MANUAL DE ATENDIMENTO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL DE ATENDIMENTO"

Transcrição

1

2 Tópico I Introdução Seja bem-vindo à Mogidonto Planos Odontológicos. Prezado (a) Credenciado (a), É um grande prazer para a Mogidonto ter você conosco! Para isso, integridade e profissionalismo são palavras-chave. Desde a fundação de nossa empresa, em 1976, levamos aos mais conceituados especialistas a mais avançada plataforma de tecnologia e sempre o melhor atendimento. O Manual de Atendimento tem o objetivo de esclarecer todas as dúvidas sobre a utilização do sistema de Webservice disponível através do Portal Mogidonto, orientando o prestador de maneira clara de como utilizar seus recursos. Fazer parte da rede credenciada da Mogidonto é poder trabalhar com maior segurança e tranquilidade no relacionamento, pois através de constantes investimentos vem alcançando a excelência na desburocratização de processos, tais como facilitar a troca de informações. Leia atentamente este Manual de Atendimento, mantenha-o sempre ao seu alcance para que você possa usufruir ao máximo dos serviços Web prestados pela Mogidonto. Nossa Missão Proporcionar acesso aos serviços odontológicos com qualidade, igualdade e inovação, contribuindo para a melhoria da saúde e bem estar dos seus clientes sempre de maneira sustentável e rentável. Contatos: Suporte aos Credenciados Fone: (11) (R. 5490) Fax: (11) Horário de funcionamento das 08 às 18h. Portal: TISS Endereço - Correios (Entrega e Retirada de Documentos) e Visita Pessoal Rua Dr. Ricardo Vilela, 1313 Parque Monte Líbano Mogi das Cruzes SP - CEP A/C: Suporte aos Credenciados

3 3 Tópico II Normas Gerais de Atendimento NOTAS IMPORTANTES Tanto o Manual de Atendimento, quanto a Tabela Tuss Cred constituem parte integrante do Contrato. Os procedimentos cobertos pelo plano nunca deverão ser cobrados diretamente do Beneficiário. Pedimos especial atenção em nunca envolver o beneficiário em questões ou problemas administrativos. Essas questões deverão ser resolvidas diretamente entre a Mogidonto Planos Odontologicos e o Credenciado. Nunca pedir ao beneficiário assinar linhas em branco ou assinar procedimentos não realizados. Realizar todo o tratamento odontológico do Beneficiário sempre dentro dos princípios éticas que regem a Odontologia. OBJETIVO Orientar os recursos credenciados no atendimento prestado aos beneficiários do plano da Mogidonto. CARTÃO DE IDENTIFICAÇÃO MOGIDONTO PLANO EMPRESA C.A.: NOME: XXXXXXXX XXXXXXX EMPRESA: XXXXX XXXXXX XXXXX XXXXX PLANO ODONTOLOGICO MASTER DT. VIGÊNCIA: 00/00/0000 DT. NASC: 00/00/0000 PLANO INDIVIDUAL / PLANO FAMILIAR C.A.: NOME: XXXXXXXX XXXXXXX EMPRESA: (EM BRANCO) PLANO ODONTOLOGICO STANDART DT. VIGÊNCIA: 00/00/0000 DT. NASC: 00/00/0000

4 MÓDULO PRESTADOR 4 O credenciado deverá solicitar o Cartão de Identificação do beneficiário e documento de identidade em todas as consultas para a comprovação de que a situação cadastral do mesmo esteja regularizada. TISS PADRÃO PARA TROCA DE INFORMAÇÃO DE SAÚDE SUPLEMENTAR A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as trocas eletrônicas de dados de atenção à saúde dos beneficiários de planos, entre os agentes da Saúde Suplementar. O objetivo é padronizar as ações administrativas, subsidiar as ações de avaliação e acompanhamento econômico, financeiro e assistencial das operadoras de planos privados de assistência à saúde e compor o Registro Eletrônico de Saúde. O padrão TISS tem por diretriz a interoperabilidade entre os sistemas de informação em saúde preconizados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar e pelo Ministério da Saúde e ainda a redução da assimetria de informações para os beneficiários de planos privados de assistência à saúde. Para atender ao padrão TISS a Mogidonto utiliza o sistema de Webservice (WEDE - WEB Easy Dental Enterprise) através do portal TISS no site SISTEMA WEDE PARA TROCA DE INFORMAÇÕES VIA WEB. O Sistema WEDE reflete o que há de mais moderno no desenvolvimento de sistemas para troca de informações no padrão TISS. A tecnologia empregada permite ao usuário uma navegação simples, e o acesso às funcionalidades de forma fácil e intuitiva. Você perceberá que as telas têm um formato minimalista, ou seja, as funções que a tela possui são as mesmas, facilitando o entendimento e acelerando a aprendizagem. LOGIN / SENHA PESQUISA DE REDE CREDENCIADA CONSULTA DE CADASTRO DO PRESTADOR CANAL DE COMUNICAÇÃO DO PRESTADOR CONSULTA DE DADOS DO ASSOCIADO EXTRATO DE REPASSE SINTÉTICO EXTRATO DE REPASSE ANALÍTICO INFORME DE REDIMENTOS (NÃO HABILITADO) INSERÇÃO DE FOTOS E CURRÍCULO DOWNLOADS DE ARQUIVOS PRÉ-AUTORIZAÇÃO Para realização de alguns tratamentos, é necessário que o prestador obtenha uma préautorização através de telefone ou junto ao Setor de Suporte ao Credenciado. Os

5 procedimentos abaixo não necessitam de imagem-diagnóstico para pré-aprovação, mas devem ser observadas as regras técnicas que constam na Tabela Tuss Cred para fins de aprovação Raspagem Supra-Gengival Raspagem Sub-Gengival/Alisamento Radicular Enxerto Pediculado Remoção De Dentes Inclusos/Impactados Remoção De Dentes Semi-Inclusos/Impactados Teste De Fluxo Salivar Biopsia De Boca Biopsia De Glândula Salivar Biopsia De Lábio Biopsia De Língua Biopsia De Mandíbula Biopsia De Maxila Remineralizarão Faceta Direta Em Resina Fotopolimerizável SOLICITAÇÃO DE EXAMES A Guia de Serviços Profissionais/Serviço Auxiliar Diagnóstico e Terapia (SP/SADT) deve ser utilizada para solicitação de exames complementares pelos cirurgiões-dentistas. Neste caso, a pré-autorização deve ser obtida através do do Setor de Suporte aos Credenciados Diagnóstico anatomopatológico em citologia esfoliativa na região bucomaxilo-facial Diagnóstico anatomopatológico em material de biópsia na região bucomaxilo-facial Diagnóstico anatomopatológico em peça cirúrgica na região buco-maxilofacial Diagnóstico anatomopatológico em punção na região buco-maxilo-facial Líquido pleural citológico Procedimento diagnóstico em biópsia simples "imprint" e "cell block" A Rede Credenciada para realização do exame deve ser consultada no portal TISS no site da Mogidonto.

6 6 ATENDIMENTO DE EMERGÊNCIA O atendimento de emergência pode ser realizado pelo cirurgião-dentista que possui a especialidade contratada. É realizado para o beneficiário que não esteja em tratamento e necessite de atendimento odontológico imediato. As consultas de emergência são caracterizadas por situações não previstas, a qual justifica um atendimento sem hora marcada. Após o atendimento emergencial, o beneficiário deve ser orientado a seguir um plano de tratamento clínico geral. Para o atendimento de emergência a liberação é efetuada via sistema WEDE através do Portal TISS no site da Mogidonto. Caso queira atender a especialidade, basta entrar em contato com o Setor de Suporte aos Credenciados e solicitar a inclusão no contrato de prestação de serviço. REPASSE AO CIRURGIÃO DENTISTA CREDENCIADO O valor do repasse do cirurgião-dentista é o resultado da quantidade de USO (unidade de serviço odontológico) do evento realizado (ver Tabela Tuss Cred) multiplicada pelo valor da USO definida no processo de credenciamento. QTD. USO da Tabela Tuss Cred de Procedimentos X Valor da USO do Cirurgião-Dentista = Pagamento do Credenciado GUIA TRATAMENTO ODONTOLÓGICO A GTO tem como finalidade ser utilizada para elaborar o plano de tratamento, autorizar procedimentos e faturar os procedimentos odontológicos realizados por cirurgiões-dentistas, tanto em consultórios quanto em clínicas odontológicas, utilizada para transações de solicitação e/ou cobrança de procedimentos. Uma mesma GTO pode ser referente a faturamento parcial ou total. Importante: Enviar solicitação via ao Suporte aos Credenciados sempre que houver GTO aprovada e não concluída pelo beneficiário no período de 30 dias, para validação da senha referente a situação cadastral do beneficiário. TRIBUTOS Os tributos incidentes sobre os valores de repasse, como IR, contribuição ao INSS e outros, serão retidos e recolhidos pelo sujeito tributário, conforme definição da legislação atual. Pessoa Física (PF) Os tributos e alíquotas vigentes são: INSS (11%) + IR que variam conforme valor do repasse mensal, lembrando que tal contribuição é calculada sobre 60% do valor bruto do repasse.

7 7 Retenção do INSS É necessário informar, caso seja realizada por outra fonte pagadora, a retenção de INSS de seu consultório. Para informar evento de retenções de valor, podem-se utilizar declarações assinadas e com firma reconhecida que terão validade por 12 meses, respeitando o ano fiscal, tanto para recolhimento parcial quanto para recolhimento total. Recomendamos atenção especial para esse procedimento para que não ocorra o recolhimento superior ao teto. Pessoa Jurídica (PJ) Os tributos incidentes são: IR (1,5%) e PIS, COFINS E CSLL (4,65%), nas seguintes condições: A incidência dos demais tributos (PIS, COFINS e CSLL) está condicionada ao repasse mensal. Se o valor de repasse pago ultrapassar R$ 5.000,00 (cinco mil reais) ao mês, haverá retenção de 4,65%. PAGAMENTO DE REPASSE Após o recebimento das guias de tratamento e imagens que formarão o prontuário virtual, entre outras etapas, realizamos o repasse dos valores devidos, feito por conta e ordem dos beneficiários. Recomendamos sua especial atenção ao envio de guias e imagens (quando solicitadas), quando solicitadas, incluir as imagens (fotos e/ou radiografias) do tratamento realizado. As informações sobre os eventos que necessitam de imagens para compor a documentação do tratamento estão disponíveis na Tabela Tuss Cred de Procedimentos. O pagamento do repasse é realizado na conta corrente da clínica (se for PJ) ou do credenciado (se for PF). Para alterar dados bancários, o credenciado poderá encaminhar para e obter todas as informações necessárias para a atualização. A apresentação de contas odontológicas deverá ser realizada pelo CREDENCIADO no prazo máximo de 90 (noventa) dias, a contar da data de atendimento até a data de recepção pela OPERADORA, sendo que a apresentação fora do prazo supracitado desonerará a OPERADORA bem com os BENEFICIARIOS envolvidos de quaisquer ônus financeiros. GTO PARA REPASSE As GTOs deverão ser entregues até o dia 20 de cada mês. Esta data deverá ser antecipada caso o dia 20 coincidir com final de semana (sábado, domingo e feriado).

8 8 CRONOGRAMA DE ENTREGA DAS GUIAS DE TRATAMENTO ODONTOLOGICOS MÊS DATA DA ENTREGA JANEIRO 20/01/2015 FEVEREIRO 20/02/2015 MARÇO 20/03/2015 ABRIL 20/04/2015 MAIO 20/05/2015 JUNHO 19/06/2015 JULHO 20/07/2015 AGOSTO 20/08/2015 SETEMBRO 18/09/2015 OUTUBRO 20/10/2015 NOVEMBRO 20/11/2015 DEZEMBRO 18/12/2015 OS PAGAMENTOS SERÃO FEITOS EM DEPÓSITO EM CONTA CORRENTE NAS SEGUINTES DATAS PESSOA FÍSICA E PESSOA JURÍDICA. MÊS PESSOA FÍSICA PESSOA JURÍDICA JANEIRO 12/01/ /01/2015 FEVEREIRO 11/02/ /02/2015 MARÇO 11/03/ /03/2015 ABRIL 13/04/ /04/2015 MAIO 11/05/ /05/2015 JUNHO 11/06/ /06/2015 JULHO 13/07/ /07/2015 AGOSTO 11/08/ /08/2015 SETEMBRO 11/09/ /09/2015 OUTUBRO 13/10/ /10/2015 NOVEMBRO 11/11/ /11/2015 DEZEMBRO 11/12/ /12/2015 DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO O Demonstrativo de Pagamento é um documento obrigatório enviado pela operadora para o prestador com a finalidade de fornecer extrato das contas da produção apresentada nas GTOs e seu pagamento ou não, no período considerado. Cada Demonstrativo deve ser referente a um mesmo contratado. Em um mesmo Demonstrativo podem ser descritos procedimentos referentes a mais de um beneficiário, desde que do mesmo contratado. Os campos da GTO Demonstrativo de Pagamento não descritos nesta seção possuem a mesma descrição dos campos de nomes idênticos da GTO, podendo ser consultados na seção anterior.

9 As operadoras devem OBRIGATORIAMENTE disponibilizar as GTO-Demonstrativos de Pagamento com periodicidade mínima mensal. Para receber o demonstrativo mensal com os pagamentos realizados, recomendamos utilizar o e- mail. Para cadastrar ou atualizar o em nosso sistema, basta acessar o portal TISS (sistema Webservice), após seu login e senha, clicar no menu Dados. Caso não possua cadastrado, o demonstrativo é encaminhado via Correios. A ferramenta mais eficiente para acompanhar os tratamentos realizados é o portal TISS (sistema Webservice). São disponibilizadas informações mais detalhadas, outros relatórios que permitem a visualização do histórico e atualização automática dos pagamentos realizados. 9 RECURSO DE GLOSA A glosa é a diferença entre o valor apresentado e o valor pago pela Operadora. O recurso de glosa é a justificativa clínica/técnica ou administrativa por parte do prestador. Caso você deseje recorrer de glosas por não conformidade técnica ou descumprimento de regras administrativas, você terá as opções de Recurso de Glosa Via Portal TISS ou Via Correios. O prazo para recurso de glosa é de até 90 dias após o pagamento do repasse que gerou o recurso. Os pedidos via portal, formulários e documentos serão revisados e sendo procedente a correção, os valores serão efetuados seguindo as regras e prazos para pagamento do repasse. Obs.: Para cada guia de tratamento a ser revisada, deve-se utilizar um formulário de Recurso de Glosa. O portal TISS é o mais recomendado, pois permite agilizar as etapas ou concluir o recurso, além de enviar imagens quando necessário através da ferramenta UPLOADER de imagens. AUDITORIA CLINICA + PROTOCOLOS CLINICOS (ANEXO). A auditoria clínica executada pela Mogidonto visa analisar as propostas de tratamento solicitadas pelos prestadores, no que diz respeito às regras técnicas e protocolos clínicos. Havendo não conformidades nos procedimentos, o pagamento ficará suspenso automaticamente até que as divergências sejam solucionadas. ORIENTAÇÕES PARA EVITAR GLOSAS TÉCNICAS RADIOGRAFIA Devem apresentar imagens nítidas, com contraste, sem manchas e correspondentes ao procedimento indicado; Periapicais (endodontia, exodontia ou prótese) e Bite-wings (diagnóstico de cáries ou restaurações interproximais na região posterior). As radiografias para complementação diagnóstica devem ser anexadas a GTO para efetivo repasse.

10 Para procedimentos que solicitam radiografia inicial e final, declarações escritas de paciente não servem como substitutivo para efetivar o repasse. 10 EXODONTIA Para liberação de determinados procedimentos o departamento de suporte aos credenciados pode solicitar radiografias comprobatória inicial (coroa e/ou raiz) e final (alvéolo). Informar por escrito em papel timbrado quando usar medicação intra-alvéolar (imagem radiopaca intraalvéolar). Em alguns procedimentos, considerados de risco, solicita-se ao paciente que assine um termo de consentimento deixando-o ciente do tratamento a ser realizado. ENDODONTIA Para liberação de glosas dos procedimentos endodônticos que não atendam as especificações técnicas convencionais como: alargamento insuficiente do canal radicular ou obturação aquém do limite de 2 a 3 mm do ápice radicular deve ser apresentada Justificativa Clinica em papel timbrado ou no formulário Recurso de Glosa esclarecendo o motivo e o impedimento do mesmo ser refeito. PRÓTESE A liberação dos procedimentos de coroa unitária e retentores de prótese fixa são para dentes que apresentem tratamento endodôntico ou solicitação para execução. A liberação de provisório e núcleo está vinculada a inclusão de coroa unitária ou ponte fixa dos dentes. A substituição de coroa unitária anterior ou posterior deverá obedecer ao critério funcional baseado na durabilidade do material. A Coroa total, independente do material de confecção deve estar associada à utilização de núcleo metálico com pino intraradicular. Os núcleos com pinos intraradiculares têm fundamental importância na preservação da estrutura dental, no princípio de retenção e estabilidade da prótese (unitária/fixa), e em casos que só está presente a raiz, representam o único meio disponível para se confeccionar as coroas e devolver ao paciente o dente com forma e função normais (MOTA et al. 2000). O Núcleo rosqueável ou de preenchimento não será aceito como substituto de núcleo fundido para coroa total, desqualificando o repasse total do procedimento. A Restauração Metálica Fundida, In-lay ou On-lay deve estar associada à confecção de núcleo de preenchimento. A troca de indicação de procedimento de Restauração Metálica Fundida, In-lay ou On-lay por Coroa Total ou vice-versa deverá estar acompanhada de justificativa técnica-clínica. A troca de indicação do procedimento de restauração direta (resina ou amálgama) por prótese unitária deverá vir acompanhada de justificativa técnica-clínica. Em alguns procedimentos, considerados de risco, é recomendada a solicitação de assinatura de um termo de consentimento deixando o paciente ciente do tratamento a ser realizado.

11 11 DENTISTICA A troca de restauração de Amalgama por Resina só será autorizada quando houver presença de fraturas e/ou infiltrações marginais. A substituição de restaurações de dentes anteriores em resina só será autorizada quando houver infiltração de cárie com 2/3 da estrutura dental comprometida, a restauração de resina de dentes anteriores será considerada reconstrução de angulo. Alteração ou inclusão de procedimento deve ser mediante formulário solicitado ao departamento de suporte ao credenciado que poderá incluir radiografias comprobatórias. Clareamento dental de dente desvitalizado terá repasse mediante apresentação de termo de responsabilidade assinado pelo paciente e/ou responsável. REGRAS TÉCNICAS Vide Tabela Tuss Cred - Anexo I Do Contrato De Prestação De Serviços MATERIAIS ADMINISTRATIVOS Os materiais administrativos (guias e formulários) padrão estabelecido pela ANS poderão ser impressos via portal da ANS\TISS.

12 12 Tópico III Acesso Web. PORTAL DA MOGIDONTO Acessando o portal da Mogidonto (www.mogidonto.com.br), disponibilizamos a todos os credenciados uma área restrita, para acesso ao Módulo Prestador. COMO ACESSAR A ÁREA RESTRITA DO CREDENCIADO Clicando no PORTAL TISS, o credenciamento visualizará o ACESSO PORTAL (DENTISTA), onde será redirecionado para a área restrita. MEU PRIMEIRO ACESSO Caso seja o seu primeiro acesso, deverá cadastrar um login e senha, para isso, basta clicar no link Cadastrar novo login, veja abaixo o exemplo. Clicar no botão [ Sou Prestador ]

13 Após clicar Sou Prestador, irá abrir uma segunda tela para o preenchimento das informações obrigatórias. 13 Para confirmar o cadastro do prestador, basta clicar no botão [ Cadastrar ] para receber a confirmação e em seguida cadastrar um login e senha de acesso. Nesta tela o associado deverá cadastrar um login e senha, lembrando que o login e senha são intransferíveis.

14 Após cadastrar o login e senha, será enviado para o seu a confirmação da senha de acesso, em seguida será exibido à tela para entrar no sistema online. 14 TELA DE ACESSO AO SISTEMA ESQUECI A MINHA SENHA

15 15 Informar o cadastrado e a senha será redirecionado. A senha será redirecionada para o seu . CRECENDIADO WEB TELA INICIAL DO MÓDULO CRENDENCIADO Nessa tela são exibidos os avisos cadastrados para os prestadores. Tais avisos são cadastrados no módulo Administrador.

16 16 VERIFICANDO DADOS CADASTRAIS No menu cadastro é possível visualizar os dados cadastrais do Prestados assim como cadastrar fotos, currículo, pesquisar informações de associados e pesquisar a rede credenciada. MEUS DADOS CADASTRAIS No item Meus Dados Cadastrais o prestador visualizará seus dados de cadastro. Esses dados são cadastrados no EDE e são exportados para o WEDE no processo do DTS. Clicando no menu Alterar senha é possível alterar a senha de acesso ao WEDE. Clicando no menu Alterar é possível alterar o do prestador. TELA INICIAL DO MENU DADOS CADASTRAIS

17 17 ALTERAR SENHA ALTERAR

18 18 PESQUISAR REDE CREDENCIADA Ferramenta para pesquisar prestadores em cidades específicas. É possível também filtrar os resultados por especialidades. PESQUISAR ASSOCIADO Ferramenta para pesquisar associados pelo código, C.P.F. ou pelo Número Funcional. Selecione no combo por qual campo deseja pesquisar, em seguida digite o valor a ser pesquisa e clique em Pesquisar.

19 19 MINHAS FOTOS Nessa área é possível cadastrar fotos do prestador. As fotos cadastradas serão exibidas no currículo do prestador. Clique em Incluir Foto para incluir uma nova foto. Clique em Preview para abrir um pop-up com uma pré-visualização do currículo do prestador. MEU CURRÍCULO Edição do currículo do prestador. Clique em Gravar currículo para gravar as alterações efetuadas. Clique em Preview para abrir um pop-up com uma pré-visualização do currículo do prestador.

20 20 CADASTRANDO E VISUALIZANDO TRATAMENTOS Módulos avançados do prestador - Autorizador on-line Aprovação de tratamento on-line : 1) Cadastro on-line de tratamentos (guias de planos de tratamento) com verificação de elegibilidade do associado para atendimento. 2) Auditoria eletrônica on-line com retorno automático de glosas e alertas dos procedimentos digitados. 3) Geração de senha de autorização. Por ser on-line, uma vez digitado o tratamento, ele já estará disponível para consulta e alteração no EasyDental Enterprise. Ao mesmo tempo, qualquer alteração na autorização de procedimentos poderá ser visualizada em tempo real pelo prestador. Impressão da Guia de tratamento: Impressão da Guia de tratamento odontológico (GTO padrão TISS) e Guia de Situação Inicial (GSI padrão TISS) com todos os campos preenchidos a partir da própria tela do tratamento informado. Finalização de tratamento on-line: 1) Cadastro on-line da Data de execução / finalização dos procedimentos executados pelo prestador. 2) Encaminhamento automático para pagamento do procedimento / pagamento pela operadora é possível também aqui imprimir a Guia de tratamento odontológico (GTO padrão TISS) com a data de finalização de cada procedimento executado para assinatura pelo associado / prestador. Consulta a tratamentos on-line: Consulta planos de tratamentos em execução e já finalizados, utilizando filtros por situação do tratamento, datas ou número da guia / tratamento. NOVO TRATAMENTO Ferramenta para criação de novos tratamentos pelo WEDE. Tela inicial para selecionar o associado, local de atendimento e data de início do tratamento. Tela de digitação dos dados iniciais:

21 21 Número Funcional: É possível digitar um número funcional e será exibida na própria tela uma listagem dos associados encontrados com o número digitado; Código do associado: O código do associado deve ser preenchido por completo (inclusive com a pontuação). Exemplo: Preenchimento obrigatório; Data do início: Data do início do tratamento no formato dd/mm/aaaa. O sistema sugere a data atual, entretanto uma data anterior é permitida desde que não anteceda mais do que 5 dias da data atual. Preenchimento obrigatório Local de atendimento: Caso a clínica/consultório possua mais de um endereço, selecione local correto na caixa de seleção. Preenchimento obrigatório; Observações: Campo opcional para possíveis observações do prestador. Não influencia na autorização automática do tratamento.

22 22 TELA DE MENSAGEM CASO NÃO SEJA POSSÍVEL A ABERTURA TRATAMENTO CÓDIGOS DE OCORRÊNCIAS POSSIVEIS. Código Mensagem Código ADB ATP PPT PTA SCA STA Mensagem Associado em débito Associado possui tratamentos em perícia Primeiro tratamento do associado Associado já possui tratamento aprovado em andamento Contrato bloqueado Associado bloqueado Preencher apenas um procedimento por linha. Em caso de dúvidas, consulte a tabela de "CODIFICAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DE GUIAS". Se não souber o código do procedimento clicar na lupa abrindo uma pop-up com uma tabela como visto na figura a seguir:

23 23 EXEMPLO: Para solicitar outros procedimentos, a guia anterior deve estar finalizada (enviada para pagamento). Após efetuar a digitação de todos os procedimentos, clicar em "Gravar tratamento". Após clicar em enviar tratamento aguarde o envio como é mostrado na figura a seguir: ANOTAR NA GUIA O NÚMERO DO TRAMENTO (SENHA)

24 24 ANOTAR NA GUIA OS PROCEDIMENTOS QUE FORAM AUTORIZADOS Caso algum procedimento tenha sido glosado (como no exemplo abaixo): Clicar sobre o número do procedimento para saber o motivo. Caso exista necessidade, o dentista poderá solicitar alterações ou justificar a necessidade dos procedimentos, clicando em "Solicitar Alterações".

25 25 LEGENDA DE MARCAÇÃO TIPO DE MARCAÇÃO COLUNA DENTE/ REGIÃO COLUNA FACE GERAL (sem região específica) Manter em Branco Manter em Branco ARCADA HEMI-ARCADA DENTE (apenas 1 elemento) Arcada Superior: AS Arcada Inferior: AI Superior Direita: H1 Superior Esquerda: H2 Inferior Esquerda: H3 Inferior Direita: H4 Permanentes: 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 21, 22, 23, 24, 25, 26, 27, 28, 31, 32, 33, 34, 35, 36, 37, 38, 41, 42, 43, 44, 45, 46, 47, 48 Decíduos: 51, 52, 53, 54, 55, 61, 62, 63, 64, 65, 71, 72, 73, 74, 75, 81, 82, 83, 83, 85 Manter em Branco Manter em Branco Caso seja necessário informar a(s) face(s): M, O, D, V, I, L, P ou combinação Ex: MOD OBS: - Face P: apenas para dentes superiores; - Face L: apenas para dentes inferiores; - Face I: apenas para dentes anteriores; - Face O: apenas para dentes posteriores. MEUS TRAMENTOS TELA INICIAL DO MEU TRATAMENTO MEUS TRATAMENTOS

26 Clicando no código do tratamento (1ª coluna), será exibida uma visualização do tratamento, conforme tela abaixo: 26 PESQUISAR TRATAMENTO Ferramenta para pesquisar tratamento pelo número do mesmo. Digite o número no campo texto e clique em Pesquisar.

27 27 FINANCEIRO EXTRATO DE REPASSE Ferramenta para exibição de extrato de repasse É possível filtrar por ano ou exibir todos os repasses. Clicando no código do repasse será exibida a tela a seguir, onde é possível exibir no modo simplificado ou no modo completo para impressão.

28 28 TABELA TUSS CRED DE PROCEDIMENTOS Exibição de todos os procedimentos cadastrados no sistema EDE e exportados para o WEDE. Selecione uma especialidade para filtrar os procedimentos ou selecione [TODAS] para exibir uma listagem completa agrupada por especialidade. Tela exemplo: COMPROVANTE DE PAGAMENTO Exibição de comprovante de pagamento, clique no pagamento para exibir mais informações sobre o mesmo. Obs.: Selecione um ano no combo para filtrar os resultados.

29 29 ENVIANDO MENSAGENS E VERIFICANDO AVISOS Ferramenta para enviar uma mensagem à operadora. MEUS AVISOS Exibe a tela inicial do módulo prestador, na qual são exibidos os avisos aos prestadores. Ferramentas do sistema Arquivos para download Arquivos disponibilizados para download. Os arquivos são importados para o sistema pelo módulo Administrador.

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo WEDE Manual Conteúdo 1 Módulo Prestador... 3 1.1 Verificando Dados Cadastrais... 5 1.1.1 Meus dados cadastrais... 5 1.1.1.1 Alterar senha... 6 1.1.1.2 Alterar e-mail... 7 1.1.2 Pesquisar rede credenciada...

Leia mais

Credenciado... 04 Nossa Missão... 04 Contatos... 04

Credenciado... 04 Nossa Missão... 04 Contatos... 04 Tópico I Introdução... 04 Credenciado... 04 Nossa Missão... 04 Contatos... 04 Tópico II Normas gerais de atendimento. 05 Objetivo... 05 Cartão de identificação Mogidonto... 05 TISS Padrão para troca de

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR DO WEDE ODONTOGROUP - 2010

MANUAL DO PRESTADOR DO WEDE ODONTOGROUP - 2010 Prezado (a) Prestador (a), Com o objetivo de melhorar os nossos serviços junto à rede credenciada e aos nossos beneficiários, estamos disponibilizando no portal www.odontogroup.com.br alguns serviços como:

Leia mais

MANUAL RECURSO DE GLOSA

MANUAL RECURSO DE GLOSA MANUAL RECURSO DE GLOSA Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Recurso de Glosa no Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador, bem como estabelecer normas de atuação que facilitem

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Novo Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador no atendimento aos beneficiários

Leia mais

Cartão Usuário ISSEM

Cartão Usuário ISSEM Cartão Usuário ISSEM Objetivo: O sistema é on-line e oferece ao segurado do Instituto, facilidade e rapidez nos atendimentos junto aos nossos credenciados. Com o uso de um cartão, o segurado pode dirigir-se

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Terapias 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais

Manual do Prestador Versão TISS 3.02

Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Manual do Prestador Versão TISS 3.02 Caro(a) Prestador(a) Serviços, É com muito prazer e satisfação que aproveitamos esta página para demonstrar nosso agradecimento em relação à confiança depositada por

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Consultório e SADT 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO

GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO GUIA DE ORIENTAÇÕES AO CREDENCIADO Com o objetivo de tornar o processo de autorização, faturamento e pagamento dos atendimentos odontológicos mais eficiente, recomendamos a leitura completa e minuciosa

Leia mais

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO Este Manual tem por finalidade orientar os procedimentos de preenchimento da Web Guia do CREDENCIADO no atendimento aos beneficiários

Leia mais

Manual do Usuário. Portal TISS Versão 3.02.00

Manual do Usuário. Portal TISS Versão 3.02.00 Manual do Usuário Portal TISS Versão 3.02.00 1 canais de comunicação Departamento de Credenciamento (DECRE - Cadastro) Tel.: (21) 2126-7186 / 2126-7187 Email: decre@cac.org.br Entrega de Processo/ Cronograma

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Produtos: Saúde Pró Faturamento Saúde Pró Upload. Versão: 20130408-01

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Produtos: Saúde Pró Faturamento Saúde Pró Upload. Versão: 20130408-01 Produtos: Saúde Pró Upload Versão: 20130408-01 Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 LOGIN... 4 3 VALIDADOR TISS... 7 4 CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... 10 4.1 DADOS CADASTRAIS MATRIZ E FILIAL... 11 4.2 CADASTRO DE

Leia mais

MANUAL DE LISTA PRESENCIAL E CONFIRMAÇÃO DE ATENDIMENTO

MANUAL DE LISTA PRESENCIAL E CONFIRMAÇÃO DE ATENDIMENTO MANUAL DE LISTA PRESENCIAL E CONFIRMAÇÃO DE ATENDIMENTO Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Novo Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador na Confirmação de Atendimento e Lista

Leia mais

SISTEMA DE ATENDIMENTO WEB MINIGUIA OPERACIONAL ÁREA: ATENDIMENTO PERFIL: PRESTADOR

SISTEMA DE ATENDIMENTO WEB MINIGUIA OPERACIONAL ÁREA: ATENDIMENTO PERFIL: PRESTADOR SISTEMA DE ATENDIMENTO WEB MINIGUIA OPERACIONAL ÁREA: ATENDIMENTO PERFIL: PRESTADOR SAW SISTEMA DE ATENDIMENTO WEB MINIGUIA OPERACIONAL Versão 1.0 ÁREA: ATENDIMENTO PERFIL: PRESTADOR 2015 Este miniguia

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS Conteúdo MANUAL DE PROCEDIMENTOS ORÇAMENTOS... 2 Conceito de Manual Procedimentos... 2 Objetivos do Manual... 2 Aspectos Técnicos... 2 1. ACESSO AO SISTEMA ODONTOSFERA... 3 2. STATUS DO PACIENTE NO SISTEMA...

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS. NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS. NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA PINHAIS - 2014 SUMÁRIO 2 1. Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e)... 3 1.1 Considerações Iniciais...

Leia mais

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE Versão 1.0.5 Março/2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 6 2.

Leia mais

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução-

Autorizador Plasc TISS Web. - Manual de Instrução- Autorizador Plasc TISS Web - Manual de Instrução- A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT...

INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4. Pesquisar Beneficiário... 5. Elegibilidade Beneficiário... 6. Nova Guia Consulta Eletiva... 7. Nova Guia SP/SADT... INTRODUÇÃO 2 AUTORIZADOR WEB 4 Pesquisar Beneficiário... 5 Elegibilidade Beneficiário... 6 Nova Guia Consulta Eletiva... 7 Nova Guia SP/SADT... 10 Nova Guia Anexo de Radioterapia... 14 Nova Guia Anexo

Leia mais

BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO

BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO 1 Procedimento inicial para acessar o sistema na web No browser digitar: Para Homologação: http://treinamento.assiste.mpu.gov.br/homologacao Para Produção: http://assiste.mpu.gov.br/producao

Leia mais

Manual do Credenciado

Manual do Credenciado Manual do Credenciado para o Eletros-Saúde 1. 2. Acesso ao ambiente online mediante senha pessoal Demonstrativo de Pagamento de Credenciado 3. Upload de lotes para o envio de arquivo XML no portal Eletros-Saúde

Leia mais

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO Sobre o site... 2 Segurança -Trocar Senha... 4 Segurança Cadastrarusuários... 5 Configurações Preços... 6 Configurações Dados de Contato... 7 Configurações Assinatura

Leia mais

Certidão Online Manual do Usuário

Certidão Online Manual do Usuário JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Certidão Online Manual do Usuário Versão 3.1 Lista de Tópicos - Navegação Rápida CADASTRANDO O USUÁRIO... 3 ACESSANDO O SISTEMA... 5 CERTIDAO SIMPLIFICADA NADA

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso Supervisão de Informática Departamento de Desenvolvimento Sistema Declaração On Line. Declaração On Line

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso Supervisão de Informática Departamento de Desenvolvimento Sistema Declaração On Line. Declaração On Line Declaração On Line Manual de Apoio à Utilização do Sistema Manual do Usuário Versão 1.0 INTRODUÇÃO... 4 AUTENTICANDO-SE NO SISTEMA... 4 EM CASO DE ESQUECIMENTO DA SENHA... 5 ALTERANDO A SENHA DE ACESSO

Leia mais

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1

Manual do Prestador. Versão 1.0 Maio/2014. Manaus - Amazonas ANS Nº 38809-2 1 Manual do Prestador Versão 1.0 Maio/2014 Manaus - Amazonas 1 SUMÁRIO Apresentação... 3 1. Identificação do beneficiário...3 2. Atendimento ao beneficiário... 4 2.1. Requisitos para o atendimento... 4 2.2.

Leia mais

TISS 3.02.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 VERSÃO 1.

TISS 3.02.00 CARTILHA. 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS. 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 VERSÃO 1. VERSÃO 1.0 CARTILHA TISS 3.02.00 1. Divulgação 3.02.00 Unimed Planalto Médio/ANS 2. Material TISS 3.02.00 3. Componentes da TISS 3.02.00 4. Rotina Operacional 5. Rotina Operacional Autorizações Contas

Leia mais

- Nota Fiscal Eletrônica -

- Nota Fiscal Eletrônica - Manual Portal de Clientes e Transportadores - Nota Fiscal Eletrônica - ÍNDICE. INTRODUÇÃO 3. OBJETIVO 3.2 ABRANGÊNCIA 3 2. FUNCIONALIDADES 3 2. CADASTRO DE CLIENTES NO PORTAL 3 2.2 CONSULTA NOTAS FISCAIS

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 XML 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14 Registro

Leia mais

Núcleo de Relacionamento com o Cliente. de Relacionamento com o Cliente GUIA PRÁTICO DE USO. Produtos

Núcleo de Relacionamento com o Cliente. de Relacionamento com o Cliente GUIA PRÁTICO DE USO. Produtos GUIA PRÁTICO DE USO Núcleo de Relacionamento com o Cliente de Relacionamento com o Cliente Núcleo Seja bem vindo ao nosso novo canal de relacionamento! Neste Guia Prático de Uso você conhecerá como funciona

Leia mais

PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS. Agosto/2014

PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS. Agosto/2014 PROCESSO ELETRÔNICO PADRÃO TISS Agosto/2014 PADRÃO DE TROCA DE INFORMAÇÕES NA SAÚDE SUPLEMENTAR Padrão TISS Histórico e Consulta Pública nº 43 Padrão TISS - Versão 3.0 3 Histórico RN 305 09/10/2012 - Termo

Leia mais

Importação de Guias TIIS. Gestão de Plano de Saúde

Importação de Guias TIIS. Gestão de Plano de Saúde Gestão de Plano de Saúde Sumário Sumário... 2 1. Objetivo... 3 2. Introdução... 3 3. Tabela de Domínio TISS (versão 2.02.03)... 4 4. Como é feito o envio do Arquivo XML à Operadora de Saúde?... 5 5. Fluxo:

Leia mais

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014)

Versão 1.15. Portal StarTISS. Portal de Digitação e Envio do Faturamento. Manual de Utilização. Versão 1.15 (Agosto/2014) Versão 1.15 Portal StarTISS Portal de Digitação e Envio do Faturamento Manual de Utilização Versão 1.15 (Agosto/2014) Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS... 1 3. ACESSANDO O PORTAL STARTISS...

Leia mais

Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS

Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2014 ERRATA Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS. Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR WEB

MANUAL DO PRESTADOR WEB MANUAL DO PRESTADOR WEB Sumário 1. Guia de Consulta... 3 2. Guia de Procedimentos Ambulatoriais... 6 3. Guia de Solicitação de Internação... 8 4. Prorrogação de internação... 8 5. Confirmação de pedido

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

Manual de Digitação online de guia de SADT Desenvolvido por: Iuri Silva Setor: Inteligência Corporativa Unimed VR BEM VINDO AO SISTEMA VOXIS!

Manual de Digitação online de guia de SADT Desenvolvido por: Iuri Silva Setor: Inteligência Corporativa Unimed VR BEM VINDO AO SISTEMA VOXIS! BEM VINDO AO SISTEMA VOXIS! 1 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema Voxis... 4 3. Digitação de guia de SP/SADT... 5 3.1 Guia em Construção... 10 3.2 Guia Registrada... 11 4. Encaminhar guias

Leia mais

Manual do Usuário - Cliente Externo

Manual do Usuário - Cliente Externo Versão 3.0 SGCL - Sistema de Gestão de Conteúdo Local SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O MANUAL... 4 3. FUNCIONALIDADES GERAIS DO SISTEMA... 5 3.1. Acessar a Central

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS

MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS MANUAL FATURAMENTO SERVIÇOS MÉDICOS/CONTAS MÉDICAS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. INFORMAÇÕES REGULAMENTARES:...3 3. ACESSO AO SISTEMA...3 4. INCLUSÃO DE USUÁRIOS...4 5. FATURAMENTO ELETRÔNICO...5 6. GUIA

Leia mais

MANUAL TISS Versão 3.02.00

MANUAL TISS Versão 3.02.00 MANUAL TISS Versão 3.02.00 1 INTRODUÇÃO Esse manual tem como objetivo oferecer todas as informações na nova ferramenta SAP que será utilizada pelo prestador Mediplan, a mesma será responsável para atender

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

Acessar em tempo real seus boletos de cobrança, extratos financeiros e demonstrativos do IRPF;

Acessar em tempo real seus boletos de cobrança, extratos financeiros e demonstrativos do IRPF; PARA VOCÊ CLIENTE www.plaenge.com.vc 2 Prezado Cliente, Seja bem-vindo ao Para Você Cliente, um portal digital desenvolvido para que você tenha informações sobre o seu empreendimento com mais facilidade

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE INTRODUÇÃO O portal do Afrafep Saúde é um sistema WEB integrado ao sistema HEALTH*Tools. O site consiste em uma área onde os Usuários e a Rede Credenciada,

Leia mais

SERVIÇOS REQUERIMENTO

SERVIÇOS REQUERIMENTO Certidão e Reimpressão de Documentos 1 / 17 todos os direitos reservados. ÍNDICE Introdução... 3 Acesso Restrito... 4 Cadastro... 4 Serviços Requerimento... 6 Certidão Web... 7 Certidão Simplificada...

Leia mais

Acesso ao Credenciamento

Acesso ao Credenciamento 2 1 Credenciamento Para todas as pessoas jurídicas que acessarem o sistema da NFS-e, será necessário inicialmente efetuar o credenciamento. O credenciamento é obrigatório para todas as empresas estabelecidas

Leia mais

MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE

MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE MANUAL AUTORIZADOR ON-LINE ANS nº 34.600-4 AUTORIZADOR ON-LINE Para ter acesso ao autorizador on-line da Uniodonto Piracicaba siga os passos abaixo: 1 Acesse www.uniodontopiracicaba.com.br e clique em

Leia mais

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc

Página: 1. Revisão: 16/12/2008. G:\TI\Negocios\Manuais_WebGuias\WebGuias 1.08.doc Página: 1 Página: 2 INDICE EMISSÃO DE GUIAS VIA INTERNET... 3 WEBGUIAS...4 1. Página Inicial...5 2. Alterando a senha padrão fornecida pela Santa Casa Saúde:...6 3. Mensagens WEB...7 4. Autorização de

Leia mais

Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br).

Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br). 1 Objetivo: Digitação e pesquisa de contas via site Mediservice (www.mediservice.com.br). Acesso ao site Na página inicial do site da Mediservice, o prestador deve selecionar a opção Credenciado. 2 Caso

Leia mais

Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO

Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO Anexo VII - NORMATIVAS PARA OPERACIONALIZAÇÃO DO CONTRATO Tabelas de honorários e coberturas: A Tabela de Serviços Odontológicos, utilizada para fins de pagamento dos serviços, é própria da CELOS, cuja

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5

MANUAL DO USUÁRIO. SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5 MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5 Atualizado em: 30/01/2010 Planeta Contábil 2009 Todos os Direitos Reservados (www.planetacontabil.com.br) 1/25 CONSIDERAÇÕES: Este manual é destinado

Leia mais

Manual de Utilização do Portal

Manual de Utilização do Portal Manual de Utilização do Portal Principal Pré Atendimento: Cadastro de Usuários ativos no Plano, através do número do cartão. Pacientes: Consulta de Usuários do Plano já cadastrados pelo Prestador. Atendimento:

Leia mais

Busca Por Nome da Empresa:

Busca Por Nome da Empresa: CERTIDÃO ESPECÍFICA Ao escolher o Tipo de Certidão Específica, será exibida uma breve definição da certidão simplificada e a tabela de preços. Após escolher o tipo de certidão desejada, clique no botão.

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO Rua Afonso Arrechea, 240, Santo Ant. do Sudoeste - PR Tel 46 3563-1518 Fax 46 3563-3780 contato@diferencialcontabil.cnt.br www.diferencialcontabil.cnt.br MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO VERSÃO

Leia mais

Webplan Webplan Belo Horizonte 2014

Webplan Webplan Belo Horizonte 2014 Webplan Webplan Belo Horizonte 2014 Sumário Objetivo... 3 Funcionalidades... 3 Iniciando o Webplan... 3 Guia Rápido: Autorizando Procedimentos... 5 Guia de Consulta... 7 Descrição dos Campos... 8 Resumo

Leia mais

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde.

PORTAL SPA TISS. Manual do Credenciado. Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. PORTAL SPA TISS Manual do Credenciado Manual do Credenciado para utilização do Portal SPA TISS do SPA Saúde. Equipe de Treinamento de Desenvolvimento TIS SPA Saúde Sumário 1. Introdução... 3 2. Objetivo...

Leia mais

MANUAL SCCARD. Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19

MANUAL SCCARD. Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19 Rev.00 Aprovação: 16/08/2010 Página 1 de 19 UNIMED BLUMENAU COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO SCCard Sistema de Autorização On-Line O SCCard é a interface web do sistema de autorização da Unimed Blumenau

Leia mais

Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS

Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS Cartilha de navegação Novo Portal AMS TISS Sumário Introdução...04 Telaincial...05 Usuário e Senha...06 Menu incial...07 Beneficiário / Validação...08 Autorização / Solicitar...09 Autorização / Últimas

Leia mais

C o t a ç ã o E l e t r ô n i c a V i l l a r e s M e t a l s

C o t a ç ã o E l e t r ô n i c a V i l l a r e s M e t a l s C o t a ç ã o E l e t r ô n i c a V i l l a r e s M e t a l s M a n u a l d o F o r n e c e d o r Portal de Compras Página 1 Conteúdo 1. Introdução... 3 2. Informações importantes... 3 3. Acessando o portal...

Leia mais

online upload http://www.eletrossaude.com.br

online upload http://www.eletrossaude.com.br online upload http://www.eletrossaude.com.br 1 Prezados Credenciados, Vimos informar o passo a passo para acesso ao ambiente online do Eletros-Saúde, que permi rá a consulta online do Demonstra vo de Pagamento

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Geral Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema de Almoxarifado

Leia mais

Abaixo será listado passo a passo o processo de cadastro, login e compra de produtos anunciados em nosso portal.

Abaixo será listado passo a passo o processo de cadastro, login e compra de produtos anunciados em nosso portal. Manual do Comprador 1 Comprar Anúncios Abaixo será listado passo a passo o processo de cadastro, login e compra de produtos anunciados em nosso portal. 1.1 CRIAR CONTA TURISMO AGORA Para comprar produtos

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC

PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC Para ter acesso ao sistema, e realizar a abertura de chamados, o usuário deve efetuar o auto cadastramento, clicando no link Clique aqui! disponível na página inicial

Leia mais

AP_CONTA WEB Portal de Digitação e envio do Faturamento

AP_CONTA WEB Portal de Digitação e envio do Faturamento [Digite texto] 2013 Portal de Digitação e envio do Faturamento O AP_Conta tem como objetivo permitir aos prestadores de serviços médicos digitarem as guias de faturamento em conformidade com o padrão TISS,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL 1 Índice Passo 1: Visão Geral... 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?... 3 Passo 3: Recursos Disponíveis... 5 Guias Consulta / SADT (Solicitação, Execução

Leia mais

Glosas e negativas. Código da Mensagem. Grupo. Descrição da Mensagem

Glosas e negativas. Código da Mensagem. Grupo. Descrição da Mensagem Glosas e negativas Grupo Descrição da Elegibilidade 1001 Número da carteira inválido Elegibilidade 1002 Número do Cartão Nacional de Saúde inválido Elegibilidade 1003 A admissão do Beneficiário no prestador

Leia mais

Acompanhamento e Execução de Projetos

Acompanhamento e Execução de Projetos Acompanhamento e Execução de Projetos Manual do Usuário Atualizado em: 28/11/2013 Página 1/24 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ABRANGÊNCIA DO SISTEMA... 3 3. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 4. COMO ACESSAR O SISTEMA...

Leia mais

Guia do Fornecedor. WBC Public Pregão eletrônico

Guia do Fornecedor. WBC Public Pregão eletrônico Guia do Fornecedor WBC Public Pregão eletrônico As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis referências a web sites, estão sujeitas a mudança sem aviso prévio.

Leia mais

Manual do SeCI. Sistema Eletrônico de Prevenção de Conflitos de Interesses. Guia do Administrador

Manual do SeCI. Sistema Eletrônico de Prevenção de Conflitos de Interesses. Guia do Administrador Manual do SeCI Sistema Eletrônico de Prevenção de Conflitos de Interesses Guia do Administrador CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO CGU SAS, Quadra 01, Bloco A, Edifício Darcy Ribeiro 70070-905 Brasília-DF cgu@cgu.gov.br

Leia mais

MIT072 Manual de Operação do Portal - Professores

MIT072 Manual de Operação do Portal - Professores ACESSO AO PORTAL Para acessar o Portal, o professor deve entrar no site Https://meu.ifmg.edu.br/Corpore.Net/Logon.aspx. Na página apresentada será necessário fazer o login preenchendo os campos Usuário

Leia mais

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I.

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. MILI S.A. - D.T.I. Índice 1 ACESSANDO O PORTAL IPEDIDOS... 3 1.1 Login...5 1.2 Tela Principal, Mensagens e Atendimento On-line...6 2 CADASTRAR... 10 2.1 Pedido...10

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ADVANCE MANUAL DE PROCESSOS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DIGITAÇÃO CONTAS MÉDICAS VIA PORTAL OPS Portal Web Página 1 Acesso Para acessar o Portal é necessário abrir o navegador de Internet (Internet Explorer

Leia mais

M a n u a l d o U s u á r i o F i n a l

M a n u a l d o U s u á r i o F i n a l M a n u a l d o U s u á r i o F i n a l I T I L A D V A N C E D Todos os direitos reservados ao Qualitor. Uso autorizado mediante licenciamento Qualitor Porto Alegre RS Av. Ceará, 1652 São João 90240-512

Leia mais

Curso - Área Administrativa do Escritório Virtual

Curso - Área Administrativa do Escritório Virtual Curso - Área Administrativa do Escritório Virtual MÓDULOS: ESCRITÓRIO (Cadastro; Departamentos; Usuários; Grupos; Clientes; Objetivos) e AGENDA (Mensagens; Tarefas). 23/10/2009 Contato com o suporte: Tel.:11-3857-9007

Leia mais

Portal dos Convênios SICONV

Portal dos Convênios SICONV MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios SICONV Execução Processo de Compra, Contrato,

Leia mais

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online Campus de Botucatu Sistema de Recursos Humanos SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS RH Online Faculdade de Medicina de Botucatu Seção Técnica de Desenv. Adm de RH / Serviço Técnico de Informática Distrito de Rubião

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

MANUAL. Certificado de Origem Digital PERFIL ENTIDADE. Versão 2.2.15

MANUAL. Certificado de Origem Digital PERFIL ENTIDADE. Versão 2.2.15 MANUAL Certificado de Origem Digital PERFIL ENTIDADE Versão 2.2.15 Sumário 1. Inicializando no sistema... 4 2. Perfil de Emissores do Sistema... 4 3. Analisando os certificados emitidos... 5 3.1. Certificados

Leia mais

SISTEMA HILUM HOSPITAIS

SISTEMA HILUM HOSPITAIS SISTEMA HILUM HOSPITAIS 2014 Tecnologia da Informação - TI Unimed Cascavel MANUAL HILUM 4.0 - HOSPITAIS A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde Suplementar - TISS para registro e intercâmbio

Leia mais

MANUAL DO PORTAL DO BENEFICIÁRIO

MANUAL DO PORTAL DO BENEFICIÁRIO MANUAL DO PORTAL DO BENEFICIÁRIO Sumário 1 INTRODUÇÃO... 3 2 SITE DO E-VIDA... 4 3 INÍCIO... 5 4 GUIA MÉDICO... 6 5 PRODUTOS... 6 6 REEMBOLSO... 6 6.2 SITUAÇÃO REEMBOLSO... 7 6.3 CRONOGRAMA REEMBOLSO...

Leia mais

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Painel de recebíveis e Painel de linhas de crédito Versão 1.0 1 As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013

Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013 Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013 SUMÁRIO Questão 1 - Valor dos eventos de atenção à saúde, por grupo e origem... 4 Questão 2 Quantitativo e valor dos eventos de atenção à saúde por prestador...

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

Manual do Referenciamento ANS - 41.553-7

Manual do Referenciamento ANS - 41.553-7 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS A 1 A ODONTO é uma Operadora de Planos Odontológicos, devidamente registrada nos órgãos competentes, conforme estabelecido pela Lei 9656/98 que dispõe de Rede Referenciada de Profissionais

Leia mais

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar:

Antes de começar, o Solicitante e outros envolvidos dentro do projeto (Orientador, Coordenador ou outro Responsável Técnico) devem verificar: SOLICITAÇÃO DE FOMENTO on-line MANUAL DO USUÁRIO 1 CONTATOS... 2 2 ANTES DE COMEÇAR... 2 3 ENTRAR NO SISTEMA INFAPERJ... 3 3.1 ACESSO AO SISTEMA...3 3.2 LOGIN...4 4 APRESENTAÇÃO GERAL DA INTERFACE... 5

Leia mais

Ministério da Saúde Agência Nacional de Saúde Suplementar

Ministério da Saúde Agência Nacional de Saúde Suplementar Ministério da Saúde Agência Nacional de Saúde Suplementar Radar TISS Manual de Preenchimento 3ª Campanha Odontologia Referência Junho 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS

Leia mais

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car Operações via POS/TEF Cartão Ticket Car CIU - Cartão de Identificação do Usuário ÍNDICE Operações com o Cartão Ticket Car... 04 POS Ticket Car :

Leia mais

MANUAL VERSÃO 4.14 0

MANUAL VERSÃO 4.14 0 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 1. O QUE É O EOL?... 2 2. ACESSANDO O EOL... 2 3. TELA INICIAL... 3 4. EXAMES ADMISSIONAIS... 4 5. MUDANÇA DE FUNÇÃO... 7 6. EXAMES DEMISSIONAL E RETORNO AO TRABALHO... 8 7. EXAMES

Leia mais

Manual de utilização

Manual de utilização Manual de utilização 1 Índice Calendário... 3 Usuários... 4 Contato... 5 Alterar... 5 Excluir... 5 Incluir... 5 Feriados... 9 Nacionais... 9 Regionais... 9 Manutenção... 9 Obrigações... 9 Obrigações Legais...

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa AMG Manual de Operação Conteúdo 1. Sumário 3 2. Programa

Leia mais

Manual de uso WEBPLAN/Facfatprest AGOSTO/2015 / para prestadores médicos (CPF) e Clinicas (CNPJ).

Manual de uso WEBPLAN/Facfatprest AGOSTO/2015 / para prestadores médicos (CPF) e Clinicas (CNPJ). Manual de uso WEBPLAN/Facfatprest AGOSTO/2015 / para prestadores médicos (CPF) e Clinicas (CNPJ). Para solicitar guias e/ou faturar o prestador deve seguir os seguintes passos. OBS: O novo portal Webplan

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS

MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS 1 Sumário Introdução... 3 Funcionalidades... 3 Requisitos Necessários... 3 Acesso ao Upload de Arquivo TISS... 3 Upload de Arquivo TISS... 5 Erros mais frequentes

Leia mais

Portal Autorizador Intermédica

Portal Autorizador Intermédica Versão 1.14 Portal Autorizador Intermédica Portal para Autorização de Procedimentos Manual de Utilização Versão 1.14 (Junho/2014) Tempro Software Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS...

Leia mais

Autorizador Web Notredame

Autorizador Web Notredame 2013 Autorizador Web Notredame Portal para Autorização de Procedimentos Manual de Utilização Versão 1.13 ( Maio/2013) Tempro Software Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS... 2 3. ACESSANDO

Leia mais