Bruno Martins e Jéssica Pereira, 1.º TF. Na minha opinião, fomos recebidos de uma forma divertida e informal. Beatriz Rodrigues, 1.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bruno Martins e Jéssica Pereira, 1.º TF. Na minha opinião, fomos recebidos de uma forma divertida e informal. Beatriz Rodrigues, 1."

Transcrição

1 Jornal Escolar DEZ 12 N.º 11 FESTA DE ABERTURA DO ANO LETIVO Foi um dia muito bem passado e uma ideia diferente para cada um de nós. Gostávamos de repetir! Rodrigo Silva, Levis Santos e Tiago Seixas, 1.º TF Gostámos deste dia, pois foi diferente e ajudou-nos a integrar na turma. Foi mais fácil comunicarmos com os nossos colegas e ficarmos mais à vontade na turma. Por isso, achamos que foi uma boa ideia a escola ter preparado este dia para nós. Bruno Martins e Jéssica Pereira, 1.º TF O Diretor Sebastião foi um grande anfitrião pela forma como fomos recebidos. Um misto de simpatia e responsabilidade! Leandro Alves, 1.º TF A chegada à escola foi muito agradável e acolhedora! Rafael Gonçalves, 1.º TDD3D ENTREVISTA Alunos do 1.º ano OS NÚCLEOS Nova aposta Pedagógica NOVO SITE DA ESCOLA DIGITAL Na minha opinião, fomos recebidos de uma forma divertida e informal. Beatriz Rodrigues, 1.º TF ENTREVISTA Aluna vencedora do GRANDE C Parceria com a Companhia de Teatro ARTE D ENCANTAR UM OLHAR SOBRE A NOSSA ESCOLA digintegra-te Para uma melhor e mais dinâmica interação entre os alunos novos e os mais antigos, os professores e os restantes funcionários da escola, foi posto em prática um projeto de integração a que se apelidou de Digintegra-te. A escola não poupou na originalidade do projeto. Digintegrei-me! Jaime Pinto, 1.º TF Ficámos espantados com esta original receção que adorámos e esperamos que haja novamente para nós uma atividade como esta! Pedro Ferreira e André Tavares, 1.º TET A boa receção e o bom ambiente deixaram um grande à vontade em todos os alunos para se integrarem na Escola Digital e deixaram também uma boa impressão do que serão os próximos três anos de estadia nesta escola. Miguel Silva, 1.º TDD3D Através da atividade, ficámos a conhecer a escola, os funcionários, os professores e os colegas de curso. Para além de termos adorado o concerto e a canoagem, ainda nos ofereceram um lanche. Ficámos todos molhados e com dores nos braços, mas valeu a pena e, agora sim, é um dia para recordar Yevheniy Semenov e Miguel Pereira, 1.º TET a escola da

2 EDITORIAL UM NOVO ANO COMEÇOU! Escola Digital recebeu os seus alunos, os que já cá estavam e os que de novo entraram, com um dia de alegria A e festa. Todos juntos - direção, professores, alunos e pais - vivemos momentos alegres de música, desporto, convívio e brincadeira, com tempo para olhar e ver a nova Escola, para (re)conhecer novas cambiantes, para encontrar velhos amigos, para iniciar um novo percurso de vida e de aprendizagem. Neste novo ano, política e socialmente atribulado, em que novas regras se impõem com a aprovação do novo Estatuto do Aluno e da Ética Escolar, num quadro de contenção financeira imposto pela chamada Crise, a nossa Escola, enquanto espaço identitário de cultura e aprendizagem, está a desenvolver respostas motivadoras para a construção do projeto educativo que partilhamos. Assim, destacamos a criação dos Núcleos, espaços de aprendizagem informal dirigidos a todos os alunos da Escola Digital, que proporcionam um lugar e um tempo em que os alunos podem vivenciar de forma mais prática e lúdica os conteúdos abordados em sala de aula e, conjuntamente com colegas de outras turmas e outros anos e com a ajuda preciosa dos professores, conceber e desenvolver projetos empreendedores e criativos do seu interesse. Estes espaços estão já a funcionar: Português, Matemática, Saúde, Computação Móvel e Robótica são as áreas escolhidas. Esperamos também por ti! Para os alunos do 3.º ano, na reta final do seu curso, avizinhamse tempos de grande exigência e dedicação, para finalizar com sucesso o seu Curso. Através do Gabinete de Orientação Educativa e Profissional, implementado este ano na nossa Escola, estamos a trabalhar no sentido de encontrar as melhores soluções na orientação escolar dos alunos, com vista à recuperação e reforço de aprendizagens, em estreita articulação com os Orientadores Educativos e com as Estruturas de Apoio e Recuperação. A Orientação Profissional é também área de intervenção, desde já na colocação dos alunos na Formação em Contexto de Trabalho, tendo em conta as suas motivações e interesses, e, posteriormente, no acompanhamento à saída do Curso, proporcionando apoio na integração no mercado de trabalho. Nesta Escola em que trabalhamos e aprendemos, o encontro no e com o Outro torna-se imperioso, nos tempos atribulados e desafiadores de Sentido em que vivemos. É na presença coletiva e na (con)vivência nesta Comunidade comunicante de aprendizagem que encontramos a força e a motivação para a construção de um melhor Futuro, de todos e de cada um, construindo e enriquecendo este projeto educativo, cada dia mais consolidado e inovador. Agora, mãos à obra! ÍNDICE ATUALIDADE - O REGRESSO ÀS AULAS A Festa de Abertura do Ano Letivo Digintegra-te - Pelo olhar dos alunos de 1.º Ano - Pelo olhar dos alunos de 2.º Ano Entrevista a Alunos do 1.º Ano Gabinete de Orientação Educativa e Profissional O Novo Site da Escola Digital - Entrevista ao designer gráfico João Sotomayor Os Núcleos - uma nova aposta pedagógica na Escola Digital CULTURA E LAZER Entrevista à aluna vencedora do Concurso GRANDE C na categoria de Fotografia A escola em parceria com a Companhia de Teatro Arte D Encantar PROFMAT 2012 Um olhar sobre a nossa escola - Galeria de imagens Espaço do leitor Agenda Cultural Estante de Livros: TOP 10 dos livros Game Over: TOP 10 dos jogos PASSATEMPOS Passatempo Quadra Escondida Passatempo O Dia em que Nasceste CLASSIFICADOS Diversos (Compra e Venda) Formação ficha técnica Maria Santana, Coordenadora Pedagógica Segue-nos!

3 ATUALIDADE 3 A Festa de Abertura do Ano Letivo Digintegra-te Pelo olhar dos alunos de 1.º Ano No dia 13 de setembro, realizou-se na Escola Digital uma atividade de integração destinada aos novos alunos, intitulada Digintegra-te. A atividade teve início no auditório da escola, onde todas as novas turmas foram reunidas para receber as boas vindas e ficar a conhecer a equipa pedagógica da escola e o modelo educacional a ser aplicado. Foi curioso, pois o ambiente era acolhedor e sentiu-se a alegria e o entusiasmo por parte do diretor, dos coordenadores e dos professores em dar início ao ano letivo que se segue. Depois da apresentação, os alunos foram encaminhados para diferentes salas com os respetivos Diretores de Curso e Orientadores Educativos da turma, recebendo esclarecimentos sobre os cursos e sobre as quatro atividades ainda a realizar no âmbito do Digintegra-te : o peddy-paper, a canoagem, o concerto e o pic-nic. Para o peddy-paper, formámos grupos de quatro alunos de cada turma, com um quinto elemento do segundo ano do respetivo curso para nos orientar pela escola. O percurso do jogo consistia em várias etapas e exercícios de lógica e perícia realizados ao longo do espaço da escola e da área envolvente. Foi um excelente quebra-gelo, desenvolvendo logo um estímulo de interação entre todas as pessoas da escola, já que muitas das tarefas exigiam contacto e cooperação. A etapa final do peddy-paper conduziu-nos ao parque do Campo Grande para as atividades ao ar livre. Praticámos canoagem no lago do jardim, o que causou um certo impacto naquela manhã de estreia. Foi uma atividade divertida que vai ficar certamente na memória dos alunos que participaram. Enquanto isso, podíamos assistir a um concerto de uma banda composta por elementos da escola, o que espalhou a harmonia e a descontração por entre os alunos. Seguiu-se, ao fim da manhã, um pic-nic oferecido pela escola, que fortaleceu o espírito de partilha, o convívio e o ambiente escolar acolhedor. O Digintegra-te foi um projeto muito bem estruturado, que surpreendeu ao fugir das apresentações simples e pouco entusiastas a que estamos habituados nas outras escolas e instituições. Sentiu-se que havia uma verdadeira preocupação pelo bem-estar dos alunos. Valeu a pena o interesse por nós, pois, mesmo no início das aulas, ainda comentamos o Digintegra-te e os laços criados entre os elementos das equipas estão fortes e mantêm-se intactos, graças a esta diferente apresentação. Ana Margarida Guaparrão, 1.º TF Pelo olhar dos alunos do 2.º Ano No passado dia 13 de setembro, decorreu o dia de boas vindas aos primeiros anos. Às turmas de 2.º Ano, foi solicitada a ajuda nos preparativos da receção. Alguns alunos foram ajudar a preparar os lanches; outros estavam a ajudar a preparar o concerto; e os restantes auxiliavam os professores de Educação Física na organização do peddy-paper e da canoagem. No final do peddy-paper, houve uma extraordinária atuação da banda UNSAFE, que pertence a um dos alunos da turma de TA2D3D de 2.º Ano. Posteriormente, os lanches foram distribuídos a todos os alunos. Foi um dia bem passado. Espero que tenham gostado do nosso comité de boas vindas! Raquel Fernandes & Sofia Cristina, 2.º TA2D3D

4 4 ATUALIDADE DEZ 12 N.º 11 ENTREVISTAS Alunos do 1º Ano 1. Qual é a tua opinião sobre a Escola Digital? 2. O que achaste da receção que foi preparada para os novos alunos? 3. O que te levou a escolher o curso que estás a frequentar? 4. O curso vai ao encontro das tuas expectativas? Porquê? 5. Se tivesses de criar um lema para este ano letivo, qual seria? Tiago Alves, 1.º TM 1. A minha opinião sobre a escola Digital é positiva e negativa. Vou começar pela parte positiva: tem um bom ensino e intervalos de hora a hora, o que torna as aulas menos aborrecidas. Em relação à parte negativa: não tem um refeitório e acho que deveria ter mais condições e mais espaço para os alunos conviverem. 2. Achei boa. Sempre gostei de conhecer gente nova e acho sempre bom haver uma oportunidade para interagirmos com pessoas que não conhecemos. 3. Acho um curso interessante, que me vai permitir ter um bom futuro profissional. Espero vir a adquirir mais prática nas áreas que vou abordar no curso. 4. Mais ou menos. Espero que, com o passar do tempo, seja mais prático. 5. É preciso esforço para concretizar os nossos objetivos. Mamadu Turé, 1.º TET 1. Acho que é uma boa escola, porque tem um bom ambiente e uma boa reputação. Também gosto da forma como os professores nos preparam para o futuro. 2. Foi simpático e diferente do que é costume. 3. Porque eletrónica tem várias saídas profissionais. 4. Sim, porque, numa escola como esta, tem de haver exigência e ficamos preparados para o futuro. 5. Bom sucesso escolar. Também é preciso ler e aprender. Jennie David, 1.º TGPSI 1. Acho que a escola é muito boa e com pessoas com muita competência. A escola tem bons equipamentos. 2. Achei que a receção foi muito boa e muito interessante. Foi muito divertido participar em todas as atividades. 3. Escolhi este curso, porque o curso que eu tinha escolhido como primeira opção não abriu. A escolha deste curso deve-se ao meu gosto pela informática, computadores e porque gosto de aprender mais. 4. Sim, estamos a começar a programar, o que me vai ajudar no futuro em termos profissionais. 5. Queres ter Futuro? Vem conhecer-nos! Cristiano Caliça, 1.º TDD 3D 1. A Escola Digital, para mim, é muito boa. Foi uma grande oportunidade. 2. Achei uma receção diferente e divertida. Gostei da experiência. 3. Eu escolhi este curso, porque adoro desenho. Este curso engloba vários temas e a saída profissional é muito vasta e diversificada. 4. Sim, porque gosto de aprender e, aqui, é o que está a acontecer. Estou a ter aulas novamente e a ter avaliações, coisa que estou a gostar bastante. 5. Para mim, seria: O meu ano de mudança! ou Uma nova oportunidade de vida!. Ana Margarida Santos, 1.º TF 1. Gosto da escola, porque gosto dos professores (não há uma grande distância entre professores e alunos); gosto de como se ensina. Não gosto da hora de almoço, porque não há lugares e tenho de almoçar sempre de pé. 2. Gostei muito, achei giro. Gostei de ouvir os professores no auditório e motivou-me bastante. 3. Sabia que a Escola Digital era uma boa escola para apostar em fotografia. Sempre gostei de fotografia, uma vez que quero algo que passe mensagens e mostre o mundo como ele é. 4. Sim. Ainda é melhor do que eu estava à espera, uma vez que gosto muito dos professores. 5. Algo que não nos deixasse desistir e que fosse para dar coragem e para sermos empreendedores. Professora Cristina Caiado e Maria José Jorge Gabinete de Orientação Educativa e Profissional Dra. Susana Sousa, coordenadora do GOEP O que a levou a querer este cargo? SUSANA SOUSA: Sempre considerei que trabalhar numa escola seria um desafio, pela variedade de pessoas que poderia conhecer, por poder dar um contributo para o desenvolvimento das gerações futuras e, quem sabe, por realizar um trabalho que permita fazer a diferença na vida dos alunos. Considera que esta escola necessita de uma psicóloga? SS: Esta, assim como todas as outras. É importante atender às necessidades identificadas nas escolas, não só a nível do acompanhamento de alunos, mas também a nível do apoio a pais e professores. Já ajudou alguém que precisasse de falar nesta escola (ou noutra)? SS: Sim, tenho estado e estarei disponível para acompanhar e orientar quem acreditar que daí puder tirar beneficio. Dá-se bem com toda a gente nesta escola? E com os pacientes? SS: Sim, estou a gostar de conhecer os alunos, os professores e toda a restante comunidade educativa. Não encaro os alunos da escola como pacientes. Acredito sim que a intervenção do psicólogo nas escolas passa pelo acompanhamento dos alunos, de modo a que se possa potencializar o seu sucesso escolar. Nesse sentido, não se pretende uma abordagem clínica, mas sim psicopedagógica. Gosta de ajudar os outros? SS: E principalmente de ajudar a que os outros se consigam ajudar a si próprios. Se vir alguém que precise de ajuda, que ande deprimido ou algo do género, no fim de o ajudar, fica feliz por ver o seu paciente melhor? SS: Claro que sim. É uma forma de sentir que o meu trabalho foi útil e reconhecido. Metade das pessoas que precisa de ajuda nega essa necessidade. Como age nestas situações? SS: Muitas vezes, quando temos um problema, podemos ter dificuldade em reconhecê-lo. No entanto, quem está de fora pode avaliar melhor a situação, ou pelo menos, fá-lo numa perspetiva diferente. Como consegue distinguir, de entre a comunidade em geral, uma pessoa que necessita de desabafar? SS: As pessoas têm maneiras diferentes de lidar com os problemas. Há quem tenha mais facilidade em demonstrar o que sente ou o que pensa, assim como há pessoas mais introvertidas. É preciso abordar cada caso cuidadosamente. Não há duas pessoas iguais. Se, por fantasia, pudesse mudar o mundo, qual seria a primeira frase que diria para motivar as pessoas? SS: Utilizaria uma frase do filme Fight Club : As coisas que possuis acabam por te possuir a ti. Vivemos num tempo em que se valoriza muito o materialismo e acabamos por viver prisioneiros das coisas de que acreditamos precisar. Queria apenas ser psicóloga ou tinha outro sonho para realizar? SS: A psicologia é a profissão que escolhi, por ter interesse em estudar e trabalhar nesta área. É um projeto de vida. Leandra Oliveira, 3.º TA2D3D

5 ATUALIDADE 5 ENTREVISTA O Novo site da Escola designer gráfico João Sotomayor Há quantos anos está nesta profissão? JOÃO SOTOMAYOR: Desde 1989, há 23 anos. Tem algum ídolo nesta área? JS: Tenho algumas referências em áreas distintas, mas que têm vindo a mudar ao longo do tempo. No início, gostava muito do trabalho experimental do Neville Brody. Depois, passei para o David Carson. No Design Industrial, sempre tive como referência o Dieter Rams. Hoje em dia, há imensa gente a fazer trabalho fantástico e até me custa falar em três ou quatro nomes. Que hobbies é que pratica no seu tempo livre? JS: Ler, passear por montes e vales, fotografar, viajar de bicicleta. Qual o seu ambiente de trabalho favorito? JS: Muito calmo e silencioso para poder perder-me a pensar e a visualizar os projetos em que estou envolvido. Se não fosse designer que outra carreira escolheria? JS: Fotógrafo, agricultor, pastor, etc. Algum conselho para aspirantes a designer? JS: Sigam o vosso caminho com muita coragem para inovar e criar e tenham sempre umas orelhas muito grandes para ouvirem o mundo e os clientes. Os primeiros anos de trabalho são muito importantes. Devem vivê-los como um investimento na aprendizagem e não como uma forma de ganhar dinheiro para obter independência. Sejam o mais humildes e atentos possível e vejam em cada projeto uma oportunidade de aperfeiçoamento e realização pessoal. Qual o trabalho mais difícil em que trabalhou? JS: O trabalho mais chato que não inventa nada e é repetitivo. Aquele trabalho em que o cliente exige tudo sem saber o que quer e, quando apresentamos uma proposta válida, critica o trabalho sem argumentos. O trabalho que não nos inspira nada e não contribui para melhorar nada. Tem algum trabalho pessoal? JS: Tenho realizado algumas experiências que acabo por aplicar (derivações) em projetos. Gostaria muito de ter tempo para projetos pessoais, mas a vida familiar e profissional acabam por não permitir. Esses projetos teriam o objetivo de contribuir para a sensibilização das pessoas para a partilha de ideias e bens. Porque escolheu a área do design? JS: Fui atrás de uma rapariga Senão, tinha entrado em filosofia e, hoje, seria um enorme chato, cheio de argumentos válidos que ninguém entenderia. Além disso, vivia ao lado da Gulbenkian e passava todos os dias por lá, via todas as exposições e, aos poucos e poucos, comecei a desenvolver o interesse pela arte e a fazer experiências em casa. Foram essas experiências que um dia mostrei a uma amiga que estava no IADE e, a partir dai, já conhecem a história. De qualquer forma, também está nos genes, pois todos os meus filhos são artistas e os meus primos e tios também. Porque escolheu as cores azul e verde para o logótipo da Escola Digital? JS: Para criar uma relação com o logótipo da casa-mãe, a Rumos. Assim, escolhi as mesmas cores. Como foi pensada a nova imagem para a escola e, nomeadamente, como foi pensado o novo site? JS: A nova imagem da Escola Digital partiu de um conjunto de questões muito simples: O que queremos comunicar para o exterior? Resposta: Que escola queremos ser! Quem melhor poderá responder a esta pergunta? Resposta: Os alunos, professores e Direção. Como o fazer? Resposta: Pedindo aos alunos nas várias disciplinas para participarem na comunicação da escola, com o apoio e a coordenação de professores e de Direção. Esta também é uma forma pedagógica dos alunos participarem num projeto real que a todos diz respeito. Permite que se envolvam e participem mais no projeto que é uma escola, responsabilizando-os e colocando-os do outro lado da questão. Concretamente, no website, resultou numa sessão fotográfica em que os alunos participaram, alguns como manequins e outros como fotógrafos. O briefing pedia-lhes para captarem a individualidade de cada um; aos fotógrafos e aos manequins, que fossem eles próprios, sem reservas. O resultado está à vista e penso que é motivo de alegria para todos os intervenientes. Francisco Rodrigues e Raquel Rodrigues, 2.º TA2D3D Prof. Susana Fonseca

6 6 ATUALIDADE DEZ 12 N.º 11 Uma nova aposta pedagógica na Escola Digital núcleos DE TRABALhO núcleo PORTUGUÊS núcleo COMPUTAçãO MÓVEL A evolução dos tempos permite-nos encarar a escola de forma mais dinâmica, apelando ao sentido estético e crítico assim como à sensibilidade e à criatividade latentes. O Núcleo de Português pauta-se essencialmente por promover a descoberta criativa de cada aluno, permitindo a participação em áreas diversas, inseridas num laboratório de escrita que abrange os domínios da literatura em formatos de conto ou B.D., os argumentos e os textos jornalísticos. Porque como dizia Pessoa Viver não é necessário, necessário é criar. núcleo ROBÓTICA O Nucleo de Robótica surgiu com o objectivo promover estudo de conceitos multidisciplinares, tais como a física, eletrónica, matemática e informática. Outro dos grandes objectivos do nucleo é estimular a criatividade e a inteligência. Este ano a escola digital vai adquirir material para os alunos poderem explorar vários tipos de robós. No Futuro o objectivo é participar em campeonatos Nacionais. núcleo SAÚDE A criação do Núcleo de Saúde na Escola Digital tem como objetivo desenvolver atividades relacionadas com a promoção e educação para a saúde. Pretende-se uma abordagem pedagógica de temas ligados à saúde. No ano letivo 2012/2013, serão trabalhados mais especificamente os temas das dependências e da saúde sexual e reprodutiva, em contexto curricular e extracurricular. O Núcleo de Saúde pretende sensibilizar os alunos e a comunidade escolar, com recurso a informações e formações que fomentem a reflexão e o desenvolvimento da autoconsciência e responsabilização pela própria saúde. As apps, pequenas aplicações que adicionamos aos nossos telemóveis e tablets, fazem hoje parte da vida de muitos de nós. Para melhorar a nossa produtividade, para facilitar a consulta de informação e a interação social on-line, ou simplesmente para uns minutos de entretenimento, quem as usa já não as dispensa. O Núcleo de Computação Móvel é a porta de entrada para o mundo da criação de aplicações para estas plataformas móveis. Neste Núcleo aprendemos a trabalhar em equipa em projetos reais, aumentando os nossos conhecimentos e melhorando o nosso currículo académico. O NCM está aberto a alunos de todos os cursos, que saibam ou queiram aprender a programar, mas também que queiram trabalhar em desenho de interfaces, em multimédia ou em integração de sistemas. NÚCLEOS DE TRABALHO núcleo MATEMÁTICA A disciplina de Matemática sempre foi vista como um bicho papão. No entanto, ela esconde coisas fantásticas, como jogos, passatempos, quebra cabeças, arte e, inclusive, resolução de crimes. Está presente em todo o lado, sem nos apercebermos. O Núcleo da Matemática pretende, de uma forma descontraída, dar a conhecer o lado agradável desta ciência. Desafiamos os alunos a aplicar estratégias decisivas em jogos e, até mesmo, a construir o seu próprio jogo. Recriamos uma cena de crime e propomos ao aluno o papel de detetive na resolução do caso, através da aplicação de raciocínio lógico com base na matemática elementar ou em sequências temporais. Damos a conhecer o origami, a arte secular de dobrar o papel, no sentido de (des)construirmos alguns sólidos geométricos. Mas vai haver muito mais Professores Ana Costa, Susana Sousa, Cristina Caiado, Susana Fonseca, Fernando Ribeiro e Iva Silva

7 CULTURA E LAZER OUTRAS ATIVIDADES 7 ENTREVISTA Aluna vencedora do Concurso grande C na categoria de Fotografia A aluna Bárbara Amaro, do Curso de Técnico de Fotografia, 3.º Ano, está de parabéns pelo trabalho desenvolvido no âmbito do Concurso de Criatividade para as escolas - GRANDE C. A aluna participou em duas categorias de Fotografia e recebeu os seguintes prémios: Fotografia Paisagem Vencedora e Fotografia Autorretrato - Menção Honrosa. De que forma é que descobriste a paixão pela fotografia? BÁRBARA: Sempre tive uma enorme paixão pelas artes, como pintura, escultura e fotografia. Entretanto, vim a especificar e a descobrir o meu sonho que era e é fotografia, mas não deixando de parte o desenho. Tento misturar estes dois conceitos. Qual foi a tua inspiração para a fotografia de paisagem vencedora? BÁRBARA: Para a foto de paisagem, a inspiração que tive foi a beleza do Rossio e da minha amiga. Qual era a tua perspetiva do trabalho, antes de receberes este prémio? BÁRBARA: Não estava à espera de receber prémio algum. As fotos eram engraçadas Na tua opinião, o Curso de Técnico de Fotografia contribuiu para receberes este prémio? De que forma? BÁRBARA: Sim, sem a escola, não teria entrado no concurso. Qual foi a sensação de ser honorada desta forma pelo teu trabalho? BÁRBARA: Foi uma sensação boa. Foi um dia para não me esquecer! Ana Margarida Santos & Inês Alves, 1.º TF

8 8 CULTURA E LAZER. VISITAS DE ESTUDO E OUTRAS ATIVIDADES DEZ 12 N.º 11 A nossa escola em parceria com a Companhia de Teatro Arte D Encantar turma do Curso de Técnico de Fotografia de 3.º Ano da Escola Digital irá acompanhar de perto a Companhia de Teatro Arte D Encantar. A A Companhia de Teatro Arte D Encantar é uma Associação Cultural que tem como objetivo principal incentivar e promover a aproximação das crianças/jovens ao teatro. A turma irá estar presente na preparação e dramatização das três peças que serão apresentadas durante o Ano Letivo 2012/2013 Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente, Frei Luís de Sousa de Almeida Garrett e Falar Verdade a Mentir de Almeida Garrett. Foi com muito agrado que a nossa turma aceitou esta parceria e agarrou este projeto. Alunos de 3.º TF PROFMAT 2012 PROFMAT é um encontro nacional de professores de Matemática e realiza-se todos os anos O numa cidade diferente do país. Este ano realizou-se em Coimbra, nos dias 4, 5 e 6 de outubro. Cada encontro rege-se sob um tema distinto, sendo o deste ano Por um ensino de qualidade para todos. Então, o que se faz concretamente no PROFMAT? Participamos em conferências plenárias, sessões plenárias, painel plenário, painéis paralelos, conferências com discussão, sessões práticas com discussão, simpósios de comunicações, sessões especiais e cursos. De todas as atividades propostas, quero realçar uma sessão prática em particular a que assisti e que funcionou paralelamente como um curso: Que Matemática no Ensino Profissional?. Neste curso, refleti sobre o ensino da Matemática nos Cursos Profissionais e o impacto que esta ciência tem nos alunos, assim como a diferença de abordagem da Matemática nos cursos Profissionais e no Ensino Secundário. Tivemos o prazer de ter connosco o autor do Programa de Matemática do Ensino Profissional, o Professor Doutor Jaime Carvalho e Silva. Foram apresentadas algumas tarefas motivantes, de modo a permitir que os alunos tenham uma melhor compreensão dos conteúdos modulares. Partilhei experiências e refleti sobre a metodologia do trabalho de grupo em sala de aula. Discuti estratégias de ensino, tendo em conta os diferentes estilos de aprendizagem e metodologias de avaliação, no sentido de desenvolver competências orais e escritas, individualmente e em grupo. Na minha perspetiva, o PROFMAT constituiu um momento empolgante de aprendizagem. No entanto, este ano, senti que perdi a oportunidade de trabalhar muitas outras questões cruciais, na medida em que me inscrevi no curso e este se sobrepunha aos restantes temas em debate. O que acontece no PROFMAT é que, a determinada altura, se torna muito difícil escolher a sessão ou a conferência a que queremos assistir. Porém, estive sempre a pensar nos meus alunos da Escola Digital e, por eles, não hesitei no tema que escolhi. Cristina Caiado Teixeira

9 CULTURA E LAZER GALERIA DE IMAGENS 9 UM OLHAR SOBRE A NOSSA ESCOLA (Andreia Pacheco, Diogo Simões e outros alunos de 1.º TF Prof. Carla Fragata)

10 10 CULTURA E LAZER. GALERIA DE IMAGENS DEZ 12 N.º 11 Uma nova escola, um novo curso, uma nova turma, uma nova oportunidade No pouco tempo que tive nesta escola, rápida e injustamente resumido por estas fotos, recebi um choque que abanou os fundamentos de como eu percecionava uma escola. Após treze anos no ensino regular, havia coisas que tomava como garantidas e que aqui são negadas : um espaço, normalmente designado recreio, onde se falava com os colegas sem necessidade de sair da escola; um controlo bastante apertado em relação às entradas e saídas do recinto escolar; um ginásio dentro do recinto da escola Na Escola Digital, é-me apresentada uma nova forma de ensino. Não pior ou melhor, apenas diferente, mas como Pessoa dizia: Primeiro estranha-se e depois entranha-se. A abordagem aos temas é muito mais prática e a atitude de grande parte dos alunos, alguns deles já afastados do ensino há algum tempo, é marcada por energia e, sobretudo, por dedicação. Claro que existem exceções, mas são raras e facilmente ofuscadas! Talvez a presença voluntária neste tipo de curso possa ter alguma coisa a ver com este afinco dos alunos. Os professores, em regra, também são mais benevolentes e descontraídos do que os generais a que me habituei. Em relação à minha turma, é difícil fazer avaliações ou tirar grandes conclusões, dado que, segundo a minha opinião, não se conhece uma pessoa no pouco espaço de tempo em que estivemos juntos, quanto mais vinte e nove. Contudo, é possível dizer três coisas: os rapazes são simpáticos, as raparigas bonitas e somos todos muita barulhentos. Diogo Simões, 1.º TF Na Escola Digital, vivemos um clima de descontração. Nos intervalos, os corredores são inundados de brincadeiras e conversas. Para além das instalações serem confortáveis, pode sentir-se a espontaneidade que existe entre os alunos. No exterior, todos se encontram e conversam com todos os colegas, independentemente de turmas ou idades. É uma escola onde cada um tem o seu estilo, onde existe uma boa relação entre professores e alunos e, acima de tudo, onde se pode aprender de uma forma saudável. Andreia Pacheco, 1.º TF

11 CULTURA E LAZER ESPAÇO DO LEITOR 11 Escória Política Um pouco por todo o lado, Portugal Povo Português, de Norte a Sul, nas Ilhas e no Estrangeiro 23 de abril de 2012 Caros de(puta)dos, juristas, legisla(dor)es e verea(do)res, secre(o)tários de estado, presidentes partidários e seus afilhados, digo, afiliados, generais e tenentes, m(s)inistros e primeiro-m(s)inistros, vice-presidentes, candidatos a presidente e presidentes, Envio-vos esta carta casual, sem esperar qualquer tipo de resposta escrita ou oral em retorno. Mas não é por estar farto de vos ouvir, pois quem ousa mandar crianças divertidas parar de brincar? Deus me livre! Quanto a uma resposta escrita, eu não entenderia metade das vossas palavras profundas e ambíguas - já agora, dou os parabéns pela forma célere como as conseguiram aprender num só ano letivo na Lusófona (espetacular!) -, daquelas que vocês usam para me fazerem cair aos vossos pés e ir atrás dos vossos devaneios, tal rapariguinha apaixonada pelo rapaz rico e engatatão da escola. Seus marotos! Mas não faz mal, eu ainda sou ingénuo Enfim, gostaria somente de saber como é que conseguem estar tanto tempo sem me falar e sem perguntar por mim. Tenho de ser sincero, às vezes, pergunto-me se me estão a enganar. É que, ocasionalmente, vocês trocam-se um bocado (um bocadinho só), e eu acabo por não saber sequer o que pensar. E depois trazem a outra da Troika e pah! Sempre que oiço falar nela só me apetece ir a Berlim dar cabo do Muro outra vez. Sempre a controlar as nossas finanças e nem sequer é de cá! É que se só estão a gastar o dinheiro que vos dou em submarinos e em renovamento de frotas automóveis, mas até aí tudo bem! Deixar de bancar as fundações para irem para um hotel ou restaurante finório de vez em quando, na boa! Mas, se algum dia vos apanho a gastar esse dinheiro em projetos cujo único futuro é acabar como o TGV, aí há chatice... Bah! O que é que eu estou para aqui a dizer? Sabem que eu sou um pouco piegas, não me levem a mal! Isto só de pensar que o 25 de Abril pode deixar de ser feriado, dá-me a volta às entranhas. Já lá vão 2 Mais um e fico sem dias para descansar. Sei que esta carta não há de servir de muito, mas de procrastinação lá vocês sabem. Quer dizer, o sovaco só cheira mal, e eu acabo por não fazer nada, nem desodorizante, nem nada. Talvez esteja na altura de me governar de maneira diferente. Carinhosa e financeiramente seu, Povo Português A Vida é uma grande Fotografia Eu sou novo e o primeiro a dizer que ainda me falta ver muita coisa, mas, neste curto espaço de tempo em que cá estou, concluí que a fotografia é uma ótima metáfora para a vida. Às vezes, fazemos demasiado zoom num determinado sujeito e perdemos o rasto ao resto da imagem; noutras, a imagem está desfocada ou a lente é a errada; pode também não haver luz que chegue para realizar o frame e acabamos por fazer uma má escolha. Alguns vivem em automático, sem grandes preocupações, enquanto que outros gostam de controlo e passam a maior parte do tempo em manual. E do mesmo modo que se desenvolve o velhinho filme analógico, há fixadores e reveladores e dois negativos podem resultar num positivo. Assim, podemos dizer que os nossos olhos são as objetivas; a cabeça, o corpo da máquina; e o coração, a superfície sensível. AUTOR: Diogo Simões FONTE: AUTOR: Alexandre Campbell FONTE: Pediram-me para escrever sobre o modo como está a decorrer o meu 1.º Ano na Escola Digital. Ora bem, houve tantas mudanças que nem sei por onde começar, mas, talvez, comece É tão mais fácil praticarmos o bem em vez do mal. Esteticamente, existe uma maior facilidade de sorrirmos ao próximo do que franzir as sobrancelhas e olhar para o lado. Não compreendo o excesso de maldade, de atos egoístas que se sobrepõe ao prazer da bondade. Se existimos em larga escala, será que a humanidade ainda não compreendeu que somos iguais a tudo o mais que existe no planeta? Que só alcançamos o sucesso, a paz, o bem-estar, se estivermos em comunidade, se partilharmos, se sorrimos, se nos ajudarmos, se nos virmos como um todo? Todo este tempo de guerras, de procura pela superioridade, só nos levou ao caos da humanidade, aos venenos do caminho do mal que começa quando te esqueces que existes graças a um teu semelhante. Partilha, abraça, sorri, ensina e aprende. AUTOR: Margarida Guaparrão FONTE: pela minha adaptação à escola. Mudar de escola, mudar de ambiente, mudar de cidade, etc. são sempre coisas imprevisíveis das quais ninguém sabe o que esperar. Devo confessar que a adaptação foi complicada. Para começar, horários diferentes, tanto de transporte, como de aulas. Devo admitir que essa foi a parte mais complicada, mas fazer parte da Escola Digital está a ser uma experiência pela qual já aguardava há muito, pois esta escola e, sobretudo, o curso que eu escolhi baseia-se nos meus interesses e naquilo de que eu gosto. A exigência dos professores é, às vezes, se calhar, um bocado exagerada, mas sempre compreensível, e acho que são todos ótimos na disciplina que ensinam. E estou inteiramente grato por me terem deixado entrar na Escola Digital! Fábio Mendes, 1.º TGPSI

12 12 DEZ 12 N.º 11 CULTURA E LAZER. AGENDA CULTURAL Exposições BD Ilustração Um Chá Para Alice 1 nov a 10 fev 2013 Fundação Calouste Gulbenkian Pintura, Fotografia, Vídeo Multimédia, Outras Riso - Uma Exposição a Sério 20 out a 16 mar Museu da Eletricidade Silent Hill: Revelation 3D Terror Lusomundo Colombo / Alvaláxia À Lei da Bala Acção Lusomundo Colombo Para Roma com Amor Comédia Classic Alvalade / El corte inglês Vídeo/Multimédia Memórias da Cidade Lisboa Story Centre Dança Teatro Tango Pasión 11 a 23 dez Casino de Lisboa - Auditório dos Oceanos Agonia Irreversível Até 16 dez Teatro Comuna Quebra-Nozes 25 dez Teatro Tivoli BBVA Pelo Prazer de a Voltar a Ver Até 23 dez Teatro Aberto Concursos Bela Adormecida e Outras Histórias Até 30 dez Teatro do Bairro Creative Conscience * Prémios Creative Conscience Data limite: 28 fev Humor com Humor se Paga Teatro Maria Vitória WORLD PRESS CARTOON 2013 * Concurso Ilustração Cartoons Data limite: 31 jan Cinema As voltas da vida Drama Cinema Monumental / Londres / Lusomundo / Alvaláxia Amoreiras / Campo Pequeno / El Corte Inglés Communication Arts * Concurso Internacional de Ilustração, Fotografia, Design Data Limite: 18 de jan Uma Casa Portuguesa com Certeza * Concurso de Fotografia no Instagram Data limite: 30 jan Operação Outono Thriller Fonte Nova / King / Monumental Lusomundo Colombo / El Corte Inglês * Mais informações no site da Escola Digital em Agenda Cultural

13 CULTURA E LAZER ESTANTE DE LIVROS 13 TOP.10 LIVROS Classificação: * obra-prima / livro obrigatório / *** livro aconselhável / ** livro dispensável / * livro a evitar Não sou um serial killer, Dans Wells Um livro simplesmente encantador e, ao mesmo tempo, assustador. *** Cocaína, Robin Cook Um livro muito interessante. Gino Antunes (1.º TF) O fim da inocência, Francisco Salgueiro É uma história verídica que mostra a realidade de muitos jovens. Bruno Martins (1.º TF) Inês F. (1.º TF) * A filha da minha melhor amiga, Dorothy Koomson É um livro com alguma comédia e também drama/violência. Ângela Reis (1.º TF) *** O beijo gelado, Richelle Mead Trata-se de um livro que, para quem gosta de mistério e fantasia, é encantador. Rita Rosa (1.º TF) * * O velho e o mar, Ernest Hemingway Uma ótima e rápida leitura. Fabiano Teixeira (1.º TF) *** Um ciclo de vitórias, José Mourinho Para quem gosta de desporto, um livro obrigatório. *** Anjos e demónios, Dan Brown É um livro que me dá vontade de ler numa noite. Bruno Reis (1.º TF) * A menina que ninguém queria, Celine Roberts É um livro bastante comovente e fantástico. Leandro Alves (1.º TF) Beatriz Rodrigues (1.º TF) * Fúria divina, José Rodrigo dos Santos Um livro que me explicou e ensinou muita cultura. Gino Antunes (1.º TF) TECNOLOGIA. GAME OVER Classificação: * obra-prima / jogo obrigatório *** jogo aconselhável / ** jogo dispensável / * jogo a evitar Professora Maria José Jorge TOP.10 JOGOS * Red Dead Redemption PS3 É um jogo extraordinário, de modo aberto, onde podes fazer o que quiseres, no tempo dos cowboys e dos xerifes. Pedro Ferrão (1.º TGPSI) Sid Meier s Railroads Excelente jogo de simulação ferroviária que inclui modo on-line multijogador, gráficos excelentes e jogabilidade ótima. João Cristóvão (1.º TGPSI) League of Legends É um jogo completo, multiplayer, que desenvolve o raciocínio rápido. Bastante viciante! Stanislav Dyachenko (1.º TGPSI) Professora Maria José Jorge *** SMITE Para jogadores de LoL, é uma evolução tremenda em termos de gráficos e jogabilidade. Em perspetiva, em 3D, sem dúvida, um jogo a experimentar! Bernardo Vilela (1.º TGPSI) Call Of Duty MW3 Grande jogo FPS! Bons gráficos! Daniel Costa (1.º TGPSI) Medal of Honor Warfighter É um bom simulador que saiu no passado dia 26 de outubro. Miguel Fernandes (1.º TGPSI) Minecraft Um jogo extremamente divertido de jogar! Um dos únicos problemas é o facto de ser viciante. Afonso Bordado (1.º TGPSI) *** Borderlands 2 BL2 é um jogo de exploração e aventura, baseado num mundo influenciado por filmes western e ficção científica. O design é bestial, embora precise de melhorias em diversos aspetos. Ricardo Cardoso (1.º TGPSI) Call of Duty MW2 Multiplayer Um dos melhores FPS online, gratuito! André Amaral (1.º TGPSI) IWBTG - I Wanna Be The Guy É um ótimo jogo de plataformas, bastante difícil, que recria ainda o ambiente de Super Mario, apenas concluído por alguns jogadores. João Madeira (1.º TGPSI)

14 14 PASSATEMPOS DEZ 12 N.º 11 Quadra Escondida Usando as letras já assinaladas na chave e tendo em conta que a números iguais correspondem letras iguais, decifra a quadra a seguir, que reflete a sabedoria de um dos nossos poetas populares, António Aleixo. Por fim, classifica, de física ou química, a transformação a que refere. Prof. Marta Pedro O Dia em que Nasceste Sabes em que dia da semana nasceste? A maior parte das pessoas não o sabe e os pais não conseguem lembrar-se. Usando uma espantosa fórmula matemática, podes saber em que dia da semana foi o dia do teu nascimento ou qualquer outra data importante, de 1900 a Precisas de: calculadora, papel e lápis. O que fazer: damos-te um exemplo de uma data, 10 de setembro de Agora, pergunta aos teus pais se sabem o dia da semana em que eles nasceram. Depois, usa a fórmula para verificar a memória deles. Prof. Cristina Caiado

15 CLASSIFICADOS 15 Diversos Compra/Venda VENDA PRODUTO: Xpeia x10 DESCRIÇÃO: Telemóvel Android 2.3.4, ecrã 9 e 1Ghz e câmara de 8.1 mp CONTACTO ( ): PRODUTO: Wii DESCRIÇÃO: Nova, última versão. CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Computador DESCRIÇÃO: Intel Pentium III 600Mhz, 256 MB RAM, 100 Mhz, 20 GB HDD 7200 RPM, 2 MB Cache, Ati Radeon, MB DDR AGP CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Renault 21 DESCRIÇÃO: 1.4, GTL, carro económico, km e um dono. CONTACTO ( ): PRODUTO: Livros escolares DESCRIÇÃO: Livros de todas as disciplinas, curso TGPSI, 1º e 2º ano. CONTACTO ( ): PRODUTO: Componentes DESCRIÇÃO: Fonte de alimentação 630W Nox, 6 GB RAM DDR2 800Mhz CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Livros escolares DESCRIÇÃO: Livros de todas as disciplinas, curso TGPSI, 1º e 2º ano. 5 cada livro. CONTACTO (telemóvel/ ): PRODUTO: Olympus Sp-600UZ DESCRIÇÃO: 12mp, zoom 15x, macro, estabilizador ótico, 11,8 fps, modo panorâmico, vídeo 720 p, memória interna 1gb, 4 pilhas AA, cartões SD. CONTACTO ( ): PRODUTO: Cachecol SCP DESCRIÇÃO: Cachecol da torcida verde, vindo de um ultra e assinado pelo Marat Izmailov CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Rato DESCRIÇÃO: Rato steel series Sensei [RAW] Rubber, com factura, semi-novo, muito pouco utilizado e vem com caixa, 45 CONTACTO ( ): PRODUTO: Componentes DESCRIÇÃO: Placa gráfica Saphire GB; memória Ram 4 GB DDR Mhz entre outros. CONTACTO (telemóvel/ ): PRODUTO: Conta Steam CS 1.6 DESCRIÇÃO: Conta Steam com 3 anos, sem qualquer utilização, tem seis jogos.(www.steamcommunity.com/id/) CONTACTO ( ): PRODUTO: Computador DESCRIÇÃO: Core I7-860-CPU Motherboard Intel DP- 55KG, 12 GB memória RAW 1600Mb, placa gráfica GTX- 550ti, 3 TB disco rígido, Mackintosh, 750 CONTACTO ( ): PRODUTO: Guitarra acústica DESCRIÇÃO: Vermelha e preta (nos contornos), em ótimas condições e com cordas de aço. Preço negociável. CONTACTO ( ): PRODUTO: Processador 1.9 Ghz DESCRIÇÃO: Dual Core 1.96 Ghz CONTACTO ( ): PRODUTO: Componentes DESCRIÇÃO: Water cooling Anter Socket Intel e AMD, 50. Várias fontes de alimentação, 20 cada. CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Sony Experia Miro DESCRIÇÃO: Compro telemóvel Sony Experia Miro, de preferência, em perfeitas condições. CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Ténis All Star DESCRIÇÃO: cor preta, novos, nº36/37, 35 CONTACTO ( ): PRODUTO: Ilustrações (manga) DESCRIÇÃO: Faço lustrações por encomenda. Os preços são negociáveis. CONTACTO ( ): PRODUTO: Snapback/gorros (várias marcas) DESCRIÇÃO: Chicago Bulld, Celtics, Last Kings, New York Knicks. Tudo, basta mandarem imagem por mail (tempo de chegada da encomenda: 1 a 2 semanas). CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Telemóvel Samsung DESCRIÇÃO: Vendo Samsung GT por 40. Traz carregador, cabo de dados, cartão SD de 2GB e bolsa para o telemóvel. CONTACTO ( ): PRODUTO: Playstation 2+ cartão memória DESCRIÇÃO: Vendo Playstation 2, com algum uso, mas a funcionar, cartão de memória incluído e comandos. Preço: 40 (negociável). CONTACTO ( ): PRODUTO: Adidas Gazelle DESCRIÇÃO: nº 44, novos nunca usados, na caixa. 60 CONTACTO ( ): PRODUTO: IPhone 5 DESCRIÇÃO: Novo IPhone 5, 32 GB a metade do preço, com fatura e completamente novo. Traz cabo de dados e bolsa para o telemóvel. CONTACTO ( ): João Eduardo PRODUTO: PS3 + jogos + micros DESCRIÇÃO: PS3 pouco usada + SingStar + Fifa Street + Sonic + Final Fantasy + 1 comando + 2 microfones. 200 CONTACTO (telemóvel/ ): PRODUTO: Snapback DESCRIÇÃO: Snapback da Kings, Los Angeles CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Sony Ericson TXT Pro DESCRIÇÃO: Telemóvel Vodafone com 5 meses em perfeitas condições. Vendo a 45 euros. CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Head set Gamecom Z60 DESCRIÇÃO: Som perfeito, mas o micro não funciona. 10 CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Nokia 5228 DESCRIÇÃO: Telemóvel Vodafone com 9 meses, perfeitas condições. Vendo a 60 euros. CONTACTO (telemóvel): COMPRA PRODUTO: Máquina fotográfica Reflex DESCRIÇÃO: Procuro uma máquina em boas condições e economicamente acessível. CONTACTO ( ): PRODUTO: Placa gráfica DESCRIÇÃO: 1Gb, igual ou superior a 128 bit, preferência por Nvidia ou AT CONTACTO (telemóvel): PRODUTO: Ténis Airforce/Airmax DESCRIÇÃO: Compro ténis Airforce/Airmax em boas condições. CONTACTO (telemóvel/ ): Oportunidades Formação Curso FLAGProfessional Web & Mobile Designer (336 horas) 29 de janeiro Pagamento faseado até 10x sem juros. Desconto para estudantes e desempregados. Sabe mais em: Curso Especializado Social Media Marketing (63 horas) 28 de janeiro Pagamento faseado até 3x sem juros. Desconto para estudantes e desempregados. Sabe mais em: Curso Especializado Search Engine Marketing (63 horas) 28 de janeiro Pagamento faseado até 3x sem juros. Desconto para estudantes e desempregados. Sabe mais em: Curso Adobe Illustrator (21 horas) 15 de dezembro Sabe mais em: Curso Autodesk 3ds Max (48 horas) 17 de dezembro. Desconto de 10%. Sabe mais em:

16 As atividades foram de caráter lúdico e permitiram aos alunos, não só conhecer a escola e os professores, como também criar ali amizades com os colegas. Foi uma ideia diferente e que teve bastante impacto nos novos alunos e nos veteranos! João Soares, 1.º TET Sem dúvida que foi uma ótima maneira de começar o ano e acho que mais escolas deviam optar por este programa, pois é um ótimo projeto de integração e, de facto, um dia inesquecível! João Milão, 1.º TDD3D Foi um dia para recordar mais tarde e uma experiência única! Raul Rus, 1.º TET Ficha Técnica PROPRIEDADE: Escola Digital TIRAGEM: 1500 DISTRIBUIÇÃO: Interna DIREÇÃO E COORDENAÇÃO: Prof. Cristina Teixeira Prof. Maria José Jorge Cristina Cabrita Foi uma manhã interativa e engraçada, que passou uma DESIGN E PAGINAÇÃO: Ana Matos FOTOGRAFIA: Arquivo Escolar imagem bastante positiva, não só dos professores, mas da escola também. Inês Alves, 1.º TF A minha imagem inicial da escola foi bastante boa, porque achei que os professores eram muito acessíveis e prontos a ajudar com as nossas dúvidas e também achei que iria ser uma nova aventura na minha vida! Cristina Caliça, 1.º TDD3D REDAÇÃO Redatores: Alunos da Escola Digital Prof. Cristina Teixeira Prof. Marta Pedro Editores: Prof. Cristina Teixeira Prof. Maria José Jorge Fotógrafos - Alunos da Escola Digital Revisor - Mariana Dias SEDE: Escola Digital Campo Grande, LISBOA TELEFONE: Geral: Fax: Geral: Em geral, fui surpreendido, com tudo bem organizado. Fez crescer um interesse para as aulas e o mais importante foi tudo ser bastante inovador. José Frazão, 1.º TDD3D Gostámos muito da receção da escola! Achámos as atividades interessantes, motivadoras e convidativas para os novos alunos. Graças a essas atividades, ficámos a conhecer melhor os nossos colegas e os espaços da escola. Uma digireceção para não esquecer!! Fiquei impressionada com a escola pela positiva. Pareciam estar todos a dar-se bem e os professores são muito empenhados na nossa educação, o que é muito bom, pois sabemos que podemos contar com eles para o que precisarmos. ( ) Resumindo e concluindo, no dia da apresentação, deu para perceber que a escola se importava com os alunos e que dava muita importância à nossa opinião. Foi engraçado! Ana Filipa Berardo, 1.º TF Foi um acontecimento único de uma escola inovadora e foi muito proveitoso para os novos alunos. Tito Matias e David Matos, 1.º TGPSI João Sequeira e Pedro Ferrão, 1.º TGPSI Foi um dia divertido e interessante a todos os níveis que ficará, decerto, na nossa memória como um começo de ano letivo diferente e especial. Andreia Pacheco e Cláudia Lima, 1.º TF Hugo Almeida e António Viena, 1.º TET

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar CATEGORIAS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS S. C. Sim, porque vou para a beira de um amigo, o Y. P5/E1/UR1 Vou jogar à bola, vou aprender coisas. E,

Leia mais

Coaching para pessoas disponíveis, ambos

Coaching para pessoas disponíveis, ambos Nota da Autora 1001 maneiras de ser Feliz, é o meu terceiro livro. Escrevi Coaching para mães disponíveis e Coaching para pessoas disponíveis, ambos gratuitos e disponíveis no site do Emotional Coaching.

Leia mais

O acesso a uma plataforma online "recheada" de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto.

O acesso a uma plataforma online recheada de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto. CARTAS Caros colegas, um professor não é apenas aquele que ensina, mas também o que se deixa aprender. E ainda há tanto para aprender... Com o NPP e metas curriculares, urge adquirirmos ferramentas para

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

Nós, alunos do 2º A, queremos tratar as pessoas com respeito e amor, estudar com muita dedicação e sempre pensar antes de tomar decisões.

Nós, alunos do 2º A, queremos tratar as pessoas com respeito e amor, estudar com muita dedicação e sempre pensar antes de tomar decisões. Como tratar as pessoas: de uma maneira boa, ajudar todas as pessoas. Como não fazer com os outros: não cuspir, empurrar, chutar, brigar, não xingar, não colocar apelidos, não beliscar, não mentir, não

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB!

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! A história da Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para Analista Tributário da Receita Federal do Brasil, é mais uma das histórias

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa MODELO 1 Compreensão da Leitura e Expressão Escrita Parte 1 Questões 1 20 O Luís enviou cinco mensagens através do telemóvel. Leia as frases 1 a 5. A cada frase corresponde uma mensagem enviada pelo Luís.

Leia mais

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance Sobre o autor: Meu nome é Rodrigo Marroni. Sou apaixonado por empreendedorismo e vivo desta forma há quase 5 anos. Há mais de 9 anos já possuía negócios paralelos ao meu trabalho e há um pouco mais de

Leia mais

a seguir? 1 Gosto de sair de Portu- no final dos projectos, mas sempre com \gal os telemóveis ligados, porque se surgir uma proposta volto

a seguir? 1 Gosto de sair de Portu- no final dos projectos, mas sempre com \gal os telemóveis ligados, porque se surgir uma proposta volto a 'Gracinha' na novela 'Anjo Meu' (TVI). Sendo uma personagem cómica, sente que tem conquistado o público? Pela primeira vez sinto que há Interpreta mesmo um grande carinho do público, porque a 'Gracinha'

Leia mais

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas.

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas. ESCOLA MUNICIPAL BUENA VISTA Goiânia, 19 de junho de 2013. - Turma: Mestre de Obras e Operador de computador - 62 alunos 33 responderam ao questionário Orientador-formador: Marilurdes Santos de Oliveira

Leia mais

Centro de Transição para a Vida Adulta e Activa JORNAL VIDA ACTIVA. A equipa de jornalistas

Centro de Transição para a Vida Adulta e Activa JORNAL VIDA ACTIVA. A equipa de jornalistas Centro de Transição para a Vida Adulta e Activa JORNAL VIDA ACTIVA A equipa de jornalistas Da esquerda para a direita e de cima para baixo: Tiago Videira, Albino Silva, Mafalda Celeste, Maria do Carmo

Leia mais

O que é a Junior Achievement 4. O que é a Junior Achievement Portugal 4. Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro!

O que é a Junior Achievement 4. O que é a Junior Achievement Portugal 4. Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro! GUIA DO ALUNO O que é a Junior Achievement 4 O que é a Junior Achievement Portugal 4 Números totais da JAP desde 2005 4 Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro! 5 Que benefícios oferece

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita

Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita 1 Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita Ana Moreira, Coordenadora O Clube de Teatro da Escola E.B. 2,3 de Perafita apresentou-se em cena nos dias 21 e 24 de Maio, com o seu mais recente trabalho

Leia mais

Este testemunho é muito importante para os Jovens.

Este testemunho é muito importante para os Jovens. Este testemunho é muito importante para os Jovens. Eu sempre digo que me converti na 1ª viagem missionária que fiz, porque eu tinha 14 anos e fui com os meus pais. E nós não tínhamos opção, como é o pai

Leia mais

Fruto do título de campeão nacional conquistado, João Pedro Sanches carimbou o passaporte para estar presente na 1.ª fase do Campeonato do Mundo, que

Fruto do título de campeão nacional conquistado, João Pedro Sanches carimbou o passaporte para estar presente na 1.ª fase do Campeonato do Mundo, que Resistência, coordenação, força e equilíbrio são alguns dos requisitos físicos necessários para a prática do Street Workout. Ainda pouco divulgada no nosso país, é uma modalidade desportiva que atrai cada

Leia mais

todos fôssemos jardineiros"

todos fôssemos jardineiros ALEGAÇÕES FINAIS JARDIM BOTÂNICO DA AJUDA, EM LISBOA "O País era mais feliz se todos fôssemos jardineiros" INÊS BANHA jardineiro há nove anos no Jardim Botânico da Ajuda, em Lisboa, que este fim de semana

Leia mais

INDICE ANEXOS. Anexo I Guião de entrevista --------------------------------------------------------------- 2

INDICE ANEXOS. Anexo I Guião de entrevista --------------------------------------------------------------- 2 INDICE ANEXOS Anexo I Guião de entrevista --------------------------------------------------------------- 2 Anexo II Grelhas de análise de entrevista ---------------------------------------------- 7 Anexo

Leia mais

No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada!

No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada! No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada! Hoje já não me dou conta mas foi assim era uma nova escola, novos colegas, novos desafios e, para desafio, tinha de estar cheia de

Leia mais

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas?

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? 2 Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? É SOBRE ISSO QUE VOU FALAR NESTE TEXTO. A maioria das empresas e profissionais

Leia mais

PEDRO PINTO: "A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA"

PEDRO PINTO: A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA PEDRO PINTO: "A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA" 25 março 2014 Share on twittershare on facebookshare on emailshare on printmore Sharing Services0 Pedro

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

Como conversar com possíveis iniciadas

Como conversar com possíveis iniciadas Como conversar com possíveis iniciadas Convidar outras mulheres a tornarem-se consultoras é uma atividade chave para quem quer tornar-se diretora. Aprenda como fazer a entrevista de iniciação, ou seja:

Leia mais

O início de minha vida...

O início de minha vida... Relato 1 Memórias de minha vida Juliana Pedroso 1 O início de minha vida... Perceber com clareza é o mesmo que ter a visão iluminada pela Luz da Alma. Podemos ficar livres da ignorância e ver corretamente

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões 8 Passos para o Recrutamento Eficaz Por Tiago Simões Uma das coisas que aprendi na indústria de marketing de rede é que se você não tem um sistema de trabalho que comprovadamente funcione, muito provavelmente

Leia mais

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE CONCURSO SOBRE OS DIREITOS DAS CRIANÇAS 1. Apresentação TEMA GERAL DIREITO À DIFERENÇA EU MAIS TU REGULAMENTO DO CONCURSO O IAC-CEDI, Centro de Estudos, Documentação e Informação

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA 2.º Ciclo - TABUADA 1.ºs 6.º Ac 7 Fernando Miguel L. Fontes 100,0 6.º Ac 8 Francisca Vicente Silva 100,0 6.º Bc 2 Daniel Henriques Lourenço 99,6 3.ºs 5.º Bc 16 Simão Pedro Tojal Almeida 99,6 5.º Ac 10

Leia mais

Editor Direção-Geral de Educação Direção de Serviços de Educação Especial e de Apoios Socioeducativos

Editor Direção-Geral de Educação Direção de Serviços de Educação Especial e de Apoios Socioeducativos Ficha Técnica Titulo À DESCOBERTA Editor Direção-Geral de Educação Direção de Serviços de Educação Especial e de Apoios Socioeducativos Conceção Direção de Serviços de Educação Especial e de Apoios Socioeducativos

Leia mais

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim 17% não 83% 2. O que achou da transformação do Largo de Pinheiros? Diferente, muito

Leia mais

O tema da nossa edição deste mês é Ouvindo histórias.

O tema da nossa edição deste mês é Ouvindo histórias. 1 Olá! O tema da nossa edição deste mês é Ouvindo histórias. Este mês, conhecemos histórias muito interessantes que deixaram tantas recordações e aprendizados para nossos alunos! Padrinhos Argumento: EM

Leia mais

Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa

Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa A Universidade de Lisboa está a fazer um estudo que procura saber como é que as crianças e os jovens portugueses utilizam a internet e o que pensam

Leia mais

Entrevistado: Data da Entrevista: Entrevista: 1- Como você percebe o processo de criação de marcas?

Entrevistado: Data da Entrevista: Entrevista: 1- Como você percebe o processo de criação de marcas? Entrevistado: Guto Lacaz Data da Entrevista: 19 de Julho de 2011 Entrevista: Pessoalmente Formado em Arquitetura pela Faculdade de Arquitetura de São José dos Campos, faculdade onde também realizou cursos

Leia mais

Em conversa com Rita Maia. Celorico de Basto é o meu porto de refúgio, onde me sinto bem (Rita Maia,

Em conversa com Rita Maia. Celorico de Basto é o meu porto de refúgio, onde me sinto bem (Rita Maia, Celoricenses de Sucesso Em conversa com Rita Maia Celorico de Basto é o meu porto de refúgio, onde me sinto bem (Rita Maia, 21 de fevereiro de 2015) Nascida e criada em Celorico de Basto, Rita Maia é uma

Leia mais

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto.

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto. Boa tarde a todos, para quem não me conhece sou o Ricardo Aragão Pinto, e serei o Presidente do Concelho Fiscal desta nobre Fundação. Antes de mais, queria agradecer a todos por terem vindo. É uma honra

Leia mais

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes All You Zombies Wendel Coelho Mendes Versão Portuguesa, Brasil Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959 Esse conto é minha versão sobre a verdadeira história de All You Zombies,

Leia mais

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS QUE OPORTUNIDADES PÓS-LICENCIATURA ESPERAM? EXPECTATIVAS QUE INQUIETAÇÕES TÊM OS ALUNOS DE DC? MADALENA : M QUAL É A TUA PERSPECTIVA DO MERCADO

Leia mais

Contos. Tod@s Contamos. Projecto de Intervenção - de Mulher para Mulher2 -

Contos. Tod@s Contamos. Projecto de Intervenção - de Mulher para Mulher2 - Contos Tod@s Contamos Projecto de Intervenção - de Mulher para Mulher2 - Nota Introdutória O livro Contos - Tod@s Contamos é a compilação de quatro contos sobre a Igualdade de Género realizados por dezasseis

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Genialidade, Fernando Pessoa

Genialidade, Fernando Pessoa Um homem de génio é produzido por um conjunto complexo de circunstâncias, começando pelas hereditárias, passando pelas do ambiente e acabando em episódios mínimos de sorte. Genialidade, Fernando Pessoa

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS

ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS Ao se levantar para trabalhar, pela manhã, todos enfrentamos, sentados na beira da cama, a mesma questão: eu seria mais feliz e satisfeito fazendo

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

Dinâmica e Animação de Grupo

Dinâmica e Animação de Grupo Dinâmica e Animação de Grupo Desenvolvimento de Competências Turma G3D Leandro Diogo da Silva Neves 4848 Índice 1. Introdução... 3 2. Planeamento de desenvolvimento individual... 4 2.1 Competências...

Leia mais

De volta ao básico O Beaba do seu negócio Mary Kay Descubra qual a sua paixão para crescer na carreira MK!

De volta ao básico O Beaba do seu negócio Mary Kay Descubra qual a sua paixão para crescer na carreira MK! Treinamento de Consultoras De volta ao básico O Beaba do seu negócio Mary Kay Descubra qual a sua paixão para crescer na carreira MK! Ferramentas de trabalho a serem desenvolvidas para crescer na Entender

Leia mais

Faça amizades no trabalho

Faça amizades no trabalho 1 Faça amizades no trabalho Amigos verdadeiros ajudam a melhorar a saúde, tornam a vida melhor e aumentam a satisfação profissional. Você tem um grande amigo no local em que trabalha? A resposta para essa

Leia mais

Empreendedorismo e Tradição

Empreendedorismo e Tradição Plano de Promoção de Empreendedorismo nas Escolas do Baixo Alentejo Empreendedorismo e Tradição Proposta de Projeto Agrupamento de Escolas de Cuba OBJETIVOS Desenvolver ações que contribuam para preparar

Leia mais

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades Externato Cantinho Escolar Plano Anual de Atividades Ano letivo 2014 / 2015 Pré-escolar e 1º Ciclo Ação Local Objetivos Atividades Materiais Recursos Humanos Receção dos Fomentar a integração da criança

Leia mais

FEED FORWARD #31 SETEMBRO 2014. Coaching, a arte secreta de convidar a Felicidade

FEED FORWARD #31 SETEMBRO 2014. Coaching, a arte secreta de convidar a Felicidade WWW.MINDCOACH.PT FEED FORWARD Coaching, a arte secreta de convidar a Felicidade #31 SETEMBRO 2014 Alexandra Lemos Executive Coach International Coach Trainer da ICC para Portugal MAFALDA FERREIRA TERAPEUTA

Leia mais

Direção Criativa. Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto. de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento

Direção Criativa. Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto. de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento 44 :: Webdesign Direção Criativa Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento e um imenso esforço para que o sucesso seja alcançado

Leia mais

MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO

MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO DO CONCEITO PARA PRATICA E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos

Leia mais

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2)

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2) PROVA FINAL DO 2.º E do 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO PLNM (A2) Prova 63 93/2.ª Chamada/2013 PLNM (A2) Prova 739/2.ª Fase/2013 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Escola Municipal de Ensino Fundamental David Canabarro Florianópolis, 3892 Mathias Velho/Canoas Fone: 34561876/emef.davidcanabarro@gmail.com DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Stefani do Prado Guimarães Ano

Leia mais

Primeiro Email#1: Rota Problema Solução

Primeiro Email#1: Rota Problema Solução Esta segunda sequência respeita a estrutura da sequência do Eben que analisamos.o template é adequado aos profissionais que podem (e querem) trabalhar com os três mosqueteiros, ou seja, apresentar uma

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

1. Pateo do Collegio conhecia não conhecia não responderam 16 18 0. 1. Pateo do Collegio gostei não gostei não responderam 33 0 1

1. Pateo do Collegio conhecia não conhecia não responderam 16 18 0. 1. Pateo do Collegio gostei não gostei não responderam 33 0 1 1. Pateo do Collegio conhecia conhecia 16 18 0 1. Pateo do Collegio gostei gostei 33 0 1 Pateo do Collegio 3% Pateo do Collegio gostei 0% conhecia 53% conhecia 47% gostei 97% Por quê? Aprendi mais sobre

Leia mais

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto As Jornadas de Educação Pelo Desporto alinham-se com os objetivos gerais do Diálogo Estruturado na área da juventude, uma vez que

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

14-5-2010 MARIA JOÃO BASTOS AUTOBIOGRAFIA. [Escrever o subtítulo do documento] Bruna

14-5-2010 MARIA JOÃO BASTOS AUTOBIOGRAFIA. [Escrever o subtítulo do documento] Bruna 14-5-2010 MARIA JOÃO BASTOS AUTOBIOGRAFIA [Escrever o subtítulo do documento] Bruna Autobiografia O meu nome é Maria João, tenho 38 anos e sou natural da Nazaré, onde vivi até há sete anos atrás, sensivelmente.

Leia mais

Despertar os sentidos!

Despertar os sentidos! Despertar os sentidos! Tudo o que conhecemos chega-nos, de uma forma ou de outra, através de sensações sobre as realidades que nos rodeiam. Esta consciência sensorial pode e deve ser estimulada! Quanto

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Uma Cidade para Todos Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Colaboração Nuno Oliveira, coordenador do Serviço de Psicologia do 1º ciclo do Ensino Básico da EMEC - Empresa Municipal

Leia mais

Vai ao encontro! de quem mais precisa!

Vai ao encontro! de quem mais precisa! Vai ao encontro! 2ª feira, 05 de outubro: Dos mais pobres Bom dia meus amigos Este mês vamos tentar perceber como podemos ajudar os outros. Vocês já ouviram falar das muitas pessoas que estão a fugir dos

Leia mais

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Ilustrações: Santiago Arte: www.espartadesign.com.br Contatos

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

FÉRIAS DE VERÃO 2014

FÉRIAS DE VERÃO 2014 FÉRIAS DE VERÃO 2014 O Museu da Carris oferece ateliers didáticos, interdisciplinares e criativos, que vão motivar as suas crianças durante o período de férias de Verão! Há muito para aprender, descobrir

Leia mais

Manual do Utilizador Aluno

Manual do Utilizador Aluno Manual do Utilizador Aluno Escola Virtual Morada: Rua da Restauração, 365 4099-023 Porto PORTUGAL Serviço de Apoio ao Cliente: Telefone: (+351) 707 50 52 02 Fax: (+351) 22 608 83 65 Serviço Comercial:

Leia mais

Externato Arco-Íris. As salas de aula vestidas de flores. 1.º Ano. 2.º Ano. 3.º Ano. 4.º Ano

Externato Arco-Íris. As salas de aula vestidas de flores. 1.º Ano. 2.º Ano. 3.º Ano. 4.º Ano Externato Arco-Íris a/verão015 r e v a m i r p s n age m i e junho de 2 e io d a m o l, ã ri ç b a e l Co As salas de aula vestidas de flores 1.º Ano 2.º Ano 3.º Ano 4.º Ano Inspiração: obra O Livro da

Leia mais

Rio de Janeiro, 2 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 2 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 2 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Ivo Barcelos Assumpção, nasci dia 13 do doze de 1954 em Rezende, Estado do Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu estudei engenharia química na UFRJ, entrei

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO ORIENTAÇÃO ESCOLAR E VOCACIONAL A conclusão do 9.º ano de escolaridade, reveste-se de muitas dúvidas e incertezas, nomeadamente na escolha de uma área de estudos ou num

Leia mais

JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62. Editorial. competências. Por exemplo: dizemos que os jovens devem ser empreendedores,

JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62. Editorial. competências. Por exemplo: dizemos que os jovens devem ser empreendedores, Associação Nacional de Docentes de Educação Especial Newsletter JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62 Editorial Não é normal Quando eu fui professor do ensino básico, costumava propor aos meus alunos um jogo que

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça?

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Caro amigo (a) Se sua empresa está sofrendo com a falta de clientes dispostos a comprar os

Leia mais

TESTEMUNHAS. atores e destinatários do projeto catequese/família

TESTEMUNHAS. atores e destinatários do projeto catequese/família TESTEMUNHAS atores e destinatários do projeto catequese/família Os testemunhos partilhados foram recolhidos a partir de um pequeno questionário realizado, no mês de maio de 2012, junto das famílias dos

Leia mais

Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis

Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis ta da Autora Olá, Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis passados em verdadeiros vales e dias de deserto. Todos os nossos planos se desvanecem

Leia mais

Modos de agir na interacção Conteúdos. Aprendizagem dos alunos

Modos de agir na interacção Conteúdos. Aprendizagem dos alunos Modos de agir na interacção Conteúdos Aprendizagem dos alunos Conteúdos a trabalhar 1. [Nas reuniões mensais] Aproveito para fazer uma análise dos conhecimentos que estamos a fazer, dos conteúdos que estão

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

Viagem à Costa Rica. foto-aventura

Viagem à Costa Rica. foto-aventura foto-aventura T E X TO E F O TO S : M AU R Í C I O M ATO S Viagem à Costa Rica Quando compramos um carro novo damos um passeio maior e dizemos que fomos fazer a rodagem. Ora, então quando se compra uma

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor.

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor. Um futuro melhor Várias vezes me questiono se algum dia serei capaz de me sentir completamente realizada, principalmente quando me encontro entregue somente aos meus pensamentos mais profundos. E posso

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

Esta nova sequência tem uma novidade: ela é inédita!

Esta nova sequência tem uma novidade: ela é inédita! Esta nova sequência tem uma novidade: ela é inédita! Hum, essa não é uma novidade. As outras também eram de certa forma inéditas, uma vez que o layout era baseado na estrutura dos Gurus, mas vamos lá,

Leia mais

O USO DO BLOG NA EDUCAÇÃO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA

O USO DO BLOG NA EDUCAÇÃO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA 40 ÀGORA, Porto Alegre, Ano 3, jan/jun.2012. ISSN 2175-3792 O USO DO BLOG NA EDUCAÇÃO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA Viviane M. Machado Michaloski1 Para começo de conversa As tecnologias exercem grande

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013 Atividades Pedagógicas Outubro 2013 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO IV A GRUPO IV B GRUPO IV C GRUPO IV

Leia mais

6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães

6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicasdiadasmaes 6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães Apresentamos uma seleção com 6 dinâmicas de grupo para o Dia das Mães, são atividades que podem

Leia mais

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade!

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Enem Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Não tem mais para onde correr: O resto dos seus dias depende disso. Ou pelo menos é assim

Leia mais

ENTREVISTA A ESTHER LISKA

ENTREVISTA A ESTHER LISKA ENTREVISTA A ESTHER LISKA Mentora dos projetos Glow Branding You/ Glow Lunch De mulheres para Mulheres! IS Gostaria que nos falasse um pouco sobre o seu percurso, a sua carreira, como tudo começou EL -

Leia mais

Furor suave. O Ar. À beira mar Está um homem a pescar Peixe está a apanhar E sem nunca parar. (Pedro Ernesto, 10 anos)

Furor suave. O Ar. À beira mar Está um homem a pescar Peixe está a apanhar E sem nunca parar. (Pedro Ernesto, 10 anos) 6 Furor suave Vou fazer um poema com ar; mas não é com este ar. Qual ar? Este, aqui, este ar. Este qual? O que se respira? Sim, esse, não é com o que se respira, é com o ar de ar. Qual ar? Queres dizer

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais