Escola SENAI Jose Polizotto. Biblioteca - Escola SENAI Jose Polizotto. Manual para elaboração de trabalhos. acadêmicos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Escola SENAI Jose Polizotto. Biblioteca - Escola SENAI Jose Polizotto. Manual para elaboração de trabalhos. acadêmicos"

Transcrição

1 Escola SENAI Jose Polizotto Biblioteca - Escola SENAI Jose Polizotto Manual para elaboração de trabalhos acadêmicos Marília 2008

2 Biblioteca - Escola SENAI José Polizotto Manual para elaboração de trabalhos acadêmicos Manual para subsidiar a confecção de trabalhos acadêmicos na Escola SENAI Jose Polizotto, nos cursos de aprendizagem industrial e técnico. Marília 2008

3 Sumário 1 Apresentação Formato Margem Espacejamento Indicação de capítulo, seção e subseção Numeração progressiva Paginação 07 2 Estrutura Elementos pré-textuais Obrigatórios Capa Folha de rosto Resumo Sumário Elementos opcionais Dedicatória Agradecimento Epígrafe Lista de ilustrações Lista de tabelas Elementos textuais Introdução Desenvolvimento Conclusão Elementos pós-textuais Obrigatório Opcionais Apêndice Anexo 14 3 Como fazer citações Tipos de citações 15

4 4 Como construir referências Exemplos de referências Livros folhetos e apostilas Parte de Livros, Folhetos e Apostilas Artigos de periódicos Jornal Documentos eletrônicos Mídia eletrônica ( CD, DVD) 18 Referências 19 Anexo - Abreviatura dos meses 20

5 5 1 APRESENTAÇÃO Este manual estabelece o padrão para a elaboração de trabalhos escolares na Escola SENAI Jose Polizotto. Baseado na NBR 14724:2005 " Trabalhos acadêmicos - Apresentação", estruturase em forma de exemplo para realização de trabalhos escolares, inclusive trabalhos de conclusão de curso. Considera também as seguintes normas complementares: - NBR Referências - Elaboração; - NBR Numeração progressiva das seções de um documento escrioto - apresentação; - NBR Sumário - Apresentação; - NBR Resumos; - NBR Citações em documentos - Apresentação. Para a elaboração de relatórios técnico-científicos deve ser observada a norma NBR Formato Os trabalhos devem ser apresentados em papel branco, tamanho A4. Recomendase digitação da fonte em formato Arial ou Times New Roman, tamanho 12 na cor preta. 1.2 Margem As folhas devem apresentar margens esquerda e superior de 3 centímetros, e direta e inferior de 2 centímetros, já estão considerados os espaços para encadernação e páginação. Para efeito de alinhamento, no texto, deve ser utilizado o justificado.

6 6 1.3 Espacejamento O texto deve ser digitado em espaço 1,5 entre linhas. Apenas legendas de ilustrações e tabelas, citações de mais de três linhas são digitados em espaço simples. O recuo de parágrafo é opcional. As referências devem ser construídas em espaços simples e, separadas entre si por espaço duplo. Na folha de rosto e na folha de aprovação (se houver), a natureza do trabalho e o nome do orientador devem ser alinhados do meio da página para margem direita. 1.3 Indicação de capítulo, seção e subseção Capítulos devem ser iniciados em uma nova página. Os títulos das seções e subseções devem ser separados do texto por dois espaços de 1,5 entre linhas. Destacam-se gradativamente com recursos de negrito, itálico ou grifo. O tipo de destaque escolhido deve ser mantido em todas as seções e ou subseções equivalentes. 1.5 Numeração progressiva Recomenda-se o uso de numeração progressiva a fim de expor numa seqüência lógica o inter-relacionamento do conteúdo. As seções devem dividir-se até a quinária e não recebem ponto ou hífen após sua indicação. O título da seção vem em seguida após um espaço. O texto iniciado após dois espaços de 1,5 entre linhas, com alinhamento junto à margem esquerda. Todas as seções devem conter um texto relacionado, como exemplificado no quadro 01.

7 7 Ao enumerar tópicos dentro de uma seção utiliza-se alíneas. As alíneas, exceto a última, terminam em ponto-e-vírgula. Se necessário subdividir a alínea, deve ser indicado com hífen, colocado sob a primeira letra do texto da alínea correspondente. Ver quadro 01 junto à exemplificação de seção quinária. 1 Exemplo de seção primária xyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyx. 1.1 Exemplo de seção secundária Xyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyx Exemplo de seção terciária Xyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyx Exemplo de seção quaternária Xyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyxyx Exemplo de seção quinária Zxzxzxzxzxzxzxzxzxzxzxzxzxzxz. a) Exemplo de alínea - se for necessário o uso de subalíneas, estas deverão ser indicadas com hífen. quadro 01: numeração progressiva. 1.6 Paginação Todas as folhas a partir da folha de rosto devem ser contadas, porém não numeradas. A numeração começa aparecer a partir da introdução e é apresentada em números arábicos no canto superior direto da folha.

8 8 2 ESTRUTURA A estrutura dos trabalhos acadêmicos compreende: elementos pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-textuais. A identificação e a disposição de todos os elementos é dada no quadro 2. No entanto, grande parte dos elementos apresentados são opcionais. Estrutura Elemento Paginação/Numeração Pré-Textuais Textuais Pós-Textuais Capa (obrigatória) Lombada (opcional) Folha de rosto (obrigatória) Errata (opcional) Folha de aprovação (obrigatória) Dedicatória (opcional) Agradecimentos (opcional) Epígrafe (opcional) Resumo (obrigatório) Lista de ilustrações (opcional) Lista de tabelas Lista de abreviaturas e siglas (opcional) Lista de símbolos (opcional) Sumário (obrigatório) Introdução Desenvolvimento Conclusão Referências (obrigatória) Glossário (opcional) Apêndice (opcional) Anexo (opcional) Índice (opcional) Não é contada -- Os elementos pré-textuais a partir da folha de rosto são contados, mas não numerados. Elementos numerados seqüencialmente. Considere, na numeração a contagem dos elementos pré-textuais. Numeradas na seqüência dos elementos textuais. Quadro 2 Disposição de elementos 2.1 Elementos pré - textuais Os elementos pré-textuais obrigatórios são apresentados na seção Dentre os elementos opcionais, sugerimos que sejam inseridos nos trabalhos acadêmicos do SENAI : dedicatória, agradecimento, epígrafe, lista de ilustrações e lista de tabelas, itens que estão descritos em à e

9 Obrigatórios Os elementos pré-textuais obrigatórios são: capa, folha de rosto, resumo, resumo em língua estrangeira e sumário. estão exemplificados nas seções a O elemento folha de aprovação é indicado e obrigatório para monografias e teses com bancas examinadoras, podendo ser dispensados nos trabalhos do SENAI Capa As informações são transcritas na seguinte ordem: a) Nome da instituição; b) Nome do autor; c) Título; d) Cidade; e) Ano. Escola SENAI José Polizotto Nome do autor Título: subtítulo Cidade Ano Quadro 3 - Modelo de capa Folha de rosto Na folha de rosto, os elementos devem figurar na seguinte ordem: a) Nome do autor; b) Título; c) natureza do trabalho/objetivo; d) área de concentração (disciplina) e nome da instituição; e) nome do orientador (professor); f) cidade. Nome do autor Título: subtítulo Trabalho de conclusão do curso técnico em Processamento de alimentos da Escola SENAI José Polizotto Orientador:XXX Cidade Ano g) Ano. Quadro - 4 Modelo da folha de rosto

10 10 O verso da folha de rosto é reservado para a ficha catalográfica e créditos da publicação. No entanto, não utilizaremos para os trabalhos escolares da Escola SENAI Jose Polizotto Resumo Consiste na apresentação concisa dos pontos principais de um texto. Devem ser apresentados, de forma clara, os objetivos, o desenvolvimento e as conclusões. Não é uma enumeração de tópicos. Na redação do resumo evite termos redundantes: "O autor trata neste trabalho..."; e exagero de adjetivos. Use frases precisas e informativas; não utilize vários parágrafos. O texto deve ser digitado em espaço simples, não ultrapassando 500 palavras. Logo depois do texto devem ser colocadas as palavras representativas do trabalho, ou seja, as palavras-chaves Sumário É a enumeração das principais divisões, seções e outras partes do trabalho, na ordem em que aparecem no texto. A palavra sumário deve ser centralizada, usando o mesmo tipo de fonte utilizada nos título das seções. Os capítulos e seções devem estar numerados (à esquerda) em algarismos arábicos, a partir da introdução até a conclusão, próximo à margem direita e, junto à margem direita devem constar as páginas correspondentes ao início de cada parte. Os elementos pré-textuais não constam no sumário.

11 Opcionais Os elementos pré-textuais opcionais que consideramos mais passíveis de uso nos trabalhos dos alunos do SENAI. estão exemplificados nas seções a e, caso sejam inclusos no trabalho, deve ser obedecida a ordem de apresentação do quadro Dedicatória O aluno presta homenagem ou dedica seu trabalho Agradecimento Dirigida àqueles que contribuíram para a elaboração do trabalho Epígrafe Apresentação de uma citação (mensagem), seguida da indicação de autoria Lista de ilustrações Todos os tipos de ilustrações são reunidos nessa lista: fotografias, desenhos, esquemas, gráficos, mapas, fluxogramas, quadros e outros. As ilustrações devem ser numeradas na ordem em que aparecem no texto. Em cada lista devem constar: número, título e página. Segue um exemplo: LISTA DE ILUSTRAÇÕES Tipo Título p. Desenho 1 O telefone 05 Fotografia 1 O cliente 11 Desenho 2 Carregador de viagem 15 Desenho 3 Carregador de mesa 20 Desenho 4 Carregador veicular 25 Fotografia 2 Painel do automóvel 26 Mapa 1 Área de cobertura do Estado de São Paulo 30 Quadro 5 Exemplo de lista de ilustrações de tipos diferentes

12 Lista de tabelas Semelhante à lista de ilustrações, deve ser numerada na ordem em que aparecem no texto. Em cada lista devem constar: número, título e página. Podem surgir dúvidas quanto a diferença entre tabelas e quadros. Uma dica fácil é lembrar que as tabelas apresentam informações tratadas estatísticamente, nos quadros e outras ilustrações são apresentados dados, comparações, gráficos, desenhos etc. Por esse motivo, agrupamos todos os tipos de ilustrações em uma lista, e temos, para as tabelas, uma lista única. 2.2 Elementos textuais Parte central do trabalho, que divide-se em introdução, desenvolvimento e conclusão, elementos especificados nas seções a Introdução Parte inicial do texto na qual devem constar a delimitação do assunto tratado, os objetivos da pesquisa, a metodologia e uma justificativa do plano do trabalho. Nota-se na atualidade uma tendência de que todas as informações sejam feitas em texto corrido (sem subdivisões), no entanto, se o aluno preferir, poderá, dentro do grande tópico "introdução" fazer subdivisões para: objetivos, metodologia, e justificativa Desenvolvimento Expõe ordenada e pormenorizadamente o assunto. O desenvolvimento é o corpo do trabalho, no qual o aluno vai provar a sua argumentação e relatar como desenvolveu o produto.

13 13 Em razão de sua extensão, o texto exige quase sempre seu desdobramento em partes, dividindo-se em tópicos ou capítulos. Cada capítulo, com o respectivo título, poderá subdividir-se em seções ou subseções. Em cada item, o título deve refletir o conteúdo, e o conteúdo deve explanar, analisar e demonstrar o assunto tratado. Para efeito de sistematização e para facilitar a localização imediata de cada item, recomenda-se a utilização da numeração progressiva, a qual será utilizada na confecção do sumário e foi descrita no item 1.4. Se o trabalho for ilustrado, depois de pronto o rascunho, escolha o lugar para as ilustrações de tal forma que o leitor do trabalho possa enriquecer sua leitura com as imagens apresentadas. Todas as ilustrações devem ser identificadas na parte inferior precedida da palavra designativa (desenho, fluxograma, gráfico, quadro etc.) e, preferencialmente, de uma numeração seqüencial, que irá compor a lista de ilustrações. Caso facilite a compreensão, as ilustrações podem ainda ser acompanhadas de legendas Conclusão Apresenta resultados correspondentes aos objetivos ou hipóteses levantados na introdução e o produto final desenvolvido. Descreve de forma resumida o que se aprendeu sobre o tema, e até mesmo propostas de seguimento de estudos sobre o tema. Deve estar coerente com desenvolvimento e relacionado à introdução; pode ainda, estabelecer relações com outros fatos referentes à mesma matéria. 2.3 Elementos pós-textuais Os elementos pós-textuais são apresentados conforme e

14 Obrigatório O único elemento obrigatório pós-textual, é a lista de referências, que traz todas as fontes utilizadas para a realização do trabalho, sejam livros, revistas, sites etc. Utiliza-se atualmente o termo "referências" exatamente porque ao fazer um trabalho, o aluno consulta diversos materiais, e não mais apenas livros (origem do termo bibliográfica). Adotamos na Escola SENAI José Polizotto a lista de referências ao final do trabalho, ordenadas alfabeticamente. Modelos e orientações para a construção de referências estão descritas no item Opcionais Os elementos pós-textuais opcionais mais pertinentes aos nossos trabalhos estão exemplificados nas seções e Apêndice Apêndice é um texto ou um documento elaborado pelo autor, a fim de complementar sua argumentação. Os apêndices são identificados por letras maiúsculas consecutivas, travessão e pelos respectivos títulos, exemplo: Apêndice A Questionário Anexo Consiste em um texto ou documento não elaborado pelo autor, que serve de fundamentação, comprovação e ilustração. Os anexos são identificados por letras maiúsculas consecutivas, travessão e pelos respectivos títulos, exemplo: Anexo D Normas.

15 15 3 COMO FAZER CITAÇÕES É bastante pertinente e denota riqueza de pesquisa citar partes de trabalhos já publicados (em livros, revistas, internet etc.), no entanto, as citações devem ser devidamente registradas. 3.1 Tipos de Citações a) Indireta: texto do aluno, baseado nas idéias de outro autor. Deve-se citar o sobrenome de forma livre e o ano de publicação da obra entre parênteses. Lembre que o sobrenome do autor e o ano deverão levar o leitor a encontrar uma referência correspondente. Ex: Segundo Almeida (2004), o descompasso entre a universidade e o meio empresarial... b) Direta: transcrição (cópia) do texto do autor. Neste caso, deve sempre ser indicada pelo sobrenome do autor em letra maiúscula, o ano da publicação e a página de onde foi extraída ou endereço do site. Ex: (ALMEIDA, 2004, p.112). O texto citado dentro de um parágrafo deve vir entre aspas. Quando o texto a ser citado ultrapassar 03 linhas, deve ocupar um parágrafo independente destacado com um recuo de 4cm da margem esquerda, sem aspas, em letra menor que a utilizada no texto e espacejamento entre linhas simples.

16 16 4 COMO CONSTRUIR REFERÊNCIAS As referências são um conjunto padronizado de elementos descritivos, retirados de um documento, num trabalho acadêmico escolar. Tem como objetivo permitir ao leitor, caso queira aprofundar-se no assunto ou conhecer o que o aluno usou como fontes de pesquisa. Permite também recuperar o original citado dentro do corpo do trabalho. Em nossos trabalhos, utilizamos o sistema de listas de referências, onde as referências dos documentos utilizados na pesquisa para elaboração do trabalho, são reunidas em ordem alfabética, após a conclusão. 4.1 Exemplos de construção de referências A construção de referências segue um padrão quanto aos itens constantes e a ordem dos mesmos. Esse padrão facilita para que, mesmo não estando no idioma de domínio do leitor, que é capaz de identificar qual campo corresponde a autor, título etc., podendo até buscar obras correspondentes do autor em outra língua, ou tradução do título da obra Livros, Folhetos e Apostilas AUTOR. Título. Edição. Local de Publicação: Editora, Ano de publicação. Número de páginas. (Série). Exemplos: CHIAVENATO, I. Teoria geral da administração. 4. ed. São Paulo: Makron Books, p. (Série gestão empresarial, 2). Caso a referência tenha dois ou três autores indicar da mesma forma, separando-os por ponto e vírgula.";". Para obras com mais de três autores, indicar o primeiro ou o mais importante seguido da expressão latina " et. al." que significa: e outros. Exemplo: LAQUEY, T. et. al. O manual da Internet: um guia introdutório para o acesso às redes globais. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, p.

17 Parte de Livros, Folhetos e Apostilas Se necessário, podemos referenciar capítulo, volume ou outras partes de uma obra, com autor(es) e/ou títulos próprios. Após a indicação do autor(es), título da parte, usa-se a expressão In:, descrevendo logo após a referência completa da obra, com indicação paginação da parte do livro que foi utilizada, conforme exemplo abaixo: AUTOR DA PARTE. Título da parte utilizada. In: Referência completa da obra (autor, título, local de publicação: editora, ano). Número de páginas da parte que foi utilizada. Exemplo: ROMANO, Giovanni. Imagens de juventude na era moderna. In: LEVI, G; SCHMIDT, J (Org.). História dos jovens 2. São Paulo: Companhia das Letras, p Artigos de periódico AUTOR DO ARTIGO. Título do artigo. Título do periódico, local de publicação, número do volume, número do fascículo, páginas inicial e final, mês e ano. Exemplo: SOARES, M. O buraco negro. Superinteressante, São Paulo, v. 10, n. 2, p. 30-7, fev Artigo de Jornal AUTOR DO ARTIGO. Título do artigo. Título do jornal, local de publicação, dia mês e ano de publicação, seção, caderno ou parte do jornal, paginação corresponde. Exemplo: MELO, A. C. O problema do ozônio. O Globo, Rio de Janeiro, 5 set Caderno Ciências, p.5.

18 Documentos em meio eletrônico Sites São documentos existentes em formato eletrônico, acessíveis por computador. Podem enquadrar-se nesta categoria: bancos de dados, programas de computador, monografias, periódicos, mensagens eletrônicas pessoais, documentos da WWW, arquivos variados de texto, som, imagem, arquivo FTP, e outros. AUTOR. Título. Local de publicação, Editora, Ano de publicação. Disponível em: <endereço eletrônico>. Acesso em: data de acesso. Exemplos: MARQUES, C. B. O ecossistema. São Paulo: Scipione, Disponível em: <http://www.meioambiente.com.br>. Acesso em: 20 mar Exemplo: SOARES, M. O buraco negro. Superinteressante, São Paulo, v. 10, n.2, fev Disponível em: <www.superinteressante.com.br>. Acesso em: 05 abr TERRA pede socorro. Jornal O Verde, Campinas, 10 out Disponível em: <www.jornaloverde.org.br>. Acesso em: 20 dez Mídia eletrônica ( CD, DVD...) TÍTULO. Local: Editora, data. Tipo de suporte. Notas. MEIO ambiente. Rio de Janeiro: Sony Music Book Case Multimedia Educational, CD-ROM. Windows 95/98.

19 19 REFERÊNCIAS ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. ABNT Trabalhos acadêmicos - apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, NBR 6023 Referências - Elaboração. Rio de Janeiro: ABNT, NBR 6024 Numeração progressiva das seções de um documento escrito - apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, NBR 6027 Sumário - Apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, NBR 6028 Resumos. Rio de Janeiro: ABNT, NBR Citações em documentos - Apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, 2002.

20 20 Anexo Abreviatura dos meses Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro jan. fev. mar. abr. maio jun. jul. ago. set. out. nov. dez.

Guia para apresentação do trabalho acadêmico:

Guia para apresentação do trabalho acadêmico: BIBLIOTECA COMUNITÁRIA Guia para apresentação do trabalho acadêmico: de acordo com NBR 14724/2005 São Carlos 2010 Guia para apresentação do trabalho acadêmico As orientações abaixo são de acordo com a

Leia mais

Guia para apresentação do trabalho acadêmico:

Guia para apresentação do trabalho acadêmico: BIBLIOTECA COMUNITÁRIA Guia para apresentação do trabalho acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011 São Carlos 2011 Guia para apresentação do trabalho acadêmico As orientações abaixo são de acordo com NBR

Leia mais

MANUAL PARA NORMATIZAÇÃO - TCC

MANUAL PARA NORMATIZAÇÃO - TCC Etec de Esportes Curt Walter Otto Baumgart Biblioteca da Etec de Esportes Curt Walter Otto Baumgart MANUAL PARA NORMATIZAÇÃO - TCC São Paulo, 2014 ii FORMATO DO TCC Tamanho do papel: A4 (21 cm 29,7 cm);

Leia mais

Roteiro de Normas Técnicas para apresentação de trabalhos acadêmicos, dissertações, teses e monografias Rede Gonzaga de Ensino Superior

Roteiro de Normas Técnicas para apresentação de trabalhos acadêmicos, dissertações, teses e monografias Rede Gonzaga de Ensino Superior Objetivo: As normas da ABNT tem o objetivo de facilitar e determinar um padrão nos trabalhos, facilitando assim a avaliação das escolas e universidades, dentro de um mesmo parâmetro de apresentação. Elas

Leia mais

A estrutura de um trabalho, de acordo com a ABNT/NBR-14724, compreende três elementos: Pré textuais, Textuais Pós textuais.

A estrutura de um trabalho, de acordo com a ABNT/NBR-14724, compreende três elementos: Pré textuais, Textuais Pós textuais. APRESENTAÇÃO Para ficar claro, é necessário fazer distinções entre padrões e normas, já que normas da ABNT são constituídas de regras a serem seguidas, objetivando a qualidade em produções científicas,

Leia mais

AÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE ARTIGO TEXTO RETIRADO E ADAPTADO DO MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE.

AÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE ARTIGO TEXTO RETIRADO E ADAPTADO DO MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE. AÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE ARTIGO TEXTO RETIRADO E ADAPTADO DO MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE. CANOAS/2014 A estrutura deste manual foi elaborada com base

Leia mais

DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO (TCC)

DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO (TCC) DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO (TCC) RIO DE JANEIRO 2009 2 APRESENTAÇÃO Estas diretrizes têm por objetivo padronizar a apresentação dos Trabalhos

Leia mais

ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas)

ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) Um resumo das normas Este resumo é indicado, principalmente, para quem for escrever um trabalho científico. Como a própria ABNT diz, ao introduzir o texto

Leia mais

MARIA BERNADETE MIRANDA

MARIA BERNADETE MIRANDA MARIA BERNADETE MIRANDA Trabalhos Acadêmicos segundo a ABNT-NBR 14724:2002 NORMALIZAÇÃO DOCUMENTÁRIA! Referências! Citações em documentos! Trabalhos Acadêmicos ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS!

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE ESTÁGIO

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE ESTÁGIO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO CAMPUS UBERABA - MG NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE ESTÁGIO UBERABA-MG 2010 SUMÁRIO

Leia mais

ABNT NBR 14724 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação

ABNT NBR 14724 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação NORMA BRASILEIRA ABNT NBR 14724 Segunda edição 30.12.2005 Válida a partir de 30.01.2006 Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação Information and documentation Presentation of academic

Leia mais

NORMAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS 2013 DISSERTAÇÃO E TESE

NORMAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS 2013 DISSERTAÇÃO E TESE UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM NORMAS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS 2013 DISSERTAÇÃO E TESE Este documento refere-se às Normas de Apresentação

Leia mais

ASPECTOS NORMATIVOS E TIPOGRÁFICOS DO ARTIGO CIENTÍFICO baseados na NBR 6022, 2003

ASPECTOS NORMATIVOS E TIPOGRÁFICOS DO ARTIGO CIENTÍFICO baseados na NBR 6022, 2003 FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DOM BOSCO CORNÉLIO PROCÓPIO - PR ASPECTOS NORMATIVOS E TIPOGRÁFICOS DO ARTIGO CIENTÍFICO baseados na NBR 6022, 2003 1 INTRODUÇÃO As orientações aqui apresentadas são baseadas

Leia mais

MANUAL DE ELABORAÇÃO PARA APRESENTAÇÃO DO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO E TESE

MANUAL DE ELABORAÇÃO PARA APRESENTAÇÃO DO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO E TESE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE MANUAL DE ELABORAÇÃO PARA APRESENTAÇÃO DO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO E

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA Considera-se projeto de pesquisa um plano ou uma orientação metódica acerca dos passos que devem ser executados na pesquisa de forma concreta, atendendo a

Leia mais

Disciplina: Seminários. Curso: Administração

Disciplina: Seminários. Curso: Administração Disciplina: Seminários Curso: Administração Texto 5: NORMAS PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO / ACADÊMICO NBR 14724/2005 A normalização de documentos técnico-científicos tem como finalidade tornar

Leia mais

NORMAS ABNT- UFF - março de 2015 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

NORMAS ABNT- UFF - março de 2015 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE TURISMO 1 NORMAS ABNT- UFF - março de 2015 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Conforme estabelecido pela ABNT - NBR 14724:2011 Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação As informações

Leia mais

LIBREOFFICE WRITER VERSÃO 08.2012 DE TRABALHOS CIENTÍFICOS UTILIZANDO O

LIBREOFFICE WRITER VERSÃO 08.2012 DE TRABALHOS CIENTÍFICOS UTILIZANDO O UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS - PRH DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS - DRH DIVISÃO DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO - TDE FORMATAÇÃO DE TRABALHOS

Leia mais

PIM V. Projeto Integrado Multidisciplinar

PIM V. Projeto Integrado Multidisciplinar PIM V Projeto Integrado Multidisciplinar PIM V - PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Propor a aplicação dos conhecimentos adquiridos nas disciplinas do semestre no funcionamento dos sistemas de Saúde

Leia mais

MANUAL DE TRABALHOS ACADÊMICOS

MANUAL DE TRABALHOS ACADÊMICOS MANUAL DE TRABALHOS ACADÊMICOS Apresentação gráfica Segundo normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e atualizado com as alterações da NBR 14724/11 Trabalhos Acadêmicos.

Leia mais

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS Estas regras são aplicadas a todos os Trabalhos acadêmicos ou similares (trabalho de conclusão de curso (TCC), trabalho de graduação interdisciplinar,

Leia mais

1 Apresentação 2 Formatação do texto Papel: Margens: Tipo de Letra: Tamanho da fonte: Espaço entre as linhas:

1 Apresentação 2 Formatação do texto Papel: Margens: Tipo de Letra: Tamanho da fonte: Espaço entre as linhas: 1 2 1 Apresentação Este documento tem por objetivo apresentar orientações para a redação e formatação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na modalidade de Artigo Científico. Para a elaboração do artigo

Leia mais

Manual de Normas Técnicas do Trabalho Acadêmico Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Manual de Normas Técnicas do Trabalho Acadêmico Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) Manual de Normas Técnicas do Trabalho Acadêmico Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) Aprovado pelo CONASU em 23/07/2015 Lauro de Freitas 2015 2 SUMÁRIO Apresentação 3 1 ESTRUTURA DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Leia mais

DE ARTIGO CIENTÍFICO

DE ARTIGO CIENTÍFICO CURSOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, TURISMO, DIREITO E PÓS-GRADUAÇÃO Maria Paulina Gomes Maria Paulina Gomes Manual elaborado para orientar os alunos que estão realizando a disciplina Trabalho de Conclusão

Leia mais

EDITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

EDITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE REITOR Josué Modesto dos Passos Subrinho VICE-REITOR Angelo Roberto Antoniolli EDITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE Coordenador do Programa Editorial Péricles

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE FOLHETOS DE EXTENSÃO

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE FOLHETOS DE EXTENSÃO MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE FOLHETOS DE EXTENSÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS CAMPUS

Leia mais

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo Objetivo ABNT Normas para elaboração de trabalhos científicos Esta Norma especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos, visando sua apresentação à instituição Estrutura Parte

Leia mais

As partes que compõem o trabalho acadêmico são:

As partes que compõem o trabalho acadêmico são: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Picos, 2009 Apresentação O conhecimento científico tem como princípio fundamental a objetividade, tendo como premissa a sua legitimidade junto à comunidade científica.

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA ANEXO da Norma 004/2008 CCQ Rev 1, 28/09/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Salvador 2009 2 1 Objetivo Estabelecer parâmetros para a apresentação gráfica

Leia mais

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO 1. VERSÃO FINAL O original da versão final da Dissertação deverá ser entregue pelo aluno a Coordenação do Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

Departamento de Tecnologia da Informação TCC

Departamento de Tecnologia da Informação TCC Departamento de Tecnologia da Informação TCC Roteiro com Orientações para Elaboração e Entrega do Trabalho de Conclusão de Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) da Faculdade de Tecnologia

Leia mais

RECOMENDAÇÕES PARA ELABORAÇÃO

RECOMENDAÇÕES PARA ELABORAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS RECOMENDAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES REVISADO EM SETEMBRO DE 2011 DE ACORDO COM RESOLUÇÃO

Leia mais

CONSULTIME GESTÃO DE ENSINO ADRIANA SARTÓRIO RICCO. NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (Monografias e Trabalhos para Disciplinas)

CONSULTIME GESTÃO DE ENSINO ADRIANA SARTÓRIO RICCO. NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (Monografias e Trabalhos para Disciplinas) CONSULTIME GESTÃO DE ENSINO Faculdade de Ciências e Educação do Espírito Santo UNIVES Faculdade de Educação de Vitória - AUFES Professora Organizadora: ADRIANA SARTÓRIO RICCO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE

Leia mais

CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE FRANCA. Dr. THOMAZ NOVELINO DIGITE NOME. TÍTULO (DIGITE: TEXTO FORMATADO) Subtítulo (use se necessário)

CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE FRANCA. Dr. THOMAZ NOVELINO DIGITE NOME. TÍTULO (DIGITE: TEXTO FORMATADO) Subtítulo (use se necessário) CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE FRANCA Dr. THOMAZ NOVELINO FORMATO DA FOLHA A4(21 CM X29,7 CM) ESPAÇAMENTO 1,5 MARGEM: SUPERIOR E ESQUERDA- 3 CM INFERIOR E DIREITA - 2 CM [f1] Comentário:

Leia mais

Faculdade de Alta Floresta (FAF) Programa de Iniciação Científica MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

Faculdade de Alta Floresta (FAF) Programa de Iniciação Científica MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS Faculdade de Alta Floresta (FAF) Programa de Iniciação Científica MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS Alta Floresta-MT 2015 Programa de Iniciação Científica MANUAL DE NORMAS PARA

Leia mais

Profª. Drª. Sílvia Maria Agatti Lüdorf

Profª. Drª. Sílvia Maria Agatti Lüdorf UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E DESPORTOS NORMAS PARA A FORMATAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) - MONOGRAFIA E ARTIGO CIENTÍFICO

Leia mais

DIRETRIZES PARA A APRESENTAÇÃO GRÁFICA (NBR 6022, 2003) DE UM ARTIGO CIENTÍFICO

DIRETRIZES PARA A APRESENTAÇÃO GRÁFICA (NBR 6022, 2003) DE UM ARTIGO CIENTÍFICO DIRETRIZES PARA A APRESENTAÇÃO GRÁFICA (NBR 6022, 2003) DE UM ARTIGO CIENTÍFICO Considerando-se que artigos científicos integram o conteúdo de publicações mais amplas (publicações periódicas tais como

Leia mais

Normas ABNT para Trabalhos

Normas ABNT para Trabalhos Normas ABNT para Trabalhos CAPA: Nome da Instituição: fonte tamanho 12 e centralizado. Nome dos autores: fonte tamanho 12, centralizado em ordem alfabética. Título: fonte tamanho 14 em negrito e centralizado.

Leia mais

de dissertações de mestrado e teses de doutorado, em acordo com as convenções gerais

de dissertações de mestrado e teses de doutorado, em acordo com as convenções gerais Sumário 1 Disposições gerais 2 1.1 Objetivo, natureza, alcance e conteúdo 2 2 Elementos da dissertação e da tese 5 2.1 Elementos pré-textuais 5 2.1.1 Capa 5 2.1.2 Lombada 6 2.1.3 Classificação de acesso

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (Conforme as Normas Técnicas da ABNT)

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (Conforme as Normas Técnicas da ABNT) GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (Conforme as Normas Técnicas da ABNT) Maceió 2011 1 TIPOS DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Na academia de ensino superior podemos encontrar os seguintes tipos de trabalhos:

Leia mais

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UPE/UFPB NORMA PAPGEF UPE/UFPB N 002/2015 DISPÕE SOBRE A NORMATIZAÇÃO PARA ELABORAÇÃO DAS DISSERTAÇÕES E TESES NO PAPGEF UPE/UFPB. Art. 1. Os concluintes

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PAPER NO ACOMPANHAMENTO ESPECIAL DE TODAS AS DISCIPLINAS

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PAPER NO ACOMPANHAMENTO ESPECIAL DE TODAS AS DISCIPLINAS 1 ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PAPER NO ACOMPANHAMENTO ESPECIAL DE TODAS AS DISCIPLINAS APRESENTAÇÃO Esse documento é dirigido aos docentes e discentes da Fesp Faculdades com a finalidade de adotar normas

Leia mais

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008)

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008) Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Curso de Sistemas de Informação Trabalho de Conclusão de Curso Prof. Dr. Luís Fernando Garcia - TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto

Leia mais

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS:

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS: MANUAL PARA TCC www.etecmonteaprazivel.com.br Estrada do Bacuri s/n Caixa Postal 145 Monte Aprazível SP CEP 15150-000 Tel.: (17) 3275.1522 Fax: (17) 3275.1841 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT

Leia mais

MODELO PARA FORMATAÇÃO DE ARTIGO PARA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE LINS PROF. ANTÔNIO SEABRA

MODELO PARA FORMATAÇÃO DE ARTIGO PARA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE LINS PROF. ANTÔNIO SEABRA MODELO PARA FORMATAÇÃO DE ARTIGO PARA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE LINS PROF. ANTÔNIO SEABRA Primeiro autor 1, Segundo autor 2 Orientador 3 1,2 Acadêmicos do Curso de... da Faculdade de Tecnologia de Lins

Leia mais

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 1 Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 Pré-textuais Textuais Pós-textuais Estrutura Elemento OK Capa (obrigatório) Anexo A (2.1.1) Lombada (obrigatório) Anexo H Folha

Leia mais

MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO SÃO CAMILO - ES

MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO SÃO CAMILO - ES 1 MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO SÃO CAMILO - ES Primeiro Autor (aluno) e-mail Formação Segundo Autor (aluno) e-mail Formação Professor Orientador e-mail

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA (ABNT - NBR 15287- válida a partir de 30.01.2006) 1 COMPONENTES DE UM PROJETO DE PESQUISA (itens em negrito são obrigatórios) ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS Capa

Leia mais

Diretrizes para Apresentação de Dissertações. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem Mestrado Acadêmico

Diretrizes para Apresentação de Dissertações. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem Mestrado Acadêmico 1 Diretrizes para Apresentação de Dissertações Programa de Pós-Graduação em Enfermagem Mestrado Acadêmico Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto - FAMERP 2 2014 Diretor Adjunto de Pós-Graduação

Leia mais

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011 São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico As orientações abaixo estão de acordo com NBR 14724/2011 da Associação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS GOVERNADOR VALADARES COORDENAÇÃO DO ENSINO MÉDIO - CEM

Leia mais

COMO ELABORAR UM TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

COMO ELABORAR UM TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Série: 3º ANO ENSINO MÉDIO MATERIAL COMPLEMENTAR COMO ELABORAR UM TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO São Paulo 2012 1 1. APRESENTAÇÃO GRÁFICA: Todo trabalho escolar deve conter impressão de boa qualidade,

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE UNIÃO DA VITÓRIA - UNIUV CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MARIO DE SOUZA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS: MODELO TRABALHO COMPLETO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE UNIÃO DA VITÓRIA - UNIUV CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MARIO DE SOUZA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS: MODELO TRABALHO COMPLETO - capa A capa é a proteção externa do trabalho, padronizada. CENTRO UNIVERSITÁRIO DE UNIÃO DA VITÓRIA - UNIUV Nome do curso TODO O TRABALHO: Os textos devem ser apresentados em papel branco (sem marca

Leia mais

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS F A C UL DA DE DE P R E S I DE N T E V E N C E S L A U REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS APRESENTAÇÃO GRÁFICA - CONFIGURAÇÃO DAS MARGENS Ir ao menu Arquivo, escolher a opção Configurar

Leia mais

Revista Cultivando o Saber

Revista Cultivando o Saber 1 FACULDADE ASSIS GURGACZ-FAG Cascavel - PR. Revista Cultivando o Saber INSTRUÇÕES PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS NA REVISTA CULTIVANDO O SABER Os trabalhos enviados à Revista Cultivando o Saber devem ser

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O trabalho deve ser digitado e impresso em papel formato A4. O texto deve ser digitado, no anverso das folhas, em espaço 1,5, letra do tipo

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FLORIANO/ 2012 É importante enfatizar que as regras constantes neste manual para a apresentação do projeto de TCC e para a apresentação do próprio

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FUNDAÇÃO JOSÉ AUGUSTO VIEIRA FACULDADE JOSÉ AUGUSTO VIEIRA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Lagarto/SE, 2009 1 SUMÁRIO

Leia mais

Roteiro de normalização para trabalhos escolares Informações básicas

Roteiro de normalização para trabalhos escolares Informações básicas COLÉGIO SANTA MARIA SISTEMA DE BIBLIOTECAS Roteiro de normalização para trabalhos escolares Informações básicas DANIELA LUZIA DA SILVA GOMES SIMONE DE SOUZA SANTOS TATIANA DIAS IGNÁCIO Belo Horizonte 2014

Leia mais

FADIRE CURSO DE XXXXXXX NOME DO ALUNO. TÍTULO DO ARTIGO: subtítulo (se houver)

FADIRE CURSO DE XXXXXXX NOME DO ALUNO. TÍTULO DO ARTIGO: subtítulo (se houver) FADIRE CURSO DE XXXXXXX NOME DO ALUNO TÍTULO DO ARTIGO: subtítulo (se houver) Santa Cruz 2016 1 NOME DO ALUNO TÍTULO DO ARTIGO: subtítulo (se houver) Artigo apresentado como requisito parcial para obtenção

Leia mais

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Editoração do Trabalho Acadêmico 1 Formato 1.1. Os trabalhos devem ser digitados em papel A-4 (210 X297 mm) apenas no anverso (frente) da folha. 2 Tipo e tamanho

Leia mais

NORMAS PARA ENTREGA DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA ENTREGA DE TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS PARA ENTREGA DE TRABALHOS ACADÊMICOS ESTRELA 2015 1 FORMATAÇÕES O texto deve ser digitado em cor preta, podendo utilizar outras cores apenas para as ilustrações. Utilizar somente o anverso. Se

Leia mais

ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011]

ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011] ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011] Professora Alcione Mazur 25/07/11 Cancela e substitui a edição anterior. ABNT NBR 14724: 2005 Não houve alterações na estrutura do trabalho, mas em uma

Leia mais

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Padrão FEAD de normalização Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Objetivo Visando padronizar os trabalhos científicos elaborados por alunos de nossa instituição Elaboramos este manual

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO. REVISTA DiCA!

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO. REVISTA DiCA! CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE AGUDOS - FAAG BIBLIOTECA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS PARA O PERIÓDICO REVISTA DiCA! Biblioteca - FAAG Tel. (14) 3262-9400 Ramal: 417 Email: biblioteca@faag.com.br http://www.faag.com.br/faculdade/biblioteca.php

Leia mais

MANUAL TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

MANUAL TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS MANUAL TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Administração Arquitetura e Urbanismo Ciências Contábeis Desenho Industrial Letras Sistemas de Informação FACULDADES BARDDAL - UNIESP MANUAL TÉCNICO

Leia mais

DESENVOLVIMENTO E ORGANIZA- ÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO. META Descrever como proceder para melhor elaborar e organizar um trabalho científico.

DESENVOLVIMENTO E ORGANIZA- ÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO. META Descrever como proceder para melhor elaborar e organizar um trabalho científico. DESENVOLVIMENTO E ORGANIZA- ÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO Aula 3 META Descrever como proceder para melhor elaborar e organizar um trabalho científico. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno(a) deverá: ler

Leia mais

Universidade Federal de Viçosa Departamento de Economia Comissão de Monografia NORMAS PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)

Universidade Federal de Viçosa Departamento de Economia Comissão de Monografia NORMAS PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) Universidade Federal de Viçosa Departamento de Economia Comissão de Monografia NORMAS PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) Comissão de Monografia do Curso de Ciências Econômicas 23

Leia mais

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Maria Bernardete Martins Alves Marili I. Lopes Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Módulo 3 Apresentação

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA - IFSC CURSO DE XXXX - XXX NOME

INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA - IFSC CURSO DE XXXX - XXX NOME 0 INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA - IFSC CURSO DE XXXX - XXX NOME Nome do (s) autor (s). Se tiver mais de um autor, inserir os nomes em ordem alfabética. NBR 10719: apresentação de relatórios técnico-científicos

Leia mais

II Fórum de acessibilidade e II Seminário de ações afirmativas, diversidade e inclusão. OS TRABALHOS DEVERÃO SEGUIR A SEGUINTE FORMATAÇÃO:

II Fórum de acessibilidade e II Seminário de ações afirmativas, diversidade e inclusão. OS TRABALHOS DEVERÃO SEGUIR A SEGUINTE FORMATAÇÃO: II Fórum de acessibilidade e II Seminário de ações afirmativas, diversidade e inclusão. OS TRABALHOS DEVERÃO SEGUIR A SEGUINTE FORMATAÇÃO: I - RESUMO EXPANDIDO: Modalidade: Destinada a alunos de graduação,

Leia mais

MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS MODELO PARA ELABORAÇÃO E FORMATAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS Nome(s) do(s) autor(es) em ordem alfabética E-mail(s) Professor(a)orientador(a) Resumo Este documento apresenta o modelo de elaboração e formatação

Leia mais

PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROCESSO

PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROCESSO MANUAL DE NORMAS TÉCNICAS 1 PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROCESSO PENAL IBCCRIM-COIMBRA, REALIZADO PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS (IBCCRIM)

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO GRÁFICA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO E TESE DE DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA DA UNIFEI

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO GRÁFICA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO E TESE DE DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA DA UNIFEI NORMAS PARA APRESENTAÇÃO GRÁFICA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO E TESE DE DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA DA UNIFEI 1 GENERALIDADES 1.1 A Dissertação Trabalho que apresenta o

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ GESTÃO2010/2012 ESCOLASUPERIORDOMINISTÉRIOPÚBLICO(Art.1ºdaLei11.592/89) Credenciada pelo Parecer 559/2008, de 10/12/08, do CEC (Art. 10, IV da Lei Federal n.º 9.394, de 26/12/1996 - LDB) NORMAS PARA ELABORAÇÃO

Leia mais

COMPLEMENTAÇÃO ÀS NORMAS TÉCNICAS PARA A DISSERTAÇÃO

COMPLEMENTAÇÃO ÀS NORMAS TÉCNICAS PARA A DISSERTAÇÃO COMPLEMENTAÇÃO ÀS NORMAS TÉCNICAS PARA A DISSERTAÇÃO RESUMOS Os resumos em língua portuguesa e em língua estrangeira devem conter no mínimo 200 e no máximo 500 palavras. PALAVRAS-CHAVE Devem ser usadas

Leia mais

Diretrizes para Autores

Diretrizes para Autores Diretrizes para Autores Os manuscritos recebidos eletronicamente (em ), que estiverem de acordo com as normas da revista e forem considerados potencialmente publicáveis pela,

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA A elaboração da monografia deve ter como referência a ABNT NBR 14724/ 2006, a qual destaca que um trabalho acadêmico compreende elementos pré-textuais,

Leia mais

I Simpósio de Educação Musical

I Simpósio de Educação Musical I Simpósio de Educação Musical Normas para estruturação dos trabalhos COMUNICAÇÕES Normas e estrutura do trabalho: Título do trabalho (Times New Roman, 14, negrito, centralizado) Nome dos(as) autores(as),

Leia mais

PASSO-A-PASSO PARA DESENVOLVER E REDIGIR UM ARTIGO CIENTÍFICO

PASSO-A-PASSO PARA DESENVOLVER E REDIGIR UM ARTIGO CIENTÍFICO CURSO DE PEDAGOGIA EaD PASSO-A-PASSO PARA DESENVOLVER E REDIGIR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1. CARACTERÍSTICAS E CONCEITUAÇÃO Este texto trata a respeito das Normas da ABNT com a finalidade de orientar os acadêmicos

Leia mais

Algumas observações pertinentes sobre os elementos obrigatórios:

Algumas observações pertinentes sobre os elementos obrigatórios: CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA INSTITUTO DE COMUNICAÇÃO E ARTES Roteiro para Elaboração do Projeto de TCC Um trabalho de conclusão de curso (em qualquer modalidade) tem início com a elaboração de seu projeto.

Leia mais

APÊNDICE A FORMULÁRIO DO PROJETO DE PESQUISA

APÊNDICE A FORMULÁRIO DO PROJETO DE PESQUISA APÊNDICE A FORMULÁRIO DO PROJETO DE PESQUISA DIREÇÃO ACADÊMICA CURSO DE FILOSOFIA PROJETO DE PESQUISA TÍTULO: ÁREA DE CONHECIMENTO 7.00.00.00-0 CIÊNCIAS HUMANAS ACADÊMICO: SUB-ÁREA DE CONHECIMENTO 7.01.00.00-4

Leia mais

Programa de Pós-graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde Universidade Nove de Julho - UNINOVE

Programa de Pós-graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde Universidade Nove de Julho - UNINOVE Programa de Pós-graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde Universidade Nove de Julho - UNINOVE Normas para Redação de Dissertações/Teses 1. Estrutura A estrutura de uma dissertação, tese ou

Leia mais

Universidade Federal de Juiz de Fora Departamento de Nutrição Curso de Nutrição MANUAL DE RELATÓRIO DE AULAS PRÁTICAS

Universidade Federal de Juiz de Fora Departamento de Nutrição Curso de Nutrição MANUAL DE RELATÓRIO DE AULAS PRÁTICAS Universidade Federal de Juiz de Fora 0 MANUAL DE RELATÓRIO DE AULAS PRÁTICAS Professores: Renato Moreira Nunes Cristiane Gonçalves de Oliveira Fialho Paulo Henrique Fonseca da Silva Renata Maria Souza

Leia mais

ORIENTAÇÃO À PESQUISA

ORIENTAÇÃO À PESQUISA ORIENTAÇÃO À PESQUISA ONDE PESQUISAR Vivemos um momento importante na história da humanidade, pois a cada dia temos novas informações à nossa disposição. Há um grande número de pessoas, cuja inteligência

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado MANUAL DE DEFESA Exame de Qualificação: banca examinadora

Leia mais

PADRÃO PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS

PADRÃO PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS 1. ESTRUTURA DA MONOGRAFIA PADRÃO PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS A estrutura de uma monografia compreende as seguintes partes: a) elementos pré-textuais; b) elementos textuais; c) elementos pós-textuais.

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 Jaciara-MT COMPOSIÇÃO DA MONOGRAFIA MONOGRAFIA Recebe nº página CAPA FOLHA DE ROSTO FOLHA DE APROVAÇÃO DEDICATÓRIA (OPCIONAL) AGRADECIMENTO (OPCIONAL) EPIGRAFE

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL VALE DO SÃO FRANCISCO ESCOLA SUPERIOR EM MEIO AMBIENTE

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL VALE DO SÃO FRANCISCO ESCOLA SUPERIOR EM MEIO AMBIENTE FUNDAÇÃO EDUCACIONAL VALE DO SÃO FRANCISCO ESCOLA SUPERIOR EM MEIO AMBIENTE NORMAS DE APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA (laboratório ou campo) E VISITAS TÉCNICAS. IGUATAMA-MG 2010 2 Atualizada

Leia mais

RECURSOS HUMANOS PIM IV. Projeto Integrado Multidisciplinar

RECURSOS HUMANOS PIM IV. Projeto Integrado Multidisciplinar RECURSOS HUMANOS PIM IV Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrever o papel da área de Recursos Humanos em termos de seu significado e importância no alcance

Leia mais

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e NORMAS PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor

Leia mais

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Faculdade de Educação UAB/UnB Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA Parceria MEC/SECAD NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL)

Leia mais

CHAMADA PARA A SUBMISSÃO DE TRABALHOS NO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL DO LIVRO, DA LEITURA E DA LITERATURA NO SERTÃO

CHAMADA PARA A SUBMISSÃO DE TRABALHOS NO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL DO LIVRO, DA LEITURA E DA LITERATURA NO SERTÃO CHAMADA PARA A SUBMISSÃO DE TRABALHOS NO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL DO LIVRO, DA LEITURA E DA LITERATURA NO SERTÃO A Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco/Fundarpe e a Universidade de Pernambuco/Campus

Leia mais

TRABALHO ACADÊMICO. Apresentação gráfica

TRABALHO ACADÊMICO. Apresentação gráfica 2012 2 Núcleo de Apoio à Pesquisa na Graduação- NAP/UNIMAR Projeto de Pesquisa; Apresentação gráfica TRABALHO ACADÊMICO Apresentação gráfica Segundo normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas

Leia mais

Escreva aqui o título do trabalho com no máximo 15 palavras

Escreva aqui o título do trabalho com no máximo 15 palavras Escreva aqui o título do trabalho com no máximo 15 palavras Nome Completo Primeiro Autor 1, Nome Completo Segundo Autor 2, Nome Completo Terceiro Autor 1 1 Departamento de Informática, Universidade Estadual

Leia mais

Normalização de trabalhos Acadêmicos. ABNT NBR 14724-2011 -Informação e documentação - Trabalhos Acadêmicos-

Normalização de trabalhos Acadêmicos. ABNT NBR 14724-2011 -Informação e documentação - Trabalhos Acadêmicos- Normalização de trabalhos Acadêmicos ABNT NBR 14724-2011 -Informação e documentação - Trabalhos Acadêmicos- Esta norma específica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos (teses,

Leia mais

FACULDADES SÃO JOSÉ NOME DO AUTOR TÍTULO DO PROJETO

FACULDADES SÃO JOSÉ NOME DO AUTOR TÍTULO DO PROJETO FACULDADES SÃO JOSÉ NOME DO AUTOR TÍTULO DO PROJETO Rio de Janeiro 2007 NOME DO AUTOR TÍTULO DO PROJETO Projeto de pesquisa apresentado para a Programa de Iniciação à Pesquisa das FSJ, ou para elaboração

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

RECURSOS HUMANOS PIM III. Projeto Integrado Multidisciplinar

RECURSOS HUMANOS PIM III. Projeto Integrado Multidisciplinar RECURSOS HUMANOS PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrever o papel da área de Recursos Humanos em termos de seu significado e importância no alcance

Leia mais

NORMALIZAÇÃO PARA RELATÓRIOS TÉCNICOS VERSÃO RESUMIDA

NORMALIZAÇÃO PARA RELATÓRIOS TÉCNICOS VERSÃO RESUMIDA NORMALIZAÇÃO PARA RELATÓRIOS TÉCNICOS VERSÃO RESUMIDA PADRÃO CESBOC ABNT 2015 O QUE É ABNT? Fundada em 1940, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o Órgão responsável pela normalização técnica

Leia mais