Projecad Projetos para Ferramentaria S/S Ltda.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projecad Projetos para Ferramentaria S/S Ltda. projecad@projecad.net.br"

Transcrição

1 Projecad Projetos para Ferramentaria S/S Ltda.

2 CONCEITO A ProjeCad é uma empresa de design profissional multidisciplinar especializada em projetos, planejamentos e processos. No trabalho com nossos clientes, podemos aproveitar mudanças, aplicar conhecimentos e criar oportunidades. Estamos sempre buscando nas novas tecnologias as ferramentas mais avançadas para atender as necessidades de forma rápida, alinhando eficiência, precisão e otimização de custos. Mantendo-nos sempre atualizado, podemos orientar e antecipar as forças dinâmicas das mudanças que são inerentes ao desenvolvimento de novos projetos e aprimoramento dos existentes. A prioridade é oferecer a melhor alternativa em projeto, procurando antecipar os resultados das ações, juntamente com o menor custo no processo.

3 Atuamos nos mais diversos ramos de atividades, tais como: metal-mecânica, mineração, papel e celulose e extração de recursos hídricos e carbonetos, onde participamos em projetos de:. Equipamento: Ciclones, Resfriadores, Tratamentos Térmicos, filtros e separadores;. Máquina: Sistemas Automáticos de Produção (tornos e Retificas), transportadores e empacotamento;. Instalação Industrial: Estruturas Metálicas, fundamento civis, instalações de máquinas e equipamento;. Tubulação: linha de transporte de coque de petróleo, óleo 7A e de água para resfriamento. Fazendo-nos presente em todos os segmentos do mercado produtivo.

4 Mudanças podem ser inevitáveis, se bem programadas trazem objetividade e rapidez. Nossa equipe está focada na dinâmica do trabalho buscando: Pesquisa Estudo Conhecimento Planejamento Desenvolvimento Aplicação Suporte Tendo como meta a responsabilidade de alcançarmos os melhores resultados em nossa proposta de trabalho

5 ESTRUTURAS METÁLICAS Utilizando cálculo estrutural por elementos finitos com as mais modernas tecnologias disponíveis no mercado podemos desenvolver alternativas de projetos, obtendo as melhores soluções, propiciando de maneira segura a aplicação/preparação das outras etapas. Memorial de cálculo Projetos Parametrizados Lista de materiais Desenho de fabricação, baseados em normas brasileiras (ABNT) e estrangeiras (ASTM, DIN e ISO)

6 EQUIPAMENTOS PROJETOS BÁSICOS Desenvolvimento de soluções e identificações de necessidades e ajustes, compartilhada com o cliente conseguimos de forma rápida e dinâmica fornecer uma visão global e ao mesmo tempo, detalhada do desempenho do sistema proposto, buscando alternativas técnicas e adequadas visando os melhores resultados para o projeto. Cálculo, Dimensionamento e Projeto Seleção de componentes normalizados Modelagem Detalhamento Mecânico Simulação Computacional Processo Produtivo

7 TUBULAÇÃO A partir das definições do cliente, desenvolvemos a instalação completa ou isolada para distribuição de gases, óleos, vapores, lubrificantes e demais líquidos industriais. Sabendo-se que a proporção em uma instalação, à tubulação representa 70% do custo dos equipamentos; ou 25% do custo total, desenvolvemos os projetos com os melhores recursos disponíveis do mercado para redução desses custos. Executamos todas as fases do projeto, desde o fluxograma até a montagem e do levantamento até a modificação (AS BUILT). Dimensionamento do fluxo Dimensionamento e Projeto de Equipamentos Cálculo de Flexibilidade Cálculos dos pesos, forças de atrito e esforço de ancoragem. Cálculos de Suportação Cálculos de sistema de aquecimento e isolamento térmico Isométricos e Lista de Materiais

8 CLIENTES VOITH Paper Máquinas e Equipamentos Ltda. Projetos de Plataformas e Passadiços de Equipamentos Projetos de Instalações Industriais de Equipamentos Projetos de Monovia de Manutenção Smedley Company - USA Projeto de Grua Torre (Tower Crane) JCB Construction Equipment Projeto de buckets MERI Sistemas e Tecnologia Ltda. Projetos de Estruturas Metálicas, passadiços e escadas Projetos de Transportadores de correia e helicoidais DESGA Ambiental Ltda. Projetos de Estruturas Metálicas Vaso de Pressão (cálculos, projeto e detalhamento) Instalações de equipamentos e guias civis GUARUJÁ Equipamentos para Saneamento Ltda. Projetos e dimensionamento de Equipamentos para Tratamentos de Água e Esgoto Projetos e dimensionamento de Transportadores de correia e helicoidais

9 CLIENTES C. GRECO Térmica e Fluidos Consultoria Ltda. Projetos de sistema de tratamento de gases ou material particulado; Projetos de Transportadores de correia, canecas e helicoidais; Projetos de equipamentos de processo: misturadores, desidratadores, fornos, secadores, etc. KHS Máquinas S.A. Projeto de máquinas continua de enchimento de líquidos gaseificados;. Projetos de máquinas de paletização e despaletização de garrafas; Projetos de esteira transportadora de vasilhames. COMBUSTOL Indústria e Comércio Ltda. Projetos de máquinas: fornos contínuos, lavadores e beneficiamento FABRIMA Máquinas Automáticas Ltda. Projeto de Balança sincronizada com a empacotadeira para indústria alimentícia; Projeto de encartuchadeiras vertical semiautomática para indústria farmacêutica; Projeto de adaptação do semiautomático para a utilização de robô. Forjas TAURUS S.A. Projetos de dispositivos de usinagem e de controle de qualidade. Motores Elétricos Brasil Ltda. Projetos de Tornos Automáticos, Retificadoras, Rebobinadores. Projetos de Sistema de Montagem e testes de motores.

10 Contatos: Projecad Ltda. José Antônio Clemente Av. Dr. Vieira de Carvalho, 39 Cj São Paulo - SP

Estudo de Caso Transportador de Correias

Estudo de Caso Transportador de Correias Universidade Federal da Bahia Departamento de Engenharia Mecânica ENG-320- Transportes Mecânicos Prof. Roberto Sacramento Estudo de Caso Transportador de Correias Alunos: Leonardo Passos Marcelo Gomes

Leia mais

Tabela 1 Matriz Curricular disciplinas do 1º ao 4º período.

Tabela 1 Matriz Curricular disciplinas do 1º ao 4º período. Tabela 1 Matriz Curricular disciplinas do 1º ao 4º período. Período MEC001 Introdução à Engenharia Mecânica 2 30 30 MEC002 Cálculo I 6 90 90 MEC003 Geometria Analítica 1º MEC004 Química Geral e Experimental

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

Alfredo Cunha Filho - CEO. Cada operação está estrategicamente focada a fim de criar, desenvolver e construir soluções práticas e eficazes.

Alfredo Cunha Filho - CEO. Cada operação está estrategicamente focada a fim de criar, desenvolver e construir soluções práticas e eficazes. Tiragem: Jul/2015 Palavra do CEO Nós implantamos uma estratégia para as nossas quatro unidades operacionais - componentes e acessórios, correntes termoplásticas e esteiras modulares, perfilados plásticos

Leia mais

Universidade do Grande Rio Prof. José de Souza Herdy ESCOLA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA - ECT

Universidade do Grande Rio Prof. José de Souza Herdy ESCOLA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA - ECT Universidade do Grande Rio Prof. José de Souza Herdy ESCOLA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA - ECT PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA CIVIL (EXTRATO) Duque de Caxias 2016 Objetivos do Curso

Leia mais

11 2781-9270, 2781-2854 ou 2359-8015 vendas@novaeraambiental.com.br. www.novaeraambiental.com.br +55 11 2781-9270

11 2781-9270, 2781-2854 ou 2359-8015 vendas@novaeraambiental.com.br. www.novaeraambiental.com.br +55 11 2781-9270 11 2781-9270, 2781-2854 ou 2359-8015 vendas@novaeraambiental.com.br Empresa Fundada em 1993 pelo engenheiro químico Dr. Elso Vitoratto, a Nova Era Ambiental - Equipamentos e Serviços Ltda, presta serviços

Leia mais

Cogeração A Gás Natural

Cogeração A Gás Natural Cogeração A Gás Natural 1- Definição A co-geração é definida como o processo de produção combinada de calor útil e energia mecânica, geralmente convertida total e parcialmente em energia elétrica, a partir

Leia mais

PLANO DE CURSO RESUMIDO III. PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO DOS EGRESSOS DO CURSO

PLANO DE CURSO RESUMIDO III. PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO DOS EGRESSOS DO CURSO PLANO DE CURSO RESUMIDO CURSO Montador de Andaimes CBO 7155-45 COD-SGE 014.059 MODALIDADE Qualificação Profissional Área Tecnológica Construção Civil CARGA HORÁRIA 180 horas ITINERÁRIO Regional I. OBJETIVO

Leia mais

P L A N E J A M E N T O D E P R O C E S S O

P L A N E J A M E N T O D E P R O C E S S O P L A N E J A M E N T O D E P R O C E S S O 3 Planejamento de Procesos de Fabricação O Planejamento do processo é a ligação entre a engenharia do produto e a manufatura. Diz respeito à seleção dos processos

Leia mais

ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX MSN

ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX MSN ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX MSN CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Os acoplamentos MADEFLEX MSN são compostos por dois cubos simétricos de ferro fundido nodular, e um elemento poliuretano alojado entre eles

Leia mais

ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX GR (COM GARRAS)

ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX GR (COM GARRAS) ACOPLAMENTOS ELÁSTICOS MADEFLEX GR (COM GARRAS) CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Os acoplamentos MADEFLEX GR são compostos por dois cubos simétricos de ferro fundido cinzento, e um elemento elástico alojado entre

Leia mais

ACOPLAMENTO ELÁSTICO MADEFLEX MN

ACOPLAMENTO ELÁSTICO MADEFLEX MN CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Os acoplamentos são compostos por dois cubos simétricos de ferro fundido cinzento, e um elemento elástico alojado entre eles, de borracha sintética de elevada resistência a abrasão.

Leia mais

Universidade Paulista Unip

Universidade Paulista Unip Elementos de Produção de Ar Comprimido Compressores Definição Universidade Paulista Unip Compressores são máquinas destinadas a elevar a pressão de um certo volume de ar, admitido nas condições atmosféricas,

Leia mais

Rudloff: Tradição, Agilidade e Experiência

Rudloff: Tradição, Agilidade e Experiência Rudloff: Tradição, Agilidade e Experiência Imagem Aérea da Empresa Pátio Fabril Usinagem Horta Comunitária Pátio Fabril Engenharia Cursos In Company ministrados pelo SENAI A Rudloff foi fundada em 1960,

Leia mais

ACOPLAMENTO ELÁSTICO MADEFLEX CR (COM CRUZETA)

ACOPLAMENTO ELÁSTICO MADEFLEX CR (COM CRUZETA) ACOPLAMENTO ELÁSTICO MADEFLEX CR (COM CRUZETA) CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Os acoplamentos MADEFLEX CR são compostos por dois cubos simétricos de ferro fundido cinzento, e um elemento elástico alojado entre

Leia mais

Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1

Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1 Prefácio Estrutura do livro Informações complementares aos leitores Parte I - Conceitos, origens, contexto dos estudos e tendências da administração, 1 Apresentação, 3 1 Conceitos, Origens e Consolidação

Leia mais

FABRICAÇÃO E REVENDA DE SISTEMAS DE LUBRIFICAÇÃO

FABRICAÇÃO E REVENDA DE SISTEMAS DE LUBRIFICAÇÃO FABRICAÇÃO E REVENDA DE SISTEMAS DE LUBRIFICAÇÃO P R O D U T O S S E R V I Ç O S S O LU Ç Õ E S Sistema Progressivo Aplicações: Máquinas em geral. Características: Alto grau de eficiência e segurança.

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos - SP Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em Mecânica

Leia mais

Centro de Seleção/UFGD Técnico em Refrigeração ==Questão 26==================== Assinale a alternativa que define refrigeração.

Centro de Seleção/UFGD Técnico em Refrigeração ==Questão 26==================== Assinale a alternativa que define refrigeração. Técnico em Refrigeração ==Questão 26==================== Assinale a alternativa que define refrigeração. (A) O movimento de energia de frio dentro de um espaço onde ele é necessário. (B) A remoção de calor

Leia mais

TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE

TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE 1. TURNO: Noturno MODALIDADE: Saneamento ÁREA: Meio Ambiente e Tecnologia da Saúde GRAU ACADÊMICO: Tecnólogo em Meio Ambiente PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 3 anos Máximo =

Leia mais

Aula 17 Projetos de Melhorias

Aula 17 Projetos de Melhorias Projetos de Melhorias de Equipamentos e Instalações: A competitividade crescente dos últimos anos do desenvolvimento industrial foi marcada pela grande evolução dos processos produtivos das indústrias.

Leia mais

Desenvolvimento de Tecnologia

Desenvolvimento de Tecnologia PORTFÓLIO A Empresa A EME-Fibras, presente no mercado desde 1998, atua como aliada de empresas com conscientização ecológica, que se preocupam com a degradação do meio ambiente e preservação da água. Com

Leia mais

COMUNICADO TÉCNICO Nº 54 NOVA CAIXA DE MEDIÇÃO FABRICADA EM POLICARBONATO PARA LIGAÇÕES INDIVIDUAIS E COLETIVAS

COMUNICADO TÉCNICO Nº 54 NOVA CAIXA DE MEDIÇÃO FABRICADA EM POLICARBONATO PARA LIGAÇÕES INDIVIDUAIS E COLETIVAS COMUNICADO TÉCNICO Nº 54 NOVA CAIXA DE MEDIÇÃO FABRICADA EM POLICARBONATO PARA LIGAÇÕES INDIVIDUAIS E COLETIVAS Diretoria de Planejamento e Engenharia Gerência de Engenharia da Distribuição 1. OBJETIVO

Leia mais

ESTUDO ORGANIZACIONAL REORGANIZAÇÃO FASES DA REORGANIZAÇÃO

ESTUDO ORGANIZACIONAL REORGANIZAÇÃO FASES DA REORGANIZAÇÃO ESTUDO ORGANIZACIONAL 1 REORGANIZAÇÃO Meta: sinergia Momento certo: Elevados custos Problemas com pessoal Baixo nível de qualidade dos produtos Baixa competitividade do mercado Dificuldade de crescimento

Leia mais

CURSO TÉCNICO EM MECÂNICA

CURSO TÉCNICO EM MECÂNICA CURSO TÉCNICO EM MECÂNICA O Curso Técnico de Nível Médio em Mecânica, Eixo Tecnológico Controle e Processos Industriais são organizados em 3 módulos de 400 horas. Ao final do curso, 400 horas de estágio

Leia mais

Soluções para AGRO NEGÓ CIOS. Rua José Epaminondas de Oliveira, 144 - Tatuapé São Paulo - SP - 03072.080 T. 11 2941.3454 www.teccalor.com.

Soluções para AGRO NEGÓ CIOS. Rua José Epaminondas de Oliveira, 144 - Tatuapé São Paulo - SP - 03072.080 T. 11 2941.3454 www.teccalor.com. Soluções para AGRO NEGÓ CIOS Rua José Epaminondas de Oliveira, 144 - Tatuapé São Paulo - SP - 03072.080 T. 11 2941.3454 www.teccalor.com.br NOSSOS REPRESENTANTES BAHIA Termik Sistemas Térmicos Responsável:

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA INTEGRIDADE ESTRUTURAL DAS INSTALAÇÕES TERRESTRES DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL (RTSGI)

REGULAMENTO TÉCNICO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA INTEGRIDADE ESTRUTURAL DAS INSTALAÇÕES TERRESTRES DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL (RTSGI) REGULAMENTO TÉCNICO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA INTEGRIDADE ESTRUTURAL DAS INSTALAÇÕES TERRESTRES DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL (RTSGI) ÍNDICE CAPÍTULO 1 DISPOSIÇÕES GERAIS 1. Introdução...

Leia mais

Sistemas para a eliminação de água Causas da contaminação por água Quando um fluido operacional apresenta este aspecto (1)... em 99% dos casos existe água na instalação hidráulica. As causas muitas vezes

Leia mais

Grade Curricular - Engenharia Aeronáutica

Grade Curricular - Engenharia Aeronáutica Grade Curricular - Engenharia Aeronáutica SEMESTRE 1 - Obrigatórias FCM0101 Física I 6 0 6 FFI0180 Laboratório de Física Geral I SCE0103 Introdução à Ciência da Computação 2 2 4 SMA0300 Geometria Analítica

Leia mais

CAERN. Descrição de Perfis

CAERN. Descrição de Perfis 04 Nível: Médio/Técnico Reporte: Engenheiro Sumário Executar atividades de apoio ao cadastro comercial, projetos, fiscalização e acompanhamento de obras de saneamento básico, manutenção de equipamentos

Leia mais

Filtrando ideias, criando inovações

Filtrando ideias, criando inovações Filtrando ideias, criando inovações Empresa QUEM SOMOS A Apexfil é uma empresa cuja a tecnologia foi desenvolvida para perfeita atuação no mercado de filtração para sistemas de lubrificação hidráulico,

Leia mais

Portfólio. www.vortice.com.br

Portfólio. www.vortice.com.br Portfólio 2012 www.vortice.com.br A EMPRESA Fundada em 1996, a VÓRTICE Engenharia de Projetos SS Ltda. tem como objetivo elaborar projetos de engenharia no segmento industrial. A VÓRTICE busca constantemente

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1º semestre

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1º semestre Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico 1º semestre ETEC Dr. Júlio Cardoso Código: 078 Município: Franca/SP Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

Todos nossos cursos são preparados por mestres e profissionais reconhecidos no mercado, com larga e comprovada experiência em suas áreas de atuação.

Todos nossos cursos são preparados por mestres e profissionais reconhecidos no mercado, com larga e comprovada experiência em suas áreas de atuação. Curso Formação Efetiva de Analístas de Processos Curso Gerenciamento da Qualidade Curso Como implantar um sistema de Gestão de Qualidade ISO 9001 Formação Profissional em Auditoria de Qualidade 24 horas

Leia mais

Gestão de impactos sociais nos empreendimentos Riscos e oportunidades. Por Sérgio Avelar, Fábio Risério, Viviane Freitas e Cristiano Machado

Gestão de impactos sociais nos empreendimentos Riscos e oportunidades. Por Sérgio Avelar, Fábio Risério, Viviane Freitas e Cristiano Machado Gestão de impactos sociais nos empreendimentos Riscos e oportunidades Por Sérgio Avelar, Fábio Risério, Viviane Freitas e Cristiano Machado A oferta da Promon Intelligens considera o desenvolvimento de

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 15:02. Centro de Ciências Tecnológicas Curso:

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 15:02. Centro de Ciências Tecnológicas Curso: Centro de Ciências Tecnológicas Curso: Engenharia Química (Noturno) Ano/Semestre: 11/1 9/5/11 15: s por Curso EQU.7.1.1-5 FIS...-7 MAT.7.1.1-3 MAT.9.1.-7 MAT.9..9- MAT.9.3.- MAT.9..-3 EDU.5..- EQU...-9

Leia mais

SENAI - CE Centro de Educação e Tecnologia Alexandre Figueira Rodrigues - CET AFR

SENAI - CE Centro de Educação e Tecnologia Alexandre Figueira Rodrigues - CET AFR Unidade Escolar CNPJ Razão Social Nome de Fantasia Esfera Administrativa Endereço (Rua, No) Cidade/UF/CEP Telefone/Fax E-mail de Contato Site da Unidade Área do Plano 03.768.202/0007-61 SEI - Centro de

Leia mais

METODOLOGIA DA PESQUISA (20 horas/aula) Objetivo: Apoiar, auxiliar e estimular a elaboração da monografia de conclusão do curso.

METODOLOGIA DA PESQUISA (20 horas/aula) Objetivo: Apoiar, auxiliar e estimular a elaboração da monografia de conclusão do curso. EMENTA DAS DISCIPLINAS PARA O EDITAL N.º 002/2012 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS GRADUAÇÃO DE ENGENHARIA DE PROCESSOS UPSTREAM E ENGENHARIA DE PROCESSAMENTO DE GÁS NATURAL, DA ESCOLA DE

Leia mais

Anexo VI - Memorial Para Sistemas Mecânicos (Elevador)

Anexo VI - Memorial Para Sistemas Mecânicos (Elevador) Anexo VI - Memorial Para Sistemas Mecânicos (Elevador) Nota: As especificações técnicas abaixo são um modelo a ser adaptado para cada caso. ELEVADOR ELÉTRICO AUTOMÁTICO PARA TRANSPORTE DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Leia mais

Apresentação Comercial Março/2013 TRATAMENTO DE ÁGUA E EFLUENTES

Apresentação Comercial Março/2013 TRATAMENTO DE ÁGUA E EFLUENTES Apresentação Comercial Março/2013 TRATAMENTO DE ÁGUA E EFLUENTES Atualmente, 1/3 da população mundial sofre escassez de água. Em 2050, mais de 2/3 da população mundial sofrerá deste problema! [ ] É consenso

Leia mais

Industrial Welding Course

Industrial Welding Course EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA O que é O decreto n.2.494/98 a define como uma forma de ensino que possibilita a auto- aprendizagem, com a medição de recursos didáticos sistematicamente organizados, apresenta- dos

Leia mais

COMISSIONAMENTO DE UNIDADES INDUSTRIAIS, FUNDAMENTOS E PRÁTICAS

COMISSIONAMENTO DE UNIDADES INDUSTRIAIS, FUNDAMENTOS E PRÁTICAS COMISSIONAMENTO DE UNIDADES INDUSTRIAIS, FUNDAMENTOS E PRÁTICAS Antonio Prates 1, Luciano Gaete 1, Paulo Garcia de Souza 2 1 Forship Engenharia, 2 ProxyBiz Business Platform. Introdução O comissionamento

Leia mais

Especializados na concepção e produção sob medida de equipamentos de secagem, resfriamento e processamento térmico para a indústria.

Especializados na concepção e produção sob medida de equipamentos de secagem, resfriamento e processamento térmico para a indústria. Especializados na concepção e produção sob medida de equipamentos de secagem, resfriamento e processamento térmico para a indústria. Thermal processing solutions Especialistas em processos térmicos A Ingetecsa

Leia mais

Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético

Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético C. Penna, A. P. C. Paraguassu, C. M. Matos ENERSUL; I. S. Escobar

Leia mais

AGROPEC Consultoria LTDA

AGROPEC Consultoria LTDA Curso Intensivo Elaboração Projeto de Fabricação de Ração Organizado por Agropec Consultoria Ltda Problemática: Nos diagnósticos que fazemos nas mais diferentes empresas, mais da metade dos motivos ou

Leia mais

Aperfeiçoe o desempenho do injetor no refino de petróleo

Aperfeiçoe o desempenho do injetor no refino de petróleo Bicos de Controle de Análise de Fabricação de pulverizadores Aperfeiçoe o desempenho do injetor no refino de petróleo Tecnologia de injetores: Crítica para dúzias de operações de refino Injetores, às vezes

Leia mais

PLANO DE CARGOS, CARREIRA E REMUNERAÇÕES PCCR. Carreira Técnica Previdenciária. - Síntese -

PLANO DE CARGOS, CARREIRA E REMUNERAÇÕES PCCR. Carreira Técnica Previdenciária. - Síntese - PLANO DE CARGOS, CARREIRA E REMUNERAÇÕES PCCR Carreira Técnica Previdenciária - Síntese - - APRESENTAÇÃO - CRITÉRIOS PARA ADMISSÃO E PROGRESSÃO NA CARREIRA TÉCNICA PREVIDENCIÁRIA - TABELAS SALARIAIS -

Leia mais

MILLS, UMA HISTÓRIA ENTRELAÇADA AO DESENVOLVIMENTO DO BRASIL.

MILLS, UMA HISTÓRIA ENTRELAÇADA AO DESENVOLVIMENTO DO BRASIL. MILLS, UMA HISTÓRIA ENTRELAÇADA AO DESENVOLVIMENTO DO BRASIL. CONSTRUÇÃO SERVIÇOS INDUSTRIAIS JAHU RENTAL Fundada em 1952, a Mills tornou-se líder na prestação de serviços e soluções de engenharia nas

Leia mais

Empresa Produtos / Atividades Cooperação desejada Grupo alvo

Empresa Produtos / Atividades Cooperação desejada Grupo alvo Würth Elektronic eisos GmbH & Co. KG Ano de fundação: 2002 Empregados: 4.700 Indústria elétrica e eletrônica Componentes eletrônicos Produtos e Serviços: Componentes EMV Indutividades Transmissores Componentes

Leia mais

USINA DE ASFALTO CONTRAFLUXO Série KOMPAKT

USINA DE ASFALTO CONTRAFLUXO Série KOMPAKT USINA DE ASFALTO CONTRAFLUXO Série Todas as fotos, ilustrações e especificações estão baseadas em informações vigentes na data da aprovação desta publicação. A Ciber Equipamentos Rodoviários Ltda. se reserva

Leia mais

Sumário DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO 15.1.28. Sistemas Mecânica Escadas Rolantes

Sumário DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO 15.1.28. Sistemas Mecânica Escadas Rolantes http://www.bancodobrasil.com.br 1 DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO 15.1.28 Sistemas Mecânica Escadas Rolantes Sumário 1. OBJETIVO... 2 2. CONDIÇÕES GERAIS... 2 3. CONDIÇÕES ESPECÍFICAS... 4 4.

Leia mais

EXCELÊNCIA NOS DETALHES.

EXCELÊNCIA NOS DETALHES. EXCELÊNCIA NOS DETALHES. A SEA Engenharia é uma empresa com foco na prestação de serviços de execução, consultoria em instalações elétricas, mecânica e automação industrial. Nosso objetivo principal é

Leia mais

OTX Transportes. A Empresa

OTX Transportes. A Empresa 2013 PORTIFÓLIO A Empresa A OTX Transportes e Locação de Equipamentos Ltda é uma empresa especializada na prestação de serviços de transporte e movimentação horizontal e vertical de cargas, remoções técnicas,

Leia mais

NORMA DE REQUISITOS PARA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE OPERADORES DE COQUERIA

NORMA DE REQUISITOS PARA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE OPERADORES DE COQUERIA NORMA DE REQUISITOS PARA QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE OPERADORES DE COQUERIA N. º DOCUMENTO: PNCO-CQ-CS-002 1 1. OBJETIVO...4 2. APLICAÇÃO...4 3. NORMAS E/OU DOCUMENTOS COMPLEMENTARES...4 4. ABREVIATURAS

Leia mais

www.torcisao.ind.br Catálogo de Produtos

www.torcisao.ind.br Catálogo de Produtos www.torcisao.ind.br Catálogo de Produtos A TORCISÃO A Torcisão foi fundada em 1968, iniciando suas atividades na fabricação de peças para a indústria automobilística. Em 2006, o grupo se expandiu e fundou

Leia mais

DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL E PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO EM UMA (HIPOTÉTICA) INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GERSON SEABRA LUIZ FERNANDO MEDEIROS VERA ALONSO

DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL E PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO EM UMA (HIPOTÉTICA) INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GERSON SEABRA LUIZ FERNANDO MEDEIROS VERA ALONSO DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL E PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO EM UMA (HIPOTÉTICA) INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GERSON SEABRA LUIZ FERNANDO MEDEIROS VERA ALONSO MARCIA COSTA ERNESTO MICELI JANAINA S. ITABORAÍ EDVALDO

Leia mais

www.keelautomacao.com.br Linha KSDF Solução em corte CNC

www.keelautomacao.com.br Linha KSDF Solução em corte CNC Linha KSDF Solução em corte CNC Linha KSDF Solução em corte CNC Características Destinada ao processo de corte mecanizado de chapas aço carbono, inox, alumínio, ferro entre outros. Esta máquina foi desenvolvida

Leia mais

PLANEJAMENTO DIREÇÃO ORGANIZAÇÃO UM NOVO CONCEITO EM ERP

PLANEJAMENTO DIREÇÃO ORGANIZAÇÃO UM NOVO CONCEITO EM ERP ORGANIZAÇÃO PLANEJAMENTO DIREÇÃO UM NOVO CONCEITO EM ERP PATROCINADOR OFICIAL Presente nos maiores eventos do setor de Materiais de Construção UM NOVO CONCEITO EM ERP O Sistema GIX é a solução perfeita

Leia mais

Revista Científica INTERMEIO Faculdade de Ensino e Cultura do Ceará FAECE / Faculdade de Fortaleza - FAFOR

Revista Científica INTERMEIO Faculdade de Ensino e Cultura do Ceará FAECE / Faculdade de Fortaleza - FAFOR Departamentalização e os Principais Tipos Antonia Angélica Muniz dos Santos 7 Daniele Santos Lima e Silva 7 Edna Almeida Guimarães 7 RESUMO Este artigo tem como objetivo mostrar a departamentalização e

Leia mais

CICLO DE EVENTOS DE MOBILIZAÇÃO DA INDÚSTRIA DE DEFESA NO RS. Caxias do Sul - 17 de agosto

CICLO DE EVENTOS DE MOBILIZAÇÃO DA INDÚSTRIA DE DEFESA NO RS. Caxias do Sul - 17 de agosto CICLO DE EVENTOS DE MOBILIZAÇÃO DA INDÚSTRIA DE DEFESA NO RS Caxias do Sul - 17 de agosto SEMINÁRIO DE FORNECIMENTO PARA AS FORÇAS ARMADAS Agosto - 2015 Linha do Tempo - APL Metal Centro Planejamento

Leia mais

ANEXO I-A FICHA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO GRUPO GERENCIAL ANO: 1. Identificação AVALIADO Nome: Matrícula: Cargo: AVALIADOR Nome: Matrícula: Cargo:

ANEXO I-A FICHA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO GRUPO GERENCIAL ANO: 1. Identificação AVALIADO Nome: Matrícula: Cargo: AVALIADOR Nome: Matrícula: Cargo: ANEXO I-A FICHA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO GRUPO GERENCIAL ANO: 1. Identificação AVALIADO Unidade de Lotação: Local de Trabalho: AVALIADOR 2. Realização da avaliação 3. Período da Avaliação Pela chefia imediata

Leia mais

APLICAÇÃO DE UM SIMULADOR INDUSTRIAL COMO FERRAMENTA DE GESTÃO EM UMA REFINARIA DE ÓLEO DE SOJA

APLICAÇÃO DE UM SIMULADOR INDUSTRIAL COMO FERRAMENTA DE GESTÃO EM UMA REFINARIA DE ÓLEO DE SOJA 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 APLICAÇÃO DE UM SIMULADOR INDUSTRIAL COMO FERRAMENTA DE GESTÃO EM UMA REFINARIA DE ÓLEO DE SOJA José Maximiano Candido Neto 1, Wagner Andre dos Santos

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO AMBIENTAL TERMO DE REFERÊNCIA CONSULTORIA INDIVIDUAL

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO AMBIENTAL TERMO DE REFERÊNCIA CONSULTORIA INDIVIDUAL GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO AMBIENTAL TERMO DE REFERÊNCIA CONSULTORIA INDIVIDUAL ESPECIALISTA EM GESTÃO AMBIENTAL PARA APOIAR A UEP NA GESTÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES 1 E 2. UNIDADE

Leia mais

FERNANDES FARDIM. Inovações! Grandes Soluções! MÁXIMA EFICIÊNCIA EM SECAGEM DE GRÃOS. FERNANDES FARDIM. Novas soluções!

FERNANDES FARDIM. Inovações! Grandes Soluções! MÁXIMA EFICIÊNCIA EM SECAGEM DE GRÃOS. FERNANDES FARDIM. Novas soluções! FERNANDES FARDIM MÁXIMA EFICIÊNCIA EM SECAGEM DE GRÃOS. Inovações! Grandes Soluções! FERNANDES FARDIM Novas soluções! Segurança. Alta Qualidade. Novas Tecnologias. Robustez. Eficiência. FERNANDES FARDIM

Leia mais

NR 12 SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

NR 12 SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS NR 12 SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS NÚCLEO DE SEGURANÇA DO TRABALHO Giovane Motta de Castro Engenheiro de Segurança do Trabalho Coordenador do Núcleo de Segurança do Trabalho SENAI RS

Leia mais

Máquinas Óleo-hidráulicas Especiais de movimentação e elevação de carga

Máquinas Óleo-hidráulicas Especiais de movimentação e elevação de carga PUB-01.13 Máquinas Óleo-hidráulicas Especiais de movimentação e elevação de carga Óleo-hidráulica Industrial Ltda. Unidades e sistemas hidráulicos Unidades hidráulicas Projeto, reforma e fabricação de

Leia mais

Calandra de 4 Rolos modelo VRM

Calandra de 4 Rolos modelo VRM Calandra de 4 Rolos modelo VRM Sumário Construção de Máquinas é nossa Profissão com Criatividade e Paixão. Nós da HAEUSLER 3 Calandra de 4 Rolos 4 Particularidades da Calandra de 4 Rolos HAEUSLER Modelo

Leia mais

Construção do Alto-Forno 3. Uma nova Coqueria. Terceira Máquina de Lingotamento Contínuo. Um terceiro Convertedor. Geração de novos empregos

Construção do Alto-Forno 3. Uma nova Coqueria. Terceira Máquina de Lingotamento Contínuo. Um terceiro Convertedor. Geração de novos empregos Construção do Alto-Forno 3 Uma nova Coqueria Um terceiro Convertedor Terceira Máquina de Lingotamento Contínuo Geração de novos empregos A CST Companhia Siderúrgica de Tubarão implantará o seu processo

Leia mais

A Importância dos Projetos de Sistemas de Proteções Coletivas Engº José Carlos de Arruda Sampaio

A Importância dos Projetos de Sistemas de Proteções Coletivas Engº José Carlos de Arruda Sampaio A Importância dos Projetos de Sistemas de Proteções Coletivas Engº José Carlos de Arruda Sampaio Ciclo de Vida do Empreendimento: Todos os empreendimentos tem um ciclo de vida - têm um início, um crescimento

Leia mais

Gestão de projetos: parâmetros para a definição do escopo de projetos de sistemas de pré-vácuo

Gestão de projetos: parâmetros para a definição do escopo de projetos de sistemas de pré-vácuo Gestão de projetos: parâmetros para a definição do escopo de projetos de sistemas de pré-vácuo Cristian Amaral Santos Menezes Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza São Paulo - Brasil casm47@gmail.com

Leia mais

Rüdiger Röpke. A segurança em áreas classificadas

Rüdiger Röpke. A segurança em áreas classificadas A segurança em áreas classificadas Tópicos O que é uma área classificada Atmosferas explosivas Classificação de áreas A NR 10 e as áreas classificadas As instalações em áreas classificadas Equipamentos

Leia mais

eficiência energética na indústria:

eficiência energética na indústria: Brasília, agosto de 2009 eficiência energética na indústria: o que foi feito no Brasil, oportunidades de redução de custos e experiência internacional Apresentação A Confederação Nacional da Indústria

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROFESSOR DO ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO G A B A R I T O MATEMÁTICA D A E D B A E A E C A E D C B

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROFESSOR DO ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO G A B A R I T O MATEMÁTICA D A E D B A E A E C A E D C B DO ENSINO MATEMÁTICA D A E D B A E A E C A E D C B D C D C E A B B C E C E A D B MÚSICA/REGÊNCIA-BANDA OU CORAL/PIANO/TECLADO ELETRÔNICO/INSTRUMENTO DE SOPRO D A E D B A E A E C E E C E B D E D D C D B

Leia mais

PETRÓLEO E GÁS. Os serviços da Cugnier abrangem:

PETRÓLEO E GÁS. Os serviços da Cugnier abrangem: PETRÓLEO E GÁS Os serviços da Cugnier abrangem: PETRÓLEO E GÁS A Cugnier está credenciada junto à estatal Petrobras através do CRCC (Certificado de Registro e Classificação Cadastral), possuindo aprovação

Leia mais

Programação 1º Semestre 2016 Salto. Cursos de Formação Inicial e Continuada VAGAS LIMITADAS. Inscrições abertas

Programação 1º Semestre 2016 Salto. Cursos de Formação Inicial e Continuada VAGAS LIMITADAS. Inscrições abertas 1º Semestre 2016 Salto Cursos de Formação Inicial e Continuada Inscrições abertas VAGAS LIMITADAS 1º Sem 2016 - v0.1 Out 16 Salto Escola SENAI Ítalo Bologna Tradicional em sua história e dentro de uma

Leia mais

Sistemas flexíveis de manufatura

Sistemas flexíveis de manufatura Sistemas flexíveis de manufatura A UU L AL A Depois de muitos anos de trabalho e economia, você decidiu comprar seu primeiro carro zero quilômetro. Na agência, no entanto, o vendedor nem lhe deu tempo

Leia mais

Soluções Integradas para Plantas Industriais

Soluções Integradas para Plantas Industriais Soluções Integradas para Plantas Industriais Unidades de Negócio LOCALIZAÇÃO UNIDADES CORPORATIVA ENGENHARIA E FABRICAÇÃO Humberto Zanato, 10 Pinheirinho Curitiba - PR CEP: 81 870-250 Fone: +55 (41) 3616-3616

Leia mais

Material de Atrito de Alto Desempenho para Aplicações Automotivas e Industriais

Material de Atrito de Alto Desempenho para Aplicações Automotivas e Industriais Material de Atrito de Alto Desempenho para Aplicações Automotivas e Industriais Automotivo Industrial Aeroespacial Juntos Movemos o Mundo O Grupo Schaeffler é um renomado fornecedor global de componentes

Leia mais

Scientific-Research Institute of Metallurgical Heat Engineering OJSC VNIIMT

Scientific-Research Institute of Metallurgical Heat Engineering OJSC VNIIMT Ventiladores resistentes ao calor para fornos concebidos pelo VNIIMT (Instituto Russo de Investigação Científica da Termotécnica Metalúrgica) Elaboração, projetos e fabricação de fornos térmicos para aquecimento

Leia mais

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS NA MEDIDA CERTA PARA SUA EMPRESA É uma empresa Fabricante de Equipamentos e Prestação de Serviços com atuação principal na região norte e nordeste que em parceria com outras empresas

Leia mais

Disciplinas Obrigatórias do Núcleo Básico Geral Comum do Campus de Limeira

Disciplinas Obrigatórias do Núcleo Básico Geral Comum do Campus de Limeira EMENTAS DAS DISCIPLINAS DOS CURSOS DA ENGENHARIA Disciplinas Obrigatórias do Núcleo Básico Geral Comum do Campus de Limeira Sociedade e Cultura no Mundo Contemporâneo As mudanças nas relações entre cultura

Leia mais

POLÍTICA DE GESTÃO DE RISCO - PGR

POLÍTICA DE GESTÃO DE RISCO - PGR POLÍTICA DE GESTÃO DE RISCO - PGR DATASUS Maio 2013 Arquivo: Política de Gestão de Riscos Modelo: DOC-PGR Pág.: 1/12 SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO...3 1.1. Justificativa...3 1.2. Objetivo...3 1.3. Aplicabilidade...4

Leia mais

Compressores de Parafuso 2,2-7,5 kw

Compressores de Parafuso 2,2-7,5 kw INDUSTRIALS GROUP Compressores de Parafuso 2,2-7,5 kw KA - KA Plus Inteligentes e confiáveis CHAMPION TECNOLOGIA DO AR COMPRIMIDO KA - KA Plus Nova série tecnologicamente avançada graças a um processo

Leia mais

PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013

PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013 PROGRAMA TÉCNICOS A.R.G. 2013 1- INTRODUÇÃO A A.R.G. Ltda., empresa multinacional do ramo da construção pesada, foi fundada em Minas Gerais no ano de 1978, e atua em todo o Brasil e exterior, nos segmentos

Leia mais

Energia eólica. Guindastes de torre com giro em cima para uso na montagem de geradores eólicos. Tower Crane Solutions Soluções com Guindastes de Torre

Energia eólica. Guindastes de torre com giro em cima para uso na montagem de geradores eólicos. Tower Crane Solutions Soluções com Guindastes de Torre Tower Crane Solutions Soluções com Guindastes de Torre Energia eólica Guindastes de torre com giro em cima para uso na montagem de geradores eólicos Guindates de torre com giro em cima para O guindaste

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 1121 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 1121 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO Impresso por: RODRIGO DIAS Data da impressão: 02/02/2012-17:41:41 SIGOEI - Sistema de Informações Gerenciais da OEI TERMO DE REFERÊNCIA Nº 1121 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO 1.

Leia mais

Equipamentos. www.gascat.com.br. Representante. Gascat Indústria e Comércio Ltda.

Equipamentos. www.gascat.com.br. Representante. Gascat Indústria e Comércio Ltda. Equipamentos ISO 9001 BUREAU VERITAS Certification Gascat Indústria e Comércio Ltda. Representante Rodovia SP 73, nº 1141 - Distrito Industrial Indaiatuba - SP - Brasil - CEP 13.347-390 Tel.: (55 19) 3936-9300

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO. Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 3 (TRÊS) ANOS LETIVOS - MÁXIMO = 5 (CINCO) ANOS LETIVOS

MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO. Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 3 (TRÊS) ANOS LETIVOS - MÁXIMO = 5 (CINCO) ANOS LETIVOS MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Regime: Duração: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MODA E ESTILO TECNÓLOGO SERIADO ANUAL - NOTURNO 03 (TRÊS) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 3 (TRÊS)

Leia mais

Formação Profissional Técnica. Formação Catálogo

Formação Profissional Técnica. Formação Catálogo Formação Profissional Técnica Formação Catálogo Eletricidade e Energia Telecomunicações Gás Eletrónica e Automação Domótica Robótica Energias Alternativas Eficiência Energética Transporte Manuseamento

Leia mais

Oilon ChillHeat. Desempenho otimizado na refrigeração e aquecimento

Oilon ChillHeat. Desempenho otimizado na refrigeração e aquecimento Oilon ChillHeat Desempenho otimizado na refrigeração e aquecimento As bombas de calor oferecem energia econômica e ecologicamente correta Calor residual de baixa temperatura contém energia valiosa A indústria

Leia mais

Andrade Gutierrez Experiência em Contratos EPC

Andrade Gutierrez Experiência em Contratos EPC Andrade Gutierrez Experiência em Contratos EPC 3º WORKSHOP NACIONAL DO PROMINP Promoção: Participação: Painel 4: Obtenção de conteúdo local na implantação de projetos de investimentos: Experiência Refino

Leia mais

SISTEMAS DE GESTÃO DA ENERGIA NBR ISO 50001. José Carlos Zerbini

SISTEMAS DE GESTÃO DA ENERGIA NBR ISO 50001. José Carlos Zerbini José Carlos Zerbini Engenheiro elétrico com pós-graduação em eletrônica industrial. Atuação por 29 anos na empresa Inductotherm Group Brasil Ltda (Elphiac Inductoheat Inductotherm) nas áreas de tratamento

Leia mais

Pesquisa & Desenvolvimento

Pesquisa & Desenvolvimento Pesquisa & Desenvolvimento O Programa de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) na AES Uruguaiana é uma importante ferramenta para a companhia promover melhorias contínuas na prestação do serviço, com a qualidade

Leia mais

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30)

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30) UNIP Brasília - Coordenação CG/CW/GR/AD Senhores Alunos, Seguem informações importantes sobre o PIM: 1. O QUE É? - Os PIM (Projeto Integrado Multidisciplinar) são projetos obrigatórios realizados elos

Leia mais

Riscos adicionais. Riscos adicionais. Altura COMISSÃO TRIPARTITE PERMANENTE DE NEGOCIAÇÃO DO SETOR ELETRICO NO ESTADO DE SP - 1

Riscos adicionais. Riscos adicionais. Altura COMISSÃO TRIPARTITE PERMANENTE DE NEGOCIAÇÃO DO SETOR ELETRICO NO ESTADO DE SP - 1 Riscos adicionais Riscos adicionais De altura; De ambientes confinados; De áreas classificadas; De umidade; Condições atmosféricas; Ataque de animais peçonhentos/domésticos. Altura Trabalho em altura é

Leia mais

Indústria da Construção Civil

Indústria da Construção Civil Indústria da Construção Civil Grupo de Materiais de Construção 1 Construção Civil É uma indústria? Indústria: toda atividade humana que, através do trabalho, transforma matéria-prima em outros produtos,

Leia mais

Bomba Submersível modelo ABS Scavenger Série E

Bomba Submersível modelo ABS Scavenger Série E Bomba Submersível modelo ABS Scavenger Série E Sulzer A Sulzer é líder mundial em soluções de bombeamento confiáveis e inovadoras. Nossa pesquisa e desenvolvimento avançados, processos detalhados e conhecimento

Leia mais

REUSO DE ÁGUA NA COGERAÇÃO DE ENERGIA

REUSO DE ÁGUA NA COGERAÇÃO DE ENERGIA REUSO DE ÁGUA NA COGERAÇÃO DE ENERGIA Por : ARNO ROTHBARTH INTRODUÇÃO Há muito tempo a preocupação com o consumo de água é uma constante nos assuntos pertinentes ao meio ambiente. A água é um bem comum,

Leia mais

Ecologia Industrial Existem empresas que não têm possibilidade de simbiose?

Ecologia Industrial Existem empresas que não têm possibilidade de simbiose? Ecologia Industrial Existem empresas que não têm possibilidade de simbiose? Valéria Madeira Apresentação do Grupo de Pesquisa O Grupo de Ecologia Industrial Aplicada (GEIA) surgiu dentro do programa de

Leia mais

CURSO PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO DE OBRAS

CURSO PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO DE OBRAS CURSO PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO DE OBRAS Este curso tem por finalidade preparar o aluno no aprendizado dos principais recursos do MS Project destinado ao gerenciamento de obras de engenharia, ministrando-lhe

Leia mais