DIRETRIZ 001/2014 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 SESI PARANÁ

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIRETRIZ 001/2014 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 SESI PARANÁ"

Transcrição

1 DIRETRIZ 001/2014 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 SESI PARANÁ Com objetivo de promover a qualidade de vida do trabalhador da indústria e ampliar a participação empresarial na campanha de vacinação contra a gripe em 2014, o Sesi Serviço Social da Indústria apresenta os requisitos técnicos para realização da vacina contra a gripe. Importante destacar que historicamente, a gripe causou grandes impactos nas sociedades. A ocorrência de epidemias levou milhões de pessoas a morte e outros milhões ficaram enfermos. Um dos principais impactos causados pela gripe no ambiente de trabalho é o afastamento do trabalhador de suas atividades laborais. Além de comprometer a saúde das pessoas, a gripe impacta diretamente nos custos das organizações empresariais pelo absenteísmo e presenteísmo. A redução da capacidade produtiva tem reflexos na produtividade da indústria brasileira. 1. INFORMAÇÕES GERAIS e TÉCNICAS A gripe é uma doença respiratória infecciosa aguda, que pode causar enfermidades graves e complicações, deixando o indivíduo suscetível a várias patologias. A vacinação contra a gripe deve ser estimulada, pois possibilita proteção contra essa enfermidade e suas complicações e proteção às outras pessoas pela diminuição da circulação do vírus. A contagiosidade do vírus da Influenza e o grande número de pessoas atingidas em curto período de tempo colocam a gripe entre as doenças infecciosas de maior impacto negativo para as famílias, a sociedade e a economia, assim, a melhor forma de prevenir a gripe é através da vacinação anual. A influenza ocorre durante todo o ano, sendo que a dispersão aumenta rapidamente em algumas estações do ano. Em regiões de clima temperado, as epidemias acontecem predominantemente na estação do inverno, geralmente de junho a agosto no hemisfério Sul. A composição da vacina é atualizada a cada ano, de acordo com os vírus circulantes, para garantir a eficácia do produto. A resolução está de acordo com as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) para o Hemisfério Sul. As vacinas, que serão disponibilizadas pelo SESI-Paraná a partir de março de 2014, são fabricadas pelo laboratório SANOFI PASTEUR e seguem a determinação da Agência 1

2 Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), que determina as linhagens de vírus a serem utilizados na formulação das vacinas contra a gripe, para a utilização no país em De acordo com a Organização Mundial de Saúde as cepas recomendadas para a composição das vacinas influenza são as seguintes: - A/California/7/2009 (H1N1)pdm09-like virus - A/Texas/50/2012 (H3N2)-like virus - B/Massachusetts/2/2012-like virus Observação: Destacamos em vermelho as alterações com relação às cepas 2012/2013 Hemisfério Norte e 2012/2013 Hemisfério Sul. As cepas que sofreram alterações foram A/H3N2 e B. A cepa A/H1N1 continua sendo a A/Califórnia (pandêmica /"suína"). Segundo a Sociedade Brasileira de Imunização (SBIm), o programa de vacinação contra a gripe tem custo baixo, bom custo-benefício para as empresas e excelente repercussão entre os funcionários; Conforme a SBIm, as vacinas contra gripe licenciadas no Brasil são constituídas exclusivamente por componentes inativados, portanto, sem riscos de causar doenças nos vacinados; Os eventos adversos (possíveis reações) mais comuns são os locais (dor, vermelhidão e rubor) e febre baixa; Já, as reações sistêmicas (febre, mal estar e cefaléia) são raras, e podem acontecer nas primeiras 24 horas após a vacinação, estas são leves e transitórias e desaparecem espontaneamente em 1e 2dias; Cerca de 15 dias após a vacinação, desenvolvem-se anticorpos específicos contra o vírus Influenza; GRAVIDEZ: esta vacina não deve ser utilizada em mulheres grávidas sem orientação médica. Seu uso é recomendado após o primeiro trimestre de gestação, seguindo a indicação do médico assistente; ALERGIAS: é contra-indicada por pessoas que apresentam alguma reação alérgica a vacinas contra o vírus influenza, a qualquer componente da vacina, ao timerosal, a neomicina, ao formaldeído, ou a qualquer outro medicamento ou substância, alergia a ovo ou a proteína de galinha. 2

3 Observação: Caso o trabalhador vacinado apresente alguma reação adversa tais como: dificuldade em respirar ou engolir; erupção na pele e coceira; vermelhidão na pele; inchaço nos olhos, na face ou na parte interna do nariz; cansaço ou fraqueza repentinos ou pressão baixa (hipotensão), o mesmo deverá ser encaminhado imediatamente para atendimento médico e notificar ao SESI posteriormente à ocorrência. 2. DOS REQUISITOS PARA PARTICIPAÇÃO NA CAMPANHA A Campanha de Vacinação contra a Gripe 2014 destina-se exclusivamente aos trabalhadores e estagiários próprios das Indústrias, não contemplando dependentes e funcionários de empresas terceirizadas. A vacina adquirida pelo Sesi Paraná, por meio de licitação, terá o custo de R$ 36,00 (trinta e seis reais) por dose aplicada; Com o subsídio do SESI o valor por dose aplicada será R$ 19,50 (dezenove reais e cinquenta centavos) O subsídio para viabilização da Campanha de Vacinação contra a Gripe 2014 será destinado as Indústrias que possuírem - CNAE Indústria, contribuinte; - CNAE Indústria, não contribuinte; - CNAE Não-Indústria, contribuinte; - Sindicatos Empresarial. OBSERVAÇÃO: ao SESI Paraná, fica assegurado o direito de consultar os órgãos de crédito e no caso de Empresas com restrição de crédito ou inadimplentes com o SESI poderão ter a adesão a campanha suspensa até a regularização do devido débito com posterior comprovação. 3. DO FUNCIONAMENTO DA CAMPANHA O SESI, por meio da empresa licitada, disponibilizará a dose da vacina com o gesto vacinal nas dependências da indústria contemplada na Campanha de Vacinação contra a Gripe 2014, bem como nas dependências das clinicas credenciadas pela Sanofi Pasteur quando indicadas. 3

4 3.2 - Caso algum trabalhador não consiga se vacinar no dia previsto, terá o prazo de até 5 dias úteis para procurar a clinica credenciada indicada pela SANOFI no momento da campanha realizada na indústria, caso na localidade exista a clínica credenciada A Indústria interessada em aderir a Campanha deverão proceder com a orientação descrita no item 4 da presente Diretriz Se a Indústria indicar atendimento em determinado município e, nesse município não existir um quantitativo mínimo de trabalhadores, bem como Clínicas de Vacinação que atendam as exigências da ANVISA Agência Nacional de Vigilância Sanitária e a Legislação sanitária vigente, ficará a critério do SESI Paraná analisar o caso específico e proceder ou não o atendimento A vacina será a trivalente, uma única vacina contra a Influenza Sazonal (Gripe comum) e Influenza A suína (HIN1) A indústria poderá adquirir a dose com gesto vacinal pelo valor de R$ 19,50 (dezenove reais e cinquenta centavos). Este valor corresponderá somente aos trabalhadores e estagiários próprios da indústria efetivamente vacinados. Observar detalhamento no item 4 da presente Diretriz O SESI Paraná reservou junto ao laboratório fabricante até doses de vacinas contra a gripe. O fornecimento das doses à empresa está condicionado à liberação e entrega por parte do laboratório fabricante ao SESI Paraná, de acordo com a disponibilidade no mercado. Diante da circunstância - de não disponibilidade das doses por parte do fabricante - o SESI Paraná, ficará isento de quaisquer responsabilidades pela não efetivação da campanha na empresa A finalização da etapa de adesão das Indústrias interessadas na participação da Campanha obedecerá ao prazo estabelecido até 10/04/2014 ou quando o número de Indústrias cadastradas atingirem o número total de doses disponibilizadas pelo SESI Paraná As empresas que se cadastrarem após o atingimento total das doses, podem optar em ficar na lista de espera, aguardando contato do SESI Paraná, caso haja alguma desistência de empresas contempladas No site a empresa deverá preencher planilha com o quantitativo de doses, os dados da empresa e dos seus trabalhadores. TODOS OS DADOS SOLICITADOS NA PLANILHA DEVERÃO SER PREENCHIDOS, SOB O RISCO DE NÃO VALIDAR A PARTICIPAÇÃO NA CAMPANHA. 4

5 Em caso de inclusão de mais trabalhadores para inserir na campanha deverá ser atualizado no momento do agendamento, via nova planilha de adesão (preencher abas EMPRESA e TRABALHADOR) A aplicação das doses pela empresa licitada deverá obedecer ao critério estabelecido no item 2.1 da presente Diretriz. A não observância desse critério implicará na responsabilidade direta da empresa no seguinte quesito: pagamento INTEGRAL DO VALOR de cada DOSE, SEM SUBSÍDIO DO SESI, por trabalhador vacinado O quantitativo de trabalhadores a serem vacinados (indicados na planilha ), deverá ser o mais próximo possível do número a ser efetivado na vacinação. A readequação das quantidades poderá ser feito no momento que a Sanofi Pasteur (empresa licitada pelo SESI Paraná) através das suas clínicas parceiras fizerem o contato para o agendamento da realização do gesto vacinal na indústria ou em até 5 (cinco) dias úteis antes da data agendada, junto a SANOFI O fornecedor do SESI (SANOFI PASTEUR) está preparado para suprir uma margem de até 10% além das doses solicitadas no momento da realização do gesto vacinal. 4. DO DETALHAMENTO DAS FASES DA CAMPANHA DE VACINAÇÃO 2014 FASE I: COMO PARTICIPAR DA CAMPANHA O SESI Paraná fará divulgação da diretriz no site vacinagripe2014; A Indústria interessada deverá acessar o site e realizar os passos abaixo: Passo 1 baixar a Planilha de Adesão à Campanha (excel) e realizar a inclusão dos seguintes dados (nas abas EMPRESA e TRABALHADOR): (a) Quantitativo de doses (na aba EMPRESA); (b) Dados da empresa (na aba EMPRESA) e; (c) Dados de todos os trabalhadores (na aba TRABALHADOR). Importante: preencher uma planilha por CNPJ da sua empresa e depois enviar ao SESI Paraná via Período que a Indústria terá para realizar a adesão a Campanha: De 27/03/2014 até dia 10/04/

6 Observação: Após 10/04/14 o SESI Paraná não aceitará mais adesões nessa Campanha ou até que tivermos doses para disponibilizar. 4.4 Após a adesão o SESI Paraná emite Proposta Comercial e Contrato de Prestação de Serviços e irá colher assinaturas na Indústria; essa documentação será lançada no sistema para faturamento do quantitativo de doses aplicadas; Observação: os passos acima devem ser executados na íntegra, garantindo a validação da Indústria como cliente da Campanha de Vacinação contra Gripe 2014; FASE II OPERACIONALIZAÇÃO DA VACINAÇÃO NA INDÚSTRIA Após aprovada a fase I, a Indústria será contatada pela clinica credenciada da SANOFI PASTEUR (empresa licitada pelo SESI PR) pelo e/ou via telefone da indústria informados na planilha, para realizar o agendamento do gesto vacinal. Os agendamentos serão realizados a partir de abril, portanto a indústria deverá aguardar o contato para agendamento da campanha A responsabilidade da efetivação da Campanha de Vacinação na Indústria será do SESI A empresa licitada pelo SESI Paraná comparecerá na(s) data(s) e horário(s) agendados e confirmados pela Indústria. Essa deverá cumprir com esse cronograma, sob pena do SESI Paraná não garantir o reagendamento, uma vez que haverá uma lista de empresas a serem atendidas, e a falha no cronograma poderá comprometer a Campanha A Indústria deverá providenciar um local adequado para a realização da Campanha na(s) data(s) e horário(s) estabelecido. Caso as condições não estejam favoráveis à plena realização do gesto vacinal o representante da licitada (clinica que realizará a vacinação) poderá se recusar a efetivar a Campanha na Indústria, por questões legais Cada trabalhador, no dia da vacinação, deverá: a) apresentar 1 documento para identificação com foto e informar o número do CPF No final desta, será solicitado a um representante da Indústria validar o número de doses efetivamente aplicadas ou encaminhadas à clinica para posterior aplicação Para fins de faturamento valerá o NÚMERO DE DOSES VALIDADAS pela Indústria na 6

7 FOLHA DE ROSTO (modelo anexo I). Essa deve refletir o quantitativo de doses aplicadas, ser assinada / carimbada e preenchida com letra legível. Não serão aceitos questionamentos de valores a serem faturados, face ao exposto Os trabalhadores que não estiverem informados na planilha deverão ser incluídos por meio do preenchimento na folha de adesão. Caso a inclusão seja no momento da aplicação da vacina, preencher a FOLHA DE NOVA ADESÃO (modelo anexo II) assinado e carimbado pela indústria, com letra legível 4.13 Caso o trabalhador vacinado não tenha as informações obrigatórias do cadastro, o custo da dose será de R$ 36, As doses não aplicadas serão automaticamente entregues à empresa licitada pelo SESI Paraná. Essas não podem ser disponibilizadas a Indústria, a menos que atenda aos requisitos legais solicitados pela empresa licitada (SANOFI PASTEUR). Deverá ser solicitada à SANOFI no momento do agendamento as exigências para envio. 5. DOS VALORES DA CAMPANHA O valor da dose com gesto vacinal é de R$ 19,50 (dezenove reais e cinquenta centavos) por trabalhador efetivamente vacinado e comprovado conforme documentação exigida na presente Diretriz O valor da dose com gesto vacinal é de R$ 36,00 (trinta e seis reais) por trabalhador efetivamente vacinado e NÃO comprovado como trabalhador da indústria ou com os dados obrigatórios incompletos) O SESI Paraná emitirá cobrança via Boleto Bancário. Essa cobrança será enviada por meio eletrônico e a empresa terá até 30 dias para realizar o pagamento, após a emissão do boleto. 6. CONTATOS O SESI Paraná disponibiliza uma Central de Atendimento via e/ou A SANOFI PASTEUR (empresa fornecedora do SESI) disponibiliza uma Central de Atendimento para verificação de agendamento, esclarecimento sobre a composição da vacina, etc.: e/ou via telefone

8 7. SATISFAÇÃO DO CLIENTE A Indústria compromete se em responder a pesquisa de satisfação a ser encaminhada pelo SESI Paraná após a finalização da Campanha CONSIDERAÇÕES FINAIS A imunização além de atender ao quesito Qualidade de Vida do Trabalhador oportuniza a redução do presenteísmo, absenteísmo, prevenção de doenças imunopreveníveis e refletem positivamente refletem negativos na produtividade da empresa. O SESI Paraná parabeniza Vossa indústria pela iniciativa em promover a Campanha de Vacinação contra a Gripe 2014, aos seus trabalhadores. SESI Departamento Regional Paraná. ANEXO I MODELO FOLHA DE ROSTO ANEXO II MODELO FOLHA DE NOVA ADESÃO 8

9 ANEXO I ORDEM DE SERVIÇO ( FOLHA DE ROSTO) Campanha: Empresa: Cidade: CNPJ: Estado: Endereço: Contato: Data: Telefones: Horário: CONTROLE DE DOSES Doses Enviadas: Doses Aplicadas: Doses Devolvidas: Responsável pela Clínica Responsável pela Empresa Nome: Nome: Carimbo: Assinatura: Carimbo: Observações É Obrigatório o preenchimento completo da ordem de serviço sem rasuras. Deve ser utilizada uma ordem de serviço para cada dia/empresa/local. Não utilizar para Campanha de Bancos 9

10 ANEXO II FORMULÁRIO PARA NOVAS ADESÕES ou ALTERAÇÃO DE ADESÃO Pelo presente, venho autorizar que seja procedida a adesão à Campanha de Vacinação contra gripe 2014 do(s) funcionário(s) abaixo qualificado(s). CPF: NIT (PIS): RG : NOME TRABALHADOR: DATA NASCIMENTO: SEXO: ( ) F ( ) M DATA DE ADMISSÃO: SETOR DE TRABALHO: FUNÇÃO DE TRABALHO: CPF: NIT (PIS): RG : NOME TRABALHADOR: DATA NASCIMENTO: SEXO: ( ) F ( ) M DATA DE ADMISSÃO: SETOR DE TRABALHO: FUNÇÃO DE TRABALHO: 10

DIRETRIZ 001/2015 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 SESI PARANÁ

DIRETRIZ 001/2015 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 SESI PARANÁ DIRETRIZ 001/2015 REQUISITOS PARA ADESÃO À CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 SESI PARANÁ Com objetivo de promover a qualidade de vida do trabalhador da indústria com a participação empresarial

Leia mais

CHAMADA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI RS

CHAMADA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI RS CHAMADA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI RS O SESI-RS - Serviço Social da Indústria do Rio Grande do Sul divulga a Campanha de Vacinação contra a Gripe 2015, vinculada ao Programa de Promoção

Leia mais

EDITAL DA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2016

EDITAL DA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2016 EDITAL DA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2016 Visando a melhoria na qualidade de vida dos trabalhadores da indústria com ações voltadas à promoção da saúde, o Serviço Social da Indústria do Rio Grande

Leia mais

TERMO DE ADESÃO. Campanha de Vacinação contra a Gripe 2016

TERMO DE ADESÃO. Campanha de Vacinação contra a Gripe 2016 TERMO DE ADESÃO Campanha de Vacinação contra a Gripe 2016 1. Caracterização da Campanha O Serviço Social da Indústria de Santa Catarina, visando à promoção da saúde e melhoria da qualidade de vida do trabalhador

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 - SESI RS

TERMO DE REFERÊNCIA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 - SESI RS TERMO DE REFERÊNCIA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2014 - SESI RS O SESI-RS - Serviço Social da Indústria do Rio Grande do Sul divulga a Campanha de Vacinação contra a Gripe 2014, vinculada ao Programa

Leia mais

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI /SC

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI /SC CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 - SESI /SC CARACTERIZAÇÃO DA CAMPANHA. O Serviço Social da Indústria de Santa Catarina, visando à melhoria da qualidade de vida do trabalhador da Indústria, inicia

Leia mais

GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TECNOLÓGICOS

GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TECNOLÓGICOS GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TECNOLÓGICOS 1 SUMÁRIO 3 INTRODUÇÃO 4 DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO 6 RESCISÃO DO CONTRATO DE ESTÁGIO 7 CONCLUSÃO DE CURSO 7 RELATÓRIO TÉCNICO 8 AVALIAÇÃO DE

Leia mais

GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TÉCNICOS

GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TÉCNICOS GUIA DE ESTÁGIO CURSOS TÉCNICOS 1 SUMÁRIO 3 INTRODUÇÃO 3 DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO 5 RESCISÃO DO CONTRATO DE ESTÁGIO 6 CONCLUSÃO DE CURSO 6 RELATÓRIO TÉCNICO 7 AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO

Leia mais

Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio FAN - CEUNSP SALTO. Campus V

Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio FAN - CEUNSP SALTO. Campus V Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio FAN - CEUNSP SALTO Campus V Regulamento Interno de Estágio Supervisionado e ou Trabalho Pedagógico Supervisionado FAN-CEUNSP-SALTO -Campus V O presente

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO DOS DISCENTES DESTE CAMPUS EM: VISITAS TÉCNICAS CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E OBJETIVOS Artigo 1º - Visita técnica é atividade complementar dos componentes curriculares dos cursos

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO Com o objetivo de tornar o processo de autorização, faturamento e pagamento dos atendimentos odontológicos mais eficiente, recomendamos a leitura completa e minuciosa

Leia mais

Regimento Interno do Sistema

Regimento Interno do Sistema Identificação: R.01 Revisão: 05 Folha: 1 / 14 Artigo 1 - Objetivo do documento 1.1. Este documento tem como objetivo regulamentar as atividades para credenciamento de uma planta de produção com o SELO

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE Bacharelado em Administração Modalidade a Distância

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE Bacharelado em Administração Modalidade a Distância REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE Bacharelado em Administração Modalidade a Distância I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Bacharelado em Administração Modalidade a Distância é uma

Leia mais

INTRODUÇÃO. Assim, a Marítima disponibiliza nesse comunicado algumas dicas para agilizar os processos de análise de risco de proposta. DICAS!

INTRODUÇÃO. Assim, a Marítima disponibiliza nesse comunicado algumas dicas para agilizar os processos de análise de risco de proposta. DICAS! INTRODUÇÃO Prezado corretor, Tendo como princípio o bom atendimento e a prestação de serviço com qualidade, a Marítima Seguros frequentemente revisa seus processos, desenvolve e aperfeiçoa os diversos

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) torna pública a divulgação do Edital Complementar ao Edital UFU/PROGRAD Nº

Leia mais

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2015 A APROJUS, em parceria com o Ministério Público do Rio Grande do Sul e com a Associação do Ministério Público do Rio Grande do Sul (AMPRS), promove a Campanha

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE NUTRIÇÃO CURRÍCULO 2 I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE NUTRIÇÃO CURRÍCULO 2 I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE NUTRIÇÃO CURRÍCULO 2 I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Nutrição é uma atividade obrigatória, em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO O DIRETOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS, nomeado pela

Leia mais

ÍNDICE. SPO Módulo de Descentralização de Créditos no SIMEC 2

ÍNDICE. SPO Módulo de Descentralização de Créditos no SIMEC 2 ÍNDICE 1. Visão Geral - Funcionamento do sistema... 3 2. Descrição dos perfis do sistema... 4 3. Operação Novo termo de execução descentralizada... 5 a. Cadastramento do termo no sistema pela Unidade Técnica...

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0561-2010-01 AUXILIAR DE ENFERMAGEM CONTRATO POR PRAZO DETERMINADO INICIALMENTE ATÉ 16.05

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0561-2010-01 AUXILIAR DE ENFERMAGEM CONTRATO POR PRAZO DETERMINADO INICIALMENTE ATÉ 16.05 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0561-2010-01 AUXILIAR DE ENFERMAGEM CONTRATO POR PRAZO DETERMINADO INICIALMENTE ATÉ 16.05.2011 DIVISÃO DE SAÚDE / PROGRAMA DIAGNÓSTICO DE SAÚDE E ESTILO DE VIDA CAT SÃO

Leia mais

LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO

LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ENSINO MÉDIO RIBEIRÃO PRETO 2013 ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO Aluno: RA: Ano/semestre: Período letivo: 2 SUMÁRIO ORIENTAÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Engenharia Mecânica é uma atividade obrigatória, em consonância com as Diretrizes Curriculares

Leia mais

EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC-JR/FAPEMIG

Leia mais

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 1. APRESENTAÇÃO 1.1. O Instituto Consulado da Mulher, ação social da marca Consul, torna público que estão abertas as

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS 01/2014 - Edital de Solicitação de Matrícula

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS 01/2014 - Edital de Solicitação de Matrícula EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS 01/2014 - Edital de Solicitação de Matrícula A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) torna pública a divulgação do Edital Complementar ao Edital UFU/PROGRAD/DIRPS

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2016

PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2016 PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2016 O reitor do Centro Universitário de Brasília UniCEUB, no uso de suas atribuições legais e estatutárias,

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA

TERMO DE ADESÃO AO PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA TERMO DE ADESÃO AO PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA 1. DAS DEFINICÕES 1.1 São aplicáveis a este Termo as seguintes definições e abreviaturas: 1.1.1 PAF: Plano de Assistência Familiar. 1.1.2 PAE: Plano de

Leia mais

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda Versão para atualização do Gerpos Retaguarda A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível.

Leia mais

CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO

CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO Contratação de Empresas de Consultoria para Prestação de

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO Data de emissão: Associação Paulista de Gestão Pública - APGP Elaborado por: Aprovado por: Francis da Silva Recursos Humanos Diretoria Geral // Sumário

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES 001/2016

EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES 001/2016 EDITAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES 001/2016 O Centro Universitário Municipal de Franca Uni-FACEF, por meio de sua Reitoria, divulga as informações para o processo de seleção

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira

Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira EDITAL Nº 006/2016 Campus Itabira PIBIC/PIBITI CNPq, PIVIC Unifei

Leia mais

EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS

EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia FAPESB, no uso das suas atribuições, torna público o presente Edital

Leia mais

ESTATUTO DO GRUPO EXECUTIVO DE RECURSOS HUMANOS DO RIO DE JANEIRO

ESTATUTO DO GRUPO EXECUTIVO DE RECURSOS HUMANOS DO RIO DE JANEIRO 1. OBJETIVOS Revisão aprovada em plenário em 22 de setembro de 2011 1.1 Fomentar a troca de conhecimento, experiência e informações sobre políticas e práticas de Recursos Humanos. 1.2 Contribuir para o

Leia mais

EDITAL Nº 001/2012-PROPPG, de 17 de janeiro de 2012.

EDITAL Nº 001/2012-PROPPG, de 17 de janeiro de 2012. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS PARA SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS (PIPECT/IFG) EDITAL Nº 001/-PROPPG,

Leia mais

do momento em que for validado o aluno, você assume como verdadeiras as informações cadastradas pela Instituição de ensino (colégio).

do momento em que for validado o aluno, você assume como verdadeiras as informações cadastradas pela Instituição de ensino (colégio). Os termos e condições a seguir (doravante denominados simplesmente acordo ) regulam o fornecimento dos materiais impressos do(s) Programa(s) Educacional(s) SE e BE (doravante denominados material(is) ),

Leia mais

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP 2015 ÍNDICE 1. Introdução... 2 2. Dos Objetivos Específicos... 2 3. Dos Envolvidos

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Administração é uma atividade obrigatória, em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

EDITAL PRGDP Nº 29/2014

EDITAL PRGDP Nº 29/2014 EDITAL PRGDP Nº 29/2014 A PRGDP/UFLA, no uso de suas atribuições, e considerando a Lei nº 11.091, de 12/01/2005, Decreto nº 5.707, de 23/02/2006 e a Resolução CUNI nº 56 de 29/10/2013, torna público que

Leia mais

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 Capítulo I Da Definição e Finalidade Art. 1º Entende-se como Estágio Supervisionado o conjunto de atividades práticas direcionadas para o aprendizado e o desenvolvimento

Leia mais

EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIBIC/FAPEMIG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA: ENSINO MÉDIO DA USC PIBIC/EM 2015/2016

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA: ENSINO MÉDIO DA USC PIBIC/EM 2015/2016 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA: ENSINO MÉDIO DA USC PIBIC/EM 2015/2016 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade do Sagrado Coração torna público o presente Edital de abertura de inscrições,

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS 1. INTRODUÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO CARTÃO CONQUISTA PLUS 1.1. O presente regulamento ( Regulamento ) estabelece as regras para participação, bem como as vantagens e benefícios do Programa

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Engenharia de Alimentos é uma atividade obrigatória, em consonância com as Diretrizes

Leia mais

Sistemas Corporativos da USP (Web)

Sistemas Corporativos da USP (Web) Sistemas Corporativos da USP (Web) O sistema de estágios remunerados da USP é fruto da colaboração das seguintes áreas da Reitoria da Universidade de São Paulo: Departamento de Recursos Humanos, Departamento

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.2 13/10/2010 Sumário Apresentação... 3 Objetivo... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

Roteiro para encaminhamento de Projeto de Pesquisa ao CEP-FIPA

Roteiro para encaminhamento de Projeto de Pesquisa ao CEP-FIPA 1 Prezado Pesquisador: Comitê de Ética em Pesquisa CEP / FIPA Faculdades Integradas Padre Albino Fundação Padre Albino Rua dos Estudantes, 225 - Cep - 15.809-144 Catanduva SP Fone (17) 33113229 e-mail:

Leia mais

Pagamento de apenas 50% do valor da mensalidade durante o curso;

Pagamento de apenas 50% do valor da mensalidade durante o curso; CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CredIES IESB MANUAL DO ALUNO O que é o CredIES do IESB? É um crédito estudantil rotativo, financiado por verbas orçamentárias próprias do IESB que possibilita, ao aluno regularmente

Leia mais

TERIVIO DE REFERÊNCIA

TERIVIO DE REFERÊNCIA ' Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado'de Pernambuco Secretaria de Gestão de Pessoas Diretoria de Gestão Funcional Gerência de Estágio TERIVIO DE REFERÊNCIA 1 - DO OBJETO Contratação de seguradora

Leia mais

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado;

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado; TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI A FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E CULTURAL DO SISTEMA DE CRÉDITO COOPERATIVO FUNDAÇÃO SICREDI, institui o presente

Leia mais

PORTARIA Nº 1386/2006 SMS.G. A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, no uso das atribuições que lhe são legalmente conferidas,

PORTARIA Nº 1386/2006 SMS.G. A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, no uso das atribuições que lhe são legalmente conferidas, PORTARIA Nº 1386/2006 SMS.G A SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE, no uso das atribuições que lhe são legalmente conferidas, CONSIDERANDO a edição da Lei nº 14.084 de 27 de outubro de 2005 e do Decreto Municipal

Leia mais

Processo de Compras GENS

Processo de Compras GENS Processo de Compras GENS Manual do Colaborador Versão 2.0 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1 Objetivos... 3 1.1.1 Objetivo da definição do Processo de Compras... 3 1.1.2 Objetivo deste Manual... 3 2. PROCESSO

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO O Instituto Telemar, torna público, para conhecimento dos interessados, que

Leia mais

Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio.

Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio. Prezado (a) cliente: Para melhor atendê-lo, seguem abaixo todos os formulários e documentos necessários, juntamente com a orientação de como proceder ao envio. Procedimentos para envio dos documentos de

Leia mais

Manual do. Almoxarifado

Manual do. Almoxarifado Manual do Almoxarifado Parnaíba 2013 APRESENTAÇÃO O Almoxarifado é o local destinado à guarda, localização, segurança e preservação do material adquirido, adequado à sua natureza, a fim de suprir as necessidades

Leia mais

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes CeC Cadastro Eletrônico de Contribuintes Versão 1.0 Usuário Externo Março/2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Objetivos... 3 3. Solicitação de CeC... 4 3.1. Cadastro de pessoas físicas... 5 3.1.1. Cadastro

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE

REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE REGULAMENTO PROMOÇÃO: PREVER DÁ SORTE DADOS DA PROMOTORA DA PROMOÇÃO PREVER SERVIÇOS POSTUMOS LTDA Rua Dr. Saulo Porto Virmond, 223 Sala 01 Chácara Paulista / Maringá/PR CEP: 87005-090 CNPJ: 02.995.385/0001-08

Leia mais

EDITAL PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS PARA 2016. 1º ano do Ensino Fundamental

EDITAL PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS PARA 2016. 1º ano do Ensino Fundamental EDITAL PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS PARA 2016 1º ano do Ensino Fundamental O Diretor Geral do Colégio Santo Inácio, no uso de suas atribuições regimentais e em consonância com a legislação em vigor,

Leia mais

PROMOÇÃO COMPRE E TROQUE DIA DAS MÃES 2015 R E G U L A M E N T O

PROMOÇÃO COMPRE E TROQUE DIA DAS MÃES 2015 R E G U L A M E N T O PROMOÇÃO COMPRE E TROQUE DIA DAS MÃES 2015 R E G U L A M E N T O 1. A promoção comprou-ganhou, intitulada DIA DAS MÃES 2015, será realizada no Parque Shopping, por meio do FUNDO DE PROMOÇÃO E PROPAGANDA

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas EDITAL N O 12, DE 23 DE ABRIL DE 2015 O Diretor Geral do Campus Campinas

Leia mais

EDITAL 2016 PERÍODO DE VIGÊNCIA: ABERTURA: 26/10/2015 ENCERRAMENTO: 11/09/2016

EDITAL 2016 PERÍODO DE VIGÊNCIA: ABERTURA: 26/10/2015 ENCERRAMENTO: 11/09/2016 EDITAL 2016 PERÍODO DE VIGÊNCIA: ABERTURA: 26/10/2015 ENCERRAMENTO: 11/09/2016 SELEÇÃO DE NOVOS PROJETOS / EMPRESAS, PARA O PROGRAMA DE INCUBAÇÃO DE EMPRESAS E PROJETOS DO INATEL INSTITUTO NACIONAL DE

Leia mais

DÚVIDAS MAIS FREQUENTES

DÚVIDAS MAIS FREQUENTES DÚVIDAS MAIS FREQUENTES O Departamento Médico da FAPES selecionou as perguntas mais frequentes sobre a Vacinação contra a Gripe, visando minimizar as dúvidas dos participantes da campanha 2016. SOBRE AS

Leia mais

Edital Proppex n 10/2016

Edital Proppex n 10/2016 Edital Proppex n 10/2016 Bolsas de Educação BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A CONVÊNIO DE APOIO AO PROGRAMA DE BOLSAS DE EDUCAÇÃO CHAMADA PARA PROJETOS DE ESTUDO VOLTADOS À PESQUISA DE GRUPOS DE PESQUISA DA

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL A unidade nacional do Sescoop Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo, personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 1. DO TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 1.1 A Fundação de Ciência e Tecnologia, torna público o presente Termo de Dispensa de Licitação, autorizada no expediente

Leia mais

Orientações para Inscrição dos Candidatos à Bolsa de Estágio Pós-Doutoral do Programa CAPES/ NUFFIC

Orientações para Inscrição dos Candidatos à Bolsa de Estágio Pós-Doutoral do Programa CAPES/ NUFFIC Orientações para Inscrição dos Candidatos à Bolsa de Estágio Pós-Doutoral do Programa CAPES/ NUFFIC 1. APRESENTAÇÃO As orientações, a seguir, buscam esclarecê-lo(a) com relação aos aspectos práticos do

Leia mais

REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA

REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA O processo de credenciamento acontecerá de acordo com as etapas abaixo, a serem aplicadas a

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE ÉTICA DO USO DE ANIMAIS DA MERCOLAB LABORATÓRIOS LTDA

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE ÉTICA DO USO DE ANIMAIS DA MERCOLAB LABORATÓRIOS LTDA 1 REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE ÉTICA DO USO DE ANIMAIS DA MERCOLAB LABORATÓRIOS LTDA Aprova o Regimento Interno do Comitê de Ética no Uso de Animais, da MercoLab Laboratórios Ltda. O conselho de pesquisa

Leia mais

PROGRAMA DE CULTURA BANCO DO NORDESTE/BNDES MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS

PROGRAMA DE CULTURA BANCO DO NORDESTE/BNDES MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS PROGRAMA DE CULTURA BANCO DO NORDESTE/BNDES MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA... 3 2. DELIMITAÇÃO DA NECESSIDADE DE PRESTAÇÃO DE CONTAS... 3 3. SOBRE O FORMULÁRIO

Leia mais

REGULAMENTO MULTIASSISTÊNCIA PONTO FRIO (LOJA) PERÍODO DE VIGÊNCIA: 01/07/2015 A PRAZO INDETERMINADO

REGULAMENTO MULTIASSISTÊNCIA PONTO FRIO (LOJA) PERÍODO DE VIGÊNCIA: 01/07/2015 A PRAZO INDETERMINADO VERSÃO EXTERNA REGULAMENTO MULTIASSISTÊNCIA PONTO FRIO (LOJA) PERÍODO DE VIGÊNCIA: 01/07/2015 A PRAZO INDETERMINADO DADOS DA PROMOTORA DA PROMOÇÃO USS SOLUÇÕES GERENCIADAS LTDA Alameda Tocantins, 525 Sala

Leia mais

EDITAL PIBITI / CNPq / UFERSA 09/2015 Seleção 2015 2016

EDITAL PIBITI / CNPq / UFERSA 09/2015 Seleção 2015 2016 EDITAL PIBITI / CNPq / UFERSA 09/2015 Seleção 2015 2016 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), através do Núcleo de Inovação Tecnológica NIT/UFERSA,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 002/ 2013, de 26 de Junho de 2013.

RESOLUÇÃO Nº. 002/ 2013, de 26 de Junho de 2013. CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE TAPEJARA. LEI MUNICIPAL nº 2.655 de 15/08/2003. DE RESOLUÇÃO Nº. 002/ 2013, de 26 de Junho de 2013. Dispõe sobre o Registro e Cadastramento de

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS DRH-SS-SE 0589-2012-01 A Diretoria de Recursos Humanos do SESI-SP abre

Leia mais

VIPMAIS. CAPEMISA SEGURADORA DE VIDA E PREVIDÊNCIA S/A Manual do Cliente VIP Mais Versão Out./12

VIPMAIS. CAPEMISA SEGURADORA DE VIDA E PREVIDÊNCIA S/A Manual do Cliente VIP Mais Versão Out./12 VIPMAIS 2 VIP MAIS MANUAL DO CLIENTE Bem-vindo à CAPEMISA. Parabéns, você acaba de adquirir um produto garantido pela CAPEMISA Seguradora de Vida e Previdência S/A que protege a sua família, caso algum

Leia mais

Lei n 12.414/2011 Cadastro Positivo

Lei n 12.414/2011 Cadastro Positivo Ref.: nº 30/2013 1. Lei n 12.414/2011 A referida norma, regulamentada pelo Decreto n 7.829/2012, disciplina a formação e consulta a banco de dados com informações de adimplemento de pessoas naturais ou

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PIAUÍ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO-TÉCNICO NOTA Nº E-128/2015

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PIAUÍ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO-TÉCNICO NOTA Nº E-128/2015 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PIAUÍ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO-TÉCNICO NOTA Nº E-128/2015 A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, empresa

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA

TERMOS DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO Para realização de suas atividades técnicas e administrativas a Agência Nacional de Telecomunicações Anatel utiliza-se de sistemas informatizados, sendo eles adquiridos no mercado ou desenvolvidos

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal da Integração Latino-Americana

Ministério da Educação Universidade Federal da Integração Latino-Americana Ministério da Educação Universidade Federal da Integração Latino-Americana EDITAL PROEX 10/2014, de 05 de agosto de 2014 PROFIEX 2014 A Comissão Superior de Extensão e a Pró-Reitora de Extensão da Universidade

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 - PROCIENT

EDITAL Nº 001/2015 - PROCIENT FACULDADE CATÓLICA DOM ORIONE - FACDO NÚCLEO DE PESQUISA E EXTENSÃO NUPEX PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PROCIENT FACULDADE CATÓLICA DOM ORIONE Rua Santa Cruz, 557. Centro - 77804-090

Leia mais

Manual dos processos de abertura de vaga, recrutamento e seleção e admissão

Manual dos processos de abertura de vaga, recrutamento e seleção e admissão T Manual dos processos de abertura de vaga, recrutamento e seleção e admissão Processos e Conformidade Janeiro/2015 Rev. 0 3/16/2015 1 SUMÁRIO 1. OBJETIVO...3 2. ABRANGÊNCIA...3 3. DESENHO (Abertura de

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC

CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC CONTRATO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ANIMAL PLANO PETMEDIC QUALIFICAÇÃO Nome: DO(A) CONTRATANTE: Filiação: / Data de nascimento: / / CPF: RG: Órgão emissor: Endereço: Nº Complemento: Bairro: CEP Cidade: UF:

Leia mais

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações.

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a proposta para

Leia mais

MBA EM GESTÃO PÚBLICA

MBA EM GESTÃO PÚBLICA EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online MBA EM GESTÃO PÚBLICA Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção Fique bem na foto Dia das Mães Shopping Deck Norte 2014

REGULAMENTO. Promoção Fique bem na foto Dia das Mães Shopping Deck Norte 2014 REGULAMENTO Promoção Fique bem na foto Dia das Mães Shopping Deck Norte 2014 1. A Promoção Fique bem na foto - Dia das Mães Shopping Deck Norte 2014 será realizada no Deck Norte Shopping, na Cidade de

Leia mais

REGULAMENTO DO PLANO INDIVIDUAL DE PECÚLIO POR MORTE DAS CARACTERÍSTICAS

REGULAMENTO DO PLANO INDIVIDUAL DE PECÚLIO POR MORTE DAS CARACTERÍSTICAS REGULAMENTO DO PLANO INDIVIDUAL DE PECÚLIO POR MORTE DAS CARACTERÍSTICAS Art. 1º. A Bradesco Vida e Previdência S.A., doravante denominada EAPC, institui o Plano de Pecúlio por Morte, estruturado no Regime

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE COLÉGIO ELEITORAL ESPECIAL COMISSÃO ELEITORAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE COLÉGIO ELEITORAL ESPECIAL COMISSÃO ELEITORAL INSTRUÇÕES PARA AS MESAS RECEPTORAS E APURADORAS DA ELEIÇÃO AOS CARGOS DE REITOR E VICE-REITOR DA UFAC QUADRIÊNIO 2012/2016 APRESENTAÇÃO Senhores membros das Mesas Receptoras e Apuradoras de votos, Ressaltando

Leia mais

Fundação de Apoio à Ciência, Tecnologia e Educação

Fundação de Apoio à Ciência, Tecnologia e Educação MANUAL DO PESQUISADOR SUMÁRIO 1. Apresentação 2. Inclusão de Projetos 2.1. Apresentações de novos projetos 2.2. Tipos de instrumentos legais 2.3. Situação de adimplência das instituições 3. Orientações

Leia mais

Exames Periódicos de Saúde

Exames Periódicos de Saúde Exames Periódicos de Saúde Neste informativo o servidor encontrará respostas para possíveis dúvidas a respeito do Exame Periódico de Saúde. Realização Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA Pró-Reitoria

Leia mais

Escopo do Copilot Optimize - Elaboração de Relatórios

Escopo do Copilot Optimize - Elaboração de Relatórios Descrição do serviço Copilot Optimize - Elaboração de Relatórios CAA-1013 Visão geral do serviço Esta Descrição do serviço ( Descrição do serviço ) é firmada por você, o cliente, ( você ou Cliente ) e

Leia mais

CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR EXPERIÊNCIA DE ADMINISTRADORES. DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES Fluxo e Detalhamento

CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR EXPERIÊNCIA DE ADMINISTRADORES. DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES Fluxo e Detalhamento CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR EXPERIÊNCIA DE ADMINISTRADORES DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES Fluxo e Detalhamento ICSS 2013 1 2 Índice 1 FLUXO DO PROCESO DE CERTIFICAÇÃO POR EXPERIÊNCIA... 4 2 DETALHAMENTO DO

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS Nº 04/2016 - Edital de Solicitação de Matrícula

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS Nº 04/2016 - Edital de Solicitação de Matrícula EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD/DIRPS Nº 04/2016 - Edital de Solicitação de Matrícula A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) torna pública a divulgação do Edital Complementar ao Edital UFU/PROGRAD/DIRPS

Leia mais

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Das Disposições Gerais 1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Art. 1º - O Prêmio Experiências de Sucesso 2015 Professor Nota 10, é uma promoção da Secretaria

Leia mais

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS O Diretor do Colégio Santo Agostinho - Leblon, no uso de suas atribuições regimentais e em consonância com a legislação em vigor, traz a público este Edital e estabelece as normas regentes para o Processo

Leia mais

Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais

Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais 1 PROGRAMA CAS: CERTIFICAÇÃO AEROAGRÍCOLA SUSTENTÁVEL 1. Introdução CAS Nível I REGULAMENTO A FEPAF (Fundação de Estudos e Pesquisas ), com apoio da ANDEF (Associação Nacional de Defesa Vegetal), do SINDAG

Leia mais

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA

MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA MANUAL CONTRATAÇÃO DE EVENTOS PRÉ EVENTO A) ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA E TRÂMITES PARA CONTRATAÇÃO DA EMPRESA 1) Reunião Prévia (Responsável: Secretaria Demandante) Solicitação de Contratação,

Leia mais

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Janeiro de 2014 Versão 1.3 1. INTRODUÇÃO O presente Regulamento é fundamental para reger as operações-chave do programa de Certificação Profissional FEBRABAN.

Leia mais

Manual de ingresso de novos voluntários.

Manual de ingresso de novos voluntários. Manual de ingresso de novos voluntários. Revisão n 01 de 28 de Janeiro de 2016. DESENVOLVIDO POR: Diretoria Operacional CBV Eldorado do Sul - Seção de Instrução e Ensino CBV Eldorado do Sul - Comando Operacional

Leia mais