Regulamento da Formação Cidadania pelos Pares

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Regulamento da Formação Cidadania pelos Pares"

Transcrição

1 Regulamento da Formação Cidadania pelos Pares Enquadramento Este documento regula o funcionamento geral da formação Cidadania pelos Pares organizada pela Federação Académica do Porto. O funcionamento geral contempla o regime da organização da formação, de inscrição, de frequência e de certificação da frequência, dos conhecimentos e das competências dos formandos. Da admissão de cada candidato fica implícito o conhecimento integral deste regulamento. 1 Organização O plano da formação identifica: A designação da formação; Os pré-requisitos para a inscrição na formação; O calendário de execução; O local de realização; O formador ou equipa de formadores que realizarão a formação; A natureza da certificação conferida pela formação. 1.1 Formação Esta formação tem a designação de Cidadania pelos Pares Os objectivos que se pretende atingir com esta formação são: Criação de equipas de intervenção, constituídas por estudantes que frequentam o ensino superior da Academia do Porto; 1

2 Sensibilização dos estudantes da Academia do Porto para problemáticas sociais contemporâneas; Promover a cidadania no Ensino Superior do Porto. Esta formação será de 30 horas distribuídas por módulos de 3 horas correspondentes a cada temática: cidadania, toxicodependência, alcoolismo, sexualidade, acção social escolar, hábitos alimentares saudáveis, voluntariado, Necessidades Educativas Especiais, Primeiros Socorros e violência. 2 Inscrição A inscrição é o acto administrativo que garante o direito à frequência da formação Cidadania pelos Pares organizado pela FAP. 2.1 Condições de inscrição A inscrição na formação está condicionada à satisfação do seguinte pré-requisito: Ser estudante numa Instituição de Ensino Superior da Área Metropolitana do Porto. A inscrição é gratuita. Os candidatos deverão entregar a ficha de inscrição (anexo 1), fotocópia do Bilhete de Identidade e do Cartão de Estudante, um número de telefone ou telemóvel e um para contacto, bem como um Termo de Aceitação do presente Regulamento. A entrega a que se refere o número anterior terá que ser feita até às 18 horas do dia 7 de Abril de 2008, na sede da FAP, sita na Rua do Campo Alegre, 627, no Porto, durante o horário de expediente (das 10 horas às 18 horas) ou através do 2.2 Direito à inscrição O direito à inscrição na formação promovido pela FAP cessa se o potencial formando não a realizar dentro dos prazos fixados. O direito à inscrição na formação é estritamente reservado. 2

3 2.3 Limite de inscrições As inscrições são limitadas a 30 pessoas, tendo preferência estudantes das associações federadas da FAP. 3 Frequência 3.1 Horários Módulo (3horas) Dia Horário Cidadania h30 às 20h30 Toxicodependência h30 às 20h30 Voluntariado h30 às 20h30 Alcoolismo h30m às 12h30m Acção Social Escolar hh00m às 17h00m Hábitos Alimentares h30 às 20h30 Saudáveis Sexualidade h30 às 20h30 Necessidades Educativas h30 às 20h30 Especiais Primeiros Socorros h30m às 12h30m Violência hh00m às 17h00m 3.2 Assistência aos módulos A assistência aos módulos da formação é obrigatória. O controlo das presenças é feito pelo formador. 3

4 3.3 Justificação de faltas Só são aceites justificações por motivos de força maior entregues ao formador no dia de regresso à formação. 4 O local de realização A formação será realizada na Escola Superior de Educação do Porto 5 O formador ou equipa de formadores que realizarão a formação Módulo (3horas) Entidade Formadora Cidadania Gabinete para a Educação, Desenvolvimento e Cooperação da Escola Superior de Educação do Porto Toxicodependência Instituto da Droga e Toxicodependência Voluntariado Conselho Nacional para a Promoção do Voluntariado Alcoolismo Clínica Dr. Nuno Santiago Lda. Acção Social Escolar SASUP Hábitos Alimentares Faculdade de Ciências da Nutrição e Saudáveis Alimentação da Universidade do Porto Sexualidade Coordenação Nacional para a Infecção VIH/SIDA Necessidades Educativas Departamento de Educação Especial Especiais da Escola Superior de Educação do Porto Primeiros Socorros Cruz Vermelha Portuguesa Delegação do Porto Violência Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género 4

5 6 Certificados de frequência A certificação de frequência da formação exige a presença e a adequada participação, em pleno menos 90% dos módulos. 7 Disposições finais As dúvidas e casos omissos neste regulamento serão objecto de decisão por parte da direcção da FAP. 5

6 Anexo I Ficha de Inscrição Nome: Estabelecimento de Ensino: nº de aluno: Morada: Localidade: codigo postal: - Telemóvel: 6

7 Anexo II DECLARAÇÃO Eu,, candidato á formação Cidadania pelos Pares, declaro por minha honra que conheço e aceito na íntegra o Regulamento da referida Formação. Porto, de 2008 O Candidato, 7

FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO

FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO NRP / (A atribuir pelo IEFP) UNIDADE ORGÂNICA RECEPTORA Data de Recepção - - Técnicos Responsáveis: O Técnico Receptor PREENCHER ESTA PÁGINA COM LETRAS MAIÚSCULAS

Leia mais

Regulamento do XI Concurso do Cartaz das Noites da Queima Queima das Fitas do Porto 2015

Regulamento do XI Concurso do Cartaz das Noites da Queima Queima das Fitas do Porto 2015 Regulamento do XI Concurso do Cartaz das Noites da Queima Queima das Fitas do Porto 2015 Página 1 de 7 Preâmbulo A Queima das Fitas do Porto, da qual a FAP Federação Académica do Porto é promotora, é um

Leia mais

Empreender no Feminino Projecto IDEIA Empreendedorismo e Gestão Empresarial

Empreender no Feminino Projecto IDEIA Empreendedorismo e Gestão Empresarial O projecto Empreender no Feminino resulta de uma candidatura apresentada pela AEP Associação Empresarial de Portugal à Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género na Tipologia de Intervenção 7.6 Apoio

Leia mais

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos Licença Especial Ciclomotores 14 15 anos Licença Especial 50c.c. Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos já feitos, com aptidão física e mental, com frequência mínima

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO 3º ENCONTRO DE ENFERMAGEM DE EMERGÊNCIA. Enquadramento

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO 3º ENCONTRO DE ENFERMAGEM DE EMERGÊNCIA. Enquadramento REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO 3º ENCONTRO DE ENFERMAGEM DE EMERGÊNCIA Enquadramento Concurso de fotografia subordinado ao Tema O Cuidar na Enfermagem na Urgência e Emergência, organizado pela

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011 CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011 REQUERIMENTO DE CANDIDATURA PELO CONTINGENTE ESPECIAL PARA ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA FÍSICA OU SENSORIAL Os estudantes que satisfaçam os

Leia mais

Regulamento do curso de mestrado em Ciências da Educação Inovação Pedagógica da Universidade da Madeira

Regulamento do curso de mestrado em Ciências da Educação Inovação Pedagógica da Universidade da Madeira 1 Regulamento do curso de mestrado em Ciências da Educação Inovação Pedagógica da Universidade da Madeira Artigo 1.º Enquadramento jurídico O presente articulado baseia-se no regime jurídico instituído

Leia mais

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Regulamento n.º 75/2006.

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Regulamento n.º 75/2006. Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Regulamento n.º 75/2006. (DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE N.º 107 2 de Junho de 2006) Regulamento das provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade

Leia mais

I CONCURSO DJ'S DAS FESTAS DE SANTA COMBA DÃO 2014 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO. Capítulo I Concurso, Concorrentes e Obras a Concurso.

I CONCURSO DJ'S DAS FESTAS DE SANTA COMBA DÃO 2014 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO. Capítulo I Concurso, Concorrentes e Obras a Concurso. I CONCURSO DJ'S DAS FESTAS DE SANTA COMBA DÃO 2014 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO Capítulo I Concurso, Concorrentes e Obras a Concurso Artigo 1º Âmbito O Concurso de DJ's é uma iniciativa da Comissão Executiva

Leia mais

EDITAL. 2. Podem ser opositores ao concurso deste curso de mestrado:

EDITAL. 2. Podem ser opositores ao concurso deste curso de mestrado: EDITAL 1. Faz-se público que está aberto concurso para admissão ao Curso de Mestrado em Tecnologias de Informação e Comunicação em Educação, a iniciar no 1º semestre do ano letivo de 2015/2016 na Escola

Leia mais

Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para Maiores de 23 Anos. CAPÍTULO II. Artigo 4.º

Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para Maiores de 23 Anos. CAPÍTULO II. Artigo 4.º ESCOLA SUPERIOR DE EDUCADORES DE INFÂNCIA MARIA ULRICH Regulamento n.º 110/2006 (DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE N.º 119 22 de Junho de 2006) Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino

Leia mais

DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA. Regulamento

DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA. Regulamento UNIÃO EUROPEIA DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA CONCURSO DE IDEIAS PARA A CRIAÇÃO DE LOGOTIPO PARA CELEBRAÇÃO DOS 30 ANOS DE COOPERAÇÃO ENTRE A UNIÃO EUROPEIA E A REPÚBLICA DE ANGOLA Regulamento PREÂMBULO

Leia mais

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Ciências do Desporto REGULAMENTO DO MESTRADO EM ENSINO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO (2º CICLO) Artigo 1.º Criação A Universidade da

Leia mais

CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015

CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015 CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015 Escola ou Centro de Formação que demonstre evidências do desenvolvimento de uma cultura empreendedora A.Identificação do estabelecimento de ensino ou

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA REGULAMENTO DOS PRÉMIOS DE MÉRITO Preâmbulo De acordo com o artigo 7.º da Lei nº 51/ 2012, de 5 de setembro, o aluno tem direito a: d) «ver reconhecidos e valorizados

Leia mais

REGULAMENTO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA

REGULAMENTO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA REGULAMENTO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA DOS CURSOS DE MESTRADO QUE CONFEREM HABILITAÇÃO PROFISSIONAL PARA A DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR E NO ENSINO BÁSICO O presente regulamento estabelece o enquadramento

Leia mais

REGULAMENTO DO BANCO LOCAL DE VOLUNTARIADO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO

REGULAMENTO DO BANCO LOCAL DE VOLUNTARIADO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO REGULAMENTO DO BANCO LOCAL DE VOLUNTARIADO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO Reunião de Câmara (aprovação do projecto) 01/03/2010 Edital (apreciação pública) 19/03/2010 Publicado (projecto) no DR II Série, n.º

Leia mais

Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA

Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA A Secretaria Municipal de Educação e Cultura do Município

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DO CACÉM Rua Nova do Zambujal, n.º 9 2735-302 AGUALVA-CACÉM Telefone 219129380 Fax 219129389 jfcacem@mail.telepac.

JUNTA DE FREGUESIA DO CACÉM Rua Nova do Zambujal, n.º 9 2735-302 AGUALVA-CACÉM Telefone 219129380 Fax 219129389 jfcacem@mail.telepac. REGULAMENTO INTERNO CAMPO DE FÉRIAS NÃO RESIDENCIAL CACÉM EM FÉRIAS Nota introdutória É objectivo geral da Junta de Freguesia do Cacém prover a ocupação de tempos livres de crianças e jovens durante o

Leia mais

EDITAL PRGDP Nº 29/2014

EDITAL PRGDP Nº 29/2014 EDITAL PRGDP Nº 29/2014 A PRGDP/UFLA, no uso de suas atribuições, e considerando a Lei nº 11.091, de 12/01/2005, Decreto nº 5.707, de 23/02/2006 e a Resolução CUNI nº 56 de 29/10/2013, torna público que

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE VOLUNTARIADO NA FCUL

REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE VOLUNTARIADO NA FCUL REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE VOLUNTARIADO NA FCUL GAPsi- Gabinete de Apoio Psicopedagógico Artigo 1º Objecto O Programa de Voluntariado na FCUL visa: a) Estimular a formação e educação dos estudantes

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA

CONCURSO DE FOTOGRAFIA CONCURSO DE FOTOGRAFIA Igualdade em Albufeira Apoios: Financiado por REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA Enquadramento Concurso de fotografia subordinado ao Tema Igualdade em Albufeira, instituído pela

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE SURDOS DA AMADORA

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE SURDOS DA AMADORA REGULAMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE SURDOS DA AMADORA A - IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO A Associação Cultural de Surdos da Amadora é uma Instituição Particular de Solidariedade Social sem fins

Leia mais

Workshop Trabalhos em Altura Curso de Acesso a Estruturas. Programa 2011/2012. Academia Profissional de Técnicos de Espectáculos

Workshop Trabalhos em Altura Curso de Acesso a Estruturas. Programa 2011/2012. Academia Profissional de Técnicos de Espectáculos Academia Profissional de Técnicos de Espectáculos 2011/2012 Workshop Trabalhos em Altura Curso de Acesso a Estruturas Programa Coordenação: Nuno Várzea Direcção: Ana Coelho Workshop Trabalhos em Altura

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Processo de Seleção para o Programa Especial de Formação Pedagógica para Professores de Educação Profissional de nível técnico (Convênio FNDE/MEC nº 400012/2011 Programa

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado Regulamento para Atribuição do Título de Especialista na Escola Superior de Enfermagem Artigo 1º Objecto e âmbito 1. O Presente Regulamento titula as normas jurídicas aplicáveis ao procedimento de atribuição

Leia mais

Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis

Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis PREÂMBULO O voluntariado é definido como um conjunto de ações e interesses sociais e comunitários, realizadas de forma desinteressada

Leia mais

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Regulamento n.º 416/2010 Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a

Leia mais

Regulamento do Concurso de Reciclagem Recicla Papel e Plástico, Ganha uma Barraquinha para a Queima das Fitas do Porto 2015

Regulamento do Concurso de Reciclagem Recicla Papel e Plástico, Ganha uma Barraquinha para a Queima das Fitas do Porto 2015 Regulamento do Concurso de Reciclagem Recicla Papel e Plástico, Ganha uma Barraquinha para a Queima das Fitas do Porto 2015 Artigo 1.º Preâmbulo No âmbito da Queima das Fitas do Porto 2015 e da temática

Leia mais

GUIA PRÁTICO INSCRIÇÃO E ALTERAÇÃO DE DADOS PESSOA COLECTIVA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO INSCRIÇÃO E ALTERAÇÃO DE DADOS PESSOA COLECTIVA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO INSCRIÇÃO E ALTERAÇÃO DE DADOS PESSOA COLECTIVA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Inscrição e Alteração de Dados Pessoa Colectiva (2001 v5.1) PROPRIEDADE

Leia mais

Normas de Participação no Concurso Jovens Talentos - «Almada, Cidade Educadora»

Normas de Participação no Concurso Jovens Talentos - «Almada, Cidade Educadora» Normas de Participação no Concurso Jovens Talentos - «Almada, Cidade Educadora» 1. Disposições Gerais A Câmara Municipal de Almada promove o «Concurso Jovens Talentos 2012 - Almada, Cidade Educadora» com

Leia mais

Município de Leiria Câmara Municipal

Município de Leiria Câmara Municipal Divisão Jurídica e Administrativa (DIJA) DELIBERAÇÃO DA REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE 19 DE ABRIL DE 2016 Serviço responsável pela execução da deliberação Divisão de Desenvolvimento Social Epígrafe 9.2.

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Londrina Departamento de Engenharia de Materiais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Londrina Departamento de Engenharia de Materiais Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Londrina Departamento de Engenharia de Materiais Londrina, quarta-feira, 02 de Setembro de 2015 Regulamento do Concurso para Criação

Leia mais

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB NORMA - 05/2012 DISPÕE SOBRE OS CRITÉRIOS PARA DISTRIBUIÇÃO E RENOVAÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO O Colegiado do Programa Associado de Pós-Graduação

Leia mais

ANEXO II FICHA DE INSCRIÇÃO PARA PROFESSOR

ANEXO II FICHA DE INSCRIÇÃO PARA PROFESSOR ANEXO II FICHA DE INSCRIÇÃO PARA PROFESSOR DISCIPLINA: CARGA HORÁRIA: MUNICÍPIO: 1 DADOS PESSOAIS Endereço: N: Data de nascimento: / / Nacionalidade: CPF: SIAPE: Identidade: Órg. Exp.: Data Emissão: Telefone

Leia mais

Regulamento do Concurso de Ideias para. a Elaboração de um Novo Logótipo da. Associação de Municípios do Oeste

Regulamento do Concurso de Ideias para. a Elaboração de um Novo Logótipo da. Associação de Municípios do Oeste Regulamento do Concurso de Ideias para a Elaboração de um Novo Logótipo da Associação de Municípios do Oeste Briefing A Associação de Municípios do Oeste organiza o Concurso de Ideias para a Criação de

Leia mais

Universidade Federal Fluminense Escola de Engenharia Industrial Metalúrgica de Volta Redonda Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção

Universidade Federal Fluminense Escola de Engenharia Industrial Metalúrgica de Volta Redonda Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção EDITAL PROCESSO SELETIVO DE CANDIDATOS PARA INGRESSO NO MESTRADO PROFISSIONAL EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DE VOLTA REDONDA A coordenação do Programa

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE APODI

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE APODI ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE APODI SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO SELEÇÃO PÚBLICA SIMPLIFICADA DE PROFISSIONAIS PARA TRABALHAREM NO PROGRAMA BRASIL ALFABETIZADO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966-São Luís-MA. EDITAL Nº 08 de 15 DE Dezembro DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA

Leia mais

CERTIFICADOS DE APTIDÃO PROFISSIONAL (CAP) PARA:

CERTIFICADOS DE APTIDÃO PROFISSIONAL (CAP) PARA: CIRCULAR DE INFORMAÇÃO AERONÁUTICA PORTUGAL INSTITUTO NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL TELEFONE 218423502 INFORMAÇÃO AERONÁUTICA AFTN - LPPTYAYI AEROPORTO DA PORTELA 14/06 TELEX 12120 - AERCIV P 1749-034 LISBOA

Leia mais

Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Albergaria-a-Velha

Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Albergaria-a-Velha Normas de Funcionamento do Banco Local de Voluntariado de Albergaria-a-Velha Preâmbulo Na perspectiva de garantir a todos os cidadãos a participação solidária em acções de voluntariado, a Lei n.º 71/98,

Leia mais

Estes cursos estão organizados de acordo com o Sistema Europeu de Transferência de créditos (ECTS).

Estes cursos estão organizados de acordo com o Sistema Europeu de Transferência de créditos (ECTS). Lisboa, 23 de Fevereiro de 2007 Exmo. Senhor Engenheiro Técnico, O Instituto Superior de Educação e Ciências (ISEC) é um estabelecimento de ensino superior privado reconhecido oficialmente em 9 de Agosto

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 03/2013

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 03/2013 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 03/2013 A Diretora de Recursos Humanos do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde IABAS, no uso das atribuições conferidas pela Legislação em vigor, considerando

Leia mais

1ª vez Renovação Ano Lectivo 20 /20. Data de Emissão. Contribuinte Fiscal Nº de Eleitor Residente no Concelho desde

1ª vez Renovação Ano Lectivo 20 /20. Data de Emissão. Contribuinte Fiscal Nº de Eleitor Residente no Concelho desde CÂMARA MUNICIPAL CENTRO DE INTERVENÇÃO SOCIAL gabinete de educação BOLSA DE ESTUDO AO ENSINO SUPERIOR: CANDIDATURA 1ª vez Renovação Ano Lectivo 20 /20 IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Morada Código Postal Natural

Leia mais

3.1 Anexo I: Gestão de Projetos de Investimentos em Saúde em Saúde; 3.2 Anexo II: Vigilância Sanitária.

3.1 Anexo I: Gestão de Projetos de Investimentos em Saúde em Saúde; 3.2 Anexo II: Vigilância Sanitária. Rio de Janeiro, 29 de setembro de 2009 CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA VAGAS REMANESCENTES DE CURSOS DA EAD/ENSP/FIOCRUZ INSERIDOS NO PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL (UAB/SEED/MEC) A Educação

Leia mais

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES SERVIÇO PÚBLICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA GERAL DO CAMPUS MANAUS CENTRO COORDENAÇÃO

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA DA AMAZÔNIA Núcleo Gestor de Pesquisa e Extensão

FACULDADE METROPOLITANA DA AMAZÔNIA Núcleo Gestor de Pesquisa e Extensão FACULDADE METROPOLITANA DA AMAZÔNIA EDITAL FAMAZ/NUPEX/SANTANDER-IDIOMAS EAD Nº 01-2016 CHAMADA PARA INSCRIÇÕES NO PROGRAMA DE BOLSAS ENSINO DE IDIOMAS À DISTÂNCIA INGLÊS E ESPANHOL Dispõe sobre a chamada

Leia mais

CONCURSO. A nossa escola pela não violência

CONCURSO. A nossa escola pela não violência CONCURSO A nossa escola pela não violência O concurso A nossa escola pela não violência pretende premiar produtos e acções de sensibilização produzidos por alunos e alunas do 3º Ciclo do Ensino Básico

Leia mais

EDITAL. EDITAL DIR N o 06/2016

EDITAL. EDITAL DIR N o 06/2016 EDITAL DIR N o 06/2016 PROCESSO SELEÇÃO DE MONITORES VOLUNTÁRIOS PARA ATUAÇÃO JUNTO AOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS, GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS, GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DIREITO,

Leia mais

1. O que é? 2. O que se pretende? 3. Quem pode concorrer?

1. O que é? 2. O que se pretende? 3. Quem pode concorrer? 1. O que é? Trata-se de um Programa de Bolsas de Investigação na Área da Cidade e da Arquitectura, entendido como um apoio a jovens na realização de um trabalho inédito de investigação, com a duração de

Leia mais

Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra

Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra Artigo 1.º Âmbito O presente Regulamento fixa as normas gerais relativas a matrículas e inscrições nos cursos do Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra. Artigo 2.º Definições De

Leia mais

EXTERNATO JOÃO ALBERTO FARIA - INFANTIL ANO LECTIVO 2009/2010 Condições e Serviços do Externato João Alberto Faria Infantil I - NOÇÕES INTRODUTÓRIAS

EXTERNATO JOÃO ALBERTO FARIA - INFANTIL ANO LECTIVO 2009/2010 Condições e Serviços do Externato João Alberto Faria Infantil I - NOÇÕES INTRODUTÓRIAS EXTERNATO JOÃO ALBERTO FARIA - INFANTIL ANO LECTIVO 2009/2010 Condições e Serviços do Externato João Alberto Faria Infantil I - NOÇÕES INTRODUTÓRIAS 1- O Externato João Alberto Faria - Infantil destina-se

Leia mais

Regulamento do curso de Mestrado em Engenharia Industrial

Regulamento do curso de Mestrado em Engenharia Industrial Regulamento do curso de Mestrado em Engenharia Industrial REGULAMENTO DO CURSO DE MESTRADO EM ENGENHARIA INDUSTRIAL Artigo 1º (Natureza e âmbito de aplicação) 1. O presente Regulamento dá cumprimento ao

Leia mais

DESPACHO. N.º 21 /2011 Data: 2011/05/30 Para conhecimento de: Pessoal Docente, Discente e Não Docente

DESPACHO. N.º 21 /2011 Data: 2011/05/30 Para conhecimento de: Pessoal Docente, Discente e Não Docente DESPACHO N.º 21 /2011 Data: 2011/05/30 Para conhecimento de: Pessoal Docente, Discente e Não Docente ASSUNTO: Regulamento de Cursos de Especialização Tecnológica da ESTeSL. No âmbito da sua missão e objectivos

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO ÀS INSTITUIÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS

PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO ÀS INSTITUIÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO ÀS INSTITUIÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS 1/13 FORMULÁRIO DE CANDIDATURA ( nº SM ) Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra Solicito que seja apreciado o pedido de candidatura

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA PARA FORMAÇÃO DE BANCO DE RECURSOS HUMANOS DOS PROFESSORES EM REGIME DE CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA TRADUTOR(A) E(OU) INTÉRPRETE DE LIBRAS

SELEÇÃO PÚBLICA PARA FORMAÇÃO DE BANCO DE RECURSOS HUMANOS DOS PROFESSORES EM REGIME DE CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA TRADUTOR(A) E(OU) INTÉRPRETE DE LIBRAS SELEÇÃO PÚBLICA PARA FORMAÇÃO DE BANCO DE RECURSOS HUMANOS DOS PROFESSORES EM REGIME DE CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA TRADUTOR(A) E(OU) INTÉRPRETE DE LIBRAS EDITAL N 001/2016 EEM MARIA MARINA SOARES GUARACIABA

Leia mais

FREGUESIA DE GALVEIAS

FREGUESIA DE GALVEIAS FREGUESIA DE GALVEIAS REGULAMENTO DE APOIO A INSTITUIÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS DA FREGUESIA DE GALVEIAS Rui Manuel Canha Nunes, Presidente da Junta de Freguesia de Galveias, no uso das competências que

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA

INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA FOR.CET Centro de Formação para Cursos de Especialização Tecnológica Regulamento de Funcionamento dos CET Capítulo I Acesso e Frequência Artigo 1º (Acesso e Frequência)

Leia mais

creche & jardim de infância projecto de regulamento interno Educação Infantil Lda. Rua Monte dos Burgos, 329 4250-316 Porto

creche & jardim de infância projecto de regulamento interno Educação Infantil Lda. Rua Monte dos Burgos, 329 4250-316 Porto creche & jardim de infância projecto de regulamento interno Educação Infantil Lda. CAPÍTULO I Estabelecimento, natureza e objectivos 1- O Espaço Brincar e Inventar é um estabelecimento de ensino de apoio

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ CAMPUS COLOMBO EDITAL 01/2016

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ CAMPUS COLOMBO EDITAL 01/2016 EDITAL 01/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA VAGAS REMANESCENTES PARA OS CURSOS TÉCNICOS EM ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS PÚBLICOS, NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA REDE E-

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº E 143/2015

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº E 143/2015 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº E 143/2015 A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, empresa pública federal, criada pelo

Leia mais

Normas de Funcionamento das CASAS DA JUVENTUDE

Normas de Funcionamento das CASAS DA JUVENTUDE Normas de Funcionamento das CASAS DA JUVENTUDE CJ Matosinhos: Av. D. Afonso Henriques 487 4450-014 Matosinhos / telef: 22 9398090 - fax: 22 9398099 CJ Santa Cruz do Bispo: Rua do Chouso, 277-301 4455 Santa

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE QUALIFICAÇÃO

REGULAMENTO INTERNO DE QUALIFICAÇÃO REGULAMENTO INTERNO DE QUALIFICAÇÃO Preâmbulo A qualificação dos farmacêuticos é um requisito fundamental para a sua adequada intervenção no Sistema de Saúde. A maximização da qualidade desta intervenção

Leia mais

Ministérios das Finanças e dos Negócios Estrangeiros

Ministérios das Finanças e dos Negócios Estrangeiros Ministérios das Finanças e dos Negócios Estrangeiros Portaria n.º /2010 Contratação temporária para o Ensino Português no Estrangeiro Nos termos do artigo 32.º do Decreto-Lei n.º 165/2006, de 11 de Agosto,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI COORDENAÇÃO GERAL DO PROJETO RONDON/UFVJM EDITAL N.º 10 DE 06 DE ABRIL DE 2011 A COORDENAÇÃO GERAL DO PROJETO RONDON E A PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL torna público que estarão

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO

REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO MUNICÍPIO DE S. PEDRO DO SUL GABINETE DE DESPORTO REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO

Leia mais

Festival do Sol. Maratona Fotográfica Fotografar de Sol a Sol. Normas de Participação

Festival do Sol. Maratona Fotográfica Fotografar de Sol a Sol. Normas de Participação Festival do Sol Maratona Fotográfica Fotografar de Sol a Sol Normas de Participação Normas de Participação na Maratona Fotográfica Fotografar de Sol a Sol Art.º 1º Objecto 1. O presente Projecto de Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DE MOBILIDADE DE DIPLOMADOS Leonardo da Vinci

REGULAMENTO DE MOBILIDADE DE DIPLOMADOS Leonardo da Vinci REGULAMENTO DE MOBILIDADE DE DIPLOMADOS Leonardo da Vinci Tendo a Coordenação em colaboração com o DGA RI, elaborado e submetido uma candidatura ao Programa Leonardo da Vinci, foi esta aprovada pela Agência

Leia mais

REGULAMENTO DOS DIPLOMAS DE ESPECIALIZAÇÃO

REGULAMENTO DOS DIPLOMAS DE ESPECIALIZAÇÃO REGULAMENTO DOS DIPLOMAS DE ESPECIALIZAÇÃO Aprovado em reunião da Comissão Coordenadora do Conselho Científico em 22/11/2006 Aprovado em reunião de Plenário do Conselho Directivo em 13/12/2006 PREÂMBULO

Leia mais

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Psicologia e Educação

UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Psicologia e Educação UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Departamento de Psicologia e Educação REGULAMENTO DO MESTRADO EM SUPERVISÃO PEDAGÓGICA (2º CICLO) Artigo 1.º Criação A Universidade da Beira Interior, através do Departamento

Leia mais

Capítulo 1 Prova de 10 km

Capítulo 1 Prova de 10 km 17ª CORRIDA EM ATLETISMO CIDADE DE VENDAS NOVAS 16 DE MAIO DE 2010 Regulamento Capítulo 1 Prova de 10 km 1. Participação Podem participar atletas populares e federados masculinos e femininos desde que

Leia mais

Instituição Particular de Solidariedade Social A.T.L. (Atelier de Ocupação Tempos Livres)

Instituição Particular de Solidariedade Social A.T.L. (Atelier de Ocupação Tempos Livres) Instituição Particular de Solidariedade Social A.T.L. (Atelier de Ocupação Tempos Livres) Regulamento A. T. L. Capítulo I Âmbito de Aplicação e Objectivos Art.º 1º 1- O presente regulamento visa definir

Leia mais

REGULAMENTO. a) Imagem gráfica e documentos do Projecto da Melhor Turma do Curso;

REGULAMENTO. a) Imagem gráfica e documentos do Projecto da Melhor Turma do Curso; REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS PARA A CRIAÇÃO DO LOGÓTIPO DO PROJECTO DA MELHOR TURMA DO CURSO 1. Objectivo 1.1. O presente regulamento estabelece as regras do concurso de ideias para a criação do logótipo

Leia mais

CURSO DE INICIAÇÃO PEDAGÓGICA - CIP REGIMENTO DA REGIÃO DE LEIRIA

CURSO DE INICIAÇÃO PEDAGÓGICA - CIP REGIMENTO DA REGIÃO DE LEIRIA pág. 1 de 8 CURSO DE INICIAÇÃO PEDAGÓGICA - CIP REGIMENTO DA REGIÃO DE LEIRIA Artº 1 - Âmbito 1 - O presente Regimento define as normas de organização e funcionamento do Curso de Iniciação Pedagógica (CIP),

Leia mais

EDITAL Nº 011/2015. 1.1 As matrículas serão efetuadas na sede da FEAPI - Rua Camboriú, 509 Fazenda - Itajaí - SC.

EDITAL Nº 011/2015. 1.1 As matrículas serão efetuadas na sede da FEAPI - Rua Camboriú, 509 Fazenda - Itajaí - SC. EDITAL Nº 011/2015 Fixa datas e estabelece as orientações para realização da Matrícula nos Cursos de Qualificação profissional da FEAPI, oferecidos à Comunidade para o segundo semestre do ano de 2015.

Leia mais

Art. 3º. As propostas devem ser apresentadas por professores mensalistas do quadro de docentes, nas seguintes condições:

Art. 3º. As propostas devem ser apresentadas por professores mensalistas do quadro de docentes, nas seguintes condições: EDITAL Nº 049/2015 CHAMADA DE PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2016 A Diretoria de Pós graduação e Extensão, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Regimento Geral do Centro Universitário

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS ESTADO DO PARANÁ

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS ESTADO DO PARANÁ Assunto: Inscrição de profissionais formados em comunicação, publicidade ou marketing com o intuito de constituir Subcomissão Técnica para a contratação de Agência de Propaganda, nos termos da Lei Federal

Leia mais

Edição Especial 28 de maio de 2014

Edição Especial 28 de maio de 2014 Edição Especial REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE FOGOS DO EMPREENDIMENTO DA AZINHAGA DOS BESOUROS, QUINTA DA FIGUEIRA, ENCOSTA DO SOL (Deliberação da CMA 19.03.2014) DISTRIBUIÇÃO GRATUITA (Deliberação

Leia mais

MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO AVISO

MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO AVISO MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO AVISO 1. Nos termos da alínea g) do nº 1 do artigo 21 da Lei nº 3/2004 de 15 de Janeiro, do artigo 20º e do nº 2 do artigo 21º da Lei nº 2/2004, de 15 de Janeiro, com

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 01/88

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 01/88 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 01/88 Disciplina a aplicação do Decreto nº 94.664, de 23 de julho de 1987, no que concerne ao regime de trabalho do pessoal de magistério

Leia mais

RMABE-Regulamento Municipal de Atribuição de Bolsas de Estudo Preâmbulo

RMABE-Regulamento Municipal de Atribuição de Bolsas de Estudo Preâmbulo RMABE-Regulamento Municipal de Atribuição de Bolsas de Estudo Preâmbulo Os Municípios são as Autarquias Locais que têm como objectivo primordial a prossecução dos interesses próprios e comuns dos respectivos

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE ALAGOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR. NOTA nº E-029/2014

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE ALAGOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR. NOTA nº E-029/2014 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE ALAGOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR NOTA nº E-029/2014 A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS, empresa

Leia mais

REGULAMENTO 10 KM EDP DISTRIBUIÇÃO (CORRIDA)

REGULAMENTO 10 KM EDP DISTRIBUIÇÃO (CORRIDA) REGULAMENTO 10 KM EDP DISTRIBUIÇÃO (CORRIDA) 1. PARTICIPAÇÃO Podem participar atletas populares e federados masculinos e femininos desde que se encontrem de boa saúde e em boa condição física. A condição

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015-SEMJUV DISPÕE SOBRE O CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOTIPO DO ENCONTRO TERESINENSE DE GRAFFITI ENTEGRAF.

EDITAL Nº 001/2015-SEMJUV DISPÕE SOBRE O CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOTIPO DO ENCONTRO TERESINENSE DE GRAFFITI ENTEGRAF. EDITAL Nº 001/2015-SEMJUV DISPÕE SOBRE O CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOTIPO DO ENCONTRO TERESINENSE DE GRAFFITI ENTEGRAF. O Secretário Municipal da Juventude de Teresina, Allan de Miranda Cronemberger,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RELVADO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DE RELVADO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL E D I T A L N 05/2014. Abre inscrições para o Processo Seletivo Simplificado, para Contratação Temporária para Cargos de Professor. O PREFEITO MUNICIPAL EM EXERCICIO DE RELVADO, Estado do Rio Grande do

Leia mais

REGULAMENTO DOS ESPAÇOS INTERNET DE CELORICO DA BEIRA

REGULAMENTO DOS ESPAÇOS INTERNET DE CELORICO DA BEIRA REGULAMENTO DOS ESPAÇOS INTERNET DE CELORICO DA BEIRA Artigo 1º Âmbito de aplicações gerais O Espaço Internet de Celorico da Beira, adiante designado por EI, constitui um espaço público de acesso gratuito

Leia mais

REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa

REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa O presente regulamento, aprovado pelo, rege a organização dos Cursos de Treinadores de Grau I e do curso em epígrafe (Porto/Coimbra/Lisboa)

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO A ANIMAIS PERTENCENTES A FAMÍLIAS CARENCIADAS

PROGRAMA DE APOIO A ANIMAIS PERTENCENTES A FAMÍLIAS CARENCIADAS 1/5 PROGRAMA DE APOIO A ANIMAIS PERTENCENTES A FAMÍLIAS CARENCIADAS FORMULÁRIO DE CANDIDATURA (nº SM) Exmo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra 1. Identificação (nome completo), Masculino Feminino

Leia mais

REGULAMENTO DO CARTÃO MUNICIPAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA (versão alterada em Dezembro 2011)

REGULAMENTO DO CARTÃO MUNICIPAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA (versão alterada em Dezembro 2011) REGULAMENTO DO CARTÃO MUNICIPAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA (versão alterada em Dezembro 2011) A Câmara Municipal de Guimarães, no sentido de facilitar a acessibilidade e mobilidade das pessoas com Deficiência

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS VICE-PRESIDÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS VICE-PRESIDÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS VICE-PRESIDÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR NOTA Nº E-179/2015 A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos,

Leia mais

Concurso de Poesia Pequenos, Grandes Poetas

Concurso de Poesia Pequenos, Grandes Poetas Concurso de Poesia Pequenos, Grandes Poetas Normas de participação Organização A Câmara Municipal do Barreiro (CMB), através da Divisão de Educação é a promotora do Concurso de Poesia Pequenos, Grandes

Leia mais

Regulamento. do Mestrado em Gestão Ambiental

Regulamento. do Mestrado em Gestão Ambiental Regulamento do Mestrado em Gestão Ambiental Artigo 1º O Instituto Superior Dom Afonso III (INUAF), concede o grau de Mestre em Gestão Ambiental. Artigo 2º Objectivos Gerais O curso de Mestrado em Gestão

Leia mais

Programa do Voluntariado Paranaense Londrina

Programa do Voluntariado Paranaense Londrina EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 073/2013 O Programa do Voluntariado Paranaense de Londrina - Provopar LD, visando garantir os princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade e publicidade consubstanciados

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia CAMPANHA DO MUNICÍPIO DE SANTO ANDRÉ PARA CONCESSÃO DO SELO EMPRESA EMPREENDEDORA

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia CAMPANHA DO MUNICÍPIO DE SANTO ANDRÉ PARA CONCESSÃO DO SELO EMPRESA EMPREENDEDORA Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia CAMPANHA DO MUNICÍPIO DE SANTO ANDRÉ PARA CONCESSÃO DO SELO EMPRESA EMPREENDEDORA EDITAL Nº 01/2014, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014 O Município

Leia mais

EDITAL Nº 086/2013. Linhas de Pesquisa Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido Letramento e Comunicação Intercultural

EDITAL Nº 086/2013. Linhas de Pesquisa Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido Letramento e Comunicação Intercultural Salvador, Bahia Sábado e Domingo 7 e 8 de Setembro de 2013 Ano XCVIII N os 21.230 e 21.231 EDITAL Nº 086/2013 O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições regimentais,

Leia mais

EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ

EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ O Estado do Ceará, através da Secretaria do Esporte, torna público, para conhecimento dos interessados,

Leia mais

BOLETIM MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA. Edição Especial 16 de Setembro de 2005

BOLETIM MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA. Edição Especial 16 de Setembro de 2005 Edição Especial Regulamento e Programa de Con- curso de Venda de Fogos a Custos Controlados no Alto da Mira (Deliberação da CMA de 15 de Junho de 2005) (Deliberação da AMA de 24 de Junho de 2005) CÂMARA

Leia mais

Atribuição de Bolsas de Estudo aos Alunos do Ensino Superior. Preâmbulo

Atribuição de Bolsas de Estudo aos Alunos do Ensino Superior. Preâmbulo Regulamento Municipal de Atribuição de Bolsas de Estudo aos Alunos do Ensino Superior Preâmbulo O desenvolvimento das sociedades democráticas exige cada vez mais políticas educativas que promovam uma efectiva

Leia mais

ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA A COLONIA DE FÉRIAS DA UFAC

ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA A COLONIA DE FÉRIAS DA UFAC ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA A COLONIA DE FÉRIAS DA UFAC As atividades da Colônia de Férias da UFAC serão realizadas no período de 15 a 19 de julho de 2013, das 8h às 12h, e divididas por faixa etária em

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA GESTÃO CULTURAL E DAS ARTES. Guia de Candidatura

PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA GESTÃO CULTURAL E DAS ARTES. Guia de Candidatura 2015 PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA GESTÃO CULTURAL E DAS ARTES Guia de Candidatura 1. Objectivos Os objectivos deste Programa são como auxílio às associações locais de arte e cultura a criarem

Leia mais