APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 1)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 1)"

Transcrição

1 Prof. Breno Leonardo G. de M. Araújo APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 1)

2 Com o advento dos sistemas operacionais utilizando-se de interfaces gráficas, ricas em imagens, tornou-se necessário ao profissional da área de informática acompanhar essa evolução tecnológica.

3 O mundo visual, está sofrendo transformações constantes se considerarmos um pequeno espaço de tempo. Vídeo, artes, televisão, cinema, enfim, o computador se torna uma peça fundamental nesse mundo que muitas vezes imperceptível aos olhos de alguns, faz parte do nosso dia a dia.

4 Estamos entrando em uma época totalmente digital, onde a internet tem uma força cada vez maior, seja em casa, no trabalho, nos estudos e etc... E devemos estar preparados para um mundo novo.

5 A internet utiliza quase que na sua totalidade de componentes gráficos para se comunicar com os usuários e os profissionais precisam explorar os poderosos recursos das novas ferramentas, que permitam criar trabalhos gráficos mais harmoniosos, com maior facilidade e em menor espaço de tempo.

6 Até 1984 aqui no Brasil não se fazia em computadores o que se fazia em gráficas. O primeiro computador que se especializou em DTP foi o MACINTOSH. O Macintosh é uma máquina potente e até hoje tem o domínio na produção gráfica, entretanto, tem um custo relativamente elevado, e não é uma máquina popular, de fácil acesso a softwares e manutenção.

7 A capacidade de elaborar projetos gráficos sofisticados foi um dos aspectos mais entusiasmantes no avanço da editoração eletrônica. Os programas de layout de página eletrônico colocavam as imagens gráficas na mesma página do texto, sem a necessidade de usar lâminas de corte e cola.

8 No mundo do PC nessa época, os gráficos eram primitivos... Mais o PC não ficou parado. Os softwares gráficos foram surgindo no DOS, Windows, e, atualmente o PC tomou quase toda a vantagem competitiva do Macintosh.

9 Com a disseminação dos PC sa nível mundial, as softhousescomeçaram a investir criando versões de seus produtos para PC, e hoje em dia, em alguns casos, essas versões excedem as versões MAC. Com a possibilidade de fazer projetos gráficos em PC, o DTP popularizou-se, possibilitando com isso um avanço de softwares, e também de hardwares a um custo relativamente barato (Estações Gráficas, Scanners, Impressoras DeskJet e Laser).

10 Com o avanço de recursos, o nível de exigência na apresentação de impressos cresceu, pois as pessoas sempre assimilam rapidamente a disponibilidades de recursos e investem em uma melhor qualidade. Desktop Publishing(DTP), É o termo utilizado pelos gráficos quando o processo de produção de um impresso é feito quase que totalmente (e às vezes integralmente) em um computador.

11 Conforme foram sendo desenvolvidas tecnologias que contribuíam com o aumento do poder computacional dos Pcse Macs, mais e mais recursos foram adicionados aos softwares de DTP (Desktop Publishing) para que esses pudessem, cada vez mais, encurtar o caminho que vai da idéia na cabeça até o produto impresso.

12 Gerou-se então um grande número de aplicativos e que podem ser classificados da seguinte forma: Programas de Processamento de Textos Programas de Tratamento de Imagens Programas de Ilustração Programas de Diagramação Programas de Fechamento de Arquivo

13 Muitos dos novos programas de DTP possuem recursos mistos, ou seja, um programa de Edição de Textos tem algumas ferramentas para ilustração, e programas de ilustração têm certas ferramentas de diagramação ou programas de tratamento de imagens apresentam algumas ferramentas de edição de textos, mas o recomendável é que cada programa seja utilizado para sua específica função, ou seja, o seu ponto forte, naquele onde a maioria dos seus recursos está focado.

14 Programas de Processamento de Texto Têm a função de armazenar os textos a serem diagramados e impressos. Embora tenham a capacidade de configuração de páginas e diversas formas de saída de impressão, no DTP profissional recomenda-se o uso desses programas apenas para efetuar a entrada dos textos, que muitas vezes podem conter dezenas ou centenas de páginas em um único arquivo, além do que tais programas têm recursos muito bons de correção ortográfica, o que ajuda a verificar o texto antes dele ser diretamente diagramado.

15 Programas de Processamento de Texto Programas como o OpenOfficeWriter, o Abiworde o Kwritersão ótimos exemplos dentro da comunidade Open Source. Não há grandes ajustes a serem feitos ao usar esses programas ao invés dos conhecidos aplicativos proprietários, já que o texto pode ser gravado como formato ASCII por exemplo, pois sua diagramação é controlada pelos aplicativos de diagramação, precisando apenas do texto puro para produzir o impresso.

16 Programas de Tratamento de Imagens Esses aplicativos ocupam-se em criar efeitos especiais em fotos e aplicar correções ou ajustes de cor para os mais diversos processos de impressão. Efeitos em bitmap requerem muito menos poder de processamento, são muito mais fáceis de se obter e apresentam um melhor resultado do que os efeitos fornecidos em programas de ilustração, por isso são altamente recomendados para a criação de imagens mais complexas e que necessitam de um tom mais realista, como fogo, água, tornar um texto com aspecto metálico, aplicar uma textura etc...

17 Programas de Tratamento de Imagens O GIMP é, de longe, o aplicativo gráfico mais conhecido na comunidade Open Sourcecom essa função, além de ser uma das primeiras KillerApplicationda plataforma Linux, possuindo recursos comparáveis aos aplicativos proprietário profissionais com o mesmo enfoque.

18 Programas de Ilustração Com essa classe de programas costuma-se criar imagens vetoriais, como logotipos, marcas e desenhos dos mais variados, além de servir para a criação de panfletos, catálogos, capas para CD e até embalagens. A sua principal característica a de trabalhar com informações vetoriais, ou seja, os elementos das ilustrações são obtidos através de cálculos matemáticos para retas, círculos, arcos e curvas belzier, tornando os desenhos escalonáveis, podendo ser manipulados das mais diversas formas sem perda de qualidade (diferentemente das imagens em bitmap).

19 Programas de Ilustração Existem dois programas muito conhecidos, o primeiro deles é o Inkscape, um programa de ilustração muito bem desenvolvido, que pode pecar pela falta de efeitos automatizados, como os encontrados em vários softwares proprietários dessa categoria, mas compensa essa falta quando o assunto é ilustração em si: É extremamente simples desenhar e manipular formas no Inkscape, além de ter um bom controle de textos, preenchimentos e manipulação de nós.

20 Programas de Ilustração Outra característica marcante do Inkscapeé a vetorização de elementos em bitmap, que utiliza uma interface ao Poatracee que consegue uma vetorização tão precisa e suave que deixa a maioria das ferramentas de vetorização proprietárias a ver navios.

21 Programas de Ilustração O segundo programa já foi proprietário, mas agora é distribuído sob a licença GNU e se chama Xara-Lx. Com uma interface e ferramentas mais semelhantes aos softwares conhecidos do mercado, ele traz praticamente todos os efeitos que faltam no Inkscape, e é extremamente rápido, ou seja ele é um programa totalmente livre de ilustração com ferramentas profissionais para a área gráfica.

22 Programas de Ilustração O Xara-Lxtem suporte a Spot-Colors(cores especiais, gerando uma separação diferente do CMYK comum) e uma boa gama de opções para o fechamento dos arquivos, que é uma das pulgas atrás da orelha que grande parte dos entusiastas do Open Source encontram ao tentar utilizar somente esses programas para a produção gráfica.

23 Programas de Ilustração Porém, em nossas aulas, vamos ver como é possível se utilizar apenas das ferramentas disponíveis para se obter resultados satisfatórios em DTP.

24 Programas de Diagramação No DTP profissional, é comum termos o seguinte fluxo de trabalho: Digitam-se os textos; Tratam-se e editam-se as imagens; Criam-se as Ilustrações; Diagrama-se todos os elementos do impresso; Fecha-se o arquivo.

25 Programas de Diagramação Diagramar significa posicionar, nas páginas a serem impressas, todos os componentes do projeto, como os blocos de texto, as imagens e as ilustrações, além dos elementos que vão servir na hora de aparar as bordas e dobrar os cadernos (acabamento). É através desses programas de Diagramação que se finaliza o projeto gráfico e a comunidade Open Source tem um grande representante desse quesito, o Scribus.

26 Programas de Diagramação Ele tem todas as ferramentas necessárias para produzir catálogos, livros, revistas e toda a sorte de produtos gráficos. Graças a suas ótimas ferramentas de Fechamento de Arquivo, é no Scribusque se entrega à gráfica o famoso PDF, o formato de arquivo cada vez mais utilizado nos equipamentos High-Endque geram as formas de impressão de praticamente todos os processos conhecidos.

27

Montagem e Manutenção. Luís Guilherme A. Pontes

Montagem e Manutenção. Luís Guilherme A. Pontes Montagem e Manutenção Luís Guilherme A. Pontes Introdução Qual é a importância da Montagem e Manutenção de Computadores? Sistema Binário Sistema Binário Existem duas maneiras de se trabalhar e armazenar

Leia mais

APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo)

APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) 1 Índice Aula 1...3 Introdução... 3 Formatações de tabela... 4 Função HOJE... 6 Função SE... 6 Exercícios... 7 Exercício de Fixação...

Leia mais

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4)

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4) Prof. Breno Leonardo G. de M. Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 4) 1 Classificação da imagem Em relação à sua origem pode-se classificar uma imagem,

Leia mais

COM O BROFFICE IMPRESS

COM O BROFFICE IMPRESS Unidade Unidade 5 4 Preparando Compondo suas planilhas apresentações eletrônicas com com o BrOffice o BrOffice Impress Calc UNIDADE 5 PREPARANDO SUAS APRESENTAÇÕES COM O BROFFICE IMPRESS OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Leia mais

O Gerenciamento de Documentos Analógico/Digital

O Gerenciamento de Documentos Analógico/Digital Tipos de GED: Document imaging Document management Document Imaging / Document Management O Gerenciamento de Documentos Analógico/Digital Mundo analógico Criação Revisão Processamento Arquivo Mundo digital

Leia mais

A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO

A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO Multi Criatividade em Impressão é uma unidade de negócios do Grupo Sinos. Sabemos e acreditamos no trabalho impresso, estamos preparados para ajudar na elaboração das peças,

Leia mais

Soluções via.net para otimização de processos paramétricos com Autodesk Inventor.

Soluções via.net para otimização de processos paramétricos com Autodesk Inventor. Soluções via.net para otimização de processos paramétricos com Autodesk Inventor. Michel Brites dos Santos MAPData A parametrização quando possível já é uma forma de otimizar o processo de criação na engenharia.

Leia mais

Quais as diferenças entre os formatos de imagem PNG, JPG, GIF, SVG e BMP?

Quais as diferenças entre os formatos de imagem PNG, JPG, GIF, SVG e BMP? Quais as diferenças entre os formatos de imagem PNG, JPG, GIF, SVG e BMP? 66.393 Visualizações Por Daniele Starck Disponível em: www.tecmundo.com.br/imagem/5866 quais as diferencas entre os formatos de

Leia mais

esags.edu.br Santo André >Av. Industrial, 1455 - Bairro Jardim (11) 4433-6161 Santos >Av. Conselheiro Nébias, 159 (13) 2127-0003

esags.edu.br Santo André >Av. Industrial, 1455 - Bairro Jardim (11) 4433-6161 Santos >Av. Conselheiro Nébias, 159 (13) 2127-0003 EDITORAÇÃO DIGITAL: NOÇÕES BÁSICAS DE INDESIGN APRESENTAÇÃO: Os softwares de editoração de imagens são ferramentas extremamente potentes e importantes para a atuação de profissionais de diferentes áreas.

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Compatibilidade O termo compatibilidade refere-se aos diferentes componentes do computador (hardware e software) que são convenientes para o emprego das funções

Leia mais

FORMATOS DE ARQUIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS NATIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS GENÉRICOS. Produção Gráfica 2 A R Q U I V O S D I G I T A I S -

FORMATOS DE ARQUIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS NATIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS GENÉRICOS. Produção Gráfica 2 A R Q U I V O S D I G I T A I S - Produção Gráfica 2 FORMATOS DE ARQUIVOS A R Q U I V O S D I G I T A I S - FORMATOS DE ARQUIVOS PARA IMAGEM BITMAPEADAS Uma imagem bitmapeada, uma ilustração vetorial ou um texto são armazenados no computador

Leia mais

Todos os microprocessadores hoje disponíveis em micros compatíveis com PC utilizam o funcionamento do 80386 como ponto de partida.

Todos os microprocessadores hoje disponíveis em micros compatíveis com PC utilizam o funcionamento do 80386 como ponto de partida. 8 0 Introdução Todos os microprocessadores hoje disponíveis em micros compatíveis com PC utilizam o funcionamento do 80386 como ponto de partida. Isso acontece por pelo menos três motivos técnicos: 0 80386

Leia mais

Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril

Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril Qual é o papel usado na impressão de revistas? Cada revista utiliza um tipo de papel diferente. Na gráfica são utilizados papéis do tipo LWC, SC, Couchê, Jornal

Leia mais

PROCESSOS DE CRIAÇÃO DE APLICATIVOS

PROCESSOS DE CRIAÇÃO DE APLICATIVOS PROCESSOS DE CRIAÇÃO DE APLICATIVOS Joaldo de Carvalho Wesley Oliveira Irlei Rodrigo Ferraciolli da Silva Rodrigo Clemente Thom de Souza INTRODUÇÃO O mundo está dominado pelos dispositivos móveis. A cada

Leia mais

CADERNOS DE INFORMÁTICA Nº 1. Fundamentos de Informática I - Word 2010. Sumário

CADERNOS DE INFORMÁTICA Nº 1. Fundamentos de Informática I - Word 2010. Sumário CADERNO DE INFORMÁTICA FACITA Faculdade de Itápolis Aplicativos Editores de Texto WORD 2007/2010 Sumário Editor de texto... 3 Iniciando Microsoft Word... 4 Fichários:... 4 Atalhos... 5 Área de Trabalho:

Leia mais

Conteúdo 5 - Pré-impressão. professor Rafael Hoffmann

Conteúdo 5 - Pré-impressão. professor Rafael Hoffmann Conteúdo 5 - Pré-impressão professor Rafael Hoffmann Orçamento Para realizar um orçamento de custo de produção de um trabalho em uma gráfica não é necessário enviar um modelo do layout. Enviando alguns

Leia mais

Índice. Introdução 2. Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4. Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD?

Índice. Introdução 2. Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4. Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD? Índice SUA EMPRESA DE TREINAMENTOS ESTÁ PARADA NO TEMPO? Introdução 2 Quais funcionalidades uma boa plataforma de EAD deve ter? 4 Quais são as vantagens de ter uma plataforma EAD? 6 A gestão de cursos

Leia mais

Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES

Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES Síntese de voz panorama tecnológico ANTONIO BORGES Quase todos nós vamos precisar de óculos um dia (a menos que a tecnologia médica promova a substituição deste artefato por alguma outra coisa tecnológica,

Leia mais

Sistema de Reserva de Laboratório Trabalho Semestral 2014.2. Versão 1.0

Sistema de Reserva de Laboratório Trabalho Semestral 2014.2. Versão 1.0 Sistema de Reserva de Laboratório Trabalho Semestral 2014.2 Versão 1.0 Conteúdo 1. Histórico 1 1.1 Solicitantes 1 1.2 Equipe envolvida 1 2. Conhecedor de domínio e descrição de usuário 1 2.1 Sumário dos

Leia mais

Taxa de Gravação da Memória RAM (MegaBytes / segundo) G5 2.7 Ghz (Mac) Linux Kernel 2.6 2799 1575

Taxa de Gravação da Memória RAM (MegaBytes / segundo) G5 2.7 Ghz (Mac) Linux Kernel 2.6 2799 1575 21 4 Análise É necessária uma análise criteriosa, que busque retornar as questões primordiais sobre o que é realmente preciso para a aquisição de uma plataforma de produção gráfica digital profissional.

Leia mais

Programação em papel quadriculado

Programação em papel quadriculado 4 NOME DA AULA: Programação em papel quadriculado Tempo de aula: 45 60 minutos Tempo de preparação: 10 minutos Objetivo principal: ajudar os alunos a entender como a codificação funciona. RESUMO Ao "programar"

Leia mais

Medição tridimensional

Medição tridimensional A U A UL LA Medição tridimensional Um problema O controle de qualidade dimensional é tão antigo quanto a própria indústria, mas somente nas últimas décadas vem ocupando a importante posição que lhe cabe.

Leia mais

Este artigo abaixo foi produzido originalmente para a Network Core Wiki. Reproduzo-a aqui na íntegra. Publicado originalmente em 07/12/2007.

Este artigo abaixo foi produzido originalmente para a Network Core Wiki. Reproduzo-a aqui na íntegra. Publicado originalmente em 07/12/2007. Vírus no Linux? Este artigo abaixo foi produzido originalmente para a Network Core Wiki. Reproduzo-a aqui na íntegra. Publicado originalmente em 07/12/2007. Interface de uma distribuição Linux Uma das

Leia mais

Gestão da TI. Os custos escondidos da. Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro.

Gestão da TI. Os custos escondidos da. Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro. da Gestão da TI Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro. Conteúdo Introdução Os custos escondidos - parte 1 Os custos escondidos - parte 2 Os custos escondidos -

Leia mais

Curso de Informática Básica

Curso de Informática Básica Curso de Informática Básica A Web Descomplique 1 Curso de Informática Básica Índice Introdução...3 Organizando os favoritos...3 Localizando Informações na página...5 Histórico de Navegação...7 Capturando

Leia mais

INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO

INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO MODALIDADES : US, ECO, ENDO E COLO. CAPTURA DE IMAGENS. Criamos uma linha de produtos denominado PROCapVG para a utilização em serviços de captura de imagens analógicas

Leia mais

Simplifique o seu trabalho. Tudo é mais fácil com o Microsoft Office 2008 para Mac.

Simplifique o seu trabalho. Tudo é mais fácil com o Microsoft Office 2008 para Mac. Simplifique o seu trabalho Tudo é mais fácil com o Microsoft Office 2008 para Mac. Todos vão querer saber... Como o fez. Quando o fez. Quem o fez. Microsoft Office 2008 para Mac simples e poderoso. Tão

Leia mais

5.1 Sistemas de Arquivos

5.1 Sistemas de Arquivos Capítulo 5 Os Sistemas de Arquivos 5.1 Sistemas de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar, a partir da visão do usuário, as estruturas que possibilitam o armazenamento persistente de informações no

Leia mais

Capítulo 13 Pastas e Arquivos

Capítulo 13 Pastas e Arquivos Capítulo 13 Pastas e Arquivos À medida que a tecnologia avança, os dispositivos móveis vão ganhando cada vez mais funções e características que antes só pertenciam aos computadores pessoais. Com a expansão

Leia mais

INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO

INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO INFORMAÇÕES SISTEMAS DE CAPTURAS DE VÍDEO MODALIDADES : US, ECO, ENDO E COLO. CAPTURA DE IMAGENS. Criamos uma linha de produtos denominado PROCapVG para a utilização em serviços de captura de imagens analógicas

Leia mais

Professor: Venicio Paulo Mourão Saldanha E-mail: veniciopaulo@gmail.com Site: www.veniciopaulo.com

Professor: Venicio Paulo Mourão Saldanha E-mail: veniciopaulo@gmail.com Site: www.veniciopaulo.com Professor: Venicio Paulo Mourão Saldanha E-mail: veniciopaulo@gmail.com Site: www.veniciopaulo.com Formação: Graduando em Analises e Desenvolvimento de Sistemas (8º Período) Pregoeiro / Bolsa de Valores

Leia mais

Oficina de Manipulação e Edição de Fotografia e Imagem Digital GIMP

Oficina de Manipulação e Edição de Fotografia e Imagem Digital GIMP Oficina de Manipulação e Edição de Fotografia e Imagem Digital GIMP O que é o GIMP É um programa de criação e edição de imagens. Foi criado como uma alternativa livre ao Photoshop, ou seja, é um software

Leia mais

Guia de utilização da notação BPMN

Guia de utilização da notação BPMN 1 Guia de utilização da notação BPMN Agosto 2011 2 Sumário de Informações do Documento Documento: Guia_de_utilização_da_notação_BPMN.odt Número de páginas: 31 Versão Data Mudanças Autor 1.0 15/09/11 Criação

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 12

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 12 ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES MÓDULO 12 Índice 1. Circuitos Digitais...3 1.1. Sistemas de Numeração... 3 1.2. Tema de Números-Base... 4 2 1. CIRCUITOS DIGITAIS 1.1. SISTEMAS DE NUMERAÇÃO O que quer dizer

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO 3 TELA DE APRESENTAÇÃO 3 DESENHANDO E TRANSFORMANDO 29 FERRAMENTA FORMA 29 PREENCHIMENTOS E CONTORNOS 36

Sumário INTRODUÇÃO 3 TELA DE APRESENTAÇÃO 3 DESENHANDO E TRANSFORMANDO 29 FERRAMENTA FORMA 29 PREENCHIMENTOS E CONTORNOS 36 Sumário Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 5.988 de 14/12/73. Nenhuma parte deste livro, sem prévia autorização por escrito de Celta Informática, poderá ser reproduzida total ou parcialmente,

Leia mais

SISTEMA. Comunicação Personalizada

SISTEMA. Comunicação Personalizada SISTEMA Comunicação Personalizada Censuk Tecnologia da Informação Ltda Rua Ibituruna, 171 - Ipiranga 35502-040 Divinópolis MG (37) 3216-2599 - pesquisas@censuk.com.br Tecnologia de ponta para a comunicação

Leia mais

MODELIX SYSTEM SOFTWARE DE PROGRAMAÇÃO DE ROBÔS

MODELIX SYSTEM SOFTWARE DE PROGRAMAÇÃO DE ROBÔS MODELIX SYSTEM SOFTWARE DE PROGRAMAÇÃO DE ROBÔS A Modelix Robotics é pioneira dentre as empresas nacionais no segmento de robótica educacional (uso acadêmico e educação tecnológica) e robótica para usuário

Leia mais

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 1 Sumário 1. Instalando a Chave de Proteção 3 2. Novas características da versão 1.3.8 3 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 4. Executando o PhotoFacil Álbum 9 3.1. Verificação da Chave 9 3.1.1. Erro 0001-7

Leia mais

COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE

COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE www.agenciaatos.com.br COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE APLICAÇÃO DA CONSULTORIA EM VENDAS ONLINE É assim que os resultados são gerados. No entanto, é

Leia mais

Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá. LibreOffice Impress Editor de Apresentação

Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá. LibreOffice Impress Editor de Apresentação Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá LibreOffice Impress Editor de Apresentação Iniciando o Impress no Linux Educacional 4 1. Clique no botão 'LE' no

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação Objetivo da Aula Tecnologia e as Organizações, importância dos sistemas de informação e níveis de atuação dos sistemas de informação Organizações & Tecnologia TECNOLOGIA A razão e a capacidade do homem

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 01 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN CAPÍTULO 01 Páginas 03 à 25 1 A mistura de tecnologias da Internet e preocupações empresariais

Leia mais

Backsite Serviços On-line

Backsite Serviços On-line Apresentação Quem Somos O Backsite Com mais de 15 anos de mercado, o Backsite Serviços On-line vem desenvolvendo soluções inteligentes que acompanham o avanço das tecnologias e do mundo. Com o passar do

Leia mais

ESCOLA Pe JOÃO UMBERTO SACHET LUCIANA BATISTA DE OLIVEIRA CATARINO

ESCOLA Pe JOÃO UMBERTO SACHET LUCIANA BATISTA DE OLIVEIRA CATARINO ESCOLA Pe JOÃO UMBERTO SACHET LUCIANA BATISTA DE OLIVEIRA CATARINO APLICATIVOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM COLABORATIVOS COMO FERRAMENTA TECNOLÓGICA PARA FORMAÇÃO DO QUADRO DOCENTE E ADMINISTRATIVO DA

Leia mais

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3)

APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3) Prof. Breno Leonardo G. de M. Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br APLICATIVOS GRÁFICOS (AULA 3) Introdução A possibilidade de utilizarmos imagens, gráficos, desenhos e textos artísticos

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE

QUALIDADE DE SOFTWARE DOCENTE PROFESSOR CELSO CANDIDO QUALIDADE DE SOFTWARE Formação: o Bacharel em Sistemas de Informações (SI); o MBA em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). Conhecimentos: o Web Designer; o Arquitetura

Leia mais

A Evolução Gráfica nos Jogos de Computador

A Evolução Gráfica nos Jogos de Computador A Evolução Gráfica nos Jogos de Computador Henrique Costa Nos últimos trinta anos, assistimos uma evolução tecnológica que permitiu aos jogos de computador passarem de uma simples modulação de sinal de

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO Utilitário ConfigXpress no CA IdentityMinder a minha solução de gerenciamento de identidades pode se adaptar rapidamente aos requisitos e processos de negócio em constante mudança? agility

Leia mais

Resolução da lista de exercícios de casos de uso

Resolução da lista de exercícios de casos de uso Resolução da lista de exercícios de casos de uso 1. Explique quando são criados e utilizados os diagramas de casos de uso no processo de desenvolvimento incremental e iterativo. Na fase de concepção se

Leia mais

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice Manual Neo Fatura 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Configurando o software para importar dados de clientes... 3 3. Importando o cadastro de clientes... 4 4. Cadastro de Bancos... 5 5. Cadastro de Conta Correntes...

Leia mais

GNU Image Manipulation Program, mais conhecido pelo acrônimo GIMP.

GNU Image Manipulation Program, mais conhecido pelo acrônimo GIMP. 3 Ferramentas de Autoria em Multimídia Autoria multimídia é a criação de produções multimídia tais como filmes e apresentações. Estas produções buscam interação com o usuário (aplicações interativas).

Leia mais

Introdução à Informática. Maria José

Introdução à Informática. Maria José Introdução à Informática Maria José 1 Sistemas Operacionais - SO È o principal software para o funcionamento do computador, pois é através dele que o usuário efetua as tarefas; Um SO faz com que o computador

Leia mais

Gestão de Instrumentos Financeiros Porque Educação Executiva Insper Sobre o Instituto Educacional BM&FBOVESPA

Gestão de Instrumentos Financeiros Porque Educação Executiva Insper Sobre o Instituto Educacional BM&FBOVESPA 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Como fazer um jogo usando o editor de apresentação

Como fazer um jogo usando o editor de apresentação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sergipe IFS Campus Glória Curso Integrado em Agropecuária Professora: Jamille Silva Madureira Disciplina: Informática Como fazer um jogo usando o editor

Leia mais

Reeditando os conceitos

Reeditando os conceitos Reeditando os conceitos Como uma impressora de cartões pode ter um preço tão acessível? Ou ser tão inteligente? A nova impressora de cartões SP35 da Datacard está mudando todos os conceitos, abrindo um

Leia mais

Certificado Digital A1. Cópia de segurança (exportação e importação)

Certificado Digital A1. Cópia de segurança (exportação e importação) A1 Cópia de segurança (exportação e importação) Todos os direitos reservados. Imprensa Oficial do Estado S.A. 2010 Pré Requisitos para a instalação Dispositivos de Certificação Digital Para que o processo

Leia mais

Leitora Perto Smart. Guia de Instalação. Leitora Perto Smart Guia de Instalação. Janeiro/2010. Instalação da leitora Perto Smart.

Leitora Perto Smart. Guia de Instalação. Leitora Perto Smart Guia de Instalação. Janeiro/2010. Instalação da leitora Perto Smart. Leitora Perto Smart Guia de Instalação Página 1 de 14 Pré Requisitos para a instalação Dispositivos de Certificação Digital (Leitora Perto) Para que o processo de instalação tenha sucesso, é necessário

Leia mais

Windows Live Movie Maker

Windows Live Movie Maker Tutorial Windows Live Movie Maker Editando um vídeo e Publicando no Youtube! Como editar vídeos e publicá-los no YouTube Com o Movie Maker que veio no novo pacote Live da Microsoft é fácil fazer vídeos

Leia mais

Algumas dúvidas freqüentes com relação à suíte OpenOffice.

Algumas dúvidas freqüentes com relação à suíte OpenOffice. Prezados alunos: Algumas dúvidas freqüentes com relação à suíte OpenOffice. 1. Afinal, o que muda nesta nova versão? 2. Preciso, como aluno, ficar preocupado em obtê-la? 3. Qual versão será cobrada nas

Leia mais

Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: Arquitetura de Software Aula 03

Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: Arquitetura de Software Aula 03 Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: Arquitetura de Software Aula 03 Agenda 1. Arquitetura de Software 1.1.Introdução 1.2.Vantagens da Arquitetura de Software

Leia mais

OTIMIZAÇÃO DO PROCESSO DE ROTULAGEM NA NUTRIÇÃO ANIMAL

OTIMIZAÇÃO DO PROCESSO DE ROTULAGEM NA NUTRIÇÃO ANIMAL OTIMIZAÇÃO DO PROCESSO DE ROTULAGEM NA NUTRIÇÃO ANIMAL Adriana Franciele Moreira - 040.174.499-05 Alexandre Vidal da Costa - 023.768.729-10 Fábio Locatelli - 059.798.029-24 Matias Simon - 055.367.269-00

Leia mais

SERVIDORES REDES E SR1

SERVIDORES REDES E SR1 SERVIDORES REDES E SR1 Rio de Janeiro - RJ HARDWARE Você pode instalar um sistema operacional para servidores em qualquer computador, ao menos na teoria tudo irá funcionar sem grandes dificuldades. Só

Leia mais

Introdução a Banco de Dados Aula 03. Prof. Silvestri www.eduardosilvestri.com.br

Introdução a Banco de Dados Aula 03. Prof. Silvestri www.eduardosilvestri.com.br Introdução a Banco de Dados Aula 03 Prof. Silvestri www.eduardosilvestri.com.br Arquiteturas de Banco de Dados Arquiteturas de BD - Introdução Atualmente, devem-se considerar alguns aspectos relevantes

Leia mais

Unidade 8: Padrão MVC e DAO Prof. Daniel Caetano

Unidade 8: Padrão MVC e DAO Prof. Daniel Caetano Programação Servidor para Sistemas Web 1 Unidade 8: Padrão MVC e DAO Prof. Daniel Caetano Objetivo: Apresentar a teoria por trás dos padrões na construção de aplicações Web. INTRODUÇÃO Nas aulas anteriores

Leia mais

MANUAL DO PIM Programa de Integração com o Mercado

MANUAL DO PIM Programa de Integração com o Mercado MANUAL DO PIM Programa de Integração com o Mercado Curitiba 2015 Manual do PIM Regras Gerais 2 S U M Á R I O 1. O QUE É O PIM... 3 2. OBJETIVOS DO TRABALHO DE APLICAÇÃO TECNOLÓGICA... 3 3. CARACTERÍSTICAS

Leia mais

EDITORES DE TEXTO CAPÍTULO 5. Definição

EDITORES DE TEXTO CAPÍTULO 5. Definição CAPÍTULO 5 EDITORES DE TEXTO Definição É um programa destinado a editar texto usando o computador. Sua função básica é armazenar caracteres numa estrutura de linhas e colunas, permitindo a edição do conteúdo

Leia mais

Auditando e criando relatório de análise de vulnerabilidades com Nessus

Auditando e criando relatório de análise de vulnerabilidades com Nessus Auditando e criando relatório de análise de vulnerabilidades com Nessus Ciência Hacker 8 de novembro de 2015 Deixe um comentário Nessus é uma das ferramentas mais recomendadas para fazer análise de vulnerabilidade,

Leia mais

Perguntas. Que todo usuário deveria fazer antes de comprar um software CAD de baixo custo. Por Robert Green, proprietário da Robert Green Consulting

Perguntas. Que todo usuário deveria fazer antes de comprar um software CAD de baixo custo. Por Robert Green, proprietário da Robert Green Consulting Perguntas Que todo usuário deveria fazer antes de comprar um software CAD de baixo custo Por Robert Green, proprietário da Robert Green Consulting 5 perguntas que todo usuário deveria fazer antes de comprar

Leia mais

Gerenciamento do ciclo de vida de um documento Simone de Abreu

Gerenciamento do ciclo de vida de um documento Simone de Abreu Gerenciamento do ciclo de vida de um documento Simone de Abreu É o gerenciamento do ciclo de vida de todos os registros, em todos os tipos de mídia, desde a criação até a destruição ou arquivo permanente.

Leia mais

SISTEMAS DISTRIBUIDOS. Prof. Marcelo de Sá Barbosa

SISTEMAS DISTRIBUIDOS. Prof. Marcelo de Sá Barbosa Prof. Marcelo de Sá Barbosa CLUSTER: Um cluster é um conjunto de computadores independentes conectados por rede que formam um sistema único através do uso de software. Um cluster, ou aglomerado de computadores,

Leia mais

ÍNDICE. Tela de Configuração...03. Dados de Etiqueta...04. Configuração da Impressora...05. Configuração do Papel...06. Itens para Inserção...

ÍNDICE. Tela de Configuração...03. Dados de Etiqueta...04. Configuração da Impressora...05. Configuração do Papel...06. Itens para Inserção... Layout de Etiquetas ÍNDICE Tela de Configuração...03 Dados de Etiqueta...04 Configuração da Impressora...05 Configuração do Papel...06 Itens para Inserção...07 Recursos...08 Configurações dos Itens Selecionados...09

Leia mais

Top Guia In.Fra: Perguntas para fazer ao seu fornecedor de CFTV

Top Guia In.Fra: Perguntas para fazer ao seu fornecedor de CFTV Top Guia In.Fra: Perguntas para fazer ao seu fornecedor de CFTV 1ª Edição (v1.4) 1 Um projeto de segurança bem feito Até pouco tempo atrás o mercado de CFTV era dividido entre fabricantes de alto custo

Leia mais

Configurando o Controle dos Pais no Windows Vista

Configurando o Controle dos Pais no Windows Vista Autor: Bruno Leonardo MCP, MCDST, MCSA http://brunoleonardoleal.spaces.live.com 24/06/2007 Configurando o Controle dos Pais no Windows Vista Página 1 de 16 O Controle dos Pais está disponível nas versões

Leia mais

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas ESCOLA PROFISSIONAL VASCONCELLOS LEBRE Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas MEMÓRIA DDR2 José Vitor Nogueira Santos FT2-0749 Mealhada, 2009 Introdução Como o próprio nome indica, a memória

Leia mais

COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO

COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO No Modelo de Plano de Negócio, disponível no seu ambiente do Concurso você terá um passo a passo para elaborar o seu Plano, bem como todo o conteúdo necessário

Leia mais

Fórum de Software Livre. Capacitação em Software Livre 2014 Nelson Luiz Cesário UNESP/FCAV Jaboticabal/SP

Fórum de Software Livre. Capacitação em Software Livre 2014 Nelson Luiz Cesário UNESP/FCAV Jaboticabal/SP Fórum de Software Livre Capacitação em Software Livre 2014 Nelson Luiz Cesário UNESP/FCAV Jaboticabal/SP Objetivos Capacitar o servidor a realizar operações básicas e intermediárias de edição de documentos

Leia mais

www.snowx.com.br The Ultimate Design

www.snowx.com.br The Ultimate Design www.snowx.com.br +55-13 - 3473.3792 / ID 117*11741 Rua Mococa - nº 379 - Sala 2 - Boqueirão Praia Grande - SP - CEP 11701-100 Só atendemos com hora marcada. 09:00 às 12:00 / 13:30 às 17:00 Segunda a Sexta-Feira

Leia mais

Ambiente de Simulação Virtual para Capacitação e Treinamento na Manutenção de. Disjuntores de Subestações de Energia Elétrica,

Ambiente de Simulação Virtual para Capacitação e Treinamento na Manutenção de. Disjuntores de Subestações de Energia Elétrica, Ambiente de Simulação Virtual para Capacitação e Treinamento na Manutenção de Disjuntores de Subestações de Energia Elétrica Prof. Dr. Lineu Belico dos Reis EPUSP Resumo: O informe técnico apresenta a

Leia mais

8 DE NOVEMBRO DE 2015

8 DE NOVEMBRO DE 2015 Auditando e criando relatório de análise de vulnerabilidades com Nessus 8 DE NOVEMBRO DE 2015 Nessus é uma das ferramentas mais recomendadas para fazer análise de vulnerabilidade, devido apresentar uma

Leia mais

Tamanho da arte. Margens. O que é Sangra? Caixa de informações

Tamanho da arte. Margens. O que é Sangra? Caixa de informações Tamanho da arte O site disponibiliza para download os Arquivos padrão, que são arquivos modelo para auxiliar a confecção do seu material. Eles possuem margens predefinidas e tamanho adequado ao tipo de

Leia mais

Este tutorial tem como objetivo demonstrar de maneira simples e clara todas as opções e ferramentas que estão disponíveis no Galax Lite.

Este tutorial tem como objetivo demonstrar de maneira simples e clara todas as opções e ferramentas que estão disponíveis no Galax Lite. Tutorial Galax Lite Este tutorial tem como objetivo demonstrar de maneira simples e clara todas as opções e ferramentas que estão disponíveis no Galax Lite. 1 Passo O login O código O código que será inserido

Leia mais

Controlando o trabalho impresso 1

Controlando o trabalho impresso 1 Controlando o trabalho impresso 1 O seu driver da impressora fornece a melhor qualidade de saída para vários tipos de necessidades de impressão. No entanto, você pode desejar ter mais controle sobre a

Leia mais

Conceitos Básicos de Rede. Um manual para empresas com até 75 computadores

Conceitos Básicos de Rede. Um manual para empresas com até 75 computadores Conceitos Básicos de Rede Um manual para empresas com até 75 computadores 1 Conceitos Básicos de Rede Conceitos Básicos de Rede... 1 A Função de Uma Rede... 1 Introdução às Redes... 2 Mais Conceitos Básicos

Leia mais

Tipos de cores. Entendendo as cores. Imprimindo. Usando cores. Manuseio de papel. Manutenção. Solucionando problemas. Administração.

Tipos de cores. Entendendo as cores. Imprimindo. Usando cores. Manuseio de papel. Manutenção. Solucionando problemas. Administração. Sua impressora permite que você se comunique em cores. As cores chamam a atenção, indicam respeito e agregam valor ao material ou às informações impressas. O uso de cor aumenta o público leitor e faz com

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL Aula 05: Editores de Imagem Paint / GIMP

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL Aula 05: Editores de Imagem Paint / GIMP PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL Aula 05: Editores de Imagem Paint / GIMP Desenho e Edição de Imagem Paint O Paint é um software utilizado para a criação de desenhos simples

Leia mais

HD, SSD ou disco híbrido, qual o melhor para sua empresa?

HD, SSD ou disco híbrido, qual o melhor para sua empresa? HD, SSD ou disco híbrido, qual o melhor para sua empresa? No passado, escolher a melhor opção em armazenamento para o seu PC era tão simples quanto encontrar o maior HD que coubesse em seu orçamento. Infelizmente

Leia mais

Treinamento - Union Web

Treinamento - Union Web Inserindo formulário de acesso ao sistema no seu site: Para que seus condôminos tenham acesso ao sistema será necessária a inserção do formulário de entrada no seu site, veja com o programador do seu site

Leia mais

especial CAPACITAÇÃO educação à distância

especial CAPACITAÇÃO educação à distância João Luiz Novelli, da SATC. Educação à distância exige muita responsabilidade e autodisciplina para dar bons resultados. 88 conteúdos, auxílio de professores e discussões com os demais participantes do

Leia mais

Gerenciamento de Mensagens e Tarefas / NT Editora. -- Brasília: 2013. 80p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm.

Gerenciamento de Mensagens e Tarefas / NT Editora. -- Brasília: 2013. 80p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm. Autor Silvone Assis Mestre e Engenheiro Elétricista pela UnB, MBA em Gestão de Empresas pela FGV, Especialista em Sistemas Multimídia para Ensino e Treinamento pela IBM/TTI. Foi professor dos Departamentos

Leia mais

O USO DE SOFTWARES PARA O TRATAMENTO DE IMAGENS: APLICAÇÕES NA PROPAGANDA IMPRESSA

O USO DE SOFTWARES PARA O TRATAMENTO DE IMAGENS: APLICAÇÕES NA PROPAGANDA IMPRESSA O USO DE SOFTWARES PARA O TRATAMENTO DE IMAGENS: APLICAÇÕES NA PROPAGANDA IMPRESSA Orientação: Prof. Ms. Sílvio Carvalho Neto Acadêmicos: Lívia Rocha Portugal, Ana Paula de Almeida, Roberta Guidoni Moreira

Leia mais

4 Experimentos Computacionais

4 Experimentos Computacionais 33 4 Experimentos Computacionais O programa desenvolvido neste trabalho foi todo implementado na linguagem de programação C/C++. Dentre as bibliotecas utilizadas, destacamos: o OpenCV [23], para processamento

Leia mais

O ENSINO DE CÁLCULO NUMÉRICO: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

O ENSINO DE CÁLCULO NUMÉRICO: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO O ENSINO DE CÁLCULO NUMÉRICO: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Prof. Leugim Corteze Romio Universidade Regional Integrada URI Campus Santiago-RS leugimcr@urisantiago.br Prof.

Leia mais

UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA

UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA UM CAMINHO SIMPLES PARA UMA NUVEM PRIVADA Julho de 2015 Com nuvens privadas de fácil uso concebidas para executar aplicativos corporativos essenciais para os negócios, as principais organizações se beneficiam

Leia mais

Disponível nova versão do SPED Contábil contemplando todas as alterações disponibilizadas pela Receita Federal para o ano de 2015:

Disponível nova versão do SPED Contábil contemplando todas as alterações disponibilizadas pela Receita Federal para o ano de 2015: * Inovações: 1. SPED Contábil 2015 (Pct. 3811). Disponível nova versão do SPED Contábil contemplando todas as alterações disponibilizadas pela Receita Federal para o ano de 2015: Importação dos planos

Leia mais

Entenda a tributação dos fundos de previdência privada O Pequeno Investidor 04/11/2013

Entenda a tributação dos fundos de previdência privada O Pequeno Investidor 04/11/2013 Entenda a tributação dos fundos de previdência privada O Pequeno Investidor 04/11/2013 Antes de decidir aplicar seu dinheiro em fundos de previdência privada, é preciso entender que é uma aplicação que

Leia mais

Informática Básica. Conceitos de Linux

Informática Básica. Conceitos de Linux Informática Básica Conceitos de Linux Introdução Um Sistema Operacional é um programa que tem por função controlar os recursos do computador e servir de interface entre ele e o usuário. Um sistema operacional,

Leia mais

7 Introdução ao uso do LibreOffice Impress

7 Introdução ao uso do LibreOffice Impress Introdução a Informática - 1º semestre AULA 04 Prof. André Moraes Objetivos desta aula: Criar apresentações básicas com uso do LibreOffice Impress; o Manipular a estrutura de tópicos para a digitação de

Leia mais

Agenda Semântica. Grupo: Francisco Rodrigues Júnior Guilherme Daher Ferreira Luana Vieira Morellato Renan Rigo

Agenda Semântica. Grupo: Francisco Rodrigues Júnior Guilherme Daher Ferreira Luana Vieira Morellato Renan Rigo Universidade Federal do Espírito Santo Inteligência Artificial Agenda Semântica Grupo: Francisco Rodrigues Júnior Guilherme Daher Ferreira Luana Vieira Morellato Renan Rigo Vitória 2007/02 Agenda Semântica

Leia mais

Para a utilização do WordPress são recomendadas as seguintes configurações:

Para a utilização do WordPress são recomendadas as seguintes configurações: Desenvolvimento de Site Rápido DSR Plataforma Wordpress O WordPress é uma plataforma semântica de vanguarda para publicação pessoal, com foco na estética, nos Padrões Web e na usabilidade. Ao mesmo tempo

Leia mais

Manual de uso do SACI

Manual de uso do SACI Manual de uso do SACI Manual de uso do SACI Índice 1. Introdução... 1 O que é o SACI?... 1 Como funciona a interface de usuários do SACI?... 1 Para quê serve a opção Pauta?... 4 2. Tarefas no SACI... 5

Leia mais