ESFCEX ON LINE : UM ESTUDO SOBRE O SITE DA ESCOLA DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR DO EXÉRCITO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESFCEX ON LINE : UM ESTUDO SOBRE O SITE DA ESCOLA DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR DO EXÉRCITO"

Transcrição

1 2 ESFCEX ON LINE : UM ESTUDO SOBRE O SITE DA ESCOLA DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR DO EXÉRCITO Viviane da Silva Cardoso 1 Resumo. O presente artigo trata da comunicação social feita por meio do site da Escola de Formação Complementar do Exército (EsFCEx) e tem como objetivo contribuir para ampliar a projeção da imagem da Escola junto ao público interno e externo. Em termos metodológicos, o trabalho consiste em um estudo de caso e pesquisa bibliográfica. Também foram aplicados dois questionários para identificar a percepção dos militares da Unidade, funcionários civis e alunos do Curso de Formação de Oficiais a respeito da página do estabelecimento de ensino na internet. Em meio a realização da pesquisa, o site foi reformulado, passando a contar com uma nova arquitetura o que agradou muitos internautas. Mesmo assim, alguns itens ainda precisam ser modificados e, até mesmo, inseridas na página para atender ao público de interesse da Escola de Formação. Somente assim, a Organização Militar conseguirá projetar mais a sua imagem junto à sociedade. Novas mídias sociais, como Facebook, Twitter, Youtube e Orkut, são apontadas por esta autora como mecanismos importantes de comunicação social, que deveriam ser adotados pela seção de comunicação da EsFCEx para divulgar a missão e o trabalho da escola, estimulando outros profissionais a ingressarem na Força Terrestre, por meio do Quadro Complementar de Oficiais e do Serviço de Saúde. Palavras-chave: 1. Site. 2. EsFCEx. 3. Comunicação Social Abstract. This article is about the social communications made through the site of the School of Complementary Training Army (EsFCEx), and aims to contribute to enlarge the projected image with the public school's internal and external. In methodological terms, the work consists of a case study and literature review. Were also given two questionnaires to identify the perception of the military unit, civil employees and students of the Training Course for Officers about the page of the school on the Internet. During the research, the site was redesigned, now has a new architecture - which pleased many netizens. Still, some things have to be modified and even inserted into the page to serve the public interest of the School of Education. Only then will it be able to design more your image in the brazilian society. New social networks like Facebook, Twitter, Youtube and Orkut, are described by this author as important mechanisms of social communication, which should be adopted by the communication section of EsFCEx to publicize the mission and school work, encouraging other professionals to join the Army, through the Supplementary Table Officers and the Health Service. Keywords: 1. Site 2. EsFCEx 3. Sociable Communication 1 Introdução O presente estudo visa analisar o site da Escola de Formação Complementar do Exército, estabelecimento de ensino que em 2011 completou 23 anos de existência. Referência na formação de oficiais do Quadro Complementar, a EsFCEx, nesse mesmo ano, iniciou a preparação também dos oficiais do Serviço de Saúde, mais especificamente das 1 Bacharel em Comunicação Social Habilitação Jornalismo pelo Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), Salvador.

2 3 especialidades de odontologia e farmácia. Passando por fases distintas desde a criação, pode-se dizer que a escola entrou em um novo tempo. Diante do fato, nada mais intrigante do que indagar: será que a EsFCEx consegue difundir suas ações e atender a necessidade de informações do público mais próximo por meio da sua página na internet? Um portal com informações para duas escolas (EsFCEx e Colégio Militar de Salvador) pode confundir o internauta, que demora tempo mais do que o necessário para entender de que escola se está falando; notícias desatualizadas e fotos sem legendas não só desestimulam o leitor como tornam a comunicação ineficiente. Com o tema a eficácia da comunicação realizada por meio do site da Escola de Formação Complementar do Exército, o presente trabalho tem como objetivo contribuir para melhorar a projeção desse estabelecimento de ensino, cujas funções são importantes para o Exército Brasileiro. As ações incluem análise do site, identificação das necessidades e expectativas dos públicos da EsFCEx, bem como apontar falhas e sugerir medidas que auxiliem no êxito do processo comunicativo. Por meio de dois questionários verificou-se o que os internautas achavam da página antiga e da nova. A primeira pesquisa coletou informações durante os meses de maio e junho. Cinquenta e sete pessoas responderam aos questionamentos. Já a segunda, ficou no ar durante uma semana, mas observou-se uma maior participação: 100 pessoas. Talvez isso isso se justifique porque o material foi disponibilizado mais rapidamente na intranet da Escola. Ao analisar a comunicação da Escola de Formação Complementar na internet, a pesquisa se deteve no que se considera público interno, ou seja, funcionários civis, instrutores, alunos e demais militares. O trabalho se justifica na medida em que busca estreitar os laços e melhorar a divulgação da Escola junto à instituição. Nas próximas páginas, será feito um resgate histórico da EsFCEx e, utilizando o método de estudo de caso, analisar-se-á ( item 2) o modelo de site que ficou no ar de 2007 até junho de Também aborda-se as impressões e expectativas do público, bem como o que pensam os teóricos da comunicação sobre o assunto (item 3 do desenvolvimento). Para finalizar, o item 4 traz informações sobre conceitos de arquitetura de sites e reestruturação da página da Escola o que mudou para melhor. No item 6, é feita uma conclusão apontando o que ainda precisa ser trabalhado. 2 A Escola 2.1Um pouco de história A Escola de Formação Complementar do Exército surgiu em 5 de abril de 1988, em Salvador Bahia, com o nome de Escola de Administração do Exército. Inicialmente, oferecia cursos a oficiais e graduados de carreira da instituição, mas pouco tempo depois passou a formar militares do Quadro Complementar. Em 1992, as mulheres tiveram acesso a EsAEx. Atualmente, profissionais de diversas áreas do conhecimento, aprovados em concurso de âmbito nacional, passam pelo Curso de Formação de Oficiais e são preparados para atuar no assessoramento das Organizações Militares. Em 2010, a Portaria 1.080, de 8 de novembro de 2010, assinada pelo Comandante do Exército transformou a EsAEx em EsFCEx, modificando a sua missão e organização, passando a formar também dentistas e farmacêuticos, integrantes do serviço de Saúde. 2.2Site A página da Escola na internet faz parte de um portal, onde também consta a do Colégio

3 4 Militar de Salvador. Desde 2007, a estrutura do sítio mesclava informações dos dois estabelecimentos de ensino e, algumas vezes o internauta, que o acessava pela primeira vez, tinha dificuldades para entender de quem se falava. Muitas das informações sobre a EsFCEx constavam apenas na página inicial do portal. Ao acessar o link da Escola, o leitor ficava sem saber das notícias e informações que estavam na primeira página. Durante a coleta de dados da pesquisa, aplicou-se questionários ao público interno, foi feito levantamento bibliográfico e entrevistas essa com a Divisão de Telemática da Escola, responsável pelo site. Responsável pela seção, o Major QCO Magalhães confirmou que o modelo de site gerava confusão entre os internautas: rigor editorial. Outra observação importante a acrescentar é que as fotografias disponibilizadas não possuíam legendas, dificultando o entendimento por parte do internauta. Mike Ward destaca que as legendas são fundamentais, mas não podem descrever o que se está vendo Muitas vezes você precisa divulgar informações básicas, por exemplo, o nome de alguém para identificar a pessoa que está na foto em meio a uma dúzia de nomes que aparecem na reportagem... porém você geralmente vai querer adicionar outros detalhes, explicando a importância dessa pessoa para a reportagem. Lembre-se, as pessoas leem as legendas antes do texto principal de uma reportagem (MIKE WARD, Jornalismo Online, 2006, p.121 e 122). Como são duas escolas de perfis diferentes, seria prudente haver dois sites ou somente um com conteúdo das duas escolas, pois o portal torna confusa a navegação (MAJOR MAGALHÃES, chefe da Div de Telemática). As letras pequenas e algumas expressões do jargão militar tornavam o assunto difícil de ser entendido pelo público leigo. Poucas também eram as informações sobre o concurso da EsFCEx e as atividades desenvolvidas pelos alunos. Segundo o oficial, as reclamações eram constantes: Em função da mistura dos três sites (Portal, CMS e EsFCEx), da grande quantidade de informações existentes, da dificuldade de se atualizar diariamente tais conteúdos e por causar confusão em decorrência das duas escolas... quem acessava diretamente a página do CMS ou a página da EsFCEx, não tinha acesso a outras informações que estavam no portal Com a palavra... o internauta Oficiais alunos do curso de Comunicação Social do Centro de Estudos de Pessoal realizaram, em 2010, um projeto interdisciplinar que tinha a finalidade de desenvolver uma campanha de divulgação sobre a nova fase da EsAEx, cujo nome estava em vias de ser modificado. Uma das propostas apresentadas tratava da reformulação da página na Web: O modelo, elaborado por alunos do CFO da turma de 2006, estava no ar há quatro anos. Diversos militares da Escola, como instrutores e chefes de seções eram responsáveis por alimentar e atualizar a página, mas isso não acontecia com frequência e o resultado eram informações perdidas no tempo e um site sem o portal da EsAEx confunde quem o acessa pela primeira vez, porque reúne informações tanto da EsAEx como do CMS. Para o público externo isso impacta negativamente e dificulta a navegação. O menu também foi considerado de difícil acesso. Outros pontos negativos ressaltados

4 5 foram: Área de webmail voltada para o público interno, sendo desnecessária. Poderia estar atrelada à Intranet da OM; textos e notícias com siglas militares e voltados para o público interno; não possui área de busca; não possui link visível para o site do Exército; não consta endereço e outros dados institucionais. (SILVA, J. et AL. PROJETO INDERDISCIPLINAR ª FASE. Curso de Comunicação Social. Rio de Janeiro, RJ: CEP, 2010.) Seguindo linha semelhante de pesquisa aplicou-se um questionário para identificar qual a impressão do público interno sobre o site da EsFCEx. Entre as pessoas ouvidas, 58% eram alunos do Curso de Formação de Oficiais e 41,9% eram militares do corpo permanente da EsFCEx/CMS. Quase 58% dos entrevistados consideraram-no bom, no entanto 81% disseram que somente algumas vezes encontravam as informações que precisavam sobre a Escola (gráfico 1). O fato de o portal conter informações sobre a EsFCEx e CMS foi apontado como negativo por 33,33% dos internautas ouvidos pela pesquisa Embora sobre o mesmo comando, o públicoalvo das duas escolas é diferente, portanto deveriam ser dois sites separados. Quem procura informações sobre a EsFCEx é um público com perfil diferente de quem procura o colégio militar (Entrevistado 1) O endereço EsFCEx remete a uma unidade, o CMS a outra. O portal gera confusão e termina não sendo observado por muitos. Quem salva o link, salva o da OM, não o do portal (Entrevistado 2). Quanto às expectativas, 63,16% dos entrevistados consideraram que apenas em parte a página na web atende à demanda do público que busca informações sobre a Escola e o trabalho nela desenvolvido. Perguntados sobre o que eles achavam importante para melhorá-la, os itens mais citados foram: atualização das notícias (47,37%), mais informações (45,61%) e índice de notícias anteriores (38,6%). Para apenas 8,77% dos entrevistados, não faltava nada (gráfico 2). Gráfico 1 Quanto à navegabilidade, a maioria (53%) achou a página de fácil navegação, mas um percentual relevante (46%) considerou-a confusa e difícil. Para os que não enfrentaram problemas no acesso, o site era didático. No entanto, houve reclamações quanto à extensão dos textos, desatualização de dados e dificuldades de encontrar notícias mais antigas. 3 Portal Gráfico 2 Para ser chamado de portal, um site precisa

5 6 reunir algumas características, como cita Pollyana Ferrari: Os portais tentam atrair e manter a atenção do internauta ao apresentar, na página inicial, chamadas para conteúdos díspares, de várias áreas e de várias origens... o conteúdo jornalístico tem sido o principal chamariz dos portais (POLLYANA FERRARI, 2009, p. 30). Conhecer o público alvo e atender às necessidades dos leitores é fundamental. Para atrair a atenção do leitor é importante utilizar elementos diferentes como fotografias, áudios, vídeos. No caso das fotos, prefira as reveladas com pouca riqueza de detalhes, para que possam ser enxergadas nitidamente no tamanho reduzido do monitor... os vídeos são facilmente assistidos se o fundo for plano e as imagens estiverem o mais próximas possível. O texto on line deve estar numa linha entre o jornalismo impresso e o eletrônico. É mais conciso e multimídia do que o texto impresso, porém mais literal e detalhado do que o de TV, por exemplo (POLLYANA FERRARI, 2009, p.48). Ferrari também fala que o lead não deve ser esquecido na produção da notícia: ao escrever on line, é essencial dizer ao leitor de forma rápida qual é a notícia e por que ele deve continuar lendo aquele texto daí a importância de recorrer à velha fórmula quem fez o quê, quando, onde e por quê. 4 Técnicas de bem informar Cada vez mais, empresas, organizações e instituições reconhecem a importância do serviço de comunicação social na construção e manutenção da imagem junto à sociedade brasileira. Nesse cenário, a internet ocupa um espaço fundamental difundindo informações processadas mundialmente. A boa imagem de uma instituição se molda necessariamente junto ao seu público interno e externo no caso da EsFCEx, são os militares instrutores, soldados, alunos, funcionários civis, o comando e aquelas pessoas cujas decisões interferem diretamente no funcionamento da Escola. A missão, os valores e os produtos devem ser integralmente conhecidos por todos. Segundo pesquisadores da comunicação, a propaganda institucional é importante porque concentra valores e ideias das organizações. Francisco Gaudêncio Torquato do Rego (1984) diz que as Relações Públicas defendem que para uma empresa desfrutar de uma boa imagem perante todos os seus públicos precisa lançar mão de vários instrumentos de comunicação..."a imagem não basta ser boa tem que ser competitiva" (NEVES, 1988) - essa frase nos mostra que a imagem bem trabalhada tende a gerar credibilidade, atrair negócios e motivar profissionais e é isso o que as grandes empresas e instituições buscam atualmente. As organizações modernas não dispensam um serviço de Comunicação Social. É comum também observar profissionais da área cuidando da imagem institucional - o sucesso nestes casos é sempre garantido. Falhas no processo trazem problemas, muitas vezes, irreparáveis e que podem custar caro à direção e até mesmo aos funcionários. Oferecendo entretenimento, serviços e negócios, a internet é um importante meio para difundir informações de qualquer natureza em tempo real. Como diz Pinho, muito rápida e abrangente, a rede mundial permite transferir a mensagem com som, cor e movimento, para qualquer parte do mundo (PINHO, 2003, p.29). Ao contrário de outras mídias, na web, o leitor pode interagir. Por isso, se o conteúdo on line não oferecer o mínimo de interatividade, o

6 7 internauta pode não compreender a mensagem e perder o interesse pelo assunto: na internet, a organização não está falando para uma pessoa, mas conversando com ela (PINHO, 2003, p.31). 4.1 Arquitetura Quanto mais intuitiva a navegação, melhor o site. Não existem modelos prédefinidos, o que vale segundo os comunicadores é o bom senso. No entanto, consideram que uma página de sucesso deve conter alguns elementos essenciais para projetar a imagem da instituição. Dentro dessa ideia, está a visibilidade, ou seja, ela tem que estar registrada nos principais mecanismos de busca relacionados com as atividades da empresa/instituição; ter o conteúdo sempre atualizado; deve ser rica em informação; a home page é o cartão de visitas e para isso precisa oferecer uma noção geral da estrutura e conteúdos. Ícones e setas precisam ser claros e facilitar a navegação, além do que é imprescindível um bom design e sistema de busca logo na primeira página, essa é a forma mais rápida de localizar informações variadas. A arquitetura da informação é fundamental para o seu design. Mike Ward resssalta que é preciso designar sistemas de busca para conteúdo Não importa qual design de navegação você escolheu para o seu site... se a navegação é confusa, nenhum design de navegação poderá salvá-la. (WARD, 2006, p. 176) Textos longos na Web também são um problema. Internet lembra praticidade. Com a correria do dia a dia, as pessoas preferem leituras curtas e objetivas. A técnica da pirâmide invertida é a ideal para se escrever esse tipo de texto. Guillermo Franco explica que o mecanismo funciona começando pela informação mais importante e continuando na ordem decrescente de importância: Segundo Mencher, a pirâmide invertida permaneceu porque satisfaz a necessidade dos usuários dos meios de comunicação. Os leitores desejam saber o que aconteceu assim que a matéria começa a se desenvolver...as pessoas vivem ocupadas demais para parar sem nenhuma recompensa'. (GUILLERMO FRANCO, 2010, p.55) A estrutura é a mesma usada por jornais impressos e revistas, respeitando a técnica do lead (parágrafo inicial com as informação básicas: Quem? diz o quê? Quando? Como? Onde? Por quê?). Pinho também observa: tipos de letras muito elaboradas são de difícil leitura, sendo melhor adotar poucas fontes de tipo, construção mais simples... a definição do tamanho da letra também tem de considerar que os tipos menores poderão ser visualizados de forma embaralhada e confusa devido à baixa resolução dos monitores (PINHO, 2003, p105 e 107). As fotografias facilitam o entendimento do leitor, mas é importante tomar cuidados com o tamanho das imagens utilizadas para que o visitante não tenha de esperar muito para que elas sejam carregadas. 5.Nova página Diante das dificuldades percebidas para projetar a imagem da escola na internet o site foi reformulado no final de junho de Mantevese o portal, mas ele está mais dinâmico. Do lado esquerdo de quem vê, constam informações sobre a EsFCEx e, do lado direito, do CMS. A alimentação do site ficou à cargo da Seção de Comunicação Social, que conseguiu dar mais agilidade à atualização das notícias e elaborar melhor os textos, tornando-os curtos e objetivos.

7 8 As modificações motivaram um novo questionário para saber o que o público interno achou das mudanças. O levantamento, feito entre os dias 07 e 15 de julho, mostrou que o internauta ficou satisfeito com a nova página. No total, 104 pessoas responderam as perguntas. Desse universo, 52,13% acharam o novo site bom ; 40,43% classificaram-no como muito bom. Outro dado significativo é que 65,32% dos entrevistados declararam que com as modificações, conseguiram encontrar todas as informações de que precisavam na página da EsFCEx e apenas 4,21% disseram que não conseguiram encontrar tudo o que precisavam(ver gráfico 3). Ficou mais evidente que são duas unidades integradas que compõe uma mesma OM (Entrevistado 2). Para 21,78%, a atualização das notícias também melhorou. Quando perguntados sobre o que faltava para o site ficar ainda melhor, os itens mais citados foram: galeria de fotos(27,66%), mais notícias do curso (25,53%), melhor layout(19,15%) e localizador de notícias (13,83%) - ver gráfico 4. Gráfico 4 6 Considerações Finais Gráfico 3 Quanto à navegabilidade, 58,51% consideraram mais fácil ; para 18,09% o site não continua fácil como antes. No entanto 11,7% acharam que ele continua confuso e 8,51%, mais difícil. Outro ponto abordado no levantamento tratou do formato do portal. Para 81,91% das pessoas entrevistadas, a disposição das notícias sobre a Escola, do lado esquerdo do site, e do Colégio Militar de Salvador, do lado direito, deixou a página mais leve e de fácil compreensão. Entre as principais justificativas estão: Ficou melhor mais fácil para o usuário localizar as notícias (Entrevistado 1). Ao construir um site é importante ter em mente com quem se está querendo comunicar e que mensagem se quer transmitir. Somente conhecendo o público-alvo é possível traçar uma estratégia, capaz de levar ao êxito do processo comunicativo. Ao contrário dos outros meios de comunicação, a internet possibilita a interatividade rápida. Bastam alguns cliques para identificar a frequência de acessos à página, se ela está ou não agradando o internauta. E foi assim, que a EsFCEx percebeu que o modelo antigo não atendia às expectativas da maioria do seu público. A reformulação dinamizou e tornou o site mais atraente para o internauta situação essa comprovada pela segunda pesquisa feita com alunos do CFO 2011, civis e militares do quadro da Escola. Problemas identificados inicialmente, como desatualização de notícias e falta de dados básicos, como telefone, endereço da Escola (no pé

8 9 da página) e links de provável interesse do leitor impediam uma comunicação eficiente. Também vale ressaltar, que se deu mais atenção para as informações sobre o concurso da EsFCEx e sobre o curso de formação de oficiais. O site está convidativo para o leitor. No entanto, algumas falhas ainda persistem. Poucas são as fotografias com legendas. Ao olhar uma foto, o leitor dificilmente saberá quem está ali e o que representam naquele contexto. O profissional de comunicação não pode partir do princípio de que as pessoas conhecem a todos. Uma legenda curta e objetiva resolveria o problema. Da mesma forma, os mecanismos de busca continuam esquecidos. Não é possível localizar com rapidez notícias mais antigas, fatos que aconteceram, por exemplo, no começo do ano. Embora ainda haja pequenas falhas, a pesquisa mostrou que a EsFCEx deu um grande passo ao despertar para a importância de explorar a internet para divulgar a sua missão e trabalho. Nada mais proveitoso para a instituição Exército do que mostrar à sociedade a importância dessa Unidade, que forma militares especialistas em diversas áreas do conhecimento. Além de gerar credibilidade junto a outras Organizações Militares e até à sociedade, a Escola estimula ainda o seu público interno - ressaltando a importância do seu militar e das suas missões. Sem contar, que as informações levadas ao público externo acabam estimulando outras pessoas a prestarem o concurso e integrarem a Força Terrestre. Para projetar ainda mais a sua imagem, a EsFCEx deveria apostar em outras mídias, custo zero, como as sociais - Facebook, Twitter, Youtube e Orkut, por exemplo. Uma rede social é definida como um conjunto de dois elementos: atores (pessoas, instituições ou grupos; os nós da rede)e suas conexões (interações ou laços sociais)...é uma matáfora para observar os padrões de conexão de um grupo social... (RAQUEL RECUERO, 2009, p.24) Voltadas, em grande parte, ao público jovem e com grande aceitação entre jornalistas e demais formadores de opinião, essas mídias possibilitam a propagação rápida das informações e também despertam curiosidades sobre temas e assuntos diversos um excelente e promissor campo para se alinhar à modernização por que passa o Exército. Vale ressaltar que o presente estudo é limitado e serve como ponto de partida para novas pesquisas sobre a comunicação da Escola de Formação Complementar do Exército e a internet. 7 Referências BRASIL. Portaria 1.080/2010. BRASIL. Projeto Interdisciplinar de Comunicação Social 2ª Fase. CEP, Ministério da Defesa. Rio de Janeiro, FERRARI, Poliana. Jornalismo Digital. São Paulo: Contexto, FRANCO, Guillermo. Como escrever para a Web. Editora: Centro Knight para jornalismo nas Américas NEVES, Roberto de Castro. Imagem Empresarial: como as organizações (e as pessoas) podem proteger e tirar partido do seu maior patrimônio. Rio de Janeiro, Mauad, 1988, 418 p. PINHO, J.B. Relações Públicas na Internet Técnicas e estratégias para informar e influenciar públicos de interesse. São Paulo: Summus, RECUERO, Raquel. Redes Sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2009, 191 p. REGO, Francisco Gaudêncio Torquato do. Jornalismo Empresarial, Teoria e Pratica. São Paulo: Summus, 1984, 191p.

9 10 Página na Internet. WARD, Mike. Jornalismo Online. Roca, São Paulo, 2006.

Manual do Painel Administrativo

Manual do Painel Administrativo Manual do Painel Administrativo versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice Índice... 2 Figuras... 3 Inicio... 5 Funcionalidades... 7 Analytics... 9 Cidades... 9 Conteúdo... 10 Referência...

Leia mais

Imagem corporativa e as novas mídias

Imagem corporativa e as novas mídias Imagem corporativa e as novas mídias Ellen Silva de Souza 1 Resumo: Este artigo irá analisar a imagem corporativa, mediante as novas e variadas formas de tecnologias, visando entender e estudar a melhor

Leia mais

Proposta Revista MARES DE MINAS

Proposta Revista MARES DE MINAS SATIS 2011 Proposta Revista MARES DE MINAS 21/03/2011 A SATIS Índice 1 A Satis 1 A Proposta 1 Serviços 2 Mapa do Site 2 SEO 3 Sistema de gerenciamento de conteudo 4 Cronograma e Prazos 5 Investimento 6

Leia mais

1. Objetivo do Projeto

1. Objetivo do Projeto PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS VISNET - INTERNET E COMUNICAÇÃO Desenvolvimento de Site para CDL 1. Objetivo do Projeto O CDL Online é o mais novo sistema interativo especialmente projetado para criar

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil Após um mais de ano de trabalho e experiências adquiridas a CRIC apresenta à diretoria regional as diretrizes que regem

Leia mais

ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2

ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2 ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2 RESUMO: O presente trabalho tem como objetivo saber como é desenvolvido o trabalho de Assessoria de Imprensa, sendo um meio dentro da comunicação que através

Leia mais

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 Cruz das Almas BA 2013 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO

Leia mais

O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL

O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL PACOTE DE NOTÍCIAS no dreamweaver O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL União das principais características das mídias "anteriores : - Agilidade (rádio) - rapidez na atualização de conteúdo e na formatação do layout

Leia mais

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Morgana Hamester História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Contexto atual Modelização digital contemporaneidade;

Leia mais

Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário do Portal Ypadê Balaio Digital Tecnologia em Gestão Ltda ME. Manual do Usuário Portal Ypadê

Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário do Portal Ypadê Balaio Digital Tecnologia em Gestão Ltda ME. Manual do Usuário Portal Ypadê Centro de Agricultura Alternativa CAA Manual do Usuário Portal Ypadê Montes Claros, 16 de Julho de 2011 Revisão 3 Sumário 1. Apresentação do portal e escopo deste documento... 2 2. Acessando o Portal Ypadê...

Leia mais

SISTEMÁTICA WEBMARKETING

SISTEMÁTICA WEBMARKETING SISTEMÁTICA WEBMARKETING Breve descrição de algumas ferramentas Sobre o Webmarketing Web Marketing é uma ferramenta de Marketing com foco na internet, que envolve pesquisa, análise, planejamento estratégico,

Leia mais

REFORMULAÇÃO SITE ARCA BRASIL

REFORMULAÇÃO SITE ARCA BRASIL REFORMULAÇÃO SITE ARCA BRASIL Equipe A³ Elton Sacramento Eveline Almeida Gabriela Yu 1 1. Introdução O site escolhido foi o ARCA Brasil (http://www.arcabrasil.org.br/), uma ONG que promove o bem-estar

Leia mais

Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo

Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo Algumas questões importantes sobre um projeto digital. Dependendo do cliente não é necessário levantar uma grande quantidade de dados. Utilize este

Leia mais

Pesquisa de Avaliação do Portal da ANEEL na Internet

Pesquisa de Avaliação do Portal da ANEEL na Internet Pesquisa de Avaliação do Portal da ANEEL na Internet Período de pesquisa: 03/11/2004 a 30/12/2004 Abril 2005 1/13 Índice Página 1.0 INTRODUÇÃO...03 2.0 Análise das respostas de múltipla escolha...04 3.0

Leia mais

MIDIA KIT. Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br

MIDIA KIT. Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br MIDIA KIT Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br Sobre nosso site O Notícias de Alagoinhas hoje é o portal mais completo da cidade. Somos um Canal de comunicação online que integra

Leia mais

O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar

O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar Muitos empresários e profissionais liberais gostariam de estar na Internet, mas, na maioria dos casos, não sabem muito bem por que e nem mesmo sabem a diferença

Leia mais

2. CAIXA DE FERRAMENTAS - CHEGANDO A REDAÇÃO

2. CAIXA DE FERRAMENTAS - CHEGANDO A REDAÇÃO SUMÁRIO INTRODUÇÃO 15 Para que serve este Livro 17 Como usar este livro 1. PARA ENTENDER A PROFISSÃO 23 O que é preciso para ter sucesso na profissão 23 TALENTO - Como saber se você tem 24 CONHECIMENTO-Como

Leia mais

INSTRUMENTO NORMATIVO 004 IN004

INSTRUMENTO NORMATIVO 004 IN004 1. Objetivo Definir um conjunto de critérios e procedimentos para o uso do Portal Eletrônico de Turismo da Região disponibilizado pela Mauatur na Internet. Aplica-se a todos os associados, empregados,

Leia mais

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail...

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... FACEBOOK Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... 8 Características do Facebook... 10 Postagens... 11

Leia mais

ÍNDICE MANUAL SITE ADMINISTRÁVEL TV. 1. Introdução 2. Acessando o site administrável/webtv SITE ADMINISTRÁVEL 3. CONFIGURAÇÕES

ÍNDICE MANUAL SITE ADMINISTRÁVEL TV. 1. Introdução 2. Acessando o site administrável/webtv SITE ADMINISTRÁVEL 3. CONFIGURAÇÕES MANUAL SITE ADMINISTRÁVEL TV ÍNDICE 1. Introdução 2. Acessando o site administrável/webtv SITE ADMINISTRÁVEL 3. CONFIGURAÇÕES 3.1 - Dados Cadastrais 3.2 - Noticias 3.3 Redes Sociais 3.4 - Player 4. DESIGN

Leia mais

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE?

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE? Manual do Usuário INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO ON LINE A ATIC Tecnologia do Brasil Ltda. com o objetivo de atender aos seus diversos clientes, oferece treinamentos EAD - Educação a Distância

Leia mais

Utilizando a ferramenta de criação de aulas

Utilizando a ferramenta de criação de aulas http://portaldoprofessor.mec.gov.br/ 04 Roteiro Utilizando a ferramenta de criação de aulas Ministério da Educação Utilizando a ferramenta de criação de aulas Para criar uma sugestão de aula é necessário

Leia mais

ebook Aprenda como aumentar o poder de captação do seu site. por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação

ebook Aprenda como aumentar o poder de captação do seu site. por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação Sobre o Autor: Sempre fui comprometido com um objetivo de vida: TER MINHA PRÓPRIA EMPRESA. Mas assim como você, eu também ralei bastante

Leia mais

Software Tutorial sobre Sistema Solar

Software Tutorial sobre Sistema Solar Software Tutorial sobre Sistema Solar Alan Correa, Antônio Rocir, Sandro Niederauer Faculdade Cenecista de Osório (FACOS) Rua 24 de maio, 141 95520-000 Osório RS Brasil {sandroniederauer, alan.sms}@hotmail.com,

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER

CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER Blog é uma abreviação de weblog, qualquer registro frequênte de informações pode ser considerado um blog (últimas notícias de um jornal online por exemplo). A maioria das

Leia mais

MANUAL DO ALUNO EAD 1

MANUAL DO ALUNO EAD 1 MANUAL DO ALUNO EAD 1 2 1. CADASTRAMENTO NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Após navegar até o PORTAL DA SOLDASOFT (www.soldasoft.com.br), vá até o AMBIENTE DE APRENDIZAGEM (www.soldasoft.com.br/cursos).

Leia mais

AS MÍDIAS SOCIAIS E O SEU ALCANCE PARA A IMAGEM E O AUMENTO DAS VENDAS DAS PEQUENAS EMPRESAS VAREJISTAS DE SANTA FÉ DO SUL (SP) RESUMO

AS MÍDIAS SOCIAIS E O SEU ALCANCE PARA A IMAGEM E O AUMENTO DAS VENDAS DAS PEQUENAS EMPRESAS VAREJISTAS DE SANTA FÉ DO SUL (SP) RESUMO 200 AS MÍDIAS SOCIAIS E O SEU ALCANCE PARA A IMAGEM E O AUMENTO DAS VENDAS DAS PEQUENAS EMPRESAS VAREJISTAS DE SANTA FÉ DO SUL (SP) RESUMO Clayton Cardoso de MORAES 1 Guilherme Bernardo SARDINHA 2 O presente

Leia mais

A comunicação de sites de clínicas de cirurgia plástica

A comunicação de sites de clínicas de cirurgia plástica Departamento de Comunicação Social A comunicação de sites de clínicas de cirurgia plástica Aluna: Juliana d Arêde Orientador: José Carlos Rodrigues Introdução A evolução de técnicas estéticas acompanha

Leia mais

Guia Rápido de Utilização. Ambiente Virtual de Aprendizagem. Perfil Aluno

Guia Rápido de Utilização. Ambiente Virtual de Aprendizagem. Perfil Aluno Guia Rápido de Utilização Ambiente Virtual de Aprendizagem Perfil Aluno 2015 APRESENTAÇÃO O Moodle é um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) open source¹. Esta Plataforma tornouse popular e hoje é utilizada

Leia mais

CentralSul de Notícias: A Rotina Produtiva de uma Agência Experimental Online 1

CentralSul de Notícias: A Rotina Produtiva de uma Agência Experimental Online 1 CentralSul de Notícias: A Rotina Produtiva de uma Agência Experimental Online 1 COSTA 2 Daiane dos Santos; FONSECA 3 Aurea Evelise dos Santos; ZUCOLO 4 Rosana Cabral 1 Trabalho submetido ao SEPE 2011 Simpósio

Leia mais

2. Introdução 4. Missão e Valores. 5. Visão 6. Serviços 7. Diferenciais. 11. Clientes 12. Contatos

2. Introdução 4. Missão e Valores. 5. Visão 6. Serviços 7. Diferenciais. 11. Clientes 12. Contatos 2. Introdução 4. Missão e Valores 5. Visão 6. Serviços 7. Diferenciais 11. Clientes 12. Contatos Introdução New Trend Projects é uma agência de publicidade que atua nas mais diversas áreas da comunicação.

Leia mais

Blog NoRascunho 1. Andrew Philip Saldanha de FRANÇA 2 Melissa Cirne de Lucena 3 Universidade Potiguar, Natal, RN

Blog NoRascunho 1. Andrew Philip Saldanha de FRANÇA 2 Melissa Cirne de Lucena 3 Universidade Potiguar, Natal, RN Blog NoRascunho 1 Andrew Philip Saldanha de FRANÇA 2 Melissa Cirne de Lucena 3 Universidade Potiguar, Natal, RN RESUMO Como forma de registrar acontecimentos ligados a área da comunicação com um foco em

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: website; jornalismo online; comunicação organizacional.

PALAVRAS-CHAVE: website; jornalismo online; comunicação organizacional. Contribuições para a comunicação organizacional de um curso de Jornalismo: Website do Curso de Comunicação Social - Jornalismo da UFSJ 1 Priscila NATANY 2 Alessandra de FALCO 3 Universidade Federal de

Leia mais

IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014

IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014 IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014 Relação de itens verificados e propostas de alteração que consideramos fundamental para a continuidade dos trabalhos de transição

Leia mais

WWW.OUTSIDE.COM.BR Outside On-Line LTDA Telefone: +55 (19) 3869-1484 (19) 9 9441-3292 (claro) Email: carlos@outside.com.br

WWW.OUTSIDE.COM.BR Outside On-Line LTDA Telefone: +55 (19) 3869-1484 (19) 9 9441-3292 (claro) Email: carlos@outside.com.br MARKETING DIGITAL Ações de comunicação que as empresas podem se utilizar por meio da Internet e da telefonia celular e outros meios digitais para divulgar e comercializar seus produtos, conquistar novos

Leia mais

Empresa capixaba de tecnologia lança primeiro construtor de sites do Estado

Empresa capixaba de tecnologia lança primeiro construtor de sites do Estado Empresa capixaba de tecnologia lança primeiro construtor de sites do Estado Por meio do www.webfacil.com.br qualquer usuário de informática é capaz de criar seu próprio site, no domínio que desejar, e

Leia mais

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas.

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. 2 INTRODUÇÃO Em um curto espaço de tempo, vimos o Facebook ir do zero ao status de uma das

Leia mais

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional 40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional Essas 40 dicas são ótimas e assino embaixo. Foram passadas para mim pelo amigo Luiz Rodrigues, aluno também do Curso Online de Design Web. A fonte

Leia mais

Equipe da GCO: 1. Carlos Campana Gerente 2. Maria Helena 3. Sandro 4. Mariana

Equipe da GCO: 1. Carlos Campana Gerente 2. Maria Helena 3. Sandro 4. Mariana Gerência de Comunicação GCO tem por finalidade planejar, organizar, coordenar e controlar as atividades de comunicação e editoriais do Confea. Competências da GCO 1. Organizar e executar projetos editoriais:

Leia mais

Jornalismo Interativo

Jornalismo Interativo Jornalismo Interativo Antes da invenção da WWW, a rede era utilizada para divulgação de informações direcionados a públicos muito específicos e funcionavam através da distribuição de e-mails e boletins.

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2012 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 14% da população,

Leia mais

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula :

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula : Como Criar uma Aula? Para criar uma sugestão de aula é necessário que você já tenha se cadastrado no Portal do Professor. Para se cadastrar clique em Inscreva-se, localizado na primeira página do Portal.

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA OS GRUPOS QUE ESTÃO PRODUZINDO UMA: REPORTAGEM Tipos de Textos Características

Leia mais

Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD

Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD 1 Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD 2015 2 Sumário Acessando o UNICURITIBA Virtual... 4 Conhecendo o UNICURITIBA Virtual... 5 1. Foto do Perfil... 5 2. Campo de Busca...

Leia mais

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL!

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL! O guia completo para uma presença online IMBATÍVEL! Sumário Introdução 3 Capítulo 1 - Produção de Conteúdo: Por que e Como produzir 5 Capítulo 2 - Distribuição e Divulgação 8 Capítulo 3 - Monitoramento

Leia mais

Blogs corporativos: uma inovação na Comunicação Organizacional 1

Blogs corporativos: uma inovação na Comunicação Organizacional 1 Blogs corporativos: uma inovação na Comunicação Organizacional 1 Ediane Barbosa Oliveira 2 ECOS/UCPel Resumo: O trabalho busca um estudo sobre uma ferramenta estratégica do ciberespaço no meio da comunicação

Leia mais

A DIVULGAÇÃO DO CURSO DE JORNALISMO ATRAVÉS DO SITE E DAS REDES SOCIAIS

A DIVULGAÇÃO DO CURSO DE JORNALISMO ATRAVÉS DO SITE E DAS REDES SOCIAIS 11. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( X ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

Entre em contato com a Masterix e agende uma reunião para conhecer melhor o SMGC.

Entre em contato com a Masterix e agende uma reunião para conhecer melhor o SMGC. Conheça melhor os sistemas Masterix: O que é SMGC? O Sistema Masterix de Gestão de Conteúdo é um conjunto de ferramentas de atualização dinâmica que permitem aos nossos clientes o abastecimento e atualização

Leia mais

a marca A SEGUIR, VOCÊ DESCOBRE COMO FAZER PARTE DE TUDO ISSO.

a marca A SEGUIR, VOCÊ DESCOBRE COMO FAZER PARTE DE TUDO ISSO. a marca A Cabelos&cia é referência em conteúdo sobre beleza profissional há 19 anos. E agora toda sua excelência está atualizada, repaginada e muito mais acessível com o portal Cabelos&cia. Direcionado

Leia mais

Como e por onde começar e os melhores formatos de conteúdo para você

Como e por onde começar e os melhores formatos de conteúdo para você Como e por onde começar e os melhores formatos de conteúdo para você A fim de criar, controlar, gerenciar sua reputação online e construir a carreira que você deseja, alguns ações são necessárias. A primeira

Leia mais

Navegando no produto e utilizando esse material de apoio, você descobrirá os benefícios do IOB Online Regulatório, pois só ele é:

Navegando no produto e utilizando esse material de apoio, você descobrirá os benefícios do IOB Online Regulatório, pois só ele é: 1. CONCEITO Completo, prático e rápido. Diante do aumento da complexidade da tributação e do risco fiscal, pelos desafios de conhecimento e capacitação e pela velocidade para acompanhar mudanças na legislação,

Leia mais

Teste de Usabilidade BEEQO. Data Versão do wireframe Descrição

Teste de Usabilidade BEEQO. Data Versão do wireframe Descrição BEEQO Teste de Usabilidade Data Versão do wireframe Descrição 21/03/2012 1.1 Entender o comportamento do usuário com a interface proposta e avaliar os principais problemas de usabilidade. Página 1 de 8

Leia mais

NOTÍCIA INSTITUCIONAL: IMAGEM INSTITUCIONAL

NOTÍCIA INSTITUCIONAL: IMAGEM INSTITUCIONAL NOTÍCIA INSTITUCIONAL: IMAGEM INSTITUCIONAL RESUMO Caroline Ferreira 1 O objetivo deste artigo é falar sobre Noticia institucional e o interesse cada vez maior das empresas em cuidar da sua imagem institucional.

Leia mais

Tutorial USERADM. Inserindo conteúdos no site

Tutorial USERADM. Inserindo conteúdos no site Tutorial USERADM Inserindo conteúdos no site Como acessar o Administrador de Conteúdos do site? 1. Primeiramente acesse o site de sua instituição, como exemplo vamos utilizar o site da Prefeitura de Aliança-TO,

Leia mais

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes ALUNES MANUAL DO USUÁRIO Guia rápido Alunes 1 Manual de Instruções Versão 2.0 Alunes Informática 2 Sumário Introdução... 5 Pré-requisitos... 5 Principal/Home... 6 Como editar texto do home... 7 Desvendando

Leia mais

Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem

Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem Ambiente Virtual de Aprendizagem (Moodle) - - Atualizado em 29/07/20 ÍNDICE DE FIGURAS Figura Página de acesso ao SIGRA... 7 Figura 2 Portal de Cursos... 8

Leia mais

TUTORIAL DO ALUNO. Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!!

TUTORIAL DO ALUNO. Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!! TUTORIAL DO ALUNO Olá, bem vindo à plataforma de cursos a distância da Uniapae!!! O Moodle é a plataforma de ensino a distância utilizada pela Uniapae sendo a unidade de ensino para rápida capacitação

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL Disciplina: Internet na Publicidade/Noite Profª: Silvana Sandini

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL Disciplina: Internet na Publicidade/Noite Profª: Silvana Sandini PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL Disciplina: Internet na Publicidade/Noite Profª: Silvana Sandini ALEXANDRA HOHENBERGER PLANEJAMENTO SITE INSTITUCIONAL

Leia mais

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br PROPOSTA DE PROPAGANDA - ANUNCIE NO JDC Apresentação de Plano de Publicidade Online no Site O JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ atende com o nome de JDC, porque é uma empresa que tem como sua atividade

Leia mais

3 - Projeto de Site:

3 - Projeto de Site: 3 - Projeto de Site: O site de uma empresa é como um cartão de visita que apresenta sua área de negócios e sua identidade no mercado, ou ainda, como uma vitrine virtual em que é possível, em muitos casos,

Leia mais

Assessoria de Imprensa

Assessoria de Imprensa www.migre.com.br Assessoria de Imprensa "Uma notícia em um jornal respeitado vale mais que dez apresentações feitas pelo melhor vendedor da empresa Assessoria de Imprensa A mídia espontânea, mais do que

Leia mais

1 Como seu Cérebro Funciona?

1 Como seu Cérebro Funciona? 1 Como seu Cérebro Funciona? UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC (UFABC) O cérebro humano é capaz de processar as informações recebidas pelos cinco sentidos, analisá-las com base em uma vida inteira de experiências,

Leia mais

Social Media em 5 etapas

Social Media em 5 etapas Como estruturar seu sistema de Social Media em 5 etapas O que é este guia? O Guia de inicialização em social media foi criado pela G&P como uma forma de ajudar e incentivar as mais diversas empresas do

Leia mais

MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL

MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL ACESSANDO O UNICURITIBA VIRTUAL Acesse o site do UNICURITIBA: http://unicuritiba.edu.br Clique no link Portal do Aluno, que fica no canto superior direito. Dentro

Leia mais

CAPÍTULO 4. AG8 Informática

CAPÍTULO 4. AG8 Informática 2ª PARTE CAPÍTULO 4 Este capítulo têm como objetivo: 1. Tratar das etapas do projeto de um Website 2. Quais os profissionais envolvidos 3. Administração do site 4. Dicas para não cometer erros graves na

Leia mais

SERÁ UM ORGULHO TÊ-LO EM NOSSO TIME!!!

SERÁ UM ORGULHO TÊ-LO EM NOSSO TIME!!! A MVP é uma agência de Comunicação e Marketing Esportivo que atua de forma diferenciada no mercado, gerenciando a imagem de grandes atletas do esporte nacional desde 2006, passando pelos ciclos olímpicos

Leia mais

Como criar um formulário de pesquisa usando o Google Drive

Como criar um formulário de pesquisa usando o Google Drive 25/09/2013 07h25 - Atualizado em 25/09/2013 07h43 Como criar um formulário de pesquisa usando o Google Drive por EDIVALDO BRITO Para o TechTudo 1 comentário Se você precisa fazer alguma pesquisa de um

Leia mais

MANUAL. Perfil de Professor

MANUAL. Perfil de Professor MANUAL Perfil de Professor Índice 1. Acesso 1.1. Acessando o Canal do Norte... 03 2. Disciplinas 2.1. Acessando Disciplinas... 07 3. Recursos 3.1. Adicionando Recursos... 10 3.2. Página de texto simples...

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01)

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Submissão de Relatórios Científicos Sumário Introdução... 2 Elaboração do Relatório Científico... 3 Submissão do Relatório Científico... 14 Operação

Leia mais

Portfolio de Produtos

Portfolio de Produtos Introdução O Guia de Produtos e Serviços da Assessoria de Comunicação (ASCOM) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi elaborado com o objetivo de apresentar os produtos e serviços prestados

Leia mais

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Este documento faz parte do Repositório Institucional do Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org REFORMULAÇÃO DO SITE FSM (www.forumsocialmundial.org.br) O processo FSM passa por uma nova fase

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Sumário Pré-requisitos para o Moodle... Entrar no Ambiente... Usuário ou senha esquecidos?... Meus cursos... Calendário... Atividades recentes...

Leia mais

Crescimento significativo da população em idade economicamente ativa.

Crescimento significativo da população em idade economicamente ativa. O Brasil hoje é palco de um dos mais impressionantes fenômenos de empreendedorismo em todo o mundo. Esse movimento é reflexo de uma série de transformações demográficas e socioeconômicas que propiciam

Leia mais

Guia de Ambientação Março/2011

Guia de Ambientação Março/2011 Guia de Ambientação Março/2011 APRESENTAÇÃO Caro cursista, Bem vindo ao Guia de Ambientação. Este documento é dirigido a você, participante. Com ele, você conhecerá como está estruturada a interface de

Leia mais

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Adriano Lima Belo Horizonte 2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA ESP-MG... 3 Programação do curso no AVA-ESPMG

Leia mais

Como criar um perfil de destaque no LinkedIn

Como criar um perfil de destaque no LinkedIn Como criar um perfil de destaque no LinkedIn O que é o LinkedIn e como ele pode me ajudar? O LinkedIn é uma rede social on-line para profissionais. Muitas pessoas dizem que é o Facebook dos negócios. Os

Leia mais

COMO SE CONECTAR A REDE SOCIAL FACEBOOK? Passo-a-passo para criação de uma nova conta

COMO SE CONECTAR A REDE SOCIAL FACEBOOK? Passo-a-passo para criação de uma nova conta Universidade Federal de Minas Gerais Faculdade de Educação NÚCLEO PR@XIS Núcleo Pr@xis COMO SE CONECTAR A REDE SOCIAL FACEBOOK? Passo-a-passo para criação de uma nova conta Francielle Vargas* Tutorial

Leia mais

Uma Publicação Grupo IPub. Guia. redes sociais para clínica de estética. Guia de redes sociais para clínica de estética

Uma Publicação Grupo IPub. Guia. redes sociais para clínica de estética. Guia de redes sociais para clínica de estética Uma Publicação Grupo IPub Guia redes sociais para clínica de estética Guia de redes sociais para clínica de estética Conteúdo 1. Introdução 2. A força das redes sociais para clínica de estética 3. As redes

Leia mais

Relatório de Gestão Setorial 2010

Relatório de Gestão Setorial 2010 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial 2010 Cruz das Almas BA 2010 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO RELATÓRIO DE ATIVIDADES Período: Janeiro

Leia mais

ANÁLISE DA CONVERGÊNCIA NA RÁDIO SÃO FRANCISCO FM

ANÁLISE DA CONVERGÊNCIA NA RÁDIO SÃO FRANCISCO FM ANÁLISE DA CONVERGÊNCIA NA RÁDIO SÃO FRANCISCO FM INTRODUÇÃO/DESENVOLVIMENTO Bruna Vieira de Oliveira Ricardo Rigaud Salmito 1 Esta pesquisa pretende analisar se a criação do site da rádio São Francisco

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1 Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente Versão 1.1 Sumário Sistema de Relacionamento com Cliente 3 1 Introdução... ao Ambiente do Sistema 4 Acessando... o Sistema 4 Sobre a Tela... do Sistema

Leia mais

FAQ REGISTRO DE INTERAÇÕES

FAQ REGISTRO DE INTERAÇÕES Sumário 1. O que são interações?... 3 2. Posso registrar uma interação com um parceiro?... 3 3. Posso registrar interações para empresas?... 3 4. Quando converso informalmente com um cliente, parceiro

Leia mais

TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS.

TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS. Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS. CATEGORIA: CONCLUÍDO

Leia mais

Encontro de Coordenadores 2013

Encontro de Coordenadores 2013 Encontro de Coordenadores 2013 Bem-vindos, Coordenadores Júniores! Porque ser um coordenador júnior? Hospital de Câncer de Barretos Hospital São Judas Tadeu (SP) Hospital de Câncer Infantojuvenil (SP)

Leia mais

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno 1 MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO MOODLE FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA VIRTUAL - Versão: Aluno Acessando o sistema 1- Para acessar a Faculdade Interação Americana Virtual digite o seguinte endereço: http://ead.fia.edu.br/

Leia mais

KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais

KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais INTRODUÇÃO Em plena era 2.0 é imprescindível que as empresas estejam presentes na

Leia mais

RELACIONAMENTO, REPUTAÇÃO E RELEVÂNCIA

RELACIONAMENTO, REPUTAÇÃO E RELEVÂNCIA RELACIONAMENTO, REPUTAÇÃO E RELEVÂNCIA Comunicação Organizacional em Mídias Sociais UNISO Prof. Randolph de Souza PRESENÇA NAS MÍDIAS Necessidade Definição de Estratégias para minimizar riscos Se bem trabalhadas

Leia mais

Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC

Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC Sugestão de Roteiro para Elaboração de Monografia de TCC Sugerimos, para elaborar a monografia de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), que o aluno leia atentamente essas instruções. Fundamentalmente,

Leia mais

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino.

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino. A TERCEIRA EDIÇÃO DA CAMPUS PARTY BRASIL, REALIZADA EM SÃO PAULO ENTRE OS DIAS 25 E 31 DE JANEIRO DE 2010, REUNIU QUASE 100 MIL PARTICIPANTES PARA DISCUTIR AS TENDÊNCIAS DA INTERNET E DAS MÍDIAS DIGITAIS.

Leia mais

MANUAL DE CADASTRO DE PROJETOS DO ESCOLA DE FÁBRICA

MANUAL DE CADASTRO DE PROJETOS DO ESCOLA DE FÁBRICA MANUAL DE CADASTRO DE PROJETOS DO ESCOLA DE FÁBRICA 2 ÍNDICE 1. Acessando o Sistema...03 2. Cadastrando da Unidade Gestora...05 2.1. Adicionando Curso ao Projeto...07 2.2. Montando a Infra-Estrutura do

Leia mais

2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA

2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA 2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA Neste capítulo faremos uma breve descrição de algumas plataformas para ensino a distância e as vantagens e desvantagens de cada uma. No final do capítulo apresentamos

Leia mais

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo 5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo Este estudo teve como objetivo contribuir para a compreensão do uso das mídias sociais, como principal ferramenta de marketing da Casar é Fácil, desde o momento da sua

Leia mais

Configurações de Campanha

Configurações de Campanha Guia rápido sobre... Configurações de Campanha Neste guia... Aprenda a criar campanhas e a ajustar as configurações para otimizar os resultados. Índice 1. Criar Nova Campanha! 4 1.1 Dar um nome à campanha!

Leia mais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais Os desafios do Bradesco nas redes sociais Atual gerente de redes sociais do Bradesco, Marcelo Salgado, de 31 anos, começou sua carreira no banco como operador de telemarketing em 2000. Ele foi um dos responsáveis

Leia mais

Guia Prático. Sistema EAD PRO-CREA

Guia Prático. Sistema EAD PRO-CREA Guia Prático Sistema EAD PRO-CREA Educação a Distância (EAD) Conheça a seguir algumas dicas de Netiqueta para uma convivência sociável e boas maneiras na web. Sugerimos fazer um teste para saber como você

Leia mais

Planejamento de Campanha Publicitária

Planejamento de Campanha Publicitária Planejamento de Campanha Publicitária Prof. André Wander UCAM O briefing chegou. E agora? O profissional responsável pelo planejamento de campanha em uma agência de propaganda recebe o briefing, analisa

Leia mais

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Compra Direta - Guia do Fornecedor PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Página As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis referências a web sites, estão sujeitas

Leia mais

10 estratégias para gerar tráfego para seu blog

10 estratégias para gerar tráfego para seu blog Este E-book pode ser distribuído livremente. Autor : William Rossi http://www.sucessocomocriar.com/blog William Rossi - http://www.sucessocomocriar.com/blog Página 1 O maior problema que os blogueiros

Leia mais