00 3,0% LTN Venc.: (01/01/2015) ,00 3,0% LTN Venc.: (01/01/2014) ,00 2,9% NTN-F Venc.: (01/01/2014) ,00 2,2% LTN Venc.: (01/07/2013) ,00 2,1% LTN Venc.: (01/01/2016) 8.580,00 1,7% NTN-B Venc.: (15/08/2020) 8.306,00 1,6% NTN-B Venc.: (15/08/2030) 6.814,00 1,3% LFT Venc.: (01/03/2018) 6.340,00 1,2% LTN Venc.: (01/07/2014) 5.328,00 1,0% NTN-F Venc.: (01/01/2018) 3.117,00 0,6% NTN-F Venc.: (01/01/2023) 1.049,00 0,2% LTN Venc.: (01/04/2013) 249,00 0,0% Outros Valores a receber 3,00 0,0% Outras Disponibilidades 3,00 0,0% Outros Valores a pagar -80,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,29 Todos os Direitos Reservados Página 11

21 BANRISUL PREV MUNIC FI RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 7,4% LTN Venc.: (01/01/2015) ,00 7,1% LTN Venc.: (01/01/2014) ,00 5,7% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 5,7% NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 5,3% LTN Venc.: (01/07/2014) ,00 4,7% CDB BIC ,00 4,6% NTN-F Venc.: (01/01/2017) ,00 3,7% CDB Banco Indusval ,00 3,5% NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 3,5% LTN Venc.: (01/01/2016) ,00 3,4% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 3,2% NTN-F Venc.: (01/01/2018) ,00 3,2% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 3,0% NTN-B Venc.: (15/05/2015) ,00 2,8% CDB Fibra ,00 2,8% CDB Banco Mercantil do Brasil ,00 2,7% NTN-F Venc.: (01/01/2021) ,00 2,6% NTN-F Venc.: (01/01/2014) ,00 2,6% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/09/2013) 9.993,00 2,5% NTN-B Venc.: (15/08/2040) 9.281,00 2,3% CDB Banco Schahin / Venc.: 30/09/ ,00 2,3% LTN Venc.: (01/07/2016) 8.149,00 2,0% CDB Sofisa 7.220,00 1,8% CDB BMG 6.484,00 1,6% CDB Banco Schahin / Venc.: 11/12/ ,00 1,5% Debênture - CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES ( / ) Venc.: 15/12/ ,00 1,4% CDB Santander 4.324,00 1,1% Cotas de BONSUCESSO CRÉDITO CONSIGNADO II FIDC 3.721,00 0,9% CDB HSBC 3.211,00 0,8% Debênture - CACHOEIRA PAULISTA TRANSM. ENERGIA ( / ) Venc.: 11/11/ ,00 0,8% CDB Banco Banif Primus 2.950,00 0,7% CDB Banco de Brasília 2.245,00 0,6% CDB Banco Schahin / Venc.: 25/11/ ,00 0,6% CDB Banco Schahin / Venc.: 06/03/ ,00 0,4% CDB Banco BES / Venc.: 07/04/ ,00 0,3% CDB Banco BES / Venc.: 09/04/ ,00 0,3% CDB Safra 1.001,00 0,3% Alupar Investimento - APAR22 866,00 0,2% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/04/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/07/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/10/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/01/ ,00 0,1% LTN Venc.: (01/04/2015) 168,00 0,0% Outras Disponibilidades 6,00 0,0% Outros Valores a receber 3,00 0,0% Outros Valores a pagar -64,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,19 Todos os Direitos Reservados Página 12

22 BANRISUL PREV MUNIC III FI RF LP / NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 15,3% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 11,8% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 11,4% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 7,9% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 7,2% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 4,9% NTN-B Venc.: (15/08/2024) ,00 3,7% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/09/2013) ,00 3,1% CDB BIC ,00 2,7% CDB Sofisa ,00 2,6% NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 2,6% NTN-B Venc.: (15/05/2035) ,00 2,6% CDB Banco Mercantil do Brasil ,00 2,5% CDB Fibra ,00 2,2% CDB BMG ,00 1,9% CDB Banco Indusval 9.910,00 1,5% CDB Banco Banif Primus 8.844,00 1,4% Cotas de COMPANHIA ESTADUAL DE ÁGUAS E ESGOTOS - CEDAE FIDC 8.712,00 1,4% Cotas de SANEAMENTO DE GOIÁS-SANEAGO INFRAESTRUTURA FIDC 8.412,00 1,3% Cotas de BONSUCESSO CRÉDITO CONSIGNADO II FIDC 7.442,00 1,2% NTN-B Venc.: (15/05/2017) 7.062,00 1,1% Debênture - VIANORTE ( / ) Venc.: 15/03/ ,00 1,1% Debênture - AUTOVIAS ( / ) Venc.: 15/03/ ,00 1,1% Debênture - HYPERMARCAS ( / ) Venc.: 15/07/ ,00 1,0% Debênture - CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES ( / ) Venc.: 15/12/ ,00 0,9% Debênture - CACHOEIRA PAULISTA TRANSM. ENERGIA ( / ) Venc.: 11/11/ ,00 0,8% CDB Banco de Brasília 5.131,00 0,8% Certificado de Recebível Imobiliário 4.647,00 0,7% BR Malls - BRML ,00 0,7% CDB Banco Schahin / Venc.: 05/02/ ,00 0,7% CDB Banco Schahin / Venc.: 09/03/ ,00 0,5% CDB Ficsa / Venc.: 18/05/ ,00 0,3% CDB Banco Pine / Venc.: 11/03/ ,00 0,3% CDB Banco Schahin / Venc.: 12/03/ ,00 0,2% Depósitos a prazo e outros títulos de IF - Banco Schahin 1.305,00 0,2% Alupar Investimento - APAR22 866,00 0,1% CDB Banco Schahin / Venc.: 11/12/ ,00 0,1% CDB Banco Schahin / Venc.: 30/12/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/04/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/07/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/10/ ,00 0,1% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/01/ ,00 0,0% Outras Disponibilidades 5,00 0,0% Outros Valores a receber 3,00 0,0% Outros Valores a pagar -161,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,31 Todos os Direitos Reservados Página 13

23 BANRISUL PREV MUNIC II FI RF LP / Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/09/2013) ,00 6,4% LTN Venc.: (01/07/2014) ,00 6,4% NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 6,4% LTN Venc.: (01/01/2015) ,00 6,4% NTN-F Venc.: (01/01/2017) ,00 6,0% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 5,1% CDB Fibra ,00 4,8% CDB BIC ,00 4,4% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 4,0% CDB Banco Indusval ,00 4,0% LTN Venc.: (01/01/2014) ,00 4,0% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 3,7% CDB Banco Mercantil do Brasil ,00 3,7% CDB Banco Panamericano / Venc.: 01/04/ ,00 3,0% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 3,0% NTN-B Venc.: (15/08/2040) 9.864,00 2,8% CDB BMG 9.501,00 2,7% CDB Sofisa 9.472,00 2,7% NTN-F Venc.: (01/01/2021) 9.434,00 2,7% NTN-F Venc.: (01/01/2018) 8.395,00 2,4% NTN-B Venc.: (15/08/2016) 6.133,00 1,7% LTN Venc.: (01/07/2016) 5.981,00 1,7% CDB Banco Schahin / Venc.: 06/03/ ,00 1,6% Debênture - CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES ( / ) Venc.: 15/12/ ,00 1,6% LTN Venc.: (01/07/2013) 3.907,00 1,1% Cotas de BONSUCESSO CRÉDITO CONSIGNADO II FIDC 3.721,00 1,1% CDB Banco Schahin / Venc.: 11/12/ ,00 1,0% Debênture - CACHOEIRA PAULISTA TRANSM. ENERGIA ( / ) Venc.: 11/11/ ,00 0,9% CDB Banco Schahin / Venc.: 11/03/ ,00 0,8% CDB Banco de Brasília 2.245,00 0,6% CDB Banco Schahin / Venc.: 30/09/ ,00 0,5% LTN Venc.: (01/01/2016) 1.567,00 0,4% NTN-B Venc.: (15/05/2015) 1.220,00 0,3% CDB Banco Schahin / Venc.: 30/12/ ,00 0,3% NTN-B Venc.: (15/05/2017) 1.135,00 0,3% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/04/ ,00 0,3% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/07/ ,00 0,3% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/10/ ,00 0,3% Debênture - ECOPISTAS ( / ) Venc.: 15/01/ ,00 0,3% Alupar Investimento - APAR22 866,00 0,2% Outras Disponibilidades 3,00 0,0% Outros Valores a receber 3,00 0,0% Outros Valores a pagar -55,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,45 Todos os Direitos Reservados Página 14

24 BB IMA-B TP FI RF PREV / NTN-B Venc.: (15/05/2045) ,00 12,0% NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 11,7% NTN-B Venc.: (15/08/2016) ,00 10,7% NTN-B Venc.: (15/05/2015) ,00 8,5% NTN-B Venc.: (15/08/2014) ,00 7,3% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 7,2% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 6,8% NTN-B Venc.: (15/08/2024) ,00 6,4% NTN-B Venc.: (15/05/2013) ,00 6,3% NTN-B Venc.: (15/05/2017) ,00 5,8% NTN-B Venc.: (15/05/2035) ,00 5,4% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 4,8% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 4,0% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 2,6% Operações Compromissadas - LTN Venc: (01/01/2016) ,00 0,5% LFT Venc.: (07/03/2014) 5.508,00 0,1% LFT Venc.: (07/03/2013) 72,00 0,0% Outros Valores a receber 5,00 0,0% Outros 1,00 0,0% Outras Disponibilidades 0,00 0,0% Valores a pagar / Provento -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -2,00 0,0% Outros Valores a pagar -3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic -21,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -89,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,52 Todos os Direitos Reservados Página 15

25 BB MA B 5+ TP FI RF PREV / NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 22,8% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 11,7% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 11,5% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 11,4% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 10,4% NTN-B Venc.: (15/05/2045) ,00 9,7% NTN-B Venc.: (15/08/2024) ,00 8,6% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 7,5% NTN-B Venc.: (15/05/2035) ,00 5,1% Operações Compromissadas - LTN Venc: (01/01/2016) ,00 1,3% LFT Venc.: (07/03/2014) 1.520,00 0,1% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/03/2015) 99,00 0,0% Outros Valores a receber 5,00 0,0% Outras Disponibilidades 4,00 0,0% Outros 1,00 0,0% Outros Valores a pagar -1,00 0,0% Valores a pagar / Provento -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic -5,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -17,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,19 Todos os Direitos Reservados Página 16

26 BB PREVID RF IDKA / NTN-B Venc.: (15/08/2050) ,00 22,8% NTN-B Venc.: (15/08/2020) ,00 11,7% NTN-B Venc.: (15/08/2040) ,00 11,5% NTN-B Venc.: (15/08/2030) ,00 11,4% NTN-B Venc.: (15/08/2022) ,00 10,4% NTN-B Venc.: (15/05/2045) ,00 9,7% NTN-B Venc.: (15/08/2024) ,00 8,6% NTN-B Venc.: (15/08/2018) ,00 7,5% NTN-B Venc.: (15/05/2035) ,00 5,1% Operações Compromissadas - LTN Venc: (01/01/2016) ,00 1,3% LFT Venc.: (07/03/2014) 1.520,00 0,1% Operações Compromissadas - LFT Venc: (07/03/2015) 99,00 0,0% Outros Valores a receber 5,00 0,0% Outras Disponibilidades 4,00 0,0% Outros 1,00 0,0% Outros Valores a pagar -1,00 0,0% Valores a pagar / Provento -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -3,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic -5,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -17,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,19 Todos os Direitos Reservados Página 17

27 MULTIMERCADO FI CAIXA BRASIL IPCA III MULTIMERCADO / CDB BMG ,00 16,1% CDB Sofisa ,00 16,1% CDB Banco Mercantil do Brasil ,00 16,1% CDB BIC ,00 16,0% CDB Pine ,00 16,0% CDB Rural 5.243,00 8,0% CDB Fibra 5.243,00 8,0% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 2,1% LFT Venc.: (07/09/2017) 1.102,00 1,7% Outros Valores a receber 1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic 0,00 0,0% Outras Disponibilidades 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Administração -2,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa de Auditoria -2,00 0,0% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,22 Todos os Direitos Reservados Página 18

28 FI CAIXA BRASIL CAPITAL PROTEGIDO MULTIMERCADO / LFT Venc.: (07/03/2014) ,00 90,0% Diferencial de SWAP a Receber 8.803,00 6,6% Outras Opções - Posições titulares 4.294,00 3,2% Operações Compromissadas - NTN-B Venc: (15/08/2016) 254,00 0,2% Outros Valores a receber 2,00 0,0% Outras Disponibilidades 1,00 0,0% Outros Valores a pagar -73,00-0,1% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,80 Todos os Direitos Reservados Página 19

29 RENDA VARIÁVEL CAIXA VALOR DIVIDENDOS RPPS FIC AÇÕES / Títulos Públicos Cotas de CAIXA VINCI VALOR DIVIDENDOS FIA ,00 100,2% Operações Compromissadas - SELIC Venc.: 15/05/ ,00 0,0% Outras Disponibilidades 13,00 0,0% Outros Valores a receber 1,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Selic 0,00 0,0% Valores a Pagar / Taxa Cetip -1,00 0,0% Valores a pagar / Taxa de Performance -143,00 0,0% Outros Valores a pagar -170,00-0,1% Valores a pagar / Taxa de Administração -214,00-0,1% Patrimônio Líquido (R$ mil) ,57 Todos os Direitos Reservados Página 20

30 Comentários do mês, elaborados criteriosamente pela equipe qualificada da Referência Gestão e Risco, nos propomos a sintetizar e interpretar os eventos relacionados a nossa economia, sempre tendo como objetivo maximizar os resultados da carteira de Investimento de nosso cliente. Todos os Direitos Reservados Página 21

31 COMENTÁRIOS A ECONOMIA Relatório Focus apresentou poucas alterações nas projeções do mercado, com destaque para o ligeiro ajuste do PIB para cima no próximo ano. As projeções do mercado das principais variáveis macroeconômicas mostraram ajuste do PIB, para baixo este ano e para cima no próximo, e inflação praticamente estável, conforme apontou o Relatório Focus divulgado no inicio de março pelo Banco Central, com estimativas coletadas até o dia 1º de março. A mediana das expectativas para o IPCA mostrou leve alta para 2013, passando de 5,69% para 5,70% e, para 2014, seguiu em 5,50%. Ao mesmo tempo, a estimativa de crescimento do PIB foi reduzida de 3,10% para 3,09% para 2013, porém avançou de 3,60% para 3,65% para A mediana da projeção para a taxa Selic ficou inalterada em 7,25% e 8,25% para este ano e para o ano que vem, respectivamente. Por fim, as projeções para a taxa de câmbio em 2013 e 2014 se mantiveram inalteradas, em R$/US$ 2,00 e R$/US$ 2,05, respectivamente, considerando a expectativa para final de período. (Fonte site Banco Central do Brasil relatório Focus) Como podemos ver na tabela abaixo, as projeções da tabela Mediana TOP5 para 2013 é de que o IPCA esta em torno de 5,72%, visto que a quatro semanas atrás o índice estava em 5,69%. Para o ano de 2014 a projeção do IPCA esta na casa de 5,38%, e a meta Selic teve uma baixa, o índice está em 7,63% quanto a projeção de 2014 a quatro semanas atrás estava em 8,13%. Todos os Direitos Reservados Página 22

32 preocupação com o nível da atividade econômica talvez seja o motivo para tal situação, porém isso atribui um risco relacionado ao custo econômico e social da instabilidade de preços, já vivido no passado pela sociedade brasileira. Além disso, dificulta a gestão planejada de ativos com foco em capitalização e preservação de capital. (Fonte site Banco Central do Brasil relatório Focus) O IGP-DI (Índice Geral de Preços Disponibilidade Interna) está estimado em médio prazo em 4,65%, uma baixa de 0,15 pontos em relação a quatro semanas antes. Já no IGP-M, o relatório demonstra que ocorreu um aumento de 0,29 pontos percentuais em relação a quatro semana antes em que o índice estava em 4,83%. A última reunião do COPOM, o BCB manteve a taxa básica de juros (Selic) nos atuais 7,25%a.a., e de acordo com o boletim Focus, que compila a opinião do setor financeiro do País, a estimativa para a taxa Selic mantém-se em 7,25% ao ano. O cenário atual apresenta um contexto de ajustamento para alguns agregados macroeconômicos, cuja dinâmica pode representar uma transição das circunstâncias de mercado, pelo menos até que se verifique uma tendência bem definida. Variáveis econômicas ligadas à inflação, câmbio, atividade econômica e até mesmo os juros passam por revisões em suas projeções, interferindo na consolidação das tendências de mercado. As circunstâncias atuais apresentam um patamar histórico de juros básicos da economia, Selic, ao mesmo tempo em que a inflação não apresenta uma convergência para o centro da meta, com descompasso perante o sistema de metas de inflação. A Conforme os dados das contas nacionais publicados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o nível de investimentos pode ser considerado o principal problema para o crescimento da economia. Todavia a vontade de acelerar a atividade econômica mantendo juros baixos acrescenta condições de volatilidade ao mercado, fundamentalmente por não se observar expectativas para convergência da inflação, ainda mais com suporte de um real depreciado. A deterioração das expectativas representa maior risco de mercado para os investidores institucionais, de modo que a falta de foco das autoridades monetárias e o descasamento entre política econômica e situação real de mercado criam um contexto de muitas incertezas. Os riscos podem ser associados a diferentes cenários. Na hipótese de a equipe de política econômica do governo ter suas convicções efetivadas, certamente, o patamar de juros da economia não permitirá o alcance da meta atuarial de forma tranquila por parte dos investidores institucionais, porém possibilitará uma tendência a investimentos alternativos, renda variável e outros segmentos, contanto que haja uma confiança na recuperação da atividade econômica, conforme perspectivas. Sem expectativas de crescimento econômico, existirá de forma plausível a manutenção para uma tendência de ganhos ainda satisfatórios na renda fixa, capazes de atingir a meta atuarial referencial de hoje. Entretanto, a partir das expectativas dos agentes econômicos, este cenário é o menos provável, de modo que já há uma propensão para a redução das metas atuariais associadas aos investidores institucionais. Todos os Direitos Reservados Página 2

33 Por outro lado, se a persistência do governo desencadear uma instabilidade econômica, elevação de preços, com baixa ou moderada recuperação da economia, os riscos inerentes às carteiras de ativos correlacionados a juros e inflação sofrerão com rendimentos insatisfatórios. No caso de recuperação moderada da economia, o risco é mais acentuado. Se a reabilitação econômica não se confirmar, a situação fica mais incerta, pois existiria uma pressão inflacionária com baixo crescimento. Com efeito, a partir destes cenários engendrados, as chances para o alcance da meta atuarial no próximo exercício através da renda fixa é temerária, considerando o patamar atual de juros, principalmente se existir uma dinâmica de mercado aderente ao sistema de metas de inflação, realidade vigente da política monetária brasileira. Por conseguinte é preciso analisar e acompanhar investimentos alternativos, além de manter um processo de gestão dos recursos qualificado e diligente diante das circunstâncias econômicas. A inflação acompanhada através do IPCA no primeiro período do ano representou o patamar de apuração mensal mais alto desde abril de O índice exibiu a maior alta dos últimos dez anos para o mês de janeiro. As circunstâncias de mercado contextualizadas até o momento já começaram a apresentar os complicadores que deverão dificultar o alcance da meta atuarial em O mês de janeiro registrou rentabilidades insatisfatórias através da renda fixa (open market), perante a realidade dos RPPS, em comparação às correspondentes metas atuariais em média. O subíndice IMA-B, com componentes de prazos mais alongados, iniciou o mês de fevereiro com rentabilidade negativa expressiva. o mesmo período no ano anterior, 0,53%. O IPCA-15 abrange o período de coleta de preços, aproximadamente, do dia 15 do mês anterior a 15 do mês de referência. Embora o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) tenha exibido um desempenho abaixo das expectativas formadas para o mês de dezembro de 2012, como divulgado recentemente, a inflação não colaborou para um cenário que pudesse dissipar a pressão dos preços no início deste exercício. Com efeito, os 6,18% de inflação acumulada nos últimos doze meses não demonstram qualquer convergência dos preços para o centro da meta esperado, de 4,5% no ano. Até fevereiro de 2012, o índice acumulado dos últimos doze meses havia registrado 5,98% de aumento de preços. Com efeito, o principal mecanismo de política monetária para conter inflação é a elevação dos juros básicos da economia, o que influencia negativamente os preços de ativos associados de alguma forma a estrutura de juros pré-fixados. O risco de consubstanciação deste cenário em desenvolvimento recebeu atenção já em meados de 2012, reforçada no final do ano anterior. Porto Alegre, 08 de março de 2013 Referência Gestão e Risco Ltda O aumento dos preços representado pelo IPCA-15, no mês de fevereiro, apresentou um índice de 0,68%, superando a inflação apurada para Todos os Direitos Reservados Página 3

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS MARÇO-2014 Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS INTRODUÇÃO O Relatório de Gestão de Investimentos do Regime Próprio de Previdência do Município

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem como

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Janeiro/2015 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 31.12.14 APLICAÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Maio/2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 30.04.14 APLICAÇÃO

Leia mais

GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA RPPS PONTÃO MARÇO

GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA RPPS PONTÃO MARÇO 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO BANCO CENTRAL DO BRASIL. Focus Relatório de Mercado de 6 de março de 2015. Disponível em: http://www.bcb.gov.br/pec/gci/port/readout/r20150306.pdf.

Leia mais

Banrisul Previdência Municipal Fundo de Investimento Renda Fixa de Longo Prazo

Banrisul Previdência Municipal Fundo de Investimento Renda Fixa de Longo Prazo Banrisul Previdência Municipal Fundo de Investimento Renda Fixa de Longo Prazo CNPJ 08.960.975/0001-73 (Administrado pelo Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A. - CNPJ 92.702.067/0001-96) Demonstrações

Leia mais

Santa Helena. jan/12 Aplicações Financeiro Inicial Aplicação Resgate Rendimento Total

Santa Helena. jan/12 Aplicações Financeiro Inicial Aplicação Resgate Rendimento Total Santa Helena Consultoria de Investimentos TC Consultoria de Investimentos Consultor Responsável: Diego Siqueira Santos Certificado pela CVM, Ato declaratório 11.187, de 23 de Julho de 2010 jan/12 Aplicações

Leia mais

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos 1 CENÁRIO ECONÔMICO Economia Internacional RECUPERAÇÃO Produção Industrial (total) 115.00 Revisões

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO-2015

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO-2015 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS PREVIDENCIÁRIOS JANEIRO- ÍNDICE DEMOSTRATIVO DAS APLICAÇÕES DA

Leia mais

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal de Investimentos Fundo Financeiro e Previdenciário Fevereiro Rio de Janeiro 2015 1 Diretoria de Investimentos Gustavo de Oliveira Barbosa Diretor Presidente

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016

Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016 Este relatório atende a Portaria MPS nº 519, de 24 de agosto de 2011, Artigo 3º Incisos III e V. Relatório Analítico dos Investimentos em janeiro de 2016 Carteira consolidada de investimentos - base (janeiro

Leia mais

REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES EFETIVOS DO MUNICÍPIO DE CACEQUI/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS DEZ/13

REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES EFETIVOS DO MUNICÍPIO DE CACEQUI/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS DEZ/13 REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES EFETIVOS DO MUNICÍPIO DE CACEQUI/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS DEZ/13 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem

Leia mais

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 01/2015 O Comitê

Leia mais

RENDIMENTO X META ATUARIAL BB PREVI RF IDKA 2 1.211.884,00 BB PREVD RF IRF-M 671.325,46

RENDIMENTO X META ATUARIAL BB PREVI RF IDKA 2 1.211.884,00 BB PREVD RF IRF-M 671.325,46 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO AGOSTO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO FAPS FUNDO DE APOSENTADORIA E PENSÃO DO SERVIDOR SALVADOR DO SUL SALVADOR DO SUL CNPJ 12.799.725/000170 DEMONSTRATIVO

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 04/2015 O Comitê

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA MARÇO Expectativas de Mercado BACEN (17/04/2015) Pág. 2 abril de 2015 CARTEIRA DE INVESTIMENTO ATIVOS % FEVEREIRO MARÇO DISTRIBUIÇÃO POR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

Leia mais

PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO PARECER MENSAL - 4/2015 14/05/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do Instituto

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 06/2015 O Comitê

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Março de 2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 28.02.14 APLICAÇÃO

Leia mais

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos CENÁRIOS ECONÔMICOS JUROS JUROS x INFLAÇÃO x META ATUARIAL Meta Atuarial = 6,00% + IPCA (FOCUS

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL

RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO ECONÔMICA E FINANCEIRA ABRIL Expectativas de Mercado BACEN (15/05/2015) Pág. 2 maio de 2015 CARTEIRA DE INVESTIMENTO ATIVOS % MARÇO ABRIL DISTRIBUIÇÃO POR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

Leia mais

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira.

Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 07/2015 O Comitê

Leia mais

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos

Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos Fundo de Aposentadoria e Previdência Social dos Servidores Efetivos do Município de Barra do Rio Azul-RS. Gestão Econômica e Financeira. Comitê de Investimentos RELATORIO GESTÃO FINANCEIRA 03/2015 O Comitê

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Novembro/2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 31.10.14 APLICAÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO-2015

RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO-2015 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE NOVO HAMBURGO RELATÓRIO MENSAL DAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DOS RECURSOS DA ASSISTÊNCIA JANEIRO- ÍNDICE DEMOSTRATIVO DAS APLICAÇÕES DA

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 15/2015 Data: 10/08/2015 Participantes Efetivos: Wagner de Jesus Soares Presidente, Mariana Machado de Azevedo Economista, Rosangela Pereira

Leia mais

Apresentação. (http://www.bcprevi.sc.gov.br/investimentos/pi2014.pdf).

Apresentação. (http://www.bcprevi.sc.gov.br/investimentos/pi2014.pdf). RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO: 28/02/2014 1 2 Apresentação Dentro do princípio da transparência, apresentamos o relatório da administração com a data base de 28/02/2014, prestando contas do período que se

Leia mais

NUCLEOS Instituto de Seguridade Social. Relatório de acompanhamento da Política de Investimento e resumo do Demonstrativo de Investimentos (DI)

NUCLEOS Instituto de Seguridade Social. Relatório de acompanhamento da Política de Investimento e resumo do Demonstrativo de Investimentos (DI) NUCLEOS Instituto de Seguridade Social Relatório de acompanhamento da Política de Investimento e resumo do Demonstrativo de Investimentos (DI) Maio, 2009 Índice Capítulo Página I Introdução...1 II Alocação

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - ARROJADA MIX 40

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - ARROJADA MIX 40 BENCHMARK RF:60.00% ( 100.00%CDI ) + RV:40.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 03/11/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/11/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JULHO - 2015. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JULHO - 2015. Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JULHO - 2015 Regime Próprio de Previdência do Município de Agudo - RS INTRODUÇÃO O Relatório de Gestão de Investimentos do Regime Próprio de Previdência do Município

Leia mais

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 4 de maio de 2015

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 4 de maio de 2015 1. Alocação recomendada para Maio de 2015 Classe de Ativo Carteira Conservadora* Carteira Moderada* Carteira Agressiva* Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Pós-Fixado

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Tapera / RS AVENIDA PRESIDENTE TANCREDO NEVES, 965 PROGRESSO (054) 3385-3300 Fax: (054)

Leia mais

PROPOSTA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010

PROPOSTA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010 Secretaria da Administração do Estado da Bahia Superintendência de Previdência Diretoria de Gestão Financeira Previdenciária e Investimentos PROPOSTA DE POLÍTICA DE INVESTIMENTOS - 2010 REGIME PRÓPRIO

Leia mais

JANEIRO de 2013. www.atuarialconsultoria.com.br

JANEIRO de 2013. www.atuarialconsultoria.com.br JANEIRO de 2013 1 ÍNDICE 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS 05 PÁG 2. INFORMAÇÕES CONTRATUAIS FUNDOS DE INVESTIMENTO 06 2.1. Fundos de Investimento do Banco do Brasil 06 2.1.1. BB Previdenciário Renda Fixa IMA

Leia mais

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Março de 2016

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS. Março de 2016 RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS Março de 2016 1 RESULTADOS DOS INVESTIMENTOS 1.1. Saldos Financeiros Saldos Segregados por Planos (em R$ mil) PGA CC DI/RF IRFM1 IMAB5 SUBTOTAL 31/dez/2013 26.103,99 26.103,99

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS POLÍTICA DE INVESTIMENTOS EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012 Fortalecendo o Futuro! SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVOS... 3 2.1 OBJETIVO GERAL... 3 2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS... 3 3 VIGÊNCIA... 4 4 MODELO

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20 BENCHMARK RF:80.00% ( 100.00%CDI ) + RV:20.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 12/2013 Data: 25/07/2013. Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE VARGINHA

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE VARGINHA VALOR (R$): 900.000,00 Nº / ANO: 067/2014 Data: 03/10/2014 Descrição da APLICAÇÃO Banco do Brasil S/A Agência: 00329 - Conta Corrente nº 92.000-2 Considerando que todas as movimentações de receita e despesas

Leia mais

Cenário Econômico. Alocação de Recursos

Cenário Econômico. Alocação de Recursos BB Gestão de Recursos DTVM S.A. Cenário Econômico UGP- Unidade de Gestão Previdenciária BB Gestão de Recursos DTVM S. A. Alocação de Recursos setembro/2015 Outubro/2015 Cenário Econômico Economia Internacional

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013 Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Semestre de 2013 RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO, DESEMPENHO, RENTABILIDADE E RISCOS 1º Semestre / 2013 : : GLOSSÁRIO Informamos algumas definições técnicas que foram

Leia mais

DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.013 META ATUARIAL ANO = 4,46% (MÊS = 1,04%) CARTEIRA ANO = -0,4775 % (MÊS = 0,8096% )

DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.013 META ATUARIAL ANO = 4,46% (MÊS = 1,04%) CARTEIRA ANO = -0,4775 % (MÊS = 0,8096% ) DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.013 META ATUARIAL ANO = 4,46% (MÊS = 1,04%) CARTEIRA ANO = -0,4775 % (MÊS = 0,8096% ) CÓDIGO ANBID SANTANDER SANTANDER FIC RENDA FIXA IMA-B TITULOS PÚBLICOS (1 - RF)

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO RELATÓRIO TRIMESTRAL - 1/2015 13/04/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO VICENTE DO SUL/RS FUNDO DE APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL - FASEM POLÍTICA DE INVESTIMENTO - 2014 14 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Meta de Rentabilidade... 3 3. Modelo

Leia mais

III Encontro de Gestores RPPS do Estado do MT

III Encontro de Gestores RPPS do Estado do MT Unidade de Gestão Previdenciária - UGP III Encontro de Gestores RPPS do Estado do MT Cuiabá (MT) Estrutura Especializada REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL ABERTA FECHADA

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 22/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Clarice Scheit Calgaro; Atendendo a necessidade

Leia mais

IPASSP-SM. Política de Investimentos

IPASSP-SM. Política de Investimentos INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA À SAÚDE DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SANTA MARIA CNPJ: 04.870.834/0001-09 IPASSP-SM Rua Venâncio Aires, 2.035, sala 106, Centro, CEP 97010-005, Santa Maria

Leia mais

MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II

MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II MUTUOPREV 2014 - RELATÓRIO ANUAL DO PLANO DE BENEFÍCIOS II A MUTUOPREV Entidade de Previdência Complementar - CNPJ nº 12.905.021/0001-35 e CNPB 2010.0045-74, aprovado pela portaria nº 763 de 27 de setembro

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF

RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF RELATÓRIO TRIMESTRAL - 2/2015 23/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Alta Floresta - MT IPREAF Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Valmir Guedes Pereira; Atendendo a necessidade

Leia mais

Mercado de Renda Fixa: Regras de Negócios, Liquidez e Transparência

Mercado de Renda Fixa: Regras de Negócios, Liquidez e Transparência Mercado de Renda Fixa: Regras de Negócios, Liquidez e Transparência 1º Seminário Internacional sobre Renda Fixa em Mercado de Balcão 29/9/2006 Agenda Cenário Macroeconômico Transparência e Liquidez Principais

Leia mais

Demonstrações Financeiras Banrisul Foco IMA Geral Fundo de Investimento Renda Fixa Longo Prazo CNPJ: 16.844.894/0001-36

Demonstrações Financeiras Banrisul Foco IMA Geral Fundo de Investimento Renda Fixa Longo Prazo CNPJ: 16.844.894/0001-36 Demonstrações Financeiras Banrisul Foco IMA Geral Fundo de Investimento Renda Fixa Longo Prazo (Administrado pelo Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A. - CNPJ: 92.702.067/0001-96) e 2014 com Relatório

Leia mais

CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015

CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015 Avaliação da Carteira de Investimentos Janeiro/2015 1 CENÁRIO MACROECONÔMICO JANEIRO 2015 O ano de 2015 inicia com grandes desafios no ambiente econômico internacional, principalmente em relação as incertezas

Leia mais

RELATÓRIO DE CONTROLES INTERNOS DO CONSELHO FISCAL

RELATÓRIO DE CONTROLES INTERNOS DO CONSELHO FISCAL RELATÓRIO DE CONTROLES INTERNOS DO CONSELHO FISCAL Artigo 19, da Resolução do CGPC nº 13/04. CAPOF Caixa de Assistência e Aposentadoria dos Funcionários do Banco do Estado do Maranhão. 1º SEMESTRE DE 2011

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX BENCHMARK 100.00%CDI Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética dos Ativos em 30/04/2015 Financeiro % PL FUNDOS

Leia mais

Demonstrações Financeiras

Demonstrações Financeiras Demonstrações Financeiras Banrisul Foco IMA Geral Fundo de Investimento Renda Fixa Longo Prazo CNPJ: 16.844.894/0001-36 (Administrado pelo Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A. - CNPJ: 92.702.067/0001-96)

Leia mais

PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI

PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI PARECER MENSAL - 8/2015 22/09/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Vera - MT VERA - PREVI Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Clarice Scheit Calgaro; Atendendo a necessidade

Leia mais

RELATÓRIO 2º TRIMESTRE

RELATÓRIO 2º TRIMESTRE RELATÓRIO 2º TRIMESTRE FPMSMS FUNDO DE PREVIDÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO MATEUS DO SUL 2º TRIMESTRE 2014 ÍNDICE CENÁRIO MACROECONÔMICO ------------------------------------------------------------------ 4

Leia mais

Relatório de Gestão Renda Fixa e Multimercados Junho de 2013

Relatório de Gestão Renda Fixa e Multimercados Junho de 2013 Relatório de Gestão Renda Fixa e Multimercados Junho de 2013 Política e Economia Atividade Econômica: Os indicadores de atividade, de forma geral, apresentaram bom desempenho em abril. A produção industrial

Leia mais

PROGRAMA DETALHADO Certificação ANBIMA Profissional Série 10 (CPA-10)

PROGRAMA DETALHADO Certificação ANBIMA Profissional Série 10 (CPA-10) PROGRAMA DETALHADO Programa da Certificação Detalhado Profissional da Certificação ANBIMA Profissional Série 10 (CPA-10) ANBID Série 10 Controle: D.04.08.07 Data da Elaboração: 10/11/2009 Data da Revisão:

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Gravataí / RS Av. José Loureiro da Silva Centro (051) 4001-3265 Fax: (051) 4001-3290

Leia mais

Mensagem da Administradora

Mensagem da Administradora Mensagem da Administradora Prezados Cotistas: Submetemos à apreciação de V.S.as. a demonstração da composição e diversificação das aplicações da CSN Invest Fundo de Investimento em Ações, em 31 de dezembro

Leia mais

Informe Mensal Mai 12

Informe Mensal Mai 12 Informe Mensal Mai 12 Especial Institucional Tendências do Mercado Palavra do Gestor A Taxa Selic e a Bolsa de Valores Juros Até a última reunião do Banco Central, as expectativas para queda da Selic se

Leia mais

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014

Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014 Relatório Analítico dos Investimentos no 1º Trimestre de 2014 : : GLOSSÁRIO Informamos algumas definições técnicas que foram apresentadas a seguir, sobre os instrumentos matemáticos e estatísticos que

Leia mais

Desempenho financeiro do Portus no 1º semestre de 2007 RENDA FIXA

Desempenho financeiro do Portus no 1º semestre de 2007 RENDA FIXA Desempenho financeiro do Portus no 1º semestre de 2007 Este relatório tem como objetivo, atender a Instrução SPC nº 07 de 2005 e informar aos Participantes, Assistidos, Patrocinadores, Entidades de Classe

Leia mais

Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos. ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG

Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos. ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG Relatório de Acompanhamento da Carteira de Investimentos ITABIRAPREV - Instituto de Previdência de Itabira - MG Milhares (R$) Milhões 1. Introdução O presente relatório possui o objetivo de demonstrar

Leia mais

DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.012 META ATUARIAL= 3,86 % (MÊS= 1,14%) CARTEIRA ANO= 8,20% (MÊS= 2,46%)

DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.012 META ATUARIAL= 3,86 % (MÊS= 1,14%) CARTEIRA ANO= 8,20% (MÊS= 2,46%) DADOS ECONÔMICOS - 30 DE ABRIL DE 2.012 META ATUARIAL= 3,86 % (MÊS= 1,14%) CARTEIRA ANO= 8,20% (MÊS= 2,46%) CÓDIGO ANBID SANTANDER SANTANDER FIC RENDA FIXA IMA-B TITULOS PÚBLICOS 239410 39.931.053,81 0,00

Leia mais

RELATÓRRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS SETEMBRO - 2012

RELATÓRRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS SETEMBRO - 2012 RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS SETE EMBRO - 2012 ÍNDICE RELATÓRIO GERENCIAL Carteira Consolidada... 1 Carteira Detalhada... 2 Política de Investimentos... 3 Análise de Rentabilidade... 4 Retorno

Leia mais

DADOS ECONÔMICOS - 31 DE JULHO DE 2.012 META ATUARIAL= 6,86% (MÊS= 0,93%) CARTEIRA ANO= 11,88% (MÊS= 2,06%)

DADOS ECONÔMICOS - 31 DE JULHO DE 2.012 META ATUARIAL= 6,86% (MÊS= 0,93%) CARTEIRA ANO= 11,88% (MÊS= 2,06%) DADOS ECONÔMICOS - 31 DE JULHO DE 2.012 META ATUARIAL= 6,86% (MÊS= 0,93%) CARTEIRA ANO= 11,88% (MÊS= 2,06%) CÓDIGO ANBID SANTANDER SANTANDER FIC RENDA FIXA IMA-B TITULOS PÚBLICOS (1 - RF) 239410 37.386.754,15

Leia mais

Lista de Aplicações Clique sobre o ativo para mais informações.

Lista de Aplicações Clique sobre o ativo para mais informações. Competência: 02/2013 6 Nome do Fundo: BANRISUL PREVIDÊNCIA MUNICIPAL II FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA DE LONGO PRAZO CNPJ: 10.199.942/0001-02 Administrador: BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CNPJ:

Leia mais

31 de março de 2015 e 2014 com Relatório dos Auditores Independentes sobre as demonstrações financeiras

31 de março de 2015 e 2014 com Relatório dos Auditores Independentes sobre as demonstrações financeiras Demonstrações Financeiras Banrisul Multi Fundo de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento (Administrado pelo Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A. - CNPJ: 92.702.067/0001-96) e 2014 com Relatório

Leia mais

Consulta Pública de Lâmina de Fundo Boa noite, Eduardo

Consulta Pública de Lâmina de Fundo Boa noite, Eduardo Page 1 of 8 Consulta Pública de Lâmina de Fundo Boa noite, Eduardo Atenção: Estas informações tem por base os documentos enviados à CVM pelas Instituições Administradoras dos Fundos de Investimento e são

Leia mais

ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS

ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS www.lemeprev.com.br ATA DA 24 REUNIÃO ORDINÁRIA DO COMITÉ DE INVESTIMENTOS Aos trinta dias do mês de setembro do ano de dois mil e quatorze, reuniram na sala de reuniões da sede do LEMEPREV, situado à

Leia mais

FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado

FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015. Banco Fundo Investimento Valor Aplicado FUNDOPREV MILITAR - JANEIRO 2015 BANRI FI Banrisul Mercado Credito Privado FI RF LP R$ 2.519.337,47 FI Banrisul Patrimonial FI Renda Fixa LP R$ 2.585.013,33 R$ 5.104.350,79 BB FI BB Ações Cielo Fundo de

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JANEIRO - 2015

RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JANEIRO - 2015 RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JANEIRO - 2015 Í NDICE RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS Carteira Consolidada... 1 Carteira Detalhada... 2 Política de Investimento 2015... 3 Análise de Rentabilidade...

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS

DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS DEMONSTRATIVO DAS APLICAÇÕES E INVESTIMENTOS DOS RECURSOS 1. ENTE Nome: Endereço: Bairro: Telefone: Prefeitura Municipal de Recife / PE AV. CAIS DO APOLO, 925 RECIFE (081) 3355-8000 Fax: (081) 3355-8000

Leia mais

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 Banco Fundo Investimento Valor Aplicado

FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 Banco Fundo Investimento Valor Aplicado FUNDOPREV CIVIL - JANEIRO 2015 BANRI FI Banrisul FOCO IDKA IPCA 2A FI RF R$ 6.186.176,29 FI Banrisul Foco IRF-M 1 FI Renda Fixa LP R$ 4.071.509,25 FI Banrisul Indice FI Ações R$ 783.031,00 FI Banrisul

Leia mais

BANRISUL ABSOLUTO FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA CNPJ/MF nº 21.743.480/0001-50 PROSPECTO

BANRISUL ABSOLUTO FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA CNPJ/MF nº 21.743.480/0001-50 PROSPECTO BANRISUL ABSOLUTO FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA CNPJ/MF nº 21.743.480/0001-50 PROSPECTO AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESSE PROSPECTO ESTÃO EM CONSONÂNCIA COM O REGULAMENTO DO FUNDO, PORÉM NÃO O SUBSTITUI.

Leia mais

SJPREV São José Previdência - SC

SJPREV São José Previdência - SC RELATÓRIO DE GESTÃO DE INVESTIMENTOS JANEIRO - 2015 SJPREV São José Previdência - SC INTRODUÇÃO O Relatório de Gestão de Investimentos do São José Previdência foi elaborado pela SMI Consultoria de Investimentos

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL RENDA FIXA TESOURO DIRETO

RELATÓRIO MENSAL RENDA FIXA TESOURO DIRETO RENDA FIXA TESOURO DIRETO CARTEIRA RECOMENDADA A nossa carteira para este mês continua estruturada com base no cenário de queda da taxa de juros no curto prazo. Acreditamos, no entanto, que esse cenário

Leia mais

POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA

POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA POSIÇAO DE SALDO REFERENTE MÊS DE JANEIRO DE 2015 RECURSOS DA PREVIDÊNCIA TIPO RENDIMENTO BANCO Nº DA CONTA SALDO ANTERIOR APLICAÇÃO RESGATE MOVIMENTAÇÃO ATUAL SALDO Conta Corrente SANTANDER 61.000.151-5

Leia mais

Conjuntura semanal. Itaú Personnalité. Semana de 12 a 16 de Agosto. Fatores externos e internos elevaram o dólar para perto de R$ 2,40;

Conjuntura semanal. Itaú Personnalité. Semana de 12 a 16 de Agosto. Fatores externos e internos elevaram o dólar para perto de R$ 2,40; Semana de 12 a 16 de Agosto Fatores externos e internos elevaram o dólar para perto de R$ 2,40; Curva de juros voltou a precificar mais aumentos de 0,5 p.p. para a taxa Selic; Com a presente semana muito

Leia mais

DOUTOR MAURÍCIO CARDOSO-RS POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

DOUTOR MAURÍCIO CARDOSO-RS POLÍTICA DE INVESTIMENTOS RPPS Fundo de Aposentadoria e Pensão do Servidor FAPS DOUTOR MAURÍCIO CARDOSO-RS POLÍTICA DE INVESTIMENTOS 2014 1. FINALIDADE DA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS Este documento estabelece o modelo de investimentos

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 16/2013

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 16/2013 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 16/2013 Data: 23/09/2013. Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

VALORES DE MERCADO DOS INVESTIMENTOS R$ (MIL)

VALORES DE MERCADO DOS INVESTIMENTOS R$ (MIL) INVESTIMENTOS Discriminação dos Investimentos VALORES DE MERCADO DOS INVESTIMENTOS R$ (MIL) Plano dez/2013 %Aplicação %Política de Investimentos PGA dez/2013 %Aplicação Entidade dez/2013 %Aplicação Limite

Leia mais

SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013

SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013 SBC PREV APRESENTAÇÃO FINANCEIRA 1º CICLO DE PALESTRAS 26/11/2013 Competências e Responsabilidades da Diretoria Administrativa e Financeira Tesouraria Pagamentos / Recebimentos Aplicações / Resgates Controles

Leia mais

Política Anual de Investimentos Exercício de 2012

Política Anual de Investimentos Exercício de 2012 Política Anual de Investimentos Exercício de 2012 Política de Investimento -2012 1 SUMARIO 1. Introdução... 03 2. Divulgação da Política de Investimentos... 03 3. Objetivos... 03 4. Composição dos Investimentos

Leia mais

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

DIRETORIA DE INVESTIMENTOS DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Relatório Mensal de Investimentos Fundo Financeiro e Previdenciário Agosto Rio de Janeiro 2014 1 Diretoria de Investimentos Gustavo de Oliveira Barbosa Diretor Presidente Gerência

Leia mais

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX

Renda Fixa: 88%[(78% [CDI+0,5%]+17% IMAB + 5%IMAB5)+12%(103%CDI)] Renda Variável Ativa = 100%(IBrx+6%) Inv. estruturados = IFM Inv. no exterior = BDRX Objetivo Os investimentos dos Planos Básico e Suplementar, modalidade contribuição definida, tem por objetivo proporcionar rentabilidade no longo prazo através das oportunidades oferecidas pelos mercados

Leia mais

Consultoria de investimentos para RPPS

Consultoria de investimentos para RPPS Consultoria de investimentos para RPPS (Regime Próprio de Previdência Social). www.investorbrasil.com A INVESTOR é uma empresa especializada em consultoria e implementação de soluções na área de investimentos

Leia mais

BANRISUL AUTOMÁTICO FUNDO DE INVESTIMENTO CURTO PRAZO CNPJ/MF nº 01.353.260/0001-03

BANRISUL AUTOMÁTICO FUNDO DE INVESTIMENTO CURTO PRAZO CNPJ/MF nº 01.353.260/0001-03 BANRISUL AUTOMÁTICO FUNDO DE INVESTIMENTO CURTO PRAZO CNPJ/MF nº 01.353.260/0001-03 PROSPECTO AVISOS IMPORTANTES I. A CONCESSÃO DE REGISTRO PARA A VENDA DAS COTAS DESTE FUNDO NÃO IMPLICA, POR PARTE DA

Leia mais

HSBC Fundo de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento Curto Prazo Over II - CNPJ nº 08.915.208/0001-42

HSBC Fundo de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento Curto Prazo Over II - CNPJ nº 08.915.208/0001-42 HSBC Fundo de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento Curto Prazo Over II - CNPJ nº 08.915.208/0001-42 (Administrado pelo HSBC Bank Brasil S.A. - Banco Múltiplo CNPJ nº 01.701.201/0001-89) Demonstrações

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PARA 2010

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PARA 2010 POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PARA 2010 Subordinada à Resolução CMN nº 3.792 de 24/09/09 1- INTRODUÇÃO Esta política tem como objetivo estabelecer as diretrizes a serem observadas na aplicação dos recursos

Leia mais

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS

RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS RELATÓRIO DE INVESTIMENTOS Julho de RESULTADOS DOS INVESTIMENTOS Saldos Financeiros Saldos Segregados por Planos (em R$ mil) PGA PB TOTAL CC FI DI/RF FI IRFM1 FI IMAB5 SUBTOTAL CC FI DI/RF FI IRFM1 FI

Leia mais

CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO

CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO CAGEPREV FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RELATÓRIO DE DESEMPENHO NOVEMBRO DE 2013 1. Apresentação A Fundação CAGECE de Previdência Complementar CAGEPREV, criada através da Lei Estadual nº 13.313,

Leia mais

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014

ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014 ATA DE REUNIÃO DO COMITÊ DE INVESTIMENTOS - COMIN COMIN - Nº 08/2014 Data: 29/04/2014 Participantes Efetivos: Edna Raquel Rodrigues Santos Hogemann Presidente, Valcinea Correia da Silva Assessora Especial,

Leia mais

Perfin Long Short 15 FIC FIM

Perfin Long Short 15 FIC FIM Perfin Long Short 15 FIC FIM Relatório Mensal- Junho 2013 O Perfin LongShort 15 FICFIM tem como objetivo gerarretorno superior ao CDIno médio prazo. O fundo utiliza-se de análise fundamentalista eaestratégia

Leia mais

Semana com dólar em forte queda, alta da Bolsa e menor pressão nos juros futuros; Programa de intervenção do BCB no câmbio vem surtindo efeito;

Semana com dólar em forte queda, alta da Bolsa e menor pressão nos juros futuros; Programa de intervenção do BCB no câmbio vem surtindo efeito; 06-set-2013 Semana com dólar em forte queda, alta da Bolsa e menor pressão nos juros futuros; Programa de intervenção do BCB no câmbio vem surtindo efeito; Ata do Copom referendou nosso novo cenário para

Leia mais

PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO

PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015. Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO PARECER MENSAL - 6/2015 20/07/2015 Regime Próprio de Previdência Social do município de Sorriso - MT PREVISO Prezado(a) Diretor(a) Executivo(a), Sr(a). Adélio Dalmolin; Atendendo a necessidade do Instituto

Leia mais