04/07/2015 UML. Prof. Esp. Fabiano Taguchi DEFINIÇÃO DE REQUSIITOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "04/07/2015 UML. Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@hotmail.com DEFINIÇÃO DE REQUSIITOS"

Transcrição

1 UML Prof. Esp. Fabiano Taguchi DEFINIÇÃO DE REQUSIITOS 1

2 REQUISITOS São os serviços fornecidos para um sistema. São classificados em requisitos funcionais e não funcionais. FUNCIONAIS = Descrevem as funcionalidade e serviços NÃO FUNCIONAIS = Definem propriedades e restrições REQUISITOS FUNCIONAIS Estes requisitos documentam como o sistema deve reagir a entradas específicas e como devem se comportar: Exemplos: Todo usuário poderá fazer consultas em um banco de dados; Cada nota fiscal deverá possuir um código; Sistema deve notificar o requisitante por quando a requisição estiver disponível para retirada. 2

3 REQUISITOS NÃO FUNCIONAIS Mapeiam aspectos qualitativos de um software: performance, segurança, perspectiva do usuário, comunicação e usabilidade. Exemplos: A interface do usuário deverá sem escrito em HTML simples; Todos os documentos devem segui o padrão de nome XYZ-00; O tempo de resposta de uma requisição deve ser de 0,2 segundos. ETAPAS DA ENGENHARIA DE REQUISITOS Quatro são as fases: 1. Estudo de viabilidade; 2. Elicitação de requisitos; 3. Especificação de requisitos 4. Validação de requisitos 3

4 ESPECIFICAÇÃO DOS REQUISITOS Construir o documento com os requisitos identificados. EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM 4

5 EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM UML 5

6 ORIENTAÇÃO A OBJETO Abstração Classes Objetos Atributos Métodos Método construtor Herança Polimorfismo Sobrecarga Encapsulamento Interface MODELAGEM O que é modelagem? Por que precisamos usar modelos? 6

7 HISTÓRICO A UML surgiu entre os anos de 1998 e Consiste em uma linguagem visual para especificação de sistemas orientados a objetos, independente da linguagem de programação a ser usada. Dados (Estrutural) Operações (Funcional) Eventos (Temporal) HISTÓRICO Em seu início notações diferentes eram usados para descrever projetos orientados a objetos, a UML acabou por se tornar a integração dessas várias notações. É uma linguagem não proprietária; Não é uma metodologia de desenvolvimento. 7

8 FERRAMENTAS Existe uma gama de ferramentas muito grande para modelagem a partir da UML, dentre as mais conhecidas: Rational Rose; Enterprise Architect; Astah; StarUML; ArgoUML. OBJETIVO DA UML Modelar sistemas usando os conceitos de orientação a objetos; Ajudar a equipe de projeto a visualizar um sistema como ele pretende ser; Auxiliar a especificar a estrutura e o comportamento do sistema ao passar do tempo; Proporcionar um modelo que sirva de guia para a construção do sistema. 8

9 CONCEITOS UML Dois conceitos iniciais são importantes : DIAGRAMA: É uma visão de um modelo. MODELO: É a descrição completa de um sistema em uma determinada perspectiva. ESTRUTURAÇÃO UML 13 DIAGRAMAS DIAGRAMAS ESTRUTURAIS Diagrama de classes, objetos e pacotes; Diagrama de implantação, componentes e estruturação composta. DIAGRAMAS COMPORTAMENTAIS Casos de uso e diagrama de atividades; Diagrama de máquinas de estado. DIAGRAMAS DE INTERAÇÃO Diagramas de sequência, comunicação, tempo e visão geral da interatividade. 9

10 SUGESTÕES PARA SISTEMAS EXERCÍCIO Em duplas, liste 10 requisitos funcionais e 10 requisitos não funcionais para um projeto de software, como sugestão: Posto de combustível; Venda de passagens; Pizzaria; Escola de idiomas; Padaria. 10

11 DEFINIÇÃO DO SISTEMA POSTO DE COMBUSTÍVEL O caso em questão será o desenvolvimento de um sistema para controle de pagamentos de abastecimento em um posto de combustível localizado no centro da cidade. Este sistema deverá armazenar todas as informações necessárias para que se possa fazer a venda de combustível ao cliente. DEFINIÇÃO DO SISTEMA VENDA DE PASSAGENS O sistema para venda de passagens atenderá uma empresa de transportes em específico, este sistema tem como objetivo fazer a venda e reservas de passagens rodoviárias. 11

12 DEFINIÇÃO DO SISTEMA PIZZARIA Uma pizzaria da cidade vai começar a trabalhar com tele entregas, para isso necessita de um sistema para controle de pedidos. O objetivo do sistema é gerenciar os pedidos de pizza e repassar ao setor de produção. DEFINIÇÃO DO SISTEMA ESCOLA DE IDIOMAS Uma escola de idiomas foi criada por dois amigos, e precisar de um sistema para matricular os alunos. O objetivo deste sistema é que se faça o cadastro e matrícula dos alunos. 12

13 DEFINIÇÃO DO SISTEMA PADARIA Para uma padaria, o sistema a ser desenvolvido será instalado apenas no caixa da padaria, ou seja, o objetivo principal deste sistema é fazer a gestão da cobrança das comandas. DIAGRAMAS CASOS DE USO 13

14 CASOS DE USO Este diagrama é responsável por modelar o comportamento do sistema devido a interação com algum ator produzindo um resultado que pode ser observado. A construção de um sistema é guiado pelos casos de uso. Um caso de uso indica uma funcionalidade que o sistema deve oferecer DIAGRAMA CASOS DE USO Em geral, um sistema possui apenas um diagrama de casos de uso, mas em determinada situações pode ser necessária a decomposição dos diagramas em módulos, devido a complexidade do sistema. 14

15 CASOS DE USO Os casos de são representados por elipses, com um texto que descreve sua funcionalidade. Essa descrição geralmente é um verbo. IDENTIFICANDO CASOS DE USO Uma loja de CDs possui discos para venda. Um cliente pode comprar uma quantidade ilimitada de discos para isto ele deve se dirigir à loja. A loja possui um atendente cuja função é atender os clientes durante a venda dos discos. A loja também possui um gerente cuja função é administrar o estoque para que não faltem discos. Além disso é ele quem dá folga ao atendente, ou seja, ele também atende os clientes durante a venda dos discos. 15

16 ATOR Em um diagrama casos de uso, o ator são todos os usuários, hardware e sistemas externos que irão de alguma forma interagir com os casos de uso. Um ator não faz parte do sistema, apenas interage. Sua simbologia é: IDENTIFICANDO ATORES Uma loja de CDs possui discos para venda. Um cliente pode comprar uma quantidade ilimitada de discos para isto ele deve se dirigir à loja. A loja possui um atendente cuja função é atender os clientes durante a venda dos discos. A loja também possui um gerente cuja função é administrar o estoque para que não faltem discos. Além disso é ele quem dá folga ao atendente, ou seja, ele também atende os clientes durante a venda dos discos. 16

17 RELACIONAMENTOS Descrição que indica como atores e casos de uso irão se relacionar. Essas relações podem ser: Atores e casos de uso; Dois ou mais atores; Dois ou mais casos de uso. RELACIONAMENTO - ASSOCIAÇÃO O relacionamento ator e caso de uso demostra que o ator utiliza a função do sistema representado pelo caso de uso, seja: requisitando a execução da função ou recebendo o resultado produzido pela função. 17

18 IDENTIFICANDO ASSOCIAÇÃO Uma loja de CDs possui discos para venda. Um cliente pode comprar uma quantidade ilimitada de discos para isto ele deve se dirigir à loja. A loja possui um atendente cuja função é atender os clientes durante a venda de discos. A loja também possui um gerente cuja função é administrar o estoque para que não faltem discos. Além disso é ele quem dá folga ao atendente, ou seja, ele também atende os clientes durante a venda de discos. RELACIONAMENTO ENTRE ATORES Os relacionamento entre atores quando ocorrem são do tipo de comunicação ou generalização. Um relacionamento de comunicação se refere a uma troca de mensagens entre os atores. 18

19 RELACIONAMENTO - GENERALIZAÇÃO Este relacionamento indica que um ator é um caso especial de um outro ator mais genérico. Exemplo: Gerente é um funcionário Analista também é um funcionário Funcionário é uma generalização Analista e gerente é uma especialização. RELACIONAMENTO - GENERALIZAÇÃO A generalização também é aplicada a casos de uso. No exemplo, a validação do uso pode ser: através de uma senha ou do escaneamento de retina. 19

20 IDENTIFICADO GENERALIZAÇÃO As vendas podem ser à vista ou a prazo. Em ambos os casos o estoque é atualizado e uma nota fiscal, entregue ao consumidor. Em venda à vista, clientes cadastrados que compram mais de 5 CDs de uma só vez ganham um desconto de 1% para cada ano de cadastro. Em venda a prazo, ela pode ser parcelada em 2 pagamentos com um acréscimo de 20%. Podem ser pagas no cartão ou no boleto. Em pagamento no boleto, são gerados boletos bancários que são entregues ao cliente e armazenados no sistema para lançamento. Pagamento no cartão, os clientes com mais de 10 anos de cadastro na loja ganham o mesmo desconto das compras a vista. IDENTIFICANDO GENERALIZAÇÃO 20

21 RELACIONAMENTO - EXTENSÃO Uma extensão permite que pontos opcionais no fluxo de eventos de um diagrama. RELACIONAMENTO - EXTENSÃO 21

22 IDENTIFICANDO EXTENSÃO No caso de uma venda à vista, clientes cadastrados na loja e que compram mais de 5 CDs de uma só vez ganham um desconto de 1% para cada ano de cadastro. No caso de uma venda a prazo. Para pagamento com cartão, os clientes com mais de 10 anos de cadastro na loja ganham o mesmo desconto das compras à vista. IDENTIFICANDO EXTENSÃO 22

23 RELACIONAMENTO - INCLUSÃO Evita que um mesmo fluxo de eventos seja repetido por diversas vezes. Como exemplo podemos citar um sistema que controla pedidos de um usuário, para que este pedido seja executado o usuário deve ter sido validado antes. RELACIONAMENTO - INCLUSÃO 23

24 IDENTIFICANDO INCLUSÃO Para efetuar vendas ou administrar estoque, atendentes e gerentes terão que validar suas respectivas senhas de acesso ao sistema. FRONTEIRAS DO SISTEMA Uma fronteira de um sistema é um elemento opcional, que serve para delimitar a área de atuação. 24

25 DOCUMENTAÇÃO DE UM CASO DE USO DOCUMENTAÇÃO Não existe um padrão para documentação. Em geral, as formas mais usadas são: Descrição passo a passo (Informal); Tabelas; Pseudocódigo; Fluxograma; Cenários (Típica). 25

26 ANATOMIA DE UM CASO DE USO Descrição Pré-condição Fluxo Básico Fluxo Alternativo 1 Fluxo Alternativo n Pós-condição CENÁRIO 26

27 CENÁRIO OUTRO EXEMPLO Descrição: Saque de dinheiro em um caixa eletrônico. Pré condição: Cliente identificado corretamente. Fluxo básico: 1. O Cliente informa a opção de Saque. 2. O Sistema solicita o valor do saque. 3. O Cliente informa o valor e confirma a operação. 4. O Sistema verifica o valor informado. 5. O Sistema verifica o saldo do cliente.[a1] 6. O Sistema debita o valor sacado do saldo do cliente.[a2] 7. O Sistema entrega o dinheiro. 8. Fim do caso de uso. CENÁRIO OUTRO EXEMPLO Fluxo alternativo: A1 VALOR INFORMADO INVÁLIDO 1. No passo 4 do fluxo básico o sistema verificou que o valor informado é inválido. 2. O sistema informa que o valor é inválido. 3. O sistema informa as regras para valores válidos. 4. O caso de uso volta para o passo 2 do fluxo básico. Fluxo alternativo: A2 SALDO INSUFICIENTE 1. No passo 5 do fluxo básico o Sistema verificou que o cliente não possui saldo. 2. O Sistema informa o saldo disponível. 3. O caso de uso volta para o passo 8 do fluxo básico. Pós condição: Cartão devolvido ao cliente 27

28 EXEMPLOS EMPRÉSTIMOS DE EXEMPLARES 28

29 SISTEMA ACADÊMICO SISTEMA ACADÊMICO 29

Aula 5 UML: Casos de Uso

Aula 5 UML: Casos de Uso Aula 5 UML: Casos de Uso UML Casos de Uso Introdução Casos de uso Elementos do diagrama de casos de uso Descrição de casos de uso Exemplo: Blog Ferramentas de modelagem Bibliografia 2 Introdução Casos

Leia mais

Modelos de Sistemas Casos de Uso

Modelos de Sistemas Casos de Uso Modelos de Sistemas Casos de Uso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Modelagem de Sistema UML Unified Modeling Language (Linguagem de Modelagem Unificada)

Leia mais

CASO DE USO. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com

CASO DE USO. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com CASO DE USO Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com Caso de Uso Descreve o modelo funcional (comportamento) do sistema Técnica de especificaçao de requisitos Especifica um serviço que o sistema

Leia mais

UML Unified Modeling Language. Professor: André Gustavo Bastos Lima

UML Unified Modeling Language. Professor: André Gustavo Bastos Lima UML Unified Modeling Language Professor: André Gustavo Bastos Lima Diagramas de Casos de Uso Professor: André Gustavo Bastos Lima DEFINIÇÃO DE CASO DE USO Segundo o RUP: Um Caso de Uso é a relação de uma

Leia mais

ANÁLISE E PROJETO ORIENTADO A OBJETOS. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com

ANÁLISE E PROJETO ORIENTADO A OBJETOS. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com ANÁLISE E PROJETO ORIENTADO A OBJETOS Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com Análise Descrição do problema a ser implementado Descrição dos objetos e classes que fazem parte do problema, Descrição

Leia mais

UML: Casos de Uso. Projeto de Sistemas de Software

UML: Casos de Uso. Projeto de Sistemas de Software UML: Casos de Uso Projeto de Sistemas de Software UML Casos de Uso Introdução Casos de uso Elementos do diagrama de casos de uso Descrição de casos de uso Exemplo: Blog Ferramentas de modelagem Bibliografia

Leia mais

MODELAGEM DE SISTEMAS

MODELAGEM DE SISTEMAS MODELAGEM DE SISTEMAS Diagramas de Casos de Uso Profa. Rosemary Melo Diagrama de Casos de Uso Modelagem de Sistemas Apresenta uma visão externa geral das funções ou serviços que o sistema deverá oferecer

Leia mais

Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Componentes do Diagrama

Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Diagrama de Casos de Uso. Componentes do Diagrama DCC / ICEx / UFMG Diagrama de Diagrama de Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo Adota uma linguagem simples Acessível ao cliente Objetivo é a compreensão do comportamento externo do sistema

Leia mais

Ricardo Roberto de Lima UNIPÊ 2008.1 APS-I. Históricos e Modelagem Orientada a Objetos

Ricardo Roberto de Lima UNIPÊ 2008.1 APS-I. Históricos e Modelagem Orientada a Objetos Históricos e Modelagem Orientada a Objetos Histórico Diversas metodologias e métodos surgiram para apoiar OO. Evolução a partir de linguagens C++ e SmallTalk. Anos 80 Anos 80-90: diversidade de autores.

Leia mais

Diagrama de Caso de Uso

Diagrama de Caso de Uso "Antes de imprimir pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE." Engenharia de Software Diagrama de Caso de Uso Givanaldo Rocha de Souza givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha

Leia mais

Casos de uso Objetivo:

Casos de uso Objetivo: Casos de uso Objetivo: Auxiliar a comunicação entre os analistas e o cliente. Descreve um cenário que mostra as funcionalidades do sistema do ponto de vista do usuário. O cliente deve ver no diagrama de

Leia mais

Diagrama de Casos de Uso

Diagrama de Casos de Uso Diagrama de Casos de Uso Curso de Especialização DEINF - UFMA Desenvolvimento Orientado a Objetos Prof. Geraldo Braz Junior Referências: Booch, G. et al. The Unified Modeling Language User Guide Medeiros,

Leia mais

Uma visão mais clara da UML Sumário

Uma visão mais clara da UML Sumário Uma visão mais clara da UML Sumário 1 Método...2 2 Análise de requisitos...2 2.1 Diagramas de Casos de Uso...3 2.1.1 Ator...3 2.1.2 Casos de Uso (Use Case)...4 2.1.3 Cenário...4 2.1.4 Relacionamentos...6

Leia mais

Casos de Uso. Professor MSc Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com wylliams.wordpress.com Laboratório de Programação

Casos de Uso. Professor MSc Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com wylliams.wordpress.com Laboratório de Programação Casos de Uso Professor MSc Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com wylliams.wordpress.com Laboratório de Programação Agenda Caso de Uso Conceitos Iniciais Cenário Principal Cenários Alternativos Atores

Leia mais

Prof. Esp. Fabiano Taguchi

Prof. Esp. Fabiano Taguchi UML Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@hotmail.com EXERCÍCIO - REQUISITOS A loja CdcomCarinho trabalha com a venda, à vista e parcelada, de CD s de todos os gêneros

Leia mais

Engenharia de Software III

Engenharia de Software III Engenharia de Software III Casos de uso http://dl.dropbox.com/u/3025380/es3/aula6.pdf (flavio.ceci@unisul.br) 09/09/2010 O que são casos de uso? Um caso de uso procura documentar as ações necessárias,

Leia mais

Tópicos da Aula. Que é são requisitos? Tipos de Requisitos. Requisitos Funcionais. Classificação de Requisitos. Requisitos de Software.

Tópicos da Aula. Que é são requisitos? Tipos de Requisitos. Requisitos Funcionais. Classificação de Requisitos. Requisitos de Software. Engenharia de Software Aula 06 Tópicos da Aula Software Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo dcc603@gmail.com 26 Março 2012 Funcionais e não funcionais De usuário e do Engenharia de Estudo

Leia mais

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos CASCAVEL 2009

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos CASCAVEL 2009 Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS Colegiado de Informática Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos Alunos: Professor: Disciplina:

Leia mais

DESENVOLVENDO O SISTEMA

DESENVOLVENDO O SISTEMA DESENVOLVENDO O SISTEMA Declaração da Necessidade O primeiro passo do processo de análise de sistema envolve a identificação da necessidade [Pressman-95]. Normalmente o analista reúne-se com o usuário

Leia mais

Exercícios Diagrama de Casos de Uso. Disciplina: Engenharia de Requisitos

Exercícios Diagrama de Casos de Uso. Disciplina: Engenharia de Requisitos Exercícios Diagrama de Casos de Uso Disciplina: Engenharia de Requisitos Gilmar Luiz de Borba 2010-1 Página: 1 1. CASO DE USO CONTROLE DE PROVAS OBJETIVO: Construir um diagrama de caso de uso simples.

Leia mais

Casos de Uso - definições

Casos de Uso - definições Casos de Uso - definições Um caso de uso é uma descrição narrativa de uma seqüência de eventos que ocorre quando um ator (agente externo) usa um sistema para realizar uma tarefa [Jacobson 92] Um caso de

Leia mais

Micro Mídia Informática Fevereiro/2009

Micro Mídia Informática Fevereiro/2009 Micro Mídia Informática Fevereiro/2009 1 UML Introdução Fases de Desenvolvimento Notação Visões Análise de Requisitos Casos de Uso StarUML Criando Casos de Uso Orientação a Objetos Diagrama de Classes

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008/1 4º PERÍODO 7º MÓDULO AVALIAÇÃO A3 DATA 15/10/2009 ENGENHARIA DE SOFTWARE 2009/2 GABARITO COMENTADO QUESTÃO 1: Analise as afirmações

Leia mais

Análise Orientada a Objetos Modelagem Requisitos usando Casos de Uso

Análise Orientada a Objetos Modelagem Requisitos usando Casos de Uso Análise Orientada a Objetos Modelagem Requisitos usando Casos de Uso Não diga pouco em muitas palavras, mas sim, muito em poucas. Pitágoras Especificação e Modelagem de Requisitos Regras de Negócio Glossário

Leia mais

A linguagem UML. UML e Diagramas de Casos de Uso e Classes. Por que usar UML? O que é modelagem?

A linguagem UML. UML e Diagramas de Casos de Uso e Classes. Por que usar UML? O que é modelagem? UML e Diagramas de Casos de Uso e Classes Prof. Ms. Luiz Alberto Contato: lasf.bel@gmail.com A linguagem UML UML (Unified Modeling Language) Linguagem de Modelagem Unificada É uma linguagem de modelagem

Leia mais

Unidade IV MODELAGEM DE PROCESSOS. Prof. Gislaine Stachissini

Unidade IV MODELAGEM DE PROCESSOS. Prof. Gislaine Stachissini Unidade IV MODELAGEM DE PROCESSOS Prof. Gislaine Stachissini Diagrama de classes Classe é uma abstração que descreve propriedades importantes para uma aplicação e ignora as restantes. Diagrama de classes

Leia mais

Modelagem de Sistemas Prof. Marcos Roberto e Silva

Modelagem de Sistemas Prof. Marcos Roberto e Silva Modelagem de Sistemas Prof. Marcos Roberto e Silva Diagrama de Casos de Uso Demonstra o comportamento externo do sistema, através de uma linguagem simples. Apresentando o sistema sobre a perspectiva do

Leia mais

Modelagem de Casos de Uso (Parte 1)

Modelagem de Casos de Uso (Parte 1) Modelagem de Casos de Uso (Parte 1) Roteiro Introdução Descrição: Sistema de Ponto de Vendas Casos de Usos Atores Fluxo de Eventos Cenários Formato de Documentação de Casos de Uso Diagramas de Casos de

Leia mais

Utilizando os Diagramas da UML (Linguagem Unificada de Modelagem) para desenvolver aplicação em JSF

Utilizando os Diagramas da UML (Linguagem Unificada de Modelagem) para desenvolver aplicação em JSF Utilizando os Diagramas da UML (Linguagem Unificada de Modelagem) para desenvolver aplicação em JSF Ben-Hur de Sousa Lopes¹, Jaime William Dias¹ ¹Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí Paraná Brasil

Leia mais

Guia para elaboração do Modelo de Domínio Metodologia Celepar

Guia para elaboração do Modelo de Domínio Metodologia Celepar Guia para elaboração do Modelo de Domínio Metodologia Celepar Agosto 2009 Sumário de Informações do Documento Documento: guiamodelagemclassesdominio.odt Número de páginas: 20 Versão Data Mudanças Autor

Leia mais

Franklin Ramalho Universidade Federal de Campina Grande - UFCG

Franklin Ramalho Universidade Federal de Campina Grande - UFCG Agenda - Motivação e Introdução Diagrama de - - Atores - Fluxo de eventos - Relacionamentos Franklin Ramalho Universidade Federal de Campina Grande - UFCG - Diagramas de - Exemplos - Meta-modelo MOF -

Leia mais

Uso da linguagem de especificação SDL como alternativa ao diagrama de estados proposto pela linguagem UML

Uso da linguagem de especificação SDL como alternativa ao diagrama de estados proposto pela linguagem UML Uso da linguagem de especificação SDL como alternativa ao diagrama de estados proposto pela linguagem UML Carla Geovana Macário Marcos Chaim carla@cnptia.embrapa.br, chaim@cnptia.embrapa.br Novembro -

Leia mais

Modelagem de Casos de Uso! Um modelo funcional

Modelagem de Casos de Uso! Um modelo funcional Modelagem de Casos de Uso Diagrama de Casos de Uso Especificação de Cenários! Um modelo funcional! Mostra como os valores são processados, sem preocupações com:! ordenamento (seqüência) das ações;! as

Leia mais

UML & Padrões Aula 3. UML e Padrões - Profª Kelly Christine C. Silva

UML & Padrões Aula 3. UML e Padrões - Profª Kelly Christine C. Silva UML & Padrões Aula 3 UML e Padrões - Profª Kelly Christine C. Silva 1 UML & Padrões Aula 3 Diagrama de Casos de Uso Profª Kelly Christine C. Silva O que vamos tratar: Modelos de Caso de Uso Diagrama de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o. PROFESSOR: Andrey DISCIPLINA: Técnicas Alternativas de Programação AULA: 11 APRESENTAÇÃO Nesta aula serão discutidos os conceitos relacionados

Leia mais

Ricardo Pereira e Silva UML 2. Modelagem Orientada a Objetos. Visual. Books

Ricardo Pereira e Silva UML 2. Modelagem Orientada a Objetos. Visual. Books Ricardo Pereira e Silva UML 2 Modelagem Orientada a Objetos Visual Books Sumário Parte I - Modelagem em Desenvolvimento de Software Orientado a Objetos...15 1 Modelagem em Desenvolvimento de Software...17

Leia mais

Engenharia de Software I

Engenharia de Software I Engenharia de Software I Rogério Eduardo Garcia (rogerio@fct.unesp.br) Bacharelado em Ciência da Computação Aula 05 Material preparado por Fernanda Madeiral Delfim Tópicos Aula 5 Contextualização UML Astah

Leia mais

Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2

Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2 Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2 Prof. Francisco Gerson A. de Meneses Diagramas de Interação... O diagrama de interação na verdade é um termo genérico aplicado à junção de dois outros diagramas:

Leia mais

Modelos de Sistemas. Leitura: Cap7: Sommerville; Cap: 7-8 Pressman; Cap3: Ariadne

Modelos de Sistemas. Leitura: Cap7: Sommerville; Cap: 7-8 Pressman; Cap3: Ariadne Modelos de Sistemas Leitura: Cap7: Sommerville; Cap: 7-8 Pressman; Cap3: Ariadne Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 6º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Objetivos Explicar por que é importante

Leia mais

Curso de Licenciatura em Informática

Curso de Licenciatura em Informática Curso de Licenciatura em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIOS SOBRE MODELAGEM DE CASOS DE USO Exercício 1: construa um Diagrama de Casos de

Leia mais

Tópicos Especiais em Sistemas de Telecomunicações IV

Tópicos Especiais em Sistemas de Telecomunicações IV Sumário Tópicos Especiais em Sistemas de Telecomunicações IV Modelagem de Sistemas de Software Departamento de Engenharia de Telecomunicações Escola de Engenharia Universidade Federal Fluminense Setembro

Leia mais

CellBus DOCUMENTO DE CASO DE USO VERSÃO (1.0)

CellBus DOCUMENTO DE CASO DE USO VERSÃO (1.0) CellBus DOCUMENTO DE CASO DE USO VERSÃO (1.0) HISTÓRICO DA REVISÃO Data Versão Descrição Autor 05/04/2016 1.0 Elaboração do Documento de Caso de Uso Cibellie Adrianne 16/04/2016 1.0 Revisão Geral do Documento

Leia mais

Análise de Sistemas Orientados a Objetos Prof. Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org. www.tiagodemelo.info

Análise de Sistemas Orientados a Objetos Prof. Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org. www.tiagodemelo.info Análise de Sistemas Orientados a Objetos Prof. Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org www.tiagodemelo.info Roteiro Conceitos de Orientação a Objetos (OO) Visão Geral da UML Diagrama de Classes Diagramas

Leia mais

LIVRO ENGENHARIA DE SOFTWARE FUNDAMENTOS, MÉTODOS E PADRÕES CAPÍTULO ATIVIDADES, PAG. 138 A 150

LIVRO ENGENHARIA DE SOFTWARE FUNDAMENTOS, MÉTODOS E PADRÕES CAPÍTULO ATIVIDADES, PAG. 138 A 150 LIVRO ENGENHARIA DE SOFTWARE FUNDAMENTOS, MÉTODOS E PADRÕES WILSON PADUA PAULA FILHO CAPÍTULO ATIVIDADES, PAG. 138 A 150 1 ANÁLISE ESTRUTURAL IDENTIFICAR AS CLASSES ORGANIZAR AS CLASSES IDENTIFICAR RELACIONAMENTOS

Leia mais

Prof. Esp. Fabiano Taguchi

Prof. Esp. Fabiano Taguchi UML Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@hotmail.com UML COMPETÊNCIA: Conhecer e desenvolver estudos de caso usando modelagem orientada a objeto. HABILIDADE: Conhecer

Leia mais

Diagrama de Fluxo de Dados (DFD)

Diagrama de Fluxo de Dados (DFD) Diagrama de Fluxo de Dados (DFD) Modelos de Especificação Modelos para Especificação do Sistema Representações gráficas que descrevem o problema a ser resolvido e o sistema a ser desenvolvido. Perspectivas

Leia mais

UML - Unified Modeling Language

UML - Unified Modeling Language UML - Unified Modeling Language Casos de Uso Marcio E. F. Maia Disciplina: Engenharia de Software Professora: Rossana M. C. Andrade Curso: Ciências da Computação Universidade Federal do Ceará 24 de abril

Leia mais

Resolução da lista de exercícios de casos de uso

Resolução da lista de exercícios de casos de uso Resolução da lista de exercícios de casos de uso 1. Explique quando são criados e utilizados os diagramas de casos de uso no processo de desenvolvimento incremental e iterativo. Na fase de concepção se

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Prof. M.Sc. Ronaldo C. de Oliveira ronaldooliveira@facom.ufu.br FACOM - 2011 Exemplo de Diagrama de Caso de Uso Sistema de Locadora de Filmes Sistema de Vídeo Locadora Você foi contratado para desenvolver

Leia mais

Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil

Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil UFCG Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil Arthur Silva Freire Caio César Meira Paes Carlos Artur Nascimento Vieira Matheus de Araújo Maciel Tiago Brasileiro Araújo Engenharia

Leia mais

Nos artigos anteriores apresentamos. Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio

Nos artigos anteriores apresentamos. Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio Vinicius Lourenço de Sousa vinicius.lourenco.sousa@gmail.com Atua no ramo de desenvolvimento de software há mais de

Leia mais

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda Campus Cachoeiro de Itapemirim Curso Técnico em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIO 01 SOBRE DIAGRAMA DE SEQUENCIA Exercício 1: construa um

Leia mais

Itens estruturais/caso de uso. Itens estruturais/classe ativa. Itens estruturais/componente. Itens estruturais/artefatos. Itens comportamentais

Itens estruturais/caso de uso. Itens estruturais/classe ativa. Itens estruturais/componente. Itens estruturais/artefatos. Itens comportamentais Objetivos da UML Introdução a UML cbraga@ic.uff.br Uma linguagem para: Visualizar Especificar Construir Documentar... e analisar. Desenvolvimento dirigido a modelos 2 Construções básicas Organizadas em

Leia mais

UML: Unified Modeling Language. Graduação em Informática 2008 Profa. Itana Gimenes

UML: Unified Modeling Language. Graduação em Informática 2008 Profa. Itana Gimenes UML: Unified Modeling Language Graduação em Informática 2008 Profa. Itana Gimenes Unified Modelling Language (UML) Não é uma linguagem de programação. Linguagem de modelagem visual utilizada para especificar,

Leia mais

Processo de Engenharia de Software II

Processo de Engenharia de Software II UNIOESTE - Universidade Estadual do Oeste do Paraná CCET Centro de ciências Exatas e Tecnológicas Colegiado de Ciência da Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Processo de Engenharia

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

ENGENHARIA DE SOFTWARE Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - MÓDULO 2 - ANÁLISE DE REQUISITOS DE SOFTWARE APLICATIVO 1. INTRODUÇÃO Entender os requisitos de um problema está entre as tarefas mais difíceis na construção de um software. Na maioria das vezes o cliente

Leia mais

Levantamento, Análise e Gestão Requisitos. Aula 04

Levantamento, Análise e Gestão Requisitos. Aula 04 Levantamento, Análise e Gestão Requisitos Aula 04 Agenda Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Modelagem Visual Síntese Histórica da UML Conceitos da UML Notações da UML Diagramas Estruturais Diagramas

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. UML-Unified Modeling Language Linguagem de Modelagem Unificada

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. UML-Unified Modeling Language Linguagem de Modelagem Unificada Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE UML-Unified Modeling Language Linguagem de Modelagem Unificada Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução a linguagem UML

Leia mais

ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens

ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens Modelagem Estática UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas Especialização Engenharia de Software - INF318/2011 Equipe Aline Gomes André Rodrigues Fonseca Diego

Leia mais

Engenharia de Requisitos Estudo de Caso

Engenharia de Requisitos Estudo de Caso Engenharia de Requisitos Estudo de Caso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2007 Slide 1 Engenharia de Requisitos Exemplo 1 Reserva de Hotel 1. INTRODUÇÃO Este

Leia mais

Modelos de Sistemas Leitura: Sommerville; Pressman

Modelos de Sistemas Leitura: Sommerville; Pressman Modelos de Sistemas Leitura: Sommerville; Pressman Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2007 Slide 1 Objetivos Explicar por que é importante modelar o contexto de

Leia mais

UML Itens Estruturais - Interface

UML Itens Estruturais - Interface Itens Estruturais - Interface Coleção de operações que especificam serviços de uma classe ou componente Descreve o comportamento visível externamente Raramente aparece sozinha. Em geral vem anexada à classe

Leia mais

2 Diagrama de Caso de Uso

2 Diagrama de Caso de Uso Unified Modeling Language (UML) Universidade Federal do Maranhão UFMA Pós Graduação de Engenharia de Eletricidade Grupo de Computação Assunto: Diagrama de Caso de Uso (Use Case) Autoria:Aristófanes Corrêa

Leia mais

Professor: Curso: Disciplina: Aula 4-5-6

Professor: Curso: Disciplina: Aula 4-5-6 Professor: Curso: Disciplina: Aula 4-5-6 Turma: Esp. Marcos Morais de Sousa Sistemas de informação Engenharia de Software I Engenharia de Requisitos 03º semestre 1 Engenharia de Requisitos Prof. Marcos

Leia mais

Diretrizes de Qualidade de Projetos

Diretrizes de Qualidade de Projetos Diretrizes de Qualidade de Projetos Versão 1.5 MAPA/SE/SPOA/CGTI, 2012 Página 1 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 15/01/2012 1.0 Criação do Artefato Pérsio Mairon 10/03/2012 1.1 Inclusão

Leia mais

A Linguagem de Modelagem Unificada (UML)

A Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Aécio Costa A Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Percebeu-se a necessidade de um padrão para a modelagem de sistemas, que fosse aceito e utilizado amplamente. Surge a UML (Unified Modeling Language)

Leia mais

TERMO DE ABERTURA DO PROJETO TAP. Identificação do Projeto

TERMO DE ABERTURA DO PROJETO TAP. Identificação do Projeto TERMO DE ABERTURA DO PROJETO TAP Identificação do Projeto Projeto Gerenciamento e Controle da Cozinha dos Bolsistas Unidade demandante Lara Popov Zambiasi Bazzi Oberderfer Gestor do projeto Beatriz Carla

Leia mais

Diagrama de Caso de Uso e Diagrama de Sequência

Diagrama de Caso de Uso e Diagrama de Sequência Diagrama de Caso de Uso e Diagrama de Sequência Milena Alexandre dos Santos Baesso (Mestranda em Engenharia Elétrica) Agenda Ciclo de Vida de um Sistema A Fase de Análise Análise Orientada à Objetos Diagramas

Leia mais

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Sistemas de Informação e Tecnologia em 3º Semestre Análise Orientada aos Objetos Modelagem de Casos de Uso Objetivo: Apresentar

Leia mais

Modelagem de Processos. Prof.: Fernando Ascani

Modelagem de Processos. Prof.: Fernando Ascani Modelagem de Processos Prof.: Fernando Ascani Bibliografia UML Guia de consulta rápida Douglas Marcos da Silva Editora: Novatec UML Guia do usuário Grady Booch James Rumbaugh Ivair Jacobson Editora: Campus

Leia mais

Engenharia Requisitos Estudo de caso

Engenharia Requisitos Estudo de caso Engenharia Requisitos Estudo de caso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Sistema de Matricula Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição

Leia mais

MODELAGEM VISUAL DE OBJETOS COM UML DIAGRAMA DE CLASSES. lucelia.com@gmail.com

MODELAGEM VISUAL DE OBJETOS COM UML DIAGRAMA DE CLASSES. lucelia.com@gmail.com MODELAGEM VISUAL DE OBJETOS COM UML DIAGRAMA DE CLASSES lucelia.com@gmail.com Externamente ao sistema, os atores visualizam resultados de cálculos, relatórios produzidos, confirmações de requisições solicitadas,

Leia mais

Documento de Requisitos

Documento de Requisitos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Documento de Requisitos Projeto de Promoções Dirigidas em Shoppings Equipe: Professora: Carla Taciana (ctlls@cin.ufpe.br)

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS CURSO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MATRIZ(ES) CURRICULAR(ES): 2011 ALTERAÇÕES PASSAM A VIGORAR A PARTIR DO SEMESTRE: 2015.1 Banco de Dados I Estudo dos aspectos de modelagem

Leia mais

E-Commerce Master. Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM

E-Commerce Master. Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM E-Commerce Master Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM Histórico de revisões Versão Data Autor Descrição Localização 1.0 05/06/2013 Thyago Ferreira 1.0 05/06/2013 Vilmar de Sousa

Leia mais

Modelagem de Software Prof. Flávio de Oliveira Silva, Ph.D.

Modelagem de Software Prof. Flávio de Oliveira Silva, Ph.D. UML Diagramas Um diagrama é a apresentação gráfica de um conjunto de elementos, onde os vértices são ITENS e os arcos RELACIONAMENTOS UML 2.0 possui os seguintes diagramas: Diagrama de Classes (Class Diagram)

Leia mais

Carlos Rafael Guerber. Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia

Carlos Rafael Guerber. Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia Carlos Rafael Guerber Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia MAFRA 2009 Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia RESUMO Criar uma modelagem

Leia mais

Histórico da Revisão. Data Versão Descrição Autor

Histórico da Revisão. Data Versão Descrição Autor Sistema de Gerenciamento de Loja - SIGEL Documento de Visão Versão 1.0.0 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 13/01/2011 0.1 Versão preliminar do levantamento de requisitos funcionais e não

Leia mais

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade;

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; 1 ARQUITETURA E DESIGN DE SOFTWARE O que é Arquitetura? do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; do dicionário: Arte de projetar e construir prédios,

Leia mais

MODELAGEM DO SISTEMA: DIAGRAMA DE ATIVIDADES

MODELAGEM DO SISTEMA: DIAGRAMA DE ATIVIDADES COLÉGIO ESTADUAL ULYSSES GUIMARÃES CURSO TÉCNICO PROFISSIONALIZANTE EM INFORMÁTICA ERINALDO SANCHES NASCIMENTO MODELAGEM DO SISTEMA: DIAGRAMA DE ATIVIDADES FOZ DO IGUAÇU 2013 LISTA DE FIGURAS FIGURA 1

Leia mais

Modelos de Sistemas Casos de Uso

Modelos de Sistemas Casos de Uso Modelos de Sistemas Casos de Uso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Casos de Uso Objetivos Principais dos Casos de Uso: Delimitação do contexto de

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (Versão 2.0)

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (Versão 2.0) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL DEPARTAMENTO NACIONAL DE OBRAS CONTRA AS SECAS Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (Versão 2.0) 1 Sumário 1Introdução... 5 1.1 Objetivo...

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

Engenharia de Software Unidade IX Análise Essencial Abordagem Básica

Engenharia de Software Unidade IX Análise Essencial Abordagem Básica Engenharia de Software Unidade IX Análise Essencial Abordagem Básica franciscogerson10@gmail.com Prof. rancisco Gerson A. de Meneses Conteúdo Programático Introdução Comparação (Estruturada / Essencial)

Leia mais

Lógica e Programação Java

Lógica e Programação Java Lógica e Programação Java Agenda Orientação a Objetos Parte 2 UML (software astah) Diagramas Estruturais Diagramas Comportamentais Diagramas de Interação astah Diagrama de Classes Antigo Jude Versão Community

Leia mais

QUESTÕES PROVA 2 (28 a 44)

QUESTÕES PROVA 2 (28 a 44) QUESTÕES PROVA 2 (28 a 44) 28) A orientação a objetos é uma forma abstrata de pensar um problema utilizando-se conceitos do mundo real e não, apenas, conceitos computacionais. Nessa perspectiva, a adoção

Leia mais

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe:

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe: Versão Documento de Requisitos Documento de Requisitos Equipe: Bruno Harada (bhhc) Edilson Augusto Junior (easj) José Ivson Soares da Silva (jiss) Pedro Rodolfo da Silva Gonçalves (prsg) Raphael

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica

Pontifícia Universidade Católica Pontifícia Universidade Católica Curso de Professor Rodrigues Neto Trabalho de Modelagem 2003.3 Turma A (Centro) Gerenciamento das Atividades da Pet Shop Boys Grupo: Evaldo Porto evaldoporto@ig.com.br

Leia mais

4 Desenvolvimento da ferramenta

4 Desenvolvimento da ferramenta direcionados por comportamento 38 4 Desenvolvimento da ferramenta Visando facilitar a tarefa de documentar requisitos funcionais e de gerar testes automáticos em uma única ferramenta para proporcionar

Leia mais

Modelo Ambiental: Define as fronteiras entre o sistema e o resto do mundo.

Modelo Ambiental: Define as fronteiras entre o sistema e o resto do mundo. Módulo 4 Análise Essencial O modelo de análise essencial apresenta o sistema em um grau de abstração completamente independente de restrições tecnológicas. Ele descreve quais os requisitos que um sistema

Leia mais

UML. Gilleanes T. A. Guedes. uma abordagem prática. Novatec

UML. Gilleanes T. A. Guedes. uma abordagem prática. Novatec UML uma abordagem prática Gilleanes T. A. Guedes Novatec Sumário Agradecimentos...15 Sobre o autor...15 Prefácio...16 Capítulo 1 Introdução à UML...18 1.1 Breve Histórico da UML... 18 1.2 Por Que Modelar

Leia mais

UML Diagramas Estruturais Classes

UML Diagramas Estruturais Classes Classes Mostra um conjunto de classes, interfaces e colaborações bem como seus relacionamentos O diagrama de classes representa aspectos estruturais de um software No uso da Orientação a Objetos em última

Leia mais

Casos de Uso. Viviane Torres da Silva viviane.silva@ic.uff.br. http://www.ic.uff.br/~viviane.silva/2012.1/es1

Casos de Uso. Viviane Torres da Silva viviane.silva@ic.uff.br. http://www.ic.uff.br/~viviane.silva/2012.1/es1 Casos de Uso Viviane Torres da Silva viviane.silva@ic.uff.br http://www.ic.uff.br/~viviane.silva/2012.1/es1 O que é? Uma técnica para capturar requisitos funcionais Descreve o sistema sob a perspectiva

Leia mais

UML e a Ferramenta Astah. Profa. Reane Franco Goulart

UML e a Ferramenta Astah. Profa. Reane Franco Goulart UML e a Ferramenta Astah Profa. Reane Franco Goulart História da UML o Percebeu-se a necessidade de um padrão para a modelagem de sistemas, que fosse aceito e utilizado amplamente. o Alguns esforços nesse

Leia mais

Desenvolvimento de uma Etapa

Desenvolvimento de uma Etapa Desenvolvimento de uma Etapa A Fase Evolutiva do desenvolvimento de um sistema compreende uma sucessão de etapas de trabalho. Cada etapa configura-se na forma de um mini-ciclo que abrange as atividades

Leia mais

Princípios de modelagem de Domínio e Projeto(design) de Software Parte 2

Princípios de modelagem de Domínio e Projeto(design) de Software Parte 2 Princípios de modelagem de Domínio e Projeto(design) de Software Parte 2 Prof. Gustavo Willam Pereira ENG10082 Programação II Créditos: Prof. Clayton Vieira Fraga Filho Análise de Casos de Uso (continuação)

Leia mais

Casos de Uso. Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software

Casos de Uso. Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software Um caso de uso descreve o que seu sistema faz para atingir determinado objetivo

Leia mais