MANUAL DO USUÁRIO - OCORRÊNCIA PC

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL DO USUÁRIO - OCORRÊNCIA PC"

Transcrição

1 SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Referencia: Help_Online_crrencia_PC.dc Versã: Data: Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade MANUAL DO USUÁRIO MÓDULO: OPERAÇÃO SUBMÓDULO: OCORRÊNCIA DA POLÍCIA CIVIL Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e a transmissã de sua infrmaçã, sem a permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

2 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 5 2. VISÃO GERAL DO SIGIP SUBMÓDULO DE OCORRÊNCIA DA POLICIA CIVIL (PC) FUNCIONALIDADES SITUAÇÕES DA OCORRÊNCIA FLUXO DO PROCESSO DE REGISTRO E VALIDAÇÃO DAS OCORRÊNCIAS DA PC NUMERAÇÃO DO PRÉ-ATENDIMENTO E DA OCORRÊNCIA DA PC 9 3. FORMA DE OPERAÇÃO - OCORRÊNCIA PC MANUTENÇÃO DO PRÉ-ATENDIMENTO (PA) Página Inicial de Busca de Pré-Atendiments Incluind um Pré-Atendiment Aprveitand um Pré-Atendiment Detalhand um Pré-Atendiment Excluind um Pré-Atendiment MANUTENÇÃO DA OCORRÊNCIA PC BOLETIM DE OCORRÊNCIA (BO) Página Inicial de Busca da Ocrrência PC Incluind uma Ocrrência de Fat Delitus Aba Históric d Fat Aba Pessas Envlvidas Aba Objets Envlvids Aba Lcal d Fat Aba Infraçã Penal Incluind uma Ocrrência de Fat Nã Delitus Aba Históric d Fat Aba Pessas Envlvidas Aba Objets Envlvids Aba Lcal d Fat Incluind uma Ocrrência de Perda u Extravi Aba Históric d Fat Aba Cmunicante Aba Objets Perdids / Extraviads Aba Lcal d Fat Salvand Rascunh de Ocrrência PC Alterand uma Ocrrência PC Aprveitand s Dads de uma Ocrrência PC Detalhand uma Ocrrência PC Excluind uma Ocrrência PC Validand uma Ocrrência PC Aditand uma Ocrrência PC Imprimind uma Certidã de Ocrrência PC 39 Pág. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 2 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

3 ÍNDICE Pág Transferind uma Ocrrência PC Relacinand uma Ocrrência PC Cnvertend uma Ocrrência PC Oficializand e Cncluind uma Ocrrência PC riginada da Internet MANUTENÇÃO DOS DADOS DE PESSOA FÍSICA E JURÍDICA MANUTENÇÃO DOS OBJETOS TELAS DE BUSCAS Realizand a Busca de Pré-Atendiments Realizand a Busca de Ocrrências da PC Realizand a Busca de Events Pliciais Realizand a Busca de Servidres Públics Realizand a Busca de Lgradurs Realizand a Busca de Pnt Ntável Realizand a Busca de Pessas Físicas Realizand a Busca de Pessas Jurídicas Realizand a Busca de Mdus Operandi Realizand a Busca de Tipificaçã Penal Realizand a Busca de Objets TELAS DE CONSULTAS DE HISTÓRICO Cnsultand Históric d Registr da Ocrrência Cnsultand Históric d Cadastr da Pessa Cnsultand Históric d Cadastr d Objet RELATÓRIOS RELAÇÃO DE OCORRÊNCIAS RELAÇÃO DE OCORRÊNCIAS INTERNET REGRAS DE NEGÓCIO REGRAS GERAIS DO REGISTRO DE OCORRÊNCIA REGRAS ESPECÍFICAS PARA FATOS DELITUOSOS REGRAS ESPECÍFICAS PARA FATO NÃO DELITUOSO REGRAS ESPECÍFICAS PARA CADASTRO DE PESSOA REGRAS ESPECÍFICAS PARA CADASTRO DE OBJETOS REGRAS ESPECÍFICAS DO PRÉ-ATENDIMENTO REGRAS ESPECÍFICAS PARA TRANSFERÊNCIA DE OCORRÊNCIAS REGRAS ESPECÍFICAS PARA RELACIONAMENTO DE OCORRÊNCIAS REGRAS ESPECÍFICAS PARA CONVERSÃO DE OCORRÊNCIAS REGRAS ESPECÍFICAS PARA OFICIALIZAR E CONCLUIR OCORRÊNCIAS INTERNET 67 Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 3 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

4 ÍNDICE 6. MENSAGENS EXIBIDAS GLOSSÁRIO 73 Pág. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 4 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

5 1. INTRODUÇÃO Este manual tem cm bjetiv rientar s servidres da Plicia Civil na utilizaçã das funcinalidades d Sistema de Infrmaçã e Gestã integrada Plicial SIGIP, Módul de Operaçã e submódul da Ocrrência da Plicia Civil (PC), cnsiderand Registr d Pré-Atendiment e Registr de Ocrrências de Fats Delituss, Nã Delituss e Perda u Extravi. A estrutura deste manual fi rganizada em quatr seções, cm frma de facilitar a sua leitura: Apresentaçã d Sistema descreve SIGIP, infrmand s seus principais bjetivs e aplicações a usuári final, além de suas integrações cm utrs sistemas. Apresenta submódul de Ocrrência da PC, suas funcinalidades e fluxs d prcess. Frma de Operaçã detalha tds s prcediments para perar as funcinalidades d submódul de Ocrrência da PC. Anexs apresenta s mdels de frmuláris e relatóris referentes a submódul de Ocrrência da PC. Glssári relaçã ds terms e abreviaturas utilizads neste dcument cm as suas definições u explicações. Dúvidas sbre SIGIP que nã puderem ser esclarecidas através deste Manual devem ser reprtadas a Gestr d Sistema, através d site da aplicaçã. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 5 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

6 2. VISÃO GERAL DO SIGIP O SIGIP Sistema de Infrmaçã e Gestã integrada Plicial fi desenvlvid cm bjetiv de criar um mdern sistema plicial, que incrpre as últimas invações tecnlógicas de sftware a hardware, para melhrar atendiment a cidadã. O SIGIP cnta cm um módul funcinal principal: Módul de Operações da qual serã infrmatizads s principais prcesss peracinais diáris da plícia. O Módul de Operaçã d SIGIP tem cm principais bjetivs a infrmatizaçã e integraçã de atividades peracinais desenvlvidas pelas plicias Civil, Militar e Técnica d Estad da Bahia. Através deste módul, estarã integrads de frma autmática s fluxs ds prcesss entre s órgãs usuáris. Tdas as infrmações registradas pderã ser difundidas para utras áreas e departaments da Secretaria de Segurança Pública d Estad da Bahia, desde que haja autrizaçã da Organizaçã em que fram riginadas, cntribuind também na geraçã de relatóris estatístics e gerenciais. O SIGIP cnta ainda cm mais três móduls necessárias cm api a de perações: Módul de Gestã, da qual serã infrmatizads s prcesss principais de gestã ds recurss humans e materiais para api a peraçã plicial. Módul de Inteligência, nde serã infrmatizads s prcesss de inteligência plicial que permitem bter estatísticas da peraçã, referenciar s dads a lcalizações gereferenciadas e descbrir cnexões criminais, a partir ds dads reclhids na peraçã diária das unidades e através ds resultads de investigações infrmads pr pliciais. Módul de Administraçã que trata da gestã de usuáris, perfis de acess, auditrias de dads, manutençã e cdificaçã de parâmetrs e dads auxiliares. O SIGIP permitirá às plícias d estad da Bahia: Unificar s prcediments mais imprtantes, autmatizand as atividades peracinais de rtina. Um cnheciment mais eficaz da infrmaçã plicial de imprtância para a segurança d cidadã e para a gestã peracinal ds centrs pliciais. Uma integraçã de infrmações entre s centrs peracinais e entre rest ds rganisms pliciais e judiciais d Brasil. Tda esta ptência peracinal asscia-se cm uma grande flexibilidade que permitirá a cnfiguraçã ds aspects de segurança d sistema, cnfrme s requeriments da Secretaria da Segurança Pública d Estad da Bahia. As cntribuições d SIGIP terã vantagens imediatas n dia a dia das unidades da SSP. Os dads serã intrduzids uma única vez n sistema, que reduzirá a carga de trabalh nas unidades e eliminará a pssibilidade de ambigüidades na infrmaçã, pr registrar um mesm dad várias vezes cm detalhes diferentes. A cmpartilhar a infrmaçã entre unidades, se evitará duplicidades de trabalh desnecessárias, cm registrar uma mesma crrência em duas unidades distintas, pr exempl. Cada dad intrduzid n SIGIP (fat, pessa, bjet, recurs) pderá ser utilizad a partir de qualquer módul funcinal de nde se slicite. Deste md, se uma pessa vai registrar uma crrência, a intrduzir seus dads n SIGIP cm cmunicante, pderems saber, além de utras infrmações, se é um infratr registrad cm fugitiv. O SIGIP permitirá realizar integraçã de infrmaçã de frma autmática u pr slicitaçã, cm utrs sistemas que prprcinem esta pssibilidade. O SIGIP pderá ir adaptand-se às sucessivas mdernizações destes sistemas de md que, quand se fereçam nvs serviçs de integraçã de infrmaçã, SIGIP pderá cnectar-se as referids serviçs através de uma adaptaçã de baix cust e impact para sistema. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 6 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

7 2.1. SUBMÓDULO DE OCORRÊNCIA DA POLICIA CIVIL (PC) O submódul de Ocrrência da PC fi desenvlvid para permitir a manutençã ds dads das crrências pliciais, registradas pels servidres da Plícia Civil em suas atividades diárias. O registr da Ocrrência pde ser realizad pel própri Delegad, bem cm pr um Escrivã u um Agente de Plícia. As Ocrrências registradas e cncluídas pdem ser aditadas. N item 2.3 estã descritas as funcinalidades dispnibilizadas através deste Submódul FUNCIONALIDADES As funcinalidades relacinadas a seguir pertencem a Submódul de Ocrrência da PC: Pré-Atendiment Incluir Registr de Pré-Atendiment da PC: permite a usuári incluir s registrs de um Pré-Atendiment da PC. Detalhar Registr de Pré-Atendiment da PC: permite que usuári cnsulte um registr de Pré-Atendiment da PC. Excluir Registr de Pré-Atendiment da PC: permite que usuári exclua um registr de Pré-Atendiment da PC. Registr de Ocrrência da PC Aprveitar dads de utrs registrs: permite a usuári durante a inclusã d registr de Ocrrência, aprveitar dads já cadastrads pela Própria Plicia Civil, facilitand desta frma cadastrament. Incluir um Registr de Ocrrência da PC na Delegacia: permite a usuári incluir s registrs de Ocrrência da PC, de fat delitus, nã delitus e de perda u extravi. Incluir um Registr de Ocrrência da PC através da Internet: permite que cidadã, através da internet, cadastre uma crrência plicial d tip Furt de Veícul, Dcuments e Objets, Perda e Extravi de Dcuments e Objets, Desapareciment e Encntr de Pessa, e agente e delegad respnsáveis ficialize e cnclua a crrência. Salvar Rascunh de um Registr de Ocrrência da PC: permite a usuári incluir parte das infrmações de uma Ocrrência da PC de fat delitus, nã delitus e de perda u extravi para finalizá-la psterirmente. Alterar Registr de Ocrrência da PC: através da funcinalidade de Alteraçã, é pssível alterar um registr incluíd cm rascunh, u efetivar a alteraçã de pessas e bjets envlvids em uma crrência da PC. Detalhar Registr de Ocrrência da PC: permite que usuári cnsulte um registr de Ocrrência da PC, de acrd cm as suas permissões de acess. Excluir Registr de Ocrrência da PC: permite que usuári exclua um registr de Ocrrência da PC que tenha sid salv cm Rascunh. Aditar Registr de Ocrrência da PC: permite a geraçã de uma nva versã de um registr de crrência que já fi cncluíd. Validar Registr de Ocrrência da PC: permite que Delegad respnsável pela unidade, valide registr incluíd pr um Agente de plícia u Escrivã. Cnverter Registr de Ocrrência da PC: permite que usuári pssa cnverter crrências smente nas situações rascunh e pendente de validaçã. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 7 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

8 Transferir Registr de Ocrrência da PC: permite que delegad respnsável pela crrência pssa realizar a sua transferência de unidade smente nas situações de cncluída e aditada. Relacinar Registr de Ocrrência da PC: permite que delegad respnsável pela crrência pssa relacinar duas u mais crrências smente nas situações cncluída e aditada SITUAÇÕES DA OCORRÊNCIA O Registr de Ocrrência da PC, desde prcess de inclusã até seu aditament, pde assumir as seguintes situações (status): Rascunh O Registr de Ocrrência assume a situaçã Rascunh depis que usuári utiliza da funcinalidade de Salvar Rascunh. Pendente A Ocrrência assume a situaçã de Pendente de Validaçã quand usuári que esta registrand a crrência cnclui registr, mas nã é Delegad da unidade, respnsável pela crrência. Cncluíd - O Registr de Ocrrência assume a situaçã de Cncluíd quand usuári da unidade que esta registrand a crrência é respnsável pela crrência e cnclui registr, u quand se cnclui prcess de validaçã. Aditad - O Registr de Ocrrência assume a situaçã de Aditad quand Delegad da unidade realiza uma alteraçã em um registr já cncluíd FLUXO DO PROCESSO DE REGISTRO E VALIDAÇÃO DAS OCORRÊNCIAS DA PC O prcess de registr de crrência da Plícia Civil pde ser iniciad de duas maneiras, numa Delegacia da Plicia Civil: através d registr de um pré-atendiment, u através d registr diret da crrência de fat delitus, nã delitus e de perda u extravi. Quand iniciad a partir d cadastrament de um registr de pré-atendiment numa Delegacia da Plicia Civil, um funcinári designad cm atendente na Delegacia, realiza primeir atendiment a Cidadã, registrand s seus dads, a sua necessidade e encaminhament que lhe será prestad, dentr u fra da Delegacia. Se cidadã fr encaminhad para registrar uma crrência na própria Delegacia, sistema gera uma pendência para a geraçã de um registr de crrência na lista de atividades ds Agentes de Plícia, Escrivões u Delegads, apts a realizarem esta funçã. O primeir que aceitar esta atividade será respnsável pela sua realizaçã e sistema irá excluir autmaticamente a pendência de realizá-la ds demais usuáris. Cas cidadã nã tenha sid encaminhad para registrar uma crrência, sistema irá cncluir prcess. O registr de crrência iniciad a partir de uma pendência na lista de atividades gerada pel préatendiment irá recuperar tdas as infrmações já registradas neste pré-atendiment. Após a cnclusã d cadastrament de um registr de crrência da PC sistema verifica se a crrência deverá ser validada pel Delegad da unidade, a partir d tip de crrência registrada (fat delitus u nã delitus) e d perfil d usuári que executu este cadastrament. Cas tenha sid realizad pr um Delegad prcess é finalizad e registr de crrência fica cm a situaçã de Cncluíd. Cas tenha sid cadastrad pr um Escrivã u pr um Agente, e tip de crrência seja delitusa, u nã delitusa que requeira a validaçã, registr da crrência fica cm a situaçã de Pendente de Validaçã, e sistema gera uma pendência de Validar Ocrrência PC na lista de pendência de tds s Delegads da unidade em questã. O primeir que aceitar esta atividade será respnsável pela sua realizaçã e sistema irá excluir autmaticamente a pendência de realizá-la para s demais Delegads. O Delegad que aceitar a atividade de Validar a Ocrrência PC nã pderá recusá-la psterirmente. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 8 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

9 Durante a atividade de validaçã Delegad valida registr de crrência, pdend realizar alterações em td seu cnteúd. Após cncluir a validaçã, prcess é finalizad e registr de crrência fica cm a situaçã de Cncluíd NUMERAÇÃO DO PRÉ-ATENDIMENTO E DA OCORRÊNCIA DA PC Um registr de Pré-Atendiment e um Registr de Ocrrência da PC terã seus númers após uma açã de salvar rascunh u cnclusã d seu cadastrament. A Cmpsiçã d númer d registr de Pré-Atendiment e de Ocrrência esta definida da seguinte frma = UUUUUUUUUUUUUUU-TT-AA-SSSSS nde: "U" sigla que identifica a unidade de lcal de trabalh d PC Respnsável pel Registr d Pré-Atendiment e da Ocrrência, "T" tip d dcument (Pré-Atendiment - PA u Bletim de Ocrrência - BO), "A" an de registr da crrência n sistema, "S" seqüencial numéric pr unidade e pr an, cmpletad cm zers à esquerda. Exempl de N de Ocrrência da PC: 1aCP-BO I I I I Nº seqüencial de 5 dígits I I An de Registr da Ocrrência I Tip de Dcument (Bletim de Ocrrência = BO e Pré-Atendiment = PA) Unidade d PC Respnsável Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 9 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

10 3. FORMA DE OPERAÇÃO - OCORRÊNCIA PC 3.1. MANUTENÇÃO DO PRÉ-ATENDIMENTO (PA) Página Inicial de Busca de Pré-Atendiments Descriçã: A partir da tela de Buscar Pré-Atendiments, através ds btões de cmand INCLUIR e DETALHAR, é pssível incluir (cadastrar) um nv registr de Pré-Atendiment, bem cm detalhar esse Pré- Atendiment, cnfrme descrits a seguir Incluind um Pré-Atendiment Descriçã: Através da funcinalidade de Incluir, é pssível realizar cadastrament de um registr de Pré- Atendiment da PC cm infrmações específicas da pessa cmunicante e seu endereç e dads d pré-atendiment. Frma de Acess: O acess a tela de Inclusã de um registr de Pré-Atendiment PC se da através d Menu d sistema. O usuári deve clicar na pçã Operaçã / Ocrrência PC / Pré-Atendiment. Será apresentada a tela de Buscar Pré-Atendiments, e nesta clicar n btã INCLUIR. Passs: 1 Após Clicar n Btã INCLUIR será apresentada a tela de Incluir Pré-Atendiment cm s camps Data/Hra d Registr, Servidr e Unidade já preenchids e s demais camps em md de ediçã. 2 A tela de Inclusã pssui um cnjunt de camps referentes à pessa cmunicante, endereç e pré-atendiment. Para registrar s dads de um Pré-Atendiment tds s camps brigatóris devem ser preenchids. 3- Preencher s camps abaix. Pessa Cmunicante: RG / Órgã Expedidr infrme númer que cnsta n dcument RG e selecine órgã expedidr crrespndente u efetue a busca da pessa cmunicante, através d Cadastr Central de Pessas utilizand ícne Lupa ; O RG da pessa cmunicante incluíd através da busca n Cadastr Central de Pessas utilizand ícne Lupa, nã pderá ser alterad. Nesse cas camp referente a RG/Órgã Expedidr estará desabilitad; Cas a pessa selecinada n Cadastr Central de Pessas nã seja a desejada, clicar n ícne Brracha para apagar. Data de Nasciment infrme a data de nasciment d cmunicante, utilizand calendári; * Nme Cmplet infrme nme cmplet d cmunicante; * Sex selecine sex d cmunicante; Nme da Mãe infrme nme cmplet da mãe d cmunicante; Nacinalidade selecine a nacinalidade d cmunicante; Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 10 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

11 Endereç: Nme d Pai infrme nme cmplet d pai d cmunicante, pcinal; Estad Civil selecine estad civil d cmunicante; * Tip selecine qual tip d endereç d cmunicante; Lgradur selecine, através da Lupa, qual tip e nme d lgradur d cmunicante; Númer / Cmplement infrme qual númer e cmplement d endereç d cmunicante; Bairr - selecine, através da Lupa, qual bairr que crrespnde a endereç d cmunicante; * Municípi - selecine, através da Lupa, qual municípi que crrespnde a endereç d cmunicante; CEP infrme CEP que crrespnde a endereç d cmunicante u btenha- através da Lupa; * UF padrã BA; * País padrã Brasil; Permitir a digitaçã manual d endereç selecine check bx (quadrad que fica a lad esquerd d camp), se endereç d cmunicante fr infrmad manualmente. Nesse cas s camps Tip de Lgradur e Municípi ficam habilitads; Pnt Referência infrme um pnt de referência para endereç; Pré-Atendiment: * Tip de Atendiment selecine qual tip de atendiment; * Descriçã infrme a descriçã d pré-atendiment; * Encaminhament selecine qual será encaminhament dad a pré-atendiment. Se encaminhament fr para REGISTRO DE OCORRÊNCIA Pré-Atendiment pde ser aprveitad para um registr de Ocrrência de Fat Delitus, Nã Delitus u Perda/Extravi, cnfrme item Após preenchiment ds camps brigatóris, clicar n btã CONCLUIR e sistema exibe a mensagem de cnfirmaçã da peraçã, u n btã DESISTIR cas queira desistir de cadastrar Pré-Atendiment. 5- Cas deseje incluir utr Pré-Atendiment, clicar n btã INCLUIR NOVO u clicar n btã VOLTAR para vltar à Tela de Buscar Pré-Atendiments Aprveitand um Pré-Atendiment Descriçã: Essa funcinalidade permite que usuári aprveite s dads de um pré-atendiment para registrar uma crrência da PC de fat delitus, nã delitus e de perda u extravi. Os registrs d pré-atendiment dispníveis para aprveitament cnstam na Lista de Atividades d Escrivã, Agente de Plicia e d Delegad da unidade e só pdem ser aprveitads em uma única Ocrrência. Frma de Acess: O acess a tela de Incluir uma Ocrrência da PC para Fat Delitus, Nã Delitus e Perda u Extravi, decrrente d aprveitament de um pré-atendiment, se da através da tela Buscar Atividades / Lista de Atividades Página Inicial d sistema. Será apresentada a tela cm a Lista de Atividades, e nesta, selecinar registr para aprveitament. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 11 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

12 Btões da Tela Lista de Atividades: Executar Atividade realiza acess à tela assciada à atividade para aprveitament. Detalhar realiza acess à tela de detalhament da atividade. A partir desta tela também se pde executar a atividade u aceitar a atividade para depis aprveitar. Passs: Aprveitand um Pré-Atendiment através d btã EXECUTAR ATIVIDADE: 1 Na tela Buscar Atividades / Lista de Atividades selecine qual registr d pré-atendiment que se deseja aprveitar n registr de crrência. 2 Clicar n btã EXECUTAR ATIVIDADE e sistema dispnibilizará a tela Detalhar Pré- Atendiment. 3 - Na tela de Detalhar Pré-Atendiment aparecem s btões APROVEITAR, CANCELAR e DESISTIR habilitads para que usuári pssa prceder aprveitament u cancelament de um préatendiment u cas necessite, u vltar à tela anterir. 4 Após clicar n btã APROVEITAR, sistema dispnibilizará a tela Incluir Ocrrência PC cm as infrmações d Pré-Atendiment, send que elas pdem ser alteradas, excet cnteúd d camp Tip d Fat que aparece desabilitad na aba históric d fat. Os dads d Pré-Atendiment serã apresentads nas abas abaix: a) Aba Históric d Fat - tip d atendiment cnvertid para tip d fat (delitus/ nã delitus / perda u extravi) e a descriçã d atendiment infrmada n camp Descriçã d Fat ; b) Aba Pessas Envlvidas - dads da pessa cm tip de envlviment igual à cmunicante. 5 A partir desta tela usuári cntinuará a inclusã da crrência, cnfrme item (Fat Delitus) u item (Fat nã Delitus) u item (Perda u Extravi); 5.1 cas usuári desista de efetuar a inclusã da crrência aprveitand as infrmações d pré-atendiment, sistema retrna à tela anterir e registr d pré-atendiment é excluíd da lista de atividades. 6 A clicar n btã CANCELAR sistema cancela pré-atendiment e exclui registr da lista de atividades d usuári. Aprveitand um Pré-Atendiment através d btã DETALHAR: 7 Selecinar uma atividade para aprveitar Pré-Atendiment e clicar n btã DETALHAR. Será dispnibilizada a tela de Detalhar Atividade. 8 Nesta tela cnstam as infrmações da atividade e d prcess. A partir desta tela usuári pde Executar a Atividade (ver item 2) u Aceitar a atividade para si. 9- Cas usuári queira reservar essa atividade para si, clicar n btã ACEITAR. 10 Após clicar n btã ACEITAR sistema reserva a atividade para psterir aprveitament pel usuári que aceitu e retrna à Tela de Atividade cm a atividade na situaçã EM ANDAMENTO Detalhand um Pré-Atendiment Descriçã: Esta funcinalidade permite que usuári cnsulte um registr de Pré-Atendiment. Frma de Acess: Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 12 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

13 O acess a tela de Detalhe de um Registr de Pré-Atendiment se da através d Menu d sistema. O usuári deve clicar na pçã Operaçã / Ocrrência PC / Pré-Atendiment. Será apresentada a tela de Buscar Pré-Atendiments, e nesta, efetuar a busca d Pré-Atendiment que se deseja detalhar. Passs: 1 Na tela de busca infrme s critéris de busca desejads (ver item Realizand a Busca de Pré-Atendiment). 2 N resultad da busca, selecine Pré-Atendiment e clique n btã DETALHAR u clique n Númer d Pré-Atendiment (link) que se deseja detalhar. 3 Será dispnibilizada a tela Detalhar Pré-Atendiment, cm s dads d Pré-Atendiment que fi selecinad. 4 - Na tela de Detalhar Pré-Atendiment tds s camps estarã desabilitads cm as infrmações d Pré-Atendiment. Nesta tela aparecem s btões EXCLUIR e VOLTAR habilitads para que usuári pssa prceder à exclusã d Pré-Atendiment, cas necessite, u pssa vltar à tela anterir Excluind um Pré-Atendiment Descriçã: Esta funcinalidade permite que usuári exclua um registr de Pré-Atendiment. Frma de Acess: Acessar a tela Detalhar Pré-Atendiment, cnfrme item Passs: 1 - Após clicar n btã EXCLUIR será apresentada a tela Excluir Pré-Atendiment cm s dads d Pré-Atendiment. 2 Através desta tela, usuári verifica Pré-Atendiment e em seguida clica n Btã CONFIRMAR u DESISTIR. 3 Para efetivar a exclusã d Pré-Atendiment, clicar n btã CONFIRMAR e será apresentada a tela de cnfirmaçã de exclusã, cnfrme segue u clicar n btã DESISTIR cas desista da exclusã Os registrs de Pré-Atendiment aprveitads num Registr de Ocrrência nã pderã ser excluíds. 4- Clicar n btã VOLTAR para vltar à Tela de Buscar Pré-Atendiments MANUTENÇÃO DA OCORRÊNCIA PC BOLETIM DE OCORRÊNCIA (BO) Página Inicial de Busca da Ocrrência PC Descriçã: Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 13 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

14 A tela de busca é utilizada para pesquisar uma crrência da Plicia Civil previamente registrada n sistema. O detalhament e s critéris estabelecids para realizar a busca, estã descrits n item Realizand a busca de crrências da PC. Através ds btões de cmand e d cmb de Mais Ações desta tela se tem acess as seguintes funcinalidades: Btões -> Incluir Fat Delitus, Incluir Fat nã Delitus, Incluir Perda/Extravi, Alterar, Detalhar Cmb Mais Ações -> Aditar, Cnsultar Históric, Imprimir Certidã, Relacinar e Transferir Incluind uma Ocrrência de Fat Delitus Descriçã: Através da funcinalidade de Incluir Fat Delitus, é pssível realizar Registr de um Fat Delitus cm infrmações específicas das pessas envlvidas que pdem ser físicas, jurídicas u utras pessas, ds bjets envlvids, d históric d fat, d lcal d fat e ds tips de infrações penais. Frma de Acess: O acess a tela de Inclusã de um Fat Delitus se da através d Menu d sistema. O usuári deve clicar na pçã Operaçã/Ocrrência PC/Ocrrência PC. Será apresentada a tela de Buscar Ocrrências PC, e nesta clicar n btã INCLUIR FATO DELITUOSO. Passs: 1 Após Clicar n Btã INCLUIR FATO DELITUOSO será apresentada a tela de Incluir Ocrrência PC Fat Delitus. 2 A tela de Inclusã pssui cinc Abas: Históric d Fat, Pessas Envlvidas, Objets Envlvids, Lcal d Fat e Infraçã Penal. Para registrar um Fat Delitus tdas as infrmações brigatórias cntidas nestas abas devem ser preenchidas, excet a aba de bjets envlvids que só deve ser preenchida se existir algum bjet envlvid. Para iniciar a inclusã ds dads, servidr deve cmeçar preenchend s camps brigatóris da aba Históric d Fat. Após preenchiment desses camps pde-se cntinuar a inclusã pr qualquer uma das abas, cm exceçã da aba de Infraçã Penal que só pde ser preenchida quand as pessas envlvidas já estiverem incluídas Aba Históric d Fat Na aba Históric d Fat servidr deve registrar s dads relacinads a fat delitus. Passs: 1. Clicar na aba Históric d Fat. 2 - Preencher s camps abaix. Dads da Ocrrência: Tip d Fat vem preenchid cm Delitus e nã pde ser alterad. Especialidade selecine a especialidade referente a fat que está send registrad. Sigilsa a selecinar esta pçã, a crrência será tratada cm sigilsa e smente pderá ser cnsultada pr Delegads da Plícia Civil. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 14 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

15 Origem: * Origem selecine a rigem da infrmaçã d fat apresentad na crrência. A depender da rigem selecinada, será necessári preenchiment de nvs camps, cnfrme a seguir: a) Cas a rigem da Ocrrência seja Denúncia, também serã apresentads s camps a seguir: * Data/Hra de Recebiment infrme a data e a hra em que a denúncia fi recebida na Delegacia. Nº da Denúncia infrme númer da denúncia recebida, cas venha d SI, u de algum utr sistema que pssua registr de denúncia numerada. Órgã Origem selecine a sigla d órgã de rigem da denúncia. Nme Órgã Origem infrme a descriçã d órgã de rigem da denúncia. Dads d Fat: Event: b) Cas a rigem da Ocrrência seja Requeriment, Requisiçã u Representaçã, também serã apresentadas s camps a seguir: * Data/Hra de Recebiment infrme a data e a hra em que Requeriment, Requisiçã u Representaçã fi recebida na Delegacia. Data d Dcument infrme a data de realizaçã d Requeriment, Requisiçã u Representaçã * Órgã Origem - selecine a sigla d órgã de rigem d Requeriment, Requisiçã u Representaçã. Nme Órgã Origem - infrme a descriçã d órgã de rigem d Requeriment, Requisiçã u Representaçã. Nme Autridade Remetente infrme nme da autridade que remeteu Requeriment, Requisiçã u Representaçã Encaminhament - infrme encaminhament que Delegad deu a Requeriment, Requisiçã u Representaçã * Data/Hra infrme à data e hra em que fat acnteceu. Utilizar calendári para preenchiment da data. * Descriçã: descreva cm acnteceu fat. Event - infrme a sigla d event e sistema fará uma busca autmática a base de events pliciais para verificar se este event existe u pesquise através da Lupa (ver item Realizand a Busca de Event Plicial). Descriçã - descriçã d event é preenchida autmaticamente a partir da infrmaçã d event. Períd data inicial e final d event, preenchidas autmaticamente a partir da infrmaçã d event. Municípi - municípi que crreu event é preenchid autmaticamente a partir da infrmaçã d event. Mdus Operandi infrme (s) Mdus Operandi referente(s) a fat delitus Btões d camp Mdus Operandi Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 15 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

16 Incluir - realiza acess à Tela Buscar Mdus Operandi (ver capítul Realizand a Busca d Mdus Operandi), para busca e seleçã de um Mdus Operandi. Excluir exclui registr selecinad. 3- Após preencher s camps descrits, clicar n btã CONCLUIR para finalizar a inclusã d registr de Ocrrência u selecinar utra aba para cntinuar preenchiment das infrmações Cas seja clicad btã CONCLUIR, sistema fará uma crítica se tds s camps estã preenchids crretamente e se s camps brigatóris fram infrmads Aba Pessas Envlvidas Na aba Pessas Envlvidas servidr deve registrar, envlviment das pessas n fat delitus, bem cm sua inclusã n Cadastr Central de Pessa. Passs: 1 Clicar na aba Pessas Envlvidas. Tabela Pessa(s): Pessa - descriçã da pessa (nme, dcument, alcunha, etc). Preenchid autmaticamente após a inclusã d envlviment da pessa Tip de Envlviment - tip de envlviment da pessa cm fat delitus (vítima, testemunha, autr, etc). Preenchid autmaticamente após a inclusã d envlviment da pessa Btões secundáris da Tela Pessa / Tip de Envlviment: Incluir - realiza acess à Tela Incluir Envlviment da Pessa para inclusã de um nv registr. Alterar - realiza acess à Tela de Alterar Envlviment da Pessa, permitind a sua alteraçã. Excluir - realiza a exclusã d envlviment da pessa. Detalhar - realiza acess a tela Detalhar Envlviment da Pessa, permitind a sua cnsulta. 2 Clicar n btã Incluir d camp Pessa(s) Física(s) se envlvid fr uma pessa física. O sistema apresenta a tela Incluir Envlviment da Pessa Física para registrar envlviment da pessa física cm fat delitus. 3 - Nesta tela servidr deve registrar envlviment da pessa física, bem cm ter acess a cadastr central de pessas para buscar uma pessa já existente u incluir. Preencher s camps abaix. Dads da Pessa: Dads d Envlviment: * Pessa pesquise através da Lupa a pessa que deseja incluir n envlviment (ver item Realizand a busca de Pessas Físicas e item Incluind uma Pessa Física). A selecinar uma pessa já existente na base u após incluir uma pessa, este camp será autmaticamente preenchid cm as infrmações existentes da pessa. * Faixa Etária cas a data de nasciment da pessa esteja infrmada n cadastr central, este camp será autmaticamente preenchid, cas cntrári, selecinar a faixa etária da pessa. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 16 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

17 Para TODOS s tips de envlviment, serã apresentads s camps a seguir: *Tip de Envlviment selecine tip de envlviment que a pessa pssui cm fat delitus, Plicial em Serviç / Turista infrme uma dessas pções, se a pessa fr um plicial em serviç u um turista. a) Cas tip de envlviment seja Vítima, também serã apresentads s camps a seguir: Vilência Dméstica selecine este camp, cas a pessa tenha sid vítima de vilência dméstica. Frma de Cmunicaçã as Pais u Respnsáveis descriçã da frma cm s Pais u respnsáveis da pessa envlvida fram infrmads sbre crrid. Cndutr (para a Delegacia) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para a delegacia. Viatura (para a Delegacia) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid à delegacia. Demais cmpnentes da Guarniçã (para a Delegacia) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid à delegacia. Grau Lesã grau de lesã aparente d envlvid. Atendiment Médic indica se envlviment teve necessidade de atendiment médic u nã. Data/Hra de Saída para Atendiment data e hra em que a pessa saiu da delegacia para atendiment médic. Lcal Atendiment lcal nde a pessa fi cnduzida para receber atendiment médic. Cndutr (para atendiment médic) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para atendiment médic. Viatura (para atendiment médic) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid para atendiment médic. Demais Cmpnentes da Guarniçã (para atendiment médic) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid para atendiment médic. b) Cas tip de envlviment seja Autr, serã apresentads s camps a seguir: Prisã / Apreensã em Flagrante selecine este camp, cas tenha havid prisã em flagrante de mair u apreensã em flagrante de menr. Autria Descnhecida selecine esta pçã, cas a autria d crime seja descnhecida. Quand este camp é selecinad, tds s camps desta tela ficam desabilitads. Frma de Cmunicaçã as Pais u Respnsáveis descriçã da frma cm s Pais u respnsáveis da pessa envlvida fram infrmads sbre crrid. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 17 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

18 Cndutr (para a Delegacia) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para a delegacia. Viatura (para a Delegacia) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid à delegacia. Demais cmpnentes da Guarniçã (para a Delegacia) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid à delegacia. Grau Lesã grau de lesã aparente d envlvid. Atendiment Médic indica se envlviment teve necessidade de atendiment médic u nã. Data/Hra de Saída para Atendiment data e hra em que a pessa saiu da delegacia para atendiment médic. Lcal Atendiment lcal nde a pessa fi cnduzida para receber atendiment médic. Cndutr (para atendiment médic) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para atendiment médic. Viatura (para atendiment médic) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid para atendiment médic. Demais Cmpnentes da Guarniçã (para atendiment médic) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid para atendiment médic. c) Cas tip de envlviment seja Suspeit u Cnduzid/Apresentad, serã apresentads s camps a seguir: Frma de Cmunicaçã as Pais u Respnsáveis descriçã da frma cm s Pais u respnsáveis da pessa envlvida fram infrmads sbre crrid. Cndutr (para a Delegacia) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para a delegacia. Viatura (para a Delegacia) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid à delegacia. Demais cmpnentes da Guarniçã (para a Delegacia) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid à delegacia. Grau Lesã grau de lesã aparente d envlvid. Atendiment Médic indica se envlviment teve necessidade de atendiment médic u nã. Data/Hra de Saída para Atendiment data e hra em que a pessa saiu da delegacia para atendiment médic. Lcal Atendiment lcal nde a pessa fi cnduzida para receber atendiment médic. Cndutr (para atendiment médic) selecine envlvid cm tip de envlviment Cndutr, que realizu a cnduçã da pessa em referência para atendiment médic. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 18 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

19 Viatura (para atendiment médic) númer u descriçã da viatura que realizu a cnduçã d envlvid para atendiment médic. Demais Cmpnentes da Guarniçã (para atendiment médic) nme ds demais cmpnentes da guarniçã que fram respnsáveis pela cnduçã d envlvid para atendiment médic. d) Cas tip de envlviment seja Respnsável, será apresentad camp a seguir: Pessas Relacinadas selecine as pessas envlvidas na crrência cm vítima u autr que sã de respnsabilidade d envlvid que está send cadastrad cm Respnsável. Btões da Tela Envlviment da Pessa Física: Detalhar detalha as infrmações da pessa física que fi selecinada; Cnfirmar - realiza a inclusã d envlviment da pessa na crrência; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir. 4- Após cnfirmar envlviment através d btã CONFIRMAR sistema retrnará para a Aba de Pessas Envlvidas, cm a descriçã e tip de envlviment da Pessa Física apresentadas na tela. 5 Clicar n btã Incluir d camp Pessa(s) Jurídica(s) se envlvid fr uma pessa jurídica. O sistema apresenta a tela Incluir Envlviment da Pessa Jurídica para registrar envlviment da pessa jurídica cm fat delitus. 6 - Nesta tela servidr deve registrar envlviment da pessa jurídica e de seu representante legal, se huver, bem cm ter acess a cadastr central de pessas para buscar uma pessa já existente u incluir. Preencher s camps abaix. Dads da Pessa Jurídica: * Pessa Jurídica pesquise através da Lupa a pessa que deseja incluir n envlviment (ver item Realizand a busca de Pessas Jurídicas e item Incluind uma Pessa Jurídica). A selecinar uma pessa já existente na base u após incluir uma pessa, este camp será autmaticamente preenchid cm as infrmações existentes da pessa. Representante Legal Dads d Envlviment: Pessa pesquise através da Lupa a pessa que deseja incluir n envlviment cm representante legal (ver item Realizand a busca de Pessas Física e item Incluind uma Pessa Física). A selecinar uma pessa já existente na base u após incluir uma pessa, este camp será autmaticamente preenchid cm as infrmações existentes da pessa. Tip de Relacinament selecine tip de relacinament que representante legal tem cm a pessa jurídica infrmada. *Tip de Envlviment selecine tip de envlviment que a pessa jurídica pssui cm fat delitus. Btões da Tela Envlviment da Pessa Jurídica: Detalhar detalha as infrmações da pessa jurídica e d representante legal que fram selecinadas; Cnfirmar - realiza a inclusã d envlviment da pessa na crrência; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 19 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

20 7- Após cnfirmar envlviment através d btã CONFIRMAR sistema retrnará para a Aba de Pessas Envlvidas, cm a descriçã e tip de envlviment da Pessa Jurídica apresentadas na tela. 8 Clicar n btã Incluir d camp Outr(s) Envlvid(s) se envlvid nã fr uma pessa física u jurídica. O sistema apresenta a tela Incluir Envlviment de Outrs Envlvids para registrar envlviment de utrs envlvids cm fat delitus. 9 - Nesta tela servidr deve registrar envlviment de utrs envlvids. Preencher s camps abaix. * Envlvid selecinar qual envlvid n fat delitus; * Tip de Envlviment selecinar qual tip de envlviment que envlvid tem cm fat delitus. Btões da Tela Outrs Envlviments: Cnfirmar - realiza a inclusã d envlvid na crrência; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir Após cnfirmar envlviment através d btã CONFIRMAR sistema retrnará para a Aba de Pessas Envlvidas, cm a descriçã tip de envlviment de Outrs Envlvids apresentadas na tela. 11- Após preencher s camps descrits, clicar n btã CONCLUIR para finalizar a inclusã da Ocrrência u selecinar utra aba para cntinuar preenchiment das infrmações Cas seja clicad btã CONCLUIR, sistema fará uma crítica se tds s camps estã preenchids crretamente e se s camps brigatóris fram infrmads Aba Objets Envlvids Na aba de Objets Envlvids d fat delitus servidr deve registrar envlviment ds bjets cm fat delitus, bem cm sua inclusã n Cadastr Central de Objet. Passs: 1 Clicar na aba Objets Envlvidas. Objets: Descriçã - descriçã d bjet (tip, descriçã, mdel, etc). Este camp é preenchid autmaticamente. Tip de Envlviment - tip de envlviment d bjet cm fat delitus (rubad, extraviad, etc). Este camp é preenchid autmaticamente. Btões Específics da Tela da Aba Objets Envlvids: Incluir - realiza acess à Tela Incluir Envlviment de Objet para inclusã de um nv registr de envlviment. Alterar - realiza acess à Tela de Alterar Envlviment de Objet, permitind a sua alteraçã. Excluir - realiza a exclusã d envlviment de Objet. Detalhar - realiza acess a tela Detalhar Envlviment de Objet, permitind a sua cnsulta. 2 Clicar n btã Incluir, sistema dispnibilizará a tela Incluir Envlviment de Objet para registr d envlviment d bjet cm fat delitus. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 20 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

21 3 - Nesta tela servidr deve registrar envlviment d bjet cm fat delitus, bem cm ter acess a cadastr central de bjets para buscar um bjet já existente u incluir. Preencher s camps abaix. Dads d Objet: * Objet pesquise através da Lupa bjet que deseja incluir n envlviment (ver item Realizand a Busca de Objets e item incluind um Objet). A selecinar um bjet já existente na base u após incluir um bjet, este camp será autmaticamente preenchid cm as infrmações existentes d bjet. * Tip de Envlviment selecine tip de envlviment que bjet pssui cm a cm à crrência. Apreendid Marque camp apreendid, cas bjet tenha sid apreendid. Arrecadad Marque camp arrecadad, cas bjet tenha sid arrecadad. Devlvid Marque camp devlvid, cas bjet tenha sid devlvid a uma pessa relacinada. Pessa relacinada cm bjet selecine dentre as pessas envlvidas na crrência uma que pssua relaçã cm bjet. Tip de relacinament selecine tip de relacinament da pessa cm bjet (prprietári, prtadr, etc.) Btões da Tela Incluir Envlviment de Objet: Cnfirmar - realiza a inclusã d envlviment d bjet na crrência; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir. 4- Após cnfirmar envlviment através d btã CONFIRMAR, sistema retrnará para a Aba de Objets envlvids, cm a descriçã e tip de envlviment d bjet apresentadas na tela. 5- Após preencher s camps descrits, clicar n btã CONCLUIR para finalizar a inclusã da Ocrrência u selecinar utra aba para cntinuar preenchiment das infrmações Cas seja clicad btã CONCLUIR, sistema fará uma crítica se tds s camps estã preenchids crretamente e se s camps brigatóris fram infrmads Aba Lcal d Fat Na aba Lcal d Fat servidr deve registrar s dads relacinads a endereç d lcal d acnteciment. Passs: 1 Clicar na aba Lcal d Fat. Endereç(s): Endereç - descriçã d endereç (lgradur, bairr, cmplement, municípi, CEP, UF e país). Este camp é preenchid autmaticamente. Principal infrma se este endereç é principal 1 d fat u nã. Este camp é preenchid autmaticamente. Btões Específics da Tela da Aba Lcal d Fat: Incluir - realiza acess à Tela Incluir Endereç para inclusã de um nv registr de endereç. 1 O endereç principal d fat é que será gereferenciad. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 21 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

22 Alterar - realiza acess à Tela de Alterar Endereç, permitind a sua alteraçã. Excluir - realiza a exclusã d endereç. Detalhar - realiza acess a tela Detalhar Endereç, permitind a sua cnsulta. 2 Clicar n btã Incluir, sistema dispnibilizará a tela Incluir Endereç para registr d endereç d fat. 3 - Preencher s camps abaix. Endereç endereç d lcal d fat pde ser registrad de duas frmas: através da busca de lgradur u através da digitaçã manual d endereç. Tip d Lcal Lgradur pesquise através da Lupa lgradur desejad (ver item Realizand a Busca de Lgradur). Endereç Principal d Fat clicar n quadrad a lad d camp se este endereç é cnsiderad cm principal. Cas tenha mais de um endereç cadastrad e usuári nã infrmu qual principal, sistema slicita a infrmaçã exibind uma mensagem. Unidade de Circunscriçã selecinar qual a unidade de circunscriçã referente a endereç. Permitir a digitaçã manual d endereç selecine check bx (quadrad que fica a lad esquerd d camp), se (endereç) lcal d fat fr infrmad manualmente. Nesse cas s camps Tip de Lgradur e Municípi ficam habilitads. Tip selecine tip de lcal. Cmplement selecine cmplement referente a tip de lcal selecinad. Pnt Referência: infrme pnt de referência relativ a endereç d fat. Pnt Ntável - pesquise pnt ntável através da Lupa (ver item Realizand a Busca de Pnt Ntável). Essa infrmaçã é utilizada para gereferenciament; OBS: Cas pnt ntável selecinad esteja errad, u queira desistir desta infrmaçã, clicar n ícne Limpar Pnt Ntável a lad da lupa. Crdenadas Gegráficas: Latitude: infrme em frmat decimal um valr entre 90, a 90,00000 Lngitude: infrme em frmat decimal um valr entre 180, a 180,00000 Btões da Tela Incluir Endereç: Cnfirmar - realiza a inclusã d endereç referente a fat; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir. 4- Após cnfirmar a inclusã d endereç através d btã CONFIRMAR sistema retrnará para a Aba de Lcal d Fat, cm a descriçã d endereç e a infrmaçã se ele é principal u nã apresentadas na tela. 5- Após preencher s camps descrits, clicar n btã CONCLUIR para finalizar a inclusã da Ocrrência u selecinar utra aba para cntinuar preenchiment das infrmações Cas seja clicad btã CONCLUIR, sistema fará uma crítica se tds s camps estã preenchids crretamente e se s camps brigatóris fram infrmads. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 22 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

23 Aba Infraçã Penal Na aba Infraçã Penal servidr deve registrar s dads relacinads as tips de infraçã penal assciads a fat delitus. Passs: 1 Clicar na aba Infraçã Penal. Tip(s) de Infraçã(ões) Penal(ais): Natureza nme da natureza referente à infraçã penal. Este camp é preenchid autmaticamente. Legislaçã legislaçã (lei e artig) assciada à natureza da infraçã penal. Este camp é preenchid autmaticamente. Referência referência específica da legislaçã assciada a fat delitus que está send registrad. Este camp é preenchid autmaticamente. Btões Específics da Tela da Aba Infraçã Penal: Incluir - realiza acess à Tela Incluir Infraçã Penal para inclusã de um nv registr de infraçã referente a fat. Alterar - realiza acess à Tela de Alterar Infraçã Penal, permitind a sua alteraçã. Excluir - realiza a exclusã da Infraçã Penal. Detalhar - realiza acess a tela Detalhar Infraçã Penal, permitind a sua cnsulta. 2 Clicar n btã Incluir, sistema dispnibilizará a tela Incluir Infraçã Penal. 3 - Preencher s camps abaix. Tipificaçã Penal sã infrmads s dads referentes à tipificaçã penal d fat delitus, através d preenchiment ds camps a seguir: *Natureza / Legislaçã pesquise através da Lupa a Natureza/Legislaçã referente a fat delitus (ver item Realizand a Busca de Tipificaçã Penal). *Referência Parágraf/Incis/Alínea infrme a qual parágraf, incis e/u alínea da legislaçã se refere esta tipificaçã d fat delitus. Vítimas: selecine a(s) vitima(s) que estã relacinadas à tipificaçã penal em referência. É brigatóri selecinar pel mens uma vítima. Autres - selecine (s) autr(es) que estã relacinads à tipificaçã penal em referência. É brigatóri selecinar pel mens um autr. Btões da Tela Incluir Infraçã Penal: Cnfirmar - realiza a inclusã da infraçã penal referente a fat; Desistir Desiste da realizaçã da açã e retrna a tela anterir. 4- Após cnfirmar a inclusã d endereç através d btã CONFIRMAR sistema retrnará para a Aba de Infraçã Penal, cm a infrmaçã da natureza, legislaçã e referência apresentadas na tela. 5- Após preencher s camps descrits, clicar n btã CONCLUIR para finalizar a inclusã da Ocrrência u selecinar utra aba para cntinuar preenchiment das infrmações Cas seja clicad btã CONCLUIR, sistema fará uma crítica se tds s camps estã preenchids crretamente e se s camps brigatóris fram infrmads. Sistema de Gestã da Qualidade Help_Online_crrencia_PC.dc /10/2008 Página: 23 Dcument cnfidencial. Pribida sua reprduçã e transmissã de sua infrmaçã, sem permissã escrita da Cmpanhia. P72-ESPC / 01.00

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Data: 11/09/2008 Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade Referencia: Help_Online_Antecedentes_Criminais.dc

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO EVENTOS

MANUAL DO USUÁRIO EVENTOS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Data: 17-09-2008 Data: Aprvad: Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade Referencia: Help_Online_Events.dc

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO - DIVULGAÇÃO DE PESSOAS E OBJETOS

MANUAL DO USUÁRIO - DIVULGAÇÃO DE PESSOAS E OBJETOS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Referencia: Help_Online_Divulgaçã_Pessas_Objets.d c Versã: 01.00 Data: 27/08/2008 Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã

Leia mais

Agenda. A interface de Agendamento é encontrada no Modulo Salão de Vendas Agendamento Controle de Agendamento, e será apresentada conforme figura 01.

Agenda. A interface de Agendamento é encontrada no Modulo Salão de Vendas Agendamento Controle de Agendamento, e será apresentada conforme figura 01. Agenda Intrduçã Diariamente cada um ds trabalhadres de uma empresa executam diversas atividades, muitas vezes estas atividades tem praz para serem executadas e devem ser planejadas juntamente cm utras

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CRIMINALÍSTICA EXAME PERICIAL

MANUAL DO USUÁRIO CRIMINALÍSTICA EXAME PERICIAL SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Referencia: Help_Onlinel_criminalística_exame_pericial.dc Versã: 01.00 Data: 14/03/2008 Data: 10/02/2009 Data: A autenticaçã

Leia mais

Novo Sistema Almoxarifado

Novo Sistema Almoxarifado Nv Sistema Almxarifad Instruções Iniciais 1. Ícnes padrões Existem ícnes espalhads pr td sistema, cada um ferece uma açã. Dentre eles sã dis s mais imprtantes: Realiza uma pesquisa para preencher s camps

Leia mais

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS Manual d Usuári Elabrad pela W3 Autmaçã e Sistemas Infrmaçã de Prpriedade d Grup Jmóveis Este dcument, cm tdas as infrmações nele cntidas, é cnfidencial e de prpriedade d Grup Jmóveis,

Leia mais

Boletim Técnico. CAGED Portaria 1129/2014 MTE. Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização

Boletim Técnico. CAGED Portaria 1129/2014 MTE. Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização Bletim Técnic CAGED Prtaria 1129/2014 MTE Prdut : TOTVS 11 Flha de Pagament (MFP) Chamad : TPRQRW Data da criaçã : 26/08/2014 Data da revisã : 12/11/2014 País : Brasil Bancs de Dads : Prgress, Oracle e

Leia mais

Channel. Colaboradores. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9

Channel. Colaboradores. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9 Channel Clabradres Tutrial Atualizad cm a versã 3.9 Cpyright 2009 pr JExperts Tecnlgia Ltda. tds direits reservads. É pribida a reprduçã deste manual sem autrizaçã prévia e pr escrit da JExperts Tecnlgia

Leia mais

Inscrição do Candidato ao Processo de Credenciamento

Inscrição do Candidato ao Processo de Credenciamento Inscriçã d Candidat a Prcess de Credenciament O link de inscriçã permitirá que candidat registre suas infrmações para participar d Prcess de Credenciament, cnfrme Edital. Após tmar ciência de td cnteúd

Leia mais

Anexo 03 Recomendação nº 3: estatuto padrão, estatuto fundamental e contrato social

Anexo 03 Recomendação nº 3: estatuto padrão, estatuto fundamental e contrato social Anex 03 Recmendaçã nº 3: estatut padrã, estatut fundamental e cntrat scial 1. Resum 01 Atualmente, Estatut da Crpraçã da Internet para a atribuiçã de nmes e númers (ICANN) tem um mecanism únic para alterações.

Leia mais

MTur Sistema Artistas do Turismo. Manual do Usuário

MTur Sistema Artistas do Turismo. Manual do Usuário MTur Sistema Artistas d Turism Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 9 4.1. CADASTRAR REPRESENTANTE... 9 4.2. CADASTRAR

Leia mais

Manual de Configuração

Manual de Configuração Manual de Cnfiguraçã Pnt de Venda (PDV) Versã: 1.1 Índice 1 EASYASSIST PONTO DE VENDA (PDV)... 3 1.1 INSTALANDO O TERMINAL EASYASSIST PONTO DE VENDA (PDV)... 3 1.2 CAPTURANDO O NÚMERO DE SÉRIE E O GT DO

Leia mais

Versões Todos os módulos devem ser atualizados para as versões a partir de 03 de outubro de 2013.

Versões Todos os módulos devem ser atualizados para as versões a partir de 03 de outubro de 2013. Serviç de Acess as Móduls d Sistema HK (SAR e SCF) Desenvlvems uma nva ferramenta cm bjetiv de direcinar acess ds usuáris apenas as Móduls que devem ser de direit, levand em cnsideraçã departament de cada

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOGRAFIAS/IMAGENS

Leia mais

Anexo V. Software de Registro Eletrônico em Saúde. Implantação em 2 (duas) Unidades de Saúde

Anexo V. Software de Registro Eletrônico em Saúde. Implantação em 2 (duas) Unidades de Saúde Anex V Sftware de Registr Eletrônic em Saúde Implantaçã em 2 (duas) Unidades de Saúde Índice 1 INTRODUÇÃO... 3 2 ESTRATÉGIAS E PROCEDIMENTOS DE IMPLANTAÇÃO... 3 4 INFRAESTRUTURA NAS UNIDADES DE SAÚDE -

Leia mais

COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK

COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK Use as instruções de acrd cm a versã d seu Outlk (2010, 2007 u 2003) Para saber a versã de seu Outlk, clique n menu Ajuda > Sbre Micrsft Office

Leia mais

CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativo Centro de Saúde

CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativo Centro de Saúde Cnsulta a Temp e Hras CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativ Centr de Saúde 2013 ALERT Life Sciences Cmputing, S.A.. Tds s direits reservads. A ALERT Life Sciences Cmputing, S.A.

Leia mais

Manual de Procedimentos

Manual de Procedimentos Manual de Prcediments Prcediments para Submissã de Prjets de MDL à Cmissã Interministerial de Mudança Glbal d Clima Secretaria Executiva Cmissã Interministerial de Mudança Glbal d Clima Prcediments para

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOS DOS CONVÊNIOS...

Leia mais

Processo de envio de e-mail de marketing

Processo de envio de e-mail de marketing Prcess de envi de e-mail de marketing Intrduçã Visand um melhr gerenciament ns prcesss de marketing das empresas, fi desenvlvid uma nva funcinalidade para sistema TCar, que tem pr finalidade realizar envis

Leia mais

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA O prcess de cntrle de estque de gôndla fi desenvlvid cm uma prcess de auxili a cliente que deseja cntrlar a quantidade de cada item deve estar dispnível para venda

Leia mais

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão Manual de Operaçã WEB SisAmil - Gestã Credenciads Médics 1 Índice 1. Acess Gestã SisAmil...01 2. Autrizaçã a. Inclusã de Pedid...01 b. Alteraçã de Pedid...10 c. Cancelament de Pedid...11 d. Anexs d Pedid...12

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA Manual de Us (Para Detentres de Bens) Infrmações adicinais n Prtal da Crdenaçã de Patrimôni: www.cpa.unir.br 2013 Cnteúd O que papel Detentr de Bem pde fazer?... 2 Objetiv...

Leia mais

Guia Prático do Estágio. Seu Estágio em 5 Passos

Guia Prático do Estágio. Seu Estágio em 5 Passos Guia Prátic d Estági Seu Estági em 5 Passs O que é Estági? A atividade de estági é um fatr significativ na frmaçã d prfissinal, pr prprcinar a interaçã d alun cm a realidade da prfissã e a cmplementaçã

Leia mais

Manual do Licitante Pregão Eletrônico - SIAG ÍNDICE DE REVISÃO

Manual do Licitante Pregão Eletrônico - SIAG ÍNDICE DE REVISÃO ÍNDICE DE REVISÃO Data Versã Descriçã Páginas 2/75 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 5 2. ÁREA DO LICITANTE 5 3. ACESSANDO O SISTEMA 5 2.1 Pregões 6 2.1.1 Em Andament 6 Assistind Pregã 7 2.1.2 Futurs 10 2.1.3 Lançar

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Escrituração Contábil Digital ECD

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Escrituração Contábil Digital ECD Parecer Cnsultria Tributária Segments Escrituraçã Cntábil Digital ECD 23/12/2013 Parecer Cnsultria Tributária Segments Títul d dcument Sumári Sumári... 2 1. Questã... 3 2. Nrmas Apresentadas Pel Cliente...

Leia mais

Unidade 7: Sínteses de evidências para políticas

Unidade 7: Sínteses de evidências para políticas Unidade 7: Sínteses de evidências para plíticas Objetiv da Unidade Desenvlver um entendiment cmum d que é uma síntese de evidências para plíticas, que inclui e cm pde ser usada 3 O que é uma síntese de

Leia mais

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente Sistema de Cmercializaçã de Radifármacs - Manual d Cliente O IEN está dispnibilizand para s seus clientes um nv sistema para a slicitaçã ds radifármacs. Este nv sistema permitirá a cliente nã só fazer

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS Etapa 3 Cadastr d Prcess Seletiv O Presidente da CRM cadastra s dads d prcess n sistema. O prcess seletiv é a espinha drsal d sistema, vist que pr mei dele regem-se tdas as demais

Leia mais

FKcorreiosg2_cp1 - Complemento Transportadoras

FKcorreiosg2_cp1 - Complemento Transportadoras FKcrreisg2_cp1 - Cmplement Transprtadras Instalaçã d módul Faça dwnlad d arquiv FKcrreisg2_cp1.zip, salvand- em uma pasta em seu cmputadr. Entre na área administrativa de sua lja: Entre n menu Móduls/Móduls.

Leia mais

PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014

PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014 QUALIDADE RS PGQP PROGRAMA GAÚCHO DA QUALIDADE E PRODUTIVIDADE PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014 GUIA PARA CANDIDATURA SUMÁRIO 1. O PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP... 3 1.1 Benefícis... 3 2. PREMIAÇÃO... 3 2.1 Diretrizes

Leia mais

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000 ISO 9001:2008 alterações à versã de 2000 Já passaram quase it ans desde que a versã da ISO 9001 d an 2000 fi publicada, que cnduziu à necessidade de uma grande mudança para muitas rganizações, incluind

Leia mais

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso Universidade Federal d Ceará Campus de Sbral Curs de Engenharia da Cmputaçã Regulament para realizaçã d Trabalh de Cnclusã de Curs Intrduçã Este dcument estabelece as regras básicas para funcinament das

Leia mais

MANUAL DOS GESTORES DAA

MANUAL DOS GESTORES DAA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - NTI MANUAL DOS GESTORES DAA MÓDULOS: M atrícula e P rgramas e C DP [Digite resum d dcument aqui. Em geral, um resum é um apanhad

Leia mais

Operação Metalose orientações básicas à população

Operação Metalose orientações básicas à população Operaçã Metalse rientações básicas à ppulaçã 1. Quem é respnsável pel reclhiment de prduts adulterads? As empresas fabricantes e distribuidras. O Sistema Nacinal de Vigilância Sanitária (Anvisa e Vigilâncias

Leia mais

www.datapar.com.br Descrição Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários do setor de Patrimônios nos cadastros e movimentação.

www.datapar.com.br Descrição Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários do setor de Patrimônios nos cadastros e movimentação. Página 1 de 8 Descriçã Este manual tem cm principal finalidade, ajudar s usuáris d setr de Patrimônis ns cadastrs e mvimentaçã. Relaçã ds Tópics a serem vists neste manual - Cadastr Departaments Itens

Leia mais

Copyright 1999-2006 GrupoPIE Portugal, S.A. Manual Utilizador

Copyright 1999-2006 GrupoPIE Portugal, S.A. Manual Utilizador Reprts Relatóris à sua Medida Reprts Cpyright 1999-2006 GrupPIE Prtugal, S.A. Reprts 1. WinREST Reprts...5 1.1. Licença...6 1.2. Linguagem...7 1.3. Lgin...7 1.4. Página Web...8 2. Empresas...9 2.1. Cm

Leia mais

RECOMENDAÇÕES GERAIS PARA AQUISIÇÃO DE IMAGENS RADIOLÓGICAS PARA CRIAÇÃO DE RÉPLICAS FETAIS ATRAVÉS DE IMPRESSÃO 3D

RECOMENDAÇÕES GERAIS PARA AQUISIÇÃO DE IMAGENS RADIOLÓGICAS PARA CRIAÇÃO DE RÉPLICAS FETAIS ATRAVÉS DE IMPRESSÃO 3D RECOMENDAÇÕES GERAIS PARA AQUISIÇÃO DE IMAGENS RADIOLÓGICAS PARA CRIAÇÃO DE RÉPLICAS FETAIS ATRAVÉS DE IMPRESSÃO 3D ULTRASSONOGRAFIA OBSTÉTRICA RESSONÂNCIA MAGNÉTICA FETAL ANEXO 1 TUTORIAL PARA EXPORTAÇÃO

Leia mais

1 Criando uma conta no EndNote

1 Criando uma conta no EndNote O EndNte Basic (anterirmente cnhecid pr EndNte Web), é um sftware gerenciadr de referências desenvlvid pela Editra Thmsn Reuters. Permite rganizar referências bibligráficas para citaçã em artigs, mngrafias,

Leia mais

SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR

SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR Índice Intrduçã... 3 Aspect Gráfic... 4 Regist na aplicaçã... 5 Recuperaçã de Códigs de Acess... 6 Área Reservada... 8 Entrar na Área Reservada... 8 Editar Perfil... 9

Leia mais

OBJECTIVO. Ligação segura às redes públicas de telecomunicações, sob o ponto de vista dos clientes e dos operadores;

OBJECTIVO. Ligação segura às redes públicas de telecomunicações, sob o ponto de vista dos clientes e dos operadores; Prcediments de Avaliaçã das ITED ANACOM, 1ª ediçã Julh 2004 OBJECTIVO De acrd cm dispst n nº 1, d artº 22º, d Decret Lei nº 59/2000, de 19 de Abril (adiante designad cm DL59), a cnfrmidade da instalaçã

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas Guia d Prcess de Sftware d MAPA Metdlgia de Desenvlviment de Sistemas Versã 1.0 Dcument cnfidencial e prprietári Versã d mdel: 1.1 Históric das Revisões Data Versã Descriçã Autr 24/03/2008 1.0 Iníci da

Leia mais

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco Orientações e Recmendações Orientações relativas à infrmaçã periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de ntaçã de risc 23/06/15 ESMA/2015/609 Índice 1 Âmbit de aplicaçã... 3 2 Definições... 3 3 Objetiv

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE. Técnicos de Instalação e Manutenção de Edifícios e Sistemas. (TIMs)

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE. Técnicos de Instalação e Manutenção de Edifícios e Sistemas. (TIMs) MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE Técnics de Instalaçã e Manutençã de Edifícis e Sistemas (TIMs) NO SISTEMA INFORMÁTICO DO SISTEMA NACIONAL DE CERTIFICAÇÃO ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS (SCE) 17/07/2014

Leia mais

PM 3.5 Versão 2 PdC Versão 1

PM 3.5 Versão 2 PdC Versão 1 Prcediment de Cmercializaçã Cntrle de Alterações SAZONALIZAÇÃO DE CONTRATO INICIAL E DE ENERGIA ASSEGURADA PM 3.5 Versã 2 PdC Versã 1 Alterad Layut d dcument. Alterad term de Prcediment de Mercad para

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR 1. Históric da Jrnada AGIR Ns ambientes crprativs atuais, a adçã de um mdel de gestã integrada é uma decisã estratégica n api às tmadas

Leia mais

Versão 1.1.1.3. Descrição do produto, 2009. www.graycell.pt

Versão 1.1.1.3. Descrição do produto, 2009. www.graycell.pt Versã 1.1.1.3 Descriçã d prdut, 2009 www.graycell.pt 1 ENQUADRAMENTO A platafrma ask-it! é uma aplicaçã web-based que permite criar inquérits dinâmics e efectuar a sua dispnibilizaçã n-line. A facilidade

Leia mais

Tutorial Sistema Porto Sem Papel

Tutorial Sistema Porto Sem Papel Tutrial Sistema Prt Sem Papel 8 ESTADIA CONVENCIONAL: A estadia cnvencinal é aquela em que a embarcaçã deseja executar uma peraçã de carga, descarga, carga/descarga, embarque/desembarque de passageirs

Leia mais

Relatório de Gerenciamento de Riscos

Relatório de Gerenciamento de Riscos Relatóri de Gerenciament de Riscs 2º Semestre de 2014 1 Sumári 1. Intrduçã... 3 2. Gerenciament de Riscs... 3 3. Risc de Crédit... 4 3.1. Definiçã... 4 3.2. Gerenciament... 4 3.3. Limites de expsiçã à

Leia mais

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas,

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas, Vsft ids Pnt Web Cntrle de acess e pnt A Vsft desenvlveu uma sluçã baseada em sftware e hardware para cntrle de acess e u pnt que pde ser utilizada pr empresas de qualquer prte. Cm us da tecnlgia bimétrica

Leia mais

Processo TCar Balanço Móbile

Processo TCar Balanço Móbile Prcess TCar Balanç Móbile Tecinc Infrmática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centr Cascavel PR 1 Sumári Intrduçã... 3 Funcinalidade... 3 1 Exprtaçã Arquiv Cletr de Dads (Sistema TCar)... 4 1.1 Funcinalidade...

Leia mais

GUIA DE RELACIONAMENTO MT-COR: 001 Revisão: 000

GUIA DE RELACIONAMENTO MT-COR: 001 Revisão: 000 GUIA DE RELACIONAMENTO MT-COR: 001 Revisã: 000 A Mercur S.A., empresa estabelecida desde 1924, se precupa em cnduzir as suas relações de acrd cm padrões étics e cmerciais, através d cumpriment da legislaçã

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalaçã Prdut: n-hst Versã d prdut: 4.1 Autr: Aline Della Justina Versã d dcument: 1 Versã d template: Data: 30/07/01 Dcument destinad a: Parceirs NDDigital, técnics de suprte, analistas de

Leia mais

Guia Sphinx: Instalação, Reposição e Renovação

Guia Sphinx: Instalação, Reposição e Renovação Guia Sphinx: Instalaçã, Repsiçã e Renvaçã V 5.1.0.8 Instalaçã Antes de instalar Sphinx Se vcê pssuir uma versã anterir d Sphinx (versões 1.x, 2.x, 3.x, 4.x, 5.0, 5.1.0.X) u entã a versã de Demnstraçã d

Leia mais

DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DE REDES E CRONOGRAMAS SUMÁRIO 1 OBJETIVO...2 2 ELABORAÇÃO...2 2.1 PLANEJAMENTO...2

DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DE REDES E CRONOGRAMAS SUMÁRIO 1 OBJETIVO...2 2 ELABORAÇÃO...2 2.1 PLANEJAMENTO...2 1 / 5 SUMÁRIO 1 OBJETIVO...2 2 ELABORAÇÃO...2 2.1 PLANEJAMENTO...2 2.1.1 CRITÉRIOS PARA ELABORAÇÃO E APRESENTAÇÃO DO CRONOGRAMA DE BARRAS TIPO GANTT:...2 2.1.2 CRITÉRIOS PARA ELABORAÇÃO E APRESENTAÇÃO

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO E DO GRUPO FAMILIAR (fotocópia).

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO E DO GRUPO FAMILIAR (fotocópia). DOCUMENTAÇÃO PARA O PROUNI Cmprvaçã de dcuments Ensin Médi; Ficha de Inscriçã, Identificaçã d Candidat e d Grup Familiar; Cmprvaçã de Endereç d Candidat e d Grup Familiar; Cmprvaçã de renda d Candidat

Leia mais

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION Orin Versã 7.74 TABELAS Clientes Na tela de Cadastr de Clientes, fi inserid btã e um camp que apresenta códig que cliente recebeu após cálcul da Curva ABC. Esse btã executa

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS Sã Paul 2013 1 1 INTRODUÇÃO Este Manual tem a finalidade de servir à nrmalizaçã da elabraçã de Trabalhs de Cnclusã de Curs TCC pr mei de artigs científics,

Leia mais

CRC-MG Central de Registro Civil de Minas Gerais Certidão Online - Serventia. Manual do usuário

CRC-MG Central de Registro Civil de Minas Gerais Certidão Online - Serventia. Manual do usuário CRC-MG Central de Registr Civil de Minas Gerais Certidã Online - Serventia Manual d usuári Prefáci Data: 30/01/2015 Versã dcument: 1.0 1. COMO ACESSAR O MÓDULO DA CERTIDÃO ONLINE... 04 2. OPÇÕES DE PEDIDOS

Leia mais

Capítulo VII Projetos de eficiência energética em iluminação pública Por Luciano Haas Rosito*

Capítulo VII Projetos de eficiência energética em iluminação pública Por Luciano Haas Rosito* 20 Api O Setr Elétric / Julh de 2009 Desenvlviment da Iluminaçã Pública n Brasil Capítul VII Prjets de eficiência energética em iluminaçã pública Pr Lucian Haas Rsit* Neste capítul abrdarems s prjets de

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE N prcess de renvaçã de matrículas para an lectiv 2008/2009, e na sequência d plan de melhria cntínua ds serviçs a dispnibilizar as aluns, IPVC ferece, pela

Leia mais

Apresentamos abaixo, os procedimentos que deverão ser seguidos por todos os (as) Professores (as) durante este semestre:

Apresentamos abaixo, os procedimentos que deverão ser seguidos por todos os (as) Professores (as) durante este semestre: Circular / (CA) nº 18 / 2015 Unaí-(MG), 03 de agst de 2015. ASSUNTO: Faculdade CNEC Unaí Prcediments necessáris para iníci d 2º Semestre de 2015. Prezads (as) Prfessres (as), Apresentams abaix, s prcediments

Leia mais

Dissídio Retroativo. Cálculos INSS, FGTS e geração da SEFIP

Dissídio Retroativo. Cálculos INSS, FGTS e geração da SEFIP Dissídi Retrativ Cálculs INSS, FGTS e geraçã da SEFIP A rtina de Cálcul de Dissídi Retrativ fi reestruturada para atender a legislaçã da Previdência Scial. A rtina de Aument Salarial (GPER200) deve ser

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS INDICE Descriçã básica...3 A. Quem pde acessar módul?... 3 Relações Ministeriais, Prcess...4 B. Etapas e Agentes... 4 C. Duraçã d prcess... 4 Atividades Permitidas as Usuáris d

Leia mais

Adesão à CCEE. Versão 1 -> Versão 2

Adesão à CCEE. Versão 1 -> Versão 2 Prcediment de Cmercializaçã Cntrle de Alterações Adesã à CCEE Versã 1 -> Versã 2 Versã 2 METODOLOGIA DO Text em realce refere-se à inserçã de nva redaçã Text tachad refere-se à exclusã de redaçã. Alterações

Leia mais

CIRCULAR. Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007. Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar. Contributos para a sua Operacionalização

CIRCULAR. Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007. Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar. Contributos para a sua Operacionalização CIRCULAR Data: 2007/10/10 Númer d Prcess: DSDC/DEPEB/2007 Assunt: GESTÃO DO CURRÍCULO NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Circular nº 17/DSDC/DEPEB/2007 Para: Inspecçã-Geral de Educaçã Direcções Reginais de Educaçã

Leia mais

Sistema Hospitalar - Módulo Diagnóstico

Sistema Hospitalar - Módulo Diagnóstico Sistema Hspitalar - Módul Diagnóstic Manual d usuári Versã 2.3 [Este template faz parte integrante d Prcess de Desenvlviment de Sistemas da DTI (PDS-DTI) e deve ser usad em cnjunt cm as recmendações d

Leia mais

Tutorial de criação de um blog no Blogger

Tutorial de criação de um blog no Blogger Tutrial de criaçã de um blg n Blgger Bem-vind a Blgger! Este guia pde ajudar vcê a se familiarizar cm s recurss principais d Blgger e cmeçar a escrever seu própri blg. Para cmeçar a usar Blgger acesse

Leia mais

Orientações para a Escrituração Contábil Digital (Sped Contábil) Versão 14.01 Soluções SPDATA

Orientações para a Escrituração Contábil Digital (Sped Contábil) Versão 14.01 Soluções SPDATA 2015 Orientações para a Escrituraçã Cntábil Digital (Sped Cntábil) Versã 14.01 Sluções SPDATA Equipe SAT Análise Desenvlviment e Qualidade de Sftware 07/04/2015 Sumári Objetiv... 3 Cnsiderações gerais...

Leia mais

Regulamento Biblioteca FACULDADE IPEL

Regulamento Biblioteca FACULDADE IPEL REGULAMENTO BIBLIOTECA FACULDADE IPEL Regulament Bibliteca FACULDADE IPEL Pus Alegre/MG 2014 REGULAMENTO DA BIBLIOTECA ESTE REGULAMENTO TEM POR OBJETIVO ESTABELECER NORMAS REFERENTES AO FUNCIONAMENTO DA

Leia mais

Novas Salvaguardas Ambientais e Sociais

Novas Salvaguardas Ambientais e Sociais Nvas Salvaguardas Ambientais e Sciais Discussões Técnicas de Gvern ESS10 Acess a Infrmaçã e engajament de stakehlders 15 de utubr, 2014 Objetivs da ESS10 (1/2) Delinear uma abrdagem sistemática para engajament

Leia mais

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO UC_REQ-MK_ACF-001 27/01/2015 00 1 / 12 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 Objetiv... 2 Públic Alv... 2 Escp... 2 Referências... 2 DESCRIÇÃO GERAL DO PRODUTO... 2 Características d Usuári... 2 Limites, Supsições e

Leia mais

RELATOR: Senador EUNÍCIO OLIVEIRA

RELATOR: Senador EUNÍCIO OLIVEIRA De Plenári, err1 substituiçã à COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sbre Prjet de Lei da Câmara 209, de 2015, de autria d Deputad Aeltn Freitas, que altera a Lei n 8.906, de 4 de julh de 1994

Leia mais

Proposta. Projeto: VENSSO. Data 25/05/2005. Andrade Lima Damires Fernandes Andrade Lima Damires Fernandes. Responsável. Autor (s)

Proposta. Projeto: VENSSO. Data 25/05/2005. Andrade Lima Damires Fernandes Andrade Lima Damires Fernandes. Responsável. Autor (s) Prpsta Prjet: Data 25/05/2005 Respnsável Autr (s) Dc ID Andrade Lima Damires Fernandes Andrade Lima Damires Fernandes Lcalizaçã Versã d Template

Leia mais

Banco Industrial do Brasil S.A. Gerenciamento de Capital

Banco Industrial do Brasil S.A. Gerenciamento de Capital Banc Industrial d Brasil S.A. Gerenciament de Capital 2014 1 Sumári 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJETIVO... 3 3. ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL... 4 4. PLANO DE CAPITAL... 5 5. RESPONSABILIDADES... 6

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE ESTÁGIO

ORIENTAÇÕES SOBRE ESTÁGIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS Missã d Institut Federal de Educaçã, Ciência e Tecnlgia

Leia mais

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas Versã: 3.0.0.48 Empresa: TrucksCntrl Slicitante: Diretria Respnsável: Fernand Marques Frma de Slicitaçã: e-mail/reuniã Analista de Negóci: Fábi Matesc Desenvlvedr: Fabian Suza Data: 24/09/2012 Sistema

Leia mais

Controle de Atendimento de Cobrança

Controle de Atendimento de Cobrança Cntrle de Atendiment de Cbrança Intrduçã Visand criar um gerenciament n prcess d cntrle de atendiment de cbrança d sistema TCar, fi aprimrad pela Tecinc Infrmática prcess de atendiment, incluind s títuls

Leia mais

Passo 1 - Conheça as vantagens do employeeship para a empresa

Passo 1 - Conheça as vantagens do employeeship para a empresa Manual Cm intrduzir emplyeeship na empresa Índice Intrduçã Pass 1 - Cnheça as vantagens d emplyeeship para a empresa Pass 2 - Saiba que é a cultura emplyeeship Pass 3 - Aprenda a ter "bns" empregads Pass

Leia mais

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0 Manual d Nv Páti Revenda Versã 2.0 1 Cnteúd INTRODUÇÃO... 3 1.LOGIN... 4 2.ANUNCIANTE... 4 2.1 Listar Usuáris... 4 2.2 Criar Usuári... 5 2.2.1 Permissões:... 6 3.SERVIÇOS... 7 3.1 Serviçs... 7 3.2 Feirã...

Leia mais

EDITAL PADRÃO REFERENTE AOS PROCESSOS DE SELEÇÃO DE PESSOAS SESC SANTA CATARINA

EDITAL PADRÃO REFERENTE AOS PROCESSOS DE SELEÇÃO DE PESSOAS SESC SANTA CATARINA EDITAL PADRÃO REFERENTE AOS PROCESSOS DE SELEÇÃO DE PESSOAS SESC SANTA CATARINA O presente dcument tem cm bjetiv dispnibilizar a divulgaçã ficial das cndições estabelecidas pel Sesc Santa Catarina para

Leia mais

ANEXO CONDIÇÕES OU RESTRIÇÕES RESPEITANTES À UTILIZAÇÃO SEGURA E EFICAZ DO MEDICAMENTO A SEREM IMPLEMENTADAS PELOS ESTADOS-MEMBROS

ANEXO CONDIÇÕES OU RESTRIÇÕES RESPEITANTES À UTILIZAÇÃO SEGURA E EFICAZ DO MEDICAMENTO A SEREM IMPLEMENTADAS PELOS ESTADOS-MEMBROS ANEXO CONDIÇÕES OU RESTRIÇÕES RESPEITANTES À UTILIZAÇÃO SEGURA E EFICAZ DO MEDICAMENTO A SEREM IMPLEMENTADAS PELOS ESTADOS-MEMBROS 1 Os Estads-Membrs devem garantir que tdas as cndições u restrições relativas

Leia mais

Introdução: marco normativo internacional e nacional

Introdução: marco normativo internacional e nacional Cidade d Panamá, 21 de abril de 2014 A Assciaçã para a Prevençã da Trtura vem pr mei desta, em respsta a fíci n. 122/2014/CAO-DH enviad pel Centr de Api Operacinal das Prmtrias de Justiça de Defesa ds

Leia mais

BENEFÍCIO AUXÍLIO CUIDADOR DO IDOSO

BENEFÍCIO AUXÍLIO CUIDADOR DO IDOSO BENEFÍCIO AUXÍLIO CUIDADOR DO IDOSO O QUE É O BENEFÍCIO AUXÍLIO CUIDADOR DO IDOSO? É um auxíli financeir que tem cm bjetiv cntribuir para, u pssibilitar, a cntrataçã de um cuidadr para auxiliar beneficiáris

Leia mais

Perguntas frequentes sobre o Programa Banda Larga nas Escolas

Perguntas frequentes sobre o Programa Banda Larga nas Escolas Perguntas frequentes sbre Prgrama Banda Larga nas Esclas 1. Qual bjetiv d Prgrama Banda Larga nas Esclas? O Prgrama Banda Larga nas Esclas tem cm bjetiv cnectar tdas as esclas públicas à internet, rede

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS FACULDADE DE CIÊNCIAS APLICADAS Cidade Universitária de Limeira

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS FACULDADE DE CIÊNCIAS APLICADAS Cidade Universitária de Limeira DIRETRIZES PARA ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DOS CURSOS DE GESTÃO 1 Sumári I. O Estági em Gestã...3 II. O Estági curricular...4 III. Acmpanhament e avaliaçã...5 IV. Mdels de Plan de Atividades e de Relatóri...5

Leia mais

Versão 4.0. Central IT Governança Corporativa PROJETO 78. Documento de Entrega. Fábrica. Deploy 1.0.0-Beta. Produto: CitSmart GRP

Versão 4.0. Central IT Governança Corporativa PROJETO 78. Documento de Entrega. Fábrica. Deploy 1.0.0-Beta. Produto: CitSmart GRP Central IT Gvernança Crprativa Versã PROJETO 78 Dcument de Entrega de Deply da Fábrica Deply 1.0.0-Beta Prdut: CitSmart GRP 2/7 FO-098 Versã: Dcument de Entrega de Deply da Fábrica Históric de Revisã Data

Leia mais

Relatório de Gerenciamento de Riscos

Relatório de Gerenciamento de Riscos Relatóri de Gerenciament de Riscs 2º Semestre de 2015 1 Sumári 1. Intrduçã... 3 2. Gerenciament de Riscs... 3 2.1. Organgrama... 4 3. Risc de Crédit... 4 3.1. Definiçã... 4 3.2. Gerenciament... 4 3.3.

Leia mais

Mateiral de Apoio. TOP Mobilidade RM 11.83

Mateiral de Apoio. TOP Mobilidade RM 11.83 Mateiral de Api TOP Mbilidade RM 11.83 Índice 1. Mbilidade... 4 1.1. Avanç Físic... 4 1.1.1. Parâmetrs... 4 1.1.2. Cletres... 5 1.1.2.1. Cadastrs... 5 1.1.2.2. Prcesss de Desativaçã e Inativaçã de Cletres...

Leia mais

PM 3.5 Versão 1 PdC Versão 1

PM 3.5 Versão 1 PdC Versão 1 Prcediment de Cmercializaçã Cntrle de Alterações PdC CZ.01 PM 3.5 Versã 1 PdC Versã 1 Alterad Layut d dcument. Alterad term de Prcediment de Mercad para Prcediment de Cmercializaçã. Inserid índice. Alterada

Leia mais

Manual de configuração. Exemplo de instalação e configuração do banco de dados Postgree e ODBC para reconhecimento de imagens no SARA.

Manual de configuração. Exemplo de instalação e configuração do banco de dados Postgree e ODBC para reconhecimento de imagens no SARA. Manual de cnfiguraçã Exempl de instalaçã e cnfiguraçã d banc de dads Pstgree e ODBC para recnheciment de imagens n SARA. Manual de cnfiguraçã Exempl de instalaçã e cnfiguraçã d banc de dads Pstgree e ODBC

Leia mais

Manual. Autorizador da UNIMED

Manual. Autorizador da UNIMED Manual Prtal Autrizadr da UNIMED Pass a Pass para um jeit simples de trabalhar cm Nv Prtal Unimed 1. Períd de Atualizaçã Prezads Cperads e Rede Credenciada, A Unimed Sul Capixaba irá atualizar seu sistema

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA EDITAL Nº 01/2014

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA EDITAL Nº 01/2014 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL PARA O SEGUNDO PERÍODO LETIVO DE 2014. 1. PREÂMBULO 1.1. O Crdenadr d Prgrama de

Leia mais

Acesso ao menu da presença de Carga Exportação WEB

Acesso ao menu da presença de Carga Exportação WEB Manual de Utilizaçã Presença de Carga Exprtaçã WEB Acess a menu da presença de Carga Exprtaçã WEB Acessar site d TECON RG (HTTP://www.tecn.cm.br); Clicar em Tecn Online; Infrmar usuári e senha de acess

Leia mais

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA FAZENDA Crdenadria da Administraçã Tributária Diretria Executiva da Administraçã Tributária Manual d DEC Dmicíli Eletrônic d Cntribuinte Manual DEC (dezembr

Leia mais

GUIA do FILIAWEB. Versão 1.0

GUIA do FILIAWEB. Versão 1.0 GUIA d FILIAWEB Versã 1.0 Setembr de 2011 ÍNDICE 1. Intrduçã...4 1.1 Antaçã de filiaçã partidária pel partid plític...5 1.2 Registrs de filiaçã partidária junt à Justiça Eleitral...6 1.3 Desfiliaçã Partidária...8

Leia mais

METAS DE COMPREENSÃO:

METAS DE COMPREENSÃO: 1. TÓPICO GERADOR: Vivend n sécul XXI e pensand n futur. 2. METAS DE COMPREENSÃO: Essa atividade deverá ter cm meta que s aluns cmpreendam: cm se cnstrói saber científic; cm as áreas d saber estã inter-relacinadas

Leia mais

Modelo de Negócios. TRABALHO REALIZADO POR: Antonio Gome- 2007009 // Jorge Teixeira - 2008463

Modelo de Negócios. TRABALHO REALIZADO POR: Antonio Gome- 2007009 // Jorge Teixeira - 2008463 Mdel de Negócis Trabalh n âmbit da disciplina de Mdelaçã de dads. Criaçã de uma platafrma utilizand as tecnlgias SQL PHP e Javascript.. TRABALHO REALIZADO POR: Antni Gme- 2007009 // Jrge Teixeira - 2008463

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO

MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO SIGIO Sistema Integrad de Gestã de Imprensa Oficial MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO S I G I O M A N U A L D O U S U Á R I O P á g i n a 2 Cnteúd 1 Intrduçã... 3 2 Acess restrit a sistema... 4 2.1 Tips de

Leia mais