Relatório da Administração 2009

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relatório da Administração 2009"

Transcrição

1 Relatório da Administração 2009 Prezados Senhores: Submetemos à apreciação dos Senhores Acionistas, Clientes, Fornecedores de Serviços e Produtos, Comunidade Financeira e à Sociedade em Geral o Relatório da Administração e as Demonstrações Financeiras da Net Serviços de Comunicação S.A. ( Companhia ou NET ) referentes ao exercício social encerrado em 31 de Dezembro de 2009, acompanhado do Parecer dos Auditores Independentes. Em 2009 continuamos a executar nossa estratégia de forte crescimento aliado a um resultado financeiro e operacional sustentável no longo prazo. Mesmo diante de um ano particularmente desafiador por conta da crise mundial que se instalou no primeiro semestre do ano, das exigências mais rigorosas de atendimento ao consumidor e à crescente competição nos mercados em que atua, a NET conseguiu atingir todas suas metas. Continuamos nos diferenciando pelas ofertas de produtos genuinamente integrados e pela busca da excelência nos serviços prestados para encantar nossos clientes. Um ponto que gostariamos de destacar é o nosso crescimento no mercado de banda larga. Temos sido consistentemente a companhia que mais ganha participação de mercado, não só pela qualidade e confiabilidade do produto, mas principalmente pela capacidade que a NET tem de ofertar e entregar a nossos clientes, alta velocidade de acesso à Internet. A nossa base de banda larga atingiu um total de mil assinantes conectados em 2009, um crescimento de 30%. O investimento realizado na rede para aumentar sua capacidade bidirecional se mostrou importante para a estratégia de crescimento da Companhia. No mercado de TV por Assinatura, continuamos como líderes de mercado e ao final de 2009, tínhamos mil assinantes conectados. Nossa ampla variedade de oferta pode atender do mais básico ao mais completo serviço de TV por Assinatura, com vários canais de filmes, esportes, variedades, notícias, alta definição e gravação, o que atende as diferentes necessidades que cada indivíduo tem pelo produto. Antecipamo-nos à exigência de apresentar as demonstrações financeiras seguindo as orientações do International Financial Reporting Standards ( IFRS ) para o exercício findo em 31 de dezembro de 2010, já estamos apresentando nossas demonstrações financeiras consolidadas para o exercício findo em 31 de dezembro de 2009 seguindo o IFRS. A partir deste momento, deixaremos de apresentar nossas demonstrações financeiras consolidadas seguindo a Legislação Societária brasileira ou os princípios do US GAAP. Realizamos uma repactuação em nossas dívidas em moeda nacional, alongando o perfil de vencimentos, para podermos continuar a empregar nossa geração operacional de caixa e sustentar nossa estratégia de crescimento. No mercado externo, captamos US$ 350 milhões, com a emissão de Notas com vencimento em janeiro de 2020 e coupon anual de 7,5% ( Global Notes 2020 ). A demanda na emissão ultrapassou em mais de três vezes a oferta, demonstrando a confiança depositada na Companhia pelos investidores. Consistente com nossa busca contínua por melhorias, efetuamos uma substancial reorganização societária que resultou na incorporação de 86 subsidiárias operacionais pela Net Serviços, a empresa consolidadora. Esse movimento resulta em um aumento significativo da eficiência operacional além de simplificar a nossa estrutura societária. 1

2 Dada a crescente expansão de nossos serviços de banda larga dentro do portfólio de produtos, sua importância estratégica, expectativa de crescimento constante no longo prazo e os elevados custos para construção de rede própria, decidimos investir na contratação de Direito Irretratável e Irrevogável de Uso ( Indefeasible Right of Use ou IRU ) de capacidade de transmissão de dados na rede da Embratel. O objetivo é garantir o direito de uso desta rede no longo prazo, para prestação do serviço de banda larga. Em contrapartida, firmamos também contrato de IRU que permite à Embratel a utilização da capacidade de transmissão em acessos locais em nossa rede HFC para prestação do serviço de telefonia fixa. Esta transação melhora nossa margem EBITDA, pois uma parte do custo de Acesso à Internet passa a ser amortizado, como consequência do reconhecimento de um Ativo de Longo Prazo - Direito de Uso Pré-pago. Em junho de 2009, a ANATEL aprovou a aquisição da ESC 90, que opera em Vitória e Vila Velha, no estado do Espírito Santo. Iniciamos então o processo de consolidação e integração da ESC 90 nas operações da NET, que foi finalizada no início de Com a integração, passamos a ofertar nossos produtos nestas cidades, oferecendo uma grade de programação mais completa, uma banda larga de alta velocidade e qualidade, além da alternativa do serviço de voz. Em dezembro de 2009 iniciamos as vendas do NET Virtua, dentro do Programa Banda Larga Popular, em 47 municípios paulistas, além da capital. A velocidade de transmissão de dados é de 200kbps e tem taxa de instalação e provedor gratuitos. A ação atende ao decreto do governo paulista, que criou este programa com o objetivo de ampliar o acesso rápido à Internet no Estado. Para permitir a redução no preço do serviço, o governo isentou a cobrança de ICMS, o que viabilizou a prestação deste serviço. Temos orgulho de dizer que fomos os primeiros a firmar tal compromisso assim como os pioneiros em ofertá-lo. Acreditamos que 2010 será novamente um ano de conquistas e que nosso compromisso com o futuro será demonstrado por cada um de nós, que estaremos novamente nos empenhando para atingirmos nossos objetivos. Afinal, O Mundo é dos NETs. 1. Desempenho Operacional Encerramos o ano com mil Unidades Geradoras de Receita ( UGR ), um aumento de 27% em relação a A UGR é composta pelo somatório dos serviços de TV por Assinatura, Banda Larga, Voz e Vídeo Digital e seu crescimento demonstra que temos sido capazes de aumentar o consumo de nossos produtos dentro de um mesmo domicílio. Em TV por Assinatura, a base de clientes subiu 20% em relação a 2008, atingindo mil assinantes. As adições líquidas cresceram 619 mil no ano. A base de clientes conectados de Vídeo Digital atingiu 989 mil clientes, uma alta de 11% em relação ao 4T08 e uma penetração de 27% sobre a base total de TV por Assinatura. Em Banda Larga, a base de clientes atingiu mil no ano, um crescimento de 30% em relação a mil assinantes apresentados em As adições líquidas totalizaram 664 mil no ano. A penetração sobre a base de TV por Assinatura atingiu 78% e 34% sobre domicílios bidirecionais. O numero de Linhas em Serviço de Telefone Fixo encerrou o ano com mil linhas sendo as adições liquidas no ano de 756 mil. Em relação a 2008, o numero de linhas em serviço cresceu 42%. Desde que iniciamos nossa oferta triple play (oferta integrada de TV por assinatura, banda larga e telefone fixo) temos focado nossos esforços na conquista, gerenciamento e retenção de domicílios. Como resultado, o número de domicílios com mais de um produto aumentou significativamente, o que cada vez mais diminuiu a importância do churn rate (taxa de desconexão) por produtos 2

3 individuais. Entendemos que o melhor proxy para o churn de domicílios, é o churn da base de TV por Assinatura, que passou de 14,9% em 2008 para 15,7% em Desempenho Financeiro e Liquidez Análise das principais contas patrimoniais Ao final do exercício de 2009 tínhamos Ativos Totais de R$ 8,3 bilhões no nosso balanço, uma alta de 30% em relação a Nossas disponibilidades somavam R$ 1,0 bilhão, montante suficiente, para cobrir todo passivo circulante ou 45% da dívida total. Se somarmos ao caixa, o contas a receber de assinantes, esse montante sobe para R$ 1,3 bilhão. Em decorrência do contrato de IRU, foi contabilizado um ativo de direito de uso pré-pago no valor de R$ 849,6 milhões, que serão amortizados no prazo de 5 anos. Análise do Resultado Consolidado A Receita Líquida em 2009 apresentou um aumento de 25%, passando de R$ 3.690,4 milhões em 2008 para R$ 4.613,4 milhões. O crescimento da base de assinantes foi o principal motivo para esse resultado. Os Custos Operacionais foram R$ 2.274,9 milhões, um aumento de 30% em relação a R$ 1.749,4 milhões de Como percentual da receita líquida subiu de 47,4% em 2008 para 49,3% em Os principais itens que contribuíram para este crescimento foram os custos relacionados ao acesso à internet, central de relacionamento e mão de obra e benefícios. As Despesas com Vendas, Gerais e Administrativas totalizaram R$ 1.055,1 milhões em 2009, ficando 15% maior que em 2008, que havia sido de R$ 922,1 milhões. Como percentual da receita líquida, diminuíram de 25,0% em 2008 para 22,9% em As Despesas com Vendas aumentaram 19% na comparação anual, seguindo nossa estratégia de crescimento e busca de novos mercados. Como percentual da receita líquida, diminuíram de 10,6% em 2008 para 10,1% em As despesas Gerais e Administrativas aumentaram 3% na comparação anual. Como percentual da receita líquida, passou de 14,0% em 2008 para 11,5% em 2009, demonstrando que a companhia tem mantido suas despesas sob controle. O EBITDA foi de R$ 1.242,2 milhões em 2009, com a margem EBITDA ficando em 27%. Quando comparado a 2008, que havia sido de R$ 978,9 milhões, este resultado é 27% superior. Essa elevação do EBITDA demonstra que a execução da estratégia de crescimento tem trazido um retorno adequado aos investimentos realizados. As despesas com Depreciação e Amortização foram de R$ 618,7 milhões em 2009, um aumento de 25% em relação a 2008 que havia sido de R$ 493,4 milhões. As despesas com depreciação aumentaram devido, principalmente, ao maior número de instalações de residência e de caixa digital. As despesas com amortização aumentaram em função, principalmente, do inicio da amortização do ativo criado pelo contrato de IRU. O Resultado Financeiro ficou positivo em R$ 65,4 milhões em 2009 ante um resultado negativo de R$ 318,5 milhões em 2008, devido principalmente à valorização do real no ano, que causou um impacto positivo nas dívidas financeiras denominadas em dólar. Liquidez 3

4 O Endividamento Bruto, que inclui o valor do principal e dos juros, fechou 2009 em R$ 2.198,8 milhões, um aumento de 24,9% em relação a Esse aumento é explicado principalmente pela emissão do Global Notes 2020 no montante de US$ 350 milhões. O endividamento de curto prazo representa 4% do endividamento total. As Disponibilidades totalizavam R$ 1.015,6 milhões ao final de 2009, um aumento de 38% frente a R$ 736,9 milhões em Esse maior saldo é explicado, principalmente, pela entrada do recurso proveniente da emissão das Notas Garantidas A Dívida Líquida ao final de 2009 era de R$ 1.183,2 milhões, uma alta de 16% comparada a R$ 1.022,9 milhões em A relação Dívida Líquida sobre EBITDA diminuiu de 1,05x ao final de 2008 para 0,95x em Seguindo nosso modelo de negócios, continuamos direcionando a maior parte de nossos investimentos (Capex) à aquisição de assinantes, tanto para o pagamento de mão de obra de instalação quanto para o pagamento dos equipamentos e adequações de infraestrutura necessárias para suportar o crescimento. Assim, no ano o Capex totalizou R$ 1,1 bilhão, um aumento de 10% quando comparado a 2008, devido principalmente, à aquisição de um maior volume de caixas de alta definição e às adequações da rede da ESC 90 que foi incorporada na metade do ano. Do total investido, a parcela variável representou 77% e foi destinada a compra de equipamentos e instalação de residência ambos relacionados à aquisição de assinantes como também à adequação de infraestrutura, como por exemplo, quebra de nós. 3. Mercado de Capitais As ações da Net continuaram a apresentar boa liquidez na BM&FBovespa e na Nasdaq. O volume médio diário das transações na BM&FBovespa foi de R$ 24,7 milhões em 2009, queda de 19% em relação a R$ 30,6 milhões de O volume médio diário negociado na Nasdaq passou de US$ 8,8 milhões em 2008 para US$ 6,6 milhões em No decorrer do ano, buscamos ativamente uma mudança no perfil de nossa base acionária com o objetivo de trazer mais investidores de longo prazo e consequentemente reduzir a volatilidade no preço de nossas ações. Como resultado, atualmente quase 20% das ações preferências são detidas por investidores com esse perfil de longo prazo. Mantemos nossa administração conservadora em relação ao endividamento e estamos com uma estrutura de capital pouco alavancada e com um calendário de amortização sem pressão de amortização de principal no curto prazo. Como reconhecimento de nossos esforços para manter nossa capacidade de pagamento de maneira adequada, a S&P elevou nossos ratings de braapara braa na escala nacional e de BB para BB+ na escala global, e a Moody s elevou de Aa3.br para Aa2.br na escala nacional e de Ba2 para Ba1 na escala global. Com isso, estamos a um nível de obtermos o grau de investimento. 4. Governança Corporativa Temos a convicção de que a constante avaliação dos controles internos é essencial para a realização de um crescimento sustentado. Para isso, buscamos a todo o momento identificar possíveis riscos ao negócio e assegurar que para cada um desses riscos, controles eficazes sejam implementados para mitigá-los. Novamente ao final do ano, após o teste destes controles, consideramos ter um nível adequado de controle para a administração da NET. Conforme exigido pela lei Sarbanes-Oxley, o Diretor Geral e o Diretor Financeiro certificaram a qualidade dos controles internos em 31/12/2009. Em termos da qualidade das Divulgações, este é o sexto ano que o Diretor Geral e o Diretor Financeiro certificam a qualidade e integridade das mesmas com base nos padrões internacionais, 4

5 incluindo as informações ao mercado local. Nosso Comitê de Divulgação, implementado em 2003 está totalmente consolidado e o mesmo tem um papel fundamental nos nossos processos de divulgação e transparência. O Conselho Fiscal permanente, constituído em 2005, continua a exercer também as funções de Comitê de Auditoria, conforme os requisitos da lei americana Sarbanes-Oxley. Esse Conselho, é composto por 3 membros, todos independentes, sendo 1 eleito em Assembléia de Acionistas pelos acionistas minoritários. Esse Conselho Fiscal continua a trabalhar em grande sintonia com o Conselho de Administração nas áreas que lhe competem, o que tem agilizado certas decisões importantes da Companhia como o relacionamento com os Auditores Externos e Interno e a revisão e aprovação das Demonstrações Financeiras. O Conselho de Administração, seguindo as regras da Bovespa para empresas de Nível II de Governança Corporativa tem 20% de seus membros composto de Conselheiros independentes. O Conselho tem 12 membros, sendo 7 eleitos pela Globo, 3 pela Embratel e 2 independentes, sendo 1 eleito em Assembléia de Acionistas pelos acionistas minoritários. Esse Conselho é apoiado por um Comitê Financeiro. Continuamos nossos esforços para aprimorar nossas ações nas melhores práticas de Governança Corporativa. Em setembro de 2009, participamos do lançamento da segunda edição do Companies Circle Member, um livro baseado em fatos de destaque em casos de boas práticas de Governança de um seleto grupo de companhias com preocupação legítima com esse assunto. Essa iniciativa tem o apoio do IFC e da OECD. Várias de nossas práticas de Governança Corporativa são mencionadas neste livro. Em adição, nossas divulgações continuam seguindo o padrão Divulgação Exemplar, que certifica aos investidores e analistas em qualquer lugar do mundo que as informações publicadas pela Companhia estejam disponíveis em todos os mercados dentro de 1 hora, assegurando a simetria da divulgação. No ano de 2009, a NET mais uma vez continuou com seu compromisso de tratar de forma exemplar nossos Acionistas Minoritários. Temos um relacionamento planejado e formal: realizamos reuniões regularmente com as diversas associações de profissionais financeiros, estivemos presentes em 18 conferências de investidores institucionais tanto no Brasil quanto no exterior e respeitamos os diversos períodos de silêncio. Realizamos apresentações na Apimec e, sabendo da crescente importância dos investidores individuais, estivemos presentes em várias edições da Expomoney. Estamos sempre disponíveis para esclarecer dúvidas levantadas pelos nossos investidores existentes e potenciais e pelos 20 analistas independentes que hoje cobrem a Companhia. 5. Recursos Humanos Temos uma preocupação constante com o alinhamento de todos os colaboradores no sentido de atingirmos nossas metas e manter o curso da estratégia, dentro de um ambiente ético e de constante desenvolvimento profissional. Para tanto, incentivamos nossos colaboradores a realizarem cursos de aprimoramento e extensão universitária e mantemos um plano de remuneração que está diretamente relacionado aos nossos resultados. O acordo para Plano de Participação no Resultado ( PPR ) de 2009 é pagar um bônus de até 3,6 salários para todos os colaboradores e um bônus complementar para um número selecionado de gerentes e diretores que tem uma relevância expressiva em suas respectivas áreas, no sentido de criar sinergias para que a empresa como um todo alcance seus objetivos. Encerramos o ano com um total de colaboradores contra colaboradores em dezembro de 2008, um crescimento de 19%. 5

6 6. Responsabilidade Social Consciente de nossa responsabilidade social, procuramos contribuir para o aprimoramento da educação básica brasileira por meio do portal NET Educação, nosso primeiro grande projeto de Responsabilidade Social lançado em 2004, totalmente gratuito e com a proposta inicial de aprimorar a capacitação de professores. Em 2009, ficou ainda mais atraente e interativo e passou a envolver não só o educador, mas também alunos, pais e família. O Net Educação foi premiado pela UNESCO como a melhor iniciativa empresarial na categoria Comunicação e Informação. Outra importante iniciativa foi o lançamento do NET Comunidade, que tem como objetivos incentivar o protagonismo da comunidade na transformação social e criar condições para que todos possam se desenvolver como pessoas, profissionais e cidadãos. Um dos pilares do projeto é a oficina Repórter Comunidade, um curso de cinco meses, onde o participante tem contato com diversos meios de comunicação, com o objetivo de desenvolver um novo olhar em relação ao mundo e a região onde vive. Parte do material produzido é transmitido pelo canal NET Cidade. Realizado em parceria com a Prefeitura de São Paulo, o Instituto Asas e a ONG Cidade Escola Aprendiz, o projeto tem como meta de longo prazo chegar às demais cidades em que atuamos. 7. Demonstração do Valor Adicionado Apresentamos abaixo a Demonstração Consolidada do Valor Adicionado ( DVA ), que tem como objetivo divulgar e identificar a formação de riqueza pela nossa Companhia e demonstrar como essa riqueza foi distribuída entre os diversos setores que contribuíram, direta ou indiretamente, para a sua geração. Exercícios findos em 31 de dezembro de 2009 e 2008 (em milhares de Reais) 31/12/ /12/ Geração do valor adicionado Venda de serviços Outras receitas Provisão créditos de liquidação duvidosa (40.745) (40.038) ( - ) Insumos Custos de serviços vendidos ( ) ( ) Materiais, energia, serviços de terceiros e outros ( ) ( ) Outros (59.684) (38.031) ( ) ( ) 3. Valor adicionado bruto (1-2) (-) Depreciação e amortização ( ) ( ) 5. Valor adicionado líquido gerado Valor adicionado recebido em transferências Receitas financeiras Valor adicionado líquido a distribuir (5+6) Distribuição do valor adicionado Pessoal: Remuneração direta Benefícios FGTS Outros Governo: Federais Estaduais Municipais Do capital de terceiros: Variações monetárias e cambiais Juros e despesas financeiras Aluguéis Do capital próprio: Lucro líquido do exercício Total

7 8. Relacionamento com os Auditores Independentes Os trabalhos de auditoria integrada das demonstrações financeiras elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil foram realizados pela Ernst & Young. Os serviços não relacionados à auditoria integrada realizados pela Ernst & Young referem-se principalmente aos trabalhos de revisão de aderência às regras fiscais na preparação das declarações de imposto de renda, entendimento de pronunciamentos de IFRS aplicáveis à Companhia em preparação para a elaboração de demonstrações financeiras de acordo com as normas internacionais e trabalhos de due diligence relacionados com as aquisições de empresas efetuadas pela Companhia, cujos honorários totalizaram R$ 1,6 milhão, ou 45% dos honorários correspondentes aos serviços de auditoria das demonstrações financeiras em Os serviços não relacionados à auditoria foram realizados em prazo inferior a um ano por equipes especializadas e totalmente distintas da equipe responsável pela realização dos serviços de auditoria das demonstrações financeiras, conforme procedimento adotado pela Companhia para garantir a objetividade e independência dos auditores externos. O Conselho Fiscal, que também exerce as funções de Comitê de Auditoria conforme os padrões exigidos pelas leis e regulamentações do mercado de capitais americano, supervisiona a atuação e a independência dos auditores independentes, analisa o escopo, as declarações dos auditores quanto à sua independência, pré-aprova a natureza de todos os serviços prestados e encaminha seu parecer para o Conselho de Administração. 9. Agradecimentos Pelo sétimo ano consecutivo realizamos um crescimento sustentável, com forte aumento na nossa base de clientes, lançamento de produtos inovadores no mercado e busca contínua na excelência na prestação de serviços. Nossa missão de SER A MELHOR SOLUÇÃO EM MULTISSERVIÇOS VIA CABO CONECTANDO PESSOAS DE SUAS CASAS COM O MUNDO é o que nos norteia em nossas decisões e execução das nossas tarefas diárias. Buscamos todos os dias entregar serviços que nos diferenciem no mercado para que nossos clientes sintam-se satisfeitos ao receber nossos produtos e serviços no conforto e conveniência de seus lares. A todos aqueles com quem nos relacionamos em 2009, agradecemos o apoio recebido e esperamos contar mais uma vez com vocês, reafirmando que estamos COMPROMETIDOS COM O FUTURO para garantir a perenidade de nossa empresa, o retorno aos nossos acionistas, retribuição à sociedade e um serviço de alta qualidade a nossos clientes. São Paulo, 10 de fevereiro de 2010 A Administração NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S A 7

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 Americana SP, 23 de março de 2005 A VIVAX S.A. (Bovespa: VVAX11), ou Companhia, segunda maior operadora de TV a Cabo do Brasil, em número de assinantes, e uma das principais

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A. Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2006 e 2005

Net Serviços de Comunicação S.A. Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2006 e 2005 Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2006 e 2005 1 Parecer dos auditores independentes Ao Conselho de Administração e aos Acionistas da Net Serviços de Comunicação S.A. São Paulo - SP Examinamos

Leia mais

Relatório da Administração 2008

Relatório da Administração 2008 Relatório da Administração 2008 Prezados Senhores: Submetemos à apreciação dos Senhores Acionistas, Clientes, Fornecedores de Serviços e Produtos, Comunidade Financeira e à Sociedade em Geral o Relatório

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados do 1T08

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados do 1T08 Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados do 1T08 Destaques do Trimestre 2 Lançamento recente do Net Fone.com, produto que combina os serviços de telefonia, acesso rápido à internet e melhoria de imagem,

Leia mais

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO Uberlândia MG, Maio de 2013 A Algar Telecom, Companhia completa e integrada de telecomunicações e TI, detentora da marca CTBC, divulga seus resultados do 1º Trimestre

Leia mais

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 49% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 35% MARGEM DE EBITDA ATINGIU 29% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 3T06. As demonstrações financeiras

Leia mais

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO 1. DESTAQUES O ano de 2016 começou com o cenário macroeconômico muito parecido de 2015, uma vez que o mercado continua com tendências negativas em relação a PIB, inflação e taxa de juros. Novamente a Ouro

Leia mais

Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004

Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004 Porto Seguro Anuncia Lucro Líquido de R$ 44,2 milhões no 4T04 Crescimento de 22% dos Prêmios Auferidos em 2004 São Paulo, 25 de fevereiro de 2005 - A Porto Seguro S.A. (Bovespa: PSSA3) anuncia hoje seus

Leia mais

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO 1. DESTAQUES O ano de 2015 está demonstrando ser muito desafiador, apresentando um cenário macroeconômico incerto, onde as expectativas do mercado preveem redução do PIB, aumento da inflação e da taxa

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - VIX LOGÍSTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - VIX LOGÍSTICA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09 Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09 1 DESTAQUES DO 2T09 2 Base de Clientes TV a Cabo: 3,5 milhões Base de Clientes Net Vírtua: 2,6 milhões Base de Clientes em Voz: 2,3 milhões ARPU: oportunidade

Leia mais

Material elaborado pela Net Serviços para Reunião com Analistas e Investidores

Material elaborado pela Net Serviços para Reunião com Analistas e Investidores REESTRUTURAÇÃO FINANCEIRA Material elaborado pela Net Serviços para Reunião com Analistas e Investidores REESTRUTURAÇÃO FINANCEIRA A Net Serviços de Comunicação S.A. é a maior multi-operadora de TV por

Leia mais

BR Towers SPE1 S.A. Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2012 e relatório dos auditores independentes

BR Towers SPE1 S.A. Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2012 e relatório dos auditores independentes Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2012 e relatório dos auditores independentes Demonstração do resultado Exercício/período findo em 31 de dezembro Receita líquida (Nota 14) 13.913 Custo

Leia mais

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração

Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Informações Trimestrais 4º trimestre e exercício de 2015 (4T15 e 2015) Relatório da Administração Prezados acionistas A administração da WLM Indústria e Comércio S.A. (WLM), em conformidade com as disposições

Leia mais

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09

GERDAU S.A. Informações consolidadas 1T09 07/05/09 Visão Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor. Missão A Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

FATO RELEVANTE. Fernando Nobert. ON: 51,6% PN: 0,0% Total: 17,2% ON: 52,6% PN: 0,0% Total: 26,7% VIVAX S.A.

FATO RELEVANTE. Fernando Nobert. ON: 51,6% PN: 0,0% Total: 17,2% ON: 52,6% PN: 0,0% Total: 26,7% VIVAX S.A. Net Serviços de Comunicação S.A. CNPJ/MF nº 00.108.786/0001-65 NIRE nº 35.300.177.240 Companhia Aberta Rua Verbo Divino nº 1.356-1º andar, São Paulo-SP FATO RELEVANTE A Net Serviços de Comunicação S.A.

Leia mais

PrimeGlobal PGBR. Uma excelente alternativa em serviços de auditoria, consultoria e Impostos. Diferença PrimeGlobal

PrimeGlobal PGBR. Uma excelente alternativa em serviços de auditoria, consultoria e Impostos. Diferença PrimeGlobal PrimeGlobal PGBR Uma excelente alternativa em serviços de auditoria, consultoria e Impostos Somos uma empresa de auditoria, consultoria e impostos, criada á partir da junção de importantes empresas nacionais,

Leia mais

Outras Receitas (Despesas) Operacionais A tabela a seguir detalha os principais itens desta rubrica, em R$ milhões.

Outras Receitas (Despesas) Operacionais A tabela a seguir detalha os principais itens desta rubrica, em R$ milhões. Desempenho Operacional e Financeiro Consolidado As informações contidas neste comunicado são apresentadas em Reais e foram preparadas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil que compreendem

Leia mais

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000)

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000) Blumenau SC, 27 de julho de 2007 A Cremer S.A. (Bovespa: CREM3), distribuidora de produtos para a saúde e também líder na fabricação de produtos têxteis e adesivos cirúrgicos, anuncia hoje seus resultados

Leia mais

Inepar Telecomunicações S.A. Demonstrações Contábeis em 31 de dezembro de 2008 e 2007

Inepar Telecomunicações S.A. Demonstrações Contábeis em 31 de dezembro de 2008 e 2007 80 Inepar Telecomunicações S.A. Demonstrações Contábeis em 31 de dezembro de 2008 e 2007 Parecer dos Auditores Independentes 81 Aos Acionistas da Inepar Telecomunicações S.A Curitiba - PR 1. Examinamos

Leia mais

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. Resultados do 4T07

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. Resultados do 4T07 NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. Resultados do 4T07 Destaques 2 Lançamento do NET Digital HD, que combina as funções de gravador e conversor de alta definição; Aquisição da BIGTV traz 12 importantes cidades

Leia mais

DESTAQUES DO ANO. Receita Líquida de R$ 662,5 milhões, 15,9% acima de 2013. Geração de caixa operacional de R$ 95,5 milhões e CAPEX de R$ 12,5 milhões

DESTAQUES DO ANO. Receita Líquida de R$ 662,5 milhões, 15,9% acima de 2013. Geração de caixa operacional de R$ 95,5 milhões e CAPEX de R$ 12,5 milhões Blumenau SC, 11 de fevereiro de 2015 A Cremer S.A. (BM&FBovespa: CREM3), fornecedora de produtos para cuidados com a saúde nas áreas de primeiros socorros, cirurgia, tratamento e higiene, anuncia seus

Leia mais

Resultados 1T07 10 de maio de 2007

Resultados 1T07 10 de maio de 2007 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 102% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 32% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 1T07. As demonstrações financeiras da Companhia são elaboradas

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009

Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009 Transcrição da Teleconferência Resultados do 3T09 - Inpar 18 de novembro de 2009 Bom dia, e obrigada por aguardarem. Sejam bem-vindos à teleconferência da Inpar para discussão dos resultados referentes

Leia mais

A TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA O RESULTADO DO QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E DO ANO DE 2000

A TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA O RESULTADO DO QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E DO ANO DE 2000 TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. João Cox Vice Presidente de Finanças e Diretor de Relações com Investidores jcox@telepart.com.br 0XX61-429-5600 Leonardo Dias Gerente de Relações com Investidores

Leia mais

Resultados do 4T05 e do ano de 2005

Resultados do 4T05 e do ano de 2005 Resultados do 4T05 e do ano de 2005 Teleconferência 24/03/2006 1 Considerações Futuras Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais

Leia mais

MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13

MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13 Resultados Janeiro Março / 2011 ÍNDICE MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO 1 DESTAQUES 2 RECEITAS OPERACIONAIS 4 GASTOS OPERACIONAIS 6 DADOS FINANCEIROS 8 NOTAS ADICIONAIS 11 MERCADO DE CAPITAIS 13 DIVIDENDOS E

Leia mais

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) EBITDA 464,6 354,2 527,7 13,6% 49,0%

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) EBITDA 464,6 354,2 527,7 13,6% 49,0% Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 26 de abril de 2006 Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (NYSE:EMT;BOVESPA:EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - CEMEPE INVESTIMENTOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - CEMEPE INVESTIMENTOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Fluxo de Caixa 5 Demonstração das Mutações

Leia mais

7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa. 21 e 22 de agosto de 2006

7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa. 21 e 22 de agosto de 2006 7 a Conferência Brasil Anual Santander Banespa 21 e 22 de agosto de 2006 1 Considerações Futuras Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados

Leia mais

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014 DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014 LUPATECH S.A. CNPJ/MF nº 89.463.822/0001-12 NIRE 43300028534 Companhia Aberta de Capital Autorizado Novo Mercado Relatório da Administração Mensagem da Administração Senhores

Leia mais

Receita Operacional Bruta

Receita Operacional Bruta Prezado Acionista, Este primeiro trimestre de 2013 mostrou que as iniciativas que tomamos em 2012 começam a dar resultado. Já começamos a mostrar uma aceleração no crescimento, mesmo com a quantidade de

Leia mais

Palestra. Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC) e Demonstração do Valor Adicionado (DVA) - Novas Normas Contábeis. Março 2012.

Palestra. Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC) e Demonstração do Valor Adicionado (DVA) - Novas Normas Contábeis. Março 2012. Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09

DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09 Divulgação de Resultados 3T09 DIRECIONAL ANUNCIA RECORDE HISTÓRICO DE VENDAS NO 3T09 - VENDAS CONTRATADAS DE R$242,7 MILHÕES NO 3T09, COM VSO 45% - - EBITDA DE R$35,0 MILHÕES, COM 31,1% DE MARGEM EBITDA

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

Resultados do 2T08. Destaques. Relações com Investidores

Resultados do 2T08. Destaques. Relações com Investidores Resultados do 2T08 Uberlândia MG, Agosto de 2008 A CTBC Companhia de Telecomunicações do Brasil Central S.A, empresa integrada de telecomunicações com um portfólio completo de serviços, divulga seus resultados

Leia mais

MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7%

MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7% MAHLE REPORTA EBITDA DE R$ 104,6 MILHÕES NO 2T14; MARGEM DE 17,7% Mogi Guaçu (SP), 11 de agosto de 2014 - A MAHLE Metal Leve S.A. (BM&FBOVESPA: LEVE3), Companhia líder na fabricação e comercialização de

Leia mais

4 T 10 RESULTADOS DO 4T10. Dados em 31/12/2010. Grazziotin PN (CGRA4) R$ 16,00. Valor de Mercado R$ 338,0 milhões

4 T 10 RESULTADOS DO 4T10. Dados em 31/12/2010. Grazziotin PN (CGRA4) R$ 16,00. Valor de Mercado R$ 338,0 milhões 4 T 10 Passo Fundo, 14 de março de 2011 A Grazziotin (BM&FBOVESPA: CGRA3 e CGRA4), empresa de comércio varejista do segmento de vestuário e utilidades domésticas, localizada na região sul do país, divulga

Leia mais

INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO

INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO INVESTCO S.A. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO Aos Srs. Acionistas Investco S.A. Anexo I - Comentários dos Diretores da Companhia Contas dos Administradores referentes ao exercício social encerrado em 31.12.2012.

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - BRASIL BROKERS PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - BRASIL BROKERS PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

GTD PARTICIPAÇÕES S.A.

GTD PARTICIPAÇÕES S.A. GTD PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS REFERENTES AOS EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009 E 2008 E PARECER DOS AUDITORES INDEPENDENTES GTD PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Leia mais

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO COMENTÁRIO DE DESEMPENHO 1. DESTAQUES A Receita dos Serviços de Locação da Ouro Verde registrou novamente crescimento significativo, de 25,0% na comparação com o 1S13. A receita líquida total, incluindo

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 São Paulo, 22 de março de 2012 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2013 - CEMEPE INVESTIMENTOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2013 - CEMEPE INVESTIMENTOS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2014 - COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS Versão : 2. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2014 - COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS Versão : 2. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

FUNDAÇÃO DE APOIO AO COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS FACPC. Relatório dos auditores independentes

FUNDAÇÃO DE APOIO AO COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS FACPC. Relatório dos auditores independentes FUNDAÇÃO DE APOIO AO COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS FACPC Relatório dos auditores independentes Demonstrações contábeis Em 31 de dezembro de 2015 e 2014 FPRJ/ORN/TMS 0753/16 FUNDAÇÃO DE APOIO AO COMITÊ

Leia mais

metanor s.a. METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Metanol do Nordeste

metanor s.a. METANOR S.A. Metanol do Nordeste Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Metanol do Nordeste METANOR S.A. Camaçari - Bahia - Brasil Relatório da Administração de 2010 Senhores Acionistas, Em conformidade com as disposições legais e estatutárias, a administração da METANOR S.A. submete à apreciação

Leia mais

Reunião APIMEC / Abril Educação

Reunião APIMEC / Abril Educação Reunião APIMEC / Abril Educação Aviso Legal Aviso Legal O presente documento não deve em nenhuma circunstância, ser considerado uma recomendação de investimento nas Units. Antes de investir nas Units,

Leia mais

Empresa de Distribuição de Energia Vale Paranapanema S/A Resultados do 3º trimestre de 2015

Empresa de Distribuição de Energia Vale Paranapanema S/A Resultados do 3º trimestre de 2015 Resultados do 3º trimestre de 2015 São Paulo, 13 de novembro de 2015 A Administração da Empresa de Distribuição de Energia do Vale Paranapanema ( EDEVP ou Companhia ) apresenta os resultados do terceiro

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2010 - KARSTEN SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2010 - KARSTEN SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

Demonstrações Financeiras Brasmotor S.A. 31 de dezembro de 2010 com Relatório dos Auditores Independentes sobre as Demonstrações Financeiras

Demonstrações Financeiras Brasmotor S.A. 31 de dezembro de 2010 com Relatório dos Auditores Independentes sobre as Demonstrações Financeiras Demonstrações Financeiras Brasmotor S.A. 31 de dezembro de 2010 com Relatório dos Auditores Independentes sobre as Demonstrações Financeiras Senhores Acionistas, Submetemos à apreciação de V.Sas. as Demonstrações

Leia mais

Demonstrações Financeiras Arezzo Indústria e Comércio S.A.

Demonstrações Financeiras Arezzo Indústria e Comércio S.A. Demonstrações Financeiras Arezzo Indústria e Comércio S.A. com Relatório dos Auditores Independentes Demonstrações financeiras 31 de dezembro de 2013 Índice Relatório dos auditores independentes sobre

Leia mais

Associação Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada IMPA-OS

Associação Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada IMPA-OS Associação Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada IMPA-OS Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2004 e Parecer dos Auditores Independentes Parecer dos Auditores Independentes 03 de fevereiro

Leia mais

3. 0 - Nível de Conhecimento dos Profissionais de Contabilidade no Brasil

3. 0 - Nível de Conhecimento dos Profissionais de Contabilidade no Brasil 1.0 - Introdução à Lei 11.638/07 Países com pouca tradição em mercados de capitais têm a tendência de sofrer, mais do que os demais, influências exógenas (externas) nos seus processos de desenvolvimento

Leia mais

Abril Educação S.A. Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011

Abril Educação S.A. Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011 Informações Pro Forma em 31 de dezembro de 2011 RESULTADOS PRO FORMA NÃO AUDITADOS CONSOLIDADOS DA ABRIL EDUCAÇÃO As informações financeiras consolidadas pro forma não auditadas para 31 de dezembro de

Leia mais

APIMEC SP Maio 2006 1

APIMEC SP Maio 2006 1 APIMEC SP Maio 2006 1 Considerações Futuras Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas

Leia mais

Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009

Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009 GVT (Holding) S.A. Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009 Curitiba, 22 de Abril de 2009 Curitiba, 22 de abril de 2009: A GVT (Holding) S.A. (Bovespa: GVTT3, Reuters: GVTT3.SA e Bloomberg GVTT3:BZ),

Leia mais

Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000)

Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Anexo IV Metas Fiscais IV.1 Anexo de Metas Fiscais Anuais (Art. 4 o, 1 o, inciso II do 2 o da Lei Complementar n o 101, de 4 de maio de 2000) Em cumprimento ao disposto na Lei Complementar n o 101, de

Leia mais

EM QUATRO DIMENSÕES. companhias que. processo de. Diego Barreto Gerente de RI, Lopes. Nelson Pazikas Eternit. Diretor Presidente da Total RI

EM QUATRO DIMENSÕES. companhias que. processo de. Diego Barreto Gerente de RI, Lopes. Nelson Pazikas Eternit. Diretor Presidente da Total RI A experiência de companhias que estão em processo de implementação Diego Barreto Gerente de RI, Lopes Nelson Pazikas Eternit EM QUATRO DIMENSÕES Mediador: Valter Faria Diretor Presidente da Total RI São

Leia mais

AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14

AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14 AUMENTO DE 17,9% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$797 MILHÕES NO 2T14 Barueri, 29 de Julho de 2014 A Cielo S.A. (BM&FBOVESPA: CIEL3 / OTCQX: CIOXY) anuncia hoje seus resultados do segundo trimestre

Leia mais

ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2013

ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2013 ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2013 A Itautec S.A., companhia brasileira de capital aberto atuante no setor de tecnologia em soluções de automação bancária, automação

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 01999-2 TOTVS S/A 53.113.791/0001-22 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 01999-2 TOTVS S/A 53.113.791/0001-22 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/6/21 EMPRESA COMERCIAL, INDUSTRIAL E OUTRAS Reapresentação Espontânea O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES

Leia mais

AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14

AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14 AUMENTO DE 13,8% NO VOLUME FINANCEIRO E LUCRO LÍQUIDO DE R$817 MILHÕES NO 3T14 Barueri, 28 de Outubro de 2014 A Cielo S.A. (BM&FBOVESPA: CIEL3 / OTCQX: CIOXY) anuncia hoje seus resultados do terceiro trimestre

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2015 - DOMMO EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/06/2015 - DOMMO EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 30/09/2012 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney

Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney Considerações Futuras Eventuais declarações que possam ser feitas durante essa apresentação, relativas às perspectivas de negócios da Companhia, projeções

Leia mais

RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15

RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15 RECEITA LÍQUIDA ALCANÇA R$ 374,7 MILHÕES NO 1T15 São Paulo, 11 de maio de 2015 - A Abril Educação S.A. (BM&FBOVESPA: ABRE3) divulga seus resultados do 1º trimestre de 2015 (1T15). Os comentários aqui incluídos

Leia mais

Resumo da Demonstração de Resultados (em R$ milhões) Variação

Resumo da Demonstração de Resultados (em R$ milhões) Variação BM&FBOVESPA ANUNCIA OS RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2015 Derivativos e outras receitas não ligadas a volumes direcionaram o crescimento na receita total Crescimento do lucro líquido ajustado 1 resultou,

Leia mais

Número de operações: 93

Número de operações: 93 APIMEC Maio de 2010 PRESENÇA GEOGRÁFICA 2 Número de operações: 93 Principais cidades São Paulo Rio de Janeiro Belo Horizonte Recife Brasília Manaus Curitiba Florianópolis Porto Alegre Guarulhos Ponta Grossa

Leia mais

Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007. Curitiba, 14 de janeiro de 2008

Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007. Curitiba, 14 de janeiro de 2008 Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007 Curitiba, 14 de janeiro de 2008 No 4T07, a receita da GVT aumentou 29%, a receita relativa ao core business cresceu 37%, o EBITDA aumentou 41% alcançando

Leia mais

Operadora: Alexandre Dias:

Operadora: Alexandre Dias: Operadora: Boa tarde, senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à teleconferência de resultados do 3T da Anhanguera Educacional. Hoje nós temos a presença do Sr. Alexandre Dias, CEO da Companhia, Sr. Ricardo

Leia mais

mensagem da Administração

mensagem da Administração mensagem da Administração O ano de 2010 foi um divisor de águas para o setor de meios eletrônicos de pagamento, marcado pelo início do cenário multibandeira. Para nós, o período foi de grandes desafios

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T15

Divulgação de Resultados 3T15 São Paulo - SP, 4 de Novembro de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

VALID SOLUÇÕES E SERVIÇOS DE SEGURANÇA EM MEIOS DE PAGAMENTO E IDENTIFICAÇÃO S.A. 1ª Emissão Pública de Debêntures

VALID SOLUÇÕES E SERVIÇOS DE SEGURANÇA EM MEIOS DE PAGAMENTO E IDENTIFICAÇÃO S.A. 1ª Emissão Pública de Debêntures VALID SOLUÇÕES E SERVIÇOS DE SEGURANÇA EM MEIOS DE PAGAMENTO E IDENTIFICAÇÃO S.A. 1ª Emissão Pública de Debêntures Relatório Anual do Agente Fiduciário Exercício de 2011 VALID SOLUÇÕES E SERVIÇOS DE SEGURANÇA

Leia mais

Divulgação de Resultados Financeiros do 4º Trimestre de 2003

Divulgação de Resultados Financeiros do 4º Trimestre de 2003 Contatos: Marcio Minoru Miyakava (11) 5186-2811 minoru@netservicos.com.br PLIM4: R$ 0,89/ação (Bovespa) NETC: US$ 2,86/ADR (1ADR=10 ações - Nasdaq) XNET: EUR$ 2,48/10 ações (Latibex) Total de Ações: 2.028.855.530

Leia mais

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 CONTEÚDO Relatório dos auditores independentes Quadro 1 - Balanço

Leia mais

A seguir, a correção da prova de Contador da Prefeitura de Niterói. Não vislumbramos possibilidade de recursos.

A seguir, a correção da prova de Contador da Prefeitura de Niterói. Não vislumbramos possibilidade de recursos. Olá, meus amigos! A seguir, a correção da prova de Contador da Prefeitura de Niterói. Não vislumbramos possibilidade de recursos. Forte abraço. Gabriel Rabelo/Luciano Rosa. Sigam nossas redes sociais!

Leia mais

RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015

RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015 RESULTADOS 1T15 Teleconferência 8 de maio de 2015 Aviso Nesta apresentação nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS página 1 07. Onde é classificado o Subgrupo Estoques no plano de contas? 01. São acontecimentos que ocorrem na empresa e que não provocam alterações no Patrimônio: A) Atos Administrativos

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Hospital da Criança (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.)

Fundo de Investimento Imobiliário Hospital da Criança (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.) Balanço patrimonial em 31 de dezembro Ativo 2008 2007 Passivo e patrimônio líquido 2008 2007 Circulante Circulante Bancos 3 15 Rendimentos a distribuir 412 366 Aplicações financeiras de renda fixa 28 8

Leia mais

Demonstrações Contábeis

Demonstrações Contábeis Demonstrações Contábeis Banco do Nordeste Fundo de Investimento Ações Petrobras (Administrado pelo Banco do Nordeste do Brasil S.A. - CNPJ: 07.237.373/0001-20) 31 de março de 2014 com Relatório dos Auditores

Leia mais

BV LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL

BV LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL BV LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL 5ª Emissão Pública de Debêntures Não Conversíveis Ações em Série Única da Espécie Subordinada Relatório Anual do Agente Fiduciário Exercício 2008 1 RELATÓRIO ANUAL

Leia mais

Associação Saúde Criança São Paulo Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações financeiras 31 de dezembro de 2012 e de 2011

Associação Saúde Criança São Paulo Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações financeiras 31 de dezembro de 2012 e de 2011 Associação Saúde Criança São Paulo Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações financeiras 31 de dezembro de 2012 e de 2011 Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações

Leia mais

Tropa de Elite-PF Economia Módulo 4 - Questões Otacílio Araújo

Tropa de Elite-PF Economia Módulo 4 - Questões Otacílio Araújo Tropa de Elite-PF Economia Módulo 4 - Questões Otacílio Araújo 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 1. (CESPE/UnB/ECB/ 2011) Acerca de déficit e superávit público

Leia mais

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations Apresentação APIMEC Dezembro 2010 AGENDA 03. Mercado Brasileiro de Telecom 06. Oi: Perfil e Estratégia 13. Resultados Operacionais e Financeiros 19. Aliança com a Portugal Telecom Mercado Brasileiro de

Leia mais

Demonstrações Financeiras Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM

Demonstrações Financeiras Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM Demonstrações Financeiras Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM Demonstrações financeiras Índice Relatório dos auditores independentes... 1 Demonstrações financeiras auditadas

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO

DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO Olá, pessoal! Hoje trago uma aula sobre a Demonstração do Valor Adicionado DVA, que foi recentemente tornada obrigatória para as companhias abertas pela Lei 11.638/07, que incluiu o inciso V ao art. 176

Leia mais

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas Blumenau, 07 de maio de 2008 Cia. Hering (Bovespa: HGTX3), uma das maiores empresas de varejo e design de vestuário do Brasil, divulga os resultados do 1º trimestre de 2008 (1T08). As informações operacionais

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 2014

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 2014 MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA O CICLO DIGITAL E A SUSTENTABILIDADE DO NOSSO NEGÓCIO O resultado alcançado em 2014 foi possível porque fomos ousados mais uma vez. Nossa decisão de patrocinar a Copa do Mundo de

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota. Explicativa

BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) Nota. Explicativa BALANÇO PATRIMONIAL (Valores em R$ mil) ATIVO Nota Explicativa CIRCULANTE 39.755 68.651 Disponibilidades 522 542 Relações Interf./Aplicações R.F. 5 13.018 27.570 Relações Interdependências 6-1.733 Operações

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados do 2T08 Trisul (TRIS3 BZ) 15 de agosto de 2008

Transcrição da Teleconferência Resultados do 2T08 Trisul (TRIS3 BZ) 15 de agosto de 2008 Operadora: Bom dia, senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à teleconferência de resultados do 2T08 da Trisul. Hoje nós temos a presença do Sr. Jorge Cury Neto, Diretor-Presidente, Sr. Marco Antônio Mattar,

Leia mais

Contato RI. Teleconferência de Resultados do 2T06

Contato RI. Teleconferência de Resultados do 2T06 29 de Agosto de 2006 - GP Investments, Ltd ( GP Investments ou Companhia ) [BOVESPA: GPIV11], um dos líderes no mercado de private equity no Brasil anuncia um lucro líquido de US$4,9 milhões e receitas

Leia mais

Lucro Líquido de R$ 62,4 milhões nos 9M11.

Lucro Líquido de R$ 62,4 milhões nos 9M11. Lucro Líquido de R$ 62,4 milhões nos 9M11. Itatiba, 11 de Novembro de 2011 A Concessionária Rota das Bandeiras S.A. ( Companhia ) divulga hoje seus resultados referentes ao terceiro trimestre de 2011 (3T11)

Leia mais

Electro Aço Altona S/A

Electro Aço Altona S/A Electro Aço Altona S/A Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ n.º 82.643.537/0001-34 IE n.º 250.043.106 Rua Eng.º Paul Werner, 925 CEP 89030-900 Blumenau SC Data base: 30 de Junho de 2011 1 Destaques

Leia mais

SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL

SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL SANTANDER LEASING S.A. ARRENDAMENTO MERCANTIL 5ª Emissão Pública de Debêntures Não Conversíveis Ações em Série Única da Espécie Subordinada Relatório Anual do Agente Fiduciário Exercício 2010 1 RELATÓRIO

Leia mais

TV por Assinatura. Telefonia Fixa. Banda Larga. Respeito

TV por Assinatura. Telefonia Fixa. Banda Larga. Respeito Banda Larga TV por Assinatura Telefonia Fixa Respeito APIMEC RIO Rio de Janeiro, 22 de Novembro de 2013 A GVT é uma empresa autorizada pela Anatel a prestar serviços em todo o país A GVT tem licença STFC

Leia mais

TRX Securitizadora de Créditos Imobiliários S.A.

TRX Securitizadora de Créditos Imobiliários S.A. Balanços patrimoniais em 31 de dezembro (Em Reais) (reclassificado) (reclassificado) Ativo Nota 2012 2011 Passivo Nota 2012 2011 Circulante Circulante Caixa e equivalentes de caixa 4 61.664 207.743 Fornecedores

Leia mais

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 EBITDA atingiu a soma de R$ 391 milhões no ano passado São Paulo, 24 de março de 2010 A Algar Telecom, empresa de telecomunicações do Grupo Algar,

Leia mais

ANEXO III PROPOSTA ECONÔMICO FINANCEIRA DA SABESP PARA A REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA - RMBS MUNICÍPIO DE SANTOS

ANEXO III PROPOSTA ECONÔMICO FINANCEIRA DA SABESP PARA A REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA - RMBS MUNICÍPIO DE SANTOS ANEXO III PROPOSTA ECONÔMICO FINANCEIRA DA SABESP PARA A REGIÃO METROPOLITANA DA BAIXADA SANTISTA - RMBS MUNICÍPIO DE SANTOS 1 Sumário 1. Equilíbrio econômico-financeiro metropolitano...3 2. Proposta econômico-financeira

Leia mais