Configurando Interfaces e roteamento entre dois roteadores Cisco

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Configurando Interfaces e roteamento entre dois roteadores Cisco"

Transcrição

1 Configurando Interfaces e roteamento entre dois roteadores Cisco Para esse exemplo, usarei o Packet Tracer (download aqui). Esse software foi desenvolvido pela própria Cisco para que os interessados pudessem fazer treinamentos e experimentos em seus equipamentos. Esse software é altamente recomendado para os interessados em entender conceitos de roteamento além de colocar em prática projetos teóricos ou mesmo testar futuras configurações em roteadores reais. Devemos, nesse primeiro exercício, criar a seguinte ligação de rede: Para começar, com um projeto novo no Packet Tracer, vou adicionar um Router modelo 2620XM. Feito isso, vou clicar sobre o roteador que foi colocado na Área de Trabalho do PT e vou clicar 1 vez sobre ele. Ao fazer isso, será aberta uma tela para adicionarmos módulos nesse roteador bem como fazer as configurações necessárias. Para interligar os dois roteadores, vou usar a interface serial do roteador. Podemos verificar que esse roteador não possui nenhuma interface serial, então vamos adicionar um módulo de interface serial. Para fazer isso, primeiro devemos desligar o roteador. Depois vamos selecionar o módulo a ser adicionado no roteador. Nesse caso, vamos usar o módulo NM-4A/S. Clicamos sobre ele do lado direito (01) nessa tela, e o módulo será exibido no canto direito inferior. Clicamos então sobre ele (02) e arrastamos até o slot do roteador. Feito isso, ligamos (03).

2 Caso queria acompanhar o processo de start da IOS, é só clicar na guia CLI que o processo será exibido. Como é um roteador sem configuração nenhuma, depois da IOS ser totalmente carregada, será exibida a seguinte mensagem: Continue with configuration dialog? [yes/no]: Vamos optar por não usar esse assistente pois usaremos a configuração manual. Então digite no e pressione Enter. Depois pressione Enter novamente, conforme solicitado pelo Router. Lembrando que o primeiro acesso é feito no modo usuário, devemos acessar o modo privilegiado para depois acessar os módulos das interfaces para começarmos a configuração em si. Então vamos digitar: Router>enable Router#configure terminal Enter configuration commands, one per line. End with CNTL/Z. Router(config)#

3 Vamos começar a configurar pela Interface Ethernet 0/0 ou seja, a interface que vai ligado ao Hub ou Switch. Para isso vamos digitar: Router(config)#interface fastethernet 0/0 Reparem que ele sinaliza o módulo de configuração de interface com as letras if depois de config. Vamos adicionar então o IP e a máscara conforme está na imagem acima e claro, ativar a interface: ip address no shutdown %LINK-5-CHANGED: Interface FastEthernet0/0, changed state to up Agora vamos configurar a Interface Serial 1/0: (lembrando que precisamos sair do módulo de configuração da Interface Ethernet primeiro) exit Router(config)#interface serial 1/0 Agora vamos configurar IP e Mascara (conforme a imagem), ativar a interface e setar o clock rate de ip address no shutdown clock rate %LINK-5-CHANGED: Interface Serial1/0, changed state to down Agora vamos a configuração do segundo roteador, alterando apenas os endereços IP conforme a imagem. (Lembrem-se de adicionar o módulo de interfaces seriais). Como já expliquei passo a passo o roteador anterior, esse segundo roteador, vou apenas colocar os comandos para seguirem caso tenham alguma dúvida, mas não vou comentá-los. Router>enable Router#configure terminal Enter configuration commands, one per line. End with CNTL/Z. Router(config)#interface fastethernet 0/0 ip address no shutdown %LINK-5-CHANGED: Interface FastEthernet0/0, changed state to up exit Router(config)#interface serial 1/0 ip address no shutdown %LINK-5-CHANGED: Interface Serial1/0, changed state to down Depois da configuração dos dois Roteadores, vamos adicionar os demais itens das nossas redes: 1 Hub para cada rede, bem como uma máquina para cada rede também.

4 Feito isso, vou agora fazer as ligações entre os roteadores e os Hubs de locais de sua rede, e depois a interligação física dos dois roteadores. Primeiro vou interligar os Hubs às suas respectivas máquinas via interface de rede via cabo UTP (no PT chamado de Copper Straight-Through) e posteriormente ligar os Hubs aos Roteadores da sua Rede também via cabo UTP. Agora vou fazer a interligação dos dois Roteadores usando as interfaces Seriais. Para isso, logicamente, vou usar o cabo serial. Às vezes o pessoal tem dúvidas quanto a qual dos dois cabos Seriais se deve usar. Lembrem-se: - DCE: C=Comunication ou seja, equipamento de comunicação (roteador, switch) - DTE: T=Terminal ou seja, computador, servidor, etc.

5 Então nesse caso usaremos o DCE. Selecione então esse cabo, clique sobre o Router 1 e depois sobre o Router2 nos dois casos, selecionando a Interface Serial 1/0 (que foi a indicada no desenho e configurada). Depois da interligação física, é hora de indicar o protocolo de roteamento a ser usado e configurá-lo. No Router da Rede1, vou executar os comando: Router(config)#router rip Router(config-router)#network Router(config-router)#network Essa sequência de comandos indica que vou usar o protocolo RIP e as redes que estão ligadas diretamente à esse roteador são: e que são as duas redes que estão configuradas nas duas interfaces em uso no Router 1. Devemos executar a mesma sequência de comandos no Router2, alterando lógico as redes a serem divulgadas: devemos informar as duas redes que estão configuradas nas duas interfaces do roteador. Depois de divulgadas as redes nos dois roteadores, devemos configurar os Endereços IP das interfaces de rede das máquinas das redes. Para isso clicamos em cima do computador PC1-Rede1, na tela que abrir, clicar na guia Desktop e clicar em IP Configuration. Configurar então o endereço ip da máquina, lembrando que o gateway de cada máquina deve ser o ip da interface de rede do seu devido roteador. Depois de configurar os dois computadores, clique em Command Prompt e faça testes de ping, pingando de uma máquina de uma rede, até a outra máquina da outra rede. Dúvidas, estou a disposição. Até mais!

Capítulo 2. Laboratório 2.1. Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização

Capítulo 2. Laboratório 2.1. Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização Capítulo 2 Laboratório 2.1 Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização tel (41) 430457810 ou (41) 4063-7810 - info@dltec.com.br - www.dltec.com.br INDICE 1 Objetivo do Laboratório...

Leia mais

CISCO PACKET TRACER. Kelvin Lopes Dias Diego dos Passos Silva (kld/dps4@cin.ufpe.br)

CISCO PACKET TRACER. Kelvin Lopes Dias Diego dos Passos Silva (kld/dps4@cin.ufpe.br) CISCO PACKET TRACER Kelvin Lopes Dias Diego dos Passos Silva (kld/dps4@cin.ufpe.br) INTRODUÇÃO Packet Tracer v5.3 é um simulador de redes desenvolvido pela Cisco Systems ; Capaz de simular o funcionamento

Leia mais

Laboratório 1.2.3 Revisão da Configuração Básica do Roteador com RIP

Laboratório 1.2.3 Revisão da Configuração Básica do Roteador com RIP Laboratório 1.2.3 Revisão da Configuração Básica do Roteador com RIP Objetivo Cabear e configurar as estações de trabalho e os roteadores Configurar um esquema de endereçamento IP usando redes classe B

Leia mais

Configurando uma rede Frame Relay + EIGRP

Configurando uma rede Frame Relay + EIGRP Configurando uma rede Frame Relay + EIGRP Para configurarmos uma rede Frame Relay, é importante antes de tudo definir as redes para melhor nos orientarmos. Iremos trabalhar com 3 filiais, sendo: SP, RJ,

Leia mais

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento Capítulo 3 - Configurando um Roteador 1 Objetivos do Capítulo Dar nome a um roteador; Definir senhas; Examinar comandos show; Configurar uma interface

Leia mais

Laboratório 1.2.4 Convertendo RIP v1 para RIP v2

Laboratório 1.2.4 Convertendo RIP v1 para RIP v2 Laboratório 1.2.4 Convertendo RIP v1 para RIP v2 Objetivo Configurar RIP v1 nos roteadores. Converter para RIP v2 nos roteadores. Fundamentos / Preparação Instale uma rede semelhante à ilustrada no diagrama.

Leia mais

Cisco Packet Tracer 5.3

Cisco Packet Tracer 5.3 Cisco Packet Tracer 5.3 www.rsobr.weebly.com O PT 5.3 (Packet Tracer) permite criar ambientes de redes LANs e WANs e além disso simular também, permitindo realizar diversas situações como por exemplo:

Leia mais

Laboratório 2.3.1 Configurando o Processo de Roteamento OSPF

Laboratório 2.3.1 Configurando o Processo de Roteamento OSPF Laboratório 2.3.1 Configurando o Processo de Roteamento OSPF Objetivo Configurar um esquema de endereçamento IP para a área 0 OSPF. Configurar e verificar o roteamento OSPF (Open Shortest Path First) Fundamentos

Leia mais

Laboratório 1.1.4b Configuração do PAT

Laboratório 1.1.4b Configuração do PAT Laboratório 1.1.4b Configuração do PAT Objetivo Configurar um roteador para que use PAT (Port Address Translation, tradução de endereços de porta) para converter endereços IP internos, normalmente privados,

Leia mais

Introdução ao Cisco Packet Tracer

Introdução ao Cisco Packet Tracer Introdução ao Cisco Packet Tracer Uma solução interessante que pode ajudar a quem for criar uma rede na prática, seria antes de tudo, criar, configurar e simular o funcionamento de uma rede de computador

Leia mais

GESTÃO DE SISTEMAS E REDES DOMAIN NAME SYSTEM

GESTÃO DE SISTEMAS E REDES DOMAIN NAME SYSTEM GESTÃO DE SISTEMAS E REDES DOMAIN NAME SYSTEM OUTLINE CONFIGURAR O SETUP CONFIGURAR O DNS O obje0vo passa por criar um cenário com as seguintes redes: Uma rede para 6 servidores (Rede 0-172.16.0.0/29);

Leia mais

Capítulo 2 Laboratório 2.2 Comandos Show

Capítulo 2 Laboratório 2.2 Comandos Show Capítulo 2 Laboratório 2.2 Comandos Show ÍNDICE 1 Objetivo do Laboratório... 3 2 Topologia... 3 3 Exercício Proposto... 4 3.1 Verificando o Processo de Inicialização... 4 3.2 Verificando a Configuração

Leia mais

Aula 03 Comandos Básicos do IOS Cisco

Aula 03 Comandos Básicos do IOS Cisco Disciplina: Dispositivos de Rede I Professor: Jéferson Mendonça de Limas 3º Semestre Aula 03 Comandos Básicos do IOS Cisco 2014/1 Roteiro de Aula Correção Exercícios Aula Anterior O que é o Roteador? Componentes

Leia mais

Laboratório 9.3.6 Configurando o roteamento Inter-VLAN

Laboratório 9.3.6 Configurando o roteamento Inter-VLAN Laboratório 9.3.6 Configurando o roteamento Inter-VLAN Objetivo Criar uma configuração básica de switch e verificá-la. Criar várias VLANs, nomeá-las e atribuir várias portas a elas. Criar uma configuração

Leia mais

Nota: Lista Roteadores Teoria e Comandos Professor: Roberto Leal Aluno: Data: Turma: Número: Redes Locais e Metropolitanas

Nota: Lista Roteadores Teoria e Comandos Professor: Roberto Leal Aluno: Data: Turma: Número: Redes Locais e Metropolitanas Redes Locais e Metropolitanas Nota: Lista Roteadores Teoria e Comandos Professor: Roberto Leal Aluno: Data: Turma: Número: Folha de Exercícios Exercícios Parte 1 Teoria do Roteamento Questão 1: Quais são

Leia mais

CARLOS RAFAEL GUERBER EXERCÍCIOS ROTEADOR

CARLOS RAFAEL GUERBER EXERCÍCIOS ROTEADOR CARLOS RAFAEL GUERBER EXERCÍCIOS ROTEADOR Mafra 2009 Exercício 1 Utilizando o bloco de endereços 200.0.0.0/24, proponha uma solução para configurar os IP s da rede abaixo: 1 2 3 4 10.0.0.1/24 10.0.0.2/24

Leia mais

Laboratório - Gerenciamento de arquivos de configuração de roteador com software de emulação de terminal

Laboratório - Gerenciamento de arquivos de configuração de roteador com software de emulação de terminal Laboratório - Gerenciamento de arquivos de configuração de roteador com software de emulação de terminal Topologia Tabela de Endereçamento Dispositivo Interface Endereço IP Máscara de Sub-Rede Gateway

Leia mais

Laboratório 3.2.3 Verificando a Configuração Básica de EIGRP

Laboratório 3.2.3 Verificando a Configuração Básica de EIGRP Laboratório 3.2.3 Verificando a Configuração Básica de EIGRP Objetivo Configurar um esquema de endereçamento IP para a rede. Configurar e verificar o funcionamento do EIGRP (Enhanced Interior Gateway Routing

Leia mais

Laboratórios de Tecnologias. Cisco. em Infraestrutura de Redes. Samuel Henrique Bucke Brito. Novatec

Laboratórios de Tecnologias. Cisco. em Infraestrutura de Redes. Samuel Henrique Bucke Brito. Novatec Laboratórios de Tecnologias Cisco em Infraestrutura de Redes Samuel Henrique Bucke Brito Novatec Copyright 2012 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998.

Leia mais

Curso Superior em Redes de Computadores

Curso Superior em Redes de Computadores Curso Superior em Redes de Computadores Roteamento IP UNICAST Prof. Sales Filho Objetivo Apresentar o simulador Packet Tracer 5 Implementar uma topologia utilizando o protocolo

Leia mais

Este documento é propriedade exclusiva da Cisco Systems, Inc. É concedida permissão para cópia e impressão deste documento para distribuição não

Este documento é propriedade exclusiva da Cisco Systems, Inc. É concedida permissão para cópia e impressão deste documento para distribuição não Este documento é propriedade exclusiva da Cisco Systems, Inc. É concedida permissão para cópia e impressão deste documento para distribuição não comercial e uso exclusivo pelos instrutores no curso CCNA

Leia mais

L A B O RATÓRIO DE REDES

L A B O RATÓRIO DE REDES L A B O RATÓRIO DE REDES TRÁFEGO, ENQUADRAMEN TO, DEFAU LT G A TEWA Y E ARP. VALE 2,0 P ONT OS. INTRODUÇÃO AO LABORATÓRIO Nosso laboratório é composto de três hosts Linux, representados pelo símbolo de

Leia mais

REDES DE COMUNICAÇÃO DE DADOS

REDES DE COMUNICAÇÃO DE DADOS ETEC ALBERT EINSTEIN REDES DE COMUNICAÇÃO DE DADOS (PRÁTICA) Prof. Wilson Carvalho de Araújo Curso Técnico de Eletrônica 2 Apresentação Esta apostila nasceu do agrupamento dos exercícios praticados em

Leia mais

Laboratório 1.1.4a Configuração do NAT

Laboratório 1.1.4a Configuração do NAT Laboratório 1.1.4a Configuração do NAT Objetivo Configurar um roteador para que use tradução de endereços de rede (NAT) para converter endereços IP internos, normalmente privados, para endereços públicos

Leia mais

Laboratório 8.2.4 Verificando Configurações de VLANs.

Laboratório 8.2.4 Verificando Configurações de VLANs. Laboratório 8.2.4 Verificando Configurações de VLANs. Objetivo Criar uma configuração básica de switch e verificá-la. Criar duas VLANs. Nomear as VLANs e atribuir várias portas a elas. Testar a funcionalidade,

Leia mais

Laboratório 3.2.1 Configurando o Roteamento EIGRP

Laboratório 3.2.1 Configurando o Roteamento EIGRP Laboratório 3.2.1 Configurando o Roteamento EIGRP Objetivo Configurar um esquema de endereçamento IP para a rede. Configurar e verificar o funcionamento do EIGRP (Enhanced Interior Gateway Routing Protocol);

Leia mais

Laborato rio: Roteamento Esta tico

Laborato rio: Roteamento Esta tico INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE IFRN CURSO TÉCNICO INTEGRADO EM INFORMÁTICA Nesta atividade prática, compreenderemos a importância do serviço de roteamento ao

Leia mais

Roteiro para Prática 01 GNS e comandos da Cisco

Roteiro para Prática 01 GNS e comandos da Cisco Ponto de Presença da RNP na Bahia PoP-BA/RNP Universidade Federal da Bahia Departamento de Ciência da Computação Curso de Extensão em Administração de Redes Instrutor: Italo Valcy Roteiro para Prática

Leia mais

Comandos Packet Tracer

Comandos Packet Tracer Comandos Packet Tracer Professor Victor Sotero 1 Interface do Usuário Utiliza uma estrutura hierárquica; O IOS que é o sistema próprio da cisco, fornece um serviço de interpretação de comandos, conhecido

Leia mais

Laboratório 5.2.7 Estabelecendo uma Conexão de Console para um Roteador ou Switch

Laboratório 5.2.7 Estabelecendo uma Conexão de Console para um Roteador ou Switch Laboratório 5.2.7 Estabelecendo uma Conexão de Console para um Roteador ou Switch Objetivo Criar uma conexão de console desde um PC até um roteador ou switch usando o cabo apropriado Configurar o HyperTerminal

Leia mais

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº6

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº6 Redes de Computadores Curso de Eng. Informática Curso de Eng. de Electrónica e Computadores Trabalho de Laboratório Nº6 Configuração básica de um router Configuração do protocolo de routing RIP 1 Objectivo

Leia mais

GERENCIAMENTO E MONITORAMENTO DE REDES

GERENCIAMENTO E MONITORAMENTO DE REDES 1º ENTREGÁVEL - AM CURSO TECNÓLOGO DE REDES DE COMPUTADORES TERCEIRO SEMESTRE - 2015 GERENCIAMENTO E MONITORAMENTO DE REDES Prof.: João Gilberto Pinho 2 TRCR Cristiano Gama RM: 70320 Iago Gomes RM: 71277

Leia mais

CST em Redes de Computadores

CST em Redes de Computadores CST em Redes de Computadores Dispositivos de Rede I Aula 03 Configuração Básica Cisco IOS Prof: Jéferson Mendonça de Limas O que é um Roteador? O roteador é composto de: CPU (Processador) RAM ROM Sistema

Leia mais

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA Abaixo seguem os passos necessários para que você possa cadastrar um Equipamento do tipo Balança Topmax S no Software Urano Integra. Passo 1: Acessar

Leia mais

Guia de Instalação de Software

Guia de Instalação de Software Guia de Instalação de Software Este manual explica como instalar o software por meio de uma conexão USB ou de rede. A conexão de rede não está disponível para os modelos SP 200/200S/203S/203SF/204SF. Fluxograma

Leia mais

Laboratório 2.3.4 Configurando a Autenticação OSPF

Laboratório 2.3.4 Configurando a Autenticação OSPF Laboratório 2.3.4 Configurando a Autenticação OSPF Objetivo Configurar um esquema de endereçamento IP para a área OSPF (Open Shortest Path First). Configurar e verificar o roteamento OSPF. Introduzir a

Leia mais

Roteamento e Comutação

Roteamento e Comutação Roteamento e Comutação Antes de começar a configurar o seu switch, você deve estabelecer suas conexões. Existem dois tipos de conexões: através da porta de console e através da porta Ethernet. A porta

Leia mais

Laboratório 11.2.1a Configuração de listas de acesso padrão

Laboratório 11.2.1a Configuração de listas de acesso padrão Laboratório 11.2.1a Configuração de listas de acesso padrão Objetivo Configurar e aplicar uma ACL padrão, para permitir ou negar tráfego específico. Testar a ACL, para determinar se os resultados desejados

Leia mais

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento Capítulo 2 - Introdução aos Roteadores 1 Objetivos do Capítulo Descrever a finalidade e operação básica do IOS; Identificar vários recursos do IOS; Identificar

Leia mais

O Servidor de impressão DP-301U atende a seguinte topologia: Com o DP-301U pode ser conectada uma impressora USB.

O Servidor de impressão DP-301U atende a seguinte topologia: Com o DP-301U pode ser conectada uma impressora USB. O Servidor de impressão DP-301U atende a seguinte topologia: Com o DP-301U pode ser conectada uma impressora USB. 1 1- Para realizar o procedimento de configuração o DP-301U deve ser conectado via cabo

Leia mais

Laboratório 11.2.2b Listas de acesso simples e estendidas

Laboratório 11.2.2b Listas de acesso simples e estendidas Laboratório 11.2.2b Listas de acesso simples e estendidas 262-294 CCNA 2: Roteadores e Roteamento, Conc. Básicos v 3.1 - Laboratório 11.2.2b Copyright 2003, Cisco Systems, Inc. Objetivo Situação Neste

Leia mais

O Servidor de impressão DP-300U atende a seguinte topologia: Podem ser conectadas 2 impressoras Paralelas e 1 USB.

O Servidor de impressão DP-300U atende a seguinte topologia: Podem ser conectadas 2 impressoras Paralelas e 1 USB. O Servidor de impressão DP-300U atende a seguinte topologia: Podem ser conectadas 2 impressoras Paralelas e 1 USB. 1 1- Para realizar o procedimento de configuração o DP-300U deve ser conectado via cabo

Leia mais

Introdução Fourth level à Tecnologia Cisco

Introdução Fourth level à Tecnologia Cisco Instituto Federal do Ceará IFCE Campus de Canindé Prof. DSc. Rodrigo Costa - rodrigo.costa@ifce.edu.br Introdução à Tecnologia Cisco Definições Básicas Mercado em Redes Componentes Básicos Funcionamento

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Sumário 1. Fundamentos e Infraestrutura de Redes de Computadores... 5 1.1. Laboratório 01 IP... 6 1.2. Laboratório 02 IP... 8 1.3. Laboratório 03 DHCP... 10 1.4. Laboratório 04 NAT... 13 1.5. Laboratório

Leia mais

Packet Tracer - Conexão a uma LAN com e sem fio Topologia

Packet Tracer - Conexão a uma LAN com e sem fio Topologia Packet Tracer - Conexão a uma LAN com e sem fio Topologia 2014 Cisco e/ou suas afiliadas. Todos os direitos reservados. Este documento contém informações públicas da Cisco. Página 1 de 5 Tabela de Endereçamento

Leia mais

Guia de Laboratório de Redes Encaminhamento OSPF

Guia de Laboratório de Redes Encaminhamento OSPF Guia de Laboratório de Redes Encaminhamento OSPF 1 Introdução Este trabalho tem como objectivo familiarizar os alunos com os protocolos de encaminhamento dinâmico RIP e OSPF e a utilização de rotas estáticas.

Leia mais

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento. Capítulo 5 - Gerenciamento do Software Cisco IOS

CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento. Capítulo 5 - Gerenciamento do Software Cisco IOS CCNA 2 Conceitos Básicos de Roteadores e Roteamento Capítulo 5 - Gerenciamento do Software Cisco IOS 1 Objetivos do Capítulo Descrever a seqüência e a importância da inicialização do IOS nos roteadores

Leia mais

Parte 2 Usando o CLI do Roteador

Parte 2 Usando o CLI do Roteador Parte 2 Usando o CLI do Roteador O acesso à CLI Comand Line Interface, é feita pelo usuário no roteador com um terminal ou remotamente. Quando acessamos um roteador, devemos efetuar login nele antes de

Leia mais

Laboratório - Estabelecimento de uma sessão de console com Tera Term

Laboratório - Estabelecimento de uma sessão de console com Tera Term Laboratório - Estabelecimento de uma sessão de console com Tera Term Topologia Objetivos Parte 1: Acessar um switch da Cisco através da porta de console serial Conectar-se a um switch da Cisco usando um

Leia mais

Abra o software de programação. Clique na opção VOIP, depois opção configuração conforme as imagens:

Abra o software de programação. Clique na opção VOIP, depois opção configuração conforme as imagens: Caro cliente, atendendo a sua solicitação de auxílio no processo de configuração da placa VoIP na central Impacta, segue um passo-a-passo para ajudar a visualização. Abra o software de programação. Clique

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO SUMARIO 1. Introdução... 3 2. Opções de acesso ao Spark... 3 2.1. Acesso via Comunicador - Spark... 3 2.2. Acesso via SparkWeb... 4 3. Inserindo frase

Leia mais

Laboratório - Configuração de um endereço de gerenciamento do switch

Laboratório - Configuração de um endereço de gerenciamento do switch Laboratório - Configuração de um endereço de gerenciamento do switch Topologia Tabela de Endereçamento Dispositivo Interface Endereço IP Máscara de Sub-Rede Gateway Padrão Objetivos S1 VLAN 1 192.168.1.2

Leia mais

Redes Ponto a Ponto. Os drivers das placas de rede devem estar instalados.

Redes Ponto a Ponto. Os drivers das placas de rede devem estar instalados. Redes Ponto a Ponto É fácil configurar uma rede ponto-a-ponto em qualquer versão do Windows. Antes entretanto é preciso tomar algumas providências em relação ao hardware: Todos os computadores devem estar

Leia mais

Configuração Básica Ip phone utilizando o packet tracer 5.3.

Configuração Básica Ip phone utilizando o packet tracer 5.3. Configuração Básica Ip phone utilizando o packet tracer 5.3. Este material foi criado para ajudá-lo a configurar voz sobre IP (VoIP), recursos disponíveis no Packet Tracer 5.3. Ira mostrar os passos necessários

Leia mais

2- Instale no seu computador o programa Installation Wizard que você encontra no CD da câmera ou no site http://www.dlink.com.br/suporte.

2- Instale no seu computador o programa Installation Wizard que você encontra no CD da câmera ou no site http://www.dlink.com.br/suporte. Este manual mostra a maneira de configurar as seguintes câmeras IP: DCS-5300, DCS-5300G, DCS-5300W, DCS-6620 e DCS-6620G. Utilizaremos como exemplo a câmera DCS-5300W. 1- Antes de iniciar a configuração

Leia mais

Manual do usuário. Viewer

Manual do usuário. Viewer Manual do usuário Viewer Outubro / 2010 Manual do Heron Viewer Índice Heron Viewer... 2 Instalação... 2 Configuração... 5 Configurando o servidor (Computador que acompanha o aparelho Heron)... 5 Configurando

Leia mais

6.3.2.7 Lab - Configurando uma placa de rede para usar DHCP no Windows 7

6.3.2.7 Lab - Configurando uma placa de rede para usar DHCP no Windows 7 5.0 6.3.2.7 Lab - Configurando uma placa de rede para usar DHCP no Windows 7 Introdução Imprima e preencha este laboratório. Neste laboratório, você irá configurar uma placa de rede Ethernet para usar

Leia mais

TUTORIAL CANON IMAGE GATEWAY

TUTORIAL CANON IMAGE GATEWAY TUTORIAL CANON IMAGE GATEWAY Registrar Adicionar uma câmera comum Config. Serviços Web em Câmeras PowerShot Config. Serviços Web em Câmeras PowerShot Configurar Serviços Web em Câmeras EOS Configurar Serviços

Leia mais

O conteúdo Cisco Networking Academy é protegido e a publicação, distribuição ou compartilhamento deste exame é proibida.

O conteúdo Cisco Networking Academy é protegido e a publicação, distribuição ou compartilhamento deste exame é proibida. O conteúdo Cisco Networking Academy é protegido e a publicação, distribuição ou compartilhamento deste exame é proibida. 1 Quando protocolos sem conexão são implementados nas camadas mais inferiores do

Leia mais

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04 Guia de Prática Windows 7 Ubuntu 12.04 Virtual Box e suas interfaces de rede Temos 04 interfaces de rede Cada interface pode operar nos modos: NÃO CONECTADO, que representa o cabo de rede desconectado.

Leia mais

Atualização, backup e recuperação de software

Atualização, backup e recuperação de software Atualização, backup e recuperação de software Guia do usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registrada nos Estados Unidos da Microsoft Corporation. As informações

Leia mais

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº3

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº3 Redes de Computadores Curso de Eng. Informática Curso de Eng. Electrotécnica e Computadores Trabalho de Laboratório Nº3 Rede Ponto-a-Ponto; Rede Cliente-Servidor; WAN básica com Routers 1 Objectivo Criar

Leia mais

1. Capturando pacotes a partir da execução do traceroute

1. Capturando pacotes a partir da execução do traceroute Neste laboratório, iremos investigar o protocolo IP, focando o datagrama IP. Vamos fazê-lo através da analise de um trace de datagramas IP enviados e recebidos por uma execução do programa traceroute (o

Leia mais

Aula Pratica 3 Configurações de Rede Ethernet com Protocolo TCP/IP

Aula Pratica 3 Configurações de Rede Ethernet com Protocolo TCP/IP 1 Aula Pratica 3 Configurações de Rede Ethernet com Protocolo TCP/IP Objetivo: Esta aula tem como objetivo apresentar aos alunos como configurar equipamentos em redes Ethernet com os protocolos TCP/IP.

Leia mais

Etapa 1: Limpar o computador e executar o Windows Update

Etapa 1: Limpar o computador e executar o Windows Update Usuários do Windows 7: Tente usar o utilitário de diagnóstico gratuito da HP para ajudá-lo a encontrar o melhor driver! IMPORTANTE: Você deve seguir estas soluções na ordem que são apresentadas para resolver

Leia mais

W-R1000nL Guia de instalação

W-R1000nL Guia de instalação W-R1000nL Guia de instalação 1 Sumário Configurando seu Computador...3 Configuração de Roteamento...4 Configurando repetição de sinal...8 2 Configurando seu Computador Esta configuração pode variar dependendo

Leia mais

Configurando o Roteador Prof. Isaías Lima. Carregar o arquivo de texto para configurar outro roteador usando o HyperTerminal.

Configurando o Roteador Prof. Isaías Lima. Carregar o arquivo de texto para configurar outro roteador usando o HyperTerminal. Laboratório / ECO Configurando o Roteador Prof. Isaías Lima Objetivos: Capturar a configuração atual de um roteador para um arquivo de texto ASCII com o HyperTerminal do Windows XP. Editar ou modificar

Leia mais

Arquivos de configuração alternativos e da restauração

Arquivos de configuração alternativos e da restauração Arquivos de configuração alternativos e da restauração Índice Introdução Pré-requisitos Requisitos Componentes Utilizados Convenções Fazer um backup da configuração Usar um Servidor TFTP para Fazer Backup

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER

MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER 2 Sumário Instalação do Luz do Saber no Linux... 3 1ª opção Utilizando um Instalador... 3 2ª opção Utilizando comandos no Konsole... 6 Observações Importantes... 7 Desinstalar

Leia mais

INICIANDO A INSTALAÇÃO

INICIANDO A INSTALAÇÃO INICIANDO A INSTALAÇÃO Abra o leitor de CD do computador que será dedicado ao ÚnicoNET. Coloque o CD que acabamos de gravar com o NERO EXPRESS e reinicie o HARDWARE (CTRL+ALT+DEL), caso não consiga reiniciar

Leia mais

Com o DPR-1260 podem ser utilizadas até 4 impressoras USB. Segue um exemplo de topologia a que o equipamento atende:

Com o DPR-1260 podem ser utilizadas até 4 impressoras USB. Segue um exemplo de topologia a que o equipamento atende: Com o DPR-1260 podem ser utilizadas até 4 impressoras USB. Segue um exemplo de topologia a que o equipamento atende: 1 1- Para configurar o DPR-1260 conecte um cabo de rede na porta LAN do DPR-1260 até

Leia mais

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I.

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. MILI S.A. - D.T.I. Índice 1 ACESSANDO O PORTAL IPEDIDOS... 3 1.1 Login...5 1.2 Tela Principal, Mensagens e Atendimento On-line...6 2 CADASTRAR... 10 2.1 Pedido...10

Leia mais

Pessoal, abaixo fiz um passo-a-passo de como configurar o DVR para acessar a internet, neste caso utilizei os seguintes itens:

Pessoal, abaixo fiz um passo-a-passo de como configurar o DVR para acessar a internet, neste caso utilizei os seguintes itens: Pessoal, abaixo fiz um passo-a-passo de como configurar o DVR para acessar a internet, neste caso utilizei os seguintes itens: - Modem T580 v2. - DVR Penttaxy 8 canais - 5 metros de cabo UTP pra ligar

Leia mais

Guia de Instalação de Software

Guia de Instalação de Software Guia de Instalação de Software Este manual explica como instalar o software através de uma ligação USB ou de rede. A ligação de rede não se encontra disponível para os modelos SP 200/200S/203S/203SF/204SF.

Leia mais

Guia de Instalação do Software

Guia de Instalação do Software Guia de Instalação do Software Este manual explica como instalar o software através de uma ligação USB ou de rede. A ligação de rede não se encontra disponível para os modelos SP 200/200S/203S/203SF/204SF.

Leia mais

LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Prof: José Gonçalves - LPRM/DI/UFES (baseado no original de Rostan Piccoli)

LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Prof: José Gonçalves - LPRM/DI/UFES (baseado no original de Rostan Piccoli) LABORATÓRIO 1: Montagem da rede física, definição do endereçamento IP com diferentes sistemas operacionais e roteamento estático. Roteiro: 1) Montar a rede física, que deve ser baseadq na lista de material

Leia mais

Como recuperar e mudar o endereço IP de Um ou Mais Servidores Cisco ICM NT do RateMux C6920

Como recuperar e mudar o endereço IP de Um ou Mais Servidores Cisco ICM NT do RateMux C6920 Como recuperar e mudar o endereço IP de Um ou Mais Servidores Cisco ICM NT do RateMux C6920 Índice Introdução Antes de Começar Convenções Pré-requisitos Componentes Utilizados Como se conectar ao RateMux

Leia mais

CONFIGURAÇÃO CONVERSOR ADAM- 4571

CONFIGURAÇÃO CONVERSOR ADAM- 4571 CONFIGURAÇÃO CONVERSOR ADAM- 4571 Índice 1... Baixando o Software de configuração da ADAM 2... Configurando o Conversor ADAM 2.1... Configurando a porta Ethernet 2.2... Configurando a porta COM(RS232/422/485)

Leia mais

GUIA LAB I - REDES DE COMPUTADORES / ECO008 PROF. ISAÍAS LIMA INICIANDO O ROTEADOR MODO DE SETUP

GUIA LAB I - REDES DE COMPUTADORES / ECO008 PROF. ISAÍAS LIMA INICIANDO O ROTEADOR MODO DE SETUP GUIA LAB I - REDES DE COMPUTADORES / ECO008 PROF. ISAÍAS LIMA Objetivo: Neste laboratório você aprenderá comandos básicos do roteador. Existem diferentes formas de se conectar ao roteador, mas a primeira

Leia mais

Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Roteadores Estaticos

Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Roteadores Estaticos Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Roteadores Estaticos Professor Rene - UNIP 1 Introdução do capitulo Função do roteador Roteamento estático O roteador é um computador com uma finalidade

Leia mais

Conectar aos Serviços Web

Conectar aos Serviços Web Conectar aos Serviços Web Este documento explica como cadastrar vários serviços Web em sua câmera. É necessário um computador para as configurações dos serviços Web com o CANON image GATEWAY. Para obter

Leia mais

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1 Capitulo 1 Montagem de duas pequenas redes com a mesma estrutura. Uma é comandada por um servidor Windows e outra por um servidor linux, os computadores clientes têm o Windows xp Professional instalados.

Leia mais

PRÁTICA. Múltiplas rotas até o mesmo destino com custos definidos em função da velocidade

PRÁTICA. Múltiplas rotas até o mesmo destino com custos definidos em função da velocidade PRÁTICA Múltiplas rotas até o mesmo destino com custos definidos em função da velocidade Cenário 10Mbps Qual o melhor caminho? Observando o desenho veja que o caminho entre o computador PC0 e o Servidor

Leia mais

Packet Tracer v3.2 1. APRESENTAÇÃO

Packet Tracer v3.2 1. APRESENTAÇÃO Caio Marcio Packet Tracer v3.2 1. APRESENTAÇÃO Packet Tracer v3.2 é um simulador de ambiente de redes desenvolvido pela Cisco Systems para projetar, diagnosticar, configurar e sanar dúvidas em relação

Leia mais

Nota de Aplicação IHM 004

Nota de Aplicação IHM 004 N.A 004 Configuração de receita básica e avançada. Objetivo: Este documento informa detalhadamente o procedimento de criação dos dois tipos de receitas, básica e avançada. Obs: O software demonstrativo

Leia mais

Resolução de Problemas de Rede. Disciplina: Suporte Remoto Prof. Etelvira Leite

Resolução de Problemas de Rede. Disciplina: Suporte Remoto Prof. Etelvira Leite Resolução de Problemas de Rede Disciplina: Suporte Remoto Prof. Etelvira Leite Ferramentas para manter o desempenho do sistema Desfragmentador de disco: Consolida arquivos e pastas fragmentados Aumenta

Leia mais

STK (Start Kit DARUMA) Instalando a App Windows 8 Daruma e emitindo cupons em uma Impressora Fiscal

STK (Start Kit DARUMA) Instalando a App Windows 8 Daruma e emitindo cupons em uma Impressora Fiscal STK (Start Kit DARUMA) Instalando a App Windows 8 Daruma e emitindo cupons em uma Impressora Fiscal Neste STK apresentaremos como instalar a APP Windows 8 Daruma em um tablet Surface com Windows 8 e como

Leia mais

Guia de Configuração Rápida de Conexão da Rede

Guia de Configuração Rápida de Conexão da Rede Xerox WorkCentre M118/M118i Guia de Configuração Rápida de Conexão da Rede 701P42689 Este guia contém instruções para: Navegação pelas telas do visor na página 2 Configuração da rede usando o servidor

Leia mais

Tutorial MSN Messenger

Tutorial MSN Messenger Tutorial MSN Messenger Este tutorial irá ensiná-lo(a) a usar o programa MSN Messenger, utilizado para conversação Online. Dependendo da sua conexão a página pode demorar um pouco até ser carregada totalmente.

Leia mais

Consulte a exposição. Qual declaração descreve corretamente como R1 irá determinar o melhor caminho para R2?

Consulte a exposição. Qual declaração descreve corretamente como R1 irá determinar o melhor caminho para R2? 1. Que duas declarações descrevem corretamente os conceitos de distância administrativa e métrica? (Escolha duas.) a) Distância administrativa refere-se a confiabilidade de uma determinada rota. b) Um

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS Se todos os computadores da sua rede doméstica estiverem executando o Windows 7, crie um grupo doméstico Definitivamente, a forma mais

Leia mais

Laboratório Configuração do SNMP

Laboratório Configuração do SNMP Topologia Tabela de Endereçamento Objetivos Dispositivo Interface Endereço IP Máscara de Sub-Rede Gateway padrão R1 G0/1 192.168.1.1 255.255.255.0 N/A S0/0/0 192.168.2.1 255.255.255.252 N/A R2 S0/0/0 192.168.2.2

Leia mais

Manual de Operação e Instalação. Microterminal TCP/IP MT740. versão 1.0

Manual de Operação e Instalação. Microterminal TCP/IP MT740. versão 1.0 Manual de Instalação e Operação MT740 1/16 Manual de Operação e Instalação Microterminal TCP/IP MT740 versão 1.0 Manual de Instalação e Operação MT740 2/16 Índice Descrição 3 Reconhecendo o Terminal 5

Leia mais

Montagem e Configuração de Redes de Computadores

Montagem e Configuração de Redes de Computadores Montagem e Configuração de Redes de Computadores Roteadores Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com Apresentação Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com Ementa Introdução a redes de computadores

Leia mais

Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final

Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final As informações contidas neste documento devem ser seguidas para o completo funcionamento dos computadores da Sala do Acessa Escola. LEIA

Leia mais

Using Express Setup on a Catalyst 2950 Series Switch for Initial Installation

Using Express Setup on a Catalyst 2950 Series Switch for Initial Installation Using Express Setup on a Catalyst 2950 Series Switch for Initial Installation Índice Introdução Pré-requisitos Requisitos Componentes Utilizados Convenções Iniciando a configuração rápida Introduzindo

Leia mais

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000 Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000 O Express First Net Internet Kit da D-Link permitirá que você conecte seu escritório com o mundo, compartilhe o acesso à Internet com grande

Leia mais

Equipamentos de rede. Repetidores. Repetidores. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br

Equipamentos de rede. Repetidores. Repetidores. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br 1 Equipamentos de rede Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Repetidores É o dispositivo responsável por ampliar o tamanho máximo do cabeamento de rede; Como o nome sugere, ele repete as informações

Leia mais